Page 1

®

Diretor: André Nagib Moussa (Mtb 34286) - Santa Rosa de Viterbo, 10/06/2017 - Ano 23 - N.º 1.103 - Semanal - Fone/Fax 3954 3289

Prefeitura quer fazer concurso para 16 cargos

R$ 3,00

Prepare o bolso, prefeito quer aumentar impostos

Projeto está na Câmara para ser votado Drone nas Alturas - Rogério Magrão

Santa Rosa vista de cima - Assim é o começo da noite em Santa Rosa, visto pelas lentes do “Drone nas Alturas”, pilotado pelo Rogério Menta Monici. Como é bonita nossa terrinha, né?

Prefeitura quer alterar planta genérica para arrecadar mais ITBI e IPTU Marcelo Zílio

Fraude da Merenda vira Inquérito Depois de concluir a Ação Civil Pública, o Ministério Público local instaurou um Inquérito Criminal para finalizar o caso da suposta fraude na merenda, onde a COAF de Bebedouro liderou esquemas fraudulentos em todo Estado, inclusive em Santa Rosa. O processo investiga se houve participação de três servidores municipais.

Música da boa A parceria entre SICOOB Cocred e a Cia. Minaz, de Ribeirão, proporcionou inesquecível show musical anteontem na cidade. Cerca de mil pessoas compareceram ao Espaço Mogiana, 500 sentadas diante de suntuoso palco, sob magnífica lua cheia, para ouvir Beatles, Fred Mercury e as canções do musical ‘Hair’.

Com estoques zerados, Hemocentro faz coleta de sangue hoje no 'Maurílio' Homem que roubou grávida na ciclovia dos Ypês é detido


PÁGINA 2

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 3

SEMANA DO MEIO AMBIENTE

Novo concurso municipal tem 16 vagas

Estudantes plantaram árvores e visitaram caçambas

Salários variam de 937 a 2.433 mensais

Mudas na terra Depois de um passeio, na manhã de ontem, cujo objetivo era observar os problemas ambientais da cidade, um grupo de alunos parou para plantar árvores ao lado da estrada de Nhumirim (Rodovia ‘Hani El Debs’). Trinta mudas de espécies nativas foram replantadas pelos alunos na área de reflorestamento que substituiu o lixão existente ali até os primeiros anos deste século. Antes, visitaram caçambas colocadas em diversos pontos da zona rural, para uso exclusivo de sitiantes e fazendeiros, a fim de observarem os problemas gerados pela própria população que deixa a cidade para depositar lixo nelas. A programação de atividades comemorativas da semana do meio ambiente começou no dia 5, com eventos todos os dias, promovidos pela Prefeitura.

A prefeitura enviou á Câmara dois Projeto s de Leis Complementares que criam vagas para 16 novos cargos na prefeitura, a serem preenchidos através de concurso público em data a ser marcada. A prefeitura explica que o PLC, "contemplará a necessidade de atendimento de alguns departamentos da municipalidade com a criação de novos empregos públ icos e respectiva abertura de vagas, viabilizando a realização de concurso público em momento adequado". A prefeitura explica

que o impacto da folha de pagamento na arrecadação, com a contratação destes pro fissionais, será de 0,90% em 2017, 2,58% em 2018 e 2,48% em 2019. No projeto é demonstrado que a folha de pagamento da prefeitura neste ano é de 48,29% da arrecadação e se incorporado os 0,90%, passará dos 49%. O máximo que a Lei permite gastar com folha de pagamento é 53% da arrecadação. Vej a no quadro ao lado os cargos que serão criados e seus respectivos salários.

Coordenador de Programa Social .... R$ 2.433,04 Arquiteto e Urbanista ......................... R$ 2.433,04 Médico do Trabalho .......................... R$ 2.433,04 Médico Neurologista ......................... R$ 2.433,04 Auditor Fiscal Tributário ................... R$ 2.433,04 Psicólogo Institucional e Clínico ..... R$ 2.433,04 Psicopedagogo Inst. e Clínico ......... R$ 2.433,04 Técnico Veterinário ............................ R$ 1.918,04 Porteiro ....................................................R$ 937,11 Assistente Social ................................ R$ 2.433,04 Procurador .......................................... R$ 2.433,04 Nutricionista ....................................... R$ 2.433,04 Contador .............................................. R$ 2.433,04 Farmacêutico ...................................... R$ 2.433,04 Médico Veterinário ............................. R$ 2.433,04 Fiscal de Obras .................................. R$ 1.626,07

Regulamento Concurso Chico Alencar I-Tema: Santa Rosa de Viterbo "Dos tempos de Amália aos dias atuais". Sugestão: Você pode escrever sobre acontecimentos, lugares, fatos, "causos" ou personalidades que marcaram a história da nossa cidade. II- Da Participação: Será dividido em 4 categorias: o Categoria1: Ensino Fundamental englobando o 4º ano e 5º ano. o Categoria 2: Ensino Fundamental englobando o 6º ano, 7º ano, 8º ano e 9º ano. o Categoria 3: Ensino Médio. o Categoria 4: Categoria Livre para qualquer pessoa acima de 18 anos, que resida em Santa Rosa De Viterbo. III- Apresentação: Os participantes deverão apresentar um texto inédito, em forma de crônica ou narrativa, digitado em uma folha de papel sulfite tamanho A4. O texto deverá vir identificado apenas com o pseudônimo do autor e título da obra e acondicionado envelope grande, em três vias. Fonte: Times New Roman, tamanho 12, espaçamento 1,5. IV- Da inscrição: a) Não será cobrada taxa de inscrição. b) Os trabalhos que não obedecerem rigorosamente aos critérios desse regulamento serão desclassificados. V- Do prazo de entrega dos trabalhos: O prazo de inscrição será de 01/06/2017 à 30/06/2017. Valendo para efeito de inscrição o preenchimento da ficha junto da entrega da crônica na Biblioteca Municipal de Santa Rosa de Viterbo.

Olho nas caçambas

Município Verde-azul Com 41, 34 pontos conquistados, Santa Rosa está entre os 103 municípios melhores classificados no ranking do Programa Município Verde Azul. O anúncio foi feito anteontem à tarde, em Mogi das Cruzes, durante o 1º Encontro Estadual de Pré – Certificação do Programa. Estão inscritos 606 municípios. O Município Verde Azul é uma iniciativa do Governo do Estado que estimula e auxilia as prefeituras na elaboração e execução de políticas públicas para o desenvolvimento sustentável.

VI- Do local de inscrição: Os trabalhos deverão ser entregues pessoalmente na Biblioteca Pública Municipal, situada à rua nove de julho, nº 320, no centro, Santa Rosa de Viterbo-SP, a/c de Ieda Pataquini Alves ou Tauany Ferreira. VII- Da comissão julgadora: A comissão julgadora será composta por 5 professores e suas decisões serão soberanas e irrecorríveis. Os casos omissos neste regulamento também serão resolvidos pela comissão julgadora. VIII- Da 1º Lugar 1º Lugar 1º Lugar 1º Lugar

premiação: da categoria da categoria da categoria da categoria

1: 2 cursos de informática (Windows e Word). 2: Tablet 3: Bicicleta 4:1 Viagem para Caldas Novas - GO (Fev-2018).

Poderão ser atribuídas pela comissão julgadora algumas menções honrosas, que receberão diplomas e possivelmente, outros prêmios. IX- Do local da premiação: A cerimônia será realizada no Centro Cultural, situado á rua sete de setembro nº 1.000, centro, Santa Rosa de Viterbo-SP. A premiação será no dia 22/07/2017 as 17:30 horas. X- Dos trabalhos recebidos: Os trabalhos recebidos não serão devolvidos.


