Page 1


“Olhai para mim e sede salvos, vós, todos os limites da terra; porque eu sou Deus, e não há outro.” - Isaías 45.22


ÍNDICE INTRODUÇÃO......................................................07 QUEM SOMOS.....................................................09 NOSSAS MOTIVAÇÕES.......................................12 NOSSAS CONVICÇÕES......................................16 NOSSOS PRINCÍPIOS..........................................24 COMO ATUAMOS...............................................30 INSTITUCIONAL & CONTABILIDADE...................34 WEB SITE..............................................................36 FOCO INICIAL DA OMP.....................................39 CONSIDERAÇÕES FINAIS...................................46


INTRODUÇÃO


Esse material tem como objetivo apresentar o projeto denominado: “Organização Missionária Plantar”. Contudo não será aqui demonstrado e citado todos os aspectos da mesma, porém aqueles que foram considerados mais importantes e que regem a proposta do projeto. Seus diferenciais, convicções, princípios, objetivos e metas serão brevemente abordados com o intuito de apresentar e divulgar a organização.

Introdução

8


QUEM SOMOS


A “Plantar” surge em meio a um período de despertamento missionário na Igreja de Cristo; e surge com duas propostas: apoiar a obra missionária aonde ainda é escasso o Evangelho e conscientizar e vincular

essa obra com as igrejas locais brasileiras. Nossa Missão é levar a alegria da Salvação a todos os povos, através do sustento de missionários e plantadores de igrejas e despertar nas Igrejas brasileiras a consciência da necessidade e privilégio de participar da Missão de Deus na Terra. Somos uma organização sem fins lucrativos que visa, com uma boa administração dos recursos, sustentar missionários autóctones, com foco em plantação de igrejas bíblicas, que priorizam uma doutrina saudável, e que tem como princípio depender e confiar apenas em Deus para o sustento dessa obra. Nosso alvo é captar o maior número de recursos e utilizá-los da maneira mais prudente possível; sustentar um grande número de plantadores de igrejas e missionários que realmente necessitam desse apoio; e ser canal para gerar um verdadeiro despertamento missionário na Igreja de Cristo. Quem Somos

10


“Seja Deus gracioso para conosco, e nos abençoe, e faça resplandecer sobre nós o rosto; para que se conheça na terra o teu caminho e, em todas as nações, a tua salvação. Louvem-te os povos, ó Deus; louvem-te os povos todos. Alegrem-se e exultem as gentes...”

- Salmo 67.1-4a


NOSSAS MOTIVAÇÕES


A Glória de Deus “As Missões existem, porque a adoração não existe.” – Jonh Piper Nosso alvo principal não é primordialmente a salvação dos homens, pois cremos que Deus é o centro de tudo que Ele faz, e não o homem (Rm 11.36). Não vemos isso como uma falha em Seu caráter, muito pelo contrário, Deus se exaltar em tudo que Ele faz é o maior presente que Ele pode dar a Suas criaturas – Ele mesmo. O evangelho é primeiramente desejar ver o nome de Jesus Cristo ser santificado diante de todos os povos, simplesmente, porque Ele é digno.

A Salvação e a alegria dos homens É natural um Cristão desejar compartilhar a alegria do presente que recebeu e esse é o nosso anseio e prioridade. Cremos que sem Jesus não há salvação, por isso, como Paulo, nos sentimos constrangidos a propagar a alegria da Salvação a todos os povos (Sl 67.2).

Demonstrar a Fidelidade de Deus Existimos para demonstrar, através de nossas vidas, a fidelidade de Deus para suprir todas nossas necessidades (Fp 4.19). Vemos na obra missionária uma excelente oportunidade de declarar ao mundo que só o Senhor é Deus e que todos os Seus eternos propósitos não podem falhar, e decerto Ele cuidará de Seu povo. Nossas Motivações

13


“... quando der ele a sua alma como oferta pelo pecado, verá a sua posteridade e prolongará os seus dias; e a vontade do Senhor prosperará nas suas mãos. Ele verá o fruto do penoso trabalho de sua alma e ficará satisfeito;”

- Isaías 53.10-11a


NOSSAS CONVICÇÕES


Deus é o Autor da obra Missionária Cremos que Deus é um Deus missionário e que está constantemente executando seus propósitos na Terra. Entretanto, Ele decidiu cumprir esses propósitos através da Igreja e esse é um privilégio que só ela detém, pois “...somos embaixadores em nome de Cristo, como se Deus exortasse por nosso intermédio” (2 Co 5.20). Somos, portanto, instrumentos nas mãos do Altíssimo para proclamar a mensagem de Cristo: “que vos reconcilieis com Deus”. E sendo Deus aquele quem executa sua obra, assim temos plena confiança que seu propósito não pode falhar; e um povo de toda língua, raça e nação se prostrará diante daquEle que diz: “desde o nascente do sol até ao poente, é grande entre as nações o meu nome” (Ml 1.11).

