Issuu on Google+

Ano 21 - Nº 3257 Arquivo/OP

MARECHAL CÂNDIDO RONDON - PR, QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

FRAUDE EM POSTOS DA REGIÃO É DESCARTADA Apesar de não ser possível assegurar com certeza absoluta sem que haja uma investigação específica, o Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis (Sindicombustíveis Paraná) acredita que a prática de fraudar os bicos das bombas de combustíveis para reduzir o volume abastecido nos veículos não chegou a cidades do interior do Estado, como Marechal Rondon e outras da região. Conforme o presidente do órgão estadual, Roberto Fregonese, como se trata de uma fraude que exige uma tecnologia um tanto quanto nova (que aciona a redução do volume abastecido por meio de controle remoto), possivelmente não esteja acessível facilmente. A divulgação sobre a investigação de fraudes em postos de combustíveis na Capital paranaense gerou apreensão e dúvida em grande parte dos consumidores. Desconfiados, muitos têm indagado proprietários de postos e mesmo os frentistas sobre a possibilidade de serem lesados, o que vem sendo descartado por empresários rondonenses. PÁGINA 07

R$ 2,00

Estado pretende incluir Hospital Filadélfia no orçamento PÁGINA 10

O Presente

Pai diz que filho assassinado na praça tinha problema com drogas PÁGINA 19

PARALISAÇÃO NA TERÇA-FEIRA Carina Ribeiro/OP

MARECHAL RONDON

Moradores denunciam uso de drogas em terreno no centro Rondonenses que residem próximos à rodoviária ou que trabalham nos arredores procuraram o Jornal O Presente nesta semana para denunciar o uso livre de drogas em terreno baldio (foto) localizado no cruzamento entre as ruas Minas Gerais e D. Pedro I, no centro da cidade. Segundo eles, há cerca de três meses, diariamente um grupo de pessoas vem frequentando o local. Elas consomem drogas e ingerem

Técnico Baiano se diz surpreso com desistência do São Miguel Futsal PÁGINA 22

bebidas alcoólicas. Alguns moradores, inclusive, acreditam que o local sirva também para o consumo de crack. Outros, já flagraram no local pessoas cometendo atos que atentam ao pudor. O lixo que eles espalham pelo terreno é outro problema. Em várias oportunidades a Polícia Militar foi chamada para interceder na situação. Porém, após as batidas policiais, o grupo volta a se reunir. PÁGINA 20

Uma paralisação está sendo programada por trabalhadores das Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretrans) do Detran-PR para a próxima terça-feira (17), caso o Governo do Estado não atenda reivindicações da categoria até sexta-feira (13). Em Marechal Rondon, a exemplo de outros municípios do Paraná, uma faixa de protesto (foto) foi afixada na 35ª Ciretran, com os dizeres “Alta arrecadação, baixa remuneração - Plano de Cargos e Salários Já”. Os trabalhadores reivindicam criação de categoria específica, melhores salários e aumento do quadro de pessoal. Conforme o presidente do Sindicato dos Servidores do Detran do Paraná, Gustavo Fatori, a decisão pela paralisação já foi votada em assembleia e a expectativa é de adesão significativa em todo o Paraná. PÁGINA 09

Quatro-pontense foi morto por tiro disparado por delegado gaúcho PÁGINA 20


EDITORIAL

02 | O PRESENTE

Para qualquer um ver Em nossa região, é difícil ter um dia em que não no mundo do ilícito. ouvimos notícias relacionadas a drogas. É registro É um retrato triste da nossa realidade. Uma de interceptação de maconha, cocaína, crack, prisituação bastante complexa desde a sua raiz. são de traficantes, olheiros, homicídios relacionaJá dizia uma delegada que atuou recentemente dos à venda e compra de entorpecentes, acerto de em Marechal Cândido Rondon que os homicídios contas, e por aí vai. registrados no município estariam 100% relacioTemos esta “particularidade” porque moramos nados ao crack. em uma região de fronteira. Os traficantes e olheiros A ocorrência de homicídios, antes mais comum na vêm das mais diferentes regiões do país rumo ao Capital e nas regiões metropolitanas, avançou para Paraguai, o maior produtor de maconha da América o interior, é fato. Há 15 anos, metade dos municípios Latina. Lá, qualquer entorpecente é adquirido a do Paraná registrava assassinatos, crime presente preço baixo. Quem compra lá revende aqui a preços hoje em dois terços das cidades do Estado. bem maiores e acaba tendo um comércio lucrativo, Logicamente que a expansão de casos de homimesmo que perigoso. Por isso, a rotina nunca termicídios nos municípios do interior não pode ser na. A cada dia muitas e muitas pessoas atravessam a creditada simplesmente ao aumento populacional. fronteira em busca de drogas. O desenvolvimento econômico Agora, dizer que existe sode outras regiões trouxe como Não queremos que Rondon “efeito colateral” a maior premente o comércio de drogas, lá e aqui, seria ignorar a realidade e/ou qualquer outro sença da violência em municípicomo um todo. Querendo ou não, os que antes desconheciam a município passe a ter alguém fomenta este comércio. existência de homicídios. pontos conhecidos como Ou seja, se há quem vende, há Um fator que contribui muito quem compra. cracolândia. Ninguém merece para a interiorização da violênAos poucos, acabamos nos isso. Nem a sociedade e nem cia é a dinâmica produtiva, onde “acostumando” com os fatos reo aumento de dinheiro circulanos próprios usuários, que lacionados aos traficantes e aos do também significa mais dinheiusuários. Às vezes, até nos sur- muitas vezes estão ali porque ro para compra e venda de drogas preendemos com as pessoas que já perderam o rumo de suas e outros conflitos de interesse. acabam envolvidas nisso. No enNo entanto, se por um lado vidas e precisam de ajuda tanto, quando vemos certas cetivemos um boom populacional e nas, ficamos chocados. É difícil econômico, de outro tivemos uma assimilar que algumas coisas estagnação em termos de seguacontecem em Marechal Cândido Rondon para qualrança, área que nos últimos anos não recebeu invesquer um ver. Pontos de consumo de drogas já não são timentos necessários. Na última década, por exemplo, nenhuma novidade. Na Praça Willy Barth, por exemo déficit de policiais civis aumentou 9% - passou de plo, não é difícil encontrar jovens fumando maconha 3.931 agentes para os atuais 3.572. A falta de efetivo ou consumindo outras drogas ilícitas. Há quem diga é ainda mais expressiva nos pequenos municípios. que, em certos horários, no Parque de Lazer Rodolfo Hoje, 270 cidades paranaenses não têm delegado. Rieger (lago municipal) a cena é a mesma. ParalelaÉ notório que precisamos de maior investimenmente a locais públicos, há ainda outros ambientes to nas polícias. Mesmo que isso não represente um escolhidos por certos grupos para venda e consumo de aumento na repressão, gera uma maior confiabilicrack. Terrenos baldios, inclusive no centro da cidadade na sociedade, o que, por si só, diminui a de, têm sido recorrentes para o uso desta prática. criminalidade. E isso não acontece somente em Marechal RonNão queremos que Rondon e/ou qualquer oudon. Nos municípios da microrregião, há historias tro município passe a ter pontos conhecidos como semelhantes. cracolândia. Ninguém merece isso. Nem a sociedaInfelizmente, é o reflexo que se tem de uma de e nem os próprios usuários, que muitas vezes região de fronteira, onde certas facilidades favoestão ali porque já perderam o rumo de suas vidas recem que um maior número de jovens se envolva e precisam de ajuda.

EXPEDIENTE Um jornal de bom senso Diretores Arno Kunzler Jornalista Reg. Prof. nº 274/02/38 E-mail - arno@opresente.com.br Paulo Rodrigo Coppetti paulorodrigo@opresente.com.br Editora-chefe Ana Paula Wilmsen DRT/PR nº 8352 jornalismo@opresente.com.br Editora O Presente Ltda Rua Sete de Setembro, 1233 - Centro Marechal Cândido Rondon - PR - CEP: 85960-000 Fone/fax (45) 3254-1842 CNPJ – 84.812.049/0001-39 Internet – www.opresente.com.br

Filiado à ADI Associação dos Jornais Diários do Interior do Paraná Comercialização: Paraná/São Paulo/Rio de Janeiro Merconeti - Ricardo Takiguti (41) 3079-4666 ricardo@merconeti.com.br Sucursal ADI - SP Contato Comercial : Mauro Machado 011-3063-5677 / 3777-8938 - Alameda Lorena, 1304 Conj-703 - São Paulo - SP - CEP 01424-001

Comercialização: Brasília Central de Comunicação - (61) 3323-4701

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

Ayrton Baptista PRESENÇA DE LERNER Os anos passam e os políticos esquecem do governador, ou fazem que esquecem. Do prefeito Jaime Lerner todos se lembram. E nem é preciso citar a campanha dos 12 dias, um fenômeno em termos de eleição. Mas sim na sua obra, nas suas iniciativas, nas suas invenções. Como ele faz questão, lá vai: Jaime e sua equipe. Cidadão do mundo, é recente a sua inclusão entre as 100 personalidades conhecidas, deixando no vazio figuras de destaque no país e fora dele. Agora, temos as eleições para a prefeitura da Capital, logo mais em outubro. Os candidatos declarados já estão apresentando suas propostas e, mais, as suas lembranças de Curitiba um pouco mais antiga. E é visível a presença de Jaime Lerner, prefeito três vezes, lembrado por iniciativas e feitos que projetaram a cidade, então um ponto de passagem para o Sul ou vice-versa ao contrário. Não são citadas a Cidade Industrial, nem as montadoras que se fixaram no Paraná. Mas os feitos na cidade e sua paisagem são louvados, ainda que o nome do ex-prefeito e exgovernador não seja expressamente citado. Ratinho Junior, deputado mais votado, jovem que nunca escondeu seus objetivos políticos, parece realmente decidido a disputar a prefeitura ainda este ano, ele completando os primeiros 30 de sua vida. Se perder, já dissemos, credencia-se para a próxima eleição. O jovem parlamentar contradiz Lerner quanto à necessidade que ele vê do metrô na cidade. Espera-se que ele esteja firme nesta posição e não se engaje na posição de quem apenas acompanha um desejo majoritário do curitibano. Afinal, pensa-se, metrô é status: Paris, Londres, Nova York, Rio, São Paulo, todas tem. Em compensação, o deputado Fábio Camargo acha que o metrô é “burro”, que a questão do transporte é somar e não apenas substituir. Uma espécie do popular “há lugar para todos”, que usamos quando não queremos uma eliminação sem segurança, de pessoas e teses. Mas um amigão antigo de Lerner, admirador confesso na juventude, o ex-prefeito Rafael Greca também não vê no metrô a solução dos nossos problemas. Há, entretanto, uma unanimidade, visível ou não, talvez só nas entrelinhas: o que se fez na Capital a partir dos anos 70 é marca registrada como atuação criativa, inovadora. Lerner não vai disputar a eleição, acredita-se. Talvez não se empenhe na campanha, nem decline seu voto. Problema dele. E indaga-se, até que ponto Lerner poderia, se fosse o caso, influir em favor do candidato pelo qual optasse? Certo, isto sim, é que o ex-prefeito verá de camarote sua obra e de seus amigos nos últimos 30 anos na Capital e no Estado, louvado por interesse político-eleitoral de uns e de outros, permeando-se com a sinceridade de quem cresceu vendo a transformação de Curitiba. As páginas estão aí: os depoimentos são espontâneos, o reconhecimento é um fato. Claro, Lerner continua não sendo uma unanimidade, talvez até nem queira, ficaria esquisito, por exemplo, ver Roberto Requião passando o recibo. Há gente, entretanto, que vai ter que dar a volta para esquivar-se de uma opinião positiva sobre ele. * O autor é jornalista em Curitiba abcom@abcom.com.br


QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

O PRESENTE |

Paulo Bernardo rumo à Itaipu Com o fim das férias da presidenta Dilma Rousseff, retorna à pauta do Palácio do Planalto a reforma ministerial programada para este mês. No fim do ano passado, a própria presidenta alertou que as mudanças decepcionariam aqueles que esperam uma ampla reforma no primeiro escalão do governo. Se depender do PT e dos partidos aliados, porém, a renovação do gabinete não será tão acanhada. Nos últimos dias, a pasta que entrou na mira foi o Ministério das Comunicações, atualmente comandado pelo ministro Paulo Bernardo (PT). A ideia de uma ala do PT paranaense é deslocar Paulo Bernardo para a diretoria-geral da usina hidrelétrica de Itaipu no lugar de Jorge Samek, que transferiu seu domicílio eleitoral para Foz do Iguaçu e aguarda uma decisão de Dilma para lançar-se à disputa pela prefeitura do município. O plano, se levado adiante, reforçaria a presença do partido no Paraná e daria à presidenta mais uma carta para manejar, caso Dilma agora decida promover uma dança das cadeiras menos limitada.

Recado dado O recado já foi enviado ao Palácio do Planalto. Integrantes do grupo político de Paulo Bernardo trataram do assunto com o ministro Gilberto Carvalho, chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República. E também chegou aos ouvidos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Um parlamentar petista disse a Lula que Samek pretendia candidatar-se a prefeito de Foz de Iguaçu, mas recebeu como resposta um sorriso irônico de quem sabe com detalhes a remuneração mensal do diretor-geral de Itaipu. Integrantes da cúpula petista também duvidam que Samek deseje deixar seu cargo na estatal criada pela parceria dos governos de Brasil e Paraguai na década de 1970. “É uma alternativa que a presidenta Dilma vai ter, aí vai depender dela”, comentou um integrante do grupo político de Bernardo e entusiasta da mudança.

Ponto positivo Petistas alegam ainda que a mudança teria como ponto positivo reduzir a pressão sobre a família do ministro, que é casado com a chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann. No entanto, na avaliação de interlocutores do casal, a articulação deve-se a uma estratégia do PT: a substituição de Samek por Paulo Bernardo abortaria as disputas dentro do partido e entre os aliados pela direção de Itaipu. Além disso, a jogada renderia propaganda gratuita à futura candidatura do atual diretor-geral da estatal e, diante da possibilidade de Gleisi candidatar-se a governadora do Estado, obrigaria Bernardo a se dedicar integralmente a fazer política no Paraná com vistas a tirar os tucanos do poder local em 2014.

Grandes chances Bernardo e Gleisi atuaram efetivamente em favor da candidatura a prefeito de Curitiba do ex-deputado Gustavo Fruet, que recentemente deixou o PSDB e filiou-se ao PDT. O PT também tem candidaturas promissoras em Londrina e outras cidades paranaenses importantes. Para dirigentes do partido, Samek tem grandes chances de eleger-se, pois, durante o período em que ocupou a direção-geral de Itaipu pelo lado brasileiro, a empresa estatal patrocinou diversas atividades em Foz do Iguaçu.

Novo impulso A saída de Paulo Bernardo do comando do Ministério das Comunicações pode ainda dar novo impulso ao debate dentro do governo sobre a regulação da mídia. Bernardo herdou do governo Lula uma proposta sobre o assunto, mas, apesar das pressões do PT, impediu que o projeto avançasse. Outro argumento citado por pessoas próximas a Bernardo é que o ministro das Comunicações e ex-titular do Ministério do Planejamento durante parte do governo Lula ainda tem “missões e metas a cumprir” em seu atual cargo. Coincidentemente, os petistas tentam chegar a uma conclusão sobre o prazo de que Samek precisa para se desincompatibilizar e poder disputar a Prefeitura de Foz do Iguaçu por conta do caráter excepcional de Itaipu, uma empresa binacional. Assim, em vez de ter de deixar a função em abril como outros presidentes de estatais e ministros, Samek poderia pedir demissão em junho, prazo fixado para os servidores públicos em geral. A dúvida ainda não foi dirimida pela Justiça Eleitoral.

Divulgação

03

Boicote negado A Casa Civil negou ontem (10) que tenha havido qualquer ordem para boicote com as emendas ao orçamento apresentadas pelo senador Alvaro Dias (PSDB). O senador afirma que foi vítima de discriminação e que a ministra Gleisi Hoffmann (PT), da Casa Civil, teria dado ordem para que suas emendas não fossem liberadas. Arquivo/OP O ministério nega qualquer interferência no processo. Diz que a Casa Civil nem mesmo é responsável pela liberação do dinheiro - tarefa que cabe à Secretaria de Relações Institucionais da Presidência, comandada por Ideli Salvatti (PT). Mesmo assim, a assessoria diz que não houve pedido para que as emendas não fossem pagas. Alvaro, que não está nem um pouco convencido da história, diz que usará a tribuna no mês que vem para denunciar o fato. “Quem perde é o Senador Alvaro Dias: “Quem perde é o Paraná” Paraná”, afirma.

Prioridade é Curitiba Pouco mais de um mês após sua saída do Ministério do Trabalho motivada por denúncias de corrupção, Carlos Lupi reassumiu na segunda-feira (09) a presidência do PDT. O mandato na direção da legenda vai até 2013. Lupi adiantou que nas eleições municipais deste ano o PDT vai manter as alianças com o PT e colocou Curitiba como prioridade entre as Capitais. O pedetista agendou para final de janeiro a visita ao correligionário Gustavo Fruet.

TRABALHO ESCRAVO NO SUL O Ministério do Trabalho divulgou no final de 2011 a atualização da “lista suja”, que relaciona as fazendas e empresas do país pegas usando trabalho análogo à escravidão. Desta vez, o Paraná aparece com 16 nomes na lista - cinco foram acrescentados desde a última atualização, no meio do ano. E, com isso, o Estado tem o mesmo número de denunciados que Santa Catarina, e bem mais do que o Rio Grande do Sul, com cinco casos. No entanto, o número de trabalhadores em regime de escravidão resgatados nas fazendas e empresas paranaenses supera o de Santa Catarina. Foram 250 aqui, contra 221 lá. O campeão nacional continua sendo o Pará, com 70 dos 294 casos do país.

Policiais se manifestam Associações representativas dos policiais e bombeiros militares divulgaram na segunda-feira (09) um manifesto contra o anteprojeto de lei apresentado pelo Comando Geral da Polícia Militar do Paraná para a implementação da Emenda 29 (subsídio). O material foi produzido por uma comissão especial do Governo do Estado, mas, segundo as entidades, “não condiz com o que busca a classe dos policiais e bombeiros militares”, de valorização profissional e salários dignos. Hoje (11), o Fórum das Entidades Representativas dos Policiais e Bombeiros Militares se reúne para definir como irá agir. A categoria afirma estar decepcionada com o anteprojeto.

Crítica Para poder disputar a Prefeitura de Foz do Iguaçu, ao invés de ter que deixar a função em abril como outros presidentes de estatais e ministros, Jorge Samek poderia pedir demissão em junho, prazo fixado para os servidores públicos em geral

Presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Mauro Moraes também criticou a proposta, que segundo ele, está muito abaixo do piso mínimo de R$ 3,6 mil mensais esperado pela categoria. O tucano alega que o orçamento aprovado pela Casa para 2012 prevê recursos para o pagamento desses valores. Além disso, uma emenda apresentada pela comissão aprovada pelos deputados prevê R$150 milhões para serem usados no pagamento do subsídio, o que na avaliação do deputado, “torna injustificável o valor proposto até o momento”.


GERAL

04 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

FUNDO DE GARANTIA

Conselho aprova FGTS na compra de material de construção

Para ter acesso a essa linha de crédito, é preciso ser cotista do FGTS. O valor do empréstimo está limitado a R$ 20 mil e o prazo de pagamento é de 120 meses

O

Conselho Curador do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) aprovou a utilização de até R$ 20 mil do dinheiro do fundo para a compra de material de construção. A nova linha de crédito, chamada de Fimac FGTS (Fi-

nanciamento de Material de Construção), estará disponível para cotistas do fundo com vínculo empregatício ativo, independente da renda e de acordo com sua capacidade de pagamento. A linha ainda depende de regulamentação da Caixa Econômica Federal, o que deverá ocorrer em até 30 dias após a data da publicação. De acordo com nota do Ministério do Trabalho, a linha poderá ser usada para reforma, ampliação ou construção de imóveis residenciais. Também será possível usar o dinheiro para instalação de hidrômetros de medição individual, implantação de sistema de aquecimento solar

e de “itens que visem à acessibilidade, desenvolvimento sustentável e preservação do meio ambiente”. O prazo de amortização será limitado a 120 meses. As prestações serão calculadas pelo Sistema de Amortização Constantes (SAC) ou pela Tabela Price - a escolha ficará a cargo do agente financeiro que liberar o dinheiro. A taxa de juros máxima será de 12% ao ano - incluindo juros, comissões e outros encargos financeiros. O local que receber a obra deverá ser regularizada e financiável nas condições do Sistema Financeiro de Habitação (SFH).

Sarney convoca comissão para ouvir Bezerra amanhã O presidente do Congresso Nacional, senador José Sarney (PMDB-AP), decidiu ontem (10) convocar amanhã (12) reunião da Comissão Representativa do Congresso, da qual também é presidente. Segundo a assessoria de imprensa da presidência do Senado, a reunião que acontecerá no plenário da Casa vai analisar todos os requerimentos recebidos pelo colegiado. Diante das denúncias de favorecimento político em benefício de seu Estado, Pernambuco, na distribuição de recursos orçamentários, o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, so-

licitou a Sarney que convocasse a comissão para esclarecer o assunto aos congressistas. Após um encontro na segunda-feira com a presidenta Dilma Rousseff, o ministro disse que telefonou para Sarney e fez a solicitação. “(A ida ao Congresso) servirá para que eu possa tirar qualquer dúvida sobre a gestão da Defesa Civil no meu Estado”, ressaltou o ministro na segunda-feira (09). Além disso, na semana passada, o PPS protocolou requerimento cobrando explicações do ministro sobre as denúncias. Ele nega as acusações. Ontem, o PSBD e o

DEM anunciaram que também vão apresentar requerimento para que Bezerra esclareça o assunto. A Comissão Representativa do Congresso - formada por oito senadores e 17 deputados indicados pelas lideranças partidárias - está de plantão desde o dia 23 de dezembro. O plantão vai até 1º de fevereiro. As reuniões são convocadas pelo presidente. Para que sejam realizadas, é necessária a presença mínima de três senadores e seis deputados. Sarney estava em São Luís e retornaria a Brasília ainda ontem.

