Page 1

Distribuição Gratuita

ANO V- N°65 SETEMBRO DE 2009 - SOBRÁLIA-TARUMIRIM- FERNANDES TOURINHO- ENG° CALDAS- DOM CAVATI- ALPERCATA E GOV. VALADARES

Prefeitura de Fernandes Tourinho comemora sucesso da 8ª Festa da Cidade

21 de Setembro, dia da árvore. Sem muito que comemorar!

Record de público

Moradores e visitantes do município de Fernandes Tourinho comemoram nos dias 18,19 e 20 de setembro a 8ª festa da cidade que levou ao município nomes conhecidos da música nacional e regional. PAG.04

Galos e arenas de luta apreendidos em sítio de Sobrália

Policiais militares apreenderam 19 animais em uma rinha de galos em um sítio, em Sobrália. O local foi descoberto após uma denúncia anônima indicar o local das arenas. PAG.05

Na contramão do que se prega hoje, mais verde para a sociedade, a Prefeitura de Engenheiro Caldas promoveu uma verdadeira mutilação de árvores na cidade causando polêmica entre moradores da cidade. PAG.02 Na foto árvore que ficava à margem do Rio das Pedras.

Câmara de Tarumirim homenageia alunos que foram destaque na Olimpíada Brasileira de Matemática

Engenheiro Caldas em festa com Feira da Amizade

O Secretário de Agricultura de Tarumirim faz reivindicações ao Secretário Estadual

João Neto e Frederico agitou o publico presente na festa

Em encontro com o Secretario Estadual de Agricultura Gilmo Viana, o Secretário de Agricultura de Tarumirim Argentino Manoel Camargo fez reivindicações de melhorias para o programa de agricultura de tarumirim.

PAG.06

PAG.04 Câmara de Tarumirim homenageia alunos que foram destaque na Olimpíada Brasileira de Matemática.Durante a solenidade, os alunos receberam homenagem ao desempenho alcançado nas provas. PAG.04

Aconteceu nos dias 25,26 e 27 a Feira da Amizade em Engenheiro caldas. A festa recebeu artistas com estilo variado, e ainda , uma competição de motocross. PAG.04

Aqui você encontra sempre as melhores ofertas. Preço igual ninguém tem.

(33) 3234 1611 Rua Padre João Pina do Amaral 305

Engenheiro Caldas


22

SETEMBRO DE 2009

AMOR EXIGENTE

EDITORIAL

Pão e Circo Jair Rodrigues em parceria com a Secretaria M. de Assistência Social e de Saúde Em setembro do ano passado o mundo passava por um terremoto, mundo afora empresas, bancos fechavam suas portas, quebravam! E aqui no Brasil por conseqüência a equipe econômica juntamente com o governo Lula adotava a redução de gastos, que só para variar vinha de encontro a camada mais pobre da sociedade. Um ano se passou e tudo parece entrar nos eixos, o Brasil aparentemente foi um dos que menos sofreu com toda esta crise, ou melhor, os ricos sofreram menos, pois aqui em baixo onde tudo começa as coisas parecem ficar cada vez pior. Entre as medidas do governo federal os cortes no repasse do FPM foi o que mais afetou a economia dos pequenos municípios e com isto vem gerando falta de investimentos e a aplicação de serviços básicos. Ambulância caindo aos pedaços ou melhor ambulância não! Meio de transporte, pois aqui no leste de minas (em cidades onde este jornal circula) não existe um profissional capacitado a acompanhar a locomoção de quem quer que seja a procura de um socorro, são no mínimo 48 km de angustia e oração. Tenho certeza que se perguntarmos a muitos prefeitos e responsáveis pela área de saúde sobre a existência de um desfibrilador, vão todos ficarem com cara de há é... não preciso ir muito longe falta um pequeno cilindro de oxigênio, médicos é jóia rara. Estradas que são só buracos, máquinas que não funcionam, entre esta que é a realidade vivida por todos aqui presentes Espanto-me quando veja festas e mais festas sendo realizadas, atrações das mais diversas que nos levam a delírios de poder sonhar e esquecer dos problemas. Olhando tudo isto, viajo no tempo e relembro uma frase que dizia que para agradar o povo basta “pão e circo”. Sim queremos pão e circo, mas também queremos ser tratados com dignidade respeito e não só por prefeitos e vereadores, mas também por governadores estaduais e federais, principalmente os deputados que lembram ser da região somente de 4 em 4 anos. Chega de fazer gracinhas aí em cima com o chapéu dos pequenos municípios, afinal o voto da população que reside nestes locais esquecidos por vossas excelências são muito importante no resultado final da eleição.

Solidariedade A generosidade de muitas pessoas de nossa cidade proporcionou que se chegasse ao fim a construção de uma Comunidade Terapêutica para acolher adolescentes, tomados pela dependência química das drogas. Os agentes da Pastoral da Sobriedade, alguns membros também do Amor Exigente, tendo à frente a grande idealista Ana Martins Godoy Pimenta, se juntaram para criar a ADQF – Associação de Acolhimento aos Dependentes Químicos e seus Familiares e aceitaram a doação feita pela Paróquia de Lourdes, através do Padre Geraldo Hogervorst, para transformar a antiga escola Bom Pastor, localizada no Bairro Santo Antônio, numa casa acolhedora para dar uma segunda chance àqueles que num momento de suas vidas fizeram uma escolha errada e se arrependeram. Para muitas pessoas a droga surge por distração, brincadeira, uma pequena farra ou para fazer uma experiência, sempre naquela confiança que “é só para divertir um pouco, na hora que quiser eu paro”. Ledo engano – vide Fábio Assunção. Quando se dá conta, já não tem o comando dos seus desejos. Tudo é em função das drogas. Buscar ajuda, onde? Na nossa região não há Comunidade Terapêutica para acolher adolescentes menores de l8 anos de idade, lacuna que a ADQF se propõe ocupar com esta inauguração, como também não há esse tipo de Instituição para acolher mulheres, projeto que brevemente será iniciado, cuja área já foi adquirida no Bairro Jardim do Trevo. Dessa forma o objetivo do artigo de hoje é manifestar os agradecimentos a tantas pessoas que anônimamente contribuíram para a realização desse

