Page 13

Esporte

Domingo, 9.6.2013 JORNAL DE BELTRÃO

15

SELEÇÃO BRASILEIRA

Em Porto Alegre, Brasil encara França para acabar com jejum contra grandes seleções

Jogos divisão de acesso

Paraguai perde e se complica de vez nas Eliminatórias

No último treino, Felipão conversou bastante com os jogadores. versário. Neymar e Hulk serão os únicos a não voltar quando o rival estiver pressionando. O agora jogador do Barcelona vai esperar uma bola rápida mais perto do meio de campo e Hulk estará aberto pela esquerda. A jogada será rápida, com a possível presença de Fred se o atacante tiver pernas para acompanhar os companheiros mais novos. Quando o ataque for cadenciado, a bola vai rodar com Oscar se lançando pela direita, mas com liberdade para ocupar qualquer espaço. Felipão espera muito de Neymar, menos por ele ser o craque do time, mas porque a comissão técnica entende que agora ele está totalmente focado no trabalho da seleção. O trei-

nador também manteve os dois volantes do empate com a Inglaterra nos coletivos que fez ao longo semana, praticamente definindo Luiz Gustavo e Paulinho no setor. Fernando, jogador do Grêmio, poderia ser uma boa opção para agradar aos gremistas. Mas isso não deve acontecer. Felipão sabe da necessidade de entrosar a equipe e de definir uma formação para a Copa das Confederações. Nos treinos, Paulinho só apareceu na frente nas jogadas de bola parada. No decorrer do coletivo, o volante corintiano atuou com o freio de mão puxado, como quer o chefe. Sua primeira missão é dar duro para não deixar a defesa exposta.

Goiânia iguala recorde histórico de pilotos participantes Da assessoria Os pilotos do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck vão disputar hoje, no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO), o GP Crystal com 26 pilotos. É o maior grid das 18 temporadas de história da categoria, que leva às pistas da América do Sul os caminhões mais velozes do mundo. A marca não é inédita. A sexta etapa da temporada de 2008, disputada no circuito paranaense de

Londrina, também teve 26 participantes. O número foi alcançado na etapa goiana – e deverá ser mantido até o fim da temporada – graças à confirmação da estreia de Raijan Mascarello, nascido em Beltrão, mas que mora no Mato Grosso, e será piloto pela 72 Sports/Ford Racing Trucks. Terá também o retorno de Pedro Mu-

O piloto beltronense Wellington Cirino vai em busca de bom resultado.

ffato, piloto do Scania de sua própria equipe, a Muffatão. A Scania terá cinco pilotos na pista. Muffato volta ao grid, depois de não ter disputado a etapa de maio em Caruaru (PE), pilotando um novo caminhão, de frente estendida. O beltronense e tetracampeão da categoria, Wellington Cirino, da ABF/Mercedes Benz, vai em busca da terceira vitória no circuito goiano. A transmissão começa às 13 horas pela Band.

Roland Garros tem decisão espanhola entre Nadal e David Ferrer AE - David Ferrer comemorou a vitória na semifinal sobre o francês Jo-Wilfried Tsonga como quem comemora um título. E, de certa forma, aquilo que obteve na última sexta-feira não deixou de ser uma consagração. Qualquer que seja o resultado da final do torneio de Roland Garros, que disputa contra o heptacampeão Rafael Nadal, este espanhol de 31 anos já tem o que comemorar. Se for vice-campeão, estará atrás apenas de um tenista de outra galáxia, sobretudo em disputas no saibro. A decisão começa às 10 horas (de Brasília). Ferrer tinha disputado torneios do Grand Slam 41 vezes. Na 42ª oportunidade, enfim conseguiu chegar à final. "É um sonho para mim chegar a uma final de Grand Slam e Roland Garros é ainda mais importante para mim". O virtual vicecampeão é bastante realista ao falar sobre suas chances. Afinal, ele foi derrotado nos últimos 16 encontros contra Nadal no saibro. "Derrotar Nadal é difícil em qualquer superfície. No saibro,

Hoje 18h30 - Fluminense xGoiás 18h30 - Vitória x Atlético-PR 18h30 - Coritiba x Náutico 18h30 - Atlético-MG x Grêmio

