Page 1

DIÁRIO BASTIDORES - ELEIÇÃO

DEPUTADOS - BRASÍLIA - REGIÃO

O QUE OS OLHOS NÃO VEEM A GENTE INVESTIGA

SAÚDE DE ARUJÁ E UMC INICIAM ATENDIMENTOS ODONTOLÓGICOS. CERCA DE DUAS MIL PESSOAS RECEBERÃO TRATAMENTOS

1

AFLORD: FEIRA DE EXPOSIÇÃO E VENDAS DE FLORES COMEÇA NESTE SÁBADO EM ARUJÁ Sábado, 25 de setembro de 2021

VEREADORES DE ARUJÁ CRITICAM PEDIDO DE URGÊNCIA DO PREFEITO, MAS APROVAM PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO

LEGISLATIVO NO COMANDO? GOVERNO DE ARUJÁ ACATA ANTEPROJETO QUE OBRIGA SERVIDORES A SE VACINAREM Edição 1910


2

Sábado, 25 de setembro de 2021


Bras Santos jornalista e editor-chefe do Jornal Oi Diário. Pós-graduado em Gestão Estratégica de Comunicação. Neste ano completa 20 anos de carreira, com passagens em todos os grandes jornais do Alto Tietê

Bras Santos PRESIDENTE VAI METER UM LOUCO PARA SE REELEGER? BOLSONARO FALA COM A IMPRENSA ‘COMUNISTA’ E PROMOVE ESTILO PAZ E AMOR PARA 2022. QUE ELEITOR SERÁ TROUXA DE CAIR NESSA?

CONFIRA TODOS OS ARTIGOS

CEO: Felix J. Romanos; Diretora Financeira: Amanda Romanos; Jornalista responsável: Bras Santos; Edição e revisão: Marcelo Prado Junior; Reportagem: Bras Santos; Gabriel Souza Diagramação: Guilherme H. Lugobone; Fotografia/Video: André Nunes; Costumer Sucess: Rodrigo Caravelli

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse, em entrevista à revista Veja, que extrapolou durante discursos golpistas nas manifestações de 7 de setembro e que muitos de seus apoiadores esperavam que ele “chutasse o pau de barraca”. Porém, ao explicar o seu recuo com uma carta escrita com a ajuda do ex-presidente Michel Temer (MDB), disse que preferiu “acalmar tudo”. Segundo ele, não há chance de “melar a eleição”, como já chegou a ameaçar. De acordo com reportagem reproduzida pelo UOL a partir das falas do presidente à Veja, a presença de Bolsonaro nas manifestações com pautas golpistas gerou forte reação do STF (Supremo Tribunal Federal) e de parte do Congresso, com a possibilidade de um início de processo de impeachment ganhando força. O presidente chegou a dizer em discurso realizado em São Paulo que não acataria mais decisões do ministro Alexandre de Moraes. O recuo nos dias seguintes foi bastante criticado por parte de seus apoiadores. “Esperavam que eu fosse chutar o pau da barraca. Você imagina o problema que seria chutar o pau da barraca”, disse Bolsonaro, que ainda afirmou na entrevista que não convocou as manifestações. “Eu vinha falando que estamos lutando por liberdade e come-

cei a falar uns quinze dias antes que estaria na Esplanada e em São Paulo. Mas em São Paulo, quando eu falei em negociar, eu senti um bafo na cara. Extrapolei em algumas coisas que falei, mas tudo bem”, disse. Questionado se a crise com o Judiciário estava superada, Bolsonaro disse que não é “Jairzinho paz e amor”, mas que a “idade dá certa maturidade”. “Depois das manifestações de 7 de setembro, houve a reação do STF. Teve o telefonema do Temer, ele falou para mim: ‘O que a gente pode fazer para dar uma acalmada?’. Respondi que o que eu mais queria era acalmar tudo”, disse. Segundo Bolsonaro, Temer disse que tinha “umas ideias” e viajou a Brasília a seu convite. Depois de diversas críticas ao voto eletrônico lançando suspeitas infundadas sobre supostas fraudes, Bolsonaro também recuou em seu discurso dizendo que a participação das Forças Armadas em um conselho do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) dá segurança ao pleito. “Vai ter eleição, não vou melar, fique tranquilo, vai ter eleição”, disse o presidente tentando abafar ou passar um pano na sua recuadona. Resta agora saber quais eleitores conscientes vão cair em mais essa esparrela de Bolsonaro. Que Deus, não o de Bolsonaro, livre e guarde os brasileiros.

