Issuu on Google+

Ano 19 - Nº 3124

MARECHAL CÂNDIDO RONDON - PR, SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011 Divulgação

R$ 2,00

NOVA DIRETORIA DA AMOP Por aclamação e unanimidade de votos, o prefeito de Corbélia, Eliezer José Fontana, é o novo presidente da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (Amop). A eleição aconteceu ontem (30), em assembleia extraordinária realizada na sede da entidade, em Cascavel. O primeiro vice-presidente da Amop é o prefeito de Toledo, José Carlos Schiavinato, que abriu mão de concorrer à presidência em nome do consenso da entidade. O mandato de Eliezer é de um ano. Participaram da votação 48 prefeitos em dia com suas obrigações estatutárias. Na foto, o prefeito de Vera Cruz do Oeste, Eldon Anschau, segundo-vice presidente, Schiavintato, Fontana e o prefeito de Jesuítas, Junior Weiller, que entregou a presidência. O novo presidente da Amop afirma que será um interlocutor dos prefeitos junto ao governo Beto Richa e à ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann. PÁGINA 05 Carina Ribeiro/OP

A PARTIR DE 21 DE JULHO

Fim do lixão vai impactar diretamente na vida de cada rondonense Após muitos anos de discussões e prorrogações, finalmente no próximo dia 20 o “lixão municipal” de Marechal Cândido Rondon será oficialmente desativado. No dia seguinte, 21, entra em operação o aterro sanitário, localizado na Linha Neuhaus. No entanto, a medida exigirá algumas mudanças de comportamento dos rondonenses. Isto porque a disposição de resíduos no aterro será controlada e nem todo tipo de material poderá ser destinado ao local, como vinha ocorrendo no lixão. Ontem (30), o diretor do Departamento de Meio Ambiente da prefeitura rondonense e secretário do Conselho Municipal de Meio Ambiente, Luiz Alberto Trentin (Sassá), esteve no Jornal O Presente para falar sobre as mudanças e como elas devem impactar a vida dos rondonenses, bem como quais as principais categorias de lixo que devem ser atingidas com a instalação do aterro sanitário. Confira nas PÁGINAS 10 e 11

Dilma e ministros lançam Plano Safra 2011/2012 hoje no Paraná PÁGINA 18


EDITORIAL

02 | O PRESENTE

Reflexos da Capital As eleições em 2012 são municipais. Cada muniaposta que o nome apoiado pelo governador é que cípio já trabalha nomes para as chapas majoritárias vai polarizar com grande vantagem a eleição. E e proporcionais. Contudo, no Paraná, não há quem bem escolhido, o desempenho do seu candidato vai não esteja de olho e à espera de definições na Capirefletir em todo o Estado. tal. Isso porque o quadro que se desenhar nas urnas Contudo, a mesma opinião aposta que Gustavo no ano que vem, provavelmente vai influenciar no Fruet, sendo candidato, vai manter uma grande pleito estadual de 2014. parte dos votos que fez em Curitiba para o Senado. As articulações dos partidos em Curitiba também E a mesma opinião questiona se esse êxito nas refletem diretamente no que acontece em todo o urnas poderá ser alcançado independente do parEstado, em alguns lugares mais e em outros menos, tido que Fruet escolher. mas sempre acaba colocando mais “tempero” nas O senador Roberto Requião já se deu conta que discussões. Logo porque, até então, os prefeitos da precisa recuperar sua força no Paraná, começando Capital têm sido nomes que se pela Capital. Com isso, voltou projetaram posteriormente ao atrás da decisão de lançar o não Governo do Estado ou ao Con- Em decidindo trocar de partido, Fruet reeleito deputado Rafael Greca gresso Nacional e enquanto ese diz que não se opõe ao retorno deveria analisar a situação do que tiveram no Executivo curitibade Gustavo Fruet ao PMDB, parocorreu com Osmar Dias. Não resta no, tiveram papel preponderantido que o pai de Gustavo, Maudúvida que sua aliança com te nas campanhas estaduais. rício Fruet, era uma das princiadversários até então ferrenhos Neste pleito que se aproxipais lideranças e ele próprio iniprejudicou sua projeção nas urnas. Já ma, quem está com o poder de ciou sua carreira política. o PSDB deve tomar cuidado nessa mudar totalmente o panorama é Fruet garante que vai deixar o ex-deputado Gustavo Fruet. Ao articulação para não ter sua imagem o PSDB até meados de julho, como o “partido da rasteira”. Em definir por qual partido vai discaso até lá o partido não lhe 2010 o tombo foi em Osmar e Fruet putar a Prefeitura de Curitiba é garanta a vaga de candidato a está a pouco de perder o equilíbrio que se desenhará todo o quadro prefeito. Mais do que isso, ele em volta. E claro, não se cogita, quer que o governador Beto Ripelo menos por enquanto, que cha assuma publicamente a inele não participe do pleito. Fruet está decidido, e não tenção de lançá-lo como candidato tucano à prefeideve deixar que o PSDB faça com ele o que o PMDB fez tura no ano que vem e ainda exige o comando do outrora, fritando seu nome no pleito da Capital. diretório municipal do PSDB da Capital. Se Fruet é o nome da vez, o PSDB está sendo o É o mínimo que poderia pedir, para ter a garantia partido em destaque. Ao contrário do que se passa em que não será manipulado até o tempo certo para que nível nacional, aqui no Paraná os tucanos estão com os tucanos mudem de ideia e fiquem do lado de Ducci, muita força. A legenda não abriu mão de ter Beto enquanto ele estará, então, de mãos atadas para Richa candidato a governador, ganhou a eleição e tomar qualquer decisão. Mesmo assim, em decidindo agora decide quem será o candidato da situação à trocar de partido, Fruet deveria analisar a situação Prefeitura de Curitiba, não garantindo que a vaga que ocorreu com Osmar Dias. Não resta dúvida que na chapa será de um integrante do “ninho”, ou sua aliança com adversários até então ferrenhos melhor, Gustavo Fruet. prejudicou sua projeção nas urnas. O governador, ao que parece, tem compromisJá o PSDB deve tomar todo o cuidado nessa so e mais simpatia à candidatura do prefeito articulação para não ter sua imagem como o “parLuciano Ducci. E Beto Richa também é o presitido da rasteira”. Em 2010 o tombo foi em Osmar Dias dente estadual do partido. A opinião pública e Gustavo Fruet está a pouco de perder o equilíbrio. REFLEXÃO DO DIA

Quando uma pessoa pede o nosso conselho, geralmente procura o nosso elogio Philip Dormer

Colaboração: Prof. Heinz Schurt (www.heinz.adm.br)

EXPEDIENTE Um jornal de bom senso Diretores Arno Kunzler Jornalista Reg. Prof. nº 274/02/38 E-mail - arno@opresente.com.br Paulo Rodrigo Coppetti paulorodrigo@opresente.com.br Editora-chefe Ana Paula Wilmsen DRT/PR nº 8352 jornalismo@opresente.com.br Editora O Presente Ltda Rua Sete de Setembro, 1233 - Centro Marechal Cândido Rondon - PR - CEP: 85960-000 Fone/fax (45) 3254-1842 CNPJ – 84.812.049/0001-39

Filiado à ADI Associação dos Jornais Diários do Interior do Paraná Comercialização: Paraná/São Paulo/Rio de Janeiro Merconeti - Ricardo Takiguti (41) 3079-4666 ricardo@merconeti.com.br Comercialização: Brasília Central de Comunicação - (61) 3323-4701 Internet – www.opresente.com.br

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

Tarcísio Vanderlinde INDIVÍDUO SITIADO Pessoas de bom senso concordariam que uma economia de preço justo seria mais adequada e traria menores prejuízos ao meio ambiente. Existem redes de preço justo pelo mundo, além de outras tantas práticas de economia local que trazem mútuos benefícios para consumidores e vendedores. De modo geral, porém, a economia não é motivada pela solidariedade. Há uma crença de que ela é movida pela lei da oferta e da procura. Porém, mesmo entre os que a defendem se percebem práticas esquizofrênicas. Dumping, protecionismo, especulações e logros convivem com a oferta e a procura. No ambiente, o indivíduo sitiado frequentemente se sente como um otário. Um dos pensadores que problematiza a sociedade de consumo, na qual costumamos ser frequentemente vitimados, é o sociólogo octogenário Zygmunt Bauman. A sociedade de consumo é normalmente denominada pelo autor de “sociedade líquido-moderna”. Ela tem como finalidade satisfazer os desejos humanos de uma forma que nenhuma sociedade do passado pode realizar ou sonhar. A sociedade de consumo da qual fala Bauman consegue tornar permanente a insatisfação. É sempre muito difícil resistir a insatisfação. E uma forma de causar este efeito é depreciar e desvalorizar os produtos de consumo logo depois de terem sido alçados ao universo dos desejos do consumidor. A indústria automobilística funciona dentro dessa lógica, mas não é a única. O comércio de eletrônicos em geral segue o mesmo paradigma. No entanto, uma forma ainda mais eficaz, porém sutil, que move a sociedade de consumo é o método de satisfazer toda a necessidade/desejo/vontade de uma forma que não possa deixar de provocar novas necessidades/desejos/vontades. Bauman assevera que na economia movida pelo consumismo toda promessa “deve” ser enganosa, ou pelo menos exagerada, para que a busca continue. Além de se caracterizar por uma economia do logro, ela também é a do excesso e do lixo. Logro, excesso e lixo não sinalizam, contudo, seu mau funcionamento, mas constituem uma garantia de saúde e o único regime sob o qual uma sociedade de consumidores pode assegurar sua sobrevivência. A sociedade de consumo não seria nada mais do que uma sociedade do excesso e da fartura - e, portanto, da redundância e do lixo farto. Ironicamente, o excesso aumenta a incerteza das escolhas que se esperava que eliminasse, ou pelo menos aliviasse ou reduzisse - e assim o excesso nunca é suficientemente excessivo. As informações sobre os últimos lançamentos vêm no mesmo pacote que as notícias sobre os últimos acréscimos ao depósito de lixo. Precisamos de fato de coisas consumidas, destruídas, gastas, substituídas e descartadas a uma taxa sempre crescente. Na economia do logro, os “bens úteis” também costumam ter sua vida abreviada. Bauman observa que “agora é a vez de as partes úteis terem vida curta, volátil e efêmera, a fim de abrir caminho para a próxima geração de ‘produtos úteis’. Só o lixo tende a ser sólido e durável. ‘Solidez’ agora é sinônimo de ‘lixo’”. Os mercados de consumo se alimentam da ansiedade dos potenciais consumidores estimulados e intensificados pelos especialistas em marketing, o que acaba tendo um efeito devastador sobre instituições de formação de identidade como a família e a escola, por exemplo. Porém, o consumismo não afeta somente a pessoa psicologicamente. Pelos excessos e pela produção maciça de lixo, ela é o vetor que mais compromete as condições ambientais, sobre as quais tanto nos preocupamos. * O autor é professor da Unioeste. Atua em programas de mestrado nos campi de Marechal Cândido Rondon e Foz do Iguaçu tarcisiovanderlinde@gmail.com


SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

O PRESENTE |

ELIO RUSCH É HOMENAGEADO Arquivo/OP

O deputado estadual Elio Rusch (DEM), vicelíder do governo na Assembleia Legislativa, recebe hoje (1º), no Quartel do Comando do Corpo de Bombeiros, em Curitiba, a Medalha Presidente Carlos Cavalcanti de Albuquerque, em reconhecimento aos relevantes serviços prestados ao Corpo de Bombeiros do Estado do Paraná. A medalha Carlos Cavalcanti é uma honraria concedida pelo Comando do Corpo de Bombeiros todos os anos a até cinco personalidades, civis e militares e entregue no Dia Nacional do Bombeiro. “É uma grande alegria receber a condecoração que representa o reconhecimento do Corpo de Bombeiros à nossa atuação. Fico profundamente honrado com a homenagem, pois ela vem de uma instituição intimamente relacionada à defesa da vida e ao bem-estar das pessoas”, diz Rusch. “Os paranaenses têm grande apreço e profunda admiração pelo Corpo de Bombeiros, não só pela atuação dele no combate a incêndios, buscas, salvamentos, mas também pelas ações articuladas com o setor de saúde”, acrescenta.

03

Até o dia 10 O ex-deputado federal Gustavo Fruet deve deixar o PSDB até meados de julho, caso até lá o partido não lhe garanta a vaga de candidato a prefeito de Curitiba para 2012. Fontes próximas a Fruet informam que ele deixou claro que não está disposto a continuar esperando por uma definição da cúpula tucana, que dá sinais de que pode apoiar a reeleição do atual prefeito Luciano Ducci. O ex-deputado estabeleceu o próximo dia 10 como “datalimite” para uma decisão do PSDB. Fruet quer que o governador Beto Richa assuma publicamente a intenção de lançá-lo como candidato tucano à prefeitura no ano que vem. E também exige o comando do diretório municipal do PSDB da Capital, como forma de evitar ser “rifado” lá na frente. Até agora, porém, Richa tem evitado assumir qualquer posição, limitando-se a defender que haja um entendimento entre o ex-deputado e Ducci.

Pr oje Proje ojetto contra o PSD Arquivo/OP

Deputado estadual Elio Rusch recebe hoje (1º) a Medalha Presidente Carlos Cavalcanti de Albuquerque, em reconhecimento aos relevantes serviços prestados ao Corpo de Bombeiros do Estado do Paraná

Trégua O presidente do PMDB de Curitiba, Doático Santos, se reuniu com o líder da bancada na Assembleia Legislativa e o presidente estadual do partido, deputados Caíto Quintana e Waldyr Pugliesi. O encontro selou uma espécie de “trégua” entre o diretório municipal peemedebista da Capital e os deputados da legenda, que vinham trocando farpas por divergências na condução do partido e das articulações para as eleições de 2012. Doático apoia a pré-candidatura do exdeputado estadual Rafael Greca à prefeitura, enquanto os deputados sonham com o retorno ao partido do ex-deputado federal Gustavo Fruet, que, sem espaço no PSDB, busca outra legenda para concorrer.

De volta às urnas Moradores de Kaloré, a aproximadamente 70 quilômetros de Maringá, vão voltar às urnas domingo (03) para escolher um novo prefeito. Uma eleição estava prevista para acontecer em maio deste ano, mas foi cancelada pelo TSE devido um mandado de segurança apresentado pelo diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT), que alegava que a Câmara deveria escolher o novo prefeito. Será a quinta troca de comando no Executivo local desde a última eleição municipal, em 2008. Desde então, quatro pessoas já ocuparam o cargo de prefeito da pequena cidade, de pouco mais de quatro mil habitantes. O motivo de tanta troca está na cassação do ex-prefeito Adinan Canelo (PMDB) e do vice Mauro Lebegaline (PT), em 2008. Os dois foram acusados de irregularidades na contratação de funcionários.

RICHA E DILMA

JUNTOS

O governador Beto Richa acompanha hoje (1º) o lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar 2011/2012 em Francisco Beltrão, na região Sudoeste do Estado, que será feito pela presidenta Dilma Rousseff. É a primeira vez que ela vem ao Paraná após eleita. Estarão presentes ainda ao evento o secretário estadual de Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara, o ministro do Desenvolvimento Agrário, Afonso Florence, e a ministrachefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann.

Deputado federal Eduardo Sciarra: “Na pior das hipóteses, quando for votado na Câmara o projeto contra o PSD, já teremos eleito muitos prefeitos e vereadores”

O projeto de lei aprovado no Senado, na quarta-feira (29), que institui a perda de mandato para políticos que deixem um partido para fundar outro, deve acelerar o processo de adesões ao PSD, sigla arquitetada pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, em litígio com o DEM. Segundo o vicegovernador de São Paulo, Guilherme Afif Domingos, o trâmite necessário para que o projeto se torne lei terá de passar ainda pela Câmara dos Deputados, que entrará em recesso em julho. “Quando a Câmara voltar do recesso, em agosto, o nosso partido já estará registrado. A lei não pode retroagir”, afirma. Ontem (29) o deputado federal Eduardo Sciarra, atualmente filiado no Democratas e que foi escolhido para presidir o PSD no Paraná, comentou o assunto por meio do seu twitter: “Na pior das hipóteses, quando for votado na Câmara o projeto contra o PSD, já teremos eleito muitos prefeitos e vereadores”, disse. A declaração de Sciarra deixa claro que as futuras lideranças do PSD entendem que o projeto de lei é apenas uma tentativa de impedir a criação da sigla e a debandada de políticos de outros partidos.


04 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

HARTO VITECK

Poesia anotada

harto.viteck@gmail.com

Cotidianas... “Canalhas de todos os matizes: eu não sou como vocês. Ética para mim não é pose, não é bandeira eleitoral, não é construção artificial de imagem para uso externo. Ética para mim é compromisso de vida. Agir eticamente para mim é tão natural quanto o ato de respirar”. José Jefferson Carpinteiro Peres 1932 - 2008 - professor, advogado e político amazonense (vereador e senador). É considerado um dos políticos brasileiros mais éticos dos últimos tempos (FSP).

Quem corre, cansa. Quem anda, alcança. Muitas vezes se diz melhor calando do que falando em demasia. Alegria compartilhada é alegria em dobro. Tristeza compartilhanda é tristeza pela metade.

DICIONÁRIO DA MESOPOTÂMIA ... Um dicionário em 21 volumes da língua da Mesopotâmia antiga e de seus dialetos babilônicos e assírios foi completado por acadêmicos da Universidade de Chicago. ... O projeto levou 90 anos para ficar pronto. Essas línguas e dialetos passaram dois mil anos sem ser falados, mas foram preservados em tabuletas de argila e em pedra. ... Essa foi a língua que Sargão, o Grande, rei da Acádia no século 24 a.C., usou para comandar o que teria sido o primeiro império do mundo, e que Hamurábi*, em 1.700 a.C., empregou para redigir o primeiro código de leis.

282 artigos, a maioria apropriados para casos de jurisprudência. A estela do Código de Hamurábi foi encontrada em Susa, em 1910. E está em exposição no Museu do Louvre, em Paris. (Wikipédia) ... Foi o vocabulário do épico de Gilgamesh, primeira obra-prima da literatura mundial, e da irrigação de terras, do transporte de grãos e das previsões do futuro.

Amenizando Amenizandoooestresse estresse

Sabe por que baixinho atravessa a rua correndo? - É para pegar embalo para subir a calçada do outro lado da rua.

QUEM ME DERA QUE EU FOSSE O PÓ DA ESTRADA Quem me dera que eu fosse o pó da estrada E que os pés dos pobres me estivessem pisando... Quem me dera que eu fosse os rios que correm E que as lavadeiras estivessem a minha beira... Quem me dera que eu fosse os choupos à margem do rio E tivesse só o céu por cima e a água por baixo... Quem me dera que eu fosse o burro do moleiro E que ele me batesse e me estimasse... Antes isso que ser o que atravessa a vida Olhando para trás de si e tendo pena... Fernando Pessoa

..........................................

1888 - 1935 - poeta português

línguas afro-asiáticas. A sua origem é bastante antiga, documentada desde o terceiro milênio a.C. Permanece nos dias atuais, como línguas semíticas, o arábe, o amárico e o hebraico, amplamente falados no Oriente Médio. (Biblical

... Segundo Gil Stein, diretor do Instituto Oriental da universidade, o dicionário é “uma ferramenta indispensável de pesquisa para explicar registros escritos da civilização mesopotâmica”.

Languages-Airtonjo)

* Humurábi foi o sexto rei da dinastia babilônica, nascido por volta de 1.791 a.C. e falecido em 1.750 a.C. Ganhou notariedade por compilar o mais antigo código de leis escritas, que mandou esculpir numa estela de diorito, conhecido como o Código de Hamurábi. São cerca de

... Jerrold Cooper, professor de línguas semíticas* na Universidade Johns Hopkins, Estados Unidos, disse que a obra abre para estudo “a fase mais rica da escrita cuneiforme”. * As línguas semíticas constituem um ramo da grande família das

Desiderata

..........................................................................................................

- cont. coluna dia 27.05

A vida é só um minuto. Devemos vivê-la da forma mais decente.

Das Vias Curitibanas

Compra e licitação públicas no Brasil deveriam ser a céu aberto.

Oscar Niemeyer John Cogan

(1907 -... - arquiteto carioca)

................................................

Cabeça de Coruja Não é necessário dinheiro para comprar o que a alma precisa.

(II)

... A primeira - A escrita cuneiforme foi provavelmente o primeiro sistema de escrita do mundo. As cidades-Estado que surgiram nos vales dos rios Tigre e Eufrates, na região onde hoje ficam o Iraque e partes da Síria, são a primeira civilização urbana do mundo e que dominava a escrita. ... O dicionário, com 28 mil palavras definidas, cobre de 2.500 a.C. a 100 d.C. A obra é mais uma enciclopédia do que um glossário. Muitas palavras com sentidos múltiplos e associações históricas são seguidas por páginas de texto, passando por literatura, direito e religião. A palavra “umu”, que significa “dia”, tem 17 páginas dedicadas a ela. (tta/tta/New York Times/ Folha de S. Paulo /tradução clara allain - hvop)

E mesmo sem você perceber, a Terra e o Universo vão cumprindo o seu destino. Henry David Thoreau

Desfrute de suas realizações, bem como de seus planos.