Por Heldo Armond

sonho, uma vitória de todos, mas dizer que a luta continua. Para os arremates finais a ADQF ainda precisa de ajuda. Por isso informamos que no dia 12 de Outubro, no encerramento da Festa de Nossa Senhora Aparecida, durante a realização das barraquinhas da Paróquia da Ilha, haverá sorteio de vários prêmios como Motocicleta, Notebook, Bicicleta, TV. Ao custo de R$5,00 (Cinco Reais) você pode adquirir a sua cartela através do fone 3277-1020, e estará colaborando com essa grande ação comunitária, além de se divertir com a marcação das cartelas. Caso não possa comparecer não haverá problema pois o gerenciamento será feito por computador. O Santo Papa Bento XVI que em sua visita ao Brasil em 2007 visitou a Comunidade Terapêutica Fazenda da Esperança, em Guaratingueta, deixa a seguinte mensagem àqueles que se arrependeram e procuram a recuperação: “Meu jovem, a decisão de abusar de droga ou álcool, de entrar em atividades criminosas ou auto-lesivas para resolver uma situação de dificuldade mostrou-lhe que a escolha desse caminho, ao invés de levá-lo à vida, estava levando-o à morte. Reconheço de bom grado a coragem que demonstrou quando decidiu regressar ao caminho da vida. Em você vejo um embaixador de esperança para os que ainda se encontram em idêntica situação pois poderá convencê-los da necessidade de optarem pelo caminho da vida e fugir do caminho da morte, porque fala com base na experiência”. Diante desse voto de confiança do Santo Papa Bento XVI, que possamos empreender ações para manter essa esperança em muitos que procuram redescobrir a vida.

SUSTENTABILIDADE E POBREZA RÔMULO PERENTONI AMORIM Biólogo, Pós-Graduado Gestão Ambiental Mestrando Meio Ambiente e Sustentabilidade

Pobreza e devastação ambiental são parceiras. É impossível falar de uma sem se referir á outra. Nos morros mais íngrímes por onde se estendem a grande maioria das favelas e que encontramos os exemplos mais clássicos de insustentabilidade urbana. Estas pessoas não moram nos moros porque assim escolheram. Foram empurradas para lá, por um sistema econômico que remunera apenas o que é raro. Um modelo econômico que prega um crescimento exponencial dentro de um planeta finito. Um sistema sem limites, que a cada dia demonstra claros sinais de que precisa ser reformulado. Retornando às favelas, elas nunca vão acabar. A existência de favelas, pobreza e que mantém a estrutura devastadora econômica, política e ambiental que vivemos desde o tempo do império.

Quanto à sustentabilidade, pelo menos a defendida pela ONU (Organização das Nações Unidas) baseada na tríade: Econômica, Social e Ambiental, desconsidera um fator que a torna incrivelmente longe da realidade nossa região. “A VONTADE POLÍTICA”. Não há como ter esperança com o modelo de atores políticos que possuímos em muitas de nossos municípios. Estes afirmam que este modelo de sustentabilidade acima referido, é muito difícil de conseguir alcançar nos pequenos municípios por uma questão de recursos. Diria que é mais uma questão de vontade. Que venha a reforma eleitoral. Mas, antes que aconteça o despertar em cada um de nos. “Afinal, as pessoas que ocupam cargos de direção política são nossos representantes”. “Uma amostra do que nos somos e pensamos”.

21 de Setembro, dia da árvore. Sem muito que comemorar! RUA ENG. CALDAS Nº 04. - CENTRO SOBRÁLIA MG. CEP: 35.145-000 TEL: (33) 3232-1889 Email:opiniao_regional@yahoo.com.br opiniao_regional@hotmail.com Diretores: Jair Rodrigues Dias Colaboradres: .Helvânio Carvalho Junior Joelino Braga De Senna Gabriel Perez Dias

Designer: Jair Rodrigues Dias Jornalista Responsavel Jair R. Dias MTB 13294-MG Todas as matérias assinadas são responsabilidade de seus autores.

A poda drástica de centenas de árvores em Engenheiro caldas vem gerando muita polêmica. Tal atitude fez com que a cidade fosse mencionada no cenário regional, nacional e por que não dizer mundial, visto que basta acessar a rede mundial de computadores e em apenas um click lá estará Engenheiro caldas e as árvores da cidade, que foram dizimadas. A atitude de revolta de alguns moradores é justificável já que a poda, digo mutilação de árvores foi feita também em locais que as mesmas não traziam risco algum a rede elétrica. A foto da capa deste Jornal traz uma árvore com raízes forte e copa frondosa reduzida a nada. Perto desta árvore, um rio com sinais claro de poluição. Eis a pergunta que não quer calar: Quem está no lugar errado? O homem ou a árvore? A natureza já vem mostrando a algum tempo que ela vai cobrar o seu preço por atos praticados por aqueles que se dizem seres racionais. Numa época em que nas escolas e Na Tv muito se fala em educação ambiental, o cenário é totalmente contraditório uma vez que crianças e pessoas já de idade neste verão escaldante estarão inibidos de saírem às ruas para conversarem com seus amigos, afinal não existe mais tantas sombras para abrigá-los deste calor infernal e agora ainda mais quente. Soa um tanto irônico que a mutilação dessas árvores tenha sido autorizada por um órgão que deveria justamente protegê-las. CODEMA (Conselho Municipal de Conservação e Defesa do Meio Ambiente), sigla bonita, mas que na prática não fez valer o seu peso quando autorizou alguém que se julga superior ousar “educar” as árvores com medidas um tanto drástica demais. Mais irônico ainda é saber através de um órgão do executivo municipal que o IEF local era procurado constantemente por

Sandra Rodrigues

pessoas com pedido de poda alegando que as árvores facilitavam o acesso de marginais e deixavam o ambiente escuro, o que facilitava também o encontro de namorados e uso de drogas. Diante de tal alegação é fato que o problema de marginais e uso de drogas é um problema de segurança pública e não ambiental. Quanto a escuridão que facilitava o encontro de namorados é uma questão de iluminação pública, cabe aos órgãos competentes tomar as medidas cabíveis junto a CEMIG. O problema é sim de educação. Educação social e moral do ser humano e não das árvores que pagaram um preço por algo que não era devido. Pouco importa se a maioria das árvores plantadas em calçadas não figura como espécie nativa de nosso Estado, pois mesmo que sejam consideradas exóticas, como o Ficus (Ficus Benjamina) ou Oitizeiro (Licania Tomentosa), possuem sua função ecológica. Inúmeros são os benefícios que as espécies arbóreas podem propiciar. Além do sombreamento agradável, servem de abrigo à fauna, reduzem a poluição atmosférica e embelezam o espaço público. É certo que algumas árvores estavam atrapalhando sim a rede elétrica, mas é fato também que a poda foi encarada de maneira excessiva, e não é preciso fazer parte de nenhum órgão ambiental para certificar que algumas árvores não eram obstáculo para nada, a não ser para ganância humana. E para aqueles que julgam o assassinato de árvores algo normal, só me resta dizer que a natureza cobra seu preço. Há se cobra. Basta olhar no termômetro que fica na praça e ver que a temperatura está cada vez mais alta. P.S: Vamos sim reflorestar a lagoa, não é mais que obrigação visto que a mesma foi a primeira vítima do progresso ganancioso chamado várzea para todos, só se for para os poderosos visto que nem todos receberam a parte que lhe cabe deste latifúndio.