Contato:

4741-2170

As opiniões aqui expressas são de total responsabilidade do autor e não refletem necessariamente as deste jornal

Sábado, 25 de setembro de 2021

3


O QUE OS OLHOS NÃO VEEM A GENTE INVESTIGA.

4

Sábado, 25 de setembro de 2021


BASTIDORES

ARUJÁ E UMC INICIAM ATENDIMENTOS ODONTOLÓGICOS. CERCA DE DUAS MIL PESSOAS RECEBERÃO TRATAMENTOS

Sábado, 25 de setembro de 2021

5


Na manhã dessa quarta-feira, 22, 16 estudantes do último ano do curso de Odontologia da Universidade de Mogi das Cruzes (UMC), juntamente com os dentistas da prefeitura de Arujá, iniciaram os atendimentos odontológicos para os munícipes que estavam na fila de espera, em dois consultórios na Unidade Básica de Saúde (UBS) do Jardim Fazenda Rincão. No primeiro dia das consultas, passaram por avaliação 46 pacientes e a previsão de atender às cerca de 2 mil pessoas em fila de espera é de, em média, 90 dias. De acordo com o prefeito Dr. Camargo, o convênio firmado recentemente entre a administração municipal e a faculdade visa atender no próprio município a população que aguardava há anos por atendimento e tratamento odontológico, já em fila de espera, além de oferecer procedimentos mais complexos na Clínica da UMC. “Assim como foi feito com a tomografia, este ano, em que atendemos o maior número de arujaenses que esperavam há muito tempo pela realização do exame, agora estamos agilizando as consultas na área odontológica e, inclusive, além dos 15 dentistas, que já dispomos na nossa rede e que fazem os

6

Sábado, 25 de setembro de 2021

“É MUITO IMPORTANTE, PORQUE A MAIORIA DA POPULAÇÃO NÃO TEM CONDIÇÕES DE PAGAR DENTISTA E MEU FILHO ESTAVA PRECISANDO, PORQUE FAZIA TEMPO QUE NÃO IA. ENTÃO, ACHO QUE AGORA VAI FICAR BOM”, CONCLUIU

atendimentos normalmente nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), estamos providenciando a contratação de mais seis dentistas por processo seletivo simplificado”, explicou o chefe do Executivo Municipal. Já o secretário de Saúde de Arujá, Leonardo Reis, afirmou que a ideia da atual gestão, futuramente, é investir ainda mais, criando um Centro de Especialidades Odontológicas. “Inicialmente, por meio desse convênio, estamos atendendo os munícipes que já estavam em fila de espera, mas os casos de urgência e de rotina que surgem espontamente continuam sendo atendidos normalmente nas UBSs que oferecem o serviço. Pelo convênio, os estudantes de Odontologia da UMC e nossos dentistas da rede atendem desde crianças até idosos e pessoas especiais ou com deficiência”, ressaltou. Felipe Diniz, coordenador da Odontologia da prefeitura de Arujá, comentou que as demandas por consultas odontológicas sempre aumentam, então é difícil zerar completamente a...

CLICK e confira na integra


Sábado, 25 de setembro de 2021

7


BASTIDORES

VEREADORES DE ARUJÁ CRITICAM PEDIDO DE URGÊNCIA DO PREFEITO, MAS MESMO ASSIM APROVAM PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO

O Plenário da Casa de Leis de Arujá aprovou em 1ª discussão e votação o PL 36/2021, que trata da instituição do Plano Municipal de Saneamento Básico- eixo água e esgoto, e o PL 43/2021 referente à criação do Fundo Municipal de Saneamento. O primeiro passou com 11 votos e o segundo com 12 votos favoráveis. A votação ocorreu na 30ª Sessão Ordinária de 20 de setembro sob protesto de alguns vereadores que criticaram a necessidade de urgência na apreciação das proposituras. 8

