{' '} {' '}
Limited time offer
SAVE % on your upgrade.

Page 1

Indica Nº100 | FEVEREIRO

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA


QUem se gUIa se LIBerTa! Quem diria que chegaríamos a centésima edição, hein? Depois de uma longa caminhada, mais de oito anos de circulação pela cidade e uma infinidade de dicas, matérias e participações de grandes artistas, cá estamos com essa revista linda, com muitos envolvidos, belas parcerias e um público estimado, atento, exigente e de alto nível. Pois bem... de 2011 pra cá os desafios foram muitos, assim como foram muitos também os eventos que por aqui passaram e continuam passando. Conseguimos mostrar que Juiz de Fora é uma cidade mais do que especial, onde as atividades culturais são mais do que o coração pulsante da cidade e que talento é algo que não falta por aqui. Essa é uma edição muito especial, que traz a certeza de que o trabalho por aqui tem valido a pena e que cultura faz parte do dia a dia das pessoas e é coisa séria. Obrigado por estarem aqui mais uma vez, agora na Edição 100. Seguimos, a programação não para! #ogibraindica #quemseguiaseliberta

sUmÁrIo 4 Programe-se 12 Carnaval de Bloco 18 Edição 100 20 Toritama 22 Come-Come 24 Papo Reto 26 Rolê Cervejeiro 28 Você Indica 30 Museu de Portas Abertas 32 Poesia Pra Te Vestir 34 Ilustra Monstro

Nº100 | FEVEREIRO DIREÇÃO GERAL Gibran Lamha PROGRAMAÇÃO Camila Wendling PROJETO GRÁFICO Lubi Gru DIAGRAMAÇÃO Lubi Gru MATÉRIAS Camila Wendling CAPA foto: Gibran Lamha Distribuição gratuita Juiz de Fora - Fevereiro 2020

siga o gibra no insta

Envie seu evento para agendagibra@gmail.com até o dia 15 de fevereiro

www.ogibra.com

ogibraindica

ogibra

ogibra

A N U N C I E N O G I B R A : W H ATA S A P P (3 2) 9 9 9 0 3 - 4 3 47 • O G I B R A I N D I C A @ G M A I L . C O M


destaques

Programe-se Circo no Sótão

Dia 01/ Sab

4

Shows, Festas e Eventos Vivência Agama-Fo Thiago Lopes

Go Fresh

Local OAndarDeBaixo Cervejaria Escola Mirante Encontro de Blocos Estacionamento Independência Shopping Open Premier Parc Hotel Bourbon Salvaterra Café Eles e Ela Cervejaria Escola Mirante A Linha 2 Espaço Compartilha Banda Cravo PPP Feirinas Couraças CCBM Cães de Mugambi - mostra de CCBM processo Bailinho da Arteria com Zé da Arteria Lira Um Por Semana LIVE Uthopia A Linha 2 Espaço Compartilha Trio foral- MPB Empório Artesanal Glauco Batista Nona Odete

Hora 9h30 13h 14h 16h 17h 17h30 18h 18h 18h 20h 20h 20h 20h 20h 21h


Bertrand Aniversário Carol Tavares Marcelo Bonfante - Um Parafuso A Menos! Regência Trina Martiataka e Dois Gumes Capivara Metal Fest Exxplana PK Delas 02/ Vivência Agama-Fo Dom Xand Silvaglio Encontro de Blocos Circo no Sótão Roda de Chorinho Samba2 Henrique Glanzman e Rogêrio Uchôas Carnaval Uthópico

Cervejaria Barbante Barril Teatro Pascoal Carlos Magno Bar do Luiz Bar da Fábrica Necessaire Cultural Bar Privilège OAndarDeBaixo Cervejaria Escola Mirante Estacionamento Independência Shopping Teatro Paschoal Carlos Magno Arteria Zaka's Gastro Beer Cervejaria Escola Mirante Uthopia

