Page 1

®

Diretor: André Nagib Moussa (Mtb 34286) - Santa Rosa de Viterbo, 04/06/2016 - Ano 22 - N.º 1.050 - Semanal - Fone/Fax 3954 3289

R$ 3,00

Juiz decreta indisponibilidade de bens de servidora municipal Jurídico do Município entrou com Ação. Ela é acusada de dar golpes em cobrança de IPTU

Primavera recebe a Susa que promete MC Gui O trânsito local é complicado? - A cada semana aparece uma mudança inusitada. Listamos algumas destas mudanças e consultamos o comandante da Polícia Militar, sargento Adão, para opinar.

TRT ainda não decidiu sobre greve dos municipais

Depois de 48 Ladrão que usou Nhumirim sofreu anos, Zé Vicente facão para com quedas de pode ficar fora roubar dinheiro energia nesta das eleições e joias é preso semana

Banda Sinfônica toca hoje na Praça da Matriz

Concerto começa às 20h30

Chiaperini fecha mandato com quatro contas aprovadas

As atrações confirmadas para o 'Bar da SUSA' são Eva Luna, Invasores do Sertão, Grupo Lapidar, Junior e Lucas, Red Halls, O Clã e o MC Gui

Santa-rosense vence etapa regional do Miss Teen Universe

Usineiro Marcelo Cury será julgado em agosto

Cidade deve permanecer no “Caminho da Fé” Vacinação contra gripe ultrapassou meta


PÁGINA 2

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

CARTAS À REDAÇÃO

EDITORIAL Quem é o responsável? - No meio jurídico o comentário foi o despacho do Juiz sobre a ação do município contra a COAF. O que percebemos é que os setores de almoxarifado, licitação, compras e fazenda da prefeitura deixam a desejar. A mercadoria foi dada como recebida, foi paga, mas não foi entregue. A cotação chegou pronta e os setores aceitaram. Três empresas arranjadas dominaram o certame sem que uma colocasse preço na mercadoria da outra. Ou seja, bagunçado, parecendo arranjado, sem nenhum questionamento dos responsáveis públicos. A cidade está de olho no departamento jurídico do município que tem a missão de indicar os agentes responsáveis públicos pelo ato ilegal que resultou mais de 50 mil reais de prejuízo aos cofres públicos. Será que o prefeito será lembrado? Caminho da Fé - A cidade permanecererá no Caminho da Fé. Depois de matéria publicada no Jornalzão, o organizador da Caminhada da Fé procurou o prefeito e parece que encontraram um ‘caminho’ para colocar os atrasados em dia e manter a cidade no trajeto. Parabéns aos dois. Trânsito - Boa a matéria sobre o trânsito, com opinião do sargento Adão. São quase 16 mil veículos circulando na cidade e do jeito que está fica difícil. Tomara que depois disso, haja mudanças. Contratações - Três grandes empresas da cidade fecharam o mês de maio com contratações, uma retomou a produção, apesar de que em menor escala e uma grande cooperativa vai investir na cidade, além da abertura de uma loja de R$ 1 real que deve render empregos diretos e indiretos. Foi um bom maio, levando em consideração o pessimismo dos quatro primeiros meses do ano. Opinião - Nem dentro da casa da gente encontramos pessoas com as mesmas opiniões, imagina em uma cidade. Opinião deve sim ser dada, por todos, seja no jornal, facebook, nas ruas, onde for. O cidadão tem direito a opinar e ter a sua opinião respeitada. O Jornalzão sempre tem a sua e respeita todas as opiniões alheias. É bom quando assuntos levantados aqui no jornal geram debates. E quanto mais opiniões, melhor o debate. Viva a democracia e viva a liberdade de expressão.

EXPEDIENTE O JORNALZÃO é uma publicação da editora André Nagib Moussa ME - Redação: rua José Garcia Duarte, 182 - Centro - Santa Rosa de Viterbo-SP - CEP 14.270-000 Fone/fax: (16) 3954 3289 Usuário Papel Imune: UP-08109/014 - Diretor de Redação: André Moussa Free lancer - Gabriel Caldas e Romeu Antunes Contato Comercial: Joana Dobras Tiragem: 2.000 exemplares - Circulação: Santa Rosa de Viterbo Periodicidade: Semanal - R$ 3,00 por exemplar - E-mail:ojornalzao@ojornalzao.com Impressão: Grafisc, São Carlos. “Artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião do jornal.” O Jornalzão se reserva o direito de resumir cartas que considerar inadequadas ao espaço disponível. O JORNALZÃO É AFILIADO À ABRARJ

Tendencioso e corporativo Estimado amigo Andrezão, carinhosamente sempre te chamei assim, e assim acredito que posso continuar. Fiquei estarrecido quando li em seu editorial do semanário passado vossa opinião com relação

ao acontecido em nosso querido "Clube de Campo", tendo seu s audoso pai como um dos idealizadores realizando naquela época o sonho de todos os munícipes de Santa Rosa. Ressalto que o show do Pixote não

é bom é ótimo. Mas vamos aos fatos; Não consigo imaginar que durante toda aquela noite não tenha presente no recinto nenhum Diretor do Clube, Você é Diretor lá? Embora as dependências estavam alugadas a terceiros, teria que ter alguém da diretoria presente até o final do evento, Nota do Primavera Country Club para acompanhar o que estava acontecendo no loSobre os acontecimentos ocorridos no Show Artís- cal, sim, pois tamanho detico do Grupo Pixote, realizado no ultimo dia 21/05 nas sequilíbrio e despreparo dos dependências do Clube, informamos que ainda estamos pseudos seguranças, bêbaapurando a responsabilidades dos envolvidos em fatos dos, drogados, alguns até que desabonam a grandeza do evento. Até o momento, sem camisa, insultando foi constatado que alguns membros da equipe de segu- para brigas famílias que lá rança estavam sim ''totalmente anormais'' e desqualifi- estavam afim de se divercados para atuarem como segurança e que após uma tir, as brigas, Senhor Direprimeira discussão e troca de insultos e empurrões com tor, fora provocada por espessoas presentes, estes foram colocados para fora do sas pessoas, se é que posrecinto por seus parceiros e pelos organizadores da fes- so tratá-los de pessoas. ta, isso antes do show com os artistas principais, e ao Pois bem, no final da noite restante do evento algumas brigas e discussões pontuais. o pior aconteceu, um grupo Após o encerramento do Show do Grupo Pixote, por perto de garotas e garotos, crimide cinco horas da manha uma briga de maior proporção nosamente, aguardaram a veio a acontecer e gerar grande desconforto ao Clube e saída de minha família do aos Organizadores. O Clube e as partes envolvidas estão recinto, e em grupo de sete de porte das imagens, as quais foram encaminhadas a ou oito meninas, em um arPolicia para o correto esclarecimento e apuração do ocor- rastão atacaram. Pisotearido e seus responsáveis, e após esta conclusão tomare- ram minha filha no chão, mos as medidas cabíveis para que vândalos não partici- covardemente, e roubaram pem mais de eventos em nossas dependências. Ainda suas joias, o mesmo aconnão conseguimos apurar o real motivo deste episódio, nem teceu com meu genro sia identificação de todos os envolvidos, muita informação multaneamente, considero desencontrada e até deturpada, por isso nosso silêncio esta atitude uma covardia momentâneo. A atual Diretoria do Clube tem lutado mui- de bando de criminosos e to para que, manchas de um passado escuro de nossa criminosas. Neste momenhistória não voltem a se repetir. Entendemos que o Clube to que escrevo, minha filha deve ser um local onde possamos deixar nossos filhos e esta em tratamento médiseus amigos em segurança, algo não encontrado nas ruas co, pois se encontrava em hoje. Abominamos o fato de pessoas saírem no intuito de recuperação cirúrgica, só brigar e atrapalhar a diversão alheia e não saberem se foi lá, porque imaginávamos comportar em público e colocar em risco a integridade que seria um local de famide pessoas de bem que procuram por locais seguros para liares e seguro. Isto Sr. Dipoderem se divertir. Reiteramos que este caso não esta retor, as vistas da seguranpassando despercebido por nossa parte e que estamos ça do Clube ou da integricolhendo informações para atribuir as responsabilidades dade do dinheiro do caixa e dos participantes, dos organizadores e também da parte pior, após o vandalismo, o do Clube. No momento nos cabe aguardar a conclusão Clube sequer ofereceu soda Justiça dos Homens, sabendo que a Justiça Divina corro as vitimas, não fosse a ajuda do Preto do Buffet sabe de tudo e tudo cobrará no seu devido tempo. Marcelo Benjamin Sordi - e sua esposa, a quem agraPresidente do Primavera Country Club deço imensamente, neste