1817 - 1862 - poeta e escritor estadunidense

Mantenha-se interessado em sua carreira, ainda que humilde, pois ela é um ganho real na fortuna cambiante do tempo. Tenha cautela nos negócios, pois o mundo está cheio de astúcia, mas não se torne cético, porque a virtude sempre existirá. Muita gente luta por altos ideais, em toda parte a vida está cheia de heroísmos. Você é filho do Universo, irmão das estrelas e árvores. Você merece estar aqui. Seja você mesmo.

ZUM

* Notas explicativas introduzidas pelo colunista.

SCHLUSS

“Existe um terrível preconceito nas universidades públicas contra o setor privado. Ali, qualquer contato com as empresas é visto como um ato de ‘venda ao sistema’. Como se as instituições públicas fossem sustentadas por marcianos e não pelo dinheiro do governo, que vem justamente do sistema econômico. O resultado é que, distantes das empresas, as universidades se tornam menos produtivas e inovadoras”. Do ex-ministro da Educação (governo FHC) Paulo Renato de Souza

(Segue)

..........................................................................................................

(1945 - 25.06.2011 - gaúcho de Porto Alegre), em entrevista à revista Veja, de 28 de outubro de 2009. Foi o criador do programa de avaliação Enem.


POLÍTICA

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

O PRESENTE | 05

ELIEZER FONTANA

Prefeito de Corbélia é o novo presidente da Amop Divulgação

Primeiro vicepresidente é o prefeito de Toledo, José Carlos Schiavinato, que abriu mão de concorrer à presidência em nome do consenso da entidade

P

or aclamação e unanimidade de votos, o prefeito de Corbélia, Elie-

zer José Fontana, é o novo presidente da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (Amop). A eleição foi realizada ontem (30), em assembleia extraordinária realizada na sede da entidade, em Cascavel. O primeiro vice-presidente da Amop é o prefeito de Toledo, José Carlos Schiavinato, que abriu mão de concorrer à presidência em nome do consenso da entidade. O mandato de Eliezer é de um ano.

DIRETORIA EXECUTIVA Eliezer José Fontana (Corbélia) José Carlos Schiavinato (Toledo) Eldon Anschau (Vera Cruz do Oeste)

presidente primeiro vice-presidente segundo vice-presidente

CONSELHO FISCAL TITULARES Leônidas Neubern Rodrigues Neto (Iracema do Oeste) Jacira Quirino Alves (Maripá) Joseney Vicente (Braganey) SUPLENTES Amarildo Rigolin (Santa Tereza do Oeste) Elias Carrer (Medianeira) Armando Luiz Polita (São Miguel do Iguaçu)

O prefeito de Vera Cruz do Oeste, Eldon Anschau, prefeito de Toledo, José Carlos Schiavinato, prefeito de Corbélia, Eliezer José Fontana, e o prefeito de Jesuítas, Junior Weiller, após a eleição ocorrida ontem (30), em Cascavel

Participaram da votação 48 prefeitos em dia com suas obrigações estatutárias. Antes da eleição, os associados da Amop buscaram o entendimento para que não houvesse rixa ou divisão entre eles. Por isso, Schiavinato optou por retirar sua chapa e assumir, além da primeira vicepresidência, a coordenação de projetos da Amop. “Temos que arregaçar as mangas em busca de recursos por parte dos gover-

nos federal e estadual”, disse Schiavinato. Por sua vez, o ex-presidente da Amop, o prefeito de Jesuítas, Junior Weiller, fez um relato de sua gestão e conclamou à nova diretoria que continue o trabalho desenvolvido em seu mandato, especialmente a luta pela conquista das causas maiores oestinas, como duplicação de rodovias, construção de ramais ferroviários e do Aeroporto Regional

do Oeste, entre outros feitos. Já o novo presidente Eliezer afirmou que será um interlocutor dos prefeitos junto aos governos Beto Richa, de quem coordenou regionalmente a vitoriosa campanha nas urnas ano passado, e junto à ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, a quem juntamente com seu marido, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, possui amplo respaldo e acesso.


POLÍTICA

06 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

NO SENADO

Beto Richa prestigia evento de homenagem a FHC Divulgação

Entre os tucanos que compuseram a mesa de autoridades, composta para homenagear Fernando Henrique, esteve o governador do Paraná, Beto Richa

Tucanos destacaram a atuação de Fernando Henrique Cardoso à frente do país. Ele recebeu felicitações de diversos expoentes políticos

O

ex-presidente Fernando Henrique Cardoso recebeu ontem (30), no Senado, felicitações de diversos expoentes políticos durante as comemorações de seus 80 anos, completados no dia 18 de junho. O presidente do PSDB, Sérgio Guerra, que organizou o evento, disse que a homenagem não era do partido, mas da política como um todo. “Estão presentes aqui

diversos amigos e colegas que reconhecem o seu valor como um dos principais políticos brasileiros”, afirmou. Ao chegar ao Congresso, FHC se disse emocionado, pois, no Senado, passou 12 anos de sua vida. No discurso de encerramento da sessão solene, o ex-presidente declarou-se “muito feliz” com a carta que lhe foi enviada pela presidenta Dilma Rousseff. Para o expresidente, o gesto de Dilma foi de conciliação e exemplo de democracia. “(A carta) foi muito mais que um gesto político, foi um gesto para dizer: olha somos todos brasileiros, em alguns pontos temos de nos entender”, afirmou o ex-presidente. Dilma enviou a Fernando Henrique uma carta cumprimentando-o pelo aniversário e o reconhecendo como um político que “contribuiu decisivamen-

te para a consolidação da estabilidade econômica” no Brasil. Em seu discurso, o ex-presidente admitiu que o país avançou muito em relação àquele “país pobre, doente, analfabeto, mergulhado num abismo social de diferenças de classe”. No entanto, embora os brasileiros tenham, agora, acesso à educação e à saúde pública, o tucano advertiu que é preciso qualificar os serviços. “Temos de entrar num patamar em que não basta o acesso, falta muito para o salto de qualidade”, afirmou. Para o ex-presidente, o Brasil ainda tem um desafio muito grande pela frente, de construir uma “sociedade mais decente”, em que o desenvolvimento sustentável alcance todas as pessoas, sem que alguns continuem sendo deixados de lado.

Governo derruba liminar em favor de Maurício Requião Um recurso da Procuradoria Geral do Estado derrubou ontem (30) a liminar da 4ª Vara de Fazenda Pública de Curitiba, que havia suspendido a nova eleição para conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, marcada para a próxima terça-feira (05), na Assembleia Legislativa. A decisão foi do presidente do Tribunal de Justiça do Paraná, Miguel Kfouri Neto. A PGE recorreu pelo fato de a liminar do juiz Jailton Carlos Tontini ter anulado o ato do governador Beto Richa, que cancelou a nomeação de Maurício Requião para o cargo depois de o presidente da Assembleia, Valdir Rossoni, ter considerado irregular a eleição de Maurício pela Assembleia. O ato anulando a nomeação de Maurício também foi assinado pelo procurador-geral do Estado, Ivan Bonilha, ontem, candidato à cadeira vaga no TCE.

No despacho, Kfouri considerou que, apesar da a nomeação de Maurício ainda estar sub judice, com recursos em trâmite no Supremo Tribunal Federal, nada impede que uma nova eleição seja realizada, se considerada a anulação do ato de nomeação por parte do governador e que, em caso de uma decisão favorável a Maurício no STF, prevalecerá a sentença da Corte Suprema, perdendose os efeitos da nova eleição. O primeiro a dar a informação foi o senador Roberto Requião, que, através do twitter, lamentou a “inacreditável” queda da liminar que, segundo ele, “acabava com a farsa da Assembleia”. O presidente da Assembleia, Valdir Rossoni, foi pego de surpresa com a queda da liminar. “Eu nem recorri ainda, pois não fui notificado. Mas o pessoal da PGE também esta-

va preparando recurso”, comentou. A bancada de apoio ao governador Beto Richa, que trabalha pela eleição de Ivan Bonilha, não acredita que mais uma ação direta de Bonilha no caso possa complicar sua candidatura. Alguns adversários do procurador-geral do Estado tentaram impugnar a candidatura pelo fato de Bonilha ter sido responsável direto pela anulação da eleição de Maurício (ao assinar o decreto) e, assim, estar impedido de disputar por ser diretamente interessado. Com a cassação da liminar, a programação da eleição segue o estabelecido na quarta-feira (29) pela Assembleia. Na próxima segundafeira (04), os 17 candidatos serão ouvidos pelo plenário (dez minutos cada) e, na terça-feira, os 54 deputados decidem o nome do novo conselheiro em votação secreta.

PANORAMA POLÍTICO

PEDRO WASHINGTON prpress@terra.com.br

Porteira escancarada A frase da coluna de ontem (29) vem bem a calhar, no momento em que o governo, cedendo à “chantagem da base”, volta atrás e abre mais 90 dias para cessar o efeito do decreto em que garantia que as emendas vencidas em 30 de junho não seriam mais pagas. Nada surpreendente para um governo que vem tateando no escuro. Se há uma “herança maldita”, é a que Dilma recebeu de seu padrinho, Luiz Inácio da Silva. O popularíssimo Lula, para começo de conversa, deixou a ela o grave problema da extradição de Césare Batisti, decidido no último dia de governo. Se fosse herança boa, não teria deixado para o apagar das luzes de seu governo. Com a decisão, acendeu uma vela para a esquerda, os que hoje no poder contestaram o regime de 1964 (entre os quais ele e Dilma), sem avaliar o que é terrorismo armado matando civis, e outra, para os que veem a permanência do fugitivo italiano como um risco desnecessário ao país. De concessão em concessão a presidenta está jogando fora o capital que acumulou nestes seis meses, numa área que não votou nela pelo apoio do Lula. Não é de seu tempo (dela Dilma), mas as emendas sempre foram instrumento de compra (e corrupção) de parlamentares, na medida em que a eles foi retirado o direito de legislar, pela impossibilidade de apresentarem projetos que interfiram no orçamento dos poderes executivos. Excrescência da “revolução” que os parlamentares, salvo alguns mais independentes, não questionaram. Certos de que recursos das emendas compravam apoio de governadores, prefeitos e vereadores, aceitaram a imposição que até hoje permanece. Não contavam que através de medidas provisórias os governos ajustassem os assuntos a seus interesses. Como “não há bem que sempre dure, nem bem que nunca se acabe”, estão agora governo e base de apoio às turras.

Profissão de fé Desde quando Ademar de Barros, duas vezes governador de São Paulo e por duas vezes candidato a presidente da República, usava como “slogan” “rouba, mas faz”, profissão de fé exercida em seguida por Paulo Salim Maluf, que também fez muito, mas ..., a atividade política no Brasil tem sido um manancial do qual se abastecem eleitos e, porque não dizer, muitos eleitores.

Lógica a ser seguida Os de boa-fé entram no ramo por idealismo. Como afirmava um político antigo que hoje é nome nas placas de inaugurações de alas da Assembleia Legislativa paranaense, “entrase na política pelas mãos dos amigos e não se sai por causa dos inimigos”. Quem não entender essa lógica e bandear-se para o outro lado, certamente se dará mal. Um ainda jovem e obeso político paranaense que o diga!

Má repercussão Vai repercutir mal o recuo da presidenta Dilma na palavra assumida de que “a inflação será combatida custe o que custar”. Se as emendas dos parlamentares (e muitas delas embutem comissões) não forem honradas, realmente deixará mal seus “companheiros” junto às bases! Ocorre que faziam parte do corte de R$ 50 bilhões no orçamento, anunciada pela presidenta, com bumbos e trombetas.

Recíproca verdadeira Acusar os deputados, caloteados pelo governo que lhes deu um limite para transformarem em obras junto a suas bases, é simples. Acontece que tais valores (como dito lá em cima) são destinados à compra dos votos favoráveis aos interesses do governo. Se de um lado há calote, a chantagem promovida pela “base” é válida!

Em choque Um importante livro, best-seller internacional da escritora Lya Luft, intitulado Perdas & Ganhos, pode perfeitamente ser adaptado à política. No caso como Ganhos & Perdas. É o que devem estar pensando alguns companheiros que acompanharam a candidatura de Beto Richa, a partir do momento em que ele resolveu ampliar sua base acoplando o PMDB. Sem lembrar que por ser de sua índole, os adesistas viriam naturalmente.


GERAL

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

O PRESENTE | 07

MARECHAL RONDON

Obras do hospital municipal iniciam em duas semanas Maria Cristina Kunzler

Desapropriação da área foi confirmada na segunda-feira (27). Processo licitatório será aber to na próxima semana

D

evem iniciar no prazo de duas semanas as obras no antigo Hospital Cruzatti, em Marechal Cândido Rondon, para readequação do prédio que vai abrigar o futuro hospital municipal. A informação foi repassada ontem (30) à reportagem do Jornal O Presente pelo procurador-geral do município, advogado Christian Guenther. De acordo com o profissional, a prefeitura recebeu na segunda-feira (27) a confirmação por parte do Poder Judiciário da

desapropriação da área e consequente viabilização da compra do imóvel. Conforme avaliação judicial, a família proprietária do prédio vai receber em torno de R$ 1 milhão. A área total conta com 1.780 metros quadrados e a área construída tem 660 metros quadrados. A estrutura conta com 11 quartos, vestiário, sala de cirurgia, consultório, sala de raio-x, recepção, lavanderia, cozinha, posto de enfermagem e sala de espera. “Neste momento estamos trabalhando na elaboração da escritura e do processo licitatório para contratar a empresa que vai fazer as obras necessárias”, explica. Guenther informa que o procedimento licitatório deve ser aberto já na próxima semana. “Queremos que as obras comecem o mais rápido possível, Fotos: Arquivo/OP

A área total conta com 1.780 metros quadrados e a área construída tem 660 metros quadrados: imóvel permite ampliação do hospital municipal no futuro, caso seja necessário

dentro de duas semanas, pois é uma necessidade o início dos trabalhos do hospital municipal”, declara.

CONQUISTA

Procurador-geral do município, Christian Guenther: “Estamos elaborando a escritura e trabalhando para abrir na próxima semana o processo licitatório”

Secretário de Saúde, Ademar Batschke: “O projeto do prefeito Moacir e vice-prefeito Cottica representa uma grande conquista para o município”

O processo envolvendo a implantação do hospital municipal em Marechal Cândido Rondon começou a ser debatido em 2009, mas com mais ênfase a partir do ano passado. Inicialmente, o projeto do prefeito Moacir Froehlich e do vice-prefeito Silvestre Cottica, que na época era secretário de Saúde, era adaptar a

Unidade de Saúde 24 Horas. Contudo, após avaliações, entendeu-se que o projeto mais viável era adquirir o antigo Hospital Cruzatti, que estava desativado desde dezembro de 2009 e funcionou por cerca de 40 anos no município. Devido à ampla área, o local permite, futuramente, caso seja necessário, possíveis ampliações no prédio. O atual secretário de saúde de Marechal Rondon, Ademar Batschke, afirma que o projeto do prefeito Moacir e viceprefeito Cottica representa

uma grande conquista para o município. Ele menciona que a unidade vai atender todos os casos de baixa complexidade e alguns procedimentos de média complexidade. “Hoje não contamos com hospital credenciado ao SUS (Sistema Único de Saúde) em Rondon e os pacientes estão sendo encaminhados para outras cidades quando precisam de serviços médicos. A partir do momento em que o hospital municipal entrar em atividade, algumas intervenções poderão ser realizadas aqui”, declara.


GERAL

08 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

MUDANÇA

Nova lei pode conceder liberdade a 16 mil presos no Paraná Lei nº 12.403/11 altera mais de 100 ar tigos do Código de Processo Penal

A

partir de segunda-feira (04), mais de 16 mil presos em regime cautelar no Paraná

e 200 mil detidos em todo o Brasil poderão pedir na Justiça a revisão de seu processo com base na Lei nº 12.403/ 11, que altera mais de 100 artigos do Código de Processo Penal. A Lei nº 12.403/11 estabelece que o juiz não pode decretar prisão nos casos de crimes dolosos de pena privativa de liberdade máxima superior a quatro anos. Pela nova lei, a prisão só será mantida

No PR, 26% dos motoristas flagrados sem habilitação têm menos de 18 anos Dados do Detran revelam que em 2010, dos 6,8 mil motoristas paranaenses flagrados sem a habilitação que se envolveram em acidentes, cerca de 26% eram menores de 18 anos. O menor que for pego dirigindo sem CNH pode cumprir medidas protetivas até os 21 anos de idade e, dependendo da gravidade da infração, a determinação pode ser mais severa - no caso, por exemplo, de envolvimento em acidentes com vítimas. Por isso mesmo, o Detran tem feito ações voltadas para estes infratores. Desde janeiro, já foram realizados três eventos para jovens infratores, que são convocados por determinação da Justiça. Na Capital, as palestras acontecem a cada dois meses. “Este

tipo de atividade é essencial, tanto para os adolescentes quanto para os pais, que muitas vezes permitem ou facilitam que seus filhos usem o carro, mesmo sem habilitação. Dirigir não é um direito, é uma concessão e exige responsabilidade e respeito às leis de trânsito”, disse o diretor-geral do Departamento, Marcos Traad. De acordo com os números da Vara do Adolescente Infrator, de todos os casos atendidos, 10% equivalem a este tipo de delito. Segundo a psicóloga da instituição, Rosemary Oliva, a aceitação dos pais e dos adolescentes é bastante positiva. “Dos convocados, cerca de 80% comparecem às palestras e o índice de reincidência está cada vez menor”, diz.

Estados do Sul propõem mudanças na estratégia contra gripe H1N1 Técnicos da Vigilância em Saúde dos três Estados do Sul - Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul reuniram-se nesta semana, em Porto Alegre, para definir formas de enfrentamento da Influenza A (H1N1). A situação dos três Estados é semelhante e diferenciada do resto do país. O encontro, proposto pelo Paraná, resultou em propostas que serão transformadas em documento a ser enviado ao Ministério da Saúde nos próximos dias. Os Estados do Sul foram responsáveis por importante parcela dos casos da Influenza A (H1N1) e das mortes pela doença no país em 2009, quando o Brasil registrou a primeira pandemia dessa gripe. “Não queremos que nenhum paciente faleça por falta de tratamento adequado. A vacinação é uma estratégia importante, porém ainda não contempla toda a população”, afirmou o secretário da Saúde do Paraná, Michele Caputo Neto. Uma das propostas é, a partir de 2012, antecipar a campanha de vacinação para o mês de março para obter maior impacto. As estatísticas dos três Estados mostram que o vírus Influenza circula com mais intensidade no mês de abril, e o período da campanha de vacinação da gripe no país é posterior ao período de sazonalidade da doença na região sul. Outra sugestão é incluir na vacinação anual a faixa etária de dois a 20 anos, que foi uma das mais afetadas durante a pandemia. Os técnicos defendem incluir no calendário bási-

co de vacinação da criança a vacina Influenza para os menores de dois anos. “As crianças são muito frágeis neste período e se contraírem uma gripe correm mais risco de evoluírem para pneumonia”, disse a médica e chefe do departamento de Vigilância e Controle de Agravos Estratégicos, Mirian Woiski. Além disso, o grupo quer garantir uma quantidade de vacinas para todas as indicações do Centro de Referência de Imunobiológicos Especiais (Crie) e que contemple todos os profissionais de saúde e profissionais que atuam em serviços essenciais, como policiais militares e bombeiros. “Outro pedido é o de ajustar, mediante consulta aos Estados, as metas de vacinação de cada grupo, levando em conta outros critérios além do populacional”, disse Mirian. Segundo ela, as metas de vacinação para profissionais de saúde e doentes crônicos foram subdimensionadas pelo ministério nas campanhas anteriores, o que causou dúvidas. Quanto ao tratamento, a proposta é manter para este ano o antiviral fosfato de oseltamivir para todo caso de síndrome gripal, sem que haja restrição e desde que seja receitado por um médico. “Queremos negociar com o Ministério da Saúde o volume de medicamento para garantir o uso de forma ampliada”, disse o secretário. O grupo também sugeriu incluir o oseltamivir como item de medicamentos fornecidos anualmente pelo Ministério nos Estados do Sul.

nos casos em que houver dúvida quanto à identidade do preso. As prisões em flagrante vão se submeter ao regime da prisão preventiva porque se trata de uma medida cautelar. “O flagrante não poderá ser por si gerador de permanência na prisão. O juiz deverá manter a

prisão por meio de decreto de prisão preventiva se for cabível”, afirma Lima. A polêmica em torno da regra se deve ao temor de que ela aumente a sensação de impunidade. Por trás da aprovação está o esforço do Estado em diminuir a superlotação dos presídios.

Segundo o Ministério da Justiça, em 2010, 37% da população carcerária de todo o país - que hoje é de 496.251 pessoas - eram mantidos nas celas por conta da prisão provisória. Os dados do número de presos que podem ser beneficiados são do Depen.