PÁGINA 4

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 5

Estudo da prefeitura prevê aumento em impostos Vereadores dizem que aumento é abusivo e não condiz com a real situação financeira do município Diretores da prefeitura se reuniram na terça feira com vereadores para apresentar um estudo propondo a correção da planta genérica do município, com o intuito de aumentar a arrecadação do ITBI, Imposto de Transmissão de Bens Imóveis. A reunião foi na Câmara Municipal, 19h30. O Jornalzão mostrou interesse em participar, mas não foi autorizada a entrada. Pelo estudo, a prefeitura quer atualizar os valores dos imóveis do município. Ou seja, corrigir o valor venal, que é base mínima para cálculo do ITBI, que é de 2% sobre o valor do imóvel. Este percentual é pago na transferência do imóvel. Hoje, se você vender um imóvel por cem mil, dois mil são da prefeitura. E a "pancada" é forte. Os valores, em alguns casos, são superiores aos de mercado. O estudo, por exemplo, propõe preço mínimo em terreno na avenida do Bosque, de 308 metros quadrados, de 176 mil reais. O Jornalzão encontrou dois terrenos nesta medida à venda por R$ 140 mil, mas os proprietários aceitam contraproposta. Com a nova tabela, você pagaria 140 mil e recolheria o imposto sobre 176 mil. Outra discrepância é

no residencial Ari Carneiro Barbosa. Lá é possível comprar lote por 50 mil reais, à vista. Pela nova tabela a prefeitura propõe valor de 55 mil reais aos lotes do bairro. "É fora da realidade estes valores propostos pela prefeitura. Quer encher os cofres dela e do cartório às custas do povo, com um imposto abusivo", disparou um vereador. Outro vereador explicou que o atual momento do país não é para isso. "O povo já está com encargos demais nas costas e com isso, o bolso está vazio. Propor isso é para ali na frente aumentar também o IPTU". O Jornalzão ouviu quatro vereadores e todos são contra o futuro proje-

to, que deve ser apresentado no segundo semestre. "Para valer até o ano que vem, a prefeitura tem que apresentar até outubro", explicou um vereador. O estu do t ambém aponta u m aumento nos valores de construção, que vão variar entre 798 reais a 1462 reais o metro quadrado. "Estes valores são irreais", disse um corretor, expl icando qu e i mó veis usados valem bem menos que isso. O corretor ofereceu um terreno no Jardim do Sol por 36.900 reais e pela nova planta, o imposto deveria ser pago sobre 77.100 reais. "É em uma rua sem asfalto, mas pela nova regra o imposto é mais que o dobro, isso não existe", disse.

Faça as contas O Jornalzão conseguiu uma cópia do estudo com oito amostras. Nele consta a correção de alguns bairros, não todos. O estudo propõe correção nos seguintes valores, preços por metro quadrado do lote: Nova Roma: ........................ R$ 223,00 Ari Carneiro: ........................ R$ 237,50 Av. do Bosque: .................... R$ 572,12 Jardim do Sol: ..................... R$ 257,00 Jardim Planalto: .................. R$ 310,00 Preço por metro quadrado de construção: Jardim do Sol: .................. R$ 1.012,00 Jardim Planalto: ............... R$ 1.125,00 Ari Carneiro: ........................ R$ 798,00


PÁGINA 6

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

EDITORIAL A administração da "Reconstrução" chega aos seus seis meses de governo. 180 dias de muita fé, com vários "amém", "Deus no comando", "com fé chegaremos", e poucos resultados. As reclamações se multiplicam nas ruas e nas redes sociais. Faltam remédios, o atendimento médico no Teto foi reduzido, as ruas estão absurdamente intransitáveis, a cidade está suja, o transporte dos alunos precário. As duas obrinhas que entregaram, foram heranças do Cassinho. Tivemos carnaval. Para algum aí, isso basta. Mas para quem realmente carrega a cidade nas costas, isso é nada. E esta semana nos deparamos com dois episódios que mostram que o gerenciamento da coisa pública não está bom. Primeiro, a tentativa da prefeitura em aumentar um imposto em níveis absurdos. Querem corrigir a planta genérica, para, ali na frente, terem também a possibilidade de aumentar o valor o IPTU. O aumento do ITBI (e consequentemente o IPTU) é irreal em alguns casos, onde o preço mínimo é maior do que o preço de mercado. E segundo, o anúncio de que a prefeitura vai propor concurso público para diversas vagas, entre elas, as de médicos, com salário de 2.400 reais. Duvido que apareça um. Ou seja, aumenta imposto e faz concurso para contratar numa prefeitura sem nenhum plano de carreira, com sua estrutura funcional arcaica, onde centenas e centenas de processos trabalhistas tramitam no fórum de Cajuru. Diz a prefeitura que a folha está em "apenas" 48% da arrecadação, quando se pode gastar 53%. Ou seja, mentiu a seus servidores quando deu uma irrisória reposição salarial, sob o pretexto de estourar orçamento. É preciso fazer uma urgente reforma administrativa, rever a Lei do IPTU incentivando quem cuida e sobretaxando quem não. Criar um plano de carreira para dar ânimo aos servidores municipais. É preciso melhorar o ITBI? Sim, também, mas com valores que cabem em nossa realidade, mais bem estudado, e não apenas propor, a toque de caixa, para encher os cofres da prefeitura e do cartório. É preciso manter a cidade limpa com Leis e gente autuando. É preciso parar de bonificar amigos com horas extras. Enfim, é preciso começar a trabalhar direito, senhores. Para se ter uma ideia, o município não conseguiu até hoje fechar as contas do Carnaval. Absurdo dos absurdos. Arrecadou x, gastou y, sobrou tanto, pronto! Cadê essa conta? E quer mostrar estudo de aumento do ITBI? Aliás, não fecharam nem as contas de campanha, né? Lembra do que o Juiz falou? Nós lembramos bem. Anota aí: Se continuarem trabalhando desta forma, e não tomando atitudes que precisam ser tomadas com os pés no chão e não se importando com votos, serão lembrados como a dmministração que levou a prefeitura à bancarrota. Esperamos uma posição firme da Câmara, que deixe de ser subserviente e passe a agir com rigor contra certos devaneios. Vamos, gente, estamos no meio do ano já.

CARTAS À REDAÇÃO

Está faltando a verba Sobre a matéria publicada na edição passada, na seção “Fala Nosso Teto”, onde diz que a construtora parou de investir na obra é preciso esclarecer, para reestabelecer a verdade, que a construção da mini rodoviária aguarda o repasse dos recursos para sua conclusão, uma vez que a CAIXA (Ministério do Turismo) enviou ao município apenas a metade da verba. Porém, a prefeitura precisa solicitar através das diretorias competentes, o repasse da outra metade. Sendo o que cabe neste momento, informamos que estamos sempre abertos para quaisquer esclarecimentos. Carlos José Vital Passoni - Construtora Cagicon

Agradecimento pela ajuda no momento difícil A diretoria, os residentes e funcionários do Asilo São Vicente de Paulo, de Santa Rosa de Viterbo, vêm neste momento agradecer a toda comunidade pela solidariedade prestada a esta instituição neste momento difícil. Acreditamos que, com o apoio de todos, conseguiremos atravessar esta fase crítica.

Fim dos telefones fixos? O Jornalzão poderia fazer uma matéria sobre os planos das operadoras de celular com ligações ilimitadas para qualquer lugar, fixo ou móvel, com preço fixo. Na Claro, por exemplo, tem um plano que custa pouco mais de cem reais mensais, e o cliente fala para qualquer lugar ou tipo de telefone. Acho que isso mostra o fim dos telefones fixos, que tem assinaturas e ligações muito caras. Entrevistem a Márcia Passoni a dona Irene, que foram telefonistas quando tinham que passar as ligações para as casas através de uma central. Muito obrigado ao Jornalzão pelas excelentes matérias que leio aqui de São Caetano pela Internet. Jamais vou esquecer dessa linda cidade onde passei minha infância e juventude, na fazenda Amália, e onde dei o primeiro beijo no meu amor, com quem estou casado até hoje. Eder Luís Roque Nota da redação: Caro Eder, sua sugestão será passada para nosso repórter e historiador Romeu Antunes

Santa-rosenses, alegrienses e a barganha de delegados O novo delegado do município, Gabriel Freiria Neves, 26 anos, é natural de Santo Antônio da Alegria. Segundo o jornal Cuzcuzeiro, daquele município, ao noticiar a posse dele informou que outro alegriense, Bolívar Barbanti, chegou a ocupar o mesmo cargo em Santa Rosa. Curiosamente, dois santa-rosenses chefiaram a Polícia Civil de lá: Sebastião Vieira Garcia e Apparecido Nazareth Cervi. Sebastião era filho de João Baptista Garcia (Zizico), prefeito santa-rosense de 1956 a 1958, natural de Santo Antônio da Alegria onde também nasceu Elias Baú Manoel de Barros, prefeito local entre 1968 e 1972. E mais uma curiosidade: o atual delegado é xará de outro, que ocupou o cargo na década 1940: Gabriel Garcia de Barros. Santo Antônio da Alegria, como Santa Rosa, é vizinho de Cajuru.