Sábado, 25 de setembro de 2021

Inicialmente, os PL’s 36 e 43 seriam apenas lidos. No entanto, a pedido da vereadora Cristiane Araújo Pedro de Oliveira (PSD), a Profª Cris do Barreto, líder do Governo, os dois foram incluídos na Ordem do Dia com anuência dos demais parlamentares. Ainda assim, a exigência de “celeridade” provocou indignação. A fala mais contundente foi a do vereador Luiz Fernando Alves de Almeida (PSDB). “Ninguém é contra um projeto dessa envergadura. Eu não sou contra o projeto. Sou contra a falta de discussão, de pegar o projeto, avaliar e, se for o caso, consultar a sociedade civil”, pontuou. O parlamentar apelou para a importância do trabalho do Legislativo e disse que os vereadores poderiam melhorar o PL. Ele também salientou que o Plano pode ser aprovado até dezembro e não há justificativa...

CLICK e confira na integra


Sábado, 25 de setembro de 2021

9


BASTIDORES

AFLORD: FEIRA DE EXPOSIÇÃO E VENDAS DE FLORES COMEÇA NESTE SÁBADO EM ARUJÁ

A tradicional feira de exposição e vendas de flores de Arujá começa neste final de semana em Arujá com muitas atividades para os visitantes, que poderão apreciar as flores produzidas na região da Via Dutra e até comprá-las a preço de produtor, por valores bem acessíveis. A expo tem uma ampla Praça de Alimentação, com opções variadas de culinária, incluindo a japonesa, e estandes para vendas de itens importados, alimentos orientais, utensílios domésticos, brinquedos, vestuários e calçados, entre outros produtos. 10

Sábado, 25 de setembro de 2021

É realizada na sede da Associação dos Agricultores da Região da Via Dutra (Aflord), organizador do evento, das 8h30 às 18 horas, neste sábado e domingo (25 e 26) e no próximo final de semana, dias 2 e 3 de outubro. É um passeio para se fazer com a família, organizado conforme as orientações sanitárias do Governo do Estado para evitar contaminação da Covid-19 e oferecer entretenimento com segurança. “O evento está adaptado aos protocolos sanitários da Covid-19, mas nem por isso, menos especial do que as demais edições. Para nós, essa retomada marca o resgate das nossas tradições e receitas, pois o evento é um dos grandes alicerces econômicos da Associação”, explica o presidente da Aflord, Julio Taikan. Pavilhão de Exposição Um dos principais pontos da feira é o Pavilhão de Exposição...

CLICK e confira na integra


Sábado, 25 de setembro de 2021

11


BASTIDORES

LEGISLATIVO NO COMANDO? GOVERNO ACATA ANTEPROJETO E TORNA OBRIGATÓRIA A VACINAÇÃO DE SERVIDORES EM ARUJÁ

Servidores públicos que se recusarem a tomar a vacina contra a Covid-19 incorrerão em falta disciplinar. A medida está prevista no Decreto nº 7772/21, editado pelo prefeito Luis Antonio de Camargo e publicado na edição de 22 de setembro do Diário Oficial da prefeitura de Arujá. O documento se baseia em anteprojeto apresentado pelo vereador Jean Mark Gonçalves Pereira (PDT), o Jean da Padaria, por meio da indicação nº 2003/2021. A propositura foi encaminhada 12

Sábado, 25 de setembro de 2021

ao prefeito em 25/8/2021, após aprovação em Plenário. Caberá à Secretaria de Saúde, conforme estabelece a norma em seu artigo 2º, identificar os servidores e empregados públicos que, sem justificativa, decidirem abdicar da imunização. Na ocasião da elaboração do anteprojeto, Jean da Padaria, afirmou que, conforme contemplado nos artigos 5º, 6º e 196º da Constituição Federal, questões de saúde pública devem prevalecer em relação à liberdade de consciência e de convicção filosófica. “A imunização de toda a população é fundamental para a segurança à vida. Saúde pública não é questão de opinião, é questão de dever do Estado, de direito coletivo”, salientou. A obrigatoriedade se estende a prestadores de serviços e servidores, conforme estabelece o artigo 3º: “Os preceitos preconizados...

CLICK e confira na integra

Profile for Oi Diário

1910 ARUJA  

1910 ARUJA  

Profile for oidiario

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded