Page 1

Expediente no Centro Administrativo

A partir da próxima semana, o horário de expediente externo das sextas-feiras no Centro Administrativo, passa a ser das 7h às 13h, conforme decreto municipal 5.404/2012. A alteração do horário ocorre desde 2003. 

al

O FATO

n Jor

Ano XXXVIII | Edição n.° 2002 | R$ 1,50

CAMPO BOM | Sexta-feira, 28 de dezembro de 2012.

Solenidade de posse dos eleitos

Prefeito faisal, vice marcos Riegel, logo após a diplomação, juntamente com os vereadores da gestão 2013 e 2016.

TELE-TINTAS

3597.3436

Roupas & Acessórios

(51) 9803-2623 ( Quiksilver, Billabong, Adidas, Ecko e outros)

Presentes,Bijuterias e Utilidades em Geral Cartões Telefônicos

Agora com: Pronto Socorro Elétrico e Hidráulico (Diariamente das 13hs às 21hs,inclusive Feriados)

Rua Benno Bauer, 213-Quatro Colônias-Campo Bom

Dedicação envolvimento e eficiência. Contato com Elisa 9212.0732

Em Campo Bom a posse dos eleitos será no dia 1º de Janeiro, às 18 horas, em sessão solene no teatro Marlise Sauressing – Complexo do CEI, com posse do Prefeito Faisal Karam e vice Marcos Riegel e vereadores para o mandato de 2013/2016. Após às 20 horas acontece uma solenidade no Centro Administrativo Municipal.

3529.3043

R. Santa Helena, 348 (fundos) Bairro Centenário - Sapiranga


GERAL

2

Sexta-feira, 28 de dezembro de 2012.

“FORASTEIROS” NA PORTO ALEGRE DE ENTÃO Para um homem e uma mulher que nasceram e, sempre viveram na fronteira –mais precisamente na zona de campanha onde se situam Rosário, Livramento, Alegrete, São Gabriel e Uruguaiana é difícil sua aclimatação a Porto Alegre, quando aqui aparecem para uma visita a parentes ou uma consulta na Santa Casa. Acontece que na campanha – onde se situam as estâncias – a vida transcorre tranquila, ali todos se conhecem pelo nome, sabem dos problemas de cada um, de cada família. Os dias transcorrem na convivência com o gado, os cavalos e os cuidados com a horta de legumes nos fundos da casa. As mulheres cuidando dos filhos, a costurar a roupa dos homens da família. Estes – pro seu turno – “param” rodeio, vacinam o gado, curam bicheiras e nas horas de folga passam a cuia de mão em mão ao redor do “fogão de chão”, enquanto a noite desce sobre as coxilhas. Dessa maneira – quando veem a Porto Alegre para um exame ou tratamento na Santa Casa – se sentem como um peixe fora d’água. Estranham os enormes edifícios – nas ruas e avenidas. O formigueiro humano que se cruza nas vias públicas. Os carros se entrecruzando nas pistas de rolamento. O grito dos vendedores ambulantes. Os ônibus em fila indiana a levar multidões para seus destinos. Nada se parece ao ermo das coxilhas, os amplos espaços vazios onde os rebanhos pastam na campina, os cavalos relincham com estrépito e as ovelhas balem cuidando de suas crias. Uma de minhas tias, nos anos finais da década de 30, passou por situação difícil aqui em Porto Alegre. Estando de visita à capital, foi um dia visitar as vitrinas da rua da Praia em minha companhia. Cumprimentava cada pessoa por quem passávamos e não era correspondida. Julgou-as convencidas e mal educadas, apesar de eu adverti-la de que aqui não era concebível cumprimentar-se as pessoas por quem se passava na rua. Voltou para Livramento de onde só saiu para ir viver em um asilo de idosos em Tupandi, aqui na serra, onde veio a morrer já bem velhinha e onde era encarregada de escolher o feijão de cada dia para si e suas companheiras. Outra de minhas tias, de nome Aida, em 1938, vindo a Porto Alegre pela primeira vez ao desembarcar na antiga estação da Viação Férrea, então situada onde hoje cruza o Viaduto da Conceição ordenou ao motorista que a levasse à “casa do meu cunhado Mário”. O motorista lhe respondeu que a pessoa não lhe era conhecida. Ela redarguiu que em Livramento todo mundo o conhecia. Ele então lhe disse que ela disse se onde ele trabalhava, pois a levaria até ele. Era no Correio do Povo. Ali se encontraram e acabou o problema. Outro tio meu, o Nestor, veio conhecer Porto Alegre, em 1940, quando aqui se realizava o Congresso Eucarístico. Vestido a caráter, bota, bombacha e barbicacho foi passear na Redenção e ficou encantado com o recinto dos macacos e como um vigarista lhe oferecesse um deles para comprar, meu tio a ele deu um sinal para pegar o macaco a tarde. Nunca mais viu o vigarista nem o macaco. Voltou para o Rincão dos Menezes desiludido com Porto Alegre. Theodoro Ernani de Menezes Nunes Tel.: 35978191