GERAL

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

O PRESENTE | 09

ATRAÇÕES CULTURAIS

Cinema 3D será um dos destaques da Expo Rondon 2011 Ademir Herrmann

Cinema itinerante que virá ao município é o primeiro no Brasil com sistema 3D polarizado, o mesmo usado nos grandes cinemas pelo mundo, como o Cinemark, Imax e outros

D

e 21 a 25 de julho, milhares de pessoas prestigiarão a Expo Rondon 2011, quando serão comemorados os 51 anos de emancipação política e administrativa de Marechal Cândido Rondon e realizada a 32ª Festa Nacional do Boi no Rolete. O evento, promovido anualmente no Parque de Exposições Alvaro Dias, oferecerá aos rondonenses e visitantes diversas promoções culturais e shows musicais e artísticos, os quais farão parte da programação da Casa Cultural. Organizada pela Secretaria de Cultura, a Casa Cultural terá como um dos principais atrativos o cinema 3D, que está programado para ser realizado no dia 23 (sábado), dia 24 (domingo) e no dia 25 (segunda-feira), englobando sessões em vários horários.

Conforme a chefe da pasta, Carmen Borzatto, o cinema 3D é uma inovadora opção de entretenimento que apresenta uma experiência tecnológica diferenciada, lúdica, cultural e com uma importante mensagem ecológica. Segundo ela, o cinema itinerante que virá para Marechal Rondon é o primeiro no Brasil com sistema 3D polarizado, o mesmo usado nos grandes cinemas pelo mundo, como o Cinemark, Imax e outros. Carmen menciona que a atração e filmes apresentados são extremamente bem recebidos pelas pessoas, que saem impressionadas e já pensando em um retorno. Em vista disso, ela diz que o público que sempre prestigia a Expo Rondon terá a oportunidade de assistir a três filmes: Realidade Virtual, Descobertas Alienígenas e SOS Planeta Terra. Os filmes contam com efeitos especiais, animações 3D e têm duração de aproximadamente 20 minutos, sendo apresentados em duas sessões por hora.

TECNOLOGIA 3D

O sistema consiste na superposição de duas imagens distintas da mesma cena, cada uma delas tomada de um ângulo ligeiramente diferente. O resultado final da mixagem dessas cenas, quando visto através de óculos especiais, reproduz a visão de forma esté-

reo. Os espectadores têm a impressão de que os objetos estão saltando da tela, flutuando em frente aos seus olhos e ao alcance das mãos, causando grande impacto e emoção. De acordo com a secretária de Cultura, o Cinema 3D será montado junto ao complexo da Casa Cultural e será uma estrutura inflável, que comportará cadeiras e todo o aparato necessário para a exibição de filmes. “Três diferentes filmes serão apresentados ao público, que poderá escolher o de sua preferência. É uma oportunidade que todos terão de conhecer o cinema 3D. Neste caso, haverá cobrança de ingresso, mas ainda não foi estipulado o valor”, comenta.

Secretária de Cultura, Carmen Borzatto: “É uma oportunidade que todos terão de conhecer o cinema 3D. Neste caso, haverá cobrança de ingresso, mas ainda não foi estipulado o valor”

ATRAÇÕES CULTURAIS

Além do cinema 3D, Carmem explica que estão programadas atrações culturais em todas as áreas artísticas, englobando folclore, música, dança, teatro, mágica, artes marciais, show de variedades, apresentação das Invernadas Artísticas do CTG Tertúlia do Paraná e circenses, sendo que os referidos atrativos serão gratuitos. Segundo ela, o intuito é proporcionar ao público fácil acessibilidade às atrações, fomentar o turismo, divulgar talentos e a movimentação de fluxos locais e regionais, além de promover o conhecimento sobre a história e a cultura do

município, desenvolvendo o intercâmbio cultural. “Mais uma vez a Casa Cultural será um dos grandes atrativos dos festejos de aniversário do município, pois ela contará com uma diversidade de apresentações que serão realizadas por artistas de Marechal Rondon e da região e que também irá mostrar o folclore dos nossos países vizinhos. Posso dizer que são atrações que valem a pena ser conferidas. Será feito um folder separado, com todas as atividades, para que as

pessoas possam se orientar durante a festividade, escolher o melhor atrativo e prestigiar com sua família”, enfatiza. Em relação ao andamento dos preparativos, a secretária diz ainda que a agenda da Casa Cultural já está fechada e, posteriormente, será feita a construção do espaço no parque de exposições, pois, segunda ela, a secretaria tem a responsabilidade de fazer a decoração da festa, a fim de torná-la mais bonita e atrativa. Neste ano, a Casa Cultural conta novamente com o apoio do Sesc.


GERAL

10 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

A partir de 21 de julho

Fim do lixão vai impactar diretamente na vida de cada rondonense Com o início da atividade do aterro sanitário, no próximo dia 21, muitos tipos de lixos não poderão ser dispostos no local. População precisará mudar alguns compor tamentos

A

pós muitos anos de discussões e prorrogações, finalmente no próximo dia 20 o “lixão municipal” de Marechal Cândido Rondon será oficialmente desativado. No dia seguinte, 21, entra em operação o aterro sanitário, localizado na Linha Neuhaus. No entanto, a medida exigirá algumas mudanças de comportamento dos rondonenses. Isto porque a disposição de resíduos no aterro será controlada e nem todo tipo de material poderá ser destinado ao local, como vinha ocorrendo no lixão. Ontem (30), o diretor do Departamento de Meio Ambiente da prefeitura rondonense e secretário do Conselho Municipal de Meio Ambiente, Luiz Alberto Trentin (Sassá), esteve no Jornal O Presente para falar sobre as mudanças e como elas devem impactar a vida dos rondonenses, bem como quais as principais categorias de lixo que devem ser atingidas com a instalação do aterro sanitário. Confira. O Presente (OP): Dia 20 de julho encerra por força de lei a destinação de resíduos sólidos para o lixão. O município já está preparado para as consequências disso? Luiz Alberto Trentin (LAT): Sim. O município já tinha o prazo vencido para fechar o lixão e conseguimos um aditivo. Estamos contratando uma empresa para fazer todo o processo de recuperação e encerramento do lixão. Isto porque não é só abandoná-lo, pois será preciso recuperar a área.

como acontece atualmente. Todos os resíduos serão trabalhados dentro dos processos que a legislação prevê. Haverá um maquinário específico para realizar a compactação, o que vai proporcionar uma vida útil maior ao novo aterro, assim como a degradação mais rápida dos orgânicos que serão dispostos naquele local.

Maria Cristina Kunzler

OP: As pessoas sentirão alguma mudança na destinação do lixo doméstico? Será preciso fazer a reciclagem de outra forma? LAT: Estamos começando uma campanha de coleta seletiva em que pretendemos, além de diminuir a quantidade de produtos que serão destinados ao novo aterro, aumentar a quantidade de materiais que podem ser reciclados. Hoje muita coisa ainda vai para o aterro. Aumentar a reciclagem significa aumentar a renda dos agentes ambientais e gerar maior inserção social destas pessoas que estão envolvidas junto à Cooperagir. Será um trabalho bastante amplo de divulgação junto a empresas, escolas, associações, entidades, enfim, queremos buscar a sociedade organizada como um todo para fazer parte deste processo.

OP: A população rondonense já sabe separar o lixo? LAT: Grande parte da população já separa o lixo. O que percebemos é que, muitas vezes, ou por parte da logística ou da data de recolha, estão sendo misturados os lixos orgânico e reciclável. Ainda ocorre de o rondonense separar dentro de Diretor de Meio Ambiente, Luiz Aberto Trentin (Sassá): “Vamos OP: O que vai permanecer em atividade na área iniciar uma campanha de coleta seletiva em que pretendemos, além casa os dois tipos de lixo e na hora da onde hoje está localizado o lixão? de diminuir a quantidade de lixo que será destinado ao aterro, aumentar coleta, por não termos uma definição LAT: A prefeitura, em parceria com o Conselho Munia quantidade de materiais que podem ser reciclados” clara das sacolas sobre o que é para a cipal de Meio Ambiente, contratou uma empresa que fez o reciclagem e o que é orgânico, misturar levantamento do passivo ambiental do atual aterro, para tura para que as pessoas possam nos ligar para avisar da ambos. Sabemos que há falhas na separação nas casas, mas sabermos o grau de risco e a viabilidade da Cooperagir disponibilidade de doação do sofá. Nós vamos recolher o mesmo também acontece muitas (Cooperativa de Agentes Ambiendentro de um prazo determinado e vamos encaminhar o vezes na logística da recolha. O que tais) continuar fazendo a separamóvel para o Centro de Recuperação. Enquanto isso, o sofá tentaremos fazer a partir de agora é "Estamos começando uma ção do material reciclável na área. deve ficar em um local seco e não na rua, pois se molhar a a correção deste problema. O relatório apresentado ao IAP campanha de coleta seletiva em madeira pode estragar. (Instituto Ambiental do Paraná) que pretendemos, além de OP: A partir do dia 21 o lixo mostrou que a Cooperagir pode OP: Além de sofá, que grupos de objetos domésticos diminuir a quantidade de doméstico já terá seu destino, que permanecer naquele local, desde também se enquadram nesta ação? produtos que serão destinados é o novo aterro. Vamos falar sobre que seja feito o encerramento do LAT: Começamos a parceria com o Centro de Recupeos outros materiais: o que a pessoa aterro no dia 20 de julho e se altere ao novo aterro, aumentar a ração envolvendo os sofás porque constatamos que era a deverá fazer quando tiver um sofá a trajetória de chegada e saída dos maior demanda que tínhamos. Já fomos procurados por quantidade de materiais que em casa e quiser eliminá-lo? materiais, bem como seja providenconta de outros móveis, como guardaroupas. Já com podem ser reciclados. Hoje LAT: A prática de deixar o sofá ciado um isolamento do aterro com relação a máquinas de lavar roupas, fogões e outros muita coisa ainda vai para o antigo em frente de casa ou em um uma camada verde. eletrodomésticos, a própria Cooperagir se encarrega de terreno baldio próximo para ser reaterro. Aumentar a reciclagem recolher. Para isso basta entrar em contato com a coopecolhido é comum em Rondon. É algo OP: Todos os lixos gerados significa aumentar a renda dos rativa, que atende junto à Codecar, ou com os próprios complicado, pois outras pessoas no município terão um novo desagentes ambientais. Sempre que as ações puderem ser agentes ambientais" aproveitam e já jogam demais tipos tino a partir do próximo dia 21. capitaneadas pela Cooperagir, damos esta preferência. de lixos no local e acabam surgindo Em etapas, qual será o destino do até mesmo animais. Para resolver lixo doméstico? OP: Outro grupo de lixo que vem causando transeste problema, firmamos uma parceria com o Centro de LAT: O resíduo com característica de lixo doméstico tornos para as pessoas e empresas é o lixo eletrônico. Recuperação Caminhos da Vida, pois a entidade possui vai continuar sendo recolhido pela Codecar e vai ser O que fazer com este material? uma marcenaria onde são construídos pequenos brinquedestinado ao novo aterro sanitário, que inicia a operaLAT: Neste aspecto tivemos uma experiência fantástica, dos e demais utensílios utilizando madeira. Vamos dispoção em 21 de julho. O local atende todas as normas do em que a iniciativa privada achou a solução para o lixo nibilizar um número de telefone na Secretaria de AgriculIAP. Na área, o lixo não será simplesmente depositado, eletrônico. O Núcleo de Informática da Acimacar passou a


SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

GERAL

O PRESENTE | 11

discutir internamente a realização de uma campanha que tem como objetivo destinar o lixo eletrônico. Fomos procurados e a prefeitura será parceira desta iniciativa, encabeçada pelas empresas nucleadas. A municipalidade vai oferecer a participação na logística da recolha e a disponibilidade de um local para que os equipamentos sejam depositados até que a empresa especializada neste tipo de material venha fazer o recolhimento definitivo. OP: Que tipos de materiais que serão recolhidos e como as pessoas devem proceder? LAT: A campanha inicia no dia 26 de julho e as próprias empresas que integram o Núcleo de Informática estarão recebendo o lixo eletrônico, como computadores, monitores, impressoras, scanners, placas, peças de informática, celulares, televisores, rádios, DVD’s, micro-ondas, aparelhos de som, pilhas e baterias. A exceção fica por conta de lâmpadas. O interessante disso é que a pessoa precisará assinar um termo de doação, a partir do qual se quebra o vínculo com o material e a empresa especializada é que ficará responsável em dar a correta destinação para o mesmo. OP: E o que fazer com as lâmpadas? LAT: Quanto às lâmpadas, no âmbito domiciliar ainda estamos estudando uma solução. Estamos entrando em contato com o IAP, que tem um conhecimento mais amplo sobre a lei da reversa, ou seja, a indústria tem a obrigação de recolher aquilo que fabricou e já não tem mais utilidade. OP: As pessoas não devem misturar as lâmpadas com o lixo doméstico? LAT: De forma alguma. As pessoas devem aguardar e o nosso pedido é que guardem as lâmpadas velhas em suas casas. Estamos neste ano buscando solução para este problema e vamos conseguir definir uma alternativa para a disposição deste material. OP: Existem dois grandes problemas relacionados ao lixo e que causam grande dor de cabeça para as administrações públicas. O primeiro é com relação aos galhos e árvores, que normalmente são podados durante o ano inteiro, isso quando não quebra e cai por ação do tempo. A pessoa acaba se obrigando a jogar na calçada. De que forma a prefeitura vai tratar esta questão? LAT: Entendendo a necessidade de regulamentar esta coleta, por determinação do prefeito (Moacir Froehlich), do vice-prefeito (Silvestre Cottica) e do secretário municipal de Agricultura (Urbano Mertz), estamos desenvolvendo no município o projeto “Cidade Limpa”, a partir do qual está previsto um cronograma em que cada bairro da cidade vai receber antecipadamente um calendário. Com o material, cada cidadão saberá o dia em que será feito o recolhimento de restos de galhos em sua rua e poderá se programar. Caso ocorra a retirada ou quebra de um galho fora da época do calendário, a pessoa não poderá depositar na rua. No entanto, vamos divulgar estrategicamente quatro ecopontos para que os rondonenses possam fazer a disposição deste lixo. OP: O que seriam ecopontos? LAT: Seriam depósitos especificamente para galhos. Haverá toda uma orientação em cima disso. A pessoa poderá levar o resto de galhos naquele local. A partir daí a prefeitura dará a destinação correta. OP: Isso significa que em qualquer dia o rondonense poderá fazer a poda de árvore? LAT: Sim, mas a própria pessoa precisará providenciar o transporte dos galhos a qualquer um dos ecopontos. OP: Haverá uma indústria de compostagem que a prefeitura vai desenvolver ou a destinação dos galhos ocorrerá por uma empresa terceirizada? LAT: Para o galho mais fino contamos com a parceria de uma empresa que está fazendo a compostagem e reutiliza o material, sem custo para o município. O galho mais grosso da árvore e que pode ser utilizado como lenha está sendo depositado em um terreno junto ao horto municipal. Está se sendo estudado um projeto para que esta lenha seja destinada para alguma entidade sem fins lucrativos, que possa utilizar o material corretamente.

OP: O outro grupo de lixo são os restos de materiais de construção civil. Talvez seja o de maior volume e maior dificuldade em achar uma destinação correta. Qual a solução que a prefeitura tem para oferecer às construtoras e aos cidadãos como um todo? LAT: A partir do momento em que o secretário Urbano assumiu a pasta, uma das primeiras cobranças que ele fez ao nosso departamento era sobre o que tínhamos de projeto em relação aos entulhos, especialmente gerados pela construção civil, que é a grande demanda no município. Estamos buscando junto a duas empresas algum projeto já existente em alguma cidade e que seja relacionado a isso. Já obtivemos algumas respostas e agora buscamos uma forma de elaborar em Marechal Rondon um plano municipal de gerenciamento dos resíduos da construção civil. Hoje esse lixo é um problema, mas a partir do momento que tivermos uma empresa que faça a recepção e separação do material corretamente, será uma forma de gerar renda. Só falta um empresário interessado neste processo. Tudo pode ser reaproveitado, não se perde nada, desde que seja separado corretamente. OP: Já existe um prazo para que isso esteja em funcionamento? LAT: O que se pretende é que ainda neste ano se consiga elaborar este plano de gerenciamento dos resíduos da construção civil e inserir uma empresa que passe a ter interesse neste tipo de material. OP: Enquanto não há solução definida para isso, onde as pessoas vão jogar este lixo? LAT: O resíduo de pequenas reformas domésticas já está sendo recolhido pela prefeitura. Este material está sendo reaproveitado, como na recuperação de voçorocas, de áreas degradadas, dentre outros. Quando contarmos com uma empresa que faça a separação, as pedras poderão ser utilizadas em forma de construção ou recuperação de estradas, o ferro pode ser vendido, enfim, tudo poderá ser reaproveitado.

OP: Outra questão que impacta fortemente o meio ambiente são as sacolas de plástico. Que tipo de trabalho é possível fazer para que haja uma redução da utilização deste material nos estabelecimentos comerciais? LAT: Essa é uma das maiores preocupações que estamos tendo, principalmente no Departamento de Meio Ambiente. Buscamos experiências em outras cidades sobre educação ambiental, em que há dois anos começou a se trabalhar a redução do consumo de sacolas plásticas e incentivar o uso de sacolas retornáveis. A sacola retornável é aquela de pano ou tecido. Estamos confeccionando sacolas com o algodão cru, pois no dia que for descartada pode ser destinada para o aterro, pois não vai causar dano e vai degradar rapidamente. Além disso, estamos visitando todos os supermercados e mercados. Evidentemente que não vamos conseguir eliminar do dia para noite o uso de todas as sacolas. No entanto, se conseguirmos diminuir primeiramente 30%, depois mais 20% e assim por diante, chegará o momento em que a pessoa se habituará a utilizar a sacola retornável e aí vamos zerar o uso das sacolas plásticas em supermercados, que são os maiores distribuidores deste material. Contudo, sabemos que também existem diversos outros estabelecimentos que também fornecem as sacolas. OP: Outra questão que vem sendo bastante debatida e em alguns locais chegou a ser até motivo de proibição de ingresso em cidades é a garrafa long neck. O que está sendo feito neste sentido? LAT: Já existem municípios que proibiram a entrada da long neck justamente pela lei da reversa, ou seja, a indústria vende o produto, mas não recolhe depois. Esta garrafa não está tendo uma boa reciclagem, pois não tem um valor de retorno. É a mesma situação das sacolas plásticas, que já foram proibidas em algumas cidades. Isso é algo que está chegando na nossa região e estamos trabalhando neste aspecto. Em todos os 29 municípios da Bacia do Paraná 3 (BP3) já existem alguns pequenos trabalhos voltados à sacola retornável. Pode ser que logo se encaminhe alguma lei neste sentido.


GERAL

12 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

LEVANTAMENTO DE PROPOSTAS

8ª Conferência da Saúde acontece amanhã em Rondon A

Programação contará com palestra, apresentação das atividades realizadas pela Secretaria de Saúde, coleta de informações e rodadas de debate

Secretaria de Saúde de Marechal Cândido Rondon, em conjunto com o Conselho Municipal de Saúde, realiza amanhã (02) a 8ª Conferência Municipal de Saúde. O evento será na sala da Oase, na Igreja Evangélica Martin Luther, a partir das 08 horas. O tema da conferência é “SUS - Patrimônio do Povo Brasileiro, Construindo as Redes de Atenção à Saúde no Município, Saúde Preventiva”. A programação é composta

por palestra com o tema “Saúde no Trânsito”, apresentação das atividades realizadas pela Secretaria de Saúde, coleta de informações e rodadas de debates para o levantamento de propostas. Na oportunidade também serão eleitos os delegados que representarão o município na Conferência Estadual de Saúde. Estão convidados a participar usuários da rede pública de saúde, trabalhadores na área e prestadores de serviços privados e públicos.

Marechal Rondon perde mais um pioneiro Foi sepultado ontem (30), no cemitério de Marechal Cândido Rondon, o corpo de Alli Weimann, pioneiro do município. Ele tratava de um câncer e faleceu na quarta-feira (29), quando se encontrava hospitalizado. Alli Weimann foi um empresário destacado no ramo comercial e de serviços. Ele chegou à cidade em setembro de 1951 e acabou se tornando o primeiro motorista de ônibus da localidade, bem como proprietário da primeira rodoviária de Marechal Rondon. As viagens realizadas por Alli faziam o trajeto de General Rondon a Toledo diariamente e duas vezes por semana para Cascavel. Transportava tanto pessoas como encomendas,

Acervo da família/Revista Região

Divulgação

Viva, viva o todo poderoso timão, com um jogo a menos já é o líder do Brasileirão. A linda camisa vermelha deve ser ideia do corintiano Lula.

Fábio Campana

(@fabiocampana)

Jornalista

Hacker invade e-mail pessoal de Dilma e tenta vender arquivos http://www.fabiocampana.com.br/?p=118053

Anderson Silva (@SpiderAnderson) Campeão mundial do UFC

Bom dia a todos, viva cada dia uma vitória, seja otimista, “sorrir e não ter a vergonha de ser feliz”. Sucesso a todos.

