Page 1

MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 TERÇA-FEIRA

ANO 18 NÚMERO 486 R$ 1,50

Exemplar de Assinante

O Jornal Pretendido por outros clubes, Lúcio Maranhão pode deixar o ASA

A4

A13

Arquivo

Dilma reafirma críticas à política de países ricos em encontro com Obama PORTO REAL DO COLÉGIO

Fotos: Fernando Vinícius/Aquiacontece

Rio São Franciso

Local do acidente Porto Real do Colégio

Povoado Taperinha

BR-101

Grave acidente na BR-101 deixa 5 mortos em AL Acidente envolveu três carros pequenos, um caminhão e uma carreta Um acidente envolvendo cinco carros deixou, ontem, o saldo de cinco pessoas mortas e quatro feridas. O desastre aconteceu no final da manhã, na BR-101, trecho

compreendido no povoado Taperinha, em Porto Real do Colégio. O motorista de um veículo Corolla foi quem provocou o acidente após bater numa carreta. Ele

também morreu na colisão, mas não foi identificado. As outras quatro vítimas fatais que viajavam num Celta com placa do Recife A12 morreram carbonizadas.

DST/AIDS

Secom Maceió

Carreta despencou de precipício, arrastou o Celta e pegou fogo

Corolla também pegou fogo no acidente; motorista não foi identificado

BALDOMERO O governo do Estado decidiu montar uma força-tarefa para impedir a desativação do presídio Baldomero Cavalcanti. A ideia é tentar parcerias com entidades e a iniciativa privada. Em reunião, o Conselho de Segurança opinou a favor da desativação. A2

SUPLEMENTO www.mais.al l tecnologi

, 10 DE ABRIL DE 2012 O JORNAL l MACEIÓ

l TERÇA-FEIRA

E

br

a@ojornal-al.com.

Produtos tecnológicos com sabor de chocolate

Chrome é o navegador mais popular do Brasil

2

8

ogia

Tecnol Educação &

g s

O mundo encantado da

leitura ias, m contação de histór Projetos que reúne livros e distribuição de produção de audio anos trazem um olhar alago obras de autores a leitura, incentivando diferenciado sobreadultos a ler com prazer. e crianças, jovens 4, 5 E 6

EXTRATO DO IR O contribuinte que declarou o IR 2012 já pode consultar o extrato para identificar pendências e evitar a malha fina. O documento está disponível no Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte. Para acessá-lo, há a necessidade de uso de uma senha gerada pelo próprio sistema. A8

As ações foram encerradas ontem com grande movimento

Campanha mobiliza B. Bentes Foi encerrada ontem, no Benedito Bentes, a campanha preventiva DST/Aids, com a testagem

para a comunidade. Mais de 450 pessoas participaram da ação, fornecendo sangue para os

exames. A Secretaria Municipal de Saúde tinha iniciado a campanha A9 logo depois do carnaval.

COMPOSIÇÃO

LIQUIDA MACEIÓ

CORURIPE

Anunciados três nomes para o Gecoc

10ª edição da campanha será lançada hoje

Assaltantes explodem BB na Pindorama

A3

A7

COTAÇÕES DÓLAR (COMPRA)...................1.8170 DÓLAR (VENDA).....................1.8190 POUPANÇA...........................0,5291

EURO (COMPRA).....................2.3882 EURO (VENDA).......................2.3891

Projetos que incentivam a leitura dinâmica TECNOLOGIA & EDUCAÇÃO

AFTOSA

Arquivo

Ministério da Agricultura vai fazer sorologia em animais de 81 propriedades

A7

A12

MARÉS 06h02...............2.1 12h21...............0.2

18h41...............2.0

FASES DA LUA NOVA.............21/4..7h19

CHEIA.............6/4..19h19

CRESCENTE........9/4..9h57

MINGUANTE....13/4..10h50

A SSINATURAS : 82 4009.1919 CLASSIFICADOS : 82 4009.1930

P UBLICIDADE : 82 4009.1961 PABX : 82 4009.1900


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A2

Política

www.mais.al politica@ojornal-al.com.br

BALDOMERO

PautaGeral

Força-tarefa tenta impedir a desativação

Da Redação pautageral@ojornal-al.com.br

Muita conversa

A

Assembleia Legislativa vai passar uma semana de indefinição e de muitos bastidores com a proximidade da seleção do novo conselheiro do Tribunal de Contas, marcada para próxima segunda-feira. Já são 13 candidaturas da sociedade civil, enquanto os deputados estão divididos em torno do presidente Fernando Toledo (PSDB) e de Gilvan Barros (PSDB). Os dois intensificaram os contatos, mesmo com Toledo afirmando publicamente que está em dúvida quanto à candidatura. Barros aponta ter 10 votos e a garantia de um compromisso até mesmo do outro tucano.

Fotos: Arquivo

Ideia do governo é contar com a iniciativa privada para fazer reformas na unidade prisional

Mudanças

zada na semana passada com a Limpel, a empresa se prontificou a fazer uma limpeza nas dependências da unidade. “Temos restos de construção em algumas partes do Baldomero e há a necessidade de trator e caçamba para fazer a limpeza. A Limpel disse que vai fazer este trabalho e ainda fazer um mutirão para limpar a unidade”, explica.

IRACEMA FERRO iracemaferro@ojornal-al.com.br

O Ministério Público Estadual faz uma série de mudanças não apenas no comando do Gecoc. Nesta quarta-feira, às 10 horas, também tomam posse, no prédio-sede do MPE, o novo subprocurador judicial, Afrânio Roberto Pereira de Queiroz, e o novo subprocurador administrativo, Sérgio Jucá. Luiz Vasconcelos sai do Gecoc e fica com a Assessoria Especial da PGJ.

U

Arquivo

Resolvam

ma força-tarefa está sendo montada pelo governo de Alagoas para tentar impedir que a penitenciária Baldomero Cavalcanti seja desativada. A ideia do governo do Estado é contar com o apoio da iniciativa privada, sindicatos e de universidades para fazer reformas na unidade prisional e prestar assistência médica, odontológica, social e jurídica para os reeducandos. A iniciativa de criar uma força-tarefa foi tomada depois que o advogado Antônio Carlos Gouveia, do Conselho Estadual de Segurança Pública (Conseg), fez uma inspeção no Baldomero e constatou várias irregularidades.

Carlos Luna diz que as ações no Baldomero devem começar ainda esta semana

“O governo assumiu a dianteira e fez a primeira rodada de reuniões. Ele se reuniu com reitores de nove faculdades e solicitou a ajuda das instituições de ensino para oferecer assistência

médica, odontológica, social e jurídica para os reeducandos”, afirma o superintendente de Administração Penitenciária, Carlos Luna. O superintendente lembra que, em uma reunião reali-

O reitor Eurico Lobo colocou a responsabilidade pelo retorno às aulas da Ufal nas contas do governo estadual. Para ele, quem deve garantir a segurança dos estudantes e professores que sofrem com a presença de presídios ao lado das universidades é o Estado.

REUNIÃO Na tarde de ontem, representantes do governo do Estado e o superintendente tiveram uma reunião com os diretores da Limpel. “Essa reunião com a Limpel abre a segunda rodada de conversas para consolidar essas parcerias. As ações devem começar ainda esta semana”, prevê Luna. Ele adianta que a reunião com o Sinduscon e a Ademi está marcada para amanhã. A reforma na unidade e a assistência aos apenados é uma exigência do Conseg para que o Baldomero continue funcionando.

Inspeção identifica 16 problemas nas instalações

Desgaste A falta de representantes da Transpal e da SMTT na reunião organizada pela Comissão Especial de Inquérito da Câmara de Maceió demonstra a fragilidade política do colegiado - que nem sequer foi respeitado por quem deveria aparecer para prestar explicações.

Vou ficando Rogério Teófilo resolveu ficar no cargo de secretário estadual de Articulação Política até o prazo final de desincompatibilização em junho. Ele acredita que terá mais visibilidade para disputar a Prefeitura de Arapiraca se ficar no cargo.

Vou saindo Já Jorge VI deixou o comando da Secretaria Adjunta de Esportes. Ele vai – mais uma vez – para disputa de vereador em Maceió. Enquanto isso, o comando do CSA fica até junho, quando ele terá que se afastar. Vânia Lopes assume a secretaria interinamente.

Farinha O deputado federal Arthur Lira (PP) se reuniu com o presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Guilherme Almeida, para pedir apoio para a construção de duas casas de farinha automatizadas para produtores do município de Teotônio Vilela.

Preocupando 1 O deputado federal Givaldo Carimbão (PSB) sentiu que a ascensão de seu nome na sucessão em Maceió está preocupando o PSDB. O parlamentar sabe que tem mais penetração na periferia do que Rui Palmeira e que por isso pode desequilibrar a disputa caso seja candidato.

Preocupando 2 Já em relação ao DEM, os tucanos estão mais tranquilos, pois acreditam que conseguem neutralizar o partido oferecendo a indicação do vice na chapa com o apoio de Teotonio Vilela. O PSB tem feito pressão para entrar na disputa em Maceió, pois a vitória na capital passa pelos planos do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, na eleição presidencial de 2014.

Termômetro

A

candidatura para prefeito de Joaquim Beltrão em Coruripe. Une o grupo que administra o município em torno de sua liderança mais popular.

O

falecimento repentino do procurador aposentado Arnoldo Chagas. Iniciou a vida no rádio e sempre foi apontado como visionário na área da comunicação.

Paulo Brêda, presidente do Conseg, sobre o Baldomero: “Foi projeto para segurança máxima; mas está longe disso”

Conselho de Segurança defende fim do presídio GILSON MONTEIRO gilsonmonteiro@ojornal-al.com.br Com um relatório de 15 páginas resultado da inspeção feita em 20 de março, o Conselho Estadual de Segurança Pública tem o mesmo entendimento expresso pelo superintendente Geral de Administração Penitenciária, tenente-coronel Carlos Luna, em reportagem publicada na edição do último domingo de O Jornal: o presídio Baldomero Cavalcanti deveria ser demolido. A O Jornal, Luna falou sobre a possibilidade. Segundo o presidente do Conseg, Paulo Brêda, um investimento “pesado” no Baldomero não compensa. “Pelo o que concluímos na inspeção, realmente não vale a pena um investimento pesado para reformar o Baldomero. A estrutura está toda danificada, foi um presídio mal construído, boa parte das paredes não é de concreto. Com uma colher, cavando, é possível abrir um buraco para

escapar. Foi projeto para segurança máxima, mas está longe disso. Realmente não vale a pena reformar”, disse. Mas o presidente do Conseg não defende a demolição imediata da unidade prisional. “Na verdade não se pode demolir o presídio sem planejar, pois se precisa saber para onde irão esses presos que hoje ocupam o Baldomero. Na verdade o melhor seria fazer uma reforma emergencial, para tornar o lugar menos insalubre, com condições pelo menos básicas de habitação, dando uma sobrevida ao presídio”, sugere Paulo Brêda. DEMOLIÇÃO Na reportagem da edição do último domingo de O Jornal, o superintendente do Sgap afirma que a tendência realmente é a demolição do presídio. Segundo Luna, a construção de uma nova unidade seria mais viável e mais barata do que uma reforma no presídio Baldo-

mero Cavalcanti. “Solicitei um laudo, que apontou aquilo que já compreendíamos, que é a demolição do presídio Baldomero Cavalcante. Essa é a linha que estamos apontando, e também é esse o caminho que o governo deve tomar. Tecnicamente temos esse laudo que mostra isso, e estamos trabalhando nesse sentido”, afirmou Luna, listando alguns dos vários problemas na unidade prisional. “Dos cinco módulos, apenas dois têm parede de concreto. Quem já visitou o Sistema Prisional, já viu a distância entre os módulos, que dificulta a segurança. A estrutura está totalmente comprometida. As instalações elétricas estão tão comprometidas que não é possível instalar câmeras de segurança. A parte hidráulica também está em péssimas condições. Por esses e outros problemas achamos que a solução seria a demolição”, disse o superintendente.

Se g u i n d o u m c ro n o grama de inspeções em todo o Sistema Prisional, o Conselho Estadual de Segurança Pública visitou as instalações do presídio Baldomero Cavalcanti no último dia 20 de março. O resultado foi um relatório de 15 páginas constatando 16 problemas que vão desde superlotação à alimentação de baixa qualidade. Na inspeção foram detectados excesso de presos; funcionamento precário das atividades de estudo para os presos iletrados; ausência de regulamento interno que delimite ações dos agentes, funcionários e apenados; ausência de pagamentos aos detentos pelos trabalhos realizados; necessidade de reforma no prédio, principalmente nos módulos dois e três; ausência de serviço odontológico; falta de um plano de carreira; de preparo prévio e capacitação e treinamento; ausência de atividades físicas; alto número de prestadores de serviço (quantidade chega a 800); apenas seis agentes fazendo o controle de visitas e o acompanhamento do preso; ausência de gerador; reposição de fardamento; alimentação de péssima qualidade para funcionários e detentos; área de lazer desativada; e lixo acumulado nas dependências da unidade. O relatório determina ainda um prazo de 48 para que a Superintendência dê explicações para os problemas identificados na inspeção. Segundo o presidente do Conseg, Paulo Brêda, parte dos problemas foram justificados, e alguns resolvidos, como o atendimento médico a um detento com grave problema de saúde. G.M.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A3

Política

www.mais.al politica@ojornal-al.com.br

MPE

Contexto Roberto Vilanova bobvilanova@hotmail.com

De 100%

N

a época passou despercebido ou então se fez “vistas grossas”, mas o fato é que a indicação do conselheiro Otávio Lessa para o Tribunal de Contas do Estado quebrou a sequência lógica para o preenchimento das vagas abertas por aposentadoria no TC alagoano. A indicação foi feita pelo governador – na época, Ronaldo Lessa – e o Poder Legislativo, que deve manter quatro representantes no TC, hoje tem apenas três. O deputado Marcelo Victor foi o único até agora a gritar em favor da Assembleia e disse até estranhar o silêncio de seus pares, diante de uma situação que, para ele, “é de fundamental importância, porque se trata de a Assembleia firmar posição e de não abrir mão das suas prerrogativas.” E, como se embolou o meio-de-campo, o preenchimento da vaga do conselheiro Isnaldo Bulhões, que atingiu a compulsório, será o mais corrido da história do Tribunal de Contas – ainda que a chance de a Assembleia indicar o novo conselheiro é seja de 100%.

Gecoc tem a sua nova composição anunciada Alfredo Gaspar, Hamilton Carneiro e Antonio Luiz fazem parte do grupo; posse acontecerá amanhã DA EDITORIA DE POLÍTICA politica@ojornal-al.com.br

O

a atuar juntos no desmantelamento de quadrilhas que estejam atuando em Alagoas. A posse está marcada para amanhã, às 10 horas da manhã, no prédio-sede do MPE, ao lado das posses do novo subprocurador-geral Judicial, Afrânio Roberto Pereira de Queiroz, e do novo subprocurador-geral Administrativo, Sérgio Jucá. As informações estão no site oficial do MPE na internet. Os nomes foram definidos em uma reunião que durou toda manhã de ontem. Para Eduardo Tavares, a preocupação no combate à violência está presente no dia a dia do MPE e que, por isso, o Gecoc aparece como um aliado da

Legislativo na fita

p r o c u r a d o r- g e r a l de Justiça, Eduardo Tavares, anunciou ontem a nova composição do Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas do Ministério Público Estadual. Os promotores Alfredo Gaspar de Mendonça, Hamilton Carneiro Júnior e Antonio Luiz dos Santos Filho passam

O deputado Marcelo Vitor desafia a quem interessar possa que lhe provem que a vaga atual de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado não é da Assembleia.

CASO THAÍSE GUEDES

Calma O presidente da Assembleia, deputado Fernando Toledo, avisa que só vai se manifestar sobre a disputa pela vaga de conselheiro do Tribunal de Contas “no momento certo”. Mas lembra que o cargo faz parte de um acordo dele com o governador Téo Vilela, firmado antes da eleição de 2010.

Logo

De mal

O senador Renan Calheiros fechou questão na escolha do novo presidente do Conselho de Ética do Senado – que é prerrogativa do PMDB. Ele chegou no domingo à noite em Brasília e começou logo a articular a escolha do novo presidente do Conselho de Ética.

E, por falar no senador Renan Calheiros, ele vê a situação do senador Demóstenes Torres complicada e não se surpreenderá se ele (Demóstenes) for cassado. O senador Demóstenes Torres é acusado de envolvimento com o bicheiro goiano Carlinhos Cachoeira.

Bandeja à vista Antes da Semana Santa, o senador Renan Calheiros recebeu a visita do senador José Agripino, presidente do DEM, que foi lhe comunicar que expulsaria Demóstenes do partido.

Pensa

Firme

Quem pensa que o senador Fernando Collor está desligado se engana. Para se ter uma ideia, a eleição municipal de 2012 não aconteceu ainda e Fernando Collor já está tratando de 2014, quando pensa em disputar o governo do Estado.

O presidente estadual do PPS, Regis Cavalcante, adiantou que o partido não ficará à margem da sucessão municipal em Arapiraca e que vai lançar candidato próprio à prefeitura. Quem será o candidato – isso só em junho.

Primeiro da fila Ex-vereador e atualmente deputado estadual, Severino Pessoa é o nome mais forte do PPS para disputar a sucessão do prefeito Luciano Barbosa.

Desdém

Na marra

Os vereadores Paulo Corintho, Ricardo Barbosa, Heloísa Helena e Davi Davino se sentiram “o lixo”, ontem, quando esperaram em vão a presença do representante da SMTT e da Transpal para depor na Comissão Especial de Investigação (CEI) do Transporte Rodoviário em Maceió.

Se na segunda-feira, 16, o superintendente da SMTT, Ranilson Campos, e o presidente da Transpal, Sérgio Rodrigues, não comparecerem à sessão, os vereadores prometem trazê-los à força pela orelha. É que a CEI tem poder de polícia – resta saber se vai mesmo exercê-lo no dia 16.

sociedade, especialmente no trabalho de inteligência. Ele ressaltou o trabalho em parceria com as demais instituições da área de segurança pública, destacando o apoio recebido da 17ª Vara Criminal, do Conselho Estadual de Segurança (Conseg), da Secretaria de Defesa Social, Polícia Civil, Militar, Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal. Alfredo Gaspar e Hamilton Carneiro retornam ao Gecoc após um ano atuando em suas promotorias de origem. Eles fizeram parte da primeira composição da gestão de Eduardo Tavares. Já Antonio Luiz será remanescente do grupo atual, que era

coordenado pelo promotor Luiz Vasconcelos, que seguirá como assessor especial do procurador-geral de Justiça, e também toma posse amanhã. GAECO Em breve, o Gecoc passará a se chamar Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), ganhando mais poderes de ação, como está previsto no projeto de lei enviado à Assembleia Legislativa. Essa mudança atende a uma questão de taxonomia sugerida pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), bem como para aumentar o raio de atuação do colegiado de promotores.

Coronel vai ser investigado Arquivo

ALEXANDRE H. LINO alexandrehlino@ojornal-al.com.br

confirmou que este tipo de serviço faz parte de suas funções de assessoramento no Legislativo estadual. Ele chegou a comparar o episódio com o apoio de um pai a um filho durante uma abordagem policial, aonde o familiar vai até o local para tentar resolver o problema. Amorim não comentou a apreensão e liberação do veículo.

O

episódio que envolveu a tentativa de apreensão do carro da deputada estadual Thaíse Guedes (PSC) em uma blitz do Batalhão de Trânsito, na semana passada, levou o Conselho Estadual de Segurança a solicitar abertura de investigação contra o coronel Paulo Amorim, comandante da Assessoria Militar da Assembleia Legislativa. Foi o oficial quem autorizou que dois policiais fossem até o local “para auxiliar a deputada”. Por conta própria, eles “liberaram o carro”. O oficial teve o nome lembrado como um dos investigados pela Operação Taturana, da Polícia Federal. Em 2007, Paulo Amorim foi flagrado prometendo a um deputado o afastamento de um policial porque ele parou o irmão do parlamentar numa fiscalização de rotina. O militar foi mesmo afastado. As investigações foram abertas em 2009, pela então conselheira Karla Padilha, e estavam

Coronel Paulo Amorim também teve o nome citado na Operação Taturana

paradas. O nome do deputado ajudado pelo coronel não foi citado. O coronel Dimas Barros, representante da PM no Conseg, prometeu buscar informações de como anda o caso na corregedoria. Agora, com a deputada Thaíse Guedes, o veículo, um utilitário esportivo Kia Sorrento preto, de placa NML 3181, estava com o licenciamento atrasado há mais de dois anos e o motorista da parlamentar - que é deficiente física - também não tinha

habilitação. A situação serviu para que o conselheiro Paulo Breda voltasse a se posicionar contra a existência das assessorias militares. Para ele, policiais não devem ser usados como porteiros ou recepcionistas. Em uma entrevista na TV, o coronel Paulo Amorim, comandante da Assessoria Militar da Assembleia, confirmou que determinou que dois militares fossem até o local da blitz para auxiliar a deputada “dentro da lei”. O oficial

NA LEI De acordo com a lei, deficientes físicos são isentos do pagamento de IPVA, só que precisam pagar o licenciamento anual. O Bptran confirmou que a deputada foi multada em pouco mais de R$ 190 no final da sessão de terça-feira. E que os policiais foram até a Assembleia Legislativa para entregar a notificação. Só ainda não está claro quem deve receber a punição com a perda de 7 pontos na carteira, já que o motorista não possuía habilitação, assim como a deputada, proprietária do carro. Este tipo de infração é considerada gravíssima.

CEI DA TRANSPAL

Entidades não comparecem

Falta dupla Para os vereadores, o superintendente da SMTT e o diretor da Transpal combinaram a falta. Só o engenheiro Rostand Lanverli, do Conselho Municipal de Transporte, justificou a ausência.

Expressas O deputado Ricardo Nezinho mandou sobrestar o plano dele para disputar a Prefeitura de Arapiraca este ano. Agora, só... Deus sabe quando. Suplente de deputada pelo PT, Patrícia Sampaio vai assumir este mês uma vaga na Assembleia, conforme a coluna antecipou no mês passado. O deputado Ronaldo Medeiros agora é o principal “cabo eleitoral” da empresária Patrícia Sampaio na disputada pela Prefeitura de Palmeira dos Índios. – “Eu pensei em disputar a prefeitura (Palmeira dos Índios), mas muita gente me pediu para permanecer na Assembleia” – disse o deputado Ronaldo Medeiro, à coluna, por telefone.