21h 21h 21h 21h 21h 21h 23h 23h 9h30 12h 14h 16h 16h 16h 16h 18h


02/ Pedepoesia Dom Feirinas Couraças Wesley e Rafael Sala de Visitas – a morte é só o começo #Stories 04/ Carol Tavares Ter Jazz na Fábrica

Teatro Paschoal Carlos Magno CCBM Bar da Fábrica Teatro Paschoal Carlos Magno OAndarDeBaixo Costelaria do Zé Bar da Fábrica

20h 19h 20h

05/ Samba do Morro Qua 06/ Xandão da Viola Qui Glauco Batista Calango do Engenho Circuito Bartô Muzik 07/ Sambatucada Sex

Bar da Fabrica

19h

Costelaria do Zé Garganta Bar da Fábrica Café Muzik Estacionamento Independência Shopping PPP Cervejaria Escola Mirante Empório Artesanal Arteria Pluri Bistrô Maia Pub Bar da Fábrica Uthopia

19h 20h 20h 21h 18h

Nascimento e Banda Capela Thiago Miranda Trinca Ferro Regência Trina Bourbon Só Parênt Memorial Catch a Fire #marley75 6

18h 18h 19h 20h

18h 18h 20h 20h 20h30 21h 21h 21h


7


mais destaques

Programe-se

Bloco Bartô

08/ Sab

UCA - Unidos da Cidade Alta Peagah Go Fresh Carnaval 90’ Forró Artero Carol Tavares Sessions Cravo Rennan da Penha e Ferrugem Regência Trina

09/ Léo Batera e Dan Ratz Dom Samba do Mangalê Bloco Nega Maria

8

Eminência Parda

Av. Pedro Henrique Krambeck s/n Cervejaria Escola Mirante Privilège Estacionamento Independência Shopping Arteria PPP Cervejaria Escola Mirante Bar da Fábrica Terrazzo Cervejaria Barbante Cervejaria Escola Mirante Deck Choperia Salvaterra Estacionamento Independência Shopping

13h 13h 14h 14h 16h 16h 17h30 21h 21h 22h 12h 13h 14h


Carol Tavares

11/ Ter

Cantinho da Cachoeira 2º Trade Folia Kids Trade Hotel Rodrigo Andrade Cervejaria Escola Mirante Makoombloco Praça Antônio Carlos Wesley e Rafael Bar da Fábrica W Brasil Empório Artesanal Carol Tavares Costelaria do Zé Forro de terça com DJ Kalango Bar da Fábrica

12/ Samba do Morro Qua 13/ Oficina de Harmonização I Qui Calango do Engenho Bertrand Bloco do Bartô 14/ Espaço Folia Sex Samba do Miranda Pepe Mendes

14h 16h 16h30 17h 19h 20h 19h 20h

Bar da Fábrica

19h

Sesc Bar da Fábrica Empório Artesanal Café Muzik Estacionamento Independência Shopping PPP Cervejaria Escola Mirante

15h 20h 20h 21h 18h 18h


14/ Sex

15/ Sab

Samba2 Pop For You Rodrigo Antunes e Bertrand Hugo Schettino Trio Instrumental Eminência Parda HardWine e Glory Banzar Regência Trina Pop For You CarnaRock Baile do Come Quieto Samba do Mangalê Will Olier Regência Trina Lucky e Crazy Bourbon Bailinho da Arteria com Zé da Lira Glauco Batista Bad Bloxx Mario Terror

10

Bar do Gilbertinho Public Empório Artesanal Planet

19h 20h 20h 20h

Arteria Bar da Fábrica Cervejaria Barbante Maia Pub Cervejaria Escola Mirante Estacionamento Independência Shopping Terrazzo Cantinho da Cachoeira PPP Salvaterra Café Cervejaria Escola Mirante Barril Arteria

