Page 1

Exemplar de assinante

Maceió, quarta-feira, 7 de abril de 2010 | Ano XVI | Nº 106 | www.ojornalweb.com

|

ALAGOAS

R$ 1,00

Chuvas causam estragos e dezenas de mortes no Rio

Carros ficaram amontoados ontem na Rua Senador Furtado, localizada no bairro do Maracanã

Defesa Civil colocou barcos à disposição de quem precisava atravessar a Praça da Bandeira

s chuvas que casti- saram estragos e deze- São Gonçalo, Nilópolis, conteceu em decorrência gio Cabral afirmou que mau tempo. A PM acogam o Rio de Janeiro nas de mortes na capital Paracambi e Petrópolis. dos deslizamentos de bar- vai decretar estado de lhe os desabrigados. desde segunda-feira cau- e nas cidades de Niterói, A maioria dos óbitos a- reiras. O governador Sér- emergência por causa do Página A5

A

Terroristas matam 35 no Iraque Página A6

Ibama vai dar parecer sobre estaleiro

Quase metade da população brasileira está na classe média Disponibilidade de crédito e renda alta impulsionaram a classe C do País nos últimos cinco anos Página A10 Marco Antônio

Funcionários do Lifal deflagram greve por tempo indeterminado

Página A8

Ciclista morre atropelado por ambulância

Os funcionários do Laboratório Farmacêutico de Alagoas (Lifal) entraram em greve ontem. O governo do Estado também vai enfrentar hoje o aquartelamento dos militares e passeata contra a privatização da saúde.

Página A10

Manifestantes bloqueiam a AL-220 Página A12

Página A9

Penedo: novo prefeito toma posse e fala em crise

Brasileiro vai desenhar o Super-Homem Página B1

CO TAÇÕES Dólar (compra) ........................................1,7530 Dólar (venda) ..........................................1,7550 Euro ....................................................... 2,351) IGP-M .................................................... 0,9400 Salário mínimo ....................................... 510,00 Poupança ............................................... 0,5226

MARÉS 04h43.................................................................. 1.0 10h38.................................................................. 1.6 17h28 ................................................................. 0.8 23h51 ................................................................. 1.6

Funcionários do Laboratório Farmacêutico de Alagoas cruzaram os braços na tarde de ontem em protesto contra o Estado

ESPORTES

Semifinalistas do Paulistão serão definidos hoje

Jogo do Fla pela Libertadores não está confirmado

O Paulistão tem jogos decisivos hoje envolvendo São Paulo, Corinthians, Prudente e Lusa, que lutam por duas vagas no G-4. O Tricolor duela com o Santo André e o Timão pega o Rio Claro.

A Conmebol informa hoje se a partida entre Fla e Universidad de Chile, válida pela Libertadores, vai ser disputada nesta noite. Ontem, o Maracanã ficou alagado.

Página A14

Página A14

O novo prefeito de Penedo, Israel Saldanha (DEM), tomou posse ontem e anunciou cortes. Crise foi um dos motivos da renúncia do ex-prefeito. Uma liminar tirou R$ 600 mil dos cofres da cidade. Página A4

Presidente da ALE promete polícia contra servidores O presidente da Assembleia Legislativa, Fernando Toledo (PSDB), prometeu usar força policial caso os servidores da Casa, que cobram o Plano de Cargos e Carreira (PCC), insistam em fechar o prédio. Página A3

CMYK


O JORNAL

Opinião A2

A vida nas “polis” “As pessoas não se tocam sequer com um simples olhar” Alberto Rostand Lanverly Professor da Ufal e membro da Academia Maceioense de Letras A cidade grande impõe a seus habitantes tal clima de competição que, na maioria das vezes, os afasta de seus semelhantes. As pessoas andam nas ruas preocupadas, não só com suas obrigações, mas, acima de tudo, com a própria segurança. Elas não se tocam sequer com um simples olhar ou se cumprimentam, seguindo em frente como verdadeiras ilhas em um oceano de solitários. Bolsas e pastas debaixo do braço tentam, da melhor forma possível, proteger seus pertences da ousadia dos “amigos do alheio”. As praças, repletas de mendigos e “sem terra”, nem de longe parecem os bucólicos ambientes onde o pôr-do-sol embalava animadas conversas de vizinhos, enquanto casais enamorados sentavam-se nos bancos para ver a bandinha tocar “dobrados” que inspiravam seus sonhos. A sirene do carro de polícia, o silvo do apito dos guardas de trânsito, as freadas bruscas dos veículos, o barulho ensurdecedor vindo das inúmeras caixas de som existentes em todos os ambientes das metrópoles, aos poucos se tornam a melodia da hora, dando ao ser humano características de uma maquina que luta, não só pela sobrevivência, mas, para permanecer vivo. É o bandido que segue um jovem casal recém saído de um banco, trazendo valores irrisórios, e, quando não consegue furtá-lo, neles desfere vários tiros que somente não ocasionaram mais uma tragédia urbana devido à interveniência de Deus que sobre eles colocou seu manto blindado. É o homem que, não conseguindo emprego e não satisfeito com as migalhas do programa “bolsa família”, resolve sair por aí realizando o mal, até que, finalmente, uma bala estoure seus miolos. É a violência, quase mecânica, tão em voga neste inicio do Século XXI, onde não existe mais segurança plausível nem para ambientes sagrados, como o próprio lar. Os costumes mudaram de tal forma que as práticas de minha juventude nem de longe são consideradas, nos tempos atuais, imagine as da época de meus pais, ainda hoje atuantes a inspirar o meu cotidiano. Recordo-me que, na “Fazenda Simpático”, de propriedade de meu bisavô, lá no sertão de Caicó, existia a “casa grande” que, em minha visão infantil, parecia muito maior que realmente era. Naquele imóvel, o quarto do casal era enorme e, de uma de suas extremidades, saiam dois outros ambientes, idênticos, que formavam um “Y” em relação ao primeiro. Em ambos, as janelas eram limitadas por grades e a única porta dava para dentro do ambiente de dormir de meus ancestrais. Já com mais idade, soube tratar-se dos aposentos de minhas tias – avós, que ali permaneciam com a segurança máxima dos engradados e a rédea curta dos genitores, numa época em que era comum as “donzelas fugirem” para se casar. Nos tempos de hoje, quando o “I-pod” e a internet destroem distâncias, os “velhos” é que permanecem dentro de casa e, com medo da violência, se cercam com artefatos bem mais modernos que aqueles colocados, tempos atrás, no local de dormir das irmãs de meu avô. Se realmente o homem é um produto do meio, a vida nas “polis” se caracteriza como verdadeira roleta russa, onde, apesar do esforço de muitos para fazer do sorriso uma importante arma, fundamentada na qual os seres racionais lutam para continuar vivendo, a maldade, a frustração e, principalmente, o recalque plantado na aurora da compreensão de tantos outros, são atributos que parecem preponderar, mas que devem ser fortemente combatidos, possibilitando à felicidade voltar a pairar no âmago dos habitantes do mundo moderno.

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: opiniao@ojornal-al.com.br

Nordestão em debate O Nordestão é considerado pelos dirigentes do CSA como a salvação da temporada. Sem dinheiro em caixa, o Azulão deve montar uma equipe modesta para disputar o Alagoano da Segunda Divisão. Caso a competição regional saia realmente do papel, o clube vai ter recursos para formar um elenco competitivo para as duas disputas. Mas a viabilização do campeonato não vai ser muito fácil. Mesmo com a aprovação da CBF, os dirigentes da Liga vão precisar ter uma boa capacidade de convencimento para definir os 16 participantes. O presidente da entidade que organiza o Nordestão, Eduardo Rocha, informou na última segundafeira que, se o torneio receber o aval da CBF, os clubes fundadores da Liga vão participar do campeonato deste ano. Mas há times que conquistaram em campo um lugar no Regional, como é o caso do Corinthians-AL, campeão da seletiva de 2002, e que pleiteiam vaga na disputa. Em situação parecida está o Fluminense de Feira, vice-campeão da competição realizada em 2003, quando o torneio foi tirado do calendário do futebol nacional pela CBF. Rocha garante que vai conseguir fazer uma composição com os clubes para viabilizar o Regional já em junho desta temporada. Ele também informou que uma saída para resolver os problemas de adequação à tabela seria a organização de uma Segunda Divisão, com o campeão de cada Estado tendo representação no torneio. A segunda opção seria mais uma batalha jurídica.

Ponto de vista

San

As praças que sumiram! “São tantos exemplos desses casos de destruição da nossa História”

O Regional é, sem dúvida, a melhor alternativa para os clubes do Nordeste fazerem caixa. Grandes marcas estão envolvidas na disputa, o produto tem receptividade do público e os patrocinadores também deram sinal verde para a competição. Mas o torneio precisa ser planejado com cautela para não morrer no ano da reestreia. Há quem defenda na Liga e nas federações a organização do campeonato apenas em 2011, com mais tempo de diálogo entre as partes conflitantes. O CSA, precisando urgentemente voltar aos gramados e de recursos para formar um time, trabalha nos bastidores para que a ideia da competição em junho saia, enfim, do papel. O CRB, outro alagoano garantido no torneio se ele for realizado nos moldes do projeto apresentado pela Liga, teria que montar um elenco maior, capaz de suportar a disputa da Série C e do Nordestão, mas também está receptivo ao aporte de capital prometido pela Liga. Grandes clubes, como Vitória, Bahia e Sport, devem impor algumas condições para confirmar a participação e pensam mais no futuro, até porque têm mais opções de receita. No momento de fechar o acordo, os dirigentes devem saber que todos os times precisam usar a força máxima no torneio. Se houver um racha entre os clubes e o Nordestão voltar sem força, dificilmente a competição vai se consolidar no novo calendário do futebol nacional.

Muito além do nada “Ao invés do vazio esperado, mergulha-se na angústia da inexistência da morte: o nada não existe” Yvette Maria Moura Jornalista

José Jair Barbosa Pimentel Jornalista e escritor Maceió sempre teve os verdadeiros “donos da rua”, que fecham acesso ou simplesmente destroem o patrimônio público e se instalam com suas atividades comerciais. Nada acontece e a população perde suas áreas de lazer e descanso. E mais: dezenas de sobrados com fachadas em azulejos portugueses construídos no século XIX, foram derrubados para dar lugar a loja, edifícios e até estacionamentos. Somente a partir da década de 1990, o Centro e Jaraguá foram tombados pelo Patrimônio Histórico e o que restou, foi preservado. São tantos exemplos desses casos de destruição da nossa História! Mas vou citar apenas o que presenciei desde que vivo em Maceió a partir de 1958, aos 7 anos de idade, vindo de Viçosa. O apogeu desse abuso de poder, com a conivência da Prefeitura, ocorreu nas décadas de 1960/70, principalmente nas ruas do Comércio, do Sol, da Boa Vista, da Alegria, do Macena, Nova e nas praças Dom Pedro II, Palmares, Deodoro e Martírios, onde existiam muitas residências. A Praça Emílio de Maya ficava em frente ao Cine Ideal (que tinha ainda uma outra frente na 16 de Setembro). O homenageado, alagoano de Atalaia, formou-se em Direito no Rio de Janeiro, onde foi jornalista e deputado federal, representante de nosso Estado. Era um lindo espaço de lazer, com plantas bem cuidadas, bancos para descanso, um busto dele. Sumiu no final da década de 1950, para dar lugar a um amontoado de barracas de camelôs, ficando apenas na saudade daqueles que ainda guardam fotos daquele espaço de lazer, para paquerar e namorar logo após assistir aos filmes no Cine Ideal, que também fechou e possuía duas entradas. Ao lado, o famoso Bar e Restaurante Garcia. Uma sugestão: retornar a praça, já que está chegando os novos trens da CBTU e a “Feira do Rato” vai acabar. O Parque Rodolfo Lins, homenagem ao político e advogado assassinado dentro de seu automóvel, em 1935, por questões políticas entre os irmãos Góes Monteiro, sendo seu cadáver jogado na Rua do Comércio. É também conhecido como Praça do Pirulito, por sua extensão se iniciar estreita e ir se alargando até chegar a Praça Emílio de Maya. Não existe mais. É um corredor de transporte. Mas o nome permanece. Por Até a década de 1950, era o centro dos festejos natalinos da cidade. Agora, só na lembrança dos saudosistas. Na Avenida da Paz, ao lado do tradicional Clube Fênix Alagoana, existia a Praça Napoleão Goulart, homenagem a esse alagoan da tradicional família Pimentel Goulart de Andrade que tem ainda o famoso poeta J.M. Goulart de Andrade, da Academia Alagoana de Letras e Academia Brasileira de Letras. Era sócio da firma Goulart & Cia e foi presidente do Clube Fênix e um dos seus fundadores. O espaço era contornado de árvores, bancos para descanso e jardim com plantas tropicais. Sumiu também na década de 1960, para dar lugar ao parque aquático do Clube, restando apenas fotos da época. A Praça da Independência, também conhecida como Praça da Cadeia, ficava em frente ao Quartel Geral da Polícia Militar. Mas quando a cadeia foi derrubada e construída uma maior no Tabuleiro do Martins (Sâo Leonardo), a praça foi aos poucos se transformando em estacionamento de veículos e camelódromo. Nada lembra ser realmente uma praça. Tem até um posto de combustíveis no meio. Mas o nome continua como endereço comercial. Em frente à Igreja do Livramento, existia a Praça Dona Rosa da Fonseca (mãe do marechal Deodoro da Fonseca) e outros notáveis da História de Alagoas. Tinha bancos, jardim e no centro, um pedestal com seu busto. Mais um abuso de poder e descaso da Prefeitura: a praça sumiu para dar lugar à ampliação do Bar do Chopp que já existia em sua frente. O busto foi parar na Casa Museu, onde ela viveu e criou seus filhos, em Marechal Deodoro. Menos mal! Pior é se tivesse sido destruído. Mas a praça deixou saudade, assim como as demais. E as que sobraram, já não possuem o esplendor de antigamente. Estão abandonadas e servindo de reduto de marginais. Exemplos da Sinimbú e Faculdade A Prefeitura vem fazendo melhorias na Deodoro, mas modernizando, nada a ver como era conhecida como Praça de La Concorde, alusão a famosa praça de Paris, com coreto e tudo mais. A dos Martírios e sua fonte luminosa, além da Galeria de Arte Rosalvo Ribeiro, também ficou na lembrança, assim como o nosso “marco zero”, a Praça Dom Pedro II, onde a cidade nasceu no século XVIII, como Engenho Massayó.

Para você, que está vivendo um momento muito difícil, que passou por uma situação deveras humilhante e constrangedora, que tem amargado a indiferença e a deslealdade de uma pessoa muito querida, ou está sofrendo uma pressão sócio/moral muito grande, e sente-se cansado, é preciso que se diga: - Tudo isso passa! Os momentos difíceis, as situações infelizes e as experiências tristes; o abandono, as perdas, as humilhações e as traições de toda sorte, assim como tudo de bom que já experimentaste nesta existência, leitor(a) amigo(a), também vai passar. Acredita! Por falta de uma fé raciocinada e pela ansiedade – fruto do imediatismo de que se fazem vítimas –, muitos se despedem da vida com o estigma inglório dos desertores. Mas, ao contrário do que supunham, a morte do corpo não põe fim às aflições da alma nem apaga os males que nos afligem; pelo contrário! Experiência de dor atroz – porque moral –, o suicídio só amplia as agruras das quais se tenta fugir, como uma lente de aumento. O pavor e a solidão de antes, a dor que parecia interminável, agora, serão companheiros constantes... Ao invés do vazio esperado, mergulha-se na angústia da inexistência da morte: o nada não existe. Assim como o suicídio, também a loucura assinala a fuga daqueles que não aprendem a “esperar em Deus”. Daqueles que não têm a coragem de enfrentar os desafios com a humildade de reconhecer-se, também, uma criatura passível de erros; daqueles que não aceitam “perder” e buscam os desvios por não suportarem as pedras do caminho... O homem consciente, afirma Allan Kardec no livro “O Céu e o Inferno”, não se limita a crer, porque compreende; e compreende porque raciocina. “A vida futura é uma realidade que se lhe desenrola incessantemente aos olhos, [...] de modo que a dúvida não pode empolgá-lo, ou ter-lhe guarida na alma”. Que lhe importam os incidentes da jornada – questiona o codificador do Espiritismo – se ele compreende a causa e a

utilidade das vicissitudes humanas, quando suportadas com resignação? Nada perece na Criação Divina. Nada mais, além da matéria, está limitado aos prazos e aos moldes terrenos. A vida é eterna, e a eternidade é uma fatalidade do espírito – que somos todos nós. Em contrapartida, tudo passa. Mas é preciso ter paciência e saber esperar “as cenas do próximo capítulo”, que serão escritas por nós mesmos. O melhor, acredita, sempre está por vir... É preciso, no entanto, que se abdique das vantagens imediatas em prol do futuro – salienta Kardec. “Devemos considerar essa vida sob um ponto de vista que satisfaça simultaneamente à razão, à lógica, ao bom senso e ao conceito em que temos a grandeza, a bondade e a justiça de Deus”, sugere o mestre lionês. Em outra página, no Evangelho Segundo o Espiritismo, ele orienta dizendo: “A calma e a resignação, hauridas na maneira de encarar a vida terrestre e na fé no futuro, dão ao espírito [leia-se cada um de nós] uma serenidade que é o melhor preservativo contra a loucura e o suicídio”. Cuidemo-nos hoje, portanto, conscientes da total responsabilidade que temos para com a própria saúde, equilíbrio e lucidez. A felicidade é uma construção diária, constituída não de ilusões e fantasias, mas de conquistas reais – realizadas, principalmente, sobre nós mesmos. E não importa se acreditas nisso ou não; assim é a Lei. Quanto aos que arrancaram as páginas da existência acreditando na ilusão do nada, demo-lhes o conforto das nossas preces e da nossa compaixão. Lembremos que Jesus afirmou que nenhuma das suas ovelhas se perderia do redil, e que Ele mesmo nos apresentou o Deus-Pai. Portanto, se os pais da Terra, que são falhos, continuam a amar os seus filhos apesar das escolhas erradas que fizeram, ou dos erros que por ventura venham a cometer, que dirá o nosso Pai do Céu, que é todo amor, justiça e bondade?

O JORNAL Diretor-Executivo Petronio Pereira petronio@ojornal-al.com.br

Coordenador Editorial - Voney Malta vfamalta@ojornal-al.com.br Chefe de Reportagem - Vera Valério redacao@ojornal-al.com.br Editora de Cidades - Flávia Batista cidade@ojornal-al.com.br Editor de Política - José Árabes politica@ojornal-al.com.br Editora Nacional/Internacional - Iracema Ferro (Interina) nacional@ojornal-al.com.br

Deraldo Francisco deraldo@ojornal-al.com.br

Editor de Economia - Marco Aurélio economia@ojornal-al.com.br Editor de Esportes - Victor Melo esportes@ojornal-al.com.br Editora de Cultura - Alessandra Vieira cultura@ojornal-al.com.br Editor de Veículos - Gabriel Mousinho veiculos@ojornal-al.com.br Editora de Turismo - Nide Lins turismo@ojornal-al.com.br

Diretora Comercial Eliane Pereira comercial@ojornal-al.com.br

Editor Gráfico - Alberto Lima albertolima@ojornal-al.com.br Editor de Fotografias - Marco Antônio marcoantonio@ojornal-al.com.br

Homossexualismo dentro das organizações “A fobia vem cedendo lugar ao respeito mútuo” Marcos Alencar Gerente de Marketing e Comunicação do Sebrae em Alagoas, com formação em Relações Públicas, pela UFAL (1992) e mestrado em Comunicação, pela UFRJ (2001). Ser gay ou ter amigo(a) gay dentro das empresas era um tema que ultrapassava os limites da competência. “Por mais capaz que você seja, suas chances de ser preterido numa promoção são maiores”, afirma a consultora de recursos humanos Sandra Lima. Pior que isso: uma ligeira desconfiança da sua homossexualidade, além de virar motivos para piadas, punha para a marginalidade qualquer um que fosse a bola da vez. Risos, zombarias, humilhações e para sempre o estigma. Assim era a vida dos que assumiam a sua sexualidade ou daqueles que atravessavam o caminho do medo, da dúvida, da suspeição. Além da sombra do preconceito, precisavam carregar o fardo de serem preteridos quando se falava em promoção. Até o final do século passado, quem se declarasse homossexual dentro da empresa corria o risco de perder o emprego ou acabava vivendo na clandestinidade. Manter amizades, ter reuniões de trabalho com pessoas que declaradamente afirmavam-se como gay era algo impensado. Os tempos mudaram e com ele estamos vivendo um ambiente mais democrático e menos preconceituoso para lidar com o tabu da homossexualidade dentro das empresas. A fobia vem cedendo lugar ao respeito mútuo e as seleções para muitos cargos, bem como os programas de crescimento de carreiras, está sendo conduzida por gestores que compreenderam que a empresa que é homofóbica tem muito a perder com imagem e nichos de mercado. Agir com preconceito, além de crime, é um péssimo negócio. Produtos e serviços ganham a preferência dos homexessuais não porque valorizam desejos reprimidos, mas por que atendem com inclusão mercadológica a necessidade de consumo desse público. Não são cores que identificam a estratégia de marketing que uma empresa deverá fazer para se reposicionar perante os clientes homossexuais. É justamente o contrário: entendê-los como são, aceitá-los como consumidores altamente exigentes e falar com eles de igual para igual é comunicar-se com clareza e inibição, sem medos. Porém, é preciso entender que as lutas são grandes para se conquistar o respeito. Quando se alcança uma posição importante e estratégica dentro de uma grande empresa, assumir-se gay costuma ser muito mais difícil que falar em casa ou para os amigos. Os motivos todos já conhecem: executivos homossexuais acreditam que podem ser vítimas de discriminação ou perder oportunidades de crescimento dentro da organização. No livro Empregos Heterossexuais, Vidas homossexuais, obra que descreve a vida de homossexuais na Harvard Business School e nas empresas americanas, as autoras Annete Friskopp e Sharon Silvertein apresentam fatores que contribuem para que muitos executivos não assumam a homossexualidade tais como o desejo da privacidade e associação da preferência sexual ao vírus HIV. Apesar dos tempos da fogueira ter ficado para trás, muitos empregadores “queimam” as oportunidades de emprego e desenvolvimento dos homossexuais, que por optarem por uma preferência sexual diferente da convencional, não são nem mais nem menos competentes. Quando for superado esse mar de preconceito, ter-se-á derrubada a última fronteira. Cartas à Redação: opiniao@ojornal-al.com.br

EDITORA DE JORNAIS DE ALAGOAS LTDA e-mail: ojornal@ojornal-al.com.br site: www.ojornalwebcom Av. Gustavo Paiva, 3771 - Mangabeiras - Maceió -AL - CEP: 57037-280

PABX (082) 4009-1900

REPRESENTANTE NACIONAL FTPI

FAX/REDAÇÃO (082) 4009-1950 FAX/COMERCIAL (082) 4009-1960 CLASSIFICADOS (082) 4009-1961 ATENDIMENTO AO ASSINANTE (082) 4009-1919 Vendas avulsas Alagoas: Dias úteis - R$ 1,00 Domingos - R$ 2,00 Nºs atrasados - R$ 4,00 Outros estados: Dias úteis - R$ 3,00 Domingos - R$ 5,00

SÃO PAULO: (11) 2178-8700 RIO DE JANEIRO: (21) 3852-1588 BRASÍLIA: (61) 3326-3650 RECIFE: (81) 3446-5832 www.ftpi.com.br Sucursais MARAGOGI – SUCURSAL COSTA DOS CORAIS END. PRAÇA BATISTA ACIOLY, Nº 43 CENTRO – FONE – 3296-2221 E-MAIL: maragogi@ojornal-al.com.br ARAPIRACA – SUCURSAL AGRESTE END. PRAÇA LUIZ PEREIRA LIMA, 287, 1º ANDAR, SL 09 CENTRO - FONE - 3521-4608 E-MAIL: arapiraca@ojornal-al.com.br

Assinaturas em Alagoas: Semestral - R$ 185,00 Anual - R$ 370,00 Assinaturas em outros estados: Anual - R$ 560,00 / Semestral - R$ 280,00

OS ARTIGOS ASSINADOS SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DE SEUS AUTORES E NÂO REFLETEM A OPINIÃO DE O JORNAL


O JORNAL

Política

A3

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: politica@ojornal-al.com.br

Contexto politica@ojornal-al.com.br

BOMBA 1 Correu rápido como o vento uma entrevista concedida pelo deputado federal Benedito de Lira (PP) a uma rádio em Santana do Ipanema. Nessa entrevista, o deputado teria anunciado que indicaria aliados seus para o comando de duas secretarias de Estado e do Detran em uma aliança com os tucanos em Alagoas. Tal informação correu o Estado como uma bomba. O efeito dessa explosão foi repercutido no programa Cidadania, do comunicador França Moura, na RÁDIO JORNAL. A repercussão também foi noticiada em sites e blogs. De Brasília, Benedito de Lira negou que tenha tratado do assunto na entrevista e desmentiu o entendimento com o PSDB. No entanto, disse estar pronto para conversar com qualquer grupo político. Mas, apesar dos desmentidos, não há como negar que há um estrago na imagem do PP perante a opinião pública sobre a “suposta” negociação para apoiar os tucanos em troca de espaço na administração.

BOMBA 2

BOMBA 3

Também é inegável o mal estar causado em membros do partido presidido por Benedito de Lira. Esses não aceitam a possibilidade de ficar fora da base aliada do presidente Lula em Alagoas.

A notícia de que o Detran faria parte do acordo causa também apreensão entre os funcionários da autarquia. Embora defendam mudanças no órgão, rejeitam indicação meramente política.

DISSE-ME-DISSE 1 Existem membros do tucanato alagoano que negam com veemência que a renúncia do ex-prefeito de Penedo, Alexandre Toledo, tenha sido em comum acordo com o governador Teotônio Vilela. Só tempo dirá...

DISSE-ME-DISSE 2 Ao mesmo tempo, outros tucanos dizem que Toledo viu que os recursos municipais estavam minguando e que essa situação traria muitas dificuldades para administração. Daí, ter desistido de continuar prefeito, foi um salto. Esta é outra questão que só o tempo irá esclarecer...

Presidente da ALE promete força contra servidores que pedem PCC Funcionários do Legislativo conseguiram impedir realização da sessão de ontem Yvette Moura

Lula Castello Branco

Alexandre H. Lino Repórter

Com um discurso duro, o presidente da Assembleia Legislativa, Fernando Toledo (PSDB), prometeu usar força policial caso o Sindicato dos Trabalhadores do Poder Legislativo (STPL) insista em manter o fechamento do prédio. Após o piquete que fez com que a sessão de ontem começasse com atraso - e terminasse não acontecendo, o tucano subiu o tom, mas fez questão de dizer que apesar da greve, manterá o diálogo e prometeu implantar Plano de Cargos e Carreira (PCC). Para hoje está marcada uma reunião do STPL com Toledo, o 1° secretário, Jota Cavalcante (PDT), e o deputado Judson Cabral (PT), escolhido pelos trabalhadores para intermediar a negociação com a Mesa Diretora. A greve entrou em seu nono dia. O JORNAL apurou que a reunião deve ser tensa devido ao clima acirrado entre alguns deputados e os principais dirigentes do sindicato. Uma pequena amostra desta situação foi vista na entrada de alguns servidores, que queriam trabalhar na sessão. Além do atraso, a morte do ex-deputado Osvaldo Gomes de Barros impediu a realização da sessão, como prevê o regimento da Casa. Com portas fechadas e com aumento no efetivo de policiais militares, Toledo explicou que tomou a decisão para proteger o patri-

Toledo: “O presidente do sindicato tem exagerado”

mônio público. Ele disse que não pretende impedir a entrada de nenhum cidadão ou funcionário, mas que não pode permitir baderna e excessos. “Se os trabalhadores quiserem fazer greve, que façam, estão em seu direito. Eu só não posso permitir depredação, como quer uma minoria”, disse. Fernando Toledo rebateu críticas pesadas que estão sendo feitas por Ernandi Malta. “O presidente do sindicato tem exagerado em sua conduta”, afirmou. “A sessão ordinária desta quarta-feira está confirmada, para o horário regimental. No entanto, se houver exagero por parte do sindicato, nós estudamos a possibilidade de pedir reforço policial”, garantiu Toledo. O presidente voltou a prometer a implantação do PCC, mas pediu tempo e calma a categoria. Ele foi seguido por um grupo que participa da

Ernandi diz que mobilização para hoje está mantida

Associação dos Servidores do Legislativo. “Resolvemos dar um voto de credibilidade ao presidente”, disse Eduardo Fernandes, da associação. “A Assembleia vai implantar o PCC. É só uma questão de um pouco mais de tempo. Estamos querendo que os servidores que estão em greve liberem o acesso aos demais para dar continuidade ao trabalho de implantação do plano”, afirmou. “A questão é eminentemente técnica, não há problema político. Estou me reunindo com o setor de recursos humanos e de pessoal para o devido encaminhamento. Não é uma tarefa fácil. Precisamos fazer isso caso a caso”, reforçou. Já Ernandi Malta aproveitou para voltar os ataques aos integrantes da Mesa Diretora. “Nós queremos conversar, mas eles conversam entre eles, não conosco, e, desse jeito, não tem

negociação”, disparou. O presidente do sindicato ainda reforçou que, para hoje, a mobilização estará mantida e que a promessa de reforço policial feita por Fernando Toledo não intimida a categoria. Mais uma vez, o sindicalista questionou os números da auditoria - que ainda não foi divulgada. O sindicato defende a implantação do PCC, que, na avaliação da entidade, custaria cerca de R$ 150 mil aos cofres da Assembleia. Eles reclamam do aumento de R$ 6,3 milhões concedido na aprovação do Orçamento 2010, mas que não serviu para o repasse salarial do PCC que foi aprovado em 2009 e ainda não foi implantado. “Esse atraso não se justifica. Fizeram uma promessa de que, quando o Orçamento fosse aprovado com o reajuste, o PCC seria implantado. O mês terminou e isso não aconteceu”, disse Ernandi Malta.

PERDA Foi enterrado ontem o ex-deputado Oswaldo Gomes de Barros. Muito ligado ao futebol, ele foi presidente do CRB em três gestões ganhando inclusive alguns títulos. Nos últimos tempos vinha enfrentando problemas cardíacos.

CARTEIRA... O Superintendente Regional do Trabalho e Emprego em Alagoas, Heth César, acabou de implantar mais duas unidades de emissão de Carteiras de Trabalho informatizada no Estado de Alagoas. Uma delas fica em São Miguel dos Campos, no sistema “on line”, emissão de Carteira do Trabalho e Emprego, em tempo real, com entrega imediata ao usuário.

... DE TRABALHO A outra é em Anadia, com emissão no sistema “ off line”, cuja entrega acontece posteriormente. A implantação destas unidades irá atender a um universo de mais de 100 mil habitantes. A emissão da carteira em Anadia dar-se-á através do Sindicato dos Trabalhadores Rurais da localidade, que firmou convênio com a SRTE.

NACIONAL

MISSA

O advogado Welton Roberto foi designado pelo presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ophir Cavalcante, para integrar a Comissão Nacional de Defesa das Prerrogativas e Valorização da Advocacia.

Está marcada para hoje a Missa de Sétimo Dia do secretário de Estado de Turismo Virginio Loureiro, que morreu na semana passada vítima de um câncer. A missa acontece na Igreja Nossa Senhora da Rosa Mística, em Mangabeiras, a partir das 19 horas.

MOBILIZAÇÃO

Membros de MPs querem o enterro da “Lei Maluf”

INFOVIA

Odilon Rios

O Tribunal de Justiça implantou, na última segunda-feira, o Sistema Infovia, um serviço de comunicação que será responsável por interligar via telefone sedes dos Tribunais e outros órgãos jurídicos como Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Superior Tribunal de Justiça (STJ) e Tribunais de Regionais Federais (TRFs). A partir de agora as ligações feitas entre esses órgãos serão gratuitas. José Baptista, integrante da Diretoria de Adjunta de Tecnologia da Informação (Diati) do TJ, afirma que, entre os benefícios, estão a redução do custo nas ligações e a diminuição da quantidade de ramais externos, visto que a maior parte dessas ligações são para outros Tribunais e outros órgãos do Judiciário. “A intenção é que todos os orgãos judiciários do país tenham esse sistema implantado. Hoje faltam apenas sete TJs para receber o Infovia em todo Brasil”, afirma. A implementação técnica atende à meta do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que se refere à infraestrutura e tecnologia necessárias à modernização do Poder Judiciário. Depois do Judiciário alagoano, os próximos Tribunais que receberão o sistema Infovia serão os TJs de Sergipe, Bahia e Ceará.

Repórter

Integrantes dos ministérios públicos Federal, do Trabalho e Estadual fizeram um ato público, na manhã de ontem, cobrando que o projeto conhecido como “a lei Maluf”, não possa passar pelo plenário da Câmara dos Deputados. O projeto de lei 265/2007, de autoria do deputado federal Paulo Maluf (PP-SP), prevê restrições nas atividades do Ministério Público e também no acesso de procuradores e promotores a imprensa, prevendo até punições aos integrantes do MP que fornecerem informações a respeito de inquéritos em investigação. O projeto de lei de Maluf altera três leis “de modo a deixar expressa a responsabilidade de quem ajuíza ação civil pública,

popular e de improbidade temerárias, com má fé, manifesta intenção de promoção pessoal ou visando perseguição política”, diz o texto, distribuído ontem. A iniciativa prevê aos responsáveis pela ação pena de multa equivalente a 10 vezes o valor dos custos processuais, além de condenação de até 10 meses de prisão. A proposta tramita em regime de urgência e pode ser apreciada pelo plenário da Casa nas próximas semanas. “Essa lei faz parte de um período que não pertence mais à administração pública, que é a ditadura militar”, disse o representante da OAB no encontro, Antônio Carlos Gouveia. “Há órgãos de fiscalização e punição das atividades do Ministério Público, incluindo órgãos de controle”, disse o procurador da República Bruno

Baiocchi. “Uma minoria de deputados é a favor deste projeto”. “Esse projeto é um atentado contra a democracia, é imoral, vergonhoso, só beneficia os autores do projeto”, disse. A lei da mordaça passou na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara (CCJ) e teve 30 votos favoráveis ao projeto e 11 contrários. Virando lei, regula as atividades do MP, especialmente em investigações envolvendo políticos. Em todo o país, autoridades do MP estão se manifestando contrárias ao projeto e pressionando para que ele seja engavetado. AAssociação Nacional dos Procuradores da República entregou, na última segunda-feira, um manifesto de repúdio ao presidente da Câmara dos Deputados, Michel Temer (PMDB-SP).

Tavares participa de ato nacional EXPRESSAS Ex-líder estudantil, o vereador por Delmiro Gouveia Edvaldo Nascimento caminha para ser o candidato único do PCdoB na eleição para deputado estadual. O deputado Gilvan Barros (PSDB) participa hoje da entrega de ambulâncias em Girau do Ponciano - sua principal base política. Se todos os servidores da Assembleia Legislativa que estão participando da greve também trabalhassem o nível da Casa seria outro. Com o coronel Neitônio Freitas assumindo o comando-geral do Corpo de Bombeiros, quem fica como subcomandante-geral é o coronel Luiz Antonio Honorato.

Da Editoria de Política Em paralelo, o procuradorgeral de Justiça, Eduardo Tavares, participou em Brasília do ato nacional contra a Lei Maluf. A manifestação contou com a participação de procuradores-gerais de todo o Brasil e de entidades representativas como a ANPR, Conamp e AMB. Por telefone, ele falou com O JORNAL. Para Tavares, os maus gestores e os maus políticos são os únicos que não gostam da atuação do MP. “Eles não gostam de ser fiscalizados pelo órgão que representa o Estado Democrático de Direito. Caso esse nefasto projeto seja aprovado, quem perderá com isso é a sociedade que vai

Tavares diz que projeto não passa

deixar de ter a atuação combativa do Ministério Público na luta contra a corrupção e a improbidade administrativa, dois grandes males que afetam a administração pública no Brasil”, afirmou. Segundo Eduardo Tavares, o projeto de lei não deve ser posto em pauta nos próximos dias, e se for colocado não será aprovado. “Este é um projeto de uma pessoa só - e que tem diversos problemas com a Justiça. Agrande maioria dos legisladores é composta por homens e mulheres de bem”, disse. Conforme acentuou o procurador-geral de Justiça a categoria está vigilante. “Aeterna vigilância é o preço da liberdade”, concluiu.

Sistema é implantado no Judiciário

CMYK


Política

O JORNAL JORNA L

A4

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: politica@ojornal-al.com.br

Penedo: prefeito assume e anuncia crise Israel Saldanha adianta que haverá demissões de servidores e cortes de despesas na máquina pública municipal Da Editoria de Política Durante a cerimônia de posse que aconteceu na noite da última segunda-feira, na Câmara Municipal de Penedo, o novo Prefeito de Penedo, Israel Saldanha (DEM), informou que o município passa por dificuldades financeiras e que serão feitos cortes no quadro de funcionários. Saldanha assumiu após a renúncia de Alexandre Toledo (PSDB) que colocou seu nome a disposição do partido para concorrer às eleições deste ano. No dia da posse, o prefeito anunciou que haverá demissões de prestadores de serviços, além de outros cortes financeiros para diminuir a crise. Israel Saldanha disse que, nos próximos, dias será realizada uma reunião com os secretários municipais para

que as medidas sejam discutidas. “Sabemos que haverá cortes, mas é preciso discutir com todas as secretarias quais as prioridades e o que poderá ser reduzido. Vamos realizar um controle nos gastos, em todas as secretarias”, afirmou. De acordo com o prefeito, que trabalhava anteriormente como secretário municipal de Obras e Viação, as perdas que o município tem sofrido desde o ano passado inviabilizam muitas ações. Ele informou que a folha de pagamentos dos funcionários corresponde à grande parte dos gastos da prefeitura. Segundo Israel Saldanha, os principais motivos da crise financeira foram à diminuição do repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e os royalties que o município rece-

dama, Ivana Toledo, não foi renomeada ao cargo na Secretaria do Trabalho, Habitação e Assistência Social porque não manifestou interesse em continuar. RENÚNCIA - O JORNAL apurou que, além da questão eleitoral alegada por Alexandre Toledo, um dos motivos para o tucano renunciar à Prefeitura de Penedo foi a crise financeira e a necessidade de cortar gastos. Israel Saldanha negou que a renúncia de Toledo tenha algo a ver com isso. Saldanha: “Vamos realizar controle nos gastos, em todas as secretarias”

bia da Petrobras, uma quantia mensal de R$ 600 mil, que encerraram no mês passado devido a cassação de uma liminar da Justiça. O prefeito informou ontem

que não pretende fazer mudanças no quadro de comissionados. Ele explicou que os secretários municipais da gestão de Alexandre Toledo foram mantidos e que apenas a ex-primeira

ENTENDA O CASO - Segundo O JORNAL publicou na edição de ontem, o ex-prefeito Alexandre Toledo espera, do governador Teotonio Vilela Filho (PSDB), a ordem para ser – ou não- candidato nas eleições deste

ano. Ele mesmo admitiu que não sabe a sua posição política este ano. Toledo disse que renunciou a pedido do governador. O tucano já decidiu que não sairá candidato a deputado estadual. Segundo ele, tem compromisso político com Fernando Toledo (PSDB), que disputa a reeleição. À Câmara Federal lembrou ter compromisso “de amizade, proximidade”, com o ex-deputado federal José Thomas Nonô (DEM), que deverá disputar uma vaga à Câmara Federal. Com estes dois cenários preenchidos, sobra a vaga de vice de Vilela ou uma das vagas ao Senado. Mas O JORNAL apurou que, dentro do PSDB alagoano, não há nenhum compromisso firmado de apoio a candidatura de Alexandre Toledo a qualquer cargo nas eleições deste ano.

ELEIÇÕES 2010

Prazo para pedir título de eleitor acaba em 5 de maio

CONCILIAR

O prazo para tirar o título de eleitor e transferir o domicílio eleitoral para as eleições de 2010 se esgota no dia 5 de maio. A data é também o limite para que eleitores atualizem os dados cadastrais nos registros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O primeiro turno das eleições deste ano ocorre no dia 3 de outubro. O cidadão interessado em retirar o título eleitoral ou em implementar mudanças nos dados pode solicitar os serviços no site do TSE (www.tse.gov.br), na opção Título NET. Para a realização do procedimento, o eleitor deve preencher

A presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora Elisabeth Carvalho Nascimento, reuniu-se, na manhã de ontem, com representantes da Federação das Associações Comerciais do Estado de Alagoas (Federalagoas). Na ocasião, foram discutidos os detalhes sobre a instalação do Posto Avançado de Conciliação Extrajudicial (Pace) nas dependências da Associação Comercial de Alagoas. A parceria tem por objetivo realizar audiências voltadas à resolução de conflitos, referente a processos de responsabilidade civil e empresarial, que serão mediados por conciliadores devidamente capacitados. Além de juízes e advogados, quatro estagiários de Direito deverão ser convocados para atuarem como conciliadores do projeto. Pa r a a juíza Fátima Parceria Pirauá, é imvisa portanrealizar te trazer audiências para o procesvoltadas à so conresolução ciliatóde conflitos rio conflitos que ainda se encontram em fase pré-processual. “O projeto deverá dedicar-se não só a solucionar recursos que já se encontram em tramitação na Justiça, mas principalmente evitar que novos processos sejam abertos, desafogando assim o Judiciário”, enfatizou. Estiveram presentes à reunião, o presidente da Federalagoas, Geminiano Jurema, a diretora superintendente do órgão, Isabella Bezerra, e a advogada Paula Fazio.

um formulário virtual e, em um prazo de cinco dias após o envio do documento, comparecer pessoalmente a um cartório eleitoral. É necessário que o requerente tenha em mãos o número do protocolo gerado pelo préatendimento online, bem como cópias e originais da carteira de identidade, comprovante de residência, título anterior (se for o caso) e, para os cidadãos do sexo masculino, comprovante de quitação militar. Eleitores com domicílio no exterior devem se cadastrar em uma embaixada ou consulado brasileiro ou em qualquer cartó-

rio eleitoral no Brasil. O prazo para o alistamento ou transferência de domicílio eleitoral para o exterior também se esgota no dia 5 de maio. Para a realização do processo, é necessária a apresentação de documento oficial brasileiro de identificação - original ou cópia autenticada -, no qual conste o nome completo, data de nascimento, filiação, nacionalidade e naturalidade, comprovante de residência e quitação militar. No caso de transferência, o eleitor deve comprovar residência mínima de três meses no novo domicílio.

COMUNICADO A PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DE SANTO ANTÔNIO, com sede na Barra de Santo Antônio, na Av. Pedro Cavalcante, s/n - Centro, CEP 57925000, inscrita no CNPJ n° 12.262.713/0001-02, torna público que requereu ao Instituto de Meio Ambiente do Estado de Alagoas – IMA/AL, a Licença Ambiental Simplificada para o Conjunto Habitacional Dr. Severino Carlos Maranhão, no município de Barra de Santo Antônio/AL.

MACEIÓ

Vagas na CJR da Câmara é disputada por vereadores Lula Castello Branco

Odilon Rios Repórter

Os vereadores da capital decidem na próxima quintafeira quem deve assumir as 14 comissões, que estão vagas desde o início deste ano, quando o prazo dos integrantes expirou. A briga maior é para assumir os lugares da Comissão de Justiça e Redação Final (CJR), por onde passam todos os projetos do Legislativo municipal, definindo a legalidade ou não destes projetos. O vereador Oscar de Melo (PP) quer um espaço na CJR; Francisco Holanda (PP), atual presidente, também quer continuar na comissão. O vereador Ricardo Barbosa (PSOL) reivindica espaço da oposição em uma das comissões mais importantes da Casa de Mário Guimarães. “Os nomes serão definidos na quintafeira”, disse o líder do prefeito, Galba Novaes (PRB), principal articulador no preenchimento das vagas nas comissões. Ele não adiantou nomes. A proposta dos vereadores é que os nomes das comissões sejam mantidos. Dino Júnior (PCdoB), que teve o mandato cassado na semana passada, ocupava três comissões: de Assuntos Urbanos; Finanças, Orçamento e Fiscalização Financeira; e Municipal de Defesa do Consumidor. Nas três, o consenso é para Marcelo Malta (PCdoB), suplente de Dino Júnior, que assumiu o mandato do vereador cassado. Nery Almeida (PV), também cassado, que ocupava as comissões de Direitos da Criança e do Adolescente; Abastecimento, Indústria, Comércio e

Vereador Oscar de Melo é um dos que estão disputando vaga na CJR

Agricultura; e de Administração e Assuntos Ligados ao Servidor Público, deve ser substituído por Marcelo Palmeira (PV), seu suplente. MESA - O troca-troca atinge também a Mesa Diretora. A vereadora Thaíse Guedes (PTdoB) foi escolhida para ser a 2ª vice-presidente, no lugar de Dino Júnior. Como a Câmara antecipou a eleição da

Mesa Diretora, na semana passada, e Dino Júnior foi eleito e depois teve o mandato cassado, o entendimento é que, na próxima terça-feira, a Câmara eleja Fátima Santiago (PTB), que tem trânsito fácil no gabinete do prefeito Cícero Almeida (PP). Na Câmara, Thaíse Guedes disse não saber da escolha e afirmou estar surpresa, ao ser questionada sobre o assunto.

Associação Comercial deve ter posto

CURSO - Com o objetivo de capacitar os conciliadores envolvidos na parceria entre o TJ e a Federalagoas, um curso será ministrado pelo juiz Roberto Barcellar na Associação Comercial do Estado, a partir do dia 30 de abril.

CMYK


O JORNAL

Nacional

A5

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: nacional@ojornal-al.com.br

Temporais levaram caos ao trânsito e causaram vários acidentes

Praça do Maracanã foi uma das áreas mais afetadas pelas chuvas torrenciais que castigam o Rio de Janeiro deste o começo da semana

Chuva causa dezenas de mortes no Rio Entre os locais mais atingidos estão Niterói e a cidade do Rio; governador vai decretar estado de emergência Dezenas de pessoas morreram em função das chuvas que atingem o Estado do Rio de Janeiro desde a última segunda-feira. A maioria dos óbitos foi causada por deslizamentos de terra ou desabamentos, segundo informações do Corpo de Bombeiros. De acordo com a corporação, os municípios mais afetados pelo mau tempo foram Rio de Janeiro e Niterói. Os municípios de São Gonçalo, Nilópolis, Paracambi e Petrópolis também contabilizam mortes. “Estamos trabalhando em diversas frentes e com certeza esses números vão subir ainda mais”, disse o sargento Sérgio, do Corpo de Bombeiros. No Rio de Janeiro, as mortes foram registradas no Morro dos Prazeres, em Santa Teresa, no Morro dos Macacos, em Vila Isabel, na Comunidade Santa Maria, na Taquara, no Morro do Borel e no Morro do Turano, na Tijuca, na Ladeira dos Guararapes, no Humaitá, na Ilha do Governador, no Recreio dos Bandeirantes e no Andaraí. Em São Gonçalo, na Região Metropolitana, as mortes foram registradas nos bairros Novo México, Jardim Catarina, Zumbi e Itaúna. Em Niterói, também na Região Metropolitana, as mortes aconteceram nos bairros Fonseca, Cubango e Santa Bárbara. Em Petrópolis, na Região Serrana, a vítima fatal foi um homem de 42 anos, deficiente físico. Ele estava na casa atingida pelo desmoronamento de um morro no bairro Quitandinha. Em Nilópolis, na Baixada Fluminense, um homem de 33 anos morreu após o desabamento do imóvel de dois andares onde morava. O prédio ficava às margens do rio Sarapuí. O governador Sérgio Cabral disse ontem que vai decretar situação de emergência no Estado do Rio em razão do grande número de municípios atingidos pelo mau tempo.

SALVAMENTOS - Soldados do Corpo de Bombeiros e funcionários da prefeitura de Niterói, na região metropolitana do Rio, tentavam resgatar duas pessoas que ficaram presas depois de um desabamento provocado pela chuva, na subida do Morro do Estado. Maria Auxiliadora Gomes da Silva, de 48 anos, e seu filho, Sebastião Pereira da Silva Filho, de 20 anos, estavam sentados em um sofá e foram salvos por um muro que escorou a laje da casa. Os dois conversam com os bombeiros, que tentavam cavar um túnel para chegar às vítimas. Do mesmo local, as equipes de socorro retiraram o corpo de Ezequiel Bento de Freitas, de 44 anos. Enoka Silva Leonardo, de 42 anos, também foi soterrado e resgatado, mas morreu no hospital. Ele tinha uma das pernas amputadas e não conseguiu se salvar. Os bombeiros resgataram a mulher dele, Maria Helena da Silva, e sua filha, Monique, de 16 anos. No total, quatro casas e um bar desabaram na região por volta de 8h da manhã. José Maximiliano da Silva, de 84 anos, que conseguiu sobreviver ao deslizamento, contou que a terra começou a cair às 23h de ontem e que entrou em contato com o Corpo de Bombeiros, mas que as equipes não foram enviadas ao local. Após oito horas de trabalho intensivo e sob forte chuvas, bombeiros conseguiram avistar a dona de casa Maria Auxiliadora Gomes da Silva, de 48 anos, uma das seis pessoas soterradas na manhã de hoje na rua jornalista Moacir Batista, no morro do Estado, em Niterói. Dorinha, como é conhecida entre os vizinhos está viva e conversando. A dificuldade era conseguir soltá-la dos escombros. As regiões mais afetadas pelas chuvas são Niterói, São Gonçalo, Grajaú, Tijuca, Santa Tereza e Rio Comprido.

Resgate de vítimas no Morro dos Prazeres, zona norte do Rio

Museu Casa do Pontal, no Recreio do Pontal, ficou alagado

Escolas e Detran suspendem as atividades Por conta da dificuldade de locomoção e por questões de segurança, alguns serviços foram suspensos em toda a cidade do Rio. O Ministério Público, por exemplo, suspendeu as ativida-

des em todo o Estado. A Prefeitura recomendou que fossem suspensas as aulas na rede municipal de ensino. A rede estadual também cancelou as aulas e as autoridades pedem às escolas particulares que também sus-

pendam as atividades. O Departamento Estadual de Trânsito (Detran), que também suspendeu os serviços agendados para ontem, orienta seus clientes a não sair de casa, seguindo recomendações da

Defesa Civil estadual. O presidente do Departamento, Fernando Avelino, disse que os clientes que tinham serviços agendados para hoje terão prioridade no atendimento nos próximos dez dias.

PM abre quartéis para acolher desabrigados Para atenuar os efeitos do temporal, a Polícia Militar abriu vários quartéis da cidade para abrigar a população que não consegue retornar para casa. “Os batalhões serão a solução provisória enquanto os gover-

nos providenciem o devido acolhimento. E a população em trânsito encontrará nos batalhões um local seguro para aguardar a estiagem”, disse Coronel Millan. Além disso, a Polícia Militar

está realizando ações táticas nas ruas com equipes de motociclistas do Batalhão de Choque (BPChq) que estão em pontoschave, onde a retenção do trânsito possa se tornar risco de assalto para os motoristas.

As aeronaves e embarcações do Grupamento Aéreo Marítimo (GAM) estão à disposição da Defesa Civil para apoio em suas ações de resgate, bem como o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope).

Água faz estragos no Museu Casa do Pontal O Museu Casa do Pontal, localizado no Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste do Rio, também amanheceu alagado. A tempestade invadiu e danificou a galeria de exposição perma-

nente. O museu abriga obras das variadas culturas rurais e urbanas do Brasil. Os poucos funcionários que conseguiram chegar ao local hoje cedo transportaram as obras

SAÚDE

CORRUPÇÃO

ELEIÇÕES

MATO GROSSO

Faltam leitos em UTIs na maioria dos estados

Empresário se cala diante da CPI em Brasília

Ficha limpa: Câmara vota hoje projeto de lei

Vereador quer proibir venda de pulseira do sexo

Abriga para obter uma vaga em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) é realidade além do Maranhão, onde nas últimas semanas estourou uma crise de falta de leitos infantis. O censo de 2009 da Associação de Medicina Intensiva Brasileira (Amib), que reúne médicos das UTIs, aponta que 51,9% dos Estados brasileiros têm uma quantidade de leitos aquém da necessidade, considerando os disponíveis nas redes pública e privada. O Ministério da Saúde contesta a análise e utiliza critérios diferentes, mas também aponta má distribuição dos leitos e situação preocupante em três Estados: Maranhão, Acre e Roraima. O Amazonas também está em situação muito próxima da crítica. Afalta de profissionais habilitados para trabalhar nas unidades é considerada a dificuldade mais grave das UTIs brasileiras. Mas a carência de recursos

Investigado no inquérito do mensalão do DEM de Brasília, o empresário Gilberto Lucena compareceu à sessão da CPI da Corrupção da Câmara Legislativa do Distrito Federal ontem, mas utilizou o direito de permanecer calado durante interrogatório. Lucena é dono da Linknet, empresa do ramo da informática suspeita de financiar o escândalo de pagamento de propina que envolveria o exgovernador José Roberto Arruda, o ex-vice Paulo Octávio (ambos sem partido), além de deputados distritais, empresários e integrantes do governo. Na semana passada, o pivô do escândalo, o ex-secretário de Relações Institucionais Durval Barbosa, foi à CPI protegido por um habeas corpus que o autorizava a não responder perguntas.

O presidente da Câmara, vai consultar os líderes partidádeputado federal Michel Temer rios amanhã para definir a vota(PMDB-SP), informou que co- ção do projeto em regime de urloca em votação hoje o projeto gência. Se a proposta não ganhar de lei complementar que proí- urgência, ela terá de ser analisabe a candidatura de políticos da pela Comissão de Constituicom “ficha suja”. A proposta ção e Justiça (CCJ) da Câtorna inelegível por oito mara, antes de voltar ao anos quem for condeplenário da Câmara. Proposta nado, em órgão colegia“Temo que os lídedo, por conduta dolosa res não queiram votar torna - quando há intenção de regime de urgência. inelegível em violar a lei. E daí nós devolvemos, “É uma decisão da por 8 anos se for o caso, para a CCJ presidência de colocar quem for e lá nós vamos formaem pauta”, disse Temer. condenado tar em definitivo. ImaEle observou que “havegino que os líderes vão rá muitas emendas” à por conduta fazer propostas, que os proposta. Ressaltou aindeputados vão fazer dolosa da que o projeto enfrenpropostas. Lá na comista resistências. “O prosão acho que será o palco cesso foi deflagrado e próprio para formatar em deagora não vai parar. Já estou le- finitivo o projeto”, afirmou Tevando contra várias resistências. mer. Já estou levando ao plenário para Ele disse ainda que “é posnão paralisar o processo”, disse. sível” que o projeto seja votaTemer informou ainda que do antes de junho na Câmara.

Tramita na Câmara de Vereadores de Várzea Grande, em Mato Grosso, um projeto de lei que proíbe o uso, nas escolas da rede municipal, das pulseiras de plásticos coloridas conhecidas como “pulseiras do sexo”. De autoria do vereador Antonio José de Oliveira, o Toninho do Glória (PV), o projeto prevê autonomia e poder a diretores de escolas para proibir o uso de tais adereços. A proibição seria precedida de um trabalho de conscientização das crianças, adolescentes, pais e professores. O vereador que ir além do veto ao uso: quer também impedir a venda na cidade. Assessores preparam um aditivo ao projeto. Os adereços viraram moda entre os adolescentes brasileiros no fim do ano passado.

para Estados e municípios construírem ou contratarem leitos na iniciativa privada, além da ausência de verbas para sua manutenção e problemas de gestão, também explicam a situação. Isso além de desorganização da gestão das vagas. O resultado são brigas judiciais para a obtenção de vagas até onde a relação leitos por habitantes é a melhor do País, caso do Distrito Federal. Segundo o defensor público Celestino Chupel, apesar de a situação ter melhorado, no DF o órgão ingressa em média com cinco pedidos judiciais diários para a obtenção de vagas em UTIs de hospitais privados para a população carente. “Há cinco anos, a situação no País era pior. No Estado da Bahia, por exemplo, o número de leitos dobrou, mas os que existem ainda são aquém da necessidade”, resume o presidente da Amib, Ederlon Rezende.

para o segundo andar do prédio. A água chegou a atingir a marca de 60 centímetros. Segundo a assessoria do estabelecimento, essa é a primeira vez que o museu, inaugura-

do em 1976, fica alagado. A diretoria ainda vai avaliar os danos causados ao acervo. Devido ao alagamento, não há previsão para a reabertura do museu.

CMYK


O JORNAL

Internacional A6

EUROPA

Inglesas tentam levar cadáver em avião LONDRES - Duas mulheres foram presas no aeroporto de Liverpool acusadas de tentar “contrabandear” o corpo de um parente morto em um voo para a Alemanha, segundo a polícia. O caso ocorreu no último sábado, segundo a polícia. A dupla afirmou aos funcionários do aeroporto britânico que o homem, de 91 anos, que estava em uma cadeira de rodas e usando óculos escuros, estava dormindo. Mas a farsa acabou sendo descoberta antes do embarque, e as mulheres, de 41 e 66 anos, foram presas sob a acusação de não notificar uma morte. A polícia também investiga a informação de que as mulheres transportaram o cadáver, de táxi, desde a casa delas, em Oldham, na Grande Manchester, em um trajeto de cerca de 60 quilômetros. As suspeitas foram soltas após pagar fiança, com prazo até 1º de junho. O inquérito continua. O motivo da morte do homem ainda não foi determinado.

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: internacional@ojornal-al.com.br

Brown convoca eleições gerais para 6 de maio O primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown, convocou hoje eleições gerais para o dia 6 de maio. Ele anunciou que a rainha Elizabeth II autorizou a dissolução do Parlamento, passo necessário para iniciar o processo eleitoral no país. As votações acontecem em meio a uma das maiores crises do Reino Unido. Após um ano e meio em recessão, o país conseguiu crescer apenas 0,4% no quarto trimestre de 2009. O foco dos debates será a administração da explosão do déficit fiscal, que neste ano chega a 12% do Produto Interno Bruto (PIB). A disputa está centrada entre Brown, líder do Partido Trabalhista, e David Cameron, líder do Partido Conservador. Até pouco tempo, Cameron era apontado como franco favorito. Mas a oscilação nas últimas pesquisas trouxe a possibilidade de um Parlamento sem maioria absoluta, algo raro na história do país. Os trabalhistas estão há 13 anos no poder. Com a realização das eleições em 6 de maio, a decisão sobre política monetária do Banco da Inglaterra, que cairia no mesmo dia, foi adiada para a segundafeira de 10 de maio, após reunião de dois dias que começará na sexta-feira, dia 7.

TERRORISMO

Explosões em prédios deixam 35 mortos na capital do Iraque Ataques simultâneos derrubaram sete edifícios; 140 ficaram feridos BAGDÁ - Seis atentados deixaram pelo menos 35 mortos ontem em Bagdá, em uma segunda onda de ataques em três dias na capital, o que desperta os temores de um ressurgimento da insurgência em um momento de bloqueio político no Iraque. As explosões de ontem destruíram edifícios residenciais em bairros xiitas, anunciou o major Qassim Atta, porta-voz para questões de segurança na capital. Segundo o ministério do Interior, 35 pessoas morreram e 140 ficaram feridas, mas o balanço pode aumentar, já que muitas vítimas permanecem sob os escombros. “Seis atentados com bomba foram registrados em vários bairros de Bagdá, derrubando sete edifícios”, afirmara mais cedo uma fonte do ministério do Interior. As explosões aconteceram dois dias após dos atentados contra as embaixadas do Irã, de países árabes e de países europeus em Bagdá, que deixaram pelo menos 30 mortos e mais

Bombeiros tentam resgatar sobreviventes nos escombros de prédios

de 200 feridos. Desta vez, os terroristas tomaram como alvos prédios habitados por iraquianos nos bairros de Alawi (centro), Shula, Shkuk (norte) e Shurta al-Rabia (oeste), todos com população de maioria xiita. Em Alawi, um edifício de dois andares desabou sobre os moradores e sobre os clientes de um café e das lojas do térreo. Os vizinhos e os bombeiros usavam as mãos para retirar os

escombros e tentar liberar as pessoas presas, em meio ao desespero dos familiares. “Mamãe, responde, por favor!”, gritava uma mulher de 30 anos. Mustafah, um jovem que participava dos resgates, identificou o corpo do vizinho Alaa, e teve que informar a morte à esposa da vítima. “Eu consegui retirá-lo debaixo dos tijolos e da areia, mas ele sangrou muito na cabeça e faleceu”, explicou à

mulher de Alaa, que caiu no chão. Em Shkuk, as cenas de horror eram similares. “Às 9h15 (3h15 de Brasília) aconteceu uma explosão em uma casa perto da rua principal, e quando as pessoas se aproximaram para ver o que acontecia, outra explosão aconteceu em um prédio ao lado, de dois andares. Os mortos são moradores do edifício e pedestres”, afirmou o comerciante Abu Ali. O ministro iraquiano das Relações Exteriores, Hoshyar Zebari, afirmou no domingo que os atentados contra as embaixadas tinham a marca da rede terrorista al-Qaeda, pela semelhança com outros executados nos últimos meses contra hotéis e ministérios. Segundo Zebari, os insurgentes pretendem aproveitar o “vácuo político” deixado pelas eleições legislativas celebradas há um mês, para prejudicar as negociações sobre a formação do próximo governo e espalhar a mensagem de que os terroristas continuam ativos.

FLORESTAS

ESTADOS UNIDOS

FATALIDADE

Desmatamento é de 16 mi de hectares ao ano

Obama restringe uso de armas nucleares

25 mortos em explosão em mina nos EUA

Entre 1990 e 2005, a superfície florestal arborizada no mundo diminuiu a um ritmo de 16 milhões de hectares ao ano, perdas que se concentram principalmente na África e na América do Sul, incluindo o Brasil. No entanto, a situação na Europa é diferente, já que, a cada ano, a superfície de floresta aumenta 740 mil hectares. A Espanha lidera este aumento, com 4,4 milhões de hectares a mais nesses 15 anos ou 40% do total europeu. Estes dados fazem parte de um relatório sobre a situação das florestas no mundo, divulgado pelo Ministério do Meio Ambiente espanhol numa conferência sobre proteção de florestas, realizada na localidade de La Granja, na comunidade de Segóvia, no noroeste espanhol.

O governo do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, lançou uma nova política ontem restringindo o uso de armas nucleares por parte do país, mas alertou que Irã e a Coréia do Norte continuam sendo possíveis alvos. O presidente e seus assessores elaboraram uma revisão da estratégia norte-americana que renuncia ao desenvolvimento de novas armas atômicas e que pode levar a mais cortes no arsenal nuclear dos EUA. Obama afirmou que a nova estratégia nuclear dos EUA é um “passo significativo” para a redução do papel de armas atômicas no mundo. O presidente ressaltou que sua nova política nuclear sustenta a segurança nacional do país, reduzindo o papel das armas nucleares no arsenal norte-americano, mas mantendo a pressão sobre Estados que buscam essas armas, referindo-se à Coréia do Norte e ao Irã. “A maior ameaça aos EUA e à segurança mundial não é mais uma troca nuclear entre nações, mas o terrorismo nuclear por extremistas violentos e a proliferação nuclear em um número crescente de Estados,” disse Obama em comunicado. Sob a nova política, os Estados Unidos estão abdicando pela primeira vez ao uso de armas atômicas contra países não nucleares, um rompimento com a ameaça da era Bush de retaliação nuclear no caso de um ataque biológico ou químico. Mas a nova estratégia vem com uma condição: países estarão livres da resposta nuclear norte-americana apenas se estiverem de acordo com o Tratado de Não-Proliferação

Vinte e cinco pessoas morreram após uma explosão em uma mina de carvão na Virgínia Ocidental (EUA) ontem, informou o diretor estadual de mineração, Ron Wooten. Quatro pessoas estão desaparecidas. Segundo Wooten, a explosão aconteceu por volta das 15h locais na mina Uppey Big Branch, no condado de Raleigh, 48 quilômetros ao sul de Charleston. A empresa Massey Energy não forneceu detalhes sobre a extensão dos danos. A explosão ocorreu a mais de 300 metros de profundidade, transformando-se no pior desastre em mina nos Estados Unidos desde 1984.

EUROPA - Com 27,6 milhões de hectares, a Espanha é o segundo país com maior superfície florestal na Europa, atrás da Suécia, que possui quase o dobro de área verde. Suécia, Finlândia e Espanha são os países com mais florestas da União Europeia (UE). Em superfície florestal arborizada, a Espanha é o terceiro país da União Européia com mais bosques, atrás da Suécia e Finlândia, com 18,3 milhões de hectares, mas possui mais de 45% da área floresta desarborizada, com 9,3 milhões de hectares de pastos e arbustos.

Nuclear. Essa brecha significa que o Irã e a Coreia do Norte não estariam protegidas. “A Revisão da Postura Nuclear que estamos divulgando hoje representa um marco na transformação de nossas forças nucleares e na maneira como abordamos as questões nucleares”, afirmou a secretária de Estado americana, Hillary Clinton. “Estamos recalibrando nossas prioridades para prevenir a proliferação nuclear e o terrorismo nuclear”, disse Clinton, ao anunciar o plano ao lado do secretário de Defesa, Robert Gates. Mas a estratégia de reforma de Obama deve atrair críticas de conservadores, que dizem que sua abordagem pode comprometer a segurança nacional, e desapontar liberais. A Revisão da Postura Nuclear é exigida pelo Congresso a cada governo dos EUA, mas Obama estabeleceu altas expectativas depois de sua promessa de encerrar a “mentalidade da Guerra Fria” ao receber o Prêmio Nobel da Paz em parte por sua visão de um mundo livre de armas nucleares. PACTO - Arestrição do uso de armas nucleares anunciada ontem antecipa a assinatura do tratado histórico de controle de armas com a Rússia em Praga amanhã e uma cúpula sobre segurança nuclear em Washington na próxima semana. O novo pacto com a Rússia substitui o Tratado Estratégico de Redução de Armas (Start, na sigla em inglês), de 1991, que expirou em dezembro, e determina que os dois países reduzam seus arsenais em cerca de 30%, para 1.150 ogivas nucleares cada.

SOCORRO - A mina é operada por uma subsidiária da Massey, a Performance Coal Co. Equipes de emergência em mineração e socorristas do Escritório Estadual de Segurança em Mineração já foram para o local, mas a porta-voz do escritório, Jama Jarrett, não tinha mais detalhes. A mina produziu 1,2 milhão de toneladas de carvão em 2009, de acordo com o Escritório Estadual de Segurança em Mineração. Pelo menos três trabalhadores morreram em acidentes na mina nos últimos doze anos. Em 2006, 12 mineiros morreram numa explosão de metano na mina Sago, na Virgínia Ocidental. Em 2007, sete mineiros foram mortos por um desabamento na mina Crandall Canyon, no Estado de Utah.

CMYK


O JORNAL

Economia

A7

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: economia@ojornal-al.com.br

MIGRAÇÃO SOCIAL

Classe C já chega a 49% da população Pesquisa comprova que 30 milhões de brasileiros melhoraram de vida nos últimos 5 anos, aquecendo o consumo Em plena crise financeira, foram principalmente os brasileiros mais pobres e a classe média que ajudaram a mover o mercado. Desde 2005, a classe C ganhou mais de 30 milhões de pessoas - equivalente a toda população do Canadá. Nesse período, os brasileiros que estavam nas classes D/E subiram na escada social porque consumiram mais e elevaram a renda. Apesquisa Observador Brasil 2009, pedida pela Cetelem – financeira do banco francês BNP Paribas – e feita em parceria com

a Ipsos, mostra que a renda média mensal do brasileiro bateu recorde de R$ 1.285. O valor é bastante próximo do que ganha a classe média (R$ 1.276), segundo o estudo. Aclasse C representa 49% da população. São mais de 92,8 milhões de pessoas que buscam bem-estar e gastam com comida, roupas e com a casa (luz, aluguel, água e condomínio). As classes sociais utilizadas no estudo são as definidas pelo Critério de Classificação Econômica Brasil (CCEB), que leva em

conta itens como posse de eletrodomésticos, carros e pela quantidade de banheiros na casa, por exemplo. O diretor-geral da Cetelem no Brasil, Marcos Etchegoyen, explica que o aumento da renda está ligado à maior geração de emprego, que amplia o acesso ao crédito e ajuda na melhora do padrão de vida. “Arenda cresceu nas classes C e D/E. Não é a renda que determina qual a classe social a que você pertence, mas sua posse de eletrodomésticos, sua casa, seu carro. O

Brasil se saiu bem diante da crise e isso levou ao aumento do emprego, que por sua vez, eleva a confiança do consumidor. E quando há confiança, o consumidor toma crédito e compra mais. Dados do Dieese mostraram, em janeiro, que o Brasil conseguiu manter a massa salarial e o nível do emprego ao longo da crise. A estimativa para esse ano é que o País crie 2 milhões de vagas. AJUDA FISCAL - Especialistas reconhecem que as políticas fiscais do governo durante a crise

Gasto em 2009 foi o maior em 4 anos O gasto médio das famílias brasileiras no ano passado atingiu R$ 1.066,25, o maior valor desde 2005, segundo o estudo. O resultado foi puxado pelo aumento da renda dos brasileiros, que alcançou o recorde de R$ 1.285, em especial, das famílias de baixa renda das classes C, D e E. De acordo com a análise, nos serviços essenciais, as compras de supermercados respondem por R$ 375 da renda, em média. A conta de luz (R$ 67) e o aluguel (R$ 54) aparecem em seguida. Nos gastos não essenciais, as roupas (R$ 102) foram as mais representativas. “O que a pesquisa mostra é que o brasileiro quer comer, vestir e se divertir. E ainda se preocupa com a casa e seu bem estar”. Ainda nos gastos essenciais, o pagamento de prestações (R$ 64) e combustível (R$ 46) aparecem em seguida. O lazer é o quarto da lista, com R$ 44 de gastos, em média. Aintenção de compra dos brasileiros se manteve estável em todas as classes e o consumo voltou aos níveis anteriores a 2007.

Emprego na construção civil bate recorde O nível de emprego na construção civil brasileira atingiu novo recorde em fevereiro, com crescimento de 1,55% ante janeiro, somando 2,558 milhões de trabalhadores com carteira assinada, de acordo com a pesquisa mensal divulgada pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (Sinduscon/SP) e da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Além de atingir o mais alto patamar da série histórica, o avanço equivale à contratação de mais 39.058 trabalhadores com carteira assinada. BIMESTRE - No acumulado dos dois primeiros meses de 2010, o nível de emprego no setor cresceu 4,14%, com a contratação de 101.813 trabalhadores formais. No acumulado de 12 meses até fevereiro, o nível de emprego no setor aumentou 13,10%, o que corresponde a mais 296.276 trabalhadores empregados. Em nota, o presidente do Sinduscon/SP, Sergio Watanabe, ressalta que o resultado reforça a estimativa da entidade de que o setor de construção civil deverá crescer no patamar chinês, em torno de 9% este ano.

ajudaram a reaquecer o mercado, com a redução do IPI para veículos, eletrodomésticos da linha branca (geladeira, máquina de lavar e fogão) e móveis. A gerente de pesquisa da Ipsos, Elisa Bernd, diz que se deve reconhecer que “as desonerações são uma das responsáveis pelo crescimento da classe média no ano passado”. Apesquisa mostra que, para este ano, a expectativa de consumo continua em pleno crescimento. Móveis, eletrodomésticos e gastos com lazer e viagens

são os principais sonhos de consumo da classe C – mesmo que os impostos voltem a suas taxas normais. “A classe média apresentou comportamento similar ao da A/B no que se refere à compra da maioria dos itens”, afirmou Etchegoyen, da Cetelem. Mais de 1.500 pessoas foram entrevistadas entre os dias 18 e 29 de dezembro para realizar a pesquisa. Divulgado ontem, o estudo foi realizado em 70 cidades de nove regiões metropolitanas do País.

Mulher empreende mais que o homem

A aquisição de eletrodomésticos é um dos critérios para se estabelecer a classe social de uma pessoa

Brasileiros estão poupando mais Apesquisa mostrou também que o perfil do brasileiro mudou na relação com os gastos. A população poupou em 2009 mais do que nos anos anteriores – principalmente como resultado da crise. O diretor da Cetelem ex-

plica que “ o brasileiro usa a poupança como segurança, para ajudar a família, por exemplo, e não para o consumo. É um amadurecimento na forma de gastar”. Os recursos destinados à poupança e outras aplicações alcan-

çaram em média R$ 535,31 ao mês no ano passado, valor R$ 220 maior do que em 2008. Nos próximos 12 meses, três em cada quatro pessoas (76% dos entrevistados) disseram que vão aumentar ainda mais suas economias.

As mulheres brasileiras são a maioria das pessoas à frente dos negócios no Brasil, segundo pesquisa Global Entrepreneurship Monitor, a GEM, divulgada ontem pelo Sebrae. Dos 18,8 milhões de empreendedores, 53% são mulheres e 47%, homens. Essa foi a primeira vez na história que a proporção de mulheres empreendedoras supera a de homens na mesma condição. Em 2009, além do Brasil, apenas outros dois países registraram taxas de empreendedorismo femininas mais elevadas que as dos homens: Tonga, com 61%, e Guatemala, com 54%. Já as brasileiras estão praticando um empreendedorismo cada vez mais planejado e consistente. Sobre este aspecto, o estudo constatou que dos empreendedores por oportunidade 53,4% são mulheres e 46,6%, homens. A pesquisa GEM é realizada no exterior desde 1999 e tem como objetivo avaliar, divulgar e influenciar as políticas de incentivo ao empreendedorismo no Brasil e no mundo. Ao todo, 54 países participaram do estudo em 2009. De acordo com a análise, a Taxa de Empreendedores em Estágio Inicial (TEA) brasileira

é a sexta maior entre os países com nível comparável de desenvolvimento econômico, com 15,3%, o que equivale a 18,8 milhões de pessoas. FAIXA ETÁRIA - A TEA é formada pela proporção de pessoas com idade entre 18 e 64 anos envolvidas com empreendimentos em estágio inicial ou com menos de 42 meses de existência. A taxa brasileira está acima da média histórica do País, que é de 13%. Em 2008, por exemplo, a taxa foi de 12%. Em 2009, o Brasil ficou à frente de países como Argentina, Uruguai e Irã. A pesquisa demonstra também que a população empreendedora brasileira se concentra entre os jovens, nas idades de 18 e 34 anos, atingindo 52,5%. Do total de empreendedores, 20,8% estão na faixa de 18 a 24 anos enquanto 31,7% encontram-se entre 25 e 34 anos. Ao analisar isoladamente os números, esta última taxa se mantém inalterada em toda a série histórica do estudo, demonstrando que é nesta faixa que se concentra a maior parte dos empreendedores brasileiros. A menor taxa ficou entre os adultos de 55 a 64 anos, com representatividade de 4,3%.

MICRO E PEQUENAS POUPANÇA

Ação judicial abre nova chance de reaver perdas Quem perdeu o prazo para entrar com ação na Justiça contra os bancos federais referente a perdas na caderneta de poupança durante os planos Collor I e II terá uma nova chance para reaver o dinheiro taxado incorretamente pelo governo. ADefensoria Pública da União, junto com a Defensoria do Rio de Janeiro, protocolou uma ação coletiva na Justiça Federal do Rio contra a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil, solicitando a devolução das perdas decorrentes das diferenças de correção monetária dos dois planos econômicos. Clientes que possuíam contas em um desses bancos nos períodos dos planos (março a maio de 1990 e março a junho de 1991) e sofreram perdas decorrentes da correção monetária indevida poderão se habilitar na ação coletiva para solicitar a devolução desse valor. Para isso, precisarão antes conseguir os extratos referentes a esses meses, procurando uma agência da CEF ou do BB. A ação está tramitando na terceira vara federal do Rio de Janeiro.

Mas, o pedido de habilitação na ação pode ser feito de qualquer lugar do Brasil. Além da devolução dessas perdas, a ação reivindica a suspensão da prescrição do prazo para dar entrada em ações individuais, que aconteceu em 15 de março. O texto cobra o pagamento da restituição em dobro desses valores. “A relação dos clientes com os bancos é regida pelo Código do Consumidor, que prevê a devolução em dobro de valores debitados indevidamente”, explicou o defensor público federal André Ordacgy. Outro ponto abordado pela ação é a indenização por danos morais, calculada no valor de um salário mínimo para cada consumidor lesado. Os planos Collor foram reformas econômicas adotadas pelo governo federal com o propósito de estabilizar a inflação no País, um dos problemas cruciais da economia brasileira na época. No Plano Collor I, os valores acima de 50 mil cruzados novos em cadernetas de poupança, que foram bloqueados pelo governo, deveriam ter sido cor-

rigidos pelo Índice de Preços ao Consumidor, mas não foram, resultando em uma perda de 44,8% para cada correntista. No Plano Collor II, os bancos deixaram de promover o crédito referente à correção monetária de 21,87%. Para se habilitar, o cliente deve enviar pelo correio os extratos referentes a esses períodos para a Defensoria Pública da União, junto com cópias de documentos de identidade e CPF, além de informações para contato. O consumidor pode tirar as dúvidas através do telefone (21) 2517-3301, falando direto com a DPU. De acordo com André Ordacgy, em média dez pessoas têm se habilitado por dia desde que a ação foi protocolada, no início de março. Para quem entrar na causa, será preciso ter paciência para aguardar a sentença. Além da terceira vara federal, o processo pode percorrer outras três instâncias. “Estimamos que o tempo médio para a ação transitar em julgado, ou seja, não caber mais recurso, é de seis, sete anos”, ressaltou o defensor público.

Ferramenta foca no perfil do consumidor As pequenas e médias empresas já tem à disposição uma ferramenta on-line para dimensionar e comparar o perfil do consumo em cada um dos 5.561 municípios brasileiros, por classe social, renda per capita e grupo de produtos. Alimentada pela Pyxis Ibope Inteligência, a plataforma eletrônica promete ser uma aliada dos empresários na hora de redirecionar os investimentos em determinada região do País. No primeiro cruzamento de dados, foi identificado que a classe C aparece como a maior consumidora de produtos de mercearia, carnes e derivados, vestuário infantil e calçados femininos. Já as camadas D/E focam o consumo nos alimentos. Os mais abastados da classe A são consumidores contumazes de bolsas, cintos, malas e brinquedos. E a classe B se destaca no consumo de produtos de beleza, água mineral, sucos, refrigerantes e bebidas fermentadas. Diretor de geonegócios do Ibope Inteligência, Antônio Carlos Ruótulo, explica que a nova ferramenta direcionada para pequenos e médios empresários permite dimensionar o consumo das famílias, independente do canal de compras (varejo, camelôs, supermercados, shopping center). “Uma empresa que está instalada em distritos e municípios diferentes terá o perfil do

consumidor por localidade, o que trará flexibilidade geográfica para ajustar o seu negócio”, resume. MAIS CONSUMIDOS - A base de dados selecionou 42 produtos de maior consumo, que podem ser avaliados individualmente em cada um dos 5.561 municípios. O fabricante e o comerciante de bebidas, por exemplo, poderá saber com precisão o consumo de bebidas em determinado município e por classe social. Além disso, poderá avaliar se houve crescimento das vendas com expansão do mercado. No primeiro cruzamento de dados da Pyxis foi diagnosticado que o maior consumo per capita de bebidas (de R$ 131,31) está no Sudeste e o menor (de R$ 47,75) fica no Nordeste. A média nacional é de R$ 98. Em relação às maiores diferenças de gasto per capita por região, o Sudeste se destaca com o maior consumo per capita de R$ 340 de matrículas escolares e o Norte tem o menor de R$ 77. Nas diferenças de consumo por estado, o Distrito Federal se destaca com os maiores consumos de todos os produtos da pesquisa. O Rio de Janeiro aparece no topo do gasto per capita com bebidas, o Rio Grande do Sul com medicamentos e o Paraná com os produtos de limpeza.

CMYK


Economia

O JORNAL JORNA L

A8

Papel Moeda Marco Aurélio Mello - marcoaurelio@ojornal-al.com.br

MAIS UM AVANÇO A notícia divulgada ontem é muito positiva. Ela não se limita apenas ao fato de que os acessos à rede mundial de computadores no Brasil, ao longo do ano passado, aconteceram mais nas casas dos internautas do que em lan houses. É a primeira vez no País que isso acontece. Em 2009, 48% das conexões à web foram em casa contra 45% dos acessos em centros pagos (lan houses). A mudança percentual é significativa porque no ano anterior – 2008, a situação era diferente com 47% de acessos em lan houses e 43% da própria casa. Uma comprovação de que as famílias brasileiras estão adquirindo mais computadores. Essa realidade se traduz agora em números. O consumo maior acontece devido aos incentivos governamentais, mais crédito, facilidade de pagamento, redução de preços, promoções e, principalmente, pela melhoria da renda desses consumidores nos últimos anos. Mas, trata-se, é verdade, de um mercado que ainda tem muito a crescer, já que apenas 36% dos lares brasileiros hoje dispõem de microcomputador. Um ano antes, esse índice chegava a apenas 28%. Outro dado importante, que não se pode deixar de lado, é que do total de lares com computador, apenas 27% têm acesso à rede mundial. Há muitas famílias com o equipamento, mas sem condições de bancar o custo de uma internet em alta velocidade, embora essa modalidade de internet seja a maioria entre os que possuem PC – 66% do total. A banda larga é um acesso que ainda pesa no bolso das famílias. O fato reforça a necessidade do Programa de Banda Larga do governo federal, iniciativa que nasce com a meta de universalizar a internet em alta velocidade a um baixo custo.

HÁ VAGAS Mercado que apresenta expansão em Alagoas, as empresas que fornecem assistência nas áreas contábil, administrativa e jurídica para outras empresas, através de sistema de informática, estão enfrentando dificuldade para encontrar mão de obra qualificada no Estado. O problema é tão sério que o escritório local de uma delas, filial de uma grande rede nacional, está sendo obrigado a adiar a mudança de endereço, para um novo local de salas mais amplas e melhores instalações, que vão garantir atendimento mais personalizado aos clientes, principalmente na questão do suporte técnico, porque depende de novas contratações, o que está complicado.

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: economia@ojornal-al.com.br

Licenciamento de estaleiro é de competência do Ibama Parecer técnico da Superintendência Nacional acaba com polêmica no Estado O Superintendência Nacional do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) emitiu parecer técnico ontem determinando que é de sua competência a análise do Relatório de Impacto Ambiental (RIMA) apresentado pelo Grupo Synergy, do Estaleiro Eisa Alagoas, para obtenção de licença prévia para construção do empreendimento no Estado. A princípio o Relatório de Impacto Ambiental havia sido entregue ao Instituto de Meio Ambiente de Alagoas (IMA) para ser apreciado e debatido em reunião do Conselho Estadual de Proteção Ambiental (Cepram). Mas, em março, o Ministério Público Federal (MPF) enviou uma recomendação ao IMA e ao Cepram indicando que as duas instituições se abstivessem de conceder qualquer tipo de licença ambiental ao empreendimento porque, na visão da Procuradoria da República em Alagoas, a atribuição do licenciamento é de competência do Ibama, já que futuro estaleiro esta-

rá localizado numa região de ainda aguarda um posicionamar territorial da União e terá mento oficial sobre a proposta significativo impacto ambiental. discutida na semana passada. O texto da recomendação foi “Continuamos esperando a resde autoria dos procuradores da posta do Ibama sobre a nossa República Bruno Baiocchi Vieira proposta de parceria, de coopee Rodrigo Tenório, e teve como ração técnica”, afirponto de partida um procedimou Adriano Augusmento administrativo insto. taurado na ProcuraDe acordo com o doria da República documento, os critéem Alagoas (PR/AL). rios que definiram o Na semana passaIbama, e não o IMA Definição da, o diretor presicomo responsável petêm como dente do IMA, Adriala emissão da licença no Augusto de Araúambiental do estaleibase a jo Jorge, e a superinro alagoano estão esresolução tendente regional do tabelecidos na resolu237/97 do Ibama em Alagoas, ção número 237/97 do Sandra Menezes, se Conselho Nacional Conama reuniram para resoldo Meio Ambiente ver o impasse e se (Conama). mostraram favoráveis O artigo 4º do insao desenvolvimento trumento legal estabelece de uma cooperação que cabe ao órgão federal avaliar técnica que permitio licenciamento ambiental de ria o trabalho conjunto sobre o li- “empreendimentos e atividades cenciamento. com significativo impacto amComo o parecer técnico é um biental de âmbito nacional ou texto de comunicação interna do regional”, “localizados ou deIbama Nacional para a regional senvolvidos conjuntamente no do instituto em Alagoas, o IMA Brasil e em país limítrofe; no mar

territorial; na plataforma continental; na zona econômica exclusiva; em terras indígenas ou em unidades de conservação do domínio da União”. O texto do parecer técnico aponta que outro critério determinante foi o risco de causar impacto ambiental significativo, tendo em vista que o empreendimento será causador de impactos ambientais negativos de grande monta, além da abrangência desse impacto. “Em relação ao empreendimento em questão (Estaleiro Eisa Alagoas) entendemos que o potencial de seus impactos ambientais diretos podem ser considerados como significativos e de abrangência tanto regional quanto nacional, uma vez que há impactos diretos que extrapolam as fronteiras do Estado de Alagoas. Alguns impactos diretos no ambiente biofísico afetam o mar territorial, enquanto que em termos socioambientais o empreendimento tem impacto direto na região Nordeste do País”, afirma o documento com posicionamento do Ibama Nacional.

TÃO BONZINHOS Com o fim da redução do IPI e com a perspectiva de que as vendas continuem aquecidas, apesar da volta normal das alíquotas do imposto, os bancos estão apostando no financiamento de veículos como uma das principais modalidades para a expansão do crédito. Na base da confiança das instituições financeiras estão a baixa inadimplência e a melhora nos indicadores de desemprego. A estratégia é oferecer prazos maiores e menos exigência na concessão do financiamento. Já se atrasar as prestações....

CESTA BÁSICA O valor dos produtos da cesta básica verificado no mês de março, em Maceió, apresentou uma variação de 4,53% em relação a fevereiro e fechou o mês custando R$ 191,16. O resultado foi divulgado ontem pela Secretaria de Estado do Planejamento e Orçamento (Seplan), através da pesquisa do Índice de Preços ao Consumidor (IPC).

INFLAÇÃO Já a inflação em Maceió variou em 0,55%, de acordo com o mesmo estudo. Os principais grupos, que influenciaram o índice, foram a Alimentação (0,84%), Habitação (0,50%), Fumo e Bebidas (0,63%) e Vestuário (0,50%). Só é lamentável que a Seplan divulgue o estudo, todos os meses, sem se preocupar em fazer um comparativo entre os índices de um mês para outro. Mesma situação com relação ao custo da cesta básica.

ÚLTIMA Devido a problemas no site da instituição responsável pela organização do concurso público, a Caixa Econômica decidiu prorrogar por mais dois dias o prazo de inscrição, que acabaria ontem. A prorrogação, no entanto, só vale para a seleção visando os cargos de carreira administrativa (técnico bancário) e de carreira profissional (advogado, engenheiro e arquiteto). No caso das demais ofertas, os prazos não foram alterados.

Estaleiro Eisa Alagoas: investimento previsto de R$ 1,5 bilhão

Foto aérea da área onde o empreendimento será instalado em Coruripe

Manguezal está no centro da discussão E como exemplo dessa cia de manguezais esses sediabrangência, o Instituto cita a mentos e partículas tornam-se supressão de 100 hectares de disponíveis para serem transmangue que “causaria impac- portados também a longas disto ambiental negativo direto e tâncias”. irreversível que transcende o Por fim, o texto reforça que limite local da atividade, já que em termos socioeconômicos, o os manguezais são reconheciempreendimento vai damente ecossistemas altagerar expectativa na mente produtivos e população da região responsáveis pela Nordeste, o que acarmanutenção da proretará migração para “Há ainda dutividade biológica o Estado de Alagoas das águas marinhas de trabalhadores em o risco de em regiões trópicas, busca de oportunidafavelização des de emprego. “Tal através da exportação e de nutrientes e matéfato gera favelização ria orgânica para e sobrecarga nos sersobrecarga águas costeiras. Além públicos, já cados serviços viços disso, manguezais rentes do Estado públicos” desempenham a fun(saúde, saneamento ção de berçários para básico, educação e diversas espécies de etc). Outro ponto reorganismos estuarilevante, diz respeito ao porte nos e marinhos. O sisdo empreendimento que acartema de raízes da vegetação de retará demanda por diversos mangue atua como armadilhas, insumos não presentes em retendo os sedimentos e o am- Alagoas, impactando o sistebiente físico-químico presente ma viário nas unidades federaem regiões estuarinas, o que fa- tivas vizinhas e a dinâmica da vorece a floculação/precipita- economia regional”, descreve ção de particulados. Na ausên- o parecer.

CMYK


O JORNAL

Cidades

A9

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: cidade@ojornal-al.com.br

Servidores do Lifal decretam greve Laboratório e outros serviços públicos do Estado têm dia de paralisação e protestos pelas ruas da cidade Marco Antônio

Elisana Tenório Repórter

No inicio da tarde de ontem, Funcionários do Laboratório Farmacêutico de Alagoas (Lifal) decidiram entrar em greve por tempo indeterminado. Portanto, a partir de hoje, o único lote que estar sendo produzido – o do antiretroviral Indinavir – será suspenso até que o governo estadual chame o Sindicato dos Petroleiros de Alagoas (Sindpetro) para uma rodada de negociação. Aparalisação das atividades no Lifal é só mais um dos problemas que o governo de Alagoas parece ter de enfrentar hoje. Além destes servidores de braços cruzados, haverá também militares aquartelados, passeata nas ruas contra a esperada e temida privatização na Saúde. Pelo visto, hoje o dia promete ser complicado para a alta cúpula do governo estadual. Mes-

mo assim, até o início da noite de ontem, nenhum sinal de tentativa de conciliação tinha sido dado pelo Executivo estadual. A assembléia que decidiu pela paralisação dos servidores do Lifal foi realizada ontem sob um clima tenso. Os sindicalistas encontraram o portão principal fechado com cadeado. Eles foram impedidos de deslocarem até o pátio interno, onde sempre acontecem as assembléias da categoria. Por conta disso, a reunião foi realizada de forma atípica: sindicalistas do lado de fora e funcionários na parte interna. “A empresa fechou o portão para impedir nosso acesso, mesmo que há mais de 20 anos as assembléias sejam realizadas no pátio interno na sede da empresa (localizada no Conjunto Salvador Lyra, no Tabuleiro do Martins). Mas, mesmo assim, conseguimos realizar nossa assembléia. A partir de agora, só

voltamos ao trabalho se houver uma contraproposta por parte do Estado”, explicou o presidente do Sindprev, Paulo Roberto dos Santos. Na prática, isso significa a retomada da produção de lotes de remédios para municípios e hospitais públicos, ou seja, medicamentos que não caracterizaram “obtenção de lucro rápido”. “O Lifal foi criado para ter sua produção voltada para a população carente e as prefeituras. Isso não está acontecendo. Pelo contrário, hoje são produzidos apenas quatro medicamentos – Captopril, Pacrolinus, Closapina e Indinavir – que têm valor de ponta no mercado”, explicou o presidente do Sindicato dos Petroleiros de Alagoas (Sindpetro), Paulo Roberto dos Santos. Também há pendências relacionadas ao vale transporte - os funcionários querem ter liberdade para utilizar os créditos que têm direito da forma que acha-

rem necessária, enquanto que a diretoria quer continuar fazendo este controle – e a cesta básica. Os

trabalhadores querem continuar recebendo um salário em espécie. Mas a diretoria do Lifal já

avisou que o dinheiro depositado na conta será transformado em tíquete alimentação.

Outros servidores fazem protesto hoje

PISCINAS NATURAIS

Jangadeiros têm áreas limites para ancorar Thallysson Alves/Estagiário

Valdete Calheiros Repórter

O jangadeiro José Teixeira dos Santos, o Dé, leva turistas e nativos para conhecer as belezas das piscinas naturais da Pajuçara há 25 anos. Mas, a semana passada, está reaprendendo a fazer o passeio dentro dos limites impostos pelos órgãos ambientais de Alagoas para proteger os recifes de corais. É que passou a vigorar, limites para que os jangadeiros possam levar os visitantes às piscinas naturais da Pajuçara. Os limites são uma recomendação feita pelo Instituto do Meio Ambiente (IMA) e aceita pelo Grupo Gestor das Piscinas Naturais da Pajuçara. Há mais de um ano, as bóias que limitavam a zona de uso foram retiradas. O resultado é que muitos jangadeiros acabavam ancorando em cima ou muito próximo dos corais, pondo em risco a biodiversidade local. A reinstalação das bóias foi uma ação conjunta entre o IMA, as secretarias municipais de Proteção ao Meio Ambiente (Sempma) e de Promoção ao Turismo (Semptur), Superintendência Municipal do Controle do Convívio Urbano (SMCCU), Colônia de Pescadores Z1 e Jangada Acessível. Além das bóias, foram colocadas também poitas (corpo pesado que se usa nas pequenas embarcações, em vez de âncora, para fundear) e cabos para redelimitar as áreas de uso de banhistas e visitantes.

Sindicalistas foram impedidos de entrar na sede do Lifal; conversa com servidores foi através do portão

O aquartelamento dos militares também está previsto para hoje. Eles avisaram que permanecerão de braços cruzados no Quartel pelo menos até amanhã, quando deverá ser realizada uma assembléia unificada para decidir o rumo da corporação. Há meses, que eles tenham negociar o pagamento do resíduo de 7% pendente de um acordo firmado com o governador Teotonio Vilela Filho e a redução da escala de trabalho para 40 horas semanais. “O governador diz que não tem dinheiro para os servidores, mas tem para reajustar o duo-

décimo da Assembléia Legislativa, do Tribunal de Contas e do Judiciário. Estamos com quatro datas-bases vendidas e não vamos aceitas esta situação”, disse o presidente da Associação dos Cabos e Soldados de Alagoas, Wagner Simas. Já o Dia Mundial de Saúde também será lembrado hoje com manifestações, que deverá começar, às 8h, em frente a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). Depois do ponto de encontro, os servidores deverão sair em caminhada pelas ruas do Centro de Maceió.

O objetivo do ato é denunciar a política de privatização do governo do Estado, que está chegando através do projeto de Organizações Sociais (OS). O Conselho Estadual de Saúde (CES) promete distribuir uma carta aberta à população explicando porque as OS são inconstitucionais. “Reduzem a responsabilidade do Estado sobre as políticas públicas e a transferem para o setor privado, ou seja, desrespeitam os princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), explicou o presidente do CES, Benedito Alexandre. (E.T.)

Setor turístico terá novos investimentos As jangadas terão limites nas piscinas: respeito à biodiversidade

Da Redação

Com a recolocação das bóias, o jangadeiro que for flagrado ancorado em área fora do limite será enquadrado na Lei de Crime Ambiental, podendo ser condenado a pagar multa, ser preso, ter a concessão de uso ao meio ambiente cassada e ser descredenciado dos passeios às piscinas naturais. De acordo com o coordenador do Gerenciamento Costeiro do Estado, Ricardo César, o procedimento recebeu o apoio dos jangadeiros que trabalham nas piscinas naturais da Pajuçara. Ainda segundo Ricardo César, os jangadeiros sabem da importância da preservação da biodiversidade local. “É de interesse dos jangadeiros manter a biodiversidade das piscinas. É de lá que eles tiram seu sustento”, considerou. Que o diga o jangadeiro Hediton João Rocha do Rego, conhecido como Galego. Ele comanda sua jangada há 30 anos e estima que ou-

O processo para reurbanização da orla de Cruz das Almas até Jacarecica já está em andamento e promete dar cara nova a orla da capital alagoana. O projeto, orçado em R$ 30 milhões, com recursos assegurados pelo Ministério do Turismo, foi um dos investimentos apresentados pelo prefeito Cícero Almeida a representantes do trade alagoano. Os presidentes do Maceió Convention & Visitors Bureau (MCVB), Alfredo Rebelo, da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH), Carlos Gatto, os hoteleiros Mauro e Maurinho Vasconcelos e a secretária municipal de Promoção do Turismo, Claudia Pessôa, participaram de uma reunião onde foram anunciados novos investimentos para o setor. Cícero Almeida destacou a velocidade dos trabalhos na orla de Cruz das Almas e garantiu que outros investimentos virão atraídos pela reurbanização. “Nossa equipe está a todo o vapor para abrir o processo de licitação ainda esta semana. Aobra será de um ano e meio e, com certeza, vai atrair novos empreendimentos para região”, disse o

tros quase 200 colegas tenham também no passeio às piscinas naturais o sustento para a família. “Não dá para destruir o meio ambiente. A gente precisa dos recifes de corais mais do que eles precisam da gente”, ensinou o jangadeiro. A assessora de Projetos Especiais da Secretaria de Turismo de Maceió, Claudia Paiva, destacou a parceria existente entre os órgãos ambientais no trabalho junto aos jangadeiros. “Existe uma manutenção natural na área de preservação daquele ecossistema. Os jangadeiros têm consciência e preservam o habitat de onde eles tiram o próprio sustento. Além disso, todo ano a Secretaria Municipal de Proteção ao Turismo realiza um seminário de sensibilização turística, onde o tema de preservação ambiental é bastante difundido”, explicou Claudia Paiva.

prefeito. Ele adiantou que já estão previstos para a área um hotel cinco estrelas, um condomínio residencial e um shopping. Além da reurbanização da orla de Cruz das Almas a Jacarecica, Almeida também informou que já estão garantidos R$ 23 milhões para a nova rodovia que ligará o conjunto Moacyr Andrade a Guaxuma. O trecho, segundo observou a secretária de Turismo de Maceió, vai diminuir a distância entre o aeroporto Zumbi dos Palmares e o litoral norte do Estado. “A nova pista proporcionará mais conforto aos turistas, principalmente para o litoral norte de Maceió, que tem hotéis e novos empreendimentos já programados”, disse Claudia Pessoa. As melhorias na cidade, como a que acontecerá na Praça Vera Arruda, que deve ganhar nova iluminação incentiva invetimentos de empresários já estabelecidos na capital, como o hoteleiro mauro Vasconcelos, que anunciou mais um empreendimento hoteleiro para o bairro de Jacarecica. “Ações de melhoria na cidade são o grande diferencial no turismo. Os nossos hóspedes registram nas pesquisas que

Maceió é uma nova cidade, está mais bonita e organizada”, afirmou. “Agora com a continuidade do projeto de reurbanização da orla, o Litoral Norte vai crescer”, acrescentou o empresário. O presidente da ABIH, Carlos Gatto, reforçou que os turistas que passaram entre seis e dez anos sem visitar Maceió estão encantados com as mudanças. “Maceió tem produto de qualidade para vender. Além da beleza da orla urbana, tem ótimas opções de hospedagem, gastronomia e cultura”, afirmou. “Nossa meta agora é promover mais a cidade junto ao consumidor final, através da mídia”. O prefeito Cícero Almeida se dispôs a promover uma parceria entre as entidades do turismo e a Prefeitura para estudar campanhas para o período da Copa e outra para o segundo semestre. Os empresários de turismo também gostaram da parceria e, junto à Secretaria Municipal de Promoção do Turismo, vão planejar propostas de mídia para promover o destino Maceió. “Os empresários de turismo são nossos parceiros e vamos dar um jeito para promover Maceió no Brasil”, disse o prefeito.

CMYK


Cidades

O JORNAL JORNA L

A10

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: cidade@ojornal-al.com.br

Ambulância atropela e mata ciclista Depois de uma manobra arriscada nas proximidades do Ifal, homem acabou imprensado contra poste Mônica Lima Repórter

Um acidente envolvendo uma Ambulância Cidadã de placas MMC–0858, de Barra de Santo Antônio, deixou um ciclista morto e quatro pessoas feridas, na manhã de ontem, na Rua Barão de Atalaia, em frente ao prédio Instituto Federal de Alagoas (Ifal). Daniel da Silva Gonzaga, de 20 anos, morreu e ficou imprensado entre o poste e o veículo, que levava pacientes para fazerem exames no PAM Salgadinho. Os feridos foram levados para o Hospital Geral do Estado e, até o final desta edição, apenas o motorista Alexsandro Silveira Correia,

de 34 anos, tinha recebido alta. Os outros permaneciam em observação. Segundo informações de algumas testemunhas, o ciclista fez uma manobra arriscada na frente da ambulância. O motorista Alexsandro Silveira, não teve como desviar e se chocou contra o poste, deixando Daniel imprensado. Equipes do Corpo de Bombeiros fizeram o resgate das vítimas: José Cícero da Silva, 32 anos – que seguia de bicicleta junto com Daniel –; Petrúcio Manoel Alves da Silva, 48; José Benedito Mendonça Monteiro, 46; Samuel Aureliano dos Santos, 36 e de Alexsandro Silveira, que teve ferimentos leves. A esposa de Daniel Silva Gonzaga, Ana Paula Oliveira,

Lula Castello Branco

Poste ficou manchado pelo sangue do ciclista que foi atropelado

disse que o ciclista estava indo para o trabalho, numa área da Ponta Verde, onde vendia jornal, juntamente com o amigo

Láyra Santa Rosa

CASO FÁBIO ACIOLI

MPE aguarda Seds para reconstituição

TRÂNSITO - Por conta do acidente, ocorrido no início da manhã, o trânsito ficou praticamente parado nas regiões do Poço e do Centro de Maceió, por mais de meia hora. Muitos curiosos paravam para acompanhar o resgate das vítimas. Uma equipe da Eletrobrás Distribuição Alagoas esteve no local, para verificar se havia risco do poste desabar. Mas constataram que houve algumas fissuras que não comprometeram a estrutura.

Após briga com esposa, comerciante se suicida

Repórter

Elisana Tenório A Polícia Civil deve começar, ainda está semana, a investigar o assalto a uma jovem na saída da agência da Caixa Econômica Federal, da cidade de Rio Largo. Adjane dos Santos Silva, de 21 anos, sacou R$ 70 mil do banco e acabou sendo abordada por dois criminosos armados quando passava pela rua Gerson Vanderlei, no Centro do município. O crime aconteceu no início da tarde da última segunda-feira. Segundo o relato da vítima, que acionou o Centro de Operações da Defesa Social (Ciods) ela foi rendida pelos assaltantes numa das ruas próximas ao banco. Os bandidos chegaram a colocar uma arma na cabeça da vítima, que foi obrigada a passar o dinheiro. Em seguida, os dois homens fugiram a pé. Várias equipes do 8º Batalhão da Polícia Militar fizeram rondas na região em busca dos acusados, mas ninguém foi encontrado. O caso deverá ser investigado pela equipe da Delegacia de Rio Largo, comandada pelo delegado Leonardo Assumpção das Virgens. O Boletim de Ocorrência sobre o caso ainda não tinha sido encaminhado pela delegacia do município. “Ainda não recebemos nada sobre esse crime, mas acredito que ainda esta semana devemos começar as investigações. O mais recomendado hoje em dia e que as pessoas evitem sacar grandes valores nas agências bancárias e passem a fazer transações eletrônicas. É preciso cautela para que situações como estas não voltem a acontecer ”, orientou o delegado.

ça e tinham quadro de saúde estável, conforme boletim divulgado pela assessoria de comunicação do Hospital Geral do Estado.

PONTE DO REGINALDO

RIO LARGO

Saidinha: R$ 70 mil é roubado na porta de banco

José Cícero da Silva, que ficou ferido no acidente. Os dois saiam juntos todos os dias e trabalhavam como jornaleiros,

atividade a qual Daniel se dedicava desde os 14 anos. De acordo com Ana Paula, eles já tinham pegado o material e estavam se dirigindo para o ponto de venda. Daniel deixou uma filha de um ano. Os familiares de José Cícero estavam nervosos e apreensivos, apesar do quadro de saúde dele ter se mantido estável, mesmo depois de ter sido submetido a uma cirurgia de pneumotórax. Cícero teve um corte próximo a cabeça, quebrou um dedo do pé e teve várias escoriações pelo corpo. Das demais vítimas, Petrúcio Manoel Alves passou por uma cirurgia; Samuel Aureliano e José Benedito, sofreram trauma na face e cabe-

Repórter

O promotor José Antônio Malta Marques deve divulgar hoje quando acontecerá à reconstituição do sequestro seguido de morte do estudante Fábio Acioli,de 21 anos, ocorrido em agosto do ano passado. Ele explicou ontem que aguarda apenas que a Secretaria de Estado da Defesa Social (Seds) conclua o aparato necessário para por a ação em prática. “Hoje vamos pedir uma posição do secretário Paulo Rubim a respeito da logística que é necessária para a reconstituição. Depois disso, é que teremos condições de divulgar alguma coisa”, explicou o promotor José Antônio Malta Marques. Na prática, a logística significa o parecer favorável do Instituto de Criminalística e das policias militar e civil: isolamento da área, materiais disponibilizados e acusados à disposição. Mesmo com a reconstituição sem data marcada para acontecer, o processo continua seguindo seu trâmite normal. Às 8horas de hoje, o promotor José Antônio Malta Marques deverá ouvir os depoimentos de várias pessoas que foram citadas por algumas testemunhas. Mas só após a reconstituição, e se não houver fatos novos, os réus serão interrogados e a Defesa e o Ministério Público farão suas alegações finais. Depois será feita a sentença da pronúncia, que decidirá se há indícios de cul-

pabilidade e se os acusados vão a júri popular. Até agora, mais de 17 pessoas foram ouvidas e três estão presas pelo crime: Carlos Eduardo Souza, Wanderley do Nascimento Ferreira e Cícero Rafael de França. Eles foram denunciados por crime de homicídio qualificado, previsto no artigo 121 do Código Penal. CRIME - O estudante Fábio Acioli de Souza Costa foi sequestrado na noite do dia 12 de agosto do ano passado, quando estava em um matagal, próximo a uma banca de revistas, no bairro de Cruz das Almas. Ele foi colocado na mala de um carro e levado até um canavial, localizado no Benedito Bentes, onde foi queimado vivo. As investigações feitas pela Polícia apontam Cícero Rafael como um garoto de programa que foi usado para atrair o estudante e levá-lo até Cruz das Almas. Os outros dois que estão presos - Carlos Eduardo e Wanderley Ferreira – são acusados de terem ateado fogo no corpo do jovem. O estudante rolou na lama para apagar as chamas, foi socorrido e levado direto ao Hospital Geral do Estado. Ele ainda foi transferido para um hospital em Recife, mas após uma semana, morreu. Fábio teve 80% do corpo queimado e, segundo parecer dos médicos morreu em decorrência de graves infecções e falência múltipla dos órgãos.

Depois de uma discussão de casal, um homicídio seguido de suicídio. No final da manhã de ontem, o comerciante Geovane Severiano da Silva, de 39 anos, pôs fim a vida depois de ter se desentendido e assassinado a esposa, pulando os 42 metros da Ponte do Reginaldo. Uma equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) esteve no local, mas ele já estava em óbito. O caso chamou a atenção de moradores do Vale do Reginaldo e de outros curiosos que ficaram na ponte observando a movimentação. Antes de se suicidar Geovane Severiano, telefonou para o sobrinho Edson Jacinto Silva e falou sobre o que estava prestes a fazer. Em seguida, desligou o aparelho telefônico, deixando o sobrinho aflito. Edson que mora na Santa Lúcia, chamou um amigo para ir ao Feitosa, mas quando chegou já encontrou o corpo do tio estendido no chão. Segundo ele, o Geovane não ingeria bebida alcoólica estava com problemas conjugais e, há dois meses não morava mais com a sua segunda companheira conhecida como Carla, com quem tinha uma filha. Edson Jacinto, afirmou que Geovane não tinha outros problemas e que, o principal motivo da sua morte foi o seu relacionamento conturbado, marcado por brigas constantes.

Lula Castello Branco

Corpo de Geovane ficou estendido em meio ao Vale do Reginaldo

Geovane Severiano morava em Satuba e tinha uma loja de móveis no Rio Novo. Do seu primeiro casamento tinha duas filhas. “Após o telefonema corri para impedir que ele se jogasse, mas não deu tempo”, lamentou o sobrinho.

Uma equipe de militares permaneceu no local, antes da chegada da perícia, que até o início da tarde ainda não tinha chegado, bem como o carro do Instituto Médico Legal Estácio de Lima, responsável pelo recolhimento do corpo. (M.L.)

ACUSADO DE PEDOFILIA

Defesa de promotor será ouvida em nova data Valdete Calheiros Repórter

Aaudiência das testemunhas de defesa do promotor Carlos Fernando Barbosa de Araújo, acusado de estuprar a filha e a enteada, foi adiada para o próximo dia 5 de maio, a partir das 13 horas. Aaudiência estava marcada para a tarde de ontem e acabou sendo remarcada. Segundo o juiz da 7ª Vara Criminal da Capital, Maurício Brêda, o promotor do caso, Sergio Escala, tinha uma outra audiência marcada para o mesmo horário e argumentou sobre a impossibilidade de participar simultaneamente de duas audiências. Carlos Fernando Barbosa de Araújo era promotor da Comarca de Anadia e respon-

dia pela Vara da Infância e da Juventude da cidade. Ele foi denunciado pela filha e pela exmulher pelo crime de abuso sexual. Segundo a denúncia, o promotor é acusado de ter violentado a própria filha, de 12 anos, além de cometer abuso sexual contra uma enteada, de 13 anos. No computador pessoal do acusado foram encontradas várias fotos das vítimas, em trajes íntimos. As fotos eram tiradas enquanto as meninas dormiam, conforme a ação penal, que tramita em segredo de Justiça. O relator é o desembargador Orlando Manso. Ainda segundo a denúncia, o promotor abusou da filha de 1993 a 2000 e da enteada de 2003 a 2006. A denúncia contra Carlos Fernando, no entanto,

foi formalizada apenas em 2006 ao Ministério Público Estadual. Carlos Fernando Barbosa de Araújo chegou a ser preso preventivamente por decisão do pleno do Tribunal de Justiça de Alagoas. Sob a acusação de pedofilia e abuso sexual, ele foi detido em julho de 2008, mas foi liberado em agosto de 2009. O acusado passou a responder em liberdade, graças a um habeas corpus concedido pelo próprio Tribunal. Na segunda quinzena de março, o procurador-geral de Justiça, Eduardo Tavares, ingressou com uma ação civil pública pedindo a demissão do promotor Carlos Fernando Barbosa de Araújo. Atualmente, Carlos Fernando está afastado das suas funções, mas recebe salário integralmente.

CMYK


Cidades

O JORNAL JORNA L A11

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: cidade@ojornal-al.com.br

Projovem tem evasão de 22% em AL Realizado em nove municípios, programa federal não atrai público no Estado, nem com bolsa de incentivo Lula Castello Branco

Mônica Lima Repórter

O Projovem Urbano, que está sendo realizado em nove municípios alagoanos, não está despertando o interesse dos jovens. Uma prova é o índice de evasão que chega a 22% em Alagoas, deixando o estado em segundo lugar no Brasil em números de desistência. Mas os coordenadores afirmam que os números de desistência estão dentro do esperado e ocorre por uma série de fatores, a exemplo da procura por trabalho em outras regiões do país. Os dados sobre o Projovem Urbano que começou no final de 2009 e prosseguirá até novembro deste ano, foram apresentados durante um encontro de coordenadores executivos e gestores o mês passado em Brasília. O coordenador pedagógico, Cícero Leão, justifica a evasão como o resultado de al-

gumas situações que os beneficiados, no caso jovens de 18 a 29 anos, enfrentam em seus municípios. Um dos principais motivos é a sazonalidade, ou seja, muitos trabalham no em áreas rurais e quando as as safras são encerradas, a tendência é que procurem outros locais, onde possam trabalhar, inclusive partindo para outros estados brasileiros, ou cidades alagoanas, onde a oportunidade de emprego é maiore. O coordenador reconhece que o benefício, concedido através de uma bolsa de R$ 100, não está conseguindo garantir a presença dos jovens na sala de aula, onde tem a oportunidade de concluírem o Ensino Médio, além de saírem com uma base profissional. Quando o Projovem Urbano começou, foram inscritas 4.300 pessoas, atualmente 3.354 continuam frequentando as aulas.

MESMOS DIREITOS

Despacho: polêmica entre policiais civis Láyra Santa Rosa Repórter

O novo despacho do delegado-Geral da Polícia Civil, Marcilio Barenco, determinando que os delegados estão livres de assinar o ponto de trabalho, tem gerado revolta entre os Policiais Civis. A categoria reclama que continua sendo obrigada a trabalhar em horário comercial, enquanto os delegados foram liberados após acordo com a Associação dos Delegados de Polícia Civil (Adepol). Ontem, o Sindicato dos Policiais Civis encaminhou ofícios para o Ministério Público Estadual (MPE) e ao Conselho Estadual de Segurança Pública (Conseg) pedindo que seja instaurando uma sindicância para apurar a determinação. “Não temos nenhum problema em relação a situação dos delegados, mas queremos que todos tenham direitos iguais. Se os policiais que têm o serviço atrelado ao delegado têm de assinar ponto e cumprir horário comercial, porque com os delegados têm de ser diferentes. Todos temos que ter os mesmos direitos”, afirmou o sindicalista José Edeilton Gomes. A categoria espera que o MPE e Conseg tomem algumas providências para que a situação seja revista. “Não é possível que dentro de uma repartição onde os trabalhos se cruzam, existam tratamentos trabalhistas diferenciados por categoria. O agente e

o escrivão trabalham tanto quanto os delegados e se reclamam acabam sendo transferidos para outro setor. Esperamos que essa situação seja revista e algo seja modificado”, disse. Segundo José Edeilton, desde o final de fevereiro, quando o horário comercial foi instituído nas delegacias, os policiais civis reclamam e questionam a mudança. “É claro que as investigações serão prejudicadas, já cansamos de dizer isso. Recentemente, procuramos o Conselho que pediu que formássemos uma comissão que discutirá essa mudança dentro de 120 dias. A idéia era analisar se a medida melhorou ou prejudicou a segurança pública. Só que essa mudança não agradou aos policiais, que estão sendo prejudicados”, falou. O sindicalista contou, ainda, que, durante as tentativas de ajustar os horários, alguns policiais solicitaram trabalhar em horário especial. “Eles ficavam direto seis horas, pulando o almoço para serem liberados mais cedo. Em alguns casos, o delegado Barenco acatou, outros não. Para completar, determinou que alguns trabalhassem oito horas seguidas sem direito ao almoço, também seria um horário diferenciado. O que ninguém entende e quais os critérios usados para essa divisão. Sem dúvida, algumas pessoas estão sendo favorecidas”, afirmou.

Medida alega disciplinamento A determinação para a suspensão do ponto dos delegados foi publicada em março e alega que ficará dessa forma até que seja disciplinado o pagamento das horas extras, conforme processo administrativo em tramitação. Na decisão, Barenco coloca ainda, que os delegados devem cumprir integralmente as escalas de plantão e os horários de expe-

diente, restando a frequência facultativa como único tipo de prova como pagamento para futuras horas extras trabalhadas. Durante toda a manhã de ontem, a reportagem de O JORNAL tentou contato telefônico com o delegado Marcilio Barenco e com o presidente da Adepol, Antônio Carlos Lessa, mas nenhum dos dois atendeu as ligações. (L.S.R.)

Cícero Leão justifica evasão em várias razões, entre elas a sazonalidade de trabalhos rurais

Campanha de combate a Dengue começa a ser intensificada hoje A campanha de Combate a Dengue será aberta oficialmente hoje em Alagoas, com a mobilização de todos os 102 municípios, escolas, igrejas, e instituições públicas. O evento acontecerá no Centro de Convenções a partir das 10h, onde serão distribuídos os materiais educativos e os equipamentos utilizados pelos agentes de combate a endemias, inclusive os veículos fumacês. A intensificação das ações de combate a Dengue acontece porque, nos três primeiros meses de 2010 já foram notificados 3.709 casos suspeitos da

doença em Alagoas, sendo que 566 foram confirmados. Além do registro de outros 152 casos da forma grave, com 41 confirmados e sete óbitos sob investigação. Entre as vítimas fatais está um bebê que morreu na última segunda-feira, vindo da cidade de Teotônio Vilela e uma menina de sete anos, morta no último mês de março de Rio Largo. Como se não bastasse, Alagoas tem cinco municípios em situação epidêmica. Major Isidoro, Santana do Ipanema, Rio Largo, Jacuipe e Coqueiro Seco são as cidades que registraram

o maior número de casos da doença em 2010. “Asituação nessas cidades é preocupante. Elas estão vivendo uma epidemia. Estamos iniciando a campanha do Dia D de combate a dengue e esperamos que esse quadro seja reduzido”, disse Sandra Canuto, superintendente de Vigilância a Saúde do Estado. “O Dia D de combate a dengue terá como principal alvo a sociedade civil. É preciso a mobilização de todos no combate ao Aesdes aegypti. Durante a solenidade de abertura da campanha teremos apresentações de trabalhos de estudantes das

escolas estaduais e municipais sobre as formas de combate a doença. Sem falar nas palestras de orientações de como evitar criatórios e proliferação das larvas”, explicou Sandra Canuto. CUIDADOS - A campanha de combate a dengue depende bastante da participação da população. O mosquito consegue se proliferar colocando seus ovos em água limpa e parada. Os sintomas da dengue são desde a febre alta com dor de cabeça, dor atrás dos olhos, no corpo e nas juntas. (L.S.R.)

Diretores discutiram estratégias para melhorar educação básica

Diretores se reunem para avaliar desenvolvimento nas escolas Da Editoria de Cidades A avaliação e a atualização dos dados sobre a execução do Plano de Desenvolvimento Escolar (PDE) em 58 escolas municipais foi o mote da reunião de Diretores e técnicos da Secretaria Municipal de Educação (Semed), que aconteceu ontem no Centro de Formação (Cefor). Na oportunidade, foram colocadas em prática algumas ações que visam melhorar a qualidade do ensino e da aprendizagem

baseadas no plano. O encontro, que contou com a presença de diretores do 1º ao 5º ano, teve como principal objetivo apontar estratégias que garantam melhorias na educação básica. O evento, que foi articulado pelo Comitê Estratégico do PDE/Escola, tem a meta de ampliar a aplicação do plano para outras unidades e aperfeiçoar o que já foi desenvolvido nas que o implantaram. É a partir dessa união de esforços que o MEC espera diminuir os índi-

ces de repetência e evasão, além de melhorar a aprendizagem. Por meio da Provinha Brasil e de outra avaliação específica para medir a quantidade de alunos desistentes e repetentes, são feitos os cálculos que compõem o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Segundo os levantamentos do Comitê Estratégico do PDE, no município há escolas que já atingiram a média 4.4 (avaliação 2007), enquanto a apontada pelo MEC é de 6.0. Na

prática, isso significa que o trabalho desenvolvido tem garantido resultados importantes, mas que ainda pode ser melhorado. O acompanhamento do índice deve ocorrer através das reuniões e visitas permanentes às escolas e, também, de forma online, já que no site do MEC consta o que cada unidade está se propondo a aplicar. Até maio deste ano o PDE das escolas municipais que já fazem sua aplicação deve estar à disposição para consulta.

CMYK


O JORNAL

Municípios A12

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: municipios@ojornal-al.com.br

População volta a bloquear AL-220 Manifestação durou cerca de 8 horas e teve fim com a intervenção do Pelotão de Operações Especiais Carolina Sanches Repórter

LIMOEIRO DE ANADIA – Moradores dos povoados Cadoz e Papa-Farinha, na zona rural do município de Limoeiro de Anadia, voltaram a bloquear a rodovia AL-220. Eles impediram o tráfego de veículos ontem por mais de oito horas em protesto contra o não cumprimento da promessa do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) em construir lombadas e colocar placas de sinalização no trecho. Na última segunda-feira, os moradores bloquearam dois trechos da rodovia para cobrar a instalação de redutores de velocidade. De acordo com os líderes da comunidade, desde o início do ano, foram registrados seis acidentes. “Os carros passam em alta velocidade, e todos os moradores estão revoltados com a falta de sinalização da pista”, afirma o morador Vagnes Soares. Após negociação com militares do 3º Batalhão de Polícia, responsável pela atuação nesta área, os manifestantes recuaram e liberaram a pista. No en-

tanto, ficou acertada com a direção do DER a instalação das lombadas e o posicionamento das placas de sinalização na manhã de ontem, o que não aconteceu até 11h, quando foi iniciado o novo protesto. Revoltados, os moradores atearam fogo novamente em pneus, nos galhos das árvores e terminaram de queimar o carro velho utilizado no protesto de segunda-feira. De acordo com o diretortécnico de Transporte e Trânsito do DER, Alexandre Acioly, os técnicos do departamento estiveram no local para colocar duas lombadas físicas, mas os moradores não concordaram com a localização e impediram os trabalhos. "Nós estamos trabalhando com engenheiros que tem o cuidado com a segurança do local, mas os moradores se mostraram intransigentes e queriam um número maior de lombadas", disse. O trânsito ficou lento no local. Os motoristas tiveram que seguir por estradas vicinais para não ficarem parados no bloqueio. A rodovia só foi liberada às 18h50, após negociação com a Polícia Militar.

Carolina Sanches

Moradores impediram o tráfego de veículos na AL-220, em Limoeiro de Anadia, pelo segundo dia consecutivo, utilizando troncos de árvores

GRIPE A AUXÍLIO-DEFESO

Reunião discute “dia D” Marisqueiras procuram de vacinação no Agreste o Ministério do Trabalho Eduardo Almeida Repórter

MARAGOGI – Com a chegada do período do defeso, em que ficam proibidas a captura e a comercialização de camarões e lagostas, dezenas de marisqueiras procuraram ontem o Ministério do Trabalho, em Maragogi, para solicitar o auxílio que equivale ao seguro desemprego. Até o próximo dia 15, quem comprovar que trabalha com mariscos poderá dar entrada no auxílio-defeso e receber, nos meses de abril e maio, um salário mínimo. Para solicitar o benefício, as marisqueiras têm de apresentar, além de documentos de identidade e comprovantes de residência, certidões que comprovem a atividade – que são emitidas apenas pelas associações de marisqueiras. Esta é a segunda fase do defeso. A primeira aconteceu entre dezembro do ano passado e janeiro deste ano. Ao todo, as maris-

queiras devem receber quatro salários mínimos nas duas etapas. Maria da Guia da Silva, de 36 anos, conta que trabalha com a captura e comercialização de camarões e lagostas desde a infância. A marisqueira revela que não tem outra fonte de renda e diz que, sem o seguro, não teria como se sustentar e manter os filhos. Para ela, o auxílio-defeso chegou em boa hora e deve incrementar a feira do mês, já que sua renda mensal saltará de R$ 300 para R$ 510. “Trabalho com marisco desde os dez anos e não sei fazer outra coisa. Durante o defeso, não teria como me manter sem o auxílio pago pelo Ministério do Trabalho. Em média, consigo R$ 300 por mês, mas nos próximos meses a coisa deve melhorar, já que passo a contar um salário mínimo. Quatro pessoas dependem desse dinheiro para tudo”, relatou a marisqueira, que chegou cedo ao

Ministério para garantir o atendimento. Assim como Maria da Guia, a marisqueira Luiza da Silva, de 28 anos, também solicitou o auxílio. Ela explica que compreende a importância do período para a reprodução das espécies. “O número de crustáceos capturados tem sido cada vez menor. É importante que o período do defeso seja respeitado para que possamos continuar tirando nosso sustendo da venda de mariscos”, observou. De acordo com o Ministério do Trabalho, o atendimento às marisqueiras é ordenado por senhas. Segundo a funcionária Ana Cristina, cinquenta senhas são distribuídas no início da manhã e o atendimento prossegue até as 13h. Para solicitar o benefício, as marisqueiras devem apresentar documento de identidade, CPF, comprovante de residência e certidão que comprove a atividade funcional. Eduardo Almeida

ARAPIRACA – Para atingir a meta de vacinação contra a gripe A, o município de Arapiraca programa as ações que serão realizadas no próximo sábado, considerado o “dia D” da campanha pelo Ministério da Saúde. Na manhã de ontem, a médica sanitarista do Ministério da Saúde, Marília Bulhões, se reuniu com profissionais da Secretaria Municipal de Saúde para apresentar os números da vacinação no país e esclarecer dúvidas sobre a campanha. A terceira etapa da estratégia nacional suína, destinada aos jovens com idades entre 20 e 29 anos, começou na última segunda-feira e termina no sábado. A vacinação de grávidas, doentes crônicos (exceto idosos) e crianças com idade entre seis meses e menos de 2 anos foi prorrogada pelo Ministério da Saúde. De acordo com a médica sanitarista, a prorrogação aconteceu porque ainda não foi cumprida a meta destinada ao grupo de risco. O objetivo é que 80% das gestan-

tes sejam vacinadas até sábado. Com relação à primeira etapa da campanha, que foi destinada aos profissionais de saúde, Marília Bulhões informou que quase 100% da meta foi cumprida no país e que ela foi destinada a grupos especiais que têm contato direto com a doença. “Existe uma dificuldade na compreensão a respeito de quais profissionais seriam vacinados, mas o Ministério da Saúde especificou que somente aqueles que possivelmente terão contato com os pacientes foram imunizados”, explicou a médica. Marília Bulhões informou que a visita a Arapiraca se deve ao município ser o segundo maior do Estado e possui hospitais que atendem a outras cidades. “Arapiraca está conseguindo manter a meta estabelecida e não apresenta uma dificuldade para a vacinação. O que percebi na reunião foi a necessidade de aumentar o número de pessoal para aplicação da vacina, mas isso é uma dificuldade enfrentada em diversos municípios”,

afirmou. A coordenadora estadual da vacinação, Edinalva Maria de Araújo, disse que a quantidade de profissionais da saúde que foram imunizados em Alagoas superou a meta prevista pelo Ministério da Saúde, um total de 33 mil. Ela informou que na segunda etapa a procura foi menor. “O número de gestantes que foram vacinadas no Estado corresponde a 29,3%. A expectativa é de que, com a prorrogação do prazo, a meta seja alcançada”, expôs. Segundo a coordenadora da Rede de Frios da Secretaria Municipal de Saúde de Arapiraca, Adriana Duarte, a vacinação acontece nos 34 postos localizados na área urbana e na zona rural do município. Ela informou que os idosos com mais de 60 anos com doenças crônicas receberão a segunda dose da vacina no período de 24 de abril e 7 de maio, enquanto as pessoas com idade entre 30 e 39 anos serão vacinadas no período de 14 a 21 de maio. (C.S.)

Enfermeiros percorrem casas no litoral

Dezenas de marisqueiras compareceram ao Ministério do Trabalho para solicitar o benefício

MARAGOGI – A Secretaria de Saúde do segundo maior polo de turismo do Estado decidiu intensificar as ações de combate à gripe A (H1N1). A taxa de vacinação no município está abaixo da meta estipulada pela pasta municipal, que decidiu colocar equipes do Programa Saúde da Família (PSF) para visitar residências da zona rural. O feriado religioso é apontado como um dos responsáveis pelo baixo índice de vacinação. “Embora não tenhamos fechado os números, sabemos que nossa expectativa ainda não foi alcançada. Decidimos realizar ‘volantes’ com as equipes do PSF na zona rural da cidade. Enfermeiros e auxiliares estão percorrendo os povoados e esperamos que até

o dia 23 de abril, quando terminam a segunda e a terceira etapa de vacinação, tenhamos cumprido nossa meta”, informou Lucineide Paulo, secretária municipal de Saúde. Para a secretária, diversos fatores contribuíram para que a vacinação estivesse abaixo do esperado. Segundo ela, o principal motivo para os baixos números foi a Semana Santa, já que as unidades de saúde fecharam na quinta e só reabriram na última segunda-feira. Mas, ainda de acordo com Lucineide Paulo, a distância até os postos de distribuição e o medo de tomar a vacina também têm contribuído para o resultado. “Como a população desconhece a vacina, não procura as unidades de saúde para se

imunizar. Nem as campanhas realizadas pelo Ministério da Saúde têm resultado no aumento do fluxo. O problema não se restringe a Maragogi; todo o país está enfrentando o baixo índice. A prova é que o Ministério prorrogou até o dia 23 de abril a segunda etapa”, completou Lucineide Paulo. Apesar de o resultado ainda está abaixo do esperado, a secretária acredita que a meta do município deve ser alcançada até o final do mês. “Nossa meta deve ser alcançada até o dia 23 de abril. A Secretaria de Estado da Saúde também está acompanhando nossa evolução. Podem se vacinar doentes crônicos, gestantes, crianças abaixo de 2 anos e a população entre 20 e 29 anos”. (E.A.)

CMYK


O JORNAL

Esportes

A13

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: esportes@ojornal-al.com.br

Confiança é a palavra de ordem Como não poderia deixar de ser, CRB acredita na vitória contra o CSE e torce por ASA e União no sábado Marco Antônio

Marcelo Alves Repórter

Celso Teixeira acredita que ASA e União farão o dever de casa, vencendo Corintihans e Coruripe, que lutam por vaga no quadrangular com o CRB

PROBLEMAS

Galo decreta luto de três dias na Pajuçara

Apenas dois estádios já têm laudo com aprovação do CREA Apenas dois estádios receberam o laudo de aprovação de vistoria do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia de Alagoas (CREA). Estão aptos para receber jogos do quadrangular final do Campeonato Alagoano, os estádio do Santa Rita, o Olival Elias de Moraes, em Boca da Mata, e o do Corinthians Alagoano, o Nelson Peixoto Feijó, em Maceió. Sete clubes estão ainda não apresentaram o laudo de vistoria. O prazo final para apresentação do laudo é até o dia 23 de abril. O assessor de imprensa da Federação Alagoana de Futebol (FAF), Alberto Lima, afirmou que apesar de somente dois estádios terem sido aprovados pela inspeção do CREA, o Campeonato Alagoano não corre risco de ser paralisado.“Caso os sete estádios não tenham sua estrutura adequada às exigências do CREA, a competição será disputada apenas nos dois estádios aprovados”, disse Alberto Oliveira. Alberto Lima disse ainda que se o clube não entregar o laudo do CREA dentro do prazo estabelecido, conforme portaria 124, do Ministério dos Esportes, publicada no

O CRB está de luto por três dias pela morte do seu ex-presidente Oswaldo Gomes de Barros, que morreu ontem em virtude de falência múltiplas dor órgãos. O corpo de Oswaldo foi enterrado no fim da tarde de ontem. Sobre o assunto, o presidente do Conselho Deliberativo do CRB Kennedy Calheiros disse que a morte de Oswaldo Gomes de Barros deixou uma grande lacuna no time da Pajuçara. Kennedy Calheiros lamentou a perda do ex-presidente do Galo. Ele afirmou que Oswaldo Gomes foi um verdadeiro regatiano. “Oswaldo Barbosa soube defender as cores vermelho e branco do CRB como ninguém”, disse o presidente do Conselho Deliberativo do Galo. “O Oswaldo Gomes foi um vitorioso. Ele nós deixou muitos ensinamentos”, comentou Kennedy Calheiros. Já o treinador da equipe sub

18 e ídolo do CRB, Joãozinho Paulista disse que Oswaldo Gomes deixou um grande legado para o time da Pajuçara. “Ele foi um grande exemplo de desportista e regatiano. Tinha uma visão grande e o coração regatiano”, disse. Joãozinho Paulista contou ainda que em 1983, quando o CRB foi campeão, Oswaldo Gomes foi buscá-lo no Botafogo de Ribeiro Preto (SP) para disputar as últimas partidas do Campeonato Alagoano, na época. Oswaldo era presidente executivo do Galo naquele ano. “Ele foi pessoalmente me buscar e ainda faltava um mês para o meu contrato encerrar, mas mesmo assim ele fez de tudo para me trazer para o Galo”, disse. De acordo com Joãozinho Paulista, o esforço não foi em vão “Cheguei e dei o título para ele e a torcida do CRB”, relembrou Joãozinho Paulista. (M.A)

CSA

Alírio Albuquerque oficializa sua renúncia Ao lado do Olival Elias, em Boca da Mata, o estádio Nelson Peixoto Feijó está liberado pelo CREA

dia 19 de fevereiro, os times perderão o mando de campo. Faltam apresentar o laudo os estádios Juca Sampaio, em

Palmeira dos Índios; Severiano Gomes, em Maceió; Gerson Amaral, em Coruripe; Alfredo Leahy, em Penedo;

Orlando Gomes, em União dos Palmares; José Gomes, em Murici, e Arnon de Melo, em Santana do Ipanema. (M.A.)

Murici recebe troféu de campeão do Turnão O Murici vai receber n próximo sábado o troféu de campeão da primeira fase do Campeonato Alagoano, o Turnão. O troféu leva o nome do ex-presidente da Federação Alagoana de Futebol (FAF) José Sebastião Bastos. O expresidente esteve na sede da

Correndo risco de ficar de fora do quadrangular final do Campeonato Alagoano, o CRB só pensa agora na partida contra o CSE, no próximo sábado, às 15h, no Estádio Severiano Gomes Filho, na Pajuçara, jogo válido pela última rodada do Turnão. Mesmo tendo que vencer o jogo e ainda torcer por combinação de resultados, o técnico Celso Teixeira não acredita que o ASA e o União, adversários do Corinthians e do Hulk, respectivamente, irão fazer “corpo mole” durante a partida. “Eu não acredito que o ASA vai entrar em campo num acordo de cavalheiros contra o Corinthians Alagoano. E o União vai lutar para não cair e esse vai ser um jogo duro”, disse Celso Teixeira. O treinador do Galo negou que exista clima de intranqüilidade entre os jogadores e afirmou também que não passa pela cabeça dos atletas de o time ficar fora da competição. “O clima está bom entre os jogadores.O ambiente é de tranqüilidade”, disse o técnico. “Vai dar tudo certo. O time não pensa em eliminação”, afirmou. Para o jogo contra o CSE, Celso Teixeira disse que a postura do time tem que ser de equipe vencedor. “Vamos brigar o tempo todo. Não podemos vacilar, assim como ocorreu na última partida”, comentou. Celso Teixeira ressaltou ainda que conversou na última

segunda-feira com o grupo de jogadores e que já deu uma nova injeção de ânimo nos atletas, principalmente na tentativa de que eles não percam a concentração e se mantenham motivados para o jogo contra o CSE. Desfalques - Apesar de todo trabalho motivacional, o técnico do Galo não esconde que está preocupado com as baixas no elenco. Estão fora de combate para a partida do próximo sábado por terem recebido o terceiro cartão amarelo o zagueiro Rogério Correia, o volante Paulo Foaine e o atacante Wellington. Outro desfalque do time é o zagueiro Alexandre Luz, que foi expulso. Por outro lado, Celso Teixeira terá a volta do lateral esquerdo Rafinha e do meia Hilton Mineiro, que cumpriram suspensão automática. Além dos dois atletas, estão à disposição do treinador regatiano o atacante Edmar e o lateral direito Kayme. Ambos estavam no Departamento Médico se recuperando de uma entorse no tornozelo e já foram liberados. Já o goleiro André deve ter uma oportunidade na última partida da fase de classificação. Com mais uma falha do goleiro Filipe no empate com o Murici, André deverá ser o titular contra o CSE. Felipe já havia entrado na vaga de Cris, que também cometeu erros cruciais nos jogos contra o União e Corinthians Alagoano. André atuou no gol do CRB no ano passado nas partidas finais do Brasileiro da Série C.

FAF, ontem à tarde, quando foi comunicado pelo presidente da FAF, Gustavo Feijó, sobre a homenagem. “Fico muito gratificado pela lembrança” foi taxativo o ex-presidente, Bastinhos, como é carinhosamente chamado. Ele foi presidente de 1958

a 1968, de 1985 a 1988 e de 1991 a 1999, e ainda esteve como interventor da Entidade, durante uma semana, em abril de 2007, quando do processo Judicial nas últimas eleições. “O Dr. Bastinhos é uma pessoa que nasceu para o futebol. Poucos desportistas no

Estado, fizeram o que ele fez”, disse o presidente da FAF, Gustavo Feijó. Bastinhos confirmou presença no estádio José Gomes da Costa, no sábado (10) quando da partida entre Murici e Santa Rita, às 15 horas.

Depois de todo imbróglio sobre renunciar ou não à vice-presidência de Patrimônio do CSA, Arílio Albuquerque, enfim, entregou o cargo. O presidente do CSA, Jorge VI, disse que, no início da tarde de ontem, Arílio Albuquerque apresentou a carta renúncia ao presidente do Conselho Deliberativo do clube, Lumário Rodrigues. “Quando a diretoria do clube Azulino iria promover uma reunião para passar uma borracha no problema formado entre Arílio Albuquerque e o técnico Lino, ele (Alítio Albuquerque) entrega a carta renúncia”, disse Jorge VI. O presidente do CSA afirmou que, durante a reunião, iria tentar fazer as pazes entre os

dois desafetos, mas nem sequer deu tempo. Jorge VI disse ainda toda situação criada pelo Alírio Albuquerque estava superada, já que o dirigente Azulino havia anunciado em vários meios de comunicação a renúncia e poucos dias depois tinha voltado atrás da decisão. “Nós achávamos que todo o problema havia sido resolvido, mas o Alírio estava divulgando que agora queria uma retratação do CSA para voltar ao cargo. Aí já é demais”, disse Jorge VI. Na época da indefinição do dirigente azulilno, o presidente do CSA havia convidado o empresário Adão dos Santos, mas ele negou diante da possibilidade de retorno de Arílio. (M.A)

CMYK


Esportes

O JORNAL JORNA L

A14

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 |www.ojornalweb.com | e-mail: esportes@ojornal-al.com.br

BatePronto

À espera de uma confirmação

Victor Mélo - jornalistavictor@gmail.com

DIA DECISIVO NO PAULISTÃO O Campeonato Paulista está em destaque na noite de hoje. Sobrando na turma, o Santos já garantiu a primeira colocação com muitas rodadas de antecedência e apenas cumpre tabela. Seus tradicionais rivais suam a camisa para, pelo menos, garantir vaga no G-4 e disputar a semifinais. Como o Santo André também já está classificado, restam duas vagas para quatro equipes. A estrada de Grêmio Prudente (34 pontos) e São Paulo (33) é menos perigosa. Os dois clubes precisam apenas vencer seus jogos contra, respectivamente, São Caetano e Santo André para garantirem um lugar na próxima fase. A tarefa vai ser facilitada pelo fato de os adversários não precisarem vencer. O Azulão não tem mais chances de cair ou chegar ao G-4 e o Ramalhão já está confirmado na segunda colocação. À espreita, torcendo por um tropeço de Prudente ou São Paulo, está o Corinthians. Para chegar ao G-4, o Timão precisa vencer o Rio Claro em casa e ser beneficiado por um empate do Tricolor Paulista ou do Prudente. Para complicar a missão, vale lembrar que o adversário do time de Mano Menezes luta para escapar do rebaixamento. A situação da Portuguesa é mais complicada. Com 31 pontos, a Lusa tem que vencer o Ituano, no Canindé, nesta noite, e torcer por tropeços de Prudente ou Corinthians e São Paulo. Enquanto a briga segue acirrada, o Santos recebe o Sertãozinho na Vila Belmiro e o Palmeiras, já eliminado do Paulistão, se despede da competição cumprindo tabela com o Paulista. De acordo com a Federação Paulista de Futebol, todos os jogos de hoje vão começar às 21h50.

A FORÇA DO PEIXE O badalado Santos tem um aproveitamento de 81% no Paulistão, vencendo 14 das 18 partidas realizadas. O time ainda empatou duas vezes e sofreu duas derrotas, contra o Mogi Mirim e o Palmeiras. O Peixe marcou 57 gols e sofreu 22, saldo de 35. André, com 11 gols, é o artilheiro da equipe.

TESTE Já é voz corrente no meio esportivo que o Santos tem um time que joga um futebol de primeira qualidade, mas que ainda não foi devidamente testado na temporada. Nos clássicos, venceu o Corinthians e São Paulo, que alternam bons e maus momentos em 2010, e foi derrotado pelo Palmeiras. Contra a Portuguesa, o Peixe ficou num empate no Canindé. Por isso, ainda é cedo para colocarmos essa equipe entre as grandes do futebol brasileiro nas últimas décadas. O potencial impressiona, mas ainda existe um longo caminho a percorrer.

A BRIGA CONTINUA O Flamengo ainda briga com o Sport pelo título de 87. Nesta semana, o clube da Gávea lançou um DVD do título brasileiro do ano passado, mas não teve as imagens das partidas contra o Leão liberadas pela diretoria do clube pernambucano. O Fla garante que é hexa, mas o Sport avisa que os cariocas são penta, já que em 87 a taça ficou na Ilha do Retiro. O DVD foi produzido em parceira com a Globo e custa R$ 19,90.

DENÚNCIA GRAVE

RODADA NO SÁBADO

O Campeonato Estadual sofreu mais um duro golpe com essa denúncia do CSE de que o Ipanema entregou o jogo ao União no último domingo. A afirmação é grave e deve ser apurada para que não sejam cometidas injustiças no futebol local. Só o tribunal pode julgar quem está com a razão.

Bola fora da Federação e dos clubes marcarem a última rodada do Turnão para o sábado. A pedido da TV, todos os jogos saíram do domingo, dia tradicional para começar e encerrar disputas no futebol. Por essas e outras nossos estádios estão às moscas.

CSA Muitos torcedores estão questionando o trabalho que está sendo feito no Mutange. As vitórias nos amistosos contra combinados não podem ser parâmetro para a formação do time e já tem dirigente empolgado com os resultados. É preciso ter muita cautela no momento de avaliar o atual elenco.

ASA Um dos resultados que podem manter o CRB no Estadual 2010, caso vença o CSE na Pajuçara, seria uma vitória do ASA sobre o Corinthians, que briga diretamente com o Galo por uma das duas vagas no quadrangluar final do Campeonato Alagoano. Já classificado, o time arapiraquense, por intermédio do seu técnico Vica, avisou que o clube quer o segundo lugar na competição. Isso mostra que o Alvinegro entrará em campo para tentar vencer o Timão da Via Expressa. O problema é o CRB fazer seu dever de casa e passar pelo CSE.

CURTO-CIRCUITO As finais da Taça Rio estão definidas sem surpresas. Fla, Flu e Botafogo se classificaram sem sobressaltos, mas o Vasco quase mata sua torcida de ansiedade. Domingo, estava desclassificado até os 40 minutos do segundo tempo, quando Dodô marcou o quarto gol da vitória por 4 x 3 sobre o Duque de Caxias. Sábado, às 18h30, Botafogo e Fluminense duelam e domingo, às 16h, vai ser a vez de Flamengo e Vasco se enfrentarem.

Chuvas no Rio podem cancelar Flamengo e Universidade de Chile Se for confirmado o jogo desta quarta, contra o Universidade de Chile, Adriano está fora. Driblando as goteiras do ginásio Hélio Maurício, na Gávea, o Flamengo treinou nesta terça sem o Imperador, que sente dores lombares. O atacante fez tratamento em casa, mas já foi vetado pelos médicos. O início do treino coincidiu com o recomeço das chuvas fortes no Rio de Janeiro. Mas apenas algumas gotas caíram sobre os rubro-negros. Todas originárias das goteiras do ginásio, solução encontrada pela comissão técnica para evitar o gramado impraticável. Ainda sem saber se haverá jogo, por causa dos estragos que o temporal causou no Maracanã, o time fez uma leve movimentação recheada de descontração. No aquecimento, por exemplo, Vagner Love transformou-se em goleiro de futsal. Enquanto isso, a diretoria ainda aguarda um posicionamento oficial da Conmebol

a situação da cidade e do Maracanã melhorar. Se a chuva não for mais tão intensa, o estádio terá condições tranquilamente de receber o jogo”, disse o vice de futebol Marcos Braz. Uma possível mudança da partida para quinta-feira atrapalharia a programação semanal rubro-negra, que no próximo domingo tem a semifinal da Taça Rio contra o Vasco, às 16h, no Maracanã. Os atletas estão desde segunda-feira concentrados para o confronto desta quarta-feira contra a Universidad do Chile, marcado para as 21h50. Se o Maracanã não tiver condições de receber a partida nesta quarta, os jogadores seguirão concentrados à espera de uma definição. Se o jogo for confirmado, Adriano não enfrentará a Universidad de Chile

para saber se a partida contra a Universidad do Chile está mantida. A torcida de todos na Gávea é para que o confronto não seja adiado.

“O Flamengo ainda aguarda uma posição oficial da SulAmericana. O jogo é só amanhã (hoje) à noite, existe tempo hábil para reverter o quadro e

Em Piracicaba, São Paulo enfrenta o Santo André O técnico Ricardo Gomes e os jogadores do São Paulo não escondem a insatisfação com a escolha do estádio Barão de Serra Negra, em Piracicaba, para o duelo de hoje, às 21h50, com o Santo André, pela última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista. A reclamação é sobre as condições do gramado, e Washington pode ser o grande beneficiado. Como o time tricolor terá dificuldades para tocar a bola, a presença do centroavante será importante para explorar o jogo aéreo e dar força ao ataque. No último domingo, o camisa 9 cumpriu suspensão, e Gomes alterou o perfil de sua equipe. Escalou Marlos, Fernandinho e Dagoberto no ataque, e o desempenho do trio

foi convincente. Agora, fica a dúvida de como o São Paulo atuará diante do clube do ABC, já classificado à fase final do Estadual. A tendência é pelo retorno de Washington, com a saída de Fernandinho. “A decisão vai ser baseada em tudo, mas o time foi muito bem no domingo. Pela primeira vez colocamos os três juntos em boas condições, com o Fernandinho em forma. Gostei, mas ainda temos o Léo (Lima), o Washington e o Cléber (Santana), que ficaram de fora”, analisou o treinador. “Temos duas opções, com o Washington e sem o Washington, e o time só vai ser definido amanhã (hoje)”, acrescentou. Gomes admitiu que o esta-

do do campo terá influência no momento de definir os 11 titulares. “Para tocar a bola com velocidade você precisa de um bom gramado. O nível técnico do espetáculo cai, com certeza”, argumentou. O zagueiro Miranda também lamentou. “Em se tratando de uma decisão, jogar em um campo naquele estado... Tem mais é que criticar mesmo. No melhor Estadual do país, decidir uma vaga assim prejudica o espetáculo, mas temos a obrigação de ir lá e conseguir o resultado.” O provável São Paulo para encarar o Santo André é: Rogério Ceni; Jean, Alex Silva, Miranda e Junior Cesar; Rodrigo Souto, Hernanes, Jorge Wagner e Marlos; Dagoberto e Washington.

LIGA EUROPEIA

Messi marca 4 gols e põe o Barça na semi com Inter O técnico Arsene Wenger tinha razão: Lionel Messi é de outro planeta, para azar do Arsenal. Ontem, o craque deu novo show no Camp Nou e marcou quatro vezes, garantindo a vitória de virada sobre os Gunners por 4 a 1, que classificou o time catalão para pegar o Inter de Milão na semifinal da Liga dos Campeões. De quebra, ainda embalou a equipe de Pep Guardiola para o clássico decisivo de sábado contra o Real Madrid, pelo Campeonato Espanhol. Eleito o melhor jogador do mundo em 2009, Messi voltou a dar espetáculo e foi ovacionado pela torcida do Barça, que fez gestos levantando e abaixando os braços em reverência ao camisa 10, que marcou três vezes ainda no primeiro tempo. Durante o jogo, a imprensa europeia e argentina também já exaltavam o craque: “Deus Messi”, dizia o espanhol “Marca”, enquanto o “Olé” chamava o meia-atacante de “Rei do Camp Nou”. Esta foi a primeira vez na car-

Em um dos gols, Messi dá um toquinho e encobre o goleiro do Arsenal

reira que o craque fez quatro gols em um só jogo. Nesta temporada, já havia marcado três vezes em três oportunidades: no 5 a 0 sobre o Tenerife, no 3 a 0 sobre o Valencia e no 4 a 2 sobre o Zaragoza. Atual campeão europeu e mundial, o Barça vai encarar na semifinal o Inter de Milão, que

MANCHESTER UNITED Sem poder contar com Rooney, sua principal estrela, o Manchester United recebe hoje o Bayern de Munique, no jogo de volta entre as duas equipes pelas quartas

mais cedo venceu o CSKA por 1 a 0. Os jogos da fase estão marcados para os dias 20 e 21 (ida) e 27 e 28 (volta) deste mês. Na primeira partida, em Londres, houve empate por 2 a 2. Hoje, mais dois confrontos para decidir os outros semifinalistas: Bordeaux x Lyon e Manchester x Bayern de Munique.

de final da Liga dos Campeões. Como perderam por 2 a 1 na semana passada, na Alemanha, os Red Devils precisam de uma vitória simples por 1 a 0 para chegar à próxima fase. Empate classifica os bávaros e um novo 2 a 1 leva o duelo para a prorrogação.

LAMA – A chuva que tomou conta do Maracanã impossibilitou que o Universidad do Chile realizasse o tradicional treino de reconhecimento do gramado para o jogo marcado, mas não confirmado, para esta quarta-feira.

CORINTHIANS

Ronaldo não treina, mas pega Rio Claro Ronaldo ganhou uma folga ontem para acompanhar a filha recém-nascida, mas concentrará com o restante do elenco do Corinthians e enfrentará o Rio Claro às 21h50 de hoje, no Pacaembu. Escalado para o importante jogo pelo Paulista, o atacante foi liberado do treino da tarde de ontem para ficar com a mulher Bia Antony e a filha Maria Alice, que nasceu na manhã da terça-feira no hospital Albert Einstein, em São Paulo. Felipe e Moacir, por outro lado, serão desfalques. O confronto é válido pela última rodada da fase classificatória do Estadual. Para ir às semifinais, o Corinthians precisa vencer e ainda torcer para que São Paulo ou Grêmio Prudente no máximo empate com Santo André e São Caetano, respectivamente. “A licença paternidade vai só até o início da concentração”, confirmou Mano Menezes. “É porque o Ronaldo gosta de concentração”, brincou o treinador, citando tema recorrente na relação Ronaldo/Corinthians: o jogador já reclamou publicamente diversas vezes da concentração. O treino de ontem foi leve. Os jogadores fizeram apenas um rachão antes do importante duelo. A comissão técnica decidiu liberar Ronaldo da movimentação. O atacante ainda está abaixo do esperado, mas marcou gols nos últimos dois jogos, nas vitórias sobre Ituano (2 a 0) e Cerro Porteño (2 a 1). Contra o Rio Claro, será seu quinto jogo seguido, um recorde neste ano. As outras baixas do treino corintiano e da partida desta quarta são Felipe e Moacir. O goleiro já desfalcou a equipe nos últimos três jogos por culpa de uma lesão na coxa direita, enquanto Moacir está com uma tendinite no calcâneo esquerdo. Eles ficaram em tratamento. Por outro lado, Mano Menezes terá dois retornos: Dentinho volta de suspensão e Alessandro está liberado pelo departamento médico após sofrer problemas na coxa e no joelho. Nesta terça-feira, o lateral-direito treinou normalmente no Parque São Jorge e reassumirá a condição de titular.

CMYK


O JORNAL

Classificados

A15

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: reservas@ojornal-al.com.br

APTO. VENDA CENTRO CENTRO – CONDOMÍNIO FECHADO - VENDO apto novo- Sala L com varanda, 03 quartos, sendo 02 suites, Wc social, cozinha, área de serviço. Predio com guarita, interfone, salão festa, churrasqueira, piscina,bar, elevador , pertinho de tudo. R$ 135 mil. Aceito financiamento bancário. Tr. 93514440 CRECI 343.

CRUZ DAS ALMAS CRUZ DAS ALMAS – VENDO quarto e sala, cozinha e Wc, com armários.Todo mobiliado com sofá, cama, geladeira, fogão, TV, gerador, restaurante pilotis e serviço de limpeza 1 vez por semana no apto. Lavanderia. Condomínio baixo apenas 120,00. Valor do apto R$ 105 mil à vista.Tr. 9351-4440 CRECI 343

4009-1961 LIGUE E ANUNCIE

CRUZ DAS ALMAS – VENDO apto sala p/ 02 ambientes com varanda,com linda vista para o mar, 02 quartos sendo 01 suíte, Wc social e de serviço, cozinha, 01 vaga. R$ 130 mil. Aceito financiamento. TR. 93514440- CRECI 343.

FAROL FAROL – VENDO apto. próximo ao Colégio Marista,sala com varanda, 03 quartos sociais, sendo 01 suite com varanda,Wc social, cozinha, Área de serviço, dependência completa empregada.1 vaga. Área útil 110m² R$ 140 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. FAROL – VENDO apto sala l com varanda, 02 quartos s/ 01 suite, Cozinha, Wc social, dependência empregada completa. Nascente. R$ 110 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. FAROL – VENDO apto (Rua Colégio Marista), Sala L com varanda, 03 quartos sociais, sendo 01 reversível, Wc social, cozinha, área de serviço, nascente. R$ 160 mil.Tr. 9351-4440 - CRECI 343.

FAROL – CONDOMÍNIO MORADA DAS ÁRVORES - VENDO apto sala com varanda, 03 quartos sendo 01 suite, todos com armários, lavabo, cozinha, área de serviço, dependência completa empregada, 01 vaga, área útil 115m². salão de festas; piscina, poço artesiano e ótima localização.R$ 155 mil.Tratar pelo telefone para contatos: 9351-4440 CRECI 343.

FEITOSA

OPORTUNIDADE! ALUGA-SE área com 6 mil m² com casa, piscina e toda estruturada, excelente p/clínica, buffet, faculdade, escritório etc. Tel.: 8822.5050. Creci: 1602. OPORTUNIDADE! VENDE-SE excelente casas na Jatiúca, Tabuleiro, Serraria e Ponta Grossa. Tel.: 8822.5050. Creci: 1602.

BARILOCHE – FEITOSA – VENDO apto sala grande para 2 ambientes, varanda, 03 quartos sendo 01 suite, cozinha, Wc social, Dependência completa de empregada. Nascente Excelente localização. Condomínio baixo. Por apenas 100 mil. Tratar pelo telefone para contatos: 93514440 – CRECI 343.

PONTO COMERCIAL – LANCHONETE EM FUNCIONAMENTO, COM INSTALAÇÕES E UTENSÍLIOS NA PONTA VERDE. TRATAR: 9331-7774 MANGABEIRAS – VENDO quarto sala, novo e desocupado, financio pela Construtora e ou Bancos.Nascente. Ótima localização.Salão festas, gerador, guarita segurança, gás individualizado. R$ 115 mil. Tr. 9351-4440 – CRECI 343 MANGABEIRAS – VENDO apto sala p/ 2 ambientes, 03 quartos, sendo 01 suite, 01 reversível, cozinha, Wc social, desocupado. R$ 150 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343.

TERRENOS VENDA

OUTROS BAIRROS

GRUTA VENDO apto na Gruta, R$ 130 mil. Tratar pelo telefone: 9444-4608

VENDO apto. novo no Edf. Melillas, próximo ao Shopping, 3 qtos., nascente, 4º andar. Tel.: 8832-7666.

4009-1961

PONTA VERDE

LIGUE E ANUNCIE

JATIÚCA JATIÚCA – PRÓXIMO AO POSTO 7 E PARMEGIANO - VENDO apto quarto sala, cozinha e área de serviço e Wc social, Condomínio baixo. Excelente localização por apenas R$ 90 mil. Tr. 9351-4440. CRECI - 343. JATIÚCA – VENDO apto sala com varanda 03 quartos sendo 01 suíte com armários, cozinha com armários, DCE. Nascente próximo ao mar. 02 vagas garagem. Excelente localização. Piscina, salão de festas, R$ 230 mil.Tr. 9351-4440 CRECI 343. JATIÚCA – VENDO apto 1ª quadra da praia, sala L com varanda, 03 quartos, s/ 01 suíte, todos c/ armários, Wc social, cozinha com armários, dependência completa empregada, 02 vagas garagem. Prédio c/ salão festas, gerador, sala de espera, guarita de segurança, 02 elev. 02 vagas garagem. R$ 260 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343.

JATIÚCA- 1ª QUADRA PRAIA -VENDO apto sala de estar e jantar com varanda, 02 quartos sociais, cozinha, área de serviço, DCE, em frente ao Posto Sete, 01 vaga. R$ 160 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343.

MANGABEIRAS MANGABEIRAS- VENDO apto andar alto, sala de estar e jantar, 03 quartos, sendo 01 suite com varanda, 01 social, 01 reversivel, cozinha, Wc social, Wc serviço.R$ 175 mil. Tr. 93514440.CRECI 343. MANGABEIRAS – VENDO apto sala “L” com varanda, 03 quartos sendo 01 suíte, wc social, Wc de serviço, cozinha com armários, área de serviço. Nascente. Ótima localização. Prédio novo e desocupado. R$ 155 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343 MANGABEIRAS - ILHAS DO CARIBE – VENDO apto sala 2 ambientes com varanda, 03 quartos sendo 01 suíte, 1 vaga, andar alto, vista para o mar.. Desocupado. A vista 125 mil. TR. 9351-4440 CRECI 343.

PONTA VERDE – VENDO apto sala 2 ambientes, 03 quartos sendo 01 suite, 01 reversível, Wc social, cozinha, 02 vagas de garagem. R$ 230 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. PONTA VERDE - VENDO apto, sala 02 ambientes, varanda grande, 03 quartos sendo 01 suíte, cozinha. Área serviço, Wc Social, DCE,. 02 vagas. Nascente. Prédio com 02 elevadores, salão festas. R$ 260 mil. TR. 9351-4440 CRECI 343. PONTA VERDE – VENDO apto próximo ao Bom Preço. Sala com varanda, 03 quartos com armário, sendo 01 reversível, 01 Wc social, cozinha com armários, a. serviço, 01 vaga. Excelente localização. R$ 135 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. RUA DEPUTADO JOSÉ LAGES - VENDO apto com 117m², sala com varanda, 03 quartos sendo 01 suíte, Wc social, DCE, 01 vaga. R$ 220 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. PONTA VERDE – VENDO apto sala p/ 2 ambientes 03 quartos sendo 01 suíte, cozinha, área de serviço, Wc social, 01 vaga garagem. Área 87m². Excelente localização. 1 Vaga. R$ 160 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. PONTA VERDE – VENDO apto sala com varanda, 03 quartos sendo 01 suite todos com armários, Cozinha, dependência completa de empregada. 01 vaga. R$ 135 mil. Tr.9351-4440. CRECI 343.

SERRARIA VENDE-SE apto. no Residencial Vale Verde 3º andar, 3 qtos., coz., garagem, wc social, campo de futebol, salão de festas, piscina. Tr.: 9129-7020/ 99024182.

OPORTUNIDADE! VENDE-SE excelente apartamento no Dom Adelmo, quitado. Apenas R$ 67.900,00. Tel.: 8822.5050. Creci: 1602.

APTO. ALUGA FAROL

FAROL – ALUGO apto ao lado do Mirate São Gonçalo e ao Colégio Sacramento, 03 quartos sendo 02 suítes, cozinha área de serviço, dependência completa empregada, 02 vaga. Área útil 130m². Nascente. Aluguel R$ 1.200,00 + Condomínio + IPTU . Tr. 9351-4440 – CRECI 343.

POÇO ALUGA-SE apto. no Santo Eduardo, 2 qtos., sala, cozinha, banheiro todo reformado, próximo ao Hamburgão. Tr.: 9937-5793, c/ Sandro.

CASA VENDA FAROL FAROL – VENDO casa jardim, terraço, sala p/ 02 ambientes, 03 quartos sendo 01 suite, todos com armários, cozinha, dependência completa emprega, quintal, garagem, R$ 240 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343 FAROL – PRÓXIMO AO COLÉGIO MONTESSORI VENDO casa com sala de visita, sala de jantar, 03 suítes, sendo 01 com closed, todos com armários, depósito, área de serviço, cozinha com armários, DCE, garagem. R$ 160 mil. Tr. 93514440 CRECI 343. JARDIM DO HORTO FAROL – VENDO casa nova, sala de estar, sala de jantar, gabinete,, hall, 04 suites, sendo 01 master com closed,copa/cozinha, despensa, área de serviço, DCE, garagem, jardim,R$ 650 mil. Facilito pagamento. Tr. 9351-4440 CRECI 343.

OUTROS BAIRROS SANTA AMÉLIA – VENDO casa nova, com jardim, garagem, sala visita, sala de jantar, 03 suites, cozinha, DCE. R$ 270 mil. Tr. 93514440-CRECI 343.

4009-1961 LIGUE E ANUNCIE

VENDO uma casa na principal do Santos Dumont. Com mais de 90m² de área construída, 3/4 - sendo um suíte, garagem, lajeada e área de serviço. Perto de escola, farmácia e mercado. Contato: 9614-3286

CAPITAL TABULEIRO – VENDO Durval de Goés Monteiro, px Café Emecê - área com 1850m², de esquina com duas frentes. Excelente localização para comercio.Tr. 9351-4440 CRECI 343.

PARIPUEIRA –RUA POR TRAZ DA CASA VASCO VENDO casa terreno 10x30, varanda,02 salas, 03 quartos, copa e cozinha, WC social, quintal enorme.R$ 65 mil. TR. 9351-4440. CRECI 343

AV. DA PAZ – VENDO terreno beira mar, med. 15 x 41=615m². Ótimo p/atividades comerciais tais com: Salão de Festas, Depósitos, Galpões e outros. R$ 240 mil. Tr. 9351-4440 Creci 343

SERRARIA SERRARIA – VENDO casa nova (condomínio Fechado) ao lado da Fundação BRADESCO. com 02 salas, 03 quartos, sendo 02 suites, DCE, 02 Vagas, finíssimo acabamento com área útil 300m². R$ 450 mil. TR. 9351-4440. CRECI 343.

CASA ALUGA TRAPICHE ALUGA-SE Kitnet no Trapiche, 1º e 2º andar. R$ 250,00. Tratar: 9981-2638. ALUGA-SE 01 casa no Trapiche, c/2 qtos. Tratar: 9371-6436.

COMERCIAL VENDA CENTRO CENTRO - VENDO prédio Comercial na Rua Cirilo de Castro, com frente para 02 Ruas com área construída total de 247,50m². Excelente para Comércio. Nascente. Excelente localização. R$ 130 mil. TR. 9351-4440 CRECI 343.

POÇO ALUGA-SE um ponto comercial na rua Pedro Paulino, Poço (de frente ao Senac). Tr.: 3035-5993.

TABULEIRO ALUGA-SE ponto comercial, 12x9, excelente p/mercados, etc (exceto p/bar), rua São Paulo, 08 Tabuleiro do Pinto (em frente ao Posto BR). Tel.: 9959-6512/ 88267991.

EMPREGOS PROCURA-SE OUTRAS ATIVIDADES PRECISO TRABALHAR DE: motorista particular, com experiência, sr. Luís. Tr.: 8871-1622/ 3241-7145.

BARRO DURO – VENDO terreno medindo 60m de frente por 40m de frente a fundos de esquina, todo plano, ótimo para construção. R$ 260 mil. Tr. 93514440 CRECI 343. LOTEAMENTO VISTA DO ATLANTICO – VENDOTerreno medindo 15 x 28= 420m², excelente vista para o mar. R$ 70 mil. Tr. 9351-4440- CRECI 343 VENDO ÀREA NO TABULEIRO medindo de frente 112m, por 146m lado direito, e 196m lado esquerdo, excel. casa construção de casa, galpões. R$ 220 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. ALDEBARAN ÔMEGA- VENDO Terreno med. 800m² ótima localização. R$ 390 mil. Tr. 93514440 CRECI 343. MANGABEIRAS - VENDO OU INCORPORO terreno medindo 21.5m de frente, por 28m de frente a fundos, nascente excelente local., próximo ao Supermercado Extra e ao Shopping Iguatemi.R$ 350 mil.Tr. 93514440 CRECI 343. BIU

POÇO VENDE-SE 01 sala, nº 104, no primeiro andar, na galeria Maceió Mall, na Av. Dona Constança, Sto. Eduardo. Tr.: 9129-7020/ 9902-4182.

COMERCIAL ALUGA FAROL ALUGA-SE salas comerciais, por trás da Casa da Indústria. R$ 350,00, incluso energia e condomínio. Tr.: 9981-2638

ALUGA-SE suíte atrás da Casa da Indústria. R$ 350,00. Tratar: 9981-2638.

CMYK


O JORNAL JORNA L

Classificados A16

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: reservas@ojornal-al.com.br

OFERECEMOS VAGA PARA: CARGO: ANALISTA DE SISTEMAS FORMAÇÃO: NIVEL SUPERIOR EXPERIÊNCIA MÍNIMA DE 3 ANOS EM ORACLE (SQL, FORMS E REPORTS) EXPERIÊNCIA EM USINAS DE AÇUCAR E ALCOOL. PARA TRABALHAR EM MACEIO Deixar o currículo na portaria do O Jornal VEÍCULOS FIAT TEMPRA VENDO/TROCO Fiat Tempra, 95, completo + película + roda + engate + GNV + som. R$ 6.500,00. Tr.: 9933-4999/ 8802-6678.

MODA

NEGÓCIOS

ESTÉTICA E COSMÉTICOS

CRIAÇÃO ANIMAL

TRATAPÉ - calos e unhas cravadas, massagem corporal, limpeza de pele, tratamos também cabelos e fazemos depilação. Tratar: 3336-5096.

VENDE-SE lindos filhotes de Yorkshire. Tr.: 9952-9664/ 33139781/ 9145-3140.

DIVERSOS VENDOtarefa no Cabeça Danta c/3 pés de jaca, 2 pé de manga e 1 pé de cajú. Tr.: 9318-9495/ 8859-3067.

INFORMÁTICA VENDO Desktop Toshiba Lince 80 GM, HD 256MB de memória, gravador de CD, processador Celeron D de 2 GHZ, monitor 14” ou 17”. Tr.: 9932-5562.

SERV. PROF. SERVIÇOS DIVERSOS AKY LAVAGEM - Lavamos e impermeabilizamos sofás, tapetes, colchões, banco de carros e todo tipo de estofados. Lavamos em domicílio, agora ficou fácil lavar seu carro, ligue que nós iremos lavar na sua residência com precinho que cabe no seu bolso. Tel.: 3032-7212/ 8838-3310.

Ensina-se reforço, da Alfabetização ao 4º ano. Tr.: 8833-0803/ 9999-3112

APARTAMENTOS SUPER FACILITADOS

DR. GEORGE SAMUEL SANGUINETTI FELLOWS Assistente técnico para Defesa e Acusação, área civil e criminal. Perícias e laudos. Tr.: (82) 3223-5504/ 9982-2895 - E-mail: gsanguinetti@terra.com.br. Site: www.sanguinetti.com.br

Aceitamos encomendas de tortas, bolos e salgados. Tr.: 8833-0803/ 9999-3112

APARTAMENTOS Ponta Verde Ed. Refuge - Varanda, sala c/coz. americana, 1 qto, 01 wc. Contrato fixo. Ed. Canavial Apto 102 - Sala, wc social, 2 qtos, coz., área de serviço, wc serviço. Ed. Canavial Apto 302 - Sala, wc social, 2 quartos, cozinha, área de serviço, wc serviço. Ed. Desirré - Área 66m² - Sala c/ varanda, 2 stes s/1 revers, coz., serviço. Ed. Abaíba - Lida vista p/mar - Área 200m² - Varanda, sala c/estante e bar, wc social c/arms, e bliondex, 3 qtos s/2 stes c/(stes c/ arms e varanda), coz. c/ arms, serv, DCE, 2 vagas. Ed. Rui Palmeira - Sala c/ var, wc soc, 3 qtos s/1 revers, coz, serv, wc serv, 1 elev. Jatiúca Ed. Platanus - Aptos: 403 - Novo, sala c/ var, wc social, 2 qtos (st) coz, serv, 2 elev, gerador, gás. Ed. Platanus - Aptos: 405 - Novo, sala c/ var, wc social, 2 qtos (st) coz, serv, 2 elev, gerador, gás. Ed. Platanus - Aptos: 406 - Novo, sala c/ var, wc social, 2 qtos (st) coz, serv, 2 elev, gerador, gás.

Ed. Platanus - Aptos: 501 - Novo, sala c/ var, wc social, 2 qtos (st) coz, serv, 2 elev, gerador, gás. Ed. Oregon - Aptos: 402, Novo, 2 qtos s/1 ste, coz, serv. piscina, salão festas 01 ou 2 vagas. Ed. Oregon - Aptos: 602, Novo, 2 quartos s/1 suite, coz, serv. piscina, salão festas 01 ou 2 vagas. Ed. Jorge de Lima - Sala c/estante, wc soc. c/arm. e blindex, 3 qtos s/1 ver. Todos c/arms, coz. c/arms, serv. c/arms, wc serv, c/ blindex. Ed. Seatlle - Apto. 505 - Novo, 2 quartos s/1 suite, coz, serv. piscina, salão festas 01 ou 2 vagas. Ed. Seatlle - Apto. 606 - Novo, 3 quartos s/1 suite, coz, serv. piscina, salão festas 01 ou 2 vagas. Mangabeiras Ed. São Rafael - Varanda, sala, wc social, 3 qtos s/1 ste, coz., área de serviço, dependência completa. Ed. Barra Mar - Varanda, sala, wc social, 3 qtos s/1 revers., coz., área de serviço, wc de serviço. Pajuçara Ed. Timoneiro - varanda, sala, wc social, 2 qtos (st) coz., área de serviço, wc serviço. R$ 550,00.

Jacarecica Conj. Alfredo Gaspar de Mendonça sala, wc social, 2 quartos, cozinha, área de serviço. R$ 430,00 + condomínio R$ 40,00. Poço Ed. Bruno Perreli - Apto. 107 - Novo, c/varanda, sala, wc social, 3 qtos (st) coz, área serviço, lazer na cobertura c/salão festas, piscina, sauna. Ed. Bruno Perreli - Apto. 903 - Novo, com varanda, sala, wc social, 3 qtos (st) coz, área serviço, lazer na cobertura c/salão festas, piscina, sauna. Cruz das Almas Ed. Santa Joana - sala, wc social, 2 qtos, coz., serviço, wc serviço Serraria Conj. José Tenório Bloco 30- com sala, wc social, 2 qtos, coz. serv. R$ 350,00 + Cond. R$ 50,00. Iptu incluso. Conj. José Tenório Bloco 119- alugo c/sala, wc social, 2 qtos, coz. serv. R$ 400,00 c/condomínio e Iptu incluso.

CASAS Ponta Verde Rua Prof. Vital Barbosa - Térreo Garagem, terraço frontal e lateral, sala estar 2 amb, sala jantar, 1 ste revers, copa/coz.a, serv, dce. 1º andar: gabinete e 2 stes.

EM CONSTRUÇÃO Jatiúca Ed. Maison Saint Laurent - entrega prevista: dez/12 - parcelado até 80 meses área aprox. 96m² - 4 por andar, var, sala, wc soc, 3 qtos (st) coz serv, dce. Ed. Renovatio - Pronto p/morar - c/1 ou 2 qtos. Financio até 100 meses pela construtora. Ed. Iluminato - Entrega prevista março/2010 - Área 75m² - 3 qtos s/1 ste. Parcelo até 100 meses pela construotra. Ed. Leblon - Entrega Prevista dez/11 Área aprox. 92m² - sala c/ var, wc soc, 3 qtos (st0 coz, serv, dce, piscina, 2 vgs. Parcelado até 120 mese. PONTA VERDE Ed. Damascus - Entrega Nov/2010 - Área 101m² - 3 qtos (st), dce, piscina. Financio até 100 meses p/construtora Ed. Classic - Em Construção - entrega prevista fev/2011 - Área 144m² - 3 sts, gabinete, piscina, 2 vgs. Financiamento pela Construtora até 100 meses. Ed. Elegance - Entrega jan/2010 - Área 132m² - sala c/var, gabinete, 3 qtos s/2 stes, coz, serv, dce, piscina, salão festas, 2 vagas. Financio até 100 meses p/ Construtora. Ed. Brilhanche - entrega abril/2012 - Área aprox. 64m² - 2 suites s/1 revers, piscina. Financio até 100 meses p/cosntrutora. Ed. Spazio Vitale - entrega prevista julho/2012 - Opção de 1 e 2 qtos. Financio até 130 meses p/construtora. MANGABEIRAS Ed. Absolut - entrega prevista: dez/10 Opções de 1 e 2 qtos. Construção: Construtora Penedo - parcela até 60 meses. PAJUÇARA Ed. Amalfi - Entrega prevista: Nov/11 Padrão V2 - sala, wc soc, 3 qtos (st) coz, serv. parcela até 100 meses. Ed. Dolce Vita - Entrega prevista; 36 meses - área aprox. 137m² - 2 ou 3 vagas - parcelado. APTOS. PRONTO P/MORAR JATIUCA Ed. Gentille Bellini - Área 252m² - Ao lado do Corredor Vera Arruda - 3 vagas, piscina, salão festas, var. e sala c/vista p/o mar, lavabo, 4 stes, coz., área de serviço, dependência completa. Parcelo / Ac. Imóvel.

Ed. Romã - Área 84m² - R$ 160 mil - Sala, wc social, 3 qtos (st) coz, serv, 01 vaga. Ed. Villa Del Mare - Área 99m² - varanda, sala 2 amb, wc social com blindex, 3 qtos (st) coz, serv, wc serv. Ed. Oregom - PRONTO PARAMORAR - varanda, sala, wc social, 3 qtos (st) coz. serv, dce, piscina. Ed. Edmilson Pontes - ao lado co Corredor Vera Arruda - sala c/var, 3 qtos (st) todos c/arms, coz. c/arms, serv, dce, 1 vaga Ed. Chales Garnier - sala c/var, 3 qtos s/2 stes (1 é revers), coz. c/arms, serv, wc serv, 2 vagas Ed. Porto Valarta - área media 63m² - novo, prox.. ao Shopping, opção de 2 e 3 qtos. Prazo até 60 meses pela construtora. PONTA VERDE Ed. Granada - Beira mar - Área 193m² sala c/varanda, wc social, 4 qtos s/2 stes, coz., área de serviço. Parcelo. Ed. Pallais Royal - Beira Mar - 194m² 3 vgs, piscina, sl. festas, sala 3 amb, c/ terraço, lavabo, 3 suites, coz. serv, dce. Ed. Ilha de Limnos - Baira Mar - Bl. B Area 106m²- varanda, sala, wc soc, 3 qtos (st) coz, serv, dce. Ed. Casablanca - R$ 160 mil - Varanda, sala, wc social, 3 qtos (st) s/1 revers. todos c/armariso, coz. c/armários, serv. Ed. Antilhas - Sala c/estante, var., wc social c/arm. e blindex, 3 qtos c/armários s/1 ste, coz. c/armários, área de serviço. Ed. Montcarlo - R$ 185 mil - Sala, 2 qtos, wc social, coz., área de serviço, piscina. Ed. Gennesis - Área 100m² - 3 qtos (st) dce, pisicna, 2 vgs. Financio até 100 meses p/construtora Ed. Antilhas - Área 71m²- R$ 205 mil Varanda, sala c/estante, wc´s c/blindex e armários, 3 qtos c/armários s/1 ste, coz. c/arms, área de serviço. Ed. Mont Carlo - Área 66m² - Sala, 2 qtos (st) cozinha, área de serviço, salão festas, piscina. R$ 185 mil. Ed. La Place - Área 105m² - Var., sala, wc social, 3 qtos (st) coz., área serviço, dependência, 2 vagas, piscina, salão festas.Nascente. Ed. Vitor Hugo - Área 110m² - Varanda, sala, wc social, 3 qtos (st) coz, serv, dce. R$ 200 mil.

Ed. Houston - Área 106m² - varanda, sala, wc soc, 3 qtos (st) coz, serv, dce, piscina, 2 vagas. Ed. Ed. Maria Beatriz - Área 105m² - Varanda, sala, wc social, 3 quartos(st) coz,, serv, dce. R$ 190 mil. Ed. Delphos - Área 155m³³ - piso granito, sala 3 amb, c/var c/vista mar, home, 3 qtos s/ 2 stes (sts. c/arms, coz. c/arms, serv, dce, 3 vagas, piscina sl. festa Ed. Esmeralda - R$ 170 mil - 3 qtos s/1 revers, sala c/ var, coz, serv, wc serv. andar alto. Ed. St. Barth - Área 59m² - R$ 160 mil cala c/ coz. americana c/arm, 2 stes c/armários, piscina, 2 vagas. PAJUÇARA Ed. Casa Bela - Beira Mar - Var., sala, wc social, 2 qtos s/1 ste, coz. serv, 2 vagas. Ed. Luiza Fernandes - Sala c/var, , wc ´s c/box, 3 stes c/arms, s/1 revers, coz. c/ arms, serv, dce, 2 vags. Área 150m² MANGABEIRAS Residencial San Francisco - Varanda, sala, wc social, 3 qtos (st) s/1 revers, coz, serv. Ed. Roberto Malta - qto e sala, coz, wc., 2 elev, gerador, gás, 01 vaga Ed. Gabriela - sala, varanda, wc social, 3 qtos (st), coz. área de serviço. R$ 80.000,00 Condomínio Ilhas do Caribe - sala c/estante, wc´s c/box blindex, 3 qtos c/arms, s/1 ste, coz. c/arms, wc serviço. R$ 120 mil. FEITOSA Residencial Sangrilá III - sala 2 ambientes, 3 qtos s/1 ste, coz. c/arms, área serv. FAROL Ed. Myconos - R$ 170 mil - Varanda, sala 2 amb, wc social, 3 qtos (s) , coz, serv, dce. Prox. ao Tribunal de Contas

CASAS Farol CASA PROX. PRAÇA ARNON DE MELO - c/garagem, sala estar, 2 amb, jantar, wc soc., 3 qtos c/arms (st) coz. c/arms, e despensa, serv, depósito, dce. Troco apto. R$ 210 mil. Av. Rotary - Excelente casa c/garagem, terraço, 3 salas, gabinete, wc soc, 3 qtos (st) copa, coz, serv, dce. Exc. p/consultório R$ 300 mil. JATIÚCA Rua Luiz Ramaljho de Castro - Garagem, terraço, sala 2 ambientes, wc social, 3 qtos (st) czoinha serviço.