Alex Canziani (@CanzianiAlex) Deputado federal do PTB

Presidente Dilma prorroga o pagamento das emendas dos restos a pagar de 2009.

André Vargas

(@andrevargas13)

Deputado federal do PT

Não se pode governar olhando só para a grande imprensa que na prática organiza o discurso da oposição e quer desconstruir nossa imagem.

Luiz Cláudio Romanelli (@Romanelli_) Secretário de Estado do Trabalho

Felizmente o governo federal manteve o pagamento das emendas. Se tem para o Pão de Açúcar/Carrefour, tem que ter para os municípios também.

Katia Abreu (@KatiaAbreu) Senadora do DEM

O pioneiro Alli Weimann e sua esposa Erica

principalmente alimentos. Junto com a rodoviária, também funcionava o Bar Floresta e a agência dos Correios, que era responsabilidade da esposa de Alli, Erica Weimann. Mais tarde, Alli também foi proprietário de outros empre-

endimentos, como o Supermercado Alli (onde atualmente funciona o Supermercado Rimmava) e sua tradição comercial foi seguida pela família, que ainda hoje mantém o Supermercado Weimann e o PesquePague do Alli.

Guaíra tem fórum contra as drogas hoje O Conselho Municipal Antidrogas (Comad) de Guaíra e a Secretaria Municipal de Ação Social realizam hoje (1º), na Unipar, o 2º Fórum Municipal de Prevenção e Repressão ao uso Indevido de Dro-

Zeca Dirceu (@zeca_dirceu) Deputado federal do PT

gas. O objetivo, segundo o presidente do Comad, Rogério Sebastião dos Santos, é mobilizar segmentos públicos e sociais para debater o problema e construir uma política democrática para tentar resolver a questão. “É um problema muito grave e que afeta muitas famílias. Nós precisamos nos unir para que o tráfico de drogas não avance sobre nossa cidade”, afirma. A abertura oficial do evento está marcada para as 08 horas. Na sequência, ocorrerá a apresentação do Clube Desbrava-

Presidente do Conselho Municipal Antidrogas, Rogério Sebastião dos Santos: “Precisamos nos unir para que o tráfico de drogas não avance sobre nossa cidade”

dores e Aventureiros de Guaíra, que realiza um importante trabalho social com os jovens. A programação conta ainda com a palestra do policial federal Milton Fantucci e com depoimento de um ex-dependente de álcool. De acordo com a psicóloga e secretária-executiva do Comad, Lucimara Aparecida Gabriel, o tema da campanha deste ano é voltado para a família. “Nós precisamos estimular a participação das famílias. Isso é fundamental no enfrentamento do problema, tanto que o tema da campanha deste ano é ‘Família dentro de casa, fora das drogas’”, explica.

Papa é carismático, tem olhar profundo. Fiquei muito emocionada. Expressões de Santo.

Roberto Requião (@requiaopmdb) Senador do PMDB

Não sou oposição ao governo, apenas não esqueci o que dissemos na campanha.

Luiz Carlos Hauly (@deputadoHauly) Secretário de Estado da Fazenda

Boa notícia: Conforme levantamento do Banco Central, micro e pequenas empresas ampliam demanda por financiamentos.

Estadão

(@estadao)

Fifa adia decisão das sedes da Copa 2014 para outubro.

Ronaldo (@ClaroRonaldo) Ex-jogador de futebol

Vocês acham que o Ronaldinho é o craque do Brasileiro até aqui????

Mauro Moraes

(@mauro_moraes)

Deputado estadual do PSDB

Quem conseguir o apoio de Beto Richa será o futuro prefeito de Curitiba.

Clic Esportes RS (@clicEsportesRS) #Grêmio Renato chora ao se despedir do Grêmio http://ow.ly/5ubvj

Abilio Diniz (@abilio_diniz) Presidente do Grupo Pão de Açúcar

Estou sendo muito criticado, mas acredito que a fusão do Pão de Açúcar com o Carrefour será boa para o país e para os brasileiros.

Revista Veja (@VEJA) Brasil vai testar superpílula contra doenças cardiovasculares http://migre.me/596tP

O Jornal O Presente também está no Twitter. Acompanhe: twitter.com/o_presente (@O_Presente)


GERAL

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

O PRESENTE | 13

LIXO TÓXICO

Lâmpadas queimadas têm destinação inadequada na região Carina Ribeiro/OP

Ainda falta a regulamentação da logística reversa para o retorno dos produtos usados às empresas fabricantes, que devem dar destinação correta

M

esmo com a ampliação da consciência ambiental, muitos moradores da região de Marechal Cândido Rondon que possuem preocupação com a destinação correta de lixo tóxico ainda não sabem como fazer o descarte de produtos usados. É o caso das lâmpadas fluorescentes, que possuem substâncias nocivas ao ser humano, até mesmo cancerígenas, e ainda poluentes de solos e recursos hídricos, devido aos metais pesados existentes na composição delas. Hoje, a maioria das lâmpadas ainda não possui destinação correta na região, uma vez que não há um órgão responsável pelo recolhimento e são poucas as empresas revendedoras que recebem o produto usado. De acordo com a chefe do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), Maria Glória Pozzobon, o problema é que não existe regulamentação do decreto que versa sobre a logística reversa, bem como da lei que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei nº 2.305 de 02/08/2010). “Ainda não há regulamentação sobre como deve ser essa logística.

Mas a lei já determina quem serão os responsáveis pela destinação final das lâmpadas, conforme consta do artigo 33 da referida lei”, ressalta. Segundo ela, os fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes é que são obrigados a estruturar e implementar sistemas de logística reversa, mediante retorno dos produtos após o uso pelo consumidor. “A lei ainda expõe que esse retorno deve ser realizado de forma independente do serviço público de limpeza urbana e de manejo dos resíduos sólidos”, salienta.

NA PRÁTICA No Brasil, estima-se que são consumidas em média 100 milhões de lâmpadas fluorescentes por ano. Deste total, 94% são descartadas sem nenhum tipo de tratamento, contaminando o solo e a água com metais pesados. Conforme Glória, devido à falta de regulamentação, atualmente não existe controle sobre a destinação final das lâmpadas usadas. “É proibido jogar em aterros sanitários e quebrar, mas sempre vemos lâmpadas entre outros materiais nos mais variados aterros de lixo na região”, lamenta. A bióloga lembra que o IAP tem orientado os Poderes Públicos municipais sobre a importância de não receber esse tipo de material. “Sempre colocamos aos municípios que é proibido receber, mas às vezes vai misturado”, admite.

FUNCIONA

a preocupação com as lâmpadas tem sido uma crescente e que hoje existe uma equipe do Ministério do Meio Ambiente realizando estudos para definir como regulamentar o sistema de logística reversa. “Acredito que isso ocorra até o final do ano, ou no mais tardar no início do próximo”, estima. Glória lembra que o sistema deverá funcionar tal como já existe hoje para o retorno e destinação de embalagens de agrotóxicos. “É uma logística que funciona bem no Paraná e que deve ser estruturada da mesma forma para lâmpadas, óleos lubrificantes, pneus, pilhas, baterias e eletroeletrônicos”, explana.

ENQUANTO ISSO Enquanto ainda não está estruturada a cadeia de retorno, a orientação do IAP é de que o consumidor mantenha as lâmpadas fluorescentes armazenadas em casa, na empresa ou busque informações junto às lojas revendedoras se há possibilidade de devolução do produto usado. “A indicação é que, quando a pessoa for trocar a lâmpada queimada por outra nova, utilize a embalagem da nova para acondicionar a descartada. Assim, deve guardála em local seguro e protegido para não quebrá-la e para não ocorrer acidente”, expõe. Indagada se o consumidor fica sujeito ao risco de contaminação no caso de quebrar a lâmpada, a bióloga afirma que se é preciso ter cuidado, mas que se mantida intacta ela não representa perigo.

A profissional menciona que Arquivo/OP

Chefe do IAP de Toledo, Maria Glória Pozzobon: “Ainda não há regulamentação sobre como deve ser essa logística. Mas a lei já determina quem serão os responsáveis pela destinação final das lâmpadas, conforme consta do artigo 33 da referida lei”

ATÉ QUANDO? O consumidor pode se questionar até quando armazenar as lâmpadas em casa e a pergunta fica sem resposta específica, a não ser que assegure fazer a aquisição de lojas que aceitem receber o produto de volta para garantir a destinação final adequada. “Com a aprovação do decreto, as definições e estruturação do sistema de logística devem andar mais rápido”, ameniza. De qualquer forma, a chefe do IAP reforça que as revendedoras terão que receber o produto usado para retorná-los aos distribuidores e para as indústrias.

Lâmpadas fluorescentes acabam se misturando a outros tipos de lixo e vão parar nos aterros sanitários públicos, mesmo sendo proibido

Lojas Consumidores rondonenses entraram em contato com a reportagem nesta semana manifestando dificuldade em descartar lâmpadas usadas, uma vez que foram informados por algumas empresas que não aceitam os produtos. A mesma resposta foi dada junto à prefeitura e à Cooperativa de Agentes Ambientais, uma vez que ambos os organismos não têm autorização para receber lâmpadas. No município, pelo menos duas empresas já estão recebendo as luminárias descartadas, que é o caso da Hidroluz e da Casa do Eletrecista, porém com ressalvas. Elas tentam limitar o recebimento ao que é comercializado pelas mesmas, tendo em vista que a destinação final do produto gera custos. Conforme o proprietário da Hidroluz, Vilson de Oliveira, atualmente a empresa recebe em torno de 200 lâmpadas descartadas por mês. “Há uma pessoa designada pela prefeitura que vem recolher para encaminhar para uma empresa que providencia a destinação correta”, declara. Atualmente, ele menciona que ainda não está havendo cobrança direta do serviço, somente há o custo do combustível para deslocamento do material. “Mas, em breve, eles pretendem fazer uma cobrança de R$ 0,75 por lâmpada”, adianta, admitindo que neste caso o custo deverá ser repassado para o consumidor no preço do produto novo. Segundo o proprietário da Casa do Eletricista, Rudi Schmitz, a empresa restringe o recebimento para atender os clientes. “Conferimos no sistema interno se a pessoa fez a compra do produto com a gente. Temos que limitar porque existe um custo para dar essa destinação e não podemos nos responsabilizar pela desova de materiais que não intermediamos a colocação no mercado”, pontua.


GERAL

14 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

GUAÍRA

Escolas recebem investimentos de mais de R$ 2,5 milhões Secretaria de Educação garante reforma, ampliação e construção de quadras em impor tantes unidades educacionais

Fotos: Divulgação

A

Prefeitura de Guaíra está investindo na reestruturação da educação municipal. O projeto, lançado em 2009, tem privilegiado reformas estruturais e conferido uma nova cara para as instituições de ensino.

A Escola Municipal Amália Flores foi uma das que receberam reformas

As obras de reforma e ampliação dos centros de educação infantil São Francisco e Luís Venâncio e da Escola Municipal Amália Flores totalizam um investimento de R$ 305.039,81. “Isso só em 2011. No ano passado, várias escolas receberam obras de reforma e ampliação, ganhando assim mais salas de aula”, lembra a secretária municipal de Educação e Cultura, Edilaine Villalba Ortiz Comunello. Ela também cita a cobertura das quadras de quatro escolas municipais. Destas, duas já estão em andamento e outras duas ainda serão licitadas. O projeto prevê quadras nas escolas municipais Erik Andersen, Duque de Caxias, Amália Flores e Áurea Benck. Em três delas já existe uma previsão de gastos. “Nós orçamos R$ 335.388 para cobrir a Escola Erik Andersen, R$ 167 mil para a Escola Duque de Caxias e outros R$ 167.168,70 para a Escola Áurea Benck. Nesta, aliás, as obras já

Creche de Quatro Pontes recebe doações do Provopar Ontem (30), a presidente do Provopar estadual, Fernanda Richa, a pedido do deputado esta-

dual Duílio Genari, autorizou a liberação de diversos materiais para atender a Creche Municipal de Quatro Divulgação

Pontes. O anúncio foi feito aos vereadores Salésio Langer e João Laufer pela diretora do Provopar do Paraná, Carlise Kwiatkowski. Entre os materiais doados estão 50 latas de leite; dez fardos de papel higiênico; 30 unidades de detergente; 100 fraldas infantis; 50 cremes dentais; 50 escovas de dentes infantis; dez caixas de bolachas; cinco caixas de suco de uva/ abacaxi, dez caixas de aparas; dez quilos de sabão em pó e 100 kg de sabão em barra.

Vereador João Laufer, a assessora de gabinete do deputado Duílio Genari, Wilmara Charneski, o vereador Salésio Langer e o chefe de Gabinete do deputado Duílio Genari, Olavo Rohde, durante encontro em Curitiba

Prorrogado prazo de inscrição de trabalhos para Seminário de Geografia A coordenação do 1º Seminário Internacional dos Espaços de Fronteira, que acontece no campus rondonense da Unioeste de 14 a 17 de setembro, prorrogou até o próximo dia 10 as inscrições de trabalhos para o evento, que ainda contará com a realização do 3º Seminário Regional sobre Território, Fronteira e Cultura e a 7ª Expedição Geográfica da Unioeste: Espaços de Fronteira - Território e Ambiente. Informações sobre as inscrições, bem como mais dados sobre os eventos, podem ser obtidas no site www.unioeste.br/

eventos/geofronteira. Ao eleger o espaço de fronteira como temática e problemática central dos eventos, busca-se reafirmar a fronteira como matriz conceitual e como fenômeno territorial de pesquisa e ensino, num movimento historicamente condicionado de ordenamento do espaço. O 1º Seminário Internacional dos Espaços de Fronteira é inspirado na recente recomendação da Capes (outubro de 2010) de abertura do Mestrado em Geografia na Unioeste/campus de Marechal Cândido Rondon, cuja área de

concentração é: “Espaços de Fronteira: território e ambiente”. A presença do Mestrado em Geografia na realização do evento se deve à necessidade de inserir o programa na região da tríplice fronteira Brasil - Paraguai - Argentina, atraindo profissionais da educação e de outras áreas para divulgar seus trabalhos, debatendo e aperfeiçoando-se nas diversas modalidades de apresentações previstas na programação, cumprindo assim os objetivos de instalação do mestrado recomendado pela Capes.

A Supercreche será o maior Centro de Educação Infantil da cidade, com capacidade para abrigar 224 alunos. Mais de R$ 1,5 milhão estão sendo aplicados na obra

começaram. Só essas três totalizam um investimento de R$ 669.556,70. Como ainda falta a previsão para a Escola Amália Flores, dá para afirmar que estamos investindo mais de R$ 1 milhão entre reforma, ampliação e construção de quadras. Isso mostra o comprometimento da Prefeitura de Guaíra com a educação”, diz.

SUPERCRECHE

Outra construção importante que está sendo executada em 2011, pontua Edilaine, é a popular Supercreche. O novo edifício será o maior Centro de Educação Infantil da cidade, com capacidade para abrigar 224 alunos. Mais de R$ 1,5 milhão estão sendo aplicados na obra.

LONGO PRAZO

Investir em infraestrutura não tem sido a única preocupação da Secretaria de Educação de Guaíra, garante a chefe da pasta. Aulas de futebol, street dance, hip hop, judô, vôlei e tênis são um complemento às atividades estudantis. Além disso, os professores participam de cursos de qualificação e o material

didático utilizado nas escolas é do Grupo Positivo, muito respeitado no meio educacional, diz. Outra conquista está no ensino de língua estrangeira - todos os alunos da rede municipal têm aulas de inglês. No ano passado, ocorreu a informatização de todas as escolas e a instalação de ar-condicionado em todas as salas de aula, acrescenta a secretária. Para quem defende o modelo de educação integral, uma boa notícia foi anunciada. A Escola Áurea Benck, na comunidade de Vila Alta, será a primeira em todo o Núcleo de Toledo a contar com a novidade. Todas estas ações fazem de Guaíra uma referência para a região, ressalta a dirigente. “A melhoria da qualidade da educação não é apenas resultado do investimento realizado na infraestrutura. Por isso, investimos também na qualidade do material didático, em aulas complementares e na valorização do professor. Estas ações vão fazer a diferença no futuro. É uma questão de tempo”, finalizou a secretária de Educação.


VARIEDADES

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

O PRESENTE | 15

Mande sua sugestão, crítica ou piada para carina@opresente.com.br

*

SEXTA-FEIRA (1º)

MALHAÇÃO

CORDEL ENCANTADO

MORDE E ASSOPRA

Catarina mostra a gravação completa da conversa entre Pedro e Tereza e todos os pais desculpam-se com a diretora do colégio. Maicon tenta defender Flavinho e Iara é ríspida com ele. Dona Zica chega e defende o filho. Milena entrega a Tereza uma carta com um pedido de desculpas de João. Roberto castiga Laura tirando o telefone da filha. Iara critica Maicon para Babi. Kátia pede para Theo ajudá-la a estudar e confessa que acha estar apaixonada por ele. Iara pede para Milton não renovar o contrato de Maicon com o Nacional.

Herculano repreende Cícero e Jesuíno por deixarem o acampamento. Filó conta para Antônia que viu Cícero. Inácio confessa a Miguézim que sente falta de Antônia. Miguézim afirma que Açucena não pode ser coroada e observa a tiara que Augusto pretender dar a ela. Euzébio diz à filha que eles precisam recuperar a medalhinha que ela vendeu. Augusto vê Janaína usando uma medalha de um membro da corte. Dora convida Jesuíno para ir à inauguração da casa de forró. Petrus decide ir ao baile. Úrsula garante a Timóteo que entregará Açucena para ele.

Abelha devolve o anel de noivado para Cristiano. Guilherme surge no velório e Bira o culpa pela morte de Márcia. Xavier tenta se aproximar de Elaine/Élcio e provoca a maior confusão. Wilson interroga Tieko e Janice para confirmar as versões de Akira e Leandro sobre a noite do crime de Pimentel. Nelsinho leva Zariguim para Tonica. Inês conta que Guilherme foi ao enterro de Márcia e Alice fica furiosa. Lilian tenta confortar Alice, que estranha o carinho da empregada. Herculano e Anecy se oferecem para criar o neto e Guilherme concorda.

INSENSATO CORAÇÃO smael tranca Léo em seu quarto e Norma despista Wanda. Marina e Pedro planejam seu casamento. Cecília termina o namoro com Vinícius. Roni é perseguido na rua. Douglas defende Cortez em um jantar na casa de Vitória. Gabino vai à casa de Fabíola. Léo é humilhado por Ismael e Jandira. Pedro e Marina pensam na lua de mel. Leila admite para Cecília que ficou abalada ao saber que André está namorando Carol. Vinícius se desentende com Rafa por causa de Cecília. Natalie e Douglas confortam Roni. Daisy pede demissão. Pedro e Marina descobrem que Léo sumiu. André pergunta se Carol quer morar com ele.

* Os resumos dos capítulos estão sujeitos a mudanças em função da edição da novela.

DEFEITO NO ARMÁRIO

COMPORTAMENTO INUSITADO

Um sujeito vai seguindo um caminhão-baú e nota o comportamento meio inusitado do motorista. Toda vez que o caminhão para num sinal, o motorista desce da cabina com uma vara na mão e fica a dar bordoadas na parte externa da carroceria até que o sinal muda para verde. Aí motorista volta para a cabina e continua o percurso até encontrar outro sinal vermelho e repetir a mesma coisa: desce, dá bordoadas na carroceria e volta para a cabina. O sujeito começa a achar que o motorista é meio maluco e, na parada seguinte, assim que o motorista desce da cabina ele vai ao encontro dele para saber a razão desse comportamento esquisito. - Desculpe, mas eu venho acompanhando o senhor e fiquei curioso para saber a razão de o senhor parar de vez em quando e dar essas pancadas na carroceria. Sem interromper as bordoadas, o motorista responde: - Como o senhor vê, o meu caminhão só comporta quatro toneladas. Eu peguei um frete de oito toneladas de pombos. Para aliviar o peso, eu tenho de manter pelo menos a metade dos pombos voando aí dentro. Se todos os pombos pararem de voar, o caminhão não aguenta o peso deles e quebra.

Uma senhora comprou um novo armário para seu quarto. Depois que ele foi montado, ela notou que toda vez que passava um ônibus na rua, as portas do armário se abriam. Chamou o marceneiro e pediu que o consertasse. Sem saber onde estava o defeito, o marceneiro sentou dentro do armário para, quando passasse um ônibus, verificar a causa da abertura das portas. Minutos depois o marido chega, abre a porta do armário e, vendo lá o marceneiro, pergunta irritado: - O que é que o senhor está fazendo aí dentro? - O senhor não vai acreditar - responde o marceneiro -, mas estava esperando o ônibus passar.

RELÓGIO LEGAL

Dois amigos se encontram: - Caramba! - diz o primeiro - Que relógio legal você comprou, hein? - Não comprei não... - responde o amigo - Ganhei em uma corrida! - Que legal, cara! E quantas pessoas participaram dessa corrida? - Três! - Só isso? - É... Eu, o antigo dono do relógio e um policial!