O FATO VALE do

Circula às sextas-feiras em Campo Bom, Sapiranga, Araricá e Nova Hartz

Fundado em 20/06/1975 - CNPJ: 72.560.014/0001-70 Diretor Editor | Joelci Luiz Mello (Reg. Prof. 4465) Diretora Comercial | Evanir Eloisa Martini Criação e Produção Gráfica | Rosiane Mello Assistente de Produção | Mariane Mello SEDE: C. Bom - R. Lima e Silva, 29 - Sl 03 - Centro - 3598.6411 Sapiranga - R. São Pedro, 399 - Centro - 3559.5411 e-mail: jornal.js@netwizard.com.br | site: www.jornaljs.com.br As colunas assinadas são de inteira responsabilidade dos autores e não representam necessariamente a opinião do jornal. Também não representam vínculo empregatício com a empresa.

O Fato do Vale

INFORMATIVO Muita informação e novidades na nova edição da revista CDL News

A revista CDL News - Visão e Imagem Empresarial já está circulando em Campo Bom com muitas informações e novidades. Segundo Omar Henrique Hoffmeister, presidente da CDL de Campo Bom, a sexta edição da revista foi preparada com muito carinho e dedicação: “Conseguimos reunir inúmeras informações importantes do mundo dos negócios, além de uma retomada dos eventos e projetos realizados pela entidade durante o último semestre”, conta ele. Detalhes sobre a Festa do Sapato 2013, entrevista exclusiva com o prefeito reeleito Faisal Karam, uma conversa com os alunos da primeira turma do curso Técnico em Turismo da escola 31 de Janeiro, artigo sobre liderança assinado pelo palestrante Alexandre Prates, tudo sobre a formatura do curso Gestão e Desenvolvimento para a Excelência, galeria de fotos do pré-reveillon e muita informação e novidades sobre o comércio e varejo de Campo Bom. Tudo isso e muito mais você encontra na 6ª edição da revista CDL News – Visão e Imagem Empresarial de Campo Bom. Confira a versão impressa da revista em todos os estabelecimentos comerciais da cidade ou acesse online: www. revistacdlnews.com.br.

CDL faz doações de alimentos para a Liga de Combate a Câncer de Campo Bom

Na última sexta-feira (21) a CDL Campo Bom realizou a entrega de 45kg de alimentos não perecíveis à liga campo-bonense de Combate ao Câncer . Os alimentos foram arrecadados na cerimônia de formatura do curso GDE, realizada no dia 10 deste mês, no auditório da Valetec. “Foi uma bela iniciativa dos organizadores do curso. Ações como essa são de extrema importância para nossa sociedade”, ressaltou o presidente da CDL Omar Henrique Hoffmeister.

MINUTO DE SABEDORIA

Prefira obedecer ao Mestre amando-o sempre, e não dê valor as opiniões da multidão que tudo faz para que sejamos iguais a ela, sem personalidade e sem opinião própria. Fonte: Livro Minutos de Sabedoria de C. Torres Pastorino

