Issuu on Google+

Exemplar de assinante

Maceió, quinta-feira, 4 de março de 2010 | Ano XVI | Nº 78 | www.ojornal-al.com.br

|

ALAGOAS

R$ 1,00

Servidores fazem protesto em AL Manifestantes organizam mobilização por campanha salarial e criticam postura do governo do Estado nas negociações Lula Castello Branco

Os servidores públicos estaduais fizeram ontem um protesto em Alagoas. Eles lançaram a Campanha Salarial 2010 e criticaram o aumento no duodécimo da Assembleia. No protesto houve reuniões entre sindicalistas e servidores, foi servido um sopão em frente à Assembleia e também ocorreu uma passeata rumo ao Palácio do Governo, onde os manifestantes fizeram críticas ao governo. Página A11

Saúde traça estratégias de combate à Gripe A Página A9 Após encontros e alguns atos públicos no Centro, servidores estaduais de várias categorias foram em passeata para protesto em frente ao Palácio do Governo

Justiça vai reconstituir Caso Fábio Acioli Yvette Moura

Eleitor terá acesso à ficha suja de candidatos Página A5

Terra volta a tremer no Chile e assusta população Página A6

Exportações registram nova queda em janeiro Página A7

CO TAÇÕES

reconstituição do crime em que foi vítima o estudante Fábio Acioli, em agosto do ano passado, será realizada nos próximos 15 dias. Esta peça da investigação deveria constar no inquérito policial. Para esclarecer algumas dúvidas do caso, o promotor José Antônio Malta Marques solicitou a reprodução fiel dos fatos. Ontem, a Justiça ouviu depoimentos de 17 testemunhas da acusação e da defesa. Os acusados Carlos Eduardo, Rafael França e Vanderley Nascimento acompanharam os depoimentos. Página A10

A

Usando fardamento de presidiários, os acusados Vanderley, Carlos Eduardo e Rafael (no destaque) foram levados à audiência no fórum improvisado do Barro Duro

ASA vence CRB e mantém escrita de três anos Marco Antônio

Dólar (compra) ........................................1,7880 Dólar (venda) ..........................................1,7900 Euro ....................................................... 2,4510 IGP-M .................................................... 0,1000 Salário mínimo ....................................... 510,00 Poupança ............................................... 0,5000

MARÉS 05h47 ................................................................. 1.2 09h58.................................................................. 0.2 17h38 ................................................................. 1.3 21h53 ................................................................. 0.4

O ASA venceu ontem o CRB por 1 x 0, no Estádio da Pajuçara, e conseguiu manter a escrita de três anos sem perder para o rival. O único gol do jogo foi marcado no 1º tempo por Celso. Com a vitória, o Alvinegro assumiu a vice-liderança do Estadual, com 21 pontos. Página A13

O CRB foi derrotado pelo ASA na Pajuçara

Líder Murici bate o Corinthians-AL Página A13

Argentina derrota a Alemanha por 1 x 0 Página A13

CMYK


O JORNAL

Opinião A2

Paixão e desilusão (Final) “Demonstrando sempre a humildade e o tratamento atencioso que um dia lhes havia sido exigido” Bernardino Nogueira

Membro da Academia Alagoana de Cultura Faustino e esposa, silenciosa e disfarçadamente alimentavam a esperança de que a elevada posição social e financeira que os padrinhos do filho desfrutavam servir-lhes-ia de suporte para também dar-lhes uma certa importância, mas a esperança que alimentavam seria de pouca duração. É verdade que os padrinhos deram o vestido, pagaram ao padre, deram também um envelope com R$ 150,00 para o afilhado, mas a despedida, após a cerimônia à porta da igreja, foi terrivelmente decepcionante:- “e então até amanhã”. A Rosa de regresso à casa, ao deparar-se com a mesa cheia de quitutes que ela própria com tanto esmero havia preparado na véspera, exclamou: “valeu a pena tanta trabalheira... nem as escadas subiram! Quem é pobre...” O Faustino passou a imaginar como dirigirse ao senhor Gonçalves, ele era seu patrão é certo, mas também passou a ser seu compadre. Quando chegou no escritório imaginou que dependeria da maneira como observasse o semblante do senhor Gonçalves. Iria colocar-se na defensiva, sem precipitar-se. Ainda nessas conjecturas e eis que recebe um aviso para ir na diretoria, não tinha terminado de dar o bom dia e já o senhor Gonçalves em tom mais que respeitoso fez saber: “ Mandei-o chamar para esclarecerlhe que as relações pessoais terminam à entrada da porta do estabelecimento, aceitei o seu convite porque não gosto de desconsiderações a ninguém, mas negócios são negócios. Aqui eu sou o patrão e você é o empregado”. – “Sim senhor Gonçalves” – “Pode ir”. Se dúvidas pairavam na mente do Faustino acerca da forma de tratamento que deveria usar para com o senhor Gonçalves, parece que após um solilóquio tão esclarecedor – mais grosso do que curto – não restaram mais dúvidas e quando após um dia torturante chegou em casa e desabafou com a esposa os limites impostos pelo patrão, depois de alguns segundos em silêncio em uníssono exclamaram: “Ai que se arrependimento matasse...” Inebriados pela miragem de um compadrio importante, sequer atinaram para a possibilidade das humilhações a que estavam sendo submetidos. A possibilidade de um melhor relacionamento era a esperança que lhe restava, todavia os reais acontecimentos apontavam para recrudescimento, assim, quando da aproximação da Páscoa e em estando no exercício de suas funções, recebeu comunicado para dirigir-se ao gabinete do sr. Gonçalves, que sem lhe dirigir o olhar, porém com o semblante austero, seco e rudemente entregava-lhe um envelope: - “Para o afilhado” – “Muito obrigado sr. Gonçalves...” Se esboçava um sorriso por fora, ardia de sofrimento por dentro, mas ainda conseguira dizer: “Amanhã vou com a Rosa e o meu filho fazer-lhes uma visita de agradecimento!”, ao que o sr. Gonçalves no mesmo tom e indiferente respondeu: “Não vale a pena e ainda hoje vamos para a fazenda”. As perseguições e humilhações continuavam, dando a sensação de que o Faustino teria que ser penalizado pela ousadia de ter convidado tão ilustres personagens para padrinhos de seu filho. Quando a mãe de Rosa, depois de longo padecer faleceu, deu oportunidade a Faustino e Rosa dirigirem suas vidas rumo à capital, ausentando-se daquele ambiente restrito que os impedia de maiores visibilidades. Em alguns anos de trabalho intenso, conseguiram ver coroado de êxito os seus esforços, desfrutando de posição social e financeira invejável, permitindo a Faustino ingressar na sociedade de uma indústria em franca expansão. Com o decorrer dos anos e já com os filhos formados e preparados para colaborarem na integração e desenvolvimento dos seus empreendimentos, eis que recebem a visita do casal senhor e senhora Gonçalves no seu amplo e luxuoso andar do edifício em que residiam. Fizeram questão em dispensar-lhes o tratamento respeitoso, que o senhor Gonçalves um dia exigiu, mas que naquele instante questionava veementemente, mas sem êxito, em abdicar. Faustino e Rosa hospedaram-os na melhor suíte, colocaram carro e motorista ao dispor, demonstrando sempre a humildade e o tratamento atencioso que um dia lhes havia sido exigido. Alguns dias após, o casal Gonçalves cabisbaixo, retirar-se-ia sem que tivesse ânimo e sem conseguir o mínimo de intimidade para expor a dificílima situação que ora passava e do auxílio que pretendia solicitar, único motivo da inesperada visita.

Por trás dos véus “No 101º oito de março, mulheres ainda vivem oprimidas atrás de suas burcas” Stephany Domingos Soldado Bombeiro Militar e estudante de Jornalismo Neste ano de 2010 todas as mulheres do mundo - meninas, filhas, amigas, namoradas, esposas, amantes, mães, musas, poetisas comemoram 101 anos de homenagens a estas que se desdobram diariamente entre donas de casa, mães dedicadas, chefes de trabalho e donas apaixonadas. Em um momento tão especial, ainda existem mulheres sem motivos para se orgulhar de sua natureza sublime e seu modo único de agir e reagir às coisas da vida. Entre 1996 e 2001, o regime Talibã assumiu o poder em Cabul e, com ele, novos decretos de opressão à mulher muçulmana foram impostos em uma terra cheia de preconceitos e esquecida no tempo da evolução. De tradição à obrigação, a burca, vestimenta que cobre toda a cabeça e corpo, foi a principal imposição deste governo às mulheres dos países submetidos a este regime. As mulheres não podiam andar descobertas, lavar roupas às margens dos rios nem sair de suas casas com roupas da moda, muito maquiadas e se exibindo para qualquer homem como quando o Islã ainda não havia sido instituído. Meninas eram proibidas de ir a escolas, mulheres tinham seus dedos decepados quando ousavam pintar as unhas. Não trabalhavam. Casavam aos 9 anos de idade. Eram estupradas caladas, infelizes. Trechos do livro reportagem “O livreiro de Cabul” da jornalista norueguesa Asne Seierstad trazem relatos de como as pessoas vangloriavam o Islã como a solução para a ida ao paraíso: “O Islã é uma religião salvadora e determinou que as mulheres devem ter uma dignidade especial. As mulheres não devem atrair a atenção de pessoas nocivas que lhes dirijam olhares maliciosos. As mulheres são responsáveis pela educação e união da família, pela provisão de alimentos e vestuário. (...) Se andarem com roupas da moda, ornamentadas, apertadas e atraentes para se exibir, serão condenadas pela Sharia Islã e perderão a esperança de um dia chegar ao paraíso. Serão ameaçadas, investigadas e duramente punidas pela polícia religiosa, assim como os membros mais velhos da família. A polícia religiosa tem o dever de combater estes problemas sociais e continuará com seus esforços até ter erradicado o mal”. O mal? O que seria então o mal? Ser vaidosa e feliz? Ter a esperança de viver uma vida digna? Enfim, pensamentos evolutivos eram banidos da maneira mais retrógrada e violenta nessas épocas de terror. Após o Talibã, as mulheres ainda se sentem oprimidas por uma lei que já passou. A burca, muitas vezes seus maridos a obrigam a usar, outras, as usam por opção. Anos após uma época que fez o tempo parar e as pessoas envelhecerem, as cicatrizes continuam vivas na pele das mulheres em um mundo isolado. Destruído. Marcado pela tragédia. Mais de um século de lutas pelos direitos femininos ainda não foram suficientes para libertar, de uma vez por todas, mulheres belas, cheias de amor e prontas para se adequar a um mundo novo. A luta ainda não acabou! Juntas, somos imbatíveis.

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: opiniao@ojornal-al.com.br

Marcha lenta Muito tem se falado sobre o quão prejudicial é a burocracia para o funcionamento do serviço público. Neste caso, não se trata apenas de se falar no assunto, mas de constatá-lo. A burocracia é um nó na gestão pública de qualquer governo, pessoa ou legenda partidária. Os entraves provocados por ela [a burocracia], simbolizada no excesso de documentos, de carimbos, de rubricas e de autenticações, acabam inviabilizando projetos simples, baratos, mas de grande alcance social. Num Estado como Alagoas, onde os índices sociais são, de longe, os piores do Nordeste, a burocracia parece coisa para asno. O exagero na exigência do processo burocrático é ancorado na desculpa de se cumprir o que determina a Lei de Responsabilidade Fiscal (a LRF), que surgiu como reguladora da roubalheira. Sempre driblada pelos maus gestores, ela representa um óbice para aqueles que querem trilhar pelo caminho da legalidade. Mas até mesmo esses têm as suas ações engessadas pela burocracia.

Em Alagoas, a população é a grande prejudicada pela famigerada burocracia. Desde que assumiram o comando da Polícia Militar, os atuais coronéis, que integram o Alto Comando da corporação, tentam comprar fardamento para toda a tropa. Alguns militares estão vestindo trapos por conta da demora na compra da nossa farda. Parte desse fardamento está chegando, mas, da forma como está, daqui a pouco toda a tropa estará malvestida de novo. Na Educação, a situação é a mesma. Aliás, basta ser serviço público para a coisa não andar como deveria ou como o processo requer. Um processo passa por uma maratona tão extensa que, quando chega à reta final, a sua capa já está envelhecida, rasgada ou machucada. Isso quando o documento não é extraviado numa das dezenas de salas pelas quais tem que passar. Infelizmente, a burocracia é um mal do qual todos os gestores – esteja ele de qual lado estiver – terão que experimentar. Mas os governos passam, o povo fica e burocracia tem vida longa.

Ponto de vista

San

De pobre para pobre “Não superamos nossas barreiras pelo poder, mas na necessidade ultrapassar 500 anos de exclusão” Cristina Gomes

Pedagoga / cristcgomes@hotmail.com Como sempre propomos melhorias à educação pública, especialmente a EJA, a educação de jovens e adultos, pois mais que educação laica, infelizmente, antes dos idos Mobral já não era prioridade neste país. O próprio ensino público deveria ser para todos e já nasceu desviado para ricos, mantendo só 2% de pobre mascarando tal desfalque e, até hoje os pais votam em seu “q.i.” por uma vaga, forjando um país que sequer discerne suas classes sociais entre A,B,C,D e E, sem passar de miserável ou ladra, até de si mesma. Convenhamos 99% deste país não é primeira classe, mas miserável de quatro rodas, contra 1% de cuecas, paredes falsas e jatinhos recheados de dinheiro público. Mas este ano traz ao educador e toda a Maceió a urgência de reerguer e reorganizar a educação municipal e, a EJA, após muita quebra nesse trabalho desestruturado e mau pago por falta de investimento planejado. Priorizar nosso objeto de trabalho: a consciência do sujeito que, comungando ou não do que expomos, faz as suas próprias conclusões e melhor proveito de suas relações acadêmicas, profissionais e sociais, seja a idade, raça, ou credo que tenha até engordando denúncias de recusa de matrícula a quem procura a EJA. Superar pseudo-diretor que nega às comunidades o dever legal e humano de abrigar e valorizar desde a criança, ao jovem e adulto e, agora reconhecidamente o idoso: nosso papel nesse processo é urgente pois há 14 anos da LDB e 20 anos da Constituição Federal a formação do professor ainda é transmitida, quando, além de dominar as disciplinas ele precisa apropriar-se da compreensão do cotidiano político-histórico-social para preparar seu aluno à relação social com todas as nossas diferenças históricas. Tal recomeço na EJA se formalizou no encontro de fevereiro passado revitalizando nossas metas e perspectivas na fala dos mestres Rubens e Maria Gorete sobre nosso papel desde a VI CONFINTEA e,

dos professores Adelson, Marilena, Pastora e Penha que, como muitos, se formaram além da academia, nas comunidades, já preocupados com a evasão além da ausência, na entranhada negação dos direitos sociais pela fome, por não ter com quem deixar os filhos como você leitor, pela violência e falta sequer do trabalho miserável sem carteira e sem direito como os quase 100% alunos de EJA, 60% domésticos e 40% ambulantes eventuais e, pasmem, até nós professores vivendo de bico! Nossos heróis não são nem a reserva desse processo: são os omitidos trabalhadores que não suportariam uma portaria excludente priorizando o acesso a EJA só a trabalhador registrado. Superar o travesti de diretor que assume e logo emburrece é reeducar essa massa bruta a garantir o urgente proveito saber gerado do sujeito comunitário que nos potencializa junto à comunidade escolar sem a qual perdemos força. Muito diretor, após a LDB ainda redige PPP à mercê do conselho escolar e lideranças comunitárias e muitos desses, leigos, trocam com as mãos calejadas o seu direito a bolsa-escola e outros “favores’ já garantidos pelo Estado! “Não superamos nossas barreiras pelo poder, mas na necessidade de ultrapassá-las, excluídos há mais de 500 anos!”, vide a professora Marilena, e continuamos derrubando barreiras, da negação aos mestrados; às sofridas inscrições entre pardos e brancos nos constrangendo a desistir, as barreiras da violência, da falta de transporte, do desemprego pois “na cidade não há sítio onde se pegue uma fruta na fome como no campo...” Professor, lembre de sua origem pois não somos os ricos deste país, quando muito, melhorados. É urgente valorizar e socializar o conhecimento que nos trouxe até o que somos junto às comunidades, pois elas conhecem suas prioridades, mas precisam aprender aonde e como garanti-las. E nosso papel é abrir essa trajetória antropológica para fortalecer a base do nosso saber, crescermos juntos e fortes! É o nosso senso de pertencer a esta nação. Até.

O JORNAL Diretor-Executivo Petronio Pereira petronio@ojornal-al.com.br

PABX (082) 4009-1900

Chefe de Reportagem - Vera Valério redacao@ojornal-al.com.br

FAX/REDAÇÃO (082) 4009-1950

Editor de Política - José Árabes politica@ojornal-al.com.br Editora Nacional/Internacional - Vera Alves nacional@ojornal-al.com.br

Editor-Geral Deraldo Francisco deraldo@ojornal-al.com.br

Editor de Economia - Marcos Aurélio economia@ojornal-al.com.br Editor de Esportes - Victor Melo esportes@ojornal-al.com.br Editora de Cultura - Alessandra Vieira cultura@ojornal-al.com.br Editor de Veículos - Gabriel Mousinho veiculos@ojornal-al.com.br Editora de Turismo - Nide Lins turismo@ojornal-al.com.br

Diretora Comercial Eliane Pereira comercial@ojornal-al.com.br

Editor Gráfico - Alberto Lima albertolima@ojornal-al.com.br Editor de Fotografias - Marco Antônio marcoantonio@ojornal-al.com.br

“Você somente realiza esta leitura porque uma mulher aceitou ser mãe” Dalmir Sant’Anna Palestrante comportamental, mestrando em Administração de Empresas, pós-graduado em Gestão de Pessoas, bacharel em Comunicação Social e mágico profissional. O ser humano precisa observar com mais carinho e generosidade toda doação, compreensão e tantos outros sentimentos de ternura que envolve o coração, ao reconhecer o poder mágico de uma mulher. Seu coração está repleto de lições de polivalência, bondade, superação e segredos unicamente maternais, que expressam a beleza de viver e assumir desafios, sem deixar jamais de abandonar os exercícios de amar e perdoar. A mulher sabe de maneira generosa agradecer e com sabedoria transforma erros em lições de vida. Portadora do infinito amor Indiferente da classe social, a mulher é uma batalhadora, que mesmo em situações de baixo astral administra as emoções de modo a buscar liberá-las, quase sempre na hora correta e da forma mais adequada, para servir com solidariedade e dedicação. Chora escondida, para não revelar suas fraquezas, mas busca conhecer suas falhas, aprender como lidar e manter a harmonia aliada ao bem estar. Verdadeira heroína, diariamente é capaz de encarar o trabalho, não como uma obrigação, mas como uma opção de desenvolvimento humano e valorização da autoestima. Valoriza a motivação para viver de bem com a própria vida - Conte quantas letras é preciso para escrever a palavra alegre. Agora conte quantas letras é preciso para escrever a palavra triste. Você percebeu que ambas palavras são formadas pela mesma quantidade de letras? A mulher fortalece cada situação da vida e com sinergia procura encontrar o melhor caminho pra realizar o exercício de avaliar suas ações, atitudes e o próprio comportamento. Lembre que a vida apresenta duas opções com a mesma quantidade de letras (alegre ou triste), entretanto, a aplicabilidade das letras oferece resultados opostos para a superação de metas e desafios. Diante do destaque profissional e da expressiva competitividade apresentada pelo mercado de trabalho, a mulher apresenta determinação e polivalência para superar desafios, através da aceitação das rápidas transformações geradas pelo progresso tecnológico e com a expansão das atividades nos mais diversos segmentos profissionais. O estilo feminino de ser demonstra que a mulher é sensível, cautelosa e persistente, bem como utiliza de suas competências para superar desafios pessoais, profissionais e emocionais. Lembre que você somente realiza esta leitura porque uma mulher aceitou ser mãe e consequentemente, ser uma anfitriã do amor. Cartas à Redação: opiniao@ojornal-al.com.br

EDITORA DE JORNAIS DE ALAGOAS LTDA e-mail: ojornal@ojornal-al.com.br site: www.ojornal-al.com.br Av. Gustavo Paiva, 3771 - Mangabeiras - Maceió -AL - CEP: 57037-280

Coordenador Editorial - Voney Malta vfamalta@ojornal-al.com.br

Editora de Cidades - Flávia Batista cidade@ojornal-al.com.br

Mulher é ser anfitriã do amor

FAX/COMERCIAL (082) 4009-1960 CLASSIFICADOS (082) 4009-1961 ATENDIMENTO AO ASSINANTE (082) 4009-1919 Vendas avulsas Alagoas: Dias úteis - R$ 1,00 Domingos - R$ 2,00 Nºs atrasados - R$ 4,00 Outros estados: Dias úteis - R$ 3,00 Domingos - R$ 5,00

REPRESENTANTE NACIONAL FTPI

SÃO PAULO: (11) 2178-8700 RIO DE JANEIRO: (21) 3852-1588 BRASÍLIA: (61) 3326-3650 RECIFE: (81) 3446-5832 www.ftpi.com.br Sucursais MARAGOGI – SUCURSAL COSTA DOS CORAIS END. PRAÇA BATISTA ACIOLY, Nº 43 CENTRO – FONE – 3296-2221 E-MAIL: maragogi@ojornal-al.com.br ARAPIRACA – SUCURSAL AGRESTE END. PRAÇA LUIZ PEREIRA LIMA, 287, 1º ANDAR, SL 09 CENTRO - FONE - 3521-4608 E-MAIL: arapiraca@ojornal-al.com.br

Assinaturas em Alagoas: Semestral - R$ 185,00 Anual - R$ 370,00 Assinaturas em outros estados: Anual - R$ 560,00 / Semestral - R$ 280,00

OS ARTIGOS ASSINADOS SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DE SEUS AUTORES E NÂO REFLETEM A OPINIÃO DE O JORNAL


O JORNAL

Política

A3

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: politica@ojornal-al.com.br

Contexto politica@ojornal-al.com.br

RECICLAGEM A Justiça Federal em Alagoas enviou um caminhão com 2,5 toneladas de processos enviados para o Tribunal Regional Federal da 5ª Região, em Recife, que serão fragmentados e encaminhados à doação para instituições sociais, oferecendo-lhes possibilidade de geração de receita a partir da reciclagem. Com cerca de 120 mil processos disponíveis no arquivo, a Justiça Federal em Alagoas põe em prática resolução do Conselho da Justiça Federal (CJF) que estabelece a política de gestão de autos findos: processos judiciais transitados em julgado e arquivadas. Com esse objetivo, foi criada comissão para fazer a gestão desses processos. Nessa primeira remessa, seguem 12 mil processos decorrentes de execuções fiscais.

QUEDA Após a mudança no que ficou acertado entre deputados e governo durante a votação do Orçamento 2010, os tucanos do Palácio República dos Palmares também ficaram irritados com a diminuição do poder de remanejamento. No ano passado, o governador trabalhou com 15%. Este ano, o governo pediu 30% e levou apenas 10%.

Governo planeja vetar parte do Orçamento aprovado pela ALE Tucano não teria ficado satisfeito com números aprovados pelos deputados Da Editoria de Política Um dia após a aprovação do Orçamento 2010, o governo mandou um recado aos deputados estaduais: pretende vetar trechos do documento por discordar do que foi aprovado na noite da última terça-feira. O tom do discurso foi engrossado pelo secretário do Gabinete Civil, Álvaro Machado, que fez críticas ao documento aprovado e não descartou vetos. Ele também reclamou que o material ainda não foi repassado ao Palácio República dos Palmares

para sanção do governador Teotonio Vilela Filho (PSDB). Na Assembleia, um dia depois da votação, o plenário estava vazio. Apenas quatro deputados apareceram. Entre eles, o presidente, Fernando Toledo (PSDB), Paulão (PT) e Rui Palmeira (PSDB). O JORNAL apurou que a demora no envio do texto é mais uma forma de pressão para que o governador não vete as emendas aprovadas. Vilela argumenta que não existem condições de aplicar os aumentos de duodécimo como querem os deputados devido a Lei de Res-

ponsabilidade Fiscal (LRF). Mesmo assim, embora O JORNAL tenha apurado que a aprovação foi definida após um acordo entre parlamentares Executivo, o texto ainda deve receber os pareceres técnicos da Procuradoria Geral do Estado e da Secretaria de Planejamento. Se o documento for vetado retorna ao Legislativo para ser novamente apreciado. Neste caso, os deputados precisam de dois terços dos votos para derrubar o veto. Essa situação deve demorar cerca de duas semanas.