3

SETEMBRO DE 2009

CÂMARA MUNICIPAL DE GOVERNADOR VALADARES DISCUTE SITUAÇÃO DE MORADORES INSTALADOS ÀS MARGENS DO RIO DOCE COMPROMISSO COM A SOCIEDADE

Luiz Carlos Miranda

No dia 02 de Setembro realizou-se na Câmara Municipal de Governador Valadares uma Audiência Pública proposta pelo vereador Heldo Armond do PT, com o objetivo de analisar a situação dos moradores de rua da cidade e principalmente a situação dos moradores que se encontravam na Orla do Rio Doce próximo ao calçadão da Ilha dos Araújos. A ocupação que aconteceu em fevereiro, só teve fim a partir do pedido da Audiência, quando o Poder Executivo tomou providências para a retirada desses moradores, encaminhando-os para o albergue da cidade e para a Toca de Assis (Fraternidade católica que acolhe moradores de rua). “O tempo de ocupação e o comportamento das pessoas que se encontram naquele local estão caracterizando moradia, inclusive com instalação de varal, fogão e lavagem de roupa. O uso de bebidas alcoólicas pelos ocupantes expõe os transeuntes que passam pelo local (adultos crianças e idosos) a riscos de agressões, devido aos efeitos psicológicos que a bebida causa como a perda da consciência dos atos praticados.” Afirma o vereador, autor da proposta. Ele se preocupa também com a quantidade de moradores de rua na cidade e com a situação que se encontram essas pessoas. Ressaltou que essa é uma questão de segurança pública e do Executivo Municipal e que o local onde os moradores se instalaram na Ilha é um dos cartões postais da cidade e é necessário preservar o patrimônio público.“ Falta nos cuidado para potencializar as belezas naturais e os pontos turísticos de

Valadares, que poderiam gerar muitos empregos” comentou. O Secretário Municipal. de Assistência Social, Hélio Roberto Dias esteve presente na Audiência e disse que “a situação dos moradores de rua merece preocupação e atuação de todos”. De acordo com ele houve identificação das pessoas que viviam nessas condições em Valadares e foi feito um diagnóstico, alguns foram enviados de volta às cidades de origem, outras para a família, mas existem aqueles que não querem se readaptar. Segundo Dias, as ações de recuperação desses indivíduos demandam tempo. “Muitos são dependentes químicos ou de álcool e precisamos realizar ações de conscientização com eles”. Informou também que a Assistência Social não tem autonomia para simplesmente retirar as pessoas das ruas. “Todos tem o direito de ir e vir, e isso demandam intervenções e ações de recuperação. Elas têm o direito de fazer a opção de dormir na rua”. Ele ainda lembrou a dificuldade da locação de imóveis para essas pessoas. Quando o proprietário do imóvel sabe que é pra morador de rua se recusa a alugar, estão fechando as portas. A Presidente a Associação de Moradores da Ilha Rita Baldim disse que eles estão preocupados com a situação das pessoas, ela ressalta que não podem simplesmente enxota-los dali sem saber o que será feito deles, pois são seres humanos, todos tem direito a uma moradia digna, essa é uma situação de injustiça social. A coordenadora do Centro de Referencia Especializada de Assistência Social, Marinalva Silva diz que o mais importante é fortalecer vínculos com as famílias desses moradores de rua.

objetivo de se conhecer e debater os impactos ambientais, Recursos Naturais e Culturais, incentivo à produtividade, nossas águas: nascentes e rios, preservação do meio ambiente tanto no meio rural quanto no centro urbano. Estiveram presentes representante do Movimento Pró Rio Doce, Atenab (Associação dos Terapeutas Naturalistas do Brasil), IEF (Instituto Estadual de Florestas) Polícia Ambiental e Secretaria Municipal de Meio Ambiente. Segundo o presidente do Movimento Pró Rio Doce Paulo Célio Figueiredo (Catatau) “A todo instante ouvimos ou lemos algo sobre problemas ambientais: poluição do ar, efeito estufa, camada de ozônio, destruição, desmatamento e caça ilegal, pesca predatória, descarga, poluição, redução dos níveis de água potável, agrotóxicos, coliformes fecais, etc., etc. Entretanto, esses fatos, em sua grande maioria, são discutidos como fatores extrínsecos e inerentes a uma realidade distante. Não admitimos a nossa co-responsabilidade pelos problemas ambientais mais próximos de nós.” A supervisora Regional do IEF Adele Meire disse que “se existem leis

legisladores em cujo nome agem por delegação, não estamos cumprindo o nosso papel de denunciarmos as irregularidades e exigirmos das autoridades as providências legais previstas.” O sr José Rodrigues ( Zé raizeiro) da Atenab disse que enquanto ficarmos esperando que outro o faça por nós, enquanto fugirmos do envolvimento direto com essa questão, como se ela não tivesse nenhum vínculo conosco, a destruição do meio ambiente continuará existindo, seguindo os ditames da ganância capitalista ou da simples desinformação, com reflexos diretos na nossa qualidade de vida. O vereador Heldo Armond fechou a reflexão diznedo que “tudo que o homem produz para sua sobrevivência nada mais é do que a transformação de algo existente na natureza . É preciso que as pessoas entendam que, muito embora essa transformação seja absolutamente necessária, não se pode prescindir de critérios que mantenham sob controle essas atividades, evitando-se o exagero.” É preciso que o engajamento na luta pela proteção do meio ambiente chegue às escolas, empresas, sindicatos, associações comunitárias, igrejas, órgãos públicos e outros locais de atividades coletivas, com vistas