CINEMA NO CEI PROGRAMAÇÃO DAS SALAS DE AUDIOVISUAL DO CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA – CEI

CEI - SALA BÁRBARA PAZ - 01 AMANHECER: O FINAL

Paris F 117 min. 12 Anos Scope DUBLADO

PROGRAMAÇÃO: Sexta 28/12/2012 - 18h30min - 20h30min Sábado 29/12/2012 - 15h - 18h30min - 20h30min Domingo 30/12/2012 - 15h- 18h30min - 20h30min Quarta 02/01/2013 - 15h - 18h30min - 20h30min Quinta 03/01/2013 - 15h- 18h30min - 20h30min Sinopse: Em ‘Amanhecer - Parte 2’, a felicidade dos recém-casados Bella Swan (Kristen Stewart) e Edward Cullen (Robert Pattinson) é interrompida quando uma série de traições e desgraças ameaça destruir o mundo deles. Após dar a luz a Renesmee (Mackenzie Foy), Bella desperta já vampira. Ela descobre que Jacob (Taylor Lautner), seu melhor amigo, teve um imprinting com a filha e passa a acompanhar seu rápido desenvolvimento. Bella não aceita esse fato no início, mas depois compreende e eles convivem em harmonia.

CEI – SALA ALFREDO BLOS - 02 O MAR NÃO ESTÁ PRÁ PEIXE 2 Playarte 82min. LIVRE Scope DUBLADO

Mensagem de Final de Ano

O nosso caminho é feito pelos nossos próprios passos, mas a beleza da caminhada depende dos que vão conosco! Que neste NOVO ANO que se inicia possamos caminhar mais e mais juntos em busca de um mundo melhor. Que possamos deixar a vida fluir e entre tantas exigências do cotidiano, perceber o que é indispensável. Que possamos colocar de lado o passado, e até mesmo o presente, e criar uma nova vida. Que o ANO NOVO renove nossas esperanças e o fulgor dos nossos corações unidos intensifique a manifestação de um 2013 repleto de vitórias! E que o resplendor dessa chama seja como a tocha e ilumine nossos caminhos para a construção de um futuro repleto de alegrias. A CDL Campo Bom deseja a todos os associados e empreendedores da cidade um novo ano repleto de realizações e sucesso em seus negócios. E que em 2013 possamos nos unir muito mais, porque somente unidos faremos mais e melhor.

PROGRAMAÇÃO: Sexta 28/12/2012 - 18h40min - 20h40min Sábado 29/12/2012 - 15h10min - 18h40min - 20h40min Domingo 30/12/2012 - 15h10min - 18h40min - 20h40min Quarta 02/01/2013 - 15h10min - 18h40min - 20h40min Quinta 03/01/2013 - 15h10min - 18h40min - 20h40min Sinopse: Treinado nas artes dos ancestrais poderes aquáticos, o peixinho Pê agora pode facilmente derrotar um tubarão com as próprias nadadeiras, mantendo afastados quaisquer predadores que ameacem seus amigos e vizinhos do recife. Infelizmente, ser o único herói da cidade também tem seu preço, especialmente quando um grupo de maléficos tubarões famintos (liderado por um sujeito desagradável que Pê conhece muito bem) declara que o fim daquela região está decretado – e se aproxima o mais rápido possível! Sozinho, talvez Pê não consiga. Então, ele vai ter que treinar um grupo de bravos companheiros (além de seu próprio filho) para combater esta ameaça cheia de dentes.

VALOR INGRESSOS: R$ 8,00 comunidade; R$ 4,00 estudantes, acima de 60 anos, crianças até 12 anos; R$ 3,00 na promoção de quarta, quinta-feira, sábados e domingos somente nas sessões da tarde. OBS: A programação das Salas de Audiovisual está disponível no site: blog: salasdeaudiovisualcei.blogspot.com - www.campobom.rs.gov.br

Fone: 3597-0435 - Av. Dos Estados, 1080 – Centro – CB


O Fato do Vale

GERAL

3

Sexta-feira, 28 de dezembro de 2012.

