Page 1


02 | O PRESENTE

EDITORIAL

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

Sem avanço geral A tão sonhada reforma política vai mesções aprovadas mais atendem aos interesses dos mo ficar para trás. Como consolo, foi apropoliticos do que aos interesses da sociedade. vada uma minirreforma eleitoral. A votaCom a proposta avalizada na Câmara, nada ção foi concluída na terça-feira (22) e agora de tão significativo acontecerá. Os parlamentao projeto volta ao Senado, antes de ir à res decidiram proibir que a propaganda eleitosanção presidencial, uma vez que sofreu ral seja veiculada por meio de faixas, placas, modificações pelos deputados. cartazes ou bandeiras em bens particulares. Em Foi uma queda de braço dura, protagonizada locais públicos, como postes de iluminação e pelas maiores siglas da Câmara: PT e PMDB. viadutos, também foi vetada qualquer propaOs peemedebistas lutavam, desde o começo, ganda eleitoral. pela aprovação da proposta alegando que ela vai A exceção fica por conta da distribuição de reduzir o custo das campanhas. Já os petistas folhetos e adesivos, que, pelo texto, são permitinão tinham a menor vontade de aprovar a mini, dos desde que tenham dimensão máxima de 50 eles queriam uma macrorpor 40 centímetros. reforma, mudanças mais amTambém ficou limitado a Vamos perdendo a chance plas, pois entendem que o dois o número máximo de fisde avançar no campo político. projeto bancado pelo PMDB cais por partido/coligação em A minirreforma é como o beneficia quem já está no próprio nome diz: mini. Pequenas cada seção eleitoral, para o mudanças foram aprovadas, poder e impede a eleição de acompanhamento dos trabaenquanto que, na verdade, parlamentares novatos. Enlhos de votação. Os deputados precisaríamos de grandes tretanto, depois de bate-boca mantiveram, ainda, um tremudanças para que de fato daqui e dali, pressão por todo cho do texto que proíbe a dihouvesse melhorias notáveis o lado e o toma lá dá cá predovulgação de mensagens que no processo eleitoral e político. Sem falar que as alterações minante no Congresso, eis possam “ridicularizar” almais atendem aos interesses que a aprovação aconteceu. gum candidato durante o hodos politicos do que aos Porém, há também outro rário eleitoral gratuito. interesses da sociedade ponto de discordância entre O Plenário da Câmara tamas duas legendas. Enquanto bém vetou a utilização de boos peemedebistas querem que as modificações necos em vias públicas para a propaganda eleitoaprovadas passem a valer já para o pleito de ral, mas liberou a utilização das bandeiras. 2014, o povo do PT rejeita a ideia. Enfim, o que precisaria mesmo mudar, nem Sem dúvida, vamos perdendo a chance de entrou em pauta, infelizmente. Questões como avançar no campo político. A minirreforma é reeleição, financiamento de campanha, coligacomo o próprio nome diz: mini. Pequenas muções partidárias, unificação de eleições, entre danças foram aprovadas, enquanto que, na veroutros aspectos, é que deveriam ser seriamente dade, precisaríamos de grandes mudanças para discutidos pelos deputados e senadores. Ninque de fato houvesse melhorias notáveis no proguém aguenta mais que tais projetos permanecesso eleitoral e político. Sem falar que as alteraçam engavetados no Congresso.

BETO LUTA POR APOIO Segue tão acelerada a campanha eleitoral de 2013 que seu caminho deverá sofrer atalhos e desvios até o momento mais oportuno de alianças, entendimentos e, claro, conchavos mil. Tudo dentro dos conformes, nada ficando a dever quanto a outras eleições. Talvez mais acelerados os episódios. O governador Beto Richa está consagrado como candidato do PSDB. Nada de surpresa, claro. Até porque Beto no fundo é candidato a governador desde sua primeira eleição para prefeito de Curitiba. Ele sabe até onde chegar, ou poderá chegar. Está no seu direito. E se depender de trabalho eleitoral, sua juventude tem ajudado, pois a agenda é longa e permanente. Surge, entretanto, um problema: os tucanos federais estão vetando sua participação em dois palanques. Pode vir o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, Marina Silva também, e se isso ocorrer, se Beto posar com eles, sobremodo no alto de um palanque, vem coisa de Brasília. Não adianta os tucanos dizerem que os socialistas do Paraná sempre estiverem com eles. E está aí para não deixar ninguém mentir o presidente estadual da legenda, Severino Araújo, que, embora não tenha votos, tem o comando e, com isso, a influência nas diferentes alas do PSB, se é que os socialistas têm alas. Devem ter, pois o partido é brasileiro e, como tal, faz fila com os demais. Bom para Beto Richa a aliança “programática” de Campos e Marina? Possivelmente. Campos, por si e por seu falecido e prestigiado avô Miguel Arraes. Marina pelo prestígio perante as gentes do Paraná que vieram do Norte e Nordeste para esta terra de “todas as gentes”, como destacava um antecessor de Beto, Munhoz da Rocha. A pressa que o colunista destaca por certo não chegará a precipitar passos falsos. Há que se ter certeza do caminhar. Aceitar e até pedir o apoio do PSB é correto. Cuidado, isto sim, é receber a adesão de partido que não sabemos sequer a sigla e que talvez até com um pouco de maldade carimbamos como legendas de aluguel. A carapuça vai servir para quem achar ruim. Mas é uma verdade verdadeira. Todos sabemos, não fazemos nada, nem clamamos por uma reforma que venha clarear o teatro político desta e de outras terras brasileiras. E Beto tem ainda um problema: Serra. José Serra já mandou dizer aos seus pares nacionais tucanos que está pronto para tudo, à disposição do PSDB e seguindo sua orientação. Na verdade, ele quer é que os números de pesquisas doravante mostrem um Aécio Neves mais fraco que ele. Não que não o respeite, não que não goste dele, afinal foi neto de Tancredo, figura admirável e respeitada por todos, amigos e adversários. Mas Serra pensa nele, o que não lhe dá originalidade diante dos líderes políticos. Alguns até, sejamos justos, pensam no país, depois, é claro, ou paralelamente, se isto é possível, em nossa política e com os nossos homens e, agora, nossas mulheres que participam ativamente da mesma arte. Claro, os problemas de Beto não estão fechados ao PSDB. Ah, como seria bom. Mas ele tem a concorrência da chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, que merece um capítulo à parte. E que poderá vir de braços dados com a presidente Dilma Rousseff, se é que isso tem importância eleitoral. E, sobremodo, o ex-presidente Lula, com todo o seu carisma e charme, podendo colocar a sucessão paranaense nos trilhos, de preferência, nos do PT. Afinal, Dilma só completa os primeiros 12 anos do poder petista. Como qualquer outro partido, o PT continua pensando mais alto. * O autor é jornalista em Curitiba abcom@abcom.com.br


QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

O PRESENTE |

Beto Richa em São Miguel do Iguaçu

Pedido de atenção especial

Divulgação

Está confirmada para amanhã (25) a visita do governador Beto Richa ao município de São Miguel do Iguaçu. Ele deve chegar à cidade por volta das 15h30, quando será recepcionado pelo prefeito Claudio Dutra e demais lideranças. Em seguida, o governador se dirige ao Salão Paroquial da Igreja Matriz. Na ocasião, Beto Richa deve anunciar investimentos para o município, ainda não divulgados pela assessoria de imprensa do governo estadual. “A visita do governador vem reafirmar a parceria do Governo do Estado com a nossa administração, já que ele nos apoiou na campanha e sempre trabalhou por São Miguel. É uma honra para nós que ainda estamos no nosso primeiro ano de governo, e a gente sabe que governador nunca vem de mãos vazias”, enaltece o prefeito.

03

O presidente da Câmara de Palotina, vereador Eurico Fernandes Barbosa (PMDB), usou a tribuna na sessão de segunda-feira (21) para comentar a necessidade da administração municipal valorizar e se ater também às pequenas empresas do município. Sobre o assunto, Eurico pediu mais eficiência por parte do Poder Executivo. Neste sentido, ele cobrou com urgência a aquisição de uma área para que os pequenos empresários tenham um local adequado para se instalar. Conforme o vereador, grande parte dos pequenos empresários têm vontade de expandir os seus comércios, porém, não possuem a contrapartida do governo municipal. Com isso, afirmou, eles ficam prejudicados pelo fato de alguns comerciantes ocuparem sem necessidade espaços nas duas incubadoras industriais da cidade, deixando os pequenos empresários em locais não apropriados. Marcelo Nava

Presidente da Câmara de Vereadores de Palotina, Eurico Fernandes Barbosa: “A administração municipal também precisa se ater às pequenas empresas”

O governador Beto Richa cumpre agenda amanhã (25) à tarde em São Miguel do Iguaçu

Construção de novas escolas no Oeste O vice-governador e secretário da Educação, Flávio Arns, recebeu o deputado Elio Rusch em audiência para tratar dos investimentos do Governo do Estado para a região Oeste na área educacional. Durante a reunião, Arns confirmou que os processos para construção de 23 novas unidades de ensino devem ser finalizados nas próximas semanas e em breve haverá a abertura das licitações para o início das obras. Entre as novas unidades estão quatro escolas no Oeste, que já haviam sido solicitadas pelo deputado: em Marechal Cândido Rondon será construída uma nova sede para a Escola Estadual Monteiro Lobato; em Pato Bragado o Colégio Estadual Pato Bragado também ganhará nova sede; em Medianeira será construído o Colégio Estadual Tancredo Neves; e em Santa Terezinha do Itaipu será construída a Escola Estadual Arcangelo Nandi. Divulgação

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

Credenciamento do Hospital Municipal A expectativa é que seja celebrado nas próximas semanas, entre a Prefeitura de Marechal Cândido Rondon e o Governo do Estado, o protocolo de cooperação entre entes públicos visando o credenciamento do Hospital Municipal Dr. Cruzatti ao Sistema Único de Saúde (SUS). A partir de então, a unidade hospitalar poderá ampliar seus serviços e receber pacientes que precisam de atendimento de baixa e média complexidade. ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

Cobrando explicações O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Valdir Rossoni (PSDB), quer explicações do deputado Elton Welter (PT) após o petista ter afirmado que houve pressão para que votasse no então deputado Fábio Camargo ao cargo de conselheiro do Tribunal de Contas, em eleição realizada em julho. O tucano pediu que fossem apresentadas provas sobre o fato. “Fui questionado por vários parlamentares sobre o que foi dito pelo deputado Welter. Peço que ele encaminhe à Comissão Executiva as provas que tem para que seja instaurado um procedimento disciplinar”, afirmou ontem (23). Segundo Rossoni, as declarações do deputado são preocupantes e colocam os 54 deputados sob suspeita. “O que posso afirmar é que eu não sofri nenhuma pressão na votação”, garante.

Troca de favores O presidente da Assembleia reafirmou que não houve nenhuma relação entre a aprovação do projeto do Executivo que instituiria o Caixa Único com a eleição para conselheiro do Tribunal de Contas. “O deputado do PT alega isso, mas é o partido dele quem pratica muito esse tipo de troca de favores no governo federal e acham que todos agem da mesma forma. Aqui, agimos diferente”, dispara.

Comentário do dia Secretário estadual de Educação, Flávio Arns, com o deputado estadual Elio Rusch e o chefe de gabinete do parlamentar, Harto Viteck, durante

“Sem querer desanimar, dificilmente uma reforma tão complexa como a política será aprovada ainda nesta legislatura”. Opinião do presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson.


GERAL

04 | O PRESENTE

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

ESTADOS E MUNICÍPIOS

Deputados aprovam texto da renegociação de dívidas Com novo texto, índice de correção dos débitos passa a ser o IPCA mais 4% ao ano ou o limite máximo da taxa Selic Os deputados federais chegaram ontem (23) a um acordo em torno do texto que trata da renegociação das dívidas dos Estados e dos municípios e conseguiram aprovar o texto principal do projeto de lei complementar, apresentado pelo Executivo. O texto muda o índice de correção dos débitos dos Estados e municípios com a União. Pelo texto aprovado, o indexador passará a ser o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) mais 4% ao ano ou o limite máximo da taxa Selic. Atualmente, as dívidas são corrigidas pelo IGPDI somado a 6% a 9% ao ano. Outro ponto adotado no texto vai permitir que Estados recalculem as dívidas abatendo a diferença quando o indexador adotado em operações anteriores superou a Selic, que é referência máxima das operações. Parlamentares da base lembraram que o projeto diminui o acumulado de débitos, abrindo a possibilidade de aquecimento das economias

dos Estados e municípios. “É um princípio fundante da República tirar os Estados e municípios do sufoco, refinanciando suas dívidas. E a medida que renegociar, o Estado vai poder ter mais financiamento que vai impactar no PIB (Produto Interno Bruto), na geração de emprego, porque entram novos investimentos”, disse o líder do PT, deputado José Guimarães (CE).

CRÍTICA À PROPOSTA Guimarães disse ainda que a renegociação vai atingir um total superior a R$ 400 bilhões, considerando as dívidas dos Estados e municípios, e vai beneficiar principalmente as cidades de São Paulo, do Rio de Janeiro e de Salvador. Entre os Estados, os maiores beneficiados serão Rio Grande do Sul, São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. As vantagens para os governos foi o argumento do líder do DEM, deputado Ronaldo Caiado (GO), para tentar impedir o avanço da matéria. Des-

de terça-feira (22), quando o projeto começou a ser discutido, Caiado obstruiu as sessões defendendo a inclusão de dívidas de outros Estados que não foram abrangidos pelo projeto e alegando que a nova regra revoga a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e dá um tratamento diferenciado aos Estados e às cidades. “Se fosse município do interior da Bahia conseguiríamos revogar a LRF para atender à renegociação de uma dívida? Lógico que não. Isso só foi possível porque São Paulo quer sair de uma situação onde o indexador é o IGPD-I”, disse. Pelos cálculos apresentados por Caiado, entre as dívidas dos municípios, a Capital paulista responde por mais de 82% do valor total de R$ 66 bilhões. O líder do PPS, deputado Rubens Bueno (PR), avaliou que apesar de “não ser o ideal, (o projeto representa) uma reforma mínima. Não podemos postergar”, defendeu a proposta considerada, por ele, como “razoavelmente boa.”

Minirreforma limita propaganda eleitoral A Câmara dos Deputados aprovou, na noite de terça-feira (22), o projeto de lei da minirreforma eleitoral. Entre as principais mudanças está a limitação de propaganda em via pública e a proibição em bens privados. Segundo a atual legislação, é permitida a publicidade em bens particulares de até quatro metros quadra-

dos. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) irá decidir se as mudanças já valem para as eleições de 2014. A limitação de propaganda eleitoral em propriedades privadas, com a proibição de placas, bandeiras, cartazes, pinturas e inscrições nesses locais; e a proibição de bonecos em vias públicas causou polêmica entre os deputados.

Alguns parlamentares disseram que a limitação impede a liberdade dos eleitores de manifestar as suas preferências eleitorais, mas prevaleceu o argumento de que o gasto com aluguel de propriedades e placas para esse tipo de propaganda encarece as campanhas eleitorais e abre caminho para gastos não declarados.

Projeto prevê obrigatoriedade de cardápio em braile em bares e restaurantes Restaurantes, bares e lanchonetes serão obrigados a disponibilizar cardápios escritos em braile. É o que prevê um projeto de lei aprovado ontem (23) na Comissão de Direitos Humanos (CDH) do

Senado, em caráter terminativo. Por se tratar de matéria com origem na Câmara dos Deputados, com teor mantido pelo Senado, a proposta segue agora para sanção da presidenta Dilma Rousseff.

O descumprimento da regra implicará em multa de R$ 100. Além de estar sujeito à penalidade, o proprietário que reincidir na infração poderá ter duplicado o valor da multa aplicada na ocasião anterior.

Denúncia pesada O imprevisto aconteceu, embora sem comprovação. O deputado petista Elton Welter, líder da oposição, afirmou ter sido pressionado a votar em favor de Fábio Camargo, na eleição que conduziu este deputado ao cargo de conselheiro do Tribunal de Contas, numa das mais conturbadas eleições já realizadas na Casa de Leis, em torno do mesmo tema. Embora com a afirmação que não nomina de quem partiram as pressões por falta de provas, é um passo na direção da investigação que o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) promove para qualquer medida a ser tomada em relação ao tumultuado processo. Poucos acreditavam que os votos que elegeram Fábio Camargo, uma candidatura surgida no momento em que o governo promovia entendimentos com o Tribunal de Justiça no sentido de liberação dos “depósitos judiciais”. Welter deu ênfase a suas informações, resistindo sempre em apontar os nomes que tentaram aliciar seu voto, afinal mantido para o até então dado como favorito deputado Plauto Miró Guimarães. Vai sofrer agora pressão em sentido contrário, na medida em que se não apontar nomes, sua denúncia ficará sob a suspeita de apenas tentar com ela atingir o governo Beto Richa, supostamente interessado na eleição de Camargo. A fala do líder do governo, Ademar Traiano, é contundente: “Você tem que dar nome aos bois, tem que ser macho. Se não, só complica para a gente”, afirma. Como a eleição foi por voto secreto, ao declarar seu voto em Miró, Elton Welter obriga os demais deputados a se manifestar. Afinal, apesar da suposta pressão, foi um resultado apertado e que deixa muitos deputados que têm pendências no Poder Judiciário em dificuldade. Comprometedora foi a expressão de Elton: “(Houve) ameaça, influência externa dos poderes. Ameaça: a palavra fala por si. Todo mundo tem medo do Poder Judiciário”.

Inversão de valores O assunto fica ainda mais comprometedor com as afirmações finais do líder da oposição. Preocupante, membro de um poder como o Legislativo, afirmar que “todo mundo tem medo do Poder Judiciário”. Será a confirmação de que a Justiça no Paraná não está sendo bem exercida? Mais intimida do que faz justiça? Isso, num momento em que a opinião pública acompanha informações sobre mau uso de poder, por forças policiais encarregadas de preservar a paz em comunidades brasileiras.

Discussão válida A repercussão dos números divulgados pelo deputado Valdir Rossoni em relação à economia que o governo federal tem feito nesses 16 anos em que o pedágio foi implantado no Paraná, atingindo a nada desprezível soma de R$ 17 bilhões (entre economia com investimentos não feitos e impostos cobrados), coloca o palpitante assunto em discussão na Assembleia, via uma CPI, em outro patamar. É inaceitável que apenas a economia do Estado arque com os custos do pedágio nos quase dois mil quilômetros de rodovias que cabem ao governo federal no Paraná.

Porteira aberta Elton Welter pode ter “aberto a porteira”. Resta saber se outros que sofreram eventuais pressões terão a coragem, nesta altura cívica, de admitilas. O que pode ocorrer, na medida em que o principal gestor desses possíveis comportamentos desabonadores, se realmente existiram, não terá mais como exercer pressão, já que devidamente afastado. O que existe de certo é que o assunto ainda vai fazer muita água passar por debaixo da ponte.

Selos comemorativos Apontada como uma das mais marcantes presenças da colonização alemã no Paraná, iniciada há quase 190 anos por Rio Negro, a bonita cidade do Oeste paranaense Marechal Cândido Rondon foi escolhida pelos Correios para o lançamento, no interior, da coleção de selos alusiva ao congraçamento Brasil-Alemanha. Vai ocorrer na Associação Comercial e Empresarial (Acimacar), amanhã (25), às 09 horas.

Em choque Por iniciativa do deputado Ney Leprevost (PSD), a Assembleia Legislativa do Paraná poderá adotar uma nova sistemática para escolha de conselheiros do Tribunal de Contas. O parlamentar recolhe assinaturas para transformar em projeto essa iniciativa.


QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

GERAL

O PRESENTE |

05

CONTINUIDADE

Governo manterá modelo de concessão, garante Gleisi Ministro Moreira Franco havia declarado, no dia anterior, que esse modelo é um “sacrifício” para o país e dá prejuízos ao Tesouro Antonio Cruz/Agência Brasil

Dentro do Programa de Investimentos em Logística (PIL), iniciativa do governo para estimular o investimento privado em infraestrutura e diminuir o custo logístico no país, a concessão dos aeroportos do Brasil será mantida no modelo atual, com a participação de 49% nos consórcios da estatal Infraero. Foi o que afirmou a ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, durante audiência pública da Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI), realizada ontem (23). A imprensa citou declaração do ministro da Secretaria de Aviação Civil (SAC), Moreira Franco, no dia anterior, ao afirmar que esse modelo é um “sacrifício” para o país e dá prejuízos ao Tesouro, mas Gleisi defendeu sua continuidade. “Foi uma opção que nós fizemos para a sustentabilidade da Infraero, porque nem todos os aeroportos são passíveis de concessão, são sustentáveis. Nós precisamos ter uma empresa

para fazer a gestão dos demais aeroportos, e a Infraero é essa empresa”, declarou. Segundo disse a ministra, a participação da Infraero nos aeroportos concedidos é justamente para que se busque expertise e haja melhorias na capacidade de gestão da estatal ao conviver com grandes operadores. Assim, poderá transferir esse ganho para todo o sistema aeroportuário.

AEROPORTOS REGIONAIS Após questionamento de diversos senadores sobre quando será a vez dos pequenos aeroportos, Gleisi revelou que a SAC está terminando estudo para investimento nos 270 aeroportos regionais do país, que deverão receber melhorias por meio de obras públicas, já que não são atrativos para as concessões. A outorga dos grandes aeroportos já concedidos é direcionada a essas melhorias,

dade de delegação a Estados e municípios, com gestão feita por meio de parceria público privada (PPP). “Vamos ter vários aeroportos regionais com modelagem diferente de gestão, que pode ser diretamente pública, no caso da Infraero, mas ela ficará com poucos deles, ou delegação a Estados e municípios, de uma parceria administrativa com o setor privado”, afirmou.

Ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, durante audiência pública no Senado, ontem (23): “Vamos ter vários aeroportos regionais com modelagem diferente de gestão, que pode ser diretamente pública (...) ou delegação a Estados e municípios”

lembrou a ministra. “Somente a outorga fixa anual de Brasília, Viracopos e Guarulhos gerará em torno de R$ 1,1 bilhão para serem utilizados em investi-

INVESTIMENTOS EM LOGÍSTICA

mento no sistema”, disse. Além da opção de manter os pequenos e médios sob a administração da estatal, ela revelou que talvez haja a possibili-

Segundo revelou a ministra, o Programa de Investimentos em Logística, lançado em setembro deste ano, pretende atrair capital privado, até mesmo de estrangeiros, de R$ 240 bilhões para a construção de estradas (R$ 52 bilhões), ferrovias (R$ 99 bilhões), portos (R$ 54 bilhões) e aeroportos (R$ 8,7 bilhões).


GERAL

06 | O PRESENTE

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

DECISÃO DO STF

Caso Raposa Serra do Sol não vale para outros processos Para ministro relator Luís Roberto Barroso, “as decisões do STF não possuem sempre e em todos os casos caráter vinculante” Valter Campanato/Agência Brasil

Por maioria de votos, o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu ontem (23) manter a validade das 19 condicionantes que foram estabelecidas em 2009 no processo sobre a demarcação da Terra Indígena Raposa Serra do Sol, em Roraima. Na mesma decisão, a Corte também entendeu que as regras não podem ser aplicadas em outros processos de demarcação de terras indígenas. Os ministros seguiram o voto do relator Luís Roberto Barroso. O STF analisou sete recursos com pedidos de esclarecimento e de revisão do acórdão, o texto final do julgamento. Entre os recorrentes estão o senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR), comunidades indígenas, o governo de Roraima e a ProcuradoriaGeral da República (PGR). O governo de Roraima defendeu que o acórdão é omisso em relação aos serviços de saúde, educação e de fornecimento de energia elétrica prestados pelo estado às comunidades indígenas. Outro recurso foi interposto por índios de sete comunidades Socó, Barro, Maturuca, Jawari, Tamanduá, Jacarezinho e Manalai - que cobravam esclarecimentos sobre a necessidade de obterem autorização para garimpar e so-

O Supremo Tribunal Federal julgou ontem (23) os embargos declaratórios apresentados ao processo de demarcação da Terra Indígena Raposa Serra do Sol

bre a necessidade de consulta prévia às comunidades indígenas sempre que uma iniciativa afetar seus interesses. A Procuradoria-Geral da República (PGR) alegou que o Supremo “legislou” ao criar as regras. Seguindo o voto relator, ministro Luís Roberto Barroso, o plenário negou os recursos para revisar as 19 condicionantes, por entender que as regras foram estabelecidas com base na Constituição para dar efetividade ao processo de demarcação. No entanto, Barroso decidiu esclarecer as dúvi-

das apresentadas. De acordo com o ministro, pessoas miscigenadas casadas com indígenas podem permanecer nas terras, e missionários e religiosos podem atuar dentro da reserva, desde que sejam autorizados pelos indígenas. Também ficou esclarecido que o Estado de Roraima pode manter escolas municipais dentro da reserva, mas sob a supervisão da União. Os índios também não podem bloquear estradas próximas à reserva. O garimpo não é permitido, mas os indígenas podem manter formas tradicio-

Presidente da Petrobras nega reajuste de combustíveis para pagar leilão de Libra A Petrobras tem dinheiro em caixa para pagar os R$ 6 bilhões à União sem depender de reajuste no preço dos combustíveis nem de ajuda do Tesouro Nacional, disse ontem (23) a presidenta da estatal, Graça Foster. A quantia corresponde à parte da empresa nos R$ 15 bilhões do bônus de assinatura do leilão do Campo de Libra, cujo leilão ocorreu na segunda-feira (21). Graça Foster deu as declarações após reunião do Conselho de Administração da Petrobras, que é presidido

pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega. Segundo ela, o encontro teve como objetivo discutir apenas o modelo de investimento para a extração do petróleo na camada pré-sal. “O reajuste dos combustíveis não foi tratado na reunião. Nem existe data para mudança de preços (da gasolina e do diesel nas refinarias)”, assegurou a executiva. “O único assunto discutido foi Libra. Tratamos sobre as curvas de investimento. Temos alguns planos de desenvolvimento. Temos uma série de atividades que queremos ante-

cipar para produzir o mais rápido possível no menor espaço de tempo, ao menor custo”, declarou Graça Foster. Dizendo não poder antecipar números da Petrobras, que divulgará o resultado do terceiro trimestre amanhã (25), Graça Foster limitouse a dizer que a estatal tem dinheiro suficiente para assumir os compromissos com o leilão de Libra. “O caixa da Petrobras está muito bem e vai chegar ao final do ano conforme o planejado. Temos como pagar os R$ 6 bilhões”, destacou.

nais de extrativismo sem objetivo econômico.