20h 21h 21h

Garganta Bar da Fábrica Cervejaria Barbante

22h 13h 14h 15h 15h 16h 17h 17h30 20h 20h 21h 21h 21h


carnaval de bloco A folia vai descer a avenida em Juiz de Fora

E

foto: Celine Billard

u não sei vocês, mas quando chega fevereiro, meu corpo já entende que a gente entrou em clima de carnaval e é uma energia daquelas que gruda e não sai mais! O mês mais colorido, divertido e animado do ano chegou e até a avenida já sabe que é carnaval! Em Juiz de Fora a folia começa mais cedo e a galera já vai se aquecendo

12

no pré-carnaval – que inclusive está a coisa mais linda do mundo! Tem bloco pra agradar a gregos e troianos e dessa vez eu tô aqui pra falar exatamente sobre isso! Quem gosta de uma boa festa de rua já deve saber que nessa época do ano a cidade se enfeita toda de purpurina, serpentina e muita cor com os bloquinhos da cidade. As praças se enchem de alegria e música com as velhas marchinhas, e os hits de carnaval que estão predestinados a nunca mais saírem da sua cabeça! É um fato que o pré-carnaval da cidade conta com uma galera muito massa que se movimenta pra fazer essa festa acontecer e de acordo com o livro “No ar: Carnaval de Juiz de Fora meio século de identidade”, escrito pela jornalista Rosiléa Archanjo de Almeida, foi de JF que saiu a primeira escola de samba de Minas Gerais, o que nos mostra que essa festança já está no nosso sangue. De 1934 pra cá muita coisa mudou, mas a gente pode confirmar que o espírito de carnaval está vivo em 2020 e você pode conferir isso logo a seguir!


do Bartô, Cortejo Ingoma e Parangolé Valvulado que agitam a programação de rua de JF! Os locais e horários você pode conferir no nosso site porque a gente preparou uma lista completa com todas as atrações pra você se guiar nesse carnaval! Então, bora tirar a fantasia, a purpurina e os apetrechos de carnaval do armário porque a nossa festa vai descer a avenida e você não pode ficar de fora! Vem se guiar com a gente que em fevereiro vai rolar muita coisa boa por aqui e o mês está apenas começando!

acesse: www.ogibra.com

Nossa primeira parada na agenda foliona desse ano é no estacionamento do Independência Shopping, onde vai rolar o Encontro de Blocos, reunindo os blocos mais tradicionais da cidade, além de outros que não podem faltar na agenda como o Bloco Nega Maria, Sambatucada, Carnarock, entre outros que também marcam presença durante todo o mês! Seguindo a rota a gente também tem a Frente de Blocos que continua com aquela programação linda que iluminou todo o mês de Janeiro e já começa esse mês com muita festa contado com os blocos Muvuka, Guerreiras de Clara, Unidos da Cidade Alta, Makoombloco Makoomba, Bloco da Benemérita, Bloco


16/ Carnaval da Família Dom Xand Machado Pré-Carnaval com Samba de Colher Concentra, mas não sai Chirs Carvalho Banda do Ben Wesley e Rafael Carol Tavares

18/ Ter 19/ Samba do Morro Qua 20/ Oficina de Harmonização I Qui Glauco Batista

21/ Sex 22/ Sab

Bailinho da Arteria Calango do Engenho Rodrigo Antunes Rock 2U Oficina Escuta Contato Hugo de Castro e Jack Sampedro Almoço com Samba

Estacionamento Independência Shopping Cervejaria Escola Mirante Cervejaria Barbante Zaka's Gastro Beer Cervejaria Escola Mirante Arteria Bar da Fábrica Costelaria do Zé

10h

17h 19h 19h

Bar da Fábrica

19h

Sesc Cervejaria Barbante Arteria Bar da Fábrica Empório Artesanal Cervejaria Barbante Estação Cultural Praça da Estação Cervejaria Escola Mirante Cervejaria Barbante

