Page 1

Página 1

Edição 790 - 25/07/2015

Diretor Responsável: Homero T. Tranquilli - CNPJ: 09573449/0001-13 - Cajuru, Sábado, 25/07/2015 -

Prefeitura conclui asfaltamento da primeira etapa no Jardim Nova Cajuru

Ano 16 - N.° 790 Semanal - Distribuição Gratuita / Assinantes

Mimos para Cajuru: pintura de guias e sarjetas das avenidas e novas cores na fachada da escola Zezito


Página 2

Edição 790 - 25/07/2015


Página 3

Edição 790 - 25/07/2015

ACONTECE

Prefeitura conclui asfaltamento da primeira etapa no Jardim Nova Cajuru Após a compactação e nivelamento da rua no final do bairro Jardim Nova Cajuru (Bocão) realizada na semana passada, foi concluída nesta semana a primeira etapa do asfaltamento. Com as guias e sarjetas prontas, parte do trecho que interliga as ruas Horácio R. do Nascimento e Roberto Luiz da Silva recebeu a pavimentação asfáltica. Na quarta-feira, uma equipe trabalhou à tarde para deixar pronta a primeira etapa e os moradores já estão usufruindo da benfeitoria. Os próximos projetos a serem executados são a conclusão do asfaltamento e implantação de uma praça de lazer na área institucional em frente a Rua Roberto L. Silva.

UBS Cruzeiro recebe os últimos retoques Obra será inaugurada em breve e fará parte do calendário de comemorações do Sesquicentenário

XIV Prêmio de Educação no Trânsito Um dos grandes objetivos deste Departamento é mostrar que trânsito é uma questão de cidadania e que faz parte do dia a dia de todas as pessoas, assim, estamos sempre convocando toda a sociedade para refletir sobre a importância de um comportamento mais responsável e mudar de uma vez por todas a atitude no trânsito. O Prêmio Denatran faz parte das

ações realizadas pelo Ministério das Cidades/ DENATRAN cujo intuito é contribuir com a Década Mundial de ações para Segurança no Trânsito na diminuição dos números alarmantes de pessoas que perdem a vida em acidentes de trânsito. O concurso, promovido pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), elege anualmente os melhores trabalhos produzidos sobre

o tema Trânsito e tem como objetivo incentivar diversos setores da sociedade a refletirem sobre aspectos relativos à segurança, ao respeito e a cidadania no trânsito. Inscrições de 17 de agosto a 01 de setembro de 2015. Edital completo no site: www.denatran.gov.br A p o i o : Departamento Municipal de Trânsito de Cajuru

CONTRATA-SE; TORNEIRO MECÂNICO SOLDADOR / MONTADOR ENVIAR CURRICULO PARA COMERCIAL@MENXON.COM.BR OU ENTREGAR NA AV. DR GETÚLIO VARGAS Nº700

A unidade de saúde do bairro Cruzeiro está recebendo os últimos retoques para ser entregue à população e entrará para o calendário de inaugurações rumo

aos 150 anos de Cajuru. A UBS foi reformada (272,88m 2 ) e ampliada (142,58m2) e está apta a atender com conforto os pacientes da área de

abrangência. Os recursos utilizados na obra são do Governo Federal, que através de projetos apresentados pela Prefeitura de Cajuru liberou R$ 95.400,00. Duas unidades já foram inauguradas: UBS Piscina (áreas de ampliação de 203,49m2 e 421,86m2 e reforma em 31m2) e Dom Bosco (área de ampliação de 139,67m2 e reforma de 236,08m2) e outras duas estão sendo construídas: UBS Centro (área de 2.313,10m 2 , construção 388,27m2) e Cruz Alta (396,24m 2 de construção, em área de 1.011,11m2).