EXPEDIENTE O JORNALZÃO CNPJ 24.933.354/0001-57 Redação: rua José Garcia Duarte, 182 - Centro - Santa Rosa de Viterbo-SP - CEP 14.270-000 Fone/fax: (16) 3954 3289 Usuário Papel Imune: UP-08109/014 - Diretor de Redação: André Moussa Free lancer - Gabriel Caldas e Romeu Antunes Contato Comercial: Daniel Pereira Tiragem: 2.000 exemplares - Circulação: Santa Rosa de Viterbo Periodicidade: Semanal R$ 3,00 por exemplar - E-mail:ojornalzao@ojornalzao.com Impressão: Grafisc, São Carlos. “Artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião do jornal.” O Jornalzão se reserva o direito de resumir cartas que considerar inadequadas ao espaço disponível. Reprodução de conteúdo somente com prévia autorização. O JORNALZÃO É AFILIADO À ABRARJ


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 7

DARCI ROCHA

Casa Vila Mendes 1 dorm, sala, coz, wc, terreno com 503 m2 .......................................... 110 mil com financiamento Casa Nova Roma 2 dorm, sala, coz, murada .......................................................................................... R$ 115 mil Casa centro próx. Grick e Matriz, 2 dorm, sala, copa, coz, varanda, lavanderia, terreno amplo. ót. local ..... R$ 200 mil Casa nova (Ari Carneiro) 2 dorm, sala, coz, murada, portão ................................................................. R$ 115 mil Casa Nova, esquina (Ari Carneiro) 2 dorm, sala, coz, murada, quintal cimentado, portão ....................... R$ 120 mil Jd Aquarius precisa reformar, terreno 10x36 ......................................................................................... R$ 150 mil Jd Aquarius 1 dorm, terreno 10x25 ...................................................................................................... R$ 110 mil Nhumirim 2 dorm, sala, coz, garagem ..................................................................................................... R$ 120 mil Luiz Gonzaga 3 dorm, sendo 1 suite, com hidro e closet, sala, copa, coz, área lazer, piscina aquecida, gar 2 carros, portão eletronico e aquecedor solar com acabamento de primeira ....................................................................... R$ 400 mil Itamaraty 2 dorm, sendo 1 suite, sala, coz, lavanderia e edicula no fundo ............................................... R$ 180 mil Rua Pestalozzi 2 dorm, sala, coz (terreno 13x11) ...................................................................................... R$ 75 mil Casa Centro ao lado Banco do Brasil, 2 dorm, sala, coz, terreno 176m2 .................................................. R$ 270 mil Dom Bosco 3 dorm, garagem 2 carro, área no fundo, murada ...................................................................... R$ 200 mil Nova Roma - 200m2 de const., 3 dorm, sala, coz, lav, var, gar, murada, em dois terrenos com 696m2 (24x29) . R$ 350 mil Luiz Gonzaga 3 dorm, sala, copa, coz, área churrasco, garagem, ac. casa ou ap em Ribeirão ........................... R$ 270 mil Ap. Recanto Lagoinha 2 dorm .............................................................................................................. R$ 160 mil Casa e salão comercial rua Piauí, rua do Magu, ót. ponto comercial ........................................................ R$ 190 mil Dois barracões 1900m2, na área industrial, Bento Quirino, terreno 3.587,50m2 ............. R$ 1.500.000,00 ac. proposta Nhumirim 145m2 const, 3 dorm (1 suite), sala, copa, coz, terr.600m2, ac imóv. menor valor ........................ R$ 230 mil Barracão com mesanino energia trifásica, próx. superm. Real ................................................................. R$ 180 mil Rua Pestalozzi 3 dorm, sala, coz, garagem, + salão comercial .................................................................... R$ 140 mil Nova Roma 3 dorm, sendo 1 suite, sala, coz, copa, arm emb, lavand, gar, aquec. solar, acab 1ª ...................... R$ 450 mil Rua Francisco Zaac 2 drm, sendo 1 suite, sala, copa, coz, lavand, garagem, terr. 608m2 .............................. R$ 350 mil Jardim Aquarius, 3 dorm, suite, sala, copa, coz, área lazer, gar, 3 wc sociais, terreno 600 m2 ...................... R$ 400 mil Rua Goiás 3 dorm, sala, coz, varanda, garagem ....................................................................................... R$ 230 mil Rua Alagoas esquina, 2 dorm, sala, coz, wc social, garagem e salão comercial ............................................ R$ 170 mil Morumbi 3 suites, 3 salas, copa, coz, wc social, escritório, salao de festas, área churrasco + 3 dorm nos fundos, wc social, sala, cozinha, casa toda com aquecedor solar, garagem 4 carros 493,15m2 de constr em dois terrenos de 676 m2R$ 900 mil Centro 50m construído, 2 dorm, sala, coz, murada .................................................................................... R$ 105 mil Barracão rua Amazonas 2 salas, 2 wc e galpão, 150m de const. .............................................................. R$ 250 mil Próximo rodoviária 3 dorm, sendo 1 suite, sala, coz, wc, gar., lavanderia .................................................. R$ 240 mil Próximo Solar 3 dorm, sala, coz, lavand, garagem, salão comercial com wc ................................................ R$ 240 mil Cohab 1 3 dorm, sala, coz, copa, área churras, lavand, garagem, esquina ..................................................... R$ 140 mil Ap. Ribeirão 48m2 (parque dos lagos) 2 dorm ........................................................................................ R$ 165 mil

Luiz Gonzaga aterrado 5x25 ............................................................................................................. R$ 45 mil Luiz Gonzaga de frente a escola de Química, murado, com portão, med. 10x25 ...................................... R$ 65 mil Sagrada Família, fundo, Cohab 3 250m2, murado ............................................................................ R$ 70 mil Jd Paloma com 467 m2, lib. construir, ac. carro menor valor (exc. preço), quitado ... R$ 180 o m2 ou seja R$ 84 mil Itamaraty 2 comércio, de frente pra pista (entrada + parcelas) ........................................................... consute-nos 02 terrenos Canaã ............................................................................. Entrada + parcelas de R$ 470,00 cada um Terreno Ari Carneiro 200m2 ............................................................ entrada de 18 mil + parcelas de R$ 442,00 Terreno Luiz Gonzaga 4 terrenos rua Roberto Armbrust, .......................................................... R$ consulte-nos Terreno AV São Paulo esquina com 200m2 de frente ao centro cultural ............................................... R$ 190 mil Temos terrenos no Jardim Itamaraty 2 - Consulte-nos

AVENIDA NOSSO TETO

SÍTIO 20 MIL M2

4 Salões comerciais e uma residência por apenas 150 mil, na esquina defronte ao Solar. R$ 150 mil (ac. carro, estudo parcelar)