15h 20h

12h 14h 16h 16h30

20h 20h 20h 21h 10h 13h 14h


15


22/ Sab

Samba do Miranda Carnaval Artero Trio L&2

PPP Arteria Cervejaria Escola Mirante Hiell Viena PPP 23/ Oficina Escuta Contato Estação Cultural Dom Praça da Estação Juliane Falcão e Hamilton Cervejaria Escola Moraes Mirante Carol Tavares Cantinho da Cachoeira Oficina de Harmonização I Sesc Nascimento e Banda PPP Carnaval Artero Arteria Wesley e Rafael Bar da Fábrica 24/ Oficina Escuta Contato Estação Cultural Seg Praça da Estação Peagah Cervejaria Escola Mirante Nascimento e Banda PPP Carnaval Artero Arteria 25/ Oficina Escuta Contato Estação Cultural Ter Praça da Estação Nascimento e Banda PPP Baile de Carnaval do Mirante Cervejaria Escola shows com Samba do Miranda Mirante e Sandra Portella Carnaval Artero Arteria

16

16h 17h 17h30 18h 10h 12h 14h 15h 16h 17h 19h 10h 12h 16h 17h 10h 16h 16h 17h


26/ Oficina Escuta Contato Qua Samba do Morro 27/ Calango do Engenho Qui 28/ Glicose Sex Xand Silvaglio Carol Tavares Regência Trina Outubro ou Nada 29/ Juliane Falcão e Hamilton Sab Moraes SoundBar Carol Tavares Trio Floral Seventh Son UsDois Regência Trina

Estação Cultural - 10h Praça da Estação Bar da Fábrica 19h Bar da Fábrica 20h PPP Empório Artesanal Na Brasa Villa Container Bar da Fábrica Cervejaria Escola Mirante PPP Solos Beer Empório Artesanal Bar da Fábrica Cervejaria Barbantev Na Garganta

18h 20h 20h 21h 21h 13h 16h 19h 20h 21h 21h 21h30

O Gibra Indica não se responsabiliza por possíveis alterações de horário ou conteúdo dos eventos anunciados no Programe-se.


a dica do gibra

edição 100 da revista nós amamos mais do que tudo esse guia cultural

H

á pouco mais de 8 anos nascia o guia cultural mais bacana de Juiz de Fora e hoje a gente chega à 100ª edição da revista com muita história boa pra contar! De acordo com a numerologia o número cem significa completude e de fato a gente sente essa sensação toda vez que uma revista nova vai para as ruas. É o máximo saber que todas as nossas dicas culturais do mês estão circulando pela galera, no bolso, na mochila, na bolsa ou até mesmo na mesinha de cabeceira. Tem Gibra Indica pra todo mundo!! Dessa vez a gente chega pra fazer uma espécie de viagem no tempo pelas páginas da revista, lembrando o que já rolou por aqui. Então, sem mais delongas vamos para o ano de 2011, especificamente para o início de novembro que é quando o nosso primeiro guia ia para as ruas. Nossa primeira edição teve como um dos destaques o show da banda RPM e vamos falar a verdade, quem foi que não cantou a plenos pulmões a

música Alvorada Veloz ou Olhar 43? A banda marcou presença no Cultural Bar e também na nossa agenda do mês. Além disso, teve o Carlos Fernando como Personagem e o disco Borondá Meu Camará, do Roger Resende no Você Indica! Ai a gente pula alguns anos e para em 2013, quando a revista comemorava 2 anos e movimentou a agenda de novembro com o Circuito Gibra, que contou com 6 eventos por diversos pontos da cidade. Teve Eco Perfomances Poéticas, apresentação da Cia Cascudo, Roda de Samba, Silva Soul, Eminência Parda, Acoustc N’ Roll e muito mais. Foi festa pra agradar a todos os gostos!! Seguindo o fluxo, a gente estaciona em 2014 que trouxe como dica principal o Festival Nacional de Teatro que aconteceu em Juiz de Fora e se seguiu até o 7 de setembro. Nós amamos JF e toda a cultura que a cidade produz, e sempre fazemos questão de destacar o teatro local que continua pulsando nas nossas veias e realizando


um trabalho cada vez mais encantador e acessível, por isso, outras revistas também deram destaque pra esse importante movimento! Em junho de 2015 a Campanha de Popularização do Teatro&Dança foi capa por aqui, em abril de 2018 acontecia o 1° Encontro da Sala de Giz (que inclusive está com um espaço novo e lindo! Se você ainda não conhece, precisa conhecer) de