Página 4

Edição 790 - 25/07/2015

ACONTECE

Dicas de Sustentabilidade 1-Na hora de comprar, questione e avalie bem a sua decisão, adquira apenas o necessário. Sempre que possível, reutilize produtos e embalagens. Não compre aquilo que você pode consertar, transformar e reutilizar. 2 - Informe-se sobre a origem e o destino dos produtos que você consome. Busque informações sobre como e por quem foram produzidos. Produtos feitos com métodos sustentáveis e em uma relação de emprego saudável ajudam a cadeia produtiva a ser mais responsável e minimiza os impactos no meio ambiente. 3 - Evite deixar equipamentos ligados quando não for necessário e na compra de eletrodomésticos busque informações sobre a política

de coleta, reciclagem e fabricação de produtos de baixo consumo de energia. 4 - Substitua lâmpadas incandescentes por lâmpadas econômicas, que economizam até 80% de energia e garantem a mesma luminosidade. 5 - Ao comprar móveis, fique atento se a madeira é certificada, assim você evita o desmatamento da Amazônia e da Mata Atlântica. 6 - Mesmo que seu bairro não possua coleta seletiva, separe o lixo e encaminhe o lixo reutilizável para os pontos de coleta. Reciclar é uma maneira de contribuir para a redução da degradação ambiental. 7 - Diminua o uso de produtos de higiene e limpeza e priorize produtos feitos com ingredientes

naturais que não degradem o meio ambiente. Dessa forma, você reduz o nível de poluentes presente nos rios. 8 - Reduza o tempo de banho, ligue a máquina de lavar roupa apenas com a carga cheia e não deixe torneiras pingando. Uma torneira pingando gasta em um dia 20 litros de água. 9 - Sempre que puder deixe o carro na garagem. Transporte coletivo, bicicleta ou ir caminhando aos compromissos são as formas mais baratas e que menos agridem o meio ambiente. Quando for de carro, incentive e organize a carona entre amigos, vizinhos e familiares. 10 Em supermercados e feiras, recorra às sacolas de pano ou caixas ao invés das sacolinhas plásticas.

Inscrições abertas no Projeto Guri Cursos gratuitos de Violão, Viola caipira e Coral O Projeto Guri está com inscrições abertas para os cursos de violão, viola caipira e coral, com horários nos períodos manhã e tarde. O curso é gratuito e realizado na Casa da Cultura e

para efetivar a inscrição é preciso levar: - Declaração Escolar; - Xerox da certidão de nascimento; - Comprovante de residência (conta de água, luz

ou telefone). As matrículas vão até 28 de agosto. Faça parte do Guri. Maiores informações com Márcia, pelo telefone: 36679960.

Comunicado A diretoria da Guarda Mirim “Boca da Mata” convoca todos os guardas mirins para comparecer na segunda-feira, dia 27 de julho, às 14 horas, na sede da entidade, situada no Bulevar. O não comparecimento acarretará no cancelamento da inscrição.

Aviso aos comerciantes (e demais leitores) A Fiscalização Municipal informa aos comerciantes do município de Cajuru e demais leitores que costumam fazer doações que, pessoal mal intencionada e não credenciada pela Prefeitura Municipal de Cajuru vem fazendo pedidos de doações para a Casa Abrigo (Casa de Permanência Provisória). Informa ainda que ninguém está autorizado a pedir doações para a Casa Abrigo e, caso isso aconteça, DENUNCIE. Para o caso de doações voluntárias ligue: (16) 99999.5073

Ponte sobre o Rio Araraquara é refeita Nova ponte garante escoamento da produção e acesso seguro para os motoristas Cuidando também da zona rural, a Prefeitura Municipal de Cajuru refez nesta semana a ponte sobre o rio Araraquara. O madeiramento estava podre e comprometendo a segurança dos motoristas, por isso foi totalmente substituído ganhando reforço para oferecer passagem segura aos motoristas e garantir o escoamento da produção dos sítios e fazendas que utilizam este acesso. O trabalho foi realizado pela equipe da Prefeitura e contou com a colaboração e empenho do Leandro, morador da fazenda na qual a ponte dá acesso.


Página 5

Edição 790 - 25/07/2015

Mimos para Cajuru: pintura de guias e sarjetas das avenidas e novas cores na fachada da escola Zezito

Na largada para as comemorações de aniversário da Cidade, a Prefeitura realiza mimos para Cajuru: pintura de guias e sarjetas da Av. Major Adolpho Paoliello e também a pintura dos muros da escola Zezito Palma.

Toda extensão da avenida foi pintada na cor branca simbolizando a união de todas as cores e ontem, sexta-feira, foram pintadas as faixas de sinalização. O mesmo será feito no acesso Manoel Bento do Nascimento, que já está com guias limpas e pron-

tas para receber a nova pintura. Na escola Zezito, além da Turma da Mônica, os lápis que formam o muro foram pintados ganhando colorido especial e bonito, à altura das construções feitas na unidade (anfiteatro e casa do caseiro).

Campeonato Regional de Futevôlei

Foi realizado em Piracicaba, no dia 18 de julho, o 11 o Campeonato Regional de Futevôlei, onde a dupla cajuruense Gui e Emerson

representaram muito bem nossa cidade. O evento contou com atletas de todo o Estado de São Paulo. Os cajuruenses

contaram com o patrocínio da Academia Vila Atlética, Los Gringos, Minimercado Santa Luzia, Kajumaq, Tok Sport, Bel Modas e Suélen Modas.


Página 6

Edição 790 - 25/07/2015

HOL O-COL UN HOLO-COL O-COLUN UNA A

383 - O neocriticismo

Mudar de casa pode ser um bom negócio

Você mora de aluguel, seu contrato está vencendo ou já passou do período de multa por cancelamento? Pense que pode ser um bom negócio você mudar de casa para economizar. É isso mesmo! Com a crise que o mercado de imóveis vem enfrentando, inclusive o de locação, sair de uma casa para outra, talvez até de um padrão melhor, pode ser um bom negócio. O setor da construção civil, depois de viver um momento de expansão com um verdadeiro boom dos lançamentos, agora tira o pé do acelerador para tentar desovar o que ficou encalhado. E quem pensava em ganhar muito dinheiro investindo em imóveis na planta, como ocorreu três, quatro anos atrás, pode tirar o cavalinho da chuva. O mercado arrefeceu e muita gente está devolvendo o que não conseguiu pagar, aceitando receber de volta apenas 60% do que pagou. Para as construtoras, não deixa de ser um bom negócio porque depois vai vender este mesmo imóvel, embolsando os 40% que tirou de você mais a valorização (mesmo que pequena) da unidade durante o tempo de construção.

Mas quem conseguiu pagar até o final - geralmente investidores com maior poder aquisitivo - colocou no mercado as unidades que ficaram prontas de dois anos pra cá. O resultado foi um transbordamento de imóveis para venda e locação. Além disso, muitos realizaram o sonho de comprar a segunda casa própria, sem vender a primeira, que também vai servir de aluguel para ajudar a pagar a outra. Isso criou um cenário em que existe três vezes mais imóveis para locação e venda do que no ano passado, fazendo os aluguéis baixarem. Vou dar um exemplo: um sobrado de 150 metros quadrados, no bairro da Vila Mariana, em São Paulo, estava para alugar em Janeiro por 3 mil reais. Fechada há mais de seis meses, hoje o proprietário aceita propostas de até 2.600 para desencalhar o imóvel. E mesmo assim não tem recebido muitas visitas. Segundo economistas, o valor dos aluguéis em São Paulo teve queda média de de 20% a 25%, invertendo de uma certa forma o poder entre proprietários e inquilinos. Antes, quem alugava um imóvel se via obrigado a aceitar as con-

dições de valores impostas pelos donos. Agora os locadores estão tendo de ceder para não ter prejuízos e estão até concedendo descontos nos reajustes para não perder os inquilinos. Em muitos casos nem estão aplicando o reajuste de 5,59% previsto para os contratos que vencem agora em julho. Se você colocar na ponta do lápis, mudar de uma casa para outra alugada, pode fazer sobrar o dinheiro que você tanto quer para dar uma renovada nos móveis ou até mesmo fazer uma viagem de fim de ano. Veja só: se você conseguir baixar o aluguel em 300 reais por mês, ao longo de um ano terá economizado 3.600 reais. Se der sorte de pagar um condomínio 50 reais menor, que seja, a economia já sobe para 4.200. Há casos ainda em que proprietários que antes só aceitavam o seguro fiança, agora já se satisfazem com o conhecido fiador, desonerando o inquilino de pagar, anualmente, o valor de um aluguel + condomínio + IPTU como garantia, o que pode resultar em mais 350 reais por mês no bolso ou um total de quase 8.500 reais todos os anos. Mesmo gastando com a mudança e a troca de alguns móveis, ainda rende uma boa poupança. Com inflação alta, preços escorchantes nas tarifas de luz, água e telefone e economia desaquecida, pelo menos alguma coisa boa tem de acontecer. E já que o governo adiou o sonho da casa própria para muita gente, com aumento dos juros e redução da porcentagem financiada, quem ainda mora de aluguel, pelo menos tem a chance de cortar despesas onde pode. E está aí uma boa alternativa! Boa semana a todos!