A importância da Plantação de Igrejas Cremos que Plantar Igrejas é o melhor meio para o avanço do Reino de Cristo. Igrejas numericamente menores tendem a possuir um melhor discipulado e pastoreado dos seus membros, o que por sua vez gera o sadio crescimento – qualitativo. Igrejas que possuem o alvo de crescer em si mesmas, não podem representar Cristo devidamente; mas igrejas que têm como propósito a expansão do reino, se dedicam mais ao cuidado de cada ovelha. Decerto plantar novas igrejas será uma meta constante de toda congregação que possui essa mentalidade, pois o zelo pelo cumprimento da missão de Deus na terra será algo primordial para igrejas espiritualmente sadias. Nossas Convicções

17


A Mensagem é superior ao método Cremos que “o evangelho é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê” (Rm 1.16), portanto a mensagem missionária é unicamente o evangelho. A eternidade das almas é infinitamente mais importante do que a condição terrena dos homens, por isso nos juntamos a Paulo que decidiu não proclamar nada além de Cristo, e este crucificado (1 Co 2.2). Não admitimos o uso de métodos que denigrem essa mensagem, pois se assim for, a glória do evangelho será deixada de lado e ídolos inaceitáveis serão levantados.

A Salvação é uma obra de Deus Cremos que a Salvação pertence ao Senhor (Jn 2.9) e que o homem é completamente incapaz de agradar a Deus por si mesmo (Rm 8.8). Deus sabendo da incapacidade e loucura dos homens resolveu humilhar a sabedoria humana e exaltar a sua sabedoria - Jesus Cristo. Por isso acreditamos que apenas aqueles que são vivificados pelo Espírito (Ef 2.1) podem compreender a “loucura do Evangelho” e entesourar as riquezas que Cristo proporcionou aos seus. A conversão é um obra sobrenatural de Deus, e não meramente uma decisão humana, onde pelo poder de sua Palavra Ele transforma um coração de pedra em um coração de carne (Ez 36.26), sensível às coisas de Deus; o cerne dessa obra divina está na disposição do coração, onde o pecador, agora abomina o pecado que antes amava (Ez 36.31).

Nossas Convicções

18


A contextualização Bíblica é essencial Percebemos que Paulo sempre contextualizou sua mensagem de acordo com seu público, porém nunca a modificou. Ele realmente era homem de uma única mensagem – o Evangelho. Os missionários devem aprender a ser sensíveis à Cultura em que estão inseridos e esse Evangelho deve ser encarnado neles, pois as pessoas precisam de ver Jesus e suas obras, em seu povo. Ação social, educação, sustento, e outras coisas mais, são maneiras de demonstrar o amor de Deus às pessoas para que vejam a glória de Cristo e ao ouvir a mensagem do Evangelho, se arrependam e creiam.

Missionários Comprometidos Por acreditar na importância de se viver o evangelho, priorizamos o caráter e o entendimento teológico de nossos missionários. Missionários são pecadores que dependem da graça de Deus assim como qualquer um, porém como embaixadores de Cristo, precisam ser conhecedores do rei que representam, e resplandecer a luz de Deus no meio em que vivem.

Doutrina Saudável Cremos que uma doutrina genuína gera adoração verdadeira. Não pode-se haver real adoração sem um bom entendimento de Deus e de sua Palavra. Os missionários são pastores que devem zelar pela boa Nossas Convicções

19


espiritualidade de suas ovelhas, por isso é essencial que os missionários conheçam bem as Escrituras e possam a ensinar devidamente. Doutrinas como: A autoridade e suficiência das Escrituras, a doutrina de Deus, a eleição, a queda do homem, o Mediador, regeneração, arrependimento, fé, justificação, santificação, a perseverança dos santos, a igreja, batismo, entre outras...