Teatro e Poéticas do corpo e no ano passado a gente teve o prazer de divulgar o Festival Cena Breve que aconteceu no OAndarDeBaixo, levando toda a sensibilidade do teatro para o público! Então, cê pode corrigir seu amigo quando ele disser que não acontece nada em JF, porque a cidade respira arte e tem muita gente fazendo um trabalho lindo por aqui! Pra confirmar o que eu acabei de dizer é importante destacar a presença dos lindos monstrinhos que invadiram a cidade e as páginas da nossa revista, tem poesia escrita e visual com o Poesia Pra Te Vestir, muitos eventos acontecendo todos os meses, dicas de trabalhos realizados em Juiz de Fora, além de papo sobre saúde e muitas matérias maneiras. Esse mês a gente chega com a centésima revista e o nosso agradecimento especial vai pra você que todo mês nos acompanha e que é parte essencial da nossa história! Valeu por se guiar com a gente e rumo à edição 200!! #ogibraindica #quemseguiaseliberta acesse: www.ogibra.com

indica

quem se guia se liberta!


toritama espera pelo carnaval em uma pequena cidade chamada toritama acontece um fenômeno curioso. quando chega a época do carnaval alguns moradores de lá vendem tudo o que têm para passar os 4 dias que se seguem perto do mar. O município, localizado no estado de Pernambuco, possui pouco menos de 40 mil habitantes e é responsável por 16% da produção de jeans do país, somando quase que 1/5 da produção nacional. O fi lme Estou me Guardando para Quando o Carnaval Chegar, do diretor e roteirista pernambucano, marcelo Gomes, retrata a rotina exaustiva dos moradores da cidade que chegam a trabalhar 15h por dia. em busca de serem seus próprios patrões, eles acabam escravizados por um sistema que cobra uma produtividade fabril em troca de condições básicas de sobrevivência. em uma entrevista fi lmada em Berlim durante a Berlinale 2019, marcelo fala sobre a situação dos moradores da cidade. “Não existe mais passado em

toritama porque se acabaram os teatros, a biblioteca, a banda de música... se acabaram todos os bens culturais da cidade, porque o único bem cultural agora é o trabalho e se acabou o futuro. Não se pensa em um projeto de futuro, se pensa apenas no presente. então, eu acho que a pergunta maior é: é possível viver só com o presente na vida?” Os sons das maquinas são constantes ao decorrer do documentário. a vida em toritama acontece no período do carnaval e após a quarta-feira de cinzas as rotinas exaustivas voltam e os moradores aguardam até a chegada dos próximos dias de folia. mesmo assim, fala-se com alegria sobre o dia-a-dia na cidade porque ao fim de cada dia as pessoas tem o que comer. O que devia ser um direito básico, se tornou uma enorme recompensa. durante 1h25min o fi lme mostra a situação de um Brasil que podemos não conhecer de perto, mas que cresce diariamente. Vale muito, muito a pena assistir! ps: tem na Netfl ix!