Sabemos que na medida em que o mundo vai se modernizando é preciso fazer mudanças para se encaixar a uma nova realidade. Mas, essas modificações devem ser planejadas, levando em consideração toda a sociedade e não apenas o lucro fácil, através da exploração. Todas essas medidas que a Usiminas vêm tentando impor com o seu “novo jeito de ser”, deixam claras que acabou o tempo de valorização do trabalhador. Hoje, a empresa dificulta relações com fornecedores, trabalhadores, sindicato e toda a população. Demonstrando não ter o mínimo de comprometimento com a história da usina no Vale do Aço. Antes, era mais fácil resolver os problemas, pois tudo era conversado. Às vezes fomos mal interpretados, devido a essa mudança de atitude da empresa, que nos obrigou também a mudar o nosso comportamento. Se nos tratarem com educação e respeito assim serão tratados. Se vierem com malandragem capitalista contra os trabalhadores, serão tratados com porrete. É a vida! Do jeito que a Usiminas vem sendo administrada, em pouco tempo, é bem possível que ela apresente resultados negativos. Não pela falta de esforço e dedicação dos trabalhadores, isso nunca faltou. E sim, por uma direção que define suas ações somente para onde o nariz aponta. É inaceitável continuar com essas mudanças que provocam terror e prejudicam o trabalhador e a população como um todo. Uma gigante como esta precisa ser conduzida com muito diálogo, partindo do principio que o trabalhador é peça fundamental para movimentar esta empresa. A Câmara de Governador Valadares faz audiência sobre Meio Ambiente nossa luta é para que isso aconteça sempre. Vamos resistir à qualquer intransigência da No dia 21 de Setembro realizou-se na Câmara Municipal uma que protegem o meio ambiente essa proteção tem que ser efetiva e se Usiminas. Audiência Pública proposta pelo vereador Heldo Armond, com o isto não está ocorrendo é porque cada um de nós, cidadãos a quem os


4

SETEMBRO DE 2009

Informativo do Legislativo de Tarumirim Fique por dentro de tudo o que acontece na Câmara Municipal de Tarumirim Acompanhe a tramitação dos projetos, participe das Reuniões da Câmara, faça valer a sua voz!

Câmara entrega de Título de Cidadania Honorária e menção honrosa a alunos de Tarumirim Em sessão solene realizada no dia 09 de Setembro, a Câmara de Vereadores de Tarumirim, homenageou 07 pessoas que têm prestado relevantes serviços prestados à cidade de Tarumirim. Entre os homenageados estão o Deputado Estadual Durval Ângelo de Andrade, Deputado Estadual José Henrique Lisboa Rosa, Padre José de Sousa Lucas, Ex Juiz de Direito desta Comarca de Tarumirim Dr. Armando Ghedini Neto, Ex Juiz de Direito da Comarca de Tarumirim Dr. Delvan Barcellos Junior e Ex Promotora de Justiça da Comarca Dra. Flávia Patrícia Cupertino Alcântara e o MM. Juiz de Direito da Comarca de Tarumirim, Dr. Pedro Câmara Raposo Lopes. A Banda de Música Municipal Céu Pequeno abriu a sessão solene cantando o hino nacional brasileiro. Durante a sessão os moradores do município de Tarumirim puderam homenagear e rever aqueles que de uma forma ou outra fazem

parte da história de tarumirim e região. Durante a Sessão Solene o presidente da Câmara, os vereadores, o prefeito municipal Altamiro Severo da Rocha fizeram o uso da palavra parabenizando os homenageados que por sua vez fizeram o uso da em agradecimento às homenagens recebidas por esta Casa Legislativa.

composição da mesa

Dep.Durval Angelo eVer. Agenor

Público presente

Conheça aqui os Projetos e indicações

MM Juiz Dr. Pedro e ver. Antônio Dr. Delvan Barcellos e ver .Humberto

Ex: promotora Dra Flavia e ver. João Dep. José Herinque e ver. Paulo

Padre José Lucas ver Alzira

Projeto de Lei nº. 107/PMT/2009, que Concede Recomposição Salarial aos Servidores Públicos Municipais e dá outras providências. Em seguida após a votação o senhor Presidente convida os Líderes das Bancadas para apurarem junto a mesa o resultado nominal da votação e com 05 (cinco) votos a favor do veto e 04 (quatro) votos contra o veto. Projeto de Lei nº. 127/CMT/2009, que Altera a Redação do Artigo 1º da Lei nº. 262/PMT/2007, de 11 de dezembro de 2007, que reconhece como de Utilidade Pública o Conselho Comunitário de Segurança Pública de Tarumirim – MG, “CONSEP” e dá outras providências, o qual foi aprovado por unanimidade em 1ª e 2ª votação pelos presentes. Projeto de Resolução nº. 027/CMT/2009, que Concede Título de Cidadão Honorário ao Padre José Souza Lucas e dá outras providências, também aprovado por unanimidade pelos presentes. Moção de Aplausos nº. 021/CMT/2009, a qual foi aprovada por unanimidade pelos presentes.

Em reunião solene, No dia 09 de setembro, às dezoito horas, no plenário da Câmara Municipal de Tarumirim os vereadores se reuniram para entrega de Moção de Aplausos às Escolas, Diretores, Professores e em especial alunos que receberam Medalhas e Menções Honrosas na 4ª Olimpíada Brasileira de Matemática de Escolas Públicas (OBMEP 2008), onde participaram em todo Brasil mais de 18 milhões de alunos, em mais de 40 mil escolas de mais de 98% dos municípios brasileiros. Diante de um número elevado de alunos que participaram da Olimpíada Brasileira de Matemática 11 alunos de três escolas do município de tarumirim foram premiados, sendo 02 com medalha de Bronze e 09 com Menção Honrosa. Os homenageados da noite foram: A Diretora da Escola Estadual Professora Maria Teixeira da Fonseca, Professora Angelina de Sousa Viana, Diretora da Escola Estadual Rui Barbosa, Professora Maria da Penha de Sousa Silva e Diretor da Escola Estadual do Córrego do Beija Flor, o Professor Manoel Lucas Júnior. Os Professores: Geraldo Batista Correia, Ronaldo Lino Venâncio, Ana Claudia da Silva Almeida, Edelze Adaise Carreiro Silveira Carvalho e os alunos: Pedro Augusto Medina Bagli (Medalha de Bronze), Artur Luiz Pereira Silveira (Menção honrosa), Denes Ferreira Alves (Menção Honrosa), Gerson Marcos Moreira (Menção honrosa), João Paulo Rodrigues Siqueira (Menção honrosa), Lucas Oliveira Freitas (Menção honrosa), Vanessa Crestiny Rodrigues Vasconcelos (Menção honrosa), Victor Felipe da Silva (Menção Honrosa), Willian Guilherme Silva Gomes (Menção honrosa), Daniel Caitano de Souza (Medalha de Bronze) e Adilson Pereira da Silva (Menção honrosa).