Interdenominacional Apesar de não negociarmos nossas convicções, cremos que se nossa doutrina não nos faz amar o próximo, essa doutrina é falsa e demoníaca. Portanto não carregaremos “placas denominacionais”, mas somente a bandeira de Cristo. Portanto, todos que se afeiçoam pela obra missionária na terra são bem-vindos a ajudar e a apoiar esse ministério.

A Igreja e a Missio Dei “Missio Dei” é uma expressão latina que significa “missão de Deus”. Como já foi mencionado, Deus está constantemente executando seus propósitos na terra e Ele de fato os cumprirá. Por isso as igrejas locais não podem abrir mão do privilégio de participar de tão honrosa tarefa. As Igrejas têm que se envolver na obra missionária, do contrário, não estarão cumprindo o chamado de Deus, e isso é lastimável. Uma igreja missionária não é aquela que simplesmente “banca financeiramente” a obra missionária, mas sim, aquela que realmente entende a Nossas Convicções

20


importância de participar da Missão de Deus, e se empenham de todas maneiras possíveis para entregar recursos materiais, físicos, relacionais e espirituais para o tão logo cumprimento dessa missão.

A oração é o “motor” das Missões Por acreditar que Missões é uma obra de Deus, entendemos que tudo será feito de acordo com seus soberanos propósitos. A liderança, os parceiros e os missionários deverão ser conscientes de que Deus responde as orações de seus filhos (Lc 18.7) e Ele, mais ninguém, provém todas as nossas necessidades. Ele á autor soberano das Missões na terra, e convém a nós seus agentes, levantar o clamor para que o Pai nos sustente nessa obra custosa e sacrificial, e que o nome Dele seja sempre exaltado. Nossa convicção é a todo custo buscar depender menos de homens e mais de Deus, e até criar meios para isso, o qual será abordado na seção seguinte.

Nossas Convicções

21


“Ainda tenho outras ovelhas, não deste aprisco; a mim me convém conduzi-las; elas ouvirão a minha voz; então haverá um rebanho e um pastor.”

- João 10.16


NOSSOS PRINCÍPIOS


Iluminar onde há pouca luz John K. Falconer disse:

“Tenho apenas uma vida para queimar, prefiro queimá-la em uma terra repleta de trevas do que numa terra inundada de luz.” Cremos na importância da propagação genuína do evangelho em todos os confins da terra. Porém, nosso compromisso, enfoque e prioridade é nos ajuntar a Paulo a proclamar a mensagem de Cristo aonde ainda ela não foi anunciada (Rm 15.20) ou em locais onde a genuína mensagem do evangelho é pouco propagada.

Missões Autóctones Cremos que a maneira mais prudente e eficaz de avançar o reino de Cristo nessas regiões, é através de missionários e pastores nativos. Não que missionários estrangeiros não sejam importantes, porém, a seguir está uma lista de vantagens de sustentar missionários nativos: (resumida do site da Organização missionária HeartCry hcmissions.org).  Hoje temos poucos recursos humanos para enviar, e a obra missionária é extremamente grande e possivelmente nunca será concluída apenas com missionários estrangeiros.  É uma maneira sábia de usar recursos financeiros. Por exemplo, um missionário nativo no Peru custa em média U$ 300,00; entretanto famílias missionárias americanas custam em média U$ de 3 a 4 mil dólares para se manter no mesmo local. Nossos Princípios

25


 Missionários nativos vencem facilmente barreiras linguísticas e culturais.  Quando apoiamos missionários locais, a população não enfrenta barreiras raciais e o povo se identifica com o pastor, pois ele vive na mesma mentalidade e no mesmo patamar social que suas ovelhas.  Quando uma igreja é plantada por um missionário estrangeiro, muitas pessoas não permanecem na igreja quando ele é transferido; esse problema já é resolvido com as missões autóctones e faz com que a fé e o foco das ovelhas esteja em Cristo e não no pastor.  As missões autóctones nos ajudam a ser fiéis ao chamado de Deus, e a não administrar erroneamente os recursos que Ele nos dá. Não podemos perder o foco de pregar o Evangelho, salvar almas, discipular os crentes e plantar igrejas.  As missões autóctones não nos impedem de apoiar e sustentar missionários estrangeiros, porém esse não será o nosso foco. Tudo será discernido em oração, para que possamos tomar decisões coerentes e utilizar da melhor maneira os recursos que Deus nos concede.