21

6


COME-COME

#emporiosaovicente #mrtugas #saobartolomeu #spotburger #timboo #arteria #ogibraindica

a salada "Camarões com macadâmia" é um delicioso mix de folhas verdes, tomate seco, bolinhas de búfala e camarões salteados no azeite com palmitos e macadâmia. uma receita leve e irresistível para saborear neste verão. rua otília de Souza Leal, 310 Nova califórnia - tel.: 3233-0036

O Bistrô arteria tem deliciosos petíscos, pratos à la carte e hambúrgueres artesanais. um lugar para ouvir música boa, comer coisas gostosas e beber um bom chope artesanal. Tel.: 3026-4464 rua oswaldo aranha, 535. São Mateus

Já pensou no melhor burger que JF já viu, feito com carne 100% angus e com sabor incomparável? No Spot vale a pena combinar essa delícia com os chopes artesanais da casa. #VemProSpot rua dona Zely Lage, 26 alto dos Passos - tel.: 3321-6751


O empório São Vicente é um lugar aconchegante e que oferece sabores inconfundíveis. e o melhor, no empório você tem a opção de 20 torneiras de chopes e mais de 100 rótulos de cervejas.

O timboo tem um cardápio muito especial, com diferentes sabores e para todos os paladares. e ainda muitas torneiras de chopes para vocês. Harmonize com os amigos!

Tel.: 3211-0913 rua irmão Menrado, 90. borboleta

rua dona Zely Lage, 55 alto dos Passos - tel.: 3025-2507

No São Bartomeu a garantia é que os hambúrgueres são sensacionais, os chopes são maravilhosos e a galera tem muito amor no coração. Chega mais para curtir o porquinho mais lindo do planeta! Tel.: 3025-5867 rua São Mateus, 41. São Mateus


PaPo reTo coluna ereta

por Lu Kaivalya

O ano que se inicia é o momento em que colocamos a meta de cuidar melhor da alimentação. Mas como fazer uma refeição equilibrada? O Ayurveda, a ciência da saúde na Índia, diz que cada um de nós deve se alimentar de forma diferente segundo a nossa constituição e metabolismo. No entanto, ficar pensando demais atrapalha todo o borogodó bom que é aproveitar uma refeição. Daí vem a importância da nossa intuição ao escolher os alimentos! Para o Ayurveda, tudo aquilo que comemos que não gostamos vira toxina no corpo, então não adianta fi car empurrando um brócolis goela adentro se você não está curtindo a refeição. O segredo é: não pensar demais. Busque as respostas dos alimentos que você precisa no seu próprio corpo, estando atento ao que ele pede. O Ayurveda en-

sina que você naturalmente prefere alimentos que equilibram sua personalidade metabólica - sem nem mesmo perceber. Contanto que você inclua na alimentação comida de verdade: frutas, verduras, legumes, grãos, etc. e saiba que biscoito recheado não é comida, você pode embarcar nessa jornada intuitiva perguntando ao seu próprio corpo o que ele deseja na hora de ir pra cozinha ou a um restaurante. Pergunte a si próprio se quer um prato mais cru, frio ou mais cozido e quente; mais oleoso ou mais seco; assado ou refogado; com temperos mais picantes ou mais doces. Esteja aberto a se escutar. E quando vem um desejo intenso por chocolate, batata frita ou café? Esse também é seu corpo te dizendo o que você quer? Infelizmente, isso é só a sua mente zoando com você! Esses alimentos geralmente tentam cobrir necessidades emocionais e não fisiológicas. Tomar consciência disso também é um processo importante. Uma outra boa dica do Ayurveda na alimentação é: coma de acordo com a estação e prefira alimentos da sua região. Se agora nós estamos no verão, as feiras estão recheadas de alimentos cheios de água e refrescantes, que é justamente o que precisamos nesta época. A inteligência da natureza não falha! Comer intuitivamente é treino e provavelmente com o tempo você vai se sentir mais conectado consigo próprio e com as suas necessidades. Vale experimentar!

espacochakra


Rolê Cervejeiro O lúpulo é o tempero ele conserva e traz sabores e aromas muito especiais