MOSQUITOS NO QUARTO

Um menino chamou o pai no meio da noite e disse: - Pai, tem muitos mosquitos no meu quarto! - Apague a luz que eles vão embora! Logo depois apareceu um vaga-lume. O menino chamou o pai outra vez: - Pai, socorro! Agora os mosquitos estão vindo com lanternas!

Maionese de forno com frango Ingredientes:

1 pote (500 g) de maionese

1 kg de batatas cozidas em água e sal

1 lata de ervilha

500g de peito de frango cozido (temperado a seu gosto) e desfiado

1 xícara de chá de cenoura cozida e picada Azeitonas picadas a gosto

4 ovos

Sal a gosto

1 xícara de chá de miolo de pão

Cheiro-verde ou salsinha picada a gosto

Modo de preparo: Passe as batatas pelo espremedor e coloque em uma tigela. Junte o frango desfiado, as gemas, o miolo do pão e metade do pote de maionese. Misture bem, vai virar uma massa bem espessa. Adicione a ervilha escorrida, a cenoura, as azeitonas picadas, o cheiro-verde e misture novamente, acerte o sal. Despeje em um refratário untado e polvilhado com farinha de rosca. Reserve. Na batedeira bata as claras em neve e misture delicadamente a outra metade do pote de maionese, espalhe sobre a mistura reservada. Leve ao forno médio preaquecido até dourar.

ÁRIES: Este não é um momento qualquer e pede muita consciência e capacidade de mudar. Perceba os aspectos de sua vida que estão estagnados e que é preciso renovar. TOURO: Tudo na vida envolve riscos, não se tem garantias ou certezas. Mas não se pode ficar aprisionado. Reflita com muita honestidade sobre o que ainda lhe prende ao medo de tentar. GÊMEOS: Inseguranças existem, sobretudo porque não há mais ao que se apegar. Período essencial para você contar com seus recursos internos, psicológicos e emocionais de superação. CÂNCER: Você sente intensamente as energias de transformação que o atual momento evoca. Mudanças nos relacionamentos e acontecimentos significativos na carreira e na família. LEÃO: Faz parte do processo da vida que as coisas findem e renasçam. Neste momento é fundamental entender o que precisa ser concluído, eliminado e modificado. Velhos padrões não fazem mais sentido. VIRGEM: Grandes ensinamentos de desapego e de percepção do que é valioso. Há muito a ser curado e transformado. Momento crucial do ano. Hora de despertar. Redefinições de valores. LIBRA: Tenha consciência de quem é, para saber das mudanças necessárias nas relações. Você está num processo de reconstrução de suas bases e questões familiares e emocionais. ESCORPIÃO: Alguns relacionamentos chegarão ao final, talvez porque já tenham cumprido seu propósito. Perceba os comportamentos e padrões que tendem a se repetir em sua vida. SAGITÁRIO: Valores e recursos são temas evidenciados neste momento e que passam por mudanças. Reflita sobre o que precisa ser eliminado e concluído. Observe suas reações e emoções. CAPRICÓRNIO: Renascer percebendo a sua força interior é a indicação para hoje. Fase de desapego que pode se manifestar especialmente em termos de sentimentos e relações. AQUÁRIO: Certos momentos são permeados por uma energia especial, transformadora. Reflita e se conscientize de como este momento é importante. Vivenciará um chamado à transformação. PEIXES: Uma ética diferente para o que é compartilhado entre você e as pessoas. Muito a ser trabalhado interiormente, muitos sentimentos prestes a renascer. Força interior.


16 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

LORENA KUNZLER lorena@opresente.com.br Maria Cristina Kunzler

do Riso, Esse trio simpático de palhaços da companhia Risologistas Doutores , se apresenta Tayssa Camila Mazetto, Jhonatan Mazo da Cruz e Alan César Soares pena conferir a Vale s. Unifas ade amanhã (02), às 20 horas, no auditório da faculd

NÚMEROS SURPREENDEM O movimento de turistas em Foz do Iguaçu no feriado prolongado de Corpus Christi voltou a surpreender. Somente os dois principais atrativos da cidade, as Cataratas do Iguaçu e a Itaipu Binacional, receberam juntos cerca de 26 mil visitantes. No mesmo feriado do ano passado, a visitação não chegou a 23 mil.

MÃOS LIMPAS O ato de lavar as mãos é a principal forma de prevenir doenças como a diarreia, cólera e pneumonia, além de evitar bactérias. Uma pesquisa da consultoria britânica TNS Global Market Research foi realizada em dez países. No Brasil, foi constatado que 51% das pessoas não lavam as mãos após usar o banheiro. Depois de tocar nos animais, apenas 21% dos brasileiros lavam as mãos. A higienização das mãos é um tema que precisa ser mais trabalhado em escolas, segundo os especialistas. Francielly Hirata/OP

Representantes da Copagril marcando presença no jantar alusivo ao Dia da Indústria, recentemente, em Marechal Cândido Rondon

ALMOÇO ITALIANO O grupo de Cursilho da Igreja Católica de Marechal Cândido Rondon realiza domingo (03) o tradicional “Almoço Italiano”, com pratos típicos do gênero. O almoço será servido a partir do meio-dia, no Pavilhão da Comunidade Católica. Fichas estão à venda com integrantes do Cursilho e na secretaria da igreja, no valor de R$ 15. Este almoço faz parte das comemorações alusivas aos 51 anos de Marechal Cândido Rondon, comemorados no dia 25 de julho.

Dia 1º: Ana Jensen Dia 1º: Fides Hedel Dia 1º: Herta Panisson Dia 1º: Iracema Maria Klein Dia 1º: Lara Sanchez de Queiroz Dia 1º: Leodir José Pasetti Dia 1º: Maria Alice Iwasaki Dia 1º: Paulo Limberger Dia 1º: Sônia Lamb Mielke Dia 1º: Sérgio Groff


SOCIAL

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

O PRESENTE | 17

Leila Fotografias

fotográfico As irmãs Cristhie e Cinthia com a mãe Clarice Beal em recente ensaio

FORMALIZAÇÃO DO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL A Prefeitura de Quatro Pontes, o Comitê Gestor da Lei Geral Municipal e o Sebrae realizam hoje (1º) a formalização de empreendedores individuais. O atendimento será junto ao paço municipal, das 08h30 às 12 horas e das 13h30 às 17h30.

Camila Dewes, fotografada por Leila

ANTIGA CÉDULA DE IDENTIDADE A convocação dos selecionados para trocar a antiga cédula de identidade começou em janeiro e a escolha foi aleatória, segundo o Ministério da Justiça. No primeiro semestre, parte dos eleitores brasileiros também já foi cadastrada para permitir uma mudança para o cartão biométrico no título de eleitor. A mudança no documento deverá atingir, até 2019, 150 milhões de brasileiros.


AGRONEGÓCIO

18 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

RANKING DO PARANÁ

Toledo volta a liderar produção agropecuária no Estado Município passou de R$ 835.107.541 no ano anterior para R$ 975.286.639 neste ano, referente à safra 2009/2010

T

oledo voltou a liderar o ranking da produção agropecuária no Paraná, após ter perdido a posição no ano passado, depois de anos ocupando a dianteira entre os municípios paranaenses. Os resultados foram divulgados segundafeira (27), pelo Departamento de Economia Rural (Deral) da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento (Seab). O Valor Bruto da Produção (VBP) é um dos índices que reflete a geração de renda na agropecuária e serve para a composição do índice para o repasse de recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O município de Toledo passou de R$ 835.107.541 no ano anterior para R$ 975.286.639 neste ano, referente à safra 2009/2010. Os números indicam uma recuperação na produção de grãos em relação ao índice anterior, que tinha sofri-

do com a estiagem. “São quase um bilhão de reais”, destacou o prefeito José Carlos Schiavinato, parabenizando o produtor pelos números e agradecendo a todos os envolvidos no processo. Entre eles citou o Banco do Brasil, que inaugurou na quarta-feira (29) um posto de atendimento na prefeitura, cooperativas, empresas, entre outros que trabalham para o desenvolvimento do agronegócio e dão apoio ao homem do campo. “Estamos muito felizes com estes resultados e com a produção agropecuária de Toledo, que é muito expressiva, tanto na produção de grãos como animais, gerando emprego e renda para o município”, detalha. Para o secretário de Agricultura e Abastecimento, Eloir Pape, os resultados positivos se devem às características do município, desde a distribuição fundiária, com pequenas propriedades rurais, muito produtivas, à produção de animais, especialmente avicultura, com 29,8% do total, suinocultura, entre outros, além da produção de grãos, com 19,8% do total. Ele também ressaltou a contrapartida do governo federal, acompanhando e atuando na fiscalização, do governo municipal, au-

xiliando com estradas e condições para a permanência do produtor no campo, produzindo e com qualidade de vida, a infraestrutura agropecuária com frigoríficos e armazéns para depósito de grãos, o solo e clima favoráveis da região e a força de trabalho do homem do campo.

Com relação à finalidade dos recursos, R$ 5.952.185.590 serão aplicados em custeio e comercialização e R$ 1.383.440.258 em investimento. Para os produtores de soja, o Banco do Brasil disponibilizará uma nova ferramenta de proteção à lavoura. Trata-se do BB Seguro Agrícola Faturamento, que garante a diferença a menor ocasionada por eventos climáticos e também o ressarcimento da redução de receitas causadas pela variação do preço da commodity no mercado. O seguro tem isenção de IOF e subsídio federal de 50% do valor do prêmio, em média. Outra novidade é que, a partir desta safra, o BB vai utilizar os recursos da Poupança Rural (MCR 6.4) para financiar projetos de investimento agropecuários, nas mes-

Lariane Paludo

CRESCIMENTO O VBP de Toledo, conforme avalia Paulo Oliva, técnico do Deral de Toledo, cresceu 10% em relação ao índice anterior. “Tivemos uma safra cheia em 2009/2010, com culturas de verão e de inverno excelentes, além de preços favoráveis para a comercialização de grãos e animais. Os dados positivos favoreceram o crescimento do VBP no Estado e também na região”, destaca. Com altos índices de produtividade, o retorno da liderança do município no VBP do Estado é fruto da recuperação da produção de grãos, que no ano anterior havia passado por uma estiagem. Para o próximo ano, no entanto, ele projeta índices mais pessimistas, considerando as geadas dos últimos dias, que atingiram o milho safrinha, assim como a queda no preço da exportação de suínos por conta do embargo da Rússia à carne brasileira.

BB destina mais de R$ 7,3 bilhões para safra do Paraná A presidenta Dilma Rousseff, os ministros da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Wagner Gonçalves Rossi, e do Desenvolvimento Agrário (MDA), Afonso Florence, e o vice-presidente de Agronegócios do Banco do Brasil, Osmar Dias, participam hoje (1º), em Francisco Beltrão, do lançamento do Plano Safra 2011/2012. Também a partir de hoje, as agências do Banco do Brasil, principal agente de crédito do governo federal, começam a liberar crédito para financiar a safra agrícola 2011/2012. Para os produtores do Paraná, o BB vai desembolsar o total de R$ 7.335.625.848, volume 17,24% superior ao disponibilizado na safra anterior. Desse total, R$ 5.971.510.999 destinam-se à agricultura empresarial e R$ 1.364.114.848,00 à agricultura familiar.

DIA DE CAMPO DE MILHO

mas condições oferecidas pelo BNDES para os programas ABC, Moderagro, Moderinfra, Prodecoop e Procap-Agro. PERFIL Segundo a Agência Estadual de Notícias, 81,6% dos 371.051 estabelecimentos agropecuários existentes no Paraná se enquadram na categoria de agricultura familiar. O BB no Paraná liberou na safra que encerrou ontem (30), cerca de R$1,133 bilhão para a agricultura familiar, através das linhas de custeio e investimento do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). Segundo o Superintendente Estadual do Paraná, Paulo Roberto Meinerz, a previsão é elevar a contratação da agricultura familiar no Estado em 20% para o próximo ano-safra.

O clima frio e chuvoso de terça (28) e quarta-feira (29) não impediu os produtores de buscarem novas tecnologias durante o Dia de Campo do Milho da I.Riedi. O evento aconteceu na unidade demonstrativa, situada em Toledo, e contou com a presença de empresas de sementes de milho, químicos e nutrição e teve a participação de cerca de 450 pessoas convidadas. Entre as novidades, foram apresentados híbridos de milho mais produtivos, nutrição de plantas e fungicidas para melhor controle de doenças do milho, como ferrugens e manchas foliares. As empresas produtoras de sementes trouxeram inovações em biotecnologia, que diminuem a área de refúgio para 5%, mantendo o limite de proteção necessária. Também divulgaram eventos futuros com cinco genes, que controlam a lagarta e as plantas daninhas, e ainda com qualidade de grão superior.


AGRONEGÓCIO

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

O PRESENTE | 19

SAFRA 2011/2012

CMN aprova ampliação de custeio para milho, suínos e aves Limite máximo de custeio no ciclo 2011/2012 para o milho pode chegar a R$ 1,15 milhão

O

s produtores rurais poderão ter um limite de custeio adicional de até R$ 500 mil na safra 2011/ 2012. Medida aprovada ontem (30), pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), estabelece que quando o agricultor plantar outras culturas e milho poderá acessar esse valor a mais, além dos R$ 650 mil já previstos no Plano Agrícola e Pecuário da nova safra, que começa hoje (1º). Com isso, o limite máximo de custeio no ciclo 2011/2012 pode chegar a R$ 1,15 milhão. “A medida vai

beneficiar principalmente produtores que alternam o plantio de soja e outras culturas com o milho. Esse ajuste no Plano Agrícola era necessário para que esse grupo continuasse a ter acesso ao crédito com juros controlados de 6,75% ao ano”, explica o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, José Carlos Vaz. O plano foi anunciado no dia 17 de junho pela presidenta Dilma Rousseff e pelo ministro da Agricultura, Wagner Rossi. Hoje (1º), a presidenta faz o lançamento do Plano Safra no Paraná, em Francisco Beltrão.

MAIS MUDANÇAS O CMN também autorizou outras alterações no Plano Agrícola, que irão tornar o crédito rural mais atrativo para o produtor. Uma delas é o aumento do limite

de contratação para criadores de suínos e aves. O produtor que atuar com duas ou mais atividades integradas poderá ter limite de crédito elevado em até 100%, chegando a R$ 140 mil. O aumento do limite de crédito de comercialização por meio de agroindústrias também foi aprovado. Para o produtor esse valor passa a ser de R$ 1,3 milhão e para as agroindústrias e unidades de beneficiamento ou industrialização, não vinculadas a cooperativas de produtores rurais, o limite passa a ser de R$ 40 milhões. Outra mudança importante no Plano Agrícola foi a elevação do valor máximo que pode ser contratado pelo Programa de Modernização da Agricultura e Conservação de Recursos Naturais (Moderagro). Agora, o limite de

crédito coletivo passa a ser de R$ 1,8 milhão, R$ 600 mil a mais que o autorizado anteriormente.

MÉDIO PRODUTOR O Conselho Monetário aprovou também condições mais favoráveis para o Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor (Pronamp). Os agricultores enquadrados no Pronamp poderão fazer a renovação simplificada. A medida é válida para os produtores que já acessam o programa. Após quitarem o financiamento, o acesso ao novo crédito poderá ocorrer sem a necessidade de firmar um novo contrato. Os bancos vão exigir apenas um orçamento simplificado contendo a atividade que será desenvolvida no ciclo, o valor a ser contratado e o cronograma de desembolso.

Dívidas agrícolas são prorrogadas por mais 60 dias O governo federal prorrogou o pagamento das dívidas de crédito agrícola dos produtores familiares que têm vencimento nos próximos 60 dias. A medida foi anunciada quarta-feira (29), em Brasília, durante uma reunião no Ministério da Fazenda entre entidades representantes dos agricultores e membros do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), da Casa Civil, e do secretário-geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho. As medidas anunciadas atenderam parte das reivindicações dos pequenos produtores, que ontem (30) realizaram uma mobilização em Porto Alegre, a fim de pressionar

o governo por uma solução para o problema. Cerca de 500 produtores ocuparam, pela manhã, o pátio da Receita Federal e da sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). “Tivemos avanços significativos, porque até então a União sequer admitia falar em renegociação”, afirmou Carlos Joel da Silva, vice-presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag-RS), que esteve à frente da manifestação. O protesto também envolveu a Via Campesina e a Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar (Fetraf). No encontro em Brasília, foi acertado que todas as dívidas de investimentos das safras anteri-

ores ao período 2009-2010, com vencimento nos próximos dois meses, serão prorrogadas por 60 dias. Os agricultores terão direito de postergar o pagamento apresentando pedido aos bancos, sem necessitar de laudo técnico. Além disso, os pequenos produtores que estão nesta situação poderão acessar o Plano Safra 2011/2012.

ENDIVIDAMENTO Também foi determinada a criação de um grupo de trabalho sobre endividamento, que deve fazer um levantamento para encontrar soluções para o problema até o dia 20 de julho. Apenas no Rio Grande do Sul, segundo a Fetag-RS, os produtores rurais possuem R$ 650

milhões em dívidas de investimentos a pagar até o final de 2011. Deste total, até R$ 400 milhões possuem vencimento para julho e agosto. Outra reivindicação atendida pelo governo foi a prorrogação concedida aos agricultores familiares dos municípios que decretaram estado de emergência por causa da estiagem em 2009, cujos contratos tinham vencimento em junho de 2011. Agora, a primeira parcela de R$ 500 ficou para o dia 30 de novembro, e as seguintes, no vencimento do contrato em 2012, 2013 e 2014. A resolução do Conselho Monetário Nacional (CMN) será publicada no Diário Oficial da União de hoje (1º).

Produtores ganham mais 6 meses para aplicação da Normativa do Leite O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento prorrogou por seis meses a entrada em vigor da próxima etapa da Instrução Normativa nº 51, prevista para ser aplicada a partir de hoje (1º). A legislação determina novos parâmetros de qualidade para produção do leite nacional. A norma exigiria a redução em 87% da contagem total de bactérias e em 50% a contagem de células somáticas presentes em cada mililitro de leite. Com isso, o limite de contagem bacteriana total (CBT), que atualmente é de 750 mil Unidades Formadoras de Co-

lônia (UFC) por mililitro, baixaria para 100 mil UFC/ml com relação à contagem de células somáticas (CCS), o teto passaria de 750 mil células/ml para 400 mil/ml. A alegação de indústrias e entidades do setor é que, se a legislação fosse adotada de imediato, grande parte dos produtores brasileiros ficaria excluída do mercado. De acordo com o presidente da Associação Leite Oeste, de Marechal Cândido Rondon, Romeu Hepp, os produtores sugerem que seja feita uma redução gradual dos índices a cada ano, até que a meta seja atingida.

Outros obstáculos apontados pela cadeia são as condições das estradas vicinais, aporte de energia elétrica insuficiente e irregular em algumas regiões, além da falta de acesso à tecnologia e financiamento para aquisição de resfriadores, bem como treinamento para pequenos produtores sobre melhoria das condições de ordenha e produção. Segundo o diretor do Departamento de Inspeção e de Produtos de Origem Animal (Dipoa), Luiz Carlos de Oliveira, um grupo técnico composto por

representantes do Ministério da Agricultura, de empresas, universidades, Embrapa, Confederação de Cooperativas, da Rede Brasileira de Laboratórios de Controle da Qualidade do Leite (RBQL) e da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) deverá ser constituído para estabelecer, no prazo de seis meses, os critérios de participação e as responsabilidades dos elos da cadeia produtiva, e propor os parâmetros de qualidade com base nos resultados das avaliações técnicas realizadas até agora.

Faep reúne lideranças rurais na segunda-feira O vice-presidente de Agronegócios do Banco do Brasil, Osmar Dias, e o secretário estadual da Agricultura, Norberto Ortigara, participam na segunda-feira (04), a partir das 08h30, do Encontro das Comissões e Lideranças Rurais da Federação da Agricultura do Paraná (Faep), no Hotel Four Points by Sheraton, em Curitiba. O secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), José Carlos Vaz, e o economista sócio da MB Associados, José Roberto Mendonça de Barros, estão entre os palestrantes do encontro. O objetivo do evento é discutir o Plano Safra 2011/2012 e o lançamento do Seguro de Faturamento. Na reunião, o presidente do Sistema Faep, Ágide Meneguette, apresentará uma análise da economia rural no país e as expectativas na produção agropecuária. Também é palestrante do encontro o secretário de Estado da Agricultura do Paraná, Norberto Ortigara, que vai falar sobre “Política para Seguro Rural no Paraná”, enquanto Osmar Dias discorrerá sobre “Lançamento do Seguro de Faturamento”.