PANORAMA POLÍTICO

PEDRO WASHINGTON prpress@terra.com.br

Democracia à brasileira No modelo americano de democracia, que ontem (10) cumpriu a segunda das 56 etapas em que as primárias partidárias ouvem a opinião de seus eleitores, devidamente inscritos nos partidos, que lá, apesar de alguns poucos sem expressão, se resume a dois, com ideologias absolutamente definidas, o candidato a presidente é fruto da decisão coletiva. Bem diferente do que acontece por aqui, onde caciques decidem, sem se importar com o que pensam os eleitores. Os poucos filiados aos 28 partidos assinaram fichas mais das vezes por interesse. Não por acaso os partidos que estão no poder detêm o maior número de filiações. São milhares os cargos em comissão sem exigência de qualquer conhecimento técnico a serem ocupados, bastando apenas o QI (quem indica). Assim o PSDB, que foi forte com FHC, agora cedeu o posto ao PT. Se considerados os mais de 120 mil eleitores da pequena Iowa, primeira consulta feita às bases pelo Partido Republicano, as filiações de qualquer agremiação política brasileira são ridículas. Ainda assim comprometidas com os Lula’s (ou sua substituta), com os Sarney’s e Cia ilimitada e tantos políticos que não querem que o sistema brasileiro se modernize. Continuaremos assim a viver a incipiente democracia à brasileira, na base do quanto pior, melhor! Se a mais importante das reformas, a política, é sequer cogitada; e é bom que não o seja, se a condição for ser conduzida por este Congresso, dirigida a seus próprios interesses, as demais, tributária e previdenciária, não serão promovidas. Pelo menos enquanto o PT e seus partidos subservientes estiverem mandando. Continuísmo é o que mais ambicionam.

Leis de mais e... Uma constatação de agora, vem tarde. Descobre a imprensa que em cada dez projetos de lei, nove são inúteis, isto é, não beneficiam o brasileiro; redundantes, pois já há legislação sobre o assunto ou simplesmente são inconstitucionais.

... inócuas Consequência clara de ser o Brasil talvez o país do mundo que tem mais leis, aprovadas por iniciativa dos governos federais desde sempre (incluindo o período chamado de “revolucionário”), dos estaduais e legislativos federais, estaduais e municipais. Daí se dizer que “não são para serem cumpridas”.

Missões descumpridas O que não se constitui em surpresa de vez que Legislativos no Brasil servem apenas como apêndices de governos. Com as maiorias a favor e poucos contra, até para garantir o estranho modelo democrático que se pratica por aqui. Legislativos não legislam; não fiscalizam. Apenas são contra ou dizem amém!

Depois dos cocos... só abacaxis O retorno antecipado da presidenta Dilma, que abandonou suas curtas férias em praia da Bahia (muito menor que a dos Judiciários, embora ela tenha mais responsabilidade que todos os juízes, desembargadores e ministros de tribunais superiores) para discutir o recorrente problema das enchentes, logo estará às voltas com as situações criadas nos ministérios da Integração e da Indústria e Comércio.

Boas... Nem só de notícias ruins vive uma coluna. De vez em quando uma Secretaria de Saúde do Estado dá notícias alvissareiras, como as de Michele Caputo à imprensa. Ao orçamento do segundo ano de governo Beto Richa (o orçamento da saúde anterior - com dívidas - foi herdado), R$ 340 milhões foram acrescentados à pasta que cuida da saúde do paranaense, permitindo melhorar sensivelmente seu atendimento.

... novas Some-se a isso a retirada agora obrigatória de recursos aplicados no saneamento básico, no caso do Paraná também no Hospital Militar (da PM) e outros que tais, que constavam dentro dos 12% obrigatórios no orçamento do governo para o setor e se terá um quadro bem melhor para 2012.

Em choque Ano novo, vida nova! Pena que os bancos, a Receita Federal e as prefeituras não adotem esse slogan e insistam em cobrar o que se deve a eles.


QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

ESTADO

O PRESENTE | 05

PLANEJAMENTO

Empresários se mobilizam para atrair montadoras ao Paraná AENotícias

Um dos investimentos que terá atenção prioritária do grupo é o da montadora alemã BMW, que planeja instalar uma fábrica no Brasil

E

xecutivos representantes de empresas fornecedoras de peças automotivas formalizaram ontem (10) uma carta de apoio ao Paraná, reforçando que o Estado reúne todas as condições para sediar grandes montadoras. Eles reuniram-se com o governador Beto Richa no Palácio das Araucárias para dar início a uma força-tarefa formada por 20 empresários que vão trabalhar para atrair empresas multinacionais. O secretário estadual do Planejamento e Coordenação Geral, Cassio Taniguchi, também participou do encontro. Um dos investimentos que terá atenção prioritária do grupo é o da montadora alemã BMW, que planeja instalar uma fábrica no Brasil.

O governador Beto Richa, juntamente com o secretário do Planejamento e Coordenação Geral, Cássio Taniguchi, reunido com fornecedores da BMW: início de uma forçatarefa para atrair empresas multinacionais

O governador Beto Richa destacou a importância do envolvimento das empresas fornecedoras neste processo de captação de investimentos para o Paraná. “As empresas que já atendem a BMW na Europa, por exemplo, têm conhecimento de mercado e para nós o apoio de todas elas é fundamental”, disse. Richa disse que o Paraná se

transformou em um importante polo industrial automotivo, não só pela quantidade de indústrias e fornecedores, como também pela qualidade da mão de obra, localização geográfica estratégica e aspectos logísticos em constante aprimoramento. “Estas vantagens certamente credenciam o Paraná a receber uma montadora como a BMW”, afirma.

O governador afirmou que no último ano o Estado atraiu investimentos que somam R$ 9 bilhões e que o objetivo do governo é captar empreendimentos produtivos que promovam a geração de emprego e renda e a melhoria da qualidade de vida da população em todas as regiões paranaenses. O secretário Cassio Taniguchi

afirmou que encontro entre governo e empresários é a prova de uma nova visão em favor do desenvolvimento do Paraná. Ele destacou que para garantir um bom ambiente de negócios o governo estadual está trabalhando e investindo nas áreas estruturais como portos, aeroportos, estradas, tecnologia e pesquisas.


ESTADO

06 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

CONTROLE GOVERNAMENTAL

10% das cidades descumprem a Lei Estadual da Transparência

Pelo menos 40 municípios do Paraná ainda não divulgam gastos em diário oficial, o que é obrigatório desde o dia 1º

A

o menos 10% das prefeituras paranaenses ainda não se adequaram às obrigações impostas pela Lei Estadual da Transparência. Desde 1º de janeiro, os 399 municípios do Paraná têm de divulgar todos os seus gastos e outros atos oficiais no Diário Oficial do Estado (mantido pelo governo estadual) ou em seus próprios diários oficiais; em suas páginas na internet; e em veículos da imprensa regionais. No entanto, de acordo como o Departamento de Imprensa Oficial do Estado do Paraná, cerca de 40 municípios que não têm diário próprio ainda não firmaram convênio com o governo para divulgar suas despesas no veículo oficial do Estado. Segundo a Imprensa Oficial, aproximadamente 350 prefeituras se cadastraram para divulgar seus atos por meio do Diário

Oficial do Estado. Como outras dez prefeituras criaram ou já mantinham diários oficiais próprios. Todas as prefeituras do Paraná tiveram seis meses para implantar as medidas, desde que a lei foi sancionada, em julho do ano passado. As consultas aos diários oficiais das prefeituras conveniadas com o governo podem ser feitas na página da Imprensa Oficial na internet (www.imprensaoficial.pr.gov.br). Os atos oficiais desses municípios têm sido publicados desde o primeiro dia do ano no suplemento chamado “Municipalidades”, encartado no Diário Oficial do Comércio, Indústria e Serviços. Já os municípios que não se adequaram devem ser fiscalizados pelo Tribunal de Contas do Estado (TC). A assessoria de comunicação do TC informou que a Diretoria de Contas Municipais do órgão já está monitorando as publicações. O TC admite, porém, que ainda está estudando a melhor maneira de aplicar as sanções previstas na lei e controlar a atuação dos municípios na publicação de seus atos, tendo em vista o grande volume diário de decisões e gastos. Quanto ao

controle das publicações oficiais em veículos da imprensa, como prevê a lei, o controle deve ser feito pelo Ministério Público. A escolha dos jornais deve ser feita por licitação. A legislação que entrou em vigência no início deste ano ampliou a abrangência da Lei Estadual da Transparência projeto de lei que havia sido formulado pela seção Paraná da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-PR), em conjunto com a Associação Paranaense de Juízes Federais. Essa lei foi concebida em 2010, após pressão popular do Movimento Paraná que Queremos para ampliar o acesso dos cidadãos às informações do setor público, especialmente na Assembleia, assolada por denúncias de corrupção. A lei prevê que as publicações na internet deverão ser de amplo acesso, sem exigências de cadastro de usuários ou utilização de senhas para acessar os diários oficiais. Atos administrativos - como nomeação de servidores, salários, lotação, licitações, ativos, despesas, cópias das notas fiscais e bens móveis e imóveis - devem ser amplamente divulgadas.

Produção industrial do Estado tem segunda maior alta A produção industrial registrou crescimento de 9,2% no Paraná na comparação entre novembro de 2011 com o mesmo mês de 2010. O Estado teve o segundo melhor desempenho entre as 14 regiões pesquisadas, perdendo apenas para Goiás, onde a elevação foi de 13,3%. Os dados fazem parte da Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) ontem (10). Os dados do Paraná ficaram acima também da média nacional, que registrou queda de 2,5% no período. O setor que mais contribuiu para o resultado obtido pelo Paraná foi o de veículos automotores, que teve crescimento foi de 49%. “A produção de caminhões foi a principal responsável por esse resultado”,

de acordo com o economista Rodrigo Lobo, do IBGE. Na sequência, os setores que mais influenciaram foram madeira (18%), edição e impressão (9,8%) e refino de petróleo e álcool (9,6%). Na passagem de outubro para novembro de 2011, a alta na produção industrial foi de 5,4% - também o segundo melhor entre as pesquisadas. O avanço mais acentuado foi o de Goiás. O IBGE não soube informar quais foram os setores que influenciaram nesse resultado. No acumulado entre janeiro e novembro de 2011, o crescimento da produção industrial foi de 5,6% no Paraná. A elevação foi de 5,2 nos últimos 12 meses. Na passagem de outubro para novembro, a produção industrial cresceu em oito dos 14 locais que

compõem a Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física, conduzida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Além de Goiás e Paraná, as maiores altas foram obtidas por Espírito Santo (4,7%), Minas Gerais (4,6%) e Rio de Janeiro (3,9%). Os demais locais com expansão na produção acima da média nacional, que ficou em 0,3% no período, foram São Paulo (1,9%), recuperando parte da perda de 7,5% verificada nos dois últimos meses de queda na produção, Santa Catarina (1,6%) e Pará (0,5%). Na direção oposta, houve queda na produção no Ceará (-0,3%), Rio Grande do Sul (-1,3%), Pernambuco (-2,4%), região Nordeste (-2 9%), Amazonas (-3,0%) e Bahia (-6,4%). Na comparação com novembro de 2010, oito dos 14 locais mostraram queda na produção: Santa Catarina (-7,7%), Ceará (-6,8%), São Paulo (-4,9%), Bahia (-4,2%), Rio Grande do Sul (-3,4%), região Nordeste (-2,6%), Rio de Janeiro (-1,5%) e Pará (-1,0%). Houve avanço na produção em Goiás (13,3%), Paraná (9,2%), Espírito Santo (4,1%), Minas Gerais (2,8%), Pernambuco (1,9%) e Amazonas (0,5%).

Ações da Sanepar foram as mais valorizadas do Paraná em 2011 As ações da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), controlada pelo Governo do Estado, tiveram valorização de 65,92% em 2011. Foi a 15ª maior alta entre as empresas brasileiras durante o ano e a maior entre as companhias paranaenses com ações em bolsa. Em dezembro de 2011, a ação da Sanepar fechou o ano a R$ 4,93, bem acima dos R$ 2,92 do mesmo mês de 2010. O bom desempenho das ações da Sanepar também se confirma quando comparado com outros indicadores da economia. No ano passado, o Ibovespa (que mede o resultado das ações mais negociadas no mercado nacional) caiu 18%, a inflação cres-

ceu 6,5%, o dólar teve valorização de 12,3% e o ouro, de 15,8%. “É um reflexo da confiança no Governo do Estado e no trabalho que desenvolvemos ao longo do ano, quando voltamos a ser uma empresa ativa e forte”, afirma o presidente da Sanepar, Fernando Ghignone. A diretoria ampliou canais de relacionamento com clientes, prefeituras e acionistas, priorizando a transparência nas informações. “Estamos presentes nos municípios com projetos, obras e investimentos que melhoraram a qualidade de vida das pessoas em todo o Paraná”, diz o diretor de Relações com Investidores da companhia, Ezequias Moreira Rodrigues.

Programa implantado este ano incentivará cultura em todo PR O Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura (Profice), desenvolvido pela Secretaria Estadual da Cultura, começa a vigorar este ano. Serão elaborados editais para a escolha dos projetos culturais. Eles deverão estar enquadrados nas áreas de artes visuais, audiovisual, circo, dança, literatura, música, ópera, patrimônio cultural, culturas populares e teatro. O Profice, lei nº 17.043, sancionado pelo governador Beto Richa, e a criação do Conselho Estadual de Cultura (Consec) dão mais ferramentas para estimular a produção artística do Estado. “Nosso projeto é descentralizar a cultura e incentivar o trabalho dos artistas do Estado”, explica o secretário de Estado da Cultura, Paulino Viapiana. O decreto assinado concretiza o trabalho feito durante o ano passado, com as 20 audiências públicas em 18 cidades, para que os paranaenses pudessem conhecer e opinar sobre as propostas. Para iniciar as atividades do programa, o Consec deve estar

formado e em atividade. Assim como em outros Estados, o conselho será um órgão colegiado da estrutura organizacional básica da Secretaria Estadual da Cultura e permitirá que a sociedade participe na formulação de políticas públicas. A Secretaria elabora o calendário das nove conferências para escolher os representantes setoriais e conselheiros regionais que farão parte do Consec. De caráter consultivo, normativo, deliberativo e fiscalizador, o conselho terá como atribuições participar da elaboração e acompanhar a execução do Plano Estadual de Cultura, participar da formulação do Plano Anual de Ações, definir e aprovar os editais do Profice e cooperar com os conselhos de política cultural nas esferas municipal, estadual e federal. A criação do conselho era um pedido antigo da comunidade cultural e faz parte das metas de governo. A participação nas conferências irá garantir a representatividade necessária para que o Consec contribua para as ações que serão desenvolvidas no Estado.


GERAL

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

O PRESENTE | 07

ADULTERAÇÃO VOLUMÉTRICA

Sindicato acredita que postos da região são isentos de fraude Fotos: Arquivo/OP

Empresários e representantes também descar tam possibilidade de existir irregularidade nos bicos de bombas nos postos de Marechal Rondon e região

A

pesar de não ser possível assegurar com certeza absoluta sem que haja uma investigação específica, o Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis (Sindicombustíveis Paraná) acredita que a prática de fraudar os bicos das bombas de combustíveis para reduzir o volume abastecido nos veículos não chegou a cidades do interior do Estado, como Marechal Cândido Rondon e outras da região. A informação é do presidente do órgão estadual, Roberto Fregonese. Segundo ele, como se trata de uma fraude que exige uma tecnologia um tanto quanto nova (que aciona a redução do volume abastecido por meio de controle remoto), possivelmente não esteja acessível facilmente. “Este tipo de sofisticação que estavam usando nos equipamentos de abastecimento é novo e talvez não tenha chegado ao interior. Além disso, para funcionar, o posto precisaria de assistência para armar ou desarmar o dispositivo”, supõe. Por outro lado, o presidente do Sindicombustíveis ressalta que não é possível garantir a isenção total de fraude nos postos da região. “Quem está disposto a lesar o consumidor pode acabar fazendo. Por isso, hoje, não temos como garantir que não exista o problema em outras cidades do Estado ou no interior”, ressalta.

DESCARTAM

A divulgação sobre a investigação de fraudes em postos de combustíveis na Capital paranaense gerou apreensão e dúvida em grande parte dos consumidores que precisaram abastecer seus veículos a

partir de então. Desconfiados, muitos têm indagado proprietários de postos e mesmo os frentistas sobre a possibilidade de serem lesados, o que vem sendo descartado por empresários rondonenses. Em contato com alguns representantes de postos de combustíveis do município, a reportagem de O Presente obteve a mesma observação: de que dificilmente a tecnologia de fraude teria chegado à região. Nem mesmo teria ocorrido a oferta de instalação de um dispositivo de redução volumétrica.

INVESTIGAÇÕES

Com supervisão do Ministério Público (MP), as investigações de postos devem ter continuidade nos próximos dias. “O MP puxou para si essa questão e o próprio governador (Beto Richa) quer uma investigação bastante rigorosa para identificar se existe qualquer tipo de irregularidade onde quer que seja”, informa Fregonese. Sobre a divulgação de que o governador já teria conhecimento das fraudes há cerca de um ano, o presidente do Sindicombustíveis ressalta que houve um desvio do foco do assunto noticiado. “Quando me questionaram em relação às fraudes, eu apenas disse que o que saiu no Fantástico nada mais é do que uma materialização do que nós, do sindicato, já tínhamos apontado. Nunca disse que existia um dispositivo que era colocado na bomba de combustível e outros detalhes. Somente apontamos que existia a fraude volumétrica, ou o litro de 900ml, assim como indicamos que existe a sonegação fiscal (compra e venda de produto sem nota) e a adulteração de combustível (adição de mais etanol na gasolina do que recomendado)”, explica. Ele informa que no início de 2010 o Sindicato fez a denúncia ao governo e ao MP, ocasião em que apresentou um dossiê. “Fizemos sugestão para que se investigasse e adotassem medidas em relação aos problemas existentes. Em alguns casos o Governo do Estado tomou providências, como na Se-

Presidente do Sindicombustíveis Paraná, Roberto Fregonese: “Esse tipo de sofisticação nos equipamentos é novo e talvez não tenha chegado ao interior. Além disso, para funcionar, o posto precisaria de assistência”

cretaria da Fazenda, onde houve o fim do regime especial e a mudança do tipo de tributação. Porém, não é o Governo do Estado que tem que resolver as fraudes. Para isso temos uma agência reguladora, a ANP (Agência Nacional de Petróleo), que deveria fiscalizar com mais veemência todos os postos de combustíveis, pois hoje penso que há uma fiscalização muito frouxa, por isso acontecem as fraudes”, explana. Diante das denúncias, que já chegaram ao conhecimento do MP, o órgão sindicalista aguarda a tomada de providências. “Esperamos que, com tudo o que aconteceu, seja aumentada a fiscalização e que consigamos tranquilizar o consumidor para que corra menos risco do que estava correndo até então”, enfatiza Fregonese.

INDÍCIOS

O presidente do Sindicombustíveis orienta que os indicativos para saber se existe alguma irregularidade em algum posto são os preços dos combustíveis praticados pelas empresas. “Um ‘milagre’ muito grande não há como acontecer sem que exista alguma fraude por trás, que dê sustentação a um preço muito baixo”, aponta Fregonese. “O consumidor deve tomar cuidado, escolhendo bem o posto em que vai abastecer o veículo. Também é importante exigir nota fiscal e fazer uma média de quilometragem, já que uma alteração significativa da média do veículo pode ser um indício de adulteração no combustível”, conclui.

Possibilidade de implantar dispositivo nos bicos de bombas de combustíveis, os quais reduzem o volume abastecido efetivamente, gerou desconfiança nos consumidores: fato é praticamente descartado na região

MP afirma que terá dificuldades em recolher provas materiais Após as denúncias envolvendo o esquema de fraude em bombas de postos de combustíveis, o Ministério Público do Paraná (MP-PR) propôs uma mudança legislativa na tributação do etanol. A medida tem o objetivo de combater a sonegação fiscal e não está diretamente ligada à fraude da placa eletrônica, denunciada pelo Fantástico. O MP-PR afirmou que não tinha conhecimento sobre a fraude nas bombas dos postos de combustíveis. Os promotores foram informados pela reportagem do Fantástico. Segundo informações do MPPR, as investigações da fraude nos postos de combustíveis de Curitiba deverão ser mais trabalhosas devido

à perda do elemento surpresa nas investigações. De acordo com o procurador-geral de Justiça do MP-PR, Olympio de Sá Sotto Maior Neto, o intervalo entre as chamadas da reportagem na Rede Globo, a sua ida ao ar e início das investigações pelos órgãos responsáveis deu margem à ocultação de provas pelos postos envolvidos no esquema. “O MP não tinha conhecimento da fraude e agora vamos ter que intensificar as investigações para reunir provas materiais da fraude”, afirmou o promotor. Sobre a sonegação fiscal, aproximadamente R$ 23,6 milhões teriam deixado de ser arrecadados em impostos sobre o etanol, em 2011, em Curitiba e região metropolitana. A

estimativa foi apresentada pelo Ministério Público do Paraná ontem (10). O órgão recebeu 19 denúncias criminais envolvendo distribuidoras de combustível dessa região no ano passado. Por este motivo, o Ministério Público do Paraná vai propor uma mudança legislativa na tributação do etanol. A ideia é de que o ICMS deixe de ser arrecadado pelas distribuidoras e passe a ser feita pelas usinas. A alteração facilitaria a fiscalização e dificultaria a sonegação, de acordo com o MP-PR. O problema não ocorre na gasolina, pois o imposto é recolhido pela Petrobras quando o produto sai das refinarias.

Empresário é preso Por volta das 21 horas de segunda-feira (09) o empresário acusado de fraudar bombas em postos de combustível em Curitiba, Cleber Onésio Alves Salazar, apresentou-se, acompanhado de seu advogado, ao Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado (Gaeco). Ele foi preso e ouvido pelos promotores de Justiça de Defesa do Consu-

midor, pela equipe do Gaeco e pelo delegado Jairo Estorilio, da Delcon - Delegacia do Consumidor. Após o depoimento, o empresário foi encaminhado para o Centro de Triagem 2, em Piraquara. Cleber teve a prisão temporária decretada por cinco dias na tarde de segunda-feira, depois de aparecer em reportagem do Fantástico.