GILSON MONTEIRO gilsonmonteiro@ojornal-al.com.br

A

CEI da Transpal, Comissão Especial de Investigação criada na Câmara Municipal de Maceió para investigar o reajuste na tarifa de ônibus coletivo da capital que já nasceu sem muita força emperrou ainda mais depois de as entidades convidadas não compareceram a reunião agendada para ontem. Nem a Transpal (Associação dos Transportadores Associação dos Transportadores de Passageiros do Estado de Alagoas) nem a SMTT (Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito) compareceram à reunião. As informações que seriam colhidas ontem seriam

usadas para dar prosseguimento ao trabalho do grupo, que ainda pretende ouvir representantes do Sindicato dos Transportadores Rodoviários de Alagoas (Sintro) e entidades estudantis. Apenas o representante do Conselho Municipal de Transporte, Rostand Lanverli, enviou justificativa para a ausência, alegando estar fora do país. Sem resposta das entidades, a comissão resolveu passar do convite para a convocação. “Não queremos, mas poderemos usar o poder de polícia que o regimento da Casa nos dá. Agora que o convite foi recusado, iremos convocar, forçando as entidades a comparecerem. A Casa quer debater o tema da forma mais

clara possível, e vamos dá prosseguimento á CEI”, disse o vereador Ricardo Barbosa (PT), relator da Comissão que conta ainda com os vereadores Heloisa Helena (PSOL) e Davi Davino (PP). Segundo o presidente da CEI, vereador Paulo Corintho (PDT), a SMTT e a Transpal serão convocados para reunião na próxima segunda-feira, dia 16. “Se eles não estiverem presentes, a CEI tem poder de polícia para mandar buscá-los”, disse Corintho. O Jornal não conseguiu contato com Transpal nem com a SMTT para falar sobre o assunto. VIOLÊNCIA Outra Comissão que anda

a passos lentos no Legislativo é a “CEI da Violência”, que promete radiografar a violência contra jovens na capital alagoana. O grupo deve ser instalado oficialmente hoje, após a sessão ordinária. “Iremos instalar a Comissão, para começarmos a elaborar um calendário de pessoas e entidades que serão ouvidas”, disse Barbosa, que evita citar quem serão os convidados. A comissão contará com a colaboração do advogado Pedro Montenegro, que já coordenou a Comissão Permanente de Combate à Tortura e à Violência Institucional do Ministério da Justiça e é ex-secretário Municipal de Direitos Humanos de Maceió.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A4

Nacional Conversa com a Presidenta Coluna semanal da presidenta Dilma

Joel de Souza M. Filho, 69 anos, engenheiro em Salvador (BA) – O governo abandonou o programa de construção de UPPs em todo o Brasil? Fiquei estarrecido, pois este programa foi o que de melhor apareceu na área de segurança. Presidenta Dilma – Joel, a implantação de Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) é um programa do governo do Rio de Janeiro, apoiado pelo governo federal, que tem tido muito sucesso. O objetivo do governo é incentivar por todo o país as boas práticas na segurança pública, como é o caso da UPP. O governo federal nunca abandonou o conceito das UPPs, que é a retomada de territórios dominados pela criminalidade com forte presença do Estado. Mas a UPP tem características que são específicas para a realidade da violência do Rio de Janeiro, que não é a mesma de outras cidades brasileiras. O objetivo do governo federal é incentivar o policiamento de proximidade, ou policiamento comunitário, que faz parte do projeto das UPPs. Seguindo essa política, o Ministério da Justiça tem readequado o projeto de postos fixos de policiamento comunitário. Inicialmente, os 2.883 postos seriam fixos, espalhados por todo Brasil, mas há situações em que a utilização de bases móveis com monitoramento feito por câmeras é mais eficiente. As bases móveis, por exemplo, são estrategicamente melhores para o enfrentamento ao crack. No programa Crack, é Possível Vencer, lançado pelo governo federal, já é utilizado o policiamento de proximidade, que pode ser feito tanto com bases móveis como com postos fixos.

Rogério Leite, 45 anos, assistente de controladoria em Belo Horizonte (MG) – Por que não é possível comprar um lote à vista através do FGTS? Sendo à vista, não haverá interferência da Caixa, isto é, alienação do imóvel ao sistema bancário. Presidenta Dilma – Rogério, é possível, sim, comprar um lote com recursos do seu FGTS, e até com financiamento da Caixa Econômica Federal, oriundo do FGTS, desde que a aquisição do terreno se destine à construção de sua moradia própria. A restrição existe apenas para a compra de um terreno desvinculado de uma construção. O FGTS foi criado com o objetivo principal de proteger o trabalhador na eventualidade de ser demitido sem justa causa. Mas a legislação estabeleceu algumas exceções. O saque para a compra de terrenos está vinculado à legislação do Sistema Financeiro da Habitação, regulado pela Lei 4.380/64, que impede a aplicação destes recursos em terrenos que não são destinados à construção imediata. É bom lembrar que, para usar o FGTS na compra de um imóvel, o trabalhador não pode ser proprietário de imóvel na localidade em que trabalha e reside. Essas regras foram criadas pelo Congresso Nacional para que o Fundo, além de garantir a formação de uma garantia financeira pelo tempo de serviço e constituir um patrimônio do trabalhador, destine-se a proporcionar o acesso da população brasileira à casa própria, infraestrutura urbana e saneamento básico.

Elcir P. Euzébio, 54 anos, dona de casa em Cabo Frio (RJ) – Por que o Bolsa Família não tem um valor fixo para todos? Crio a minha neta e só recebo R$ 32,00, mas sei de vizinhos que ganham o dobro. Presidenta Dilma – O valor do Bolsa Família, Elcir, varia de acordo com a situação econômica e a quantidade de crianças, adolescentes e gestantes, podendo ir de R$ 32,00 a R$ 306,00. Isso porque as famílias mais pobres e com mais filhos têm gastos maiores. As famílias com renda de até R$ 70,00 por pessoa recebem um benefício básico, no valor de R$ 70,00, e podem receber mais 5 benefícios variáveis de R$ 32,00 (um para cada criança ou adolescente até 15 anos, gestante ou bebê) e mais 2 benefícios no valor de R$ 38,00 (um para cada adolescente de 16 ou 17 anos). Famílias com renda acima de R$ 70,00 e inferior a R$ 140,00 por pessoa recebem apenas os benefícios variáveis. Para obter mais informações sobre o seu benefício, Elcir, sugiro procurar o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do seu município. No caso das famílias com filhos, lembro a importância de manter o cadastro atualizado, promover o acompanhamento de saúde e também garantir que crianças e adolescentes frequentem a escola. São mais de 13 milhões de famílias recebendo os benefícios e os resultados são muito positivos. Foi a partir da combinação do crescimento econômico com políticas como o Bolsa Família e a elevação do salário mínimo que a classe média incorporou, entre 2003 e 2011, cerca de 40 milhões de pessoas. Envie você também sua pergunta para a presidenta Dilma através do e-mail opiniao@ojornal-al.com.br

www.mais.al nacional@ojornal-al.com.br

NA CASA BRANCA

Dilma critica política monetária dos EUA Em encontro com Obama, presidenta reafirma preocupação com desvalorização de moedas

W

ASHINGTON - Ao se encontrar ontem com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, a presidenta Dilma Rousseff criticou a política de expansão monetária adotada pelos países desenvolvidos com o objetivo de sair da crise que abalou a economia internacional. Dilma disse que essas políticas provocam desvalorização das moedas, entre essas o dólar, e acabam dificultando o desenvolvimento econômico dos países emergentes. “Manifestamos ao presidente Obama a preocupação do Brasil com a expansão monetária, sem que os países com superávits equilibrem essa expansão monetária com políticas fiscais baseadas na expansão dos investimentos.

Essas políticas monetárias solitárias, no que se refere a políticas fiscais, levam à desvalorização das moedas dos países desenvolvidos, levando ao comprometimento dos países emergentes”, disse a presidenta, em declaração conjunta com Obama. Dilma ainda ressaltou que, em médio prazo, o crescimento da economia norte-americana terá mais efeitos positivos para a economia mundial que o peso das economias dos países que fazem parte do Brics, grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. “Os países do Brics respondem hoje por uma parte muito expressiva do crescimento econômico, mas é importante perceber que a retomada do crescimento, num horizonte de médio prazo, passa também pela retomada expressiva da economia norte-americana”, disse Dilma. A presidenta brasileira também destacou que o estreitamento das relações comerciais entre Brasil e EUA,

principalmente na área de geração de energia, além das parcerias na área de desenvolvimento tecnológico, são pontos estratégicos para o Brasil. Essa parceria, na opinião da presidenta, deverá alcançar a exploração de gás e petróleo. “Temos um grande campo de cooperação quando se considera o petróleo e o gás. Tanto no que se refere ao fornecimento de equipamen-

“Sorte” Obama declarou “ter sorte” por encontrar na presidenta Dilma Rousseff uma “parceira” tos e serviços, tanto no que se refere à participação nas relações comerciais”, disseDilma. A presidenta também

aproveitou para agradecer a redução de tarifas ao etanol brasileiro e a parceria dos EUA no programa Ciência sem Fronteiras, que leva ao exterior estudantes brasileiros. Aos jornalistas, Obama declarou “ter sorte” por encontrar na presidente Dilma Rousseff uma “parceira”. Logo depois de uma hora e meia de conversas no Salão Oval da Casa Branca, os dois líderes fizeram declarações para a imprensa - sem dar chances para perguntas - e concentraram-se sobretudo nas oportunidades de negócios oferecidas de lado a lado. Obama elogiou os “progressos do Brasil” nos governos de Dilma e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e admitiu seu interesse em fazer dos EUA “um grande cliente” do País no campo da energia, especialmente em petróleo e gás. “A relação bilateral nunca foi tão forte”, completou, ao confirmar que os EUA abrirão mais dois consulados no Brasil, em Belo Horizonte e Porto Alegre.

Cachaça terá reconhecimento internacional Nesta terça-feira, em Boston, Dilma visitará a Universidade de Havard, que já faz parte do programa, e a sede do Massachusetts Institute of Technology (MIT), que passará a fazer. A meta do Ciência Sem

Fronteiras é enviar 101 mil bolsistas para estudar no exterior - 75 mil financiados pelo governo - e a expectativa é que cerca de um quinto deles venha para os Estados Unidos. Além desses acordos,

Brasil e Estados Unidos devem assinar quatro acordos internacionais e três institucionais. Entre as áreas contempladas estão aviação (na qual os dois países são líderes mundiais), segurança alimentar (para atuação

conjunta em outros países), cooperação descentralizada (relativa a Estados e municípios), além de uma troca de cartas para reconhecimento dos nomes internacionais da cachaça brasileira, e do bourbon e uísque do Tennesse.

BALANÇO DO FERIADO

Média de acidentes tem queda de 10%

B

RASÍLIA - O número de acidentes e mortos nas rodovias federais brasileiras diminuiu neste feriado de Páscoa em comparação com o ano passado, revelam dados da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Em números absolutos, o total de acidentes em 2012 durante o feriadão da Semana Santa foi de 2.569, com 117 mortos e 1.524 feridos. A média de mortes caiu 10%. A PRF fez uma média diária neste ano, pois a operação durou quatro dias, contra cinco da operação em 2011. Neste feriado, a média diária de acidentes fatais foi de 22,5, contra 25 do ano passado. O registro da média de mortos por dia no feriado também recuou em 6%, passando de 31 no ano passado para 29,25 neste ano. O total de acidentes (incluindo leves, graves e fatais) foi menor, apresentando redução de 9% na média diária. Com maior malha rodoviária federal, o principal registro de acidentes e mortes foi no Estado de Minas Gerais. Em segundo lugar ficou o Paraná. A operação Semana Santa da PRF aconteceu em toda a malha de rodovias federais de quinta-feira até o último domingo.

PESQUEIRA Um d o s m a i s g ra v e s acidentes do feriadão aconteceu na BR-232, em Pesqueira, agreste de Pernambuco. Quatro das cinco vítimas pertenciam a uma família do Piauí que estava visitando parentes em Maceió: Eriberto de Souza Rodrigues, 52 anos e que dirigia o carro; a mulher dele, Maria Ednar França Rodrigues, 49; a filha do casal, Érica Maria França Rodrigues, 20; e o namorado dela, identificado apenas como Leandro. A colisão ocorreu no início da tarde do domingo, quando CrossFox com a família vindo de Maceió tentou ultrapassar um caminhão e acabou batendo de frente com um Doblò. Os quatro morreram carbonizados no local. Maria das Graças Lira dos Santos, 62 anos, que estava no Doblò, foi levada em estado grave para o Hospital de Pesqueira, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Mário Gomes dos Santos, 22, e Maria do Socorro Sá, 42, foram levadas para o Hospital Otávio Freitas, no Recife. Mais quatro passageiros do Doblò tiveram fraturas e escoriações pelo corpo e seguem em observação em Pesqueira.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A5

Internacional

www.mais.al internacional@ojornal-al.com.br

SÍRIA

Mineiros soterrados

Mais de 100 morrem durante confrontos Onda de violência prossegue na véspera do prazo para cessar fogo negociado pelo enviado da ONU

Equipes trabalham no reforço ao túnel onde estão os cinco mineiros

Túnel é reforçado antes de resgate

I

CA - Brigadas especializadas em reforçar túneis em minas se juntaram ontem aos trabalhos de resgate dos nove mineiros presos em uma jazida clandestina no sul do Peru. A chegada das duas brigadas com 20 especialistas de companhias mineradoras peruanas trouxe otimismo às famílias dos mineiros presos. Os m i n e i ro s e s t ã o presos desde quinta-feira da semana passada em um túnel horizontal, após um deslizamento na colina onde está a mina de cobre Cabeça de Negro, no bairro de Quilque, na região de Ica. Os nove mineiros estão vivos, recebem líquidos, alimentos e oxigênio através de um tubo metálico pelo qual também se comunicam com os socorristas e seus familiares. Seu estado de saúde é estável, apesar de alguns apresentarem quadros de angústia pela incerteza sobre quanto tempo terão de permanecer presos

debaixo da terra. No domingo, a cautela parecia ter predominado entre os socorristas a respeito de um final feliz do resgate, no momento em que o governo se envolvia no caso e enviava à região o primeiro-ministro Oscar Valdés e o ministro de Minas e Energia, Jorge Merino. O engenheiro de minas César Alarcón Medina, que foi ao local para dar seu apoio, afirmou que o refúgio bloqueado está em uma região curva e, segundo seus cálculos, tem uma largura de cerca de cinco metros. Alarcón prefere não dar uma previsão de quanto tempo levarão para retirar os mineiros. “Tudo depende do que encontrarmos” à medida que a escavação avança. A mina Cabeça de Negro é uma jazida artesanal e informal explorada em condições precárias depois que a mina foi abandonada há mais de duas décadas por seus proprietários.

L

ONDRES - Pelo menos 101 pessoas morreram, ontem, na Síria em confrontos entre opositores e o regime do Bashar al Assad, informam grupos opositores. As mortes acontecem um dia antes do prazo final para o cessar fogo proposto pelo enviado especial da ONU (Organização das Nações Unidas), Kofi Annan. A informação é do Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), organização com sede no Reino Unido. Dentre os mortos, estão 74 civis, 19 membros das forças governamentais e oito militares rebeldes. Já os Comitês de Coordenação Local divulgam que 153 pessoas perderam a vida

em todo o país. Segundo o grupo, o maior número de vítimas mortais foi na cidade de Homs, região central e um dos principais centros de domínio da oposição, e Aleppo, no norte. Na tarde de ontem, os Estados Unidos demonstraram ceticismo sobre a disposição do regime sírio de terminar com os ataques a opositores nesta terça, prazo final dado por Kofi Annan para o cessar fogo no país. “Certamente, não vimos nenhum sinal até o momento de que o regime de Assad respeite seus compromissos”, afirmou o porta-voz da Casa Branca, Jay Carney, em entrevista coletiva. FRONTEIRA Um repórter cinematográfico libanês foi morto ontem por soldados sírios na fronteira dos dois países, afirmou o canal de televisão em que trabalhava. Ali Shaaban, do canal

Al Jadeed, foi atingido por disparos de militares sírios na região fronteiriça de Wadi Khaled enquanto a equipe de reportagem explicava o que estava fazendo no país, de acordo com seu colega, Hussein Khreiss. O primeiro-ministro do Líbano, Najib Mikati, condenou o incidente. “Nós deploramos os disparos do lado sírio da fronteira a uma equipe de reportagem, especialmente porque este grupo estava trabalhando dentro de território libanês”. Também ontem, disparos atingiram a região fronteiriça entre a Síria e a Turquia. Segundo a agência de notícias Associated Press, que cita ativistas, uma pessoa morreu e quatro ficaram feridas. Já de acordo com a rede árabe Al-Jazeera, três pessoas ficaram feridas. É o primeiro incidente do tipo desde que Ancara abriu as portas para refugiados que fogem da escalada de violência que

atinge o país vizinho há um ano. Segundo a organização Observatório Sírio para Direitos Humanos, o incidente começou às 4h (horário local), quando opositores ao regime atacaram forças sírias na fronteira. Segundo Rami Abdul-Rahman, porta-voz do Observatório, o episódio passou para o lado turco quando oito ativistas antiregime feridos correram para um campo de refugiados, e as tropas sírias continuaram atirando. Segundo ele, soldados sírios teriam morrido no tiroteio, uma pessoa morreu no campo (na cidade de Kilis, província de Gaziantepe) e quatro ficaram feridas. O ministério turco de Relações Exteriores não confirmou a morte. A rede de TV árabe Al-Jazeera noticia que dois refugiados sírios e um tradutor turco teriam ficado feridos, e que os disparos atingiram o campo de Kilis.

TITANIC

Viagem é refeita por cruzeiro L

ONDRES - Cem anos após o naufrágio do Titanic, um transatlântico zarpou no domingo da Grã-Bretanha até Nova York, com descendentes dos náufragos a bordo. Assim como o lendário transatlântico, o MS Balmoral partiu de Southampton às 14h GMT, com 1.309 passageiros, mesmo número que o Titanic, naufragado em 14 de abril de 1912. Os ocupantes, de 30 países, pagaram entre 2.799 e 5.995 libras para fazer a viagem. Todas as passagens foram vendidas há dois anos. O preço inclui refeições inspiradas nas do Titanic, e uma orquestra como a do famoso transatlântico, que continuou tocando enquanto o navio afundava. O Balmoral seguirá a rota do Titanic, após uma escala no norte da França e outra na Irlanda. “Não são férias, é uma viagem de lembrança”, explica Philip Littlejohn, neto de um camareiro que sobreviveu à catástrofe.

Casal com trajes da época do naufrágio posa antes de embarcar no Balmoral

Alguns sobreviventes também fazem a viagem. “Quero deixar uma flor no lugar em que meu bisavô morreu”, diz a passageira americana Sharon Willing. Uma cerimônia em memória das vítimas será organizada a bordo do Balmoral, no local onde ficam os restos do Titanic, às 23h40 do dia 14, hora em que ocorreu a colisão. Uma outra cerimônia ocorrerá às 12h20 de 15 de abril, quando o navio afundou. Outro navio da empresa

Fred. Olsen, que zarpou de Nova York, deve se unir ao Balmoral no local do acidente DOCUMENTOS Fotos, listas de passageiros e de membros da tripulação figuram entre os cerca de 200 mil documentos relacionados ao Titanic disponibilizados on-line, ontem, por um site britânico pelo centenário da famosa embarcação. O site ancestry.co.uk, especializado em pesquisas genealógicas, disponibiliza

em particular registros de passageiros que embarcaram a bordo do Titanic em Southampton (Inglaterra) e Queenstown (hoje Cobh, Irlanda), mas não inclui os que embarcaram em Cherburgo (França).Esses registros contêm os nomes, idades e profissões dos passageiros, assim como dados sobre os membros da tripulação. A página publica também os testamentos de Edward Smith, o capitão do Titanic, e dos homens de negócios Benjamin Guggenheim e John Jacob Astor, que morreram no naufrágio na madrugada de 15 de abril de 1912. Os documentos, que estão acessíveis gratuitamente até o dia 31 de maio, incluem também fotos de arquivos, dados sobre os 328 corpos encontrados no mar e uma lista de passageiros fornecida pelo Carpathia, um navio que chegou para ajudar os náufragos do Titanic e que socorreu quase todos os sobreviventes.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A6

Opinião

www.mais.al opiniao@ojornal-al.com.br

Homens de preto Sistema Jornal de Comunicação Conselho Consultivo João Lyra (Presidente), Arnaldo Cansanção Antonio Rezende José Alfredo de Mendonça Nelson Ferreira

Superintendente Silvia Sacuno silvia.sacuno@sistemajornal.com.br Diretora Comercial Eliane Pereira eliane.pereira@sistemajornal.com.br Diretor Adm.-Financeiro Bruno Barrionuevo bruno@sistemajornal.com.br Diretor Jurídico Átila Machado atilamachado@ojornal-al.com.br

N

um presídio, um detento foi flagrado portando um “tablet” [computador portátil, espécie de caderno digital]. No outro, um preso fez um “documentário-denúncia” com os colegas de cela e enviou a filmagem para a imprensa alagoana. Cenas de presos com marcas de espancamentos em várias partes do corpo foram exibidas por quase todos os portais de notícias instantâneas e por emissoras de TV no Estado. O vídeo correu na velocidade própria da Internet. O Estado inteiro e parte do País viram tudo através da lente – provavelmente de um telefone celular de boa qualidade ou não – do preso travestido de cineasta. Ele mesmo fez a narração do seu “documentário”. As imagens são de péssima qualidade, mas dão o recado: todos os presos mostrados pelo vídeo traziam hematomas provocados por espancamentos. O narrador acusa o Batalhão de Operações Policiais Especiais [Bope] pela agressão desmedida e desnecessária. Tudo teria ocorrido quando os homens de capuz preto no rosto procuravam informações sobre dois presos que haviam fugido do Baldomero Cavalcanti. Fazia-se a contagem da população carcerária do Módulo 2. Não há necessidade de espancamento para se contar os presos de um módulo no presídio. Ao todo, 16 presos teriam sido espancados pelos homens do Bope.

No País inteiro – mudando apenas de nome –, o Bope não é chamado para situações comuns. Não são todos os militares das unidades da PM em Alagoas que têm treinamento e coragem para entrar numa unidade prisional. A ideia do Bope é chegar abafando mesmo bem neste estilo: nós somos policiais e vocês, bandidos. Esses policiais são treinados para entrar em ação em situações de risco, como foi o caso. No entanto, a cada “visita” que esta unidade faz a um presídio em Alagoas, fica o rastro de destruição. Em outras épocas, as denúncias eram feitas por familiares de presos que ouviam deles relatos de truculência e espancamentos dos “homens de preto”. Mas, com o advento do telefone celular com câmera, cada pessoa virou um cineasta. E, como celular nos presídios de Alagoas é mais comum do que a vontade de fugir, a cada situação dessas de espancamentos, certamente tudo será gravado e enviado mais uma vez para a imprensa. Aliás, de tão comum o telefone no presídio ninguém ao menos questionou como o preso fez as imagens e, em tese, ele não teria acesso ao equipamento. O Ministério Público quer que a situação seja investigada em inquérito policial. Resta saber se o preso que fez a filmagem vai aparecer para dizer como tudo aconteceu. Aliás, a Polícia Civil sabe que esse tipo de investigação pouco interessa à sociedade.

Editor-Executivo Voney Malta vfamalta@ojornal-al.com.br

Charge

O Jornal Editor-Geral Deraldo Francisco deraldo@ojornal-al.com.br Gerente Comercial Kaline Lages comercial@ojornal-al.com.br Gerente de Recursos Humanos Givaldo Perciano givaldo@ojornal-al.com.br Gerente Financeiro Flávio Bastos financeiro@ojornal-al.com.br

Vendas avulsas Alagoas: Dias úteis Domingos Nºs atrasados

R$ 1,50 R$ 3,00 R$ 6,00

San

Assinaturas em Alagoas: Semestral R$ 270,00 Anual R$ 540,00

EMPRESA EDITORA O JORNAL LTDA E-mail: ojornal@ojornal-al.com.br Site: www.mais.al Av. Comendador Gustavo Paiva, 3771 A Mangabeiras - Maceió/AL CEP: 57037-280 PABX 82 4009.1900 FAX/REDAÇÃO 82 4009.1950 FAX/COMERCIAL 82 4009.1960 CLASSIFICADOS 82 4009.1961 ATENDIMENTO AO ASSINANTE 82 4009.1919

Sucursal Arapiraca Sucursal Agreste Avenida Rio Branco, 157 Sala 10 - Centro Fones - 3522-5375 / 9199-0007 E-MAIL: municipios@ojornal-al.com.br

REPRESENTANTE NACIONAL FTPI SÃO PAULO 11 2178.8700 RIO DE JANEIRO 21 3852.1588 BRASÍLIA 61 3326.3650 RECIFE 81 3446.5832 www.ftpi.com.br

Cartas à Redação: opiniao@ojornal-al.com.br Os artigos assinados são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião de O JORNAL.