Dr. Armando Ghedini e ver Mario

Engenheiro Caldas em festa com Feira da Amizade Aconteceu nos dias 25,26 e 27 a Feira da Amizade em Engenheiro caldas. A festa recebeu artistas com estilo variado, e ainda , uma competição de motocross. Na noite do dia 25, quem subiu ao palco foi a banda Rasta Chinela,. Depois, teve a participação da dupla sertaneja Fábio & Leandro. Apresentaram-se também a Banda Fissura & Cia. A abertura oficial do evento contou com show pirotécnico e a presença de autoridades do município e da região. Em seguida, subiu ao palco a dupla João Neto & Frederico. Na seqüência, se apresentam a dupla Marcelo & Fellipe e a Banda Fissura & Cia. No último dia do evento houve show com a banda de baile “Skorpius”, com estilo musical variado, acompanhada por b a i l a r i n o s e coreógrafos. Quem fechou a festa foi a Banda Fissura & Cia. Foi realizado ainda a 9ª Copa dos Vales, uma competição de motocross em Engenheiro Caldas.

Prefeitura de Fernandes Tourinho comemora sucesso da 8ª Festa da Cidade Moradores e visitantes do município de Fernandes Tourinho comemoram nos dias 18,19 e 20 de setembro a 8ª festa da cidade que levou ao município nomes conhecidos da música nacional e regional. A festa, que começou com o show de Chico Rey e Paraná e em seguida com a Banda Tererê já é sinônimo de tradição e sucesso na região e recebe moradores de diversas cidades do Leste de Minas. No sábado diversos sucessos atuais e antigos, pela voz da galera do Bonde do forró e Jho Papa. Estiveram presentes autoridades da região e do município bem como os deputados Mauro Lopes e José Henrique. No domingo foi a vez da banda Axé mais subir ao palco, com seu repertório variado. Depois, a galera do Chapahalls do Brasil assumiu o palco da festa, e tocaram o melhor da música.


5

SETEMBRO DE 2009

Fotos

e

Mundo bizarro

Fatos

Execução do Hino Nacional em escolas do ensino fundamental passa ser obrigatória Você é capaz de cantar o hino nacional inteiro, sem errar? Muita gente não. Por isso, a partir de agora, os alunos do ensino fundamental de todo o Brasil terão de ensaiar pelo menos uma vez por semana. Entrou em vigor hoje a lei que obriga escolas públicas e particulares a executarem o Hino Nacional uma vez por semana. O horário da execução do hino fica a cargo do estabelecimento de ensino, mas o não cumprimento da determinação vai gerar multa aos responsáveis.

Corrida presidencial Pesquisa CNI/Ibope mostra que o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), manteve a liderança na disputa presidencial com 34% das intenções de voto. Ele tinha 38% em junho. Na pesquisa, Ciro Gomes (PSB) aparece empatado com a ministra Dilma Roussef (PT) ambos com 14% de intenções de voto. Marina Silva (PV) aparece pela primeira vez na pesquisa com 6%.

Yes, we can. O PT contrata marqueteiro de Obama O americano Ben Self, marqueteiro de Barack Obama, confirmou ao site terra estar trabalhando com o PT para as eleições de 2010. Especialista em ciência da computação, Ben Self revolucionou as campanhas eleitorais ao usar a internet como principal ferramenta para levar Obama à Casa Branca. Ele foi o responsável por levantar mais de US$ 500 milhões online para a campanha( 66% do capital arrecadado). Aos 32 anos e com a fama mundial de ser o mais eficaz marqueteiro para os políticos que sonham alto, Ben disse que vai agora desenvolver uma estratégia para Dilma Roussef.

Confira as notícias um tanto bizarras que correm o mundo através da internet.

vacina contra o vírus da AIDS tem resultado positivo em humanos

Cavalo de 2,03 metros bate recorde como mais alto do mundo O cavalo chamado Remington, que vive no estado do Texas (EUA), foi confirmado na semana passada pelo Guinness, livro dos recordes, como o mais alto do alto mundo. Ele mede 2,03 metros e pesa 1,36 tonelada, segundo reportagem do jornal “Dallas Morning News”.

Pela primeira vez, uma vacina contra o vírus da AIDS tem resultado positivo em humanos, embora ainda bastante modestos. A vacina RV 144 é uma mistura de duas vacinas que haviam fracassado. A experiência envolveu cientistas dos Estados Unidos, França e Tailândia. A vacina foi aplicada em 16 mil pacientes, que vem sendo acompanhados desde 2006. Do grupo que tomou a vacina, 51 desenvolveram a doença. O número, porém, é menor do que os participantes do grupo que recebeu placebo.

Bate Coração

“Eu sempre fui orgulhosa dele, mas sou ainda mais agora”, disse proprietária de Remington, Cheryl Davis, acrescentando que o animal come dois fardos de feno e bebe 150 litros de água por dia. O antigo recordista era Radar, que mede 2,01 metros de altura.

Jovem segura cartaz 'eu traí' em avenida para tentar reatar namoro Uma jovem usou uma forma criativa para tentar reatar com seu ex-namorado na cidade de Perkins Township, nos EUA. Ela ficou parada na esquina de uma avenida com um cartaz que dizia "eu traí. Buzine se eu mereço uma segunda chance". Segundo o jornal "Sandusky Register", no verso do cartaz a jovem escreveu que ainda o "amava". A mulher ficou parada na calçada da Avenida Perkins, em frente ao estacionamento Kroger, na última quarta-feira. Ao ler o cartaz, condutores que passavam pelo local buzinaram insistentemente. Na última quarta-feira, o casal completaria o aniversário de um ano de namoro, mas o rapaz rompeu o relacionamento no mesmo dia que ela confessou que o traiu. "Eu só quero uma chance de me redimir", disse ela.

Malasiana de 107 anos está em busca do 23º marido

Galos e arenas de luta apreendidos em sítio de Sobrália Policiais militares apreenderam 19 animais em uma rinha de galos em um sítio, em Sobrália na tarde do dia 06 de setembro. O local foi descoberto após uma denúncia anônima indicar o local das arenas. Foram encontrados duas arenas e dois pares de proteção de esporas, que t a m b é m f o r a m apreendidos.O responsável pelas lutas, de 31 anos, teria confirmado aos policiais a prática da rinha, mas informou que os apostadores saíram do sítio antes da chegada da polícia.

Gabriel Perez

A Organização Mundial de Saúde prevê que o Brasil poderá se tornar o país com maior número de mortes relacionadas a problemas cardíacos a partir de 2030. A OMS fez uma projeção com base no crescimento dos casos. O interessante é que isso ocorre em um dos países com a melhor desenvolvimento de tratamentos cardíacos, ou seja, o problema estaria no comportamento da população, Ele pode ser multado pelo Instituto Brasileiro dos Recursos Naturais como vida sedentária, stress e Renováveis (Ibama) em R$ 500 por animal, pelo crime de promover alimentação inadequada. rinha de galos e por maus tratos aos animais.