Hoje 15h30 Metropolitano Maringá x Prudentópolis Local: Willie Davids, Maringá 15h30 Colorado x Junior Team Estádio Francisco Borges de Campos, Colorado 15h30 Foz do Iguaçu x Roma/Apucarana Estádio do ABC, Foz do Iguaçu

Foto de Rafael Ribeiro/CBF

AE - A seleção brasileira faz, hoje, o seu último teste preparatório para a Copa das Confederações. O amistoso contra a França, às 16 horas, na Arena Grêmio, em Porto Alegre (RS), será encarado pelos brasileiros com o devido valor que o adversário merece. O Brasil precisa vencer, de uma vez por todas, um adversário do primeiro escalão do futebol, algo que não acontece desde novembro de 2009 quando bateu a Inglaterra. E nada melhor do que conseguir isso às vésperas de uma competição para ganhar confiança e resgatar a paixão do torcedor. Felipão quer a seleção com mais poder de fogo para matar os jogos. Essa falta de contundência ficou clara nos amistosos contra Itália e Inglaterra, em que o time saiu na frente e não soube garantir a vitória. Para tornar o Brasil um pouquinho mais ofensivo, existe a possibilidade de a seleção começar com Marcelo como lateral-esquerdo. O jogador do Real Madrid não está totalmente recuperado de contusão na coxa que veio com ele da Espanha, mas treinou bem nos últimos dias e pode ficar com a vaga de Filipe Luís. Fred, que sofria dores nas costelas, trabalhou sem reclamar até este sábado e sem precisar tomar analgésicos, o que faz dele presença certa em campo. Nos treinos da semana, em Goiânia, os laterais trabalharam bem avançados, uma estratégia para roubar a bola o mais perto possível do gol ad-

Campeonato Brasileiro Série A

é ainda pior", constatou. "Mais uma vez, vou tentar fazer um jogo bonito. Não quero pensar se é a oportunidade da minha vida, se é um sonho. Se começar a pensar dessa maneira, não será muito positivo". Mesmo que seja derrotado, Ferrer terá lucro. O vice em Paris vai lhe dar pontos para ultrapassar Nadal no ranking, assumindo a quarta colocação. Caso vença, ultrapassará também Roger Federer e ficará bem próximo do escocês Andy Murray. Ferrer é o primeiro tenista com mais de 30 anos a chegar a uma final de Grand Slam desde 1990, quando o equatoriano Andres Gomez venceu em Paris. Já Nadal, mesmo com sete títulos de Roland Garros no currículo, parece tão faminto por conquistas como se nunca tivesse vencido no saibro parisiense. Os sete meses que permaneceu afastado do circuito por causa de uma lesão no tendão patelar do joelho esquerdo parecem ter apenas aguçado o seu apetite. O sofrimento, o cansaço e as

dores são simplesmente ignorados por ele. "O mais difícil mesmo, para mim, foi voltar para minha casa em Mallorca e assistir aos jogos pela tevê". Se vencer, Nadal será o único tenista a conquistar oito títulos de um mesmo torneio do Grand Slam. Hoje, com sete títulos em Wimbledon, Pete Sampras divide essa glória estatística com Nadal Ganhando, será o maior vencedor em Roland Garros. Hoje com

58 vitórias, ele está ao lado de Federer e do argentino Guillermo Vilas. O título o deixará também com 42 troféus no saibro, a apenas quatro de Vilas. Na coletiva, mesmo demonstrando satisfação com a épica vitória na semifinal sobre o sérvio Novak Djokovic, Nadal demonstrou o quão a sério leva a final contra Ferrer. "Está me esperando um adversário do mesmo nível. Não tenho o troféu em casa".

FUTEBOL

Diretoria do São Paulo pode manter volante Denison AE - Juvenal Juvêncio havia descartado a permanência de Denilson no São Paulo por estar insatisfeito com o rendimento do volante no primeiro semestre deste ano. Mas a falta de uma opção viável no mercado fez com que ele mudasse de ideia. O presidente autorizou o diretor de futebol Adalberto Baptista a procurar o atleta e iniciar as conversas para renovar o vínculo.