GERAL

08 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

SENSIBILIZAÇÃO

Coordenador do Núcleo de Fronteira visita Rondon Vanderleia Kochepka

Município deve apresentar demandas existentes em várias áreas. Informações serão aproveitadas na criação de um plano de desenvolvimento e integração da faixa fronteiriça

E

m vista da instalação oficial do Núcleo Regional para o Desenvolvimento e Integração da Faixa de Fronteira do Estado do Paraná, o coordenadorgeral do projeto, Josemar Ganho, esteve, ontem (10), em Marechal Cândido Rondon para uma visita de sensibilização ao município. A reu-

nião, que foi realizada na prefeitura, contou com a presença do prefeito em exercício, Silvestre Cottica, secretários municipais e representantes da procuradoria jurídica. Conforme Ganho, o Núcleo de Fronteira integra as três esferas governamentais no planejamento e execução de ações voltadas para o desenvolvimento da região, sendo que na faixa paranaense fronteiriça se encontram 139 municípios. “Ele está instalado junto à Fundação do Parque Tecnológico de Itaipu em Foz do Iguaçu e sua finalidade é coordenar as ações e propor medidas que visam ao desenvolvimento de iniciativas e a implementação de políticas públicas para a região fronteiriça. Por conta disso, integram o núcleo mais de 20 secretarias e autarquias do Estado, Itaipu, Polícia Federal, Receita Federal, Parque Nacional do Iguaçu e a Unila (Universidade da Integração Latino-Americana), além

O coordenador-geral do Núcleo de Fronteira, Josemar Ganho, fez uma série de explanações referentes ao projeto durante reunião com o prefeito em exercício, Silvestre Cottica, e a equipe de governo

das associações de municípios da região, Fiep, Faep, Faciap, Fecomércio e Ocepar”, diz. Em relação ao município rondonense, Ganho explica que o intuito da visita foi sensibilizar as autoridades sobre o que é o Núcleo de Fronteira. “Ele faz parte de um programa do governo federal, coordenado pelo Ministério da Integração Nacional, do qual fazem parte 16 ministérios e o sistema de gestão da comissão permanente se divide em 11 núcleos. Durante a reunião apresentei a estratégia, metodologia e o conceito de atuação do Núcleo de Fronteira do Paraná, que prevê a organização, sistematização e a gestão dos diversos projetos dos entes federativos. Anteriormente, o Ministério do governo federal atuava dentro dos municípios da faixa de fronteira com um programa, como, por exemplo, na saúde e ainda havia o Esta-

do do Paraná atuando com outro projeto juntamente com o município. Agora, o Núcleo visa integrar tudo isso e ver o que cada um está fazendo, juntar em um único projeto e fazer somente uma governança, envolvendo diversas áreas como a saúde, educação, cultura, segurança pública, desenvolvimento econômico e social”, expõe. Segundo o coordenador, Marechal Rondon já atuou em outras organizações que demandam projetos. “Viemos deixar e posteriormente recolher um formulário que permite ao município apresentar ao Núcleo as grandes demandas em várias áreas, dentro das suas dificuldades e as propostas de soluções. Vamos receber estas informações de Rondon e dos outros 139 municípios do Paraná para sistematizar e criar um plano de desenvolvimento e integração da faixa de fronteira”, ressalta.

Toledo: inscrições para concurso público seguem até dia 27 Abertas no último dia 02, as inscrições para o Concurso 02/ 2011, promovido pela Prefeitura de Toledo, podem ser feitas até o próximo dia 27. “Estamos promovendo esse concurso para essencialmente preencher as vagas que temos em nosso quadro. A possibilidade de chamamento é eminente”, diz a diretora de Gestão de Pessoas da Secretaria de Recursos Humanos da prefeitura, Marlene Nichele. De acordo com a diretora, o Concurso 02/2011 oferece vagas para médicos. “Esperamos contratar sete profissionais, cada um de acordo com sua especialidade. Pedimos para que os profissionais se inscrevam, pois neste setor sempre temos dificuldades para a contratação”, expõe. Além dos profissionais de Medicina, o concurso visa preencher as vagas para engenheiro civil, fonoau-

diólogo, técnico de som e iluminação, técnico de palco, soldador e auxiliar de operação e manutenção. “As pessoas que querem fazer carreira como servidor devem aproveitar esta oportunidade”, comenta Marlene. As inscrições, segundo a diretora, devem ser realizadas através do site da prefeitura (www.toledo.pr.gov.br). Os candidatos podem realizar as inscrições até o dia 27, tendo até o dia 30 para efetuar o pagamento do boleto. “É importante ficar atento e não perder a data. Bons profissionais deixam de ingressar no serviço público por não observar atentamente os detalhes dos concursos”, alerta. Conforme Marlene, a empresa que vai efetuar as provas ainda não foi contratada. “Estamos em fase de licitação e logo que o processo for concluído podemos divulgar a data e o local das provas”, conclui.


QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

GERAL

O PRESENTE | 09

DETRAN-PR

Funcionários de Ciretrans planejam paralisação na terça Carina Ribeiro/OP

Trabalhadores reivindicam criação de categoria específica, melhores salários e aumento do quadro de pessoal

U

ma paralisação está sendo programada por trabalhadores das Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretrans) do Detran-PR para a próxima terça-feira (17), caso o Governo do Estado não atenda reivindicações da categoria até sexta-feira (13). Em Marechal Cândido Rondon, a exemplo de outros municípios do Paraná, uma faixa de protesto foi afixada na 35ª Ciretran, com os dizeres “Alta arrecadação, baixa remuneração - Plano de Cargos e Salários Já”. De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores do Detran do Paraná (Sisdep/PR), Gustavo Fatori, a decisão pela paralisação já foi votada em assembleia e a expectativa é de adesão significativa em todo o Paraná. “Esperamos que a adesão dos estatutários seja de 100%, mas acreditamos que, na prática, deverá ser de cerca de 80%”, afirma. Os trabalhadores demonstram insatisfação com a remuneração, condições de trabalho, falta de funcionários e falta de um plano de carreira próprio. “Não foi cumprido pela diretoria do Detran o que havia sido acordado com a categoria”, reclama. Segundo Fatori, havia sido estabelecido que a diretoria do Departamento daria andamento à criação de uma categoria específica para os funcionários do Detran, dentro do quadro geral de servidores do Estado técnico de trânsito, a qual teria uma gratificação diferenciada. O sindicalista aponta que a maioria

dos servidores do Detran possui média salarial de R$ 1 mil, o que é considerado inadequado, diante da função específica exercida por eles. “Como se trata de uma autarquia, deveria ter um quadro próprio, já que desempenha função própria. Para ser instrutor de reciclagem, por exemplo, é exigido que o servidor tenha uma formação de 200 horas/aula e que esteja preparado para a função. Assim, não é possível colocar outro servidor do quadro do Estado para isso. Da mesma forma, temos examinadores, vistoriadores, que fazem treinamento para trabalhar. Por isso buscamos essa diferenciação”, justifica. Outra reivindicação diz respeito à continuidade da avaliação do estágio probatório, que deveria ser de no máximo três anos. “Por falta de avaliação, há servidores do Detran que estão há cinco anos em estágio probatório no órgão e ainda não foram efetivados”, evidencia.

CURSO DE RECICLAGEM

Uma das reclamações da categoria ainda se refere à realização dos cursos de reciclagem (para motoristas que somam 20 pontos em infrações de trânsito), que a partir deste ano passam a ser feitos nos Centros de Formação de Condutores (autoescolas), reduzindo a remuneração extra de servidores do Detran. “Não temos o projeto e nem fomos informados de como isso vai funcionar. Nos preocupa a qualidade do serviço que será ofertado, além da perda de arrecadação do Detran, pois as taxas que eram pagas ao órgão serão pagas aos Centros de Formação”, enfatiza o presidente do Sisdep. Atualmente, conforme Fatori, todos os instrutores do Detran que atuam como instrutores no curso possuem Ensino Superior. “Isso não vai ser cobrado dos CFC’s. Além disso, houve um investimento do Estado na formação dos funcionários que dão o curso de reciclagem hoje, o que será perdido, assim como os trabalhadores tam-

A exemplo de outros municípios do Paraná, faixa de protesto também foi afixada na 35ª Ciretran de Marechal Cândido Rondon

bém estarão perdendo a remuneração por hora/aula”, explana, lembrando que existem cerca de 100 servidores capacitados no Estado. A mudança foi firmada a partir da assinatura de uma portaria pela direção do Detran, em acordo com o Sindicato dos CFC’s. “A portaria vai beneficiar a iniciativa privada e não sabemos quanto isso vai custar para o usuário que precisa cumprir a penalidade do curso”, aponta.

HORAS-EXTRAS

Segundo Fatori, há funcionários fazendo horas-extras que não estariam sendo pagas. “Sabemos de funcionários que estariam trabalhando até às 19 horas e nos finais de semana, nos chamados ‘Mutirões’ (para dar provimento nos exames práticos) sem receber hora-extra por isso, com o conhecimento da diretoria, que deveria fazer um planejamento melhor”, avalia. O sindicalista estima que hoje exista um déficit de aproximadamente 20% no quadro funcional do Detran-PR, o que acaba gerando o desdobramento dos servidores, que precisam trabalhar a mais e até mesmo exer-

cer funções alheias. “Temos funcionários trabalhando como instrutor de trânsito, vistoriador, examinador, atendente e ainda fazendo a biometria, enfim, todas as atividades, porque não tem servidor suficiente”, explana.

NARIZ DE PALHAÇO

A “Operação Padrão”, marcada pela utilização de narizes de palhaço, foi desenvolvida recentemente por servidores do Detran em diferentes cidades do Estado, com o intuito de manifestar ao público externo a insatisfação diante do não cumprimento do acordo anterior. “Foi uma forma de mostrar como nos sentimos. Agora queremos uma garantia de realização das mudanças que já foram acordadas”, salienta Fatori. Por outro lado, ele lembra que o Detran-PR é uma referência no país. “Isso devido ao bom trabalho dos servidores. Por esta razão, queremos esse reconhecimento”, conclui. Mesmo com a possível paralisação, 30% do atendimento devem ser mantidos na próxima terça-feira.


GERAL

10 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

FILADÉLFIA

Estado pretende incluir hospital rondonense no orçamento

Arquivo/OP

Negociações de repasse de valores para viabilizar a continuidade do atendimento devem ficar para fevereiro

Na estrada com MTV, F-Maxx da @tropicalcabines faz sucesso no Beto Carrero com a galera do Supercarros http://t.co/EnLFn3TI

Fábio Campana

PRAZO O desligamento do SUS deverá ocorrer de forma gradativa, já que o hospital tem prazo contratual para continuar atendendo por 60 dias (a partir do dia 02 de janeiro - data da

Ala do PT do Paraná quer Paulo Bernardo em Itaipu fabiocampana.com.br/?p=145589

Simepar

(@simeparpr)

Na quinta uma frente fria chega ao Sul do país, o que aumenta a instabilidade também no interior. Deve chover também no Oeste/Sudoeste.

Agência Senado

(@Agencia_Senado)

Projeto torna crime hediondo venda ilegal de agrotóxico tinyurl.com/7b43vww Aniversário de Drummond poderá ser Dia Nacional da Poesia tinyurl.com/6ljmfnq

A partir da próxima semana, hospital deixará de fazer novos internamentos, permanecendo somente as pessoas que precisam concluir o tratamento

notificação do descredenciamento). A partir da próxima semana, a instituição deixará de fazer novos internamentos, permanecendo no hospital somente as pessoas que precisam concluir o tratamento. Assim, as secretarias municipais de 152 municípios do Estado do Paraná terão que recorrer a outros locais para o encaminhamento de pessoas com necessidade de tratamento com a referida especialidade.

ABRANGÊNCIA

O hospital psiquiátrico oferece atendimento a psicóticos e dependentes químicos (adultos e adolescentes). A instituição abrange uma área que possui cerca de 2,5 milhões de habitantes. Nos últimos cinco anos, o Fila-

délfia vem acumulando prejuízos da ordem de R$ 3,8 milhões, o que teria motivado o desligamento do sistema público.

OUTRAS VIAS

A assessoria da Sesa ainda informou à reportagem de O Presente que vem realizando estudos no sentido de estabelecer um plano B. “Se realmente não tiver solução a questão do Hospital Filadélfia, já estamos tentando realizar o tratamento de outras formas: com a inclusão do CAPs (Centro de Apoio Psicossocial) na região ou um hospital geral que faça este tipo de atendimento. Estamos vendo várias possibilidades, que demandariam outros custos ou custo similar”, finaliza o representante.

Campanha contra dengue é encerrada com sucesso em Mercedes A campanha de coleta de lixo reciclável e limpeza urbana e rural de ambientes, promovida com o propósito de eliminar a proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, foi realizada com sucesso em Mercedes. A afirmação é da secretária de Saúde, Cleci Rambo Loffi. Segundo ela, a iniciativa

(@fabiocampana)

Jornalista

D

epois que a direção do Hospital Filadélfia, de Marechal Cândido Rondon, anunciou ser irreversível a decisão sobre o descredenciamento do Sistema Único de Saúde (SUS), o Governo do Estado se colocou como uma das alternativas para subsidiar a continuidade de atendimento público na instituição. No entanto, conforme a assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), as negociações de valores deverão acontecer efetivamente só em fevereiro, tendo em vista que o orçamento será aberto a partir do próximo mês. “Não há como negociar valores neste momento, antes de abrir o orçamento”, pontuou. Segundo a assessoria, a ordem seria do próprio governador, Beto Richa. Em nota divulgada nesta semana, a direção do hospital admitiu a inclinação de viabilizar o atendimento por meio de “outras” fontes de financiamento, que não a federal, abrindo a via de diálogo.

Josué Maioli (@josuemaioli) Diretor de Marketing da Tropical Cabines

teve grande participação dos alunos da rede municipal de ensino. “Todos os objetivos esperados foram alcançados, pois trabalhamos com os alunos sobre os cuidados que temos que ter para evitar a dengue, melhoramos os ambientes, mantendo-os limpos, e o material recolhido foi vendido, possibilitando que os valores sejam invesDivulgação

A aluna vencedora da campanha foi Letícia Prizigoda, que recebeu o prêmio, um netbook, das mãos da secretária de Saúde, Cleci Rambo Loffi, e da diretora da Escola Municipal Tiradentes, Elenir Brun

tidos em melhorias nas escolas municipais. Além disso, os alunos que participaram da gincana e trouxeram a maior quantidade de lixo, tendo somado as maiores quantidades de pontos de acordo com cada tipo de produto trazido, foram premiados com a entrega de vários produtos, como cestas de natal, bicicletas e um netbook para o primeiro lugar”, expõe a prefeita em exercício. A aluna vencedora da campanha foi Letícia Prizigoda. “Com a realização desta campanha, que se dá anualmente, vemos cada vez mais o crescimento no interesse dos alunos em participar da mesma, não somente pela premiação, que por si só é estimulante, mas pela consciência dos mercedenses que cresce a cada dia, possibilitando-nos ver que são várias as vantagens, já que com isso ganha o município no controle da dengue, ganha a população porque as escolas recebem recursos para executar melhorias, e a cidade permanece limpa, agradável e livre do risco de epidemias”, completa a secretária.

Valdomiro Cantini (@CantiniCBN) Comentarista Rádio CBN de Cascavel

Cascavel pode decretar estado de emergência. As perdas passam de 30% da produção agrícola (sic).

Revista Veja (@VEJA) UFC Rio: números tão grandes quanto os lutadores migre.me/7tyvh

UOL Economia (@UOLEconomia) Estados Unidos abrem seu mercado para carne suína brasileira uol.com/byclW2 #UOL Fabricantes de máquinas fotográficas apresentam novidades em feira nos EUA uol.com/bhcmc1 #UOL Empresa de Eike Batista recebe US$ 227,9 mi em empréstimo do BNDES uol.com/bhcmbR #UOL

Estadão

(@Estadao)

Casamento gay ameaça a humanidade, afirma o papa Bento XVI: migre.me/7tr1V Vinho tinto protege mulheres do câncer de mama, aponta estudo: migre.me/7txR3 Perder alguém aumenta riscos de enfarte e obesidade, aponta estudo: migre.me/7tQK1

Zero Hora Esportes (@zh_esportes) Os donos da área: um raio x do ataque titular da dupla Gre-Nal. tinyurl.com/87suyz8

G1 (@g1) Confira as datas do calendário eleitoral de 2012 glo.bo/zpghWG Cinema brasileiro tem 141,6 milhões de ingressos vendidos em 2011 glo.bo/xvk6L5

Globo Esporte (@globoesportecom) Belfort constrói CT de MMA no Rio com octógono de dimensões oficiais glo.bo/xxOObq

Roberto de Souza (@RobertodeSouz) Assessor parlamentar

As inscrições estão abertas para o Fórum Social Temático 2012 Crise Capitalista, Justiça Social e Ambiental is.gd/ECB2sF @SNJuventude

Consultor Jurídico

(@Cons_Juridico)

CNJ adia para julho unificação do papel de certidões usado por cartórios bit.ly/Ahqlzz Má conduta social impede aprovado em primeiro em concurso de assumir bit.ly/z2rXKH

O Jornal O Presente também está no Twitter. Acompanhe: twitter.com/o_presente (@O_Presente)


GERAL

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

O PRESENTE | 11

GUAÍRA

Projeto para construção de centro educacional é aprovado Reprodução

No local serão centralizados os depar tamentos responsáveis pela Educação e Cultura do município. Mesmo imóvel abrigará biblioteca, anfiteatro, salas de reuniões e de estudos

A

Secretaria de Educação e Cultura de Guaíra apresentou, segunda-feira (09), através da secretária Edilaine Villalba Ortiz Comunello, o projeto arquitetônico para a construção do centro educacional do município, que congregará diversas atividades da pasta. As plantas e desenhos já receberam a aprovação do prefeito Manoel Kuba, durante reu-

nião no paço municipal. De acordo com Edilaine, será construído um prédio com aproximadamente 1.649,97 metros quadrados, com quatro pisos e garagem para 23 veículos, espaço onde ficarão instalados os departamentos responsáveis pela Educação e Cultura do município. O mesmo imóvel abrigará a biblioteca e um anfiteatro, para a realização de eventos da área. “Teremos salas apropriadas para realizar as avaliações pedagógicas, treinamentos e atendimentos psicológicos”, explica. “Também conseguiremos instalar todos os departamentos da secretaria em um mesmo espaço, como o transporte escolar, que hoje fica no Centro Administrativo Municipal (CAM)”, completa. Serão investidos aproximadamente R$ 1,6 milhão na execução das obras. “Para construir a nova sede, tentaremos convênios com o Estado e com o governo federal, mas ainda assim a maior parte dos recursos será do município”, comenta o prefeito. Divulgação

Secretária de Educação e Cultura, Edilaine Comunello, mostrou ao prefeito Manoel Kuba o projeto arquitetônico para a construção do centro educacional: plantas e desenhos já receberam a aprovação do mandatário

Projeto arquitetônico foi feito pela empresa Costenaro, detentora da ata de licitação para a realização deste tipo de serviço

NOVA ESTRUTURA A biblioteca, que já está em processo de digitalização de seu acervo, terá telecentros para que os visitantes possam consultar os exemplares disponíveis e fazer reservas técnicas. Além disso, para que os estudantes possam realizar suas pesquisas em um local adequado, serão construídas salas de estudos. Com uma estrutura de anfiteatro, o Departamento de Cultura poderá promover diversas atividades artísticas e culturais. O espaço será capaz de abrir até 202 pessoas. Segundo Kuba, a principal preocupação da atual administração é melhorar o atendimento da Secretaria de Educação e Cultura. “Precisamos de um espaço que abrigue os diversos profissionais que compõem o setor, como professores, psicólogas, pedagogas, nutricionista, que precisa de uma sala para armazenar alimentos e fazer testes com alguns pratos”, comenta. “Pensando nisso, disponibilizaremos o imóvel localizado ao lado do INSS, que possibilita a construção de uma cozinha, almoxarifado, salas para reuniões e recepção de pais e educadores da rede municipal”, completa o mandatário. Com a aprovação do projeto arquitetônico feito pela empresa Costenaro, detentora da ata de licitação para a realização deste tipo de serviço, o próximo passo é aguardar os projetos estrutural, hidráulico e elétrico. Em seguida, a prefeitura abrirá o processo de licitação para definir a construtora que executará a obra. “A expectativa é que a ordem de serviço seja dada ainda neste ano”, diz a secretária de Educação e Cultura.

Lei regulamenta construção de calçadas na área urbana de Palotina Com a finalidade de manter a cidade em franco desenvolvimento e ordenada, a Secretaria de Obras e Serviços Públicos da Prefeitura de Palotina divulgou nesta semana as normas para construção de calçadas. Através da lei nº 97/2008 do Código de Obras e Construção, ficou definido que a construção, reconstrução e conservação dos passeios e vedações, em toda a extensão das testadas do terreno, edificados ou não, compete aos seus proprietários. De acordo com a lei, o calçamento passa a ser obrigatório para todas as zonas urbanas da cidade. Na regulamentação os proprietários devem observar algumas exigências. Por exemplo, o piso do passeio deverá ser de material resistente e antiderrapante. Aconselha-se que não se faça uso de pedra lousa (pedra preta), por não obedecer às características exigidas na lei, além de obedecer ao desnível de 2% no sentido de via pública para o escoamento das águas pluviais. Segundo o secretário de Obras, Nivaldo Antonio Domingos, os terrenos não edificados, lindeiros a vias pavimentadas, deverão ser vedados

com muros; já os proprietários de imóveis que tenham frente para logradouros públicos pavimentados ou dotados de meio-fio são obrigados a pavimentar e manter em bom estado os passeios em frente seus lotes. “A lei ainda prevê que fica expressamente proibido quaisquer construções sobre os passeios públicos, bem como: degraus ou rampa para darem acesso às residências; rampas ou variações bruscas abaixo ou acima do nível dos passeios, para darem acesso às áreas de estacionamento de veículos no interior do lote. Outra situação que também é cobrada é com relação aos muros que nas testadas frontais nunca deverão fechar totalmente a frente dos lotes”, pontua Domingos, ao mencionar que antes das pessoas construir, seria interessante passar na secretaria para pegar junto aos engenheiros e desenhistas o projeto contendo todas as exigências e regulamentação dos passeios públicos. Quem não obedecer às exigências contidas na lei, pode ser penalizado com multas que variam de 1 a 1.000 Unidade Fiscal Municipal (UFM).