POLICIAL

20 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

HOMICÍDIO EM TOLEDO

Rapaz se apresenta à polícia e diz que foi vítima de roubo Denis Murilo Zenin confessou ter brigado com Ronaldo Adriano Felix, quando este lhe constrangia com uma arma

O

trabalhador Denis Murilo Zenin, 22 anos, se apresentou ontem (30) à Polícia Civil de Toledo e admitiu estar envolvido na confusão que resultou na morte de Ronaldo Adriano Felix. A vítima foi morta na noite de terça-feira (28), no Jardim Panorama. Na 20ª Subdivisão Policial, o investigado foi ouvido pelo escrivão Vilmar. Em resumo, Denis, que não tem passagem pela polícia, disse que havia dado carona para um cunhado e que Ronaldo entrou em seu veículo, um Golf, no mesmo momento, sem ser convidado. Po-

rém, por estar próximo de seu cunhado, Denis disse que acreditou que Ronaldo fosse amigo do irmão de sua namorada. O cunhado foi deixado perto de um colégio e Denis e Ronaldo ficaram a sós no carro. Ronaldo então teria apontado uma arma para Denis e feito ele se deslocar até uma estrada no sentido a Cascavel. Perto da saída de Toledo, Denis disse a Ronaldo que o carro estava quase sem combustível. Ronaldo então teria mandado Denis sair do carro, momento em que este jogou a chave do veículo e o primeiro teria dito que iria matá-lo. Quando Ronaldo foi pegar a chave no chão, os dois entraram em luta corporal. Na luta teriam sido efetuados quatro disparos, quando a arma estava em posse de Ronaldo. Posteriormente, este teria largado a arma com Denis e saiu correndo. Denis diz que não tinha visto que o

rapaz tinha sido ferido. A arma que teria sido usada no crime, um revólver 38, foi entregue à polícia. O investigado responde o procedimento em liberdade.

modelo padrão para as próximas delegacias, que será seguido pela Secretaria em todo o Estado; e entrega de medalhas aos policiais com dez, 20 e 30 anos de carreira - 39 policiais das duas subdivisões foram agraciados com uma comenda de bronze, prata e ouro, de acordo com o tempo na polícia. Na manhã de hoje, uma reunião com os papiloscopistas do Instituto de Identificação e delegados também será realizada. Na ocasião, será relatado como os trabalhos nas regionais estão sendo realizados, bem como novas informações serão repassadas. Acompanham o delegado Michelotto o diretor do Instituto de Identificação do Paraná,

Newton Tadeu Rocha, e o chefe da Divisão Policial do Interior, delegado Júlio Reis.

VERA CRUZ O diretor do Instituto de Identificação estará na tarde de hoje na cidade de Vera Cruz do Oeste. Ele inaugura o sistema informatizado de emissão das carteiras de identidade. Apenas 20 municípios em todo o Estado possuem este sistema, sendo 13 na regional de Toledo, incluindo o município. Com este processo, a carteira de identidade demora para chegar ao cidadão de três a cinco dias úteis, dependendo da demanda. Normalmente leva de 45 a 60 dias.

Moto foi encontrada abandonada

Dois assaltos foram registrados na noite de quarta-feira (29), em Toledo. O último ocorreu por volta das 21 horas, na Rua Epitácio, no centro. Três indivíduos, sendo um loiro e dois morenos, armados com uma pistola e dois revólveres, entraram numa residência e deram voz de assalto. Os elementos amarram e amordaçaram as vítimas e as colocaram num quarto. As vítimas conseguiram se libertar somente no início da madrugada de ontem (30), quando acionaram a Polícia Militar. Os assaltantes fugiram do local com o Corsa, ano 1999, cor branca, placas HPD-0047, a motoneta Sundown, ano 2006, cor preta, placa LVZ3295, um televisor 42”, um computador, um aparelho de DVD, um micro-ondas, dois celulares, um videogame, um botijão de gás, entre outros objetos. A mo-

toneta foi encontrada abandonada ainda na madrugada de ontem, na Rua 1º de Outubro, no Bairro Boa Esperança.

PRIMEIRO O primeiro assalto da noite foi registrado por volta das 18h35. O crime ocorreu na Rua 1º de Maio, na Vila Pioneiro, onde dois indivíduos, de posse de uma moto YBR prata, chegaram num estabelecimento comercial. Um deles estava armado com revólver. A dupla roubou cerca de R$ 200 do caixa e fugiu.

GUAÍRA Já em Guaíra, na tarde de quarta-feira (29), dois elementos de touca e armados de espingarda entraram numa empresa na Avenida Martin Luther King, no Jardim Guaíra. Eles roubaram aproximadamente R$ 70 e fugiram.

Licor de butiá

DROGAS QUEIMADAS Radarbo

Ontem (30), policiais civis destruíram cerca de uma tonelada de drogas que estavam recolhidas na 20ª Subdivisão Policial de Toledo. De acordo com a polícia, foram queimados cerca de 1.240 quilos de drogas, sendo cinco quilos de crack, aproximadamente 500 gramas de cocaína e o restante de maconha. A incineração foi realizada nos fornos de uma empresa localizada na saída de Toledo para Ouro Verde do Oeste.

Radarbo

MORTE A morte foi registrada por volta das 20h15, na Rua Senador Rubens de Melo Braga. A polícia foi informada que num terreno estava um homem agonizando. O Corpo de Bombeiros esteve no local e constatou que Ronaldo estava ferido nas costas. O rapaz morreu no local. O Instituto Médico Legal informou que a vítima morreu com um tiro nas costas. Ainda na noite do crime os policiais receberam a informação de que cerca de uma hora antes de Ronaldo ser encontrado, foram ouvidos aproximadamente cinco disparos na região da Rua Willy Barth, perto do local da morte.

Delegado-geral da Polícia Civil está na região e vem a Toledo Em menos de uma semana, o delegado-geral da Polícia Civil do Paraná, Marcus Vinicius Michelotto, está novamente na região Oeste. A visita de dois dias, ontem (30) e hoje (1º), conta com uma agenda cheia de compromissos, inclusive em Toledo. A assessoria de imprensa da Polícia Civil confirmou a vinda do delegado-chefe à sede da 20ª Subdivisão Policial (SDP) na tarde de hoje. Ontem, Michelotto esteve reunido com todos os delegados das subdivisões de Toledo e Cascavel. Em pauta, o balanço dos seis meses de atuação no comando geral da Polícia Civil; apresentação do

Dois assaltos são registrados em Toledo durante a noite

Um homem procurou a Polícia Militar de Santa Helena na noite de quarta-feira (29) para informar que teve seu boné tomado, mas que recuperou um litro de licor de butiá que havia “perdido”. A vítima contou que um rapaz passou pela sua barraca na feira de produtor rural e furtou o litro. O infrator foi em direção à Avenida Brasil e a vítima foi à sua procura. O rapaz foi encontrado com o litro e a vítima o tomou, no entanto, ele pegou um boné da vítima e fugiu, não sendo mais encontrado.

Operação Nicot A Polícia Federal desenvolveu ontem (30) a Operação Nicot, para repressão ao contrabando de cigarros. Ao todo, foram cumpridos 17 mandados de busca e apreensão e sete mandados de prisão, sendo três contra servidores da Polícia Civil do Paraná. Além destas prisões, cinco pessoas foram detidas em flagrante durante a ação. As buscas ocorreram em Curitiba, Faxinal e Campo Mourão. No período de investigação, 14 pessoas já haviam sido presas e aproximadamente duas mil caixas de cigarros contrabandeados foram apreendidas.


POLICIAL

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

O PRESENTE | 21

DROGAS

Pais falam do drama de ter filhos viciados em casa Mãe diz que chegou ao ponto de colocar o filho para fora de casa. A atitude deu cer to e ele está livre há quatro meses

U

m “barato” que custa lágrimas das pessoas que nos trouxeram ao mundo. Enquanto muitos jovens se aventuram nas ruas em busca de novas experiências, algumas delas quase sempre sem volta, como o crack, pais sofrem ao ver seus planos para os filhos falharem. Aquele menino que gostava de jogar bola, pescar, namorar,

brincar, passa a andar com pessoas estranhas, se comportando como um animal pela “pedra da morte”. Os planos dos pais mudam e aqueles que sonhavam em ter seus filhos formados, com uma carreira brilhante, passam apenas a rezar para não receber a ligação à noite com a notícia que ninguém quer receber: da morte. A reportagem do Jornal O Presente conversou ontem (30) com alguns pais sobre a experiência dramática de ter um filho usuário. O que se pode perceber é que todos os valores de uma família são colocados em risco quando o crack entra em casa e que a luta por uma vida melhor passar a ser apenas pela sobrevivência.

Pai não consegue mais conversar com filhos: “é só palavrão”, diz O pai de dois meninos de 15 e 19 anos passa pela fase mais difícil: seus filhos começaram a usar drogas há pouco e ainda não largaram o vício. O de 15 está na 5ª série, já foi apreendido por furto três vezes e usa drogas há cerca de oito meses. Já o de 19 anos estudou até a 7ª série, está nas drogas há pouco mais de um ano e já foi preso por furto. O “lucro” dos crimes ficou na mãos dos traficantes e desapareceu no organismo dos jovens. O adolescente presta serviços à comunidade e o maior trabalha. O pai diz que os filhos têm a casa como pouso, só para dormir e comer. “Eles não se interessam pelo estudo. O menor saía para escola e ia atrás de porcaria (droga)”, lamenta o pai. Ele descobriu que os filhos eram usuários ao encontrar maconha e crack na roupa dos jovens. “Um me disse que usava maconha, mas não crack”, comenta o pai, desacreditado. Para ele, o filho de 19 anos atraiu o menor para o vício. “Bater não adianta, conselho não ajuda”, se desespera. Depois que começaram a usar drogas, o pai conta que seus meninos ficaram nervosos, não conversam mais. “Eles logo xingam e vão para a rua. Não tem mais diálogo”, expõe. O homem senPai espera seus filhos de 15 e 19 anos te falta de um lugar para para ir pescar com eles novamente. deixar os filhos se tratanJovens só param em casa para do. “Antes meus filhos comer e dormir estudavam, me respeitavam. Nós brincávamos, saíamos juntos, íamos pescar, trabalhávamos, agora não tem mais conversa, só palavrão”, lamenta. O pai menciona que tem medo dos traficantes. “Tenho medo deles aprontarem com meus filhos, porque, na maioria das vezes, os meninos não têm dinheiro. O dinheiro que tem vai tudo lá (na boca), não tem dinheiro que chega”, ressalta. “Nunca consigo dormir à noite, é só escutar uma ambulância que começa a aflição”, descreve. Objetos da casa, como botijão de gás e roupas, foram consumidos pelos jovens, diz o homem. “Tem até casaco penhorado com traficante”, comenta. O homem, porém, tem esperança de que seus meninos consigam sair das drogas. Ao ser questionado se sente culpado por algo na educação, ele declara que seus meninos ficaram muito livres, pois ele precisava trabalhar. “Isso foi a amizade. Eles nunca tiveram colegas que prestavam”, admite.

Mulher teve que mudar de residência por medo de traficantes

Fotos: Luciano Caetano/OP

Em sua residência humilde, a mãe de um adolescente de 15 anos, que tenta se libertar do vício do crack, recebeu a reportagem de O Presente. Durante toda a entrevista a mulher ficou cabisbaixa, desconfiada, mas falou da sua tristeza. O menino dela está fora da cidade, recebendo ajuda para se recuperar. Antes de sair do município, foi tentado tratamento do adolescente com um psiquiatra. O médico indicou medicação para ser dada em casa, mas o plano não funcionou e agora a mãe não demonstra fé no tratamento que está sendo dado para seu filho fora de Marechal Rondon. A mulher contou que o adolescente estudou apenas até a 5ª série, tinha dificuldades de aprender e várias confusões na instituição de ensino. O menor tem outros dois irmãos e apenas teve o cuidado de sua mãe, que trabalha fora. “Descobri que ele usava crack quando ele tinha 14 anos. Uma senhora de idade, mãe de um usuário que andava com meu filho, me alertou. Ela disse para eu ir atrás, cheirar as roupas dele. Um dia ele dormiu fora, cheirei a roupa dele e percebi algo diferente, mas ele negou que estava usando. Depois fui atrás dele e o encontroei usando crack com outros meninos perto da escola”, conta a mãe. “Um dia ele saiu, voltou e escondeu a carteira de cigarro. Achei estranho, encontrei a carteira e nela duas pedras de crack”, complementa.

PERIGO

A partir de então, a mãe diz que sua vida mudou totalmente. Aqueles que pareciam ser amigos de seu filho e frequentavam sua casa se tornaram um perigo, causando medo. A mulher teve que sair da casa onde morava pelo risco que estava correndo e por orientação da polícia. O comportamento do filho também causava espanto. “Ele entrava em casa à noite, achava que estava sendo perseguido, trancava as janelas”, diz a mulher, referindo-se às alucinações do menino. Segundo a mãe, o adolescente não é violento. Ela,

Mãe segura o porta retrato dado a ela pelo filho de 14 anos quando o menor ainda não conhecia as drogas

contudo, notava falta de coisas dentro de casa, trocadas pelo menor para manter o vício. “Os trocadinhos que eu tinha escondia, mas não sei como ele achava”, lembra. Questionada se errou na educação do menor, a mulher diz que deu tudo o que pôde. “Dava o que podia, roupa, comida, calçado. Ele sabia da minha situação. Tudo começou com a má companhia”, acredita. A rondonense revelou que sofre de depressão e que o problema se agravou com o filho usuário. A reportagem pediu para a mãe a imagem mais bonita que ela tinha do filho antes das drogas. Ela disse que o menino, quando tinha seus 11 anos, gostava muito de animais, especialmente de galisé. “Sei que isso não volta mais”, reconhece. “Hoje tenho medo de meu filho sair na rua, dele ser morto. Não posso ficar com ele”, diz, chorando. “Não sei se ele vai conseguir sair dessa. Muitos saem, mas depois voltam”, lamenta. Há cerca de quatro meses o menino está em tratamento. “Ele não ia na igreja e agora é evangélico, traz a bíblia para dentro de casa. Podia ir para outro lugar, mas todo lugar tem droga”, conclui.

"Meu filho perdeu a juventude", lamenta mãe de rapaz de 24 anos “O que me dói é saber que ele perdeu sua juventude”, diz a mãe de um rapaz de 24 anos, que há quatro meses está longe das drogas. Ela contou à reportagem de O Presente que o rapaz começou usar drogas aos 13 anos, quando largou os estudos e experimentou quase de tudo, “terminando” com o crack, a partir de quando ocorreu o estado crítico. A atitude mais ousada da mãe foi colocar o filho para fora de casa, em dezembro passado. “Doeu, mas deu certo. Ele ficou cerca de 30 dias perambulando pelas ruas. Eu dava comida para ele, mas não o deixava entrar em casa. Foi quando me pediu ajuda novamente e então o mandei para uma chácara em Minas Gerais. Lá ele conseguiu se livrar”, conta. A mãe está crente de que o filho está curado. Ele já havia passado por cerca de oito internamentos. “Ele saía do internamento, ficava 30 dias sem drogas, mas logo caía de novo”, lembra. “Em casa eu tinha que vigiar ele direto. Chegou ao ponto de usar crack dentro de casa, no banheiro”, relata. As drogas levaram tudo da senhora, “só a alma que não”. “Ele pedia dinheiro, se não desse, 'custava' alguma coisa”, relata. “Me levou um caminhão cheio de coisas. Minhas joias foram todas, hoje não tenho nenhum anel”, conta. “Roupa comprava num dia e noutro não tinha mais”, complementa. A mãe passou por momentos de medo, quando traficantes batiam na porta de sua casa com ameaças. “Nos últimos tempos meu filho me ameaçava, dizia que se eu não desse dinheiro ele iria quebrar tudo”, lembra. Após todo este drama, ela

Mãe com o barco feito pelo filho de 24 anos numa chácara de recuperação. “Prefiro enfrentar um câncer do que ter que passar por tudo isso de novo”

acha que o pesadelo passou e que “tem seu filho de volta”. “Eu não tinha mais esperança, mas agora não tenho mais medo. Ele também perdeu muita gente que gostava e conseguiu reconquistar, está dando valor para isso”, explica. A mulher não se culpa pelo filho, pois criou outra filha que não tem o problema. “Ninguém está livre disso, rico, pobre. Melhor não jogar pedra longe”, alerta.


ESPORTES

22 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

ATÉ 09 DE JULHO

Jogos Escolares: fase final começa hoje com 9,5 mil alunos amanhã (02) pela manhã em todas as modalidades coletivas e mais na natação e taekwondo. Os campeões dos Jogos Escolares se credenciam para representar o Paraná nas Olimpíadas Escolares Brasileiras, nos dois sexos, nas modalidades inseridas na competição nacional. Para os alunos de 12 a 14 anos a disputa será em João Pessoa (Paraíba), de 09 a 18 de setembro, e para os alunos de 15 a 17 anos, em Londrina, de 02 a 11 de dezembro.

Campeões se credenciam para representar o Paraná nas Olimpíadas Escolares Brasileiras

A

fase final dos 58º Jogos Escolares do Paraná (JEPs) começa na noite de hoje (1º), com a solenidade de abertura em cinco das seis sedes, e vai até 09 de julho. Participam cerca de 9,5 mil alunos em 14 modalidades (atletismo, basquete, ciclismo, futebol, futsal, ginástica rítmica, handebol, judô, natação, taekwondo, tênis de mesa, vôlei, vôlei de praia e xadrez) no ensino regular, além dos alunos com necessidades educacionais especiais (NEE). As disputas têm início

FASES

Na maioria das modalidades, os finalistas já passaram por três fases: a municipal, nos 399 municípios do Paraná; a regional, nos 32 núcleos regionais de Educação; e a macrorregional, em oito sedes, além da seleção intraescolar, em mais de três mil estabelecimentos de ensino públicos e privados. Nessas eta-

pas foram eliminados mais de 200 mil concorrentes.

STOCK CAR

CRITÉRIOS

Entre as modalidades individuais, algumas utilizaram outros critérios de classificação, como o ciclismo, ginástica rítmica, judô, natação e taekwondo, bem como algumas provas de atletismo, e esses atletas estão entrando direto na fase final. Sem participar das etapas anteriores, também entram direto na fase final os campeões do ano passado nas modalidades coletivas e os representantes das cidades-sedes da final nas modalidades disputadas em seu município. Entre os alunos com necessidades educacionais especiais, entraram direto na final os das modalidades de basquete, bocha, goalball, judô, natação, tênis de mesa e xadrez. Fotos: Divulgação

Divulgação

Os irmãos Rodrigo e Ricardo Sperafico voltarão a se encontrar no grid da Stock Car neste final de semana, no Rio de Janeiro. Ricardo acertou sua volta à categoria e vai disputar a etapa carioca - a sexta da temporada - e a Corrida do Milhão, em Interlagos (SP), ao lado do irmão. O primeiro contato dos irmãos Sperafico com o autódromo de Jacarepaguá será feito hoje (1º). Os treinos livres da corrida do Rio de Janeiro estão marcados para começar às 11h40. A largada da sexta etapa da temporada será no domingo (03), às 11 horas, com transmissão do Sportv e compacto com a chegada ao vivo na Rede Globo, dentro do Esporte Espetacular.

Liga Nacional Alunas do judô de Quatro Pontes, que estão na fase final dos Jogos em Tibagi

Regional em São João do Ivaí Modalidades Individuais Atletismo Ciclismo Ginástica rítmica Judô Natação Taekwondo Tênis de mesa Xadrez Coletivas Basquete Futebol Futsal Handebol Vôlei Vôlei de praia Total

Atletas 2.750 67 105 203 398 116 287 351

864 1.296 864 1.008 864 408 9.595 atletas

Regional de Ponta Grossa Carambeí (voleibol e vôlei de praia) Castro (futsal e tênis de mesa) Palmeira (futebol) Ponta Grossa (basquete, ciclismo, ginástica rítmica, handebol, natação e xadrez) Tibagi (judô e taekwondo)

Regional de Curitiba Curitiba (atletismo, bocha e goalball)

Equipe do futsal MB do Colégio Cristo Rei está em Castro, onde disputa a fase final dos Escolares

Marechal Cândido Rondon nos Escolares Voleibol FA - Carambeí Grupo A Amanhã (02) 16h00 Martin Luther x Domingo (03) 14h00 Martin Luther x Segunda-feira (04) 17h00 Martin Luther x Voleibol FB Grupo E Domingo (03) 16h00 Martin Luther Segunda-feira (04) 15h00 Martin Luther Voleibol MA Grupo B Sábado (03) Ceretta Domingo (04) 15h00 Ceretta Segunda-feira (04) Ceretta Futsal MB - Castro Grupo B Sábado (02) 13h30 Cristo Rei Domingo (03) 15h30 Cristo Rei

Joaquim Távora Paranaguá Carambeí

x

Guarapuava

x

Paraná City

x

Irati

x

Siqueira Campos

x

Campo Mourão

x

Telêmaco Borba

x

Pato Branco

Basquete MA - Ponta Grossa Grupo D Sábado (02) 15h15 Frentino Sackser x Londrina Domingo (03) 17h45 Frentino Sackser x Castro

Neste domingo (03) acontece o penúltimo jogo da Copagril/ Faville/DalPonte/Marechal Cândido Rondon na primeira fase da Liga Nacional de Futsal. O time joga contra o São José, fora de casa, a partir das 11 horas. Na quarta-feira (06) será o último jogo, quando a equipe rondonense enfrenta o Concórdia, em Santa Catarina, a partir das 19h15. Ontem (30), a Copagril jogava contra o Minas, em Belo Horizonte. Até o encerramento desta edição o jogo não havia terminado.