Evento Pixote

momento , minha filha estaria morta nas dependências do Clube de Campo. Assim com foi com o Bueno, lembra? André, peça aos seus jornalistas para que antes de se manifestarem em editorial, para que procurem a veracidade dos fatos, verifique as gravações das câmeras de segurança do Clube que vocês verão que o ocorrido no Clube, não foi briga de dois, mais sim um arrastão , planejado a noite toda, por pessoas covardes, vagabundas e criminosas, repito. A policia vai apurar e os culpados irão responder pelo crime que praticaram, inclusive o Clube. Caso seus jornalistas não queiram ter o trabalho de ir lá, eu tenho as gravações. Já identificamos todos, homens e mulheres, inclusive os encapuçados que lá estavam, olha o absurdo. Senão daqui a pouco seu semanário "O Jornalzão" será considerado tendencioso e corporativo, ai sim, infelizmente será tudo conversa fiada. Saudades do Victor Cervi. Clodoaldo do Carmo Campos, Pai da Marília e sogro do Alex

Nota da redação: O "Andrezão", prezado Clodoaldo, não é Diretor do Primavera Country Club, mas membro do Conselho Deliberativo do Clube e assim como o senhor, aguarda a manifestação da Polícia para cobrar da Diretoria quais as providências que serão tomadas. A opinião dada em nosso editorial é a nossa opinião pontual e, democraticamente, o senhor tem todo direito de discordar.


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 3

Juiz decreta indisponibilidade de bens de servidora municipal Jurídico do Município entrou com Ação. Ela é acusada de dar golpes em cobrança de IPTU A servidora pública municipal L.A.R.B teve sua indisponibilidade de bens decretada pelo Juiz Alexandre Cesar Ribeiro esta semana. A servidora é acusada de dar golpes de mais de 20 mil reais em cobranças de IPTU. Segundo as denúncias, ela recebia em dinheiro e não dava baixa no valor devido do contribuinte. Estima-se que o total arrecadado irregularmente pela servidora chegue a 23 mil reais. A Ação na justiça foi proposta pelo advogado da prefeitura, Fernando Henrique Vieira Garcia, cujo valor é de pouco mais de 12 mil reais - incluídos os contribuintes que prestaram queixa à polícia.

Diz um trecho do despacho do Juiz: "Diante do valor do prejuízo ao e rário públic o (R$ 12.331,06) e da evidência de recebimentos indevidos e fraudulentos, reiteradamente, por parte da ré em nome da pessoa jurídica autora (da qual a ré é empregada pública), tendo em vista que, mesmo sem ter autorização para receber valores em nome da Prefeitura local, a requerida teria solicitado de vários munícipes valores destinados a pagamento de tributos vencidos, tendo a requerida se apropriado desses valores e ainda falsificado carimbo da prefeitura e firmado recibos tributários (mesmo sem ter competência para

CARTA À REDAÇÃO Concurso público municipal Boa Tarde, primeiramente gostaria de parabenizar este conceituado jornal. Gostaria de saber se existe alguma informação a respeito do concurso na prefeitura de Santa Rosa. Cheguei a ligar para o RH e me informaram que o edital sairia na próxima semana, mas até agora não saiu nada e isto já faz algumas semanas. Desde já agradeço a atenção. Maria Cecília Nascimento Nota da redação: O Jornalzão entrou em contato com a assessoria de comunicação da prefeitura. O concurso será realizado, mas ainda não tem uma data definida. O prefeito assinou um TAC - Termo de Ajustamento de Conduta com o Ministério Público e tem que fazer este concurso até o final deste ano.

tanto), e considerando o entendimento sedimentado no Superior Tribunal de Justiça quanto à necessidade da decretação da indisponibilidade de bens no caso de indícios suficientes da prática de ato de improbidade administrativa, independentemente da existência (ou inexistência) de prática de dilapidação patrimonial pelo réu (REsp 1366721/BA, Rel. Minis tro NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO, Rel. p/ Acórdão Ministro OG FERNANDES, 1ª Seção, J. 26/02/ 2014, DJe 19/09/2014); DEFIRO a indisponibilidade de bens da requerida." O advogado Fernando Henrique Vieira Garcia diz ainda que "se alguém que foi lesado não procurou a polícia que o faça, para ingressa r também nesta ação para reaver o dinheiro recebido ilegalmente pela servidora".

O caso - A servidora municipal concursada L.A. R.B. , c obra va o IPTU dos munícipes e se apoderava do dinheiro. Foram 14 pessoas que caíram no suposto golpe, em fevereiro deste ano, que foi descoberto depois que um comerciante da cidade desconfiou e pediu uma microfilmagem do cheque usado para pagar IPTU e descobriu que o mesmo foi parar na conta corrente da servidora. Ele denunciou o caso à polícia e à prefeitura, que afastou a servidora e abriu sindicância e processo administrativo para a demissão da servidora por justa causa. Segundo o advogado do município, Fernando Henrique Vieira Garcia, depois do primeiro caso divulgado, mais treze pessoas procuraram a prefeitura para relatar que também fora m e nga na da s pela servidora. Casos oficiais, com registro de bo-

letim de ocorrência foram nove, que perfazem um total de quase 13 mil reais desviados. Outros quatro munícipes preferiram procurar a servidora antes de ir à polícia, para tentar recuperar o dinheiro. Estes outros casos chegam a quase cinco mil reais. A soma do golpe é de aproximadamente 20 mil reais.

2015, através de concurso público, aplicava os golpes da mesma maneira. "Ela calculava o valor e ia a casa ou estabelecimento da pessoa para receber. Teve caso dela receber na frente da prefeitura", disse. A servidora recebia os impostos em dinheiro ou cheques e depositava em sua conta corrente, e não dava baixa no Segundo o advogado débito do munícipe porque Fernando Henrique, a ser- o sistema não permite. A vidora, que entrou para o prefeitura abriu sindicânserviço público municipal cia e acionou a servidora no segundo semestre de na justiça.