A verdade e a ditadura Ronaldo Lessa Engenheiro e ex-governador de Alagoas os últimos anos têm pontificado na imprensa brasileira artigos e reportagens que visam desqualificar a resistência democrática à ditadura militar que se instalou no Brasil a partir de 1964. A Folha de S. Paulo chegou a afirmar, em editorial, que o que houve, na verdade, foi uma “ditabranda”, contrariando o senso comum e os documentos históricos que comprovam tortura, perseguição e exílio. É bom lembrar que em 2008 o AI-5 completou 40 anos. O Ato Institucional fechou o Congresso e deu ao regime dos generais poderes absolutos; os direitos humanos foram revogados e o País mergulhou nos chamados “anos de chumbo”. Muitos foram presos, inclusive o articulista, outros tantos torturados, como a ex-deputada Selma Bandeira, e vários mortos, como o jornalista Jaime Miranda e Manoel Lisboa, membro do Partido Comunista Revolucionário. A censura à imprensa e às artes foi instaurada, a sociedade, amordaçada. Se isso é brandura, o que seria então uma ditadura? Mas cada gota de sangue derramada durante esse período tenebroso serviu para construir a democracia que vivemos hoje. Se não fosse a luta de cada um de nós, talvez a ditadura tivesse perdurado por um período ainda maior, como ocorreu na Espanha, no Chile e em Portugal. Alguns jornalistas se ufanam de ser de direita. Desdenham das lutas sociais, são contras as minorias, os índios, os negros, pregam a pena de morte e acham que os palestinos, por exemplo, deveriam ser expulsos do Oriente Médio. Algumas publicações vão ainda além: querem destruir ícones da luta socialista, demonizando-os e tratando-os como aberrações. Uma revista de grande circulação nacional chamou Ernesto Che Guevara de “porco”, logo Che, cujo olhar encantou gerações e que era capaz de frases que desconcertavam e desconcertam os que pregam a segregação: “Hay que endurecerse pero sin perder la ternura jámas”. Isto dito por um guerrilheiro, que pegou em armas para defender o povo oprimido, tanto em Cuba quanto em outros países.

N

Se não fosse a luta de cada um de nós, talvez a ditadura tivesse perdurado por um período ainda maior O momentâneo triunfo do neoliberalismo talvez tenha estimulado esse emergir da nova direita. A crise econômica mundial, contudo, deve levá-los a rever conceitos. Economia e política não se desvinculam, pelo contrário. Os que defendem atitudes fascistas baseados na propriedade privada e no poder do dinheiro são, na verdade, como diria Brecht, analfabetos políticos. Não se dão conta de que é da sua indiferença e do seu preconceito que nascem os políticos corruptos e os miseráveis que acabam se tornando seus algozes. Felizmente, os que pensam e agem assim ainda são minoria. A grande totalidade dos jornalistas é integrada por gente que fez do seu mister uma trincheira em defesa da democracia e da liberdade. É gente que faz questão de não esquecer e de manter a memória histórica viva. É gente que evoca fatos significativos que contribuem para a construção da nossa sociedade. Muitos brasileiros tiveram de deixar sua pátria, quer seja por não concordar com o que viviam, quer sejam simplesmente para não serem mortos. Os exilados jamais deixaram de lutar pelo Brasil. Temos uma imensa dívida de gratidão para com eles. Em Alagoas começa a se esboçar uma Comissão da Verdade, para analisar o período, sem revanchismo, sem perseguição, mas que deve lançar luzes sobre fatos obscuros que nos incomodam. É importante não apenas para esclarecer o passado, mas, principalmente, por nos fazer vislumbrar um congraçamento com o futuro.

Frase do dia

“É importante perceber que a retomada do crescimento, num horizonte de médio prazo, passa também pela retomada expressiva da economia norte-americana”. DILMA ROUSSEFF, PRESIDENTA DO BRASIL, ao falar sobre seu encontro com o presidente dos EUA, Barack Obama, ontem, em Washington.

Beckér nas sabatinas da Raiol - um festival de poesia, música e causos Murillo Rocha Mendes Membro da Academia Alagoana de Cultura-

R

oberto Beckér era, na realidade, uma alegria ambulante, um viajante boêmio; por onde passava, irradiava festa e descontração. Foi um animado repertório, não só de poesias musicadas que cantavam nossas belezas naturais e amenidades, nosso autêntico modo de ser, nossa vocação alagoana de bem receber e acolher os que nos venham; também, em sua imensurável sensibilidade, um exímio narrador de fatos do cotidiano, burilados por sua verve chistosa e supinamente crítica. Pouco importava, se ampliados ou não, por seu incontido e alegre ver e sentir... e dizer. Suas narrativas, quase sempre ingênuas, encantavam-nos. Eram, marcadamente, sua cara; ele próprio e todas as suas circunstâncias. Lembro-me, de nossos habituais Encontros Raiolinos, sempre aos sábados, hoje tão relegados, quando nossas famílias, ali, com satisfação indizível e espírito de fraternidade, dividíamos a mesa e ocupávamos aquele bendito espaço da Praça Raiol, nosso território livre, onde crescemos e fizemo-nos gente. Uma afortunada convivência, rica em recíprocas estimas e fausta de solidariedade. Nessas reuniões de todos os sábados, rememorávamos nossos ideais de jovens ainda adolescentes, nossas paixões, nossos sonhos, os mais inebriantes e lindos sonhados sonhos, que tanto contribuíram e nos impeliram para uma vida sã; exaltávamos, também, os parâmetros de nossa formação familiar e humanística; os tempos em que nos fizemos despertos para enfrentar, com coragem, determinação e rebeldia, as injustiças que latejavam a sociedade em que vivíamos, o mundo de que éramos hóspedes temporários. Todos nós, da Praça Raiol, sem exceção, nos preocupávamos e incomodavam-nos com as distorções e mazelas de uma realidade adversa, bem perto de nós, que nos ilhava e faziam-nos seus asfixiados prisioneiros; mas, que nos atiçavam à luta por uma sociedade mais justa, por um mundo melhor e mais fraterno, ameno e equidoso, consoante nossa ótica e sentires de então. O fato é que essa conjuntura, ainda cedo – é bem verdade, despertou-nos para uma jornada idealista, estoica e pura, sem interesses subalternos a contaminá-la. Convocamo-nos, então, para o bom combate, para santificar o universo que nos cercava, para bem empregar a energia limpa e farta que se comprimia dentro de cada um de nós. Essa foi nossa primeira decisão nitidamente ideológica; se, como tal, podemos qualificá-la. Nos esportes e no lazer, também, encontrávamos idênticos estímulos. Aprendemos, nesse alvorecer existencial, que eles seriam uma corrente de fortes elos, para alegrar-nos nas vitórias e nos ensinar nas derrotas, fortalecendo nosso vestalinos propósitos, as intenções mais

Alegre e saltitante, sem rodeios e sem tempo a perder, assenhoreava-se do ambiente lídimas de que éramos portadores fiéis e confiáveis. Pois bem, nesses nossos Encontros semanais, no território livre da Praça Raiol, sempre aos sábados, reunidos em torno da mesa, quando algum dos nossos, o mais atento, o avistava saindo de uma das adjacentes ruas, alertava-nos: - Lá vem o Beckér! Era como um novo alento para aqueles amoráveis encontros; teríamos, certamente, mais festa, essa era nossa sensação e expectativa. Logo chegava ele. Alegre e saltitante, sem rodeios e sem tempo a perder, assenhoreava-se do ambiente, reacendendo-lhe, com as novidades de seus exibidos discos, com seu talento de poeta compositor e de músico. Imediatamente, era um dos nossos. Suas novas e velhas composições, a todos contagiando, faziam-se em cântico fraternalmente coletivo. Era o reconhecimento e laurel que, todos, lhe tributávamos. Impregnado por essa aceitação e consoante com a aura que ali respirávamos, Beckér assumia dimensão maior, participava de nossa mesa, fazia-se comensal e iniciava seu show: - Narrativa de causos de sua vivência e de outros chegados ao seu conhecimento era um bom começo, pois que, todos eles, estampavam sua peculiar condição de dizer e ser; de ser família, de ser poeta e compositor, de ser boêmio cantor; de ser exaltante do azul celeste da gloriosa camisa do nosso CSA. Houve uma época em que o Beckér era presença quase certa nesses nossos Encontros dos sábados; quase sempre, um sábado sim e outro também, para nosso regalo. Há algum tempo, lamentavelmente, essas reuniões semanais da Confraria da Raiol não se vêm realizando... Espero, que elas não se tenham extinguido pelo desapreço ao que somos... Coincidentemente, há bastante tempo, não vimos desfrutando, enquanto raiolinos, a satisfação do convívio alegre do Beckér... Na última quinta-feira, soube do seu falecimento, ocorrido em Aracaju/SE, aos 73 anos de idade. Um acontecimento infausto e pesaroso para todos nós, seus amigos e contemporâneos, agora remanescentes. Vivendo a Páscoa em seu autêntico sentido, enquanto mensagem e testemunho de que a vida é mais forte do que a morte, rogamos, todos os raiolinos, ao Cristo Salvador, Vida que venceu a morte, que, em sua infinita misericórdia, perdoe, do nosso Roberto Beckér, os pecados e conceda-lhe a salvação da alma. Assim, seja!


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A7

Economia BANCO CENTRAL

www.mais.al economia@ojornal-al.com.br

COMÉRCIO Thiago Sampaio

Apesar da Selic, juro ao consumidor segue alto

D

esde 2001, a economia brasileira passou por solavancos como o estouro da bolha das empresas pontocom e a recessão de 2009 causada pela crise financeira internacional. Na política, foram três diferentes presidentes da República desde então e cada um deles nomeou novos titulares para o Ministério da Fazenda e para o Banco Central (BC). Foi criado o crédito consignado e o País quitou a dívida externa. Mas, em nenhum momento, a taxa média de juro paga pelas pessoas físicas em empréstimos bancários ficou abaixo de 39%. Outros números da economia variaram bastante desde então. A taxa básica de juros subiu a 26,5% e caiu à mínima recorde de 8,75%. A inflação brasileira, que fechou o ano passado em 6,5%, subiu a 12,53%, em 2002. A inadimplência das pessoas físicas bateu em 15,9%, antes de se reduzir a 5,7%. Nenhum desses fatores parece ter relação com o custo

do dinheiro para o cidadão, segundo levantamento feito pelo Estado, corroborado por economistas. Os dados sugerem que a taxa média de juros segue uma lógica própria e permite concluir que o corte da taxa básica de juros (Selic) a 9%, como indicado pelo BC, não significa necessariamente que o consumidor brasileiro conseguirá pagar “taxas internacionais” ao se endividar no banco, como defendeu a presidente Dilma Rousseff durante sua visita à Alemanha, no mês passado. Para o professor de econo) mia Newton Marques, do Centro de Estudos Avançados Multidisciplinares da Universidade de Brasília e servidor aposentado do BC, a forte concentração das operações nas mãos de poucas instituições financeiras dificulta ações nesta área. “É um oligopólio em que três ou quatro bancos determinam a taxa de mercado. O governo nunca conseguiu fazer nenhum tipo de intervenção”, disse.

Caixa anuncia redução de taxas em até 87% A Caixa Econômica Federal anunciou ontem um corte nas taxas de juros para o crédito de famílias e financiamento para micro e pequenas empresas. A redução de juros anual do cheque especial chega a 67%. Para correntistas com crédito salário, os juros do cheque especial passarão de 8,18% ao mês para 3,50% ao mês. Os outros clientes contarão com taxa máxima de 4,27% ao mês, porém os juros podem chegar a 1,35% ao mês, dependendo do relacionamento do cliente com o banco. Quanto às taxas anualizadas relativas a cartão de crédito, a redução foi de 40% no rotativo para todos os clientes que tenham cartões Nacional, Internacional e

Golden. segundo a Caixa. Além dessas medidas, o banco também anunciou o lançamento de um novo cartão de crédito, chamado “cartão Azul”, com juros mais baixos. Para os correntistas que recebem salário na Caixa, a taxa será de 2,85% ao mês. Para quem contratar esse cartão, que é nacional, as taxas, de acordo com a Caixa, cairão dos atuais 12,86% ao mês para 2,85% – uma redução de 87% na taxa anual. O corte também ocorreu no crédito pessoal direto na conta corrente. A taxa passou de 5,40% ao mês para 3,88% ao mês. Para clientes com conta salário, os juros foram reduzidos de 4,65% ao mês para 2,39% ao mês.

Nas lojas, os consumidores vão encontrar descontos que chegam a até 50%

°

Liquida Maceió é o 3 melhor período do ano Dois mil pontos de venda da capital estão participando da iniciativa, que este ano completa 10 anos FLAVIA BATISTA flaviabatista@ojornal-al.com.br

O

comércio se prepara para mais um período de promoções, que promete incrementar as vendas em lojas de Maceió em até 12%, em relação a março. Durante dez dias, o Liquida Maceió deve impulsionar o varejo na capital com produtos a preços promocionais em mais de dois mil pontos espalhados nas lojas do Centro,

dos bairros e nas dois maiores shoppings centers da cidade. Esta é a décima edição da campanha e a estimativa da Câmara de Dirigentes Lojistas é de um crescimento de até 25% comparado com o evento do ano passado. “A nossa expectativa é de crescimento e temos boas razões para acreditar nisso”, afirmou o presidente da CDL, Wilson Barreto. A boa perspectiva, segundo afirma, é que a campanha já se consolidou como a terceira maior data de vendas para o varejo local, vindo na sequência do Natal e do Dia das Mães. “Conseguimos bons números porque a nossa abrangência é grande. O Liquida Maceió não está limitado aos presentes

para o Dia das Mães. Temos lojas de material de construção e outros artigos, que expandem a possibilidade de vendas”, explicou o dirigente. O incremento na economia local traz reflexos positivos, já que o aumento nas vendas representa a necessidade de contratação de vendedores, mesmo que com o status de temporário. “Isso sem falar que, sendo o comércio um dos maiores contribuintes de ICMS para o Estado, uma campanha deste nível, em que as vendas aumentam consideravelmente, há a elevação na arrecadação para o governo”, pontuou. Aliado às promoções, o incentivo com sorteios pode estimular o consumo,

AFTOSA

TELEC Arquivo

Anatel regulamenta telefonia para baixa renda

Crédito e financiamento de veículos No crédito consignado, também houve redução. A taxa passou de 2,82% ao mês para 1,95% ao mês. Para os aposentados que recebem pela Caixa, a taxa passou de 2,14% ao mês para 1,80% ao mês, podendo chegar a 0,84% ao mês. A redução dos juros também atinge o financiamento de veículos. A taxa mínima foi reduzida de 0,98% ao mês, podendo chegar a 2,25% ao mês, de acordo com o carro, o cliente e o prazo, entre outros fatores. Não houve corte nas taxas relativas a crédito imobiliário, já que, segundo o presidente da Caixa, Jorge Hereda, as praticadas hoje têm margens “muito pequenas”. Ele disse, no entanto, há um estudo sendo feito. “No Fundo de Garantia, por exemplo, não é a Caixa que dá o spread, embora esteja-se estudando taxas menores para as faixas 2 e 3 do Minha Casa, Minha Vida. Está

R

sendo feito estudo para ver se isso é possível. Está sendo feito um estudo com muito cuidado porque lá as margens são pequenas”. PARA EMPRESAS O programa de corte das taxas de juros também atende as linhas de capital de giro para empresas. A taxa passará de 2,72% ao mês para 0,94% ao mês.“Não tem nada que esteja sendo feito que não tenha sido precificado com cuidado. Na nossa relação com nosso controlador, o Ministério da Fazenda, temos uma meta de lucro para esse ano, que não pode ser menor que o do ano passado, o maior lucro da Caixa no ano passado. Está tudo planejado para isso. Não estamos fazendo ação para a Caixa ter lucro ou prejuízo. Fizemos as contas da maneira mais conservadora possível”, afirmou Hereda.

segundo avalia o presidente do CDL. Durante a campanha, a cada R$ 30 em compras, o consumidor se habilita ao sorteio de carros, motos, TVs e geladeiras. E caso o cupom do consumidor seja sorteado, o vendedor que o atendeu também receberá uma bonificação. Ainda segundo o dirigente, com a iniciativa e as atuais condições econômicas do País, o ano tem tudo para ser considerado muito bom para o setor. “A recente prorrogação da redução do IPI para linha branca e a ampliação do incentivo para móveis, com certeza, vai ajudar no desempenho final positivo do comércio”, garantiu.

A caminho da reclassificação: após a fase de imunização, rebanho alagoano será submetido a exames de sangue

Sorologia em 2,4 mil animais de AL

A

lagoas terá 81 propriedades rurais submetidas ao exame de sorologia, etapa importante no combate à aftosa, antes da definição pelo Ministério da Agricultura (Mapa), quanto à reclassificação do Estado. As fazendas serão escolhidas por sorteio realizado pelo Mapa nas próximas semanas. O exame tem o objetivo de verificar se há ou não a circulação do vírus da doença em Alagoas. No geral, o Ministério da

Agricultura estipulou como meta para o Estado o exame em 2.430 animais com idade que varia de seis a 24 meses. “A sorologia vai contemplar a maioria dos municípios alagoanos. O exame será realizado em 30 animais por propriedade. Ficamos agora no aguardo das próximas etapas do processo”, informou o diretor técnico da Adeal, Ironaldo Monteiro. Nas próximas semanas, o Mapa estará divulgando o calendário de treinamento

e o início da sorologia em Alagoas, que serão realizados conjuntamente com os demais estados nordestinos que passaram pela auditoria técnica, realizada no início de março. Para sorologia, o Ministério fará uma capacitação junto aos técnicos da Adeal. Eles serão divididos em grupos e serão responsáveis pela condução da coleta de sangue e envio das amostras ao laboratório credenciado e selecionado pelo Mapa.

esolução da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) regulamenta a linha de telefonia para consumidores de baixa renda. O chamado Acesso Individual Classe Especial (Aice) vai beneficiar, a partir de junho, todas as famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal. Atualmente, são 22 milhões de famílias. O programa vai beneficiar, no primeiro ano, famílias com renda mensal até um salário mínimo. A partir de junho de 2013, serão atendidas famílias com renda até dois salários mínimos e, a partir de junho de 2014, as de maior renda. Os usuários que já têm telefone e quiserem mudar para o Aice poderão fazer a transferência. Os assinantes também podem parcelar a tarifa de mudança de endereço. A linha vai ser pós-paga, com tarifa mensal de R$ 9,50 e franquia de 90 minutos para ligações fixas locais. Para ligações de longa distância ou para celulares, o usuário deve comprar créditos pré-pagos da concessionária, no valor das tarifas dos demais telefones.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A8

Economia

www.mais.al economia@ojornal-al.com.br

RECEITA

PapelMoeda

Contribuinte já pode verificar extrato do IR

Marco Aurélio Mello marcoaurelio@ojornal-al.com.br

Quanta diferença entre os bancos

A

variação constatada pelo Banco Central, a partir das informações repassadas pelas diferentes instituições financeiras, assusta os correntistas brasileiros. Há serviços que são caros, muito caros e o valor cobrado por um pode significar uma pequena parcela apenas do que é aplicado por outro. A confecção de cadastro para início de relacionamento, por exemplo, pode chegar a até R$ 5.000 entre os bancos privados, caindo para um mínimo de R$ 20, se forem públicos, ou seja, valor 250 vezes menor. Para se ter uma noção mais claro do que é a diferença de preços encontrada, basta saber que em média, nos bancos privados, a tarifa para este tipo de serviço (abertura de conta) é de R$ 392,44, quase 13 vezes menos que o maior valor cobrado por estas instituições. Nos bancos públicos, o custo médio é de apenas R$ 31,67. Outro serviço básico é a solicitação de folhas de cheque. A comprovação do que é praticado pelo mercado também é, digamos, apavorante. A taxa média praticada pelos bancos privados é de R$ 4,68 - mas pode, dependendo da instituição, ser aproximadamente 11 vezes mais cara, atingindo R$ 50,00. No caso dos bancos públicos, o serviço custa, em média, R$ 1,39 com valor máximo de R$ 2. Quando o assunto é saque, o custo também não é baixo. Se o saque de conta corrente ou de poupança for feito nos caixas eletrônicos chega a custar até R$ 15,00 entre os bancos privados, contra um valor médio praticado de R$ 2,02, ou seja, sete vezes menos. Por outro lado, se a instituição for pública esse valor pode variar entre R$ 1,30 e R$ 3,00. E campeão na cobrança de juros, quando se refere ao cartão de crédito, a situação não é diferente. A anuidade de um nacional chega a R$ 300 se o emissor for um banco privado, enquanto a tarifa cobrada nos bancos públicos é de, no máximo, R$ 60. Porém, se a situação é de perda do cartão e o cliente deseja a segunda via, a tarifa cobrada pelos bancos privados pode sair por até R$ 30. Na média, R$ 8,23. Nos públicos, o serviço vale, no máximo, R$ 15, mas, em média, R$ 7,83. E diante de tamanho disparate, só resta ao consumidor buscar os pacotes de tarifas, que levam, sim, a uma economia importante. De acordo com o Banco Central, não cabe à autoridade monetária o tabelamento de tarifas, já que o mercado é livre para estipular os valores, tendo como base o custo de cada serviço. Ainda segundo o BC, duas resoluções, de 2007 e 2010, deram mais transparência às tarifas bancárias, permitindo que os consumidores tenham mais informações sobre o assunto e, assim, possam comparar melhor o que cada banco pratica, ampliando a concorrência no setor. De qualquer forma, ao se sentir lesado, esse mesmo consumidor não pode esquecer nunca que ele tem órgãos para reclamar e até solicitar um ressarcimento.

Consulta pode ser feita no site do órgão com utilização do código de acesso gerado na página

O

contribuinte pessoa física já pode acessar o extrato da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2012 e identificar eventuais pendências com o objetivo de evitar a retenção na malha fina. O documento está disponível no Centro Virtual de Atendimento ao contribuinte (e-CAC). Para acessá-lo, é necessário utilizar o código de acesso gerado na própria página da Receita Federal, ou certificado digital emitido por autoridade habilitada. Para gerar o código, o contribuinte precisará informar o número do recibo de entrega das declarações de Imposto de Renda dos últimos dois exercícios. A regularização por meio do e-CAC pode evitar muita

dor de cabeça. Um contribuinte que acredita ter direito à restituição pode, por descuido, não perceber que tem, na verdade, imposto a pagar. Como ficará aguar-

dando pela restituição e tem dívida com a Receita, terminará arcando com multa e juros sobre o tributo. Portanto, é melhor que o contribuinte faça as correções assim que

identificar o erro. O e-CAC é um portal eletrônico de atendimento virtual em que diversos serviços protegidos por sigilo fiscal podem ser realizados via internet pelo próprio contribuinte. O prazo para a entrega da declaração começou no dia 1º de março e termina em 30 de abril. A expectativa é receber aproximadamente 25 milhões de declarações neste ano. O programa gerador da declaração está disponível na página da Receita na internet. O contribuinte deve baixar ainda o Receitanet, aplicativo para a transmissão dos dados. Para facilitar o preenchimento, a Receita atualizou a página especial com o tutorial que simula o desenho de uma linha de metrô, em que cada estação representa uma etapa a ser cumprida até a entrega da declaração. Para encontrá-la, o contribuinte deve acessar o endereço eletrônico www.receita.fazenda.gov.br/ irpf2012.

Liberados lotes da malha fina de 2008 a 2011

Divulgação

Agricultura Familiar

Receita liberou da malha fina lotes de declarações do Imposto de Renda Pessoa Física dos exercícios de 2011, 2010, 2009 e 2008. O dinheiro estará no banco no próximo dia 16. A consulta poderá ser feita no site www.receita. fazenda.gov.br ou pelo telefone 146. De acordo com a Receita, do exercício de 2011, serão

creditadas restituições para um total de 40.205 contribuintes, com correção de 11,04 %. No lote de 2010, serão feitas restituições a 10.852 contribuintes, com correção de 21,19 %. Com relação ao lote residual do exercício de 2009, serão creditadas restituições para um total de 6.880 contribuintes, com correção de

29,65 %. Além disso, quase 3 mil pessoas estarão incluídas no lote referente a 2008, cujo pagamento terá correção de 41,72%. Caso o valor não seja creditado, o contribuinte deve procurar qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais locali-

dades) e 0800-729-0088 (deficientes auditivos). A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la pela internet, por meio do Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Declaração IRPF.