Educação de Campo Bom conquista três prêmios no mesmo concurso

C

ampo Bom acaba de superar mais um recorde na educação. Pela primeira vez na história da cidade, a rede municipal de ensino conquistou três prêmios de uma só vez em um concurso. Confirmando mais uma vez a qualidade da educação campo-bonense, neste mês de dezembro, três projetos da cidade foram reconhecidos no Prêmio Construindo a Nação 2012, realizado pelo Instituto Cidadania Brasil. O prêmio, cujo objetivo foi destacar e valorizar as ações que escolas públicas e privadas realizam com seus alunos buscando a solução de problemas das comunidades onde as escolas estão situadas, premiou as melhores iniciativas que, além disso, buscaram estimular os estudantes a participarem ativamente dos projetos da escola. Com o trabalho Bairros dos Gringos, História e Evolução – Atlas Digital Histórico, Geográfico e Ambiental, a escola municipal Marquês do Herval conquistou o primeiro lugar na categoria Ensino Fundamental e a escola municipal Centro de Educação Integrada (CEI), conquistou o 2º lugar também na categoria Ensino Fundamental, com o projeto Mucker: uma história para relembrar. Já na categoria Políticas Pública e Privada, a Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Smec) foi considerada a melhor, e trouxe para Campo Bom o 1º lugar com o projeto de Inclusão Digital da Rede Municipal de Campo Bom – Faço parte desta rede. Para a titular da Smec, Eliane dos Reis, esta conquista evidencia mais uma vez a qualidade da educação oferecida na rede municipal de ensino de Campo Bom. “Estamos muito felizes, pois fechar o ano de 2012 ganhando três prêmios em um mesmo concurso só prova que o trabalho realizado na educação em Campo Bom é de qualidade e merece esses reconhecimentos. Gostaria de deixar registrado aqui meu agradecimento aos professores e equipe das escolas municipais, em especial Marquês do Herval e CEI, por se dedicarem ao ensino e realizarem projetos de tamanha qualidade. Também deixo aqui meu reconhecimento à equipe de Inclusão Digital da Smec, que vêem realizando um trabalho muito importante dentro do município”, ressaltou Eliane. Conheça os projetos vencedores: Programa de Inclusão Digital da Rede Municipal de Campo Bom – Faço parte desta rede- O projeto é uma iniciativa que visa a atender a comunidade campo-bonense no acesso à informatização e às Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs). Dentro dessa perspectiva, o projeto é edificado em diversos

eixos, como: espaços que promovem a inclusão digital; recursos em tecnologia; e projetos educacionais vinculados ao projeto maior. Os espaços compreendem pontos de acesso às TICs, dentre eles 41 escolas municipais, dois telecentros comunitários e um Núcleo Tecnológico Municipal, que é um espaço para capacitações na área de informática dirigido a professores. O projeto tem o objetivo de fazer com que a sociedade obtenha conhecimento, a fim de utilizar os recursos das TICs. “A utilização das tecnologias de forma consciente, criativa, inovadora e educativa pode transformar as relações entre educadores e alunos, índices na educação e a realidade da comunidade escolar. Ensinar e aprender se dá simultaneamente, entre alunos e professores”, comenta Nilva Dambros, coordenadora do Departamento de Estatística e Informática Educacional da Smec. “A inclusão digital vai além, porque transforma tecnologia em interação e inclusão social e em instrumentos eficazes para a educação”, completa. Projeto Bairro dos Gringos, História e Evolução – Atlas Digital Histórico, Geográfico e Ambiental da escola municipal Marquês do Herval – O projeto é coordenado pela professora de Ciência Lurdes Doge e envolve alunos de toda a escola, comunidade, mas principalmente, pequenos alunos da turma de 3º ano da instituição de ensino. Segundo a professora, o trabalho, que iniciou em abril deste ano e irá se estender até 2014, teve o objetivo de promover o conhecimento, a valorização e o resgate e divulgação da cultura local. “O projeto surgiu da falta de bibliografia atualizada para pesquisa sobre o bairros dos Gringos, isso foi que nos motivou a resgatar a história do bairro e também para valorizarmos arquivos pessoais e memória da comunidade do Gringos”, explica. Além de resgatar dados históricos importantes sobre o bairro e a escola, mostrar a evolução econômica e social do local, descobrir as etnias formadoras da comunidade e pesquisar aspectos ambientais do bairro, o grupo de alunos criou um atlas histórico, geográfico e ambiental. “Neste atlas, que é em formato digital estamos publicando todos os dados registrados como as pesquisas, entrevistas, fotos, mapas, tabelas e isso servirá como base de pesquisa dos alunos da escola e comunidade do bairro”, ressalta a professora. O trabalho irá continuar no ano que vem com a mesma turma e o propósito é dar continuidade à produção do atlas digital. “A primeira etapa do projeto foi esse resgate histórico e ano que vem vamos dar foco na parte ambiental”, complementa

