Page 6

6

O REGIONAL - Sexta-feira, 11 de Abril de 2014 redacao@oregionalpr.com.br

Politicando Amsulep

Aconteceu ontem em Piên a reunião da Associação dos Municípios da Região Suleste do Paraná – Amsulep. Na oportunidade foi eleita a nova diretoria da entidade. O prefeito de Piên, Gilberto Dranka (PSD), passou a presidência da associação para o prefeito de Rio Negro, Milton Paizani (PSDB).

Rio Negro

A instalação de uma nova indústria em Rio Negro foi bastante comemorada pelo prefeito Milton Paizani (PSDB) e equipe. Com a presença do governador Beto Richa (PSDB), um encontro foi realizado na sede do governo estadual para anunciar a Luvas Yeling e seus 12 milhões de investimentos. Nos últimos anos, os municípios da região batalham pela atração de novos investimentos, buscando fomentar o emprego e renda. Curiosamente, Rio Negro que sempre esteve na vanguarda da vizinha Mafra (SC), acabou perdendo o posto de protagonista nas duas últimas décadas.

Piên

A equipe do prefeito de Piên, Gilberto Dranka (PSD), ainda não definiu um nome que possa liderar a campanha estadual na cidade e consequentemente ser uma opção para a eleição municipal em 2016. Até o momento não existe um nome de consenso e deve-se levar em consideração que o fator rejeição terá bastante peso numa eventual manutenção do grupo. A oposição enfrenta desafio parecido.

Agudos do Sul I

A principal obra na região nos últimos anos está próxima de ser concluída. Trata-se do novo contorno rodoviário da cidade, que totaliza investimento de 1,7 milhão de reais e possui 2 quilômetros ligando a PR 281 e PR 419. O novo contorno retira parte do tráfego pesado da região central da cidade e vai facilitar acesso a BR 376 com direção ao aeroporto Afonso Pena, ao Porto de Paranaguá e ao de Itapoá (SC), e todo litoral do Paraná e Santa Catarina.

Agudos do Sul II

A prefeitura de Agudos do Sul possui uma das menores receitas da região, no entanto, tem se destacado com a atração de investimentos estaduais e federais nos últimos anos. Outro fator interessante na cidade é o crescimento da construção civil. O principal desafio do poder público local é o atendimento ao setor rural, tanto na conservação das estradas como no apoio aos pequenos produtores da agricultura familiar.

Agudos do Sul III

No último sábado, durante reunião solene na câmara de vereadores de Agudos do Sul, foi entregue o título de cidadão honorário ao pastor Walsio Batista de Oliveira, da igreja Assembléia de Deus. A reunião foi bastante prestigiada e a homenagem foi repassada pelo presidente do legislativo, José Amilton Bizzotto (PSDB) e o prefeito Antonio da Luz (PP).

Mandirituba

Após uma demissão em massa dos secretários municipais promovida pelo prefeito de Mandirituba, Onildo Gelatti (sem partido), boa parte dos nomes já foram reconduzidos aos seus respectivos cargos, enquanto outros vão ocupar novas pastas. O anúncio das demissões foi uma forma de ajuste de ânimos e readequação do trabalho. Gelatti espera que a equipe possa reverter os constantes questionamentos sobre o atual governo do município.

Quitandinha

Em sinal de gratidão ao apoio que o município recebeu do governo Requião no passado recente, o prefeito Márcio Rato (PMDB) recebeu o ex-governador e o deputado estadual Anibelli Neto (PMDB) no final de semana. Um encontro com lideranças políticas da cidade serviu como lançamento da pré-candidatura de Roberto Requião ao governo estadual. No PMDB do Paraná, boa parte defende apoio a reeleição de Beto Richa (PSDB).

Tijucas do Sul

A aprovação de um projeto de lei instituindo de utilidade pública uma entidade do município de Tijucas do Sul demonstrou mais uma vez a forma democrática de votação no poder legislativo. Embora o projeto tenha sido aprovado, três vereadores foram contrários e criticaram o resultado. Na região, a câmara de Tijucas tem se diferenciado pelos debates calorosos dos vereadores.

EVENTO REALIZADO NESTA semana em Mandirituba contou com a participação de várias autoridades

Promulgada lei que beneficia novas cidades com o ICMS Ecológico Cidades da região estão entre as beneficiadas com a nova legislação

Foi assinada pelos deputados Valdir Rossoni, presidente da Assembleia Legislativa, e Francisco Buhrer, na noite de quarta-feira, a lei complementar que inclui novos municípios na distribuição do ICMS Ecológico, que beneficia cidades que abrigam bacias hidrográficas e mananciais de abastecimento. A promulgação da lei aconteceu no Teatro Municipal de Mandirituba. As cidades beneficiadas poderão passar a receber os royalties já a

partir de 2015. Com a nova lei, a expectativa dos prefeitos é que sejam injetados R$ 15 milhões no orçamento desses municípios nos próximos dois anos. Praticamente todas as cidades da Região Metropolitana de Curitiba (RMC) serão beneficiadas; as que já recebiam terão incremento. Os principais municípios beneficiados integram a bacia do Rio da Várzea. A lista contempla cidades como Agudos do Sul, Contenda, Fazenda Rio

Grande, Lapa, Mandirituba, Quitandinha, Rio Negro e Tijucas do Sul. O projeto foi apresentado por Bührer há quatro anos, mas não teve sequência em sua tramitação, pois havia pressão de prefeitos que perderiam recursos com a inclusão de novos municípios. Rossoni falou da importância dessa lei, não só para melhorar a situação financeira dos municípios, mas para preservar o abastecimento de água em Curitiba e região metropolitana

para as gerações futuras. Participaram da solenidade os prefeitos Onildo Gelatti, de Mandirituba, Antonio da Luz, de Agudos do Sul, Altair Gringo, de Tijucas do Sul, Carlão Stabach, de Contenda, Marcio Wozniack, de Fazenda Rio Grande, e Luiz Carlos Setim, de São José dos Pinhais. Quitandinha estava representada pelo secretário de Agricultura, Zé Ribeiro. Outras lideranças e um bom público estiveram no Teatro Municipal de Mandirituba.

Ed. 918 O Regional  

O Jornal O Regional é um semanário que circula na Região AMSULEP do PR com as principais notícias da semana.

Ed. 918 O Regional  

O Jornal O Regional é um semanário que circula na Região AMSULEP do PR com as principais notícias da semana.

Advertisement