Módulo rural a 300m do asfalto, escritura ok, estuda parcelamento. Consute-nos

Apartamento Ribeirão Preto, jardim Paulistano, 1 dormitório (reformado) .............................................. R$ 160 mil Dom Bosco 3 dorm, sendo 1 suíte, sala, copa, coz, área lazer, garagem, acab. 1ª ........................................... R$ 320 mil Nosso Teto 3 dorm, sala, coz, área serviço, garagem, edícula separada, ótimas p/aluguel .............................. R$ 100 mil Júlio Moretti 3 dorm (1 suite), sala, copa, coz, á. serv, gar. e ed. ....................... R$ 270 mil ac carro, ap. Rib., casa - valor rua Rio de Janeiro 3 dorm, sala, copa, coz, wc social, lavanderia, área churras, gar 2 carros ......................... R$ 220 mil Monte Alto esquina, 3 dorm, sendo 1 suite, 2 salas, copa, coz, lavand, garagem ampla .................................. R$ 290mil Casa próx. Estrela Azul 3 dorm, sendo 1 suite, sala ampla, coz, garagem, area serviço ................................ R$ 350 mil Luiz Gonzaga de frente escola de Química, 2 dorm, sala, coz, banheiro ...................................................... R$ 130 mil Nova Roma 3 dorm, sendo 1 suite, sala, copa, coz planejada, lavand, área churras, esq ............................... R$ 380 mil Jd Aquarius 3 dorm, sendo 1 suite, sala, copa, coz, lavanderia, garagem (próx rodoviária) .......................... R$ 200 mil Nova Roma 114 m2, 2 dorm, sendo 1 suite, sala, coz, lavanderia, garagem e port. 153 m2 de terreno ......... R$ 160 mil Cohab 3 esquina, 3 dorm, 2 salas, copa, coz, área lazer, garagem + edícula ............................................... R$ 220 mil Filtro 3 dorm, sendo 1 suite e closet, sala, copa, coz, garagem, portão, ..................................................... R$ 220 mil Nosso Teto de frente a praça, 3 dorm, (troco por casa na cidade) ............................................................. R$ 160 mil Cohab 4 esquina, 2 dorm, sala, coz, garagem ............................................................................................ R$ 90 mil Edícula Ari Carneiro 02 dorm, sala, coz, wc, murado, portão eletr., ..........................45.000,00+parc. do terreno no valor de R$ 500,00 Casa Jardim do Sol (esquina) 02 dorm, sala, cozinha, murada..................................................................................R$ 180 mil 02 terrenos juntos Luiz Gonzaga - murado 3 lados , lado cima (10x25 cada)..............................................................210 mil Luiz Gonzaga 1 dorm, sala, coz, murada, portão, terreno 10x25 ............................................................... R$ 125 mil Jd. das Flores 2 dorm, sala, coz, wc, salão de jogos, garagem 4 carros, piscina ......................................... R$ 320 mil Nova Roma 3 dorm, sendo 1 suite, sala, copa, cozinha, wc social, area lazer, serviço, piscina, gar 2 carros R$ 420 mil Rua Prudente de Morais 3 dorm, sala, copa, coz, lavanderia e garagem ................................................... R$ 210 mil Centro seminova, de frente ao antigo correio, 2 dorm, sendo 1 suite, sala, coz, lavanderia, area churras ..... R$ 250 mil Nova Roma 2 dorm, sala, coz, area serviço, lazer ................................................................................... R$ 200 mil Luiz Gonzaga 2 dorm, sala, copa, coz, garagem, lavanderia ..................................................................... R$ 150 mil Avenida Fiuta 3 dorm, sendo 1 suite, sala, coz, lavanderia ...................................................................... R$ 180 mil Morumbi velho 275 m2 de const. 2 terr. med. 663 m2, 3 dorm, sendo 1 suite, 2 salas, copa, coz, ed. fundo . R$ 590 mil Casa com sobrado e salão comercial Nosso Teto, esquina próxima ao Nota 10 ..................................... R$ 160 mil Nova Roma, esquina, 3 dorm, sendo 1 suite, sala, coz, lavand, área churras, garagem, amplo terreno ......... R$ 250 mil Luiz Gonzaga 2 dorm, sala, coz, varanda, área lazer, garagem, murada, portão basculante .......................... R$ 160 mil Nova Roma 3 dorm, sala, coz, wc social, garagem .................................................................................. R$ 170 mil Filtro 3 dorm, sala, coz, lavanderia, despensa, garagem, forro de pvc ........................................................ R$ 110 mil Casa no condomínio fechado 2 dorm, sala, coz, área serviço, área lazer e garagem .................................. R$ 125 mil

1 alqueire dentro da cidade, ót. locl para loteamento ................................................................... R$ 650 mil Área urbana 1.500m com casa e edícula sem acabar, curral, chiqueiro, fundo da Cohab 1 ......... R$ 180 mil Área de 1.000 m2 com toda infra estrutura ................................................................................... R$ 160 mil Área urbana Jd Elite com casa, 1047m2, ótimo para investimento, pode desmenbrar até 8 lotesR$ 260 mil Área Jd Primavera 2370 metros com asfalto, urbano, excelente localização ............................... R$ 250 mil Sítio 1 alqueire 2 casas, 2 represas e 2 poços, café, cana e pasto, 800 metros do asfalto. Ac. casa R$ 230 mil Terreno Jd. Paloma 467m2, murado no fundo. Aceito carro como parte do pagto. ...................... R$ 84 mil Sítio defronte a pista de São Simão a Santa Rosa, 1 alqueire, com casa simples, 8 forno pra carvão e 2 mil pés de eucalíptos com 2 anos .............................................................................................................. R$ 200 mil TEMOS VÁRIOS SÍTIOS E FAZENDAS À VENDA, CONSULTE-NOS

SALÃO COM. + CASA Esquina avenida Rio Branco, defronte a praça Matriz. Oportunidade única. R$ 230 mil

DE FRENTE A PRAÇA

TERRENO JD. AQUARIUS

Terreno medindo 1375m2, ao lado e fundo da Caixa Federal R$ 200 mil

Plano, medindo 10x25, ou seja 250m2. Imperdível. Só R$ 36.900,00


PÁGINA 8

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 9


PÁGINA 10

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 11

PARQUE NACIONAL DO XINGU

Frequentador de Nhumirim será o terceiro branco a merecer um Quarup Uma comitiva de quase 100 pessoas sairá de São Paulo – em agosto próximo – para assistir à cerimônia de Quarup com a qual os índios da aldeia Kamaiurá homenagearão um ‘homem branco’, o que acontece pela terceira vez na história daquele povo que vive no Parque Nacional do Xingu. Os dois primeiros foram Orlando e Cláudio Villas Boas. Agora chegou a vez do médico Roberto Baruzzi cuja ho menagem começa no próximo dia 5 de agosto. O ritual Quarup encerra um ano de luto pela morte de pessoas importantes para os índios, e é realizado ao longo de três dias. É aguardada a presença de 1.500 índi os de diversas tri bos daquela região. Roberto Geraldo Baruzzi, falecido em fevereiro do ano passado, aos 86 anos, era frequentador contumaz do bairro de Nhumirim onde tinha uma casa que seus familiares continuam

“O dia chegou” A coluna de Júlio Abramczyk, da Folha de São Paulo – que reproduzimos abaixo –, publicada no último dia 27 de maio, com o título “Índios do Xingu fazem homenagem a médico”, tratou do assunto:

O médico no tempo em que trabalhou na aldeia Kamaiurá

frequentando assiduamente. - Vamos todos à cerimônia, os 3 filhos, seis netos e eu – disse ontem, por telefone, Durval Bonani, 58 anos, genro do homenage-

ado. Além da família, deverão acompanhar o ritual 80 médicos do hospital São Paulo, alguns, colegas de Roberto Baruzzi e professores como ele. Além desses,

podem comparecer ao Quarup outras personalidades, de fama internacional, cujos nomes a família só vai divulgar depois que confirmarem a presença.