Projeto da escola Marquês do Herval envolveu turma do 3º ano da escola

Lurdes. O grupo criou um blog que possui todas as etapas do projeto. Para conhecer mais sobre o trabalho entre no endereço http://bairrodosgringos.blogspot.com. br/p/nosso-projeto.html.   Projeto Mucker: uma história para relembrar da escola municipal CEI – O projeto coordenado pela professora de história Maria Denise Rohden, e com colaboração das professoras de português Rosmeri Marmitt e Sonia Rego Tons e da professora de informática Lizete de Oliveira, envolveu cerca de 100 alunos de três turmas de 8º ano da escola. Segundo a professora Rosmeri Marmitt, o trabalho interdisciplinar, que envolveu as disciplinas de história, português e informática, teve o objetivo de fornecer aos alunos o conhecimento sobre a história do Conflito dos Mucker. “Sabendo que a região do Sul do Brasil foi bastante ocupada por imigrantes alemães, que começaram a chegar ao país em 1824 e instalaram-se em inúmeras cidades do estado, entre elas São Leopoldo e Porto Alegre, pensou-se neste projeto. Ele abordou o episódio dos Mucker, pois a cidade, atualmente chamada de Sapiranga, onde aconteceu o episódio que marcou a história da região é vizinha de Campo Bom”, explica a professora. Segundo ela o projeto teve o intuito de incentivar a vontade de aprender dos alunos além de realizar uma atividade diferenciada na escola. “No primeiro momento, o trabalho era despertar a vontade de aprender e descobrir nos alunos. Criamos o projeto com o intuito de trabalhar de uma maneira diferente, além dos muros da escola”, explica. Conhecer a história dos Mucker em seus aspectos sociais, políticos, econômicos, bem como a influência que exerceram na sociedade da época, promover o interesse da leitura do tema nos alunos, além de analisar os diferentes textos sobre o tema, visando à aprendizagem gramatical e estrutural, foram questões trabalhadas dentro do projeto que teve a produção de um documentário como

produção final. Para isso o grupo saiu da sala de aula. “Nós gravamos em diversos lugares como chácara de familiares de alunos, no morro Ferrabrás e na própria escola. Foi um trabalho muito bonito e gratificante e estamos extremamente orgulhosos e felizes com esta conquista”, finaliza a professora Rosmeri.   O prêmio Construindo a Nação: O Prêmio Construindo a Nação foi instituído com o objetivo de destacar, valorizar e mostrar como exemplo, criando referências, as ações que as escolas públicas e privadas, inicialmente do ensino médio e agora com a participação do ensino fundamental, técnico e EJA, realizam com a presença ativa de seus alunos no diagnóstico e ações práticas de solução para problemas das comunidades onde as escolas estão situadas. Criado em 2000 no Estado de São Paulo e ampliado a partir de 2006, mediante parceria do Instituto da Cidadania Brasil com a Confederação Nacional da Indústria, por iniciativa de seu Conselho Permanente de Responsabilidade Social e operação pelo SESI, o prêmio alcançou 25 estados . Até o ano de 2011, cinco mil cento e quarenta escolas  de todo o Brasil estão  participando , mobilizando e envolvendo mais de  seis milhões e meio de estudantes. A iniciativa do Instituto da Cidadania Brasil junto com a CNI-SESI é apoiada nos estados brasileiros pela Fundação Volkswagen e  pelo CONSED - Conselho de Secretários de Educação. O prêmio visa, ainda, valorizar o papel do educador no processo de formação do seu aluno como cidadão e estimular os estudantes a participar ativamente dos projetos de sua escola preparando-os para a vida do país, pela relevância da aprendizagem tida na convivência com as demandas sociais das comunidades. Visa ainda motivá-lo a se tornar empreendedor e participar das soluções que inicialmente sua comunidade demanda, mas também das de sua cidade, estado e país.


4

GERAL

Sexta-feira, 28 de dezembro de 2012.