OUTROS PROCESSOS A maioria dos ministros também entendeu que as 19 regras, definidas para manter a demarcação da Raposa Serra do Sol, não podem ser aplicadas em outros processos de demarcação de terras indígenas. “As decisões do STF não possuem sempre e em todos os casos caráter vinculante. A decisão proferida não vincula juízes e tribunais quanto ao exame de outros processos relativos a

terras indígenas diversas”, argumentou Barroso. Após a decisão do STF, em 2009, a Advocacia-Geral da União (AGU) publicou uma portaria estabelecendo que advogados e promotores públicos devem observar o cumprimento das mesmas condições impostas à Raposa Serra do Sol em qualquer processo demarcatório, inclusive naqueles já finalizados. A norma foi suspensa após protestos de índios e de organizações indigenistas. Na parte sobre a validade das regras, os ministros Marco Aurélio e Joaquim Barbosa foram votos vencidos, por entenderem que o STF não poderia ter criado as regras. “O Tribunal extrapolou, traçou parâmetros excessivamente abstratos e completamente alheios ao que foi proposto na ação, o tribunal agiu com verdadeiro legislador”, alegou Barbosa. Barroso ponderou que se o STF não tivesse definido as condicionantes, os conflitos entre fazendeiros e indígenas não teriam terminado. “É uma decisão atípica, não é um bom padrão, mas neste caso se decidiu a questão pontual, e se decidiu o modo de executar. Eu reconheço que houve atuação atípica, uma sentença quase aditiva”, disse Barroso.

Comissão aprova voto aberto em todas decisões do Legislativo A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) aprovou ontem (23) a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 43, de 2010, que estabelece voto aberto para todas as deliberações e instâncias do Legislativo nos âmbitos federal, estaduais e municipais. A comissão rejeitou dois destaques para manter o voto secreto em casos de análise de veto e apreciação de indicação de autoridades. Agora, a proposta segue para análise do plenário. Depois de vários adiamentos, o relatório do senador Sérgio Souza (PMDB-PR) foi aprovado por unanimidade após quase três horas de debate. Autor de um dos destaques para restringir o voto aberto, o senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) sustentou que o mecanismo em todas as deliberações pode acarretar em perseguições. A mesma tese é defendida pelo líder do governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM). Ele acrescentou que os deputados deixaram de votar propostas semelhantes e, pressionados pela opinião

pública, acabaram por invadir prerrogativas do Senado. “No afã de dar uma resposta à opinião pública sobre a trágica votação do episódio do deputado (Natan) Donadon, a Câmara dos Deputados aprovou o voto aberto, sem levar em consideração o que o Senado tem como prerrogativa, como a votação de autoridades”, frisou o peemedebista. No entanto, a maioria dos membros da CCJ concordou com a tese de que a sociedade está cobrando transparência das ações do Congresso. “Temos que aproveitar a oportunidade, a sociedade está vigilante”, disse Sérgio Souza. “O Brasil amadureceu o suficiente para que a gente pudesse hoje dar esse passo a mais que é a votação aberta para todos os casos”, acrescentou o líder do PT, Wellington Dias (PT-PI). Já aprovada pela Câmara dos Deputados, a PEC precisa ser votada em dois turnos pelo plenário do Senado.


ESTADO

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

O PRESENTE |

07

EDUCAÇÃO

Governo investe R$ 1 bilhão em obras nas escolas estaduais Entre as grandes reformas está a reconstrução do Colégio Adroaldo Augusto Colombo, em Palotina O Governo do Estado investiu em menos de três anos quase R$ 1 bilhão na melhoria das escolas e colégios estaduais em todo o Estado. Nesse período, cerca de duas mil obras foram feitas, desde pequenos reparos, melhorias e ampliações, até grandes reformas e construção de novas escolas. No primeiro semestre deste ano foram investidos mais R$ 200 milhões, e o plano de obras e melhorias é de R$ 500 milhões até o fim do ano. Entre as grandes reformas está a reconstrução do Colégio Adroaldo Augusto Colombo, em Palotina. “É o maior programa de investimentos em renovação escolar dos últimos 20 anos. Estamos recuperando prédios escolares que não passavam por reformas há mais de 15 ou 20 anos”, destaca o superintendente de

Desenvolvimento Educacional, Jaime Sunye. No pacote de obras estão cerca de 70 novas escolas, metade já pronta e o restante em obra. Entre as novas escolas estão 18 Centros Estaduais de Educação Profissional, feitos com apoio federal, que vão triplicar a rede de escola técnica especializada em ensino profissionalizante no Paraná.

DESCENTRALIZAÇÃO As obras nas escolas seguem a modalidade de licitações centralizadas e descentralizadas. Nesta última, a Secretaria de Estado da Educação repassa verba de até R$ 150 mil diretamente para a escola, que decide junto com a comunidade escolar as prioridades de reforma. O programa de reformas descentrali-

zadas é inédito no Estado. Em 2012 foram atendidas 173 escolas e este ano a meta é atender outras 441 escolas. A contratação de 40 novos engenheiros para os 32 Núcleos Regionais de Educação vai acelerar ainda mais as reformas e obras nas instituições. Nesta semana, os profissionais estão em Curitiba participando de uma capacitação para atender com qualidade técnica e jurídica a demanda dos educandários. A determinação da Secretaria de Educação é que os engenheiros fiquem perto da comunidade escolar para acompanhar e fiscalizar as obras. “A contratação de engenheiros para trabalhar diretamente nos Núcleos Regionais é inédito. Estes profissionais ficarão muito mais perto das escolas”, diz Sunye.

Detran dá mais tempo para motoristas renovarem carteira pela internet As cartas para renovação automática da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vão chegar com 20 dias de antecedência na casa dos motoristas paranaenses. A mudança, anunciada ontem (23) pelo Departamento de Trânsito do Paraná (Detran), dará mais tempo para marcar o exame médico obrigatório. Pelo procedimento anterior, a correspondência era enviada uma semana antes do vencimento da CNH. A expectativa do Detran é que, com o prazo estendido, menos motoristas precisem ir até uma unidades de atendimento para abrir o processo, agendar a consulta médica, refazer a biometria e a fotografia do documento. “Percebemos que algumas pessoas deixam para última hora, perdem prazo para pagar o boleto e, por isso, têm que fazer os procedimentos de forma presencial”, explica

o diretor-geral da autarquia, Marcos Traad. Dados da Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar) mostram que desde o lançamento, em maio de 2011, do programa Detran Fácil,

que oferece diferentes serviços pela internet, 523.353 mil pessoas deixaram de ir aos balcões de atendimento. Somente a renovação automática da CNH, lançada em abril de 2012, tirou 114.430 usuários das unidades do Detran.

FUNCIONAMENTO A principal inovação com o Detran Fácil é a renovação automática da carteira de motorista, por até 15 anos. Assim, um condutor com 19 anos de idade renovará sua CNH automaticamente por duas vezes, de cinco em cinco anos, e só aos 34 anos de idade deverá ir ao Detran para atualizar foto e biometria, dependendo da situação. Por determinação do Código de Trânsito Brasileiro, o cidadão precisa ir presencialmente a uma clínica médica a cada renovação. No consultório, ele confirma sua identidade pela impressão digital, verificada on-line e, somente se o resultado do exame médico for positivo, a CNH é expedida. O processo é simples. O motorista recebe pelos Correios o aviso de vencimento da habilitação, com prazo e código de barras para o pagamento das taxas de renovação, e faz o agendamento do exame médico no site www.detran.pr.gov.br. Depois, se aprovado no exame, recebe a CNH em casa, no prazo de dez dias úteis

DIVIDIR TAREFAS Na vida o melhor é dividir tarefas e responsabilidades. Isso funciona bem dentro das famílias, nas empresas, nas organizações maiores, nas sociedades, governos, etc... Funciona mesmo. O importante é descobrir quem sabe e pode fazer o que. Depois é só criar os mecanismos para fazer acontecer. Se ficarmos discutindo muito tempo o que deve ser realizado e o que não deve ser realizado em Marechal Cândido Rondon, talvez não encontraremos as alternativas. Se decidirmos que todos os eventos são importantes, atendem a determinados interesses da sociedade e devem ser mantidos e incentivados, é só dividir as tarefas. E isso parece bem claro. O Poder Público, não é regra, diga-se de passagem, é um péssimo organizador de eventos. Tem a parte legal que impera muitas coisas, tem o custo que normalmente extrapola e tem a questão política, inevitavelmente presente na organização de eventos promovidos pelo Poder Público. Então poderíamos questionar: deve o Poder Público se afastar de tudo e deixar a iniciativa privada organizar os eventos? Não, também não é assim. O Poder Público tem a estrutura e os incentivos, sejam em forma de dinheiro ou de apoio. Basta abrir mão da parte política, que é uma espécie de praga que habita a organização dos eventos. Abrir mão não significa se afastar, se distanciar, torcer contra. Pelo contrário, o Poder Público é importante e indispensável para o sucesso dos eventos. Mas para ter resultados precisa chamar a iniciativa privada e dar outra lógica para esse trabalho. Precisa estimular o lucro, o resultado financeiro dos que atuam. Só assim os eventos ganham competitividade, ganham atrações novas, barateiam seus custos organizacionais e geram resultados para o município que é a divulgação e os recursos trazidos pelos turistas. Basta olhar o custo que o município teve com cada evento nos últimos anos. Se esse valor for dividido por dois e oferecer metade do que foi gasto para as entidades com credibilidade para organizar eventos e tudo vai acontecer. Vamos ter o prejuízo reduzido pela metade, os eventos vão crescer muito, as entidades vão ganhar muito mais dinheiro e o comércio vai ter novas fontes de renda. As entidades precisam do amparo do Poder Público para arriscar um pouco mais. Isso significa que a Oktoberfest poderia ser organizada pela JCI, ou qualquer outra, ou outras entidades conjuntamente, tendo elas um incentivo, digamos, de R$ 50 mil, a fundo perdido. Com isso os organizadores poderiam ser bem mais arrojados do que foi a JCI no tempo que organizou o evento, e diga-se, sempre deu lucro. O que faltou talvez foi envergadura para o evento, o que o inventivo poderia resolver. Faltou ir em busca de recursos do governo federal, estadual e de patrocinadores de porte que poderiam dar outra dimensão aos eventos. E isso só vai ser possível quando as entidades tiverem retorno suficiente para investir. Parece muito claro, Poder Público, além de ser ineficiente para organizar eventos, também não tem essa função, ou não deveria ter. Para quem cuida da saúde pública, das estradas, da educação, não combina dividir suas tarefas com a organização de festas. É um contrassenso o mesmo gestor que precisa economizar centavos para cuidar dos doentes pagar contas feitas para o lançamento de um evento, onde os convidados comem e bebem por conta do Poder Público. Ou pagar um almoço para milhares de convidados no domingo da Festa do Boi no Rolete. Esses são alguns dos motivos pelos quais o Poder Público precisa se afastar da organização do evento, sob pena de sempre provocar enormes prejuízos e a validade dos eventos merecerem questionamentos. E aí não é esse ou aquele governo. Aqui se fala do Poder Público, dos governos de ontem, antes de ontem, de hoje e de amanhã. Todos pecaram ou pecam pelos mesmos motivos. Ou será que a prefeitura seria capaz um dia de organizar o Prêmio Marechal com tanto sucesso e tamanha organização e por um custo tão razoável? Claro que não e pelo mesmo motivo não sabe e nunca será capaz de organizar os demais eventos, com o mesmo nível de competência que a iniciativa privada poderia fazer. Mas, via de regra, os políticos não conseguem perceber que o evento sendo bom, ele gera dividendos políticos para quem está no governo, independente de quem promove a festa, de quem comanda as despesas e ordena pagamentos. Muito menos compreender que pode passar R$ 50 mil para uma entidade, sem pedir reciprocidade política em troca disso, como se o dinheiro fosse do prefeito ou do secretário. Essa é a questão mais difícil para ser superada. Os políticos precisam entender que eles são passageiros e suas obras ficam, inclusive, e principalmente, as boas obras. Não é fácil mudar um legado político de décadas, mas também não é tão difícil como se supõe. É só ter espírito público e juízo de valores. Abrir mão de mandos e desmandos políticos é um ato de grandeza de um político, que o fortalece e nunca o contrário. * O autor é jornalista e diretor do Jornal O Presente e da Revista Amigos da Natureza arno@opresente.com.br


ESTADO

08 | O PRESENTE

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

DISTRIBUIÇÃO DE RECURSOS

No Paraná não há discriminação, afirma Beto Richa Governo repassa R$ 13 milhões para 35 prefeituras governadas pelo PT AENPr

Asfalto, construção de posto de saúde, barracão, escola, calçadas, reforma de ginásio, casa de cultura, compra de caminhão, ambulância e retroescavadeira. Esse elenco de demandas está sendo atendida pelo Governo do Paraná para um seleto grupo de 35 prefeitos que vão receber R$ 12,7 milhões, a fundo perdido, do PAM, programa de apoio aos municípios. Um detalhe: são todos prefeitos do PT e, notase, o Paraná é governado por Beto Richa, do PSDB. “Não há discriminação no Paraná. O PAM é um exemplo disso. Vamos investir R$ 150 milhões nas pequenas cidades e não perguntamos de qual partido é o prefeito. Se a cidade tiver até 50 mil moradores e apresentar o projeto, recebe dinheiro do Governo do Paraná”, garante o governador. O recurso é resultado das medidas de austeridade adotadas na Assembleia Legislativa, que economizou dinheiro e o devolveu ao governo estadual. Richa só lamenta que a premissa não é a mesma no governo federal, que segura recursos o quanto pode quando se trata de um governo de oposição no plano federal, o caso do Paraná e Minas Gerais - Estados governados pelo PSDB. “O Paraná perdeu R$ 1 bilhão com as desonerações e tem mais R$ 3,5 bilhões, aprovados por bancos como Banco Mundial e o BID, que precisam de autorização do governo federal que não os li-

bera por motivação política”, argumentou.

MUNICIPALISTA Na última semana, em visita a cidades do Noroeste, Richa reafirmou a discriminação do governo federal quando o assunto é ‘investimento’ e mostrou o exemplo de Peabiru - uma das 39 cidades paranaenses administrada pelo PT e que recebeu R$ 350 mil do PAM. “Acabamos com a velha prática de olhar o partido do prefeito na hora de investir, pois quando isso acontece quem paga a conta mais cara é o povo, que não tem culpa se um não se dá com o outro”, enalteceu o governador. “O PAM é uma conquista bastante importante para os prefeitos e vem de encontro às nossas necessidades”, disse o prefeito Claudinei Antonio Minchio (PT), que acompanhou a visita e adiantou que os R$ 350 mil serão aplicados na aquisição de motocultivadores, construção de pistas de skate e reformas do ginásio de esportes, casa da cultura e cemitério municipal. Richa lembrou que as desonerações feitas pelo governo federal afetam, principalmente, as prefeituras, que muitas vezes têm o Fundo de Participação dos Municípios (FPM) como principal fonte de renda. “Os prefeitos estão angustiados, pois não conseguem atender as demandas da população, pela brutal redução de transferência do governo federal. Nosso governo é municipalista e socorre cidades”, afirmou.

Governador Beto Richa: “Acabamos com a velha prática de olhar o partido do prefeito na hora de investir”

Lista das cidades administradas pelo PT que receberam recursos do PAM Adrianópolis (R$ 330 mil), Amaporã (R$ 330 mil), Anahy (R$ 300 mil), Atalaia (R$ 300 mil), Barbosa Ferraz (R$ 350 mil), Campina do Simão (R$ 300 mil), Candói (R$ 350 mil), Cruz Machado (R$ 400 mil), Curiúva (R$ 350 mil), Diamante do Norte (R$ 330 mil), Formosa do Oeste (R$ 330 mil), Goioxim (R$ 330 mil), Guaíra (R$ 500 mil), Iguatu (R$ 300 mil), Itambé (R$ 330 mil), Lapa (R$ 550 mil). E mais: Mandaguari (R$ 500 mil), Nova Aliança

do Ivaí (R$ 300 mil), Paiçandu (R$ 500 mil), Paraíso do Norte (R$ 350 mil), Paranapoema (R$ 300 mil), Peabiru (R$ 350 mil), Pranchita (R$ 330 mil), Quatro Pontes (R$ 300 mil), Rancho Alegre (R$ 300 mil), Realeza (R$ 400 mil), Renascença (R$ 330 mil), Reserva (R$ 450 mil), Rondon (R$ 330 mil), Santana do Itararé (R$ 330 mil), São Mateus do Sul (R$ 550 mil), Sapopema (R$ 330 mil), Sertanópolis (R$ 400 mil), Vera Cruz do Oeste (R$ 330 mil) e Verê (R$ 330 mil).

Juntas comerciais debatem modernização do registro empresarial Representantes das juntas comerciais dos Estados se reúnem para debater propostas de modernização da legislação sobre registro de empresas, em vigor há 20 anos. O 3º Encontro Nacional das Juntas Comerciais (Enaj) de 2013 começou ontem (23) e continua até sábado (26) em Vitória (ES). Com a criação da Secretaria Especial da Pequena e Micro Empresa, em maio deste ano, o antigo Departamento Nacional de Registro do Comércio (DNRC), responsável por normatizar registro e regulamentação dos procedimentos de legalização de empresas, passou a se chamar Departamento de Registro Empresarial e Integração (Drei). Com a mudança, veio

também a oportunidade de adequar as normativas, o que será feito em conjunto com as Juntas Comerciais. Para o presidente da Junta Comercial do Paraná e da Associação Nacional dos Presidentes das Juntas Comerciais (Anprej), idealizadora do encontro, Ardisson Naim Akel, o Enaj abre o debate sobre essas instruções. “Houve uma série de mudanças no cenário brasileiro que tornou necessária a atualização das normativas que regem o trabalho das Juntas Comerciais. O que esperamos com essas alterações são novos avanços em termos de registro empresarial”, ressalta. Além da atualização das normativas, outro ponto de

debate no Enaj é o registro de empresas por meio digital, que tem sido adotado por diversas Juntas Comerciais no país e deve entrar em vigor no Paraná nos próximos meses. Segundo Akel, são necessários investimentos nas áreas de tecnologia da informação e recursos humanos nesses órgãos para que o registro digital seja realizado de maneira eficiente e segura. Esses investimentos possibilitam a implantação da Rede Nacional para Simplificação do Registro e Legalização de Empresas e Negócios (Redesim), que fará a integração das Juntas Comerciais com secretarias da Fazenda, prefeituras, Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária e outros órgãos municipais, estaduais e federais.


GERAL

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

O PRESENTE |

09

COSTA OESTE

Sicredi expõe projeto de expansão para São Paulo Planejamento apresentado ao Banco Central prevê inaugurar, em cinco anos, dez unidades de atendimento na região de Barretos Bruno Todero

Sicredi Aliança PR/SP. Esse é o nome escolhido pela Sicredi Costa Oeste como marco inicial do projeto de expansão para o Estado de São Paulo. A partir de 2014, a cooperativa de crédito, que hoje atua em oito municípios da região de Marechal Cândido Rondon, passará a contar com unidades de atendimento também na região de Barretos (SP). As mudanças no nome e na área de atuação dependem ainda da aprovação do Banco Central do Brasil (Bacen) e dos associados, em Assembleia. “Este é um momento histórico para a Sicredi Costa Oeste. Ao longo dos 28 anos de existência, crescemos com solidez e segurança, graças ao nosso associado, que sempre acreditou na força da sua cooperativa. Posso afirmar que só estamos dando esse passo pois fixamos uma base sólida em nossa região”, disse o presidente Adolfo Freitag na terça-feira (22), durante coquetel promovido para profissionais da imprensa de toda a região. Segundo Freitag, a região de Barretos possui uma população

de mais de 750 mil habitantes, com um Produto Interno Bruto (PIB) de aproximadamente R$ 16 bilhões. “É uma região muito próspera, com grande potencial de desenvolvimento, fatores que combinam com os ideais cooperativistas do Sicredi”, afirma. Atualmente, nos oito municípios onde a Sicredi Costa Oeste mantém unidades de atendimento, a população total é de 98 mil habitantes, com PIB de R$ 1,8 bilhão.

NOVA UNIDADE EM MARECHAL RONDON No evento, Freitag também apresentou o projeto da nova unidade do Sicredi em Marechal Cândido Rondon. O quarto ponto de atendimento da cooperativa no município será instalado na Avenida Rio Grande do Sul, na Vila Gaúcha. “Identificamos a necessidade de toda a população residente naquela região do município e decidimos levar o Sicredi para mais perto dessas pessoas. Será uma unidade com mais de 800 metros quadrados para atender um público de até quatro mil associados”, revela o presidente. Reprodução

Nova unidade da cooperativa Sicredi em Marechal Cândido Rondon será instalada na Avenida Rio Grande do Sul, na Vila Gaúcha

No evento de terça-feira (22) o presidente Adolfo Freitag explanou que a partir de 2014 a cooperativa que hoje atua na região de Marechal Rondon passará a contar com unidades também na região de Barretos (SP)

Durante o evento de terçafeira, o diretor-executivo da Sicredi Costa Oeste, Fernando Fenner, também apresentou um balanço da cooperativa em 2013. Destaque para o número de associados, que cresceu 11% em relação a 2012, chegando atualmente a 19,2 mil pessoas. Já em volume de crédito comercial, a cooperativa cresceu 30% em relação ao ano passado, chegando a expressivos R$ 85 milhões em financiamentos. Ainda no ramo crédito, porém no produto rural, o crescimento foi de 25%, alcançando a marca de R$ 105 milhões liberados. Todos esses números garantem à cooperativa um patrimônio líquido de R$ 64 milhões, considerado modelo entre todas as 106 cooperativas integrantes do Sistema Sicredi. “Só estamos planejando crescer localmente e nacionalmente porque temos um patrimônio sólido. Esse fator é essencial para que possamos aprovar junto ao Banco Central o projeto de expansão ao Estado de São Paulo”, explica Fenner.

Pato Bragado abre inscrições para conselheiros tutelares O Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente (CDCA) de Pato Bragado realiza até quarta-feira (30) as inscrições para o preenchimento de três vagas imediatas de conselheiros tutelares, como também de suplentes. Os interessados devem realizar as inscrições no Centro de Referência de Assistência Social (Cras). De acordo com a presidente do CDCA, Leani Lutz, entre os critérios exigidos para o preenchimento das vagas estão a experiência na área de defesa ou atendimento dos direitos da criança e do adolescente, devidamente comprovada, de pelo menos dois anos,

carteira de habilitação, ter mais de 21 anos e Ensino Médio completo. Ela explica que a eleição será convocada mediante edital publicado na imprensa oficial do município, constando dentre outras informações dia, horário e local das eleições, sendo que os conselheiros tutelares serão escolhidos pela comunidade. O Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente autuará o requerimento e examinará os documentos, anexados ao pedido de inscrição. Outras informações podem ser obtidas com Leani na Pastoral da Criança, Cras e Conselho Tutelar.


10 | O PRESENTE

GERAL

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

BRASIL E ALEMANHA

Selos em homenagem serão lançados amanhã em Rondon

Estadão

(@Estadao)

Cardápios em braile serão obrigatórios em bares e restaurantes brasileiros http://oesta.do/16tIBWN Gasolina não vai subir para bancar bônus de Libra, diz Petrobras

Eles são alusivos às relações diplomáticas e representam as principais áreas de cooperação dos dois países: turismo, ciência e educação, economia, política e cultura

http://oesta.do/Hfn2yi

ESPN/SportsCenter Reprodução

(@ESPNagora)

Por unanimidade, donos da NBA votam por mudar formato das finais após 30 anos.

Agência Senado

(@Agencia_Senado)

Municípios sem Corpo de Bombeiros poderão criar brigada de incêndio http://ow.ly/q6OG3

Globoesporte.com

(@globoesportecom)

Roy Jones Jr.: "Se Anderson vencer Weidman, faremos uma luta de boxe" http://glo.bo/17IUCCT

Portal R7.com (@portalR7) Crescimento de 50% do LinkedIn faz que Brasil seja o terceiro maior mercado no mundo http://r7.com/ibON #R7

G1 (@g1) Camex reduz imposto de importação para 110 itens sem produção local http://glo.bo/19w7lMe

Terra Notícias

(@terranoticiasbr)

Dilma veta trecho que previa carreira médica no Mais Médicos http:/ /bit.ly/1ahovyb #TerraPolítica Merkel liga para Obama depois de descobrir que pode ter sido espionada http://bit.ly/1ahoevb #TerraMundo

Alvaro Dias (@alvarodias_) Selos da “Série Relações Diplomáticas: Brasil - Alemanha” que serão lançados amanhã (25), às 09h30, em solenidade na Acimacar

Pela ligação histórica com nomia, política e cultura. a cultura germânica, Marechal No selo turístico foram Cândido Rondon vai sediar escolhidos o Bosque do Aleamanhã (25) o lançamento da mão, em Curitiba, e a Catesérie de selos comemorativos dral de Pedra, em Canela. O alusiva às Relações Diplomáti- selo “Ciência e Educação” decas entre Brasil e Alemanha. O monstra a cooperação exemevento inicia às 09h30, na As- plar entre os dois países nas sociação Comeráreas de ciência e cial e Empresaritecnologia, interSímbolos al (Acimacar), e câmbio e projetos deverá reunir aueducacionais, além contemplam a toridades e lideinfluência alemã no da cooperação para ranças convidao desenvolvimenBrasil - desde os das, além de direprimeiros imigrantes to sustentável. O tores da regional selo “Economia” no país até a dos Correios no cooperação científico ressalta a importânParaná. Na cia do Brasil nas retecnológica atual e oportunidade, o lações econômicas também na área do pastor Gustavo com a Alemanha e desenvolvimento Neumann, da 1ª a influência das sustentável Igreja Batista de marcas e empresas Marechal Cândialemãs no país. Bludo Rondon, será homenagea- menau e seu fundador são desdo pelos Correios por ser o taques do selo sobre a área de colecionador de selos mais ido- "Política". Berthold Brecht é so do município. homenageado no selo de “CulOs selos da “Série Relações tura” por sua influência na Diplomáticas: Brasil - Alema- “Ópera do Malandro” e contrinha, Temporada da Alema- buição no teatro mundial. nha no Brasil”, desenvolvida Dessa forma, os símbolos pelos Correios, representam contemplam a influência aleas principais áreas de coope- mã no Brasil - desde os primeiração dos dois países: turis- ros imigrantes no país até a mo, ciência e educação, eco- cooperação científico tecnoló-

gica atual e também na área do desenvolvimento sustentável, além das empresas alemãs e dos impactos socioculturais que as colônias germânicas trouxeram para o Brasil.

RELAÇÕES DIPLOMÁTICAS Desde maio deste ano, a Alemanha promove pela primeira vez uma “Temporada da Alemanha no Brasil”, que será encerrada somente em junho do próximo ano. Segundo Wilfried Grolig, embaixador da Alemanha no Brasil, os dois países instituíram há mais de 142 anos relações diplomáticas. Hoje, a Alemanha tem uma densa rede de instituições e todas as principais instituições econômicas, científicas e culturais estão representadas no Brasil, assim como mais de mil empresas alemãs. Sob o lema “Quando ideias se encontram”, a iniciativa da “Temporada” pretende ajudar a fornecer uma imagem atual, multifacetada e autêntica da Alemanha, além de preparar as bases para uma amizade ainda mais estreita e

Senador do PSDB A presidente em campanha: Dilma bate recorde de pronunciamentos em rádio e televisão.