Fifa adia definição do calendário da Copa Diante dos atrasos das obras no Brasil para a Copa do Mundo de 2014, a Fifa decidiu adiar para outubro o anúncio de onde será a abertura do Mundial. As cidades-sedes, a divisão dos grupos da primeira fase e até mesmo a data de início da competição também foram postergadas. A Fifa havia prometido às federações de todo o mundo e aos patrocinadores que a indefinição sobre o Brasil seria encerrada finalmente no dia 28 de junho. O objetivo da entidade era fazer não apenas o sorteio das Eliminatórias, como também os anúncios sobre a organização do Mundial. O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, havia estabelecido como meta o final de julho e Joseph Blatter, presidente da Fifa,

chegou a fazer ameaças se a data não fosse respeitada. Mas nada disso foi suficiente. Em um e-mail, a Fifa indicou que “não há a necessidade de uma reunião do Comitê Organizador da Copa do Mundo antes do sorteio preliminar”. A declaração contradiz o que a Fifa havia dito antes. A medida soa como represália depois de a Câmara retirar os superpoderes previstos para a entidade no Regime Diferenciado de Contratações Públicas (RDC). A Fifa promete festas e cantores famosos no dia 28 julho, em evento já confirmado para acontecer na Marina da Glória, no Rio. O evento, que marcará o sorteio das Eliminatórias, é considerado o pontapé inicial para a Copa de 2014.


ESPORTES

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

O PRESENTE | 23

NA ARGENTINA

Copa América começa hoje e Brasil se prepara para estreia Ricardo Matsukawa/Terra

Seleção Brasileira enfrenta a Venezuela, domingo (03), às 16 horas, em La Plata

O

técnico Mano Menezes testou ontem (30), pelo quinto dia seguido, seu time titular para a Copa América. A atividade realizada no Hotel Sofitel La Reserva Cardales teve evolução no ataque e o treinador mais uma vez não fez experiências, postura que prova a sua convicção para o time que considera

ideal para o torneio. Depois de quatro dias focando a preparação física e técnica, Mano Menezes dividiu titulares e reservas pela primeira vez no domingo e, desde então, em todas as atividades manteve a formação. Ontem, em campo reduzido, os titulares venceram por 2 a 0, com gols de Alexandre Pato e Neymar. Na última terça-feira (28), o placar ficou no 0 a 0 e o ataque parou por diversas vezes nos goleiros reservas. Desta forma, não há dúvidas de que o Brasil estreia contra a Venezuela, neste domingo (03), às 16 horas, em La Plata, com a

seguinte formação: Julio César; Daniel Alves, Lúcio, Thiago Silva e André Santos; Lucas Leiva, Ramires e Paulo Henrique Ganso; Robinho, Alexandre Pato e Neymar. PEGADO O treino foi marcado por uma rápida discussão entre Robinho e Elias, após uma dividida entre os dois. “Você tá maluco?”, disse o atacante, irritado com a entrada mais dura que o convencional. David Luiz se aproximou para acalmar os ânimos e mais tarde ambos se abraçaram selando a paz.

Robinho e Elias entram em dividida durante treino da Seleção, ontem (30): após, houve uma rápida discussão entre os dois

CBF confirma aumento de Renato chora ao ter sua premiação na Copa América saída oficializada do Grêmio Ricardo Matsukawa/Terra

Confederação Brasileira de Futebol (CBF) confirmou ontem (30) um aumento no valor da premiação da Copa América de 2011 em relação ao torneio disputado em 2007, na Venezuela. O jornal Folha de S. Paulo divulgou o valor de R$ 180 mil para cada jogador, mas o diretor de comunicações da entidade, Rodrigo Paiva, disse que não anunciará a quantia. A premiação está fixada em dólares (seria de US$ 100 mil) e, segundo Paiva, o aumento é justificado pela valorização do real frente à moeda americana. Na disputa da última Copa América, cada jogador ganhou R$ 120 mil pelo primeiro título da era Dunga. Rodrigo Paiva ainda disse que o assunto foi acertado ain-

Valor da premiação foi acertado entre Mano Menezes e os atletas ainda no Brasil

da no Brasil entre Mano Menezes e os jogadores. O treinador, assim como a comissão

técnica, também receberão premiação em caso de conquista na Argentina.

Batista diz que Argentina tem obrigação de vencer O técnico da Argentina, Sergio Batista, comentou a participação da seleção na Copa América, que acontece no país a partir de hoje (1º). O técnico assegurou que, além de a equipe ter a obrigação de vencer o torneio, a conquista será muito importante. “A Argentina é sempre obrigada a fazer sucesso, ainda mais aqui. É muito im-

portante ser campeão da Copa América. Ainda que a Copa do Mundo seja mais importante, é o que todos nós queremos”, disse Batista em referência ao Mundial de 2014, no Brasil. Sobre Messi, Batista comentou que é uma vantagem muito boa poder contar com o melhor jogador do mundo em seu time, mas faz ressalvas. “É preciso ter uma equipe dando

suporte a Messi, temos de cercá-lo para que se sinta à vontade. Messi deveria ter outro reconhecimento pelo que faz pelo time. Contra a Albânia, fez coisas de encher os olhos, não está identificado com um clube argentino, mas vai chegar ao reconhecimento que merece. Acho que fará uma grande Copa América”, disse.

O Grêmio oficializou na tarde de ontem (30) a saída do técnico Renato Gaúcho. Após se despedir do grupo de jogadores, o treinador confirmou o adeus em uma entrevista coletiva no Olímpico na qual não conseguiu conter a emoção e chorou muito. Com a voz embargada, o treinador afirmou que será eternamente grato pela chance que recebeu de comandar o clube do qual é ídolo e acrescentou que ficará na torcida pelo sucesso do profissional que o suceder. “Fico triste por deixar o grupo, as pessoas que estão aqui, mas o que me deixa mais triste é deixar o torcedor. Mas isso faz parte da vida do treinador”, disse Renato, que recebeu apoio de centenas de torcedores ontem (30), antes do anúncio da saída. Por outro lado, o presidente do clube, Paulo Odone, e membros da diretoria foram hostilizados. Depois do pronunciamento de Renato, que durou cerca de dez minutos, o vice-presidente de futebol do Grêmio, Antônio Vicente Martins, lamentou os protestos e disse que também está triste pela saída do técnico. “É o maior ídolo da história do clube”, declarou, acrescentando que a decisão de sair foi do próprio ex-jogador, que estava em rota de colisão com a diretoria que assumiu no início do ano. O dirigente esclareceu que ainda não foi escolhido o novo treinador tricolor. Cuca, que recentemente deixou o Cruzeiro, e Diego Aguirre, que levou o Peñarol ao vice-campeonato na Libertadores, são os nomes mais cotados. Vicente Martins também mostrou confiança de que Renato voltará

ao clube no futuro. Por enquanto, o ex-lateral Roger comandará interinamente a equipe gaúcha.

TRAJETÓRIA Ídolo e campeão mundial pelo clube em 1983 como jogador, Renato Gaúcho assumiu o comando do Grêmio em um momento de crise, em agosto do ano passado, e estreou com derrota por 2 a 0 para o Goiás, em pleno Estádio Olímpico, resultado que eliminou o time tricolor logo na primeira fase da Copa Sul-Americana. Na sequência, porém, ele comandou a reação da equipe no Campeonato Brasileiro. Com o ídolo no banco, o Grêmio deixou a zona do rebaixamento e terminou o ano comemorando vaga na Copa Libertadores da América. Em 2011, porém, os comandados de Renato não mantiveram a boa fase. Com campanha irregular, o Grêmio não passou das oitavas de final da Libertadores - foi eliminado pela Universidad Católica, do Chile. No Campeonato Gaúcho, amargou o vice-campeonato depois de ser derrotado pelo arquirrival Internacional nos pênaltis. No Campeonato Brasileiro, a equipe também não convenceu. Depois do empate por 2 a 2 com o Avaí, na última partida de Renato no banco, na quarta, no Olímpico, o Grêmio ficou na 12ª colocação, com só oito pontos após sete rodadas. Foram ao todo 322 dias do técnico no cargo. Em 66 partidas, Renato somou 34 vitórias, 16 empates e 16 derrotas, aproveitamento de 59,59%.


GERAL

24 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

MERCADO RONDONENSE

Verduras começam a ficar mais caras devido à geada Fotos: Carina Ribeiro/OP

Previsão é que reajustes de preços ocorram nas gôndolas a par tir da próxima semana

O

s produtos que estão saindo das hortas e estufas ao longo desta semana já começam a passar por reformulação de preços até chegar às gôndolas dos supermercados, sendo que reajustes mais expressivos devem ser percebidos a partir da próxima semana, quando os estabelecimentos de Marechal Cândido Rondon realizarem novas aquisições de mercadorias. A ocorrência de geadas em dois dias seguidos afetou parte da produção de verduras e legumes na região, ampliando as chances de inflacionar os preços. O consumidor já pode se preparar para pagar mais, principalmente por alimentos como

tomate, pepino, chuchu, alface americana, chicória, couve-flor e brócolis. Conforme o responsável pelo setor de compras de hortifruti dos Supermercados Ruzza e Rimmava, Claudemir Pinati, houve um impacto imediato no preço do tomate e do pepino. “Hoje esses produtos estão sendo comercializados com valor cerca de 50% maior do que na semana anterior”, declara. Segundo ele, o chuchu ficou aproximadamente 30% mais caro. “São produtos sensíveis ao frio e por isso a produção fica prejudicada”, argumenta. As folhosas ainda não tiveram alta de preço, mas também não é descartada por ele. “Acredito que nossos fornecedores não tiveram tanta perda, mas se houve, o reajuste deve ser proporcional à perda”, calcula. Alguns produtos como couve-flor e brócolis já tinham oferta escassa e agora a tendência é ficar ainda mais reduzida. “Devido à geada, alguns produtos podem faltar no mercado por alguns períodos, até que se proArquivo/OP

Coordenadora da Acempre, Franciele Aline Fries: “Em Mercedes a produção de tomates orgânicos teve perda de cerca de 90%, mesmo com a produção dentro de estufas”

Representante dos Supermercados, Ruzza e Rimmava, Claudemir Pinati: “Devido à geada, alguns produtos podem faltar no mercado por alguns períodos, até que se produza novamente”

Representante do Supermercado Cercar, Gilberto de Andrade: “Acredito que as folhas verdes, que compramos daqui, podem ter aumento. Mas nos demais produtos acredito que não vai interferir de forma expressiva”

O pepino já apresentou alta de preço nesta semana: até 50%

duza novamente”, admite.

POUCOS REFLEXOS

O responsável pelo segmento de hortifruti no Supermercado Cercar, Gilberto Andrade, acredita que o frio não deve ter interferência nos preços das verduras e frutas. “Ainda não houve reflexos significativos. Acredito que nesta semana que a geada atingiu a produção os fornecedores irão fazer a contabilidade para verificar se é preciso reformular os preços”, expõe. Ele lembra que, como o estabelecimento já tinha adquirido produtos, nesta semana o consumidor está comprando com o mesmo preço da semana passada. “A batata subiu um pouco. Acredito que as folhas verdes, que compramos daqui, podem ter aumento. Mas nos demais produtos acredito que não vai interferir de forma expressiva. Se acontecer não será significativa, não deve encarecer da forma como muitas pessoas imaginam”, descarta.

ORGÂNICOS

Os preços dos produtos orgânicos também devem ter alterações a partir da próxima semana. De acordo com a coordenadora da loja da Associação Central dos Produtores Rurais Ecológicos (Acempre), Franciele Aline Fries, por enquanto ainda não foi feito um balanço, mas a quebra de produção já foi registrada e deve refletir na revisão dos preços praticados pelos produtores. “Houve quebra, especialmente em Mercedes, onde a

produção de tomates orgânicos teve perda de cerca de 90%, mesmo com a produção dentro de estufas”, relata. É certo de que vai aumentar, mas ainda não se sabe quanto. “Não mexemos nos preços porque ainda tem produto e também porque existe previsão de uma nova geada na próxima segundafeira (04), o que também pode interferir na reformulação de preço”, explana Franciele. Assim, os novos preços devem ser conhecidos a partir de quarta-feira (06).


25

O PRESENTE SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

Divulgação

Arquivo pessoal

Mario e Ingret Steinmacher parabenizam os filhos Rafael Leandro e Fabio Augusto, que aniversariaram no mês de junho

Completa seis aninhos hoje (1°) essa boneca Caroline Rafaele Papen. Ela recebe os parabéns da vovó Reni, do tio Darlon e dos padrinhos Mick e Danielli

MOSTRA DE TRABALHOS

FESTA JULINA EM TRÊS IRMÃS A Escola de Três Irmãs, de Mercedes, realiza sua Festa Julina amanhã (02). A festa inicia às 20 horas, no Pavilhão Comunitário de Três Irmãs. A animação estará a cargo da dupla Leandro e Marcelo. A entrada é grátis.

A Escola Municipal Antonio Rockenbach, de Marechal Cândido Rondon, realiza hoje (1º) uma Mostra de Trabalhos, das 08h30 às 11h30 e das 13h30 às 17 horas. Vale a pena conferir!

PRÉDIO MAIS ALTO DO SUL DO BRASIL

DOADORES DE SANGUE O Ministério da Saúde aponta que 1,9% da população brasileira doa sangue. O índice está dentro do recomendável pela Organização Mundial de Saúde, de no mínimo 1% a 3%. Para doar, basta ter entre 18 e 65 anos e estar em boas condições de saúde. Os hemocentros fazem também o cadastro para os interessados em se tornarem doadores de medula óssea.

Arquivo pessoal

Curitiba terá o prédio mais alto da região Sul do Brasil. Serão 150 metros de altura e 44 andares. O edifício está sendo construído com frentes para as ruas Comendador Araújo, Visconde do Rio Branco e Vicente Machado, no centro da cidade. O local terá unidades comerciais e residenciais, com cerca de 100 m² cada. A área de lazer promete ser diferenciada, com bar, SPA e até pista de dança. Por ser o edifício mais alto do Sul do país, a procura pelas unidades também é grande. Restam poucas salas comerciais para venda. A previsão é que a obra fique pronta até novembro de 2013. Divulgação

Bombeiros comunitários mirins, coordenados pelo professor Madureira, que recentemente realizaram visita às instalações da Sicredi Costa Oeste

Kamyla Luara Tauchert, que completa seis anos de vida no domingo (03). Ela recebe os parabéns dos pais Araceli e Marcelo Tauchert


26 | O PRESENTE - Edição 3124

GERAL/EDITAIS

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

Novas emendas estão suspensas por três meses, diz Mantega Decisão foi anunciada um dia após a presidenta Dilma Rousseff ter cedido à pressão da base aliada no Congresso e prorrogado, por 90 dias, o decreto que permite o pagamento de emendas de 2009

O

governo suspenderá por três meses a liberação de novas emendas parlamentares, disse ontem (30) o ministro da Fazenda, Guido Mantega. A decisão foi anunciada um dia após a presidenta Dilma Rousseff ter cedido à pressão da base aliada no Congresso e prorrogado, por 90 dias, o de-

creto que permite o pagamento de emendas de 2009. Preocupada em manter o rigor fiscal, Dilma havia avisado a aliados que não prorrogaria o decreto que permite gastos adicionais de aproximadamente R$ 1,8 bilhão e que atendem principalmente obras de prefeituras que assinaram convênios com o governo federal por meio de emendas parlamentares. Mas a presidente se viu forçada a voltar atrás diante da reação dos aliados. Mantega ressaltou, no entanto, que essa prorrogação não terá impacto sobre o desempenho fiscal do governo neste ano. “A postergação da validade desses restos a pagar não afeta o resultado fiscal do governo, que vai continuar implementando o corte de R$ 50 bilhões e, portanto, vai ter o resultado fiscal que já foi anunciado, de superávit primário acima de 3% até o final do ano”, disse

Mantega também comentou os números do resultado fiscal do setor público consolidado de maio, anunciados ontem pelo Banco Central, com um superávit primário de R$ 7,506 bilhões. “Caminhamos para uma situação bastante sólida do ponto de vista fiscal. Posso dizer que, com esse resultado, o Brasil possui uma das melhores situações fiscais do mundo”, disse o ministro. Segundo Mantega, de janeiro a maio deste ano o superávit primário acumula cerca de R$ 64,8 bilhões, enquanto, no mesmo período do ano passado, o saldo era de R$ 39,9 bilhões. A meta para todo este ano é de R$ 117,9 bilhões. “Já fizemos, portanto, mais da metade do primário requerido até o final do ano. O governo está realizando plenamente o resultado fiscal que foi comprometido para 2011 e continuaremos nessa trajetória até o final do ano”, disse.

Ideli defende redução do valor de emendas no Congresso A ministra chefe da Secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, defendeu ontem (30) a redução do valor das emendas que os deputados e senadores podem apresentar no Congresso, que atualmente podem alcançar R$ 13 milhões por parlamentar. Embora reconheça que este “é um tema polêmico”, a ministra justifica que “é preciso compatibilizar o valor da emenda com a realidade da execução”. Para a ministra, “não tem um valor mágico” a ser concedido aos parlamentares, mas “é preciso discutir esta questão por-

que não adianta ficar com um terreno na lua” que nunca é alcançado. O assunto promete abrir um novo poço de problemas no Congresso. Mas Ideli já está conversando com parlamentares e já tratou do tema com o relator da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), deputado Márcio Reinaldo Moreira (PP-MG). Ao mesmo tempo, para evitar problemas com a base e esclarecer alguma possível dúvida que possa ter ficado com as declarações do ministro da Fazenda, Guido Mantega, a ministra Ideli assegurou que o governo vai fazer o empenho das emendas de 2010 agora em 2011. Só não

disse quando isso acontecerá. A expectativa inicial era a de que os empenhos fossem feitos a partir de agosto. Ela, no entanto, não quis precisar datas, mas garantiu que serão empenhadas, para tranquilizar os parlamentares. A ministra Ideli informou ainda que o governo está fazendo um levantamento das emendas dos parlamentares que não foram eleitos para que alguns destes valores sejam repassados para atender pedidos de parlamentares novos. Elas sairiam como emendas de um programa nacional e não em nome de um deputado específico.

Nova frente fria pode trazer neve de novo à região Sul A chegada de uma nova frente fria, seguida de uma massa de ar polar mais intensa do que a última registrada na região Sul do país, deve ocasionar neve nas serras gaúchas e catarinenses na tarde e noite de amanhã (02) e madrugada de domingo (03). “As temperaturas devem ficar ainda mais baixas do que as registradas nos últimos dias”, diz o mete-

orologista Gil Russo, do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), em Porto Alegre. A mínima deste inverno, no Sul, foi registrada na última terça-feira (28), em Guarapuava, -6,1 graus Celsius (ºC). No Paraná, o Inmet prevê para hoje (1º) tempo estável, com temperaturas entre 9ºC e 23ºC. A umidade do ar poderá variar entre 58% e 98%.

Para amanhã estão previstas pancadas de chuva para o todo o Estado do Paraná. As temperaturas deverão oscilar entre 6º e 22ºC. No domingo (03), o tempo deverá estar nublado e pode chover no Leste do Paraná. Para a segunda-feira (04), o Inmet prevê geada no planalto Sul e região Central. A temperatura cai e fica entre -2ºC e 20ºC.


SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

EDITAIS

Edição 3124 - O PRESENTE | 27

SÚMULA DE PEDIDO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO Ceramica e Madeireira São Luiz Ltda torna público que requereu ao IAP Licença de Instalação para extração de argila, a ser implantado no lote rural nº 14A, linha Km 13, município de Pato Bragado, Estado do Paraná.


28 | O PRESENTE - Edição 3124

EDITAIS

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE PRÉVIA A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença Prévia para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Wollstein & Cota Ltda Atividade: Loteamento Cota II Endereço: Chácara nº 226, perímetro urbano Município: Maripá - Paraná Validade: 22/06/2012

SÚMULA DE PEDIDO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO Wollstein & Cota Ltda torna público que requereu ao IAP Licença de Instalação do Loteamento Cota II, a ser implantado na chácara nº 226, situada no perímetro urbano do município de Maripá, Estado do Paraná.