Apoiar obreiros aprovados Nosso compromisso é zelar pela fidelidade dos obreiros sustentados (2Tm 2.15), não primeiramente pelo nosso nome, mas pela preciosidade que todos (juntos) carregamos. Pretendemos sempre estar em contato com todos os missionários apoiados, e viabilizar treinamentos para as lideranças locais. Nossos Princípios

26


Foco em Plantação de Igrejas Como já foi mencionado, o melhor meio de propagar o Evangelho é através da Plantação de Igrejas Bíblicas. Percebemos a extrema necessidade de haver uma igreja plantada e um pastor local para realmente cumprir o chamado de Cristo que é evangelizar, discipular e ensinar (Mt 28.19); e também para equipar continuamente os convertidos de cada região, anunciando devidamente a mensagem do Evangelho. Vale ressaltar que pretendemos analisar constantemente a real necessidade de apoio, pois se qualquer obra se tornar independente, torna-se desnecessário a ajuda missionária, e a igreja será considerada plantada. Acreditamos que essa é a maneira mais prudente de administrar os recursos da organização e é a maneira mais eficaz de cumprir plenamente o chamado de nosso Senhor.

Criar vínculos reais entre as Igrejas e os Missionários Devido a nossa convicção de que toda a igreja é chamada a participar da Missão de Deus na terra. Nosso compromisso, como uma Organização missionária, é de ser uma ponte de vínculo entre as igrejas e os missionários apoiados; e também de conscientização da Igreja brasileira quanto ao apelo missionário. Nossa crença é que uma igreja local deve zelar por vidas específicas e não somente entregar os recursos financeiros, pois isso não é suficiente. A igreja que apóia um missionário deve saber o nome dele, deve conhecer sua família, deve estar constantemente ciente de sua situação e quais são seus Nossos Princípios

27


propósitos e metas; e nunca cessar de sonhar com ele, orar por ele, visitá-lo e ajudá-lo. Isso é ser uma igreja missionária e esse é o nosso compromisso.

“Há aqueles que descem no poço e aqueles que seguram a corda para os que descem. Em ambas as circunstâncias haverá marcas em suas mãos. Onde estão suas marcas?” Paul Washer – HeartCry

Depender apenas da providência de Deus Seguimos o princípio de George Muller de não anunciar nossas necessidades específicas, mas somente confiar na providência de Deus. Se Ele deseja que essa obra avance, assim será. Propagaremos o ministério com todo vigor, mas de maneira alguma manipularemos as igrejas para conseguir recursos. Mas cremos que Deus, somente Deus, irá nos sustentar. Vale ressaltar que essa é uma decisão particular e que pedir recursos específicos não é algo errado, pois Paulo assim o fez (1 Co 16.1-4); porém como temos uma motivação que é “demonstrar a fidelidade de Deus” e uma convicção de “buscar cada vez mais depender de Deus e não dos homens”, esse é o meio que encontramos para nos moldar a elas. Tudo o que for possível para colocar as igrejas, a equipe da OMP e os missionários de joelhos, ao invés de um ativismo extremista, que normalmente tende ao desvio de foco ou até à corrupção, nós assim faremos. Nossos Princípios

28


“De sorte que somos embaixadores em nome de Cristo, como se Deus exortasse por nosso intermédio. Em nome de Cristo, pois, rogamos que vos reconcilieis com Deus.”

- 2 Co 5.20


COMO ATUAMOS


Aqui estão as principais maneiras pelas quais iremos ser sustentados: Parcerias de Sustento Missionário com Igrejas Doações espontâneas ou adoção de um Missionário Agora na prática, como, inicialmente, pretendemos atuar: Conferências de Conscientização Missionária Sustento de Missionários e Plantadores de Igrejas Financiamento de outros recursos Distribuição de literatura teológica sólida e de bíblias Conferências de treinamento e evangelismo Vinculando constantemente as Igrejas parceiras com os missionários sustentados Atuaremos na internet através de nosso Web site e das redes sociais Como Atuamos

31


“Tudo, porém, seja feito com decência e ordem.”