Toni Bulhões

(@ToniBulhoes)

Engenheiro e Tuiteiro Merkel praticamente havia ignorado a espionagem do NSA. Agora, descoberto grampo de seu celular, ligou indignada para Obama.

Portal da Copa

(@copagov)

Ministra @gleisi afirma que governo manterá modelo de concessão de aeroportos.

Dilma Rousseff

(@dilmabr)

Presidenta da República Neste governo, já inauguramos 1.169 pré-escolas de Educação Infantil. Outras 3.215 estão em construção. #Educação

Folha Poder (@folha_poder) Ser presidente "não é mole", afirma Dilma. http://folha.com.br/ no1360959

Veja

(@veja)

Financial Times elogia Petrobras, Embraer e Embrapa por inovação http://goo.gl/dYs3Km

Jornal O Globo (@JornalOGlobo) Marina Silva diz ser contra reeleição. http://glo.bo/1eJPGCN

Fábio Campana

(@fabiocampana)

Jornalista PT fez a maior privatização de toda a história, diz Aécio.

O Jornal O Presente também está no Twitter. Acompanhe: twitter.com/o_presente (@O_Presente)


QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

GERAL

O PRESENTE |

11

MARECHAL RONDON

CCO apresenta proposta do Fórum de Eventos Encontro será nos dias 07 e 08 de novembro. Antes disso, reuniões e pré-oficinas estão sendo realizadas para colher subsídios para os debates Integrantes da Comissão Central Organizadora (CCO) do 1º Fórum de Debates sobre os Eventos de Marechal Cândido Rondon estão, desde o último fim de semana, visitando várias entidades do município. O objetivo é apresentar a proposta do fórum e convidar as entidades e seus respectivos membros a participar da programação, bem como para apresentar sugestões para os eventos que estão em pauta, entre eles a Oktober-

fest, a Expo Rondon, a temporada de verão em Porto Mendes, programação de Natal e Réveillon e o concurso de Miss Rondon. O fórum é uma promoção de várias entidades, entre elas a Acimacar, ACJC, JCI, associações comunitárias, APMs, igrejas, Núcleo de Turismo, Copagril, blocos de Oktoberfest, Câmara de Vereadores e prefeitura. O propósito é realizar reuniões, préoficinas, oficinas e audiência pública visando uma ampla discus-

são sobre o perfil dos eventos de Marechal Cândido Rondon, avaliando os seus potenciais econômico, cultural e social. Nas visitas que estão sendo realizadas o objetivo é fomentar o debate no período que antecede o fórum, para a busca de propostas, visando enriquecer o evento. Segundo o coordenador-geral, Lair José Bersch, estas reuniões continuarão acontecendo no decorrer dos próximos dias, inclusive nos distritos. Ademir Herrmann

Ontem (23), o coordenador Lair Bersch e o responsável pela divulgação, Jadir Zimmermann, apresentaram os objetivos do fórum na reunião do Conselho da Mulher Empresária

O propósito é fazer com que de fato as associações, clubes de serviço, escolas, igrejas e outras organizações, manifestem-se, apresentando ideias, sugestões e críticas, bem como participando com representantes das oficinas que serão realizadas durante o Fó-

rum. “É importante a participação no fórum para que o Poder Público e a sociedade organizada possam ter certeza sobre o formato adequado dos eventos que acontecerão em Marechal Cândido Rondon a partir de 2014”, destacou Bersch.

Prefeito de Toledo firma contrato do vale-alimentação O prefeito Beto Lunitti assina hoje (24), às 14 horas, no Auditório Acary de Oliveira, o contrato com a empresa que administrará o cartão vale-alimentação dos servidores municipais. A vencedora foi a AB Administração de Serviços, que na ocasião será representada pelo diretor Wilmar Siqueira. A ação representa o cumprimento de mais um dos itens da carta-compromisso firmada com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Toledo (SerToledo) durante a campanha eleitoral em 2012. O valor será de R$ 150. Além deste ato, o prefeito lembrou que já foram atendidas diversas demandas relacionadas ao termo. Uma das ações principais foi a implantação do piso de

1,2 salário-mínimo. Atualmente, nenhum servidor municipal recebe uma quantia inferior a R$ 850 por mês. A prefeitura também manteve a contribuição com a Caixa de Assistência aos Servidores de Toledo (Cast), os repasses patronais e os valores relativos ao passivo atuarial do Fundo de Aposentadoria e Pensões dos Servidores de Toledo (Fapes). Outro avanço para o quadro funcional é o Acordo de Compensação de Horas Extras, com a participação do SerToledo, com a criação do banco de horas. O acordo já está vigorando e a compensação será uma hora por uma e meia, de segunda a sábado, e uma por duas aos domingos e feriados. Ainda houve a regulamentação das jornadas de trabalho dos servidores da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer e dos agentes de trânsito e guardas municipais. Lunitti destacou também a criação, por meio de lei, do auxílio do difícil acesso aos agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias. Outra lei sancionada pelo prefeito foi a de concessão de licença-maternidade de seis meses para as mães adotantes, independente da idade da criança ou adolescente. “São algumas ações principais deste governo que tem no diálogo com os servidores uma de suas principais características. A administração deste município depende destes colaboradores que tão sabiamente desempenham suas funções e auxiliam no desenvolvimento das nossas ações”, enfatiza. O prefeito ainda reforçou que os diálogos entre o SerToledo, por meio dos secretários de Administração, Amauri Linke, de Fazenda, Neuroci Frizzo, e de Recursos Humanos, Marines Bettega, acontecem mensalmente. A qualificação profissional para os servidores, por meio de formação continuada de, no mínimo, 45 horas anuais é outro item do termo de compromisso que a administração já esta promovendo. Também foi aprovado o regulamento para liberação de professores para realização de mestrado e doutorado.


GERAL

12 | O PRESENTE

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

MARECHAL RONDON

Organizadores ultimam preparativos para Oktober dos Blocos Evento acontece neste sábado (26), no Clube Concórdia Fotos: Carina Ribeiro/OP

Já estão sendo finalizados os preparativos para a primeira edição da Oktoberfest dos Blocos, que acontece neste sábado (26), no Clube Concórdia, em Marechal Cândido Rondon. O evento contará com baile alemão no salão principal, espaço open bar para músicas alternativas, chope artesanal produzido no município e animação da Banda ZP Zíngaros. De acordo com os organizadores da festa, representantes dos blocos Galos e Os RepubliCANA, Wiliam Giacobbo e Edlei Deilor, vários blocos da região já adquiriram ingressos, dentre eles grupos de Pato Bragado, Guaíra, Entre Rios do Oeste e Itaipulândia, assim como vários de Marechal Rondon. “Diante da procura por ingressos, nossas expectativas para o evento são as melhores”, declaram, lembrando que não tratase de um evento exclusivo dos blocos, mas sim é aberto à participação do público em geral. No sábado, a partir das 16

horas, haverá desfile com os blocos oficiais pelas principais ruas da cidade. A concentração será no Clube Concórdia e o cortejo passará pela Rua Sergipe em direção à Avenida Maripá (junto à Praça Willy Barth), seguindo em direção à Rotatória da Bandeira, pela Avenida Rio Grande do Sul até o Posto Panorama, onde será feita a volta para pegar a direção da Microcervejaria Haus Bier, onde o grupo seguirá pela Rua XV de Novembro até o Clube Concórdia. Já a partir das 18 horas inicia a Concentração Open Bar, na quadra. Já a partir da meia-noite terá início o tradicional Baile da Oktoberfest.

ENTRADA Conforme os organizadores, será obrigatória a apresentação de documentos pessoais na entrada do evento e haverá um trabalho de triagem, já que menores não poderão adentrar. “Também será obrigatória a doação de um quilo de alimento não perecível, seja para entrar na concentração

Quadra do clube terá estrutura coberta para o espaço open bar da festa

ou no baile”, ressaltam. O Asilo Lar Rosas Unidas fará a venda de vale-alimento ao valor de R$ 5 para quem preferir. Os alimentos arrecadados serão doados para o Provopar enquanto o valor financeiro será repassado ao asilo. Os espaços do Clube Concórdia, segundo Deilor e Giacobbo, já contam com liberação do Corpo de Bombeiros para o evento. “Nossa capacidade máxima de público será de 4,3 mil pessoas, por esse motivo o número de ingressos será limitado a esta capacidade”, ressaltam.

GERMÂNICA

Blocos se preparam também para o desfile que acontecerá na tarde de sábado (26)

A tradição de músicas germânicas será preservada no espaço do baile, adiantam os organizadores. “A Banda ZP Zíngaros, que é bastante conhecida em toda a região, fez uma reestruturação especial para se apresen-

tar especificamente na Oktoberfest dos Blocos”, enfatiza Deilor. A partir de uma parceria com o Núcleo de Turismo, durante o baile haverá sorteio de passeios de helicóptero, os quais acontecerão durante o Festival de Ecoturismo, o qual será realizado de 15 a 17 de novembro. O chope artesanal produzido pela empresa rondonense será comercializado durante o baile a R$ 5 o copo de 400 ml, sendo que haverá opção de compra de cinco fichas de chope para copos de 400 ml ao valor de R$ 20. “Recomendamos que os participantes da Oktoberfest observem a Lei Seca e optem por pegar carona, utilizar táxi ou mesmo vir ao clube a pé”, sugerem Deilor e Giacobbo. Haverá praça de alimentação no espaço interno do clube, onde serão vendidos lanches típicos

como cuca, salame e salsichão. O Clube Amigos da Pesca vai comercializar espetinho e pastel. Os ingressos já estão sendo comercializados pelos blocos, com integrantes do Conselho do Jovem Empreendedor (Cojem) da Acimacar e com a diretoria do Asilo Lar Rosas Unidas. Nos pontos de vendas como o Posto Panorama e Posto Copagril também podem ser adquiridos ingressos ao valor promocional de R$ 20. Já o ingresso normal poderá ser adquirido no Pátio Camilo ao valor de R$ 35 ou ainda pela internet no site www.okingressos.com.br. Mais informações podem ser conferidas na fanpage fb.com/ oktoberfestoficialdosblocos, em cuja página os visitantes podem fazer um cadastro para concorrer no sorteio de ingressos.

Desfile será atrativo a mais da Oktoberfest Acreditando na aposta cultural do desfile que integra a programação da Oktoberfest deste fim de semana, o bloco Feios S/A está se dedicando para preparar uma participação marcante nesta primeira edição. Conforme o integrante do grupo, Ivonei Balena, a intenção é levar para as ruas um jerico e dois triciclos decorados tematicamente em relação à proposta do evento. Nesta semana, os três veículos estão passando por um processo de pintura, especialmente visando o desfile. Acoplada ao jerico haverá

uma carretinha onde o bloco pretende exibir o troféu de campeão do Boi no Rolete, recebido neste ano pelo grupo, na categoria culinária. “Acredito que fomos o primeiro bloco de Oktoberfest a vencer o concurso”, justifica Balena.

ADESÃO O bloco Feios S/A é formado por cerca de 35 pessoas, sendo que a maioria delas é moradora de outras cidades e não de Marechal Rondon. O fato dificulta algumas ações, mas não impede a realização de reuniões e tomada de decisões. “Como todos os anos participamos da

Oktoberfest, novamente não poderíamos ficar de fora. Gostamos da ideia da festa dos blocos e aderimos”, afirma Balena. Segundo ele, apesar dos blocos puxarem a frente na organização, a festa é para todos. “Também gostamos da oportunidade do desfile, que será em um sábado e permitirá a participação de mais pessoas”, supõe. A capacidade de organização dos blocos e promoção da integração entre os grupos deverá ficar comprovada na Oktoberfest deste ano, acredita o líder. “Temos participado de reuniões e conversado bastante

para definir os detalhes da festa para que fique bom para todos, seja questões referentes a valores, organização, concentração, banda, etc”, comenta Balena.

PRESTÍGIO Se depender da dedicação do bloco, Balena garante que o desfile será muito interessante para o público. “No desfile queremos mostrar que também nos preocupamos com a parte cultural de uma Oktoberfest e não apenas com os bailes, queremos fazer uma coisa legal e não apenas folia”, ressalta o líder do grupo. O mesmo sentimento tem

feito com que há três anos o bloco Feios S/A participe da Festa Nacional do Boi no Rolete, que marca as comemorações do aniversário do município a partir da realização da Expo Rondon. Depois do estímulo recebido a partir do título de campeão do concurso gastronômico, o grupo pretende continuar participando da atividade. “Buscamos participar desses eventos que são tradicionais do município. Muitos dos integrantes do bloco nem são de Marechal Rondon, mas acabam vindo para cá devido à nossa participação a partir do bloco”, explana Balena.


GERAL

14 | O PRESENTE

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

MELHORIAS

Cinco unidades educacionais receberão obras em Guaíra Estimativa é de que os gastos alcançarão aproximadamente R$ 2 milhões

Divulgação

A Prefeitura de Guaíra prepara obras de reforma e/ ou ampliação em cinco unidades educacionais. As obras previstas fazem parte de um projeto que pretende revitalizar toda a estrutura física das escolas municipais. Segundo o secretário de Educação, Idivaldo Capatti, as obras servirão principalmente para atender à crescente demanda por novas vagas no ensino público. “Estamos

lidando com um município em franco crescimento e com uma grande demanda por sala de aula. Por isso, precisamos estar preparados para essa realidade e tentar dar o máximo de condições de trabalho aos professores e também conforto para os nossos alunos”, afirmou. Conforme o secretário, os projetos estão prontos e em fase de análise dos valores e quantitativos no Departa-

mento de Obras e serão posteriormente encaminhados para licitação. Os centros de Educação Infantil Luís Venâncio (R$ 240 mil), Adam Petry (R$ 180 mil) e as escolas Áurea Benck (R$ 590 mil), Almirante Tamandaré (R$ 372 mil) e Duque de Caxias (R$ 613 mil) serão contempladas nessa primeira etapa. Estima-se que sejam gastos aproximadamente R$ 2 milhões.

Secretário de Educação, Idivaldo Capatti: reformas e ampliações servirão para atender a crescente demanda por novas vagas no ensino público

Assembleia do Conselho dos Lindeiros acontece hoje O Parque Tecnológico Itaipu (PTI), em Foz do Iguaçu, recebe hoje (24), a partir das 09 horas, prefeitos, presidentes das Câmaras de Vereadores e presidentes das associações comerciais dos 16 municípios lindeiros ao Lago de Itaipu. O encontro marca a quarta assembleia ordinária do Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu convocada pelo presidente da entidade e prefeito de Santa

Helena, Jucerlei Sotoriva (Juce). Na pauta de discussão, serão abordados os temas: concessões das praias artificiais, convênios e parcerias com o PTI, prestação de contas e o lançamento do Festival das Águas. No período da tarde os secretários municipais das pastas de Indústria, Comércio e Turismo, de Agricultura, Educação, Finanças e Administração terão a oportunidade de participar de uma visita

técnica às instalações do PTI. O objetivo da visita é proporcionar conhecimento técnico e, de forma conjunta, identificar oportunidades para o desenvolvimento regional. “O PTI está consolidado como um polo científico e tecnológico no Brasil e precisamos aproveitar as experiências exitosas para que nossos municípios avancem de maneira integrada”, diz o presidente do Conselho dos Lindeiros.

PROGRAMAÇÃO Após a assembleia, os participantes irão conhecer o Centro Internacional de Energias Renováveis, Centro Internacional de Hidroinformática, Programa PTI Educação, Ñandeva, Polo Astronômico, Estação Ciências, Espaço do Barrageiro, Universidade Aberta do Brasil (UAB), Universidade Federal da

Integração Latino Americana (Unila), Laboratório de Hidrogênio, Laboratório de Biogás, laboratório de Automação e Simulação de Sistemas Elétricos (Lasse), Laboratório de Baterias, Programa Desenvolvimento de Negócios, Visão Panorâmica e encerramento como diretor da Fundação Parque Tecnológico Itaipu (FPTI), Juan Carlos Sotuyo.

Prefeitura de Nova Santa Rosa restaura luminárias clássicas A Prefeitura de Nova Santa Rosa vem promovendo desde o início deste ano a valorização da cultura e da história do município. A afirmação é do prefeito Rodrigo Fernandes. Segundo ele, uma das atividades desenvolvidas é a restauração de luminárias instaladas na Avenida Tucunduva, como forma de resgatar e valorizar um dos elementos clássicos do município. Fernandes lembra que, ao invés de arrancar as luminárias jogá-las no lixo, como ocorreram em outros pontos da cidade em anos anteriores, a

administração municipal preferiu reformá-las e recolocadas no mesmo local. “Devemos avançar sempre, modernizando os equipamentos públicos, mas sem nunca esquecer quem somos, de onde viemos, nem deixar de valorizar esses elementos que embelezam nosso município”, salienta o prefeito. O trecho da Avenida Tucunduva, que compreende uma quadra antes da Escola Municipal Getúlio Vargas e uma depois do Colégio Estadual Marechal Gaspar Dutra, também receberá luminárias, assim como o restante da avenida. Marcos Elieser

Luminárias clássicas são restauradas e reinstaladas nos locais de origem


VARIEDADES

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

O PRESENTE |

15

Mande sua sugestão, crítica ou piada para carina@opresente.com.br

○ ○

AMOR À VIDA

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

Socorro se recusa a contar o que sabe sobre Amora. Brenda é presa em flagrante, tentando roubar a casa de Glória. Perácio explica à família por que não pode ser preso. Érico pensa em Verônica. Bárbara provoca uma briga entre Tina e Vitinho. Fabinho sente ciúmes de Caio com Giane. Simone morre. Salma e Gilson são solidários a Amora. Karmita convida Renata para administrar a filial de sua empresa no Rio de Janeiro. Malu pergunta a Maurício por que eles não estão juntos. Amora recebe mais uma mensagem ameaçadora, e Bento se preocupa.

○ ○

SANGUE BOM

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

Pérola sai da sala de audiência a mando do juiz, que aceita ouvir a história de Sonan. Aurora fica constrangida ao perceber que Davi está em uma cadeira de rodas e se desculpa por tê-lo deixado cair. Nuno consegue o emprego de contador no cabaré Pacheco Leão. Manfred depõe a favor de Amélia, para espanto de Ernest e Silvia. Aurora procura Davi para desfazer a má impressão e os dois resolvem ser amigos. Aurora ajuda Dália a encontrar Teresa. Depois de ouvir Pérola, o juiz decide que a menina ficará com Amélia.

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

Ben impõe a presença de Anita no musical como condição para participar. Clara não dá atenção para Vitor, e Giovana a apoia. Flaviana e Sofia escolhem Soraia para ser a garota propaganda do “Tapinha de Sofia”. Sofia e Flaviana dão dicas de moda para Soraia. Zico desconfia de que Omar esteja apaixonado por Luciana. Paulino persegue Zorga pelo Grajaú. Virgílio reconhece Cadelão e descobre seu plano. Bernardete decide fazer uma promoção para os clientes, e Luciana fica contrariada. Paulino descobre a identidade de Zorga. Cadelão encontra Martin.

QUINTA-FEIRA (24)

JOIA RARA

MALHAÇÃO

*

Félix avisa a César do estado de Pilar e a leva direto para o hospital. Aline reclama ao saber que o marido ajudará Pilar. Atílio sai de casa. Márcia fica arrasada. Eudóxia ensina Valdirene a se portar à mesa. Atílio volta para Vega. Daniel e Perséfone se reconciliam. Jacques não deixa Félix assistir à cirurgia de Pilar. Aline convence César a comprar dois apartamentos para ela. Thales mostra seu livro para Leila, que fica furiosa. Aline tenta seduzir Bruno. Paloma repreende Félix por não comunicá-la da operação de sua mãe. Pilar acorda da operação e encontra Jacques em seu quarto.

* Os resumos dos capítulos estão sujeitos a mudanças em função da edição das novelas.

DEUS ME GUIA

COMA CONOSCO Tinha um caipira que trabalhava para uns ricos. Certo dia, ele foi tirar leite da vaca que os patrões pediram, mas, por pura coincidência, ele chega na hora do almoço: - Coma conosco! - diz o patrão. - Não, não obrigado!! - diz o caipira. Então o patrão continua insistindo e o caipira diz: - Tá bom, vou provar um conosquinho...

O japonês resolveu pintar o para-choque do caminhão: - Por favor, pinta “Deus me guia” bem bonitinho, no? O sujeito caprichou nas letras e o japonês foi embora contente, só que na primeira esquina deu a maior pancada no poste. Passados uns dois meses, voltou lá com o caminhão todo consertado. - Vamos pintar frase bem bonita no para-choque, no? - Já sei, vamos pintar “Deus me guia”! - disse o homem. - No, no, agora muda... pinta “Japonês mesmo guia”!

RONDELLI FÁCIL

SOLUÇÃO SIMPLES Quando a Nasa começou a mandar astronautas para o espaço, rapidamente descobriram que as esferográficas não escreviam em gravidade zero. Para combater este problema, os cientistas da Nasa gastaram uma década e US$ 12 bilhões para desenvolver uma caneta que escrevesse em gravidade zero, de cabeça pra baixo, debaixo d’água, em qualquer superfície, incluindo vidro, e a temperaturas que fossem desde o negativo até os 300ºC. Os russos usaram um lápis.

Ingredientes: 1 rolo de massa de pastel (500 g) 500 g de presunto fatiado 500 g de muçarela fatiada

1 copo de requeijão cremoso 1 lata de molho de tomate pronto 1 caixa de creme de leite 1 xícara de água

Modo de preparo:

Abra a massa de pastel e divida em três partes (mais ou menos 40 cm cada). Passe o requeijão cremoso por cima. Distribua as fatias de presunto e de muçarela em toda a massa. Enrole igual um rocambole e corte os rondellis de mais ou menos três centímetros de espessura. Distribua os rondellis num refratário. Misture o molho de tomate, a água e o creme de leite e regue os rondellis. Leve em forno médio/alto por 40 minutos ou até a massa ficar cozida.

ÁRIES: Emoções, eliminação de situações, mudanças profundas e desapego estão enfatizados. Um dos períodos mais intensos do ano, em que você deve renascer. TOURO: Fase de um tudo ou nada nas relações. O que você tem dificuldade de enxergar e aceitar em si atrairá em seus relacionamentos como desafio. GÊMEOS: Uma fase intensa. Conscientize-se do que precisa melhorar e também dos hábitos e padrões a eliminar. Momento de se dar conta dos tabus e superar. CÂNCER: Tudo agora terá um caráter mais intenso e de grandes transformações afetivas. Paixão é fundamental, como também a consciência de padrões compulsivos. LEÃO: Momento de se conscientizar das transformações internas e emocionais necessárias. Hora de olhar para dentro, reencontrar seus tesouros internos. VIRGEM: Hora de aprofundar os temas que lhe instigam emocionalmente. Contatos transformadores. A mente recebe uma energia muito especial. LIBRA: A conscientização do que é essencial a você e do que deve ser desapegado fica mais intensa. Hora de lapidar talentos ainda não desenvolvidos. ESCORPIÃO: Das profundezas das emoções brotam novos insights, atitudes, consciência. Hora de iluminar os escuros, o que você tem dificuldade de aceitar. SAGITÁRIO: Muito a ser concluído, eliminado, nesta fase que antecede o seu aniversário. O momento é de perceber o que precisa chegar ao final, velhos padrões de atitude. CAPRICÓRNIO: Momento de união de talentos, recursos e forças, para transformar situações. Hora de perceber com quem você vai realizar seus propósitos mais importantes. AQUÁRIO: Luz à carreira e ao que você faz com paixão. Finais de situações que representam também a possibilidade de um recomeço. PEIXES: O momento enfatiza conhecimentos que estão relacionados com o seu desenvolvimento emocional. Reflexões sobre os princípios que orientam a sua vida.


O

seio tem uma simbologia muito forte para as mulheres. Afinal, ele representa toda feminilidade, seja como fonte de vida e alimento, seja como fonte de prazer. Por isso, a cirurgia de retirada de mama causa uma mistura de sentimentos, que vão do desespero ao medo. Desespero por não poder mais amamentar; medo de não sentir mais prazer e não ser mais desejada pelo companheiro. Superar isso é um obstáculo. E dos grandes. Requer força, coragem e perseverança. Nenhuma mulher com câncer de mama que entra na sala de cirurgia pode sair achando que um seio ficará igual ao outro. O problema é encarar essa realidade de frente. E mais, saber que a partir daquele momento o tratamento está apenas começando, e não terminando. O caminho ainda será longo até o término do processo. Devido a isso, muitas pacientes vão do “céu ao inferno” após se submeter ao procedimento cirúrgico. “Existe um grande viés das pacientes que nos procuram no consultório de imaginarem que elas vão sair do centro cirúrgico do mesmo jeito que entraram. Isso não ocorre. O conceito é que nos casos indicados o objetivo é minimizar a repercussão psicológica da ausência do volume mamário”, relata o cirurgião plástico Tiago André Ribeiro. “A paciente precisa estar consciente de que ela vai sair da cirurgia com volume mamário. É preciso deixar bem claro que não se trata de uma mama nova, mas uma adequação ao que foi retirado”, complementa. Na oncoplastia, é feita a associação do tratamento do câncer com a retirada parcial ou total

da mama, utilizando técnicas de cirurgia plástica. “Mas volto a frisar que não é feita uma nova mama, mas sim a reconstrução com o que nós temos, ou seja, é feito o uso de expansores, próteses, músculo ou pele”, revela. O médico relata que na última semana uma paciente foi submetida à cirurgia. Ela tinha um tumor de sete centímetros. Por isso, foi necessário retirar toda a mama e a pele. A reconstrução foi realizada com retalho das costas, utilizando músculo, e associado a isso foi colocada uma prótese. “Este é um tipo de procedimento, mas existem outros. É um processo complexo, diferentemente do implante de silicone estético. Além disso, a paciente sempre precisa lembrar que a partir daquele momento o tratamento está apenas começando, seja o oncológico como de reconstrução. Isto porque será preciso passar por sessões de quimioterapia, de radioterapia e por outros procedimentos

para reconstrução do complexo da aréola com o mamilo, caso este tenha sido retirado. Há cirurgias que são bem preservadoras, em que a oncoplastia consegue ser ativa e a reconstrução ocorre num tempo só. Isso acontece quando o caso é descoberto logo no início, mas não é o mais comum”, detalha o cirurgião plástico.