O Fato do Vale

Vereador eleito Jair Wingert se reune com Prefeito Faisal

N

a tarde de terça-feira (18.12), na sala de reuniões da Prefeitura aconteceu uma importante reunião envolvendo uma Comissão de Moradores do Loteamento União, localizado próximo ao Morada do Sol. A reunião foi agendada junto ao prefeito pelo vereador eleito Jair Wingert (PSB), sendo que a comissão foi mobilizada pela líder comunitária Margarete Santos da Silva. Na mesma reunião também participaram um grupo de Moradores da Cascatinha, área de preservação ambiental ocupada e onde hoje estão residindo quase 60 famílias. O prefeito Faisal Karam (PMDB) fez juntamente com os servidores públicos – Telmo (Planejamento) e Carolina (advogada) um relato sobre a situação do Loteamento União, destacando que era o único loteamento regularizado em Campo Bom que o caminho legal seria a regularização junto ao Registro de Imóveis, porém o mesmo, não foi efetuado, uma vez que alguns líderes da antiga cooperativa  sumiram da cidade e os prazos de 180 expiraram, tendo que reiniciar o processo conforme uma legislação Federal.  O prefeito deixou claro que não pode investir em melhorias que os moradores solicitam, uma vez que é um loteamento particular e que por Lei não pode haver investimentos públicos em algo que é particular, mas o prefeito

deu uma luz aos moradores do União e ao vereador Jair Wingert, salientando que existe tramitando (em analise) em Brasília pelo Ministério das Cidades via Caixa Econômica Federal um financiamento para infra-estrutura do União – esgoto, água, calçamento, luz e outras benfeitorias. O prefeito observou que será importante que o vereador mantenha contato com os deputados federais do PSB e da região no sentido de buscar apoio e força para que estes recursos sejam liberados. Ainda questionado pelo vereador Jair Wingert sobre o tempo de espera com relação à liberação, o prefeito afirmou que no primeiro semestre de 2013 deve haver uma resposta da Caixa Econômica Federal. O prefeito Faisal ainda sugeriu que tanto os moradores da Cascatinha como do União formem associações de bairro para organizar melhor a comunidade e ter mais força política.  O vereador socialista, Jair Wingert, agradeceu ao prefeito pelo atendimento a comunidade do União, salientando que o pleito destas famílias é justo e importante, pois a falta de infra-estrutura como água, luz, esgoto, calçamento é algo desumano. “Coloco-me a disposição para viajar a Brasília com outros vereadores e com o prefeito para juntos visitarmos os deputados da região e em especial o deputado Beto Albuquerque do PSB  para pressionar-

O vereador Jair Wingert do PSB esteve junto com os moradores do União e da Cascatinha reunido com o prefeito Faisal.

mos o governo a liberar estes recursos, afinal ali tanto no União como na Cascatinha existem irmãos nossos, crianças, idosos, doentes que estão vivendo em condições desumanas”, observou Wingert que ainda  destacou “O governo Dilma vem investindo forte em habitação através do Minha casa Minha Vida, mas penso que deve haver programas melhores para famílias de baixa renda como os que ocuparam a área da Cascatinha. Ninguém quer nada de graça, mas as prestações não podem ser exorbitantes. Quanto a comunidade

do União acredito que o prefeito Faisal será parceiro e dentro de pouco tempo este impasse será resolvido. Diálogo, bom senso, respeito e negociação sempre são ingredientes que apontam para soluções”, finalizou Jair Wingert; vereador eleito. Ainda participaram da reunião – Paulo Leites “Téco” da UABV e os vereadores Arcelino Siri (PPS) e Marinho (PPS).  Representando os moradores do União  - João Souza, Neusa, Patrícia, Salete, Maria, Maria Helena e Margarete da Silva.