Uma malasiana de 107 anos de idade está à procura de um homem para efetivar seu 23º casamento, já que teme que seu atual companheiro a troque por uma mulher mais jovem, informou o site The Hunffington Post . Wook Kundor esteve casada com Muhammad Noor Che Musa, um homem 70 anos mais jovem que ela por quatro anos. A união do casal virou manchete nos jornais regionais, quando o casamento ocorreu. Kundor agora busca um novo marido, pois ela tem receio que Musa, que está em tratamento em uma clínica de reabilitação, na capital Kuala Lumpur, a deixe quando o programa chegar ao fim. "Nos útlimos tempos tenho sentido este tipo de insegurança", afirmou Kundor. "Percebi que sou uma mulher e estou envelhecendo. A minha intenção de casar novamente é preencher minha solidão, nada além disso", disse ela. Wook afirmou que ela pretende visitar Musa, em breve, e dizer a ele que se sente solitária sem sua companhia. Ela disse ainda que pode esperar por Musa se os sentimentos dele forem recíprocos.

Rua Dr. Joaquim Nobrega da Mota, 40 Centro- Tarumirim- MG


6

SETEMBRO DE 2009

Secretaria de agricultura de Tarumirim em ação Implantação do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável

Entre as muitas ações da Secretária Municipal de Agricultura, através de seu Secretario o Senhor Argentino José Campos está à implantação do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável. – CMDRS –. O CMDRS é um órgão de caráter consultivo e deliberativo da Política de Desenvolvimento Rural do Município. Os seus membros são formados por representantes do Poder Público, de entidades Civis e Rurais. Estes estabelecem as ações demandadas para implantação na zona rural do desenvolvimento sustentável, de modo que estas possam contribuir para o aumento da produção agropecuária, geração de emprego/ renda e melhoria da qualidade de vida das famílias rurais. CMDRS é fundamental, uma vez que este atua e decide pela manifestação conjunta e majoritária da vontade de seus membros, cujas decisões transformam-se em direcionamentos para o desenvolvimento do meio rural.

Programa Tarumirim mais saudável A Secretaria Municipal de Agricultura, em parceria com a Secretaria M. de Assistência Social e de Saúde de Tarumirim, implantou o programa “Tarumirim Mais Saudável”. O programa constitui-se de distribuição de hortaliças e leguminosas, para famílias inscritas dentro do programa de atenção especial do Bolsa Família. Atualmente, este, atende 37 famílias que recebem complementação da cesta básica uma vez por semana. São atendidas a rede municipal de ensino, asilo e o hospital. A iniciativa é resultado de um projeto de horticultura que é desenvolvido pela Secretaria de Agricultura. A distribuição das hortaliças e leguminosas é realizada

Secretaria de agricultura em parceria com a Secretaria M. de Assistência Social e de Saúde faz distribuição de hortaliças toda Terça-feira na sede da Secretaria de famílias da situação de risco alimentar em que se Assistência Social. A meta e fomentar as famílias encontram. atendidas a implantação da horta caseira, cuja O cadastramento das famílias finalidade principal é uma produção que beneficiadas foi realizado através de critérios, proporcione futuramente a implantação da feira nutricionais e de vulnerabilidade pela Secretaria livre na cidade de Tarumirim, resgatando estas M.de Assistência Social.

Produtores Rurais recebem auxílio da Secretaria de Agricultura “Para colher é preciso plantar; para plantar é preciso preparar a terra”. E é esse trabalho que a Secretaria Municipal de Agricultura procura desenvolver junto aos pequenos produtores rurais do município de Tarumirim, cuja base econômica deste provém basicamente da agricultura familiar. Para alcançar as metas pretendidas, a Secretaria Municipal de Agricultura, desenvolve atualmente muitos trabalhos. Dentre estes, vale á pena salientar o programa “Patrulha Mecanizada”. Este já beneficiou centenas de produtores rurais no município. O programa é desenvolvido em parceria com o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Associações de Produtores e a Prefeitura Municipal. Este consiste em aração de terras para cultivo ao preço de 50% (Cinqüenta por cento) do praticado no mercado. A meta da Secretaria é atender 600 (Seiscentos Produtores Rurais) até o final do mês de outubro de 2009.

Sr. Renato Ferrante ao lado do presidente de desenvolvimento do Fórum Rural Emilio Zacarias contemplam a belíssima plantação de feijão em pleno período de entre safra. Isso é o resultando do cuidado destinado a área de agricultura em Tarumirim

Secretario Argentino, SrºJuca, Presidente do Sindicato Trabalhadores Rurais de Tarumirim e Manoel Camargo visitam área de preparo de solo em propriedade rural atendida pelo programa.

A importância de Beber Água Uma das formas mais baratas, acessíveis e eficazes de prevenir doenças, manter a beleza da pele, cabelos e unhas é através da ingestão de água. Os médicos recomendam a ingestão de 1,5 à 2 litros de água por dia, que é a quantidade média que um corpo adulto perde de líquido em 24 horas, seja através da digestão, respiração, suor, urina, transformação dos nutrientes em energia. Precisamos manter o estado de equilíbrio, o que foi consumido precisa ser reposto. Para o equilíbrio, cada pessoa deve beber a quantidade adequada para o seu caso, na qual deverá ser considerado o estilo de vida, o metabolismo, a estrutura

corpórea, o tipo de atividade física que pratica e até o clima. Estes fatores influenciarão diretamente na perda do líquido. Para quem possui uma dieta balanceada, a recomendação de 1,5 à 2 litros de água pode ser reduzida em função da ingestão de sucos e frutas, com o exemplo da melancia que possui 90% de pura água. Dentre os inúmeros benefícios da Água, podemos citar:Previne Celulite;Controla a Temperatura; Diminui o inchaço;Diminui o cansaço e sonolência;Aumenta o poder de concentração;Aumenta o fluxo de oxigênio;Fortalece a defesa do organismo.

Vamos nos hidratar! Não devemos esperar que o organismo dispare o alarme da sede para ingerir água! Crie o hábito de estar sempre próximo de um copo de água. Se o gelágua ou bebedouro da empresa onde você trabalha fica distante da sua mesa compre uma pequena garrafa térmica. Isto também evita que você tenha que se levantar algumas vezes para pegar água.Se você tem seu próprio negócio coloque bebedouros ou gelágua em todos os setores da empresa. Estimule que o seu funcionário beba bastante água durante o dia. Este pequeno investimento vai significar um aumento na produtividade e na disposição da sua equipe.