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE PRÉVIA A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença Prévia para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Ceramica e Madeireira São Luiz Ltda Atividade: Extração de argila Endereço: Lote Rural nº 14-A, linha Km 13 Município: Pato Bragado - Paraná Validade: 22/06/2012

SÚMULA DE PEDIDO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO Nelso Cerutti torna público que requereu ao IAP Licença de Operação para empreendimento de suinocultura, instalado nos lotes rurais nº 34 e 35, linha Três Bocas, município de Toledo, Estado do


SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

EDITAIS

Edição 3124 - O PRESENTE | 29


30 | O PRESENTE

APARTAMENTO, vendo, c/ 2 quartos, sacada, sala, cozinha, lavand., bwc, garagem individual, piscina, salão de festas, semi-mobiliado, na R. Sergipe, nº 1385, Ed. Portal Ville, ao lado do Clube Concórdia, em MCR, R$ 125.000,00. Tr. (45)3254-7821 ou 99624848. AVIÁRIOS, vendo, 2, 125 mts Padrão Sadia, a 1.000 mts da cidade, R$ 480.000,00, entrada + prazo. Tr. (45)99319908 ou 3254-4814 - Creci 19.787. CASA, vende-se, 66 m², c/ laje, 2 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., garagem, no Lot. Barcelona, R$ 80.000,00, pode ser financiada. Tr. (45)32545000 com Certo Imóveis. Creci J-4248. CASA, vende-se, 80 m², 3 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., garagem, na Rua Cabral, centro de MCR, R$ 88.000,00, pode ser financiada. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248. CASA, vendo, 100 m², alvenaria, 3 quartos, bwc, garagem, terreno 12x38, todo murado, na saída p/ Margarida, R$ 110.000,00. Tr. (45)3254-1345. CASA, vendo, 100 m², de esquina, c/ laje, 2 quartos, 1 suíte, bwc social, 2 salas, cozinha, garagem fechada, lavand., churrasq., no Lot. Paraíso, em MCR, R$ 120.000,00, apta p/ financiamento. Tr. (45)9141-8066 com Marcio.

E-mail: classificados@opresente.com.br / Internet: www.opresente.com.br CASA, vendo, 83 m², 3 quartos, bwc, sala, sala de estar, cozinha, lavand., em MCR, R$ 70.000,00, aceito carro. Tr. (45)9129-1942. CASA, vendo, alvenaria, c/ laje, de esquina, no centro de MCR, valor a combinar, aceito carro ou caminhão. Tr. (45)9978-6422 com Raimundo van den Boon. Creci-F 11955-J. CASA, vendo, c/ 2 quartos, 1 suíte, sala, cozinha, edícula, bwc social, no Lot. Santa Felicidade, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)9932-0786 com João. CASA, vendo, de alvenaria, no Jd. Paraíso, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)9931-9908 ou 3254-4814 - Creci 19.787. CASAS, vendo, 2, alvenaria, c/ laje, no mesmo terreno de 30x31, próximo a Vila Gaúcha, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)3254-1345. CASAS, vendo, 2, padrão caixa, de 70 m² cada, com terreno nos fundos, Lot. Luciane II, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)8805-7574 ou 32549703 com Cicely. GRANJA, vendo, p/ 2.500 suínos integrados, semi-automático, 3 alq. de terra, 3 casas, poço artesiano, a 2 km da cidade, valor, entrada e prazo a combinar. Tr. (45)9931-9908 ou 3254-4814 - Creci 19.787. PROCURO ÁREA DE TERRA para arrendamento, na região de MCR, valor e condições a combinar. Tr. (45)8427-6590 ou 3284-6538.

CASA, vendo, 70 m², com laje, terreno 13x30, a 50 m da Av. Rio Grande do Sul, valor a combinar. Tr. (45)9986-6610. Creci F 19.250.

TERRA, vendo, 10 alq., 5.8 mecanizados, restante pasto formado e reserva, c/ casa, galpão, estrebaria, barracão, água corrente, excelente localização, R$ 450.000,00, aceito casa até R$ 100.000,00 em MCR. Tr. (45)3254-1345.

CASA, vendo, 70 m², no Lot. Pooch, atrás da Tupi Máquinas, na Vila Gaúcha, R$ 110.000,00, aceito propostas. Tr. (45)99235881.

TERRA, vendo, 2.80 alq., sem benfeitorias, na linha Maracanã, R$ 115.000,00. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248.

TERRA, vendo, 4 alq., c/ sisleg, na BR Rondon a Quatro Pontes, valor a combinar, aceito casa ou terreno em Quatro Pontes. Tr. (45)3254-4814 Creci 19.787. TERRA, vendo, 6 alq., em Nova Santa Rosa, encosta na cidade, valor a combinar. Tr. (45)9911-6465. TERRA, vendo, 600 alq. em pasto formado, com 300 mecanizados p/ lavoura, pista de pouso, casa sede + 6 casas de alvenaria p/ funcionários, barracão p/ maquinários, valor a combinar. Tr. (45)3254-4814 ou 9931-9908 - Creci 19.787. TERRA, vendo, 7.2 alq., 6 mecanizados em lavoura, c/ aviário 100 mts, casa nova de 130 m² + 2 casas, estrebaria, 2 açudes, a 1000 mts de MCR, valor a combinar, aceito casa em Toledo. Tr. (45)9941-7978 ou 9931-9908 Creci-19.787. TERRA, vendo, 9 alq., 7 mecanizados de 1º, c/ benfeitorias, água corrente, próximo ao asfalto, valor a combinar, aceito casa em MCR ou troco por terra no Mato Grosso do Sul. Tr. (45)3254-1345. TERRA, vendo, 9.6 alq., planta 7, em Nova Santa Rosa, perto da cidade, valor: 1.100 scs de soja o alq. Tr. (45)99116465. TERRENO, vende-se, c/ 2 casas de madeira, 800 m², na Rua 22 de Abril esq. c/ Rua Goiás, em MCR, R$ 135.000,00. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248. TERRENO, vendo, 12x41, saída p/ Curvado, R$ 48.000,00. Tr. (45)3254-1345. TERRENO, vendo, 357 m² (12.75x28), na R. Rio Formoso, Jd. Araucária, valor a combinar. Tr. (45)9923-0272 ou 3254-0110 com Miguel. TERRENO, vendo, 400 m², com casa de madeira, na Rua São Paulo esq. c/ Rua Cabral, próximo ao Hosp. Rondon, valor a combinar. Tr. (45)99786422 com Raimundo van den Boon. Creci-F 11955-J. TERRENO, vendo, 490 m², no Lot. Nova América, R$ 35.000,00, pode ser financiado. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248.

APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, 100 m², 3 quartos, garagem, sacada, na Avenida Maripá, nº 1635, próximo a Sena Veículos, em MCR, R$ 500,00. Tr. (45)9134-6360. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, 3 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., churrasq., garagem, portão, 2 sacadas, na Av. Tulipas, nº 640, Lot. Augusto, MCR, R$ 400,00. Tr. (45)9978-5714. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, na Avenida Maripá, centro de MCR, valor a combinar. Tr. (45)9977-3695. CASA, ofereço p/ alugar, 70 m², c/ laje, 2 quartos, sala, cozinha, lavand., garagem, murada, na Vila Gaúcha, em MCR, R$ 450,00. Tr. (45)3254-9072 com Juliete. CASA, ofereço p/ alugar, alvenaria, 3 quartos, sala, cozinha, lavand., garagem, bwc, na Rua Sergipe, nº 1890, próximo ao Unimercado, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)9945-5079 com Leocádia. CASA, ofereço p/ alugar, alvenaria, na Rua Dom João VI, nº 3711, próximo ao Centro Social, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)9974-7113. CASA, ofereço p/ alugar, na Rua 31 de Março, Bairro Frankfurt, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)8809-6937 com Sergio. CASA, ofereço p/ alugar, próximo à Vorpagel Materiais de construção, em MCR, R$ 400,00. Tr. (45)9142-1559 ou 9968-5412. QUITINETE, ofereço p/ alugar, c/ 2 quartos e demais depend., parabólica, internet (05 megas) coletivo, garagem, portão elet., interfone, churrasq., lavand. individual, janelas c/ venezianas, preparada p/ ar-cond. split, na Av. Irio J. Welp, nº 2474, R$ 450,00 com água, internet e condomínio. Tr. (45)9923-8068.

SEXT A -FEIRA 11 SEXTA -FEIRA,, 1º DE JULHO DE 20 201

QUITINETE, ofereço p/ alugar, c/ 2 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., em frente à Unioeste, em MCR, R$ 380,00. Tr. (45)3254-3599 com Luiza.

FOCUS SEDAN 1.6, vendo, ano 2007, preto, completo, cd, manual, chave reserva, único dono, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8803-6565.

SALA COMERCIAL, ofereço p/ alugar, 132 m², na Av. Tulipas, nº 640, Lot. Augusto, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)9978-5714.

GOL 1.0, vendo, ano 2002/ 03, 8 v, c/ ar, som, limpador traseiro, bem conservado, R$ 14.500,00. Tr. (45)9944-0352 ou 9931-9908.

SALA P/ DEPÓSITO, ofereço p/ alugar, 350 m², na Rua Minas Gerais, nº 1037, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)3254-2009 ou 3254-4290 com Nice.

GOL 1.6, vendo ou troco, ano 96, bola, valor a combinar. Tr. (45)8806-7237 (tim).

ASTRA SEDAN 1.8, vendo, ano 2002/02, 4 portas, completo, álcool, R$ 22.000,00. Tr. (45)9978-7119 com Arno. CAMINHÃO 1113, vendo, ano 79, truck, diferencial 1313, direção hidráulica, turbo, graneleiro, R$ 42.000,00. Tr. (45)9963-6662 com Auri. CAMINHONETE D-20, vendo, ano 90/90, azul metálica, 4 portas de fábrica, completa, c/ ar, alarme, turbo, IPVA 2011 pago, R$ 35.000,00. Tr. (45)9993-1855 (tim) ou 3254-7076. CORSA GL 1.4, vendo, ano 96, rodas 15, pneus novos, vidro, trava, em bom estado, R$ 11.800,00. Tr. (45)8828-9988. CORSA SEDAN 1.0, vendo, ano 2005, azul, ar-cond., vidro, trava, alarme, cd, manual, 23.950 km, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8805-8484. CROSSFOX, vendo, ano 2005/05, completo, em ótimo estado, R$ 30.000,00 à vista, sem troca. Tr. (45)9936-2771 com Kaiser. DEL REY GL 1.8, vendo, verde, gasolina, 2º dono, original, bem conservado, valor a combinar. Tr. (45)9986-3911 ou 3283-1211. ESCORT EUROPEU, vendo ou troco, ano 93, vermelho metálico, c/ rodas, cd, 2º dono, 79.000 km, R$ 10.000,00, aceito moto de menor valor. Tr. (45)9972-3249. ESCORT HOBBY, vendo, ano 96, azul, limpador e desemb. traseiro, particular, R$ 8.000,00. Tr. (45)9981-8000.

GOL 1000, vendo, ano 96, modelo antigo, R$ 9.300,00. Tr. (45)9961-3258. GOL BOLA 1.0, vendo, ano 95, c/ rodas esportivas, R$ 8.200,00, preço de ocasião. Tr. (45)9989-0805. GOL G4, vendo ou troco, ano 2009, vermelho, flex, único dono, 26.000 km, valor a combinar. Tr. (45)9989-0805. GOLF 2.0, vendo ou troco, completo, com air bag, som e rodas de liga leve, R$ 21.500,00. Tr. (45)8804-6544 ou 9945-3330 com Wilson. KA IMAGE, vendo, ano 99, prata, c/ DH, trava e vidros elétricos, aerofólio, limpador e desemb. traseiro, R$ 12.500,00. Tr. (45)9981-8000. LOGUS 1.6, vendo ou troco, ano 96, gasolina, valor a combinar, aceito carro de maior valor. Tr. (45)9986-5434. MONZA 2.0, vendo, ano 88, completo menos ar-cond., original a álcool, R$ 5.000,00, aceito moto de menor valor ou carro de maior valor. Tr. (45)9107-8297. MONZA SL/E, vendo, ano 85, vermelho, motor 1.8, ótimo preço. Tr. (45)8407-0650. PALIO WEEKEND, vendo ou troco, ano 2001, prata, completo, valor a combinar. Tr. (45)9986-5434. PARATI PLUS 1.6, vendo, ano 2008, preta, flex, c/ arcond., direção hidráulica, vidro, trava, cd, 39.000 km, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8803-6565. PARATI, vendo, ano 86, 4 pneus novos, toda original, em ótimo estado, R$ 5.200,00. Tr. (45)9943-9194. PICASSO GLX 1.6, vendo, ano 2006, prata, completo, couro, air bag´s, cd, dvd de teto original, baixa km, chave reserva, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8805-8484.


SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011 PICK-UP STRADA, vendo ou troco, ano 2003, Fiat, branca, placa A, 2º dono, revisada, R$ 17.800,00 (tabela FIPE). Tr. (45)8808-9136 ou 99745652. S10 EXECUTIVE 2.4, vendo, ano 2008/09, preta, flex, power, completa + bancos de couro, abs, acessórios, R$ 56.000,00. Tr. (45)9994-0910. SCÉNIC 1.6, vendo, ano 2006, cinza, flex, completa, air bag duplo, cd original c/ controle no volante, manual, chave reserva, rodas liga leve, valor a combinar. Tr. (45)88036565. SCÉNIC RT 1.6, vendo, ano 2001, verde, c/ bancos de couro, 4 pneus novos, completa, bem conservada, valor a combinar, aceito carro de menor valor. Tr. (45)9946-4733. TIPO 1.6 ie, vendo, ano 95, Fiat, preto, 4 portas, vidros elétricos, trava, R$ 6.500,00. Tr. (45)9109-3787 com Atilla. VECTRA GLS, vendo, ano 95/95, toda revisada, pintura boa, baixa km, valor a combinar. Tr. (45)3279-1250 ou 9134-6393 com Roque. VECTRA MILENIUM 2.2, vendo, ano 2001/01, prata, 8 v, completo, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8407-0650. VERSAILLES 1.8 GL, vendo, ano 95/95, preto, 4 portas, R$ 7.800,00. Tr. (45)99350035.

BIZ 100 ES, vendo, ano 2005, azul, Honda, R$ 3.800,00. Tr. (45)9134-2053 com João. BIZ ES, vendo ou troco, ano 2006, preta, c/ partida, R$ 4.500,00, aceito Biz de menor valor. Tr. (45)9972-3249. BIZ KS, vendo, ano 2003, verde metálica, único dono, R$ 2.900,00. Tr. (45)9972-3249.

CG 125, vendo, ano 2003, completa, valor a combinar, troco por carro ou Biz. Tr. (45)9989-0805. CG 150, vendo ou troco, ano 2008, completa, valor a combinar, troco por carro ou Biz. Tr. (45)8809-1802. CG TITAN 125 KS, vendo, ano 2002, revisada, c/ pneus novos, R$ 2.900,00, aceito propostas. Tr. (45)8803-0186 com Guto. TWISTER 250, vendo, ano 2007/08, vermelha, 50.000 km, em ótimo estado de conservação, R$ 7.200,00. Tr. (45)99324415 com André. YBR, vendo, ano 2005, c/ partida elétrica, R$ 3.200,00 à vista. Tr. (45)8806-7237 (tim).

ACORDEON, vendo, Michael, ano 2009, seminova, R$ 2.000,00. Tr. (45)3254-1379 ou 9922-2763 com Eliseu. ANTENA PARABÓLICA, vendo, Century, com receptor, completa, usada, R$ 200,00. Tr. (45)9951-6318 com Paulo. AQUECEDOR P/ AVIÁRIO, vendo ou troco, novo, R$ 1.500,00. Tr. (45)3254-2081 ou na R. Minas Gerais, nº 736, em MCR. BATERIA MUSICAL, compro, valor a combinar. Tr. (45)9910-4046 ou 8429-3957 com Martinho ou Roni.

BIZ, vendo, ano 2007, c/ partida elétrica, R$ 4.500,00 à vista. Tr. (45)8806-7237 (tim). CB 300, vendo, ano 2010, vermelha, c/ 5.000 km, R$ 10.500,00. Tr. (45)9992-7586 com Alex. CG 125 ESD, vendo ou troco, ano 2006, c/ partida elétrica, freio a disco, raios cromados, trava de roda, chave reserva, manual, baixa km, em ótimo estado, valor a combinar, aceito Biz. Tr. (45)9942-2738.

O PRESENTE | 31

FILHOTES, vendo, de Pinscher, macho, valor a combinar. Tr. (45)9978-9276. KIT TURBO, vendo, p/ Chevette, coletor spa, turbina master power 42/48, coletor da admissão p/ carburador 2E, bomba de combustível do Gol GTI, mufla + válvula de alívio, manometro de pressão do turbo, preço de ocasião. Tr. (45)8832-5245 com Ney. LOJA, vendo ou troco, com ótima clientela, no centro de MCR, motivo mudança, valor a combinar, aceito propostas. Tr. (45)3254-3365 ou 9964-8857. MERCADO, vendo, c/ açougue, clientela formada, c/ ou s/ imóvel, no centro de MCR, valor a combinar, aceito propostas. Tr. (45)9932-9651. MINI MERCADO, vendo, com ótima clientela, valor a combinar. Tr. (45)8814-0972. OFERTA DE TRABALHO p/ serviços gerais (não precisa ter experiência) e em granja de suínos matrizes p/ casal c/ experiência. Tr. (45)3254-1991 ou 8406-5830. REFRIGERADOR, vendo, usado, duplex, frost free, R$ 250,00. Tr. (45)8407-2353. VENDO, sorveteria c/ fabricação própria, junto c/ pizzaria c/ forno a lenha, no centro de Guaíra, valor a combinar. Tr. (44)8424-7517 com Fuji.

CAMA ELÁSTICA, alugo, reservas. Tr. (45)9125-8160 ou 9903-1160. CARTA CONTEMPLADA, vendo, imóvel, crédito de R$ 101.500,00, R$ 34.300,00 de entrada + 111x de R$ 1.117,30. Tr. (45)9903-0005.

Atenção vítimas de acidente do mês 04/2008 à 2011 Você sabia que tem direito a indenização? (45) 9972-7923 9134-9384 H.J. MUNCHEN & VENGRAT 3254-4503 Informações

BIZ, vendo ou troco, ano 2009, amarela, c/ partida elétrica e injeção eletrônica, 4.500 km, R$ 5.900,00, aceito Biz de menor valor. Tr. (45)9972-3249.

CLASSIFICADOS

CNPJ: 10759805/0001-77

CONTRATA-SE motoboy que possua moto, p/ trabalhar das 19 as 23 hrs. Tr. (45)99919668 com Ailton. FILHOTE, vendo, de Lhasa Apso, macho, vacinado e desverminado, R$ 200,00 Tr. (45)9947-3592. FILHOTES, vendo, de Pastor Belga, R$ 150,00. Tr. (45)9929-0845 com Adriana. FILHOTES, vendo, de Pequinês e Lhasa Apso, vacinados e desverminados, valor a combinar. Tr. (45)3254-3025 com Nelli.

ADUBO DE AVIÁRIO, vendo, a granel espalhado na lavoura. Tr. (45)9944-0401 ou 3254-7562. MARAVALHA DE PINUS P/ AVIÁRIO, vendo, valor a combinar. Tr. (45)9918-2277 ou 3565-6969 com Robson. MUDAS DE EUCALIPTO, vendo, várias variedades, c/ plantio e manutenção completa, valor a combinar. Tr. (45)8803-0231 (tim) ou 32542720 com Herton. NOVILHAS, vendo, 45 p/ escolher, Jersey, puras, de Santa Catarina, valor a combinar. Tr. (45)9946-4733. OVELHAS, compro, valor a combinar. Tr. (45)8831-7874. TRATOR, vendo, Valmet 86 ID, ano 79, em ótimo estado, R$ 25.000,00. Tr. (45)8807-2839 ou com Fabio.

2,00 Este cartão é válido somente para a edição do dia 02/07/2011 R$

Marcar com X:

Compro Vendo

Troco

Preciso para alugar Ofereço para alugar

Produto: ---------------------------------------------- Marca: --------------------------------Novo/usado/ano: ----------------------------------- Valor: ---------------------------------Obs.: --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------Tratar com: ------------------------------------------ Fone: ---------------------------------Endereço: -------------------------------------------- Cidade: -------------------------------Remetente: ------------------------------------------ Fone: ---------------------------------Assinatura do responsável: ----------------------------------------------------------------Obs.: Não nos responsabilizamos pela publicação de cartões rasurados e por informações incorretas. Entregue este cartão na recepção do Jornal O Presente entre 08 e 12 horas do dia 1º/07/2011.

Recorte na linha pontilhada

VENDO, caracol e pescoço, SLC/John Deere, novos, valor a combinar, preço de ocasião. Tr. (45)3257-1057 ou 99667841 com Djefferson.

PARA ASSINANTES


MARECHAL CÂNDIDO RONDON - PR

SEXTA-FEIRA

JULHO DE 2011 Fone/fax: (45)

3254-1842

Obras do hospital municipal iniciam em duas semanas PÁGINA 07

Carina Ribeiro/OP

VERDURAS E LEGUMES MAIS CAROS Os produtos que estão saindo das hortas e estufas ao longo desta semana já começam a passar por reformulação de preços até chegar às gôndolas dos supermercados, sendo que reajustes mais expressivos devem ser percebidos a partir da próxima semana, quando os estabelecimentos de Marechal Cândido Rondon realizarem novas aquisições de mercadorias. A ocorrência de geadas em dois dias seguidos afetou parte da produção de verduras e legumes na região, ampliando as chances de inflacionar os preços. PÁGINA 24


SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

CADERNO DE EDITAIS

Edição 3124 -O PRESENTE | 01


02 | O PRESENTE - Edição 3124

EDITAIS

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

Continua


SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011

EDITAIS

Edição 3124 - O PRESENTE | 03


04 | O PRESENTE - Edição 3124

EDITAIS

SEXTA-FEIRA, 1º DE JULHO DE 2011


07-01-2011.pdf