Issuu on Google+

Maceió, sábado, 19 de junho de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: autojornal@hotmail.com ou veiculos@ojornal-al.com.br

A entrevista é com o empresário Sérgio Neves Baptista diretor da SEGSAT Fotos: igor93279039@hotmail.com

Página 2

Novidades na linha 2011 da Fiat

Audi RS 5 agressividade no torque com uma aparência sublime.


O JORNA L JORNAL 2

Sábado, 19 de junho de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

versátil, enfrenta desafios

off-road, é um carro bom de trilha com economia e diversão

Fotos: Igor Pereira

O Pequeno notavel notável da Suzuki


O JORNA L JORNAL 3

Sábado, 19 de junhode 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

Fotos: igor93279039@hotmail.com

O novo carro da Suzuki, o Jimny, é sinônimo de versatilidade, além de ser bom de trilha, o veículo traz a marca de aventureiro e, já é consagrado pelos fãs de off-road, mas também garante agilidade no asfalto. O Jimny é o segundo produto da Suzuki no segmento dos 4x4, no Brasil. O modelo já foi comercializado durante a primeira passagem da Suzuki no país, mesmo assim é um SUV compacto pouco conhecido por aqui. Equipado com um motor 1.3 16V a gasolina com comando de válvulas variável, o carro desenvolve 84 cv e possui um torque de 11,2 mkgf.

Mas, a grande vocação do Jimny está em ser um fora-de-estrada. A boa altura livre em relação ao solo e os ângulos de ataque e saída - 37º e 46º respectivamente - foram projetados para encarar as trilhas. Segundo a Suzuki, a tração nas quatro rodas pode ser acionada a uma velocidade de até 100 km/h e o motorista ainda pode usar o auxílio da reduzida para transpor descidas íngremes. Nos itens de série, existem as barras de proteção laterais, freios a disco na dianteira e assistência de frenagem (BAS), ar-condicionado, direção hidráulica e trio elétrico.

O JORNA L JORNAL EDITORA DE JORNAIS DE ALAGOAS LTDA www.ojornal-al.com.br ojornal@ojornal-al.com.br / veiculos@ojornal-al.com.br

Diretor-Executivo Petronio Pereira petronio@ojornal-al.com.br Editor-Geral Deraldo Francisco deraldo@ojornal-al.com.br

Editores Igor Pereira igor93279039@hotmail.com veiculos@ojornal-al.com.br Gabriel Mousinho veiculos@ojornal-al.com.br

Diretora Comercial Eliane Pereira comercial@ojornal-al.com.br Colaboradora editorial Jakeline Siqueira

ENDEREÇO Rodovia AL 101 Norte, Km 06, 3600, Jacarecica - Maceió/AL - CEP: 57038-800 ATENDIMENTO AO ASSINANTE (82) 4009-1919 CLASSIFICADOS (82) 4009-1970

OS ARTIGOS ASSINADOS SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DE SEUS AUTORES E NÂO REFLETEM A OPINIÃO DE O JORNAL

REPRESENTANTE NACIONAL FTPI

SÃO PAULO: (11) 2178-8700 RIO DE JANEIRO: (21) 3852-1588 BRASÍLIA: (61) 3326-3650 RECIFE: (81) 3446-5832 www.ftpi.com.br


O JORNA L JORNAL

Fotos: igor93279039@hotmail.com

4

O Jimny é um carro bom de trilha e de diversão, e, o melhor, muito econômico, segundo o gerente comercial da Suzuki, Charles Cabral, com apenas um litro de combustível o carro percorre de 16 a 17 quilômetros. Mesmo com um tamanho compacto, o carro tem bastante espaço para guardar objetos, e um design bastante atrativo. Forte, o Jimny enfrenta lamas pesadas, ambientes íngremes como ladeiras, e, o interessante, o veículo tem uma diferença fundamental, o sistema de freios é bastante protegido, e tem uma durabilidade muito grande das pastilhas. Outro diferencial é que todo o motor do Jimny é de alumínio e o motorista tem o máximo de potência à disposição. O Jimny consegue se encaixar em lugares pequenos, sendo um grande carro nas estradas. Essas qualidades do veículo garantem aos que gostam de aventura um carro pronto para novos desafios, e também tem conforto e agilidade na cidade. É um carro para enfrentar qualquer tipo de desafios, e chegou para conquistar os apaixonados que gostam de off-road mas não dispensam a beleza e a qualidade que se procura num ótimo carro.

Sábado, 19 de junho de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br


O JORNA L JORNAL 5

Sábado, 19 de junho de 2010|| www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

NÃO

DEIXE SUA SEGURANÇA TIRAR FÉRIAS *Cirilo Moscatelli A chegada de julho é motivo de comemoração para muitos brasileiros, que terão o tão esperado momento de descanso proporcionado pelas férias. Para quem está programando viajar de carro fica uma pergunta: como está o sistema de iluminação do seu automóvel? Muitas vezes esquecido ou tido apenas como item de estética, os componentes que geram luz em um carro são, na verdade, itens de segurança e merecem atenção especial nesse período do ano. Fazer a revisão completa de lâmpadas, fiação e regulagem dos faróis é essencial para quem deseja aproveitar ao máximo as férias sem correr riscos nas rodovias. Mais do que isso, sem oferecer risco às demais pessoas, já que as estradas são vias públicas. Destaco que essa prática é simples, barata e garante as condições de dirigibilidade exigidas para um passeio tranquilo, principalmente em condições adversas como chuva e neblina. Para verificar o funcionamento das lâmpadas você pode ir até uma oficina mecânica ou realizar alguns procedimentos básicos em casa, algo que aconselho ser feito periodicamente. Contudo, acredito que no período das férias vale procurar a ajuda de um profissional, principalmente se o motorista não tem o costume de avaliar a iluminação do carro por conta própria. Entre algumas das vantagens dessa indicação, está o fato de que se algo estiver errado é possível realizar substituições ou regulagens de forma imediata. Caso precise efetuar a troca de lâmpadas, procure por produtos de marcas que respeitam às normas de segurança e possuam certificados de qualidade. Esse cuidado evita o uso de itens que geram insegurança no seu carro, pois é isso que acontece quando uma lâmpada de pouca qualidade é instalada em um veículo. Além da quantidade correta de luz, os produtos certificados passaram por testes rigorosos em laboratórios e não geram efeitos negativos como ofuscamento ou queima precoce. Arrume as malas e ponha o pé na estrada, mas tome todas as precauções para não tornar suas férias um pesadelo. Lembre-se: os detalhes fazem a diferença e quando o assunto é segurança a regra não é diferente.


O JORNA L JORNAL 6

Sábado, 19 de junho de 2010|| www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

BMW X5: um tipo especial de prazer de dirigir multiplicado por um milhão. De veículo pioneiro para campeão de vendas. Em apenas onze anos, um milhão de modelos BMW X5 foram vendidos. A edição de aniversário, um BMW X5 xDrive35i preto safira metálico com acabamentos em couro Nevada na cor marrom canela, saiu hoje da linha de montagem na fábrica da BMW em Spartanburg/Carolina do Sul e logo será entregue a um cliente na China. Alcançar uma produção de sete dígitos é mais um marco na história de sucesso do primeiro SAV (Sports Activity Vehicle). Quando ele estreou em 1999, o BMW X5 com tração nas quatro rodas era o primeiro veículo de sua categoria. Desde então, o conceito de combinar um dinamismo superior no asfalto com uma tração incrível em terreno offroad tem sido um sucesso em todo o mundo, e ao mesmo tempo vem gerando impulsos cruciais para o portfólio de modelos BMW. Com a família de

modelos BMW X, que neste período cresceu e agora conta com um total de quatro membros, a empresa registrou um contínuo crescimento das vendas, algo único entre os fabricantes de veículos comparáveis. O BMW X5 continua sendo o símbolo e o inovador mais importante para o sucesso do conceito SAV. O espaçoso carro de cinco portas oferece até sete assentos, seu inteligente sistema BMW xDrive de tração nas quatro rodas garante uma incrível aceleração tanto no asfalto quanto em terreno offroad. A tecnologia de tração nas quatro rodas permanente e eletronicamente controlada distribui a força entre as rodas dianteiras e traseiras de forma variável de acordo com cada situação específica. Além disso, um ambiente interno luxuoso e uma ampla gama de opções de inovadores sistemas de assistência ao motorista contribuem para a ma-

nifestação característica do prazer de dirigir tão típica de um BMW. Além disso, numerosos prêmios confirmam a notável qualidade do produto em termos de design, prazer de dirigir, segurança e confiabilidade. Em 2007, o BMW X5 recebeu, entre outros, o prêmio de design "autonis", concedido pela publicação especializada "auto motor und sport" para o design mais atraente, assim como a premiação Gold do estudo J.D. Power sobre satisfação dos clientes na América do Norte. O Instituto Americano para Segurança em Auto-estradas (IIHS) considerou este SAV como a "Melhor Escolha em Segurança" por seu comportamento exemplar no teste de impacto tanto em 2007 quanto em 2008. Uma prova atual da excepcional confiabilidade do veículo foi dada pelas mais recentes estatísticas publicadas pelo maior automóvel clube da Europa, o ADAC, nas

quais o BMW X5 aparece em segundo lugar atrás do BMW X3 na categoria de veículos para todo tipo de terreno. Novamente em 2010, o BMW X5 é mais do que nunca um modelo e uma referência em sua categoria em termos de dinamismo de condução, eficiência, variabilidade, qualidade premium e segurança. Com um design ligeiramente modificado, um conjunto de motores totalmente revisados e equipamentos adicionais inovadores, ele continua a ampliar sua liderança em relação aos concorrentes. Suas qualidades pioneiras incluem uma eficiência notável e sem igual neste segmento particular. Um exemplo claro disto é o BMW X5 xDrive30d, que é equipado com um motor a diesel de seis cilindros em linha e potência de 180 kW/245 bhp e exibe um consumo médio de combustível de 7,4 l/100 km no ciclo de teste EU.


O JORNA L JORNAL Sรกbado, 19 de junho de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

7


O JORNA L JORNAL 8

Sábado, 19 de junho de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

Começar de novo por Augusto Paladino A recuperação da Saab parece estar indo bem, após ter sido vendida oficialmente para a holandesa Spyker. Ainda mais depois do acordo que fez com a BMW para a produção de um modelo compacto, baseado no Saab 9-2, produzido entre 1949 e 1956. A marca alemã vai contribuir com motores, transmissão e plataforma. O acordo ainda poderá se estender a um motor a diesel para impulsionar o crossover 9-4X, que começa a ser fabricado em abril de 2011.

Novato nas ruas O Porsche Cayenne 2011 já chegou ao Brasil de cara nova. As versões S e Turbo do SUV de luxo foram as primeiras a desembarcar e custam R$ 379 mil e R$ 555 mil, respectivamente. Responsável por 60% das vendas da marca alemã no Brasil, o Cayenne ganhou 15 cv na versão S, que agora de-

Pimentinha ainda sem nome senvolve 400 cv a partir de seu motor V8 de 4.8 litros. Já a versão Turbo mantém seu propulsor V8 biturbo capaz de gerar 500 cv. Para o Salão de São Paulo, a Porsche promete trazer a versão S Hybrid, equipada com motores V6 e elétrico. Esta versão pode até ser comercializada futuramente no Brasil.

ABMW confirmou a produção de uma versão preparada pela Motorsport, divisão esportiva da marca, para a variante cupê do Série 1. Mas, contrariando a tradição, o modelo não vai se chamar M1, por esse ser o nome de um esportivo já feito pela marca no fim dos anos 70. O propulsor usado deve ser uma variação mais potente do 3.0 litros de seis cilindros em linha - já usado no 135Ci -, que geraria cerca de 400 cv. A apresentação oficial do esportivo deve acontecer no Salão de Paris, em setembro.

Nas rodas do passado

Charme discreto O Suzuki Swift acaba de receber um banho de loja na Europa. As mudanças no exterior são discretas em relação à versão vendida atualmente e incluem as pontas do capô e os faróis. O modelo dispõe de dois propulsores: um a gasolina de 1.2 litro com 94 cv e 12,03 kgfm de torque e outro turbodiesel 1.3 de 75 cv que, segundo a marca, chega a fazer 26,9 km/l. Como há plano dos

representantes da Suzuki de voltar a vender o compacto por aqui, ele deve ser exibido no Salão de São Paulo, em outubro.

Os nostálgicos de plantão têm mais uma opção. A Editora Alaúde acaba de lançar o livro "Karmann-Ghia - O Design Que Virou História". Aobra, escrita pelo médico Paulo Cesar Sandler, relata a trajetória do modelo que conquistou o mercado brasileiro com linhas esportivas e preço de carro de passeio. Fabricado apenas no Brasil e na Alemanha a partir da plataforma do Fusca, o cupê da Volkswagen foi produzido por 19 anos e teve mais de 400 mil unidades comercializadas. O livro tem preço sugerido de R$ 52,50.

Olho no lance Em tempos de Copa, tevê digital portátil virou objeto de desejo. Daí a Unicoba lançar um navegador com receptor de sinal digital. O GPS Apontador Slimway TV tem tela de 5 polegadas, procura automática de canais e guia eletrônico de tevê, denominado EPG, que promete acesso a informações sobre a grade de programação: horário de programas, tempo de duração, nome, descrição, gênero e classificação etária. O aparelho custa R$ 699.


O JORNA L JORNAL Sรกbado, 19 de junho de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

9


10

Sábado, 19 de junho de 2010| www.ojornalweb.

"A SEGSAT tem como o para dar mais tranqüilid

Sérgio Baptista com o mais novo rastreado lançado pela SEGSAT

O AUTOJORNAL desta semana entrevistou o diretor da SEGSAT, uma empresa que tem dois produtos inéditos de rastreamento, o rastreador GPS e o rastreador RS. O empresário Sérgio Neves Baptista. Na entrevista, ele fala um pouco da sua história pessoal, e como os novos produtos irão revolucionar o mercado automotivo, principalmente para evitar roubos e furtos de veículos. A partir desta semana, os proprietários de veículos em Alagoas, já podem contar com os produtos no mercado automotivo, com preço acessível e alta tecnologia. Vale a pena conferir a entrevista. AJ - Como você iniciou sua vida profissional? SB - Tenho 37 anos, sou pernambucano, da cidade de Recife. Minha vida profissional começou muito cedo, porque me casei com 18 anos e fui pai aos 19 anos. Como as coisas aconteceram muito rápido, eu tive que buscar o sustento da minha família. Meu primeiro negócio foi uma boutique de carne. Com pouco dinheiro que eu tinha na época, e uma dedicação muito forte, a em-

presa cresceu, evoluiu e eu a transformei numa distribuidora frigorífica. Com cinco anos, a empresa faturava em torno de um milhão por mês, e já contava com mais de cem funcionários. Na época, o meu sócio comprou a minha parte na empresa, e eu fui tentar enxergar o mercado, observar quais as opções de investimento. Tenho um sangue empreendedor correndo em minhas veias, e enxerguei essa nova opção, o mercado de rastreamento de veículos. AJ - Como surgiu a SegSat e quais os principais marcos na sua história? SB - No final de 1999, eu montei a empresa SegSat em um escritório, e a empresa cresceu e evoluiu. Já faz dez anos, que focamos os produtos em rastreamento de cargas. O objetivo é monitorar a carga para garantir ao cliente que a carga ia sair e ia chegar ao destino de forma segura. O Brasil tem um volume muito grande de roubo de cargas. Só para ter uma idéia, no ano de 2009, tivemos mais de um bilhão de reais em prejuízos de cargas roubadas no país.

Com o passar do te presa evoluiu e eu perceb guradoras tinham um muito grande, como o r capes, e a situação estav do para as seguradoras um mercado inviável. El muito o preço do segu com que este mercado q tinguisse. A partir desta desenvolvemos uma solu treador mais acessível p radoras. E eles começar para fazer o seguro das p o proprietário colocasse rastreador, em contrap davam 30% de desconto gurado. Ou seja, em vário mais barato fazer o segur com o nosso rastreador o rastreador. Então, insta de seis mil equipamento das seguradoras. Em 2007, a empres focar muito no mercad Diferente do que existe n o nosso foco foi gerar re e receita para o empresá dos softwares que nós d mos qu dar i rápida dadeir esse possa cisões conse atame para e está c mais c por ex AJ sistem SB sistem que nó os no frotist també cado

Sérgio Baptista ao centro com sua equipe da SEGSAT


O JORNA L JORNAL 11

veiculos@ojornal-al.com.br

etivo a excelência em rastreamento, de aos seus clientes" físicas. No mercado frotista, o foco é gerar receita para esse empresário através do controle das informações e do controle desta frota possa conhecer o que se passa com seu veículo. AJ - Detalhadamente quais seriam os benefícios deste equipamento? SB - O empresário observa que, com a instalação desse equipamento, ele tem uma redução drástica do consumo de combustível, pagamento de horas extras, redução dos custos de manutenção do veículo com pneus e óleo lubrificante. Enfim, o equipamento mais do que se paga. Se paga e sobra dinheiro para o empresário, além de ele ter todo o controle e eficiência na prestação de serviços com sua frota, vai ter um aproveitamento bem melhor do seu veículo. AJ - A SegSat atua em quantas regiões no Brasil? SB - Comercialmente atuamos em toda a região Nordeste, do Ceará até a Bahia. Estamos entrando no mercado alagoano esta semana, no segmento de varejo e no segmento frotista com o lançamento do novo produto. AJ - Entre seus clientes, quais os que se destacam como referenciais na utilização do seu produto? SB - Temos muitos clientes frotistas, como a Rede Globo Nordeste, a rede Globo Ceará, o Grupo Edson Queiroz, Águas Indaiá, a empresa Esmaltec, Ferreira Costa, a Petrobrás, a Vale do Rio Doce, a Nacional Gás Butano entre outras de grande expressividade, temos uma carteira bastante forte nesse segmento frotista. AJ - Você está lançando o sistema RS, este sistema foi lançado também em outros Estados? SB - Nós lançamos simultaneamente em Alagoas, Recife, Salvador, Aracaju e estamos lançando em todas as capitais nordestinas. É um

produto que a gente acredita que vai mudar muito o mercado de rastreamento no Brasil, começando pelo Nordeste, porque ele possibilita a qualquer proprietário de veículo a equipar seu carro com rastreador e assim proteger seu veículo contra roubos e furtos. AJ - Qual o diferencial deste novo produto? SB - É o preço, é a alta tecnologia, é um equipamento muito acessível. O proprietário paga apenas R$ 29 reais mensais, ou seja, ele é um equipamento completamente acessível a qualquer proprietário de veículo. AJ - A partir de quando o produto estará disponível em Alagoas? SB - A partir desta semana. O produto pode ser encontrado através de nossa central telefônica. O cliente liga para o nosso 0800 - 7262066 e entra em contato com o nosso atendimento. A partir daí, a gente faz um contrato de prestação de serviços, onde o cliente paga o valor mensal de R$ 29,00 reais, e também paga uma única taxa de mão de obra para a instalação do equipamento no veículo, uma taxa de R$ 50,00 uma única vez. A partir de então, o cliente passa a contar com uma central de operações que funciona 24 horas, durante os sete dias da semana. Caso o veículo seja roubado ou furtado, o cliente aciona a central de operações e a gente vai promover todo o processo de resgate e devolução do veículo. AJ - Qual a diferença desse sistema para o GPS? SB - O sistema GPS utiliza os satélites para localização do veículo e a telefonia celular para transmitir essas informações de localização. Ele é um equipamento que permite ao cliente localizar seu veículo pela internet ou pelo celular, também permite estabelecer controles de velocidade e região de circulação do veícu-

lo. É um equipamento que além de promover segurança, previne acidentes ou detecta previamente uma situação de risco. No caso do rastreador RS, é um equipamento focado apenas e exclusivamente no resgate de veículos roubados ou furtados. AJ - Atualmente a SegSat tem quantos produtos disponíveis no mercado automotivo? SB - Nós contamos com estes dois produtos, o rastreador GPS e o rastreador RS. Porém, o rastreador GPS tem várias aplicações, ele tem aplicações para o mercado frotista, para o mercado segurador e tem aplicação para o mercado pessoa física. AJ - O rastreador GPS já está disponível no mercado? SB - Já está disponível, o cliente paga R$ 100,00 reais para instalar o equipamento no seu veículo, e fica pagando uma mensalidade de R$ 75,00 reais por mês. Ele conta também com toda a infra-estrutura da central de operações e consegue localizar seu veículo pela internet, pelo celular assim como os outros controles disponíveis. AJ - A SegSat tem um plano de expansão para outras localidades do Nordeste do Brasil? SB - Com o rastreador GPS, atualmente já contamos com 74 instaladoras em todo o Nordeste. Com o rastreador RS vamos trabalhar exclusivamente nas principais capitais. AJ - Se eu tenho um veículo roubado em Alagoas, posso localizar o carro que estiver em Recife, por exemplo, com o rastreador RS? SB - É preciso lembrar que o veículo é rastreado quando ele é roubado ou furtado, nós temos uma área de cobertura para o rastreador RS. A área de cobertura é ao redor das capitais. É preciso lembrar que, se o cliente é um cliente que viaja muito, ele deve optar pelo rastreador GPS, que tem cobertura em todo o Brasil.


O JORNA L JORNAL 12

Sábado, 19 de junho de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

Banco Mercedes-Benz anuncia novo diretor comercial e atinge mais um recorde em financiamentos Angel Martínez assume a diretoria comercial da instituição financeira O Banco Mercedes-Benz acaba de apresentar seu novo diretor comercial. Angel Martínez, que completou 15 anos de atuação na Mercedes-Benz, assume o cargo. Norte-americano, mas criado no Brasil, Martínez começou sua trajetória profissional no Grupo Daimler, em 1995, nos Estados Unidos. O executivo também passou pela Bélgica, Itália, Argentina e voltou ao Brasil em 2000 para trabalhar na Mercedes-Benz. Durante todos esses anos, atuou nas áreas de Marketing, Vendas, Finanças, Pós-Venda, Novos Negócios e Produção. Martínez também foi responsável pelo gerenciamento dos concessionários na América Latina e atuou como concessionário da marca. Em 2008, foi nomeado presidente e CEO das operações da Daimler da Costa Rica e Nicarágua. A partir de agora, Martínez é responsável por toda a área Comercial do Banco Mercedes-Benz no Brasil. Martínez focará suas atividades no relacionamento com os concessionários, comunicação e marketing. "Meus objetivos principais consistem em aproximar ainda mais o Banco Mercedes-Benz dos concessionários da marca, garantindo bons negócios e assegurando a satisfação de nossos clientes", afirma Angel Martínez. R$ 369,4 milhões financiados em maio O Banco Mercedes-Benz atingiu novo recorde em maio. Somente neste período, a instituição financeira liberou R$ 369,4 milhões, um incremento de 27% na comparação com maio do ano passado, quando foram negociados R$ 289,8 milhões. Com este resultado, o Banco Mercedes-Benz comprova o momento favorável do mercado de veículos comerciais. "As vendas de caminhões e ônibus vêm aumentando devido ao crescimento da economia brasileira. O trabalho contínuo do Banco Mercedes-Benz e as taxas de juros praticadas pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) são os principais responsáveis por mais esse recorde em novos negócios", explica Angel Martínez, diretor comercial do Banco Mercedes-Benz. Apenas em maio, foram financiados 2.954 veículos pelo Banco, sendo 2.040 zero-quilômetro MercedesBenz. No mesmo mês de 2009, foram 2.497 veículos, sendo 1.463 zero-quilômetro Mercedes-Benz. O Finame foi o produto mais utilizado, respondendo por 91% dos negócios. O CDC (Crédito Direto ao Consumidor) foi responsável por 7% dos financiamentos, enquanto o Leasing foi utilizado em 2% do volume total negociado. No período, o CDC foi o produto com maior crescimento, 144%. Foram financiados R$ 27,1 milhões contra R$ 11,1 milhões no mesmo

mês de 2009. O Finame foi responsável por R$ 335,2 milhões, uma alta de 35% na comparação com o mesmo período do ano passado, quando o produto financiou R$ 248,3 milhões. O Leasing, por outro lado, registrou queda de 77%. Em maio deste ano, foram negociados R$ 7,1 milhões ante R$ 30,4 milhões no mesmo mês de 2009. Com este recorde em novos financiamentos, a carteira do Banco Mercedes-Benz alcançou a marca de R$ 6,2 bilhões, registrando um crescimento de 22%. Em maio do ano passado, seu valor era de R$ 5,1 bilhões. Do total registrado este ano, o Finame representa 76%; o Leasing, 17%; o CDC, 4%; o Floorplan, 2%; e CDC Serviços, Capital de Giro e Empréstimo Pessoal, 1%. Crescimento no acumulado O Banco Mercedes-Benz também registrou crescimento no acumulado do ano. De janeiro a maio de 2010, foram negociados R$ 1,27 bilhão ante R$ 1,22 bilhão liberados no mesmo período do ano passado. "Os resultados atingidos pelo Banco refletem o bom momento vivido por nossa economia. Após um período de incertezas, as pessoas voltaram a acreditar no crescimento do País e retomaram seus investimentos", analisa o diretor comercial. Do total financiado, o Finame foi responsável por 87% dos financiamentos; o CDC, por 9%; e o Leasing, 4%. O CDC registrou alta de 64%, passando de R$ 65,6 milhões nos primeiros cinco Angel Martínez assume diretoria comercial do Banco Mercedes-Benz meses de 2009 para R$ 107,5 milhões no mesmo período deste ano. O Finame cresceu 20%. Foram liberados R$ 1,1 bilhão de janei- ainda negocia o Seguro Integrado ao financiamento ro a maio de 2010 contra R$ 933,4 milhões em igual para seus clientes. Além disso, financia os estoques período de 2009. Já o Leasing registrou queda de de seus Concessionários. O Banco Mercedes-Benz 78%. Foram R$ 224,6 milhões negociados entre janei- está presente no Brasil por meio de suas regionais em São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Recife (PE) e Porto ro e maio de 2009 ante R$ 49,7 milhões em 2010. Alegre (RS). A sede fica na cidade de São Paulo, no Centro Empresarial do Aço. No total, emprega 260 O Banco Mercedes-Benz funcionários e atende 196 Concessionários da marca. O Banco Mercedes-Benz, desde 1996 no Brasil, Em 14 anos de atuação no País, o Banco Mercedesatua no segmento de veículos comerciais (caminhões, Benz alcançou uma carteira de R$ 6,2 bilhões, com ônibus e Sprinter) e de automóveis de passeio mais de 39 mil contratos ativos e 78 mil unidades fiMercedes-Benz e smart. O Banco Mercedes-Benz nanciadas.


O JORNA L JORNAL Sรกbado, 19 de junho de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

13


O JORNA L JORNAL 14

Sábado, 19 de junho de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

Fiat Automóveis traz novidades

em sua linha

Para aumentar ainda mais a sua competitividade no mercado, a Fiat Automóveis lança novas versões Attractive 1.4 Flex nos veículos Palio, Palio Weekend e Punto, já como modelo 2011. Esta nova versão oferece novos detalhes de acabamento que deixam o carro ainda mais confortável e sofisticado. A Attractive 1.4 ganha na parte central do painel de instrumento uma nova cor, agora cinza, e também novas calotas, além das novas siglas. Os modelos Palio e Palio Weekend trazem ainda novo tecido nos bancos. Bem equipadas e oferecendo excelente relação custo-benefício, todas as versões Attractive 1.4 dos modelos Palio, Palio Weekend e Punto trazem de série itens importantes e

2011

bastante procurados como direção hidráulica, brake light, follow me home, My Car Fiat, porta-luvas duplo e para-choque na cor do veículo, entre outros. Com a versão Attractive 1.4, veja como ficam a nova gama dos modelos: Fiat Palio: Fire Economy 1.0 Flex 2p, Fire Economy 1.0 Flex 4p, ELX 1.0 Flex 2p, ELX 1.0 Flex 4p, Attractive 1.4, ELX 1.8 Flex, ELX 1.8 Flex Dualogic, 1.8R 2p e 1.8R 4p. Fiat Palio Weekend: Attractive 1.4 Flex, Trekking 1.4 Flex, Trekking 1.8 Flex, Adventure Locker 1.8 Flex e Adventure Locker 1.8 Flex Dualogic. Fiat Punto: Attractive 1.4 Flex, HLX 1.8 Flex, Sporting 1.8 Flex e T-Jet 1.4 16V.

Preços das versões Attractive: Palio Attractive 1.4 Flex - R$ 33.320,00 Palio Weekend Attractive 1.4 Flex - R$ 40.960,00 Punto Attractive 1.4 Flex - R$ 38.940,00

Mais linha 2011 Outra boa novidade é que o Palio ELX 1.0, 2 e 4 portas, agora modelo 2011, ganha direção hidráulica de série - um item bem prestigiado que chega para ampliar a bem equipada lista de série deste modelo, com um aumento de apenas 1% comparado ao modelo anterior. As versões do Fiat Strada

Working 1.4 cabines simples, estendida e dupla e as Trekking 1.4 cabines simples e estendida também passam a ser modelo 2011. Já a versão de entrada do modelo, Strada Fire 1.4, cabines simples e estendida, ganham em sua linha 2011 uma nova grade dianteira, agora pintada na cor do veículo, mas com sua parte central na cor prata acetinado, o que confere ao veículo mais elegância. O preço continua o mesmo em todas as versões do Fiat Strada. Também as versões Doblò 1.4, Doblò ELX 1.4, Doblò Cargo 1.4, Siena Tretafuel 1.4, Palio Weekend Trekking 1.4 e Siena EL já chegam ao mercado como modelos 2011 e sem alteração de preços.