SEMELHANÇA, NÃO IGUALDADE De acordo com Ribeiro, a retirada da mama e sua posterior reconstrução não vão devolver a possibilidade de amamentar e de ter um mamilo igual ao outro. “Sempre tocamos no ponto semelhança, e não igualdade”, expõe. A cirurgia de mastectomia leva em torno de duas horas. Dependendo do caso, pode ser feita a retirada de apenas uma parte da mama ou, na situação mais radical, retira-se tudo. Quando na mesma oportunidade é feita a reconstrução, o procedimento chega a durar seis horas. “O processo todo de reconstrução pode durar em torno de dois a três anos, dependendo do caso”, cita.

IMPORTÂNCIA DA FAMÍLIA Conforme o médico, do ponto de vista psicológico, da feminilidade e sexual, a mastectomia e reconstrução mamária abalam muito a paciente. Por isso, o apoio familiar é extremamente importante. “Quando a paciente possui um companheiro ativo, que lhe acompanha nas consultas, sempre procuramos informar o cônjuge como funciona todo o procedimento. O máximo que conseguimos conversar com as pacientes e familiares pode ser chocante a princípio, mas pode ajudar muito na aceitação da doença e dos procedimentos a serem realizados”, constata.

DE VOLTA À REALIDADE De acordo com o cirurgião plástico, a paciente precisa lembrar sempre que o ponto primário não é a reconstrução da mama, mas o tratamento do câncer. Ribeiro diz que para muitas é difícil ter essa compreensão. “Devido a isso, precisamos trazê-las para a realidade, pois senão elas

acham que vão operar e acabou, e não é assim. A batalha contra o câncer vai durar anos até dizer que ela está realmente tratada. A paciente tem que ter a noção, portanto, de que o tratamento só começou com a cirurgia, porque senão depois o embate de uma nova cirurgia, caso haja necessidade, pode agredir muito a mulher. Apesar disso ser injusto, precisamos trazer a paciente de volta para a doença. Precisamos estimulá-la, na medida do possível, mas nunca enganar e omitir informação. A paciente tem que ser extremamente informada sobre todo processo”, expõe.

PÚBLICO JOVEM O médico revela que a paciente mais jovem que ele já operou com tumor na mama tinha apenas 13 anos. Trata-se de um caso completamente extremo, mas Ribeiro afirma que cada vez mais mulheres jovens procuram os consultórios. Para ele, isso acontece devido à facilidade em ter acesso a exames, consultas, mamografias e ultrassons.


“Me senti mutilada com a mastectomia” Os cabelos loiros se foram. Assim como a sobrancelha, os cílios e a mama esquerda. Impossível dizer que isso não mexe com a vaidade, autoestima e feminilidade. No começo foi um baque, mas superável. Contando as semanas para terminar a quimioterapia, a rondonense Marcia Tatiana Lutz, de 30 anos, que descobriu o câncer de mama com 29, fez um depoimento ao Jornal O Presente. Ela relata um pouco sobre a descoberta da doença e o tratamento. Uma coisa o câncer não tirou da paciente: o sorriso no rosto e a vontade de viver. Nunca admitiu que com a doença poderia chegar ao fim da linha e não recebeu o diagnóstico como sinônimo de sentença de morte. Encarou a doença e foi à luta. Foi ela que acudiu os familiares para que eles continuassem em pé e não se abalassem, quando naturalmente o caminho deveria ter sido o inverso. É uma guerreira. “Meu nome é Marcia Tatiana Lutz, sou casada, sem filhos e tenho hoje 30 anos.

Fazendo o toque em casa no ano passado senti um carocinho na mama esquerda. Procurei ajuda e insisti muito com meu médico, pois como tinha 29 anos e era muito nova, ele não acreditava na hipótese de ser um câncer. Descobri o câncer de mama no dia 30 de abril deste ano ao receber a biópsia. No mesmo dia fiz a primeira sessão de quimioterapia. Treze dias depois já estava caindo meu cabelo, sobrancelha, cílios, enfim, todo pêlo do corpo. Tive muito apoio do meu marido, dos meus pais e familiares. Fiz quatro quimioterapias vermelhas, que são consideradas as mais agressivas. Precisei fazer mastectomia radical da mama esquerda. Foi bem difícil e complicado. A sociedade não me incomoda tanto, mas até hoje não me aceito muito em questão de relação marido e mulher. Me sinto mutilada com a mastectomia radical, mas sou forte e aguento. Deus não dá um fardo maior do que podemos carregar. Quando saiu o resultado da biópsia pensei somente no sofrimento do tratamento, porque imaginava que iria perder o cabelo, emagrecer, ficar doente. Comigo

foi o oposto. Eu engordei e procurei manter minha vida normal, apesar de haver algumas limitações. Na minha cabeça nunca passou que eu iria morrer. Nunca. Só pensava no sofrimento do tratamento e do póscirúrgico. Afinal, fiquei 21 dias com pontos e dreno devido à mastectomia e esvaziamento axilar. Foi me tocando em casa, sozinha, que descobri o nódulo. É isso que a nossa campanha do Outubro Rosa quer mostrar para as mulheres. Elas precisam se tocar e procurar ajuda médica se encontrar qualquer carocinho. Insista. Eu tinha 29 anos na época e os médicos diziam que era quase impossível ser câncer. Eu também não acreditava que fosse, até o dia que recebi o resultado da biópsia com grau de malignidade três. Mesmo com todo processo de tratamento sigo forte. Quem me encontra na rua nem acredita que estou passando por tudo isso. Estou fazendo quimioterapia ainda e tenho mais três sessões até o dia 15 de janeiro de 2014. Estou curada e esperando terminar o tratamento para voltar à ativa e continuar a vida que tinha antes”.

Acompanhamento psicológico é importante no tratamento Enquanto algumas pacientes conseguem assimilar bem o fato de estar com câncer de mama, outras não têm a mesma reação e ficam deprimidas e sem vontade de lutar contra a doença. Por isso, o acompanhamento psicológico pode auxiliar no processo de superação da descoberta de que uma nova fase da vida se inicia, a qual requer paciência, fé, coragem e força. O psicológico Maurício Mantovanelli, de Toledo, que também atende em uma fundação de apoio ao paciente com câncer, comenta que a doença por si só, especialmente o seu nome, tem um fator que ainda assusta os pacientes. Por isso, o acompanhamento profissional pode ajudar a se reerguer. “No caso do câncer da mama, a doença atinge

uma dimensão fundamental da mulher. Algo que mexe com a identidade e isso, consequentemente, mexe com o emocional. E um emocional abalado é um fator que dificulta a resolução de qualquer recuperação orgânica. Neste sentido, quando o tratamento químico e psicológico é combinado, as chances e a rapidez na recuperação normalmente são maiores”, afirma. De acordo com o psicólogo, quando da ocorrência do câncer, o paciente passa por algumas fases. A primeira é do impacto e do susto. “Chamamos essa fase da negação, pois o paciente não quer acreditar que está com a doença”, comenta. Depois surge um momento de desespero, quando normalmente a pessoa se dá conta de que realmente

Caso Angelina Jolie Recentemente, o assunto envolvendo as mamas se tornou manchete no mundo todo. Isso ocorreu quando a atriz Angelina Jolie revelou que havia retirado as duas mamas e implantado silicone como forma de prevenção ao câncer, doença que vitimou sua mãe. Antes do procedimento, devido a um gene defeituoso, seus médicos estimavam que ela teria 87% de probabilidades de sofrer um câncer de mama e 50% de câncer de ovário. Depois da cirurgia este índice baixou para 5%. O médico Tiago André Ribeiro revela que desde então aumentou a procura de pacientes em busca de informações sobre o mesmo procedimento. São mulheres querendo obter esclarecimentos sobre a técnica, especialmente aquelas que têm histórico da doença na família. Perguntado sobre a sua opinião a respeito deste método, o médico responde: “Meu conceito pessoal ainda não está formado. Em meados de novembro haverá congresso da

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e teremos discussão sobre mastectomia profilática e reconstrução imediata, que é o que ela fez. É complicado falar que a mulher não deve fazer isso, pois diminui a chance de câncer em 95%, mas ainda sobram os 5%. É difícil dizer que isso é viável, factível e para quem indicar. Indicar para todo mundo? Daqui 50 anos todos terão alguém que já teve câncer de mama na família e aí ninguém mais terá seio? É difícil justificar uma cirurgia tão agressiva pela redução da incidência de câncer, pois isso não é provado. No caso da Angelina Jolie, a atriz teve a mãe que morreu de câncer, mas é um caso. Precisaria haver um estudo que mostrasse que realmente há diminuição da incidência da doença. Caso contrário, vamos começar a fazer muitas cirurgias que podem não dar certo e no final a taxa de câncer de quem fez a mastectomia é a mesma de quem não fez”, opina.

está com a doença. Em seguida, deve haver o enfrentamento. “Entendemos que todos esses fatores e todas essas etapas, do paciente se assustar e se desesperar em dado momento, são normais. Contudo, isso é temporário, uma vez que constatada a doença se inicia a busca pela recuperação. Apesar disso, ocorrem sim casos em que a mulher apresenta um quadro depressivo. Tudo vai depender do estado emocional da pessoa”, comenta. Mantovanelli salienta que as mulheres estão mais fortes para lidar com a doença. Conforme o profissional, é resultado devido aos inúmeros exemplos de recuperação. “A maioria consegue lidar com certa tranquilidade e também está tendo maior busca por ajuda”, menciona.


18 | O PRESENTE

ESPECIAL

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013


E

ntrar no ranking dos 400 melhores tenistas profissionais é a meta do rondonense Marlon Oliveira para 2014. Este era o objetivo dele para este ano, contudo, foi postergado em virtude de uma lesão. Marlon machucou as costas por overtraining, ou seja, devido à intensa rotina de jogos e treinamentos, ficando sem atuar por mais de cinco meses. Há cerca de 15 dias, Marlon esteve em Marechal Cândido Rondon visitando os pais, familiares e amigos, e neste período participou em Toledo do torneio Prati-Donaduzzi Tennis Open, sagrando-se campeão na Primeira Classe, recebendo premiação de R$ 1,5 mil. Em sua estada na cidade, Marlon concedeu entrevista à reportagem de O Presente, ocasião em que falou sobre sua trajetória como atleta, conquistas, torneios, metas e a mudança para Curitiba. A lesão que tirou o rondonense de campeonatos ocorreu no mês de fevereiro em uma maratona de jogos realizados no México, durante o 12º Berimbau Internacional Tennis Open, e ele só pôde voltar a jogar tênis em meados de agosto. Foram meses de grandes mudanças, aprendizado e reflexão para Marlon, que precisou rever planos e metas. Não bastasse a lesão e o período de recuperação até voltar a treinar, o tenista teve outra mudança em sua carreira, dessa vez para melhor: recebeu uma proposta irrecusável do Clube Curitibano e mudou-se de Balneário Camboriú (SC), onde treinava há mais de cinco anos, para Curitiba, onde está há pouco mais de quatro meses. De acordo com o rondonense, a saída de Balneário e a ida a

Curitiba se deve a questões financeiras. Segundo o atleta, o custo de vida é muito alto em Camboriú e ele ainda não conta com patrocinadores. A fonte de sua renda vem das premiações nos torneios profissionais e da grande ajuda prestada pelos pais. Outro detalhe apontado pelo tenista é que o Clube Curitibano tem ótimos resultados, com maior número de jogadores campeões em disputas.

TORNEIOS Uma série de campeonatos foi disputada por Marlon Oliveira no Egito entre o final de agosto e o final do mês de setembro, por intermédio do Sierra Savoy Internacional Tennis Open. Foram seis torneios e vitórias em várias primeiras rodadas na categoria simples, porém ele não conseguiu avançar. Já nas duplas, fez três semifinais nos torneios future. O retorno do Egito ocorreu há cerca de quatro semanas. Marlon comenta que neste ano ainda poderá participar de torneios profissionais no Paraná, nas cidades de Cascavel e Foz do Iguaçu, mas nada está

decidido, uma vez que surgiu a oportunidade de participar de torneios sul-americanos que serão realizados no Brasil, Colômbia e Venezuela, sendo que nestes dois últimos países serão dois torneios seguidos. A confirmação virá por parte de seu treinador, que dirá onde terá mais chance de vitória e crescimento. Todos esses campeonatos somam pontos no ranking da Associação de Tenistas Profissionais (ATP). Praticante da modalidade de tênis desde os dez anos de idade - hoje com 24 -, Marlon iniciou como todo esportista, vindo das

bases. Participou de torneios no município e na região, em juvenis e de classes, até chegar ao nível profissional, categoria na qual conquistou inúmeros feitos, chegando ao pódio diversas vezes. O rondonense projetava chegar ao final deste ano entre os 400 melhores tenistas profissionais, contudo o projeto de 2013 ficou para 2014, devido à lesão sofrida nesse ano e ao desgastante período de recuperação. Ocupando atualmente a posição 1.110 no ranking, Marlon já esteve entre os 700 melhores tenistas, sendo 711 na

categoria dupla e 798 na categoria simples. Sobre torneios mundiais como Wimbledon, Roland Garros e US Open, o tenista disse que é preciso figurar entre os 250 melhores no ranking para se classificar e ter o direito de participar desses campeonatos. Apesar de distante e de ser um sonho, Marlon menciona que pretende um dia estar no Top 100 para poder participar de grandes torneios. Para o futuro, ele objetiva continuar no tênis e analisa se desenvolverá projeto profissional ou projeto social com crianças.


20 | O PRESENTE QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

LORENA KUNZLER lorena@opresente.com.br

Lucia/Oram a/Aqui Eventos

Aconteceu no último sábado (19), em Guaíra, o enlace matrimonial de Leia e Emerson, ela filha de João Germino e Ana Maria dos Reis e ele filho de Eliseu Brizz e da vereadora Rosana. Os noivos receberam amigos e convidados no Buffet Neotte e foram assessorados pela Aqui Eventos

HORÁRIO REDUZIDO Municípios do Oeste paranaense pretendem reduzir o expediente e, em alguns casos, decretar recesso das atividades dos órgãos públicos. Isso porque estão sem recursos para arcar com a folha de pagamento dos funcionários e despesas gerais. Uma das prefeituras que já segue esse procedimento é a de Braganey. Em Céu Azul a possibilidade já está em análise. A Associação dos Municípios do Oeste do Paraná deve discutir a questão em reunião nos próximos dias.

NA ONU O Paraná integra o Conselho Mundial da Água pela primeira vez. O órgão congrega governos, empresas, universidades e organizações políticas e sociais do mundo todo. O Estado irá sediar no mês de dezembro a reunião da Seção Brasil do Conselho. O engajamento permite a apresentação de recomendações para a Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas, que definirá a agenda de desenvolvimento após o ano de 2015.

FICAR EM PÉ Trabalhar em pé pode trazer benefícios para a saúde. As constatações são da pesquisa do médico e jornalista britânico Michael Mosley. Todas as horas que as pessoas passam sentadas trazem males, como dificuldade do corpo de eliminar açúcar e sedentarismo. Mesmo a prática de exercícios não desfaz o dano das longas horas que as pessoas passam sentadas. Além disso, ficar em pé ajuda a eliminar calorias.

IDEIAS INOVADORAS DE NEGÓCIOS No 5º período de Engenharia Eletrônica da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) - campus Toledo, Geovani Bresciani teve uma ideia que pode ajudar a melhorar a qualidade, diminuir o custo de produção e aumentar a produtividade de peixes. Ainda em fase de análise, o projeto do estudante é colocar em prática um sistema de monitoramento nos criadouros, inédito até o momento. Foi para alimentar ideias inovadoras como a de Bresciani que uma das atividades do Meeting of Innovation Toledo (MIT 2013) foi criada. O MIT 2013 acontece hoje (24), no Centro Comercial da Catedral, e é uma realização do Sebrae/PR e UTFPR, com o apoio da Associação Comercial e Empresarial (Acit), prefeitura, Conselho de Desenvolvimento Econômico de Toledo (Comdet) e Agência de Inovação da Universidade Federal do Paraná. A programação prevê, além de oficinas, palestras, mostra cultural e uma feira de estágio e emprego.

HOMENAGEM A MÉDICO DE MARECHAL CÂNDIDO RONDON Helio Hidetoshi Sakuragui, de Marechal Cândido Rondon, foi um dos 48 médicos homenageados este ano pelo Conselho Regional de Medicina do Paraná, na tradicional solenidade alusiva ao Dia do Médico e que ocorreu no sábado (19), em Curitiba. Ele recebeu o Diploma de Mérito Ético-Profissional e a Estatueta da Medicina das mãos do filho também médico Hélio Ricardo Toshihide Sakuragui. A especial deferência alcança profissionais que completam 50 anos de Medicina cumpridos de forma exemplar, sem qualquer reparo ético. O presidente do CRM, Maurício Marcondes Ribas, exaltou a importância do papel de pioneiros como o Dr. Helio na formação de novas gerações de médicos. O homenageado, formado em 1963 pela Federal do Paraná, trabalha no Hospital Rondon.

Dia Dia Dia Dia Dia Dia Dia Dia Dia Dia Dia Dia Dia

24: 24: 24: 24: 24: 24: 24: 24: 24: 24: 24: 24: 24:

Ana Carolina Specht Arno Boll Elemar Cézar Dunke Ermínio Vinceguerra Ítalo Fernando Fumagali Lucas Diego Roehrs Lucia Kunimatzu Moacir José Colombo Onésimo Augusto Kasler Peterson Peruchini Renilda Figur Rogério Guilherme Weber Selmar Franck Marquesin


QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

SOCIAL

O PRESENTE |

FESTIVAL DE DANÇA DA UNIMED COSTA OESTE

Luiz Augusto Costa

No sábado (26), os colaboradores da Unimed Costa Oeste (UCO) participam do 3º Festival de Dança promovido pela cooperativa. Entre os ritmos ensaiados por cerca de quatro meses pelos funcionários estão tango, samba de gafieira, forró, anos 60, 70 e 80, country, valsa e as danças típicas peruana, espanhola, gaúcha e paranaense. As coreografias são de responsabilidade técnica de Marcos Padilha e Cláudia Haas Padilha, instrutores de dança da “Cia de Dança Marcos Padilha” e do Centro de Tradições Gaúcha (CTG) Chama Crioula. A apresentação conta com cerca de 100 colaboradores distribuídos entre os ritmos, no auditório do Colégio La Salle, para familiares e convidados, a partir das 19h30.

Na cerimônia de homenagem aos médicos que completaram 50 anos de profissão em 2013, o médico rondonense Helio Hidetoshi Sakuragui foi um dos 48 homenageados este ano pelo Conselho Regional de Medicina do Paraná. Ele recebeu o Diploma de Mérito Ético-Profissional e a Estatueta da Medicina das mãos do filho também médico Hélio Ricardo Toshihide Sakuragui

João Livi

PROCESSO DE SELEÇÃO SIMPLIFICADO

O casal Luiz Carlos Lirio (Grilo) e Ingrun (Guni) em recente evento social em Marechal Cândido Rondon

A Prefeitura de Maripá abriu inscrições para o Processo de Seleção Simplificada (PSS) para os cargos de agente de endemias, auxiliar de enfermagem, motorista e zeladora. As inscrições podem ser realizadas no Paço Municipal, Protocolo, até a próxima quinta-feira (30). Para a inscrição, o candidato deverá preencher formulário, informando seus dados pessoais, endereço, comprovantes de escolaridade e de tempo de serviço, de acordo com os anexos 1 e 3 do edital disponível no site do município de Maripá (www.maripa.pr.gov.br).

21


QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

GERAL

O PRESENTE |

19

MEIO AMBIENTE

Lindeiros querem solução para arborização urbana Objetivo é despertar o interesse dos municípios para um estudo de viabilidade de espécies adequadas para as cidades Divulgação

Uma palestra com o especialista em Planejamento Urbano da LVG Heidelber, da Alemanha, Christoph Hintze, reuniu representantes dos municípios da Bacia do Paraná 3 (BP3) para obter novos conhecimentos a respeito de paisagismo e arborização urbana. O evento foi organizado pela Itaipu, em parceria com a Faculdade Assis Gurgacz e Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu. O objetivo foi proporcionar aos responsáveis pelos setores de arborização de cada município subsídios para estudos conjuntos a respeito de espécies de plantas que podem ser incorporadas às cidades. Conforme Hintze, por meio de paisagismo é possível arborizar a cidade, valorizar os imóveis e evitar conflitos com a rede elétrica e de abastecimento de água. “Gostaria de

apresentar um sistema de conceito por meio de estratégias e plano diretor para assegurar qualidade de vida aos moradores e valorizar imóveis urbanos”, destacou. Conforme o chefe do Departamento de Interação Regional da Itaipu, Gilmar Secco, o que se quer é unir os municípios para um procedimento padrão com foco na arborização urbana. “O que ocorre em muitas cidades é que árvores em conflito com redes elétricas ou de abastecimento de água são eliminadas. Em seguida outras espécies são plantadas, gerando novos problemas”, observa.

SOLUÇÃO SUSTENTÁVEL A LVG Heidelberg, do Ministério de Alimentação e Áreas Rurais do Estado de Baden Württemberg, é composta pelo Centro de Competência Moderna de Horti-

Lideranças do setor ambiental buscam alternativas para evitar confrontos da arborização com rede de energia e de água

cultura, Floricultura, Produção de Plantas Ornamentais, Arboricultura e Paisagismo e pode representar um exemplo aos municípios da BP3. “O que precisamos é criar comitês para desenvolver soluções sustentáveis.

Criar uma ação que não interfira negativamente na outra e, desta forma, reduzir custos com manutenção”, pondera o especialista. Entre as análises, segundo Hintze, está o cálculo de custo de produção, conceitos regio-

nais, produção ecológica certificada, com base na gestão da água em áreas públicas e privadas, teste de plantas perenes, fácil manutenção em áreas verdes, necessidades das árvores em ambiente urbano, além de outras peculiaridades.


QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

ESPECIAL

O PRESENTE |

23


ESPORTES

24 | O PRESENTE

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

JOJUPS

Marechal Rondon disputa semifinal no voleibol hoje Equipe acabou em 2º no grupo B, ao perder para Cascavel, e enfrenta o campeão do grupo A Divulgação

Após perder para Cascavel, quando lutava pela liderança do grupo B, a equipe de voleibol feminino A de Marechal Cândido Rondon disputa hoje (24) partida da semifinal nos Jogos da Juventude do Paraná (Jojups) - fase final, em Umuarama. Os jogos acontecem desde a última sextafeira (18) e seguem até amanhã (25) em diversas modalidades no naipe masculino e feminino. A campanha rondonense foi de três vitórias, sobre Telêmaco Borba por 3 sets a 1; São José dos Pinhais, também por 3 a 1; e Ponta Grossa, por 3 a 0. Apesar de estar melhor na partida, uma vez que vencia por 2 sets a 1, as meninas rondonenses não conseguiram segurar a pressão, deixando Cascavel empatar e depois virar. Placar: Cascavel 3 sets a 2 sobre Marechal Rondon. Como o selecionado rondonense do voleibol feminino classificou-se em 2º lugar no grupo B e já estava na semifinal, ele enfrentará o 1º colocado do grupo A, definido entre Curitiba, Guarapuava e Maringá.

BASQUETE Atletas do município foram a Umuarama representados pela equipe masculina de basquete, que acabou eliminada ao perder três partidas para as fortíssimas equipes de Maringá, Londrina e Curitiba. A equi-

pe tem como técnico Marcelo Góes e ficou na lanterna do grupo B, sendo rebaixada para a Divisão B em 2014.

OUTRAS MODALIDADES As outras modalidades que Marechal Cândido Rondon tem representantes, tanto no naipe masculino quanto no feminino, são: tênis, atletismo, ciclismo, ginástica rítmica (GR) e judô, sendo que nesta modalidade aconteceu uma luta ontem à noite (23), mas o resultado não era conhecido até o fechamento da edição. A equipe da GR foi medalha de ouro no aparelho fita, categoria B, medalha de prata no aparelho maça, categoria B, e medalha de bronze na equipe individual. Também representou o município com o conjunto de cinco arcos obtendo um bom resultado. No geral, a GR classificou-se em 7º com dez pontos.

CLASSIFICAÇÃO Em se tratando de classificação geral nos Jojups, no atletismo feminino A, Medianeira ficou em 9º, porém não pontuou; no masculino A, Marechal Rondon chegou em 10º e Medianeira em 20º, ambos sem pontuação. No badminton feminino A, Toledo ficou em 2º, com 18 pontos, e Toledo foi campeão no masculino A, com 21 pontos.

As meninas de Marechal Rondon agora enfrentam o 1º colocado do grupo A pelo voleibol

No ciclismo masculino A, Marechal Rondon conquistou o 7º lugar, com dez pontos; na GR feminino A, Toledo ficou em 2º com 18 pontos; Marechal Rondon em 7º, com dez pontos; e Palotina em 11º, sem nenhum ponto. No karatê feminino A, Toledo ficou em 4º com 14 pontos; e no masculino A, São Miguel do Iguaçu conquistou o 6º lugar e somou 11 pontos; Toledo ficou em 18º, insuficiente para pontuar. Na modalidade natação feminino A, Toledo ficou em 6º e fez 11 pontos; no masculino A,

Atacar vence todas no Paranaense de HCR Foi em Cianorte, no sábado (19), que os atletas de Handebol em Cadeira de Rodas (HCR) da Atacar/ Unipar/Toledo/Volvo/Oi/ Prati-Donaduzzi trouxeram mais uma conquista importante para a história da equipe: o primeiro lugar

em todas as categorias do Paranaense de HCR. Eles partiram para Cianorte com o ouro garantido na categoria misto. Lá, disputaram gol a gol nas categorias HCR 7, HCR masculino A e B. No feminino, a vitória veio sem confronto,

já que a equipe de São Miguel do Iguaçu não foi à competição. Embalados da vitória no Paranaense, o grupo foca nos Jogos Abertos do Paraná para pessoas com deficiência, o Parajaps, que acontece em Maringá no mês de novembro. Divulgação

Pela primeira vez a equipe Atacar/Unipar/Toledo/Volvo/Oi/Prati-Donaduzzi venceu em todas as categorias do campeonato

Toledo chegou em 9º, sem conseguir pontos. No tênis feminino A, Marechal Rondon conquistou a 6ª colocação, com 11 pontos; e no masculino A, Marechal Rondon ficou em 9º e Toledo em 10º, ambos sem nenhuma pontuação. Na parcial por município, a informação liberada via site dos Jojups ontem (23) referia-se a terça-feira (22) - o mesmo na classificação -, sendo: em 1º Curitiba, com 248 pontos; em 2º Londrina, com 197; e em 3º Maringá, com 196. Da região Oeste, as cidades que apareci-

am na relação eram Toledo em 7º, com 82 pontos; Marechal Rondon em 16º, com 31 pontos; e em 30º lugar Medianeira, que não havia pontuado. Hoje (24) acontecerá a semifinal do futebol masculino, jogo no futsal masculino, semifinal no handebol masculino, luta de judô nos naipes feminino e masculino, jogo de rugby nos naipes feminino e masculino, semifinal no voleibol feminino, disputas de vôlei de praia nos naipes feminino e masculino e jogo de xadrez nos naipes feminino e masculino.