- 1 Co 14.40


INSTITUCIONAL & CONTABILIDADE


Somos uma instituição sem fins lucrativos que visa administrar com prudência todos os recursos captados. Acreditamos rigorosamente na importância de uma boa organização e transparência quanto à administração. De acordo com a apresentação e divulgação desse projeto, está sendo formada uma diretoria e um conselho fiscal com o intuito de formalizar a organização legalmente, de acordo com as leis de nosso país. A contabilidade e prestação de Contas será realizada de maneira coerente e transparente, sempre fiscalizado pelo Conselho fiscal da organização, que terá como princípio a manutenção da ordem, prudência, e coerência da administração dos recursos com as normas e princípios da lei vigente.

Institucional & Contabilidade

35


WEB SITE


Cremos que a ferramenta da internet, será um dos principais meios de divulgação, manutenção e vinculação da Organização-Igrejamissionários. Será uma ferramenta imprescindível e um canal constantemente atualizado, de acordo com a proposta do projeto. O domínio utilizado será www.omplantar.org. Com uma aparência bonita, moderna e sofisticada, os parceiros e missionários terão ali espaço para se comunicarem e se atualizarem de maneira rápida e com qualidade. Todos nossos trabalhos, missionários adotados, atualizações importantes, estarão sendo constantemente postadas para que a Igreja crie um vínculo real com os missionários e possam estar orando, suprindo as necessidades, e realmente andando lado a lado com eles. De fato não será o único meio de aproximação, porém cremos que o mais importante e utilizado. Ele terá também recursos como:  Canal de Doações;  Atualizações de cada missionário, e seus dados de contato;  Chat para comunicação entre os parceiros-missionários;  Recursos com intuito de gerar na Igreja a verdadeira consciência missionária;  Recursos teológico-doutrinários;  Informações gerais acerca do avanço missionário no mundo, fazendo parcerias com ministérios como: HeartCry, Portas Abertas e Joshua Project. Web Site

37


“Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome; venha o teu reino; faça-se a tua vontade, assim na terra como no céu; - Mateus 6.9-10


FOCO INICIAL DA OMP


Foco inicial da OMP Com a graça de Deus, nosso foco inicial será no país do Peru, no árido estado de Piura. Já temos contato com o Missionário Leonardo Gonçalves que em janeiro de 2012 iniciará um processo de plantação de mais uma Igreja na região. A necessidade do Evangelho genuíno naquela região é imensa e a OMP tem o intuito de inicialmente apoiar o Projeto Piura para, juntos em Cristo, avançar essa obra tão maravilhosa; e é claro com o apoio da igreja brasileira. O missionário estará visitando o Brasil em novembro de 2011 e pretendemos apoiá-lo na divulgação de seu projeto e juntos “arrebanhar” parceiros para a expansão dessa obra. A seguir está anexada a carta que ele nos enviou explanando a situação de sua obra missionária em Piura:

De: Pr. Leonardo Gonçalves Para: Samuel Nunes Assunto: Obra missionária no Peru

Graça e Paz seja contigo!

Foco Inicial da OMP

40


Graça e Paz seja contigo! O motivo desta carta é para informar-lhe (e também a quem possa interessar) acerca do trabalho missionário que estamos realizando em Piura, no norte do Peru. Sei que você se interessa muito pelo tema de missões, por isso quisera apresentar um pouco do que temos feito nesta região. Meu nome é Leonardo, e sou missionário no Peru há 4 anos. Vivo na cidade de Piura, que é uma das cidades com menor percentual de evangélicos deste país. Aqui, pastoreio uma pequena igreja em um “asentamiento humano” chamado Jorge Chavez. É um lugar bastante pobre e muito violento, mas apesar deste quadro, a igreja está plantada, fundamentada no evangelho e crescendo.

Igreja Bautista Misionera, Escola Dominical Também temos um trabalho sócio/evangelístico que é o PEPE – Programa Educativo Préescolar. O PEPE é um projeto da JMM (Junta de Missões Mundiais) e tem como propósito evangelizar e alfabetizar crianças em idade pré-escolar, em lugares de extrema pobreza. Nosso PEPE está em um lugar chamado “La Península, que é um setor inóspito, no meio do deserto de Sechura (o quinto maior deserto do mundo), onde não há água, luz elétrica, esgoto, nem mesmo casas de alvenaria. Todas as casas são construídas ou de bambu, ou de “compensado”, ou de papelão. Trata-se de um dos muitos bolsões de miséria da cidade de Piura. Lá, as crianças recebem alfabetização gratuita, material escolar, alimentação e alguns cuidados médicos básicos. Para mantê-lo, contamos com ofertas de irmãos voluntários, que nos ajudam conforme as suas possibilidades. Muitas vezes faltam recursos, mas Deus supre

Foco Inicial da OMP

41


todas as necessidades de uma ou outra maneira. A providência de Deus nunca nos desamparou.