O JORNA L JORNAL Sรกbado, 19 de junho de 2010|| www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

15


O JORNA L JORNAL 16

| www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br Sábado, 19 de junho de 2010|

Audi RS 5 tem objetivo de unir

aparência sublime e desempenho explosivo

A saga dos Audi RS começou em 1994, com o lançamento do 80 Avant RS 2, de 315 cv, desenvolvido em colaboração com a Porsche. Na sequência surgiram a RS 4 Avant de 380 cv no ano 2000 - o primeiro modelo criado pela divisão Quattro -, o RS 6 de 450 cv, em 2002 - sedã e Avant -, a segunda geração do RS 4 de 420 cv, em 2005 - sedã, Avant e cabriolet - e, já em 2008, a segunda geração do RS 6 de 580 cv - sedã e Avant. Agora, é a vez do RS 5. Disponível apenas na versão cupê - pelo menos por enquanto -, ele pode ser considerado um dos melhores esportivos da atualidade. Com seu motor V8 de 450 cv e câmbio STronic de sete velocidades e dupla embreagem, o RS 5 é o verdadeiro rival do BMW M3 Coupé. Existem automóveis que "prendem" a vista das pessoas. Pela elegância que exibem, pela imponência que ostentam, pelo poder de sedução que desencadeiam. O RS 5 é um destes. As proporções salientes da carroceria juntam-se ao extremo bom gosto na elaboração de cada detalhe. Agressivo sem ser espalhafatoso, é dos cupês que mais se destacam no quesito beleza na atualidade. No exterior, a grade "single frame" cinza traz contornos cromados do tipo colmeia. O conjunto ótico é composto por LEDs, enquanto os pneus 265/35 "calçam" rodas de liga leve de 19 polegadas - pneus 275/30 com rodas de alumínio de 20 polegadas estão entre os opcionais. Os retrovisores são em alumínio acetinado, tem molduras dos vidros cromadas e pinças do freio da cor titânio. Disponível em oito cores, o RS 5 conta com dois pacotes estéticos. Um inclui acabamento preto na grade e na moldura das janelas. Outro é composto por inserções em alumínio na base dos para-choques. Entre os opcionais, está disponível o kit que traz capô em fibra de carbono. O modelo também é equipado com um aerofólio colocado na tampa do porta-mala que se ergue aos 120 km/h e recolhe abaixo dos 80 km/h

põem de regulagem elétrica, quatro opções de ajuste lombar e suporte lateral. A Audi oferece como opcional bancos mais esportivos, com várias cores à escolha e diversos tipos de couro. Ao mesmo tempo, pedais, apoio para o pé esquerdo, saídas do sistema de climatização, botões do sistema MMI e outros pequenos detalhes trazem revestimento em alumínio. - há um botão no interior que lhe permite ficar sempre acionado. O RS 5 pode oferecer, ainda, ponteiras de escapamento cromadas ou pretas, estas últimas ressaltando ainda mais o espírito esportivo do carro. Em relação ao Audi A5 cupê "normal", este modelo é 2,4 cm mais comprido, 0,6 cm mais largo e 0,6 cm mais baixo. No interior, como não poderia deixar de ser, a palavra-chave é esportividade. Estão presentes volante de três raios revestido a couro, quadro de instrumentos com fundo escuro, grafismos brancos e aros cromados, bancos revestidos em couro. Os assentos ainda dis-

Primeiras impressões Marbella/Espanha - Se existe algo que o RS 5 faz com maestria é massagear o ego de quem o conduz. Isso porque seu desempenho dinâmico é seguro, preciso, fácil e, principalmente, provocante. As cinco voltas no circuito Ascari Race Resort, nos arredores de Marbella, Espanha, revelaram toda potência do excelente motor 4.2 V8 FSI. Capaz de gerar 450 cv com torque máximo de 43,8 kgfm, o propulsor é assistido pela caixa de marcha S Tronic de dupla embreagem e sete marchas, sendo este modelo o primeiro RS a utilizá-la.

As performances são explosivas e a sonoridade do motor é um encanto. A transmissão é extremamente rápida e inteligente na forma como interpreta as solicitações do condutor. A versão testada contava com pneus opcionais de medida 275/30ZR20, que também contribuem para um nível de tração e estabilidade fora do comum. O Audi RS 5 dispõe, de série, do Audi Drive Select, que oferece para o motorista as seguintes características de condução: Comfort, Auto, Dynamic e Individual - esta última disponível apenas caso esteja instalado o opcional sistema de navegação. Estas opções permitem adaptar direção, suspensão, motor, atuação da caixa de marchas e sistema de escapamento em função das necessidades ou estilo de condução do condutor. Por sua vez, o sistema de estabilidade oferece a opção de um modo mais permissivo, podendo até mesmo ser totalmente desativado. Por ser 1 cm mais baixo que a versão S5 e 2 cm comparado com o A5 Coupê "normal" -, o RS 5 dispõe de amortecedores mais firmes em relação à versão convencional, sendo as molas também mais enrijecidas e as barras estabilizadoras mais grossas.