Interfirmas de 48 tem final hoje e amanhã em Medianeira Dois confrontos diretos marcarão a final do Campeonato Interfirmas de 48 de Medianeira, entre a equipe Central Carregamentos e Ideal Calhas/Bar do Didi A hoje (24), no Bar do Alcindo, e amanhã (25), no Bar do Didi. A equipe A da Ideal Calhas/Bar do Didi venceu a equipe B por 3 a 0 nos dois jogos da última semana. Já a Central Carregamentos, que havia perdido para a Mercearia do Gaúcho por 2 a 1 no jogo de ida, venceu pelo mesmo placar no jogo de volta e, na prorrogação, conquistou a vaga para a final. Como a melhor campanha na competição foi da Ideal Calhas/Bar do Didi A, a equipe levou o último confronto para casa, no Bar do Didi, no Parque Independên-

cia. Já o primeiro jogo acontece no Bar do Alcindo, no Bairro Nazaré. O primeiro confronto está marcado para as 19h30 de hoje no Bar do Alcindo, pela disputa do 3º lugar, entre Mercearia do Gaúcho e Ideal Calhas/Bar do Didi B. Na sequência será realizada a primeira decisão da final, quando se enfrentam Central Carregamentos e Ideal Calhas/Bar do Didi A. Amanhã, às 19h30, o Bar do Didi sediará a partida de volta na disputa do 3º lugar. Na ocasião, se enfrentarão Ideal Calhas/Bar do Didi B e Mercearia do Gaúcho. O jogo de volta da grande final acontecerá em seguida, entre Ideal Calhas/Bar do Didi A e Central Carregamentos. Haverá entrega de premiação e confraternização entre as equipes.


ESPORTES

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

O PRESENTE |

25

COLÉGIO RUI BARBOSA

Jogos Bordô e Branco entram no penúltimo dia de disputas Partidas coletivas e provas de atletismo acontecem hoje (24) na estrutura do colégio Fotos: O Presente

Os Jogos Bordô e Branco seguem hoje (24), em Marechal Cândido Rondon, com partidas coletivas e provas no atletismo, chegando ao penúltimo dia de competições, cujo resultado será conhecido amanhã (25). Durante a manhã e a tarde de ontem (23) aconteceram atividades esportivas da categoria C; partida de voleibol feminino A; arremesso de dardo feminino e masculino B2; arremesso de disco masculino e feminino B2; provas de natação naipe masculino e feminino, categorias A, B1, B2 e C2; tênis masculino e feminino; e voleibol 4x4 masculino e feminino A e masculino e feminino B2. A professora de Educação Física Juciane Bazzo Henn comentou que, além de disputas esportivas, são realizadas provas nas gincanas, como na tarde de ontem, quando aconteceu gincana mista (equipe B e A) na piscina. Para Romualdo Clasen, aluno do 2º ano do Ensino Médio e integrante do cordão bordô, as disputas estão muito boas e com bons lances, deixando a torcida animada. Esta é primeira vez que integra a liderança, sendo que o que tem percebido é que o cordão bordô tem resultados melhores nas ca-

tegorias B e C, enquanto o branco tem vantagem na categoria A. Por outro lado, ele antecipa que não há como afirmar qual cordão será campeão; definição apenas amanhã. O estudante do terceirão, participante da liderança do cordão branco, Paulo Martins, concorda que o desempenho está bem equilibrado. O futsal foi decidido nos pênaltis, o handebol nos sete metros. Segundo ele, isso mostra que o cordão que se tornar campeão será por mérito e nos detalhes. "Os jogadores demonstram garra e empolgam a torcida", avalia. Ontem foram registradas três vitórias do cordão branco no vôlei e uma partida acontece hoje. Houve empate entre os cordões bordô e branco nas provas de arremesso de dardo e de disco; nas provas de natação o cordão bordô somou 204 pontos, ao passo em que o branco alcançou 112. O jogo de tênis naipe feminino e categoria A foi vencido pelo bordô. Já o jogo de tênis masculino A teve como vencedor o cordão branco. O Ginásio de Esportes do Colégio Luterano Rui Barbosa sedia às 08 horas de hoje atividades esportivas da categoria C; jogo transferi-

Momento da disputa entre atletas - alunos e professores - dos cordões bordô e branco, naipe feminino e categoria A

do de ontem para as 09h30 de hoje, vôlei naipe masculino A; às 10h30 terá handebol feminino B1 e às 11 horas handebol masculino B1. A quadra coberta do colégio terá jogos de basquetebol, às 10h30, naipe feminino A, e, às 11 horas, de basquetebol naipe masculino A. As provas de atletismo acontecem às 11 horas, no salto em distância feminino A; e às 11h15 pelo salto em distância masculino A. No Ginásio do colégio haverá jogo de voleibol às 14 horas pelo naipe feminino, categoria B1; às 14h30, masculino B1; às 15 horas, feminino B2; e às 15h30, masculino B2. O campo do colégio sediará

Estudante Paulo Martins, do cordão branco, avalia que o desempenho está bem equilibrado

partidas de futebol suíço. Às 16 horas acontecerá o primeiro jogo, no qual os cordões bordô e branco disputarão no naipe masculino, categoria B2; às 16h30 no feminino A e às 17 horas masculino A. O jogo de caçador aconte-

Para Romualdo Clasen, do cordão bordô, as disputas estão muito boas e com bons lances, deixando a torcida animada

Gincana mista foi realizada na piscina da Unioeste

cerá no ginásio, a partir das 16 horas, válido pelo naipe feminino, categoria B1; às 16h20, masculino B2; às 16h40, feminino B2; às 17 horas, masculino B2; às 17h20, feminino A; e às 17h40, masculino A.


ESPORTES

26 | O PRESENTE

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

CONTRA O GOIÁS

Dorival troca goleiro e escala Alessandro no Vasco Embora priorize a luta contra o rebaixamento no Brasileiro, cruzmaltino ainda sonha com a classificação às semifinais da Copa do Brasil Marcelo Sadio/vasco.com.br

O Vasco terá um novo goleiro na partida contra o Goiás, hoje (24), às 21 horas, no Maracanã. Com a escalação de um time misto para o duelo válido pela segunda partida das quartas de final da Copa do Brasil, Alessandro ganhou a oportunidade entre os titulares mesmo sem atuar por pouco mais de seis meses. O restante da equipe que treinou na tarde de ontem (23) no Centro de Futebol Zico (CFZ) foi a mesma da atividade realizada no dia anterior. Dorival Júnior cobrou bastante dos atletas e teve Juninho como uma espécie de auxiliar em campo. O time está escalado e entra em campo com: Alessandro; Fagner, Luan, Renato Silva e Yotún; Sandro Silva, Fillipe Soutto, Juninho e Jhon Cley; Reginaldo e Thalles. Embora priorize a luta

Cicinho volta a sentir dores e será monitorado para o clássico

Mesmo atuando pouco no Vasco, o goleiro Alessandro ganhou a titularidade no jogo decisivo da Copa do Brasil, logo mais à noite

contra o rebaixamento no Brasileiro, o cruzmaltino ainda sonha com a classificação às semifinais da Copa do Brasil. Como o Goiás venceu o primeiro confronto por 2 a 1, o Vasco precisa do triunfo por 1 a 0 ou por dois gols de diferença caso o adversário balance as redes. A inversão do placar do primeiro jogo leva a

decisão para os pênaltis. Encerrado o trabalho com os jogadores que entram em campo contra o Esmeraldino, Dorival Júnior ainda comandou um treino com o restante dos atletas visando o confronto contra a Ponte Preta, domingo (27), às 17 horas, em Campinas, pelo Brasileirão.

Elano está fora dos planos do Grêmio para 2014 O meio campo Elano, titular absoluto na última Copa do Mundo, não deverá ser aproveitado pelo Grêmio no próximo ano. A informação é da coluna De Prima, do jornal Lance. De acordo com a

publicação, dirigentes do tricolor gaúcho buscam maneiras de “se livrar” do jogador. Elano tem contrato até o final de 2014 e chegou ao clube a pedido do ex-treinador Vanderlei Luxemburgo. Ain-

da segundo o periódico, o atleta está sem moral com o comandante Renato Gaúcho e o treinador já afirmou a pessoas próximas que não pretende contar com o meia no ano que vem.

Técnico de Cigano diz que cogitou jogar a toalha e prega respeito Com uma lista de campeões mundiais que tem os pugilistas Acelino Popó Freitas e Everton Lopes, o técnico Luiz Dórea está acostumado à pressão das brigas por títulos e às críticas que ressoam nas derrotas. Depois da segunda derrota de Júnior Cigano para Cain Velásquez, com um nocaute técnico no quinto round do UFC 166, que ocorreu no último sábado (19), o baiano analisou o revés e pediu respeito ao ex-campeão. “O Cigano lutou com coração. A derrota é fruto do esporte, isso acontece, a gente fica triste, mas é assim. O Cigano é

um grande atleta. Temos de elogiar o Cain também, que foi bem”, afirmou Dórea. Ele também falou sobre as críticas mais ásperas que têm de ouvir. “Nós brasileiros temos de ficar orgulhosos. Cigano tem uma história no esporte, ele carrega a bandeira do nosso país e deve ser respeitado. Tem de criticar com respeito, muitas vezes não se faz assim”, lamentou. O presidente do UFC, Dana White, disse que se fosse ele o técnico teria jogado a toalha no terceiro round, quando Cigano sofreu um knockdown. Dórea admite que a possibilidade

surgiu em sua mente, mas não se concretizou. “É aquela coisa... Na cabeça de um técnico passa tudo. Mas a gente conhece o lutador, sabemos que o Cigano é um cara duro, ele tem essa característica, sempre acredita”, defendeu Dórea. “O Cigano é forte, resistente, e ele vinha ao córner no intervalo e respondia aos meus comandos. Ele se mostrava consciente. Chega numa situação que você até pensa (em jogar a toalha), mas sempre existe a expectativa de que um golpe possa entrar. Em treinos isso acontece muito e sabemos que o Cigano podia vencer”, expôs.

O lateral direito Cicinho deixou o treino do Santos, ontem (23) de manhã, mais cedo por se queixar de dores na região abdominal. O jogador voltou a sentir o mesmo incômodo da última semana, quando não participou de algumas atividades, e foi poupado do segundo trabalho do dia no CT Rei Pelé, iniciado à tarde. Com isso, Cicinho será reavaliado e monitorado pelo departamento médico santista até o clássico contra o Co-

rinthians, no domingo (27), às 17 horas, na Arena da Fonte Luminosa, em Araraquara, válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. A volta do atleta no treino de hoje (24) não está confirmada e será condicionada a nova avaliação. O jogador tem sido um dos principais destaques do Santos nas últimas rodadas da competição, tendo marcado na goleada por 5 a 1 contra o Náutico, no último sábado (19), o seu segundo gol pelo clube.

Domenicali diz que Ferrari permaneceu com Massa “por gentileza” Entrevistado por dois torcedores na sede da Ferrari, em evento organizado pela Gazzetta dello Sport, Stefano Domenicali, chefe de equipe da escuderia italiana, explicou que continuou todos esses anos com Felipe Massa “por gentileza” e disse que o brasileiro perdeu rendimento devido a uma não adaptação ao estilo do carro após a mudança de regulamento em 2010, e não a eventuais sequelas do acidente sofrido em 2009. Questionado por um dos torcedores sobre o porquê de ter mantido o brasileiro por quatro anos, após o acidente de 2009, Domenicali listou duas razões: “Primeiro que do ponto de vista médico não houve nenhuma sequela. Nem em

relação à visão, nem nos reflexos. E depois, há a gentileza de dar a um piloto que não teve muita sorte a chance de mostrar que merecia ficar”, argumentou o dirigente, garantindo que a perda de rendimento do brasileiro se deveu aos carros dos últimos anos. “Se Felipe não foi capaz de oferecer o que esperávamos, isto foi devido a um carro muito sensível na parte de trás, muito nervoso. Mas em 2008 ele quase nos deu o título e por isso o considero um campeão do mundo”, explicou o italiano, otimista com a volta de Kimi Raikkonen. “Pegamos o Raikkonen porque queremos mais. Quando o trocamos pelo Alonso, ele não estava feliz. Agora o vejo com um grande desejo de fazer bem feito”.


ESPORTES

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

O PRESENTE |

27

HOJE À NOITE

Coritiba decide sonho da Libertadores contra colombianos Apesar de não contar com a melhor equipe possível, Coxa deposita esperanças em Chico e Víctor Ferraz, que voltam de lesão, e em Lincoln. Alex está fora O Coritiba decide hoje (24), às 23 horas, seu futuro na Copa Sul-Americana, sua última chance de chegar à Copa Libertadores do ano que vem. O adversário será o Itagüí, da Colômbia. Para conseguir a vaga, o Coxa precisará de qualquer vitória que não seja por 1 a 0. Caso a equipe faça apenas um gol, a vaga será disputada nos pênaltis - no primeiro jogo, em Curitiba, vitória dos colombianos por 1 a 0, em jogo que custou a cabeça do treinador Marquinhos Santos e do superintendente de futebol Felipe Ximenes. O retrospecto recente das

equipes é parecido, mas há de se levar em consideração o mau retrospecto da equipe coxabranca longe de casa - pior campanha como visitante no Brasileirão - e o bom momento do Itagüí como mandante não perde há três jogos. Nos últimos cinco jogos, o time paranaense venceu dois (contra Santos e Cruzeiro, em casa) e perdeu outras três (contra Atlético-PR, Vitória e Ponte Preta, fora). Já o Itagüí, desde que venceu o Coritiba, há praticamente um mês, venceu uma vez, empatou outras três e perdeu uma. A equipe, contudo, não vence há três partidas (perdeu para o La Equi-

dad, 7º colocado do Campeonato Colombiano, e empatou contra o Tolima e o Envigado, 12º e 13º colocados. As três partidas foram fora de casa). Apesar de não contar com a melhor equipe possível, o Coritiba almeja a classificação na Colômbia e deposita as esperanças no zagueiro Chico e no lateral-direito Víctor Ferraz, que voltam de lesão, e no meia Lincoln, que não jogou no último fim de semana por estar suspenso. O craque da equipe, o meia Alex, que anunciou na terça-feira (22) que está jogando com um dedo do pé quebrado, foi poupado e sequer viajou.

Valdivia volta a treinar com o grupo; Vilson segue fora O treino do Palmeiras na Academia de Futebol teve uma novidade na tarde de ontem

(23): a presença do meia Valdivia, que ficou fora dos últimos seis jogos por estar com Reginaldo Castro/Lance!Press

a seleção chilena, além de ter voltado com uma tendinite no joelho esquerdo. Ele participou do trabalho em campo reduzido, chutou, se movimentou bastante e não aparentou sentir qualquer tipo de dor. Dessa forma, o retorno dele no jogo contra o São Caetano, no sábado (26), que pode garantir o acesso do Palmeiras, é praticamente certo. Por outro lado, quem não foi a campo mais uma vez foi o zagueiro Vilson, que tem o mesmo problema e ficou fora dos últimos dois jogos. Ele ainda não voltou a trabalhar com o elenco e segue como dúvida. Outro que não sabe se poderá jogar é Tiago Alves, que se recupera de estiramento muscular sofrido há mais de um mês. O zagueiro só fez atividades físicas até agora e não tem previsão de retorno. Mendieta, que só deverá voltar em 2014, e Leandro, suspenso, são os desfalques já confirmados. Após seis jogos fora do Palmeiras, o chileno Valdivia deve retornar à equipe no final de semana

São Paulo dispensa Lúcio de treinos e vê retorno de Antônio Carlos Após três meses de afastamento, o São Paulo decidiu dispensar o zagueiro Lúcio dos treinos no CT da Barra Funda. Antes cumprindo rotina de trabalho em horários distintos do restante do grupo, o jogador agora está livre das atribuições, pelo menos até o fim de dezembro, quando as partes pretendem sentar para discutir o futuro. Lúcio tem contrato até dezembro de 2014 com o tricolor e a intenção do clube é negociá-lo. A última partida do zagueiro pelo São Paulo completa três meses hoje (24). Foi na derrota de 1 a 0 para o Internacional, no Morumbi. Na ocasião, o jogador teve postura reprovada pelo técnico Paulo Autuori, tutor do afastamento, após sanção da diretoria. Desde então, Lúcio vinha treinando separadamente do grupo com o acom-

panhamento dos profissionais do São Paulo. “O que chegou até nós foi que ele está dispensado pelo menos até dezembro”, disse o preparador físico do clube, Sérgio Rocha. Por outro lado, o técnico Muricy Ramalho ganhou uma boa notícia ontem (23), também no setor defensivo. Recuperado de um estiramento no músculo posterior da coxa esquerda, o zagueiro Antônio Carlos foi liberado para treinar no campo e ficou mais perto de retornar ao time. O camisa 4 foi contratado após o afastamento do campeão do mundo em 2002 com a Seleção Brasileira e era titular do time até se machucar. Amanhã (25) o comandante deve comandar um treinamento visando o duelo contra o Internacional, no domingo (27), e poderá ver se o atleta será liberado. Divulgação

Lúcio tem contrato até dezembro de 2014 com o tricolor e a intenção do clube é negociá-lo

Por “questões emocionais”, Corinthians adia cirurgia de Guerrero Desfalque do Corinthians até o final do ano, o atacante Paolo Guerrero seria submetido a uma cirurgia na manhã de ontem (23). O procedimento, porém, que corrigiria a fissura no quinto metatarso do pé esquerdo do jogador, foi adiado por período indeterminado. Segundo nota oficial publicada no site do clube, a mudança nos planos do departamento médico foi “por questões emocionais do jogador”. Agora, o camisa 9 seguirá realizando o mesmo tratamento que vinha sendo feito até terça-feira (22). Ainda não se sabe se uma nova data será marcada. O comunicado oficial não dá detalhes a respeito das “ques-

tões emocionais”. Entretanto, o consultor médico do clube, Joaquim Grava, revelou que o jogador ficou nervoso antes do início do procedimento cirúrgico por conta de um trauma do passado e, em comum acordo, ficou resolvido que ele ficaria de repouso para se acalmar. “Ele ficou muito nervoso, pois teve um problema numa cirurgia no joelho feita nos Estados Unidos quando jogava no Hamburgo (ALE). Parece que ele demorou muito para acordar de uma anestesia, acordou sozinho, e traumatizou. Às vezes acontece mesmo, então vamos deixá-lo de repouso. Na quinta (hoje, 24) ele estará mais tranquilão”, explicou Grava.


AGRONEGÓCIO

28 | O PRESENTE

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

CASO ÚNICO

Biogás poderá suprir uma cidade inteira do Oeste do Paraná Depois de três anos de estudos, projeto de saneamento de Entre Rios do Oeste recebeu sinal verde da Diretoria de Energia da Copel para ter a sua primeira fase financiada A partir de 2014, Entre Rios do Oeste, município de quatro mil habitantes, localizado em uma região de alta produtividade agrícola e pecuária, dará o primeiro passo para se tornar autossuficiente em energia elétrica, térmica e automotiva, com base na produção do biogás, gerado do aproveitamento de esgotos urbanos e dos dejetos gerados por suínos e gado. O aproveitamento do biogás para produzir energia será um dos casos apresentados no 2º Fórum Mundial de Desenvolvimento Econômico Local, que discutirá o sucesso de modelos locais de características sustentáveis, capazes de gerar emprego e renda para a comunidade. Em torno de 2,5,mil pessoas de 55 países já confirmaram participação no evento, entre terça (29) e sexta-feira (1º), em Foz do Iguaçu.

RECURSOS GARANTIDOS Depois de três anos de estudos, o projeto de saneamento de Entre Rios do Oeste, que prevê o aproveitamento dos dejetos de animais e dos esgotos urbanos para produção de biogás, recebeu sinal verde da Diretoria de Energia da Copel para ter a sua primeira fase financiada pelo Programa de Pesquisa e Desenvolvimento da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que regulamenta o mercado de eletricidade. O projeto, desenvolvido pela Plataforma de Energias Renováveis de Itaipu e Copel, deverá ser executado pela prefeitura e

vai receber R$ 14 milhões em liferação de algas e produção de recursos para a implantação da gases do efeito estufa. A cidade primeira fase. Essa etapa com- enfrenta ainda outro problema: preende 63 das 93 proprieda- não dispõe de serviço de coleta des rurais produtoras de suí- de esgoto, que será implantada nos e gado de leite localizadas na segunda fase do projeto. no município. A ideia de transformar esse Estas propriedades podem passivo ambiental em oportuniproduzir 12 mil metros cúbi- dade de desenvolvimento surgiu cos de biogás por dia, suficien- do êxito da implantação do projetes para gerar energia elétrica to do Condomínio do Ajuricaba para atender toda a demanda em Marechal Cândido Rondon, dos prédios públicos munici- na mesma região, baseado nos pais, incluindo as escolas, e mesmos preceitos de reaproveisuprir a iluminatamento de dejetos. ção pública. HaA experiência, que verá ainda uma reúne 33 famílias de Só os 130 mil sobra de 44% desagricultores, é um suínos do meio te volume, que caso de sucesso. será utilizada Em Entre Rios, rural produzem para abastecer a iniciativa rececom energia térbeu o apoio da predejetos com mica a maior olafeitura e da Agêncarga orgânica ria do município, cia de Desenvolvisubstituindo o mento Regional do equivalente à uso de lenha, cada Extremo Oeste do vez mais escassa. Paraná (Adeop). O produzida por Uma autarprograma tem o quia municipal, 520 mil pessoas apoio do Parque criada por lei da Tecnológico Itaipu Câmara de Vere(PTI) e da Organiadores, ficará responsável pela zação das Nações Unidas para implantação e fiscalização das o Desenvolvimento Industrial obras e ainda pelo gerenciamen- (Onudi). to das energias geradas no projeto, após a implantação. VANTAGENS Segundo o superintendente de Energias Renováveis de ItaiAINDA SEM ESGOTO De acordo com estudos da pu, Cícero Bley Júnior, “a geraprefeitura local, só os 130 mil ção distribuída feita a partir de suínos do meio rural produzem energias primárias, como biodejetos com carga orgânica equi- gás, lenha e algas, entre outras, valente à produzida por 520 mil promove sustentabilidade do pessoas. Esses dejetos, quando desenvolvimento local, pois não tratados de maneira ade- agrega externalidades positivas, quada, podem gerar contami- como a redução da poluição hínação dos solos e das águas, pro- drica e atmosférica”.

Cooperativas exportam 6,3% mais até setembro Ainda puxadas pelas vendas de açúcar e soja, as exportações das cooperativas agropecuárias brasileiras bateram recorde de janeiro a setembro e atingiram US$ 4,6 bilhões, um aumento de 6,3% na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo a Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Secex/Mdic). O desempenho mostra uma recuperação ante a redução de 4,3% registrada nos primeiros nove meses de 2012 em relação ao período do ano anterior. A maior parte da receita com as exportações se refere ao açúcar refinado. No total, os embarques do produto renderam US$ 813,3 milhões entre janeiro e setembro, ou 17,3% do total exportado pelas cooperativas no período. Em seguida, aparece a soja em grão, com US$ 660,4 milhões ou 14,1% do

total. Logo atrás estão carne de frango, com US$ 555,4 milhões, farelo de soja, com US$ 537,6 milhões, café em grão, com US$ 473,9 milhões e etanol, com US$ 433,5 milhões. Entre os 22 Estados da Federação que exportaram por meio das cooperativas nos primeiros nove meses deste ano, São Paulo continuou a liderar os embarques. As vendas externas paulistas renderam US$ 1,5 bilhão entre janeiro e agosto, ou 32,5% do total. Já as exportações com origem no Paraná renderam US$ 1,4 bilhão ou 30,1%, enquanto os embarques de Minas Gerais somaram US$ 459 milhões e os de Santa Catarina atingiram US$ 353 milhões. Entre os meses de janeiro e setembro, 160 cooperativas agrícolas brasileiras exportaram para 139 países - em igual período do ano passado, foram 133 países. Apesar de ainda dependerem de destinos conhe-

cidos como China, Estados Unidos e Emirados Árabes, que responderam por US$ 1,6 bilhão do total de compras, as cooperativas brasileiras consolidam cada vez mais suas vendas em mercados como Japão, Países Baixos, Coreia do Sul, Argélia e Nigéria. Em conjunto, os destinos considerados menos tradicionais absorveram mais de um terço dos embarques totais no acumulado do ano até agosto. Além de aumentarem as exportações, as cooperativas do país também ampliaram as importações. Houve acréscimo de 16,2% nas compras externas efetuadas por cooperativas de janeiro a setembro. No total, as importações passaram de US$ 249,8 milhões, em 2012, para US$ 290,3 milhões, em 2013. Trata-se do segundo maior número para o período em toda a série histórica, que teve início em 2007.

Mas, além disso, prossegue, “ativa uma forte economia local, baseada na formação de uma cadeia de suprimentos que vai desde os serviços de planejamento e projetos até a indústria e comércio de suprimentos, serviços de instalação e manutenção, entre outros”. A energia em geração distribuída é um vetor de desenvolvimento sustentável local, com impactos econômicos, sociais e ambientais, diz o especialista. As economias municipais que têm base no agronegócio podem obter o biogás para suprir suas demandas energéticas. Um levantamento recente feito pela Assessoria de Energias Renováveis da Itaipu Binacional mostra que, só no Paraná, “130 dos 395 municípios apresentam condições para usufruir desta riqueza”.

INÍCIO O primeiro passo rumo à transformação de Entre Rios do Oeste para a autossuficiência

energética começou em dezembro de 2009, com a elaboração do diagnóstico do potencial energético do município voltado à produção de energias renovável, seguindo-se a elaboração de estudos de viabilidade de aplicação. O biogás produzido nas propriedades deverá ser transportado por meio de tubulação de gasoduto até uma central de aproveitamento do biogás. Nessa central, o biogás poderá ser convertido em energias elétrica, térmica e elétrica e também em Gás Natural Renovável (GNR) para o abastecimento de veículos automotores. A utilização de biogás também pode ser empregada na substituição do gás de cozinha e da lenha utilizada na secagem de grãos. Na área urbana, o programa prevê a implantação da rede coletora de esgoto. Quase 75% das residências contam com fossas rudimentares e 25% com fossas sépticas. Os resíduos sólidos serão integrados ao sistema de tratamento.

POTENCIAL De acordo com a Itaipu, o potencial de produção de biogás do município é de 6.760.150,2 metros cúbicos/ano. A utilização do biogás para suprir a demanda de energia térmica e elétrica do Paço Municipal de Entre Rios do Oeste, da Cerâmica Stein e da Fábrica de Ração da Copagril, por exemplo, consumiria 3.107.019 metros cúbicos/ano de biogás. A economia gerada pela utilização de energia elétrica produzida a partir do biogás no período chegaria a R$ 385.424,67. O excedente, de 3.653.313,2 metros cúbicos/ano, poderá ser utilizado para abastecer as residências com a substituição do gás de cozinha, utilização nas propriedades rurais e para abastecer veículos automotores.