ENTENDA - Por 17 votos a quatro, os deputados estaduais aprovaram, na terça-feira, o Orçamento 2010 do Estado. Em uma sessão de quase cinco horas, os parlamentares aceitaram o projeto de R$ 5,7 bilhões de valor total apresentado pelo governo, além de ter reajustado os valores orçamentários da própria Assembleia Legislativa, do Ministério Público e do Tribunal de Contas. A peça será redigida pela assessoria técnica do Legislativo para, nos próximos dias, seguir para sanção governamental.

BESTEIRINHA Na sessão que definiu o aumento orçamentário para Assembleia Legislativa, teve deputado governista defendendo o “arrendondamento” de R$ 6,577 milhões para R$ 7 milhões. Nas contas, o parlamentar justificava que R$ 400 mil eram uma mixaria para o governo.

TENTOU Líder do governo, o deputado Alberto Sextafeira (PSB), foi um dos artífices para aprovação no Orçamento 2010. Ele esteve à frente das negociações entre Mesa Diretora e governo estadual. Sextafeira só não contava que o resultado terminasse desagradando gente dos dois lados.

POSSE Os integrantes do Tribunal de Ética e Disciplina da seccional alagoana da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) serão empossados hoje, às 15 horas, na sede da entidade. O advogado Wanderley Aguirre será reconduzido à presidência do Tribunal, que também será composto por outros 20 advogados que atuarão como juízes titulares e cinco suplentes, além de um assessor da presidência.

VISITA A presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora Elisabeth Nascimento, recebeu ontem a visita de cortesia do corregedor nacional do Ministério Público, Sandro Neis e da conselheira do CNMP, Thaís Ferraz. Eles estão em atividades de inspeção ao MP em Alagoas.

FARDAMENTO A Intendência Penitenciária será intimada nos próximos dias para justificar o fato de estar apresentando presos às audiências, com o uniforme dos presídios. A Comissão de Direitos Humanos (CDH) da OAB/AL já recebeu algumas manifestações de magistrados que se recusaram a receber os presos vestindo a farda da cadeia. "A exposição do preso já é grande. Não há a necessidade de ridicularizá-lo", disse um jurista.

PROVIDÊNCIAS Na Ordem de Alagoas, a CDH vai tomar algumas providências para o caso. Uma delas será cobrar do intendente-geral, coronel Dário César, informações sobre este procedimento que, ao que parece, não obedeceu a nenhum critério legal. As outras [providências] virão de acordo com a necessidade, como a reincidência, por exemplo.

PIJAMAS Um claro exemplo desta exposição dos presos acusados no caso Fábio Acioli foi dado ontem, quando os três acusados foram ao prédio onde está funcionando o fórum, devidamente uniformizados. Muita gente estranhou as vestimentas, principalmente pelo fato de os réus estarem ainda na condição de acusados. Nada restou provado contra eles ainda. Quando se é condenado, nestes casos, a pena é de restrição da liberdade e a legislação não fala nada sobre tipo de roupa que o apenado deve usar.

EXPRESSAS O prefeito Cícero Almeida (PP) e o secretário municipal de Comunicação, Marcelo Firmino, assistiram ontem o jogo CRB X ASA, dentro do Severiano Gomes Filho, na Pajuçara. A professora Lenilda Lima já definiu a posse na presidência do PT em Maceió para o próximo dia 12. O evento acontece a partir das 19h, no Sindicato dos Bancários. O ministro aposentado do Tribunal de Contas, Guilherme Palmeira, voltou a aparecer em público. Foi durante a missa que homenageou o centenário de nascimento do seu pai, o senador Rui Palmeira, falecido em 1968.

Secretário Álvaro Machado fez críticas ao documento que foi aprovado

Isac Jacson, da CUT, diz que reajustes nos duodécimos são abusivos

Servidores criticam reajuste do duodécimo da Casa Alexandre H. Lino Repórter

Um grupo de servidores públicos estaduais fez ontem um protesto em frente ao prédio da Assembleia Legislativa. No entanto, o grupo ficou frustrado com a

falta de quorum para realização da sessão um dia após a votação do Orçamento 2010. Apenas quatro deputados estaduais estiveram no local. Aausência não diminuiu as críticas do movimento a votação, que foi considerada uma manobra do Legislativo e do Executivo.

Segundo o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT) em Alagoas, Isac Jacson, o reajuste é abusivo e privilegia os deputados e conselheiros do Tribunal de Contas do Estado, deixando de lado milhares de servidores públicos. Para o sindica-

lista, o governador precisa dizer se o discurso da Lei de Responsabilidade Fiscal só tem validade quando é usado como desculpa para não beneficiar o funcionalismo. (Leia mais sobre o assunto na página A11)

Legislativo, Ministério Público e Tribunal de Contas Com isso, a Assembleia passa dos atuais R$ 113,4 milhões para R$ 119,9 milhões, um reajuste de 5,6% (R$ 6,5 milhões a mais), bem distante da ideia inicial do governo em congelar o valor orçamentário do Legislativo. Além disso, o governador aceitou que os deputados inserissem no Orçamento 2010 um total de R$ 14 milhões em emendas parlamentares. O único deputado que não apresentou emendas foi o petista Paulão.

Os conselheiros do Tribunal de Contas também ficaram satisfeitos, pois a Corte foi contemplada no Orçamento 2010 com um aumento de R$ 1,2 milhões, saltando de R$ 56,7 para R$ 57,9 milhões. Assim, o TC também não ficou de fora do reajuste, como queria o governo na peça inicial entregue aos deputados. Já o Ministério Público, que desde o início recebeu atenção especial do governo com um aumento de 3%, cerca de R$ 3

milhões, garantiu mais 1% na sessão de ontem, totalizando 4%, após entendimento entre governo e deputados. Com isso, o MP alcançou R$ 81,3 milhões, R$ 3,8 milhões a mais em relação ao duodécimo de 2009. ATRASO - O atraso de mais de dois meses teve origem após a polêmica discussão que teve início com a decisão do ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal,

que autorizou o reajuste do Tribunal de Justiça de Alagoas acima do que estava previsto na peça inicial. Com isso, o TJ iniciou uma batalha de cerca de um mês com o Executivo, terminando com um reajuste que alcançou os R$ 216 milhões. Os desembargadores negociaram com o governo e conseguiram o incremento de R$ 21 milhões, que terminou sendo cortejado pelos demais poderes. (A.H.L.)

ENTREVISTA

Frente Popular Pró-Lessa/Dilma se reúne amanhã para coletiva Lula Castello Branco

AFrente Popular pró-Ronaldo Lessa e pró-Dilma Roussef, integrada por partidos políticos que fazem oposição ao atual governo estadual e apoiam a candidatura da ministra-chefe da casa Civil à Presidência da República, marcou entrevista coletiva para amanhã, às 11h30, no Hotel Colonial, na Jatiúca. Segundo o presidente do PDT Alagoas (um dos partidos que integram a frente), o ex-governador Ronaldo Lessa, o encontro com a imprensa será importante para aprofundar pontos já tornados públicos na nota divulgada pela Frente no dia 25 de janeiro. No documento, os partidos estabelecem um pacto que visa o resgate de Alagoas. “A frente de oposição integrada por PT, PDT, PMDB, PTB, PCdoB, PP, PR e PRB, reunida no dia 25 de janeiro de 2010, em Maceió, reafirma seu compromis-

Lessa: “Sempre disse que minha decisão dependeria da decisão do prefeito”

so em torno de um projeto político que visa restaurar a capacidade organizacional do Estado, fortalecer o serviço público e devolver ao povo alagoano a esperança num futuro construído com a participação de todos. Para que isso ocorra, Alagoas

não pode ficar distante do cenário político nacional, não pode ficar longe das conquistas alcançadas pelo governo Luiz Inácio Lula da Silva. A frente de partidos consolida, assim, também, o apoio à ministra Dilma Roussef, pré-candidata à Presidência da República, na certeza

de que o Estado caminhará junto com o restante do País em direção ao pleno progresso e desenvolvimento”, dizia a nota. “Temos mantido contatos telefônicos constantes e é provável que, além dos partidos mencionados, outros se juntem a nós”, disse Lessa, sobre o encontro de amanhã. O ex-governador aproveitou para elogiar e se solidarizar com o prefeito Cícero Almeida, que, na segunda-feira passada, concedeu entrevista dizendo que não mais pleitearia uma candidatura ao governo do Estado. “Sempre disse que minha decisão dependeria da decisão do prefeito. Quero oferecer minha solidariedade e dizer que o PDT continuará contribuindo de forma total para o excelente trabalho que Almeida vem executando administrando Maceió”, destacou Ronaldo Lessa.

CMYK


Política

O JORNAL JORNA L

A4

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: politica@ojornal-al.com.br

TRÂNSITO

Implementação da Via Norte é decretada

Caso DPVAT: Arapiraca tinha 16 vezes mais ações que Maceió Corregedor-geral de Justiça admite que pode ter havido negligência Odilon Rios

A Prefeitura de Maceió decretou, no Diário Oficial do Município, a implementação da Eco Via Norte. A nova via interligará a parte alta da capital e a baixada litorânea, melhorando a mobilidade dos bairros Benedito Bentes, Serraria, Jacarecica e Guaxuma. O projeto está previsto na metas e diretrizes do Plano Diretor da capital alagoana, a Lei Municipal 5.486. Com seis quilômetros de extensão, a Eco Via Norte possui um Corredor Principal e outras quatro ramificações. A via principal fará a interligação entre o Complexo Benedito Bentes e Guaxuma, finalizando na rodovia AL 101 Norte. Já os corredores secundários abrangem os seguintes trechos: Benedito Bentes - Antares, Benedito Bentes - Conjunto José Tenório, Jacarecica - São Jorge e Benedito Bentes - Riacho Doce. Para o secretário municipal de Planejamento e Desenvolvimento, Márzio Delmoni, a nova via consiste em mais uma con-

quista para a cidade. “É a prova de que o Plano Diretor do município está sendo cumprido e respeitado”, afirmou o secretário. NOVOS PADRÕES A Eco Via Norte é uma via estruturante com canteiro central de oito metros de largura, que será amplamente arborizado. Sua proposta buscou novos padrões de mobilidade e sustentabilidade, considerando as ciclovias e os passeios, ampliando a malha viária e proporcionando melhores condições de acessibilidade à população do entorno da área urbana. O turismo também será beneficiado, através da melhoria do fluxo entre o aeroporto e o litoral, minimizando o tempo de viagem. O projeto, orçado em R$ 24 milhões, será executado pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e Urbanização (Seminfra) com recursos federais, além da contrapartida do município, já garantida pela Secretaria Municipal de Finanças.

Repórter

As investigações da comissão criada para detectar fraudes no DPVAT, o seguro pago a vítimas de acidentes de trânsito, está encontrando “coisas mais graves do que se imaginava” e pode atingir juizes alagoanos. As informações foram passadas ontem pelo corregedor-geral de Justiça, desembargador José Carlos Malta Marques, que, pela primeira vez, admitiu publicamente a possibilidade de integrantes da magistratura terem sido, no mínimo, negligentes diante do volume de ações, envolvendo o seguro, que passavam no 1º juizado de Arapiraca, local das fraudes. Segundo o desembargador, Arapiraca chegava a ter quase 16 vezes mais ações do DPVAT que Maceió. O caso foi descoberto em janeiro, depois de quatro meses de investigações da Polícia Civil. Seis advogados, uma serventuária da Justiça e um corretor de seguros foram presos. Segundo as investigações, eles se beneficiavam diretamente do esquema. O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Alagoas, Omar Coêlho de Mello, declarou à imprensa que a fraude poderia ter a participação de juizes. Por isso, a Corregedoria do TJ instaurou uma comissão, levando em conta as declarações do presidente da Ordem. “O que eu sei é que as investigações estão encontrando coisas até mais graves do que se

Malta Marques: “Investigações estão encontrando coisas até mais graves”

imaginava. Valores de indenização fora de todos os parâmetros, um claro direcionamento para beneficiar esse grupo de advogados, processos formalmente imperfeitos, audiências que não teriam sido feitas dentro da forma. E isso numa quantidade de ações muito grande. Me disse um membro da comissão que, em Maceió existem noventa e poucas ações iguais a essa tramitando, e só nesse juizado de Arapiraca tem mais de 1.400 ações. Uma coisa muito séria”, afirmou Malta Marques, ouvido ontem por O JORNAL. “Eu não sei aonde a comissão chegou. Isso a investigação vai dizer. Agora, pela grandeza da coisa e pela inércia, dá para se imaginar que o presidente da OAB tem uma certa razão. Não sei como vai ser a investigação, mas, de fora, quando a gente observa estes números,

dá para se imaginar que haja no mínimo uma certa negligência jurisdicional”, contou o desembargador. Após a conclusão do relatório, ele será encaminhado a Corregedoria. Se for comprovada a participação de juizes, o pleno do Tribunal de Justiça decidirá o futuro deles, que podem ser aposentados compulsoriamente. OUTRA APURAÇÃO Informações sobre a fraude do seguro do DPVAT foi encaminhada ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ), pela presidente do TJ, desembargadora Elisabeth Carvalho Nascimento. Junto às cópias de relatórios preliminares, ela encaminhou cópias de uma gravação, incluindo a degravação, de um áudio onde um funcionário, lo-

tado na direção do TJ, teria revelado um esquema de venda de sentenças, contando com a suposta participação de juizes e desembargadores. A presidente instaurou investigação. “Eu acho isso muito grave, em todas as circunstâncias, porque, no mínimo, se possibilitou que este funcionário tivesse essa ousadia. Só isso já é muito grave”, disse Malta Marques, sobre as informações encontradas nas investigações. O funcionário é advogado, filho de um desembargador aposentado. “O que tenho ouvido dos colegas é que existia um funcionário que estaria provocando as partes que tinham processo no tribunal e estava agenciando isso. Se esse funcionário estava mandado ou autorizado por alguém, não se sabe”, explicou o corregedor-geral de Justiça. “A desembargadora Elisabeth Carvalho avançou, compôs uma comissão para fazer a apuração disso e essa comissão vai ouvi-lo, vai ouvir o desembargador, vai ouvir o pessoal para saber até que ponto ele estava fazendo isso autorizado ou por conta própria”, acrescentou. Antes do cargo na direção do TJ, o funcionário era lotado no gabinete de um desembargador do Tribunal. “O desembargador, se foi o caso, é o que menos sabe disso. O que a comissão vai apurar é até que ponto isso estava sendo feito por conta desse funcionário. Isso é o que vai definir o rumo da investigação”, analisou Malta Marques.

VILA DOS PESCADORES

Transferência de moradores gera polêmica na Câmara de Maceió Da Editoria de Política A transferência da favela de Jaraguá para a futura Vila dos Pescadores, na praia do Sobral, voltou a causar polêmica na Câmara Municipal de Maceió, entre os integrantes da oposição e da situação. O motivo foi que a área da Vila, que terá dois conjuntos residenciais, foi reconhecida como de interesse social, conforme decreto publicado ontem, no Diário Oficial do Município. O vereador Ricardo Barbosa (PSOL) fez críticas à transferência porque as famílias moram no lugar há 40 anos e nem o Ministério Público Federal, a Secretaria do Patrimônio da União e a Petrobrás reivindicaram a área. Uma liminar proíbe que os pescadores sejam retirados do local à força. Segundo ele, as famílias, sem opções de pesca, podem ser transferidas para uma área que deve inviabilizar a atividade econômica. O líder do prefeito Cícero Almeida (PP) na Casa, Galba Novaes (PRB), o líder do partido prefeito, Oscar de Melo (PP), e o presidente da Câmara, Dudu Holanda (PMN), defenderam a transferência. “Ninguém quer o mal daquelas famílias. O que eu temo é que quando fique decidida a transferência, os moradores fiquem na área da favela para se beneficiarem com as

casas e nem todos sejam transferidos para lá”, disse Oscar de Melo. “O presidente Lula quis a retirada dos moradores da favela e se comprometeu a enviar recursos. E existe um projeto mais moderno, no Sobral, com casas e uma marina, incluindo uma área de lazer. O que existe é um mínimo de pessoas que não quer a transferência”, disse Galba Novaes. Para o líder do prefeito, mais de 700 famílias querem a transferência para a nova Vila dos Pescadores. “O projeto não é uma mentira. Trata-se de uma realidade. Os que tiveram a oportunidade de vê-lo, já o aprovaram, a exemplo do nosso presidente Eduardo Holanda”, reforçou Galba Novaes, lembrando ainda a derrubada de duas barracas na orla marítima da capital, “onde havia um desordenamento, referendado por decisão judicial”. “É claro que se gerava emprego, mas não havia comprometimento com o código de postura do município e com as normas do Patrimônio da União. Eu mesmo tenho uma chácara em Marechal Deodoro e tive de derrubar um pequeno pier, à beira da lagoa, por determinação da União, apesar de pagar uma taxa para usufruir daquela área”, comparou. Quem também utilizou a tribuna, ainda em defesa do pro-

jeto de transferência foi o vereador Silvio Camelo (PV). “Eu não entendo como é que o prefeito consegue recursos federais, encontra um terreno que propicie a pesca, e, ainda assim, a Prefeitura é execrada. Teremos creche, quadra de esporte, entre outros benefícios no conjunto habitacional. E ainda há morador que não quer tais benefícios. Não dá para entender. Só pode haver algum outro interesse por trás disto”, disse o parlamentar, destacando que a área hoje ocupada pelos moradores “precisa ser urbanizada”. Também em aparte ao vereador Ricardo Barbosa, Francisco Holanda (PP) destacou publicação de decreto, na edição desta quarta-feira do Diário Oficial do Município, que versa sobre a análise técnica da área para a construção das unidades habitacionais. “Até o presidente Lula recomendou que se acabasse com aquela favela”, recordou, sendo complementado pelo vereador Oscar de Melo, lembrando que pessoas já estariam ocupando a área de Jaraguá para tentarem ganhar, de forma fraudulenta, novas casas no Sobral. Já o presidente da Câmara, Dudu Holanda, afirmou que o projeto da Prefeitura de Maceió também contempla, além das moradias em si, a questão da sobrevivência da comunidade de

pescadores. “O deputado federal Benedito de Lira (PP) conseguiu o recurso e a Prefeitura elaborou um projeto bonito e moderno. Teremos prédios habitacionais, com escola, área de lazer e toda a infra-estrutura de que os moradores necessitam. E um ponto que não foi lembrado neste debate versa diz respeito ao investimento que se fará no local hoje ocupado pelos pescadores, que ganhará uma marina, fomentando o turismo e ainda permitindo a sobrevivência de todos”, comentou o vereador, acrescentando que um espaço será destinado especialmente para abrigar os materiais de pesca. “Os que não querem uma casa nova representam um grupo muito reduzido de pessoas. Como bem lembrou o vereador Galba, fiquei encantado com o projeto”, completou o presidente do Legislativo Municipal. TV CÂMARA - Ainda na Câmara, Ricardo Barbosa questionou a Mesa Diretora sobre a não transmissão das sessões da Câmara, ao vivo, como ficou acordado entre os integrantes da Casa de Mário Guimarães, antes da reforma do prédio, na praça Marechal Deodoro. O presidente da Câmara, Dudu Holanda, disse que em 15 dias o link será instalado para a transmissão das sessões.

Comissão para visita técnica ao aterro sanitário A Câmara Municipal de Maceió designou, durante a sessão ordinária de ontem, uma comissão para realizar uma visita técnica nas obras do aterro sanitário de Maceió. A Comissão, composta pelos vereadores Marcelo Palmeira (PV), Marcelo Gouveia (PRB),

Silvio Camelo (PV) e Francisco Holanda (PP), deve se reunir para a visita na próxima segunda-feira. Os vereadores esperam contar ainda, durante a visita, com a participação dos representantes das Secretarias Municipais de Infraestrutura, As-

sistência Social e Meio Ambiente. Para o vereador Marcelo Gouveia integrante da comissão que irá visitar o aterro sanitário, a ação de iniciativa do vereador Marcelo Palmeira é bastante positiva tento em vista que está obra será uma

das grandes conquista para o Município. “Esta comissão surge com o propósito de verificar o andamento das obras, como ficará a situação do antigo lixão e principalmente a situação das famílias que sobreviviam exclusivamente do lixo”, destacou Gouveia.

CMYK


O JORNAL

Nacional

A5

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: nacional@ojornal-al.com.br

Internet terá “lista suja” de candidatos Obrigatoriedade de divulgação de pendências judiciais e criminais foi aprovada pelo TSE na terça-feira BRASÍLIA - Nas eleições deste ano, os eleitores poderão consultar pela internet a ficha criminal dos candidatos. O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) aprovou na noite de terça-feira a obrigação de os políticos apresentarem, no pedido de registro da candidatura, documentos informando detalhadamente o teor e a situação de eventuais processos criminais. Acertidão criminal será digitalizada pela Justiça Eleitoral para que o eleitor possa consultar a situação de criminal de cada candidato na página do TSE na internet. Se o partido não apresentar a documentação sobre o anda-

mento específico de cada processo de seu candidato, na hipótese de certidão criminal positiva, a Justiça Eleitoral dará prazo de 72 horas para que ele supra essa omissão. Caso não o faça, o candidato poderá ter o registro de candidatura negado por ausência de documentos exigidos no momento do pedido de registro. Os ministros chegaram a discutir a possibilidade de a exigência de apresentação de certidões criminais ser estendida a processos de improbidade administrativa, mas entenderam que isso não seria possível, uma vez que a Lei de Improbidade Administrativa é anterior à Lei

das Eleições. Além das certidões criminais fornecidas pelas Justiças Federal e Estadual ou do DF, na via impressa do requerimento de registro deverão constar a declaração de bens do candidato, comprovante de escolaridade, prova de desincompatibilização (de cargo ou função pública), quando for o caso, e fotografia recente do candidato. Do requerimento deverão fazer parte ainda as propostas dos candidatos a presidente da República e a governador de Estado ou do Distrito Federal, que deverão ser entregues na forma impressa e digitalizada.

Definidas novas regras para as doações

Eleitor em trânsito vai poder votar

BRASÍLIA - Os ministros partidos deverão manter conta do TSE (Tribunal Superior bancária e contábil específicas, Eleitoral) aprovaram na terça- de forma a permitir o controfeira resolução que torna mais le da origem e destinação dos rígidas as regras para doações recursos pela Justiça Eleitoral. às campanhas eleitorais, com Pela resolução, os candidao objetivo de coibir as chama- tos e partidos só poderão arredas “doações ocultas” nas elei- cadar recursos ou realizar gasções deste ano. A resolução de- tos se cumprirem exigências termina que os partidos podeestabelecidas pela rão distribuir recursos receJustiça Eleitoral, cobidos de pessoas físimo a abertura de concas e jurídicas, desde ta bancária específique discriminem a ca para a movimenorigem e o destino do tação financeira de dinheiro arrecadado campanha. Políticos pelos comitês de Atualmente, a exiterão que campanha. gência de conta banrealizar No modelo atual, cária específica para os financiadores de os gastos de campainscrição campanhas podem nha era obrigatória no CNPJ doar o dinheiro ao somente em relação partido ou aos comiao comitê financeiro e tês eleitorais - que inao candidato. Com a cluem os recursos em mudança, o partido um caixa único, sem será obrigado a prestar conque a origem seja tas dos valores arrecadados e identificada para cada candi- repassados. dato. Com a mudança, os parOs políticos também terão tidos e candidatos terão que que realizar inscrição no CNPJ discriminar cada uma a ori- (Cadastro Nacional da Pessoa gem e o destino final da doa- Jurídica), emitir recibos eleitoção, de acordo com o seus sis- rais e solicitar registro do cantema arrecadatório. didato ou do comitê financeiO texto determina que os ro.

Autorizado uso de cartões de crédito Os partidos e candidatos vão poder receber nas eleições de outubro deste ano doações por meio de cartões de crédito e débito, desde que realizadas por pessoas físicas. Resolução aprovada nesta terçafeira pelo TSE determina que as doações por cartões não podem ser financiadas, nem realizadas por cartões corporativos, empresariais ou emitidos no exterior. A mudança havia sido aprovada pelo Congresso no ano passado, mas esperava por regulamentação do TSE. Depois do questionamento dos partidos e das operadoras de cartão, o tribunal deixou clara a possibilidade de doação também por cartão de débito. Pelo texto, os candidatos e comitês financeiros de campanha terão que solicitar registro na Justiça Eleitoral para receber as doações por cartões,

assim como obter inscrição no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica e abrir conta bancária eleitoral específica para a movimentação financeira de campanha. Outra exigência para receber doações por cartões de crédito é o recebimento dos números de recibos eleitorais, além de desenvolver página na internet específica para o recebimento destas doações. Os partidos e candidatos ainda terão que contratar instituição financeira ou credenciadora de cartão de crédito para habilitar o recebimento de recursos por meio do cartão. “Os recursos financeiros arrecadados por cartão de crédito e cartão de débito deverão ser creditados na conta bancária exclusiva para a movimentação financeira de campanha”, afirma a resolução.