O lúpulo é um ingrediente mais do que fundamental na cerveja. As propriedades são muitas e sem ele a cerveja provavelmente teria pouca graça. Nos dias de hoje tem quem goste de muito lúpulo, tem quem goste de pouco, tem quem prefira o amargor e tem quem prefira o aroma. O fato é que ele é o conservante e o tempero de tudo, podendo ser associado a outros ingredientes para deixar

a cerveja ainda mais especial. Historicamente o lúpulo apareceu na literatura cervejeira na Idade Média, no século XI. Inicialmente a adição do lúpulo se deu por conta das suas propriedades relativas à conservação, já que na época a fermentação não tinha controle de temperatura. Imagina uma cerveja feita na Europa em pleno verão? A chance de dar errado era grande, mas com o lúpulo


o sucesso era maior. “Água, malte, lúpulo e levedura”: é com isso que se faz esse líquido maravilhoso que por aqui nós gostamos demais. O terceiro ingrediente na formulação de uma receita cervejeira é usado em pequenas quantidades para temperar e dar longevidade à bebida. Um grande reforço à fama do lúpulo se dá às cervejas do estilo IPA. A Indian Pale Ale surgiu justamente na tentativa de manter a cerveja conservada por mais tempo, no caminho da Inglaterra para a Índia. Hoje as IPA’s são cervejas adoradas no mundo todo por conta do amargor e do aroma intensos, proporcionados pelo lúpulo. Originalmente europeia, essa planta de características muito peculiares se adaptou bem demais nos Estados Unidos, o que fez a gama de produtos aumentar consideravelmente no mundo todo. Uma planta sutil, de onde se extrai a lupulina, principal componente ativo. Sendo usado basicamente no formato de pellets há a variação nos sabores e aromas com utilização direcionada para cada estilo de cerveja diferente. Há quem se arrisque a usar as flores in natura, mas a chance de oxidação da cerveja é grande. Atualmente com popularidade também, as NE IPA’s se tornaram bem quistas por conta

da sua alta carga de lúpulos, mas alta meeeesmo. Em JF temos um bom exemplo do estilo com uma parceria entre a Cervejaria São Bartolomeu e o Mr. Tugas, a The Punch! Uma lupulagem certa com certeza faz com que a cerveja seja excepcional, das mais lupuladas e também das com lupulagens moderadas e até baixas. Alguns exemplos de cervejas certeiras no lúpulo em Juiz de Fora são a APA da Hankzbier, a American Ipa da Gavioli/Alchemie e também a Jacabier. Por enquanto então é isso... conhecer um pouco melhor sobre os lúpulos deixará você mais familiarizado com o universo cervejeiro. #ogibraindica


VOCÊ INDICA

Aqui a dica fica por sua conta. Então, diz aí! A cantora Xênia França é dona de uma voz que invade a alma sem pedir licença, mistura todas as nossas emoções e encanta com a sua arte e presença. Descobri o seu trabalho por indicação de amigos e em Julho de 2019 tive o prazer de desfrutar de sua apresentação no Festival SESC de Inverno, em Petrópolis. Xênia possui em seus traços a força e o empoderamento da mulher preta e representa através de suas músicas o resgate da cultura afro brasileira e a reafirmação do cotidiano do negro no Brasil. Entre premiações, turnês internacionais e show em grandes festivais, o primeiro álbum da cantora intitulado “Xênia” faz referência às raízes sonoras vindas da diáspora negra, dialogando com o eletrônico, samba-jazz, R&B

ispin

andra Cr AleTso s ra caN

entre outras influências trazida por Xênia. Na canção “Pra que me Chamas?” (minha preferida) e em todo o repertório do CD, a cantora relaciona texturas sonoras que acabam nos levando para diversos lugares ao mesmo tempo e que faz com que a realidade brasileira seja reafirmada a cada beat. Vale a pena destinar uma tarde para ouvir (não menos que duas vezes) as canções da artista.