Margens de rodovias poderão ter plantações de agricultores sem-terra A Câmara analisa proposta que reserva as faixas de terra às margens das rodovias federais a plantações para a subsistência de famílias. A medida está prevista no Projeto de Lei 5129/13, do deputado Marcio Bittar (PSDBAC), que beneficia apenas os agricultores rurais sem título de terra. Pela proposta, a organização das áreas e o cadastro dos agricultores ficarão a cargo do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), entidade vinculada ao Ministério dos Transportes. As famílias beneficiadas terão assistência técnica por meio de convênios entre cooperativas de agricultores e órgãos públicos. Bittar acredita que a me-

dida deve ter grande impacto na população de baixa renda. “Evidentemente, à proporção em que se escasseiam as glebas para plantio de subsistência nas cercanias dos grandes centros urbanos, aumentam os contingentes de trabalhadores rurais que, sem perspectivas de trabalho remunerado, encontrarão nesse tipo de ocupação e aproveitamento de terras marginais às rodovias um meio de sustentação”, afirma. A proposta, que tramita de forma conclusiva, será analisada pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.


AGRONEGÓCIO

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

O PRESENTE |

29

NO CAMPO

Pesquisadores encontram inimigos naturais da helicoverpa Técnicos alertam para importância da aplicação do Manejo Integrado de Pragas para combater a lagarta Embrapa

Uma boa notícia chega do campo para o campo. Pesquisadores da Comissão de Defesa Vegetal da Superintendência Federal da Agricultura estão encontrando novos inimigos naturais contra a Helicoverpa armígera, e o que é melhor, muito eficientes. Nesta semana, o coordenador da Comissão de Defesa Vegetal, Wanderlei Dias Guerra, apresentou pelo menos dois insetos que podem ser utilizados no combate natural à praga que já é considerada o principal desafio das lavouras brasileiras. Um desses inimigos naturais é uma mosca preta (díptero) que, segundo uma avaliação rápida e prévia, oferece 38,8% de controle. O inseto é um pouco maior que a mosca doméstica, mas também é encontrada em tamanhos menores. Ela se alimenta da lagarta. Também foi localizado um percevejo, muito parecido com o percevejo marrom, de alta agressividade contra a H.armígera. Ambos foram encontrados em lavouras do Mato Grosso. “É uma boa notícia que incentiva os produtores a continuar investindo em manejo integrado. Aliás, percebemos os agricultores bastante conscientes neste sentido”, comemora Guerra, citando que o próximo passo agora é investir na observação e pesquisa desses insetos, para colaborar na multiplicação deles. “É muito importante a manutenção desses animais para o controle da lagarta, que vem atacando lavouras de grãos pelo país”, acrescenta. Por outro lado, o pesqui-

Temporais prejudicam colheita de trigo

Helicoverpa armígera ainda em forma de mariposa: inimiga do campo

sador alerta que o uso de inseticidas piretróides mata todos os animais que controlam a Helicoverpa. Por isso, é melhor buscar o manejo integrado da lavoura para encontrar a melhor solução para preservar os inimigos naturais da lagarta. “Mais pesquisas são necessárias para identificar outros inimigos naturais e a forma de multiplicá-los”, expõe Guerra, citando, ainda, a importância do Manejo Integrado de Pragas (MIP).

CONTROLE A principal medida do MIP é o monitoramento - ovos, larvas, pupas e adultos -, que vai servir de subsídio para tomar decisão de táticas de controle. O controle biológico pode ser natural ou aplicado. O primeiro ocorre naturalmente e, conforme orientação do manual da Embrapa, podese favorecer esse controle biológico natural com o uso de

inseticidas seletivos, favorecendo que esses indivíduos se multipliquem no ambiente naturalmente. Já no controle biológico aplicado se liberam os inimigos naturais para o controle das formas da helicoverpa. Até então, a principal aliada estava sendo uma vespinha do gênero Trichogramma, que coloca seu ovo no ovo da helicoverpa. Em vez de nascer uma lagartinha, vai nascer uma outra vespinha. Existe também um grande número de parasitoides que parasitam as lagartas. Na safra 2013, na safrinha, 50% das lagartas coletadas na região de Cascavel estavam parasitadas por um parasitoide da família Tachinidae. Para o pesquisador e entomologista da Embrapa Agropecuária Oeste (Dourados - MS), Crébio José Ávila, isso evidencia o potencial que tem o controle. “Existe controle também com ações de manejo integrado que

Fetaep comemora 50 anos hoje A Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Paraná (Fetaep) comemora hoje (24) 50 anos de lutas e de conquistas. A solenidade comemorativa, que será realizada no restaurante Veneza, em Curitiba, reunirá todos os protagonistas da história da Fetaep - entre eles dirigentes sindicais, antigos presidentes, entidades parceiras e autoridades. A comemoração do jubileu será marcada pelo lançamento da revista alusiva “Fetaep - 50 anos de lutas e conquistas”, que rememora histórias e revive fatos significativos da trajetória da Federação. Segundo o presidente, Ademir Mueller, nesse meio século de

atuação, a Federação passou por intensas lutas pela terra, sofreu a influência da Igreja Católica, enfrentou a opressão da ditadura militar e viveu um longo período de assistencialismo. Além disso, também encarou a classe patronal em busca de melhores condições de renda, de trabalho e de vida no meio rural. “Sobrevivemos graças ao nosso trabalho e à raça da categoria trabalhadora rural”, reflete. A revista também traz, ao longo de suas páginas, toda a emoção de uma vida sindical autêntica dos protagonistas do Movimento Sindical paranaense. “Afinal, chegar ao sindicalismo atual - propositivo e reivindicatório - não foi nada fácil”, conclui Mueller.

é o controle cultural. Por exemplo, o calendário de plantio: se o produtor faz um plantio de forma concentrada e a janela de plantio seja mais estreita possível, é muito importante para reduzir a infestação da praga na cultura da soja, na cultura do algodão. O vazio sanitário também é muito importante, que é aquele período em que não se deve deixar plantas vegetando para não se constituir a ponte verde para o desenvolvimento da praga. O vazio sanitário é de extrema importância como estratégia de manejo”, ressalta. Ele menciona, ainda, que existe também a possibilidade de controle de pupa com nematoide entomopatogênico. “Por último, a ferramenta emergencial que nós temos usado é o controle químico que funciona razoavelmente muito bem para helicoverpa se você aplica no momento certo e na dose correta”, conclui.

A semana começou chuvosa na região Sul do Brasil. A colheita do trigo, que começou no último fim de semana no Rio Grande do Sul, foi interrompida pelos temporais provocados pela passagem de uma frente fria. A paralisação dos trabalhos de campo está longe de ser o maior prejuízo para os agricultores. Várias lavouras foram atingidas pelo granizo e pela ventania entre os Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e o Paraná, o que acabou provocando a quebra das plantas não colhidas. A cultura que está no campo vai perdendo qualidade com este excesso de umidade. Em algumas lavouras atingidas, os prejuízos chegam a 50%. Os danos são mais visíveis nas plantações de fumo, mas as lavouras de feijão e milho também foram afetadas. Quanto mais avança a colheita do trigo no Paraná, mais se observa que os danos causados por essas chuvas e também pelas geadas de julho e agosto foram bastante significativos, com perdas que irão ultrapassar os 1,2 milhões de toneladas. Além da perda na produção, a qualidade dos grãos também está depreciada, devido ao excesso de umidade.


POLICIAL

30 | O PRESENTE

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

EM TOLEDO

Civil prende acusado de maltratar animais Ele é suspeito de agredir égua e potro com socos e pauladas e deixar os equinos sem água e alimento Radarbo

A Polícia Civil de Toledo prendeu um homem acusado de maltratar animais. O homem, conhecido como Rei do Gado, foi detido na terçafeira (22), em um bar, por supostos maus-tratos a uma égua e a um potro. Várias denúncias já haviam sido feitas contra João de Oliveira de Souza, que deve responder pelo crime previsto no artigo 32 da lei 9.605/1998, de crimes ambientais, que prevê sanções a quem praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos. A última denúncia dava conta de que o suspeito deixou a égua e seu potro sem

água e alimento e agrediu os animais com pauladas e socos. No fim de semana, ele foi visto embriagado tentando montar no potro, que tem poucos dias de vida, o que quase gerou a morte do animal. No momento de sua detenção, ele estava em um bar, na Vila Pioneiro, e os animais estavam amarrados nas proximidades, sob o sol escaldante. Ele foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil para lavratura de termo circunstanciado e pode ficar até um ano preso. Os animais foram encaminhados para uma chácara, na zona rural do município, onde ficarão sob os cuidados de veterinários.

Animais foram enviados a uma chácara para receber cuidados veterinários

PF apreende carros, cigarros e mercadorias A Polícia Federal apreendeu quatro veículos carregados com mercadorias e cigarros contrabandeados. As informações foram divulgadas ontem (23). Durante diligências em São José das Palmeiras, os federais abordaram um Ducato, que desobedeceu a ordem de parada e fugiu em alta velocidade. O motorista abandonou o veículo e conseguiu fugir pela mata. O automóvel transportava 60 caixas de cigarros contrabandeados do Paraguai. Em patrulhamento próximo ao Rio Paraná, no Bairro Porto Belo, em Foz do Iguaçu, foi localizado um veículo sem placas carregado com diversas mercadorias também do Paraguai. Por volta das 21 horas, dois

Divulgação

Carros foram apreendidos em São José das Palmeiras e Foz do Iguaçu

automóveis foram avistados em um porto clandestino também em Foz. Enquanto a equipe policial se aproximava para realizar uma abordagem, as pessoas fugiram, abandonan-

do os carros carregados com cigarros e mercadorias. Os quatro veículos, as mercadorias e os cigarros foram encaminhados à Receita Federal em Foz do Iguaçu.

Possibilidade de assalto movimenta polícia em Nova Santa Rosa Policiais militares de Nova Santa Rosa e municípios vizinhos se mobilizaram na tarde de ontem (23) após receberem denúncias de que uma agência bancária poderia ser atacada por bandidos. O assalto, porém, não se confirmou. O alvo dos marginais seria uma agência bancária na localidade de Alto Santa Fé. De acordo com a Polícia Mi-

litar (PM), pessoas que estavam próximas à agência afirmaram ter visto dois homens em uma motocicleta, que passaram em frente ao local, portando uma espingarda. Os policiais montaram guarda e não encontraram nenhum suspeito. Buscas foram realizadas na tentativa de localizar os elementos, mas eles não foram encontrados.

RONDONENSE COM CONTRABANDO Divulgação

Menor é apreendido com moto paraguaia A Polícia Militar de Nova Santa Rosa apreendeu na noite de terça-feira (22) um menor de idade em uma moto sem placa, trafegando em atitude suspeita. Ao perceber que seria abordado, o condutor fugiu, dando início a um acompanhamento tático. Durante a fuga, o adolescente de 17 anos fez manobras perigosas, colocando em risco pedestres que estavam em via pública. A equipe conseguiu abordá-lo na Linha Colibri, área rural do município. O menor não possuía a documentação do veículo. O adolescente foi levado à Delegacia de Polícia Civil e a moto de origem paraguaia ao pátio do Detran em Marechal Cândido Rondon.

Aqui Agora

Uma equipe do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) apreendeu, em Marechal Cândido Rondon, um carro carregado com produtos contrabandeados do Paraguai. A ação aconteceu na terça-feira (22), na BR-467, durante um bloqueio. O Astra com placas rondonenses estava carregado com vários tablets, celulares e grande quantidade de canetas. O condutor do veículo, de 50 anos, morador de Marechal Rondon, foi liberado, mas o veículo e as mercadorias foram encaminhados para a Receita Federal em Guaíra. Adolescente fugiu colocando em risco a vida de pedestres, mas foi detido


POLICIAL

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

O PRESENTE |

31

MARECHAL RONDON

Lideranças buscam alternativas para cadeia pública Liminar que pedia interdição foi cassada pelo Tribunal de Justiça; transferência de presos para outras unidades e do setor administrativo para outro prédio pretendem amenizar o problema O Presente

O delegado Pedro Lucena revelou ontem (23) a notícia de que o Tribunal de Justiça do Estado do Paraná cassou a liminar que pedia a interdição da cadeia pública de Marechal Cândido Rondon. A decisão teria sido tomada na semana passada, porém o comunicado foi feito somente na manhã de ontem por Lucena. Em 30 de setembro, o Ministério Público da comarca rondonense pediu a interdição por conta da superlotação carcerária e das péssimas condições de higiene do local. O juiz no município, Pedro Ivo Lins Moreira, deferiu o pedido, que foi cassado em instância superior. Com isso, a situação calamitosa, nas palavras do promotor Tiago Trevizoli Justo, que ajuizou a ação, permanece a mesma na cadeia pública, apesar das transferências de 15 presos condenados para outras unidades prisionais. Algumas situações que passam a ser encaminhadas pelas autoridades políticas e administrativas tendem a amenizar o problema, como a transferência de mais 30 presos (leia box) e a mudança do setor administrativo da delegacia

para um outro prédio. Atualmente a unidade conta com quase 130 detentos, em local projetado para abrigar 18 pessoas. A decisão do Tribunal de Justiça mantém a unidade como uma das mais frágeis do Estado. Isso porque, de acordo com laudo de engenheiros e do Corpo de Bombeiros, anexado ao pedido de liminar, o prédio tem sequer condições de ser reformado.

REFORMA Mesmo assim, esse é o caminho que deve ser tomado a partir de agora. A ideia é reformar o atual prédio, que ficaria sob uso exclusivo da carceragem e de responsabilidade compartilhada entre Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos e Secretaria de Segurança Pública. Para isso, a Prefeitura de Marechal Cândido Rondon alugou um imóvel, que servirá para abrigar o setor administrativo e vai concentrar o atendimento ao público da delegacia. Porém, há mais de três meses que o imóvel foi alugado e até agora a polícia não entrou no local. Isso pode mudar a partir de hoje (24). De acordo com o de-

legado, a administração vai entregar o termo de convênio ao deputado Ademir Bier, que deve repassá-lo imediatamente ao Governo do Estado. “Com o convênio firmado, é só colocar as divisórias e entrar”, espera Lucena. Entretanto, ele explica que não há um prazo definido para que isso aconteça. O chefe de cadeias da 8ª região, Ari Batista, que responde pela carceragem rondonense, explica, porém, que, mesmo com a saída do setor administrativo, não há ainda um projeto definido de reforma da atual sede. “Não há recursos liberados e nem projeto”, diz.

Mais 30 presos serão transferidos de Marechal Rondon A Delegacia de Marechal Cândido Rondon deve ficar com menos de 100 detentos. A informação foi repassada ontem (23) com exclusividade à equipe de O Presente pelo chefe de cadeias da 8ª região, Ari Batista, que responde pela delegacia local. De acordo com ele, há o planejamento da retirada de mais 30 presos da cadeia pública rondonense. Com os 15 já transferidos, seriam 45 detentos, condenados, encaminhados a outras unidades prisi-

Polícia prende parte de quadrilha em Mercedes A Polícia Federal em Cascavel e o Batalhão de Polícia de Fronteira de Marechal Cândido Rondon realizaram uma operação na noite de terça-feira (22) em Mercedes para desmantelar uma quadrilha especializada em contrabando de cigarros. A pri-

são de duas pessoas aconteceu após escutas telefônicas autorizadas pela Justiça que davam conta de que contrabandistas utilizavam um apartamento localizado no centro da cidade para carregamento de cigarros e suporte a integrantes do bando que viCatve

Três carros e R$ 28 mil em dinheiro e cheques foram apreendidos

Cadeia pública de Marechal Rondon tem cerca de 130 detentos em local próprio para 18

nham de Santa Catarina. Durante a abordagem, foram apreendidos uma Saveiro com placas de Fraiburgo (SC), dois Vectras roubados, com placas de Curitiba, que estavam preparados para o carregamento de cigarros - os carros estavam apenas com o banco do motorista e com rádios de comunicação instalados -, além de R$ 28 mil em dinheiro e cheques. Os jovens moradores de Santa Catarina, de 27 e 28 anos, foram presos em flagrante. Eles afirmaram que levariam o contrabando até o Estado vizinho. Os homens e os veículos foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Civil de Marechal Cândido Rondon.

onais, diminuindo em pouco mais de 30% a superlotação. “Se transferir mais 30 presos, começamos a melhorar a situação”, disse Batista. Porém, a superlotação ainda seria gritante. O local teria cerca de 100 presos em projeto “adequado” para 18. O chefe de cadeia, entretanto, explica que não há um prazo para que as transferências ocorram. “Tudo depende da central de vagas”, frisa.

BPFron e Rodoviária Estadual apreendem carros e contrabando O Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) e a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) apreenderam, em Assis Chateaubriand, dois carros carregados com produtos eletrônicos e brinquedos contrabandeados do Paraguai. Os policiais do BPFron seguiam por uma rodovia na zona rural de Assis quando suspeitaram de alguns veículos que transitavam na via. A

equipe solicitou apoio à PRE, que fez um bloqueio na rodovia. Um Gol com placas de Três Pontas (MG) e uma Ipanema de Guaratinguetá (SP) foram interceptados e neles encontradas as mercadorias. Os condutores de 22 e 28 anos foram liberados, mas o contrabando e os veículos encaminhados à Delegacia da Receita Federal em Cascavel. Divulgação

Carros e parte das mercadorias encontradas em estrada na zona rural de Assis Chateaubriand


U

m lugar adorável, aconchegante, de corado, com televisão, ar-condicionado e pessoas prontas para atender. Não é uma colônia de férias, mas sim um espaço para receber pessoas saudáveis e enfermas. O padrão da Unidade Básica de Saúde do Loteamento Augusto, em Marechal Cândido Rondon, está no mesmo patamar de clínicas particulares. Além disso, conta com médico fixo que presta atendimento oito horas por dia, com exceção das quartas-feiras, quando ele vai até a casa dos pacientes acompanhado da Equipe Saúde da Família (ESF). Mas a maior inovação da equipe do posto de saúde do bairro é a interação realizada pela internet com os pacientes. A enfermeira responsável, Maria Lourenço de Souza, criou uma página no Facebook para que ela, as agentes comunitárias de saúde e até mesmo o médico da unidade possam se relacionar com o público. “A ideia surgiu por sugestão de pacientes atendidas aqui e deu muito certo. Hoje já temos mais de 500 contatos no Facebook”, declara Maria. No espaço virtual, criado há cerca de três meses, a equipe publica dicas de saúde, divulga campanhas, orientações e as próprias ações realizadas no posto do bairro. “Temos muitos pacientes adicionados. Eles tanto recebem informações como também entram em contato pelo bate-papo”, menciona. Se-

gundo ela, já houve casos em que foi possível avisar o paciente do cancelamento de uma consulta, comunicar sobre mudança de horários e outros informes. De acordo com a enfermeira, também chama a atenção o envolvimento do médico da unidade, Arlindo Sarquis Castro, o qual é um dos mais ativos nas publicações, compartilhando com os pacientes e demais profissionais muitas dicas de saúde. “Todos os 13 integrantes da equipe que trabalha no Loteamento Augusto têm a senha da nossa página no Face, pois dessa forma cada um pode dar a sua contribuição nas publicações e contato com os pa-

cientes”, ressalta Maria. RECONHECIMENTO Outro objetivo da página na web, segundo a enfermeira, é dar visibilidade para o trabalho dos profissionais de saúde. “Existe tanta dedicação e tantas ações bonitas, mas, muitas vezes, elas acabam não sendo reconhecidas. Por isso a página é uma forma de compartilhar com as pessoas o nosso trabalho”, acrescenta Maria. “É uma forma das pessoas verem como funciona uma unidade de saúde”, complementa. Dentre os serviços

prestados no posto, conforme ela, estão consultas médicas, de enfermagem, de odontologia, nutrição, palestras, vacinação, planejamento familiar, pré-natal, puericultura (cuidado aos bebês), coleta de preventivo, exames rápidos de sífilis, HIV, hepatite e programa de acompanhamento de diabéticos e hipertensos. “Pelo Facebook os pacientes e a comunidade em geral ficam sabendo de grande parte do trabalho que é realizado”, destaca Maria. Uma das mais recentes ações promovidas ocorreu na semana passada, quando foi realizado evento em alusão à campanha de prevenção ao câncer de mama (Outubro Rosa). O posto de saú-


de está totalmente decorado com a temática e o apelo ao público rendeu ampla participação. Para estimular a presença foram arrecadados cerca de 300 brindes, distribuídos aos participantes. No Facebook estão várias fotos do ocorrido. “A próxima ação, com data a ser definida, será o recebimento de um veículo do Banco de Sangue de Toledo para coleta”, antecipa Maria.

MAPEAMENTO A forma de organização da equipe de saúde favorece uma maior proximidade dos

profissionais com o público atendido. Muitos paci-

entes são conhecidos pelos nomes. “Nesses dias o próprio doutor utilizou o bate-papo do Facebook para esclarecer dúvidas de uma mãe, cujo filho havia sido atendido no consultório, mas continuava com febre. Dessa forma foi possível

resolver a questão sem que a família tivesse que se deslocar até o posto”, relata a enfermeira. Um mapa urbano ampliado foi impresso para a demarcação dos locais onde residem pessoas que precisam de atenção da Equipe Saúde da Família, até mesmo visando facilitar o atendimento, já que os profissionais realizam as visitas domiciliares. No material impresso está demarcada com alfinetes coloridos a correta localização de moradores hipertensos, diabéticos, gestantes, pessoas com hanseníase, deficiência física ou mental e crianças menores de dois anos. “Estamos sempre buscando otimizar e humanizar o nosso trabalho e estas foram formas que encontramos para fazer isso”, conclui. A unidade do Loteamento Augusto atende moradores do bairro-sede, bem como do Jardim Higienópolis e Barcelona.


GERAL

34 | O PRESENTE

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

PÓS-GREVE

Agência do Trabalhador tem grande demanda em Toledo Grande volume de encaminhamentos de seguro desemprego tem causado transtornos Carlos Rodrigues

O diretor da Agência do Trabalhador (Sine) de Toledo, Gilberto Engelmann, esteve ontem (23) na Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico, de Inovação e Turismo para apresentar ao secretário, Edemar Rockenbach, os relatórios de trabalho. Na ocasião, o diretor aproveitou para esclarecer e repassar orientações sobre a problemática da grande demanda recente de pessoas que realizam o encaminhamento do seguro desemprego. Segundo Engelmann, o problema está acontecendo devido à greve dos bancários que durou cerca de 30 dias. “Quando uma pessoa fica desempregada, ela precisa primeiramente retirar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) nos bancos, para depois encaminhar o seguro desemprego na Agência do Trabalhador. Agora que os bancos voltaram a funcionar, todos retiraram o FGTS e estão indo à agência para encaminhar o seguro, ao mesmo tempo, provocando filas”, contou. Engelmann ainda explicou que, como a agência tem apenas duas pessoas capacitadas

para encaminhar o seguro desemprego, atendendo no máximo 50 pessoas por dia, e a grande demanda está gerando transtornos. “São distribuídas 26 senhas pela manhã e 24 à tarde para realizar esse procedimento. Como o encaminhamento precisa de um tempo grande para ser feito, não é possível realizar mais atendimentos por dia”, comentou. O diretor também orientou que não há necessidade de encaminhar o benefício imediatamente depois que se retira o FGTS. “As pessoas têm 120 dias para procurar a agência. Então orientamos a todos que necessitam do serviço a terem paciência e compreenderem o problema”, expõe. Ele explicou que apenas esse serviço é atingido pelo problema. “Quem está procurando emprego pode ir até a agência sem preocupação, que o atendimento está normal”, informa.

ATENDIMENTO A Agência do Trabalhador está atendendo de segunda a sexta-feira, das 07h30 às 12 horas e das 13 às 17 horas. As senhas para atendimento são distribuídas desde as 07 horas.

Em visita ao secretário Edemar Rockenbach, o diretor da Agência do Trabalhador, Gilberto Engelmann, explanou sobre a preocupação com a qualidade no atendimento ao público

Engelmann comenta que está sendo esperada a abertura do curso de qualificação pelo Estado para formar mais duas pessoas para realizar o serviço de encaminhamento do seguro desemprego, para poder atender melhor a população. Em caso de dúvidas ou para se informar da quantidade de fichas, o telefone da Agência do Trabalhador é o (45) 3252-6763.

Estudantes de Entre Rios do Oeste propõem soluções ao setor de saúde Os alunos do Colégio Estadual Professor Ildo José Fritzen, de Entre Rios do Oeste, participaram na manhã de ontem (23) e à noite das oficinas do Programa Irradiando Saúde, quando foram levantados os problemas de saúde do município. Os estudantes puderam expor suas opiniões e fazer uma avaliação da situação da saúde local. Esta foi a última oficina reali-

zada em um ciclo de reuniões que passou também pelas comunidades do interior do município e pela sede. O diretor da 20ª Regional de Saúde de Toledo, Odacir Fiorentin, conta que as oficinas são direcionadas para que as pessoas apontem as deficiências no setor de saúde. As sugestões foram fixadas em um banner denominado Muro das Lamentações. Em um segundo momento, Patrícia Porto

Alunos apontaram problemas e possíveis soluções para o setor de saúde pública

no banner Árvore da Esperança são formuladas as sugestões de como as pessoas gostariam que a saúde fosse disponível. Os trabalhos definem ainda ações corretivas aos problemas, com a elaboração de um plano de trabalho focado em um novo modelo de educação em saúde, principalmente nas atitudes das pessoas para que levem uma vida mais saudável. O próximo passo é a formalização de um compromisso de saúde entre sociedade civil, prefeitura, Câmara de Vereadores e 20ª Regional de Saúde. A ação no Colégio Ildo José Fritzen contou com a presença do diretor da 20ª Regional de Saúde, Odacir Fiorentin, do presidente da Frente Parlamentar de Saúde (Frepasa), Neodir Mosconi, e do secretário de Saúde, Erio Bastian (Fufi), além de membros do Comitê Gestor, Ana Bessen, Márcia Kist, Rosecler Roeseler, Solange Schlindwein e colaboradores do Centro de Saúde Eugênio Schwanke.


QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

GERAL/EDITAIS

Edição 3703 - O PRESENTE |

35

PARA O NATAL

Sesc promove campanha de arrecadação de brinquedos Doações de objetos novos e usados podem ser feitas na unidade de Marechal Rondon Carina Ribeiro/OP

Teve início nesta semana e segue até o dia 16 de dezembro a Campanha do Brinquedo do Sesc Marechal Cândido Rondon. De acordo com as técnicas de atividades do Sesc, Andreia Guissardi e Laiara Weschenfelder, o objetivo é arrecadar brinquedos para doação a crianças carentes nas vésperas do Natal, a partir do repasse para uma entidade do município. Segundo elas, atualmente o Sesc está à procura de empresas e entidades que possam se tornar parceiras da campanha. “As lojas interessadas podem participar desse trabalho funcionando como ponto de coleta de donativos.