EDITAL DE PROCLAMAS PARA CASAMENTO EDITAL DE PROCLAMAS nº. 2365 Faço saber que pretendem se casar e apresentam os documentos exigidos pelo artigo 1.525, nº. I III e IV do Código Civil, os pretendentes: // WAGNER AUGUSTO ARAUJO e JAQUELINE RIBEIRO //. Ele, natural de Santa Rosa de Viterbo, Estado de São Paulo, nascido aos vinte e um (21) de fevereiro de um mil novecentos e setenta e seis (1976), profissão gerente, estado civil solteiro, domiciliado e residente à Rua Paulo Luiz Mussolin, 355, Julio Moretti, na cidade de Santa Rosa de Viterbo, Estado de São Paulo, filho de OSVALDO DIAS DE ARAUJO e de dona LUZIA DONIZETI IZIDORO ARAUJO. Ela, natural de Santa Rosa de Viterbo, Estado de São Paulo, nascida aos vinte e nove (29) de junho de um mil novecentos e oitenta e sete (1987), profissão do lar, estado civil solteira, domiciliada e residente à Rua Paulo Luiz Mussolin, 355, Julio Moretti, na cidade de Santa Rosa de Viterbo, Estado de São Paulo, filha de ALTAIR RIBEIRO e de dona RITA DE CASSIA RABELATO RIBEIRO. EDITAL DE PROCLAMAS nº. 2366 Faço saber que pretendem se casar e apresentam os documentos exigidos pelo artigo 1.525, nº. I III e IV do Código Civil, os pretendentes: // JOSÉ EDUARDO DE LIMA e GEISA DA SILVA LOPES //. Ele, natural de Mococa, Estado de São Paulo, nascido aos vinte e quatro (24) de maio de um mil novecentos e oitenta (1980), profissão motorista, estado civil divorciado, domiciliado e residente à Rua Dr. Matta, 2065, Centro, na cidade de Cajuru, Estado de São Paulo, filho de ANTONIO DE LIMA e de dona MARTA BATISTA DA SILVA LIMA. Ela, natural de Santo André, Estado de São Paulo, nascida aos vinte (20) de julho de um mil novecentos e noventa e um (1991), profissão operadora de telemarketing, estado civil solteira, domiciliada e residente à Rua Angelo Monice, 295, Alto da Boa Vista, na cidade de Santa Rosa de Viterbo, Estado de São Paulo, filha de LUIZ CARLOS LOPES e de dona EDNA MARIA DA SIVA. Se alguém souber de algum impedimento ao casamento de algum dos contraentes acima, oponha-o na forma da lei. Eu, Gisele Calderari Cossi - Oficial.

Índios da aldeia Kamaiurá, do Parque Nacional do Xingu, programaram para o dia 5 de agosto a cerimônia fúnebre Quarup em homenagem ao médico Roberto G. Baruzzi, morto no ano passado. É esperada a presença de 1.500 índios de aldeias vizinhas. O ritual marca o fim de um ano de luto e é realizado ao longo de três dias. Antropólogos dividem o Quarup em ‘festas para os espíritos’ e ‘festas para pessoas importantes’, como as realizadas para os irmãos Cláudio e Orlando Villas Boas, responsáveis pela implantação do Parque em 1961. O Projeto Xingu de atenção à saúde dos índios começou em 1965 quando Orlando convidou um grupo de médicos da Escola Paulista de Medicina para avaliar as condições de saúde dos povos indígenas de lá. A primeira caravana médica foi coordenada pelo professor Baruzzi. De 1970 até 2005 a população indígena passou de 1.220 índios para cerca de 5.000, e continua crescendo. Baruzzi, estudante que trabalhava na Caixa Econômica Federal para pagar o curso médico da Escola Paulista de Medicina (à época particular), e que optou pela carreira acadêmica e de professor pela Unifesp, continuou a coordenar, de 1965 a 1996, o Projeto Xingu, permanecendo depois como consultor do projeto. Há alguns anos, já idoso, em visita à aldeia Kamaiurá, um dos caciques ofereceulhe um Quarup para homenageá-lo. Rápido, Baruzzi respondeu: “Não tenha pressa”. O dia chegou.


PÁGINA 12

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 13

Pesquisa de Andrea Reis facilita e barateia implante dentário Pesquisa conduzida pela professora/doutora santa-rosense, Andréa Cândido dos Reis, da Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (USP), criou um sistema que combina mini implantes e dispositivos protéticos e cirúrgicos, com que se pode superar as principais difi culdades nesta área da clínica odontológica. Especialistas de diferentes áreas testaram e aprovaram a ideia, e consideram que essa modalidade de tratamento será acessível para a maioria da população. “As vantagens dos mini implantes da FORP – disse a professora ao jornal da USP – está na eficiência dos seus dois milímetros de diâme-

tro, contra os 3,4 a cinco milímetros dos implantes convencionais e, ainda, os dois a três milímetros dos demais mini implantes hoje comercializados”. “Essas características – continua Andréa – garantem redução na quantidade de dispositivos para a instalação cirúrgica do implante, o que diminui os custos, dispensa a necessidade de enxerto ósseo (que é comum nesses procedimentos) e minimiza o trauma cirúrgico. Por ser pouco invasivo, causa meno r dano aos teci dos da boca e reduz o tempo e estresse, tanto para o profissional como para o paciente”. Como foi pensado para promover benefícios à saú-

de e acessibilidade financeira, esse novo produto responde a outra questão que preocupa cada dia mais a vida no planeta: a ambiental. “Uma vez que prioriza reduzir a utilização de metais e polímeros em todas as fases de seu processamento, também diminui a quantidade de resíduos que seriam descartados, e levariam décadas para serem degredados”, disse a pesquisadora ao site da USP. Todo o sistema mini implantes e di spositivos para cirurgia e retenção de próteses – desenvolvido no Campus da USP em Ribeirão Preto – já está patenteado. (Fonte: www.ribeirao.usp.br)

Andrea (dir.) contou com auxílio de Mariana Valente que faz doutorado

Ela sonhava “fazer coisa boa e barata”! A necessidade de enxerto ósseo, que quase todos os processos de implante dentário requerem, foi – por muito tempo – fonte de incômodo para a dentista, pesquisadora e cantora Andrea C. dos Reis. Isso fez

com que ela gastasse miríades de neurônios imaginando um jeito de reverter tal realidade. -Meu sonho era fazer uma coisa boa, gastando pouco – contou ela ao Jo rnalzão esta semana –

Daí nasceu a pesquisa que durou cerca de três anos. Andrea está há dez anos na Faculdade de Odontologia. Mas a pesquisa – que conseguiu publicar, sem correções, em revista europeia especializada

– começou em São Carlos, na área de engenhari a de materiais. - Cansei de ver enxertos convencionais não dando certo. Com o resultado da pesquisa, agora poderemos restaurar funções den-

tais sem o desconforto das dentaduras e os riscos das cirurgias invasivas dos implantes convencionais, e a um custo muito menor. A nova técnica vai permitir, ainda, fixar dentaduras, assegura a doutora.

Andrea imagina que em seis meses seus mini implantes – cuja eficiência garante ser equivalente aos convencionais que vêm sendo feitos desde 1965 – estejam à disposição de toda a população.


PÁGINA 14

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 15


PÁGINA 16

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 17


PÁGINA 18

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 19

Minas Rock leva mil ao Espaço Mogiana A 2ª edição do Circuito Cultural Sicoob Cocred trou xe à cidade o Grupo Minaz de Rock para apresentação, ant eont em, no Espaço Mogiana. compareceram cerca de 1.000 pessoas – 500 cadeiras foram ocupadas – que se encantaram com o repertório recheado de ‘Beatles’, ‘Queen’ e do musical ‘Hair’ interpretado pelas 14 vozes do

Coral Minaz e Banda. Os cantores começaram de terno preto e chapéu para interpretar os clássi cos dos Beatles, co mo ‘Yesterday’ e ‘Hey Jude’. Alguns dos cantores desceram do palco para interagir com a galera. Na sequência, colocaram camisa regata branca, panos vermelhos pelo corpo e cabeça, e um collant, para poder evo-

car as canções do ‘Queen’. A primeira foi ‘We Will Rock Yo u’, e já emendaram ‘Love of My Live’. Antes de trocar de figurino outra vez, o público ainda foi agraciado com ‘We Are The Champions’ e ‘Bohemian Rhapsody’. A troca derradeira lembrava os hippies de ‘Hair’. Finalizaram o show com ‘Crazy LittleThing Called’, do ‘Queen’.