Stella Maris - Térreo: garagem, sala 3 ambientes c/terraço e churrasq., gabinete, lavabo, coz. c/arms, serv, dce. 1º. Andar: circulação wc social c/box e arms, 4 qtos s/1 ste c/hidro e armários, terraço p/2 qtos TABULEIRO JARDIM FORMOSA - Casa c/terraço, garagem, sala 2 ambientes, wc social, 3 qtos s/1 ste, copa/ coz. c/mesa em granito e armários, depósito SANTAAMÉLIA C5941 - Terraço, garagem, sala 2 ambientes, wc social, 3 qtos s/1 ste, coz., despensa, área de serviço. BARRO DURO C5621 - Sala estar e jantar, wc social, 2 qtos sociais, coz., área de serviço. Mezanino c/sala de TV, 2 qtos s/1 ste.

PONTO COMERCIAL Farol Empresarial Comendador Palmeira Vendo sala com wc. Prédio c/elevador. R$ 27 mil CENTRO AV. BUSRQUES DE MACEDO Vendo prédio próximo ao SEBRAE e TRANSPAL.

TERRENOS JATIÚCA Rua Hamilton Barros Soutinho - Antiga Rua Santo Amaro - Vendo terreno 12x25 BARRO DURO Av. Juca Sampaio - Terreno Comercial prox. ao Hiper Comercial e Casa Jardim do Barro Duro med. 15x40 TABULEIRO DO PINTO LOTEAMENTO JOSÉ FERNANDES TORRES - Terreno de esquina medindo 20m de frente, 16m de fundos, 20m de frente a fundos. LITORAL SUL Barra São Miguel - Arquipélago do Sol - Vendo lote 15x30 no Bahamas

Farol Rua Pedro Oliveira Rocha - Rua entre a Cycosa e o HSBC c/garagem, sala única, wc social, 3 qtos (st) copa/coz., serv, dce. Excelente para escritório.

PONTOS COMERCIAIS Centro Rua França Morel - Excel. p/consultório ou escritório c/recepção c/wc, 2 salas c/wc, depósito. Farol N4112 - Alugo prédio com 2 pavimentos na AV. Tomaz Espindola, 151 - Farol. R$ 1.500,00 Jatiúca N1212 - Av. Álvaro Otacílio ( Beira Mar ) Alugo terreno vizinho a Galeria Passeio Stella Maris medindo 22,50 x 70. Exc. p/ Agência Bancária. N1705 - Av. Álvaro Calheiros - Alugo terreno medindo 12x30. N1213 - Av. Álvaro Calheiros - Alugo terreno medindo 60x33. Jacintinho Loja - Alugo loja com wc ao Lado do Gramadão R$ 250,00.

CMYK


O JORNA L JORNAL

Dois

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: cultura@ojornal-al.com.br

B1

Desde meados de janeiro Marcelo Camelo prepara segundo álbum-solo, que deve ser lançado este ano O cantor no estúdio em SP, onde grava todos os dias

Marcus Preto Folha Online

ediado em sobrado antigo de Pinheiros, o estúdio El Rocha não é exatamente luxuoso. Ao contrário. Suas instalações simplíssimas não têm nada a ver com a fantasia modernosa e high-tec que nós, ouvintes, temos em mente quando botamos um CD para tocar. À primeira vista, o espaço mais parece uma oficina mecânica do que um estúdio de gravação. É lá que Marcelo Camelo, 32, passa as tardes desde meados de janeiro. Está registrando o segundo álbum fora do Los Hermanos, banda que o projetou como, se não o maior, um dos grandes compositores brasileiros desta geração. O trabalho deve chegar ao público no segundo semestre. Camelo sai do apartamento alu-

S

gado em que mora, caminha pouco mais de um quarteirão e já está no estúdio. Costuma chegar lá por volta das 14h, depois de almoçar em algum dos restaurantes igualmente simples das redondezas. Ao mesmo tempo, vão chegando os meninos do Hurtmold - banda paulistana que o acompanhou em quatro faixas de Sou (2008), o disco anterior, e que estará em todas deste, ainda sem nome definido. A repetição da base instrumental não deve significar, diz Camelo, uma reprodução da estética sonora de Sou. Para ele, a maneira como os músicos atuam agora é outra. “O que o Hurtmold faz naturalmente é se fundir em uma massa sonora que se comporta como uma coisa única e muito particular”, diz. “Neste [novo] disco, eu queria que as coisas soassem mais

à parte uma da outra”. E devem soar. Para tanto, Camelo está gravando os instrumentos em sessões separadas. Investiga com cada músico, por exemplo, de qual guitarra vão conseguir arrancar o timbre que procuram. Depois, afina ele mesmo o instrumento, ensina os acordes, canta os arranjos - no geral, todos um tanto mais solares do que os de Sou. SÃO PAULO - “Desde que vim morar em São Paulo, minha turma são eles [do Hurtmold]. E as namoradas deles, e os amigos deles, e os amigos dos amigos deles”, diz. “Percebo uma contradição grande entre o tamanho da cidade e o jeito dos meus amigos daqui. São calmos, ficam conversando sem hora. O Vinicius [de Moraes] disse que gostava do Rio porque lá ele tinha mui-

tos amigos filósofos, e que gostava de São Paulo porque aqui tinha muitos amigos amigos. É um pouco isso, mesmo”. A mudança de cidade, ele diz, é fator fundamental na transformação estética do trabalho. A música é, sempre, uma resposta à paisagem urbana, “uma reação ao que você está vivendo”, diz. “Para te colocar num estado de espírito em que você não está. Não existe contracultura. Se a cultura não está indo contra, não é cultura - é só uma repetição do mesmo”. Camelo mantém ativado o apartamento carioca, mas passa poucos dias nele. A principal entre as razões, não há dúvida, é a namorada, Mallu Magalhães. Eles se telefonam o tempo todo, e Camelo para qualquer arranjo no meio para atender. A voz fica mais macia antes do “alô”.

Palavras não são escolhidas verso a verso Talvez Mallu cante uma faixa do novo CD. Mesmo que não faça, sua presença percorre todo o trabalho. Camelo afirma que foi dela, principalmente, que absorveu o método de composição que usa desde Sou. As letras não são mais rebuscadas, as palavras não são escolhidas verso a verso. É o que ele chama de “impor menos o pensamento”, de “ir cantando distraído de si mesmo e se surpreender com as coisas que surgem”. “As pessoas que mexem com imagem sabem muito disso: quando se filma uma pessoa distraída de si, ela está sempre mais bonita”. A reportagem pediu ao compositor uma das novas letras para publicar com esta reportagem. Ele preferiu não incluir nenhuma. Em primeiro lugar porque, graças ao novo método, elas vão se modificando cada vez que ele as retoma. Depois, porque “as letras vão melhor com as

melodias, não são poesias para serem lidas e sim cantadas. Quando eu tento escrever alguma coisa fica muito ruim, é linguagem oral”. Quem diz isso é o mesmo cara que, anos atrás, conquistou um exército de fãs à custa de letras tão consistentes que se manteriam de pé mesmo no silêncio absoluto de uma página de caderno. Ele diz que esse caminho ao avesso é tentativa de transformar a música. Torná-la mais rica porque saiu do lugar seguro onde estava. “Em vez de me aprofundar num discurso, fico tentando ser contraditório e apontar para outros lugares”, diz. “Fico dialogando com a coisa anterior - e em oposição a ela, quase. Como se para dar o passo seguinte eu precisasse opor o movimento do anterior. Que nem andar, em que você opõe um pé ao outro. Se ficar sempre com o mesmo pé, você para de andar”.

CMYK


O JORNAL JORNA L

Variedades B2

Roteiro

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: cultura@ojornal-al.com.br

Artes plásticas Música Teatro Dança Cinema Literatura Artesanato

cultura@ojornal-al.com.br

Hoje

 Está de volta o Chá de Cinema, um programa para a melhor e todas as idades exibido no Cine Sesi Pajuçara (Maceió). O evento começa às 15h com uma recepção ao público com piano ao vivo; às 15h40, o filme Almoço em agosto (foto); 17h, chá da tarde e show de piano com Henrique Galvão. Ingressos: R$ 12 (preço único promocional).

Amanhã

Sexta-feira

 Mostra Sesc Cinco Vezes Lucia Murat exibe Brava Gente Brasileira, às 19h, no Teatro Sesc Jofre Soares, Sesc Centro (R. Barão de Alagoas, 229, Maceió - Centro). O filme, passado no Pantanal, em 1778, mostra um grupo de soldados que acompanha Diogo (Diogo Infante), cartógrafo recém-chegado, enviado pela coroa portuguesa para fazer um levantamento topográfico da região. Entrada franca.

 A banda Alma de Borracha vai apresentar rock dos anos 60, 70, 80 e 90 no Engenho Massayo (Av. Amélia Rosa, 173 antigo Bella Gula), às 21h. Couvert: R$ 8. Mais informações e reservas: (82) 3357-1099.

 A banda Jam 80 leva o melhor do pop rock nacional e internacional ao Engenho Massayo (Av. Amélia Rosa 173 antigo Bistrô Bella Gula), às 21h. O grupo formado pelos músicos Deraldo Veloso (vocal), Fernando Bastos (guitarra e backing vocal), Eduardo Oliveira (baixo e backing) e Yuri Pappas (bateria) faz um verdadeiro passeio musical dos anos 50 a 90 com sucessos de Legião Urbana, Paralamas do Sucesso, Titãs, Ira, U2, Oasis, Nirvana, Nenhum de Nós, Marina Lima, Cazuza, Lulu Santos, Barão Vermelho, Ultraje a Rigor, Richie, A-Ha, Queen, R.E.M. e muitos outros. Couvert: R$ 8. Mais informações: (82) 3357-1099.

 A banda Voz Urbana leva ao palco do Engenho Massayo (Av. Amélia Rosa, 173 - antigo Bella Gula), às 21h, os maiores sucessos da banda Legião Urbana. Couvert: R$ 8. Mais informações e reservas: (82) 3357-1099.

 O evento ComplexIns: Comunicação Institucional em Diálogo vão discutir as questões contemporâneas da Comunicação Institucional, os desafios de sua prática e as novas reflexões sobre sua teoria nos dias 8 e 29 de abril, sempre às 19h, no Auditório da Biblioteca Central da Universidade Federal de Alagoas (Ufal). Inscrições gratuitas: ufalcomplexins.blogspot.com. Serão expedidos certificados individuais (3 horas/aula) para cada uma das palestras que compõe o evento.

Sábado

Em Breve  O CQC Oscar Filho vem a Maceió com o espetáculo Putz Grill, no Teatro Gustavo Leite (Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso), no dia 18 de abril, às 20h30. Ingressos: R$ 30 (antecipado – estudante) R$ 60 (inteira), à venda no Stand Viva Alagoas. Mais informações: (82)3033 -5539.  Os Backyardigans chegam com uma nova aventura a Maceió. Fuga da aldeia mágica será apresentado nos dias 11 e 12 de abril no Teatro Gustavo Leite (Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso-Jaraguá). Ingressos à venda no Estande Sue Chamusca (Maceió Shopping). Mais informações: (82) 3235-5301 / 9928-8675 / www.chamusca.com.br.


O JORNAL JORNA L

Variedades

B3

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornalweb.com | e-mail: cultura@ojornal-al.com.br

O homem de aço na nova versão criada pelo brasileiro Eddy Barrows

S

Brasileiro é o novo desenhista do

uperman

Diogo Bercito Folha Online

ara quem não acompanha o mercado de HQs, a recente notícia de que Eddy Barrows é o novo desenhista de Superman (DC Comics) não se relaciona de imediato com o Brasil. Mas, apesar do que o nome possa sugerir, o artista nasceu em Belém do Pará e cresceu em Belo Horizonte. Só arranha o inglês. A aparente coincidência entre o nome e o mercado norte-americano é, na verdade, fruto de um mal-entendido. “Em 1999, eu enviava desenhos por fax aos EUA”, conta o quadrinista. “A parte de cima da página, onde estava meu nome, sempre saía cortada, e o agente pensava que era Eddy Barrows”. Era Eduardo Barros. Mas o artista só percebeu o engano meses depois, quando não havia mais volta. “Eu teria de começar tudo de novo!”, afirma. Hoje, o quadrinista de 35 anos - que abandonou o fax como meio de transmissão de trabalhos - está em alta no mercado norte-americano. Ao assumir um personagem de peso como esse, ilustrando roteiros de J.M. Straczynski (ex-queridinho da Marvel), Barrows traçou seu nome no hall da fama das HQs de superherois. A trajetória de Barrows lembra a do também brasileiro Ivan Reis - responsável por Blackest Night, importante saga do Lanterna Verde. Ambos desenham

P

com contrato de exclusividade para a DC. Tanto para Barrows quanto para Reis, no meio do caminho para o sucesso nos EUA havia Joe Prado, agente que faz a ponte entre os artistas daqui e as editoras de lá por meio da agência brasileira Art Comics. Mas, anos antes de entrar para o primeiro escalão da DC, Barrows havia desistido da carreira em 2000. “Não estava satisfeito com meu traço, eu era ruim em cenários e em anatomia feminina”, explica. Foi tentar a vida como jornalista, no Estado de Minas, onde aprendeu “a entregar coisas para ontem”. Em 2003, quando achou que estava pronto para voltar ao mercado, assinou contrato com a Image Comics (de Spawn e Whichblade) e desenhou gibis de G.I. Joe. No ano seguinte, paquerou a Marvel e a DC e ficou com a última. Barrows é autor de um traço detalhista e proporcional na anatomia humana. Seus cenários, marcados por formas geométricas regulares, impressionam pelo perfeccionismo. Ele estreia em Superman na edição 700, que deve sair em breve nos EUA. Segundo a Panini, que edita os gibis no Brasil, não há previsão de quando esses desenhos chegarão aqui. “Há trabalhos meus que nunca foram publicados no Brasil”, conta Barrows, que a cada dois meses recebe uma caixa com todos os gibis da DC Comics publicados nos EUA - mas só coloca alguns na estante, por falta de espaço.

TV ABERTA EDUCATIVA 05h50 06h50 07h05 07h20 07h50 08h00 08h45 09h00 09h15 09h30 09h00 10h00 11h00 11h30 12h00 12h30 13h00 13h30

-

Salto para o Futuro Telecurso Ensino Médio Telecurso Ensino Fundamental Telecurso Tecendo o Saber Jornal Visual Repórter Brasil Cocoricó Angelina Thomas Um Menino Muito Maluquinho A Turma do Pererê Poko Castelo Rá-Tim-Bum Janela Janelinha 100% Brasil Saúde Brasil Um Menino Muito Maluquinho Catalendas

Canal 3 14h00 14h30 15h00 15h15 15h30 16h00 17h30 18h30 19h00 19h30 20h00 20h30 21h00 22h00 23h00 00h30 01h00

-

Os Heróis da Praia Castelo Rá-Tim-Bum Cocoricó Curta Criança Vila Sésamo Sem Censura Alto Falante FIC TV Assim Que Funciona Aborrecentes Diverso A TV Que Se Faz no Mundo Repórter Brasil Planeta Azul 3A1 Observatório da Imprensa Sem Censura

Canal 7

TV GAZETA 05h00 05h15 05h35 05h50 06h05 06h07 06h30 07h15 08h08 08h13 09h38 09h41 12h15 12h45 13h15 13h45 14h35

-

Telecurso Educação Básica - Tecendo o Saber Telecurso Profissionalizante Telecurso Ensino Médio Telecurso Ensino Fundamental Sagrado Globo Rural Bom Dia Alagoas Bom Dia Brasil Gazeta Notícia Mais Você Globo Notícia I TV Globinho AL TV - 1ª Edição Globo Esporte Jornal Hoje Vídeo Show Vale a Pena Ver de Novo - Sinhá Moça

15h55 - Sessão da Tarde - Zenon: Didi, O Caçador de Tesouros 17h30 - Globo Notícia II 17h33 - Malhação ID 18h05 - Cama de Gato 18h55 - AL TV - 2ª Edição 19h10 - Tempos Modernos 20h15 - Jornal Nacional 20h40 - Viver a Vida 21h30 - Futebol 2010 - Taça Libertadores: Flamengo x Universidad do Chile (A confirmar) 23h50 - Jornal da Globo 00h25 - Programa do Jô 01h55 - Intercine

TV PAJUÇARA TV ALAGOAS A emissora não forneceu sua programação.

Canal 5

01h00 06h45 06h55 07h15 07h20 07h45 08h30 09h30 12h00 12h15 12h30 13h45

-

Ponto de Luz Alagoas Rural Agreste Noticias Casa & Negocio Fique Alerta 1ª Edição Jornal da Pajuçara - Manhã Fala Brasil Hoje em Dia Feito Pra Você Pajuçara Esporte Fique Alerta IURD

Canal 11 14h00 14h30 16h00 16h30 18h00 19h40 20h10 21h00 22h00 23h00 01h15

-

Record Kids Tudo a Ver O Preço Certo Todo Mundo Odeia o Chris Record Kids Jornal da Pajuçara - Noite Jornal da Record CSI - Investigação Criminal Bela, A Feia Super Tela Ponto De Luz

TV BANDEIRANTES Canal 38 07h00 07h30 10h00 11h15 13h15 15h00 15h25 17h35 19h20 20h15 21h00 21h30 23h45 00h15 01h00 02h15

-

Primeiro Jornal Band Kids Dia Dia Jogo Aberto SP Acontece Boa Tarde Liga dos Campeões Brasil Urgente Jornal da Band Quase Anjos Show da Fé Futebol 2010 Apito Final Jornal da Noite A Noite é Uma Criança Vida Vitoriosa


Social

O JORNA L

B4

Quarta-feira, 7 de abril de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: cultura@ojornal-al.com.br

RECADO

TopNews

“A maior felicidade é a certeza de sermos amados, apesar de sermos como somos” Elenilson Gomes topnews@ojornal-al.com.br

Gustavo Boroni

Christine Méro

Na Lente THEREZA COLLOR No dia 14 deste mês, São Paulo terá sua Noite Alagoana. A "culpa" é de Thereza Collor, que lança por lá seu Livro de Fotos de Alagoas. O livro retrata nosso Estado, em fotografias feitas por ela nos últimos seis anos. A idéia surgiu quando Thereza trabalhou como secretária do Desenvolvimento do estado e sentiu a falta de um registro histórico, que mostrasse um panorama geral de sua terra. Já ficamos sabendo que a publicação ficou maravilhosa, deixando nós da terrinha ainda mais orgulhosos de termos nascido por aqui. O lançamento será no Museu da Casa Brasileira.

GALBA ACCIOLY

Em São Paulo, Mônica Casado ao lado de Mauricio Pina, diretor artístico da Intercoiffure América Latina, durante comemorações de 50 anos da entidade no Brasil Irecema Ferro

Ontem, durante o café da manhã de lançamento do Liquida Geral Maceió 2010, realizado no Famiglia Giuliano, o saudoso amigo Galba Accioly foi mais uma vez homenageado. Na solenidade, que contou com a presença de sua esposa Marília e de seus filhos Galbinha e Laís Accioly, o empresário, que ajudou a fortalecer o mercado automobilístico alagoano, ganhou um selo criado pelos Correios. A honraria foi entregue a sua família, em tamanho ampliado e emoldurado, deixando a todos os presentes muito emocionados. À PROVINCIAL

Emocionados, Laís, Galbinha e Marília Accioly receberam das mãos de Wilson Barreto, presidente da CDL, o selo desenvolvido pelos Correios e que homenageia Galba Accioly Chico Brandão

José Pereira celebra o sucesso do seu Restaurante Zé Pereira, que vem se consagrando na gastronomia alagoana

Chico Brandão

Romeu Loureiro realizou, ontem, uma maravilhosa festa para celebrar seu aniversário, lotando o Espaço Pierre Chalita

Que tal um filet de frango à provincial? A receita é simples. Você vai precisar de quatro peitos de frango desossados, quatro fatias de mussarela ou queijo suíço, quatro fatias de presunto, quatro colheres de sopa de azeite virgem, 80 grs. de bacon fatiado, quatro dentes de alho picado, duas colheres de sopa cheia de salsinha picada, 150 grs. champignons pleurotes (ou o tipo que quiser), um radicchio (opcional ), palitos de dente e sal. Abra com uma faca o filé de frango para afinar sua carne.Tempere com sal. Coloque no centro do filé de frango: o queijo e o presunto, enrole o frango deixando o recheio dentro do frango; feche com ajuda de dois palitos de dente. Aqueça uma frigideira ou grelha e coloque o frango em fogo médio para que cozinhe e doure aos poucos. Vire de ambos os lados e finalize no forno pré-aquecido por 10 minutos. Para fazer o molho, coloque o bacon picado finamente numa frigideira até que fique dourado, acrescente os champignons laminados, deixe também dourar e ficar com cor, somente então coloque o alho e a erva picada finamente. Adicione uma colher de água e desligue. Corte com a mão o radicchio já lavado, coloque no fundo do prato, regue apenas com azeite e polvilhe levemente com sal, corte o frango ao meio em ângulo, e coloque sobre o radicchio. Cubra parte com o molho e o restante sobre o prato. (pode substituir o radicchio por purê de batata doce)

Hoje, a partir das 19 horas, alguns dos melhores profissionais em Arquitetura e Design de Alagoas participarão do T&P, uma realização da Engenho Publicidade, que movimentará o Teatro do Marista, no Farol. Lá, também acontecerá um show de gravação de um DVD DEMO de alguns dos nossos melhores interpretes da música alagoana, como Allan Bastos, Leureni Barbosa, Elaine Kundera, Wilma Araujo. A produção e direção musical serão de Marcus Assunção. O encontro terá direção de palco Fafá Rocha e arranjos musicais de Toni Augusto. O projeto publicitário é de Walter Bezerra da Imagine.

1

Há quase dois mil anos, um filósofo dizia que não havia grande gênio sem um toque de loucura. Parece que ele tinha razão. Hoje é rotina diagnosticar, retrospectivamente, que gênios criativos da História tinham alguma doença mental -algumas mais fáceis de acreditar que outras. Esquizofrenia e outras formas de psicose são as doenças mais comuns citadas, com Newton e Einstein entre os mais famosos alvos delas. Vincent van Gogh e Virginia Woolf foram associados a desordem bipolar. Poucos argumentariam que comprometimento total por psicoses conduziria a realizações criativas, mas talvez um pouco ajude. Psiquiatras veem a saúde mental como um espectro, com uma doença grave em uma ponta, e "normalidade" na outra. Talvez aqueles no meio tenham tendências criativas melhoradas.

2

A querida Valda Papini retorna hoje de uma feira internacional cheia de novidades para o estoque e pratileiras de sua Muamba

Criativas, fashions, estilosas e perfeitas para as alagoanas. Assim é a nova coleção da Cantão, de Ana Lins. As mais chiques fazem fila em busca de peças que vão deixar seus estilos ainda mais em evidência. Sem dúvida, estão indo ao lugar certo.

6

Do que programa CQC, que passa na Band, diretamente para o palco do Teatro Gustavo leite. Falo de Oscar Filho: um loirinho, baixinho e muito talentoso. Pois bem, dia 18 de abril ele estará na cidade com a originalidade dos textos e sua capacidade de improvisação.

7

Enquanto o mundo desabava no Rio de Janeiro, o serviço dos hotéis de luxo da cidade maravilhosa continuava impecável. Por causa do temporal, o hotel Fasano paparicou ainda mais os hóspedes. Durante o café da manhã, de ontem, funcionários que conseguiram chegar ao hotel passavam de mesa em mesa, aconselhando o pessoal a ficar por lá, fazer massagem...

8

Chico Brandão

Chico Brandão

Com coleções cada vez mais chiques, a empresária fashion Mônica Fireman vem chamando a atenção de quem passa pela Álvaro Calheiros, seduzidos pela sobriedade e bom gosto da nova coleção de sua Naranja. Vale a pena conferir!

3

Estiveram com os telefones congestionados recebendo muitos parabéns, por mais um niver que comemoravam, Larissa Papini, Henrique Leão Loureiro e Walter Lamenha. Felicidades!

4

Márcia Lavini e Rodriogo Montenegro estão deixando a nova estação com a cara de sua Mammoth. Com as temperaturas ainda nas alturas, os antenados estão garantindo as peças mais levinhas, sendo destaques por onde quer que passem.

5

Graça Martin segue inspiradíssima deixando os eventos da cidade ainda mais saborosos com o seu San Martin

Neide Freire está com a agenda disputadíssima com as noivas que só querem usar as criações de sua maison

CMYK

OJORNAL 07/04/2010  

OJORNAL 07/04/2010

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you