NORDESTE

Cesta básica fica mais cara A A Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente de Viçosa realizará, na próxima quinta-feira, a 5ª edição da Feira Itinerante de Produtos da Agricultura Familiar. Já consolidada no calendário de eventos da cidade, a feira tem como objetivo apresentar os diversos alimentos produzidos no município, incentivar o comércio de alimentos saudáveis e livre de agrotóxicos, além de garantir a geração de renda para os pequenos agricultores locais.

Webconferência 1 Criar espaços públicos voltados para promover a saúde, felicidade e bem-estar da população. Esta é a ideia de placemaking, tema do próximo webinar da ADIT Brasil que acontecerá no dia 18 de abril às 10h. O seminário on-line é gratuito e terá como palestrante o especialista Ethan Kent, vice-presidente da Project for Public Spaces.

Webconferência 2 Intitulado de “Placemaking: como criar comunidades vibrantes em empreendimentos imobiliários e turísticos” o Webinar vai ajudar os empresários brasileiros a entender um pouco mais deste conceito que é um grande sucesso no mercado americano. Neste seminário on-line serão mostradas as técnicas que devem ser aprendidas para desenvolver empreendimentos que tenham vida e senso de pertencimento. As inscrições devem ser feitas pelo site www.adit.com.br/webinar.

De sexto a segundo A China já é o segundo maior mercado importador de açúcar brasileiro, de acordo com dados do ano passado. Em 2010, o país asiático ocupava a sexta colocação. A mudança significa um salto de 70% na compra do volume da commodity em apenas um ano. Para o outro lado do mundo, o Brasil embarcou mais de 2 milhões de toneladas, ao custo de US$ 1,2 bilhão. A perspectiva é que neste ano, o volume deve dobrar. Por isso, algumas empresas do setor já pensam em abrir escritórios na Ásia, o que facilitaria as negociações comerciais.

cesta básica ficou mais cara na maior parte das capitais do Nordeste pesquisadas pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) em março. No nacional, de acordo com a Pesquisa Nacional da Cesta Básica divulgada ontem, houve queda de preço em 11 das 17 capitais, com destaque para recuo de 6,73% em Goiás. Os consumidores do Nordeste e Norte do País paga-

ram mais pela cesta básica em março. O preço avançou 3,60% em Salvador; 2,03% em Aracaju; 1,77% em Manaus; 1,68% no Recife; e 0,89% em João Pessoa. A menor alta ficou restrita a Natal, onde o preço dos alimentos básicos subiu 0,36% no mês passado. No acumulado do primeiro trimestre, a cesta básica com a maior queda foi verificada na capital capixaba, com recuo de 5,50%. Goiânia e Porto Alegre

foram as cidades onde os preços também caíram: 5,09% e 4,58%, respectivamente, no acumulado de janeiro a março de 2012.Do total de 17 cidades pesquisadas, no trimestre, o Dieese constatou aumento dos produtos alimentícios básicos em oito capitais, com destaque para Aracaju (5,59%), João Pessoa (5,06%), Recife (3,29%) e Natal (3,13%). No acumulado dos últimos 12 meses até março, o preço da cesta básica aumentou em 11 cidades.

VARIAÇÃO As maiores elevações foram registradas no Recife, com alta de 6,35%, seguida por Belém, com acréscimo de 5,29%, João Pessoa, com +5,20% e, por último, Belo Horizonte, com +4,89%. Em seis capitais, o Dieese verificou variação negativa acumulada entre abril de 2011 e março deste ano. As quedas mais expressivas verificadas pelo departamento foram em Natal (-6,75%) e Salvador (-4,01%).

DIEESE

Mínimo ideal ainda longe O

salário mínimo do trabalhador no País deveria ter sido de R$ 2.295,58 em março, a fim de suprir as necessidades básicas dos brasileiros e de sua família, como constata a Pesquisa Nacional da Cesta Básica, divulgada ontem pelo Dieese. Com base no maior valor apurado para a cesta no período, de R$ 273,25, em São Paulo, e levando em consideração o preceito constitucional que estabelece

que o salário mínimo deve ser suficiente para garantir as despesas familiares com alimentação, moradia, saúde, transportes, educação, vestuário, higiene, lazer e previdência, o Dieese calculou que o mínimo deveria ter sido 3,69 vezes maior do que o piso vigente no Brasil, de R$ 622. O valor estimado pelo Dieese em março é ligeiramente menor do que o apurado para fevereiro, quando o mínimo necessário

fora calculado em R$ 2.323,21, ou 3,74 vezes o patamar atual. Há um ano, o salário mínimo necessário para suprir as necessidades dos brasileiros era de R$ 2.247,94, equivalente a 4,12 vezes o mínimo em vigor naquele período, de R$ 545. A instituição também informou que o tempo médio de trabalho necessário para que o brasileiro que ganha salário mínimo pudesse adquirir, em março deste ano,

o conjunto de bens essenciais diminuiu, na comparação com o mês anterior e também em relação a igual período de 2011. Na média das 17 cidades pesquisas pelo Dieese, o trabalhador que ganha salário mínimo necessitou cumprir uma jornada de 84 horas e 53 minutos para realizar a mesma compra que, em fevereiro, exigia 85 horas e 30 minutos. Já em março de 2011, a mesma compra necessitava de 96 horas e 13 minutos.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A9

Cidades

www.mais.al cidades@ojornal-al.com.br

Feriadão registra 30 mortes violentas na Grande Maceió Crimes contabilizados pelo IML foram registrados de quintafeira até domingo na capital e entorno

feriadão de Páscoa foi marcado pela violência em Maceió. O Instituto Médico Legal recolheu, da tarde da última quinta-feira até a noite de domingo, 30 corpos de vítimas que foram assassinadas. A maioria das mortes teve com vítimas pessoas do sexo masculino, e ainda foram cometidas por arma de fogo. Na manhã de ontem, a movimentação de parentes era

intensa no IML aguardando a liberação dos corpos. De acordo com os dados do órgão, na quinta-feira foram assassinadas seis pessoas na região da grande Maceió. Entre as vítimas estava Rubiam de Araújo Ciqueira, 28, morto no Vergel do Lago. Ele foi executado com vários tiros de arma de fogo, além de ser apedrejado. De acordo com relato de testemunhas, Rubiam estava dentro de um carro Fiesta de cor azul, placa MUX 5828/ AL, quando foi atingido pelos tiros. Os criminosos retiraram o corpo de dentro do veículo e o apedrejaram no meio da rua. A polícia suspeita que o crime tenha ligação com o tráfico de drogas, já que familiares da vítima relataram que ela estava iniciando um tratamento para

RODOVIAS

HIV

LÁYRA SANTA ROSA layrasantarosa@ojornal-al.com.br

O

deixar o vicio. Na manhã de sexta-feira, a Polícia Militar recebeu uma denúncia anônima informando que os assassinos de Rubiam estavam escondidos numa casa próximo ao local do homicídio. Durante a ação, os bandidos reagiram e houve troca de tiros. Roberto Alan dos Santos, 25, o “Sapinho” e Wemerson Douglas Batista dos Santos, 16, acabaram mortos. Carlos Alisson Ferreira também ficou ferido, foi socorrido e levado para o Hospital Geral do Estado. Os policiais encontraram na casa onde o bando estava escondido, uma pistola, um revólver calibre 38, uma garrucha artesanal, além de maconha e crack. Para os moradores da região, a ação policial foi

No Sábado de Aleluia foram mortos Edson Pedro da Silva, 23; Elielson da Silva Santos, 23, José Wellington de Lima, 23, e Jonathan Wesley Simões, 15. Além deles, foi registrado ainda o assassinato dos cunhados Marcicleide Cardeal de Souza, 15 e Cláudio Henrique Pradines, 51, no Feitosa. Segundo informações da Polícia Civil, o duplo-homicídio ocorreu por volta 17h30 de sábado, após uma discussão entre os bandidos e o dono da casa, Cláudio Henrique. A polícia suspeita que os criminosos foram até o local para cobrar dívida de tráfico de drogas, como o homem se negou a pagar acabou sendo executado. A adolescente que estava na casa, cuidando dos

sobrinhos, ao ouvir a confusão foi ver o que estava acontecendo e acabou sendo morta. O crime será investigado pelo 9º Distrito Policial. Já no domingo de Páscoa, o IML recolheu sete corpos. Entre as vítimas está Diógenes Costa Filho, 30. Ele foi morto na Rua Santa Fé, no Clima Bom, com vários disparos de arma de fogo. As outras vítimas foram Wendel Antônio da Silva, 20, morto numa grota no Benedito Bentes, também a tiros; Claudionor Ferreira dos Santos, 23; Moacir Inácio da Silva, 57; um corpo sem identificação, que foi localizado no Centro de Maceió; José Benedito Menezes, 23 e José Carlos André da Silva, 18, ambos mortos em Marechal Deodoro.

GREVE/UNCISAL

Período teve menor registro de acidentes

Funcionários aguardam acordo DA REDAÇÃO redação@ojornal-al.com.br

DA REDAÇÃO redacao@ojornal-al.com.br

P

O

feriado de Semana Santa terminou com uma boa notícia para Alagoas. No Estado, o número de acidentes no trânsito diminuiu em relação ao mesmo período do ano passado. As informações foram divulgadas ontem pela Polícia Rodoviária Federal. A Operação Semana Santa revela que este ano foi registrado 23 acidentes, sete a menos que em 2011. Os dados foram contabilizados apenas nas rodovias federais de passam por Alagoas. A maioria das colisões aconteceu na BR-316, que registrou 13 dos casos. A BR-101 apresentou 5 registros, seguida da BR-104 com quatro. Na rodovia BR-423 apenas um acidente foi contabilizado. Onze casos não tiveram vítimas. Em duas ocorrências foram registradas mortes, ambas na BR-316. O primeiro aconteceu na noite do sábado quando um homem de 50 anos foi atropelado próximo à cidade de Santana do Ipanema. O outro foi na tarde de domingo na cidade de Canapi. Um motociclista de 55 anos colidiu frontalmente com uma carreta e morreu na hora. O número de feridos em acidentes caiu de 13 em 2011 para 12 este ano. Durante a operação foram feitos ainda 220 testes de alcoolemia, conhecido como teste do bafômetro, no qual nove pessoas foram autuadas em flagrante por embriaguez. Uma delas chegou a ser presa, na BR-316 em Pilar, por apresentar teor alcoólico de 1,01mg/l no organismo, quando o tolerável pela lei é de 0,3 mg/l. No Domingo de Páscoa um condutor foi detido por embriaguez na BR 316 em Poço das Trincheiras.

uma execução. Revoltados, parentes e amigos dos três homens, apontados como lideres de boca de fumo na Orla Lagunar, realizaram ainda um protesto bloqueando o trânsito na Avenida Senador Rui Palmeira, no Vergel do Lago. A Sexta-Feira da Paixão foi o dia em que mais aconteceram homicídios, com onze corpos recolhidos. Além de Sapinho eWemerson, também foram registradas as mortes de Eliel Serafiam da Silva, 15, em Rio Largo a tiros; Severino Ferreira da Silva, 24, em Joaquim Gomes; Edson Alves da Silva, 29, morto no Trapiche da Barra; Everton Luan Pontes, 18; Josivaldo de Albuquerque, 31, Gilberto Alves do Nascimento, 38 e Marcos Luiz da Silva, 23.

Uma das etapas da campanha foi feita no centro de Maceió no último mês

SMS encerra fase da campanha preventiva

O

Programa de DST/Aids da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) encerrou a campanha preventiva que vem realizando desde o carnaval, com uma ação de testagem para os moradores do Benedito Bentes e conjuntos adjacentes. Na ação – que contou com a participação da equipe do Consultório de Rua Fique de Boa que atua na região, trazendo moradores de rua para fazer os exames – foi registrada a predominância da população masculina, com 450 pessoas realizando a coleta de sangue para a detecção de HIV, Sífilis, Hepatites B e C e HTLV. A campanha de testagem pós-carnaval foi realizada pelo programa em duas etapas – a primeira, no calçadão do comércio – para detectar precocemente os casos de infecção ocorridos no período carnavalesco, considerados de grande vulnerabilidade. Além dos exames, a equipe distribuiu material informativo e orientou acerca dos serviços disponibilizados pelo município para a prevenção contra as DSTs. Segundo a coordenadora do Programa, Sandra Gomes, a campanha foi realizada seguindo a orientação do Departamento Nacional de

aralisados há 20 dias, os estudantes e professores da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) esperam uma confirmação das propostas feitas ao vice-governador, José Thomaz Nono, na última reunião realizada no último dia 4, no Palácio República dos Palmares. Se as propostas forem aceitas pelo governo a categoria promete encerrar a greve. Na reu n i ã o, o g r u p o chegou a um acordo com relação à equiparação salarial

com os docentes da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), melhorias na estrutura do prédio e dos laboratórios. Foi autorizada também a realização de Processo Seletivo Simplificado (PSS) para a contratação de técnicos e professores para a instituição. “Estamos esperando a oficialização desses acordos para decidir pelo término da greve”, contou Rosângela Wyszomirsrka, reitora da universidade Com a retomada das atividades, o principal problema passa a ser outro: o calendário letivo. Até agora, os alunos estão há 20 dias sem

aulas. “Um novo calendário será feito logo após o final da greve”, explicou a reitora. Mais de mil alunos aderiram ao movimento, junto com os professores. Com a paralisação, os estudantes do primeiro ano serão os mais prejudicados, pois já estavam com o calendário atrasado devido aos problemas ocorridos no vestibular da instituição, quando a prova foi anulada e refeita após problemas com a empresa contratada para a realização dos exames. “Ao menos os estágios não pararam, pois não dependem dos professores para continuar”, disse.

450 pessoas fizeram a testagem para DSTs e Aids só no complexo Benedito Bentes DST, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, como mais uma medida para evitar a proliferação do vírus HIV – que vem aumentando na população jovem feminina e homossexual – e das demais doenças sexualmente transmissíveis. Todos os exames realizados na ação serão disponibilizados num prazo de quinze dias, podendo ser retirados pelos usuários de Maceió nas unidades mais próximas de suas residências. A coordenação lembra também que os casos detectados serão encaminhados de imediato para a realização do tratamento e aconselhamento psicológico e social. Já as pessoas que tiverem resultado negativo para seu exame – claramente motivado pela exposição a alguma situação de risco – passarão por aconselhamento individual, reforçando a conscientização sobre o assunto.

CASO VEREADOR LUIZ FERREIRA

Acusado vai continuar preso DA REDAÇÃO mais.al

A

vice-presidente no exercício da presidência do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), desembargadora Nelma Torres Padilha, negou o pedido de liberdade a Cristiano Rocha Ferreira, acusado de envolvimento em organização criminosa, tráfico de entorpecentes e prática de homicídios. É acusado de ter assassinado o vereador Luiz Ferreira de Souza, de Anadia. A princípio, Cristiano Rocha teve prisão preventiva prorrogada por magistrados componentes da 17ª Vara Criminal da Capital. A defesa, ao apresentar o recurso, afirmou que essa decisão seria inválida, uma vez que apenas dois magis-

Cristiano Rocha teve o habeas corpus negado pelo Tribunal de Justiça

trados da referida Vara teriam assinado a prorrogação da prisão. Alegou, ainda, que o réu não tem qualquer relação com os delitos. Quanto ao argumento da defesa de que a decisão da 17ª Vara Criminal não poderia ser aplicada, a presidente do TJ/AL, desembargadora Nelma Torres

Padilha, esclareceu que, de acordo com a lei estadual nº 6.806/07, que criou a citada unidade jurisdicional, é permitido que atos judiciais sejam assinados por menos de três magistrados quando houver urgência comprovada. A decisão foi publicada no Diário de Justiça Eletrônico (DJE), de ontem.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A10

Publicidade

www.mais.al comercial@ojornal-al.com.br


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A11

Cidades

www.mais.al cidade@ojornal-al.com.br

PRAÇA DO PIRULITO

PelaCidade

População reclama do trânsito na localidade

Deraldo Francisco pelacidade@ojornal-al.com.br

Assaltos a ônibus em Maceió

A

ssalto a ônibus em Maceió é como novela: acontecem todos os dias e em horários variados. As estatísticas das empresas – que são mais confiáveis que os números da polícia – mostram que há pelo menos um assalto a cada dia na capital. A coluna vai pegar apenas um recorte da situação para mostrá-la aos leitores. A Empresa São Francisco, por exemplo, no ano passado registrou 135 assaltos. Foram 135 Boletins de Ocorrência registrados na Central de Polícia. Ou seja, para cada B.O., o registro de onde ocorreu o assalto, e, a partir dessa informação, pode-se desenhar o mapa dessa modalidade de crime. E a Polícia Militar já fez isso há alguns anos. O resultado foi positivo. Não precisou uma dupla de soldados andar em cada ônibus até porque não há efetivo para isso. Foram feitos comandos nos locais onde os assaltantes desciam do ônibus após o ataque. A Aldeia do Índio, em Cruz das Almas, foi um desses pontos. Numa dessas, os assaltantes fizeram o “rapa” no ônibus e, quando desceram para correr rumo à aldeia, deram de cara com os policiais e foram presos em flagrante. O verdadeiro é que os ataques a ônibus ainda assustam a todos: rodoviários, passageiros e empresários que ficam no prejuízo. Um assalto desses rende entre R$ 50 e R$ 500,00. Sem contar que, com medo, os passageiros deixam de usar o ônibus.

Fotos: Yvette Moura

Comerciantes e moradores da região reclamam dos riscos de atropelamento e culpam motoristas IRACEMA FERRO iracemaferro@ojornal-al.com.br

O

Marco Antônio

Cuidado com o carro

Esta senhora da fotografia está tentando atravessar a Avenida Cachoeira do Meirim no Benedito Bentes. O flagrante é do repórter-fotográfico Marco Antônio e foi feito na quinta-feira passada. Ocorre que, todos os dias, as dificuldades para os pedestres atravessarem a avenida são muitas. A comunidade – que é maior que a população de uma grande cidade do interior – reivindica há alguns anos travessias mais seguras. Sem contar que, em quase toda a sua extensão, a Avenida Cachoeira do Meirim está sem a sinalização horizontal.

s comerciantes do entorno da obra do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) estão insatisfeitos com o trânsito tumultuado nas imediações da Praça do Pirulito, no centro de Maceió. João Rufino tem uma barraca de lanches na Praça do Pirulito há cinco anos e reclama do tráfego de veículos. “O trânsito está bem complicado. Vários motoristas pegam a contramão para pegar a Rua Formosa ou para chegar ao outro lado da praça, quando a placa indica que eles só podem seguir para o Centro. Os pedestres também não são respeitados. Eles precisam correr para não serem atropelados”, afirma o comerciante. Alguns comerciantes reclamam, inclusive, que perderam parte da clientela por causa da dificuldade em chegar aos estabelecimentos. É o caso do

Pedestres, carros e motociclistas disputam lugar no meio da rua para fazer a travessia na Praça do Pirulito

mecânico Émerson da Silva Figueiredo. “Logo no início das obras do VLT, quando fecharam o tráfego, perdi cerca de 70% dos clientes. Depois que o trecho foi parcialmente aberto, como está agora, continuei no prejuízo: parte dos clientes voltou, mas hoje tenho cerca de 30% menos clientes do que tinha antes desta obra”, reclama o mecânico. “O trânsito está compli-

RODOVIÁRIOS

semana. “Quando vou para o Comércio e chego naquele cruzamento da Praça do Pirulito com a rua Formosa, só me lembro daquelas cenas que vemos na televisão sobre o trânsito na Índia, só falta o elefante na rua”, compara, fazendo menção à imprudência dos condutores que seguem pela contramão, desrespeitando a sinalização e ainda dificultando o tráfego.

CASO GIOVANNA

Audiência é adiada por falta de promotor

A limpeza foi feita A coluna recebeu a informação, esteve no local e constatou que, de fato, o canteiro da Avenida Jornalista Márcio Canuto, no Barro Duro, estava sujo. O caso foi contado, e o canteiro passou por uma limpeza no final de semana. Ontem, o gramado estava limpinho de dar gosto. Agora, cabe à população preservar o espaço sempre limpo e, ao poder público, mantê-lo sempre verdinho como está hoje.

MARCOS MOREIRA estagio@ojornal-al.com.br

E

Trânsito lento na avenida E, por falar em Avenida Márcio Canuto, ontem pela manhã, pouco depois das 8h, foi registrado um grande congestionamento em boa parte dos três quilômetros de extensão da pista. Ao olhar de um leigo, pareceu que o problema foi provocado pelo grande movimento de carros saindo de uma das transversais da Avenida Muniz Falcão. O trânsito fluiu, mas ontem de manhã foi diferente.

Écio Ângelo diz que horas extras estavam sendo subtraídas dos rodoviários

Paralisação é adiada para nova negociação

Problemas no abastecimento O fornecimento de água ficou comprometido durante todo o dia de ontem nas regiões do Tabuleiro do Pinto e Brasil Novo – que compreende os conjuntos Chico Mendes, Cruzeiro do Sul, Guriatã, Hélio Vasconcelos e Margarida Procópio. Milhares de pessoas ficaram sem água nas torneiras. A Casal informou que o problema foi de ordem mecânica numa bomba da estação de captação de água em Rio Largo. Ontem, a previsão era de que os reparos fossem concluídos às 17h, quando recomeçaria o bombeamento para as torneiras.