Plateia se deslumbrou com desempenho do coral

Vestindo terno, o Minaz cantou Beatles. Foto de Romeu Antunes

- Romeu Antunes A força com que o coral da Cia. Minaz atacou ‘Sargent Peppers’, dos Beatles, na abertura do show, surpreendeu o público presente. Antes, um vídeo revelou o que é “o Circuito Cultural Sicoob Cocred, programa de incentivo à cultura que leva arte de qualidade para as cidades em que a cooperativa financeira está presente”. A cooperativa financia esse projeto do coral Minaz, de Ribeirão Preto, que foi fundado em 1990, e Santa Rosa é uma das seis cidades da região a desfrutarem desse privilégio neste ano. E mais canções dos cabeludos ingleses continuaram a emocionar a plateia postada diante de um amplo, suntuoso e bem iluminado palco que emitiu som de muita potência, apesar de alguma microfonia. Baixo, teclado, bateria e guitarra – com auxílio eventual de trombone e trompete – deram competente base às 14 vozes (sete homens e sete mulheres), especializadas em ópera, dirigidas pela maestrina Gisele Ganade. Mas a noite não era de ópera, e sim de pop. Depois dos Beatles foi a vez do legado da banda Queen, com direito a troca de roupa em cima do palco, e solos vocais imitando, à perfeição, o cantor Fred Mercury, fundador do conjunto. Mais uma troca de roupas e surgiu a tribo hippie de Hair, musical americano, do final da década 1960, criado para protestar contra a guerra do Vietnã. Gisele Ganade aproveitou um intervalo para anunciar espetáculo, com as canções dessa peça, que será levado neste mês, no teatro Minaz, em Ribeirão. Antes de tudo ela agradeceu à Prefeitura pela acolhida, apoio e sessão do espaço, e à população pelos 100 quilos de alimentos recolhidos que serão doados à Casa da Criança Local. O público presente, por certo, não esquecerá tão cedo desse espetáculo realizado em noite de magnífica lua cheia, enquanto funcionava, ao lado, a feira de produtos artesanais cujas barracas de pastel e cerveja sofreram para satisfazer as filas que se formaram em busca de seus produtos.

Com esta fantasia o coral lembrou Queen e Fred Mercury. Foto de Marcelo Zílio

Simone Guimarães canta hoje na cidade só para amigos Simone Guimarães vai cantar hoje à noite na cidade, em casa de amigos e para público restrito. Acompanhada apenas pelo seu violão, a neta do maestro Antônio Guimarães, e filha do ex-vereador Márcio (Bolão) e da professora Mariana Vagnini, apresentará músicas de sua autoria, e, “de quebra, um forrozinho pra esquentar o arraiá” segundo uma amiga. Residente em Brasília no momento, Simone é natural de Santa Rosa, e completa 51 anos em julho próximo.

As músicas de 'Hair' encerram o show. Foto de Marcelo Zílio


PÁGINA 20

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 21


PÁGINA 22

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 23

Tanatopraxia, a ciência que resgata e preserva aparência de falecidos Em 2 00 7, Marcelo Reis, viu em uma revista a oportunidade de trabalhar na funerária Rede Ideal e Caliman. Começou no administrativo e na parte funeral, atendendo a família desde a hora que ocorre o óbito até o sepultamento, se envolvendo do iní cio ao fi m, descobri ndo assim que gostava de lidar com gente. Conheceu então a Tanatopraxia, uma técnica científica de higienização e conservação temporária de cadáveres humanos desenvolvida para ser realizada em empresas funerári as preparadas para resgatar a aparência do falecido, preservando sua identidade e dignidade, além de permitir viagens e espera de parentes. "Digamos que seria uma mú mi a do s tempos modernos", resume Marcelo. Ela começou durante a Guerra Civil americana (1861-1865), onde solda-

dos falecidos durante as batalhas eram embalsamados no próprio local, em acampament os improvi sado s, para serem entregues aos seus familiares. Marcelo foi aprendendo tanato no dia a di a, mas se formo u em 2015, em Curitiba. "Tem situações horríveis e outras tristes, mas a gente aprende neutralizar as situações. Nessa área não tem meio termo ou você é bom ou sai logo, já que a responsabi lidade é bem grande. Contudo é gratificante receber um corpo em estado deplorável, tratar e devolver o aspecto normal daquela pessoa em vida." P roce sso - To do o procedimento leva por volta de 4 horas e o custo varia conforme o estado do corpo e da face. O valor inicial é por volta de mil reais. Não há restrições para o processo. "Uma pessoa falecida há quatro dias pos-

so reverter estacionar esse estágio e preparar o corpo para durar um mês sem ter nenhuma alteração, inchaço e mau chei ro. Corpo afogado por alguns dias, casos de necropsiados ou mutilados também podem ser recuperados. A restauração em casos de acidentes e reconstituição de face é feita com resinas e massas. O médico que assina esses procedimento s é o Dr. Sérgio Luiz da Rocha Fiuza da Faculdade de Ciências Médicas de MG e pode ser feito apenas com gente morta, pois o sangue é substituído por fluídos e ácidos, tudo em quantidade certa, variando dependendo o peso da pessoa e causa da morte. Supe rlotaç ão e meio ambiente - Os corpos submetidos à Tanatopraxia podem ser sepultados em Jazigos verticais, po is não geram líquidos nem gases. Além do processo de decomposição ser acelerado, caindo de três anos para um. Segundo o santa-rosense, isso poderia

gerar soluções para a superlotação dos cemitérios e ainda elimina bactérias, fungos e vírus contraídos em ambiente hospitalar aumentando a segu rança de parentes e trabalhadores do set or. Protege t ambém o meio ambiente, já que elimina microorganismos resistentes a antibiótico, além de não contaminar o solo

onde é sepultado e não deixar resíduos. Por aqui ainda é raro - De acordo com Marcelo, o prédio local da empresa não comporta a grande estrutura, pois precisa da instalação de bombas, mesas e caixas de contenção de insumo. E como Tambaú e São Simão são pertos da-

qui, a parte burocrática foi menor para instalação dos laboratóri os nessas cidades."Em Santa Rosa é bem raro, um caso ou outro que é feito procedimento aqui, pois gera custo. Em Tambaú é bem conhecido, e na maioria dos falecimentos a Família já diz: -Pode fazer aquela preparação que conserva o corpo."


PÁGINA 24

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 25


PÁGINA 26

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 27

Empresas que ganharam terrenos nos últimos anos serão fiscalizadas

Campanha de vacinação estende prazo e já atendeu mais de 4500 pessoas

Concurso Literário Chico Alencar está com inscrições abertas

Dezenas de empresas que receberam lotes da Prefeitura Municipal nos últimos anos serão fiscalizadas. A autorização partiu do prefeito Luís Fernando Gasperini e a fiscalização começa a partir da próxima semana. O objetivo da fiscalização é saber se as empresas estão cumprindo o que foi firmado em contrato na época da doação do terreno, especialmente nas áreas de geração de emprego e cumprimento das exigências de estrutura física. As empresas que não estão cumprindo o acordo firmado na época da doação serão notificadas e terão um prazo para apresentar os resultados. Ao mesmo tempo em que acontece a fiscalização, será criado também o Conselho de Desenvolvimento Local, com objetivo de atrair novos negócios para o município e preparar a construção do Distrito Industrial, com estrutura preparada para receber empresas de diversos portes. Segundo a assessoria do prefeito, existem várias pequenas e médias empresas com interesse em se instalar na cidade, algumas procedentes de outros municípios e outras da própria cidade com interesse em expandir suas instalações.

A 19ª Campanha Nacional de vacinação contra Influenza (gripe) que começou em abril já atendeu 4579 pessoas. Neste ano a campanha foi realizada em quatro etapas. A primeira se iniciou no dia 17 de abril, apenas para os trabalhadores de saúde dos hospitais. Uma semana depois, a remessa foi disponibilizada aos trabalhadores de saúde dos serviços públicos e privados e as pessoas com 60 anos ou mais de idade. A terceira etapa foi a partir de 2 de maio, e ofereceu as doses para gestantes, puérperas, crianças (6 meses e < 5anos anos de idade) e indígenas. A quarta etapa foi liberada 8 de maio para pessoas com doenças crônicas e imunodeprimidos, professores e todos os outros grupos já citados até 26 de maio. No"Dia D", 13 de maio, todos os grupos receberam a vacina e desde então, qualquer cidadão santa-rosense pode ser vacinado. Ao final das etapas definidas, a vacinação foi liberada para a população em geral. O UBS do Povo (próximo a rodoviária) foi o local mais procurado pelos santa-rosenses, com 2350 aplicações, seguidos de 1265 no Paulo Ricci (Cohab) e 964 no Paschoal Cagliari ('Nosso Teto'). Quem ainda quiser se proteger da Influenza, pode comparecer em qualquer um dos postos citados.