Atendimento Nutricional Marcia Rodrigues da silva Fernandez Reg. CRN+ 8781/P

Fone: (33) 3232-1265 Cel:(33) 8803-4232 Telefax:(33) 3232-1137 E-mail: valdeciconstrular@hotmail.com Praça São Geraldo, 17- Centro- CEP: 35.145-000 - Sobrália - MG

Acompanhamento a praticantes de atividade fisica Avaliação Nutricional Educação Nutricional Prevenção e tratmento Nutricional Prevenção e tratamento Nutriociona de doeças cronicas degenerativas (obesidade, desnutrição, diabetes, hipertensão, enfermidades renais e intestinais)

Tel: (33) 84010871 Nutricionista10@yahoo.com.br


7

SETEMBRO DE 2009

Carta de uma professora

Benedita Melo

A quem endereçar essa carta? Talvez eu possa mandar para aqueles exalunos, que eu ensinei pegar no lápis e escrever as primeiras letras, ou aqueles que se tornaram médicos, dentistas, pastor, missionários, ou mesmo para aquelas mamães que lutam sozinhas para criar o filho que, na sua imaturidade, teve que desistir dos estudos para prematuramente cuidar da criança, ou tantos outros ex-alunos espalhados por esse mundo afora. Os bem sucedidos e aqueles que não se interessaram pelos estudos e hoje lamentam não ter ouvido os meus conselhos. Mas, muitos daqueles (as) ex alunos (as) que falaram mal de mim (xingaram) e me apelidaram, zombaram de mim, em sua índole de adolescente maldoso (a) que ao que parece, permaneceriam sempre jovens, hoje são professores como eu e não são mais tão jovens assim. A eles ou elas eu posso endereçar e perguntá-los, se estão gostando e deglutindo aquelas sarcásticas palavras de desprezo, aqueles sorrisos irônicos, debochados, que em todo o tempo o aluno tem prazer de dirigir ao professor. Aos queridos pais de alunos que por incrível que pareça muitos desses pais ou mães já foram meus alunos. Contudo eu escrevo a mim mesma, sentindo o fracasso social em torno da verdadeira “Educação”. Sei que não foram vão para mim os vinte e cinco anos de luta pela educação, pois sei de bons profissionais que com certeza eram os bons alunos. Os que não gostavam de estudar ou os que não gostam, sentem ou sofrerão as conseqüências de seu comportamento, do tempo ideal aos estudos, o tempo perdido. Conseqüências essas que professor algum gostaria de ver alguém passar. Eu tive um aluno que era uma criança tão esperta, corria muito, e era alegre, mas se transformou em um ladrão. Um dia foi roubar um carro e prendeu o dono do veículo no porta-malas. Mas como esse “rapaz” não sabia dirigir esse carro, foi soltar o dono que havia guardado um revólver no porta-malas e esse deu-lhe um tiro no rosto. Esse foi o fim deste ex-aluno. Conseqüências, da escolha do caminho errado. Como nós professores gostaríamos que nada de mal acontecesse aos nossos alunos! Mas infelizmente por mais que nos empenhemos em trabalhar para a educação somos menos compreendidos, menos valorizados. Nossos alunos não percebem nossa intenção. Acabamos com a nossa saúde e muitos profissionais dessa área perdem a auto-estima e contraem doenças, como estresse, pânico, fobia social e outras. Empenhamos-nos em preparar nossas aulas e quando chegamos na sala para dar a aula que preparamos com tanto cuidado e atenção, o que recebemos... falta de atenção, desprezo,crítica, apelidos, xingos e muitas vezes somos até ameaçados

. É claro que toda turma tem alunos interessados e bons . Mas e os alunos desinteressados de tudo que se possa imaginar na área educacional? Esse provoca os colegas, não participam das aulas fogem da sala , pegam as bicicletas e saem pela escola atormentando todas as turmas, xingando e ameaçando professores e quando chegam em casa, mentem para os pais que acreditam na versão do filho e ainda culpam o professor pelo fracasso e das notas ruins de seu filho. Por incrível que pareça os pais que deveriam ser nossos parceiros na educação dos filhos, tornam-se muitas vezes nossos adversários, falando mal do professor, difamando a escola e colaborando no fracasso do futuro do filho. A maioria das pessoas tem uma visão distorcida de educação; acham que a criança vai para a escola para aprender educação. Engana-se, na escola se vive à educação que se aprende em casa. A obrigação de educar a criança é dos pais e não dos professores ou especialistas. Muitos se acham no direito de criticar as escolas públicas, e culpam os professores taxando-os de incompetente. Pobre professor! Se ajudar o aluno é um sonso. Se dá ao aluno a nota que ele merece, é um carrasco. O que eu sei é que como professores, enfrentamos todos os tipos de injustiça. Somos injustiçados principalmente pelo “sistema”. O trabalho é estressante e quando adoecemos, para tirar uma licença de saúde, não somos levados a sério. Se o médico nos dá um período de repouso para tratamento de saúde, o médico da perícia reduz ao mínimo a sua licença. E assim vai. O tempo vai passando e os alunos não mudam as suas características. O sistema da Educação, esse “não está nem aí”. Só cobra do professor e não nos oferece ambiente adequado à nossa saúde. Nos deparamos todos os dias com a violência, agressões físicas e verbais. Quando esses alunos que brincam de estudar chegam ao mercado de trabalho, é que começam perceber o tempo perdido, e analisar a besteira que fez. Pois então o que fazer? Cadê os projetos de “Educação”? Os projetos que eu vejo falar que existem, não vejo resultado algum. Pelo menos os que são desenvolvidos dentro da escola. É simples de explicar: O adolescente entende que a escola é o lugar que ele pode “tudo”. Não tem punição, ele pode continuar sempre aprontando todas. O que fazer? Meu abraço a todos os pais de alunos e aos alunos também; porque sem eles não somos professores. Aos PROFESSORES de todos os níveis de ensino, os meus parabéns pelo “Dia do Professor”. Que Deus ajude a todos nós nessa jornada. Pais ensinem seu filho o caminho que deve andar e quando ele for adulto, não vai se desviar. EDUQUE SEU FILHO, ANTES QUE UM TRAFICANTE O ADOTE.

A absolvição de Palocci Mauro Bomfim Recolho de Padre Vieira nos Sermões: “o homem, monstro e quimera de todos os elementos, em nenhum lugar pára, com nenhuma fortuna se contenta, nenhuma ambição, nem apetite o farta; tudo perturba tudo perverte tudo excede tudo confunde, e como é maior que o mundo, não cabe nele”. A absolvição de Antônio Palocci pelo Supremo Tribunal Federal, mais do que restaurar um homem, pode recriar um monstro. Ressuscitar o Leviatã da Impunidade. Homem e monstro. Médico e monstro, do livro de Stevenson que virou filme.