PEPE atual, em um barracão no bairro “La Península” Entendemos que nossa missão é plantar igrejas não apenas na cidade de Piura, mas em todo estado de Piura, que tem quase 2 milhões de habitantes, e um percentual de evangélicos de apenas 2%. Até a igreja Mórmon de Piura tem mais membros que as igrejas evangélicas. Para cumprir essa missão, investimos nosso tempo e energia para preparar obreiros nacionais, com esperança de que eles possam servir como missionários no seu próprio país. Atualmente temos duas famílias prontas para ir para o campo plantar igrejas, e uma das razoes porque eles ainda não estão lá é a falta de recursos econômicos.

Construção do novo PEPE, onde futuramente as crianças irão estudar

Foco Inicial da OMP

42


Piura é a janela 10/40 da América Latina. O estado de Piura é tão vasto, que não temos ainda o numero de cidades sem igreja. Já catalogamos mais de 100 cidades e povos sem igreja neste estado, mas isso somente na região do “baixo” e em parte do “Alto Piura”, pois existe uma parte do Alto Piura onde ainda não conseguimos ir, e também uma região denominada “médio Piura”, onde também há cidades sem igrejas, mas não sabemos quantas. Enfim, Piura é um grande desafio missionário! Há muitas necessidades (logísticas, econômicas e espirituais) por aqui. (1) Precisamos de recursos para terminar de construir o PEPE, o qual atualmente funciona em um barracão de madeira e bambu. (2) Precisamos de recursos para enviar os missionários para plantar igrejas,(3) e também precisamos de um veículo que nos possibilite viajar pelo interior do estado, explorando lugares e pastoreando os missionários no campo. (4) Precisamos treinar líderes, e para isso incentivamos irmãos brasileiros com alguma formação teológica ou experiência missionária, para vir treinar os obreiros locais, através de seminários e conferências missionárias. E há ainda outras necessidades que não listamos aqui porque consideramos ser menos importantes que estas.

Família do irmão Camilo, um missionário peruano aguardando envio Gostaria de poder fazer contato contigo, ou com outros irmãos e igrejas, para sobre a obra missionária aqui no norte do Peru, e quem sabe assim poder contar com ajuda deles e conseguir intercessores. Por isso, me coloco à sua inteira disposição para esclarecer qualquer dúvida. Oro para que Deus te abençoe sempre, e mantenha aceso em seu coração esse amor pela obra 43 Foco Inicial da OMP missionária.


Oro para que Deus te abençoe sempre, e mantenha aceso em seu coração esse amor pela obra missionária. Um abraço, Pr. Leonardo Gonçalves Piura – Peru Para mais informação, acesse: www.projetopiura.org www.projetopepe.com Ou digite “Projeto Piura” no Youtube

Pastor Leonardo, Jonara e Ravi Lucas. Família missionária.

Foco Inicial da OMP

44


CONSIDERAÇÕES FINAIS


Esse livreto demonstrativo tem como intuito inicial apresentar o projeto missionário “Plantar” e também convidar parceiros e pessoas que desejam participar ou ajudar efetivamente o ministério. Esse projeto foi idealizado por Samuel Augusto Nunes, seminarista da Igreja Presbiteriana Central de Contagem. A logomarca foi desenvolvida por Diego dos Santos Pétali, e o site já está sendo desenvolvido. O telefone de Contato é: 8646-4185 O E-mail: sadaca17@hotmail.com Obrigado pela sua paciência em ler esse material; pedimos que ore sempre por nosso ministério e o divulgue sempre que for conveniente.

Que Deus os abençoe!

Considerações Finais

47


“Olhai para mim e sede salvos, vós, todos os limites da terra; porque eu sou Deus, e não há outro.” - Isaías 45.22

Apresentação OMP  

Convite e apresentação do projeto da Organização Missionária Plantar