R

Lays Peixoto/ Estagiária

Retirada de areia da pista

O problema crônico que se instalou às margens da rodovia AL-101 Norte, no trecho que fica em frente ao Clube da OAB, em Jacarecica, teve ontem mais um capítulo. Toneladas de areia – muito suja, por sinal – foram retiradas do leito da pista. A grande quantidade de esgotos das casas que surgiram, como num toque de mágica, naquele trecho da região, fez com que a pista fosse transformada num esgoto a céu aberto. A coluna chama a atenção das autoridades para a necessidade de aquela parte de Maceió ser mais arrumadinha do que o que está hoje.

cado. Tiraram o calçamento no entorno da obra e agora estamos com água empossando na rua. Quando um carro passa, joga a água suja em quem está na oficina. Aqui está uma negação”, desabafa Émerson Figueiredo. A dona de casa Maria Aparecida Lima mora no Prado e passa pelo trecho para chegar ao Comércio pelo menos duas vezes por

odoviários da Cidade de Maceió, Massayó e Piedade desistiram de uma paralisação programada para ontem depois que a diretoria das três empresas, que fazem parte do mesmo grupo, acenou para uma negociação com os trabalhadores. Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário de Alagoas (Sinttro/ AL), Écio Ângelo, os rodoviários estavam insatisfeitos porque as empresas estavam subtraindo parte das horas-extras e descontando dos salários as avarias dos veículos antes da conclusão da perícia do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). “As empresas estavam subtraindo indevidamente as horas-extras, sob a alegação de que cumpriam a lei de garantir uma hora ou duas de almoço. O trânsito em Maceió está caótico e os horários de almoço não são cumpridos, portanto, não poderiam ser descontadas duas horas

por dia a título de horário de almoço”, reclama o sindicalista. Os motoristas também reclamam que, após acidentes, os gastos com os reparos dos veículos tem sido descontados de seus salários sem uma comunicação antecipada ao trabalhador e antes do resultado da perícia do Detran, especificando quem foi o causador da colisão. Entre as reivindicações da categoria, Écio Ângelo destaca que os rodoviários querem ainda a padronização dos carros de tabela (aqueles destinados a uma viagem pela manhã e duas pela tarde, com quatro horas de intervalo entre os turnos) e o carro dupla (que tem turno corrido das 5h às 14h). A categoria quer firmar que apenas 20% da frota seja empregada para os carros de tabela, folga aos sábados e domingo para os motoristas e cobradores desta modalidade e que duas das quatro horas de intervalo sejam consideradas horas-extras. I.F.

stava marcada para a tarde de ontem a última audiência do Caso Giovanna Tenório, que aconteceria no Fórum Jairo Maia Fernandes, em Maceió. A sessão, no entanto, não aconteceu por falta de promotor. Marcos Mousinho, que poderia ter assumido a função, foi impedido, pois seu filho já advogou no caso em favor do empresário Toni Bandeira. O clima, tanto do lado da defesa de Mirella Granconato como da acusação, era de descontento com a morosidade do processo. Na audiência seriam ouvidos Meire Emanuele, amiga de Giovanna, e Leonardo, amigo que ligou para a estudante momentos antes do crime e esteve com ela no dia anterior. a morte Raimundo Palmeira, advogado de defesa de Mirela, disse que a expectativa era positiva sobre novas pistas e informações que Meire teria sobre a vítima. O advogado ainda questionava algumas decisões sobre as prisões preventivas. “A justiça decretou duas coisas distintas para o mesmo caso. Mirela foi presa sendo ré primária, tendo residência fixa e sendo mãe de família. O caminhoneiro [Luiz Alberto Bernadino da Silva], nas mesmas condições de Mirella, está em liberdade. O correto seria os dois estarem soltos”, afirmou Palmeira. Welton Roberto, assistente de acusação contratado pela família de Giovanna, teme

entretanto que pela vagareza do processo Mirela seja solta. “O caso está andando muito lento. Se demorar mais é provável que a acusada volte a liberdade e isso tudo é penoso para família da vítima que além de conviver com a perda de Giovanna pode ver a principal acusada livre”, expôs Roberto. A audiência foi remarcada para o dia 23 de abril, pelo juiz Maurício Brêda, responsável pela 17ª Vara Criminal da Capital. Mirela Granconato foi presa em junho de 2011 dias após o assassinato Giovanna Tenório – estudante de fisioterapia com quem o empresário Tony Bandeira, esposo de Mirela, teria tido um caso. O corpo da universitária foi encontrado em um canavial próximo ao Sítio Urucum, em Rio Largo. O caminhoneiro Luiz Alberto Bernardino da Silva, conhecido como “Lula”, teve seu nome envolvido no caso depois que o Ministério Público Estadual apresentou provas sobre sua participação no crime. Lula estava com o celular da vítima quando foi detido, mas alegou que teria comprado o aparelho na Feira do Rato, em Maceió. A justiça entendeu que as provas contra o caminhoneiro não foram suficientes para decretar a prisão, por isso foi lhe concedida liberdade assistida. To n y B a n d e i r a , q u e também teria envolvimento na morte, chegou a ser preso mas foi solto sob a condição do uso da tornozeleira de monitoramento eletrônico.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A12

Municípios

www.mais.al municipios@ojornal-al.com.br

BR-101 Cortesia/ Aqui Acontece

MozartLuna lunamozart@ig.com.br

FAMÍLIA

Carreta desceu a ribanceira após bater num carro

Familiares presentes à missa em sua memória do saudoso vereador Hélio Costa, celebrada no último domingo em Água Branca.

FPM 1 As prefeituras receberam, hoje, a primeira parcela do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) do mês de abril com um aumento de 6,4% em comparação à mesma do período do ano passado. E, em comparação com os decêndios, a tendência é de crescimento do Fundo, com exceção do mês de janeiro, que foi menor do que o ano passado.

FPM 2 O primeiro repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de abril entra nas contas das prefeituras hoje. De acordo com levantamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM), ao considerar a retenção do Fundeb, o valor é de R$ 2,5 bi. Sem o desconto destinado ao financiamento da Educação, o montante chega a R$ 3,2 bi.

Previsão A previsão da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) para o mês de abril é de 43% de crescimento no repasse do Fundo, em comparação a março. Nesses primeiros meses do ano, o repasse do FPM acumula R$ 20,4 bilhões. Para a CNM, o valor representa crescimento de 8,2% em relação ao acumulado em mesmo período de 2011.

AMA A Associação dos Municípios Alagoanos (AMA) não realizou reunião ontem, mas expectativa é que a entidade retome as atividades normais na próxima semana. Um dos assuntos é a formação de consórcios para instalação de aterros sanitários e também para solução de atendimento na área de saúde.

Acidente deixa cinco mortos e três feridos Três carros de passeio e dois caminhões se envolveram numa colisão; um dos carros foi carbonizado EDITORIA DE MUNICÍPIOS municipios@ojornal-al.com.br

P

elo menos cinco pessoas morreram num acidente ocorrido no KM 243 da rodovia BR-101, no município de Porto Real do Colégio, no final da manhã de ontem. O acidente envolveu três carros de passeio e dois caminhões de carga. Outras três pessoas

ficaram feridas e foram levadas para o hospital de Propriá, em Sergipe. Segundo agentes da Polícia Rodoviária Federal, o acidente foi provocado pelo motorista que conduzia um Corolla prata, placa MTB 3776 Aracaju-SE. A polícia descobriu no local que o carro tem queixa de roubo de novembro do ano passado. Segundo o relato de testemunhas, o condutor do Corolla, ao tentar passar um caminhão Mercedez Benz vermelho, placas HMU 9895, de Araguaina/MG, e um veículo de passeio que seguia na frente do caminhão, obri-

gou o condutor de uma carreta que vinha no sentido contrário a desviar de uma colisão frontal. O motorista do caminhão-baú puxou o veículo para a esquerda e a manobra fez o caminhão de carga colidir no carro de passeio que vinha na frente do Mercedez Benz. A carreta, que estava carregada de alimentos ,desceu uma ribanceira, arrastando o carro de passeio onde pelo menos três pessoas morreram carbonizadas. As vítimas não foram identificadas no local porque os corpos estavam carbonizados. O motorista da carreta faleceu a caminho da Unidade de Emergência

do Agreste e também não foi identificado até o fechamento desta edição. Ainda muito assustado, um homem que sobreviveu ao acidente, que se identificou apenas por Erisvaldo, disse que apenas freou o carro, um Honda Civic. Três parentes que viajam em seu veículo ficaram feridos e foram levados para o hospital da cidade de Propriá, em Sergipe. O homem contou que seus parentes não estavam em estado grave de saúde. O Instituto de Crmiminalística esteve no local, mas, até o fechamento desta edição, ainda não haviam divulgado a quantidade de vítimas fatais.

Pilar 1 No Pilar, o prefeito Renato Canuto vem conversando com os servidores municipais e se comprometendo em resolver várias pendências relativas a pagamento de salários. A grande expectativa é com relação aos retroativos que devem ser pagos parcelamento.

Pilar 2 Uma das grandes reivindicações da população do Pilar é urbanização da orla lagunar. Já existe até um projeto que prevê quadras de esportes, píer para atracação de barcos e lanchas. Uma nova iluminação também está prevista.

Arapiraca 1 O complexo multidisciplinar Tarcizo Freire conquistou um importante apoio para aumentar o número de atendimentos de crianças especiais. O empresário Ricardo da Coagro se comprometeu em dar o apoio necessário para o crescimento do complexo. Na próxima sexta-feira, ele visita a instituição.

Arapiraca 2 Em Arapiraca, mais um secretário municipal se afastou para disputar uma vaga na Câmara de Vereadores. A ex-secretária Aurélia Fernandes já tinha se afastado do cargo e já estão conversando com várias lideranças política do municípios. O sacretário de meio ambiente e saneamento Ricardo Vieira se afastou também com o mesmo objetivo.

Arapiraca 3 Na avaliação dos observadores políticos, cerca de 30% dos vereadores de Arapiraca não retornam ao cargo. A disputa por uma vaga na Casa Herbene de Melo é muito grande, mas os custos para se chegar lá está avaliado entre R$ 300 mil e R$ 500 mil.

Arapiraca 4 Atualmente são 13 vagas com proposta para subir para 19. Os cabos eleitorais mais disputados são os lideres comunitários e de classe. Entretanto, vale mesmo quem tem trabalho realizado na comunidade, aliando a um forte padrinho político.

Arapiraca 5 Tem gente apostando quando o deputado estadual Severino Pessoa vai apresentar um projeto que venha a beneficiar ao povo arapiraquense. Severino é um dos parlamentares mais calados da Assembleia Legislativa e está sendo chamado de deputado “boca de siri”.

PINDORAMA

ENTREVISTA

Mais uma agência do BB é arrombada

Militares querem regularizar “bicos”

EDITORIA DE MUNICÍPIOS municipios@ojornal-al.com.br

EBERTH LINS estagio@ojornal-al.com.br

M

ais uma agência bancária foi arrombada no interior de Alagoas. Desta vez, o alvo foi uma agência do Banco do Brasil, localizada no Povoado Pindorama, no município de Coruripe. Segundo informações da polícia, a ação foi praticada por uma quadrilha formada por cerca de dez homens, fortemente armados, na madrugada de sábado (7). Com maçaricos, os bandidos cortaram um terminal de autoatendimento, mas não conseguiram levar o dinheiro e não tiveram acesso ao cofre. Os bandidos usaram dois carros, além de uma motocicleta.

A ousadia dos criminosos foi tão grande que eles chegaram a cortar o fornecimento de energia do Grupamento de Polícia Militar (GPM). Enquanto uma parte da quadrilha agia na agência bancária, outros integrantes ficaram em frente ao GPM para impedir qualquer ação dos policiais. De acordo com um dos policiais civis da cidade, apenas três policiais militares faziam a segurança do município de Coruripe. Após isolarem a área, os policiais tiveram que voltar ao grupamento, que fica apenas a 300 metros da agência bancária. Ainda na manhã de sábado, peritos do Instituto de Criminalística estiveram no povoado.

Curta ABORTADA Policiais civis e militares conseguiram abortar uma tentativa de fuga dos presos da Delegacia de Campo Alegre, na noite de sábado (7). O plano dos bandidos foi descoberto pelo agente Otávio, que estava de plantão na delegacia. Segundo ele, durante a noite, os presos começaram a fazer muito barulho nas celas. O agente explicou que, ao perceber o chuveiro aberto, desconfiou da atitude dos presos. O policial decidiu fazer uma revista na área externa da delegacia. Ao se aproximar da parece de uma das celas, ele ouviu o barulho vindo de dentro do prédio e imediatamente acionou a Polícia Militar que evitou a fuga.

O

s representantes de entidades sindicais ligadas a Policia Militar (PM), major Wellington Fragoso, presidente da Associação de Oficias Militares de Alagoas (Assomal); cabo Rogers Tenório, vice presidente da Associação de Cabos e Saldados (Acs/AL), e o cabo Wagner Simas, presidente da Associação dos Praças (Aspra), estiveram ontem pela manhã nos estúdios da Rádio Jornal. Em entrevista ao programa Jornal do Povo, os policiais falaram das expectativas para a próxima reunião com o secretário de Gestão Pública, Alexandre Lages e do pedido para a regularição dos “bicos”. A reunião entre os representantes do governo do Estado e as lideranças militares está marcada para o próximo dia 18 na Secretaria Estadual de Gestão Pública (Segesp). Os militares, além do reajuste salarial, falaram no novo código de ética e da violência que os policias vêm sofrendo nos últimos meses. Segundo o sargento Rogers Tenório, desde ano passado, os militares estão em negociação com a Segesp, entretanto,

nenhuma resposta concreta foi dada as reivindicações do militares. Recentemente a Associação dos Subtenentes e Sargentos Militares de Alagoas (Assmal) causou polêmica, ao apresentar um projeto que prevê a regulamentação dos serviços extras. A categoria propôs o acréscimo de R$ 1.200, para disponibilizar cerca de 30 horas a serem utilizadas pelo Estado em escalas extras. De acordo com o presidente da associação, o sargento Teobaldo Almeida, a saída que está sendo proposta já foi adotada em outros estados e apresentou bons resultados. A exemplo de Pernambuco, que aprovou o método há mais de uma década. Segundo Teobaldo, a adesão ao serviço irregular é quase que involuntária por causa da baixa remuneração. O comandante da Polícia Militar de Alagoas, o coronel Luciano Silva, não é a favorável aos bicos para empresas privadas. O comandante informou que a PM está investindo em projetos para incentivar os militares ao abandono da prática ilegal. “Os projetos estão em avaliação nas Secretarias de defesa Social e Finanças”, expôs.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A13

Esportes

www.mais.al esportes@ojornal-al.com.br Click Arapiraca Click Arapiraca

PAJUÇARA

Treinador do CRB perde cinco titulares VICOR MÉLO Jornalistavictor@gmail.com

O

CRB tem problemas para o jogo do próximo sábado contra o CEO, às 15h15, no Estádio Rei Pelé. Suspensos, o lateral Elsinho, o volante Diego Aragão, o zagueiro Filipe e o meia Giovani estão fora de combate. Recuperando-se ainda de um estiramento muscular, o lateral Jadilson também não vai atuar. O técnico Paulo Comelli espera contar com o retorno do atacante Rodrigo Dantas, que sofreu uma contratura muscular e está intensificando

o tratamento para voltar a treinar com bola até quarta-feira. Com sete pontos, o CRB ainda luta para conquistar uma vaga nas semifinais do Returno. O Galo ainda enfrenta, na sequência, o CEO e o CSA. Campeão do Primeiro Turno, o time regatiano já está garantido na final do Campeonato Alagoano. INGRESSOS A diretoria do Galo divulgou ontem à tarde que, até sexta-feira, os ingressos vão custar R$ 10,00 (arquibancadas) e R$ 20,00 (cadeiras). No dia do jogo, o preço dos bilhetes vai dobrar.

REBAIXAMENTO

Briga contra a degola é acirrada no Estadual

O

Coruripe está muito perto do rebaixamento. Com 14 pontos na classificação geral, o Hulk trava uma disputa direta com CEO e Penedense, que somam 16, para se manter na elite. Com 19, o Sport Atalaia ainda corre riscos, mas deve escapar. Com 21, o Murici só cai se uma combinação improvável de resultados acontecer. O Hulk desmoronou no Returno. O time conquistou apenas quatro pontos em sete rodadas e vai precisar vencer, na sequência, o Murici (fora) e o CSE (casa) para se livrar da queda. O CEO seria rebaixado se o campeonato terminasse hoje e vai fazer uma partida de vida ou morte no próximo sábado, contra o CRB, às 15h15, no Estádio Rei Pelé. Depois, pega o ASA, em Olho d’Água das

Lúcio Maranhão marcou 20 gols nesta temporada

Perigo real

Flores, no dia 21. Em Atalaia, o Penedense, que só não está na zona da degola por causa dos critérios de desempate, vai encarar o Sport Santo Antônio num confronto direto. O time de Penedo encerra a sua participação na fase de classificação em casa, contra o Corinthians-AL.

No Paraná, ASA não consegue evitar assédio de clubes a Didira e Maranhão

EM CASA O Sport tem a vantagem de jogar duas vezes em casa. Depois de pegar o Penedense, o time vai enfrentar o Murici em Atalaia. Apesar de estarem correndo risco de rebaixamento, Sport, CEO e Penedense ainda têm chances de chegar às semifinais. Todos eles estão a apenas um ponto do G-4 no Segundo Turno do Alagoano. V.M.

ASA já está em Curitiba. A delegação alvinegra viajou ontem e hoje treina no campo do Trieste para buscar sua classificação à terceira fase da Copa do Brasil, amanhã, contra o Coritiba, às 19h30, no Couto Pereira, pela segunda partida entre os dois clubes. No jogo de ida, o time arapiraquense bateu o Coxa por 1x0, em Arapiraca, e amanhã joga com a vantagem do empate ou até

PALMEIRA

LUCIANO MILANO Lucianomilano@ojornal-al.com.br

O

perder por 2x1, por exemplo. Pelo Estadual, o time é o vice-líder e já garantiu vaga na semifinal do Returno. As boas campanhas nas duas disputas, porém, não são suficientes para a diretoria ter tranqüilidade quanto a dois importantes jogadores do time: o meia Didira e o atacante Lúcio Maranhão - segundo maior artilheiro do Brasil, até agora, com 20 gols. Com boas atuações, Didira e Maranhão têm se destacado e chamado a atenção de empresários e clubes de dentro e fora do País. Como exemplo, informações não confirmadas dão conta de que o Atlético-PR mantém o interesse em Lúcio Maranhão, que também teria

despertado o desejo do rival do Furacão, o Coritiba, adversário do ASA nesta quarta-feira. Maranhão foi o autor do gol contra o Coxa em Arapiraca e teria despertado o interesse dos paranaenses. Ainda sobre o atacante, o futebol turco teria ficado sabendo do desempenho dele no ASA e sondado o atleta. Depois do insucesso no Atlético-MG, um empresário europeu estaria fazendo a cabeça de Didira para tirá-lo de Arapiraca. A amigos e mais próximos, ele teria dito na semana passada que até topa renovar contrato com o ASA no fim da temporada, mas quer ser mais valorizado. A declaração do jogador teria irritado o presidente-execu-

CSA

tivo do clube, José Oliveira, o Zé da Danco, que confirmou o assédio aos dois atletas. Se as coisas mantiverem o mesmo ritmo, dificilmente Didira e Lúcio Maranhão vão defender o clube na Série B do futebol brasileiro, a partir de maio. “O assédio de fato é enorme. São dois grandes jogadores e têm mostrado um excelente futebol no Estadual e Copa do Brasil. Naturalmente, isso desperta o interesse de clubes e empresários. O Lúcio chega a uma marca incrível, a segunda maior marca do País, e inevitavelmente chama a atenção. Só que os dois têm contrato com o ASA e multa rescisória, caso algum clube queria contratá-los”, disse Oliveira.

RETURNO Victor Mélo

CSE deve definir hoje o futuro de Túlio

C

omo O Jornal publicou com exclusividade na edição do último domingo, o contrato do atacante Túlio Maravilha com o CSE se encerra nesta terça-feira. Com validade de três meses, o vínculo do jogador teve início em 10 de janeiro. Também como informou à reportagem, o presidente-executivo do clube, Antô-

nio Oliveira deve anunciar se Túlio deixa a cidade ou se terá seu contrato prorrogado com o Tricolor. Oliveira afirmou que uma reunião na noite de ontem definiria a situação e que há o interesse de ambas as partes de que o jogador fique. Com 12 pontos, o CSE é o terceiro colocado do Returno e tem boas chances de se classificar. L.M.

Jogador já procura outro clube no Twitter Apesar da palavra dada pelo presidente do CSE, Túlio já publicou em seu twitter (microblog na internet), no fim de semana, que o contrato com o Tricolor se encerraria neste começo de semana e que ele já está disponível para negociar com qualquer outra agremiação que queira fazer parte da corrida dele para chegar ao milésimo gol na carreira. “Meu contrato pelo clube venceu dia 09 de abril. E faltam 8 gols para eu voltar para o Botafogo e fazer os 7

Federação muda datas das últimas rodadas

gols. Então sendo assim o clube que tiver interesse em fazer parte desta campanha pelo milésimo gol estou de portas abertas (sic)”, disse o artilheiro Hoje, ele soma 985. No CSE, porém, o atacante marcou 10 vezes, sendo que apenas três delas foram pelo Estadual. O restante foi em jogos amistosos. “O que ele escreveu no Twitter para nós não vale, porque quem mexe com aquela ferramenta é a esposa dele e não o próprio jogador”, explicou Antônio. Oliveira.

Domingo, o CSA derrotou o Murici no Estádio Rei Pelé por 2 x 1 e chegou aos 18 pontos na tabela do Returno

Washington vai desfalcar o Azulão

O

CSA perdeu um jogador importante para o jogo do próximo sábado, contra o CSE, em Palmeira dos Índios. O meia Washington recebeu o terceiro cartão amarelo na partida de domingo, diante do Murici, e vai cumprir suspensão automática. Washington oscilou na vitória por 2 x 1 sobre o Murici, mas, quando resolveu entrar

no jogo, foi decisivo, participando dos gols dos defensores Leandro e Rafael. Voltam a ficar à disposição o volante Jucemar Gaúcho e o lateral-direito Jackson, que cumpriram suspensão automática. O Azulão já está garantido nas semifinais do Segundo Turno e agora duela com o ASA para saber quem será o primeiro colocado. Após a sétima rodada, o time do

Mutange tem 18 pontos e o Alvinegro tem 16. Depois de enfrentar o CSE, o CSA encerra sua participação na fase de classificação contra o CRB. O Azulão conquistou no último domingo a sua sexta vitória seguida no Returno. Os números do técnico Lorival Santos ainda são melhores, já que ele venceu os cinco jogos em que comandou o clube no Estadual. V.M.

Com a justificativa de evitar ilações quanto à lisura da competição por parte dos dirigentes, a FAF publicou mais um ato administrativo, o 9º, alterando o dia e horário das duas últimas rodadas da fase classificatória do Returno do Estadual. Os jogos da 8ª e 9ª rodadas da competição seriam disputados em dois sábados e dois domingos, em horários variados, mas todos os jogos vão ser realizados aos sábados, dias 14 e 21, às 15h15. Quem não gostou foi o ASA, que joga nesta quarta-feira contra o Coritiba, chega em Arapiraca já na sexta-feira e volta a entrar em campo no sábado. No Twitter, o vice-jurídico do clube, advogado José Ventura, questionou a medida. “Qual a explicação para a FAF antecipar a rodada do sábado, se o ASA chega na sexta-feira de Curitiba? Para mim, é abuso de autoridade da entidade, mas já estamos tomando as providências”, esbravejou Ventura. L.M.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

A14

Esportes

www.mais.al esportes@ojornal-al.com.br

BatePronto

Crime e castigo

Victor Mélo jornalistavictor@gmail.com

As opções de Comelli O técnico do CRB, Paulo Comelli, vai quebrar a cabeça para escalar o time do CRB no jogo do próximo sábado, contra o CEO, no Rei Pelé. A partida é decisiva para as pretensões do Galo no Returno e o treinador não conta com cinco jogadores. Suspensos, estão fora de combate o zagueiro Filipe, o lateral Elsinho, o volante Diego Aragão e o meia Giovani, além do lateral Jadilson, lesionado. O treinador tem algumas opções no elenco e deve ter mais dificuldades para escalar o lateral-esquerdo. Márcio Gabriel deve entrar na lateral-direita, com Ítalo sendo o substituto do zagueiro Filipe e Daniel entrando na vaga de Diego Aragão. Comelli pode ainda deslocar Aloísio Pereira para a lateral-esquerda, formando o meio-campo com Everton Luiz, Daniel e Maradona. Na defesa, ele pode apostar em três zagueiros: Nilson, Rodrigão e Ítalo. O treinador também deve contar com o retorno do atacante Rodrigo Dantas, que se recupera de uma contratura. Assim, o centroavante deve atuar no ataque ao lado de Wanderley, que jogou bem nas duas últimas partidas do Galo. Aloísio Chulapa deve voltar ao banco de reservas. Uma provável formação da equipe pode ser definida com: Cristiano; Rodrigão, Nilson e Ítalo; Márcio Gabriel, Daniel, Everton Luiz, Maradona e Aloísio Pereira; Wanderley e Rodrigo Dantas.

Pontuação

Atropelamento

Com sete pontos, o CRB é o oitavo colocado no Returno, a dois pontos do G-4. Depois de enfrentar o CEO, o Galo fecha sua participação na fase de classificação no clássico contra o CSA, marcado para o dia 21. Campeão do Primeiro Turno, o time regatiano já está garantido na final do Campeonato Estadual.

O CSE goleou o CEO por 5 x 0 neste domingo e ficou mais perto da classificação às semifinais do Returno. Mesmo atuando em Olho D´Água das Flores, o Tricolor não tomou conhecimento do adversário e atropelou com gols de Peixinho (três vezes), Paulo Victor e Ibson Melo.

Juiz relata na súmula que cinco jogadores do Vasco foram expulsos no clássico contra o Flamengo

O

Vasco terá muitos problemas para a próxima partida do Carioca, contra o Nova Iguaçu, no próximo final de semana. Após as acintosas reclamações por parte dos jogadores vascaínos após o apito final do árbitro Wagner dos Santos Rosa no clássico do último sábado contra o Flamengo, o juiz decidiu por expulsar cinco jogadores cruz-maltinos de acordo com a súmula da partida: Fagner, Eduardo Costa, Rodolfo, Fellipe Bastos e Diego Souza. O juiz ainda relatou que fora agredido com empurrões nas costas por Eduardo Costa e Rodolfo e que algo de pior poderia ter ocorrido caso não houvesse a intervenção do policiamento. Já Diego Souza ter ia chutado uma bola em sua direção, tentando acertá-lo. Além dos atos físicos, o árbi-

No G-4 O CSE chegou aos 12 pontos no Segundo Turno e, com 22 na classificação geral, também afastou o risco de rebaixamento. No próximo sábado (14), o CSE vai receber o CSA, às 15h15, no Estádio Juca Sampaio, em Palmeira dos Índios. No mesmo dia, o CEO vai enfrentar o CRB, às 17h, no Estádio Rei Pelé. O time de Olho D´Água soma oito pontos no Returno e, com 16 na classificação geral, seria rebaixado se o campeonato terminasse hoje.

Jogadores do Vasco partiram para cima do árbitro quando acabou a partida do último sábado contra o Flamengo

tro relatou diversas ofensas, de todos os envolvidos. A confusão começou imediatamente após o término do clássico, quando os jogadores do Vasco foram de encontro ao árbitro para reclamar. Os questionamentos estavam na não marcação de um possível pênalti em

cima de Thiago Feltri, além de decisões contra o Vasco durante a partida. Além dos jogadores, o presidente Roberto Dinamite, no campo de jogo do Engenhão, criticou veementemente o árbitro da partida, reclamando da penalidade não assinalada. O mandatá-

Confira o que o árbitro escreveu na súmula

Edson Ferreira O CEO contratou o técnico Edson Ferreira, que foi demitido pelo Murici. O treinador comandou o clube de Olho D´Água neste Estadual, recebeu uma proposta, foi embora e depois ganhou uma chance da diretoria.

Arquivo

Os elencos mais caros

“Ao término da partida, fui surpreendido pela chegada repentina do atleta nº 04, Sr. RODOLFO Dantas Bispo e o atleta nº05 Sr. EDUARDO Nascimento COSTA, ambos do C.R. Vasco da Gama, os quais partiram em minha direção e me agrediram com empurrões nas costas. Só não causaram um mal maior devido à intervenção do policiamento do estádio (GEPE) e do árbitro assistente nº 02 Sr.

Francisco Pereira de Souza, que estava próximo ao local. Ato contínuo, o atleta nº 04 do C.R. Vasco da Gama, Sr. RODOLFO Dantas Bispo, continuou ‘partindo para cima’ da arbitragem, empurrando ospoliciais tentando agredir este signatário. Não satisfeito, apontou o ‘dedo em riste’ para mim dizendo as seguintes palavras: ‘Seu filho da p..., está ganhando quanto? Ladrão, safado, conseguiu o

que queria’. O atleta nº 05 do C.R. Vasco da Gama também continuou ‘partindo para cima’ do policiamento e do árbitro assistente nº 02, Francisco Pereira de Souza, com o ‘dedo em riste’ proferiu as seguintes palavras: ‘Safado, vou te pegar, seu sem vergonha. Tem que levar muita porrada’. Enquanto este signatário observava as atitudes desempenhadas contra a equipe de

SAÍDA?

R

Curto-Circuito O meia Washington forçou o terceiro cartão amarelo no jogo de domingo para estar liberado no clássico contra o CRB. A torcida do CSA provocou os regatianos durante quase todo o jogo: “Ô CRB, pode esperar, a sua hora vai chegar!” O repórter Luciano Costa, da Rádio Jornal, informou ontem à noite que o atacante Leandrinho conversou com a diretoria do CRB e acertou sua saída do clube.

onaldinho respondeu as críticas e aos rumores de que a diretoria planeja a sua saída com uma atuação segura no clássico com o Vasco, no último sábado. Poucos minutos após ter feito o gol da vitória, o camisa 10 declarou, na saída de campo, que espera sair do clube daquela forma: ovacionado e pela porta da frente. A afirmação deixou em dúvida a sua permanência, mas a diretoria mostrou indiferença com a possível saída. Na i n t e r p re t a ç ã o d e membros da cúpula de futebol do clube, as palavras não foram com a intenção de pressionar o Flamengo, mas de mostrar, de forma velada, a insatisfação de ter saído do Aeroporto Antônio Carlos Jobim e não ter participado do treino no Ninho do Urubu, pela presença dos torcedores, munidos de ovos e pipocas. “Mesmo o Ronaldinho não sendo brilhante, deu para perceber que ele é diferenciado. Deu bons passes e

arbitragem, o atleta nº 10 do C.R. Vasco da Gama, DIEGO de SOUZA Andrade, chutou uma bola em minha direção tentando me acertar, o que, felizmente, não aconteceu. Fui informado pelo árbitro assistente nº 01, Marcelo Venito Pacheco, que o mesmo atleta pegou uma bola, dessa vez com as mãos, tentou me acertar enquanto eu me encontrava de costas”, escreveu Wagner dos Santos Rosa.

AGENDA DE HOJE

Declaração de R10 é abafada no Flamengo Um estudo interessante do site alemão Transfer Markt aponta o Barcelona como dono do elenco mais caro do mundo. Com uma média de idade de 27,4 anos, o grupo do atual campeão mundial vale 581 milhões e 500 mil euros. Só o argentino Lionel Messi vale, segundo o site, 100 milhões de euros. Curiosamente, o segundo elenco mais valioso do mundo é o do Real Madrid, maior rival do Barça. O grupo merengue está avaliado em 542 milhões. A força da grana realmente faz a diferença e os dois clubes espanhóis são os favoritos para disputar a final da Liga dos Campeões nesta temporada. O time brasileiro mais em colocado no ranking é o Santos, que, de acordo com os alemães, tem um elenco avaliado em 88 milhões e 500 mil euros, ocupando a modesta 59ª posição. O destaque do grupo é o atacante Neymar, com preço de mercado de 30 milhões de

rio chegou a afirmar que o Vasco teria sido roubado no clássico. Os cinco expulsos cumprirão suspensão automática na partida contra o Nova Iguaçu. Com os relatos da súmula, os jogadores podem ser punidos pelo TJ-RJ em função das agressões físicas e morais.

foi um dos melhores do jogo. Com certeza ele não deu aquela declaração se referindo à saída, até porque ele pretende cumprir o contrato até 2014”, garantiu o vice de futebol Paulo Cesar Coutinho. CUSTOS Embora não declare publicamente, a diretoria já busca formas de enxugar a folha salarial para o Brasileiro. E uma das alternativas, é negociar R10 com um clube do exterior. Após a derrota para o Emelec, Patricia Amorim reuniu seus aliados e definiu que dificilmente R10 irá continuar se o time for eliminado. Preocupados em não perder de vez o elenco, a diretoria preconiza, primeiramente, que os atletas sejam mais compromissados. O tema foi abordado na reunião da presidente com os jogadores. Prova disso é que todos os treinos desta semana serão pela manhã para evitar os excessos dos jogadores.

Alemão 15h Hertha x Freiburg 15h Werder Bremen x Borussia Mgladbach 15h Mainz 05 x Colônia 15h Augsburg x Stuttgart Cearense 20h20 Horizonte-CE x Guarany de Sobral Libertadores 18h30 Deportivo Quito x Defensor Sporting 20h45 Unión Española x Bolívar 20h45 Zamora x Arsenal Sarandí 23h Atlético Nacional x Peñarol Espanhol 15h Osasuna x Espanyol 15h Real Sociedad x Betis 16h Barcelona x Getafe Inglês 16h Blackburn Rovers x Liverpool Italiano 15h45 Chievo Verona x Milan


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

Esportes

A15 www.mais.al esportes@ojornal-al.com.br

Show de resultados


A16

O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

www.mais.al reservas@ojornal-al.com.br PAJUÇARA JÔ 04 – PAJUÇARA – Aqui tem tudo de bom, só tá faltando você! Casa c/ 03 quartos, sem 01 suíte, sala em “L”, garagem, jardim de inverno, sala de Tv, despensa, cozinha, WC social, área e wc de serviço, quintal. Vem que tá bom demais! Tratar pelos telefones 8811.8410 / 9117.7137 / 9902.7132 - Creci 2523

SERRARIA

APTO. VENDA CRUZ DAS ALMAS JÔ 07 – CRUZ DAS ALMAS – Sala de estar/jantar, Varanda, 03 quartos (sendo 01 reversível), WC Social, WC Serviço, Cozinha e área de Serviço. R$ 220.000,00. Aceito Financiamento. Vem que tá bom demais! Tratar pelos telefones para contatos: 8811.8410 / 9117.7137 / 9902.7132 - Creci 2523

JATIÚCA JÔ 05 – JATIÚCA - 95M² - Sabe aquele aluguel chato? Já era! - 03 quartos sendo 01 suíte, varanda, sala de estar/jantar, cozinha, wc social, wc de serviço, 01 vaga coberta. Nascente! R$ 150.000,00. Vem que tá bom demais! Tratar pelos telefones para contatos: 8811.8410 / 9117.7137 / 9902.7132 - Creci 2523

PONTA VERDE REF. 027 – PONTA VERDE. VENDO apto sala de estar e jantar, 03 quartos sendo 01 suíte, dependência completa empregada. 02 vagas. Nascente,. Prédio com play ground, piscina, acedemia completíssima de ginástica. Salão de festas. Condomínio baixo.R$ 260. Nascente, Excelente localização. mil.Tratar pelos telefones para contatos: 9351-4440 / 8729-0144 - CRECI 343. JÔ 09 – PONTA VERDE – 90M² - De esquina, próx. ao Palato - 03 quartos sendo 01 suíte, sala de estar/jantar em “L” com varanda, cozinha, WC social, área de serviço, DCE, 02 vagas de garagem. R$ 250.000,00 – Ventilado! Vem que tá bom demais! Tratar pelos telefones para contatos: 8811.8410 / 9117.7137 / 9902.7132 - Creci 2523

4009-1961

LIGUE E ANUNCIE

JÔ 08 – PONTA VERDE – R. Eng°. Mário de Gusmão. 136m² cabe sua família inteira! 03 quartos sendo 01 suíte, DCE, sala enorme, varandão, wc social, cozinha, 01 vaga de garagem. R$ 240.000,00. Nascente! - Vem que tá bom demais! Tels. 8811.8410 / 9117.7137 / 9902.7132 - Creci 2523 JÔ 03 – PONTA VERDE – É tudo que você sonha e mais alguma coisa. Lindaço! 110m² Totalmente reformado. Nascente - 03 quartos sendo 01 suíte, sala estar/jantar em “L” mesmo, varanda, wc social, cozinha, DCE, 02 vagas de garagem. Completo de armários novos, novos! Vem que tá bom demais! Tels. 8811.8410 / 9117.7137 / 9902.7132 - Creci 2523

APTO. ALUGA

CASA VENDA

FEITOSA

BARRO DURO

ALUGA-SE apto.no Feitosa, 3º andar,4 qtos.S/1 dependência de empregada,1 wc social,1 wc de serviço,área de serviço, cozinha, sala de jantar e estar, total: 110m². Tr.:(82) 8148-5884/ 96160536.Incluso:aluguel,condomínio,IPTU,água,1 vaga de garagem, vigilância 24h com segurança privado,porteiro 24h, R$ 800,00.

4009-1961

LIGUE E ANUNCIE

JÔ 06 – BARRO DURO – Essa casa foi feita sob medida pra sua família! Nascente, com 2 pavimentos - 03 quartos sendo 03 suítes, 01 master com closet, wc social, sala de estar, sala de jantar, DCE, cozinha, jardim e garagem. Apenas R$ 180.000,00. Cond. Fechado. Vem que tá bom demais! Tels. 8811.8410 / 9117.7137 / 9902.7132 - Creci 2523

JÔ 11 – PONTA VERDE – Tá procurando um AP aconchegante? ASHOW! Próximo a Praça do Skate! 03 quartos sendo 01 suíte, sala de estar/jantar, cozinha, área de serviço, WC social, 01 vaga de garagem. Nascente e todo reformado! R$ 160.000,00. Vem que tá bom demais! Tels. 8811.8410 / 9117.7137 / 9902.7132 - Creci 2523

PAJUÇARA REF. 022 – PAJUÇARA – Apto com área 109,48m² sala de estar e jantar com varanda, 03 quartos sendo 01 suite, Wc social, hall, dependência completa de empregada, cozinha, 02 vagas independentes, excelente localização. Novo (Nunca havitado).Andar alto. R$ 380 mil.Tr. 9351-4440 / 87290144 CRECI 343

SERRARIA VENDE-SE excelente apto. na Serraria, Conj. Rui Palmeira, reformado, 3 qtos. S/1 ste. Contato: 9944-5653.

Aluguel de salas comerciais, no 13º andar cobertura com vista para o mar, no Ed. Empresarial Norcon, situado na Av. Comendador Gustavo Paiva, nº 2789, Mangabeiras, tratar com proprietário no tel. 9974-4421 (favor ligar no horário comercial).

FAROL REF. 029 – FAROL - Casa duplex. Térreo: Garagem, sala de visita, 2 qtos grandes, s/1 ste, coz. C/armários e área de serviço. 1º andar: varandão, sala de visita,sala de jantar,2 qtos,s/1 ste, wc social, coz., área de serviço. Excel. acabamento e local.,nascente,rua calçada e sem saída.Tudo isso por apenas: R$ 210 mil. Pertinho Igreja, supermercados, escolas, farmácias.Tr.9351-4440 / 87290144 – CRECI 343 JÔ 02 – FAROL – A 35 metros da Av.Fernandes Lima, próx. a Mondo Informática. Excelente para clínica ou sua empresa.Casa com terreno medindo 10 x 49m. Nascente - 3 qtos s/1 suíte, lavabo,sala estar grande,sala de jantar,02 cozinhas,garagem e + uma com entrada lateral, jardim, quintal grande,02 salas no 2º piso.Vem que tá bom demais! Tels. 8811.8410 / 9117.7137 / 9902.7132 - Creci 2523

REF. 025 – JARDIM PETRÓPOLIS I –CONFORTÁVEL Casa duplex, nascente. sala de visita sala de jantar, 03 quartos sendo 02 suites, todos com armários, cozinha com armários e despensa, área de serviço, quintal grande, área verde frutificada nos fundos. com grande jardim de frente, 02 terraços, 02 vagas de garagem, solta nas laterais. R$ 395 mil. Ligue veja e confira.TR. 9351-4440 / 87290144 - CRECI 343.

4009-1961

LIGUE E ANUNCIE

REF. 020 – SERRARIACOND. JARDIM EUROPA. Linda casa duplex, sala de estar e jantar, terraço, 03 quartos sendo:01 suíte master, 01 suíte, Wc social, Cozinha,despensa,área serviço, jardins 02 vagas. Repleta de armários de luxo.Excelente localização. R$ 680 mil.Tr. 9351-4440 /8729-0144 - CRECI 343. REF. 024 – SERRARIA VENDO casa Conjunto Carajás. Jardim terraço 03 vagas, sala de estar e jantar, 03 quartos sendo 01 suíte, Wc social, cozinha, área serviço, quintal.R$ 250.000,00. Tratar pelos telefones para contatos: 9351-4440 / 87290144. CRECI 343.

JÔ 10 – SERRARIA – Casa c/3 pavimentos! 3 qtos s/3 stes, 1 master c/closet, terraço grande, WC social, coz., DCE, sala de estar/jantar grande, gabinete, piscina no quintal, garagem. Acabamento de 1ª linha! Completíssima de armários e mobília de muito bom gosto! R$ 600 mil – Motivo da oportunidade: VI-A-GEM! Vem que tá bom demais! Tratar pelos telefones para contatos: 8811.8410 / 9117.7137 / 9902.7132 - Creci 2523

SÍTIOS VENDA INTERIOR REF. 023 – VENDO Sítio 8 hectares Coqueiro Seco - lindo sítio com casa morador, água, capim para gado,luz, margem pista. Linda vista para mata atlântica. Local privilegiado.Fácil acesso.R$ 300 mil.Tratar pelos telefones: 93514440 / 8729-0144 CRECI 343

4009-1961

LIGUE E ANUNCIE

Precisa-se de médico PSF - no município de Campo Alegre. Tratar: 9981-6523/ 9118-2311/ 9316-0939/ 93165971 TERRENOS VENDA

LOTES

VENDO OU TROCO por carro terreno no Francês, Lot. Encontro do Mar, med. CAPITAL 12x30.Tratar pelos telefones REF. 021- TABULEIRO. para contatos:9949-4067/ Terreno na Rua da 8803-3935. Bomba do Gonzaga meEMPREGOS dindo de frente 14m por PROCURA-SE 105 de lados. Nascente Rua calçada, toda inOUTRAS fraestrutura. Excelente ATIVIDADES localização.Tratar pelos telefones para contatos: PRECISO TRABALHAR DE: 9351-4440 / 8729- cozinheira, cozinha pricial elegante ou serviços gerais, 0144. CRECI 343. c/experiência e referência. INTERIOR Tratar pelo telefone para conREF. 026 – TABULEIRO tatos: 8845-8155. - VENDO área medindo SERV. PROF. 61,40x226 frente ao Aeroporto com SERVIÇOS 13.200m² rua calçada, DIVERSOS murada, toda plana, reJM MÓVEIS: fabricamos gistrada, com toda intodas as linhas de mófraestrutura.Excelente loveis modulares 100% calização para instalação MDF, móveis de sala, code sua empresa. R$ 650 zinha, quarto, banheiro mil. Tratar pelos telefones etc. Tratar com o sr. João para contatos: 9351- pelos telefones para con4440 / 8729-0144 – tatos 3320-2009/ 33203129. CRECI 343.

OUTROS BAIRROS REF. 028 – LITORAL NORTE.COND. SAUAÇUHY – Linda casa duplex de veraneio,com terraço,sala de visita, 2 quartos reversíveis c/armários,coz.c/armários, com piscina,churrasqueira, bar, quadra de esportes, há 150 da praia.R$ 170 mil. Tratar pelos telefones para contatos: 9351-4440 / 8729-0144 - CRECI 343.

ANÚNCIO INSTITUCIONAL Fruto de Termo de Ajuste de Conduta Firmado com o Ministério Público do Trabalho.

“De acordo com o art. 5º da CF/88 c/c art. 373-A da CLT, não é permitido anúncio de emprego no qual haja referência quanto ao sexo, idade, cor ou situação familiar, ou qualquer palavra e/ ou expressão que possa ser interpretada como fator discriminatório, salvo quando a natureza da atividade assim o exigir.”


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

B1

Dois

www.mais.al cultura@ojornal-al.com.br

Poética imortal Yvette Moura

A autora de Volta Redonda, Dalva Souza, esteve em Maceió no final de março

Autora de diversas obras – entre elas, a que se utiliza da psicografia de poemas de célebres nomes da literatura brasileira para demonstrar a sobrevivência de suas personalidades ao fenômeno da morte –, escritora do Espírito Santo encontra na seara da poesia, do amor e da família a base de suas narrativas. E se prepara para lançar novas reflexões em próximo livro

ELÔ BAÊTA cultura@ojornal-al.com.br

O

que leva um escritor a enveredar por esse ou aquele tema, por esse ou aquele estilo, por esse ou aquele gênero, por essa ou aquela abordagem literá-

ria? Não seria pouco oportuno se tais interrogações, porventura, viessem a povoar a mente dos “bons de livro e leitura”, como se condensadas em um molho curioso, a partir de uma pergunta ainda maior: o que há por trás de grandes obras? Quando a autora de Volta Redonda – e vivência capixaba – Dalva Silva Souza lançou “Imortalidade dos poetas mortos”, sabia que estava prestes a despertar no leitor essas e muitas outras indagações. E, distante da falsa modéstia, para um tema, no mínimo, instigante. O que terá levado a escritora a adentrar nas veredas das almas poéticas, em co-autoria com o respeitado conferencista e pesqui-

sador Lamartine Palhano Júnior? E não só nelas. Mas também nas sendas do amor e da família? Temas dos quais também é estudiosa e a quem dedica outras de suas obras. Quando da vinda de Dalva a Maceió, no final de março, O Jornal teve a oportunidade de lançar e sanar, diretamente com a autora, boa parte desses questionamentos. Se atentar para o berço espírita em que a escritora nasceu e cresceu, assim como para sua extensa bagagem pelo Brasil como oradora da doutrina codificada pelo professor francês e estudioso do magnetismo Allan Kardec, subentende-se uma fatia considerável do pilar de sustentação de sua Literatura e de sua entrada no mundo

Serviço Os livros de Dalva Silva Souza podem ser adquiridos através do site: www.mensagemespirita.com.br. Contato com a autora pelo e-mail: dalvasilvasouza@gmail.com.

dos escritores. A começar pelo teor da obra com título inspirado na produção cinematográfica de sucesso nos anos 80 “Sociedade dos poetas mortos”. “´Imortalidade dos poetas mortos´ é uma antologia mediúnica diferente porque reúne textos de vários poetas, psicografados por diferentes médiuns. Quando você observa textos de um mesmo autor, captado por pessoas diferentes, de gêneros diferentes, que viveram em tempos e espaços geográficos também diferentes, mas que contêm traços de estilo do autor desencarnado, confirmados por uma análise literária, fica difícil encontrar uma explicação coerente do fenômeno que não seja a

tese espírita da imortalidade da alma e de sua possibilidade de comunicar-se com os encarnados”, atenta Dalva para o referencial da obra, que se tornou referência em sua literatura. A narrativa apresenta psicografias de 18 médiuns; entre eles, o mineiro de Uberaba Chico Xavier e o respeitado orador espírita Divaldo Franco. Nela, a mediunidade recai sobre a poesia de Augusto dos Anjos, Castro Alves, Olavo Bilac, Cruz e Souza, Alfredo Nora, Antero de Quental, Arthur Azevedo, Auta de Souza, Azevedo Cruz, Cornélio Pires e João de Deus. Onze ao todo. É na antologia – pensada com o intuito de demonstrar a sobrevivência da personalidade do ser ao fenômeno da morte, assim como a possibilidade de sua intervenção no plano físico através da mediunidade –, onde Dalva e o saudoso pesquisador do Espiritismo no Brasil Palhano se ocuparam não só em debruçar seu olhar sobre a produção psicográfica referente a esses escritores. Os dois autores também atentaram para outra observação: a dificuldade de se impor a tese sustentada pelos críticos de que as psicografias não passavam de imitações dos textos dos autores em vida, como explica a escritora. Experiência vivenciada, por exemplo, sobre os versos do poeta paraibano do engenho de Pau d’Arco. “Na produção psicográfica dos poemas de Augusto dos Anjos, observa-se que o autor usava, em suas composições, uma terminologia que

“´Imortalidade dos poetas mortos´ (...) reúne textos de vários poetas, psicografados por diferentes médiuns” DALVA SILVA SOUZA Escritora

remetia a um cientificismo materialista. Essa marca forte reaparece nos textos psicografados, embora os médiuns tenham sido pessoas sem acesso a leituras que lhes pudessem oferecer o vocabulário que aparece na psicografia”, destacou Dalva. E complementa a autora suas observações sobre a imortalidade da poesia do autor, dentre outros, do soneto “Psicologia de um vencido” e de outros literatos presentes no livro. “Vale a pena um estudo mais detalhado do assunto, pois pode aclarar muitas coisas que não dão para abordar aqui. Inclusive, a tentativa de explicação pela existência de um reservatório invisível de todas as produções culturais humanas, cujo acesso seria possível ao médium por ser portador de uma habilidade especial de transcender seu tempo e espaço. Depois do livro, muitos outros trabalhos de pesquisa se seguiram. E se consolidaram com a criação da Fundação Espírito-Santense de Pesquisa Espírita (Fespe)”.

Dos percursos dos sentimentos a reflexões Ao todo – e “Imortalidade dos poetas mortos” incluso e já em sua segunda edição –, Dalva Silva é autora de nove obras. E a escritora – e também professora de Língua Portuguesa e Literatura Brasileira no Espírito Santo, onde vive – fala sobre as sinopses de cada uma delas com a percepção de que seu entendimento passa por um viés de reflexão que chama de “movimento cultural de grandes proporções instituído no Planeta pelo Espiritismo”, mas abrangente a todo e qualquer leitor. Assim como vê nas nuanças da família e do amor temas inesgotáveis. Longe dos manuais de autoajuda, o convite da escritora a trilhar a aurora dos sentimentos vem sendo feito desde que lançou “Os caminhos do amor”. O primeiro dos seus títulos. Ela revela que a ideia da publicação surgiu da necessidade de busca de repostas para sua própria vida – e que, conta, ter encontrado muitas delas. E com o amparo de psicólogos, sociólogos, filósofos, pensadores. “Entender os caminhos

de desenvolvimento desse sentimento é fundamental para fazermos escolhas mais coerentes em nossas vidas. As pessoas têm-me cobrado uma continuidade de ´Os caminhos do amor´ porque esse livro fala da trajetória que vai do berço à constituição da família. Mas deixa de lado o desafio das relações cotidianas, da sequência da vida em comum, e questões ligadas aos idosos. A proposta me parece um bom desafio para os dias da maturidade”, diz Dalva. Educadora e ex-vice-presidente da Federação Espírita do Espírito Santo (Fees) escreveu ainda “Os caminhos da liberdade”, “Conflitos conjugais”, “Manual para falar em público (em co-autoria com as irmãs da escritora Leila Brandão e Cylene Guida), “Manual para pais e professores de adolescentes” (também em co-autoria com Leila Brandão, “A morte não é bem assim”, “Passe - magnetismo curador” e “A mãe na vitrine” – o mais recente deles –, onde Leila Brandão e Cylene Guida novamente aparecem como

coautoras. Sobre “A mãe na vitrine”, destaca a autora. “O livro fala não só da mãe, mas também da madrasta, da sogra, da avó; de mulheres abnegadas que não são mães biológicas, mas que adotam filhos alheios. Falamos também daquelas que adotam a humanidade sofredora. Abordamos temas interessantes, como a rejeição à maternidade que se observa na sociedade contemporânea, e avaliamos ainda a qualidade da relação mãe/filho e suas implicações no desenvolvimento humano”, diz. E as investidas literárias de Dalva continuam. A escritora – cuja vinda à capital alagoana ocorreu para a discussão do tema “A contribuição da família para o mundo de regeneração”, na quarta edição do seminário Espiritismo e Transformação Social, realizado no mês passado – informou a O Jornal que já está concluída e em fase de edição sua próxima obra: “Na medida certa”. Uma reflexão sobre a educação nas primeiras fases da vida dos indivíduos. Só resta, aguardar seu lançamento. E.B.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

B2

Dois

www.mais.al cultura@ojornal-al.com.br

Variedades

Roteiro AMANHÃ Reis do Sol, uma montagem da Cia Teatral Nêga Fulô vai abrir a 13ª edição do Teatro Deodoro é o Maior Barato, às 19h. Ingressos: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia) podem ser adquiridos com o grupo ou na bilheteria do Teatro Deodoro. Ingressos: R$ 5 (meia) e R$ 10 (inteira). Mais informações: (82) 3315-5665 / 5656. QUINTA O livro O sorriso das cachorras, do alagoano Daniel Barros, será lançado em Maceió, às 19h, no restaurante Divina Gula (Rua Engenheiro Paulo B. Nogueira, 85, Stella Maris). A obra cheia de mistérios, romance e ação, promete prender o leitor do início ao fim. O enredo do livro acontece na capital alagoana e conta a história de dois jovens, André e Patrícia, que vivem num período importante de acontecimentos sociais e políticos do Estado. Aberto ao público.

EM BREVE Na janela do olhar é a nova exposição oferecida pela Fundação Pierre Chalita (Praça Manoel Duarte, 77, Jaraguá). A mostra com pinturas de Pedro Caetano será aberta no dia 19 deste mês, a partir das 20h. Horário de visitação: seg a sex, das 8h30 às 11h30 e das 14h às 17h30; Sab, das 8h30 às 11h30. Aberto ao público. Mais informações: (82) 9351-7838.

Horóscopo

O som tecnobrega da Banda Uó vai fazer a festa “Vapor” na Loop Lounge Club (Rua Maria Ester da Costa Barros, 320, Stella Maris), no próximo dia 21, a partir das 22h. Composta por Davi Sabbag, Mateus Carrilho e Candy Mel, a Banda Uó, autora de “Shake de Amor”, um dos maiores sucessos da internet, ganhou fãs seguindo a linha trash proposital. Com um repertório que une a música eletrônica e o brega, eles começaram a fazer paródias do cenário pop, como Teenage Dream da Katy Perry e S&M da Rihanna, o que rendeu ao trio o prêmio de melhor webhit do ano no Vídeo Music Brasil, realizado pela MTV. Além dessa grande atração, a estréia da “Vapor” promete uma mistura de conceitos como música brasileira tropical, brega, axé e o eletrofunk. A festa conta com o show da “Além de Nós”, que abre a festa com um repertório exclusivo, e também com os DJs Phellipe W (SP), David Andrade e Ivo Schelb. Ingressos: R$30 (pista) e R$60 (mezanino) à venda na loja Empório Bijux (Maceió Shopping).

INSTITUTO OMAR CARDOSO

WWW.OMARCARDOSO.COM.BR

Áries

Touro

Gêmeos

Câncer

20 março a 20 abril

21 abril a 20 maio

21 maio a 20 junho

21 junho a 21 julho

astral benéfica para você. ente engenhosa, progressista, Idosnfluência M Terá paz no setor amoroso, a ajuda ideias claras e brilhante muito amigos, parentes e religiosos para influenciarão sua vida. A cor que dará

elhora sensível de saúde de condiomento em que poderá prosperar M M ções gerais deverão se apresentar pela influência do cônjuge, trazer hoje. A vida familiar será bastante e ter sucesso nas pesquisas e em tudo

elevar seu estado de espírito e será bem sucedido nos divertimentos. A sua sensualidade está elevada, mas cuidado com um romance inesperado.

harmoniosa e as chances de sucesso pessoal, profissional e financeiro, deverão surgir.

sorte é o azul. Dedique-se mais à leitura. Aguarde convites para festas de pessoas importantes neste período, onde entrará em contato com pessoas que poderão transformar-se em grandes amigos.

que está relacionado com o ocultismo. Todavia evite a precipitação, tome cuidado com seu dinheiro.

Leão

Virgem

Libra

Escorpião

22 julho a 22 agosto

23 agosto a 22 setembro

23 setembro a 22 outubro

23 outubro a 21 novembro

omento em que receberá a e puder vá ao cinema ou teatro migos lhe darão alguns desgostos e ase propícia com oportunidades de M S A amizade pura, verdadeira e desine terá oportunidade de aprender a pessoa amada poderá ressentir-se Faprimoramento pessoal, mental, teressada de amigos e entes queridos. alguma coisa boa enquanto se diverte de falta de atenção. Fluxo astral muito intelectual e psíquica. Suas ideias Mas, contudo, terá algumas dificuldades com os filhos aborrecimento com os pais. Não se preocupe tudo passará.

em companhia das pessoas que estima ou de alguém especial. Contudo, evite revelar seus segredos ou assuntos pessoais porque será prejudicado.

benéfico aos negócios atinentes, a família e aos meios de transmissão de ideias. Sorte nos jogos.

serão analisadas por pessoas amigas e alcançarão êxito. Amor favorecido.

Sagitário

Capricórnio

Aquário

Peixes

22 novembro a 21 dezembro

22 dezembro a 20 janeiro

21 janeiro a 20 fevereiro

21 fevereiro a 20 março

ua possibilidade de êxito serão edicar-se a rotina e o melhor que resságios dos mais favoráveis riginalidade em seus pensamentos Sdisposição D P O ampliadas hoje, de acordo com a pode fazer neste dia. Pense nos a você. Propício aos encontros e total independência mental estão que levantar para o trabalho. problemas como quem tenta solucionar amorosos, para reatar velhas amizades, previsto para você hoje. Sentir-se mais Enfrente as pequenas dificuldades com entusiasmo. Não esmoreça. Fase excelente. Procure eliminar do seu vocabulário, o termo impossível.

um quebra-cabeças e encontrará a solução adequada. Terá uma ideia feliz a respeito dos seus próprios assuntos. Adote uma atitude mental positiva e otimista e tudo sairá bem.

para harmonizar-se com parentes e para entender-se perfeitamente com os amigos. Êxito profissional e social. Fume e beba menos.

atraído ao estudo de ciências e as experiências psíquicas. Bom ao trabalho e ao amor.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

Dois TV TV ALAGOAS - SBT Canal 5 05h30 - Igreja Quadrangular 06h00 - Jornal do Sbt ¬Manhã 07h00 - Igreja Universal 08h00 - Carrossel Animado Com Patati Patatá 09h30 - Bom Dia & Cia 10h00 - Igreja Mundial 12h00 - Plantão Alagoas 13h35 - Igreja Universal 14h15 - Pícara Sonhadora 15h15 - Marisol 16h15 - Maria do Bairro 17h10 - Tenha Estilo 17h15 - Casos de Família 18h15 - Chaves Chaves 19h45 - SBT Brasil 20h30 - Corações Feridos 21h15 - Programa Do Ratinho 22h30 - Cine Espetacular Filme: Se Beber Não Case 00h30 - Jornal Do SBT - Noite 01h15 - Dois Homens e Meio / Two And A Half Men 02h00 - Série: Eastwick: A Cidade da Magia 03h00 - Encerramento da Programação

TV PAJUÇARA - RECORD Canal 11 06h48 - Alagoas Rural 06h55 - Pajuçara Auto 07h00 - Jornal da Pajuçara 08h40 - Fala Brasil 10h00 - Hoje Em Dia 12h00 - Casa & Negocio 12h05 - Feito Pra Você 12h30 - Fique Alerta 14h15 - Ponto de Luz 14h30 - Tudo A Ver 16h45 - Tudo Mundo Odeia o Chris 19:00 - Rebelde 20h00 - Jornal da Pajuçara Noite 20:30 - Jornal da Record Hd 21h00 - Vidas Opostas 22h15 - Máscaras - Estreia 23h15 - Rei Davi 00h30 - Csi Miami 01h15 - Fala Que Eu Te Escuto 02h00 - Ponto de Luz

TV GAZETA - GLOBO Canal 7 04h50 - Sagrado 04h52 - Tecendo o Saber 05h10 - Telecurso Profissionalizante 05h25 - Telecurso Ensino Médio 05h40 - Telecurso Ensino Fundamental 05h55 - Globo Rural 06h30 - Bom Dia Alagoas* 07h30 - Bom Dia Brasil 08h30 - Mais Você 09h55 - Bem Estar 10h40 - TV Globinho 12h15 - AL TV - 1ª Edição** 12h50 - Globo Esporte 13h20 - Jornal Hoje 13h50 - Vídeo Show 14h35 -Chocolate Com Pimenta 15h55 - Sessão da Tarde O Cachorro Bombeiro 17h49 - Globo Notícia 17h53 - Malhação 18h25 - Amor Eterno Amor 19h10 - AL TV - 2ª Edição 19h30 - Aquele Beijo 20h30 - Jornal Nacional 21h05 - Avenida Brasil 22h20 - Tapas & Beijos 23h00 - Louco Por Elas 23h45 - Profissão Repórter 00h05 - Jornal da Globo 00h40 - Programa do Jô 02h10 - Hawaii Five.0 02h55 - Corujão I

B3 www.mais.al cultura@ojornal-al.com.br

Variedades

Lollapalooza estreia no Brasil com mais acertos do que erros THALES DE MENEZES Folha Online

E

m sua estreia no Brasil, o festival Lollapalooza teve mais acertos do que erros. Apostou em dois nomes fortes para puxar venda de ingressos e preencheu a programação com bandas estrangeiras emergentes e brasileiros veteranos - soluções baratas. Somada a essa fórmula de “line-up”, escolheu o Jockey Club de São Paulo, de fácil acesso para o público e com espaço suficiente para permitir qualquer configuração de palcos que os organizadores tivessem na cabeça. Com o sábado lotado de fãs da banda norte-americana Foo Fighters e o dia de domingo bem cheio de seguidores dos ingleses do Arctic Monkeys, reuniu quase 140 mil pessoas, na imensa maioria com vinte e poucos anos. É preciso realmente contar com vontade juvenil para encarar duas tardes de sol escaldante num local sem pontos de cobertura para aplacar o calor. Ou a chuva, que veio breve, mas bastante forte na noite do domingo. Como cartão de visitas, o festival organizado pelo roqueiro Perry Farrell (Jane’s Addiction) há 20 anos nos Estados Unidos mostrou que pode entrar definitivamente no calendário brasileiro. O Lollapalooza tem a seu favor buscar artistas de perfil

Público assiste ao Arctic Monkeys no Lollapalooza Brasil, em São Paulo

diferente dos outros grandes eventos no país, como o SWU e o Rock in Rio. Estes apostam na quantidade de bandas e em nomes que atingem também o público mais velho. Daí escalar atrações de rock clássico e de pop radiofônico. Dos outros festivais, quem mais se aproxima do estilo do Lollapalooza é o Planeta Terra. Mas este foca mais o rock “indie” inglês, enquanto o festival de Farrell tem a cara eclética e esquisitona de seu criador. Só sua predileção pessoal explica a escalação nos dois palcos principais de nomes (muito) desconhecidos como Manchester Orchestra ou Band of Horses. Mais famosos, mas ainda bem longe do primeiro time

Dave Grohl se apresenta à frente do Foo Fighters e encerra o primeiro dia do Lollapalooza, em São Paulo

do rock mundial, são TV on the Radio, Foster the People, Friendly Fires e Cage the Elephant. São ainda alter-

nativos, assim como seus cachês. Além da escalação peculiar, outra característica do

Lollapalooza parece agradar muito ao público brasileiro: o ingresso de valor único, sem áreas VIP e outras divisões. Isso atrai principalmente os mais jovens. Assim, desde o começo da tarde de sábado, a área de shows era dominada pelos fãs do Foo Fighters. Em compasso de espera, a tendência da plateia foi a de receber com carinho e entusiasmo as atrações ao longo do dia, fossem gringos em ascensão ou brasileiros mais conhecidos por gerações mais velhas do que aquela predominante ali. Tocando nos melhores palcos mas nos piores horários, os cantores brasileiros Marcelo Nova e Wander Wildner e as bandas O Rappa e Plebe Rude (esta se apresentou no último dia) resgataram hits nacionais de três décadas. Ninguém parece ter saído do Jockey Club duvidando da força do festival. Em próximas edições, no entanto, o evento poderia reproduzir aqui algumas boas características do original americano, realizado anualmente em Chicago, no mês de agosto. Entre elas, a grande e variada opção de alimentação, bem fraca e pobre em São Paulo, e uma preocupação visual de deixar tudo mais bonitinho e charmoso. Ainda não foi o caso nesses dois dias de música no Jockey Club. Mas tem tudo para ser.

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

© Revistas COQUETEL 2012

Produtos em que o Desfrutar agronegócio leva o Brasil ao primeiro lugar no ranking mundial do consumo

Investigador de casos extraconjugais

Outro nome do marimbondo

O aparelho de "Nada Compôs Além da "Com que Verdade" (SBT) Roupa?"

Grande belvedere

Tempo (símbolo) 500, em romanos

Tarimbado Tribunal que registra as candidaturas a prefeito (sigla) 5ª letra

Nada (?): significado de "Nihil obstat", autorização editorial da Igreja

Raios X (abrev.)

Centro de Treinamento (abrev.) A região mais fria do Brasil (abrev.)

Letrasímbolo do real (Fin.)

Beira-(?), estádio do Inter (RS) Gordura de porco; banha

Ferro, em inglês Predador da foca

Pálido; desbotado

Interjeição dita a quem espirra Confusão Cidade (gíria) com o 3º Persistir IDH do no tempo País (RJ)

Acessórios dos pugilistas

Pedestre Arma com ogiva Estado natal de Obama (EUA)

Tribo de (?), banda de reggae Ministério responsável pelo Enem

Flutuador de caixasd'água "Eu, (?)", livro de Isaac Asimov

Criação folclórica perneta Visitar

11

Solução V I E N S O M P E I A L R R A D O S N A T L E U N V J A H S A B V O I Z A A R I

C E D O

I O R U DE N M T E O N T I R A S C

T

D T E T D E

BANCO

O som da vaia Muito (apócope)

F X P E R R E U S I A T O R I L S C O R I R O U D R A N S S S I L O T M E C M R O U T O R I G I N

Sucessão de sons em "Vicente sente dor de dente" Oficina credenciada para consertos Provenientes

"Deus ajuda quem (?) madruga" (dito)

Milho, em inglês

D E T E D IT V D E P R AR T M I E C U L A O R

05h50 - Salto para o Futuro 06h50 - Telecurso Ensino Médio 07h05 - Telecurso Ensino Fundamental 07h20 - Telecurso Tecendo o Saber 07h50 - Jornal Visual 08h00 - Repórter Brasil 08h45 - Cocoricó 09h00 - Angelina Ballerina 09h30 - Castelo Rá Tim Bum 10h00 - Um Menino Muito Maluquinho 10h30 - Janela Janelinha 11h00 - Connie a Vaquinha 11h30 - A Turma do Pererê 12h00 - Da sua Conta (Local) - Reprise 12h15 - Balançando o Ganzá - Reprise 12h30 - Faixa Musical (LOCAL) 13h00 - A Turma do Pererê 13h30 - Catalendas 13h45 - Tromba Trem 14h00 - Dango Balango 14h30 - Vila Sésamo 15h00 - Meu Amigãozão 15h15 - Cocoricó na Cidade 15h30 - Anabel 15h45 - Curta Criança 16h00 - Sem Censura 17h30 - + Ação 18h00 - Estúdio Móvel 18h30 - Aborrecentes 19h00 - Galera do Surf 19h30 - Expedições 20h00 - Oncotô 20h30 - Cara e Coroa 21h00 - Repórter Brasil 22h00 - Observatório da Imprensa 23h00 - Samaba na Gamboa 00h00 - Mama África 01h30 - Almanaque 02h00 - Sem Censura 03h30 - Brasilianas.Org. 04h30 - Caminhos da Reportagem 05h30 - Expedições

Semelhante ao governo de Stalin

3/jah. 4/corn — iron — unto. 5/fruir — havaí. 6/impede. 7/mirante.

TV EDUCATIVA - TVE Canal 3


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

B4

Social

www.mais.al cultura@ojornal-al.com.br

Fotos: Ca

rmem Re

jane

Inside

TODA FINA | Carol Gaia cheia de estilo e charme em tarde fashion que movimentou as finas e famosas da cidade

Brunch

Outdoor

Teve almoço de Páscoa na casa de Patrícia e Welligton Calheiros nesse domingo. A tarde, entre amigos, contou com almoço feito pela própria equipe do restô da empresária, o Maria Castanha, que assinou uma bacalhoada, cuscuz marroquino e dois tipos de massa. Os poucos e bons convidados trocaram ovos de chocolate e vinhos, pois todos são apreciadores de carteirinha da bebida - e quem não? Por lá, também foi celebrado o aniversário de Patrícia, com direito a champanhe no gelo,e, claro, ‘parabéns pra você’. Viva!

Notícia boa para quem curte publicidade! É que a agência Galo Índia Design & Branding arma, por aqui, o Brand Lov Day, o maior evento de Branding do Nordeste e um dos pioneiros da pátria tupiniquim. O encontro? Tem como objetivo debater o que é atual e tendência na área da gestão de marcas, através de palestras e estudos de caso com grandes nomes locais e nacionais. Quando? Nesta quinta-feira, 12, das 18h às 22h, no auditório da Fits Maceió. Ah, entre os temas que serão discutidos estão a gestão de marcas em editoriais e o branding digital. Vai perder?

Por Marcos Leão inside@ojornal-al.com.br

Fotos: Claudemir Mota

ELEGÂNCIA PURA | Todo o charme da empresária de moda Izinha Omena, que esbanja boa forma e estilo por onde passa

BELDADE | Juliana Vital dando mais brilho e charme às festas vips

CIRCULADA | O arquiteto Paulo Góes no maior estilo em noite vip, que marcou o final de semana dos bacanas da seara

Caçarola Boas novas aos entusiastas de uma boa gastronomia. O Bicho do Mar, charmoso bistrô do restaurante Luis Gross, acaba de abrir um novo QG. O restô, que virou verdadeiro hot spot do bairro da Serraria, tem agora um novo ponto para chamar de seu na Jatiúca, mais especificamente na antiga Amélia Rosa, onde ficava a antiga loja de Sérgio Fireman. O lugar ficou famoso pelo seu menu de frutos do mar, que fique claro, é pura delícia. O tiro é certo. Bon apetit!

Fashionista do bem

DNA | A empresária Lúcia Lira com seu herdeiro Felipe Lira em noite cigana, que agitou o Encontro de Colunistas Sociais em Arapiraca

EM DUO | Isvânia Marques com seu Enio Veiga conferindo as festas românticas da agenda social da capital alagoana

Não tem como negar: o Fashion Day é um dos maiores bazares de grifes estreladas já visto em território alagoano. Depois do sucesso da primeira edição, em parceria com a ONG Pró-Amor, o evento fashion promete fazer bonito mais uma vez nos próximos dias 17 e 18, no Espaço Pierre Chalita. E o melhor: todas as peças estarão com valor máximo de R$ 199, além do que parte da renda será revertida para Instituição. Vamos lá?

ALEGRIA, ALEGRIA | Ricardo Teófilo com a secretária de Saúde de Arapiraca, Sandra Márcia, em registro poderoso e notório durante o festival Viva Arapiraca

Point

Inauguração

Um dos hotéis mais cool de Alagoas, o Kenoa Beach, na praia da Barra de São Miguel, foi cenário de uma festa ótima nesse fim de semana. Com o balneário cheio para o feriadão, Patrícia Brandão reuniu uma turma das mais animadas em seu beach lounge para dançar ao som de DJ, e, claro, muita champanhe no gelo. Quem passou por lá? Eduarda Omena, Carlos de Oliveira, Marcelo Malta, TODO ELE | João Della Corte feliz com a vida e com o sucesso nos negócios, já que comanda com maestria um dos restaurantes dos Dani Oiticica e Maria mais badalados de Arapiraca Helena Braga.

Para quem acha que Marcelo Botelho brinca em serviço, está muito enganado. O empresário, que comanda uma das maiores casas de espetáculos da cidade, a Vox Room, pilota, hoje, acompanhado de sua cara-metade Lívia, o abre de mais um empreendimento. Qual? O Filé do Zé, na Avenida Jatiúca, tendo projeto assinado pelo expert Beto Canavarro, além das lindas peças em filé do competente no assunto Fernando Perdigão. Sorte para ele!