Técnicas de atividades do Sesc, Andreia Guissardi e Laiara Weschenfelder: “As lojas interessadas podem participar desse trabalho funcionando como ponto de coleta de donativos”

Quanto mais locais para arrecadação, maior deve ser o volume de doações”, acreditam. Comerciantes interessados podem entrar em contato pelo (45) 3909-1000. No encerra-

mento da campanha haverá entrega tanto de brinquedos como de doces para as crianças, bem como serão lembradas todas as empresas parceiras. A Campanha do

Brinquedo é desenvolvida pelo Sistema Fecomércio Sesc/Senac e acontece simultaneamente em todas as unidades do Paraná, desde 2009. Nestes quatro anos a Campanha já arrecadou 79.874 brinquedos e atendeu 274 instituições sociais. Para o ano de 2013, a campanha traz uma nova estratégia de atuação que visa ampliar, significativamente, o número de arrecadações, através de parcerias locais, como o Sindicato do Comércio Varejista de Marechal Cândido Rondon (Sindicomar), Câmara da Mulher e demais entidades que tenham interesse em contribuir.

Secretaria de Educação de Palotina cadastra crianças Divulgação

A Secretaria de Educação e Cultura de Palotina já está fazendo o cadastro de intenção de vaga na Educação Infantil para o ano letivo de 2014. O atendimento aos pais que pretendem matricular os filhos com idade até cinco anos começou a ser feito na segunda-feira (21) e segue até o próximo dia 1º. O atendimento está sendo feito na Biblioteca Pública Municipal. Os pais ou responsáveis devem apresentar para o cadas-

tro a certidão de nascimento da criança e um comprovante de residência, que pode ser uma conta de energia elétrica. O horário de atendimento é das 08 às 11 horas e das 13h30 às 17 horas, de segunda à sexta-feira. As futuras mamães que pretendem matricular a criança em Centro Municipal de Educação Infantil também devem efetuar o cadastro. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (44) 3913-1030.

Resultado do Programa Agrinho será conhecido segunda-feira A segunda-feira (28) será comemorada por professores, alunos e escolas do Paraná participantes da 18ª edição do Programa Agrinho 2013, que tem como tema “Comunicação em rede - uma ligação entre o campo e a cidade”. Criado, desenvolvido e mantido pelo Sistema Faep/Senar-PR/Sindicatos Rurais, o programa tem a proposta de estimular o desenvolvimento de trabalhos em diversas áreas nas escolas do Estado. Durante o evento serão premiados os melhores trabalhos, a partir das 10 horas, no Expo Unimed Curitiba. O concurso envolve anualmente 80 mil professores das redes públicas e particular e 1,5 milhão de alunos. O programa possui cin-

co categorias: Município Agrinho, Escola Agrinho, Experiência Pedagógica, Redação e Desenho. O único vencedor já conhecido é Ribeirão Claro, que pela 13ª vez foi o vencedor na categoria Município Agrinho, com relatório intitulado “O direito de sonhar e a prática pedagógica como instrumento de transformação”. Os demais vencedores serão revelados no evento. Cinco professores vencedores na categoria Experiência Pedagógica voltam para casa de carro zero quilômetro. Serão entregues ainda outros prêmios, como notebooks, celulares bicicletas, televisões LED e máquinas fotográficas para professores e alunos.

Atendimento aos pais que pretendem matricular os filhos com idade de até cinco anos começou a ser feito na segunda-feira (21) e segue até o próximo dia 1º, na Biblioteca Pública

SÚMULA DE PEDIDO DE REGULARIZAÇÃO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO Livo José Wolf torna público que requereu ao IAP regularização de Licença de Operação para a atividade de suinocultura, implantada na Chácara 90, matrícula 5.923, linha Cristal, município de Pato Bragado, Estado do Paraná.

SÚMULA DE PEDIDO DE RENOVAÇÃO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO Leonildo Luiz Cenedese torna público que requereu ao IAP Renovação da Licença de Instalação para a atividade de irrigação, a ser instalada no lote rural nº 32 da Gleba nº 26, linha Vera Cruz, município de Santa Helena, Estado do Paraná.


36 | O PRESENTE - Edição 3703

EDITAIS

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO Leonildo Luiz Cenedese torna público que recebeu do IAP Licença de Instalação para a atividade de irrigação, a ser instalada no lote rural nº 32 da Gleba nº 26, linha Vera Cruz, município de Santa Helena, Estado do Paraná.

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA PRÉVIA Ruben Siewert torna público que recebeu do IAP Licença Prévia para empreendimento de irrigação, com validade até 16/08/2015, a ser implantado no distrito de Vila Cristal, município de Nova Santa Rosa, Estado do Paraná.

SÚMULA DE PEDIDO DE LICENÇA PRÉVIA Noelor Zoz torna público que requereu ao IAP a Licença Prévia para atividade de piscicultura, a ser implantada na parte norte do lote rural nº 256, integrante da 2ª parte do 34º perímetro da Fazenda Britânia, linha Rio Azul, município de Maripá, Estado do Paraná.


QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

APARTAMENTO, vendo, Av. Rio Grande do Sul, em frente ao posto Camilo, centro, valor a combinar, troco por terra. Tr. (45) 3254-2074 com Jeverson. APARTAMENTO, vendo, c/ 3 quartos, sala, cozinha, bwc, garagem, todo reformado, Cond. Tancredo Neves, R$ 95.000,00. Tr. (45) 9810-3532. BARRACÃO, vendo, 374m², c/ escritório, terreno grande, R. Ouro Verde, Lot. Augusto I, R$ 85.000,00, aceito carro. Tr. (45) 9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. CASA, vendo, 11x7, de madeira de lei, parede dupla, p/ retirar do local, ótimo estado, valor a combinar. Tr. (45) 9932-4579. CASA, vendo, 120m², alvenaria, c/ 2 quartos, 2 suítes, sala, 2 cozinhas, bwc, garagem c/ churrasq., área de serviço, terreno 380m², Lot. Sabka II, R$ 230.000,00. Tr. (45) 9815-8023 c/ Abelha ou 3254-7001, www.imobiliariabomnegocio.com.br, Creci F16.590. CASA, vendo, 85m², R. Cabral, Jd. Santa Mônica, valor a combinar. Tr. (45) 3254-0477 ou 9919-0223, Creci J-04743, www.localizafacilnegocios.com.br. CASA, vendo, 120m², alvenaria, c/ laje, semi acabada, próx. ao CTG, R$ 130.000,00, parcelo pgto. Tr. (45) 9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. CASA, vendo, 125m², alvenaria, c/ 2 quartos, suíte, 2 bwc, sala, cozinha, garagem c/ churrasq., área de serviço, terreno 360m², Lot. Andorinhas, R$ 280.000,00. Tr. (45) 9815-8023 c/ Abelha ou 3254-7001, www.imobiliariabomnegocio.com.br, Creci F16.590.

Classificados na internet: www.opresente.com.br

CASA, vendo, 129m², nova, de esquina, c/ 2 quartos, suíte, sala de estar, sala de jantar, cozinha, 2 bwc, garagem p/ 2 carros, ótimo acabamento, R. Amir Dalla Vechia, nº 5520, Lot. Prass, 5 quadras da vet. do Ari, valor a combinar. Tr. (45) 99626232 com Carlos, Creci F18880.

CASA, vendo, 68m², nova, c/ laje, 3 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., jd. de inverno, Lot. Caminhos do Sol, R$ 132.000,00, pode ser financiada. Tr. (45) 9979-1080 c/ Adelar ou 3254-5000 na Certo Imóveis, Creci J-4248, certoimoveis.com.

CASA, vendo, 133m², alvenaria, c/ 3 quartos, demais dependências, R. Cabral, nº 2429, R$190.000,00, aceito caminhão de entrada, saldo parcelado em 9 anos, c/ juro 10,5% ao ano. Tr. (44) 9976-5222 com Chico.

CASA, vendo, 70m² + 55m² edícula, usada, c/ 3 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., Jd. Paraíso, R$ 130.000,00, pode ser financiada. Tr. (45) 99791080 c/ Adelar ou 3254-5000 na Certo Imóveis, Creci J-4248, certoimoveis.com.

CASA, vendo, 205m², alvenaria, c/ 3 quartos, 2 garagens, área de festas, copa, cozinha, R. José Bonifácio, R$ 220.000,00. Tr. (45) 3254-3888 ou 9938-7718 com Schone Corretor de Imóveis, Creci 13.848, www.schoneimoveis.com.br. CASA, vendo, 214m², c/ 4 quartos, suíte, estrutura p/ 3 pisos, 2 terrenos de 1.007x35, R. 7 de setembro, nº 1847, próx. a antiga prefeitura, R$ 550.000,00, aceito apartamento em troca. Tr. (45) 9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. CASA, vendo, 248m², alvenaria, c/ laje, 2 quartos, suíte, 2 salas, 2 bwc, cozinha c/ móveis planejados, garagem p/ 2 carros laterais, área de festa, terreno 800m², 20x40, R. Paraíba, centro, R$ 370.000,00. Tr. (45) 9815-8023 c/ Abelha ou 3254-7001, www. imobiliariabomnegocio.com.br, Creci F16.590. CASA, vendo, 53,84m², nova, c/ laje, 2 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., Lot. Pinz, R$ 115.000,00, pode ser financiada. Tr. (45) 9979-1080 c/ Adelar ou 3254-5000 na Certo Imóveis, Creci J-4248, certoimoveis.com. CASA, vendo, 64,32m², seminova, c/ laje, 3 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., garagem, Lot. Gralha Azul, R$ 140.000,00, pode ser financiada. Tr. (45) 9979-1080 c/ Adelar ou 3254-5000 na Certo Imóveis, Creci J-4248, certoimoveis.com.

CASA, vendo, 70m², alvenaria, c/ 2 quartos, sala, cozinha, bwc, garagem p/ 2 carros c/ churrasq., área de serviço, terreno 380m², Lot. Elio Winter, R$ 180.000,00. Tr. (45) 9815-8023 c/ Abelha ou 3254-7001, www.imobiliariabomnegocio.com.br, Creci F16.590. CASA, vendo, 70m², alvenaria, c/ 2 quartos, sala, cozinha, bwc, garagem p/ 2 carros laterais, área de serviço, terreno 130m², Lot. Rainha, R$ 115.000,00. Tr. (45) 9815-8023 c/ Abelha ou 3254-7001, www.imobiliariabomnegocio.com.br, Creci F16.590. CASA, vendo, 71,03m², nova, c/ laje, 2 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., garagem, Lot. Imperial, R$ 135.000,00, pode ser financiada. Tr. (45) 9979-1080 c/ Adelar ou 3254-5000 na Certo Imóveis, Creci J-4248, certoimoveis.com. CASA , vendo, 90m², c/ laje, 2 quartos, suíte, sala, cozinha, bwc, lavand., garagem fechada, R. Colombo, Lot. Luciana, valor a combin a r. Tr. ( 4 5 ) 3 2 5 4 - 0 4 7 7 o u 9919-0223, Creci J-04743, www.localizafacilnegocios.com.br. CASA, vendo, 99,98m², c/ 3 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., garagem, varanda, R. Nossa Senhora da Penha esq. c/ R. Professora Ely Wayhs, Lot. Santa Felicidade, valor a combinar. Tr. (45) 3254-0477 ou 9919-0223, Creci J-04743, www.localizafacilnegocios.com.br. CASA, vendo, alvenaria, ao lado do mercado novo da Copagril, R$ 230.000,00, aceito troca. Tr. (45) 3254-1718 ou 9972-5013 com Imobiliária Bier. Creci 2390.

Temperatura: 28º/20º

Temperatura: 29º/21º

Temperatura: 28º/20º

Temperatura: 28º/20º

O PRESENTE | CASA, vendo, de esquina, c/ laje, 1 quarto, suíte, sala, cozinha, garagem c/ churrasq., Lot. Roda D´água, R$ 120.000,00. Tr. (45) 3254-0477 ou 99190223, Creci J-04743, www. localizafacilnegocios.com.br.

CASA, vendo, alvenaria, c/ 2 quartos, suíte, bwc, 3 salas, lavand., garagem p/ 3 carros, portão elet., R. Dom João VI, R$ 210.000,00. Tr. (45) 9815-8023 c/ Abelha ou 3254-7001, www.imobiliariabomnegocio.com.br, Creci F16.590. CASA, vendo, alvenaria, c/ 3 quartos, 2 salas, cozinha, 2 bwc, garagem p/ 3 carros, lavand., Lot. Itamaraty, R$ 140.000,00. Tr. (45) 9815-8023 c/ Abelha ou 3254-7001, www. imobiliariabomnegocio.com.br, Creci F16.590. CASA, vendo, alvenaria, pequena, terreno grande, Bairro Barcelona, R$ 75.000,00, aceito carro. Tr. (45) 9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. CASA, vendo, aprox. 120m², nova, c/ 2 quartos, suíte, 2 bwc, sala/copa/cozinha, R. Maceió, Lot. Imperial, R$ 290.000,00. Tr. (45) 3254-3888 ou 99387718 com Schone Corretor de Imóveis, Creci 13.848, www.schoneimoveis.com.br. CASA, vendo, c/ 3 quartos, sala, cozinha, bwc, garagem p/ 2 carros, lavand., R. 7 de Setembro, valor a combinar. Tr. (45) 3254-0477 ou 99190223, Creci J-04743, www. localizafacilnegocios.com.br. CASA, vendo, c/ laje, 2 quartos, suíte, ar-cond., murada, toda imobiliada, terreno 20x40, em Porto Mendes, R$ 220.000,00. Tr. (45) 9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. CASA , v e n d o , c / l a j e , 3 quartos, sala, cozinha, 2 bwc, garagem, churrasq., lavand. fechada, R. Tulipas, Lot. Augusto I, valor a combinar. Tr. (45) 3254-0477 ou 9919-0223, Creci J-04743, www.localizafacilnegocios.com.br. CASA, vendo, c/ laje, 3 quartos, sala, cozinha, bwc, garagem, lavand., R. Lajeado, Cond. Guarani, Bairro Frankfurt, valor a combinar. Tr. (45) 3254-0477 ou 9919-0223, Creci J-04743, www.localizafacilnegocios.com.br.

Temperatura: 29º/21º

Temperatura: 26º/21º

CASA, vendo, de madeira, p/ retirar do local, valor a combinar. Tr. (45) 9995-1660 com Roque. CASA, vendo, imobiliada, R. Coslar, nº 50, Bairro Franckfurt, R$ 230.000,00. Tr. (45) 99725013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. CASA, vendo, mista, c/ porão, espaço p/ plantio de hortaliças, terreno 1.200m², R. Curitiba, nº 57, valor a combinar, aceito troca. Tr. (45) 9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. CASAS, vendo, c/ 2 quartos, sala, cozinha, em vários bairros, valor a combinar, pelo programa Minha Casa Minha Vida. Tr. (45) 3254-0477 ou 9919-0223, Creci J-04743, www. localizafacilnegocios.com.br. CASAS, vendo, em diversos Loteamentos, valor a combinar, pelo programa Minha Casa Minha Vida. Tr. (45) 9979-1080 c/ Adelar ou 3254-5000 na Certo Imóveis, Creci J-4248, certoimoveis.com. CHÁCARA, vendo ou troco, 25.000m², c/ 2 casas, iluminação pública, asfalto, água, luz, em Novo Sarandi, saída p/ Toledo, valor a combinar, troco por ônibus, caminhão, casa ou carro, parcelo pgto. Tr. (45) 99826728 com Nelson.

37

CHÁCARA, vendo, 2,5 alq., planta nº 2, 19 vacas, 7 bezerros, chiqueiro p/ 70 suínos, prémoldado 125m², canzil p/ 13 vacas, ordenhadeira, forrageira, carretão 5 ton., Arroio Fundo, R$ 320.000,00. Tr. (45) 3254-1718 ou 9972-5013 com Imobiliária Bier. Creci 2390. CHÁCARA, vendo, 25.000m², ótima localização p/ loteamento, em Novo Sarandi, Toledo, valor a combinar. Tr. (45) 9969-6919 ou 3254-0982 com Valdir, JF Investimentos, www.valdirimoveis.net.br. CHÁCARA, vendo, 3.500m², terra plana, sem pedras, c/ floresta natural, 500m de MCR, valor a combinar, preço de ocasião, aceito carro ou casa. Tr. (45) 9934-8875. CHÁCARA, vendo, dentro da área de espanção, próx. a MCR, a partir de R$ 125.000,00. Tr. (45) 3254-0477 ou 99319908, Creci J-04743, www. localizafacilnegocios.com.br. SÍTIO, vendo, 22 alq., 17,5 planta, 4,5 reserva, plana e alta, 400m do asfalto, R$ 2.200,000,00. T r atar ( 4 5 ) 3 2 5 4 - 0 4 7 7 o u 9931-9908, Creci J-04743, www.localizafacilnegocios.com.br. SÍTIO, vendo, 9 alq., terra alta, 3,5 c/ plantio de rama, 3,5 terra dobrada em pastagem, 2 em reserva, 4 açudes pequenos, poço artesiano, toda cercada em arame farpado 5 fios, em Iguiporã, R$ 350.000,00, entrada de R$ 175.000,00. Tr. (45) 3254-0477 ou 9931-9908, Creci J-04743, www.localizafacilnegocios.com.br.


CLASSIFICADOS

38 | O PRESENTE SÍTIO, vendo, c/ benfeitorias, açude, área cercada, plaina, Linha São Carlos, Porto Mendes, valor a combinar. Tr. (45) 3254-0477 ou 9919-0223, Creci J-04743, w w w. localizafacilnegocios.com.br. SOBRADO, vendo, 140m², novo, c/ 2 quartos, suíte, área de festas, gesso, Lot. Muller, próx. ao clube Aliança, valor a combinar, aceito casa de menor valor ou terra. Tr. (45) 32542074 com Jeverson. TERRA, compro, p/ plantio de eucalipto, na região do Mato Grosso do Sul, Terra Roxa e Guaíra, até R$ 3.000.000,00, troco por carreta e parte em dinheiro. Tr. (45) 9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. TERRA, vendo, 11 alq., de frente p/ o asfalto, ao lado da Vila Bom Jardim, R$ 550.000,00, uma entrada + 2 parcelas. Tr. (45) 9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. TERRA, vendo, 3,5 alq., c/ casa de alvenaria, 2 aviários, seminovos, 15x130, R$ 800.000,00. Tr. (45) 9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. TERRA, vendo, 3,5 alq., c/ piscina, edícula, cachoeira, açude, 4km do aeroporto, próx. Esquina Bandeirantes, R$ 320.000,00, aceito troca e propriedades na praia. Tr. (45) 9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. TERRA, vendo, 300 hectares, com barracão e moradia, toda plana e em pasto, 190 km de Unaí, MG, 300 km de Brasília, R$ 1.500.000,00, aceito 70% em imóvel na região. Tr. (45) 9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. TERRA, vendo, 4,5 alq., primeira chácara atrás da Sperafico, próx. ao Portal de MCR, sem benfeitorias, R$ 350.000,00, troco por casa. Tr. (45) 99725013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. TERRA, vendo, 5 alq., 4 alq. em lavoura, sem benfeitorias, água boa, 1000m do asfalto, em Maracajú dos Gaúchos, Guaíra, R$ 90.000,00 o alq., entrada e prazo a combinar, aceito casa em MCR. Tr. (45) 9 9 2 4 - 6 3 3 9 o u 8 8 0 9 - 11 8 0 , Creci F21288. TERRA, vendo, 5,8 alq., c/ casa em alvenaria 110m², chiqueiro 30x8, galpão, na Linha Marreco, Margarida, R$ 320.000,00, aceito casa em MCR como parte de pgto. Tr. (45) 3277-4630 com Airton. TERRA, vendo, 8,2 alq., 4,5 alq. p/ plantio, c/ casa, galpão, 2 açudes, próx. a 3 Irmãs, Mercedes, encostada no asfalto, R$ 370.000,00. Tr. (45) 9969-6919 ou 3254-0982 com Valdir, JF Investimentos, www.valdirimoveis.net.br. TERRENO, vendo, 12x26, frente p/ sol da manhã, Lot. Bem Te Vi, próx. Jd. Ana Paula, R$ 85.000,00. Tr. (45) 99626232 com Carlos, Creci F18880. TERRENO , vendo, 12x31, na praia de Itapoá, SC, próx. ao porto, 400m do m a r, R $ 5 0 . 0 0 0 , 0 0 , a c e i t o veículo até R$ 20.000,00. Tr. ( 4 5 ) 8 4 3 2 - 4 4 2 1 . TERRENO , vendo, 12x38,75, Lot. Porto Belo, 400m do mercado Copagril, R$ 79.500,00 á vista, ou entrada + parcelas. Tr. (45) 91353481 (tim) ou 3284-2591. TERRENO, vendo, 12x50, 600m², Lot. Fassbinder, em Mercedes, valor a combinar. Tr. (44) 3642-4446 ou (44) 9955-4446.

TERRENO, vendo, 16,5x22, R. Pastor Meyer, Lot. Universitário, 50m do Detran, valor a combinar. Tr. (45) 9988-2628 com Anderson. TERRENO, vendo, 16x23,5, de esquina, murado, c/ portão, Lot. Santa Felicidade, valor a combinar, aceito carro de menor valor. Tr. (45) 3254-8634 ou 9932-0786 com João. TERRENO, vendo, 264m², c/ 2 casas, em alvenaria, 83,46m², e outra de aprox. 70m², Conj. Hab. da Cohapar, valor a combinar. Tr. (45) 3254-0477 ou 9919-0223, Creci J-04743, www.localizafacilnegocios.com.br. TERRENO, vendo, 310m², sub-esquina, Lot. Santa Felicidade, R$ 95.000,00. Tr. (45) 9979-1080 c/ Adelar ou 32545000 na Certo Imóveis, Creci J4248, certoimoveis.com. TERRENO, vendo, 425m², Lot. Recanto dos Pássaros, R$ 55.000,00. Tr. (45) 9958-6566 ou 3284-7788 com Jair ou Dionisio. TERRENO, vendo, 448,50m², 13x34,5m², Lot. Parque Ecológico, ótima localização, R$ 125.000,00. Tr. (45) 3254-3888 ou 9938-7718 com Schone Corretor de Imóveis, Creci 13.848, www.schoneimoveis.com.br. TERRENO, vendo, 585m², 13x45, R. Almir Dalla Vechia, próx. Raquel Malhas, valor a combinar, troco por imóvel em Itapema, SC. Tr. (45) 9978-1203. TERRENO, vendo, quadra 02, lote 03, R. Souza Naves, Lot. Laureth, em frente ao mercado Copagril, valor a combinar. Tratar (45) 3254-0477 ou 99190223, Creci J-04743, www. localizafacilnegocios.com.br. TERRENOS, vendo, bem localizados, valor a combinar, 20% de entrada e restante entre 40 a 60 meses. Tr. (45) 99786422 com Raimundo Van Den Bonn, Creci F11955J. TERRENOS, vendo, c/ asfalto, luz, água, Residencial Boa Vista, Porto Mendes, valor a combinar, entrada + parc e l a m e n t o p r ó p r i o . Tr. ( 4 5 ) 9969-6919 ou 3254-0982 com Valdir, JF Investimentos, www.valdirimoveis.net.br.

APARTAMENTOS, alugo, c/ 3 quartos, Av. Maripá, em cima da Basivil, R$ 650,00 cada. Tr. (45) 8404-1596 com Eloi. CASA, alugo, 150m², c/ 3 quartos, bwc, garagem, R. 7 de Setembro, próx. ao Isepe e pizzaria Forno a Lenha, R$ 1.100,00. Tr. (45) 9916-2700. CASA, alugo, na praia, p/ 5 pessoas, em Bombinhas, SC, R$ 120,00 a diaria. Tr. (45) 9997-1096 ou (47) 9694-8134 (tim) com Vilson. CASA, alugo, nova, geminada, c/ 1 quarto, garagem, R. Olindo Artmann, nº 28, Jd. Modelo, R$ 490,00, sem condomínio. Tr. (45) 9981-9308 com Maria Inês. CHÁCARA, procuro p/ alugar, c/ água p/ açude, pasto, área p/ plantio, valor a combinar. Tr. (45) 9923-7003 com Nelson. QUITINETES, alugo, Av. Rio Grande do Sul, prédio da Rima, R$ 450,00. Tr. (45) 3254-3888 ou 9978-4560 Schone Corretor de Imóveis, Creci 13.848, www.schoneimoveis.com.br. QUITINETES, alugo, c/ 2 quartos, sala/cozinha, bwc, lavand., R. Sergipe, nº 2248, Residencial Concórdia, próx. a Unioeste, valor a combinar. Tr. (45) 99735410 com Anita. SALA COMERCIAL, alugo, 70m², c/ bwc, cozinha, ótima localização, valor a combinar. Tr. (45) 3254-7707. SALA COMERCIAL, alugo, 90m², R. 7 de Setembro, nº 385, Ed. Dom Pedro, centro, valor a combinar. Tr. (45) 9966-3363 ou 3254-1857 com Nelson. SALA COMERCIAL, alugo, aprox. 500m², na BR 163, valor a combinar. Tr. (45) 3254-3888 ou 9978-4560 Schone Corretor de Imóveis, Creci 13.848, www.schoneimoveis.com.br. SALA COMERCIAL, alugo, R. Pernambuco, nº 1623, 30m da Unioeste, R$ 700,00. Tr. (45) 9969-8051. SALA COMERCIAL, alugo, reformada, Av. Rio Grande do Sul, nº 415, valor a combinar. Tr. (45) 3254-3499 com Elemar.

ASTRA HATCH 2.0, vendo, ano 2010, verde pantanal, flex, completo, ar digital, cd, roda liga leve, sensor de estacionamento, 49.000km, manual, chave reserva, impecável, valor a combinar. Tr. (45) 8803-6565. APARTAMENTO PEQUENO, ofereço p/ alugar, c/ 2 quartos, demais dep., garagem, portão elet., interfone, internet (5 megas) e parabólica coletivas, churrasq. e lavand. individual, janelas c/ venez., Av. Irio Welp, 2474, MCR, R$ 575,00, incluso água, internet e condomínio. Tr. (45) 9923-8068. APARTAMENTO, alugo, c/ 3 quartos, sala, cozinha, 2 bwc, lavand., garagem, aquecimento a gás, R. Minas Gerais, nº 505, R$ 850,00. Tr. (45) 32543888 com Schone Corretor de Imóveis, Creci 13.848, www.schoneimoveis.com.br. APARTAMENTO, alugo, no Cond. Tancredo Neves, ap24, valor a combinar. Tr. (45) 99481755 ou 3284-2067 com Eliria. APARTAMENTO, alugo, pequeno, c/ 2 quartos, sala, cozinha, lavand., bwc, internet 10 mega, parabólica, ao lado do centro de eventos, R$ 500,00. Tr. (45) 9941-1230 com Atilio.