BRASÍLIA - Os eleitores que estiverem fora do seu domicílio eleitoral no dia da votação poderão votar no primeiro ou no segundo turno das eleições em urnas instaladas nas capitais dos Estados - desde que se cadastrem na Justiça Eleitoral. Segundo resolução aprovada na terça-feira pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para votar em trânsito o eleitor deverá habilitarse em qualquer cartório eleitoral do país entre os dias 15 de julho e 15 de agosto deste ano - indicando a capital do Estado onde estará presente, de passagem ou em deslocamento, no dia da votação. A resolução permite que o eleitor cancele a habilitação para votar em trânsito até o término desse período. O texto permite o voto em trânsito somente para os eleitores que estiverem com suas obrigações eleitorais em dia. A Justiça Eleitoral vai emitir um cadastro dos eleitores habilitados para votar em trânsito - que terão seus nomes excluídos da urna eletrônica do seu domicílio eleitoral, que serão transferidos pra as urnas instaladas especialmente para os votos em trânsito. LOCAIS - Segundo a resolução, o eleitor que não comparecer à seção para votar em trânsito deve justificar a sua ausência em qualquer seção eleitoral. O TSE e os tribunais regionais vão divulgar os locais das seções onde serão instaladas as urnas para o voto em trânsito. “A quantidade de urnas especiais a serem instaladas nas capitais deverá ser proporcional ao quantitativo de habilitações ao voto em trânsito para cada Tribunal Regional Eleitoral”, diz a resolução. O eleitor habilitado para votar em trânsito poderá consultar, a partir do dia 5 de setembro, o seu local de votação no site do TSE ou nos dos Tribunais Regionais Eleitorais.

PRESOS - O tribunal aprovou também a resolução que dispõe sobre a instalação de seções eleitorais especiais em estabelecimentos penais e de internação de adolescentes para viabilizar o voto de presos provisórios e de jovens em medida socioeducativa de internação. Os ministros do TSE foram unânimes ao aprovar as novas regras, que devem abranger cerca de 150 mil presos provisórios no Brasil e, aproximadamente, 15.500 jovens e adolescentes entre 16 e 21 anos submetidos a medida socioeducativa. A resolução trará novo artigo que fixa um prazo de 30 dias para que os TREs (Tribunais Re-

gionais Eleitorais) que não puderem cumprir cronograma estabelecido pelo TSE apresentem um cronograma próprio de implantação do sistema de voto dos presos provisórios e adolescentes e informem eventuais dificuldades para adoção dessa providência em todos os estabelecimentos penais. O presidente da Corte, ministro Ayres Britto, afirmou que a exigência de apresentação de certidões criminais não se trata de impor a vida pregressa do candidato como condição de elegibilidade, o que já foi afastado pelo STF (Supremo Tribunal Federal). “Não existe isso porque o Su-

premo já afastou. Mas a Justiça Eleitoral tem o dever de facilitar o acesso dos eleitores à vida pregressa. O eleitor tem o direito de saber da vida pregressa do seu candidato, e a Justiça Eleitoral tem o dever de facilitar esse conhecimento”. CÂMARA - A Corte também aprovou uma resolução mantendo o número de vagas a que cada estado tem direito na Câmara dos Deputados. As regras aprovadas não alteram a distribuição das cadeiras como chegou a ser discutido pelo Tribunal com base em estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

QUEDA DE BRAÇO COM EUA

Lula reafirma posição do Brasil sobre o Irã BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva reiterou ontem, em encontro com a secretária do Departamento de Estado Norte-Americano, Hillary Clinton, que o Brasil continuará mantendo relações comerciais com o Irã e que tentará uma solução pacífica para a questão nuclear do país. Após o encontro com Hillary Clinton, no Centro Cultural do Banco do Brasil, sede provisória do governo federal, o ministro de Relações Exteriores, Celso Amorim, relatou que o presidente Lula disse à secretária que irá ao Oriente Médio, inclusive ao Irã, na próxima semana. A ideia de Lula, segundo Amorim, é, após a viagem, conversar com lideranças mundiais, para tentar encontrar uma saída diplomática para a questão iraniana. Segundo Amorim, Hillary Clinton não fez qualquer pedido a Lula em relação ao Irã, mas expôs sua visão sobre o uso da energia nuclear por aquele país. Mais cedo, no Itamaraty, a secretária afirmou que o Irã não deu provas de que deseja negociar um acordo sobre seu programa nuclear com a comunidade internacional e que isso só vai acontecer

Hillary em encontro com Lula, Dilma e o ministro Celso Amorim

após a imposição de sanções sobre o país. Antes de se encontrar com a secretária, o presidente Lula afirmou, ao ser questionado por jornalistas, que não seria prudente “colocar o Irã contra a parede”. “Quero para o Irã o mesmo que quero para o Brasil: utilizar o desenvolvimento da energia nuclear para fins pacíficos”, afirmou. De acordo com Amorim, o presidente disse ainda a Hillary Clinton que é preciso manter as discussões em relação ao clima. Lula considera ser preciso avançar nos temas que não foram consenso na última Conferência Mundial do Clima realizada em Copenhague.

CAÇAS - Lula e Hillary Clinton também discutiram o processo de compra de caças para a Força Aérea Brasileira (FAB). A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, também participou do encontro. Asecretária americana tentou reverter a “falta de confiança” que o Brasil tem em relação aos americanos e que deixou o país em posição desfavorável na disputa pela compra dos caças que equiparão a FAB pelos próximos 30 anos. O governo brasileiro, porém, já manifestou sua preferência pela parceria com a França.

Hillary Clinton insiste em sanções BRASÍLIA - A secretária de Estado dos EUA Hillary Clinton afirmou ontem que a comunidade internacional, incluindo o Brasil, terá de decidir em breve se adota ou não sanções contra o Irã por seu programa nuclear. Para Hillary, só depois que houver a aprovação de novas sanções pelo Conselho de Segurança da ONU, no qual o Brasil ocupa um assento temporário desde o início do ano, é que o Irã se disporá a negociar de boa-fé. As afirmações foram feitas durante coletiva ao lado do chanceler brasileiro, Celso Amorim, em Brasília, após ser questionada sobre se os EUA se sentem frustrados com a defesa que o Brasil faz ao diálogo com o Irã para resolver o impasse. Hillary afirmou que os EUA também são a favor das negociações, mas fez a ressalva de que até agora o país persa não deu nenhum sinal claro de que favorece o diálogo. “O Irã vem recorrendo ao Brasil, Turquia, China - e para cada um conta uma história diferente -, com o obje-

tivo de evitar sanções, mas achamos que elas são a melhor medida para evitar consequências no Oriente Médio e no mercado de petróleo”, disse. Segundo Hillary, “o Irã precisa saber que há consequências às recorrentes violações às regulamentações da Agência Internacional de Energia Atômica e do Conselho de Segurança da ONU”. Os EUA, assim como Rússia, China, Inglaterra, França e Alemanha, querem aplicar sanções internacionais ao Irã por suspeitar que seu programa nuclear tem o objetivo de fabricar armas nucleares. O presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, nega as suspeitas. No mês passado, o país anunciou que iniciaria o enriquecimento de urânio a 20% para uso medicinal. Para produzir armas nucleares, é necessário um enriquecimento a 90%. Amorim defendeu a posição brasileira lembrando que os EUA, quando justificaram a invasão do Iraque, em 2003,

disseram que o país tinha armas de destruição em massa. Como mais tarde foi provado que essa afirmação era falsa, Amorim disse que isso tem de ser usado como exemplo para que o mesmo erro não seja cometido em relação ao Irã. CONGRESSO - Pela manhã, Hillary Clinton visitou o Congresso Nacional e afirmou a deputados e senadores brasileiros que espera que o Brasil colabore no esforço internacional para mudança de rumo do Irã. No primeiro compromisso o dia, Hillary se reuniu por 40 minutos com os presidentes da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), e do Senado, José Sarney (PMDB-AP), e mais 15 parlamentares, entre deputados e senadores. Depois de passar pelo Brasil, Hillary irá à Costa Rica, onde se reunirá com o presidente Oscar Arias e com a presidente eleita Laura Chinchilla. Na Guatemala, a secretária de Estado dos EUA conversará com o presidente Álvaro Colom.

CMYK


O JORNAL

Economia

A7

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: economia@ojornal-al.com.br

Exportações registram nova queda Comércio alagoano com exterior segue contramão do Nordeste e permanece apresentando resultados negativos Patrycia Monteiro Repórter

Depois de um ano de desempenho negativo, as exportações nordestinas retomam o fôlego e voltam a dar sinais de crescimento em janeiro, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. No primeiro mês do ano, a região registrou alta de 47,82%, puxada pelas vendas externas de gasolina - que obtiveram faturamento de US$ 194,5 milhões e aumento de 898%, em relação a janeiro de 2009 - e do açúcar cuja receita no mês foi de US$ 168,8 milhões, com incremento de 101%. Na contramão do resultado nordestino, no entanto, Alagoas registrou queda de 3,95% no faturamento de suas exportações, com vendas que somaram US$ 106,9 milhões. O comércio externo alagoanas de açúcar VHP – o principal produto da pauta de exportações – obtive alta de 37% em janeiro, com receita de US$ 94 milhões. O álcool, por sua vez, registrou queda de 78,37%, totalizando tímido faturamento de US$ 4,4 milhões, enquanto o açúcar cristal encerrou o mês com recuou de receita de 47,09%, somando US$ 6,2 milhões. Vale ressalta que houve no mês uma drástica diminuição dos volumes embarcados de álcool e de açúcar cristal para o exterior, de mais de 50%, e o ligeiro incremento no volume

DESEMPENHO DAS EXPORTAÇÕES NO NORDESTE (JANEIRO DE 2010)

Faturamento com as vendas ao mercado externo caiu 3,95% em janeiro, totalizando US$ 106,9 milhões

do VHP, o que sugere um redirecionamento do escoamento da produção local para o mercado interno brasileiro. SEM EMBARQUE - No primeiro mês do ano, a Braskem e as beneficiadoras de fumo da região Agreste do Estado não realizaram nenhum embarque de mercadorias. Por isso, as exportações do setor sucroalcooleiro de Alagoas concentraram 99,9% de todo faturamento. As importações do Estado, por sua vez, registraram aumento de 61,5% em janeiro, atingindo o montante de US$ 12,6 milhões. Alagoas foi um dos três esta-

dos nordestinos a apresentar recuo de receita com as exportações em janeiro ao lado do Maranhão (-47,77%) e Rio Grande do Norte (-13,71%). Contudo, em termo de volume de receita, o Estado despontou para o terceiro lugar no ranking do Nordeste, ficando atrás da Bahia, com faturamento de US$ 809 milhões, e de Pernambuco, com US$ 156 milhões. O desempenho das exportações alagoanas ficou acima inclusive do estado do Maranhão – tradicionalmente o segundo maior exportador regional. Isso ocorreu por causa da fase negativa que vem atravessando o setor de Mineração no mercado

mundial, responsável pela maior parte do faturamento das vendas externas maranhenses. Contudo, é necessário ressaltar que atual posição alagoana no ranking nordestino é apenas provisória. Em Pernambuco e na Paraíba, cujos índices positivos de crescimento foram de 75,53% e 8,37%, os resultados foram influenciados pela boa performance das vendas externas de açúcar. O crescimento de 106,31% da Bahia, o maior da região, foi alavancado pela comercialização de gasolina – os automóveis saíram do topo do ranking dos principais produtos exportados pelo estado.

Estados

Receita (US$)

Variação (%)

Alagoas

106.940.967

-3,95

Bahia

809.004.586

106,31

Ceará

100.764.741

20,03

Maranhão

81.765.806

-47,77

Paraíba

15.607.885

8,37

Pernambuco

156.074.808

75,53

Piauí

5.912.745

3,08

Rio Grande do Norte

20.630.836

-13,71

Sergipe

4.011.874

33,13

Nordeste

1.300.714.248

47,82

Brasil

11.305.066.944 15,57

Fonte: MDIC

CIMPOR

INCLUSÃO

BENEFÍCIOS FISCAIS

Fechado acordo com Votorantim e Camargo Corrêa

Consumo de produtos básicos cresceu em 2009

Regulamento do ICMS é alterado

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), órgão que tem como função defender a economia contra ataques à livre concorrência, aprovou ontem acordos assinados nesta semana com os grupos Votorantim e Camargo Corrêa para preservar os negócios e a estrutura da fabricante de cimentos Cimpor do Brasil, subsidiária da Cimentos de Portugal, com uma unidade em Alagoas. A Cimpor foi alvo de intensa disputa por três grupos brasileiros. A Votorantim - maior cimenteira do Brasil com dois quintos do mercado - assegurou participação de 21,2% no capital da Cimpor por meio de acordos fechados diretamente com acionistas da empresa, com pagamento em ativos pela maior parte das ações. A Camargo Corrêa, por sua vez, adquiriu participação de cerca de 31%. A siderúrgica CSN fracassou na tentativa de assumir o controle da cimenteira. Diante da ofensiva dos outros dois grupos brasileiros sobre a Cimpor, a CSN pediu ao Cade medida cautelar para suspender os efeitos no Brasil da entrada das duas no capital do grupo português. Os acordos fechados com o Cade asseguram que não haverá interferência na gestão da Cimpor no Brasil por Votorantim e Camargo Corrêa até que o órgão antitruste dê seu parecer final sobre as implicações à concorrência. As empresas se comprometeram, entre outras coisas, a não alterar fábricas ou ativos da Cimpor do Brasil, incluindo marcas, patentes e carteira de clientes e fornecedores. Também não vão ser alteradas estruturas de logística, distribuição e comercialização do portfólio da Cimpor do Brasil, e os projetos de investimento pré-estabelecidos e já aprovados não poderão ser modificados.

O consumo de produtos básicos passou longe do clima de crise e cresceu em 2009. Não só se expandiu como até se sofisticou, com a entrada na lista do brasileiro de mais itens na cesta básica e de produtos mais caros. É o que mostra a pesquisa anual da Kantar Worldpanel (ex-Latin Panel), divulgada ontem. Quem mais ajudou a acelerar o crescimento foram as classes D e E que em relação a 2008 gastaram 21% mais entre a cesta de produtos básicos e não básicos. O consumo de produtos básicos (como itens alimentícios, bebidas e artigos de limpeza) e de não básicos (leite à base de soja e água mineral, por exemplo) cresceu, na média entre todas as classes, 15% na comparação entre 2008 e 2009. No mesmo período, a inflação foi de 4,31% e a alta do Produto Interno Bruto é estimada entre 0,1% e 0,2%. Esse comportamento tem a ver com o aumento real da renda do brasileiro, que ganhou força nos últimos anos,

Na lista de compras das classes D e E, agora há produtos supérfluos

especialmente da base da pirâmide. Como reflexo, houve crescimento principalmente na cesta de alimentos (17%) com a inclusão de produtos mais sofisticados. As classes D e E, segundo o levantamento, são as que mais se beneficiaram da trajetória da economia no ano passado e encostou na classe C no número de categorias que aparecem no carrinho de compras. No ano

passado, entraram na lista das classes D e E itens como tempero pronto, leite em pó, cremes e loções. As marcas mais caras também têm ampliado a participação na cesta de compras do consumidor. De acordo com a pesquisa, de 11 categorias que fazem parte da cesta de higiene, 6 delas tiveram crescimento de participação das marcas premium, que custam pelo menos 10% a mais que a média.

AUTOMÓVEIS

Montadoras não precisam mais de IPI reduzido O presidente da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) Sérgio Reze, se diz otimista com o desempenho do mercado automotivo em 2010 e acredita que a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) não é mais necessária. O benefício fiscal termina no fim deste mês. “Não vemos a possibilidade de que o IPI reduzido

seja mantido. O desconto se esgotou em função do crescimento vigoroso da economia”, afirmou. Além das condições macroeconômicas favoráveis, Reze acha que as vendas de veículos terão o estímulo das promoções “agressivas” por parte das montadoras. “A competição acirrada motivará o mercado”. Embora considere que o mercado não precisa mais se amparar no IPI redu-

zido, ele acredita que março, último mês de vigência do incentivo, deverá ter vendas “bem superiores às de janeiro e fevereiro”. A indústria registrou no mês passado o melhor fevereiro de todos os tempos, com 211.371 automóveis e comerciais leves comercializados. Os emplacamentos de 413.122 unidades no bimestre também foram recorde para o período.

Publicado no Diário Oficial de ontem, o decreto nº 5.079 traz diversas mudanças para o Regulamento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) na área de benefícios fiscais. As alterações visam à implementação dos Convênios 99, 100, 110, 118 e 121, todos de 2009, aprovados pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz). O primeiro deles autoriza a isenção do tributo em operações decorrentes da importação, vinda do exterior, de aparelhos, máquinas, equipamentos e instrumentos, suas partes e peças de reposição e acessórios, e de matérias-primas e produtos intermediários para ensino e pesquisa, em que a importação seja favorecida de acordo com o previsto na Lei Federal n° 8.010. Estendendo-se a artigos de laboratórios, desde que não possuam similar produzido no País, a norma se aplica a institutos de pesquisa sem fins lucrativos; universidades federais ou estaduais; organizações sociais com contrato com o Ministério da Ciência e Tecnologia; fundações; e pesquisadores e cientistas credenciados. A regulamentação vale para todos os estados do Brasil, mais o Distrito Federal. Também continuam com o benefício as saídas internas e interestaduais, promovidas por estabelecimentos fabricantes ou seus revendedores, de automóveis novos de passageiros para utilização como táxi, quando destinados a motoristas profissionais. O benefício, no entanto, tem efeito até 31 de dezembro de 2009 para as montadoras e 31 de janeiro de 2010 para as concessionárias. Outras modificações propostas pelo decreto acontecem em dois itens da tabela de fármacos para operação destinada à administração pública – que passam a vigorar com uma redação diferente –, e na emis-

são de nota fiscal eletrônica no trânsito de vasilhames, recipientes e embalagens, inclusive sacaria, em retorno ao estabelecimento remetente, a outro do mesmo titular ou a depósito em seu nome. A isenção do ICMS se estende, ainda, ao valor dos direitos autorais, artísticos e conexos, comprovadamente pagos pela empresa produtora de discos fonográficos e de outros suportes com sons gravados, a autor ou artista nacional ou a empresa que o representar, da qual seja titular ou sócio majoritário, e com ele mantenha contratos de edição e de cessão ou transferência de direitos. SORTEIO DA NFA Realizado em homenagem ao Dia Mundial do Direito do Consumidor, o sorteio especial da Nota Fiscal Alagoana (NFA) vai distribuir o total de R$ 100 mil em dinheiro entre os consumidores que pediram suas notas e cupons com o registro do CPF ou CNPJ. O evento acontece às 9h de amanhã, na sede do Procon. Como de costume, os quase 75 mil cadastrados no banco de dados da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) estarão concorrendo a três grandes boladas – desta vez, R$ 25 mil, R$ 15 mil e R$ 10 mil – e a valores menores, de R$ 500; R$ 25 e R$ 10. Mais de 767 mil bilhetes, gerados eletronicamente vão disputar os 3.013 prêmios. O número é 62% maior que da última vez, quando pouco mais de 470 mil cupons participaram da premiação. Os bilhetes já estão disponíveis para visualização no site do programa, no endereço www.sefaz.al.gov.br/nfa. Para isso, basta acessar o sistema utilizando o CPF ou CNPJ e a senha pessoal. Vale lembrar, no entanto, que apenas os documentos fiscais expedidos entre 1º de outubro e 31 de novembro de 2009 têm validade agora.

CMYK


Economia

O JORNAL JORNA L

A8

Papel Moeda Marco Aurélio Mello - marcoaurelio@ojornal-al.com.br

QUANTO VAI CUSTAR Termina hoje em Brasília, a reunião de dois dias do Conselho Nacional de Recursos Hídricos. O encontro dos cerca de 50 membros tem atraído a atenção porque é dessa reunião que deve sair a definição quanto aos valores a serem cobrados pelo uso dos recursos hídricos do Nordeste Setentrional, ou seja, quanto será pago pelo uso das águas do rio São Francisco, dentro do projeto de transposição. Segundo a Agência Nacional de Águas (ANA), em nota técnica elaborada para subsidiar a decisão, a utilização causará um impacto na conta mensal de água de R$ 0,31 para quem for beneficiado pelo chamado Eixo Leste – que levará água para Pernambuco, principalmente – e de R$ 0,44 para o Eixo Norte, que beneficiará o Ceará basicamente. Na avaliação da agência, o valor é perfeitamente assimilável. O curioso desse momento de decisão é que a proposta de resolução sobre a qual os membros do Conselho estão debruçados, avaliando foi definida pelo Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco, aquele mesmo comitê que protestou e esperneou contra o projeto de transposição. Pelo jeito, com a transposição se tornando realidade, sobretudo na construção do Eixo Leste, canteiro de obras que emprega 10 mil pessoas atualmente, a inicitiva se tornou também “assimilável” pelos antigos opositores. Por outro lado, é a comprovação de que o projeto de levar água do São Francisco para o interior do Nordeste entrou mesmo em uma nova categoria: é uma iniciativa irreversível.

PÁSCOA Pelo quarto ano consecutivo, a Secretaria de Turismo de Alagoas recebe a confirmação de voos chateres de Portugal durante a Páscoa. Os voos vão sair de Lisboa com destino a Maceió no final de março e serão semanais até abril, trazendo mais de 400 portugueses, em duas operações. As negociações aconteceram durante a Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), em janeiro. A expectativa da Setur é obter novos voos para julho e agosto.

SEMANA ROSA 1 O Dia Internacional da Mulher, celebrado na próxima segunda-feira, não será marcado apenas pelas homenagens com distribuição de rosas ou bombons. No Maceió Shopping, por exemplo, o evento Semana Rosa, que acontece a partir de hoje até o dia 08, na praça de eventos, oferece serviços gratuitos de beleza, estética e saúde.

SEMANA ROSA 2 Para participar não é necessário comprar nada ou pagar taxa adicional, basta preencher a ficha de inscrição e aguardar o horário da sessão de alongamento, Tai-chi-chuan, limpeza de pele, peeling, maquiagem de henna, entre outros serviços. O público feminino também receberá dicas de alimentação e saúde, e uma equipe da Unimed estará no shopping, no horário de 11 até 21h, fazendo aferição de pressão, dosagem de glicose, IMC e Circunferência abdominal.

AFTOSA Alagoas deve se beneficiar com a determinação do Ministério da Agricultura de tornar o Brasil, ainda este ano, em País livre da aftosa com vacinação. Para atingir a meta, unidades da federação, como Alagoas, deve ser reclassificadas. O ministro Reinhold Stephanes está empolgado com o fato de que mais um estado – desta vez o Paraná – vai suspender em breve as campanhas de vacinação contra a doença. Só lembrando: Santa Catarina foi o primeiro.

ÚLTIMA Encerram-se hoje, as inscrições para o concurso do Banco do Nordeste para formação de cadastro de reserva. Os interessados podem realizar suas inscrições por meio do endereço http://concursos.acep.org.br/BNB2010 até as 23h59min (horário de Brasília) e o pagamento da taxa de inscrição até o dia 5 de março. A data de realização das provas será 11 de Abril. O valor da taxa de inscrição é de R$ 60,00 para o cargo de Analista Bancário 1, de R$ 70,00 para o cargo de Analista Técnico 1, e de R$ 100,00 para o cargo de Especialista Técnico 1. Considerado um dos mais abrangentes já realizados pelo Banco do Nordeste, o concurso inclui cargos com salários entre R$ 1.431,00 e R$ 7.029,75.