O JORNA L JORNAL Sábado, 19 de junho de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

Um dos destaques deste esportivo está na nova geração do sistema Quattro. Aplicável apenas nos modelos dotados de motor longitudinal com caixa de transmissão S Tronic, a grande novidade está no diferencial central autoblocante "crown gear". O sistema contempla dois conjuntos de engrenagens. O dianteiro transmite torque ao eixo da frente, enquanto o traseiro encarrega-se de fazer o mesmo para o eixo posterior. Em condições normais, a distribuição do torque é de 60/40. Sempre que acontecem diferenças na tração entre os eixos, esta relação é modificada, indo a maior porcentagem de torque para o eixo que tiver as melhores condições de motricidade. Até 85% para a traseira, se for o eixo dianteiro o com pior tração. Até 70% para a dianteira, caso seja o eixo traseiro o de pior tração. O RS 5 testado no circuito espanhol também contava com o opcional de diferencial traseiro esportivo, encarregado de distribuir torque entre as rodas traseiras. Além deste, também equipavam o esportivo outros opcionais, como discos de cerâmica nos freios e suspensão esportiva. Com todos estes ingredientes, o resultado não poderia deixar de ser excelente.

Ficha Técnica Audi RS 5 Motor: A gasolina, dianteiro, transversal, 4.163 cm³, com oito cilindros em "V", quatro válvulas por cilindro. Acelerador eletrônico e injeção direta de combustível. Transmissão: Câmbio automático STronic com sete velocidades à frente e uma a ré, sistema de dupla embreagem e opção de mudanças sequenciais. Tração integral e diferencial central autoblocante. Controle eletrônico de tração. Potência máxima: 450 cv a 8.250 rpm. Torque máximo: 43,8 kgfm entre 4 mil rpm e 6 mil rpm. Diâmetro e curso: 84,5 mm X 98,8 mm. Taxa de compressão: 12,3:1. Suspensão: Dianteira independente, com cinco braços, amortecedores a gás, molas helicoidais e barra estabilizadora. Traseira independente, com braços trapezoidais, amortecedores a gás e molas helicoidais e barra estabilizadora. Controle eletrônico de estabilidade ajustável. Freios: Discos ventilados na frente e atrás. ABS, EBD e assistente de frenagem de emergência. Carroceria: Cupê em monobloco com duas portas e quatro lugares. Com 4,65 metros de comprimento, 1,86 m de largura, 1,37 m de altura e 2,75 m de distância entre-eixos. Peso: 1.800 kg, com 452 kg de carga útil. Capacidade do porta-malas: 455 litros. Tanque de combustível: 64 litros.

17


O JORNA L JORNAL 18

TMD FRICTION: DOIS ANOS NO DESENVOLVIMENTO

DE PASTILHAS E LONAS DE FREIO PARA O NOVO UNO

A TMD Friction do Brasil é a fornecedora de 100% das pastilhas e lonas de freio Cobreq do Novo Uno, veículo recentemente lançado pela Fiat, no mercado nacional, em substituição à versão anterior, da qual só restou o nome. Foram dois anos em desenvolvimento, com testes de laboratório e campo. Para o fornecimento do Novo Uno atendeuse às exigências da montadora em termos de performance e conforto do sistema de freio, as quais representam vários passos à frente do se faz, atualmente, no mercado. Ou seja: as pastilhas de freio do eixo dianteiro e as lonas de freio, integralmente moldadas, do eixo traseiro, tiveram de atender a requisitos extremos de desempenho. Nestes dois anos, os veículos foram submetidos a testes sob diversas temperaturas, velocidades e condições de carga. E sem perder performance ou apresentar ruídos. Também foram alcançados níveis inéditos de durabilidade. Neste desenvolvimento, a TMD Friction, além de seus modernos laboratórios no Brasil (Indaiatuba – SP), ainda contou com o apoio do mais conceituado Centro de Pesquisa e Desenvolvimento para Materiais de Atrito do planeta – localizado na planta da TMD Friction em Leverkusen, Alemanha. “Para o lançamento de novos produtos, num mercado brasileiro cada vez mais exigente, as montadoras estão investindo significativamente em design e tecnologia. Neste processo, aos fornecedores são requeridos investimentos em desenvolvimento de tecnologias avançadas e inovadoras” – afirma Feres Macul Neto, presidente da TMD Friction do Brasil. “É a única forma de atender cada cliente nos seu objetivo de posicionamento de produtos no mercado. E a TMD se orgulha por ter participado deste importante lançamento que, sem dúvida alguma, confirma a capacidade da engenharia automotiva brasileira” – finaliza Feres.

Sábado, 19 de junho de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br


O JORNA L JORNAL Sรกbado, 19 de junho de 2010|| www.ojornalweb.com | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br

19


O JORNA L JORNAL 20

Sรกbado, 19 de junho de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: veiculos@ojornal-al.com.br


AUTOJORNAL 19/06/2010