Neste segundo capítulo o foco é o neocriticismo, destacando-se a Escola de Marburgo e a Escola de Baden. Inicialmente, serão contemplados a gênese, a finalidade e os centros de elaboração do neocriticismo; em um segundo momento será a vez de Ernst Cassier e a filosofia das formas simbólicas. Uma retomada sistemática da filosofia de Kant aconteceu na Alemanha logo na segunda metade do século XIX. E esta partiu e se desenvolveu como reflexão sobre os métodos, os fundamentos e os limites da ciência, estendendo-se mais tarde a outras atividades humanas como a moral, o mito, a religião, a arte e a linguagem. A inspiração kantiana é identificada nos trabalhos de Otto Liebmann (1840-1912) e nos do grande pesquisador Hermann Helmholtz (1821-1894). Neokantianos surgirão na Inglaterra (Shadworth H. Hodgson, George D. Hicks), na Itália (Carlos Cantoni, Féçix Tocco, Francisco Fiorentino e Tiago Barzellotti) e na França (Charles Renouvier, Otávio Hamelin e Léon Brunschvicg). Contudo, os centros de maior relevância da elaboração do neocriticismo foram de um lado Marburgo, com Hermann Cohen, Paul Natorp e seu discípulo Ernst Cassirer; e do outro, Heidelberg e Friburgo - duas cidades situadas na região do Baden (daí o nome a Escola de Baden) -, com Wilhelm Windelband e Heinrich Rickert. O neokantismo torna-se um fenômeno europeu. Hermann Cohen (1842-1918), opositor à concepção positivista, afirma em A teoria de Kant da experiência pura (1871) que a ciência não é um acúmulo

de sensações ou de fatos observados, que o fundamento da objetividade da ciência está no a priori, e que a filosofia tem como meta principal a pesquisa dos elementos puros, isto é, a priori, do conhecimento científico. Paul Natorp (18541924), em Os fundamentos lógicos das ciências exatas (1871), defende que o conhecimento é síntese que deve ser submetida a contínua análise, onde se revêem e corrigem os conhecimentos precedentes, de modo a aperfeiçoar sempre mais as determinações dos objetos. O objeto, no conhecimento científico, é um ponto de chegada que sempre se desloca. Para Wilhelm Windelband (1848-1915) a “volta a Kant” significa que a filosofia é análise dos princípios a priori; e que esse tipo de análise se estende também à moralidade e à arte, e tais princípios a priori devem ser tipificados como valores universais e necessários, de natureza normativa. Heinrich Rickert (1863-1936) é da opinião que conhecer é julgar, ou seja, aceitar ou rejeitar, o que pressupõe o reconhecimento de um valor, de um dever ser que aparece como fundamento do conhecimento. Ernst Cassier (1874-1945), nasceu em Breslau, de família judaica de boas condições e foi discípulo de Natorp em Marburgo, e se tornou professor em Berlim e mais tarde em Marburgo. Obrigado a emigrar em 1933, foi para a Inglaterra, depois para a Suécia e por fim para os Estados Unidos, onde ensinou na Universidade de Yale e a seguir na Universidade de Colúmbia. Ele é autor famosas obras