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: economia@ojornal-al.com.br

Lucro líquido da Braskem em 2009 atingiu R$ 917 milhões Resultado foi divulgado ontem e comprova posição de destaque no setor A Braskem ocupou posição de destaque entre as empresas petroquímicas que, em 2009, se valeram das oportunidades de crescimento proporcionadas pela crise econômica global. Demonstrando ter adequado sua estrutura de custos e de capital para enfrentar o ciclo de baixa do setor, a Braskem foi capaz de aproveitar o cenário de crise para fazer aquisições relevantes. Além da agenda estratégica, o foco na manutenção da eficiência operacional permitiu uma evolução significativa em seu desempenho, atingindo um ebitda de R$ 2,5 bilhões e uma margem ebitda superior a 16%, uma das mais altas da petroquímica global no período. Depois de um período inicial marcado por forte retração do consumo doméstico e internacional em razão da crise econômica, que levou a Braskem a operar suas fábricas com 55% de sua capacidade nominal até o final de janeiro, o mercado brasileiro de resinas termoplásticas fechou 2009 com um crescimento de demanda de 1% em relação ao ano anterior. A recuperação foi intensificada durante o segundo semestre, com um crescimento de 18% na comparação com o primeiro semestre. As importações continuaram a ter uma participação relevante no mercado brasileiro, 22%, devido à volatilidade de preços no mercado internacional e à menor de-

Investimentos foram mantidos

Durante a crise mundial, unidades operaram com metade da capacidade

manda dos países desenvolvidos, além da apreciação do real ao longo do ano. Diante desse cenário, as vendas domésticas de PP da Braskem cresceram 9% em relação ao ano anterior, impulsionadas pela recuperação de alguns setores da economia, como o automobilístico, linha branca, descartáveis e brinquedos, entre outros. Já as vendas domésticas de PE e PVC apresentaram redução de 2 e 8%, respectivamente. No agregado das resinas termoplásticas, o volume vendido no mercado doméstico ficou praticamente em linha com 2008, atingindo 2,2 milhões de toneladas. Considerando também o mercado de exportação, o volume

total de resinas vendidas aumentou 10%. “A recuperação do mercado brasileiro em 2009 e as perspectivas de forte crescimento da economia doméstica para 2010 traçam um cenário favorável para o desenvolvimento dos negócios da Braskem neste ano. Mantida a normalidade econômica, a expectativa para a indústria petroquímica nos primeiros meses de 2010 é positiva, mas vale ainda lembrar que o anúncio de entrada de novas capacidades, principalmente no Oriente Médio e Ásia, é bem superior ao crescimento da demanda mundial, o que deverá pressionar novamente a rentabilidade do setor”, diz Bernardo Gradin, presidente da Braskem.

Real valorizado influencia recuperação A receita bruta consolidada da Braskem foi de R$ 19,5 bilhões em 2009, comparada a R$ 23,8 bilhões em 2008, com queda de 18%. Da mesma forma, a receita líquida consolidada da Braskem foi de R$ 15,2 bilhões em 2009, 18% abaixo da receita de R$ 18,5 bilhões registrada no ano anterior. Essa redução é explicada principalmente pelo patamar de preços de resinas e de petroquímicos básicos significativamente inferiores ao apresen-

tado no ano anterior, quando a escalada dos preços de matériaprima impulsionou os preços internacionais desses produtos. Em 2009 a receita líquida com exportações foi de US$ 2,1 bilhões (27% da receita líquida total), registrando uma queda de 7% em relação ao ano anterior. Mais uma vez, a queda dos preços internacionais influenciou tal desempenho, visto que os volumes exportados de resinas e petroquímicos básicos aumentaram, respectivamen-

te, 67% e 29% entre os períodos. O lucro líquido da Braskem em 2009 alcançou R$ 917 milhões, um aumento de 3,4 bilhões com relação ao prejuízo de R$ 2,5 bilhões de 2008. Ainda que a adesão ao Refis tenha impactado negativamente o lucro líquido em cerca de R$ 638 milhões no 4T09, o bom desempenho operacional e a apreciação do real perante o dólar proporcionaram a recuperação dos resultados da Companhia.

A Braskem, mantendo seu compromisso com a disciplina de capital e com a realização de investimentos com retorno acima de seu custo de capital, realizou investimentos operacionais que totalizaram R$ 894 milhões em 2009. Desse montante, R$ 183 milhões foram destinados ao projeto de PE Verde, na implantação da unidade de eteno a partir de etanol (matéria-prima renovável), que permitirá a produção em escala industrial de 200 kt/a de Polímero Verde. As obras estão avançadas em relação ao cronograma e a planta está programada para entrar em operação no 3T10. Outro destaque é o investimento realizado na conversão da Unidade de MTBE para ETBE da Unidade de Petroquímicos Básicos da Bahia, na ordem de R$ 43 milhões, que têm sua importância ampliada face à utilização de matéria-prima renovável (etanol). Esta planta entrou em operação em junho de 2009. ESTRATÉGICO - No plano estratégico, a incorporação da Petroquímica Triunfo no primeiro semestre e as aquisições da Quattor e da norte-americana Sunoco Chemicals no início de 2010 ampliaram a competitividade e o porte da Braskem. A compra da Quattor fortaleceu a petroquímica brasileira e elevou a companhia à oitava posição entre as maiores empresas globais do setor, enquanto a aquisição da Sunoco a posicionou como a terceira maior produtora mundial de polipropileno. SUSTENTÁVEL - “A Braskem tem dado passos importantes para realizar sua visão estratégica de estar entre as 5 principais petroquímicas globais, sempre comprometida com o desenvolvimento sustentável, impulsionando uma dinâmica que traz oportunidades de valorização para toda cadeia produtiva do setor e favorece os investimentos necessários para acompanhar o crescimento da economia brasileira previsto para os próximos anos”, conclui Gradin.

CMYK


O JORNAL

Cidades

A9

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: cidade@ojornal-al.com.br

INFLUENZA H1N1

Vacinação em Alagoas começa segunda Sesau orienta representantes dos 102 municípios do Estado sobre o calendário e a campanha de imunização Láyra Santa Rosa Repórter

As estratégias para a vacinação contra a influenza H1N1 foram discutidas, na manhã de ontem, durante um encontro promovido pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesau). Representantes dos 102 municípios receberam as orientações de como o calendário e a campanha de imunização devem acontecer. A primeira fase da vacinação começa nesta segunda e segue até o dia 21de

maio. Espera-se que sejam vacinadas em Alagoas cerca de 1.485.368 pessoas. Segundo informações da diretora de Vigilância Epidemiológica da Sesau, Cleide Moreira, a imunização será feita apenas nos grupos de risco. “Foi feito um estudo baseado na pandemia de 2009. Nele se encontram quais os grupos que têm maior risco de contaminação com a influenza H1N1. Inclusive foi elaborado um calendário, que será dividido em cinco etapas para atender

os grupos específicos”, contou. “Temos que alcançar, no mínimo, 80% do número apontado pelo MS. Já recebemos as vacinas, seringas, e estamos distribuindo para os municípios o material da campanha estimulando a imunização”. Essa será a primeira vez que acontecerá a vacinação contra a gripe A, que vitimou no ano passado milhares de pessoas no Planeta. “Esse vírus pode ter mutações. Ainda não sabemos se será necessário no próximo ano

ASCENSÃO

que as pessoas já imunizadas precisem ser novamente vacinadas. Se houver mudanças no vírus, é possível que isso volte a acontecer”, explicou Cleide Moreira. Apenas este ano, seis pessoas estão sob suspeitas de síndrome respiratórias e aguardando o resultado do laboratório Fiocruz, que pode comprovar ou não se são casos de contaminação pelo vírus. Em 2009, os casos suspeitos registrados foram 76, sendo 16 descartados, 11 confirmados, dois de gripe sazonal e 47 conti-

nuam sob investigação. “É bom deixar claro que, com relação aos casos que foram confirmados, a contaminação aconteceu fora do Estado”, disse a diretora. CALENDÁRIO – Os locais de vacinação para a população ainda estão sendo definidos por cada secretaria dos municípios. A primeira fase da vacina começa no próximo dia 8, seguindo até o dia 19 março. Essa será destinada aos trabalhadores de saúde e à população indígena.

Asegunda etapa (entre 22 de março e 2 de abril) abrangerá grávidas e pessoas com problemas crônicos e crianças de 6 meses a 2 anos. Jovens de 20 a 29 anos vão poder se vacinar a partir do dia 5 de abril a 23 do mesmo mês. Já nos dias 24 de abril a 7 de maio, é a vez dos idosos com mais de 60 anos que tenham doenças crônicas. No início desta semana, o MS ampliou a faixa etária de vacinação, incluindo pessoas de 30 a 39 anos, que acontecerá entre os dias 10 e 21 de maio.

CESSÃO DE MILITARES

Polícia Militar promove Conseg: assessorias estão 393 soldados a cabos descumprindo ordem Mônica Lima Repórter

Numa solenidade rápida, 393 soldados foram promovidos a cabo ontem. Desse total, para assegurar a mudança de posto, 127 militares tiveram que recorrer à Justiça, o que fez com que suas promoções não fossem concedidas em fevereiro juntamente com as dos sargentos e oficiais. O evento contou com a participação do secretário de Defesa Social, Paulo Rubim, e do comandante-geral da Polícia Militar,

coronel Dalmo Sena. Na mensagem enviada aos novos cabos, publicada no boletim da PM, o coronel Dalmo Sena lembrou da importância que esses militares passam a assumir a partir de agora junto à sociedade. Ele enfatizou que os agraciados terão um novo papel na instituição. Ao exercer seus trabalhos, os cabos deverão atentar para o respeito e a responsabilidade tanto com relação à instituição militar quanto à população em geral. Enquanto aguardava na fila o momento de seus colegas

também promovidos serem convocados para a cerimônia, a cabo Roseane Cristina, que está na corporação há 19 anos, era só alegria. Para ter acesso à promoção, ela foi um dos militares que ingressaram com um processo judicial. Na hora em foi entregue a nova divisa, Roseane fez questão de compartilhar a felicidade com seus familiares. Na ocasião, o secretário Paulo Rubim, que representou o governo, destacou o esforço dispensado para que ocorressem as promoções.

Valdete Calheiros Repórter

Adeterminação do Conselho Estadual de Segurança (Conseg), feita em dezembro do ano passado, para que as oito assessorias militares do Estado cedam 20% de seus efetivos aos finais de semana para reforçar o policiamento nas ruas não está sendo cumprida. Segundo o comando da Polícia Militar, para que seja posta em prática, a decisão tem que ser comunicada oficialmente ao órgão, o que não ocorreu. De acordo com o presidente

do Conseg, Delson Lyra, o efetivo militar lotado nas assessorias faz falta à polícia. “A rigor, as assessorias militares não estão cumprindo a determinação. Na verdade, o que queremos mesmo é que elas sejam extintas. Mas, para que acabem, é preciso que a lei determine isso. Não há motivo para existirem”, frisou o presidente do Conseg. O comandante da PM, coronel Dalmo Sena, admite que as assessorias não estão enviando os policiais para reforçar o policiamento. Mas ele explica que a corporação não foi comunicada ofi-

cialmente quanto à determinação do Conseg. “Vamos aguardar o acórdão chegar por aqui. Quando isso acontecer, informaremos, semanalmente, ao Conseg sobre quem está cumprindo e quem não está”, disse. Ele adiantou, ainda, que as assessorias não são ligadas ao Comando Geral da PM. Elas foram criadas por uma lei específica. “No carnaval, o comando da PM solicitou que as assessorias mandassem policiais para os quatro dias de festa, mas, das oito existentes, apenas duas cumpriram a solicitação.

CMYK


Cidades

O JORNAL JORNA L

A10

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: cidade@ojornal-al.com.br

ASSASSINATO DE FÁBIO ACIOLI

Reconstituição deve ser feita em 15 dias Ideia da promotoria é instituir provas para esclarecer dúvidas no caso; 17 pessoas foram ouvidas ontem Láyra Santa Rosa Repórter

As investigações sobre o sequestro e morte do universitário Fábio Acioli, de 21 anos, podem ganhar mais um capítulo nos próximos 15 dias. O promotor José Antônio Malta Marques solicitou à Justiça que seja feita a reconstituição do crime. A ideia é instituir mais provas que possam comprovar, ou não, o envolvimento dos suspeitos que estão presos: Rafael Cícero de França, Carlos Eduardo Souza e Vanderley do Nascimento. “Estou fazendo um trabalho paralelo às investigações da polícia, inclusive para confirmar se o depoimento da testemunha chave é verdadeiro.

Estive no bar aonde ele trabalha, e as informações batem”, disse o promotor José Antônio Malta Marques. “Outra situação é que pedi a reconstituição do crime. Estou tentando que ela aconteça nos próximos 15 dias. Agora é só aguardar o prazo para a perícia e a polícia organizarem tudo”, adiantou. Ontem, 17 testemunhas – entre familiares dos acusados e da vítima – e os três presos, prestaram depoimento na 9ª Vara Criminal da Capital. As oitivas fazem parte da primeira etapa da instrução criminal. O caso corre em segredo de Justiça e a imprensa não teve acesso aos relatos. A mãe de Fábio Acioli foi a primeira a falar em juízo. O depoimento durou mais de três

horas, e num determinado momento, ela teve que ficar cara a cara com o acusado Rafael França, para um possível reconhecimento, que não aconteceu. Segundo informações extra-oficiais, ela afirmou desconhecer a opção sexual do filho, fato que só a passou a saber depois do crime. Na saída, ela não quis falar com a imprensa. O tio do universitário, Daniel Medeiros, que também foi convocada como testemunha, revelou que a família está muito chateada com os acontecimentos, por isso prefere evitar mais exposição. “Ainda estamos todos muito abalados. Algumas pessoas da família ficaram doentes depois do que aconteceu com o Fábio”, contou.

Fotos: Yvette Moura

Suspeitos de autoria material na execução continuam alegando que não estavam em Maceió: inocência

“Queríamos melhor apuração do caso” “Mantínhamos relação de confiança” O clima durante toda a manhã era de expectativa, no 5º andar da sede provisória do Fórum do Barro Duro. Os acusados pela morte do estudante Fábio Acioli, pela primeira vez, foram mostrados à imprensa e tiveram a oportunidade de dar sua versão sobre o crime. Tanto Rafael França, acusado pela polícia de apontar aos executores a vítima, quanto Carlos Eduardo Souza e Vanderley do Nascimento, tidos como autores materiais, negaram qualquer envolvimento com o crime. O paulista Carlos Eduardo, afirmou que veio para Alagoas, junto com Vanderley para traba-

lhar na venda de perfumes. Ele alega que nunca viu Fábio Acioli, nem Rafael França e que no dia do crime, estava em Santana do Ipanema. “Chegamos em Maceió uns cinco dias depois do que aconteceu com o estudante. Nunca ouvimos falar e nem vimos essas pessoas. Não temos nada haver com isso. Só queríamos que esse caso fosse melhor apurado, para comprovar que não temos nada com essa morte”, afirmou. “Estou preso por causa de um retrato que dizem parecer comigo, e porque uma testemunha me reconheceu. Sou inocente. Já fui preso em São Paulo, mas já paguei pelo que fiz.

Estava recomeçando minha vida”, explicou. Tão abalado quanto o colega, Vanderley do Nascimento negou qualquer tipo de envolvimento. “Esperamos que a verdade apareça. Não estou mais aguentando ser acusado de um crime que não cometi”, garantiu. “Era para termos voltado para São Paulo em dezembro, e estamos presos há seis meses, mesmo sendo inocentes. Sem visita, longe de família. Meu filho nasceu há quatro meses, e eu ainda não conheço. Isso é um sofrimento muito grande”, afirmou Vanderely. (L.S.R.)

Separado dos outros dois presos, Rafael Teixeira também falou com os jornalistas pela primeira vez. Em seu relato, ele lembrou o dia 11 de agosto, quando foi abordado junto com o estudante por dois homens armados, na área conhecida como Coqueiral, em Cruz das Almas. “Estava fora do carro conversando com o Fábio. De longe, vimos dois homens abraçados. Pensei que era um casal normal, mas de repente eles se aproximaram com a arma em punho, e um deles me socou no rosto e atirou”, contou. “Nesse momento fiquei meio atordoado e cai, com o ombro ferido. Quando me levantei o carro não estava mais lá, e pensei que o Fábio tinha conseguido fugir”. Segundo o funcionário público municipal, ele não foi procurar a polícia após o crime porque acreditou que Fábio estava bem. “Eu não sabia o que tinha acontecido. Soube no dia seguinte, informado por um parente dele. Outra coisa é que eu e Fabio mantínhamos um relaciona-

mento de confiança: ele sempre me pediu para que não comentar nada sobre sua opção sexual à família. O mesmo eu pedia a ele, em relação a minha”, revelou. Rafael Teixeira também disse que aquele não era o primeiro encontro com a vítima. “Nos encontrávamos por acaso. Isso sempre acontecia, tanto que aquela não foi a primeira vez que nos vimos e ficamos conversando. Éramos amigos, tínhamos um relacionamento muito bom”, completou o funcionário público. Temendo sofrer represálias, o acusado falou baixo durante todo o tempo. Segundo a advogada de defesa, Girlene Feitosa de Farias, que trabalha nesse caso com o advogado, Raimundo Palmeira, Rafael Teixeira tem medo de receber novas ameaças e ser morto dentro do sistema penitenciário. “Ele reconheceu os dois como autores materiais. O moreno deu o soco nele, enquanto o outro atirou. E já dentro do presídio, Rafael sofreu ameaças de morte por ter reconhecido. Ele está com

medo de falar, mas a nossa orientação é que fale a verdade”, afirmou. “As pessoas precisam entender que Rafael é uma vítima desse caso e, sem dúvida, a principal testemunha do crime. Ele está muito abalado, inclusive tomando medicamentos controlados”, revelou a advogada. Já o advogado Raimundo Palmeira levantou um questionamento sobre o caso. “Será que se a vítima fosse uma mulher, ele estaria preso? Me preocupo bastante com a opinião pública e espero que não queiram julgá-lo por isso. Essa morte tem tudo para ter sido um crime passional, e acredito que essa investigação ainda falta ser terminada”, disse. “Meu cliente nega o crime, e acredito nele. Não existem provas contra o Rafael, eles estão se apegando em contradições. Não estou ganhando nada para defendê-lo. Estou baseado apenas no trabalho que ele fazia e que sempre se mostrou uma pessoa de caráter e índole”, afirmou Raimundo Palmeira. (L.S.R.)

Família espera ver responsáveis pelo assassinato de José Maria dos Santos pagando pelo crime

CASO ARAÚJO

Acusados de executar empresário vão a júri Valdete Calheiros Repórter

Os quatro acusados pelo assassinato do empresário José Maria dos Santos, conhecido como Caso Araújo, foram julgados ontem. A sessão foi realizada no 1º Tribunal do Júri, na sede provisória do fórum da capital, no Barro Duro. O juiz do caso foi Maurício César Breda e o promotor, Magno Alexandre Moura. O comerciante José Alexandre Pereira Clemente da Silva foi submetido a júri por estelionato, enquanto o ex-policial militar Edílson José Correia do Nascimento, o policial militar Jairo Sebastião Dantas e o fotógrafo José Carlos de Almeida Santos (este se encontra foragido, sendo julgado à revelia) pelo crime de homicí-

dio triplamente qualificado. Uma das irmãs de José Maria dos Santos, Maria do Carmo afirmou que a única vontade da família é ver todos os culpados pagando pelo crime, como manda a Justiça. “É o mínimo que pode ser feito. Justiça! A bandida que mandou matar meu irmão foi até o Instituto Médico Legal (IML), reconheceu o corpo e disse que não era ele. Meu irmão foi enterrado como indigente”, desabafou, bastante emocionada. Segundo ela, seu irmão era tão querido em Murici, sua terra natal, que uma das ruas da cidade recebeu o nome de José Maria dos Santos. Até o fechamento desta edição, o julgamento dos réus, que teve início pela manhã, ainda não tinha terminado.

CRIME – O assassinato de José Maria dos Santos, 55 anos, ocorreu em fevereiro de 2006 a mando de sua companheira, Maria José da Silva Santos (Nena). Na época, a morte chocou a população pelo tipo de crueldade. José Maria foi dopado, asfixiado com um fio de telefone e jogado em um matagal. O corpo foi encontrado 41 dias depois. O motivo do crime foi porque ele teria descoberto a traição amorosa de sua companheira com José Carlos de Almeida Santos e prometido se separar. Devido à ameaça de separação, Nena planejou a morte de José Maria para ficar com seus bens. O empresário possuía carro e casa própria. Depois de julgada, ela foi condenada a 31 anos de prisão, em regime fechado, por tramar e participar do assassinato. Rafael Teixeira revelou que tinha uma relação com Fábio Acioli, mantida em encontros casuais

CMYK


Cidades

O JORNAL JORNA L A11

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: cidade@ojornal-al.com.br

SERVIDORES PÚBLICOS

Protesto contra governo ganha as ruas Professores, policiais e funcionários de vários órgãos se unem numa manifestação que durou quase o dia todo Mônica Lima Repórter

Os servidores públicos estaduais voltaram às ruas durante o dia de ontem para mais um ato de protesto. Além das costumeiras reclamações contra o governo, trabalhadores do quadro efetivo do Estado aproveitaram para se posicionar contra o reajuste do duodécimo, aprovado na última terça, na Assembleia Legislativa e que concede

aumento de repasse tanto ao legislativo, quanto ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas. O governador Teotonio Vilela Filho foi chamado pelos manifestantes de “Teosunami” e acusado de não atender às reivindicações do funcionalismo, como também de não investir em políticas públicas, o que faz com que o Estado tenha os piores indicadores sociais do País. A manifestação marcou o início da campanha salarial unifica-

da que tem como tema “Em Defesa do Servidor Público e do Serviço Público”. Março será um mês de mobilização dos funcionários e já começa a ser chamado de ‘março vermelho’, numa alusão ao abril vermelho dos sem terra. Os servidores prometem não dar trégua ao governador, que se ampara na Lei de Responsabilidade Fiscal para não conceder aumento salarial. Algumas categorias tiveram apenas a aplicação de reajustes que tinham conseguido no

governo anterior, como os policiais civis, militares e os professores. ASSEMBLEIAS - Antes da caminhada, que reuniu mais de 500 pessoas, os profissionais da educação e os policiais civis, realizaram uma assembleia para fazer uma avaliação dos problemas que enfrentam, além de definir um calendário de manifestações que acontecerá este mês. Os policiais relembraram que têm duas datas-bases que não

foram atendidas. Reclamação também manifestada pelos servidores da Educação, que afirmam ter os salários defasados. No encontro da Educação, os servidores aprovaram um percentual de reajuste de 19,39%, para ser colocado na mesa de negociação. Além de cobrarem do governo a aplicação de itens que foram aprovados anteriormente e até agora não foi aplicado, como o resíduo da isonomia e a gratificação de difícil acesso.

Na assembleia dos policiais civis, que contou com pouco menos de cem pessoas, o assunto que dominou foi o horário comercial, implantado pela cúpula da Segurança Pública. A direção do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol) vai encaminhar um documento ao diretor Marcílio Barenco, mostrando as dificuldades que a classe está enfrentando, inclusive tendo que arcar a alimentação, com recursos próprios. Fotos: Lula Castello Branco

Servidores de outros órgãos se juntaram Enquanto as duas categorias participavam da assembleia na Praça Sinimbú, servidores da Saúde, estudantes e profissionais da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), sindicalistas de órgãos federais que apoiam a mobilização aproveitaram para alertar a sociedade e criticar a postura da Assembleia Legislativa que aprovou reajuste do duodécimo. O presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Isac Jacson, disse que as categorias não podem cruzar os braços, bem como a população, em relação ao aumento. “Esse aumento é uma afronta ao servidor público que continua lutando para garantir melhoria salarial”, afirmou. O sindicalista afirmou que não é contra os poderes beneficiados, mas que o governador não pode mais continuar com a justificativa de não aumentar os salários, devido a Lei de Responsabilidade Fiscal. “O parlamento foi tão irresponsável, quanto o governo que enviou a peça orçamentária”, destacou A vice-presidente da CUT, Lenilda Lima, se mostrou indignada com a falta de respeito com o servidor público e a população. “O orçamento mostra o projeto do governo para Alagoas e revela que o governador não tem políticas públicas”, disse. Segundo ela, a prova de que não há investimentos do governo, se reflete nos indicadores sociais, onde Alagoas está sempre abaixo das demais unidades da federação. VERBA FEDERAL - Lenilda disse ainda, que o governador, através de campanhas institucionais, faz questão de ressaltar os investimentos em diversos setores. “Ele só não diz que as obras são realizadas com recursos do governo federal”, afirmou. Além de criticar a política adotada pelo governador, o presidente do sindicato dos Policiais Federais, Jorge Venerando, denunciou irregularidades no transporte escolar, com envolvimento de deputados estaduais. Como também, frisou que chegou o momento do governador atender às reivindicações dos servidores e investir nos setores essenciais, que estão sucateados. CAMINHADA - Passava do meio dia, quando os manifestantes saíram em caminhada pelas principais ruas do Centro de Maceió. A primeira parada foi em frente ao Palácio República dos Palmares, onde alguns sindicalistas discursaram e aproveitaram para deixar ‘dizer’ao governador que “a partir de agora estão prontos para tudo e que não haverá trégua”. A presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinteal), Célia Capistrano, disse que o protesto é a resposta que Teotonio Vilela Filho recebe por não atender às reivindicações dos trabalhadores. Na praça Pedro II, em frente a Assembleia Legislativa, os manifestantes montaram acampamento, onde foi servido um sopão, enquanto aguardavam o início da sessão da Assembleia Legislativa, marcada para às 15 horas. (M.L.)