PÁGINA 4

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 5


PÁGINA 6

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

VERSO E PROSA

COLUNA GOSPEL

CHICO XAVIER

por Evandro Junior

por Rogério Moscardini

Grupo Espírita “Bezerra de Menezes”

Caso IPTU ficando mais complicado Servidora na Mira da Justiça tem seus bens bloqueados

O testemunho de amigos

Cruz e disciplina

David Halberstam, vencedor do Prêmio Pulitzer, morreu num acidente de trênsito 5 meses antes da publicação de seu livro: um marco sobre a guerra norte-americana na Coréia. Nos dias que se seguiram ao falecimento desse autor, seus companheiros escritores e colegas se voluntariaram para realizar um tour nacional expondo o livro em seu favor. Durante cada compromisso, eles honravam Halberstam lendo parte do seu novo livro, e relembrando as memórias pessoais que tinham do seu amigo. Quando é necessário transmitir a essência e a importância de uma pessoa, não há ninguém melhor do que um amigo. Após a ressurreição e a ascensão de Jesus Cristo, os seus seguidores começaram a contar aos outros sobre a singular pessoa que haviam conhecido. E "a vida se manifestou, e nós a temos visto, e dela damos testemunho, e vo-la anunciamos, a vida eterna, a qual estava com o Pai e nos foi manifestada" (1 João 1:2). O objetivo deles era que outros pudessem vir a conhecer Deus o Pai, e a Cristo, Seu Filho (v.3). Às vezes, podemos sentir que testemunhar aos outros sobre a nossa fé em Cristo é uma tarefa amedrontadora ou um pesado dever. Mas falar sobre um Amigo cuja presença e influência transformaram nossa vida nos ajuda a vê-lo sob novas perspectivas. O evangelho de Cristo é sempre apresentado de forma mais poderosa por meio do testemunho de Seus amigos. Quanto mais você amar a Jesus, mais você falará sobre Ele.

"E constrangeram um certo Simão Cireneu, pai de Alexandre e de Rufo, que por ali passavam, vindo do campo, a que levasse a cruz." (Marcos, 15:21.)

Sobre a Greve o TRT ainda não tem uma decisão Zé Vicente após 48 anos pode ficar fora de uma eleição O que será que aconteceu com o famoso lobo O Chefe de Gabinete não quer entrar mais no jogo? Vacinação da Gripe Ultrapassou a Meta Conscientização é tudo e a população anda esperta 19 anos passou desde aquele delito Uma história marcante que deixou o povo aflito O crime envolvendo o Usineiro depois de tanto tempo Volta a tona no Tribunal Marcelo Cury vai a julgamento PM Prende homem que assaltou a mulher com facão Devemos permanecer no caminho da Fé e graças ao Jornalzão Chiaperini fecha mandato com 4 contas aprovadas TCE analisou e na câmara foram votadas Banda sinfônica toca hoje Orgulho da nossa cidade Perfeita sintonia que nos traz felicidade O que não tem agradado muito é o trânsito local Cada vez uma novidade Uma bagunça total Quando ando pelas ruas sabe como eu me sinto? Um motorista sem rumo dentro de um labirinto A que subia agora desce A que descia agora sobe Aonde isso vai parar? Será que alguém descobre? Vamos dar jeito nisso? E aí como é que é? Santa Rosa cresceu muito Não dá mais pra andar a pé...

Muitos estudiosos do Cristianismo combatem as recordações da cruz, alegando que as reminiscências do Calvário constituem indébita cultura do sofrimento. Asseveram negativa a lembrança do Mestre, nas horas da crucificação, entre malfeitores vulgares. Somos, porém, daqueles que preferem encarar todos os dias do Cristo por gloriosas jornadas e todos os seus minutos por divinas parcelas de seu ministério sagrado, ante as necessidades da alma humana. Cada hora da presença dele, entre as criaturas, reveste-se de beleza particular e o instante afrontoso está repleto de majestade simbólica. Vários discípulos tecem comentários extensos, em derredor da cruz do Senhor, e costumam examinar com particularidades teóricas os madeiros imaginários que trazem consigo. Entretanto, somente haverá tomado a cruz de redenção que lhe compete, aquele que já alcançou o poder de negar-se a si mesmo, de modo a seguir nos passos do Divino Mestre. Muita gente confunde disciplina com iluminação espiritual. Apenas depois de havermos concordado com o jugo suave de Jesus-Cristo, podemos alçar aos ombros a cruz que nos dotará de asas espirituais para a vida eterna. Contra os argumentos, quase sempre ociosos, dos que ainda não compreenderam a sublimidade da cruz, vejamos o exemplo do Cireneu, nos momentos culminantes do Salvador. A cruz do Cristo foi a mais bela do mundo, no entanto, o homem que o ajuda não o faz por vontade própria, e, sim, atendendo a requisição irresistível. E, ainda hoje, a maioria dos homens aceita as obrigações inerentes ao próprio dever, porque a isso é constrangida. Emmanuel Página extraída do livro "Pão Nosso" - Psicografia de Chico Xavier.


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 7


PÁGINA 8

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

DE OLHO NA CIDADE

Município deve permanecer no “Caminho da Fé” Uma reunião ontem entre prefeito e representante da "Caminhada da Fé", evento que acontece anualmente em novembro, deve resultar em acordo para que a cidade permaneça no trajeto do Caminho da Fé, que vai de Tambaú a Aparecida. A prefeitura deve algo em torno de 12 mil reais - cerca de 3 anos de mensalidade e deve fazer uma proposta de parcelamento aos organizadores do Caminho. A mensalidade, de cerca de 400 reais, serve para manter o Caminho sinalizado e eventualmente fazer reparos em alguns trechos. O organizador da Caminhada da Fé, Gilberto Rangon, explica que Caminhada e Caminho são coisas diferentes. "Caminho da Fé é o trecho que vai de Tambaú a Aparecida e Caminhada da Fé é o evento que fazemos todos os anos e que reúne cerca de 400 peregrinos", disse. Rangon afirmou que um parcelamento deve ser proposto para que a cidade não saia do roteiro. "Sempre vemos gente de todos os lugares do mundo se hospedando, gastando na cidade em restaurantes e lojas por causa do Caminho da Fé. Não podemos perder isso", disse. Gilberto lembra uma reportagem do Jornalzão, onde um repórter inglês, da BBC, passou pela cidade. "Se cinco pessoas ficarem hospedados um dia por mês na cidade já vale o investimento público", finalizou.

PÁGINA 9

Chiaperini fecha mandato com quatro contas aprovadas Último prefeito que teve todas as contas do mandato aprovadas foi Nagib Moussa O ex-prefeito Tadeu Chiaperini fechou, esta semana, seus quatro anos de mandato sem ter contas rejeitadas pelo TC Tribunal de Contas - e pela Câmara. Na última segunda feira , a Câma ra acompanhou o parecer do TC e aprovou, por unani-

midade, as contas do exprefeito referente ao seu último ano de mandato, 2012. Com isso, o ex-prefeito teve aprovação das contas dos quatro anos de seu mandado, e repete feito de Nagib Moussa, prefeito de 1983 a 1988 - 6 anos, que teve todas as

contas do seu mandato aprovadas. Da década de 1980 pra cá, com prefeitos eleitos, só Nagib e Chiaperini fecharam seus mandatos sem ter contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas. O recordista de rejeição é Nando Gasperini, que teve parecer des-

favorável do Tribunal de Contas em 2004, 2005, 2006, 2007 e 2008. O atual prefeito Cassinho teve apenas o julgamento das contas de seu primeiro e segundo ano de mandato, 2013 e 2014, que foram aprovadas pelo Tribunal de Contas.

TRT ainda não decidiu sobre greve dos municipais Apes ar de te r anunciado, em audiência, um prazo - vencido último dia 18 de maio para decidir sobre a legalidade da greve de funcionários municipais, o Tribunal Regional do Trabalho ainda

não se manifestou. O prefeito Cassinho não aceitou a pauta de reivindicações feita pelo sindicato da categoria, e parte dos municipais ficaram em greve entre os dias 7 e 20 de abril. Dentre as reinvindicações, pouco mais de 11% de re-

ajuste salarial, reajuste no ticket alimentação e melhoria na cesta básica. A prefeitura só aceitou reajustar os salários em 2,5%. O TRT entrou na mediação do impasse. - Embora te nha anunciado o prazo de 40

dias para dizer se a greve foi legal ou ilegal, o TRT não tem obrigação de cumpri-lo. Ele pode decidir a qualquer momento ou mesmo depois de terminado o atual mandato - avaliou um assessor do prefeito.


PÁGINA 10

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

DE OLHO NA CIDADE

Vacinação contra gripe ultrapassou meta

Campanha foi extendida por 10 dias A Diretoria Municipal de Saúde informa que o número de pessoas vacinadas contra os vírus Influenza, H1N1 e H3N5 no município, até o último dia 30, foi de 5.584 pessoas, maior que a previsão de 5.505. Segundo a assessoria de comunicação da prefeitura, foram vacinadas 1.440 pessoas na UBS 'Paschoal Cagliari', 1.494 na 'Paulo Ricci e 2.650 na 'do Povo de Santa Rosa de Viterbo'. Assim como no ano passado, a campanha, prevista para terminar em 20 de maio, foi estendida por mais 10 dias.

PÁGINA 11

Depois de 48 anos, Zé Vicente pode ficar fora das eleições deste ano A menos que seja candidato a prefeito ou vice-prefeito, José Vicente Gentil pode ficar este ano, pela primeira vez desde 1968, sem disputar uma eleição municipal. Eleito pela primeira vez nas eleições daquele ano, ele foi candidato a prefeito em 1972 e 1982 (perdeu as duas), e não se elegeu vereador em 2008 e 2012, sendo presidente da Câmara nos períodos 1970 1971; 1979 - 1980; 1989 1990; 2001 - 2002; 2003 2004. Como não se afastou a tempo (seis meses antes das eleições) do cargo de Chefe de Gabinete, que ocupa na atual administração, ele não pode mais pleitear uma das cadeiras do legislativo local.

- Minha família não quer que eu me candidate mais, que é pra mim ficar mais perto dos netos - justificou Gentil, embora não descarte ser candidato a vice, ou mesmo a prefeito. Em 2012 ele já ocupava cargo de confiança na administração pass ada, e teve sua candidatura questionada na Justiça. Perdeu em primeira instância, mas ganhou na segunda e terceira, embora não tenha sido eleito. - O problema é que, durante a campanha, os adversários falavam pros meus eleitores que, caso fosse eleito, a Justiça não permitiria que eu assumisse. Por isso perdi a eleição - desconfia Zé Vicente, filiado ao PSDB.

Ex-vereador (esq.) com o prefeito Cassinho, de quem é assessor


PÁGINA 12

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 13


PÁGINA 14

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 15


PÁGINA 16

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

A cada semana, uma novidade no trânsito santa-rosense Todo município tem a obrigação de oferecer mobilidade urbana ao cidadão, que é, bem resumidamente, um atributo das cidades que se refere à facilidade de deslocamentos de pessoas e bens no espaço urbano. Boa parte da mobilidade urbana é composta pelo trânsito, que vamos destacar nesta matéria. E o trânsito de Santa Rosa é a soma de imprudência com a má si-

nalização e um mau planejamento urbanístico. Não passa uma semana e alguma novidade a comissão de trânsito nos oferece. Um dia é uma rua contra mão aqui, outro dia uma placa nova ali e enquanto isso, é acidente em cima de acidente acontecendo nas movimentadas ruas da cidade - alguns com certa gravidade - e confusão, muita confusão. São quase 16 mil veículos circulando em um la-

A mudança da preferência na rotatória João Gentil

birinto que está sendo criado pela Comissão de Trânsito, sem critérios, sem estudos. Há tempos, nenhuma administração municipal dá atenção a isso. E pelo jeito, é um assunto fora da pauta dos próximos governantes, já que nenhum deles tem em suas propostas, algum estudo sobre isso. Ou melhor, nenhum deles tem proposta para área alguma. Mas voltando ao assunto, o Jornalzão elencou alguns problemas e algumas mudanças ocorridas no trânsito e convidamos o sargento Adão Ismael Pereira, comandante da Polícia Militar de Santa Rosa, para tecer seus comentários.

Flores no canteiro central das principais avenidas

Má sinalização

Recentemente a rotatória de entrada da cidade teve suas preferenciais alteradas. Segundo o sargento Adão, “apesar dela ser estreita, a forma que ficou é o melhor, pois é melhor parar veículo em linha reta do que no contorno” .

Conversão e contorno na avenida Presidente Vargas

Um leitor escreveu uma carta no Jornalzão sugerindo que a conversão e contorno na avenida Presidente Vargas fosse liberado em apenas algumas esquinas. Segundo o sargento de momento seria eficaz proibir, mas ideal seria o condutor retornar para a avenida pela rua de baixo ou pela rua de cima.

O Jornalzão fez uma foto em uma esquina da avenida Presidente Vargas e a ixora plantada no canteiro central da avenida praticamente tira a visão de quem a cruza. Na avenida do Bosque e no Nosso Teto, em alguns trechos, também tem este problema. O sargento acredita que pode sim atrapalhar e que isso é um problema urbanístico do município, que deveria manter umas plantas mais rasteiras.

Placas mal conservadas e algumas totalmente fora dos padrões. O sargento explica que isso é reflexo do abandono de muitos anos, não só de agora. Pela quantidade de veículos na cidade a sinalização bem feita é fundamental.


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

Novo estacionamento na Praça da Matriz

Semana passada começou a nova forma de estacionar na praça da Matriz e algumas críticas surgiram. O sargento Adão diz que ali foi feito tudo muito corrido. O correto seria delinear locais para motocicletas, carga e descarga, PNE e idosos, etc. Só deveria lançado o novo estacionamento quando todas estas exigências estivessem cumpridas. Enquanto isso a prefeitura poderia orientar e dar publicidade aos condutores. Este tipo de estacionamento, bem feito, só traz benefícios.

PÁGINA 17

Buracos nas ruas

Diminuir o trânsito da avenida Investir em rotas alternativas como por exemplo o asfaltamento da continuação da rua Paraná e o asfaltamento da rua José Francisco Guidelli, que tiraria uma boa quantidade de veículos da avenida Presidente Vargas e faria uma pessoa chegar da Cohab ao centro em 2 minutos. O sargento concorda com isso, mas para estas rotas alternativas precisa de verba. Na atual conjuntura, com crise, precisa de dinheiro, mas se fizesse seria muito bom.

Acidentes acontecem em ruas esburacadas e mal conservadas. Segundo o sargento Adão, são poucos este tipo de acidente, mas a conservação das vias públicas é muito importante em qualquer local.

O asfaltamento do prolongamento da rua Paraná ...

Contramão sem critérios O Centro da cidade virou um labirinto. Ruas com contramão desnecessária aparecem de vez em quando sem nenhum critério ou explicação. Apenas aparecem. Segundo o sargento Adão, a maioria destas mudanças é pedida por moradores. O ideal seria estas ruas serem duplo sentido com estacionamento apenas de um lado, por exemplo, mas cada caso é um caso e a gente teria que analisar rua por rua. ... e da rua Francisco Guidelli encurtariam e muito o caminho bairros centro

O que fazer para melhorar Para o sargento, o ideal seria o cidadão usar menos carros, andar mais de bicicleta. O município poderia contratar um engenheiro de tráfego, ou empresa especializada para fazer um estudo e colocar em prática uma reforma total no trânsito local. "O trânsito tem que fluir, pois a pessoa que mora lá embaixo tem que chegar aqui em cima com a mesma facilidade que se for o contrário. E o condutor tem que ter a prudência de obedecer a Lei de trânsito, senão mudança nenhuma valerá a pena", disse o sargento Adão.


PÁGINA 18

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 19


PÁGINA 20

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 21


PÁGINA 22

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 23


PÁGINA 24

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

Ladrão que usou facão para roubar dinheiro e joias é preso Um homem que havia roubado dinheiro e joias foi preso no Jardim Planalto, sexta-feira (27), por volta das 7h. A PM recebeu informações de que havia encontrado o suspeito de roubar dinheiro e R$8 mil com um facão, no Jardim Luiz Gonzaga, na quarta-feira (25). A vítima reconheceu a camiseta do suspeito por fotos que lhe foram mostradas. A equipe policial foi autorizada pelo dono da casa para entrar. Eles encontraram o suspeito escondido embaixo de uma cama. O indivíduo foi algemado e acabou confessando o crime. O depoimento foi gravado em um celular. Foi pedida a prisão preventiva do homem que foi encaminhado para a cadeia local.

Homem bêbado tenta agredir esposa com faca de 30 cm Um homem tentou esfaquear a esposa na última segunda (30), por volta das 19h. A mulher conta no B.O, que chegou em sua casa após mais um dia de trabalho e começou a discutir com o marido, que estava embriagado e agressivo. Não satisfeito com a briga verbal, ele se muniu com uma faca de 30 cm e partiu para cima dela, que tentou fugir para a rua, mas acabou sendo pega. O marido a agrediu puxando o cabelo. A polícia foi acionada e levou o casal para a delegacia, onde foi registrado o Boletim de Ocorrência. A arma foi apreendida e ambos foram liberados.

Marcelo Cury será julgado em agosto Usineiro é acusado de assassinar duas pessoas e de tentar matar uma terceira O usineiro Marcelo Zacharias Afif Cury acusado de duplo homicídio qualificado e uma tentativa de homicídio, em 5 de abril de 1997, na calçada da e xtinta C hope ria Albano's, localizada à época na avenida Presidente Vargas, zona Sul de Ribeirão Preto, será julgado pelo Tribunal do Júri, no dia 25 de agosto próximo às 10h. O juiz José Roberto Bernardi Liberal, da 1ª Vara do Júri e das Execuções Criminais de Ribeirão Preto, determinou o julgamento após 19 anos da ocorrência e depois de longa batalha judicial. Marcelo Cury, filho de Nelson Cury, da usina Santa Rita,

Barcelona SRV e Real Primavera empatam e se complicam no Torneio 'Amigos do Leões' Em partida única pela penúltima rodada do Torneio 'Amigos do Leões', as equipes locais, Barcelona SRV e Real Primavera, empataram por 2 a 2, no último domingo (29), no Estádio Municipal Rubens Bellizzi (Campão). O resultado não foi bom para nenhuma das agremiações que brigam pela segunda vaga no Grupo A. O primeiro colocado, Nova Geração, de Cajuru, que já tinha a classificação assegurada para a próxima fase, desde sua última partida, agora garante o primeiro lugar e enfrentará o Amigos do Sandrinho, de Luiz Antônio, na semi, que foi o segundo colocado do Grupo B, este, acabou semana passada. Com dois empates, Real Primavera e Amigos do Serjão, de Serra Azul, somam dois pontos cada, e dividem a segunda colocação. Barcelona SRV tem apenas um. Os três times jogam a vida amanhã, em busca da última vaga. O primeiro jogo será entre Real Primavera e Nova Geração, que apenas cumpre tabela. Já no segundo confronto,o Barcelona SRV precisa derrotar o Amigos do Serjão para continuar sonhando com a classificação. Após a finalização da primeira fase, os times descansam na próxima semana e voltam a campo, apenas no dia 19, no confronto único de semifinal.

nunca foi preso. As vítima s Marco Antônio de Paula e João Falc o Ne to, fora m várias vezes baleadas e morreram no loc al. Sérgio Nadruz Coelho foi atingido nas costas, mas sobreviveu. Os advogados do ac us ado sustentam a tese de legítima defesa, afirmando que depois de uma discussão entre o usineiro e os homens, ele teria entrado dentro de seu carro e, de arma em punho, retornado atirando em direção às vítimas. O sobrevivente, Sér-

gio Nadruz Coelho, sempre relatou outra versão em entrevistas, dizendo que nã o foi assim que aconteceu e que Marcelo Cury estava dentro do carro com mais seis amigos e do interior do mesmo a tirou e m J oã o Fa lc o Neto, depois pelas costas

atingiu Sérgio e então saiu do veículo para fuzilar Marco Antônio de Paula. Na época dos crimes a família mantinha a usina Santa Rita em atividade em Sa nta Rosa . Caso seja condenado, a pena prevista é de até 30 anos de prisão.


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

DE OLHO NA CIDADE

Nhumirim sofreu com quedas de energia nesta semana

PÁGINA 25

Banda Sinfônica toca hoje na Praça da Matriz A Banda Sinfônica de Santa Rosa de Viterbo sob a regência do maestro Maurílio de Oliveira Júnior toca hoje, dia 04 de junho, às 20:30 horas no Largo da Matriz da Praça Dr. Guido Maestrello. O concerto celebra o Dia Mundial do Meio Ambiente. A banda apresenta um repertório variado, onde citamos a seleção do cantor "Frank Sinatra" com as canções New York, New York; It Was A Verry Good Year; The Lady is a Tramp e My Way. Destacamos também, uma coletânea de músicas do compositor Andrew Lloyd Webber com a s cançõe s Jes us Christi Superstar; Don't Cry For Me Argentina; King Herod's Song e Memory. Consta também no repertório, músicas brasileiras: As Pastorinhas de

Noel Rosa e João de Barro; Isto Aqui o Que É de Ari Barroso, e Iracema de Adoniran Barbosa. Dia Mundial do Meio Ambiente Em 1972, durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano, em Estocolmo, a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu o Dia Mundial do Meio Ambiente, que passou a ser comemorado todo dia 05 de junho. Essa data, que foi escolhida para coincidir com a data de realização dessa conferência, tem como objetivo principal chamar a atenção de todas as esferas da população para os problemas ambientais e para a importância da preservação dos recursos naturais.

Há vagas para aprender música Há vagas na Escola Municipal de Música "Plácido Bertocco", para o aprendizado de diversos instrumentos musicais como flauta transversal, clarinete, saxofone, trompete, trompa, trombone, bombardino e tuba. Os interessados devem comparecer na Estação da Cultura, situada na Praça da Bandeira, nº 850, centro, em horário comercial. As aulas são gratuitas e a seleção é realizada pelos primeiros inscritos. Os instrumentos são emprestados aos alunos, que recebem aulas práticas e teóricas. Os horários dos cursos são agendados de acordo com a disponibilidade dos alunos e dos professores. Outras informações pelo fone 3954-1918. A realização é da Prefeitura Municipal e Fundação Cultural.

CPFL diz que raio causou problema de segunda O bairro de Nhumirim ficou sem energia elétrica, por algumas horas, em três dias dessa semana. Moradores relatam ter ouvido um estouro num poste, na rua Licínia Nogueira Magalhães, na última segunda feira. A assessoria de imprensa da CPFL informou ontem que o fornecimento foi interrompido naquele dia 30 "entre 12h53 e 15h57, provocado por problema técnico transitório, já solucionado", e "no dia 01/6, entre 20h56 e 00h04, provocado por uma descarga atmosférica (raio) que atingiu a rede elétrica". A mesma assessoria não informou a causa da queda de energia verificada anteontem, entre 19h30 e 21h30 em diversos bairros da cidade, mas justificou: "2/3 do tempo em que o cliente da CPFL Paulista fica sem energia elétrica é relacionado a fatores externos. Estão entre as principais causas de problemas relacionados a fatores externos os circuitos fechados por animais (normalmente pássaros), quedas de galhos ou árvores sobre a rede, descargas atmosféricas, colisões de veículos contra postes e objetos que atingem a rede - pipas, balões. Queimadas e furtos de cabos são outros fatores que podem provocar tais desligamentos".

Conselho da Mulher promoverá “showlestra” Dia 21 de junho, terça feira, às 20h00 no Centro Cultural, o Conselho Municipal da Mulher realizará um “ShowLestra” com João Paulino Quartarola-Coaching, administrador de empresa, pedagogo, terapeuta holístico, formação psicanalítica e palestrante- e com a cantora e violonista Neuza Mahlow . Com o tema" Oportunize-se e Faça Acontecer " João Paulino identifica a necessidade de sairmos da zona de conforto para evoluirmos e irmos além."A escolha de promover a mudança é sempre responsabilidade de cada um de nós. Mudar não é algo que você faz; é algo que você permite que aconteça. É preciso entregar-se ao processo da mudança. A mudança ocorre quando você libera o velho e permite acolher o novo." O ShowLestra é gratuito e para todos. Compareça!

O Jornalzão procura vendedor(a) para trabalhar na cidade. Currículos em nossa redação


PÁGINA 26

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 27


PÁGINA 28

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 29


PÁGINA 30

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

COLUNA ROTÁRIA Henrique Gil

África há dois anos sem Polio

"For the first time ever, the entire African Region is nearly two years polio-free". Estas foram as palavras da Dra. Rebecca R. Martin, diretora do Centro para Controle de Doenças de Saúde Global, na abertura de seu discurso na Convenção do Rotary International em Seoul, realizada nesta semana, dias 28 de Maio a 01 de Junho de 2016. Em livre tradução, "Pela primeira vez, a região da África está há dois anos sem nenhum caso de Polio". O último caso de Polio registrado no continente africano foi na Nigéria em 2014, e constitui um marco importante para a campanha Polio Plus, liderada pelo Rotary desde 1985. A OMS, Organização Mundial da Saúde, retirou a Índia, todo o sudeste da Ásia e a África da lista de países endêmicos, certificando tais regiões como livres da doença. Um dado importante, haja vista a concentração de habitantes nestas regiões. O Rotary International busca estimular líderes comunitários, homens de negócios e profissionais a ela filiados a empreender serviços à sociedade, além de incentivar o comportamento ético entre seus associados e nas suas relações profissionais e de negócios. Peça o formulário e faça uma doação para a Fundação Rotária. Ajude nas campanhas contra a Polio, Analfabetismo ou Subnutrição. Saiba mais: http://facebook.com/rotarysrv Rotary Club de Santa Rosa de Viterbo - Av. Henrique Alonso Martins, 275

SUSA retorna para julho e anuncia MC Gui como uma das atrações As inscrições para o desfile 'Garoto e Garota SUSA' já estão abertas Após ser festejada em novembro, no ano passado, a 46ª SUSA (Semana Universitária Santa-Rosense) re tornará para julho, nas férias, como manda o legado. Iniciará com o desfile no dia 17, e o 'Bar da SUSA', será de 21 a 31 de julho, novamente no Primav era Country Club. "Se nós não fizéssemos em Novembro, Santa Rosa não teria SUSA no ano passado. E como deu tudo certo, vamos retomar a tradição em julho", explicou a presidente, Elaine Cristina da Silva Ribeiro, que emenda, "Eu acredito que em termos de público, vai ser bem melhor, pois será nas férias e muitas pessoas de outras cidades estarão para cá". As atrações confirmadas para o 'Bar da SUSA' são: Eva Luna, Invasores do Sertão, Grupo Lapidar, Junior e Lucas, Red Halls, O Clã e o MC Gui, que é a grande atração até o momento. A diretoria ainda estuda novos nomes. Durante as noites, ainda haverá apresentações de duplas sertanejas locais.

'Garoto e Garota SUSA' - As inscrições já estão abertas para o desfile do 'Garoto e Garota SUSA' nas lojas patrocinadoras, Heigi Concept, It Store e Intuição Modas. Os interessados devem pagar R$ 40,00 e terão direito a maquiagem, cabelo e camiseta do evento, tanto homens, quanto mulheres entre 14 e 19 anos. Os menores deverão ir com os pais assinar um termo de responsabilidade. Os candidatos serão treinados em workshop ministrado por Felipe Queiroz, um profissional da moda RP, que ajuda na realização Miss Ribeirão Preto, e será também o responsável pelo desfile local. Os dois vencedores dos desfiles anteriores, não poderão competir. O júri será composto pela Miss São Paulo 2014, Fernanda Leme, uma agência de modelos de Ribeirão Preto, que irá agenciar os ganhadores e mais três jura-

dos do mundo da moda.

forme for, os vencedores poderão participar como Você faz a festa - atra ções da próxima Com o sucesso obtido pelo SUSA", esclarece, Elaine. show de talentos na última Assim como o desfile, as edição, a diretoria decidiu inscrições também devem repetir a dose. "O palco vai ser feitas com antecedênestar aberto para os talen- cia. tos de Santa Rosa podeA Semana Universirem se apresentar, alguém tária também vai promover que saiba interpretar, reci- gincanas, jogos, campeotar uma poesia, dançar, te- nato de vídeo game, truco nha alguma banda,e, con- e muitos outros.