A 4ª edição do Concurso Literário Chico Alencar está com inscrições abertas desde o primeiro dia de junho e irá até 30 deste mês. Os participantes deverão apresentar um texto inédito, em forma de crônica ou narrativa, digitado em uma folha de papel sulfite tamanho A4. O Concurso será dividido em quatro categorias: o Categoria1: Ensino Fundamental, englobando o 4º e 5º ano. o Categoria 2: Ensino Fundamental para alunos do 6º, 7º, 8º e 9º ano. o Categoria 3: Ensino Médio. o Categoria 4: Categoria Livre para qualquer pessoa acima de 18 anos, que resida em Santa Rosa. Com o tema Santa Rosa de Viterbo "Dos tempos de Amália aos dias atuais" o participante pode escrever sobre acontecimentos, lugares, fatos, "causos" ou personalidades que marcaram a história da nossa cidade. Os textos devem ser entregues na Biblioteca Municipal e a premiação acontecerá no dia 22 de julho, às 17h, no Centro Cultural com a participação do Deputado Federal Chico Alencar.

Com estoques zerados, Hemocentro faz coleta de sangue hoje no 'Maurílio'

O Departamento de Cultura do município realizará uma Oficina de Grafite hoje com o tema: "De Olho da Rua" sob a coordenação de Carolina Teixeira. O projeto é indicado para maiores de 16 anos e será realizada no Centro Cultural, das 9h às 18h. São apenas vinte vagas e as inscrições terminaram ontem. Informações pelo telefone 3954-8865.

MENSAGEM CRISTÃ João Murari

O que é seguro? Durante a crise financeira de 2008, uma viúva perdeu um terço da sua renda após a falência do banco em que confiava. Um famoso jornal americano citou a sua resposta chorosa como exemplo dos sofrimentos de muitas pessoas que enfrentavam situação semelhante: "Você pensa, isso não pode estar acontecendo. O que ainda é seguro?" As tragédias e os tempos difíceis sempre abalam o nosso pensamento. Nossos melhores planos e esperanças podem ser destruídos por acontecimentos além do nosso controle. Somos lembrados de que há somente uma única fonte de segurança verdadeira no mundo em transformação. Com nova perspectiva, refletimos sobre as palavras de Paulo: "Exorta aos ricos do presente século que não sejam orgulhosos, nem depositem a sua esperança na instabilidade da riqueza, mas em Deus, que tudo nos proporciona ricamente para nosso aprazimento; que pratiquem o bem, sejam ricos de boas obras, generosos em dar e pronto a repartir; que acumulem para si mesmos tesouros, sólido fundamento para o futuro, a fim de se apoderarem da verdadeira vida" (1 Timóteo 6:17-19). Quando nossos recursos diminuem, podemos enriquecer em boas obras, em generosidade e ao repartir com os outros. Se a estabilidade financeira retornar, não precisaremos nos apegar tanto ao que recebemos, confiando unicamente em Deus. Estamos seguros somente nele. Em tempos de incertezas, nossa segurança está unicamente em Deus.

O Hemocentro de Ribeirão Preto estará hoje na escola Maurílio de Oliveira, Rua Éfren Testa, 39 para realizar a segunda campanha de doação de sangue do ano, das 7h ao meio dia. A página no facebook do Hemocentro de Ribeirão Preto publicou na segunda-feira (5) que não existe mais nenhuma bolsa de sangue do tipo O- no estoque que atende 128 hospitais da região. Os outros dois tipos, com estoques críticos são A+, com seis bolsas de sangue, e O- com quatro bolsas. Quem for doador, ou queira se tornar e não poderá comparecer no Maurílio, podem fazer doações em Ribeirão Preto, no Hemocentro-campus da USP, e na Rua Quintino Bocaiúva, 470. O hemocentro disponibiliza informações de seu estoque de sangue no site. Nele deve - se clicar no campo "canal do doador" e " estoque de sangue". As informações são atuali zadas diariamente.Caso queira mais informações ligue 0800 9796049. Sobre a doação - O interessado em doar precisa ter entre 18 e 69 anos (menores de idade, acompanhados do responsável legal para autorizar) munido de documento oficial com foto, como RG, CNH ou Carteira Profissional, estar saudável e descansado, ou seja, ter dormido pelo menos seis das últimas 24h, não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12h anteriores à doação, pesar mais de 50 kg, não ir em jejum e evitar alimentos gordurosos nas três horas que antecedem a coleta.

Oficina de Grafite

Amanhã tem espetáculo teatral gratuito O espetáculo teatral Romeu e Julieta da Cia Talagadá - Teatro de Formas Animadas com circulação promovida pelo Circuito Cultural Paulista e pelo PROAC do Governo do Estado de São Paulo será apresentado no domingo será apresentado amanhã, às 19h, no anfiteatro da Praça das Bandeiras, com entrada gratuita. Em meio ao lixo, tralhas e tudo mais que é descartado pela sociedade, cinco moradores de rua tentam subverter essa situação por meio do universo lúdico, no qual, suas figuras grotescas utilizam de objetos, instalações, assemblagens, música e performance para recontar, a seu modo, o clássico Romeu e Julieta de William Shakespeare. Não só o amor impossível de seus famosos personagens, mas de todos e quaisquer amantes, os quais tiveram de enfrentar tanto a intolerância de suas famílias quanto o olhar de uma sociedade ainda calcada em valores obsoletos, de intolerância, hipocrisia, mediocridade e preconceito, cujos atos culminam num final trágico, no qual a arte, por sua vez, vinga-se e o transforma em uma bela, doce e lúdica metáfora da busca pelo amor, liberdade, respeito e tolerância por que podem ser uma grande surpresa.


PÁGINA 28

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

Câmara Municipal de Santa Rosa de Viterbo Ata da Décima Sétima Sessão Ordinária do ano de dois mil e dezessete, realizada aos vinte e nove dias do mês de maio. Ata da Décima Sexta Sessão Ordinária do ano de dois mil e dezessete, realizada aos vinte e dois dias do mês de maio. Deliberação: Aprovada por unanimidade dos Vereadores presentes. Indicação n. 169/17, de autoria do Vereador Mário Marco Barbosa Titarelli (Marinho Titarelli), que solicita tapa buracos ao longo da Rua João Nava. Deliberação: Encaminhada ao Executivo. Indicação n. 170/17, de autoria do Vereador Mário Marco Barbosa Titarelli (Marinho Titarelli), que sugere tapa buracos ou recapeamento na Rua São Sebastião. Deliberação: Encaminhada ao Executivo. Indicação n. 171/17, de autoria do Vereador Mário Marco Barbosa Titarelli (Marinho Titarelli), que solicita readequar e realizar a manutenção da piscina municipal no Ginásio de Esportes "Américo Portugal Gouvêa". Deliberação: Encaminhada ao Executivo. Indicação n. 172/17, de autoria do Vereador Renato França de Oliveira (Renato da Borracharia), que solicita poda de árvores situada na Rua Santa Catarina, esquina com a Avenida Presidente Vargas. Deliberação: Encaminhada ao Executivo. Indicação n. 173/17, de autoria do Vereador Renato França de Oliveira (Renato da Borracharia), que solicita redutores de velocidade na Avenida Joaquina Custódia Ribeiro. Deliberação: Encaminhada ao Executivo. Indicação n. 174/17, de autoria do Vereador Renato França de Oliveira (Renato da Borracharia), que solicita construção de campo de malha no final da Rua Osmar Idalino, esquina com a Rua Ângelo Sordi. Deliberação: Encaminhada ao Executivo. Indicação n. 175/17, de autoria do Vereador Renato França de Oliveira (Renato da Borracharia), que solicita construção de banheiros na quadra de esportes "João Carlos Pozzatto". Deliberação: Encaminhada ao Executivo. Indicação n. 176/17, de autoria do Vereador Laércio Costa Arruda (Laércio Arruda), que solicita encaminhamento de Projeto de Lei Complementar dispondo sobre regulamentação de construção, linha de curvatura e chanfro de prédio no perímetro urbano do município. Deliberação: Encaminhada ao Executivo. Projeto de Lei n. 18/17, de vinte de abril de 2017, de autoria do Executivo Municipal, que "Revoga a Lei Municipal nº 2122/96, de 05/11/ 19966, que autorizou o Executivo Municipal a fazer concessão de uso à associação dos aposentados e pensionistas de Santa Rosa de Viterbo, de uma área da municipalidade que especifica". Deliberação: Aprovado por unanimidade dos Vereadores presentes. Projeto de Resolução 01/17, de 12 de maio de 2016, de autoria da Mesa Diretora, que "Dispõe sobre a criação da Comissão Permanente de Assuntos da Região Metropolitana e dá outras providências". Deliberação: Aprovado por unanimidade dos Vereadores presentes.