Depois de assembleias de categorias, servidores saíram em passeata até a sede do governo

Falta de sessão frustra movimento Valdete Calheiros Repórter

Durante toda a tarde, funcionários públicos mantiveram as manifestações na Praça Dom Pedro II, em frente ao prédio da Assembleia Legislativa de Alagoas, no Centro de Maceió. O ato público, entretanto, foi frustrado, em parte, porque não houve quórum na sessão parlamentar e atrapalhou os planos dos servidores que pretendiam entrar na Casa de Tavares Bastos para dar continuidade ao ato público, organizado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) e pelo

Movimento Unificado dos Servidores Públicos Estaduais. O representante da CUT, Isac Jackson, contou que a manifestação aconteceu também em protesto ao aumento do duodécimo do Poder Legislativo. O aumento, de quase sete milhões, com a aprovação da Lei Orçamentária Anual (LOA) para o exercício financeiro de 2010, foi votado na sessão da última terça-feira, com um placar de 17 x 4. Os servidores públicos estaduais também protestavam contra um projeto de lei, de autoria do Poder Executivo, que le-

galiza a contratação temporária de funcionários terceirizados para todo o Estado. “O projeto já está tramitando nas comissões e queremos que seja realizada uma audiência pública para discutir a matéria. Já conversamos com alguns deputados, queremos apelar também para os integrantes da Mesa Diretora”, afirmou Jackson. De acordo representantes do movimento, que representa as áreas de Saúde, Educação e Segurança Pública do Estado, aprovar a matéria é a mesma coisa que extinguir a necessidade de concurso público. Marco Antônio

Faixas, palavras de ordem e discursos inflamados predominaram

ACORDO

Sem-terra começam a deixar sede do Incra Gabriela Lapa Estagiária*

Quatro meses depois de erguer acampamento na sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), no Centro de Maceió, 80 famílias integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) se preparam para deixar o local. Numa reunião realizada na última terçafeira entre representantes do movimento e a superintendência do Incra, um acordo estabeleceu, entre outros pontos, a desocupação do prédio e a transferência dos trabalhadores para novas áreas. De acordo com o superintendente substituto do Incra, Estevão Oliveira, três terrenos estão em fase de negociação para receber os trabalhadores rurais. Um deles, localizado no município de Joaquim Gomes deve ser o primeiro a ser ocupado, antes mesmo da efetivação da compra. “Na próxima semana, receberemos uma resposta do proprietário e, a partir daí, saberemos se as famílias podem ou não mudar logo para lá”, explicou Estevão Oliveira. Além disso, questões como a concessão de crédito e de infraestrutura nos assentamentos foram tratadas durante a reunião de terça e, na avaliação do superintendente, tiveram resultados bastante positivos. Enquanto aguardam o aval do proprietário do terreno, as 80 famílias que hoje se dividem entre a praça Sinimbu e a sede do Incra vão ocupar somente um dos dois lugares. Elas esperam a entrega de lonas que serão cedidas

pelo órgão, para então retirar os pertences do prédio. Segundo Rosilene Nascimento, líder do Movimento, a desocupação ainda não tem data certa para acontecer, mas será feita assim que os trabalhadores dispuserem de meios para acomodar, na praça, idosos e crianças que estão instalados no Incra. “Tem muitos eletrodomésticos e outros pertences que também não podem ficar na praça e serão deixados aqui mesmo”, disse Rosilene. “Mas nós vamos desocupar a entrada e os corredores”. Os integrantes do MST estão acampados no centro da cidade desde o final do ano passado, quando tiveram de deixar a fazenda Canoa, localizada na Barra de Santo Antônio, no Litoral Norte. Eles disputavam a área há sete anos mas, em função de complicações no processo de compra pelo Incra, foram obrigados a abandoná-la. Estevão Oliveira explicou que, por se tratar de um terreno com grande quantidade de mata virgem, a ocupação definitiva dos trabalhadores rurais não seria permitida por órgãos de proteção ao meio ambiente. “Além disso, sempre que era feita uma oferta, havia uma contra-proposta do proprietário, e em determinado ponto, ficou inviável finalizar as negociações”, lembrou o superintendente substituto. Agora, ele espera poder resolver a questão a partir da concessão dos três terrenos, especialmente o de Joaquim Gomes, que deve receber os trabalhadores mais rapidamente. *Sob a supervisão de Vera Valério, Chefe de Reportagens

Com a sessão da Assembleia cancelada por falta de quórum, servidores ficaram acampados na praça

CMYK


O JORNAL

Municípios A12

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: municipios@ojornal-al.com.br

PM prende foragido da Justiça de PE Fábio Ricardo Lima é acusado no assassinato de cobrador de transporte alternativo em Barreiros Carolina Sanches Eduardo Almeida Repórteres

SUCURSAIS – Um foragido da Justiça de Pernambuco foi preso, na noite da última terçafeira, no município de Porto Calvo, Litoral Norte de Alagoas. Fabio Ricardo Lima, de

28 anos, é acusado do assassinato do cobrador de kombi, Anderson Francisco da Silva, que aconteceu no município pernambucano de Barreiros. Fábio foi detido por uma guarnição do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes) de Maragogi, após uma denúncia anônima de que ele estaria es-

condido em Porto Calvo. A prisão aconteceu por volta de 20h30 e contou com o apoio da Polícia Civil. Acusado foi levado para a delegacia do município de São José da Coroa Grande, em Pernambuco. A ação foi realizada para cumprir um mandado de prisão expedido contra ele pela Justiça

de Pernambuco. Segundo a Polícia Militar, Fábio não reagiu após o anuncio da prisão. Policiais informaram que, por ter sido preso em Porto Calvo, o acusado deveria ser encaminhado para Matriz de Camaragibe, mas foi levado para São José da Coroa Grande porque responde pelo assassi-

nato em Pernambuco. O CRIME - A morte do cobrador de kombi chocou moradores da cidade de Barreiros, na Zona da Mata Sul de Pernambuco, pela forma que foi cometido, com requintes de crueldade. Anderson Francisco da Silva foi morto com golpes de macha-

do na cabeça no dia 29 de janeiro deste ano. O autor do crime ainda aplicou várias facadas pelo corpo da vítima. A polícia chegou ao local alguns minutos após o assassinato, mas Fábio havia escapado. Um das hipóteses é que o motivo do assassinato tenha sido um desentendimento entre a vítima e o acusado.

ARAPIRACA

CRIME

Moradores protestam contra indenizações

Bando rouba construtora em Arapiraca

ARAPIRACA – Moradores das ruas Dom Felício e Delmiro Gouveia, no bairro Teotônio Vilela, em Arapiraca, realizaram, na noite da última terça-feira (2), um protesto em frente à Câmara Municipal para pedir apoio aos vereadores a respeito do impasse sobre indenizações de residências. Durante a sessão, após o término das atividades administrativas da casa, a tribuna livre foi aberta para que os moradores usassem a palavra, explicando que são contra a indenização oferecida pela Prefeitura Municipal na área onde esta sendo construído o Bosque das Arapiraca. Orçado em mais de R$ 13 milhões, o bosque está sendo construído através de financiamento obtido pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e tem como principal objetivo a preservação e recuperação da nascente do Riacho Piauí, numa área de mais de 67 mil quilômetros quadrados. Parte dos moradores aceitou o acordo com a prefeitura, mas algumas famílias alegam que o valor da indenização oferecida pelo município não corresponde a uma avaliação correta. A dona de

casa Gelaine Maria da Silva, de 46 anos, contou que cinco casas da rua são de familiares dela. Ela disse que o total oferecido pela prefeitura pelas cinco casas foi R$ 96 mil, mas que um engenheiro contratado pela família avaliou em R$ 480. “Moro na casa desde que nasci e o valor oferecido não dá pra comprar imóvel para toda minha família”, afirmou. São 91 moradores que deverão receber a indenização. A Procuradoria do Município informou que o valor foi definido a partir de uma avaliação feita por uma comissão de engenheiros e que seguiu critérios técnicos. Ainda de acordo com a procuradoria a maioria das famílias aceitou o acordo. O procurador–geral de Arapiraca José Soares, explicou que vai entrar com o processo de desapropriação e deixar a decisão a critério da Justiça. Os vereadores se mostraram solidários aos problemas enfrentados pelos moradores. Uma comissão foi criada e se comprometeu em falar com o prefeito Luciano Barbosa para intermediar uma possível negociação de valores com relação às indenizações dos moradores. (C.S.)

ANADIA

Bloco Minha Paixão é atração domingo O município de Anadia espera receber mais de 20 mil pessoas para participar, este ano, da sétima edição do bloco Minha Paixão, marcada para o próximo domingo (4). A proposta do bloco é resgatar a tradição cultural do município, fomentando o comércio local. O primeiro lote de abadas para a festa foi lançado ontem. As camisas estão sendo vendidas a R$ 20,00, em Anadia, nos seguintes pontos de venda: Magazine A Preferida, Drogaria Anadia, Panificação Santo Antônio e Loterias Rumo da Sorte. Em Maribondo, na Drogaria Virgem dos Pobres e, em São Miguel dos Campos, na Droga Lima. O desfile do bloco teve início em 2004, como resgate da então Micarene, que foi a precursora dos carnavais fora de época do Estado. Hoje, o evento representa a maior fonte de renda para o comércio local. Fundador e grande entusiasta do evento, Sabino Fidélis conta que, a pedido dos próprios participantes, está buscando expandir a festa deste ano. ”Segundo os foliões, deveria haver um complemento da folia; uma

outra atração que não ficasse restrita somente ao bloco”, informa. “Pensando nisso, estamos buscando parcerias, para tornar a festa em uma das maiores e mais importantes daquela região”, completa. Para atender ao pedido dos foliões, os promotores estão buscando as melhores atrações entre as atuais bandas tradicionais que animam esse tipo de festa. Para a organização da festa, com a parceria da Fundação Delmiro Gouveia, instituição com credibilidade na promoção de eventos desse porte. O bloco está aberto à participação de empresas públicas e privadas, que estejam interessadas em apoiar a iniciativa que, além da parte cultural, também objetiva incrementar o turismo do município durante a Semana Santa. O bloco será animado pelas bandas Trio da Huana, Forró dos Plays e Chicabana. O Minha Paixão sai da Praça doutor Campelo de Almeida, faz um “tour” pelas principais ruas do município, até retornar ao local de saída. Sempre com muita organização e gente bonita de todo o Estado. Outras informações e contatos pelo telefone: 9655-1296.

Arapiraca promove 4ª Conferência das Cidades SUCURSAL – Como parte do planejamento necessário para que Arapiraca cresça de forma ordenada, através das políticas de desenvolvimento urbano, o município realiza hoje, a partir de 8h, no auditório do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), a 4ª Conferência Municipal das Cidades. O objetivo do encontro é discutir e elaborar propostas para a construção de cidades mais justas, democráticas e sustentáveis. Com o tema “Avanços, Dificuldades e Desafios na Implementação da Política de Desenvolvimento Urbano” e o lema “Cidades para todos e Todas com Gestão Democrática, Participativa e Controle Social”, o evento é promovido pela Prefeitura de Arapiraca, através da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Seduh). Entre os participantes estarão representantes do poder público, movimentos sociais, ONGs, empresários e comunidade em geral. De acordo com a secretária de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Caroline Albuquerque, a conferência é a oportunidade do poder público e a sociedade civil discutirem as ações prioritárias para políticas de desenvolvimento urbano eficientes e garantir os direitos dos cidadãos. A secretária explicou que Arapiraca conta com uma grande ferramenta no Planejamento da Cidade que é Plano Diretor Urbano. “O evento também vai possibilitar que sejam avaliados os avanços que o município teve com a implantação do Plano e quais os novos desafios para a consolidação das propostas”, afirmou.

Carolina Sanches

Caroline Albuquerque explicou que Arapiraca possui Plano Diretor

Durante o evento serão debatidas questões relativas a quatro eixos temáticos referentes à habitação, mobilidade urbana, saneamento, além de planejamento e gestão territorial. As sugestões serão discutidas em quatro grupos de trabalho, que elegerão duas prioridades para cada setor. No final do encontro serão eleitos 24 delegados que levarão propostas para a Conferência Estadual, prevista para ocorrer nos dias 17 e 18 do próximo mês. As conferências municipais e estaduais são etapas preparatórias para a conferência nacio-

nal, que está sendo organizada pelo Ministério das Cidades e Conselho Nacional das Cidades, entre os dias 24 e 28 de maio, em Brasília. PÚBLICO – A expectativa dos organizadores da conferência de Arapiraca é reunir mais de cem pessoas de diversos setores da sociedade. Os participantes que terão direito a voto foram convidados, mas quem quiser participar das discussões pode se inscrever como observador. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no local do evento. (C.S.)

AGRICULTURA

MDA seleciona projetos na cadeia do Biodiesel A Secretaria de Agricultura Familiar do Ministério do Desenvolvimento Agrário (SAF/MDA) abriu a seleção de projetos para a chamada Fomento à Participação da Agricultura Familiar na Cadeia do Biodiesel. O objetivo é selecionar projetos de entidades privadas sem fins lucrativos que promovam o desenvolvimento sustentável da agricultura familiar na cadeia de produção de oleaginosas e na cadeia do biodiesel, de forma articulada com instituições que desenvolvam trabalhos e promovam o desenvolvimento de tecnologias para a agricultura familiar. Em todo o país, a estimativa é de que mais de 100 mil agricultores familiares sejam beneficiados por meio da execução

dos projetos. Serão aprovados três projetos, um para cada tema: Apoio ao Cooperativismo, Transferência Tecnológica e Organização da Base Produtiva. Os recursos destinados para os dois primeiros projetos são de R$ 1,2 milhão para cada um. Para o tema Organização da Base Produtiva os recursos são de até R$ 5,5 milhões. O projeto Apoio ao Cooperativismo visa à implementação ou aprimoramento de sistemas de gestão nas cooperativas de agricultores familiares fornecedoras de matéria-prima para empresas produtoras de biodiesel, em alguns estados da região Nordeste e Semiárido. Já o projeto Transferência Tecnológica tem como objetivo a instalação de no mínimo 80

Unidades Técnicas de Demonstração e Observação (UTDs), com capacidade de difundir e transferir tecnologia e conhecimento. Além disso, estas Unidades visam capacitar agricultores familiares e técnicos, em sistemas de produção de mamona e girassol, em todos os pólos de produção do Nordeste e Semiárido. O projeto Organização da Base Produtiva tem a finalidade de atuar em âmbito nacional, na organização da base produtiva dos agricultores familiares na cadeia do biodiesel, a partir da articulação de grupos de trabalho em microrregiões de importância para o Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel (PNPB). O recebimento das propostas é até o dia 19 deste mês março de 2010.

SUCURSAL DO AGRESTE - Uma construtora foi alvo de bandidos, na noite da última terça-feira, que fica no loteamento Helena Rosa, no bairro Planalto, as margens da rodovia AL 220, em Arapiraca. Três homens armados roubaram à quantia de R$ 8 mil e fugiram. O roubo aconteceu quando estava sendo realizado o pagamento dos funcionários da que trabalham na construtora Pratagy. Segundo o relato de testemunhas à Polícia Militar, os homens chegaram a pé e renderam os funcionários da empresa. Sob a mira de revólveres, proprietários e funcionários da empresa foram obrigados a deitar no chão. Os bandidos renderam os proprietários e roubaram R$ 8 mil. Os assaltantes aparelhos também levaram aparelhos celulares, e objetos pessoais das vítimas e fugiram. Após a ação criminosa os homens fugiram a pé. Uma equipe do 3º Batalhão da PM esteve no local do assalto e realizou buscas, mas os bandidos não foram encontrados. Proprietários da construtora disseram que, após o roubo, decidiram não efetuar mais o pagamento do salário dos funcionários na empresa. Até a noite de ontem, a polícia não tinha pistas do crime. PRESO - Em Santana do Ipanema, policiais prenderam, na terça-feira, três acusados de matar o presidente da Associação do Assentamento Riacho Grande. O líder rural Marco Antonio Nunes Salgueiro foi morto a tiros, em uma emboscada, por volta das 13h do dia 12 de janeiro passado, próximo ao povoado Rua Nova, na zona rural de São José da Tapera. Os suspeitos do crime, Damião Barbosa, conhecido por "Nanô", Antônio Bezerra da Silva, o "Tonho Branco" e José Dias Bezerra, o "Ioiô", tiveram prisão temporária decretada e foram levados para a Delegacia Regional de Santana do Ipanema. A operação foi comandada pelo delegado Guilherme Sillero. O chefe de operações Carlos Henrique, informou que a vítima se dirigia do assentamento para a cidade de São José da Tapera quando foi assassinado. As investigações indicaram que o crime foi motivado por questões relacionadas com a administração do líder do assentamento. Os criminosos teriam sugerido que Marcos Antônio Salgueiro tomasse algumas atitudes irregulares e o líder rural não teria concordado cos os suspeitos, que tramaram sua morte. (C.S.)

CMYK


O JORNAL

Esportes Escrita mantida

A13

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: esportes@ojornal-al.com.br

Fotos: Marco Antônio

Na Pajuçara, ASA vence o CRB e comemora três anos sem perder para o rival Marcelo Alves Repórter

Meia Fábio Lopes dá um chapéu no zagueiro Rogério Corrêa

GUIA DO TORCEDOR

0 X 1 CRB – Fellipi, Tony (Lucas), Alexandre Luz, Ítalo (Reinaldo) e Rafinha; Rogério Correia, Jonathan, Paulo Foiane e Hilton Mineiro (Eduardo); Wellington e Edmar.

ASA – Adriano, Celso, Plínio, Índio e Didira (Leandro Smith); Lê, Rodriguinho, Jota e Clayton (Cal); Júnior Viçosa (Jorginho) e Fábio Lopes.

Quando: ontem Onde: Estádio da Pajuçara Árbitro: Francisco Carlos Nascimento Auxiliares: Pedro Jorge Santos e José Jaime Bispo

Cartões amarelos: Índio, Didira, Rodriguinho, Leandro Smith (ASA); Rogério Correia, Paulo Foiane (CRB)

INTERIOR

Líder Murici derrota o Corinthians-AL O Murici é mais líder do que nunca no Alagoano 2010. Com autoridade, o time passeou por cima do Corinthians e conseguiu uma vitória por 3 x 1, na tarde de ontem, no Estádio José Gomes da Costa, em Murici. O destaque da partida foi o atacante Alexsandro, que marcou dois gols e infernizou a defesa tricolor. Sinval, com uma cabeçada fulminante, marcou o outro gol alviverde. O zagueiro Daniel Melo descontou para o Corinthians. O time alviverde dominou a partida desde o inicio. O líder do Estadual botou o Corinthians na roda, fez três gols e por pouco não aplicou uma goleada histórica. Apático e sem vibração, o Corinthians foi presa fácil para o líder da competição. Com a vitória, o Murici chegou aos 26 pontos e isolou-se na liderança da competição. Já o Corinthians permanece em quinto lugar, com 14 pontos, mas viu a distância para as equipes da zona de classificação aumentar. Na próxima rodada, o Murici terá um confronto difícil diante do Coruripe no Estádio Gerson Amaral. Já o Corinthians receberá o União

no Nelson Peixoto Feijó. O JOGO - Sob um sol muito forte, Murici e Corinthians iniciaram uma partida importantíssima para a classificação da competição. Enquanto o Murici pretendia manter-se na liderança, o Corinthians sonhava com um resultado positivo para se aproximar do G4. Com a bola rolando, os primeiros minutos foram de muito equilíbrio. A primeira grande oportunidade no jogo foi do Corinthians. Em uma falta de média distância, Tozin cobrou com força, Dias fez golpe de vista, mas tomou um susto quando a bola explodiu na trave. A resposta do Murici foi com o mesmo perigo. Mário Neto cobrou um lateral e Alexsandro fez um drible de corpo, a bola sobrou para Everlan, que dominou e levou para o lado direito, perto da pequena área, o meia do Murici soltou um balaço para uma bela defesa de Anderson. No lance seguinte não teve jeito. Em uma jogada forte do Murici, o zagueiro Sinval escorou uma bola alçada por Everlan, sem dar chance para Anderson. Murici 1 x 0.

A tarde não foi boa para o Galo. Além de ser derrotado por 1x 0 para o ASA, na tarde ontem no Estádio Severiano Gomes Filho, na Pajuçara, o CRB acabou perdendo a segunda colocação na tabela para o time arapiraquense. Com a derrota, o time regatiano amarga uma escrita de três anos sem vencer o ASA. Apesar de o lateral Celso ter feito o gol da vitória, quem se destacou na partida foi o goleiro Adriano, que garantiu os três pontos para o ASA, com duas defesas milagrosas.

Com o resultado, o CRB acabou a 11ª rodada no terceiro lugar na classificação e, no próximo sábado, vai enfrentar o Ipanema, em Santana. Já o ASA, que assumiu a vice-liderança na competição, recebe o Penedense, também no sábado. O jogo começou em ritmo frenético, com o CRB dominando as ações. Com uma forte marcação desde a saída de bola do ASA, a equipe tentou sufocar os jogadas do time arapiraquense. Além da dificuldade de sair para o jogo, o time arapiraquense não conseguia encaixar as

jogadas de contra-ataque. Bem melhor em campo, o time do Galo passou a alternar as jogadas com infiltrações pelo meiocampo e jogadas pelas laterais do campo, principalmente pela direita. O primeiro lance de perigo do CRB aconteceu aos 5 minutos. Edmar deixou Wellington frente a frente com o goleiro Adriano, mas o árbitro Francisco Carlos anulou a jogada, assinalando impedimento. Em seguida, aos 11 minutos, Wellington ficou novamente de cara para o goleiro do ASA, mas na hora da conclusão,

Paulo Roberto abre o time no segundo tempo Na volta do vestiário, o técnico do CRB, Paulo Roberto Ghillardi colocou mais um atacante na tentativa de empatar a partida logo nos primeiros minutos. Ele tirou o zagueiro Ítalo e apostou em Reinaldo, mudando o esquema 3-5-2 para 4-4-2. Já o ASA voltou para o segundo tempo com o mesmo time que terminou a primeira etapa. Mas, com a entrada de mais um atacante, o time do CRB ficou vulnerável na marcação. E logo aos 2 minutos Fábio Lopes chutou em cima do goleiro Fillipe. Já o CRB ficou mais aberto com a entrada do atacante Reinaldo. O Galo respondeu aos 5 minutos. O lateral Tony cruzou, mas Reinaldo não conseguiu aproveitar e a defesa afastou. Na seqüência, o CRB voltou a explorar jogada pela direita, só que dessa vez com o meia Jonathan, que chutou cruzado

e a bola acabou indo para fora, sem nenhum perigo para Adriano. O CRB quase conseguiu empatar a partida aos 23 minutos. Rafinha bateu uma falta e a bola explodiu na trave. Em seguida, O ASA desceu pelo lado esquerdo, Fábio Lopes deu um passe açucarado para o lateral Didira, que invadiu a área, mas, na hora de finalizar, colocou para fora. Logo depois, o CRB respondeu com Reinaldo. O atacante Wellington fez um cruzamento na na cabeça de Reinaldo, mas o atacante não conseguiu concluir para o gol. Percebendo o time do ASA recuado, Paulo Roberto promoveu a entrada de mais dois jovens jogadores do CRB: o lateral Lucas e o meia Eduardo. O primeiro entrou no lugar de Tony e o segundo na vaga de Hilton Mineiro. Com a entrada dos garo-

tos, o CRB melhorou em campo e dava a sensação de que iria empatar a partida, mas os jogadores regatianos acabaram desperdiçando as chances ou esbarrando no goleiro Adriano. O ASA não demonstrava o mesmo fôlego do primeiro tempo, e, por isso, não oferecia muito perigo para o time regatiano. E com um ritmo mais lento do que o imprimido no primeiro tempo, o ASA abusava das jogadas de contra-ataques. Nervoso, o time do CRB saia desordenadamente para o ataque e, na força, tentava empatar o jogo. Aos 35, o ASA aproveitou mais uma desatenção do time regatiano e quase amplia o placar. O atacante Jorginho, que havia entrado no lugar do de Júnior Viçosa, recebeu livre de frete para o gol, mas chutou em cima de Fillipe.