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 31


PÁGINA 32

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

Circuito Cultural

CRÔNICA E CONTEXTO

O guitarrista Carlos Tomati, que fez parte do elenco do 'Programa do Jô' por 17 anos, se apresenta com o espetáculo "TOMATI POWER TRIO", no Centro Cultural, amanhã, às 19h. O repertório vai de Cartola a John Coltrane numa fusão de estilos: Jazz, rock, Blues e Bossa Nova. O show conta com a participação especial da cantora brasileira Michelle Spinelli.

por João de Bem

Oficina fotográfica O departamento de cultura em parceria com o 'Ponto Mis', trazem para Santa Rosa a oficina 'Séries fotográficas com a câmera do celular', na próxima terça-feira (7), das 16h às 20h, no Centro Cultural. Nesta oficina, os participantes criam várias séries de fotos, tirando o melhor proveito de uma câmera de celular, para uma discussão sobre as narrativas criadas. Para poder participar é necessário ter a partir de 14 anos e um celular com câmera. São apenas 20 vagas. Para mais informações, ligue para 3954-8866/8867.

Santa Rosa vence o "Dia do Desafio", promovido pelo Sesc Com a participação populacional de 16,87%, Santa Rosa vence o "Dia do Desafio 2016", evento coordenado pelo SESC-SP. A concorrente de Santa Rosa no "Dia do Desafio 2016", cidade de San Clemente (Chile), conseguiu mobilizar 5% de participação populacional. A Coordenação Municipal de Esportes, Lazer e Cultura gostaria de agradecer a cada envolvido na mobilização de sua equipe para as atividades do dia 25 de Maio!

REUNIÕES TODAS AS TERÇAS E SÁBADOS 19h30 - Rua Alagoas, 370 APOIO DO JORNALZÃO

Cansados? Eu também! Aprovaram na Câmara Federal aumento real para funcionários públicos servidores de "n" instituições. Nada mais, nada menos que 100 bilhões de reais até 2020. Até ontem Temer e seus assessores contabilizavam um déficit nas contas públicas de mais de 170 bilhões. Como, em menos de uma semana essa cambada de safados aprova um montante extraordinário, que irá aumentar ainda mais o rombo nas contas? Temer comemorou a votação, pedindo uma salva de palmas para os congressistas. Esse rombo foi aprovado pela turma do "sim" - os mesmos abutres à volta da carcaça, quase nos ossos, do erário. Na quinta-feira mais uma bomba aprovaram a contratação de mais 14 mil cargos federais! E o povo perdendo emprego! A cambada agora se sente a vontade - o patrão Temer liberou geral essa foi a promessa de campanha para usurpar o cargo de presidente! Como vamos acreditar que essa turma vai endireitar o Brasil? Diz-se que alguns do PSDB foram questionar Meirelles sobre o paradoxo - ele se saiu com essa: Isso é coisa do Temer. Enquanto o povo que sustenta todas essas bondades do governo está perdendo seus empregos, nossos representantes privilegiam seus amigos e companheiros que, diga-se de passagem, já ganham muito sem fazer coisa alguma. Será que só nós estamos vendo as dificuldades e só a nós é atribuído o ônus de pagar por esses filhos da outra? Será que o povo brasileiro vai engolir mais uma sem nenhuma manifestação contra essa deslavada roubalheira perpetrada por meliantes políticos na calada da noite? Onde estão os papagaios que foram às ruas nos movimentos de 13 de junho de 2015 espumando de indignação contra o governo petista, até então a maior praga que assolou o país das maracutaias? Acovardaram-se ou não possuem identidade cívica apartidária para reivindicar a transparência e a moralidade de qualquer governante, não só petista, que atente contra o povo? O que estamos cansados de ver continua sendo praticado pelos mesmos bandidos de sempre. Enfiaram mais um pepino de todo tamanho no povo que passivamente admite o estrupo. Ninguém se manifesta, esperando que algum milagre vindo daquelas bandas se realize. O que virá pode, se nada for feito contra barbaridades como essa, são mais pepinos. É só ler nas entrelinhas dos discursos - aumento de impostos para pagar os senhores da corte perdulária. Temer já sinalizou que a CPMF pode voltar. Querem saber de uma coisa? Vêm as festanças de São João, o povo levando na "telha" continua soltando rojão. Se o povão não está nem aí para o que fazem seus representantes, o que nós "metidos a besta" temos que sair defendendo quem não quer ser defendido? Como ajudar quem não quer ser ajudado? Se tivéssemos mais pessoas esclarecidas na sociedade brasileira o cenário seria outro. Nenhum daqueles larápios estaria fazendo gentileza com o chapéu dos outros! Ainda virá mais merda - é possível que aconteça o mesmo que aconteceu na Itália, com a operação mãos limpas - um acordão político derreteu a operação. Aqui parece estar ocorrendo a mesma estratégia - Temer libera geral para todos, inclusive para o Judiciário com aumentos polpudos aos servidores, coloca no Ministério da Justiça esse indivíduo avesso às investigações e com isso, embora Temer tenha afirmado que não, vai afastando dos políticos a ameaça da Lava Jato. Enfim a corte novamente reunida e feliz como sempre quis! Arrancaram os ruins para dar lugar aos piores de sempre! A Lava Jato parece estar de molho, esfriando. O que antes ocupava o maior espaço na mídia, hoje raramente aparece! Enquanto isso o puteiro em Brasília volta aos seus tempos de glamour! A farra com dinheiro público continua, agora com aval dos papagaios!


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 33

Santa-rosense vence etapa regional do Miss Teen Universe Gabriel Carmello Caldas

A bela Victória Silva Ribeiro, de preto na foto, 17, de 1,77 m de altura, 65 kg, 90 cm de quadril e 60 de busto é a jovem mais bonita da região de Ribeirão Preto, após sagrar-se vencedora do 'Miss Teen Universe'Etapa interior paulista, em Ribeirão, no centro de eventos Taiwan, no último domingo (29). Ela já tinha ficado entre as 10 mais bonita, no Miss São Paulo Infanto Juvenil, em 2015. Vick desbancou cerca de 100 meninas entre 16

e 19 anos, de toda a região. Ela foi convidada por um especialista em misses para participar. Segundo a miss, o evento foi muito glamoroso, ético e lindo. Estavam presentes Pa trícia Penteado, Nahara Makovics e Orlando Pesot, todos do SBT, uma ex-modelo da Ford Models, que hoje é empresária e proprietária da Villa Shoes e uma das responsáveis pelas bailarinas do 'Programa do Faustão' e do 'Hora do Faro.' "As meninas eram lindas como sempre, consegui conter o nervosismo,

mais não tinha a certeza de vencer essa primeira etapa", conta com humildade santa-rosense. Vick foi premiada com as tradicionais coroas e faixas desse tipo de concurso, além de flores, carteiras, doces, agenda, duas camisetas e uma calça, e principal, o direito de participar da etapa estadual, em Campinas, no dia 24 de julho.

Grande, Mato Grosso do Sul, e se vencer novamente, fará a final internacional, na Euro Disney, em Paris, tornando-se a menina mais linda do mundo. Inclusive faz um pedido especial para conseguir patrocínio para as próximas etapas, conforme for se classificando. Antes disso tudo, Vitória terá aulas de postura e passarela voltada a misses com uma das coordeFuturo - Caso ela se nadoras do Miss Ribeirão classifique, participará de Preto e no dia do concurum novo concurso, em es- so, ainda participará de um cala nacional, em Campo Workshop.

HISTÓRIAS DA FAZENDA AMÁLIA

A botinha de estimação do conde Chiquinho O Conde Francisco Matarazzo Jr. tinha especial carinho pelos cavalos que criava. Sempre que chegava à Fazenda Amália, dirigia-se à cocheira em primeiro lugar. Ao lado dela ficava - e ainda fic a - o muse u de carruagens. Ali, Francisco Jr. mantinha um toalete particular, repleto de detalhes reveladores de seu fino gosto. A saboneteira, por exemplo, era uma ferradura, e o recipiente para talco, uma bota em miniatura, de vidro preto fosco. Nos anos 70, pedreiros foram fazer um serviço no museu, e as vibrações das marteladas, que passaram a desferir em parede contígua ao ba nheiro, arrastaram a botinha para a beira do

lavatório, até que o som de vidro se espatifando despertou a zeladora. O mimo, decerto francês, partiu-se em cacos pequenos. Como era quase certo que o Conde não gostaria nem um pouco de ter aquela notícia, o diretor Nelson Mori e Mário F. M. Mota desloc aram um func ioná rio para, discretamente, recolher os cacos e encontrar uma saída. -Só o Chiquim Moreto pode dar jeito nisso sentenciou o funcionário. E Francisco Moreto recebeu a missão de restaurar a peça, antes que o exigente dono pudesse dar pela falta dela. - Peguei fita isolante preta e fui colando os caquinhos. Alguns que não se encaixavam rece-

biam um cutucão de esmeril. Consegui refazer a forma origina l, obvia me nte c om muitas falhas. Mas eu sa bia fazer uma boa cola com toner da xerox. Com ela, preenchi as fa lha s e xte rna s . De pois , pude retirar a fita isolante interna. Em seguida, tive que lixar para apara r os c a c os protuberantes. Finalmente, fui à ga ra ge m e pedi uma pintura com uma boa tinta preta de veículo, e o trabalho ficou pronto, uma se-

Locomotiva em frente à usina Amália em setembro de 1951 mana depois de iniciado. O senhor Conde faleceu, em 1977, sem notar que

seu depósito de talco se (Extraído do livro 'Hisespedaçou um dia - rela- tórias de Santa Rosa de Vitou o hábil artesão. terbo', de Romeu Antunes)


PÁGINA 34

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

Missão e Vida em Santa Rosa de Viterbo "Nada além do sangue de Jesus" Na tarde do último sábado (28) ocorreu o projeto, Missão e Vida em Santa Rosa de Viterbo. O projeto é idealizado e realizado por evangélicos da Igreja Assembleia de Deus da cidade de Sertãozinho e contou com a colaboração e apoio da Igreja Assembleia de Deus ministério de Belém, aqui da cidade. O local escolhido para receber o projeto foi Anfiteatro da praça Zuleika de M. Moura Balbão, no Nosso Teto. Durante cerca de três horas os participantes conferiram a programação- música gospel, teatro de fantoches, palhaços, distribuição de algodão doce e saquinhos de surpresa. Além de orações e adoração a Deus. Segundo os organizadores, o projeto foi além da expectativa de público e receptividade, por isso, se empenharão em retornar à cidade.

FALA NOSSO TETO

PÁGINA 35

Serginho Gomes

Chuva e alagamento

Anfiteatro vai se consolidando

Não é necessário chover muito para que a rua Lazinho Antônio de Oliveira, logo na entrada do bairro, fique alagada. Sujeira nas bocas de lobo é uma das causas do problema. Motoristas têm dificuldade para conduzir os veículos e pedestres, de atravessar a rua. Na foto, chuva que caiu na manhã de segundafeira dia 30.

Acidente com vitima no cruzamento Ontem, sexta-feira (3), por volta das 7h, dois veículos se colidiram no cruzamento da avenida Joaquina Custódia Ribeiro, com a rua José Gentil. Segundo populares que estavam pelo local no momento da batida, um motociclista, posteriormente identificado no Boletim de Ocorrência como sendo, C.D.F de 27 anos, voou por sobre o veículo VW Golapós a batida - conduzido por N. Z, de 63 anos - também identificado no B.O. Ainda segundo os populares, o rapaz ficou estirado no asfalto. Consciente, teria reclamado de dores nas pernas, no ombro e apresentava sangramento na boca. Ele foi socorrido ao Pronto Socorro local pela ambulância do Samu. Os dois veículos sofreram danos consideráveis. No B.O o condutor do Gol, N.Z relatou que trafegava no sentido bairro-centro pela "Joaquina", quando sinalizou para entrar na rua José Gentil, não vendo o motociclista. O motociclista, em atendimento, nada pôde declarar.

Próximo de ser batizado Waldomiro Lima, o Anfiteatro construído na praça Zuleika de M. Moura Balbão, vem se consolidando como local para festas, danças, shows, apresentações, espetáculos, cultos e celebrações religiosas. Palco da festa do aniversário do bairro e do Dia do Trabalho, ocorrida no início do mês passado, da celebração da Missa de Corpus Christi e mais recentemente do projeto Missão e Vida em Santa Rosa de Viterbo, o Anfiteatro demonstra aptidão para difundir a cultura e a religiosidade tão diversificada do povo brasileiro. Assim como viveu o artista que lhe cederá o nome. Fosse na música, na cultura teatral ou na literatura, Waldomiro Lima, foi eclético na sua arte, que será perpetuada com a homenagem que está prestes a receber. Não obstante, adaptações e melhorias já se mostram necessárias, porém, a obra em si foi aprovada por quem se utilizou dela. Cabe ao poder público, e a todos nós, zelarmos pela manutenção do espaço, além manter sua agenda cheia de compromissos.

Preocupa Preocupa a situação das árvores cultivadas na avenida prof.ª Luíza Garcia Ribeiro. A toda chuva ou vento galhos despencam sobre o asfalto. Por enquanto ninguém se feriu, mas veículos já foram atingidos. A população deve ir se acostumando com a ideia de troca das árvores- que está se fazendo necessária- antes que alguém se machuque.


PÁGINA 36

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016


O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

PÁGINA 37


PÁGINA PÁGINA38

38

APACOS Associação Paulista dos Colunistas Sociais

SOCIAIS

O J- O04/06/2016 RNALZÃO O Clélia JO R N ALZanardo ZÃO - ED. 1.050 cleliazanardo@bol.com.br

ED IÇ Ã O 1.050 1.043 04/06/2016 16/04/2016


A LZÃO Z Ã O- ED. OOJOJ ORRNNAL 1.050 -Zanardo 04/06/2016 Clélia ED IÇ Ã O 1.050 04/06/2016

cleliazanardo@bol.com.br

SOCIAIS

APACOS Associação Paulista dos Colunistas Sociais

PÁGINA 39 Inf orme PÁGINA Publicitário

39


PÁGINA 40

O JO R N AL ZÃO - ED. 1.050 - 04/06/2016

O Jornalzão, edição 1050  
O Jornalzão, edição 1050  

Jornal semanal de Santa Rosa de Viterbo

Advertisement