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

Homem que roubou grávida na ciclovia dos Ypês é detido Um homem foi detido pela PM após roubar duas mulheres, sendo uma delas grávida, na última segundafeira (5), por volta das 16h. Segundo a ocorrência policial, o crime ocorreu no domingo. As mulheres estavam transitando pela ciclovia quando foram surpreendidas por um indivíduo armado exigindo celular, que após o roubo, conseguiu fugir. Em menos de 24h, a polícia encontrou o suspeito. Ele levou a equipe até onde estava à arma que era uma réplica e na casa dele foram encontradas apreendidas as vestes que usou no dia anterior, uma porção de maconha e vários celulares, todos de origem duvidosa. Ele foi levado para a delegacia onde um inquérito policial foi instaurado.

Traficante é preso no Nova Roma Um traficante foi preso na última segunda-feira (5), por volta das 18h, no Nova Roma. Consta no B.O, que a polícia estava fazendo patrulhamento pelo bairro quando foi avistado um jovem que teria contra ele um mandado de prisão. Como ele já havia fugido da outra busca, foi chamado reforço. O rapaz foi abordado em frente a sua casa, mas entrou correndo pelos fundos e pulou vários muros de vizinhos. Ele foi levado para fazer Corpo de Delito, onde foi constatada apenas uma lesão leve no joelho direito. O jovem foi levado para o delegado e teve a voz de prisão ratificada.

PÁGINA 29

Leis de trânsitos também devem ser respeitadas por ciclistas Assim como qualquer condutor de veículos que transita pelas vias de uma cidade, os ciclistas também devem respeitar todas as leis de trânsito como semáforo, sinalização e tráfego na mão de direção correta. O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) classifica a bicicleta como veículo de propulsão humana e ainda rege uma legislação específica. A circulação dos ciclistas deve ser feitas em ciclovias, ciclofaixas e na falta delas, no acostamento. Se o condutor da bicicleta quiser andar na calçada, deve descer dela e a empurrar. Caso haja descumprimento da lei, o ciclista pode ser multado. Não pode andar de bike em rodovias, salvo caso tenha acostamento e vias de trânsito rápido. Existem algumas infrações que poucos conhecem. Não é permitido levar um passageiro fora da garupa ou assento destinado, transitar sem segurar o guidão com as duas mãos, exceto no caso de sinalizar manobra, fazer malabarismo e equilibrar-se em apenas uma roda. O CTB também garante direitos para os ciclistas. Entre eles a preferência sobre veículos maiores. O motorista não pode "fechar", tirar "fina", ameaçar atropelar, colar na traseira ou apertá-lo contra a calçada.

DE OLHO NA CIDADE

Haxixe, maconha e cocaína são apreendidas em operação de trânsito Um homem foi detido com drogas na última terçafeira (6), por volta das 22h, no Jardim do Sol Nascente. De acordo com o boletim de ocorrência, uma equipe policial estava fazendo uma operação de trânsito quando parou um carro para abordagem. Havia um casal dentro, o homem já havia sido preso por tráfico de drogas e tentou esconder entorpecentes na bolsa da namorada. Ao revistar o objeto foram encontrados porções de haxixe, cocaína, maconha e um celular sem o número de identificação. Ele confessou que na casa dele ainda havia mais maconha, que também foi apreendida. O homem foi encaminhado para a delegacia.

O garoto Jorge, de 15 anos, chamou a atenção, quinta feira, na avenida Joaquina e no Dom Bosco, montado em um enorme e manso touro.


FALA NOSSO TETO

PÁGINA 30

"Vaquinha" para construção de campo de malha Um grupo de amigos que se denominam "Amigos dos amigos do bairro", está se mobilizando para construir um local para brincar o jogo da malha, ou "maia", no dito popular. O ponto escolhido por eles fica na praça João V. Iacovelo, localizada na esquina das ruas Dr. Bernardo Ataíde Passos, com a Ângelo Sordi. Para tal, disseram ter conseguido o aval do prefeito- desde que nenhuma árvore fosse cortada- disse Antônio Flaviano Silva, um dos integrantes do consórcio de amigos, Ainda segundo ele, assim que estiverem de posse da autorização por escrito, eles iniciarão a construção em regime de mutirão. -Estamos fazendo uma "vaquinha" para a compra do material. Para finalizar, Antônio Flaviano, ou "cavalo verde" como é conhecido o ex-presidente da Associação dos Moradores, pede para quem quiser participar do grupo procurá-lo. Cel (16) 99242-7301

Serginho Gomes

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

Paralização na construção da Mini Rodoviária gera críticas

Lombada na "Joaquina"

Ainda não chegou ou partiu qualquer ônibus da mini Rodoviária da praça Zuleika de Melo Moura Balbão, e a temperatura na plataforma de embarque e desembarque, esquentou. A obra ainda não foi concluída, e, apesar do prazo contratual não ter expirado (termina em 20/06/2017), alguns moradores estão reclamando da paralização da construção, conforme mostramos na edição anterior. -A construtora parou o serviço e alguns indivíduos estão destruindo o que foi feito, disse um morador. A Prefeitura divulgou esta semana, a seguinte nota sobre o caso: As obras da rodoviária do Nosso Teto estão sendo realizadas com recurso do Ministério do Turismo. Por conta da situação instável de alguns Ministérios, em Brasília, muitos repasses não estão sendo feitos aos fornecedores, como é o caso da construção da rodoviária do bairro. A prefeitura está em contato com o Ministério solicitando agilidade no repasse dos valores pendentes, para, com isso, concluir a obra o quanto antes. A empresa que está construindo a obra esclareceu também que a obra está parada por falta dos repasses (leia na seção de cartas à redação)

A alta velocidade empreendida por alguns condutores de veículos na avenida Joaquina Custódia Ribeiro, pode estar com os dias contados. Quem afirma é Antônio Flaviano Silva. Flaviano é um dos integrantes de um grupo criado com o objetivo de promover melhorias nos bairros, Nosso Teto e Montorão. -Nosso objetivo é ajudar os moradores desses bairros. Não temos fins políticos ou financeiros. Segundo ele, o grupo pediu e foi atendido por vereadores interessados em apoiá-los. -Fizemos um pedido de lombadas para a "Joaquina" e disseram que irão fazer, diz, Antônio.

Corpus Christi: Paroquianos construirão tapete nas ruas Paroquianos da Igreja de São Judas Tadeu estão se mobilizando para construírem, nas ruas do bairro, o tradicional tapete para a Procissão de Corpus Christi. Segundo informações, às 05h da próxima quinta feira, 15- Dia de Corpus Christi- haverá um café comunitário na Paróquia para dar início aos trabalhos. O tapete deve se estender da porta da Igreja, localizada na rua José Gentil, até a praça Zuleika de Melo Moura Balbão, onde será realizada missa às 16h, no Anfiteatro da praça. Logo após, a Procissão seguirá rumo à Igreja de São Judas Tadeu.


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 31


PÁGINA 32

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 33


PÁGINA 34

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

SOCIAIS DO ÉDI CARLOS

PÁGINA 35


PÁGINA 36

SOCIAIS DO ÉDI CARLOS

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

SOCIAIS DO ÉDI CARLOS

PÁGINA 37


PÁGINA 38

SOCIAIS DO ÉDI CARLOS

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017


O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

PÁGINA 39


PÁGINA 40

O JORN ALZÃO - E D . 1.103 - 10/06/2017

O Jornalzão, edição 1103  
O Jornalzão, edição 1103  

Jornal semanal de Santa Rosa de Viterbo

Advertisement