Organizada provoca confusão Apesar dos mais de 150 homens da Polícia Militar e de todas as medidas adotadas para evitar qualquer tipo de confronto entre torcidas durante o clássico CRB x ASA, os torcedores regatianos não se intimidaram e terminaram provocando confusão dentro e fora do estádio Severiano Gomes Filho, na Pajuçara. Entoando músicas que mais incitavam a violência do que serviam de incentivo ao time, a torcida organizada do Polícia precisou entrar em ação para conter alguns torcedores CRB Comando Vermelho provocou ataques de pedras conNo final da partida, du- confronte entre um grupo de tra a pequena torcida do ASA rante a saída das torcidas do torcedores do CRB e policiais que foi ao estádio da Pajuçara. estádio, o ataque com a pe- militares da cavalaria. A baAconfusão teve o saldo de um dras ficou mais intenso. As talha era prevista, já que a tortorcedor do ASA ferido na ca- pedras eram arremessadas do cida regatiana havia se envolbeça com uma pedrada. A ví- lado de dentro para fora do vido em confusão com intetima foi socorrida por paramé- estádio. Quatro torcedores grantes da Mancha Negra dicos do Corpo de Bombeiros foram detidos pela PM. Fora quando o CRB foi a Palmeira Militar. do estádio, ainda houve um enfrentar o ASA.(M.A)

Alviverde se destaca no primeiro tempo Aos 29 minutos, o Murici construiu o segundo gol. Em um contra ataque fulminante, Alexsandro recebeu um passe em profundidade e ao entrar na área, bateu com força, sem chances para Anderson. Murici 2 a 0. O domínio do Murici era absoluto e uma goleada começou a ser desenhada. Em jogada individual, Alexsandro fez boa jogada dentro da área, cortou o goleiro Anderson e sem apelação, meteu no fundo da rede. Murici 3 x 0. O prejuízo do Corinthians já era enorme no final do primeiro tempo. Aos seis mi-

nutos, o Corinthians diminuiu o marcador. Após um cruzamento, o zagueiro Daniel Melo usou a cabeça para marcar BOCA DA MATA - O Coruripe ficou no empate por 1 x 1 com o Santa Rita, fora casa, na tarde de ontem. Com o resultado, o Hulk voltou para a quarta colocação no Estadual, com 20 pontos. O Santa Rita chegou aos 11 pontos. Quem saiu da última colocação foi o Penedense, que bateu o União por 2 x 0 e deixou a lanterna com o adversário.

Adriano conseguiu salvar com os pés o que seria o gol do CRB. Do outro lado, o time arapiraquense tentava timidamente chegar ao gol do CRB por meio de jogadas de contra-ataque. E em um desses lances, o ASA abriu o placar aos 39 minutos. A zaga do CRB cochilou e não percebeu a rápida descida do lateral-direito Celso, que recebeu um passe açucarado de Junior Viçosa, penetrou na área, driblou o goleiro Fellipi e empurrou para o fundo do gol. Com a vantagem no placar, o ASA passou a tocar a bola e esperou o término do primeiro tempo.

RESULTADOS AMISTOSOS DE ONTEM Áustria 2 x 1 Dinamarca Suíça 1 x 3 Uruguai Athletic Bilbao 1 x 3 Paraguai Argélia 0 x 3 Sérvia Turquia 2 x 0 Honduras Nigéria 5 x 2 Congo Bósnia 2 x 1 Gana Eslováquia 0 x 1 Noruega Grécia 0 x 2 Senegal

Costa do Marfim 0 x 2 Coreia do Sul Armênia 1 x 2 Bielo-Rússia Macedônia 2 x 1 Montenegro África do Sul 1 x 1 Namíbia Eslovênia 4 x 1 Qatar Itália 0 x 0 Camarões Inglaterra 3 x 1 Egito Holanda 2 x 1 Estados Unidos

Na sequência, Jorginho fintou o zagueiro Alexandre Luz e cruzou rasteiro, mas o lateral Rafinha apareceu afastando o perigo. Aos 41´, o CRB acionou o atacante Reinaldo em um rápido contra-ataque. O lateral Rafinha cruzou, mas o atacante não conseguiu chegar a tempo e empurrar a bola para o gol. Dois minutos depois, o CRB quase empatou a partida. O lateral Lucas recebeu a bola no meio campo, levantou a cabeça e alçou na medida para o atacante Wellington. O atacante subiu livre e cabeceou no ângulo direito, mas Adriano se esticou todo e fez uma defesa espetacular. Wellington ainda teve a última chance para empatar a partida aos 45 minutos. Mas o artilheiro do campeonato encontrou o goleiro Adriano em uma tarde inspirada. (M.A)

AMISTOSO

Argentina derrota a Alemanha As seleções de Alemanha e Argentina chegaram ao amistoso de ontem causando preocupação em suas torcidas. Os principais motivos para isso foram vistos no jogo no Allianz-Arena, em Munique, embora os visitantes possam ao menos comemorar a vitória por 1 x 0, resultado que dá moral cem dias antes da Copa do Mundo. O único gol foi marcado por Higuaín, atacante do Real Madrid, no fim do primeiro tempo. Os argentinos mostraram muita disposição e pouca inspiração, dependendo em excesso de Lionel Messi que não esteve em seus melhores dias. Pelo lado dos alemães, que vinham de dez partidas de invencibilidade, faltou criatividade no meio-campo e poder ofensivo. A Argentina pode ter feito seu último amistoso antes do Mundial na África do Sul, caso o jogo contra o Canadá (no dia 24 de maio) seja mesmo cancelado, a pedido de Maradona. Já a Alemanha terá três oportunidades - contra Malta, Hungria e Bósnia - para resolver seus problemas.

CMYK


Esportes

O JORNAL JORNA L

A14

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: esportes@ojornal-al.com.br

BatePronto Victor Mélo - jornalistavictor@gmail.com

O PONTO FRACO DE DUNGA O técnico Dunga faz um bom trabalho na seleção. Conseguiu recuperar um grupo destruído pelo fracasso na Copa do Mundo de 2006 com títulos e grandes exibições, principalmente contra os principais adversários do Brasil. Há um esquema tático definido, com duas linhas de quatro e o contra-ataque mais fulminante do oeste, e do leste também. Além disso, depois de muito tempo, o sistema defensivo voltou a ser seguro, salvo algumas restrições à marcação pelo lado esquerdo. Por outro lado, é importante destacar que os comentários da imprensa sobre nomes que fazem ou não parte da lista de convocados são comuns nesse período de Mundial. Servem para apimentar o noticiário e provocar debates saudáveis nas rodas de amigos espalhadas pelo País. Reuni todas essas palavras para, primeiro, dizer que admiro o técnico da seleção. Mesmo inexperiente, ele fez um trabalho que poucos técnicos já bem rodados seriam capazes. Mas, chegando ao ponto nevrálgico, quero abordar um tema que pode atrapalhar o caminho de Dunga e até da seleção na Copa: a autossuficiência. O treinador está padecendo desse mal. Suas entrevistas são recheadas de frases sarcásticas, que invariavelmente são atiradas como flechas envenenadas na direção da imprensa. A mágoa parece ter sido guardada desde 1990 e agora ganhou contornos preocupantes. O treinador vai para o embate em quase todas as perguntas. Basta alguém falar sobre os Ronaldos, que ele muda o tom da prosa e busca, salivando, a canela do jornalista. Curiosamente, este péssimo relacionamento, principalmente com as mídias paulista e carioca, se potencializam em matérias pesadas contra o treinador na chamada grande imprensa e passa ao torcedor a falsa ideia de que a seleção está em queda. E não está. A motivação dos jogadores no amistoso contra a Irlanda, terça-feira, provou o contrário. Há um comprometimento do grupo, e poucas vezes o Brasil foi a um Mundial tão bem preparado técnica e psicologicamente como agora. Por isso, faço questão de realçar esse ponto fraco do treinador. A soberba é, sem dúvida, a principal inimiga dos vencedores. Que o diga Napoleão.

SETOR CARENTE O lateral Michel Bastos ainda não me convenceu de que pode ser o titular da posição no Mundial. Ele tem habilidade, mas, como a maioria dos testados, tem dificuldades para cobrir a defesa. Contra a Irlanda, não comprometeu, mas também não ousou. Gilberto, que está no Cruzeiro, já não demonstra nesta temporada o mesmo futebol do final do ano passado e também está longe de ser unanimidade. Esse é, sem duvida, o setor mais carente da seleção, como foi a lateral-direita há poucos anos.

INGRESSOS SOBRANDO A FIFA está preocupada com a sobra de ingressos para os jogos da Copa. Os pacotes caríssimos nos hotéis e os preços inflacionados dos bilhetes estão afastando parte dos torcedores. Esse problema também pode ser registrado daqui a quatro anos, num certo país da América Latina.

KAKÁ A imprensa precisa pegar mais leve com Kaká. Muitos criticaram o craque no jogo contra a Irlanda, mas ele foi fundamental nos três lances capitais: sequência da jogada do primeiro gol, passe perfeito pela direita para conclusão imprecisa de Robinho e triangulação mágica com Grafite e Robinho no segundo gol. Além disso, puxou, e como, a marcação irlandesa.

KAKÁ II O meia Kaká disse que o Brasil precisa aprender a jogar como grande favorito ao Mundial. Esse status só aumenta a pressão sobre os jogadores. "Alguns apontam o Brasil como favorito, e temos de aprender a jogar dessa maneira. É uma pressão que existe em qualquer grande seleção", comentou Kaká.

Mudanças forçadas Corinthians perde três jogadores para o confronto de hoje contra o Botafogo-SP O técnico Mano Menezes ganhou mais um problema para escalar o Corinthians que enfrenta o Botafogo-SP, hoje, às 17h, no Pacaembu, pelo Campeonato Paulista. O zagueiro e capitão William sofreu uma lesão na coxa direita e está fora da partida. O jogador corre o risco de também não enfrentar o São Caetano, domingo, na Arena Barueri. Leandro Castán e Paulo André são as opções. " O William está fora deste jogo de quinta e com chances de estar fora do jogo de domingo", disse Mano. O comandante alvinegro já havia perdido o lateral-direito reserva Moacir e o lateral-esquerdo Roberto Carlos, expulsos no clássico contra o Santos. Para a vaga do pentacampeão, aliás, o treinador já definiu a entrada do garoto Dodô, de apenas 18 anos. Escudero, titular em alguns jogos, mais uma vez não será utilizado. " O Dodô está inscrito para a Libertadores e, por coerência, vai jogar na vaga do Roberto Carlos", acrescentou. Após o treinamento com o grupo, Dodô voltou ao gramado do Parque São Jorge para receber algumas orientações. Ao lado do treinador e dos auxiliares Sidnei Lobo e Fábio Carille, o jogador ganhou dicas de po-

O técnico Mano Menezes tenta organizar o time do Corinthians após a derrota contra o Santos

sicionamento. Este será apenas o terceiro jogo dele como titular no clube. "Não é porque acreditamos mais nele que vamos deixar de cobrar uma evolução, um amadurecimento. É natural que ele apresente alguns aspectos a serem trabalhados. Treinamento serve para isso mesmo", disse.

Recuperado de um problema na coxa esquerda, o meia Danilo já treina normalmente, mas ainda não será escalado diante do Pantera. CORINTHIANS: Felipe; Alessandro (Jucilei), Chicão, Leandro Castán e Dodô; Ralf, Elias, Tcheco e Jorge Henrique;

ENGENHÃO

Líder Santos enfrenta o Paulista fora de casa

Sem Gum, Flu duela com o Tigres

O Santos realizou apenas um trabalho tático visando à partida contra o Paulista de Jundiaí, hoje, às 21h, no Estádio Jayme Cintra. A única novidade na equipe foi a volta do lateral esquerdo Léo, que não atuou contra o Corinthians devido a uma contusão na panturrilha direita. O jogador completou a recuperação e treinou normal-

mente no CT Rei Pelé. No mais, o time titular foi o mesmo que venceu o clássico no último domingo, na Vila Belmiro. Desta forma, o técnico Dorival Júnior praticamente definiu o time que enfrenta o Paulista. A única novidade que ainda pode surgir é o atacante Robinho, que está a serviço da seleção brasileira e que só

irá retornar ao Brasil hoje, dia do jogo, pela manhã. O treinador deve conversar com Robinho para saber se ele terá condições de suportar a partida. Caso o atacante não atue, o Santos deve jogar com Felipe; Roberto Brum, Edu Dracena, Durval e Léo; Arouca, Wesley, Marquinhos e Paulo Henrique; Neymar e André.

Loco Abreu (à esq.) chega hoje ao Brasil e pretende jogar

Adriano vai à Copa. Ele é um dos homens de confiança de Dunga, mas não sei se vai ser o reserva imediato dos atacantes titulares, mesmo Luís Fabiano. Contra a Irlanda, ele ficou preso entre os zagueiros, e o time só melhorou com sua saída. Nilmar é mais veloz e agudo que o jogador do Flamengo, que pode ainda ser uma arma importante para determinadas situação de jogo.

DESCENDO

Grafite, que entrou bem no segundo tempo do jogo da seleção e deve ficar agora como quinta opção do ataque. Caso um dos quatro selecionáveis, Luís Fabiano, Nilmar, Robinho e Adriano, se machuque, o jogador do Wolfsburg tem grandes possibilidade de ir ao Mundial.

Ronaldinho Gaúcho, que viu a seleção fazer uma boa apresentação contra a Irlanda e Dunga mandar alguns recados atravessados para ele e Alexandre Pato. Insistente, o jogador ainda acha que tem amplas condições de ir ao Mundial. Vai precisar fazer chover.

ESTÁDIOS PARA 2014 O início das obras dos estádios para a Copa do Mundo de 2014 atrasou, e o presidente da CBF mudou a data-limite para o dia 3 de maio. No Maracanã, por exemplo, foram feitas apenas sondagens técnicas na última segunda. O trabalho mais importante ainda não tem prazo para começar.

CURTO-CIRCUITO A data para a convocação da seleção brasileira para a Copa é dia 15 de maio. Até lá, mudanças drásticas na lista de Dunga só vão ocorrer em caso de lesões. Começa a contagem regressiva para o Mundial da África. Faltam 99 dias para o inicio da Copa na África.

BOTAFOGO-SP: Wéverton; Cássio, Cleiton, Leandro Amaro e Andrezinho; Augusto Recife, Rodrigo Pontes, Ademir Sopa e Xuxa; Ricardinho e William. Técnico: José Galli Neto.

JUNDIAÍ

ADRIANO

SUBINDO

Dentinho e Ronaldo. Técnico: Mano Menezes.

TIGRES - Rodolpho, Oziel, Paulo Cesar, Zé Carlos e Celico; Dênis, Daniel Martins, Leandro Chaves e Luiz Henrique; Gilberto e Danilo Santos.

BOTAFOGO X CAXIAS

Loco Abreu é a única dúvida de Joel Santana Debaixo de muita chuva, o técnico do Botafogo, Joel Santana, comandou na terça-feira um treino técnico no campo anexo do Engenhão. O treinador, que fez uma reunião de uma hora e 15 minutos com os jogadores no vestiário, optou por realizar uma atividade para testar a defesa e treinar a rapidez na saída de bola. No time que escalou como titular, porém, só Jefferson apareceu como "cara nova" para a partida contra o Duque de Caxias, hoje, às 21h50 (de Brasília), no Engenhão. Por precaução, o goleiro não foi a campo na estreia alvinegra na Taça Rio, em Campos, na vitória por 3 x 1 sobre o Americano. Como tomou um

remédio para dor de cabeça que contém uma substância proibida pelo comitê antidopagem, ele foi poupado. Outra novidade foi a volta de Antônio Carlos ao trabalho no gramado. Por causa de uma lesão na coxa esquerda, o zagueiro está fora do time desde a final da Taça Guanabara, contra o Vasco. A dúvida de Joel, no entanto, é no ataque. Convocado para a seleção uruguaia, que enfrentou a Suíça em amistoso ontem, no estádio Saint Gall, El Loco pode ser o único desfalque da equipe. No entanto, o camisa 13 retorna hoje da cidade suíça de St. Gallen, local da partida, e manifestou interesse em enfrentar o Duque de

O zagueiro Gum é baixa garantida no time do Fluminense para o jogo contra o Tigres, hoje, às 19h30, no Estádio Engenhão. Uma lesão no púbis foi diagnosticada pelo departamento médico do clube, que preferiu vetar o jogador na segunda rodada do returno do Campeonato Carioca. Gum já vinha sofrendo com a contusão, mas as dores não foram suficientes para deixar o zagueiro de fora da estreia do Fluminense na Taça Rio, quando o time tricolor goleou o Friburguense por 5x 1. Também por conta de lesão no púbis, o zagueiro Dalton desfalcou a equipe de Cuca durante praticamente toda a Taça Guanabara, tendo participado apenas do primeiro jogo do Fluminense na competição. Com a ausência de Gum, Leandro Euzébio provavelmente será o escolhido de Cuca para compor a zaga da equipe ao lado de Cássio.

Caxias. O atacante chegará ao Brasil por volta das 16h, depois de enfrentar 12 horas de viagem. Se não atuar, Caio deve ser o titular. BOTAFOGO: Jefferson, Fábio Ferreira, Fahel e Wellington; Jancarlos, Leandro Guerreiro, Eduardo, Lucio Flavio e Marcelo Cordeiro; Herrera e Caio (Loco Abreu). Técnico: Joel Santana.

FLUMINENSE: Rafael, Mariano, Leandro Euzébio, Cássio e Julio Cesar; Diogo, Diguinho, Everton e Conca; Fred e Wellington Silva. Técnico: Cuca

AGENDA DE HOJE CAMPEONATO PAULISTA 17h Corinthians x Botafogo-SP 19h30 Ituano x Ponte Preta 21h00 Paulista x Santos

CAMPEONATO MINEIRO 19h30 América-MG x Ituiutaba

CAMPEONATO ESTADUAL DO RIO

DUQUE DE CAXIAS: Getúlio Vargas, Dudu, Marlon, Tinoco e Gleidson; Mayaro, Leandro Teixeira, Júnior e Juninho (Maurinho); Faioli (John) e Marcelo. Técnico: Álvaro Miranda.

17h01 América-RJ x Americano-RJ 17h01 Friburguense x Olaria 19h30 Tigres do Brasil x Fluminense 21h50 Botafogo x Duque de Caxias

CMYK


O JORNAL

Turismo & Lazer Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: turismo@ojornal-al.com.br

Depois de três meses na capital britânica, o fotógrafo André Fon dá dicas da cidade mais preservada da Europa, que reúne ótimos museus, parques bem cuidados, teatros, galerias, pubs, cafés, shows e tudo mais que se possa imaginar de interessante

Londres, capital do mundo

Maior roda-gigante do mundo é de Londres; localizada à beira do rio Tâmisa, tem trinta e duas cabines e comporta até 15 mil visitantes por dia

Nide Lins Editora de Turismo

ilhares de folhas secas em tonalidades avermelhadas, marrons, laranjas e cinzas cobrem o chão de Londres – capital da Inglaterra - na estação do outono. Uma beleza peculiar, principalmente para os nordestinos acostumados apenas com duas estações: inverno (ameno) e verão. O tapete natural do outono fascinou o olhar do fotógrafo alagoano André Fon, que elegeu a melhor estação da Europa. Mas Londres é muito além das fol-

M

hagens, é flertar com a troca da guarda real da rainha, passear pelos parques super cuidados, girar na maior roda- gigante do planeta, saborear os temperos do mundo, tomar café, tirar foto ao lado da rainha Elizabeth no Museu de Cera, cair nos embalos da noite. Neste roteiro André descobriu que Londres é a capital do mundo, muito diferente das grandes metrópoles, como São Paulo, Nova York, só divinamente conhecida pela sua arquitetura de rainha. Londres é uma das cidades européias mais caras, sua moeda, a libra, é mais valorizada que o

euro e vale três vezes mais que o nosso real. Então uma garrafinha de água mineral pode pesar no bolso. Siga a dica de André e compre nos supermercados, opção para economizar pounds e investir em outros passeios. Mas como toda boa cidade, a capital britânica tem seus roteiros de graça, como caminhar no verão nos lindos parques, que têm até cadeiras para pegar um bronze. O próprio alagoano André Fon elegeu os parques para fotografar – “Meu estúdio tem sido os parques, e até já coloquei uma modelo coberta pelo lençol de folhas do outono”, diz,

André acrescentando que para os londrinos o parque tem o mesmo valor sentimental que as praias têm para os alagoanos. A troca da guarda real é um dos roteiros gratuitos mais requisitados pelos visitantes. Eles disputam cada centímetro quadrado para ter o melhor ângulo fotográfico, até porque a observação deste ato cívico é limitada por grades. A alagoana Carol Feitosa, que viajou ano passado, usou o zoom da câmera para fotografar os soldados elegantes e sérios com seus uniformes vermelho e preto sempre impecáveis.

A15

INFORMAÇÕES E SERVIÇOS Site do país - www.visitbritain.com Site da cidade - www.visitlondon.com Fuso horário - 3 horas a mais em relação a Brasília Telefone de emergência - 999 para Polícia, Ambulância e Bombeiros Moeda - Atenção: brasileiros tradicionalmente desprezam moedas. Nunca perca, porém, a noção do valor da pequena e pesada moedinha de 1 libra. Informações turísticas - O Britain & London Visitor Centre fica na 1 Regent Street, descendo 200 metros do chafariz de Piccadilly Circus e tem bastante material de Londres e dos demais países do Reino Unido.

Dica da operadora Master (Carol)

André fotografou a modelo coberta pelas folhas de Londres

Cartão de assistência travel Ace (saúde) é imprescindível para qualquer pessoa que viaje fora do Brasil. Melhor ir - de 19 de setembro a 8 dezembro (baixa temporada) Aéreo TAM a partir de U$S 1.200,00 + taxas (incluso ida e volta Maceió/Londres + 4 noites em hotel turistico - preço por pessoa em apartamento duplo) Mais informações procure um agente de viagem.

Fã de Londres Oxford Street é, sem dúvida, um dos melhores locais para as compras

Museu Britânico: cultura histórica mais importante em todo mundo

Dicas imperdíveis da cidade britânica LONDON EYE - É a maior roda-gigante do mundo, localizada à beira do rio Tâmisa, tem trinta e duas cabines que podem comportar 15 mil visitantes por dia. A volta completa dura um pouco menos de 30 minutos. Mas, segundo André, não há o que temer, porque ninguém fica de cabeça para baixo, e tem a melhor visão da cidade britânica. Tem vários preços para ver Londres do alto e até saborear uma taça de champanhe nas alturas, para brindar a Europa. O shopping mais badalado de Londres é o Westfield London. Templo da alta-costura, além de uma maravilhosa praça de alimentação, tudo isso concentrado. Fica localizado em Shepherds Bush e é uma ótima pedida para quem gosta de compras. Só lembrando: não é real, é libra.

MUSEU DE CERA MADAME TUSSAUDS - É o mais famoso da cidade. Chance espetacular para o turista fotografar ao lado de celebridades mundiais, a exemplo da banda de Liverpool The Beatles, e mostrar para os amigos. O museu foi criado em Londres, mas hoje tem filiais em Nova York, Las Vegas.

HYDE PARK - É um parque no centro de Londres. Junto com Kensington Gardens , que fica adjacente, ele forma uma das maiores áreas verdes da cidade, com 2.5 km² de extensão. O parque atravessa o lago Serpentine. O Hyde Park, oficialmente reconhecido como um dos parques reais de Londres, foi inaugurado em 1637.

OXFORD STREET - Uma das ruas mais movimentadas do planeta, Oxford Street é, sem dúvida, um dos melhores locais para se fazer compras em Londres. Nesta rua encontra-se de tudo, desde famosas lojas de departamento e marcas internacionais a boutiques de designers locais. Fazer compras em Oxford Street é um prazer, e até mesmo olhar as vitrines é um banquete para os olhos.

FEIRA DE CAMDEN TOWN - Essa consta em todos os guias de turismo, mas mesmo assim não deixa de ser um programa para quem gosta de fazer algo alternativo além do roteiro básico de museus, praças, etc. A feira de Camden Town é uma tradição dos domingos e ocupa uma área enorme na zona norte de Londres, perto dos canais. Tem de tudo, uma mistura de brechó, sebo, barracas de quin-

quilharias, roupas moderninhas, antiquários e souvenirs pouco convencionais. Logo de cara, por exemplo, você pode conferir uma loja de roupas fosforescentes para a rapaziada que gosta de brilhar nas baladas rayve. MUSEU BRITÂNICO - Um dos centros de cultura histórica mais importantes em todo mundo, o British Museum é uma instituição que data do século XVIII e suas coleções resguardam tesouros de várias nações do mundo, como a famosa coleção dos “Mármores de Elgin”, nada mais nada menos que peças inteiras trazidas (por Lorde Elgin) dos monumentos gregos como o Parternon, além de raros objetos dos egípcios, indianos, japoneses, chineses e até das tribos indígenas da América. Imperdível.