O médico Palocci, com seu imaculado jaleco branco e a voz pastosa e ao mesmo tempo suave pela língua “plesa”, era o político do PT inatacável, de moral inatingível, ex-prefeito de Ribeirão Preto e ministro da Fazenda do governo Lula. À noite, o Dr. Jekyll paulistano costumava se transformar, ao primeiro clarão da lua brasiliense, no Mr. Hide tupiniquim, dando em cima de garotas de programa recrutadas pela cafetina Jeany Mary Corner, na famosa Casa de Ribeirão Preto. As noites da mansão foram cúmplices da ambição humana. Palco de jogos lúgubres e psicóticos. O desvario de controlar a vida de pessoas que incomodavam. Como o caseiro Francenildo, que denunciou a devassidão, a corrupção e as peripécias de Palocci nos aposentos da casa de Ribeirão Preto. Um poderoso ministro da Fazenda mexendo os cordéis, manipulando braços armados de seu Ministério ( Receita, Caixa Federal, Banco

Central,etc.), simplesmente para quebrar o sigilo bancário de um caseiro que cruzou pelo seu caminho. O uso do poder para massacrar, pisotear. O uso do poder como se fosse um brinquedo assassino, uma espécie de “Chuck” com chip eletrônico para achincalhar, pressionar, assediar alguém, devassar a vida do cidadão comum do povo que, de repente, com suas denúncias, ameaça o alto mandarim e sibarita do mandonismo. O Supremo absolveu Palocci por maioria. Quatro ministros dos mais respeitados, Ayres Britto, a mineira Carmem Lúcia, Celso de Mello e Marco Aurélio votaram pelo prosseguimento da ação penal. Fica na opinião pública a nauseabunda sensação do triunfo de quem manda, de quem está encastelado no poder. Opinião pública ? Justiça ? Nelson Hungria, grande penalista, costumava dizer que “a opinião pública e a Justiça não são boas companheiras. A

opinião pública é paixão enquanto a Justiça é serenidade. Quando a opinião pública entra pela porta do Tribunal, a Justiça pula espavorida pela janela para se refugiar no céu". Mas ai da opinião pública, ai de nós, se não houver o bom juiz e o governo dos homens de bem. “Ainda há juízes em Berlim”, resistiu bravamente o humilde moleiro de Sans-Souci quando o rei Frederico II da Prússia, nos idos de 1745, mandou destruir seu velho moinho simplesmente por atrapalhar a visão do belo castelo construído pelo soberano. O moleiro não sabia se os juízes de Berlim iriam decidir a seu favor e isso não era o mais importante. Mas sim ainda acreditar no maior valor dos juízes, a sua independência. Mesmo indignados com a absolvição de Palloci no Supremo, não podemos perder a fé na justiça feita pelos nossos bons juízes. A mesma Justiça definida por Calamandrei “como a divindade, que só se manifesta àqueles que nela crêem”.

Fone (33)

3234 1745 Rua Padre João Pina do Amaral, 83 Engenheiro Caldas


8

SETEMBRO DE 2009

Um toque de Humor

B@stidores.com "O estilo consiste em escrever como nos dá na veneta"

Velhos costumes Medo!!! O assunto da aula era medo. A professora começa a perguntar... - Pedrinho, do que você tem mais medo? - Da mula-sem-cabeça, fessora. - Mas, Pedrinho, a mula-sem-cabeça não existe. É apenas uma lenda... Você não precisa ter medo. Mariazinha, do que você tem mais medo? - Do saci-pererê, fessora. - Mariazinha o saci-pererê também não existe. É somente outra lenda... Você não precisa ter medo. E você, Zezinho? Do que tem mais medo? - Do mesmo, fessora. No meu prédio, do lado do elevador tá escrito: antes de entrar, verifique se o mesmo está parado neste andar... - Ora, Zezinho, que besteira... Esse mesmo é uma maneira da gente falar do elevador, só isso... E você, Joãozinho? Do que você tem medo? - Do Mala Man, fessora... - Mala Man? Nunca ouvi falar... Quem é esse tal de Mala Man? - Quem é eu também não sei, fessora. Mas toda noite minha mãe diz na oração: Não nos deixais cair em tentação, mas livrai-nos do Mala Men!

Galera de Sobrália curtindo fazendo a festa no show de Eduardo costa em Iapu

Este pinguinho de gente é a Ana Olívia e está há 7 meses fazendo a nossa alegria

Por uma costela Solitário no paraíso, Adão, que era muito muquirana, resolve falar com Deus e diz: - Senhor, eu preciso de companhia. Poderia fazer uma mulher que seja bonita, alta, magra, inteligente, simpática, que busque a cerveja, não Lourdes e João Pacatiau Curtindo o show de atrapalhe o meu futebol, faça sexo comigo sempre que eu quiser e não Chico Rey e Paraná em Fernandes Tourinho fale pelos cotovelos? E Deus responde: - Isso Pode custar caro, Adão! Vou ter que tirar de você um olho, um ouvido, uma perna e um braço. Aí o pão duro quis negociar e disse: - O que é que o Senhor pode me fazer por uma costela? Bom, o resto da história vocês já sabem. Deu no que deu!

Parabéns ao Dr. Clerisom Aguiar( na foto ao lado da esposa Lesley). Desejamos-lhe muitas felicidades e que sua vida seja repleta de momentos felizes.

Felicidades também para o diretor deste Jornal, receba os votos de felicidade da equipe.

É só alegria para o casal Márcia e Anselmo Fernandez. Ele comemorando mais um ano de vida e ela atendendo como nutricionista. A propósito se alguém desejar contratar seu serviço é só ligar para o telefone: (33) 84010871

Show!!! Essa galerinha foi só curtição na feira da amizade em Engenheiro Caldas. Detalhe, foto “cedida” gentilmente pela Taynazinha Almeida

Av. Padre João Pina do Amaral, 62 sala 2 e 3 Engenheiro Caldas-MG


8

AGOSTO DE 2009

Um toque de Humor

Profile for Jair Rodrigues Dias

opiniaoregional  

O Jornal Opiniao circula nas cidades de Sobrália,Engenheiro caldas, fernandes Tourinho, Dom Cavati, Tarumirim, Alpércata e G. Valadares

opiniaoregional  

O Jornal Opiniao circula nas cidades de Sobrália,Engenheiro caldas, fernandes Tourinho, Dom Cavati, Tarumirim, Alpércata e G. Valadares

Advertisement