históricas, assim como teóricas, d e s t a c a n d o - s e , respectivamente, O problema do conhecimento na filosofia e na ciência da era moderna, em quatro volumes, e A filosofia das formas simbólicas, em três volumes. São atribuídas a Cassier, fundamentalmente, três assertivas: As ciências buscam relações funcionais e não substâncias; as “formas simbólicas” são formas da compreensão do mundo; e “definir o homem como animal rationale equivale a trocar a parte pelo todo”. Ele reconhece a existência da linguagem conceitual, mas mostra que também existe uma linguagem do sentimento e das emoções; além da linguagem lógica e científica, existe a linguagem da imaginação poética. Por fim, diz Cassier: A invés de definir oo homem como animal rationale dever-se-ia , portanto, defini-lo como animal symbolicum, A Holosofia, tem no PHS (Programa Holosófico de Saúde) o Setor responsável pela elaboração, execução, supervisão, análise e aprimoramento das diferentes atividades destinadas à prevenção e à manutenção da saúde plena (saudena). E, neste contexto, a educação (aquisição de informações principalmente científicas) é contemplada como ferramenta primeira. Contudo, a informação geral de cunho reflexivo tem um papel relevante no processo de criação do senso crítico. Logo, com estas duas vertentes a Holo-coluna tenta se avizinhar e, com isso, almeja despertar especialmente nos jovens estudiosos o interesse em conhecer melhor aqueles poucos pensadores que nos antecederam e nos deixaram um mundo mais symbolicum. Prof. Me. Sebastião Saraiva, Maitreya Médico, holósofo e filósofo Cel. (098) 98282.9888 S i t e : www.holosofia.com.br


Edição 790 - 25/07/2015

Página 7


Página 8

Edição 790 - 25/07/2015


Edição 790 - 25/07/2015

Página 9


Página 10

Edição 790 - 25/07/2015


Página 11

Edição 790 - 25/07/2015

Horóscopo Áries Ainda faltam alguns dias para o novo ano e você já está todo animado? Claro que, como primeiro da turma zodiacal, você sabe todos os roteiros de festas e qual vai ser a melhor programação. Adiante as questões práticas pela manhã e se livre logo das burocracias. Depois de tudo feito, é só aparecer no local combinado e arrasar corações, como sempre. Touro Semana terminando, ano no fim. Mas você, com certeza, está só no começo da empolgação. Em casa e no trabalho, seu pique está a todo vapor e ninguém mais lhe segura ao pé da mesa (ou da cama?). Fique ligado, sua fama de bon vivant às vezes pode lhe meter em encrencas. Bem, deixe pra lá, você também é criativo para escapar com sutileza... Gêmeos Melhor pular cedo da cama, o dia está super movimentado e você tem muito a fazer, acontecer e blablablar. Organizar as festas de fim de ano, ok, mas escolher qual o convite a aceitar não vai ser muito fácil. Lembre-se que você é quase o prato principal do evento e todos querem sua presença. Divida-se em dois, pra variar, e capriche no discurso. Câncer Um caranguejo cheio de mel e afeto não passa despercebido, assim, sem mais. Personalidades e jeitos doces foram feitos para serem divididos com todo mundo. Sim, nas versões diet e light também. Não regule a cascata emocional nem tente controlar as águas represadas, afinal, os líquidos atravessam quase tudo. Flua e deixe fluir...

Leão A festa começou mais cedo? Então você precisa se aprumar, meu rei. Nada de ficar pensando no que fez ou deixou de fazer agora, não perca tempo. Faça seu ritual de beleza, massagem, perfumes, relaxamento e poções da juventude, tudo vale. Quer ser a estrela da noite e atrair os olhos daquele alguém, não? Pois é, às vezes dá trabalho ser tão, tão... Virgem Energia a milhão, um trem-bala circulando em suas veias. Elas pedem um destino. Não é preciso falar duas vezes... Sim, arrumações. Do encanamento até a faxina geral em papéis, relacionamentos, idéias negativas. Mande tudo pelo ralo e fique só com aquilo que lhe faz bem. É um jeito perfeitamente virginiano de entrar 2007 com os dois pés direitos. Libra Nossa, ainda de ressaca do Natal? Nada que uma bolsa de gelo na cabeça não cure. Tome uma ducha e pé na tábua. Mesmo cheio de preguiça faça um esforço e resolva as últimas pendências. Há detalhes que só você percebe: qual a melhor decoração, a trilha sonora adequada, comes e bebes de qualidade... Quem manda ser um mestre na arte de receber? Escorpião Dar uma mãozinha aqui e um auxílio acolá não vai tirar pedaço. Tanta eletricidade solta no ar pede que poderosos como você, solidários na medida certa, segurem os níveis da galera exaltada. Conhecedor das profundidades e intensidades, vai ser fácil perceber o momento de dizer chega. A folia pessoal? Bem, essa você curte com o seu amor, numa

boa. Sagitário Essas luzinhas piscando na sua cabeça, totalmente fliperama, seriam o seu jeito de avançar o sinal no réveillon? Melhor assim. Curtir é bom, mas exagerar nas doses, seja nos bebes, seja na língua afiada, pode ultrapassar os limites tênues do bom senso e da sua saúde geral. Mantenha sua flecha apontada para os lados da paz. Capricórnio É tempo se dar um trato. No visual, na casa, cuidar de si, se mimar e se ninar. Aproveite o clima alegre de tantas festas e, ao menos uma vez, ainda neste ano, ponha o trabalho em segundo plano. Claro que você não consegue deixar nada pra depois, mas reserve umas horas para esse cabrito bom de trote e deixe as barbas no molho. Relaxe e curta. Aquário Você pode ser distraído e imaginativo ao cubo (ou seria ao redondo?), muita gente pode questionar seu jeito de cabeça nas nuvens, pisando em chão de estrelas, mas isso nunca foi problema. É hora de dar as cartas e mostrar que nem toda a agitação é sem propósito e que a alegria que emana de você, além de mais que contagiante, pode ser vital. Peixes Releve, conte até cem, faça que não vê, mas não deixe que sentimentos que não forem estritamente benéficos se aproximem. O momento está para a confraternização e para contemplar novas e belas perspectivas. Se estressar ou ficar com as escamas demasiado abertas, captando sensações que não são suas, não está na pauta do dia.

A empresa VENANCIO E MELO inscrita no CNPJ 15.771.554/0001-60 I.E 243.025.610.119 comunica o extravio de 2 ATESTADOS DE LACRAÇÃO INICIAL com os números de 6269 e 6270 e leitura da memória fiscal, redução Z e leitura X.


Página 12

Edição 790 - 25/07/2015

Moral e Civismo Welson Gasparini* Um mundo melhor depende, fundamentalmente, de pessoas melhores que não precisam, entretanto, terem o perfil de uma Madre Tereza de Calcutá para quem todas as pessoas merecem nosso amor: as boas, pelo próprio merecimento; as ruins, porque dele precisam. Não precisamos, claro, amar quem nos odeia mas podemos, ao menos, ser tolerantes para com as fraquezas e as deficiências alheias; num mundo imperfeito não há, mesmo, quem possa ser perfeito!Ainda assim, não podemos entregar os pontos e permitir que o que está ruim fique ainda pior. Podemos e devemos reagir. Desse tema eu me ocupei em recente pronunciamento na ALESP quando sublinhei a importância da gente preparar a nossa juventude – as crianças e os adolescentes de hoje – para um mundo melhor onde não haja clima para a corrupção vicejar ou os maus triunfarem. Essa mudança precisa começar, primeiro, no interior de cada lar, com o estabeleci-

mento do diálogo entre pais e filhos, lamentavelmente cada vez mais isolados nos seus mundinhos interiores onde reinam, soberanos, o whatSapp, o instagram, o twitter, o facebook e outras criações modernas. Defendo a volta nas escolas, como disciplina obrigatória, da “Educação Moral e Cívica” com o restabelecimento de hábitos, lamentavelmente, em desuso, iniciados pelo do respeito ao professor. No meu tempo de escola quando o professor entrava na sala de aula todos nós, alunos, ficávamos de pé; ele nos dava um “bom dia” e nós respondíamos. Recordome também: no mínimo um dia, por semana, nós tínhamos o hasteamento da bandeira nacional e todos os estudantes cantavam o hino nacional. Hoje - é triste falar a grande maioria dos alunos nas nossas escolas não sabe cantar o hino nacional. Talvez, até mesmo muitos professores não saibam cantá-lo.... Então, é necessária uma revolução de costumes no nosso País e isso tem de