André Fon viajou a Londres a convite do alagoano Lula Filho para fazer fotos do grupo de dança “Brazilian Dance Company”. Do compromisso profissional surgiram novas propostas, como a exposição fotográfica e ainda lhe rendeu assinar o espaço da coluna "Celebridades & Moda " no jornal Brazilian News (veículo brasileiro que circula em Londres). De volta a Maceió, André está promovendo o troféu Alagoas em foco no dia 28 de abril no Armazém Uzina . Mas já avisou que retorna a Londres em maio, para fotografar a moda e as estações.

Rainha Elizabeth no museu de cera mais famoso do mundo

Entre Londres e França A empresária da Master Operadora, Carol Feitosa, viajou no ano passado a Londres e recomenda a viagem, mas já que está na Europa, a alagoana sugere também conhecer a França. Imperdível o Parlamento com a famosa torre do relógio Big Bem e travessia no Canal da Mancha (o segundo maior túnel submarino e mais largo do mundo), a melhor viagem até Paris. Os pacotes mais vendidos entre os alagoanos são oito dias Londres/ Paris.

André Fon ficou fascinado com a arquitetura e o outuno de Londres

Londres, a cidade dos sonhos é a vida real do alagoano Lula Filho

CMYK


Turismo & Lazer

O JORNAL JORNA L

A16

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: turismo@ojornal-al.com.br

Fotos: Lula Castello Branco

Nide Lins

Embarque nidelins@uol.com.br

BRASIL NA INTERNET Fruto de parceria entre a Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) e o Google, o canal do Brasil no YouTube, lançado ontem, em São Paulo (SP), estreia mundialmente a convergência de duas tecnologias em um mesmo canal: a exibição de vídeos e a navegação no Google Maps. O brand channel do Brasil no YouTube, já acessível no endereço www.youtube.com/visitbrasil, estreia com 88 vídeos de destinos turísticos brasileiros e depoimentos de celebridades e turistas que visitaram o País, com legendas em 68 idiomas. “A Internet, em especial as redes sociais, já é a principal fonte de informações dos turistas internacionais no mundo”, explica Jeanine Pires, presidente da Embratur. De acordo com a Demanda Turística Internacional, estudo da Fipe/Embratur, 27,6% dos turistas estrangeiros que vieram ao Brasil em 2008 utilizaram a Internet como principal fonte de informação para a viagem.

COMUNICAÇÃO DIGITAL Além do inovador canal no YouTube, a Embratur utiliza outras estratégias de comunicação digital na promoção do Brasil como destino turístico no exterior, como publicidade online, links patrocinados, relacionamento via web e ampla utilização de redes sociais como Facebook, Twitter, Hi5 e Flickr.

ESTRATÉGIO A aposta da Embratur é que, com a realização da Copa do Mundo 2014 e das Olimpíadas 2016 e o crescente interesse pelo País, as mídias digitais ocupem um papel estratégico na disseminação de informações para o turista que visitará o Brasil antes, durante e depois dos eventos esportivos.

RECIFE EM MACEIÓ Acapital alagoana recebe a campanha Recife te Quer nos dias 8 e 9 de março. A blitz vai percorrer as principais agências e operadoras de turismo da cidade. A ação começou em Salvador, no dia 1° de março, e segue até o dia 19 com visitas a 300 empresas de turismo das capitais nordestinas, uma iniciativa da Secretaria de Turismo da Prefeitura do Recife, da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Pernambuco (ABIH-PE) e do Trade Turístico.

BLITZ

Agulhinhas com pedaços de macaxeira: tradição em Japaratinga

Na nova cartola, o queijo prato é substituído pelo de manteiga

CAÇAROLA DE SABORES

Lagosta grelhada na hora é o maior sucesso na Jatiúca Novo restaurante também tem agulhinhas crocantes e nova versão da cartola Nide Lins Editora de Turismo

Iran Cavalcante é alagoano lá de Japaratinga, litoral norte de Alagoas. O bom rapaz se criou saboreando agulhinha com pedaços de macaxeira crocante, lagostas grelhadas, polvo no vinagrete e outras delícias do mar, tudo feito com carinho por sua mãe, dona Rosalina, que também comandava as panelas do restaurante Companhia da Lagosta ao lado de seu esposo, Amaro dos Santos. Os quitutes preparados por sua mãe foram a inspiração para Iran resolver ser chef de cozinha. A carreira começou oficialmente quando Iran assumiu o restaurante da família em Japaratinga, há oitos anos. Como é

Os agentes que mais venderem o Recife poderão conquistar uma vaga no Game Show – um jogo de perguntas e respostas sobre o Recife e concorrer a diversos prêmios. A blitz também irá entregar prêmios aos agentes que já atingiram a pontuação. Cerca de cinco mil profissionais estão cadastrados na promoção. Os prêmios da coleção Recife te Quer são assinados pelo artista plástico Francisco Brennand, produzidos especialmente para a ação e destinados aos agentes de viagem. As inscrições no programa de premiação Recife te Quer seguem até 30/04/10. Os participantes podem fazer o cadastro das vendas e inscrição no site www.recifetequer.com.br.

um empreendedor nato, em 2008 ele abriu a Pousada Vila de Taipa, na mesma localidade do restaurante, e no começo deste ano inaugurou a filial da Companhia da Lagosta no bairro da Jatiúca, na badala rota gastronômica da Amélia Rosa. E claro, o carrochefe do empreendimento é lagosta grelhada na chapa, preparada na hora para todo mundo assistir ao espetáculo culinário. As famosas agulhinhas (grandes) crocantes e servidas com pedaços de macaxeira frita, como manda a tradição em Japaratinga, são o cartão de apresentação do restaurante. Além dos pratos à la carte, o Companhia da Lagosta oferece self-service no horário do almoço, onde mais uma vez a lagosta predomina. Há opções

do crustáceo grelhado com manteiga e servido com macaxeira frita e cebolas; flambado com molho de frutas da estação, no alho e óleo ou então com toque refinado de alcaparras e cogumelos. Os peixes inteiros também vão para a chapa, a exemplo da carapeba e da cioba. Eles recebem o mesmo tratamento da lagosta, pouco azeite para dourar. Menos óleo no cozimento e melhor para a saúde. Para acompanhar, tem arroz branco com camarão ou então opções de saladas. Mas nem só de peixe vive o restaurante, o filé e a picanha na chapa merecem atenção especial. Aproveite para saborear as carnes com feijão caseiro, com o tempero de dona Rosa-

lina. O sistema de self-service do almoço é uma boa oportunidade para provar um pouco de tudo, com destaque também para o maçunim ao coco, com purê de batata e macaxeira misturada. De sobremesa, a cocada de forno (coco, leite condensado e ovos) é para pedir bis. Já a tradicional cartola (banana frita com queijo) ganha uma nova versão na apresentação e nos ingredientes: em vez do queijo prato entra em cena o queijo manteiga, calda de chocolate, caramelo e açúcar. A canela presente na receita resgata a tradição do doce. As duas sobremesas são irresistíveis. Prove em Maceió ou Japaratinga, dois paraísos também da gastronomia. E ambos são uma graça.

Cursos de garçom e chefe de cozinha Iran Cavalcante estudou em Recife onde fez curso de garçom e chef de cozinha, e em seguida entrou para a Faculdade de Turismo e Hospitalidade Superior Tecnológico do Senac. Com diploma na mão, trabalhou nos hotéis Holiday Inn (Recife), Blue Tree Park (Cabo de Santo Agostinho), Blue Tree Tower (Recife) e Salinas de Maragogi. Iran adora assistir ao programa de Ana Maria Braga para aprender novas receitas, além de vasculhar livros de culinária. O moço com cara de menino tem talento.

BASTIDORES

Companhia da Lagosta

Lagosta grelhada na hora tem mais sabor

Rua Deputado Luiz Gonzaga, 186 - Jatiúca Entrada a partir de R$ 3,00 - Prato principal (para duas pessoas) a partir de R$ 32,00 - Self-service R$ 29,50 (destaque para frutos do mar) - Abre de terça-feira a domingo Aceita cartões - Telefone - 3357.6153

Primeira mestra do chef Iran foi sua mãe Rosalina

Nilo e Gilda Bugarelli, da Pousada do Toque, merecidamente serão homenageados com o Troféu Lagoa mar, no dia 20 . A pousada de charme é uma referência do turismo alagoano e brasileiro pela qualidade de serviços e da gastronomia em São Miguel dos Milagres (litoral Norte do Estado)

CMYK


O JORNA L JORNAL

Dois

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: cultura@ojornal-al.com.br

B1 Flavia Correia

Fernanda solta o verbo Cantora e compositora alagoana lança hoje seu primeiro CD, Verbo Livre

Alessandra Vieira Editora de Cultura

ernanda encanta por vários motivos: beleza, simpatia, talento e carisma são alguns deles. Mas é quando canta que vem à mostra o mais surpreendente: sua voz carregada - na dose certa - de força, suavidade e sedução. É essa voz que o público vai ouvir hoje à noite durante o show de lançamento do seu primeiro CD intitulado Verbo Livre. “Preparamos um show bonito com um primeiro momento mais calmo e outra parte mais dançante”, garantiu Fernanda. Alagoana, a cantora e compositora mora há dois anos no Rio de Janeiro de onde veio o convite para a gravação do disco. “A proposta é antiga, mas só agora consegui me dedicar a ela. Dei prioridade a outros projetos e também precisava encontrar um repertório no qual acreditasse”, falou. “Fernanda Guimarães impressiona pelo seu carisma quando começa a sol-

F

tar a voz. Jovem, porém experiente, super afinada, passeia com prioridade por vários estilos sem perder sua personalidade e seu jeito próprio de cantar. É uma cantora rara nos dias de hoje, que não precisa de artimanhas no estúdio e que pode reproduzir no show tudo o que se ouve na gravação”, disse André Agra, da Sala de Som Records, produtora do disco. Entre as 13 faixas do CD, três são composições da cantora. Sobre o Mar, Farol da Noite e Todo Tom. “Não me considero uma compositora. É um exercício que eu sempre fiz, mas que ainda estou amadurecendo”, conta modesta. “O disco ‘tem poesia, cachaça e pão’ com ‘tom tocado pela tarde ou de manhã’, como contemplam duas canções presentes no CD. Tem vivacidade de areia e mar, temperamento variado de sol e lua, ginga de coqueiros ao vento, sem perder o traço urbano e cosmopolita na sonoridade. Se Verbo Livre é uma imagem, certamente é tropicana e elegante”,

declarou a jornalista Márcia Shoo. Três clássicos ganharam cara nova através da interpretação de Fernanda que vem acompanhada de Norbeto Vinhas (violões e guitarras), Lui Coimbra (cello), Fábio Nin (sete cordas), Flávio Santos (bateria), Nilze Carvalho (cavaquinho), Fernando Nunes, Félix Baigon e Magno Vito (baixos), Jadna Zimmermann e Fabiano Salek (percussão), Marcelo Caldi (piano e acordeon) e PC Castilho (sax e flautas). A salsa cubana De quê callada manera, de Pablo Milanês e Nicola Guillen; Bonita, de Tom Jobim e Ray Gilbert; e Kalu, de Humberto Teixeira. O disco traz ainda Tudo Embora e Olhos em chamas, de Fred Martins, Marcelo Diniz e Manoel Gomes; Catarina Guerreira, de Edu Krieger; e Danada, de Marcus Lima em parceria com a atriz e poetisa Elisa Lucinda. Algumas faixas do CD já podem ser ouvidas nas rádios de Maceió e no Myspace da cantora (myspace.com/fernandaguimaraes).

“Verbo Livre é uma conquista natural de Fernanda Guimarães. Depois de tanto viver e reconhecer-se pelos palcos, a experiência de gravar seu primeiro disco só reafirma que é nos palcos que ela deve estar, como agora e a cada próximo disco. Seu jeito curtido, danado e competente, somado ao veludo, firmeza e afinação impecáveis de sua voz, levantam a certeza de que entre Maceió e Rio de Janeiro há mais sotaques em concordância do que supõem os ouvidos fora deste percurso”, comentou Márcia Shoo.

SERVIÇO Show de lançamento do CD Verbo Livre, de Fernanda Guimarães Hoje, às 20h no Teatro Gustavo Leite do Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso Ingressos: R$ 20 a venda nas lojas WO (Maceió Shopping e Hiper Farol), restaurante Engenho Massayó (antigo Bella Gula, na Amélia Rosa).

CMYK


O JORNAL JORNA L

Variedades B2

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: cultura@ojornal-al.com.br

Roteiro

Artes plásticas Música Teatro Dança Cinema Literatura Artesanato

cultura@ojornal-al.com.br

Hoje

Sábado

Fotos: divulgação

 Show de lançamento do CD Verbo Livre de Fernanda Guimarães, às 20h, no Teatro Gustavo Leite (Jaraguá). Ingressos: R$ 20, à venda na loja WO (Maceió Shopping) e Restaurante Engenho Massayó (Av. Amélia Rosa, antiga Bella Gula). Mais informações: (82) 3325-2373 / 9601-2828.

Amanhã  O complexo de cinemas Centerplex abrirá para o público sem uma de suas principais atrações: o equipamento de projeção em 3D. Importado dos Estados Unidos e previsto para chegar a Maceió há cerca de dez dias, o projetor digital ainda não foi totalmente liberado pela Alfândega de São Paulo. Só resta ao público esperar pra ver.  Os artistas visuais em Alagoas estão convidados a participar de uma reunião às 11h, no Cine Sesi Pajuçara sobre a Pré Conferência Nacional de Cultura, que acontece de 6 a 9 deste mês, em Brasília.

 Clássicos de Pink Floid, Beatles, Chico Buarque e pop nacional dos anos 60 e 80 estarão no repertório da banda Violas são da lei (foto) que fará apresentação no Engenho Massayó (antigo Bella Gula – Av. Amélia Rosa), a partir das 21h30. João Paulo, Marco Túlio, Luiz Pompe, Léo e Adriano munidos de violões de seis e 12 cordas, guitarra, baixo e bateria vão fazer a festa com músicas como Wish You Were Here, Hey You!, Romance Ideal, Porque Não Eu?, My Sweet Lord, Lanterna dos Afogados, Construção, Here Comes The Sun, entre outras.

 Para celebrar o Dia Internacional da Mulher deste ano, o Vila Chamusca Arte e Gastronomia (alto de Ipioca) vai trazer aos palcos alagoanos o show intitulado Ele por Elas, abordando o universo feminino do cantor e compositor Chico Buarque de Holanda. O roteiro do show será repleto de Carolinas, Januárias, Beatriz, Bárbaras, Terezinhas e outros clássicos. A abertura do projeto acontece às 21h no Vila Chamusca com a cantora Fhátima Santos acompanhada de Wilbert Fialho (violão). Ingressos: mesas – R$ 50 (p/quatro pessoas). Mais informações e reservas: (82) 9106-2665 / 3355-1639.

Em Breve

Domingo  O projeto Concerto aos Domingos vai apresentar o curitibano José Henrique Martins (foto), às 10h, no Instituto Histórico. Mais informações: (82) 8836-0048.

 A 12ª FEMUSESC - Festa da Música do Sesc vai acontecer nos dias 12 e 13 de março. Ao todo serão apresentadas 18 canções compostas por artistas alagoanos das quais oito serão selecionadas para participar do projeto Circulação Sesc de Música Alagoana, que percorre os interiores realizando shows e divulgando os artistas participantes pelo Estado e uma irá representar o Sesc Alagoas na Femucic, Festival de Música Cidade Canção, em Maringá, Paraná.  Decameron - A comédia do sexo será apresentada nos dias 13 (21h) e 14 (20h) deste mês, no Teatro Gustavo Leite (Centro Cultural e de Exposição Ruth Cardoso – Jaraguá). Grande sucesso na TV, o espetáculo ganhou uma adaptação para o teatro e percorre o país em turnê depois de ter estado no Rio de Janeiro e em São Paulo onde obteve grande aceitação da crítica e do público. Ingressos: R$ 50. Mais informações: (82) 3325-2373.  A Oficina de Leitura da professora, escritora e publicitária Arriete Vilela vai oferecer dois novos cursos a partir da 2ª quinzena de março: Literatura e Cinema: diálogos e Recortes do romance contemporâneo. Mais informações: (82) 8859-4675 / 9126-5049 / arrietevilela@yahoo.com.br.  A Cia. Teatral Efigenia Arte Contemporânea, do Rio Janeiro, traz para Maceió o espetáculo Ariano, os dias 20, 21 e 22 de março, no Teatro Gustavo Leite, no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso (Jaraguá). A peça tem como inspiração a vida e a obra do escritor paraibano Ariano Suassuna e direção de Gustavo Falcão. O horário ainda não foi definido. Mais informações: (82) 3235-5301.


O JORNAL JORNA L

Variedades

B3

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: cultura@ojornal-al.com.br

Na’vi será a sequencia de Avatar cineasta James Cameron confirmou ontem que vai dirigir a sequência de Avatar, que deve tratar da vida dos habitantes do planeta Pandora. Cameron comentou que a segunda parte do blockbuster não deve ser chamar Avatar 2, mas sim Na’vi, nome dos habitantes do mundo criado pelo cineasta.

O

Responsável por filmes como Titanic, Aliens e Exterminador do Futuro, ele afirma que gostaria de dirigir a sequência, embora deixe aberta a possibilidade de outro diretor tome as rédeas do projeto, que deve ter ainda mais um capítulo completando a trilogia. Cameron fez essas declarações ao site

Sci Fi Wire, durante a cerimônia do Visual Effects Society Awards, na qual recebeu uma homenagem por toda a sua carreira. Além da sequência, esse ano Cameron ainda deve escrever um livro que servirá de precursor a Avatar. Nele, o diretor planeja contar os fatos que antecederam a história contada no filme.

Cameron vem para o Brasil falar sobre sustentabilidade O cineasta será um dos expositores do Fórum Internacional de Sustentabilidade, evento que ocorre nos dias 26 e 27 deste mês em Manaus. Cameron é um dos indicados ao Oscar de direção deste ano. O filme concorre em outras oito categorias. Avatar se passa em Pandora, em cujas florestas moram os Na’vi. Os habitantes tem uma ligação forte com o meio ambiente, que é ameaçada pela chegada de humanos que querem explorar o local. Alguns críticos e jornalistas viram semelhanças entre o planeta imaginário e a Amazônia. Além do diretor, também participa do evento o ex-vice-presidente dos Estados Unidos, Al Gore, que venceu o Oscar com o filme Uma Verdade Inconveniente, sobre as consequências das mudanças climáticas. Ele também foi um dos vencedores do prêmio Nobel da Paz. O evento deve discutir a sustentabilidade econômica, ambiental e social da Amazônia. Participam empresários, executivos e lideranças políticas do Brasil, que irão conhecer alguns projetos de preservação existentes na região.

Ex-vice-presidente dos Estados Unidos Al Gore (esq.) e o cineasta vão participar do evento

Produtores de Guerra ao Terror são processados dias antes do Oscar Um sargento do Exército norte-americano está processando os produtores do filme Guerra ao Terror, que lidera, ao lado de Avatar, as indicações ao Oscar deste ano, cuja cerimônia de entrega acontece no próximo domingo. O sargento Jeffrey S. Sarver acredita que o roteirista Mark Boal se baseou em eventos que o evolvem para escrever o filme, de acordo com comunicado do advogado Geoffrey Fieger, que representa o militar. A distribuidora Summit Entertainment divulgou um comunicado que reitera que o filme é uma obra de ficção

sobre soldados no campo de batalha. “Não temos dúvida que o sargento Sarver serviu seu país com honra e compromisso, arriscando sua vida para fazer um bom trabalho, mas nós distribuímos um filme baseado em uma história ficcional do roteirista Mark Boal”, afirma o documento da Summit. Boal, que é jornalista, escreveu uma reportagem sobre um esquadrão antibombas no Iraque para a revista Playboy. Ele desenvolveu a história para um roteiro sobre um grupo de soldados, focando no personagem Will James. A partir desse roteiro, o filme foi criado.

Sarver alega que Boal estava com o batalhão dele e que o personagem principal, James, seria inspirado nele. O sargento diz ainda que o apelido de James no filme, “Blaster One”, também era o seu nome durante o tempo em que ele serviu no Iraque. Guerra ao Terror arrebatou a crítica e levou nove indicações ao Oscar - entre eles ao prêmio principal, de melhor filme, para o qual é considerado favorito. O processo é o segundo problema recente que envolve o longa. Um de seus produtores, Nicolas Chartier, foi banido do prêmio após pedir votos aos membros da Academia por e-mail.

Dia 4; 5ª feira; vibração: 1; cor: vermelha e seus dégradés; palavra chave: ação. É um dia de determinação, decisão, de estar a fim, de querer, de mudança, de iniciar algo novo, de fazer o próximo acreditar em você. Idealize, invente, reúna, dê o ponta-pé inicial. Volte a estudar. Destaques para os nascidos nos dias 1º-10-19-28. De quaisquer mês e ano. Iolanda Hollanda yhonumerologa.blogspot.com / (82) 3325-9476

TV ABERTA EDUCATIVA 05h50 06h50 07h05 07h20 07h50 08h00 08h45 09h00 09h15 09h30 10h00 10h30 11h00 11h30 12h00 12h30 13h00 13h30 14h00

-

Salto para o Futuro Telecurso Ensino Médio Telecurso Ensino Fundamental Telecurso Tecendo o Saber Jornal Visual Repórter Brasil Cocoricó Thomas Angelina Um Menino Muito Maluquinho A Turma do Pererê Os Pézinhos Mágicos de Franny Castelo Rá-Tim-Bum Janela Janelinha 100% Brasil Assim Vivemos Um Menino Muito Maluquinho Barney S.O.S Sonia

TV ALAGOAS A emissora não forneceu sua programação.

Canal 3 14h30 15h00 15h15 15h30 16h00 17h30 18h00 18h30 19h30 19h45 20h00 20h15 20h30 20h40 21h00 22h00 23h00 00h00 01h00

-

Castelo Rá-Tim-Bum Cocoricó Curta Criança Vila Sésamo Sem Censura To Sabendo ParaTodos Papo de Mãe O Lugar da Criação (Local) Autoria (Local) Página Aberta (Local) Da Sua Conta (Local) Rede Nacional Assim Que Funciona Repórter Brasil Caminhos da Reportagem DOC TV A Era das Utopias Sem Censura

Canal 5

Canal 7

TV GAZETA 05h00 - Telecurso Educação Básica - Tecendo o Saber 05h15 - Telecurso Profissionalizante 05h35 - Telecurso Ensino Médio 05h50 - Telecurso Ensino Fundamental 06h05 - Sagrado 06h07 - Globo Rural 06h25 - Bom Dia Praça 07h15 - Bom Dia Brasil 08h08 - Gazeta Notícia 08h13 - Mais Você 09h34 - Globo Notícia I 09h38 - TV Globinho 12h15 - AL TV - 1ª Edição 12h45 - Globo Esporte 13v15 - Jornal Hoje 13h45 - Vídeo Show 14h30 - Vale a Pena Ver de Novo - Alma Gêmea

15h50 Milhões 17h35 17h38 18h05 18h55 19h10 20h15 20h30 20h40 21h05 22h15 23h00 00h45 01h20 01h22 02h10 -

Sessão da Tarde - Bailey, Um Cão Que Vale Globo Notícia II Malhação ID Cama de Gato AL TV - 2ª Edição Tempos Modernos Jornal Nacional Horário Político Jornal Nacional Viver a Vida Big Brother Brasil 10 Festival de Sucessos - Fora de Rumo Jornal da Globo Fórmula 1 – 2010 24 Horas Intercine

15h10 16h30 17h00 18h30 19h45 20h15 21h00 21h45 22h00 23h00 23h45 01h15

Psyck H2O Meninas Sereias Todo Mundo Odeia o Chris Pica-Pau Jornal da Pajuçara - Noite Jornal da Record CSI - Investigação Criminal Tudo a Ver Bela, A Feia A História de Ester Lipstick Jingle Ponto de Luz

TV PAJUÇARA 01h00 06h45 06h55 07h15 07h20 07h45 08h30 09h30 12h00 12h15 12h30 13h45 14h00

-

Ponto de Luz Alagoas Rural Agreste Noticias Casa & Negocio Fique Alerta 1ª Edição Jornal Da Pajuçara - Manhã Fala Brasil Hoje em Dia Feito Pra Você Pajuçara Esporte Fique Alerta IURD Record Kids

Canal 11 -

TV BANDEIRANTES Canal 38 01h00 06h45 06h55 07h15 07h20 07h45 08h30 09h30 12h00 12h15 12h30 13h45 14h00 15h10 16h30 17h00 18h30 19h45 20h15 21h00 21h45 22h00 23h00 23h45 01h15

-

Ponto de Luz Alagoas Rural Agreste Noticias Casa & Negocio Fique Alerta 1ª Edição Jornal Da Pajuçara - Manhã Fala Brasil Hoje em Dia Feito Pra Você Pajuçara Esporte Fique Alerta IURD Record Kids Xena H2O Meninas Sereias Todo Mundo Odeia o Chris Pica-Pau Jornal da Pajuçara - Noite Jornal da Record CSI - Investigação Criminal Tudo a Ver Bela, A Feia A História de Ester Lipstick Jingle Ponto de Luz


O JORNAL

Classificados B4

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: reservas@ojornal-al.com.br

MANGABEIRAS

APTO. VENDA

MANGABEIRAS – VENDO apto sala “L” com varanda, 03 quartos sendo 01 suíte, wc social, Wc de serviço, cozinha com armários, área de serviço. Nascente. Ótima localização. Prédio novo e desocupado. R$ 155 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343

CENTRO CENTRO – CONDOMÍNIO FECHADO - VENDO apto novo- Sala Lcom varanda, 03 quartos, sendo 02 suites, Wc social, cozinha, área de serviço. Predio com guarita, interfone, salão festa, churrasqueira, piscina,bar, elevador , pertinho de tudo. R$ 135 mil. Aceito financiamento bancário. Tr. 9351-4440 CRECI 343.