TODA ELA | Petrúcia Milones esbanjando elegância e estilo, além do que está em dia com a alegria das festas chiques

Companhia estrelada

Rojão

Feriado

Ander Oliveira não deixou passar batido sua Páscoa. Sim, o stylist bombadíssimo do momento - que fique claro, ele é alagoano - foi festejar uns dias de folga no Rio de Janeiro. Mas uma coisa não estava prevista para acontecer: se tornar ‘amigo de infância’ de um dos maiores estilistas do mundo fashion, o poderoso Marc Jacobs. Isso mesmo! O stylist alagoano esteve com o famoso estilista no club The Week, no último sábado, quando curtiram uma das noitadas das mais inesquecíveis e só saiu de lá na manhã deste domingo. Marc está hospedado no Hotel Fasano. Boa!

Que o São João é uma das festas mais alegres e bem decoradas do País, isso todo mundo já sabe. E o município de São Miguel dos Campos comanda com maestria uma das festas mais concorridas da temporada. E este ano terá decoração de luxo assinada por - nada mais, nada menos - Alex Barbosa, um dos arquitetos dos mais competentes da seara. Por falar nisso, Alex anda nos últimos preparativos para a festança junina. Vem coisa fina por aí...

Nem Barra de São Miguel, nem São Miguel dos Milagres: Aydil Lessa Braga reuniu uma turma de amigas das mais poderosas e foram refrescar a ‘cuca’, e, claro, se divertirem num dos destinos mais animados para isso, neste feriadão. O mapa da mina? Las Vegas. Quem curtiu por lá? Tereza Coutinho, José Luiz Coutinho, Isabel Tenório e Elizirene Caldas. Quem pode pode...


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

www.mais.al l tecnologia@ojornal-al.com.br

E

Produtos tecnológicos com sabor de chocolate

Chrome é o navegador mais popular do Brasil 8

Educação & Tecnologia

O mundo encantado da

leitura Projetos que reúnem contação de histórias, produção de audiolivros e distribuição de obras de autores alagoanos trazem um olhar diferenciado sobre a leitura, incentivando crianças, jovens e adultos a ler com prazer. 4, 5 E 6

2


2

www.mais.al l tecnologia@ojornal-al.com.br

O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

Tecnologia g &E Educação du uca c ção ç

Câmera digital: deixa com água na boca

Imagem Digital Gustavo Boroni Publicitário, relações públicas, fotógrafo e professor de fotografia imagemdigital@gustavoboroni.com.br l www.gustavoboroni.com.br

WE LOVE GADGETS

Tecnologia combina com … chocolate! : D

D

escoberto originalmente nas civilizações pré-colombianas da América Central, o chocolate é paixão nacional e internacional. É quase impossível alguém não gostar deles, além de serem

bastante gostosos, eles trazem também diversos benefícios a nossa saúde e movimenta o mercado de dispositivos eletrônicos. Abril é o mês da Páscoa, os chocolates foram entre-

gues domingo passado, então resolvi comentar sobre os Gadgets mais deliciosos da internet. E caso já tenha devorado todos seus chocolates, que tal conhecer estes?

NTT Docomo SH-04b parece um chocolate E para começar essa pequena lista, nada melhor que um celular que se parece uma barra de chocolate. Ele foi nomeado de NTT Docomo SH-04b e foi desenvolvido exclusivamente pela Sharp e desenhado pela Q-Pot . O NTT Docomo SH-04b pesa 131 gramas, tem uma tela de LCD de 3 polegadas com 480 x 854 pixels e apenas 16 milhões de cores. Este aparelho também vem com uma câmera built-in de 8Gb com foco automático, detecção de face e ainda que grava vídeo.

chocolate branco ou chocolate de morango. Começou a ser comercializada no Japão a partir de janeiro de 2011 por ¥2.730 *(ou, em nossa moeda, R$ 56).

Shaped iPod Speaker em modelo de barra Quer uma ótima maneira de compartilhar músicas com seus amigos? Speaker portáteis iPod pode ser o ideal.Habilmente modelado em uma barra de chocolate deliciosa e é definitivamente pequeno o suficiente para aparecer no seu bolso sem fazer uma protuberância maciça! O som

é bastante impressionante para algo tão pequeno, o Active Bass System garante aos alto-falantes um belo som. Tudo que você precisa fazer para ve-lo trabalhando é conectá-lo ao seu iPod (não necessita de baterias!). Ele está a venda na Strapya World pelo preço de $24.80.

Sound Like Chocolate Scented Headphones

Outras regalias deste delicioso aparelho são: GPS, Tv Digital, 220 horas de uso contínuo e

Mouse recheado com creme O Chocolate Bar Shaped Mouse tem a forma de uma barra de chocolate recheada com creme, mas é feito de plástico e não é comestível (risos). O mouse de chocolate é compatível com Mac ou Windows e só tem dois problemas: o primeiro é que não parece nada ergonô-

A Fuvi Chocolate Digital Camera, a câmera digital que me deixou com água na boca, é bem pequena, mede 80×8×50 mm, tira fotos com resolução 640×480 pixels, tem função self-timer, conexão USB e memória interna, mas não foram revelados muitas especificações a mais. Essa maravilha tecnológica e gastronômica está disponível em três sabores: chocolate preto ao leite,

micoeosegundoéque vai dar vontade de comer chocolate o dia inteiro.O Chocolate Bar Shaped Mouse custa US$19,95 na Amazon. com.

570 horas em standby. E de suas vantagens mais legais é que ele é resistente à água.

Já está mais que comprovado que música e chocolate diminuem o estresse, e que tal juntar os dois e forma uma coisa só? O resultado é o Sound Like Chocolate Scented Headphones, um fone de ouvido que se parece com uma deliciosa barra de chocolate devido sua cor marrom e alguns detalhes na parte de trás das almofadas que são carimbadas com o nome da língua inglesa “Love”. O headphone tem uma resposta de 20 a 20.000 hertz, uma impedância de 32 ohm e um cabo bastante cumprido que mede 150 centímetros, possibilitando que você o conecte em qualquer dispositivo. O fone é regulável e pesa apenas 165 gramas.

De presente vai uma caixa para armazenar seu fone e também um cartão temático para escrever uma mensagem já que ele é perfeito para dar de presente . E o melhor de tudo é que o fone tem cheiro de chocolate, pelo menos por um determinado tempo. Você pode encontra-lo na Japan Trend Shop pelo preço de $101, aproximadamente uns R$ 173. A loja envia para o Brasil.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

3

www.mais.al l tecnologia@ojornal-al.com.br

Educação & Tecnologia

VISÃO

Google além do alcance O Google confirmou que está mesmo testando óculos eletrônicos de realidade aumentada que transmitem dados em tempo real para o usuário

N

o vídeo, uma pessoa aparece usando os óculos para realizar 14 atividades, por exemplo, conversar com amigos, marcar encontros, checar a temperatura, procurar um endereço, fazer check-in e fazer uma chamada de vídeo. Os ícones e avisos flutuam diante dos olhos. A voz comanda as ações no dispositivo. É como um computador acoplado à cabeça. Deixando as mãos livres. O produto representaria um novo estágio de conectividade no cotidiano. As consequências deste novo aparelho já foram imaginadas, como a possibilidade de a polícia confiscar os óculos para analisar o que um usuário filmou, caso tenha passado perto do local de um crime. Ou ainda uma realidade em que anúncios são projetados diretamente no campo de visão das pessoas enquanto caminham pela rua. Não há previsão oficial de lançamento. O jornal New York Times citou fontes anônimas do Google que disseram que o produto deve estar disponível ao público até o fim deste ano. O preço seria similar ao de um smartphone nos EUA, entre US$ 250 e US$ 600, segundo o jornal. Especialistas ouvidos pela BBC disseram que a tecnologia vista no vídeo deve demorar mais tempo para chegar ao público.

BANDA LARGA

Curta

Mundo: 25% das casas têm Wi-Fi

A

consultoria Strategy Analytics divulgou resultados de uma pesquisa sobre banda larga e Wi-Fi. Segundo a companhia, 25% das casas de todo mundo já possuem conexão Wi-Fi, totalizando 439 milhões de lares com conexão à Internet sem fio. Com isso, a consultoria prevê que, em 2016, cerca de 800 milhões de lares terão rede wireless, o que representaria 42% do total de domicílios no mundo. A China será o país com maior número de conexões Wi-Fi, com estimados 110 milhões de pontos sem fio daqui quatro anos. No momento, a Coreia do Sul é o local que possui maior penetração do Wi-Fi doméstico, alcançando 80%

Brasil está entre os 20 países com maior penetração de redes sem fio

dos lares no país. Já o Reino Unido, Alemanha e Fraça possuem 70% das casas com conexões sem fio e os Estados Unidos, 61%. O Brasil também está entre os 20 países com maior penetração de redes sem fio, com 20,4% dos domicílios conectados via Wi-Fi.

“Mercados desenvolvidos ainda são os líderes em termos de penetração de Wi-Fi. No entanto, devido a dimensão de sua população, a China já tem o maior número de famílias conectadas via Wi-Fi, seguida dos Estados Unidos e Japão”, comentou o analista sênior.

18 MIL O próximo iPhone será lançado em junho deste ano, segundo um recrutador da Foxconn, fábrica responsável pela montagem de aparelhos da Apple na China. Em entrevista a uma TV de Tóquio, o funcionário disse que a companhia pretende contratar 18 mil pessoas para a quinta geração do smartphone. “O repórter clarificou que o recrutador estava falando do iPhone 5, e o recrutador acrescentou que a próxima geração do aparelho sairá em junho”, relata o Mashable. Será o sucessor do iPhone 4S, que foi lançado em outubro e era esperado pelo público com o nome de iPhone 5. A Apple já lançou cinco versões de seu smartphone: iPhone, iPhone 3G, iPhone 3GS, iPhone 4 e iPhone 4S. Se a empresa seguir a fórmula usada para nomear o terceiro iPad, o novo telefone pode ser chamado apenas de “o novo iPhone”.


4

O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE A

www.mais.al l tecnologia@ojornal-al.com.br

Educação & Tecnologia

INCENTIVO Fotos: Nide Lins

Uma razão a mais para ler Conheça os projetos que mostram como o livro pode fazer parte do cotidiano de crianças, jovens e adultos GABRIELA LAPA gabrielalapa@ojornal-al.com.br

T

irar os livros da estante, e m o s t ra r q u e e l e s podem mesmo fazer parte do cotidiano, é o desafio que as jornalistas Cláudia Lins e Simone Cavalcante assumiram, desde o ano passado, com a idealização do portal

Na cidade de Piranhas, oficinas para pescadores, educadoras e rendeiras

Mundo Leitura, um site dedicado exclusivamente ao ato de ler. Junto com o Trem das 10: Leitura a todo vapor, que tem o apoio do Banco do Nordeste (BNB), a proposta desse projeto é levar a produção literária alagoana às mãos das crianças, e chamar a atenção de jovens e adultos para as várias possibilidades de trabalhar a leitura, no dia a dia, como instrumento de educação. Uma maneira ousada de estimular o crescimento de uma população cada vez mais difícil de ser conquistada: a dos jovens leitores.

Contação de histórias na Escola Zaneli Caldas

Portal sobre leitura também tem música e artes “O portal Mundo Leitura foi um projeto que nasceu muito rápido”, conta Cláudia Lins. “Foram mais ou menos seis meses para amadurecer a ideia, criar a página na internet e fazer o lançamento oficial”. “Simone e eu sentíamos falta de um espaço como esse, em Alagoas, voltado somente para a leitura. Até então, a gente percebia que o interesse pelos livros ficava restrito à época de lançamento; depois era como se eles não existissem. Viajando para participar de eventos, descobrimos que há muita gente em outros estados

fazendo o livro acontecer. Foi então que decidimos trazer essa prática também para cá”, explica a jornalista. Para cumprir esse objetivo, o Mundo Leitura traz várias seções com entrevistas e reportagens que relacionam o livro às outras formas de expressão artística, como a música e o cinema. O material é atualizado com a participação de jornalistas colaboradores, e segundo Simone Cavalcante, a ideia é que ele possa, futuramente, contemplar também a cobertura do que acontece fora de

Alagoas. “Hoje nós conseguimos mostrar somente um pouco do que é feito nessa área fora daqui, porque os recursos permitem poucas viagens, mas nós temos pretensão de ampliar o trabalho, e trazer esse conteúdo mais vezes para o portal. Nós queremos dar uma visão mais aberta da leitura, relacioná-la às artes, à tecnologia, à educação; dar dicas de editais, prêmios; fazer essa parte de serviço, também, que é importante e que faz falta, hoje, para escritores e professores que não têm aonde buscar essas informações”, revela. G.L.


ABRIL DE

2012 l TERÇA-FEIRA

5

www.mais.al l tecnologia@ojornal-al.com.br

Hábito tem que ir além das bancadas escolares

Aluna da Escola Graciliano Ramos, no Village Campestre, participa do projeto Trem das 10, leitura a todo vapor

Alunos da Escola João XXIII divertem-se com livros do projeto Trem das 10

A escritora Simone Cavalcante com os estudantes de escola pública do Vergel

Cláudia Lins na Escola Orlando Araújo, Ponta Verde, levando a leitura para as crianças

Feito com recursos do BNB, encabeçado pela ONG Tetéia, o Trem das 10 é um projeto que contempla a distribuição de cestas de leitura nas escolas de Maceió e Marechal Deodoro, contendo apenas obras de autores locais. A proposta é fazer com que Ruth Quintella, Cláudia Lins, Simone Cavalcante, Tiago Amaral, Luciana Fonseca e mais quatro nomes de peso da literatura alagoana cheguem às mãos dos estudantes de forma lúdica, divertida, para que eles deixem de ver o livro como uma obrigação, uma atividade monótona e restrita ao ambiente escolar. O projeto começa nas escolas, mas tem a pretensão de mostrar justamente que a leitura pode ir além daquele ambiente. Para isso, segundo Simone Cavalcante, o foco é cativar professores e educadores da mesma forma, por exemplo. que o projeto audiolivros da Funarte cativou as comunidades do interior. “Parece mentira, mas há muitos professores que não gostam de ler, ou que vêem o livro apenas como obrigação escolar. Para mudar essa realidade, o Trem das 10 promove a entrega das cestas de leitura, e faz oficinas de contação de histórias, propondo aos professores uma nova dinâmica na utilização do livro em sala de aula”, conta a jornalista. “Se eles conseguirem fazer isso, o aluno vai querer repetir a atividade, vai se interessar pela leitura. É claro que nem todos que participam das oficinas aceitam as propostas, pois isso significa mudar conceitos antigos. Mas quando, de uma turma de 60, 15 saem com novos olhares sob a leitura, nós já temos disseminadores dessa cultura. É um grande avanço”, comemora. G.L.


6

www.mais.al l tecnologia@ojornal-al.com.br

O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

Educação & Tecnologia

Tecnologia é aliada na missão de conquistar novos leitores Dentro da filosofia defen- foi transformado num livro dida por Cláudia e Simone, contendo oito histórias de a tecnologia, que por tanto cada região, num total 40 histótempo foi vista como ameaça rias, distribuídos para biblioaos livros de papel, é aliada tecas e salas de leitura. Muitos da leitura, e pode ser uma dos participantes nunca ferramenta bastante útil na tinham visto um computador, conquista de novos leitores. e naquela oportunidade, todos No ano passado, as jornalis- puderam aprender a usá-lo, tas participaram, junto com criando, escrevendo, gravando o educador musical Janeo e fazendo a sonoplastia das Amorim, do projeto Audioli- próprias histórias. São iniciavro: encontro entre a memória tivas como essa que ajudam e a imaginação, que levou ofici- a aproximar as pessoas da nas a três cidades do interior de leitura, pois elas têm a chance Alagoas: Arapiraca, Piranhas e de perceber como ela pode Taquarana. ser uma atividade lúdica, “O objetivo era ensinar a dinâmica e divertida”, conta a população a utilizar o software jornalista. G.L. Audacity, um programa gratuito de gravação de voz, para que professores, educadores, e Simone com alunos a comunidade da Escola Claudinete em geral pudesBatista, no Trapiche sem gravar suas próprias histórias”, explica Cláudia Lins. Contempladas com os recursos da Bolsa Funarte de Circulação Literária 2010, da Fundação Nacional da Arte (Funarte), as oficinas do projeto Audiolivro tiveram a participação de educadores, pescadores, rendeiras, quilombolas e comunidades tradicionais do interior de Alagoas, e trabalharam principalmente o uso de recursos sonoros na contação de histórias, a partir do uso de instrumentos artesanais e da criatividade dos participantes. Para Cláudia Lins, além de mostrar como a tecnologia pode ser aliada da leitura, o projeto contribuiu com a preservação da história local de cada município visitado. “Foi maravilhoso. O resultado dessas oficinas Claudia na Escola Maria do Socorro Tavares Edu Infantil, Mangabeiras

Educadoras sertanejas escrevendo histórias Projeto Audiolivro

Ler fora da escola é fundamental Tanto empenho para conquistar novos leitores não existe por acaso. Divulgada no início deste mês, a pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, feita pelo Instituto Pró-Livro, revelou que, mesmo reconhecendo a importância da prática, muitos brasileiros ainda veem a leitura como uma atividade desinteressante. Além disso, ela está associada às obrigações escolares para pelo menos 60% dos entrevistados. O resultado disso é que, principalmenteparaascriançase os adolescentes, não existe leitura fora da escola. “É justamente isso que estamos buscando mudar”, explica Simone Cavalcante. “Se você não consegue despertar o gosto pela leitura em uma pessoa ainda na infância, dificilmente terá um adulto leitor. Para conquistar o universo infanto-juvenil, é preciso explorar ao máximo recursos como a tecnologia, a arte e a música, pois eles fazem da leitura uma atividade mais convidativa, dinâmica, mais próxima da realidade dessa nova geração, que vive conectada e se modificando”, avalia. As jornalistas também defendem essas práticas do outro lado

dasbancadasescolares,participando de projetos que levam a cultura de aproveitamento livro também para professores e educadores. Segundo Cláudia Lins, elas entendem que o incentivo à formação de novos leitores não deve ser uma obrigação apenas da escola; as famílias precisam estar igualmente empenhadas em ensinar os filhos a gostar de ler. Mas como a escola possui um papel fundamental na formação das crianças, e ainda está, como mostra a pesquisa Retratos da Leitura, bastante associada aos livros, é nela que as jornalistas buscam plantar as sementes dos seus projetos. Foi assim que nasceu o Trem das 10: Leitura a todo vapor. “Ele leva os livros infantis às escolas alagoanas da rede pública, mas não se detém somente na entrega do material. A proposta dele é mostrar diferentes formas de trabalhar aquele conteúdo, criando entre os professores uma cultura de utilização mais dinâmica e atrativa do livro, para que eles possam gostar de ler, e então provocar nos alunos o mesmo hábito”, explica Cláudia Lins. G.L.


O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

www.mais.al l tecnologia@ojornal-al.com.br

Tecnologia & Educação

ALÉM DO BRASIL

Ler & Saber O menino inesperado

Presidente da FBN, Galeno Amorim criou uma área internacional para ampliar ação dos escritores brasileiros no exterior

Governo federal quer mais autores brasileiros traduzidos para o inglês Biblioteca nacional cria uma área internacional para ampliar a ação no exterior

A

Biblioteca Nacional, oitava do mundo em acervo, será neste ano uma das mais atuantes instituições públicas do Brasil a lançar mão de políticas tradicionalmente associadas ao soft power. Além de promover a tradução de obras de autores brasileiros para inglês e espanhol, está iniciando um programa para criar bibliotecas nas fronteiras do país com seus vizinhos na América do Sul. Para o presidente da Fundação Biblioteca Nacional (FBN), Galeno Amorim, a literatura é um meio “eficaz”

de proporcionar um mergulho na cultura de um povo. A instituição acaba de criar uma área internacional para ampliar a ação no exterior, o Centro Internacional do Livro. Por trás da iniciativa, porém, está a estratégia de atrair investimentos e compradores para o mercado brasileiro de livros. O Brasil é o 11º mercado de livros do mundo, com perspectiva de crescimento, segundo o presidente da FBN, já que novas parcelas da população começam a ter mais acesso a educação e cultura. Estima-se que o país tenha cerca de 100 milhões de leitores declarados, embora 80% afirmem não ler regularmente, segundo Amorim. “A literatura brasileira circulou melhor no passado. Queremos retomar isso”, diz ele, que anunciou recentemente um programa de R$

7,8 milhões para estimular a tradução de livros brasileiros. “Há uma percepção generalizada dentro e fora do governo de que chegou a hora. Isso é bom para o Brasil, leva produtos e serviços e amplia as trocas acadêmicas”. Neste mês, o Brasil será o homenageado da 25º Feira Internacional do Livro de Bogotá. Em 2013, é a vez de uma homenagem na Feira do Livro de Frankfurt, a mais importante do mundo. Em 2014, será homenageado na Itália, na Feira do Livro Infantil de Bolonha, a maior do gênero no mundo. Há negociações em curso com outros países, como a França, adianta Galeno. A estratégia é atrair editores dos países desenvolvidos. E, por isso, a participação em feiras internacionais é essencial. “É o que dá a visibilidade inicial aos nossos títulos.”

Autora : Elisa Lucinda Editora Civilização Brasileira O que é o que é? Brincadeiras de adivinhação sempre fizeram parte do universo infantil. Elas são uma forma divertida e original de se aprender algo mais. Em “O menino inesperado”, com texto de Elisa Lucinda e ilustrações de Graça Lima, essas brincadeiras são Jogos de adivinhação em forma de poesia, onde o colorido das figuras de Graça torna-os ainda mais interessantes para os pequenos. Um prenúncio de perigo, cuja presença pode fazer tremer. Mas andar longe dele é perigo ainda maior. Quem será? ?Nunca existo/se alguém não me inventar!/ Também não adianta/fingir que não é contigo,/e me deixar pra lá./Desse modo/vou te seguir/vou te impedir,/vou te prejudicar/além de te atazanar./E como uma indesejável sombra/sempre te acompanhar./Um dia você tem/que se virar/olhar pra mim,/perguntar,/me ver indagar e ao mesmo tempo responder:/Eu sou o seu MEDO,/pareço maior que você?/Você vai entender que ao me encarar/ pode se curar/pode me desmanchar/posso desaparecer/ pra você conhecer/minha melhor vantagem./É que nessa hora /eu me transformo/no pai da coragem.?

Tecnologia da Informação Alberto Arantes do Amaral Scortecci Editora Este livro aborda o tema Tecnologia da Informação de uma maneira clara e objetiva. O autor apresenta os conceitos de um modo simples e direto, com inúmeros exemplos, aplicações práticas e estudos de caso.

7


8

www.mais.al l tecnologia@ojornal-al.com.br

O JORNAL l MACEIÓ, 10 DE ABRIL DE 2012 l TERÇA-FEIRA

Educação & Tecnologia

POPULAR

Chrome, mais popular no Brasil Navegador é responsável por 35% dos acessos, contra 33% do Internet Explorer

O

Chrome já é o navegador mais popular no Brasil, batendo de frente o antigo líder, o Internet Explorer. A empresa de publicidade na web, Navegg divulgou os dados. A empresa disse que o Chrome foi responsável por 35% dos acessos, contra 33% do

Internet Explorer. O Firefox vem perdendo espaço e ficou em terceiro lugar, com 20%. Safari, da Apple, tem 8%. A pesquisa monitorou 75 milhões de usuário em 5 mil sites. A dianteira do Chrome na guerra dos browsers já tinha sido divulgado por outra pesquisa, da StatCounter. O estudo mostra que o Android está presente em 52% dos smartphones e em 38% dos tablets no Brasil. Apesar disso, os brasileiros ainda se mostram tradicionais quanto

ao uso do computador para navegação na Internet. Ao todo, 92% ainda utilizam desktops ou notebooks para entrar na web. Apenas 5% utilizam com mais costume os smartphones e 3% os tablets. Já o sistema operacional mais utilizado continua a ser o Windows que obteve 94% de preferência dos usuários pesquisados. O Linux tem somente 2%. Ao todo, o Instituto Navegg consultou mais de 75 milhões nos últimos 30 dias.


OJORNAL 10/04/2012  

OJORNAL 10/04/2012

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you