começar através das nossas escolas mostrando como pequenos atos transformam as pessoas em corruptas e, amanhã, as levam a praticar atos corruptos maiores. As escolas, dentro desse meu ponto de vista, não devem se preocuparem em ensinar apenas – como matérias básicas - português, matemática, geografia ou desenho mas , também, moral, ética e civismo. Os valores morais, éticos e cívicos devem ser ensinados nas escolas mas, também, nos lares onde deve imperar, sempre, a pedagogia do exemplo: o faça o que eu faço e não, apenas, o que eu falo, ainda mais se minha fala não for acompanhada pela minha prática. Os pais são sempre os modelos mais seguidos pelos filhos; devem, portanto, terem condutas humanas e pessoais impecáveis; filhos melhores, afinal, dependem de pais melhores, verdadeiramente empenhados em mostrar-lhes o caminho da honestidade, da honra, da decência e do respeito ao próximo.

VENDE-SE Monza 2.0 Álcool, cinza, ano 88. Trava elétrica, alarme, porta malas elétrico. Tratar: (16) 9 99996090 ou (16) 9 9289-6985 VENDE-SE Chácara a 2km de Cajuru com 7500m². Tratar (16) 9 9360-2073 ALUGA-SE Casa com 2 quartos, sala, cozinha, ba-

nheiro, garagem. Rua 28 de Setembro, 282 (perto do Hospital). Tratar (16) 9 9222-7711 VENDE-SE Casa bairro Cruzeiro, com 3 dorm sendo 1 suíte e garagem. Doc OK. Tratar (16) 3667-2956 ou (16) 9 9996-6218 VENDE-SE 2 alqueires de terra, na rodovia Abrão

Assed, com casa para caseiro, campo de futebol e represa dentro do sítio. R$420.000,00. Tratar (16) 9 9458-3464 ou (16) 9 91270420 ALUGA-SE Casa com 3 cômodos na rua 7 de Setembro, 285. Tratar (16) 36671520

Idosa de 71 anos é agredida durante tentativa de roubo em Ribeirão Preto Suspeito tentou roubar brechó e agrediu dona da loja no Campos Elíseos. Ele foi detido pelos vizinhos até a chegada da Polícia Militar. Uma idosa de 71 anos ficou ferida ao ser agredida durante uma tentativa de roubo a um brechó na quarta-feira (22) no bairro Campos Elíseos, zona norte de Ribeirão Preto (SP). Segundo informações da filha da vítima, que prefere não se identificar, a comerciante sofreu ferimentos no rosto ao ser jogada no chão e ser estrangulada pelo suspeito. O homem tentou fugir, mas os vizinhos que viram a ação conseguiram segurá-lo até a chegada da polícia. O rapaz, um lavrador de 23 anos, foi preso e encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP)

de Ribeirão Preto.De acordo com o boletim de ocorrência, o crime aconteceu na loja que fica na Rua Coronel Américo Batista. A idosa estava no brechó quando foi abordada pelo lavrador que queria dinheiro. Ele agrediu a mulher e tentou deixar o local a pé, mas foi alcançado por vizinhos, que chamaram a polícia. Filha da idosa, uma gerente de administração disse que ficou revoltada com a situação. “Não tem cabimento o que ele fez com a minha mãe, uma senhora de 71 anos. Ela poderia ser avó dele. Ele chegou com muita maldade

para cima dela.” A mulher conta que a mãe sofreu muitos ferimentos na cabeça. “Ela estava muito machucada e sangrando. Ele chegou, empurrou, mas bateu nela. Agrediu, enforcou ela.” A vítima sofreu cortes pelo rosto e vários hematomas. Ela foi levada pelo Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) ao pronto-socorro central, onde foi medicada e liberada. A filha espera que o suspeito seja punido. “A maldade que ele fez não tenho nem o que falar. A gente só espera justiça”, disse.


Edição 790 - 25/07/2015

Página 13


Página 14

Edição 790 - 25/07/2015

O Jornalzão  

Edição 790

O Jornalzão  

Edição 790

Advertisement