As partes agora conversam e o mandatário acredita em um acerto rápido, embora ainda exista uma diferença grande nos valores oferecidos pelo clube e pedidos pelo jogador. O destino do volante parecia longe do Morumbi porque ele tinha contrato com o Arsenal e o clube tricolor não iria gastar para tirálo da Inglaterra, mas ele conseguiu rescindir seu vínculo e ficou disponível.

AE - A sequência de quatro participações em Copas do Mundo (1998, 2002, 2006 e 2010) está muito perto de acabar. Sexta-feira, 7, a seleção do Paraguai foi derrotada pelo Chile por 2 a 1, em pleno estádio Defensores Del Chaco, em Assunção, e agora só um verdadeiro milagre poderá colocar os paraguaios no Mundial do Brasil, no ano que vem. Na lanterna da competição, com apenas oito pontos em 12 jogos, o Paraguai precisa obrigatoriamente vencer os quatro duelos que faltam para sonhar com a quinta colocação - hoje da Venezuela, com 16 pontos também em 12 partidas -, que dá a vaga a uma repescagem contra uma seleção da Ásia.

Em Minas, Grêmio enfrenta o Atlético-MG e Elano volta AE - O Grêmio enfrenta o Atlético Mineiro, hoje, às 18h30, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG), em partida adiada da segunda rodada do Campeonato Brasileiro, e a novidade no time de Vanderlei Luxemburgo deve ser Elano na equipe titular no lugar de Biteco, que começou jogando na última quarta-feira contra o Vitória, em Porto Alegre (RS). Quinto colocado na tabela de classificação com sete pontos, o time tricolor vem de três partidas sem derrota. Em seu último jogo, a equipe gaúcha venceu o Vitória por 1 a 0. Antes, tinha derrotado o Náutico e empatado com o Santos, na Vila Belmiro. Na sexta, o lateral-esquerdo Wendell, de 19 anos, destaque do Londrina no Campeonato Paranaense, foi apresentado pelo clube tricolor. Para a próxima terça, a direção planeja apresentar o volante paraguaio Riveros, que defendia o Kayserispor, da Turquia, com contrato de dois anos.

Coritiba encara o Náutico para se manter na ponta AE - O Coritiba tenta manter a regularidade dentro de casa para terminar a quinta rodada do Campeonato Brasileiro, contra o Náutico, na liderança. Para a partida que acontece hoje, às 18h30, no estádio Couto Pereira, em Curitiba, o técnico Marquinhos Santos deve manter a mesma equipe que venceu o Fluminense no meio da semana e lhe deu a ponta. O time fez apenas um treino leve ontem e a única dúvida pode estar no ataque. O atacante Deivid jogou contra o Fluminense sentindo dores e elas aumentaram após a partida. Como o Coritiba irá parar por uma semana após a rodada, é provável que ele seja escalado e faça a dupla de ataque com Rafinha. Na tabela de classificação, Grêmio (sete pontos) e Fluminense (seis) tem um jogo a menos que o Coritiba, que possui oito pontos, e por isso ainda podem ultrapassar o time paranaense antes da parada para a Copa das Confederações. Para já garantir a liderança de hoje, o Coritiba torce por tropeço do rival gaúcho contra o Atlético Mineiro, em Sete Lagoas (MG), e do carioca contra o Goiás, em Macaé (RJ).

Na Bahia, Atlético-PR quer a segunda vitória fora de casa AE - Ainda empolgado com a vitória de virada diante da Ponte Preta, em Campinas, por 4 a 3, na última quarta-feira, o Atlético Paranaense enfrenta o Vitória, hoje, às 18h30, no estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana (BA), região metropolitana de Salvador, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro, disposto a conquistar mais uma vitória fora de casa. Apesar da vitória na última rodada, a equipe ainda ocupa a parte de baixo da tabela de classificação e pode ter apenas uma alteração em relação ao grupo que disputou a última partida. O técnico Ricardo Drubscky ainda está em dúvida se escala Paulo Baier desde o início da partida, por causa de suas condições físicas. Caso ele opte por substitui-lo, o meia Elias ou Marcão, autor do gol da vitória contra os paulistas, podem entrar. Já o volante Deivid pode ser confirmado na vaga de Juninho.

JornaldeBeltrão-5069_9-6-13.pdf  

JornaldeBeltrão-5069_9-6-13.pdf

Advertisement