/granchopp *Consultar disponibilidade da taxa grรกtis para seu bairro via Whatsapp (32) 98844-5726


o museu está de portas abertas restaurado, carregado de história e esperando por vocês e você é um típico juizforano ou se já mora na cidade há tanto tempo que esse simples fato te torna mais íntimo daqui do que de qualquer outro lugar, então muito provavelmente você tem belas lembranças dos passeios pelo Museu Mariano Procópio. A grande faixada, os incríveis jardins, os longos corredores com piso de madeira que nos permitiam ouvir cada passo dado e claro, os belíssimos quadros e esculturas que estavam por onde quer que você olhasse... esses são apenas alguns dos pontos que tornam

nosso Museu tão encantador! Nessa edição a gente chega pra falar sobre esse grande patrimônio histórico da cidade que está abrindo suas portas novamente! Inaugurado no dia 23 de junho de 1921, o Museu Mariano Procópio nasceu a partir da extensa coleção de Alfedro Ferreira Lage com um acervo que contabilizava cerca de 53 mil objetos de valor histórico. Entre eles haviam pinturas, desenhos, livros raros, gravuras, fotografias, documentos, mobiliários, porcelanas, cristais

fotos: web

S


e peças de História Natural. O acervo é considerado um dos mais importantes do país e tem como destaque a coleção de peças a partir do século XVI até o século XIX. Em 2016, após dez anos fechado para reforma, o Museu abriu suas portas para a reabertura parcial de suas dependências com uma exposição de 200 peças na Galeria Maria Amália e esse ano a Villa do Museu Mariano Procópio ou Castelinho, como é mais conhecida, está novamente aberta para visitação. O prédio, construído em 1861, foi reaberto após o processo de restauração, permitindo que a população pudesse participar de visitas guiadas ao local. Foram feitos restauros de todo o piso de madeira, rodapés, forros e dos ornatos da Sala de Música, além da recomposição das paredes da Sala de Visita e da escadaria de madeira. Outros reparos e consertos também foram feitos para que a estrutura e os principais elementos do Castelinho fossem preservados. Os horários de visitação ao Castelinho foram ampliados para melhor atender a população. Anteriormente as visitas aconteciam em apenas um horário por dia, mas nesse período será possível a formação de grupos, com no máximo 30

15 pessoas, de terça a sextafeira, nos horários de 10h30 e 15h. A entrada é gratuita e as senhas serão distribuídas minutos antes. Além de apreciar os detalhes arquitetônicos da época, o público também poderá conhecer as curiosidades a respeito da residência. Então, você já sabe, né?! Nada de perder a oportunidade de visitar nosso charmoso Museu e conhecer um pouco mais sobre as histórias que se passaram no Castelinho. JF tem muita coisa linda pra gente conhecer e em um tempo que tentam com unhas e dentes desmoralizar a nossa cultura, se torna essencial que nós valorizemos o acesso democrático aos espaços culturais que nossa cidade oferece! Ocupar esses espaços é também fazer parte dessa história! 31


Poemas de Knorr

poesia.pra.te.vestir

32

poesia.pra.te.vestir


JF vai ter carnaval!! vem aĂ­

l a nav

r a C Artero 22, 23, 24, 25 FEV 4 dias de bailes carnavalescos + MatinĂŞ infantil fique atento em nossas redes sociais

@arteriafabricadecultura 33


ilustramonstro Brewl adora sair à noite! Dar uma volta pela cidade e ver o que mudou de um dia para o outro. Toda noite. Mesmo com chuva. O pequeno se distrai olhando as luzes e passeando por lugares que um dia foram de um jeito, e agora são de outro. Ele faz isso desde sempre. Hà muito, muito tempo. Todas as mudanças que não vimos ele viu. E cada detalhe, lugares e emoções ele conta para seu velho amigo, que já não se lembra muito bem das coisas. 34


PRO GRA MAÇÃO

SAB01FEV

PKDELAS GRUPO ALQUIMIA

SAB08FEV • 14h

GO FRESH DASHDOT [LONG SET] FANCY INC SANTTI CLUBBERS CAPUTE & MOA LIMEIRA TANNURE X LAMAS

RESIDENTES: SANDRO VALENTE MARQUINHUS SP

Profile for O Gibra  Indica

O Gibra Indica - Fevereiro 2020 (edição 100)  

Advertisement