GERAL

12 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

MARECHAL RONDON

Agrícola Horizonte muda estratégia de Dia de Campo Luciany Franco/OP

Hoje (11) acontece o primeiro evento, na propriedade de Onório Regazzan, em Novo Três Passos

I

nicia hoje (11) o roteiro de dias de campo a serem promovidos pela Agrícola Horizonte, de Marechal Cândido Rondon. Quem sedia o evento é o produtor rural Onório Ragazon, de Novo Três Passos. As atividades iniciam às 08 horas. O gerente comercial da Agrícola Horizonte, Valdair Schons, explica que, ao contrário dos anos anteriores, quando a empresa realizava um único dia de campo, em sua área experimental, para 2012 decidiu-se pela

promoção de vários eventos descentralizados. Os locais, em regiões diferentes da área de abrangência da Horizonte, são propriedades de clientes. “Atendemos uma região grande, que tem muita diversidade de condições, que vai desde clima até o solo. Assim, achamos por bem realmente ir a campo e avaliar investimentos e resultados em cada região”, explica. Ao todo, serão cerca de dez dias de campo durante o ano, a maioria no mês de janeiro. Para concretizar a proposta, a Agrícola Horizonte continuará contando com o envolvimento de empresas parceiras de sementes, defensivos e outros produtos. Além do dia de campo hoje, que será numa plantação de milho da Família Ragazon, nesta semana a Agrícola Horizonte ainda promo-

verá atividades na sexta-feira (13), na propriedade de Lindolfo Feiber, na Linha Boa Vista, na sede do município. Na manhã de sábado (14) será em Mercedes, na área junto à unidade da Agrícola Horizonte deste município. Estes três primeiros eventos serão em parceria com a Pioneer. “Queremos chegar o mais próximo possível da realidade de cada produtor, analisando a situação que cada um vive em sua região”, destaca Schons, ao lembrar que a aceitação para o evento tem sido muito boa por parte dos agricultores. A programação dos dias de campo será divulgada conforme forem agendados.

Gerente comercial da Agrícola Horizonte, Valdair Schons: “Queremos chegar o mais próximo possível da realidade de cada produtor, analisando a situação que cada um vive em sua região”

Estiagem traz risco ao abastecimento de água no Oeste A estiagem prolongada nas áreas urbanas das regiões Oeste e Sudoeste, somada ao aumento do consumo causado pelas altas temperaturas, alerta para a necessidade do uso racional da água, para evitar risco ao abastecimento nos municípios. “A água tratada deve ser usada sem desperdícios, como prevenção, caso a seca continue”, explica o gerente-geral da Sanepar na região, Renato Mayer Bueno. Em municípios como Cascavel, Guaíra, Assis Chateaubriand e Toledo, o consumo de água em janeiro está 25% maior que a média registrada de maio a julho. Em Cascavel, o salto na produção de água da Sanepar foi de 58 milhões para 72 milhões de litros por dia.

Dados da Estação Metereológica da Coopavel, que tem 3.320 cooperados em 17 municípios do Oeste, apontam que, de novembro de 2010 a janeiro do ano passado, choveu na região 582 milímetros. Já de novembro passado até agora, o volume das chuvas foi de apenas 206 milímetros. O secretário de Assuntos Comunitários de Cascavel, José Carlos da Costa, adianta que o município está concluindo um levantamento de dados para decretar situação de emergência. O major Fernando Raimundo Shunig, chefe da Defesa Civil da região, informa que mais de 15 municípios estão em situação crítica e entrando com pedido de decretação de estado de emergência.

Com o decreto, será possível obter recursos federais para atender às necessidades dos agricultores e das comunidades atingidas pela estiagem. Shunig lembra que as chuvas estão 60% abaixo da média normal, condição que permite o decreto, e que, se a região permanecer mais 15 dias sem precipitação, é possível que 100% dos municípios entrem com o pedido. Além disso, o calor intenso aumenta os riscos de incêndios. A Sanepar recomenda que a água seja usada, prioritariamente, para alimentação, higiene pessoal e doméstica. Atividades como lavar o carro, calçadas e fachadas de imóveis podem ser adiadas até que a situação se normalize.

Acesso ao Bairro São Lucas terá calçada ecológica A administração de Marechal Cândido Rondon está realizando obras tanto na sede como no interior do município, a fim de beneficiar toda população. Nesta sema-

na, a previsão é de que seja lançado o processo licitatório para a construção de calçada ecológica no trajeto entre a Avenida Rio Grande do Sul até a Rua Mato Grosso, Ademir Herrmann

A calçada ecológica já foi instalada em todo o prolongamento da Avenida Rio Grande do Sul, desde o acesso à Associação dos Servidores Municipais (Assemar) até o portal da cidade

junto à Rua Alfredo Nied. A obra terá 1.289,92 metros quadrados e um teto máximo de investimento de R$ 81.114,08. A calçada ecológica já foi instalada em todo o prolongamento da Avenida Rio Grande do Sul desde o acesso à Associação dos Servidores Municipais (Assemar) até o portal da cidade, com o propósito de que seja utilizada por pedestres e ciclistas, além de deixar a cidade mais bonita e oferecer maior segurança a todos que passam pela via. A calçada que será construída no acesso ao Bairro São Lucas passará ao lado do teatro municipal. Além de dar um visual novo à via, a calçada poderá ser utilizada pelos moradores para a prática de exercícios físicos. A obra também compreende a execução de galerias de água pluvial.


VARIEDADES

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

O PRESENTE | 13

Mande sua sugestão, crítica ou piada para carina@opresente.com.br

*

QUARTA-FEIRA (11)

MALHAÇÃO

A VIDA DA GENTE

AQUELE BEIJO

FINA ESTAMPA

Tomás se irrita ao saber que Gabriel enviou um e-mail para a reitoria pedindo a inclusão de Alexia na equipe do programa de rádio. Cristal estimula Babi a aceitar o convite de Betão para jantar. Gabriel tenta conversar com Alexia, mas ela se afasta. Laura deixa Alexia tomar conta do brechó e ela decide fechar a loja e procurar Moisés. Helena comenta com Filipe que está animada para o jantar com Babi. Laura vai jantar com Vinicius e Débora. Gabriel tira satisfação com Alexia por ela ter ido ao encontro de Moisés.

Ana e Rodrigo decidem ir à terapeuta de Júlia. Laudelino reclama de Iná querer levá-lo a um médico e ainda pagar a consulta. A psicóloga explica como Ana e Rodrigo devem falar para Júlia que estão juntos. Ana pede para se afastar da ONG. Wilson confunde as informações ao falar com Moema. Rodrigo sugere que Ana dê aula de tênis. Jonas decide comprar um presente de aniversário para Ângela. Júlia fica desconfiada quando Ana e Rodrigo vão buscá-la na escola. Renato é destratado por um cliente e fica constrangido quando Cícero se aproxima. Eva flagra Ana e Rodrigo se beijando.

Belezinha fala para Íntima que pedirá a Bob para acelerar o seu casamento. Lucena fica tensa ao falar com Vicente sobre a ultrassonografia do bebê. Camila avisa a Ricardo que pedirá a guarda de Flavinho. Eveva afirma a Deusa que Otília não pode ter escondido as cartas de Diva. Rubinho invade o restaurante em que Claudia está com Eduardo e tenta agredir o rapaz. Vicente paga a conta de Claudia sem que ela saiba. Deusa presencia uma crise de Otília, e Olga e Estela comemoram. Iara fica radiante por saber notícias de Joselito.

Paulo lembra de quando viu Esther com Vitória. Celina avisa a Danielle que Pedro Jorge precisa voltar para casa. Patrícia avisa a Antenor que levará Alexandre para festa em sua casa. Amália entra em seu carro e Ferdinand a segue. Renê estranha o comportamento de Fred. Griselda avisa a Celeste e Vilma sobre o acidente de Amália e as duas partem para o hospital. Chiara desmaia sozinha em casa. Juan procura Letícia. Tereza Cristina avisa a Crodoaldo que Pereirinha vai morar com ela. Amália melhora e Rafael e Griselda choram ao descobrir que ela está grávida.

* Os resumos dos capítulos estão sujeitos a mudanças em função da edição da novela.

ESPELHO QUEBRADO

O Joãozinho chega correndo pra mãe e deda:

- Mamãe, mamãe, a vovó quebrou o espelho do banheiro!

ADÃO E EVA

Quando Deus criou Adão e Eva disse aos dois: - Só tenho dois presentes para vocês: Um é a arte de fazer xixi em pé e... - Eu! Eu! Eu! Eu quero, por favor... Senhor, por favor, por favor, sim? interrompeu Adão. - Me facilitaria muito a vida! Por favor, por favor! Eva concordou e disse que essas coisas não tinham importância para ela. E Deus presenteou Adão. Adão gritava de alegria, corria pelo jardim do Éden, fazia xixi em todas as árvores, corria pela praia fazendo desenhos com seu xixi na areia. Deus e Eva contemplavam ao homem louco de felicidade, até que Eva pergunta a Deus: - E qual é o outro presente? Deus respondeu: - Cérebro!

OCULISTA

O garoto de oito anos liga para uma clínica e pergunta: - Tem oculista aí? - Tem sim! - responde a recepcionista - Quer marcar uma consulta, neném? - Não! Eu só tô tentando ajudar o meu pai! - Ele está precisando de oculista? - Acho que sim! Hoje de manhã eu vi ele reclamando que a lâmina de barbear tá ficando cega!

- Puxa, que desgraça! - Desgraça por que, mamãe? O espelho era muito caro? - O espelho não é nada - comenta a mãe. - O problema é que ela vai ter sete anos de azar! Pouco depois o pai chega em casa: - Papai, papai, a vovó quebrou o espelho do banheiro! -denuncia o pivete. - Puxa, que desgraça! - Desgraça por que, papai? O espelho era muito caro? - O espelho não é nada - comenta o pai. - O duro vai ser aturar a velha no mínimo mais sete anos.

PEDRA NO PRIMO

A vovó repreende o neto:

- Joãozinho, por que você atirou uma pedra na cabeça do teu primo? - Ele me beliscou! - E por que você não me chamou? - Pra quê? A senhora não iria acertar uma...

Suflê de queijo com batata Ingredientes:

2 xícaras de queijo ralado

4 ovos, sendo as claras em neve

1 xícara de queijo prato ralado grosso

1 colher de margarina

150 g de presunto picadinho

1 xícara de leite

2 colheres de sopa de farinha de trigo

4 batatas cozidas e espremidas

1 colher de sopa rasa de fermento

Modo de preparo: Em uma tigela desmanche as gemas e vá acrescentando os ingredientes. A seguir unte um refratário de 26 cm e polvilhe queijo ralado. Despeje o suflê. Polvilhe mais queijo ralado e leve para assar em forno quente por 25 minutos mais ou menos. Retirar do forno. Servir a seguir.

ÁRIES: Um dia para ousar, experimentar, inovar, surpreender, ser autêntico e inconvencional. A individualidade está evidenciada e isso não significa ser egoísta ou individualista. TOURO: Novos movimentos e tendências globais instigam os taurinos às mudanças. Sintonize-se com novas possibilidades, nunca tentadas ou ousadas. O céu pede inovação. GÊMEOS: Por meio das amizades e do contato com grupos, você é estimulado a inovar. Buscar caminhos mais inconvencionais e inusitados faz parte do ciclo de mudanças. Observe. CÂNCER: Inovações profissionais são a marca deste período. Momento que estimula uma atitude mais ousada, experimental, singular, surpreendente. Amizades e tecnologia em alta. LEÃO: Um dia para perceber a força de novos conceitos, ideias e mentalidade. Intuição aguçada. Uma mudança na sua filosofia de vida e no que acredita é importante. Viagens surpreendentes. VIRGEM: Uma nova abordagem emocional, da sexualidade e das finanças é importante. O período simboliza as mudanças e inovações necessárias à evolução. Desapego é essencial. LIBRA: Não há como agir da mesma forma do que antes nos relacionamentos. Hora de ver as pessoas e a si mesmo nas relações de uma maneira completamente diferente. ESCORPIÃO: Inovar no trabalho pode trazer resultados muito interessantes. É importante ousar mais, experimentar e não perder a capacidade de se surpreender. A saúde é beneficiada. SAGITÁRIO: Mudanças na vida afetiva. Novas experiências, outras emoções e atitudes levam a mudanças em relação ao amor e à sexualidade. Hora de se reinventar, de ser mais independente. CAPRICÓRNIO: Tendência a mudanças no lar, em questões familiares, emocionais e privadas. Você vivencia uma espécie de desenraizamento do passado. Inovações. Redescoberta de si. AQUÁRIO: O movimento do seu planeta regente Urano estimula novos interesses e ideias. Mudanças de ambiente ou na relação com pessoas próximas podem ocorrer. Tempo de surpresas. PEIXES: Inove na expressão de talentos e habilidades. Novos valores se mostram importantes. Questões financeiras tendem a passar por mudanças. Despertar de dons.


14 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

LORENA KUNZLER lorena@opresente.com.br

Maximu s Atelier

Oficina da Foto

Lucas, filho de Vilson e Margarete Rheinheimer, que ontem (10) completou 15 anos, recebe os cumprimentos da família

18ª TRANSPARANÁ

grande sensação das formaturas desta Os looks longos, com saia removível, são a coral, caem bem em praticamente temporada, em cores alegres, como este tom o tem passe livre, eleva o modelito à todos os tons de pele. O brilho, que neste verã siva da estilista Inês Ivone, categoria de joias da alta costura. Criação exclu site: www.maximusatelier.com.br disponível na Maximus Atelier. Mais fotos no

SEMINÁRIO VIA WEB Amanhã (12), o Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisa (Sescap-PR) promove um Seminário via WEB, com o tema “Simples Nacional - Alterações Legislativas e Perspectivas”. O palestrante será o auditor-fiscal da Receita Federal do Brasil e secretário-executivo do Comitê Gestor Simples Nacional, Silas Santiago. Em todas as cidades onde houver uma regional do Sescap-PR será possível acompanhar o seminário diretamente no computador do participante, já que o evento será transmitido em tempo real das 15 às 18 horas, porém, aqueles que não puderem assistir nesta data e horário, terão até cinco dias corridos após a palestra para acessar através do link e senha que irão receber.

Faltam poucos dias para começar o maior rali de regularidade das Américas. O 18º Transparaná / Throller acontece entre os dias 22 e 28 de janeiro. A largada será em Guaíra, com chegada em Matinhos, no litoral. Dezenas de carros vão passar por diversos trechos do Estado. Será uma competição recheada de emoções e aventuras. Mais informações e as novidades desta edição estão disponíveis no site www.transparana.com.br.

Dia 11: Gelson Uecker Dia 11: Gladis Fava Dia 11: Lenir Sartori Dia 11: Marcelo Becker Dia 11: Maria Mercedes Pletsch Dia 11: Marlene Puhl Dia 11: Rodrigo Walker Dia 11: Wilmar Güttges


QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

PROJETO ADOLESCENTE APRENDIZ O Centro de Integração Comunitária 12 de Outubro (Ajudantes Mirins), de Marechal Cândido Rondon, está com inscrições abertas durante o mês de janeiro para quem quiser participar do Projeto Adolescente Aprendiz. As inscrições podem ser feitas no período da tarde, nas dependências da Guarda Mirim. O adolescente deve estar acompanhado do responsável, munido de documentos e de uma foto 3x4. As atividades com os adolescentes iniciam dia 11 de fevereiro.

SOCIAL

O PRESENTE | 15 Arquivo pessoal

Eloiza Paula, que com plet ou mais um ano de vida no último sába do (07). Ela rece be hom enag em da família Neum ann: do mano Marcelo e dos pais Ivete e Ademir

Reveles t

“MARAVILHAS DO BRASIL” Os Convention Bureaux do Rio e de Iguassu, com anuência da Embratur, assinarão o protocolo de intenções “Maravilhas do Brasil” amanhã (12), às 18 horas, no Hotel Sofitel, em Copacabana. Trata-se de uma ferramenta de promoção integrada dos destinos no mercado prioritariamente internacional. A ideia é aproveitar a escolha do Cristo Redentor como uma das Novas Sete Maravilhas da Humanidade e a eleição, no ano passado, das Cataratas do Iguaçu como uma das Novas Sete Maravilhas da Natureza para unir as duas cidades na promoção dos seus destinos turísticos no exterior. A iniciativa vai unir dois dos mais famosos destinos brasileiros: o Rio é a segunda cidade mais visitada pelos gringos e Foz do Iguaçu a terceira. Levando em conta o turismo de lazer (excluindo turismo de negócio), as duas cidades passam a ser primeira e a segunda colocadas, respectivamente

Emanuele e Carlos com o filho Joaquim Card oso posando para a equipe da Revelest


AGRONEGÓCIO

16 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

LEVANTAMENTO

Terras do Paraná estão entre as mais caras do mundo

Áreas agrícolas do Estado sobem 20% após valorização das commodities. Um hectare chega à média de R$ 25 mil em Cascavel e Maringá

A

s terras agrícolas do Paraná tiveram alta de aproximadamente 20% no ano passado e, em regiões produtivas e logisticamente bem estruturadas, estão entre as mais caras do mundo, mostram os dados do setor. A valorização foi identificada pelo Departamento de Economia Rural (Deral) e está relacionada aos preços dos grãos. Um hectare (10 mil metros quadrados) passa de R$ 30 mil em municípios como Cascavel (Oeste) e Maringá (Noroeste), patamar considerado recorde. A cotação média nessas regiões chega a R$ 25 mil/ha, considerando apenas negócios efetivados. Conforme as últimas pesquisas divulgadas pela imprensa norte-americana, as áreas produtivas não atingem média equivalente a R$ 20 mil

no cinturão de produção de grãos, o Corn Belt, mesmo depois de valorização anual de 30%. “Não há muito segredo na variação dos preços das terras. Quando o preço da soja cai, as propriedades ficam mais baratas. Quando ocorrem altas expressivas “como aconteceu de 2010 para 2011), eles disparam”, avalia Carlos Hugo Godinho, técnico do Deral. A pesquisa que acaba de ser divulgada considera os preços praticados em novembro. A escalada dos preços mostra que não existem tantas áreas disponíveis para a ampliação imediata da produção de grãos, avalia Daniela de Paula Rocha, pesquisadora da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ela diz que o quadro não é exclusividade dos Estados do Sul, onde a agricultura se expande há mais tempo, mas de todo o Brasil. A estimativa do governo federal é que o país dispõe de mais de 50 milhões de hectares agricultáveis subaproveitados, sem contar florestas. No entanto, aponta Daniela, essas áreas podem estar indisponíveis à produção por problemas logísticos ou por questões ambientais.

À frente do Paraná, São Paulo tem as terras mais caras do Brasil, conforme a FGV. A instituição identificou negócios em que o preço de um hectare “de primeira” chegou a R$ 41 mil em Limeira, no interior paulista. Apesar de não haver uma pesquisa nacional que adote uma metodologia padronizada de monitoramento dos preços, a FGV informa que a região de Maranhão, Tocantins e Piauí é a que mais tem registrado aumento no preço das terras, com elevações de mais de 100% em menos de dez anos. Um hectare no Piauí, no entanto, ainda vale menos de R$ 10 mil. Nestas regiões de terras mais baratas, a valorização é provocada não só pelo aumento nos preços das commodities. A própria especulação imobiliária estaria acelerando os preços, acrescenta Daniela. A previsão dos especialistas para 2012 é de reajuste menor que o de 2011 em todas as regiões. Apesar de estarem valorizadas, as cotações das commodities agrícolas não devem aumentar no mesmo ritmo que provocou os reajustes do ano passado, consideram.

Valorização torna horticultura atividade de alto investimento O encarecimento da terra faz com que o agronegócio se torne uma atividade que exige capital inicial cada vez mais elevado. O produtor de soja que está entre os mais eficientes e lucra R$ 2 mil por hectare ao ano, tem rendimento de 10% sobre o patrimônio. Esse efeito ocorre também em pequenas propriedades. João Paulo Opuckevicz, 22 anos, de Prudentópolis, planta verduras em 5 mil metros quadrados - o equivalente a meio campo

de futebol -, mas relata que tem R$ 70 mil empenhados no negócio. Para aumentar a rentabilidade da propriedade familiar, fez curso de empreendedorismo e precisa ampliar constantemente a produção, com novas técnicas e alternativas de cultivo, como o pepino. Se usar apenas o dinheiro que consegue economizar na atividade, vai levar mais de dez anos para dobrar o tamanho dos canteiros. O valor recebido na venda das terras é apontado pelos especia-

Impulso a novos negócios A votação final do novo Código Florestal, prevista para março, tende a dar novo impulso aos negócios envolvendo terras agrícolas, afirma a pesquisadora da Fundação Getúlio Vargas (FGV) Daniela Rocha. Ela considera que a regularização das áreas que não têm reserva legal ampliará o número de imóveis disponíveis. Atualmente, pela própria valorização das terras, a efetivação de negócios é um fato relativamente raro nas regiões produtoras de grãos. Os agricultores relatam que, quando alguém decide vender, acaba tendo de esperar um comprador com disponibilidade de recursos. E, quando há passivo ambiental, as negociações esfriam. As propriedades que possuem florestas em proporção maior que a exigida pela lei, valem até quatro vezes menos. As que não possuem mata suficiente, precisam compensar de alguma forma esse déficit para atraírem investidores. Com a regularização prevista no novo Código Florestal, no entanto, considera Daniela, mesmo terras classificadas como inaproveitáveis - pelo relevo e pela existência de mata - podem se tornar atrativas. Isso porque os agropecuaristas poderão usar essas terras para compensar a ausências de matas em imóveis rurais usados exclusivamente no cultivo agrícola

listas como um fator de estímulo ao êxodo rural. Na última década, 835 mil jovens saíram do meio rural no país, conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No Paraná, 80 mil trabalhadores entre 15 e 24 anos deixaram o campo entre 2000 e 2010. Os preços das áreas de mais de 10 mil hectares, por outro lado, não estão subindo tanto, conforme os especialistas. Como negócios desse porte movimentam centenas de milhões de reais, o desânimo entre fundos e investidores estrangeiros, provocado pela crise internacional, teria sido suficiente para frear os reajustes, pelo menos temporariamente. No entanto, os preços elevados foram suficientes para fazer com que uma fazenda de 500 hectares - tamanho que os produtores consideram viável para o cultivo de grãos no longo prazo - passasse à casa de R$ 10 milhões no Oeste do Paraná. Essa área é necessária para aproveitar bem uma colheitadeira de última geração, por exemplo, que por sua vez pode exigir investimento de mais de R$ 1 milhão.

Herbioeste realiza Dia de Campo hoje e amanhã Cerca de 20 empresas nacionais e multinacionais, fornecedoras de insumos, apresentarão as novidades e tendências do mercado agrícola para a próxima safra no Dia de Campo 2012 da Herbioeste, que acontece hoje (11) e amanhã (12), a partir da 08 horas, no campo experimental anexo à Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC), em Toledo. Com objetivo de transmitir em primeira mão os principais lançamentos para a condução das lavouras, a Herbioeste apresenta, através dos seus parceiros, as novidades em cultivares de soja, milho, feijão, bem como as novas tecnologias em fertilizantes, defensivos agrícolas, maquinários, aviação agrícola, agricultura de precisão e tecnologias de aplicação. O destaque desta edição é o lançamento das sementes resfriadas da Herbioeste Sementes - a nova

tecnologia tem como um dos seus principais benefícios manter a germinação e o vigor das sementes durante a armazenagem. Os visitantes ainda terão a oportunidade de assistir a duas palestras, Biotecnologia e Mercado Futuro, além de interagir com pesquisadores e técnicos que exercem atividades nas áreas agrícolas de pesquisa e assistência técnica. O diretor de Insumos, Eidy Toko, avalia que o manejo agrícola está sendo aliado a modernas técnicas de administração nas propriedades e, por este motivo, a busca por informação é muito importante no agronegócio. Os produtores que precisarem do translado poderão entrar em contato com a filial da Herbioeste mais próxima, ou então pelo telefone (45) 2103-2284.


QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

AGRONEGÓCIO

O PRESENTE | 17

PREVISÃO DO ANO

Agronegócio brasileiro exportará mais de US$ 100 bilhões Para chegar a esse patamar será necessário um crescimento de 5,7%

O

ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro Filho, disse ontem (10) que o agronegócio brasileiro deve exportar, em 2012, mais de US$ 100 bilhões em produtos. “Para chegar a US$ 100 bilhões precisamos apenas de

um crescimento de 5,7% das exportações, que é um número que temos como alcançar”, disse o ministro, ao se referir aos US$ 94,6 bilhões vendidos para outros países no ano passado. O resultado de 2011 é o melhor desde 1997 - quando iniciou o registro da série histórica - e supera em 24% o alcançado em 2010, quando foram vendidos US$ 76,4 bilhões em produtos agropecuários. Os complexos soja, sucroalcooleiro e carnes fizeram as mai-

ores contribuições para o crescimento das vendas. Os principais destinos foram a União Europeia, China, os Estados Unidos, a Rússia e o Japão. As importações de produtos do setor atingiram US$ 17,08 bilhões, crescimento de 28% em relação a 2010. Assim, o superávit da balança comercial do setor em 2011 ficou em US$ 77,51 bilhões, quase três vezes maior que o resultado global da balança comercial brasileira, que foi US$ 29,8 bilhões.

Paraná lidera produção de grãos em levantamento do IBGE A safra brasileira de cereais, leguminosas e oleaginosas de 2011 deve atingir 159,9 milhões de toneladas, conforme a 12ª estimativa do ano, divulgada ontem (10), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A projeção de dezembro supera em 6,9% a safra recorde de 2010 (149,6 milhões de toneladas) e é 0,2% maior do que o prognóstico de novembro (159,5 milhões de toneladas). A área a ser colhida totaliza 48,7 milhões de hectares, registrando um aumento de 4,7% em relação a 2010 e de 0,2% sobre a estimativa do mês anterior. Entre os Estados, o Paraná liderou a produção nacional de grãos, com uma participação de 19,7%, seguido pelo Mato Gros-

so, com 19,5%, e o Rio Grande do Sul, com 18,5%. O arroz, o milho e a soja, que são as três principais culturas (representam 90,3% da produção de grãos), respondem por 82,4% da área a ser colhida, com aumentos de 1,7%, 3,5% e 3,3%, respectivamente. No que se refere à produção, o arroz deve ter acréscimo de 19%; o milho, de 0,1%; e a soja, de 9,2%. A região Sul permanece em primeiro lugar entre as que mais produzem (67,6 milhões de toneladas), seguida pela Centro-Oeste (56 milhões de toneladas), a Sudeste (17,2 milhões de toneladas), a Nordeste (14,7 milhões de toneladas) e a Norte (4,3 milhões de toneladas). Na comparação com a safra passada, houve acréscimo em todas as regiões: Norte, 7,6%; Nordeste, 25,1%; Sudeste, 0,6%;

Sul, 5,3%; e Centro-Oeste, 6,7%. Entre os 25 produtos selecionados, 16 apresentam aumento na estimativa de produção em relação ao ano anterior, com destaque para o algodão herbáceo em caroço, com variação de 72,6%, amendoim em casca primeira safra (27,3%), arroz em casca (19%) e batata-inglesa primeira safra (13,3%).

ÁREA O IBGE também realizou, em dezembro, o terceiro prognóstico de área e produção para a safra de 2012, estimada em 160,3 milhões de toneladas. O volume é 0,3% maior do que o da safra de 2011, em função dos ganhos esperados nas regiões Nordeste (7,9%), Sudeste (5,0%) e Centro-Oeste (3,7%). A área a ser colhida deve atingir 50 milhões de hectares, com aumento de 2,7%.

Projeto cria fundo de investimento para agronegócio A Câmara analisa o Projeto de Lei nº 2390/11, do deputado Irajá Abreu (PSD-TO), que institui o Fundo de Investimento em Participações no Agronegócio (Fipa). Pela proposta, as instituições autorizadas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para a administração de carteira de títulos e valores mobiliários poderão constituir o fundo sob a forma de condomínio fechado. De acordo com o texto, os recursos do fundo deverão ser investidos em sociedades constituídas para atuar, por exemplo, na pesquisa, no desenvolvimento, na inovação, na distribuição e na exportação de: máquinas e implementos voltados às atividades agrícola, pecuária, à silvicultura ou ao manejo florestal; sêmen, reprodutores e matrizes; mudas e sementes melhoradas; madeiras e

fibras; grãos; e biocombustíveis. O projeto ainda prevê que poderão ser beneficiárias dos investimentos sociedades que atuem na construção e na exploração econômica de novos projetos de infraestrutura dedicados ao setor agropecuário ou à exportação de seus produtos, in natura ou processados. Pelo texto, no mínimo 90% do patrimônio do Fipa deverão ser aplicados em ações, bônus de subscrição, debêntures ou outros títulos de emissão das sociedades que constituam o fundo, desde que autorizados pela CVM. Após cada aumento de capital do fundo, esse percentual pode deixar de ser obrigatório. Nesse caso, o fundo terá 360 dias para aplicar os recursos e reenquadrar-se no mínimo exigido para as aplicações.

Para Conab, produção de grãos deve ser 2,8% menor Os produtores brasileiros devem produzir 158,43 milhões de toneladas de grãos na safra 2011/ 2012. A estiagem que castiga a região Sul foi um dos principais fatores que levaram à redução na estimativa do quarto levantamento da safra divulgado ontem (10) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Em relação à última pesquisa, foi registrado 0,4% de queda ou 646 mil toneladas. O número é ainda 2,8% menor que o colhido na safra 2010/2011 (162,95 milhões de toneladas). Milho e soja, tradicionalmente as maiores lavouras, representam 83% da safra, com 130,96 milhões de toneladas. Apesar da previsão de queda na produção, a área total cultivada deve crescer 1,1%, ou 528,2

mil hectares, ocupando cerca de 50,44 milhões de hectares. De acordo com a Conab, o aumento está relacionado ao aumento de 9,1% na área do milho primeira safra e de 1,9% na da soja. O arroz, no entanto, que ocupou 2,82 milhões de hectares no ciclo anterior, teve redução de 267,3 mil hectares ou 9,4%. Quase metade dessa diminuição ocorreu apenas no Rio Grande do Sul. O feijão primeira safra também registrou queda de 10,4% em área (147,9 mil hectares), passando para 1,27 milhão de hectares. Mais da metade dessa redução se deu no Paraná. A Conab fez a pesquisa entre os dias 15 e 19 de dezembro com 60 técnicos que ouviram órgãos públicos e privados ligados à produção agrícola nos Estados produtores.

Soja é destaque nas exportações em 2011 Os produtos do complexo soja grão, farelo e óleo - estão entre os principais responsáveis pelo recorde brasileiro nas exportações do agronegócio em 2011. Em grande parte, o destaque é resultado da venda de soja em grãos para a China, que totalizou US$ 10,96 bilhões. Esse valor representa 45,4% do total acumulado nas vendas globais do setor (US$ 24,14 bilhões). Também se destacaram as vendas do complexo soja para a União Europeia (segundo maior comprador do setor), que somaram US$ 6,92 bilhões e 15,76 milhões de toneladas em 2011. As exportações do complexo soja em 2011 cresceram 41% em relação ao valor registrado em 2010, quando as vendas alcançaram US$ 17,1 bilhões. O crescimento se deu principalmente em função do preço médio dos produtos, que aumentou 27,4% (de US$ 386 para US$ 492 por tonelada). A quantidade exportada cresceu 10,8% em relação ao ano anterior (44,3 para 49,07 milhões de toneladas). A soja em grãos representou 67,6% do valor e 67,2% da quantidade exportada em produtos do complexo soja, com US$ 16,31 bilhões e 32,97 milhões de toneladas. Esse montante equivale a 17,2% do valor total da pauta de exportações do agronegócio no ano. Em relação a 2010, houve expansão de 47,8% no total de exportações de soja em grão (US$ 11,03 bilhões para US$ 16,31 bilhões) em função do aumento de 13,5% na quantidade exportada e do crescimento de 30,3% no preço mé-

dio de venda. As exportações de farelo e óleo de soja somaram, respectivamente, US$ 5,69 bilhões e US$ 2,13 bilhões em 2011. A União Europeia se manteve como maior mercado de destino das exportações brasileiras do agronegócio em 2011. Em seguida encontra-se a China, cujo valor exportado de janeiro a dezembro pelo Brasil chega a ser 50% superior ao registrado em 2010 (de US$ 11 bilhões para US$ 16,5 bilhões). Os principais produtos adquiridos pela União Europeia em 2011 foram: café em grãos (US$ 4,29 bilhões), farelo de soja (US$ 4,01 bilhões), soja em grãos (US$ 2,73 bilhões) e carnes (US$ 2,48 bilhões). Em conjunto, tais produtos foram responsáveis por mais da metade (57%) das vendas do agronegócio brasileiro ao mercado europeu no ano. As exportações para a China se devem, em grande parte, às vendas de soja em grãos (US$ 10,96 bilhões), celulose (US$ 1,3 bilhão) e açúcar (US$ 1,2 bilhão). Esses produtos representaram, em conjunto, 81,6% do total das exportações do agronegócio para o país asiático no período. Dentre os mercados que mais contribuíram para o crescimento de US$ 18,152 bilhões nas exportações do agronegócio no período foram: China (30,3%), União Europeia (18,3%), Estados Unidos (7,2%), Japão (6,3%), Argélia (3,5%) e Egito (3,1%). Cabe ressaltar o crescimento das vendas para os países do Oriente Médio (+12%) e África, excluindo Oriente Médio (43,4%).


POLICIAL

18 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

ANIMAIS NA PISTA

Nos últimos dias, três motociclistas morrem em acidentes Uma das vítimas faleceu na semana passada, quando retornava para casa do Exército. Irmã lamenta o fato e diz que dono do animal que teria provocado o acidente ainda não procurou a família

A

cidentes com animais grandes na pista, como bovinos e equinos, embora pareçam inusitados, deram muito trabalho às polícias rodoviárias nos últimos dias. Desde quinta-feira (05) três pessoas, todas ocupantes de motos, morreram em acidentes deste tipo. O que ocorre, geralmente, são casos de animais que escapam das propriedades ou são deixados presos às margens de rodovias para pastarem e que acabam se soltando e causando tragédias. O sargento Elias Maria dos Santos, da Polícia Rodoviária Estadual de Marechal Cândido Rondon, disse ontem (10) que não há registro ultimamente, na região do posto, deste tipo de acidente, porém, reconheceu que animais às margens da pista, ou nela, representam grande risco de acidente. “Algumas vezes constatamos animais pastando às margens da rodovia, então conversamos com os proprietários e eles retiram e colocam em outro lugar”, comentou o policial.

Divulgação

TERRA ROXA

A família do soldado do Exército Brasileiro, Juscelino Telmo Melchior, 19 anos, de Terra Roxa, está bastante abalada com a trágica perda. Ele morreu após sofrer um acidente na PR-496, no trecho entre a cidade de Terra Roxa e a BR-272. O acidente ocorreu, segundo a Polícia Rodoviária de Palotina, por volta das 22h15 de quinta-feira. A vítima transitava pela rodovia com uma moto Yamaha 125, quando colidiu com um cavalo. Jocelino chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. De acordo com a Polícia Civil de Terra Roxa, que investiga o acidente, o dono do cavalo ainda não se apresentou. “Vamos ter que ouvir familiares, pessoas que presenciaram o acidente. Veio uma pessoa hoje (ontem) na delegacia e disse que o cavalo não era dela. Esta pessoa disse que estavam falando que era ela que estava com o cavalo. Ela disse: ‘tenho dois cavalos e meus cavalos estavam na minha casa, nem moro naquela região’”, disse um agente da delegacia à reportagem de O Presente.

FAMÍLIA

Ontem a reportagem falou com Vilma, irmã de Juscelino. Ela contou que o jovem era seu único irmão e os pais deles residem no interior de Terra Roxa. Vilma confirmou que o irmão morreu após bater contra um

Juscelino Telmo Melchior servia ao Exército em Guaíra. Ele morreu após colidir, de moto, com um cavalo entre Terra Roxa e a BR-272

cavalo, quando vinha de Guaíra, onde servia no Exército, para Terra Roxa. “Ele estava retornando para casa. Pelas informações que temos, o cavalo estava amarrado em uma carroça. O dono do animal ainda não entrou em contato com nossa família, mas as pessoas sabem quem é. Ele não veio falar com nossa família”, lamentou a irmã. O cavalo morreu no acidente.

LARANJEIRAS

Na segunda-feira (10), o educador social do Centro de Socioeducação, Wilmar Alves Quinzinho, 44 anos, perdeu a vida em um acidente na BR277, em Laranjeiras do Sul. De acordo com a Polícia Civil, Wilmar conduzia sua moto Titan CG 150, com placa de La-

Maripaense acusado de tentar matar três é preso pelo Cope O delegado-chefe do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), Alexandre Macorin, confirmou ontem (10) a prisão de Ivo Henrique Klein Ibing, 22 anos, de Maripá. O maripaense foi preso ontem, em Curitiba. No último dia 16 Ivo se apresentou à Polícia Civil de Toledo e deu sua versão sobre a acusação de ter atentado contra a vida de três pessoas da família de sua ex, uma adolescente de 15 anos, inclusive ela, na madrugada do dia 14 de dezembro. Na ocasião, Ivo entrou na casa da ex, na Rua Mané Garrincha, na Vila Industrial. Ele é acusado de ter tentado matar a menina com

golpes de canivete e ainda desferido, com a mesma arma, golpes no irmão e na mãe da moça. O irmão ainda levou um tiro. A arma ficou no local. As vítimas foram socorridas e sobreviveram. De acordo com o padrasto da moça, os jovens tinham terminado o namoro. Ivo não aceitava a separação e já teria feito ameaças à família. O acusado, por sua vez, declarou que a menina tinha conhecimento que ele ia na casa. Ivo disse ter ido armado ao local por considerar o bairro perigoso e que a intenção dele não era ferir ninguém, apenas conversar com a menina. Ele contou ainda que se desentendeu com a adolescente e

os familiares dela entraram na confusão. Nisso, Ivo feriu os familiares porque queria sair do local e a família queria agredi-lo. A arma apreendida no local, uma pistola 380, seria de propriedade do pai do investigado. Ele tinha pegado a arma sem o pai saber. De acordo com a Polícia Civil de Toledo, quando o acusado foi ouvido ainda não tinha sido decretada sua prisão, o que ocorreu posteriormente ao interrogatório. Ivo está preso no Cope, em Curitiba, mas deve ser trazido para Toledo. A prisão foi possível graças ao trabalho conjunto da Polícia Civil de Toledo com o Cope.

Vanessa Teixeira

Educador morreu em Laranjeiras, quando se chocou com um cavalo na rodovia

ranjeiras, quando se chocou com um cavalo na rodovia. Ele morreu no local. O educador deixou esposa e duas filhas, uma de 12 e outra de oito meses. O cavalo também morreu. Conforme o site Notícias Policiais, um segundo cavalo estava próximo ao local do acidente e para segurança dos motoristas teve que ser amarrado pela polícia em uma cerca. O proprietário dos cavalos não havia aparecido até então.

ALTÔNIA

Na noite de segunda-feira (09), na PR-490, em Altônia, morreu Leandro Rogério Barbeiro, 39 anos. Ele era condutor de uma moto XTZ 125, de Altônia, onde morava. O homem tinha como carona Maria Eduarda Barbeiro de

Moura, oito anos, que sofreu ferimentos leves. De acordo com a Polícia Rodoviária de Iporã, a moto foi envolvida em acidente com um bovino que estava na pista. O animal não morreu. O proprietário do animal foi identificado e assumiu ser o dono do mesmo. “Ele (proprietário) tem uma queda de água no sítio e crianças entram lá para tomar banho e acabam deixando a porteira aberta”, explicou um policial à reportagem. O delegado de Polícia Civil em Altônia, Plínio Gomes Filho, disse ontem que o proprietário do animal ainda não tinha sido ouvido formalmente pela polícia. O policial disse que é estudado se a conduta do dono do animal se enquadra em alguma norma penal.

Espingarda em casa No final da tarde de segunda-feira (10), no prolongamento da Rua Pioneiro, próximo ao Mutirão I, em Palotina, policiais militares abordaram um Fusca, no qual localizaram dois cartuchos calibre 36. O proprietário do veículo admitiu possuir uma espingarda, que estava em sua residência. Na casa dele os policiais encontraram uma espingarda 36. Ele, a arma e a munição foram levados para a delegacia.

Pé de maconha A Polícia Militar de Palotina apreendeu, na segunda-feira (09), um pé de maconha. A planta foi encontrada próximo da reserva do Iapar, na Linha Catarinense, às margens do Rio São Camilo. O pé teria sido replantado há poucos dias.

Morte de cães Dois cães foram mortos em Guaíra, numa residência na Rua Acácio Nunes. A vítima disse que viajou no feriado de Natal e Ano Novo e ao retornar encontrou sua casa revirada e seus animais mortos. A vítima notou a falta de produtos de limpeza e alimentícios, bicicleta, Play Station, receptor para TV, sanduicheira, mala e home theater. Não havia sinal de arrombamento na casa.


POLICIAL

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

O PRESENTE | 19

MARECHAL RONDON

Pai diz que filho assassinado na praça tinha problema com drogas Juliano Bortolon

Vítima foi morta com tiro na cabeça

Pai de Vanderlei Góes de Freitas, 26 anos, reside em Diamante do Oeste, onde o corpo do jovem será sepultado na manhã de hoje (11)

O

delegado de Polícia Civil em Marechal Cândido Rondon, Sérgio Luiz Alves, tem poucas informações que possam ajudar no esclarecimento do assassinato de Vanderlei Góes de Freitas, 26 anos. No final da tarde de ontem (10), a reportagem do Jornal O Presente conversou com o pai do rapaz, Valdecir, funcionário de uma fazenda em

Diamante do Oeste, onde o corpo será sepultado. Ele contou que a mãe de Vanderlei reside em São Roque, interior de Marechal Rondon. Segundo o pai, era de costume o filho sair de casa e ficar dias fora e a família não saber onde ele estava pernoitando. “Ele era muito andado, nunca quis trabalhar com a gente, nunca escutou conselho”, lamentou o pai. Ao ser informado que o filho tinha sido encontrado com uma porção de maconha, o pai disse que Vanderlei tinha problema com droga. “Ele mexia. Eu mesmo entreguei para a polícia de Diamante umas drogas que ele usava. Daí, a polícia deu uma lição muito boa nele, porque o povo daqui gosta muito dele. Ele era envolvido, era usuário, não fazia tráfico”, disse o

pai. “Já imaginava que isso (assassinato) pudesse acontecer. É triste, não é fácil”, lamentou. Valdecir falou com o filho pela última vez no final do ano, em Santa Helena. Após, o filho teria vindo para Marechal Rondon.

ASSASSINATO O crime ocorreu por volta das 02 horas da madrugada de ontem na Praça Willy Barth. Vanderlei foi encontrado caído próximo a um banco da praça. Ele foi morto com um tiro na cabeça. O delegado Sérgio Luiz pede a ajuda da população com informações sobre a vida do rapaz. A polícia quer saber com quem ele estava, com quem residia e conversar com testemunhas do crime. Denúncias podem ser feitas pelo telefone (45) 3254-1400.

BOCA DE FUMO Divulgação

Bando que entrou na casa de ex-prefeito de Missal seria de Foz do Iguaçu A Polícia Civil de Medianeira, policiais da Operação Costa Oeste e do Grupo de Diligências Especais (GDE) de Foz do Iguaçu tentavam, na tarde de ontem (10), localizar quatro integrantes de um grupo que invadiu a casa do ex-prefeito de Missal, Plínio Stuani, na Linha Glória, durante a madrugada. De acordo com informações recebidas ontem pela reportagem de O Presente, os foragidos são de Foz do Iguaçu. Logo após o assalto foram presos Carlos Fernando Simini e Rubens Antônio Alfonso. “O Carlos, de Foz, tem passagem por assalto e o Rubens é de Curitiba. O segundo é motorista da quadrilha, esperava para dar cobertura, e o Carlos entrou na casa e meteu o cano. Os outros quatro, que estão sendo procurados, entraram na casa”, disse um agente da Polícia Civil de Medianeira.

ASSALTO Stuani disse que estava dormindo quando os elementos entraram na sua casa, se identificando como policiais. “Ouvi socos na porta. Eu e minha esposa levantamos e só abrimos a porta porque eles gritaram que eram da polícia. Rapidamente entraram, me deram uma coronhada na cabeça e apontaram a arma para a minha esposa. Depois eles subiram para o quarto e disseram que queriam saber do cofre e de armas”, contou o ex-prefeito. “Disse que não tinha cofre e muito menos armas. Depois dis-

so, eles foram para a casa da minha nora, que está grávida de nove meses, e roubaram vários pertences pessoais. Em seguida trancaram todos nós no meu quarto”, acrescentou a vítima. “Enquanto éramos rendidos, meu filho pulou a janela e pediu para que o vizinho avisasse a polícia. Achei arriscado e não queria que ele fizesse isso, mas foi graças à atitude dele que conseguimos recuperar pouco do que nos levaram”, declarou Stuani.

RECUPERAÇÃO Os assaltantes roubaram uma TV 42 polegadas, dinheiro, notebook, o Scenic placas AKO-3019, a moto Tornado placa ARD-9562 e a moto Bros placa ARL-1529. Na fuga eles se separaram e empreenderam fuga para lugares diferentes. Uma moto foi encontrada em Santa Terezinha de Itaipu. Já o Scenic estava na localidade de Fazendinha, no interior de São Miguel do Iguaçu. O condutor teria perdido o controle do carro em uma curva, entrado numa plantação e abandonado o veículo. O carro foi recuperado pela Polícia Militar de Itaipulândia, quando ia em direção a São Miguel. Um Celta, que estava com Rubens, indo na mesma direção, foi apreendido em São Miguel. Já Carlos estava com uma das motos roubadas. Ele foi preso pela Polícia Militar de Santa Terezinha. A outra moto também foi localizada, além de R$ 900. Guia Medianeira

Um dos suspeitos presos estava com roupa com nome da Polícia Civil Após várias denúncias, policias da P2 e da Rotam de Toledo prenderam, na noite de segunda-feira (09) o jovem Jhonathan Pilarski, 18 anos, residente na Rua Bento Gonçalves, no Jardim Europa. Ele é suspeito, de comercializar crack em sua moradia. No quarto do mesmo os policiais encontraram, numa caixa de tênis, 722 gramas em pedras de crack, uma balança de precisão e papel-alumínio. O suspeito assumiu ser o dono da droga. Ele informou que fazia o comércio do entorpecente há cerca de oito meses no local e que a droga era comprada de um traficante de Cascavel. Em sua última compra havia adquirido 900 gramas da droga. Em posse do rapaz estavam ainda R$ 492, dinheiro que ele declarou ser proveniente do tráfico. Durante as buscas na residência, vários usuários ligaram para o celular do preso.


POLICIAL

20 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

MARECHAL RONDON

Moradores denunciam uso de drogas em terreno no centro O Presente

Em várias opor tunidades a Polícia Militar já foi chamada para interceder na situação. Porém, após as batidas policiais, o grupo volta a se reunir

R

ondonenses que residem próximos à rodoviária ou que trabalham nos arredores procuraram o Jornal O Presente esta semana para denunciar o uso livre de drogas em terreno baldio, localizado no cruzamento entre as ruas Minas Gerais e D. Pedro I, no centro da cidade. Segundo eles, há cerca de três meses, diariamente um grupo de pessoas vem frequentando o local. Elas consomem drogas, como maconha, e ingerem bebidas alcoólicas. Alguns moradores, inclusive, acreditam que o local sirva também para o consumo de crack. Outros, já flagraram no local pessoas cometendo atos que atentam ao pudor. Menores de idade também teriam sido vistos usando drogas. O lixo que eles espalham pelo terreno é outro problema. Conforme os denunciantes, em várias oportunidades a Polícia Militar já foi chamada para interceder na situação. Porém, após as batidas policiais, o grupo volta a se reunir. E eles frequentam o local durante todo o dia e também à noite, permanecendo até de madrugada. Daquelas pes-

soas, pelo menos uma seria morador de rua e viveria no local. As demais seriam moradores em residências em outros pontos da cidade, e que se encontrariam no terreno baldio apenas para consumir drogas, permanecendo lá apenas por algumas horas.

SEM FLAGRANTE

Segundo o sargento José Nunes Palmeira, a Polícia Militar (PM) tem conhecimento de que o terreno tem sido frequentado por pessoas em atitudes estranhas ou suspeitas. Segundo ele, há cerca de dez dias, a PM realizou uma ação no local. No entanto, a exemplo do que aconteceu outras vezes, logo após ser dispersado, o grupo retornou. De acordo com o oficial, em todas as batidas realizadas pela PM, em nenhuma foi flagrado o uso ou tráfico de tóxicos. Inclusive, com relação ao uso de drogas, o sargento Palmeira explica que o usuário de droga tem um tratamento diferenciado em relação ao traficante. “É outra situação. Pela lei, o usuário não é um criminoso, mas uma pessoa doente. Neste contexto, a lei não prevê uma ação criminal específica. Mesmo que ele seja encaminhado à delegacia, o delegado também não tem muito o que fazer e a pessoa acaba liberada”, expõe. Para o militar, situações como esta exigem um trabalho em conjunto entre a polícia e a assistência social do município. “Acredito que seja necessário um trabalho para recuperar essas pessoas. Nós podemos ir lá, recolher, mas é preciso ha-

Grupo fumava maconha tranquilamente na tarde de ontem (10) em um terreno baldio no centro da cidade, próximo à rodoviária

ver um trabalho social de encaminhamento destas pessoas para um abrigo, ou caso não sejam residentes no município, que sejam encaminhados às suas cidades de origem”, argumenta o sargento, que confirma que alguns indivíduos que frequentam o terreno já foram identificados pelos policiais como sendo os mesmos que, há cerca de quatro meses, viviam sob a marquise na área não utilizada da rodoviária, e que de lá foram retirados, inclusive em uma ação que contou com a participação da Secretaria Municipal de Assistência Social.

CASO DE POLÍCIA

Osni Royer, assistente social da prefeitura, confirma que a presença de desabrigados ou andarilhos vivendo na rodoviá-

ria rondonense é um problema de anos e que há algumas semanas muitas pessoas foram retiradas de lá e encaminhadas pela Secretaria Municipal de Assistência Social. Com relação às pessoas que agora estariam ocupando o terreno ao lado da rodoviária, Osni acredita que o atendimento não seria de responsabilidade da pasta. “A última intervenção que fizemos foi em dezembro, quando foi verificado que aquelas pessoas não eram o nosso público de trabalho. Se se tratam de crianças, adolescentes, idosos ou pessoas com deficiência, é o público que a Assistência Social atende. Agora, se são pessoas maiores, capazes e estão na vadiagem, estão infringindo lei, aí já é caso de polícia”, destaca a assistente social.

Seja de quem for a responsabilidade, os moradores ou aqueles que trabalham nas proximidades da rodoviária esperam uma solução para o problema. Neste sentido, o sargento Palmeira enfatiza que, se a população perceber que naquele local ou em outro qualquer estiver sendo feito uso ou tráfico de tóxicos, ou houver aglomeração de pessoas em atitude suspeita, a Polícia Militar deve ser acionada de imediato para tomar as medidas cabíveis. Ele cita, por exemplo, que é de conhecimento que existe aglomeração de usuários de drogas em locais públicos em Marechal Cândido Rondon, principalmente nas praças, e que a PM tem agido para coibir estas situações.

Quatro-pontense foi morto por tiro disparado por delegado O laudo do Instituto Geral de Perícias (IGP), da Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Sul, concluiu que o tiro que matou o refém paranaense foi disparado pelo delegado gaúcho Leonel Carivali, da 1ª Delegacia Regional Metropolitana, sediada em Gravataí. A informação foi divulgada pelo delegado da Corregedoria da Polícia Civil, Paulo Rogério Grillo, responsável pela investigação do caso, ontem (10). O agricultor paranaense, de Quatro Pontes, Lírio Persch e um segundo refém estavam em um cativeiro na cidade de Gravataí. Os policiais paranaenses do grupo Tático Integrado Gru-

po de Repressão Especial (Tigre) - a unidade de elite antissequestro da Polícia Civil do Paraná - foram ao Rio Grande do Sul resgatar as duas vítimas de sequestro sem avisar as autoridades locais. Ao saber dos motivos da investida da polícia paranaense, dois delegados gaúchos estouraram o cativeiro e acabaram matando o agricultor. O delegado será ouvido nos próximos dias pela Corregedoria para que possa apresentar a sua versão dos fatos. Todas as testemunhas já foram ouvidas e o laudo pericial também já foi feito. O inquérito policial deve ser concluído na próxima se-

mana. “O delegado ainda não foi ouvido. Somente depois disso poderemos falar sobre a conclusão do inquérito”, afirmou Grillo.

MORTE DE SARGENTO

Na mesma operação - porém em circunstância anterior à morte do refém -, os policiais paranaenses mataram um sargento da Brigada Militar do Rio Grande do Sul. Outro inquérito investiga como se deu a morte de Ariel da Silva. Os policiais do Paraná seguem presos em Curitiba. As investigações revelam que houve confronto armado entre os investigadores parana-

enses e o sargento gaúcho e que isso ocorreu após a tentativa de abordagem. Ariel da Silva estava à paisana e em uma moto sem identificação da polícia. Ele teria tentado interpelar os agentes do Tigre já com arma em punho e sem se identificar como policial. “Em princípio, ele [o sargento] não pediu socorro à Brigada, não acionou ninguém. Ele estava agindo meio solitário”, definiu Grillo. Apesar da abordagem fora dos padrões policiais (sozinho, à paisana e sem comunicar a corporação), o delegado disse que não é possível afirmar que Ariel da Silva fazia “bicos” como segurança

na região. “Queremos ouvir essas testemunhas até para esclarecer tudo isso”, acrescentou. Em depoimento à polícia gaúcha, os investigadores do Grupo Tigre disseram que pensaram que o sargento fazia segurança a bandidos. O equívoco teria gerado o tiroteio. A Justiça autorizou a quebra do sigilo telefônico do sargento, na última sexta-feira (06), para que se possa apurar o que o sargento fazia no local onde acabou morto por investigadores do Grupo Tigre. A reconstituição da morte de Silva deve ocorrer na próxima terça-feira (17).


QU AR TA -FEIRA 1 DE JJANEIR ANEIR O DE 20 12 QUAR ART -FEIRA,, 1 11 ANEIRO 2012

M

uito aguardado para este ano, o Windows 8 promete trazer diversas novidades, tendo em vista a forte concorrência dos dispositivos móveis, os quais estão aos poucos tomando o mercado dos computadores. Muitos já preferem utilizar seus smartphones e tablets para as atividades mais simples, diminuindo a importância do computador. Frente a essa forte concorrência, o novo sistema deve ser capaz de impactar no mercado, com o intuito de manter seu valor, bem como ampliar a gama de ferramentas aos usuários. Mas, afinal, o que a Microsoft tem preparado para manter o Windows como o sistema operacional preferido dos consumidores? A primeira mudança deve estar no visual e a maneira como as barras de ferramentas estarão dispostas. Visando melhorar e facilitar a vida do usuário, o novo sistema deve intensificar o uso de barras de atalhos mais precisas, assim como já existe nas versões mais recentes do Office, onde trocou-se a barra de ferramentas clássica, por abas mais práticas e rápidas. Outra mudança significativa diz respeito à instalação do novo Internet Explorer 10. O Windows 8 deve vir equipado com o novo navegador, que promete ter suporte a mais recursos, além de ser mais rápido. Esta mudança se deve pelo fato do Internet Explorer 9 estar ameaçado por seus concorrentes Chrome e Firefox, os quais vêm ganhando terreno mensalmente, ameaçando a liderança do Internet Explorer, além de apresentarem maior rapidez e agilidade no carregamento das páginas. Seguindo a tendência dos novos sistemas operacionais, o Windows 8 deve possuir também uma loja virtual, onde o usuário pode baixar e comprar aplicativos seguros e que complementem suas atividades. O grande po-

rém está em sua aplicação, pois hoje em dia a maioria dos usuários não possui a versão original do Windows, o que comprometeria o uso da loja virtual por estas pessoas. Por outro lado, a oferta de aplicativos seguros protege os usuários de ameaças, além de oferecer maior flexibilidade de personalização da máquina. Com o Windows 8, a Microsoft espera também criar uma plataforma única para computadores, notebooks, smartphones, tablets e outros dispositivos, oferecendo as mesmas ferramentas e interface parecida para ambos aparelhos. Esta unificação facilita a adaptação do usuário com os mais diversos aparelhos, uma vez que poderá ter uma experiência semelhante entre eles, além da compatibilidade dos arquivos e programas. A novidade mais significativa e que pode realmente ajudar muito os usuários será a possibilidade de armazenar em um pen drive ou disco rígido externo todo o sistema e seus documentos. Através disso, o usuário poderá “transportar” sua máquina para qualquer lugar e utilizá-lo em qualquer computador, efetuando apenas um boot deste dispositivo. Desta forma, ele terá uma cópia idêntica de seu computador em qualquer lugar que for, transformando, de certa maneira, um computador de mesa em um dispositivo móvel. Especula-se que em fevereiro uma versão para testes estará disponível a alguns usuários, que assim poderão testar as novas ferramentas, bem como sugerir e identificar me-

NETBOOKS GANHAM NOVOS PROCESSADORES Buscando revitalizar e manter o crescimento dos aparelhos netbooks, a Intel anunciou a distribuição dos novos processadores para estes dispositivos. Os novos chips possuem seu maior trunfo no consumo de energia, o qual tende a ser 20% mais econômico, estendendo a duração da bateria para até dez horas. Além disso, os processadores prometem ser mais rápidos e apresentar melhor desempenho gráfico quando comparados com os modelos anteriores. A comercialização dos novos netbooks ainda não é confirmada, mas possivelmente dentro de alguns meses já teremos novidades no mercado. Apesar da ameaça dos tablets e ultrabooks, os netbooks continuam como aposta devido a seu baixo custo.

O PRESENTE |

21

lhorias. A versão final do novo sistema operacional está prevista para o segundo semestre deste ano. Existe uma grande expectativa sobre o sucesso do sistema, pois seu desempenho pode afetar diretamente o mercado de computadores e notebooks, já que a concorrência no mercado de eletrônicos está bastante acirrada e seu fracasso poderia levar a computação e a informática a novos rumos.

AUMENTA O NÚMERO DE BRASILEIROS NO FACEBOOK O Brasil foi o país que mais cresceu dentro da rede social Facebook em 2011. De acordo com pesquisa, o país fechou o ano com aproximadamente 35 milhões de usuários, um salto comparado com 2010, quando havia “apenas” 8,8 milhões. Além disso, o país já se encontra em quarto lugar no número de usuários, atrás apenas dos Estados Unidos, que possuem 157 milhões, Indonésia com 41,7 milhões e Índia com 41,3 milhões. Os dados são do analista Nick Burcher, o qual aponta também que a rede social conta atualmente com mais de 800 milhões de usuários em todo o mundo. Além disso, é importante ressaltar que alguns analistas já veem uma saturação no mercado norte-americano, onde o crescimento foi de 8%, o menor desde sua popularização.


ESPORTES

22 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

CONCENTRAÇÃO

Seleção Brasileira de Futebol feminina treina em Curitiba Diego Pereira

Atletas vão par ticipar do Campeonato Sulamericano Sub-20 promovido pela Conmebol, Fifa e CBF

D

esde segunda-feira (09) a Seleção do Brasil Feminina Sub-20 está concentrada em Curitiba, no CT do Trieste, em Santa Felicidade. As atletas vão participar do Campeonato Sulamericano Sub20 promovido pela Conmebol, Fifa e CBF, com jogos em Curitiba no período de 20 de janeiro a 05 de março. O torneio internacional conta com dez seleções divididas em dois grupos. No A está o Brasil, Paraguai, Peru, Uruguai e Bolívia e no B a Argentina, Venezuela, Equador, Colombia e Chile. “O Sulamericano serve de teste para a Copa do Mundo 2014, pois

Algumas das atletas da seleção

vamos realizar algumas ações utilizadas para o mundial, como deslocamentos das seleções, segurança nas concentrações e comportamento das torcidas”, declarou o secretário estadual da Copa, Mario Celso Cunha. Ontem (10), a seleção realizou treino físico e tático nas dependências do Trieste, devendo realizar um amistoso no domingo (15),

provavelmente contra a equipe de futebol feminino do Novo Mundo. “Considero importante a presença antecipada da Seleção do Brasil em Curitiba, pois garante uma aclimatação maior. É bom lembrar que o nosso selecionado nacional conta com quatro atletas do elenco do Foz do Iguaçu”, disse o presidente do Comitê Organizador Felipe Daher.

Baiano se diz surpreso com desistência do São Miguel O técnico Eduardo Pacheco Coelho, o Baiano, disse estar surpreso com a notícia do anúncio da desistência do São Miguel Futsal na Chave Ouro de 2012. Pelo Facebook, o treinador confirmou que não teve comunicado da diretoria da equipe. “Estou ainda surpreso, mas se realmente for verdade, e eu acho que é, será mais uma provação que foi colocada no meu caminho”, declarou.

Baiano esteve nas três últimas temporadas comandando a equipe de Guarapuava, mas no mês de dezembro o clube guarapuavano e o técnico não chegaram a um acordo para a renovação do contrato. Com isso, o treinador aceitou uma proposta para voltar a comandar o São Miguel Futsal, equipe em que ele ganhou quatro títulos da Chave Ouro de Futsal. No último sábado (07), o assessor de imprensa da equipe de

São Miguel, Valdir Pereira, anunciou em seu blog que a equipe desistiu do Campeonato Paranaense deste ano devido à falta de patrocínio. A se confirmar a desistência, Baiano, um dos técnicos mais vencedores do Estado do Paraná, estaria sem clube e haveria poucas opções para que pudesse comandar uma equipe na Chave Ouro, uma vez que a maioria das equipes já definiu quais serão seus treinadores.

Site anuncia amistoso entre Brasil e Argentina para junho A Federação Argentina de Futebol (AFA) anunciou, por meio de seu site oficial, que sua seleção enfrentará o Brasil, em um amistoso organizado nos Estados Unidos, no dia 09 de junho. A partida seria disputada no Estádio MetLife, em Nova Jersey, mas não foi confirmada oficialmente pela CBF. O duelo pode remarcar reen-

contro de Neymar e Messi dentro dos campos e seria a chance da equipe de Mano Menezes conquistar mais um grande resultado sobre o histórico rival. Uma vitória diante dos argentinos poderia, inclusive, amenizar as duras críticas que o treinador vem sofrendo e auxiliar no entrosamento da equipe. O último encontro entre as duas AP

Ainda não confirmada pela CBF, partida aconteceria em 09 de junho, nos Estados Unidos

seleções aconteceu no Superclássico das Américas, quando os dois times se enfrentaram em duas ocasiões. O jogo realizado na Argentina terminou em um empate sem gols, enquanto o disputado em Belém, no Pará, acabou com uma vitória por 2 a 0 dos brasileiros. Além do amistoso com o Brasil, a Argentina anunciou encontro contra a Arábia Saudita, no dia 14 de novembro. A partida seria disputada em Riad, capital árabe. Antes também de forma amistosa, a seleção sul-americana joga contra a Suíça, em 29 de fevereiro, em Berna, e diante da Alemanha, na casa do adversário, ainda sem local definido, em 15 de agosto. Já a Seleção voltará a campo em fevereiro, contra um adversário ainda não definido. Segundo a Fifa, os brasileiros enfrentarão o Egito, no Cairo, mas a informação também não foi confirmada pela CBF.

Polícia Militar veta camisas em amistoso A Polícia Militar vetou a presença de torcedores com outras camisas de clubes que não sejam do Londrina e do Flamengo, no amistoso entre as agremiações na quinta-feira (12), no Estádio do Café. Além disso, torcedores do Flamengo que comprarem ingressos para o setor de cadeiras (arquibancada coberta) serão orientados a não usar camiseta da equipe carioca.

Para maior segurança dos espectadores, a diretoria do Londrina informou que haverá entradas diferenciadas para torcedores do Tubarão e do Flamengo. Os torcedores rubro-negros entrarão pelo portão que fica próximo ao Kartódromo enquanto os torcedores do Londrina entrarão normalmente pela entrada principal onde ficam as bilheterias do estádio.

Vasco acerta com meiocampo argentino Abelairas O Vasco não anunciou de forma oficial, mas acertou a contratação do meia argentino Matias Abelairas, de 26 anos, que está sem clube há seis meses, mas estava no River Plate (ARG). O jogador foi oferecido ao cruzmaltino em 2011, mas somente agora a diretoria concordou com a chegada do hermano. Abelairas já está no Rio de Janeiro e foi aprovado nos exames médicos em São Januário. O argen-

tino deverá ir para Atibaia e será apresentando na manhã de hoje (11). O meia chegou a cogitar encerrar a carreira no fim de 2011 após não acertar com nenhum clube. Além de Abelairas, a diretoria do Vasco negocia a chegada de outro meia argentino. Trata-se de Jesus Dátolo, que está no Espanyol (ESP). O clube espanhol já aceitou emprestar o jogador de graça, mas os vascaínos vão ter que arcar com o salário do atleta.

Paraná não terá reforços para Copa do Brasil Mesmo após a chegada do novo gerente de futebol, o ex-olheiro do clube italiano Parma, Alex Brasil, o Paraná não deverá apresentar reforços nas próximas semanas. O planejamento da diretoria tricolor é anunciar novas contratações apenas em maio, quando a equipe irá disputar a Segunda Divisão do Campeonato Paranaense e a Série B do Brasileirão. De acordo com o superintendentegeral do clube, Celso Bittencourt, não é financeiramente viável manter um time com bons jogadores para disputar a primeira partida apenas em março, contra a Luverdense, pela Copa do Brasil. “Não tem como esconder. A gente não tem a condição de querer trazer jogador agora. Vamos reforçar o grupo que vai jogar o Brasileiro e o restante do elenco que vai disputar o Paranaense”, afirmou. Para a disputa da Copa do Brasil, o elenco deverá ser formado basicamente por jogadores das categorias de base. Cerca de 13 garotos da equipe sub-20 e outros quatro do time sub-18, que está disputando a Copa São Paulo, deverão engrossar o grupo. O atacante Néverton, que chegou a disputar algumas partidas do Campeonato Paranaense em 2011, é um dos meninos que deve ter nova chance no time profissional. Atualmente apenas nove jogadores que participaram do grupo no ano passado ainda possuem

contrato com o Tricolor. Entretanto, mais atletas podem deixar a Vila Capanema nos próximos dias. O atacante Igor fechou com o São Carlos para disputar a A-2 do Campeonato Paulista. O goleiro Luis Carlos, com proposta do futebol gaúcho, e os laterais Lisa e Henrique, em negociação com Vila Nova (GO) e Vasco, respectivamente, são outros que podem deixar o clube para aliviar a folha salarial até maio. “A gente vai aproveitar que já que tem esse tempo até a primeira partida para analisar o elenco, as categorias de base, e poder se preparar bem para o início das competições”, garantiu Bittencourt. Para baratear os custos com as contratações, o superintendente-geral não descartou a possibilidade de buscar jogadores nas competições amadoras de Curitiba. O atacante Marcelo, artilheiro do Bairro Alto, foi um dos nomes observados pela cúpula tricolor. “Se surgir alguém de destaque, que nos interesse, vamos tratar com atenção, mas não estamos prospectando atletas na Suburbana. Não vou dizer que não vamos contratar, até porque já utilizamos antes”, disse. O time do Paraná deverá se reapresentar no dia 18. Até lá, a direção paranista pretende anunciar o nome do novo treinador da equipe.


ESPORTES

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

O PRESENTE | 23

MERCADO

Internacional tenta zagueiro argentino e sonda Miranda EFE

Leão promete escalar São Paulo com até 4 atacantes

Diretor-executivo de futebol, Fernandão, esteve na Argentina para tentar a contratação do zagueiro Lisandro Lopez, 22 anos, que per tence ao Arsenal de Sarandi

C

om a dificuldade em fechar a contratação do zagueiro Naldo, do Werder Bremen, da Alemanha, a direção do Inter vai em busca de uma nova alternativa para colocar à disposição do técnico Dorival Júnior. O diretor-executivo de futebol, Fernandão, esteve na Argentina para tentar a contratação do zagueiro Lisandro Lopez, 22 anos, que pertence ao Arsenal de Sarandi. “O Fernandão esteve na Argentina para resolver algumas questões, entre elas para ver a situação do Lisandro Lopez, mas já posso adiantar que hoje não tem nenhuma chance do Inter contratar este jogador. O clube não quer negociar o Lisandro Lopez”, disse o presidente colorado Giovanni Luigi.

Miranda, ex-São Paulo, é um dos desejos do Inter para esta temporada

A outra possibilidade de contratação é Miranda, ex-jogador do São Paulo e que está no Atlético de Madrid. O ex-atacante Luizão, hoje empresário de Miranda, admite que conversou com os dirigentes do Inter sobre a possibilidade do retorno do zagueiro para o Brasil. “O Inter me procurou há uns dez dias e esta semana o Fernandão me ligou novamente. Eu passei para ele quanto o Miranda ganha e que ele está com mais de três meses de salários

atrasados. Também disse que no momento o Miranda não quer voltar para o Brasil. Mas se tiver uma proposta salarial boa pode mudar a situação”, disse o agente. O empresário também afirmou que Miranda só sai da Espanha se for vendido pelo Atlético de Madrid e que por empréstimo não existe nenhuma possibilidade do clube liberar. Luizão também disse que outros times do Brasil e da Europa estão interessados na contratação do zagueiro Miranda.

Tite pede contratação de Cristian para fechar elenco O técnico Tite entrou publicamente, ontem (10), na campanha para repatriar o volante Cristian, que brilhou pelo Corinthians em 2009 e atualmente defende o Fenerbahçe. O treinador acredita que precisa de mais um volante para fechar o seu elenco, e aposta que o jogador do time turco seria a contratação ideal. No último dia 03, vazou na internet um vídeo no qual Cristian pede à torcida do Corinthians que colabore para que ele retorne ao clube do Parque São Jorge. Na gravação, realizada na Turquia, o jogador indica o lançamento de uma campanha na internet para viabilizar a transferência e pede para os corintianos entrarem em um site, cujo endereço é

www.voltacristian.com.br, que até o início da tarde de ontem ainda não havia entrado no ar. Uma grande empresa promete lançar uma campanha nos próximos dias com o objetivo de trazer Cristian de volta ao Corinthians. O Fenerbahçe, porém, pede R$ 16 milhões para liberar o jogador e o clube paulista deveria arrecadar esse valor ou algo perto disso para contratá-lo. Em meio a este cenário incerto, Tite não titubeou ao ser questionado se o volante era o jogador que ele espera que ainda seja contratado para a temporada de 2012. “Cristian. É esse mesmo. É ele, sem rodeio”, disse, para depois brincar com a situação. “Eu aproveito essa pergunta para colocar

‘mais pressão’ na diretoria”, completou, sorrindo. Ao falar de Cristian, Tite destacou que o atleta seria um reforço de peso, que viria com outro status, e garantiu que ele poderia jogar ao lado de Ralf, pois já desempenhou a função de segundo volante em outros clubes que defendeu. “O Cristian tem uma característica de sair mais para o ataque e tem um bom chute de média distância”, elogiou. O fato, porém, é que essa contratação precisa ser fechada até o próximo 31, quando fecha a janela de transferências do futebol europeu. Até lá, o clube não terá muito tempo para arrecadar os R$ 16 milhões para repatriar Cristian.

Eleição no Corinthians acontecerá antes de clássico A eleição presidencial no Corinthians está marcada. De acordo com edital publicado no site oficial do clube ontem (10), assinado pelo presidente do Conselho Deliberativo Carlos Senger, o pleito acontecerá no dia 11 de fevereiro

(sábado), das 09 às 17 horas. A escolha da data causou polêmica nos últimos dias. De acordo com membros da situação, Senger queria marcar a eleição para o dia 11 com a intenção de coincidir com o clássico contra o São Paulo e,

desta forma, diminuir o número de associados na eleição. A possibilidade causou revolta no clube, a ponto de alguns sócios pensarem em fazer um protesto na frente da casa do presidente do Conselho.

Depois de comandar um treino com bola na manhã de ontem (10) no CT de Cotia, onde o São Paulo vem realizando a sua pré-temporada, o técnico Emerson Leão prometeu escalar um time com características bastante ofensivas na temporada de 2012, na qual o clube do Morumbi irá tentar encerrar um jejum de títulos que dura desde 2008. Embora tenha adotado o esquema tático com três zagueiros em alguns jogos de 2011, o comandante disse que existe a possibilidade de escalar um time com até quatro atacantes. “Não terminamos o ano passado com três zagueiros e não vamos começar este ano assim. A prioridade será o futebol ofensivo. E pretendo jogar com três ou quatro jogadores na frente, mais os laterais”, avisou. Para colocar o seu plano ofensivo em prática, Leão afirmou que espera definir o quanto antes o elenco de jogadores do São Paulo

para a temporada de 2012. Ele enfatizou que pretende fechar o seu grupo de atletas antes do início do Campeonato Paulista, no qual o time estreia no próximo dia 22, contra o Botafogo, no Morumbi. “Na realidade o grupo ainda não está definido. Tem muitos clubes interessados em nossos atletas e alguns mais devem sair para outros chegarem”, revelou o treinador, que conta com um elenco de 33 jogadores no momento. “Não podemos fazer experiências durante o campeonato. Seria melhor se pudéssemos fazer os testes agora, antes do início das competições”, acrescentou. Em 2012, além de disputar o Paulistão, o São Paulo jogará a Copa do Brasil, a Copa Sul-Americana e o Campeonato Brasileiro, depois de, pelo segundo ano seguido, ter fracassado na tentativa de conquistar uma vaga na Copa Libertadores da América.

Fifa divulga esquema de “compra” de gols A Federação Internacional de Futebol (Fifa), que anunciou ontem (10) uma série de medidas para lutar contra a manipulação de resultados, divulgou logo em seguida documentos que mostram um esquema de “compra” de gols. “Queremos que sua equipe tome dois gols no primeiro tempo e vocês poderão fazer um também após levar o quarto. A recompensa será de 100 mil dólares”, escreveu uma pessoa identificada como Wilson Raj Perumal, de Cingapura, num e-mail destinado a uma seleção nacional cujo nome não foi divulgado pela Fifa. A mensagem, enviada em agosto de 2009, foi exibida pela entidade numa coletiva na qual foram apresentadas as novas ferramentas que serão usadas para lutar contra a manipulação de resultados, negócio que gera entre 5 e 15 bilhões de euros por ano. Raj, nascido em Cingapura, residia em Londres antes de ser preso em fevereiro na Finlândia, onde cumpre uma pena de dois anos por ter manipulado uma partida no país. Em outro e-mail divulgado pela Fifa, ele tenta convencer o destinatário a montar uma equipe de jovens para participar de um torneio Sub-21 totalmente manipulado. “Posso influenciar a partida em seu favor, deixe-me fazer isso”, diz a mensagem.

Em outro e-mail de 2009, que teve como assunto “Torneio de jovens de quatro nações”, Raj oferece outro “negócio” ao seu interlocutor: “não precisa complicar sua vida ao dizer que você quer vencer o jogo, tem muito dinheiro a ganhar com isso”. Numa carta manuscrita encontrada em seu domicílio, Raj explica suas motivações. “Cresci numa região onde as apostas de futebol e a manipulação de resultados fazem parte de um estilo de vida”, explicou. Ele também confessa ser apenas um “Mickey” neste negócio, alegando que existem “atores muito mais importantes no mercado”. Raj afirmou que considera fácil corromper jogadores, técnicos e empresários em países onde é difícil viver apenas do futebol. “Alguns jogadores que conheci viviam em condições terríveis. Em seis meses, suas vidas deram um giro de 360 graus. Compraram uma casa, seus filhos foram para as melhores escolas. Eles chegaram a me agradecer por ter recebido esta oportunidade”, relatou. Em outra carta, Raj explica que “a maioria das federações e equipes de futebol tem problemas financeiros. Se você oferecer a elas um adversário disposto a arcar com todas as despesas para organizar um jogo amistoso, te acolhem de braços abertos”, completou.


GERAL/EDITAIS

24 | O PRESENTE - Edição 3257

QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

APÓS FESTAS DE FIM DE ANO

5,2% dos presos em liberdade temporária não retornaram O

índice de evasão de presos que receberam o direito de passar as festas de fim de ano fora dos estabelecimentos penais foi de 5,2% no Paraná. Segundo a Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (Seju), dos 2.429 presos do regime semiaberto que ganharam a liberdade provisória, 127 não retornaram até a tarde de segunda-feira

(09), prazo final dado pela Justiça, e são considerados foragidos. Neste número não estão incluídos os que reincidiram no crime e foram detidos pela polícia ou os que morreram no período. O percentual de internos que não retornou é menor que o registrado no ano anterior, quando 123 de 2.444 presos não retornaram, o que corresponde a 5,8%.

Os presos que receberam o benefício são detentos de 14 unidades espalhadas pelo Estado. As liberações variam de 3 a 12 dias e iniciaram entre os dias 22 e 30 de dezembro. A partir de hoje (11), cada diretor de estabelecimento penal vai informar oficialmente os nomes dos presos foragidos ao respectivo juiz, que deve expedir um novo mandado de prisão.

Governador reafirma compromissos com combate à criminalidade O governador Beto Richa se reuniu ontem (10) com o secretário de Segurança Pública, Reinaldo de Almeida César, para tratar de assuntos relacionados ao programa Paraná Seguro, lançado em agosto do ano passado. O encontro aconteceu na sede da secretaria. Durante a visita, o governador reafirmou os compromissos para a implantação das medidas previstas no programa, garantiu prioridade a ações de combate à criminalidade, tráfico de drogas e enfatizou a alocação de um investimento de R$ 500 milhões a mais para o setor neste ano. “Vamos perseguir as metas de

redução da criminalidade com medidas inteligentes e efetivas, e levar mais segurança a todas as regiões do Paraná”, disse o governador. Na reunião, o governador conheceu o projeto final da delegacia cidadã, das novas unidades do Instituto Médico Legal, Instituto de Criminalística e das unidades da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. Ele também foi atualizado sobre os processos de contratação de novos policiais e reequipamento das forças de segurança do Estado. De acordo com o secretário da Segurança Pública, o encontro com o governador também foi uma opor-

tunidade para avaliação das ações previstas para este ano em Curitiba, na região metropolitana e também no interior. “Tudo que projetamos vai representar de investimentos consistentes na área de segurança pública”, disse Almeida César. Richa afirmou que a instalação de Unidades do Paraná Seguro na região da Capital deve ter atenção especial, assim como o início da implantação dos módulos móveis. “Alcançamos bons resultados em 2011, entre eles a redução de mais de 8% nos homicídios em Curitiba. Pedi que o trabalho siga com a mesma seriedade demonstrada até aqui”.

Procuradoria pede que todos tenham acesso à redação do Enem O Ministério da Educação informou ontem (10) que 71 alunos de todo o país, até agora, obtiveram na Justiça o direito ao acesso à redação corrigida do último Exame Nacional do Ensino Médio 9 Enem). Dentre eles estão os 12 estudantes que conseguiram o acesso à redação na Justiça Federal no Ceará. Esse é o primeiro balanço completo divulgado pelo MEC das ações judiciais de estudantes que queriam ter vista da prova em todo o país. Muitos também solicitaram uma nova avaliação da redação. Até a noite de segunda-feira (09), o ministério e o Inep, órgão responsável pela realização do Enem, reconheciam apenas alguns casos, como 11 liminares concedidas pela Justiça Federal do Rio de Janeiro e uma de São Paulo -único caso no qual um aluno conseguiu mudar a sua nota. A quantidade de pessoas que tiveram acesso à prova corrigida é o total de alunos que entraram na Justiça, segundo o ministério. O governo afirma que recorreu em um único caso, pois já havia revertido a nota do aluno Michael de Oliveira, de 17 anos. Nos outros casos,

não houve recursos e o pedido de vista da prova foi concedido. Do total de alunos que tiveram acesso à redação corrigida, 27 também obtiveram o direito a uma nova avaliação da prova. Em todos os casos, no entanto, a nota divulgada inicialmente foi mantida. O ministro Fernando Haddad (Educação) afirmou que as ações na Justiça são normais, pois nenhum cidadão “está impedido de buscar um recurso judicial. Isso ocorre desde sempre”. Haddad lembrou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público Federal que determina que o procedimento de vistas da prova seja automatizado no próximo Enem, neste ano. Desta forma, os alunos poderiam consultar pelo próprio sistema uma cópia digital da redação, por exemplo. “O procedimento de vistas será automatizado. O Inep pediu um prazo maior para o investimento em infraestrutura para tornar isso possível. Nosso problema é de escala, pois não é um vestibular com 20, 30, 40, 50 mil candidatos. São 4 milhões de pessoas”, disse o ministro.


QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012

EDITAIS

Edição 3257 - O PRESENTE | 25

SÚMULA DE PEDIDO DE LICENÇA PRÉVIA Lucio Schroeder torna público que requereu ao IAP Licença Prévia para suinocultura, a ser implantado no lote rural n° 177-B, linha Arara, 20° Perímetro da Fazenda Britânia, município de Marechal Cândido Rondon, Estado do Paraná.


26 | O PRESENTE

APARTAMENTO, vendo, c/ 1 suíte, 3 quartos, garagem p/ 3 carros, no Ed. Di Cavalcante, na R. Men de Sá esq. c/ Ceará, R$ 200.000,00. Tr. (45)99725013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. ÁREA COMERCIAL, vendo, 2.000 m², próximo ao Trovão Azul, em MCR, valor a combinar, aceito terrenos ou casa em MCR. Tr. (45)3254-1848 ou 9934-3567 com Laura. CASA, vende-se, 101.50 m², nova, c/ 3 quartos, sala, cozinha, 2 bwc, garagem, na R. Horizonte, Lot. Port III, R$ 155.000,00, pode ser financiada. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248. CASA, vende-se, 140 m², de alvenaria, terreno 625,00 m², em Vila Planalto, valor a combinar. Tr. (45)8801-8023 ou 8801-4711. CASA, vende-se, 2, usadas, 70 m² cada, c/ 2 quartos, 1 suíte, sala, cozinha, bwc, na Rua das Canelas, Lot. Gramadinho, R$ 140.000,00. Tr. (45)32545000 com Certo Imóveis. Creci J-4248. CASA, vende-se, 67.97 m², em construção, c/ 2 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., garagem, R. Almir Dalla Vechia, Lot. Recanto dos Pássaros, R$ 80.000,00, pode ser financiada pelo Minha Casa, Minha Vida. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248. CASA, vende-se, 69.57 m², nova, toda cercada e murada, c/ 3 quartos, sala, cozinha, bwc, na R. Almir Dalla Vechia, Lot. Priesnitz, R$ 120.000,00, pode ser financiada. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248. CASA, vendo ou troco, com laje, no centro de MCR, valor a combinar, troco por apartamento em Curitiba. Tr. (45)99786422 com Raimundo Van Den Boon. Creci-F 11955-J. CASA, vendo, 110 m², c/ laje, 1 suíte, terreno de esquina 300 m², próximo ao centro, R$ 135.000,00. Tr. (45)9921-9844 ou 3254-4814 com Localiza Negócios Imobiliários. CASA, vendo, 126 m², alvenaria, c/ laje, terreno 364 m², na Rua 12 de Outubro, Lot. Élio Winter, próximo ao Sesc, valor a combinar. Tr. (45)9921-9844 ou 3254-4814 com Localiza Negócios Imobiliários.

E-mail: classificados@opresente.com.br / Internet: www.opresente.com.br CASA, vendo, 132 m², alvenaria, c/ laje, 3 quartos, 1 suíte, área de festas, R$ 165.000,00. Tr. (45)3254-1345. CASA, vendo, 55 m², c/ 2 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., no Lot. Imperial, R$ 80.000,00, pode ser financiada pelo Minha Casa, Minha Vida. Tr. (45)9969-6919 com Valdir/JF Investimentos. CASA, vendo, 68 m², alvenaria, c/ laje, 2 quartos, 1 suíte, bwc social, demais depend., saída p/ Curvado, R$ 100.000,00, pode ser financiada. Tr. (45)3254-1345. CASA, vendo, 86 m² + 75 m² de edícula, alvenaria, c/ laje, portão eletrônico, água quente, 2 quartos, 1 suíte, demais depend., na R. Nossa Senhora da Penha, nº 198, Lot. Santa Felicidade, valor a combinar. Tr. (45)9932-0786 ou 3284-2320 com João. CASA, vendo, 90 m², alvenaria, c/ garagem, toda cercada, próximo ao mercado Weimann, R$ 85.000,00. Tr. (45)9931-3874. CASA, vendo, alvenaria, 154 m², terreno 11x45, no Jd. São Francisco, R$ 60.000,00. Tr. (45)8825-8696 ou 3254-4814 com Localiza Negócios Imobiliários. CASA, vendo, alvenaria, 5 peças, terreno todo murado, no Jd. Marechal, R$ 55.000,00. Tr. (45)9994-4831. CASA, vendo, c/ laje, 3 quartos, 2 bwc, garagem, portão elet., demais depend., a 2 quadras do mercado Allmayer, R$ 180.000,00. Tr. (45)8412-5762 ou 9944-1826. CASA, vendo, de esquina, alvenaria, terreno 324 m², em Guaíra, valor a combinar. Tr. (45)9926-4600. CASA, vendo, de madeira (peroba), para retirar do local, valor a combinar. Tr. (45)99159246. CASA, vendo, na Travessa Gaúcha, nº 47, 1º rua depois da Av. Maripá, no BNH I, R$ 85.000,00. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. CASAS, vendo, 2, de 142 m² e 60 m², no mesmo terreno 489 m², em MCR, R$ 120.000,00, aceito carro até 40.000,00. Tr. (45)3254-5266 ou 9986-6639. CHÁCARA, vendo, 1.3 alq., com moradia, próximo ao Frigorífico da Copagril, valor a combinar. Tr. (45)9926-4600.

CHÁCARA, vendo, 1.5 alq., c/ chiqueiro p/ 500 animais, açude p/ 30.000 alevinos, estrebaria, casa mista, em Vila Cristal, Nova Santa Rosa, valor a combinar. Tr. (45)99698314 à noite e ao meio dia ou 9978-1481, com Aldair. CHÁCARA, vendo, 2.5 alq., plana, 200 m de largura, toda cercada, excelente p/ construção de aviários e chiqueiros, c/ casa de alvenaria, em Novo Sarandi, R$ 170.000,00. Tr. (45)3254-4814 ou 9921-9844. CHÁCARA, vendo, 2.5 alq., próximo a MCR, R$ 160.000,00. Tr. (45)3254-4814 ou 99219844 com Localiza Negócios Imobiliários. Creci J 4743. CHÁCARA, vendo, 25.000 m², na linha Palmital, a 3 km do asfalto e 6 de MCR, R$ 42.000,00. Tr. (45)9921-9844 com Localiza Negócios Imobiliários. Creci J 4743. CHÁCARA, vendo, 25.000 m², sem benfeitorias, próximo à Estancia Coroados, 400 m do asfalto, R$ 60.000,00. Tr. (45)3254-4814 ou 9921-9844 com Localiza Negócios Imobiliários. Creci J 4743. CHÁCARA, vendo, 3.5 alq., com casa de 3 pisos, açude grande, mata natural e casa para zelador, próxima ao novo mercado da Copagril, R$ 580.000,00. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. GRANJA DE SUÍNOS, vendo, chiqueiros p/ 1.400 animais (engorda), 3.5 alq. de terra de 1º, casa mista de 110 m², estrebaria p/ 14 vacas, resfriador de leite 800 lts, ordenhadeira, 22 cabeças de gado, porteira fechada, c/ toda estrutura existente na granja, valor a combinar. Tr. (45)99219844 ou 3254-4814 com Localiza Negócios Imobiliários. SALA COMERCIAL, vendo, 45 m², na R. Men de Sá, nº 1233, ao lado do Salão D´Dora, sala 02, valor a combinar. Tr. (45)9997-5180 com Paulo. SOBRADO, vendo, novo, 140 m², suíte + 2 quartos, cozinha planejada, na Rua Natal, nº 675, próximo à Pizzaria Show de Bola, R$ 225.000,00. Tr. (45)9952-1514 com Marcos. TERRA, vendo ou troco, 6 alq., planta 5, com açude e benfeitorias, na linha Maracanã, valor a combinar. Tr. (45)3254-4216 ou 8433-5969. TERRA, vendo, 10.000 m², com vertente, boa para açude, próxima ao motocross, R$ 60.000,00, aceito terreno. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390.

TERRA, vendo, 12 alq., planta 8, encosta no asfalto, com várias benfeitorias, a 1000 m do frigorífico da Copagril, valor: 1.700 scs de soja o alq. Tr. (45)9969-6919 com Valdir/JF Investimentos. TERRA, vendo, 12 alq., toda em pasto, em São José do Iguaçu, valor: 600 scs de soja o alq. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. TERRA, vendo, 2 alq., com 2 casas de madeira, aviário 100 m copagril, granja p/ 400 suínos, valor a combinar, aceito chácara ou casa próximo a MCR como parte de pgto. Tr. (45)3254-4814 ou 9931-9908 com Localiza Negócios Imobiliários. Creci J 4743. TERRA, vendo, 25 alq., 24 mecanizados, no asfalto, valor a combinar. Tr. (45)9978-6422 com Raimundo Van Den Boon. Creci-F 11955-J. TERRA, vendo, 3.5 alq., planta 2.5, com benfeitorias, na linha Arroio Fundo, 2 km do asfalto, R$ 190.000,00, aceito caminhão como parte de pgto. Tr. (45)3254-4814 ou 9921-9844 com Localiza Negócios Imobiliários. Creci J 4743. TERRA, vendo, 41 alq., toda mecanizada de 1º, c/ 2 barracões, 2 casas, poço artesiano, 5 km do asfalto, em Japorã, Mundo Novo, MS, valor: 900 scs de soja o alq., aceito troca. Tr. (45)9972-5013 ou 32541718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. TERRA, vendo, 5.7 alq. mecanizados de 1º, a 8 km de Rondon, 1.000 m do asfalto, valor: 1.750 scs de soja. Tr. (45)3254-1345. TERRA, vendo, 60 alq., planta 40, c/ várias benfeitorias, a 4 km do centro de MCR, próximo ao Guarani, valor a combinar. Tr. (45)9972-5013 ou 32541718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. TERRA, vendo, 7.5 alq., planta 6 de 1º, casa de alvenaria com laje, 150 m², na linha Palmital, 2 km do asfalto, valor: 1.200 scs. Tr. (45)3254-4814 ou 9921-9844 com Localiza Negócios Imobiliários. Creci J 4743. TERRENO, vende-se, 600 m², no Anel Viário, Lot. Dona Amélia, R$ 75.000,00, pode ser financiado. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J4248. TERRENO, vendo, 17x14, de esquina, com moradia e ponto comercial, R$ 160.000,00. Tr. (45)3254-1345. TERRENO, vendo, 18.30x40, no Lot. Roda D' Agua, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)84184536 com Paulo.

QU AR TA -FEIRA 1 DE JJANEIR ANEIR O DE 20 12 QUAR ART -FEIRA,, 1 11 ANEIRO 2012

TERRENO, vendo, 204 m² (12x17), escriturado, de esquina, no Lot. Gralha Azul, R$ 36.000,00. Tr. (45)8814-3503 ou 9924-2530 com Jaqueline ou Claudinei. TERRENO, vendo, 370 m², de esquina, todo murado, na R. Nossa Senhora da Penha, nº 890, Lot. Santa Felicidade, valor a combinar. Tr. (45)99320786 ou 3284-2320 com João. TERRENO, vendo, na Av. Maripá, a 1/2 quadra do Ruzza Supermercados, em MCR, R$ 300.000,00, aceito terreno. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. TERRENO, vendo, na avenida do Parque Ecológico, MCR, valor a combinar. Tr. (45)84184536 com Paulo. TERRENO, vendo, no Parque Ecológico, R$ 75.000,00. Tr. (45)9969-6919 com Valdir/JF Investimentos. TERRENOS, vendo, vários, no Lot. São Francisco, valor a combinar, parcelas de 40 a 50 meses c/ entrada de R$ 5.000,00. Tr. (45)9978-6422 com Raimundo van den Boon. Creci-F 11955-J.

ALUGO QUARTOS, com ou sem móveis, próximo à Unioeste, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)9147-3785. ALUGO, quitinete e apartamento, na Av. Maripá, centro, valor a combinar. Tr. (45)9977-3695. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, 100 m², c/ 3 quartos, demais depend., com sacada, churrasq., 2 ares-condic., garagem, na Av. Rio Grande do Sul, 3º andar, em MCR, R$ 650,00 sem condomínio. Tr. (45)3284-2591 ou 9135-3475. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, 3 quartos, demais depend., 6 peças grandes, c/ parabólica coletiva, interfone, garagem p/ carro, no calçadão em cima da Mari Meri, Ed. Tonin, em MCR, R$ 490,00 + condomínio. Tr. (45)3254-1167. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, c/ garagem coberta, interfone, parabólica coletiva, no Cond. Res. Canadá, R$ 450,00, incluso condomínio e taxa de água. Tr. (45)3254-2379 com Edna. APARTAMENTOS, alugo, prédio novo, 2 quartos, demais depend., garagem, portão elet., gás encanado, interfone, parabólica col., área de lazer, sacadas, no Residencial Alexandre Henrique, R. José Bonifácio, nº 164, próx. à prefeitura, valor a combinar. Tr. (45)3254-1167 ou 9959-0433 com Terezinha.

CASA, ofereço p/ alugar, 3 quartos, 2 salas, cozinha, lavand., garagem, bwc, na Rua Amapá, nº 1045, R$ 485,00. Tr. (45)9954-0768 com Ivone. CASA, ofereço p/ alugar, alvenaria, 110 m², na Rua XV de Novembro, nº 986, R$ 620,00. Tr. (45)9912-0880 com Marli. CASA, ofereço p/ alugar, alvenaria, na Rua Rio de Janeiro, nº 1597, MCR, valor a combinar. Tr. (45)9945-5079. CASA, ofereço para alugar, mista, com 7 peças, na Rua Bahia, nº 52, Bairro Ana Neusa, próximo a Copagril, valor a combinar. Tr. (45)9974-7190 com Zenaide. SALA COMERCIAL, ofereço para alugar, na R. Santa Catarina 665, 1º andar, em frente a Lotérica Rondon, R$ 350,00. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. SUB-LOCAMOS SALAS para acupuntura, massoterapia, estética e áreas afins, ótima localização, valor acessível. Tr. (45)9974-5652 ou 8808-9136 com Fabiano.

ASTRA 2.0 ELEGANCE, vendo ou troco, ano 2005, flex, com rodas esportivas, completo, valor a combinar. Tr. (45)9942-8434. CAMINHÃO FENEME 180, vendo, ano 71, valor a combinar. Tr. (45)3254-0752 ou 9934-9632. CAMINHÃO, vendo ou troco, Ford Cargo 1215, ano 99, no chassi, valor a combinar, troco por terreno. Tr. (45)9118-5677. CAMINHÃO, vendo, ano 79, Scania 1115, trucado, no chassi, em bom estado, valor a combinar. Tr. (45)9932-0786 ou 3284-2320 com João. CAMINHÃO, vendo, FH 12 (380), engatado, c/ carreta LS, motor novo, R$ 80.000,00 + financiamento, aceito propostas. Tr. (45)8826-6263. CARRETA, vendo, Volvo 340 NL 10, cavalo 92 e carreta 90, R$ 85.000,00 engatada, aceito carro. Tr. (45)32561503. CARRETA, vendo, Volvo FH 380, ano 2003, bitrem ano 2002, R$ 100.000,00 de entrada, assume financiamento, aceito troca. Tr. (45)99200532. CELTA SUPER, vendo, ano 2003/03, prata, 3 portas, 70 cv, trava, vidros elétricos, desemb. traseiro, R$ 17.000,00. Tr. (45)9953-2832 com Tieles.


QUARTA-FEIRA, 11 DE JANEIRO DE 2012 CITROEN XSARA PICASSO EX, vendo ou troco, ano 2001/ 01, prata, completo, valor a combinar. Tr. (47)9632-3925 ou (45)3332-0034. CORSA SEDAN, vendo, ano 2001, prata, valor a combinar. Tr. (45)8822-4999 com Ricardo. D-20, vendo, ano 89, turbinada, com direção hidráulica, motor feito, particular, R$ 26.500,00. Tr. (45)9993-1855 (tim) com Ruben.

GOLF 1.6, vendo, ano 2006, azul, flex, completo, em ótimo estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45)8814-3503 ou 9924-2530 com Jaqueline ou Claudinei.

MONZA SLE, vendo, ano 92, grafite, c/ DH, 4 portas, vidros elétricos, R$ 7.500,00. Tr. (45)3254-1345.

Atenção vítimas de acidente do ano de 2008 à 2011

PAMPA 1.8, vendo, ano 91, vermelho, álcool original, em excelente estado, R$ 9.000,00. Tr. (45)9975-0388.

(45) 9972-7923 9134-9384 H.J. MUNCHEN & VENGRAT 3254-4503 CNPJ: 10759805/0001-77

ESCORT 1.6, vendo, ano 94, azul, Ford, com DH, vidro e trava, álcool, em bom estado, R$ 6.500,00. Tr. (45)9975-0388. ESCORT 1.8, vendo, ano 96, vermelho, gasolina, impecável, R$ 10.000,00. Tr. (45)84125762 ou 9944-1826. F-1000, vendo, ano 83, MWM, carroceria de madeira, particular, valor a combinar. Tr. (45)9993-1855 (tim) com Ruben. F-1000, vendo, ano 94, prata, completa, MWM, turbo, ar, super cap, revisada, particular, valor a combinar. Tr. (45)99931855 (tim) com Ruben. FIAT 147 L, vendo, ano 77, valor a combinar, sem troca. Tr. (45)9994-1949 com Lucas. FIESTA SUPERCHARGER, vendo, ano 2003, prata, c/ som, insulfilme, pneus, vidros e trava elétrica, R$ 21.500,00, aceito moto até R$ 7.000,00. Tr. (45)8826-6444. FOCUS GHIA 2.0, vendo, ano 2002/02, prata, teto solar, rodas liga-leve, completo, ótimo estado de conservação, todo original e revisado, valor a combinar. Tr. (45)3254-2118 ou 9912-7007 com Armando. FORD KA, vendo, ano 98, R$ 7.000,00 (na parte paga) e assume parcelas de R$ 130,00, aceito Biz ou CG na parte paga. Tr. (45)9952-9525 com Thiago. FUSCA, vendo, ano 75, vermelho, original, motor 1500, reformado, em ótimo estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45)9134-0593 ou 3254-2074 com Jeverson.

GOL 1.0, vendo, ano 98, cinza, 4 portas, 16 v, c/ ar, direção, farol de milha, limpador traseiro, pneus novos, R$ 12.000,00. Tr. (45)9997-5180 com Paulo. GOL 1.6, vendo, ano 93/94, prata, motor AP, pneus novos, suspensão nova, em perfeito estado, R$ 8.500,00, aceito Biz +. Tr. (45)9974-4702 ou 91114362 com Luis.

PEUGEOT 206, vendo ou troco, ano 2001, prata, 4 portas, completo, c/ rodas do peugeot 307, R$ 16.990,00. Tr. (45)9944-7004. PUMA GTE, vendo, ano 80, para colecionar, em excelente estado, R$ 15.000,00. Tr. (45)3254-7888 com Rafael. SANTANA QUANTUM, vendo, ano 87, R$ 2.500,00. Tr. (45)3254-0415 ou 3254-2284 com Claudemir. SAVEIRO 1.6, vendo ou troco, ano 2006, branca, flex, básica, c/ rodas e mp3, R$ 20.000,00, troco por máquina de sorvete italiano. Tr. (45)9909-8339. SAVEIRO 1.6, vendo, ano 95, gasolina, R$ 8.500,00. Tr. (45)8818-4476.

BIZ ES, vendo, preta, 0 km, com partida, valor a combinar. Tr. (45)8806-7237 (tim) com Marcos. BIZ KS, vendo, ano 2000, vermelha, em ótimo estado, valor a combinar, parcelo pgto. Tr. (45)9942-2738. CBX 200 STRADA, vendo, ano 96, em ótimo estado, valor a combinar, parcelo pgto, aceito biz. Tr. (45)9942-2738. CBX 250 TWISTER, vendo, ano 2007, preta, 30.000 km, manual, chave reserva, nota fiscal, R$ 6.000,00, sem troca. Tr. (45)9950-5655. DT 180 P/ TRILHA, vendo, em ótimo estado, R$ 1.800,00. Tr. (45)9912-0712. FALCON NX4, vendo, ano 2005, preta com cinza, 18.200 km originais, equipada p/ viagens c/ bolha, pedaleira, baú, suporte p/ alforges e raios cromados, pneus seminovos, valor a combinar. Tr. (45)99416755. NX4 FALCON, vendo, ano 2001/01, vermelha, Honda, revisada, impecável, c/ documentos pagos, R$ 7.900,00. Tr. (45)9963-5892.

AR-CONDICIONADO, vendo, quente e frio, novo, Mitsuo, com garantia, R$ 750,00 em 5x no cheque. Tr. (45)8404-6196 com Claudinei. AUTO ELÉTRICA PUBI contrata eletrecista de automóveis com referência e experiência. Tr. (45)3254-6932 ou 9962-5861. BARCO, vendo, super forte, 5 m, usado, valor a combinar. Tr. (45)3254-0415 ou 32542284 com Claudemir. BATERIA ACÚSTICA, compro, usada, marca RMV ou similar, valor a combinar. Tr. (45)9996-4139 com Eduardo. BICICLETARIA BIG BAKE, vendo ou troco, na Av. Rio Grande do Sul, em MCR, R$ 24.000,00. Tr. (45)8821-2451 com Adelson. BICICLETARIA, vendo ou troco, na Av. Rio Grande do Sul, em MCR, R$ 20.000,00, aceito carro ou moto. Tr. (45)8821-2451. CAMA P/ FISIOTERAPIA, vendo, seminova, 1,75 por 1,55 ideal p/ fisioterapia ou acamado, R$ 600,00. Tr. (45)9953-9037 com Neusa. COMPRESSOR E PISTOLA, vendo, seminovos, pressure 7.8 pés e pistola profissional de pintura, 3 hrs de uso, com garantia, R$ 550,00. Tr. (45)9137-2915 ou 3254-1474 com Jandro. COMPUTADOR, vendo, HD 500 GB, tela LCD 17", valor a combinar, parcelo pgto. Tr. (45)8821-7410 ou 9926-4802 com Fernando. COMPUTADOR, vendo, LG Dealer LCD, completo, c/ 2 caixas de som, webcam, todo formatado, R$ 700,00, aceito propostas. Tr. (45)9944-1826 ou 8412-5762 com Cynthya.

SCÉNIC RXE 2.0, vendo, ano 2001, cinza, completa, em excelente estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45)9981-1132.

TORNADO, vendo, ano 2006/07, amarela, Honda, em ótimo estado, R$ 7.800,00. Tr. (45)9922-4513 com Cristiane.

TOWNER, vendo, ano 94/95, azul, valor a combinar. Tr. (45)8801-8023 ou 8802-4353.

TWISTER, vendo, ano 2003, Honda, em ótimo estado, documentos em dia, R$ 4.500,00, preço de ocasião. Tr. (45)99510603 com Lirio.

COMPUTADOR, vendo, novo, HD 500 GB Sata3, 4 GB memória DDR3, monitor 18.5 LCD, gravador dvd, placa mãe AM3, teclado, mouse, caixas de som, c/ garantia de 12 meses, R$ 900,00. Tr. (45)99401637 (tim) ou 9101-4317 (vivo) com Cristiano.

TWISTER, vendo, ano 2007/ 08, Honda, preta, 2º dono, 14.000 km, impecável, valor a combinar. Tr. (45)9982-0576 com Gilmar.

COMPUTADOR, vendo, seminovo, desktop, monitor, configuração atual, completo, R$ 450,00, aceito material de construção. Tr. (45)3254-7888 com Osmar.

VECTRA CD, vendo, ano 95/ 96, completo, c/ teto solar, bancos de couro, automático, preço de ocasião. Tr. (45)84184536. VERSAILLES GL 2.0, vendo, ano 96, 4 portas, completo, 4 pneus novos, estado de novo, único dono, R$ 12.800,00. Tr. (45)3254-1345.

YBR FACTOR 125, vendo, ano 2008/09, vermelha, Yamaha, valor a combinar. Tr. (45)9951-3568 com Vanderlei.

CONTRATA-SE auxiliar técnico que tenha CNH. Tr. (45)3254-2074 ou 9134-0593.

OFERTA DE TRABALHO para auxiliar de cozinha, valor a combinar. Tr. (45)9972-5363.

CONTRATA-SE vendedor com experiência em vendas. Tr. (45)3254-1361.

OFERTA DE TRABALHO para empregada doméstica, período da manhã, com carteira assinada. Tr. (45)3254-9844 com Elaine.

DIVERSOS, vendo, computador, mesa de estudo com cadeira, roupeiro, fogão, cadeiras de praia, ferro elétrico, ventilador, tábua de passar, cama, colchão e televisão, valor a combinar. Tr. (45)99511783 ou 9137-4904. EXPOSITOR DE BEBIDAS E FRIOS, vendo, 3 portas, usado, em perfeitas condições, valor a combinar. Tr. (45)99651830. FILHOTES, vendo, de Lhasa Apso e Pastor Alemão, de ótima qualidade, linhagens puras, 1º vacina importada, desverminados, valor a combinar. Tr. (45)9137-0692 ou 91231241. GAITA, vendo, marca Soneli, 80 baixos, bem conservada, preço de ocasião. Tr. (45)99888654. INDÚSTRIA LENZ, vendo, em Nova Santa Rosa, fábrica de desnatadeira, serrafitas, maiores informações. Tr. (45)3253-1166. LOJA COMERCIAL DE INFORMÁTICA, vendo, com ótima clientela, em MCR, motivo mudança, valor a combinar. Tr. (45)9943-3479 com Danieli. MÁQUINAS DE MARCENARIA, vendo, desempenadeira, esquadrejadeira e furadeira de bancada, valor a combinar. Tr. (45)9988-2553 ou 3254-1760 com Marli. MÓVEIS, vendo, urgente, motivo mudança, guarda-roupa, mesa p/ churrasq., mesa p/ cozinha, sala de jantar c/ tampo de vidro, em excelente estado, valor a combinar. Tr. (45)3254-9395. NOTEBOOK, vendo, Acer Dual Core, novo, 5 GB memória, HD 500 GB, gravador dvd, web cam, tela 15 " LED, wirelees, acompanha fonte e bateria, com garantia de 12 meses, R$ 1.100,00. Tr. (45)9940-1637 (tim) ou 91014317 (vivo) com Cristiano. OFEREÇO SERVIÇOS de cortes de grama. Tr. (45)91255993 com Cristiano.

OFERTA DE TRABALHO para garçom, valor a combinar. Tr. (45)9972-5363. PRECISA-SE de pedreiros e de serventes, interessados. Tr. (45)9919-7118 com Fernando. PRECISA-SE de pessoas p/ trabalhar em construção, pedreiros, serventes, carpinteiros, armadores, trabalho fichado, interessados. Tr. (45)32821305 ou 9965-8142 ou na R. Diesel em Pato Bragado, com Deivid ou José. TORNEIRO MECÂNICO, precisa-se com experiência. Tr. (45)3254-5847 ou na Milksoft.

C A R R O C E R I A GRANELEIRA, vendo, do caminhão 1620, com 8 m de comprimento, 1,60 de altura, 2,40 de largura, valor a combinar. Tr. (45)9955-2229 com Wanderson. COLHEITADEIRA, vendo, New Holland 8055, ano 86/87, cabinada, R$ 70.000,00. Tr. (45)9938-0100. COLHEITADEIRA, vendo, New Holland, modelo TC 57, ano 2004, valor a combinar, parcelo pgto. Tr. (45)99380100. COLHEITADEIRA, vendo, New Holland, modelo TC 59, ano 2002, valor a combinar. Tr. (45)8801-8023 ou 8802-4353. FORD 6600, vendo, ano 85, com lâmina e concha, valor a combinar. Tr. (45)8815-8656. MUDAS DE EUCALIPTO, vendo, várias variedades, c/ plantio e manutenção completa, valor a combinar. Tr. (45)8803-0231 (tim) ou 32542720 com Herton. PLATAFORMA DE MILHO, vendo, marca GTS, modelo AS1150, ano 2006, valor a combinar. Tr. (45)8801-8023 ou 8802-4353. VALMET 85, vendo, ano 80, R$ 12.000,00. Tr. (45)88158656.

PARA ASSINANTES

2,00 Este cartão é válido somente para a edição do dia 12/01/2012 R$

Marcar com X:

Compro Vendo

Troco

Preciso para alugar Ofereço para alugar

Produto: ---------------------------------------------- Marca: --------------------------------Novo/usado/ano: ----------------------------------- Valor: ---------------------------------Obs.: --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------Tratar com: ------------------------------------------ Fone: ---------------------------------Endereço: -------------------------------------------- Cidade: -------------------------------Remetente: ------------------------------------------ Fone: ---------------------------------Assinatura do responsável: ----------------------------------------------------------------Obs.: Não nos responsabilizamos pela publicação de cartões rasurados e por informações incorretas. Entregue este cartão na recepção do Jornal O Presente entre 08 e 12 horas do dia 11/01/2012.

Recorte na linha pontilhada

GOL 1.0, vendo, ano 94/95, c/ pneus recaro, trava, som, alarme, limpador e desemb. traseiro, R$ 8.000,00. Tr. (45)8813-8583 com Eduardo.

BIZ 125 ES, vendo ou troco, ano 2008, amarela, c/ partida, corta corrente, manual, nota fiscal, R$ 4.800,00, troco por biz de menor valor. Tr. (45)9937-4548. BIZ ES, vendo, ano 2008/08, prata, com partida, manual, chave reserva, única dona, 12.500 km, R$ 4.800,00. Tr. (45)8806-7237 (tim) com Marcos.

ESCORT 1.6, vendo, ano 94, álcool original, valor a combinar. Tr. (45)9134-0593 ou 3254-2074.

Informações

O PRESENTE | 27

GOL POWER 1.6, vendo, ano 2004/04, preto, 4 portas, completo, R$ 20.000,00. Tr. (45)9112-1878 com Levi.

ECOSPORT 1.6 XLS, vendo, ano 2006/06, prata, flex, em ótimo estado, R$ 31.000,00. Tr. (45)8802-0010.

Você sabia que tem direito a indenização?

CLASSIFICADOS


MARECHAL CÂNDIDO RONDON - PR

Estiagem traz risco ao abastecimento de água no Oeste

QUARTA-FEIRA

11

JANEIRO DE 2012

PÁGINA 12

Fone/fax: (45)

3254-1842

Vanderleia Kochepka

NÚCLEO REGIONAL DE FRONTEIRA Em vista da instalação oficial do Núcleo Regional para o Desenvolvimento e Integração da Faixa de Fronteira do Estado do Paraná, o coordenadorgeral do projeto, Josemar Ganho, esteve, ontem (10), em Marechal Cândido Rondon, para uma visita de sensibilização ao município. A reunião, que foi realizada na prefeitura, contou com a presença do prefeito em exercício, Silvestre Cottica, secretários municipais e representantes da procuradoria

jurídica. “Viemos deixar e posteriormente recolher um formulário que permite ao município apresentar ao Núcleo as grandes demandas em várias áreas, dentro das suas dificuldades e as propostas de soluções. Vamos receber estas informações de Rondon e dos outros 139 municípios do Paraná para sistematizar e criar um plano de desenvolvimento e integração da faixa de fronteira”, ressaltou Ganho. PÁGINA 08


11-01-2012.pdf