MANGABEIRAS- VENDO apto andar alto, sala de estar e jantar, 03 quartos, sendo 01 suite com varanda, 01 social, 01 reversivel, cozinha, Wc social, Wc serviço.R$ 175 mil. Tr. 9351-4440.CRECI 343.

CRUZ DAS ALMAS CRUZ DAS ALMAS – VENDO quarto e sala, cozinha e Wc, com armários.Todo mobiliado com sofá,cama,geladeira, fogão, TV, gerador, restaurante pilotis e serviço de limpeza 1 vez por semana no apto. Lavanderia. Condomínio baixo apenas 120,00. Valor do apto R$ 105 mil à vista.Tr. 9351-4440 CRECI 343

DR. GEORGE SAMUEL SANGUINETTI FELLOWSAssistente técnico para Defesa e Acusação, área civil e criminal. Perícias e laudos. Tr.: (82) 3223-5504/ 9982-2895 - E-mail: gsanguinetti@terra.com.br. Site: www.sanguinetti.com.br

CRUZ DAS ALMAS – VENDO apto sala p/ 02 ambientes com varanda,com linda vista para o mar, 02 quartos sendo 01 suíte, Wc social e de serviço, cozinha, 01 vaga. R$ 130 mil. Aceito financiamento. TR. 9351-4440- CRECI 343.

FAROL

JATIÚCA JATIÚCA- VENDO apto sala de estar e jantar com varanda, 02 quartos sociais, cozinha, área de serviço, DCE, em frente ao Posto Sete, 01 vaga. R$ 160 mil. Tr. 93514440 CRECI 343.

FAROL – VENDO apto (Rua Colégio Marista), Sala L com varanda, 03 quartos sociais, sendo 01 reversivel, Wc social, cozinha, área de serviço, nascente. R$ 160 mil.Tr. 9351-4440 - CRECI 343.

JATIÚCA– VENDO apto sala com varanda 03 quartos sendo 01 suíte com armários, cozinha com armários, DCE. Nascente próximo ao mar. 02 vagas garagem. Excelente localização. Piscina, salão de festas, R$ 230 mil.Tr. 9351-4440 CRECI 343.

FAROL – CONDOMÍNIO MORADA DAS ÁRVORES - VENDO apto sala com varanda, 03 quartos sendo 01 suite, todos com armários, lavabo, cozinha, área de serviço, dependência completa empregada, 01 vaga, área útil 115m². salão de festas; piscina, poço artesiano e ótima localização.R$ 155 mil.Tr. 9351-4440 CRECI 343.

JATIÚCA – VENDO apto 1ª quadra da praia, sala L com varanda, 03 quartos, s/ 01 suíte, todos c/ armários, Wc social, cozinha com armários, dependencia completa empregada, 02 vagas garagem. Prédio c/ salão festas, gerador, sala de espera, guarita de segurança, 02 elev. 02 vagas garagem. R$ 260 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343.

MANGABEIRAS - ILHAS DO CARIBE – VENDO apto sala 2 ambientes com varanda, 03 quartos sendo 01 suíte, 1 vaga, andar alt, vista para o mar.. Desocupado. A vista 130 mil. TR. 9351-4440 CRECI 343. MANGABEIRAS – VENDO apto sala p/ 2 ambientes, 03 quartos, sendo 01 suite, 01 reversível, cozinha, Wc social, desocupado. R$ 160 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. MANGABEIRAS – VENDO quarto sala, novo e desocupado, financio pela Construtora e ou Bancos.Nascente. Ótima localização.Salão festas, gerador, guarita segurança, gás individualizado. R$ 115 mil. Tr. 9351-4440 – CRECI 343

OUTROS BAIRROS VENDO apto. novo no Edf. Melillas, próximo ao Shopping, 3 qtos., nascente, 4º andar. Tel.: 8832-7666.

PONTA VERDE PONTA VERDE – VENDO apto próximo ao Bom Preço. Sala com varanda, 03 quartos com armário, sendo 01 reversível, 01 Wc social, cozinha com armários, a. serviço, 01 vaga. Excelente localização. R$ 135 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. PONTA VERDE – VENDO Rua Deputado José Lages - apto com 117m², sala com varanda, 03 quartos sendo 01 suíte, Wc social, DCE, 01 vaga. R$ 220 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. PONTA VERDE - VENDO apto, sala 02 ambientes, varanda grande, 03 quartos sendo 01 suíte, cozinha. Área serviço, Wc Social, DCE,. 02 vagas. Nascente. Prédio com 02 elevadores, salão festas. R$ 260 mil. TR. 9351-4440 CRECI 343. PONTA VERDE – VENDO apto sala 2 ambientes, 03 quartos sendo 01 suite, 01 reversível, Wc social, cozinha, 02 vagas de garagem. R$ 230 mil. Tr. 93514440 CRECI 343.

VENDO apto sala p/ 2 ambientes 03 quartos sendo 01 suite, cozinha, área de serviço, Wc social, 01 vaga garagem. Área 87m². Excelente localização. 1 Vaga. R$ 160 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343.

PRADO PRAÇA DA FACULDADE – VENDO apto sala L com varanda, 03 quartos com armários, sendo 01 suíte, dependência completa empregada, 01 vaga. Andar alto, recém reformado. R$ 140 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343

SERRARIA OPORTUNIDADE! VENDO vários lotes no São Jorge, 6x10, R$ 10 mil; 6x9, R$ 9 mil. Tr.: 88963946/ 9978-6430. Creci: 1007.

CASA VENDA FAROL PRÓXIMO AO COLÉGIO MONTESSORI -VENDO casa com sala de visita, sala de jantar, 03 suítes, s/1 c/closed, todos com armários, depósito, área de serviço, cozinha com armários, DCE, garagem. R$ 160 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. JARDIM DO HORTO FAROL – VENDO casa nova, sala de estar, sala de jantar, gabinete,, hall, 04 suites, sendo 01 master com closed,copa/cozinha, despensa, área de serviço, DCE, garagem, jardim,R$ 650 mil. Facilito pagamento. Tr. 9351-4440 CRECI 343.

FAROL– VENDO casa jardim, terraço, sala p/ 02 ambientes, 03 quartos sendo 01 suite, todos com armários, cozinha, dependência completa emprega, quintal, garagem, R$ 240 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343

JACINTINHO OPORTUNIDADE! VENDE casa 2 qtos., cerâmica, wc, quintal. Não aceito financiamento. R$ 30 mil. Tr.: 8896-3946/ 9978-6430. Creci: 1007.

OUTROS BAIRROS

TABULEIRO TABULEIRO - ALUGO chácara frutificada, próxima ao Aeroporto, com piscina, sauna, churrasqueira, casa com sala da visita, sala de jantar, bar, 03 quartos sendo 02 suites, 01 com hidromassagem ,todos com armários embutidos, cozinha,, terraço, dependência completa de empregada, casa de caseiro, galinheiro, canil, poço artesiano.Terreno med. 45 de frente x 100m frente a fundos, nascente, próxima a pista. Excelente localização R$ 1.300,00. Tr. 93514440 CRECI 343.

SANTA AMÉLIA – VENDO casa nova, com jardim, garagem, sala visita, sala de jantar, 03 suites, cozinha, DCE. R$ 270 mil. Tr. 93514440-CRECI 343.

COMERCIAL VENDA

TABULEIRO

CENTRO - VENDO prédio Comercial na Rua Cirilo de Castro, com frente para 02 Ruas com área construída total de 247,50m². Excelente para Comércio. Nascente. Excelente localização. R$ 130 mil. TR. 9351-4440 CRECI 343

OPORTUNIDADE! VENDO casa c/ 2 qtos., salas, coz., quintal 5x15. R$ 17 mil. Tr.: 8896-3946/ 99786430. Creci: 1007.

CASA ALUGA OUTROS BAIRROS MARAGOGI: COND. PRAIACAMACHO - à 500m do Hotel Salinas e à 3 km da cidade, alugamos casas e chalés mobiliados, à beiramar, p/ fins de semana, feriados etc. Contato: 3337-3664/ 99827855. Site: www.camacho.maragogi.com

4009-1961 LIGUE E ANUNCIE

CENTRO

COMERCIAL ALUGA OUTROS BAIRROS ALUGA-SE Sala, Auditório p/ palestra e outro afins, com capacidade para 60 pessoas, com arcondicionado, internet, TV e DVD. Rua Professor Domingos Correia, 123, s/loja - Arapiraca - contato: 3522-5206 e 88409727.

POÇO ALUGA-SE um ponto comercial na rua Pedro Paulino, Poço (de frente ao Senac). Tr.: 3035-5993.

EMPREGOS PROCURA-SE DOMÉSTICOS PRECISO TRABALHAR DE: Faxineira, passadeira e lavadeira. Tr.: 9105-2985, c/ Maria.

OUTRAS ATIVIDADES PRECISO TRABALHAR DE: motorista particular, com experiência, sr. Luís. Tr.: 8871-1622/ 3241-7145.

TERRENOS VENDA CAPITAL MANGABEIRAS - VENDO OU INCORPORO terreno medindo 21.5m de frente, por 28m de frente a fundos, nascente excelente localização, próximo ao Supermercado Extra e ao Shopping Iguatemi.R$ 350 mil.Tr. 9351-4440 CRECI 343. TABULEIRO – VENDO Durval de Goés Monteiro, px Café Emecê área com 1850m², de esquina com duas frentes. Excelente localização para comercio.Tr. 9351-4440 CRECI 343.

VENDO Àrea no Tabuleiro medindo de frente 112m, por 146m lado direito, e 196m lado esquerdo, excelente casa construção de casa, galpões. R$ 220 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343. ALDEBARAN ÔMEGA- VENDO Terreno med. 800m² ótima localização. R$ 390 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343.

PRAIAS MIRANTE DE JACARECICA – VENDOTerreno medindo 15 x 28= 420m², excelente vista para o mar. R$ 70 mil. Tr. 9351-4440 CRECI 343

VEÍCULOS ACESSÓRIOS PEÇAS E OFIC. MARTELINHO DE OURO desamasse seu carro sem precisar pintar. Rua João Vieira Chagas, 18, Mangabeiras. Tel.: 9303-4305/ 8818-5820, c/ Zé Carlos (Técnico).

4009-1961 LIGUE E ANUNCIE

CMYK


O JORNAL JORNA L

Classificados

B5

Quinta-feira, 4 de março de 2010 | www.ojornal-al.com.br | e-mail: reservas@ojornal-al.com.br

APARTAMENTOS SUPER FACILITADOS EM CONSTRUÇÃO Jatiúca Ed. Renovatio - Entrega prevista jan/2010 com 1 ou 2 quartos. Financio até 100 meses pela construtora. Ed. Iluminato - Entrega prevista março/2010 - Área 75m² - 3 qtos s/ 01 suite. Parcelo até 100 meses pela construotra. Ed. Castel Del Mar - Entrega prevista dez/2010 - Área 105m² - 3 qtos (st) dce, piscina. Financio direto até 130 meses p/ Construtora. Ed. Leblon - Entrega Prevista dez/11 Área aprox. 92m² - sala c/ var, wc soc, 3 qtos (st0 coz, serv, dce, piscina, 2 vgs. Parcelado até 120 mese. Ed. Maison Saint Laurent - entrega prevista: dez/12 - parcelado até 80 meses Área aprox. 96m² - 4 por andar, var, sala, wc soc, 3 qtos (st) coz serv, dce. PONTA VERDE Ed. Damascus - Em construção - Entrega Nov/2010 - Área 101m² - 3 qtos (st), dce, piscina. Financio até 130 meses p/ construtora Ed. Classic - Em Construção - entrega prevista fev/2011 - Área 144m² - 3 sts, gabinete, piscina, 2 vgs. Financiamento pela Construtora até 130 meses. Ed. Gennesis - Entrega jan/2010 - Área 100m² - 3 qtos (st) dce, pisicna, 2 vgs. Financio até 100 meses p/ construtora Ed. Elegance - Entrega jan/2010 - Área 132m² - sala c/ var, gabinete, 3 qtos s/ 02 suites, coz, serv, dce, piscina, salão festas, 2 vagas. Financio até 100 meses p/ Construtora.

Ed. Brilhanche - Em Cosntrução - entrega abril/2012 - Área aprox. 64m² - 2 suites s/ 01 revers, piscina. Financio até 100 meses p/ cosntrutora. Ed. Spazio Vitale - em cosntrução - entrega prevista julho/2012 - Opção de 01 e 2 quartos. Financio até 130 meses p/ construtora. Ed. Amalfi - Entrega prevista: Nov/11 Padrão V2 - sala, wc soc, 3 qtos (st) coz, serv. parcela até 100 meses. MANGABEIRAS Ed. Absolut - entrega prevista: dez/10 Opções de 01 e 02 quartos. Construção: Construtora Penedo - parcela até 60 meses. PAJUÇARA Ed. Dolce Vita - Entrega Prevista; 36 meses - área aprox. 137m² - 2 ou 3 vagas - parcelado. Ed. Luiza Fernandes - Sala c/ var, , wc ´s com box, 3 suites c/ arms, s/ 01 revers, coz. c/ arms, serv, dce, 2 vags. Área 150m² PRONTO PARA MORAR JATIÚCA Ed. Oregom - Apto. 904 ( preço abaixo tabela ) sala c/ var, wc social, 3 qtos (st) coz. serv, dce. Preço abaixo Tabela Ed. Edmilson Pontes - Ao lado co Corredor Vera Arruda - sala c/ var, 3 qtos (st) todos c/ arms, coz. c/ arms, serv, dce, 01 vaga Ed. Chales Garnier - sala c/ var, 3 qtos s/ 02 suites (o1 é revers), coz. c/ arms, serv, wc serv, 2 vagas Ed. Porto Valarta - Área media 63m² novo, prox.. ao Shopping, opção de 2 e 3 qtos. Prazo até 60 meses pela construtora. PONTA VERDE Ed. Ilha de Limnos - Baira Mar - Bl. B Area 106m²- varanda, sala, wc soc, 3 qtos (st) coz, serv, dce.

Ed. Houston - Área 106m² - varanda, sala, wc soc, 3 qtos (st) coz, serv, dce, piscina, 2 vagas. Ed. Ed. Pallais Royal - Beira Mar - 194m² 3 vgs, piscina, sl. festas, sala 3 amb, c/ terraço, lavabo, 3 suites, coz. serv, dce. Ed. Delphos - Área 155m³³ - piso granito, sala 3 amb, c/ var c/ vista mar, home, 3 qtos s/ 2 suites ( sts. c/ arms, coz. c/ arms, serv, dce, 3 vagas, piscina sl. festa Ed. Renoir - Área 169m² - Varanda, sala 3 amb, wc soc e wc suíte c/ blindex, 03 qtos s/ 2 suites ( sts. c/ armas e terraço) coz. c/ arms mesa granito e despensa, serv, dce Ed. Revenant - Varanda, sala, wc´s c/ Box, 3 qtos (st) c/ arms, coz. c/ arms, serv, dce, 2 vagas Ed. Esmeralda - R$ 170 mil - 3 qtos s/ 01 revers, sala c/ var, coz, serv, wc serv. andar alto Ed. Buarque de Holanda - Área 260m² Varanda em L, sala 3 amb, 4 qtos s/ 2 suites todos c/ arms, wc´s c/ blindex, coz, c/ arms, serv, dce, 4 vgs Ed. Chateau Chambord - Área 175m² Varanda, sala em L, home, 3 qtos (2 sts) wc, cozinha, serv, dce, 3 vagas POÇO Conj. Santo Eduardo - Térreo: Sala 2 ambientes, wc social, 2 quartos, coz, serv, garagem. R$ 80 mil. MANGABEIRAS Ed. Roberto Malta - Vendo quarto e sala, coz, wc., 2 elev, gerador, gás, 01 vaga Cond. Ilhas do Caribe - sala c/ estante, wc´s c/ Box blindex, 3 qtos c/ arms, s/ 01 suite, coz. c/ arms, wc serviço. R$ 120 mil. PRADO Ed. Vega - Pc. Da Faculdade - andar alto, varanda, sala, wc soc, 3 qtos (st) coz, serv, dce. R$ 120 mil

CASAS Farol Prox. Pç. Arno de Melo - Vendo casa com garagem, sala estar, 2 amb, jantar, wc soc. , 3 qtos c/ arms (st) coz. c/ arms, e despensa, serv, depósito, dce. Troco apto. Transversal Av. Rotary - Casa com sala 3 ambientes, wc soc c/ blindex,, 3 qtos (st), copa, coz, serv Av. Rotary - Excelente casa com garagem, terraço, 3 salas, gabinete, wc soc, 3 qtos (st) copa, coz, serv, dce. Exc. p/ consultório JATIÚCA Stella Maris - Térreo: Garagem, sala 3 ambientes com terraço e churrasqueira, gabinete, lavabo, cozinha com arms, serv, dce. 1º. Andar: circulação wc social com Box e arms, 4 qtos s/ 01 suite c/ hidro e armários, terraço p/2 quartos TABULEIRO JARDIM FORMOSA- Casa com terraço, garagem, sala 2 ambientes, wc social, 03 quartos sendo 01 suite, copa/ cozinha com mesa em granito e armários, depósito

PONTO COMERCIAL Farol Empresarial Comendador Palmeira Vendo sala com wc. Prédio com elevador. R$ 28 mil

TERRENOS JATIÚCA Rua Hamilton Barros Soutinho - Antiga Rua Santo Amaro - Vendo terreno 12x25 BARRO DURO Av. Juca Sampaio - Terreno Comercial prox. ao Hiper Comercial e Casa Jardim do Barro Duro med. 15x40 LITORAL SUL Barra São Miguel - Arquipélago do Sol - Vendo lote 15x30 no Bahamas

BIU

NEGÓCIOS DIVERSOS VENDE-SE Uma espingarda submarina cobra ataque. Nova R$ 180,00, usada R$ 140,00. Tr. 9629245. VENDE-SE Duas mesas de serigrafia p/ revelar novas. Tr. 9824421. ADQUIRA SEU CARRO NOVO OU USADO Com parcelas fixas à partir de R$ 120,00, oferta mínima de 10%. Aceitamos o seu carro, como entrada. Contactar 30222882, c/ Gean.

SERV. PROF. SERVIÇOS DIVERSOS

VEÍCULOS CHEVROLET CORSA VENDE-SE Corsa 95, c/ar condicionado, GNV, trava e alarme. Tratar pelos telefones para contatos: 9150-6543/ 88715788.

VEÍCULOS FIAT

MODA ESTÉTICA E COSMÉTICOS TRATA PÉ - calos e unhas cravadas, massagem corporal, limpeza de pele, tratamos também cabelos e fazemos depilação. Tratar: 33365096.

4009-1961 LIGUE E ANUNCIE

AKY LAVAGEM - Lavamos e impermeabilizamos sofás, tapetes, colchões, banco de carros e todo tipo de estofados. Lavamos em domicílio, agora ficou fácil lavar seu carro, ligue que nós iremos lavar na sua residência com precinho que cabe no seu bolso. Tel.: 3032-7212/ 8838-3310. INSTALAMOS: sercas elétricas e colocamos câmaras e alarmes. Tr.: 9317-4014. ELETRICISTADE ALTAE BAIXA TENSÃO atende em domicílio e comércio (24 horas). Tr.: 93045887/ 8807-4038.

4009-1961 LIGUE E ANUNCIE

SIENA VENDE-SE Siena Branco 1.098/99 - 4 portas, GNV. Tratar 9309-1806.

VEÍCULOS VOLKS APARTAMENTOS Ponta Verde Ed. Abaíba - Lida vista p/mar - Área 200m² - Varanda, sala c/ estante e bar, WC social c/ arms, e bliondex, 03 quartos sendo 2 suites com ( suítes c/ arms e varanda), coz. c/ arms, serv, DCE, 2 vagas. Ed. Rui Palmeira - Sala c/ var, wc soc, 3 qtos s/ 01 revers, coz, serv, wc serv, 1 elev. Ed. Desirré - Área 66m² Sala c/ varanda, 2 suites s/ 01 revers, cozinha, serviço. Jatiúca Ed. Porto Valarta - Apto. 301 - Área 63m² e 75m² com 3 qtos (st) coz, serv, 2 elev, gerador, 01 vagas. Ed. Ametista 8 - Área 42m² - 2 quadra - quarto e sala com armários e Box em vidro temperado. Contrato fixo. Ed. Oregon - Aptos: 402, Novo, 2 quartos sendo 01 suite, coz, serv. piscina, salão festas 01 ou 2 vagas.

Ed. Oregon - Aptos: 602, Novo, 2 qtos sendo 01 suite, coz, serv. piscina, salão festas 01 ou 2 vagas. Ed. Jorge de Lima - Sala com estante, wc soc. c/ arm. E blindex, 3 qtos s/1 ver. Todos c/arms, coz..c /arms, serv. c/arms, wc serv, c/ blindex. Ed. Seatlle - Apto. 505 Novo, 2 quartos sendo 01 suite, coz, serv. piscina, salão festas 01 ou 2 vagas. Ed. Seatlle - Apto. 505 Novo, 2 quartos sendo 01 suite, coz, serv. piscina, salão festas 01 ou 2 vagas. Ed. Seatlle - Apto. 603 Novo, 3 quartos sendo 01 suite, coz, serv. piscina, salão festas 01 ou 2 vagas. Ed. Seatlle - Apto. 606 Novo, 3 quartos sendo 01 suite, coz, serv. piscina, salão festas 01 ou 2 vagas. Ed Lótus - Aptos. 515 e 509 - Alugo vários aptos, tipo studio prox. ao Restaurante Divina Gula.

Poço PONTOS Ed. Bruno Perreli - Apto. 107 COMERCIAIS - Novo, c/varanda, sala, wc Farol social, 3 qtos ( st) coz, área Av. Alvaro Calheiros - Alugo serviço, lazer na cobertura c/ loja medindo 12,50 x 20 com salão festas, piscina, sauna. opção de 20x20. N4112 - Alugo prédio com Ed. Bruno Perreli - Apto. 903 2 pavimentos na AV. Tomaz - Novo, c/varanda, sala, wc Espindola, 151 - Farol. R$ social, 3 qtos (st) coz, área 1.500,00 serviço, lazer na cobertura c/ Jatiúca salão festas, piscina, sauna. N5561 - Av. Jatiúca - Alugo Cruz das Almas térreo e 1º pav. em frente a Ed. Santa Joana - Sala, wc Pediatria 24h. social, 2 quartos, cozinha, N1212 - Av. Álvaro Otacílio serviço, wc serviço ( Beira Mar ) Alugo terreno CASAS vizinho a Galeria Passeio Stella Maris medindo 22,50 Farol Rua Natal - Alugo casa com x70. Exc. p/agência bancária. garagem, sala única, wc so- N1705 - Av. Álvaro cial, 3 qtos s/1 ste, cozinha, Calheiros - Alugo terreno área de serviço, dependên- medindo 12x30. N1213 - Av. Álvaro cia completa de empregada. Calheiros - Alugo terreno Mangabeiras medindo 60x33. Ao Lado do Já Mangabeiras Jacintinho - R$ 1.800,00 - Garagem, 2 Loja - Alugo loja com wc ao salas, wc social, 4 qtos (2 Lado do Gramadão R$ 300,00. sts.) cozinha, serv, dce.

POLO VENDE-SE 1 Polo completo, jogo de rodas e bancos de couro, cor preto. Tr.: 9139-0619.

4009-1961 LIGUE E ANUNCIE

CMYK


OJORNAL 04/03/2010