CLIO SEDAN PRIVILEGE 1.6, vendo, ano 2008, flex, completo, airbag duplo, controle de som no volante, bem conservado, R$ 20.800,00, estudo troca. Tr. (45) 9917-5987.

FOCUS SEDAN, vendo, ano 2009, modelo novo, automático, completo, revisado, R$ 37.500,00, financio em até 48x. Tr. (45) 9961-2575 ou 32542118 com Alexandre.

CORCEL II, vendo, ano 83, álcool, revisado, valor a c o m b i n a r. Tr. ( 4 5 ) 3 2 5 4 2074 com Jeverson.

FRONTIER XE, vendo, ano 2 0 11 , c i n z a , c a b i n e d u p l a , 4x2, câmbio manual, completa, revisada, valor a combinar, financio em até 60x. Tr. (45) 9961-2575 ou 3254-2118 com Alexandre.

COROLLA XEI 1.8, vendo, ano 2003/03, preto, completo, airbag, câmbio manual, 4 pneus novos, R$ 25.000,00. Tr. (45) 9942-5875. COROLLA XEI 1.8, vendo, ano 2010, preto, automático, bancos em couro, ótimo estado, valor a combinar. Tr. (45) 3254-7957 ou 99365938 com Otto. CORSA CLASSIC LIFE, vendo, ano 2009, c/ ar, trava, alarme, 50.000km, ótimo e s t a d o , R $ 1 9 . 0 0 0 , 0 0 . Tr. (45) 9969-4322. CORSA CLASSIC LIFE, vendo, ano 2009, c/ ar, trava, alarme, ótimo estado, R$ 19.500,00, troco por Saveiro, Strada ou Courier. Tr. (45) 9973-0856. CORSA HATCH, vendo, ano 97, cinza, rodas esportivas, som, travas, alarme, R$ 10.900,00, aceito Biz ou Titan como parte de pgto. Tr. (45) 9980-3088. CROSSFOX 1.6, vendo, ano 2010, flex, completo, 4 pneus novos, revisado, valor a combinar, aceito troca. Tr. (45) 9989-0805. CROSSFOX, vendo, ano 2009, prata, completo, baixa km, 2º dono, valor a combinar, aceito troca por menor valor. Tr. (45) 9941-2737. D-10, vendo ou troco, ano 83/83, diesel, turbo, motor novo, hidráulica, único dono, valor a combinar. Tr. (45) 91343324 com Luiz. ECOSPORT XLT 2.0, vendo, ano 2009, automático, flex, top de linha, 51.000km, 4 pneus novos, sem detalhe, R$ 34.000,00, estudo proposta. Tr. (45) 99518944 com Paulo. F-4000, vendo, ano 82, pintura nova, motor mwm, carroceria nova, estofamento novo, R$ 32.000,00. Tr. (45) 9988-8532.

TERRENOS, vendo, Lot. Raquel Malhas, valor a combinar, à vista ou financiados pela Caixa, de 60 até 420 meses. Tr. (45) 9979-1080 c/ Adelar ou 32545000 na Certo Imóveis, Creci J4248, certoimoveis.com.

ASTRA SEDAN ADVANTAGE 2.0, vendo ou troco, ano 2007/ 07, prata, completo, 2 pneus Michellin novos, bateria, amortecedores, escapamento na garantia, placa A, impecável, valor a combinar. Tr. (45) 99610071 com Marcos. ASTRA SEDAN ADVANTAGE, vendo, ano 2009, prata, 8v, flex, completo, impecável, valor a combinar. Tr. (45) 9982-7554. ASTRA, vendo, ano 2008, preto, completo, sem detalhes, R$ 27.800,00. Tratar (45) 9965-9142. BLAZER, vendo, ano 98/99, completa, gasolina, R$ 19.500,00. Tr. (45) 9961-2575 ou 3254-2118 com Alexandre. CAMINHÃO, vendo, Scania 112H, ano 84, valor a combinar, aceito trator em troca. Tr. (45) 9991-3200 com Osmar. CELTA, vendo, ano 2004, prata, básico, 2 portas, R$ 13.500,00. Tr. (45) 9991-4477.

QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013

GOL G3 1.0, vendo, ano 2000, preto, vidro e trava elét., roda liga leve, aro 15, ótimo estado de conservação, R$ 12.900,00, aceito carro ou moto de menor valor. Tr. (45) 91422333 ou 9997-3184 com Gilmar. GOL G3, vendo, ano 2000, 4 portas, completo, R$ 13.500,00, aceito proposta. Tr. (45) 9978-5434. GOL G4 1.0, vendo, ano 2008/09, prata, ar cond., DH, 25.000km, R$ 23.500,00. T r atar ( 4 5 ) 3 2 5 4 - 1 8 4 3 c o m Ivan ou Luiz. GOL G5 1.0, vendo, ano 2011, prata, completo, airbag, abs, retrovisor elét., som, alarme na chave, 25.000km, R$ 27.990,00. Tr. (45) 9127-5666 ou 9954-4696.

L-200 TRITON HPE, vendo, a n o 2 0 11 , p r e t a , c o m p l e t a , couro, câmbio, único dono, p l a c a A , R $ 9 0 . 0 0 0 , 0 0 . Tr. (45) 9972-0270. MERIVA PREMIUM 1.8, vendo, ano 2010, preto, flex, completo, automático, couro, airbag duplo, rodas liga leve, cibié, 49.000km, impecável, R$ 35.500,00. Tr. (45) 9986-9262. MICRO ÔNIBUS 608, vendo, ano 77, valor a combinar. Tr. (45) 9995-4853. MONTANA 1.4, vendo, ano 2008/08, flex, completa, único dono, manual, nota fiscal, chave cópia, valor a combinar, aceito troca. Tr. (45) 9989-0805. MONTANA, vendo, ano 2013, completo, c/ capota marítima, roda liga leve, airbag, R$ 34.000,00 á vista, aceito carro de menor valor na troca. Tr. (45) 9926-5801 ou 9941-6518. MONZA, vendo, ano 96, completo, alarme, pneus seminovos, impostos em dia, ótimo estado, valor a combinar, abaixo da tabela fipe. Tr. (45) 9903-4203. OMEGA 4.1 CD, vendo ou troco, ano 95, preto, revisado, impecável, valor a combinar. Tr. (45) 9938-0105 com Maickel.

GOL TREND 1.0, vendo, ano 2012, completo, placa A, única dona, valor a combinar. Tr. (45) 9975-6030 com Cassiano.

PALIO WEEKEND ADV. 1.8, vendo, ano 2007, preto, completo, 2º dono, pneus novos, revisado, R$ 25.500,00. Tr. (45) 9972-0270.

HILUX CRV, vendo, ano 2009/09, preta, 4x4, automática, revisada, impecável, valor a combinar, financio em até 60x. Tr. (45) 9961-2575 ou 3254-2118 com Alexandre.

PARAT I 1 . 6 , v e n d o , a n o 2001, branca, completa, placa A, original, ótimo estado de conservação, R$ 17.800,00. Tr. (45) 9972-0270.

HILUX SRV CD, vendo, ano 2007, preta, 4x4, completa, couro, câmbio, pneus novos, impecável, R$ 85.000,00. Tr. (45) 9972-0270. HILUX SRV CD, vendo, ano 2010, prata, 4x4, completa, couro, câmbio, placa A, 2º dono, R$ 105.000,00. Tr. (45) 9972-0270. HILUX SW4, vendo, ano 2002/02, prata, 4x4, pneus novos, impecável, valor da tabela fipe. Tr. (45) 9927-1414 com Sérgio. KA GL IMAGE 1.0, vendo, ano, 2000, azul, completo, R$ 11.990,00. Tr. (45) 9127-5666 ou 9954-4696.

PARATI, vendo, ano 94, aro esportivo, valor a combinar. Tr. (45) 3254-1579 ou 9974-1300 com Lidia. PASSAT LS 1.6, vendo, ano 84, verde claro, rodas esportivas, pneus novos, trava, alarme, 3º dono, ótimo estado, R$ 6.800,00, aceito Biz c/ partida. Tr. (45) 9909-8313. S10 CD EXEC. 2.8, vendo, ano 2011, prata, completa, 55.000km, único dono, placa A, R$ 70.000,00. Tr. (45) 9972-0270. S10 COLINA CS 2.8, vendo, ano 2010, prata, completa, couro, rodas, placa A, 2º dono, R$ 50.000,00. Tr. (45) 9972-0270. SANTANA QUANTUM EVIDENCE, vendo ou troco, ano 97, azul, completo, valor a combinar. Tr. (45) 9923-7003 com Nelson. SAVEIRO G3 1.6, vendo, ano 2000, vermelha, c/ ar-cond., R$ 16.990,00. Tr. (45) 9127-5666 ou 9954-4696. SAV E I R O G 3 1 . 8 , v e n d o , ano 2002, branca, gasolina, completa, DH, ar cond., roda 17, pneus novos, ótimo estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45) 9829-3262 com Juninho.


QUINTA-FEIRA, 24 DE OUTUBRO DE 2013 ZAFIRA CONFORT 2.0, vendo, ano 2004/05, prata, flex, completa, bancos em couro, ar digital, valor a combinar, aceito veículo de menor valor. Tr. (45) 9978-1203.

SAV E I R O S S U R F 1 . 6 , vendo, ano 2003, prata, completa, R$ 23.000,00. Tr. (45) 9972-0270. SAVEIRO, vendo, ano 95, completa, valor a combinar. Tr. (45) 9944-1983 com Rui. STILO CONNECT 1.8, vendo, ano 2006, prata metálico, flex, 8v, revisado, R$ 24.000,00. Tr. (45) 9961-2575 ou 3254-2118 com Alexandre. STRADA 1.4, vendo, ano 2008, flex, 2º dono, bem conservada, valor a combinar, estudo proposta. Tr. (45) 9917-5987.

BIZ 125 ES, vendo, ano 2010, c/ partida, baixa km, valor a combinar. Tr. (45) 88067237 (tim).

BIZ, vendo, ano 2006, R$ 3.200,00. Tr. (45) 9944-1983 com Rui.

UNO MILLE SMART, vendo, ano 2001, azul metal, 4 portas, vidros e travas elét., R$ 10.500,00. Tr. (45) 9972-0270.

BROS ES, vendo, ano 2011, preta, R$ 7.300,00. Tr. (45) 8809-0202 ou 9941-1088 com Marcos.

VECTRA ELEGANCE 2.0, vendo, ano 2008, preto, flex, completo, ar digital, airbag´s, cd original c/ comando no volante, rodas liga leve, 56.000km, impecável, R$ 36.900,00. Tr. (45) 8803-6565.

BROS KS, vendo, ano 2008, vermelha, revisada, ótimo estado, R$ 5.200,00. Tr. (45) 99521092 com Sidinei.

VECTRA ELEGANCE, vendo, ano 2008, prata, completo, 57.000km, todo original, impecável, R$ 36.000,00. Tr. (45) 9965-9142. VECTRA EXPRESSION, vendo ou troco, ano 2009, prata, completo, valor a combinar. Tr. (45) 3254-2074 ou 9134-0593 com Jeverson. VECTRA GLS 2.0, vendo, ano 2001, prata, completo, ar digital, R$ 19.990,00. Tr. (45) 91275666 ou 9954-4696. VECTRA GLS 2.0 , vendo, ano 98, prata metálico, completo, original, nota fiscal, manual, rodas aro 14, 4 pneus novos, impecável, R$ 17.000,00. Tr. (45) 3284-1136 ou 9974-3606 com Ari. VECTRA GLS 2.2 , vendo, ano 2000, azul, 8v, completo, rodas esportivas, som original, R$ 17.900,00, aceito Biz ou Titan com parte de pgto. Tr. (45) 9980-3088. VECTRA GLS, vendo, ano 2001, prata, 8v, completo, rodas aro 15, som, ótimo estado, R$ 19.500,00, aceito moto ou carro de menor valor. Tr. (45) 9909-8313. VECTRA GT-X 2.0, vendo ou troco, ano 2009/10, preto perolizado, completo, 64.000km, todo revisado, impecável, valor a combinar. Tr. (45) 9961-0071 com Marcos.

VERONA LX, vendo, ano 91, verde metal, toda revisada, pneus novos, impecável, R$ 5.500,00. Tr. (45) 9972-0270. VOYAGE 1.0, vendo, ano 2009/10, c/ ar cond., DH, alarme, 43.000km, R$ 25.850,00. Tr. (45) 9996-2277 com Celso. XSARA PICASSO 1.6, vendo, ano 2009, prata, completo, bancos em couro, R$ 28.000,00. Tr. (45) 9961-2575 ou 3254-2118 com Alexandre.

PONTO DE XEROX, vendo, em faculdade, todo equipado, valor a combinar. Tr. (45) 99382026 com Maico.

YBR FACTOR 125 E, vendo, ano 2009/10, preta, R$ 4.500,00. Tr. (45) 9952-1092 com Sidinei.

MÓVEIS, vendo, p/ salão de beleza, usados, valor a combinar. Tr. (45) 9944-1379.

PROCURO casal p/ trabalhar c/ ordenha de leite, c/ experiência e referência, 3km de MCR, registro o casal, interessados. Tr. (45) 9962-9687 ou 9134-0994.

YBR FACTOR K, vendo, ano 2010, vermelha, 10.960km, R$ 4.200,00. Tr. (45) 9965-9142.

CB 500, vendo, ano 2003/03, preta, pneus novos, relação nova, bateria nova, impecável, valor a combinar, aceito Biz ou CG 150. Tr. (45) 8805-2129 (tim) com Márcio. CG 125, vendo, ano 84, ótimo estado, valor a combin a r, p a r c e l o p g t o . Tr. ( 4 5 ) 9942-2738. CG 150 ES, vendo ou troco, ano 2009/09, vermelha, flex, documentos 2013 quitados, ótimo estado, R$ 5.200,00. Tr. (45) 9906-2826 com Hércules. CG 150 ES, vendo, ano 2008, vermelha, placa A, com partida, R$ 3.850,00. Tr. (45) 9972-0270. CG 150, vendo, ano 2007, raios cromados, bem conservada, R$ 3.300,00 á vista, abaixo da tabela fipe. Tr. (45) 9989-0805. CG TITAN 150 ES, vendo, ano 2007/08, preta, ótimo estado, R$ 4.500,00. Tr. (45) 9920-3200 com Julio. CG TITAN 150 KS, vendo, ano 2009, vermelha, flex, revisada, R$ 5.500,00. Tr. (45) 9954-5328 com Fabiani. CG TITAN KS, vendo, ano 2007, R$ 3.000,00 á vista. Tr. (45) 9973-6162. FA Z E R 2 5 0 , v e n d o , a n o 2008, 2ª dona, manual, nota fiscal, chave cópia, 2 pneus novos, estado de nova, valor a combinar, aceito troca por moto de menos valor. Tr. (45) 9989-0805. NEO AT 115, vendo, ano 2006, preta, ótimo estado, R$ 3.000,00. Tr. (45) 9952-1092 com Sidinei. XRE 300, vendo, ano 2010, vermelha, c/ abs, baú, revisada, valor a combinar. Tr. (45) 9968-8598 com Renan. YBR 125 ED, vendo, ano 2002/02, prata, completa, toda revisada, R$ 4.000,00. Tr. (45) 8809-0202 ou 9941-1088 com Marcos. YBR 125 K, vendo, ano 2008/ 08, preta, R$ 3.000,00. Tr. (45) 9954-5328 com Fabiani.

CONSÓRCIO NOVO , v e n do, sem taxa de adesão, crédito R$ 200.000,00, prazo 133 meses, parcelas a partir da 5ª de R$ 2.076,27. Tr. (45) 9842-5000 c/ Tânia ou 32545000 na Certo Imóveis. EXPOSITOR DE FRIOS, vendo, Gelopar, 2m, 220v, 4 portas, R$ 2.500,00. Tr. (45) 9915-5013.

ACORDEON, vendo, Todeschini, marron, 80 baixos, usado, ótimo estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45) 8826-6282 (tim) ou 3254-1300 com Aluisio. ANTENAS, i n s t a l a ç õ e s e manutenção de antenas digitais, aparelhos az-box, azamérica, evolution box, super box, etc, atendedo MCR e reg i ã o , i n t e r e s s a d o s . Tr. ( 4 5 ) 9937-8202 com Alex. ANTENAS, instalações, manutenção e assistência técnica de aparelhos e antenas parabólicas e digitais, az-box, az-américa, probox, superbox, etc, atendedo MCR e região, interessados. Tr. (45) 99344624 com Gilson. AR CONDICIONADO, vendo, 7.500btus, Consul, modelo antigo, c/ caixa de madeira, R$ 200,00. Tr. (45) 9920-8311. BARCO, compro, de alumínio, usado, valor a combinar. Tr. (45) 9934-6064 com Jonatan. BARCO, vendo, 6m, motor 15hp, c/ carreta, valor a c o m b i n a r. Tr a t a r ( 4 5 ) 9 9 7 9 3951 com Ivan. BARCO, vendo, alumínio, 6m, borda alta, c/ carreta, motor 15hp, Yamaha, R$ 11.000,00. Tr. (45) 9979-5770. CASAL procura trabalho na área rural, c/ 15 anos de experiência em gado leiteiro, cria, recria, corte, suínos de engorda, interessados. Tr. (45) 9918-7009 ou 9908-0740 com Leoclides. COMPUTADOR, vendo, novo, hd 1000 gb Sata3, 4 gb memória ddr3, monitor 18.5 Led, gravador dvd, placa mãe am3, teclado, mouse, caixas de som, c/ garantia de 12 meses, R$ 1.050,00, condições especiais de pgto. Tr. (45) 99401637 (tim) ou 8826-9446 (claro) com Cristiano. CONSÓRCIO CONTEMPLADO, vendo, p/ automóvel, crédito R$ 115.000,00, entrada R$ 45.000,00, assume 63 parcelas de R$ 1.495,00. Tr. (45) 3254-5050 ou 9999-4847 na CredCerto. CONSÓRCIO CONTEMPLADO , v e n d o , p / i m ó v e l , crédito R$ 70.350,00, entrada R$ 26.900,00, assume 120 parcelas de R$ 594,00. Tr. (45) 3254-5050 ou 99994847 na CredCerto. CONSÓRCIO NOVO , v e n do, p/ imóvel, crédito R$ 70.000,00, assume 120 parcelas, 1ª a 4ª de R$ 919,66, demais parcelas de R$ 7 4 4 , 6 6 . Tr. ( 4 5 ) 3 2 5 4 - 5 0 5 0 ou 9999-4847 na CredCerto. CONSÓRCIO NOVO, vendo, p/ moto, crédito R$ 6.000,00, assume 70 parcelas, 1ª a 4ª de R$ 121,48, demais parcelas de R$ 106,48. Tr. (45) 3254-5050 ou 9999-4847 na CredCerto.

FILHOTES, vendo, Pastor Alemão, capa preta, vacinados c/ carteirinha, R$ 200,00. Tr. (45) 9981-1122 com Itacir. GUARDA R O U PA, v e n d o , usado, 5 portas, marfim, valor a combinar. Tr. (45) 9997-1600 com Tarcisio. INSTALADOR DE ANTENAS, parabólicas, sky e digitais, consertos e instalações em geral, interessados. Tr. (45) 9945-6693 com Marcio. LANCHA, vendo, Albatroz, motor 50hp mercury, ano 2004, valor a combinar. Tr. (45) 99738228 com Ivan.

NOTEBOOK ACER, vendo, novo, Intel Dual Core, hd 500 gb, 4 gb memória, tela 14" led, gravador dvd, web cam, wireless, acompanha fonte e bateria, c/ garantia de 12 meses, R$ 1.250,00, condições especiais de pgto. Tr. (45) 99401637 (tim) ou 8826-9446 (claro) com Cristiano.

PROCURO trabalho como diarista, doméstica, ou p/ cuidar de idosos, interessados. Tr. (45) 9832-0461.

NOTEBOOK, vendo, Acer, Core I5, 4gb ram, hd 640gb, placa de vídeo intel, R$ 1.000,00. Tr. (45) 9949-4313.

SIMULADOR, vendo, de caminhada, seminovo, R$ 1 2 0 , 0 0 . Tr. ( 4 5 ) 3 2 5 4 - 8 5 4 6 (horário comercial).

OFEREÇO serviços de manutenção, configuração, backup de dados, limpeza de componentes, formatação, c/ garantia, R$ 30,00. Tr. (45) 8843-4307 ou 9825-3203 com Rodrigo.

VENDO, portas e janelas, de ferro, usadas, valor a combinar. Tratar (45) 3254-2074 com Jeverson.

OFERTA DE TRABALHO p/ auxiliar de cabeleireiro, período integral, interessados. Tr. (45) 9961-4065 ou 3254-0925. OFERTA DE TRABALHO p/ auxiliar de expedição, carga e descarga de mercadorias, sálario R$ 750,00, interessados. Tr. (45) 3254-2278 com Hércules.

LANCHA, vendo, Savage, motor 60hp Yamaha, 2 tempos, ano 2001, R$ 19.500,00. Tr. (45) 9973-4406 com Eldor.

LOJA DE CONFECÇÕES, vendo, completa, adulto e infantil, anos no mercado, ótima localização, Av. Rio Grande do Sul, centro, valor a combinar. Tr. (45) 9962-6232 com Carlos. LOJA DE EMBALAGENS, vendo, ótima clientela e localização, em Nova Santa Rosa, valor a combinar. Tr. (45) 99888552 ou 9911-3771. MERCADO, vendo, valor a combinar. Tr. (45) 3254-0242 ou 9930-4577. MOTOR, vendo, 15hp, R$ 5.800,00. Tr. (45) 3254-4140 com Ivan ou Eldor.

BEZERROS, v e n d o , 1 8 , mestiços, machos e fêmeas, v a l o r a c o m b i n a r. Tr. ( 4 5 ) 3284-7788 ou 9958-6566 com Jair ou Dionisio. BEZERROS, vendo, mestiços, valor a combinar. Tr. (45) 8805-9639 ou 9938-2177. DISTRIBUIDOR, vendo, de esterco líquido, bomba a vácuo, bom estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45) 32542075 ou 9910-8965.

LAVA SOFÁ, lavagem a seco, lava, estereliza e perfuma, cama box, cobertores, edredons, tapetes, estofados de veículos, cortinas e persianas, interessados. Tr. (45) 9934-8875 ou 9105-2280. LOJA DE CONFECÇÕES, vendo, adulto e infantil, c/ calçados, completa, toda informatizada, ótima localização, em Pato Bragado, valor a c o m b i n a r. Tr. ( 4 5 ) 3 2 8 2 1630 com Miriam.

PROCURO trabalho como baba, meio período ou integral, c/ experiência, interessados. Tr. (45) 9821-6111.

ÉGUA, vendo, meio sangue, Paint Horse, dócil, pronta para prova de laço, valor a combinar. Tr. (45) 8807-2179 com Cássio.

OFERTA DE TRABALHO p/ empregada doméstica, c/ experiência e referências, c/ carteira assinada, interessadas. Tr. (45) 3254-7707 com Juliete. OFERTA DE TRABALHO p/ empregada doméstica, preferência por moça, interessadas. Tr. (45) 9981-0118. OFERTA DE TRABALHO p/ garçon e auxiliar de cozinha, c/ experiência, interessados. Tr. (45) 9911-8440 com Vera.

MOTOSSERRA , vendo, Stihl 08, valor a combinar. Tr. (45) 3254-2074 ou 9134-0593 com Jeverson. SUINOCULTURA, vendo, 5,4 alq., c/ 2 chiqueiros, novos, 9x110, p/ 1.300 suínos, poço artesiano, Linha Aroio Guaçu, Mercedes, valor a combinar. Tr. (45) 9969-6919 ou 3254-0982 com Valdir, JF Investimentos, www.valdirimoveis.net.br. VENDO, vacas e novilhas, valor a combinar. Tr. (45) 32791137 com Seno.

OFERTA DE TRABALHO p/ mecânico de refrigeração, interessados. Tr. (45) 9904-4099 com Jandir. OFERTA DE TRABALHO p/ vendedor interno, c/ CNH, interessados. Tr. (45) 9904-4099 com Jandir.

PARA ASSINANTES

2,00 25/10/2013 R$

Este cartão é válido somente para a edição do dia Marcar com X:

Compro Vendo

Troco

Preciso para alugar Ofereço para alugar

Produto: ---------------------------------------------- Marca: --------------------------------Novo/usado/ano: ----------------------------------- Valor: ---------------------------------Obs.: ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------Tratar com: ------------------------------------------ Fone: ---------------------------------Endereço: -------------------------------------------- Cidade: -------------------------------Remetente: ------------------------------------------ Fone: ---------------------------------Assinatura do responsável: ----------------------------------------------------------------Obs.: Não nos responsabilizamos pela publicação de cartões rasurados e por informações incorretas. Entregue este cartão na recepção do Jornal O Presente entre 08 e 12 horas do dia 24/10/2013.

Recorte na linha pontilhada

VECTRA MILENIUM , v e n d o , ano 2001, ver d e e scu ro metálico, 8 v, completo, pneus seminovos, ótimo estado, R$ 18.900,00, aceito moto ou carro de menor valor. Tr. (45) 9909-8313.

CB 500, vendo, ano 2000, vermelha, toda original, escape esportivo, R$ 12.500,00. Tr. (45) 9923-5390 com Ronei.

39

MOTOR, vendo, p/ barco, ano 2011, 25hp, Sea Pro, Mercuri, valor a combinar. Tr. (45) 99919594 com Douglas.

BIZ 125 ES, vendo, ano 2014, 0km, valor a combinar, aceito Biz de menor valor. Tr. (45) 9986-5434. BIZ 125 KS, vendo, ano 2007/07, preta, R$ 3.700,00. Tr. (45) 9920-3200 com Julio.

O PRESENTE |

YBR 125 K, vendo, ano 2010/ 11, vermelha, bem conservada, R$ 4.500,00. Tr. (45) 9954-5328 com Fabiani.

YBR FACTOR 125 ED, vendo, ano 2008/09, preta, revisada, ótimo estado, R$ 4.500,00. Tr. (45) 9920-3200 com Julio.

STRADA WORKING 1.5, vendo, ano 2002, prata, estado de nova, R$ 18.000,00. Tr. (45) 9972-0270.

VECTRA ELEGANCE, vendo, ano 2006, preto, valor a combinar. Tr. (45) 9911-9596.

CLASSIFICADOS


10 24 2013  

10-24-2013.pdf

Advertisement