Cerca de 100 campo-bonenses estão mais preparados para o mercado de trabalho, após formatura do Pronatec A busca por uma nova atividade levou o aposentado Eleu Adão Kunzler, de 54 anos, a fazer o curso de polidor automotivo. “Sempre me interessei por carros, e já queria trabalhar com isso há muito tempo. Foi uma excelente oportunidade e já estou pensando em come-

çar um novo curso”, conta. Ele, que já adquiriu os equipamentos necessários para começar a trabalhar por conta própria, é um dos campo-bonenses beneficiados pelos cursos oferecidos pela Prefeitura por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e

Alunos dos oito cursos técnicos promovidos pela Prefeitura e Senai receberam seus certificados

Emprego (Pronatec). Cerca de 100 alunos se formaram na quarta-feira, dia 19, na Câmara de Vereadores, e receberam seus certificados nos cursos de Auxiliar Administrativo, Operador de Computador, Costureiro de Roupas, Costureiro de Calçados, Pintor, Polidor Automotivo e Mecânico de Manutenção de Máquinas Industriais. Rojane Pinheiro Quintana, que trabalha ajudando o marido em um estúdio fotográfico, fez o curso de Auxiliar Administrativo para se qualificar. “Achei excelente, é uma oportunidade única, porque dificilmente se faz um curso gratuito com tanta qualidade”, diz ela. O objetivo do Pronatec é ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica. A iniciativa, coordenada em Campo Bom pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação (Sedsh), visa a qualificar o trabalhador campo-bonense a fim de prepará-lo para o mercado, atendendo às demandas de mão de obra no município. “O esforço todo que a gente tem feito é em virtude de buscar par-

cerias de qualificação de mão de obra. As oportunidades que o Brasil tem hoje de crescimento são fantásticas, e o que tem faltado, sem dúvida, são pessoas mais bem preparadas para o mercado de trabalho”, ressaltou o prefeito Faisal Karam. A secretária de Desenvolvimento Social e Habitação, Andressa Schnorr, salientou que o objetivo da formatura não é apenas de ganhar um certificado, mas representa a busca dos alunos por conhecimento. “Não temos que apenas parabenizar as pessoas que já tem algum tipo de qualificação, e sim aqueles que buscam a qualificação, que são vocês aqui hoje”, disse ela durante a cerimônia de formatura. O Pronatec é um programa desenvolvido em 2011 pelo Ministério de Desenvolvimento Social e realizado de acordo com as demandas específicas de cada município. “Aqui em Campo Bom há um diferencial, de se poder trabalhar junto com a Prefeitura, é uma oportunidade maravilhosa”, comentou a diretora do Senai, Arlete Roncato Accurso.


GERAL

O Fato do Vale

5

Sexta-feira, 28 de dezembro de 2012.

Cemil contabiliza mais de 14 mil atendimentos em 2012

A

equipe do Centro Municipal de Informação e Ludicidade Dr. Liberato (Cemil) fechou o levantamento da relação de visitas, leituras e informações dispensadas às escolas e comunidade de Campo Bom no ano de 2012. Ao longo do ano, foram realizados 14.434 atendimentos tanto para estudantes quanto para a comunidade em geral em espaços como Brinquedoteca, Telecentro, Memorial do Trem e Hemeroteca e ações como a Hora do conto. Desde o dia 2 de janeiro até o dia 20 de dezembro de 2012, o Centro atendeu 2.078 crianças de escolas das redes pública e privada de Campo Bom e 964 crianças acompanhadas dos pais na Brinquedoteca. Já no Memorial do Trem foram atendidas 239 crianças das escolas públicas e privadas do município e 186 pessoas da comunidade. A Sala do Faz de Conta recebeu a visita de 3.048 alunos das escolas municipais e particulares que participaram da Hora

do Conto. Além disso, o local teve 3.518 leitores atendidos e dispensou atendimentos com diversas informações para 4.401 pessoas.   Confira os espaços disponibilizados para a comunidade no Cemil: TELECENTRO COMUNITÁRIO-  É um espaço com dez computadores disponíveis para a comunidade, que conta inclusive com cursos de informática básica gratuitos no local. Ali são oferecidos serviços de internet banda larga e impressão. Para o cidadão campo-bonense ter acesso a esses serviços é preciso apenas se cadastrar levando um documento até o local.   BRINQUEDOTECA - A Brinquedoteca é um espaço com brinquedos, jogos e materiais para cálculo e alfabetização. Na Sala de Leitura, jornais e revistas estão disponíveis para a população. Tem tam-

Centro de Informação e Ludicidade fica na Rua Andradas junto a Praça João Blos Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

DECRETO MUNICIPAL Nº 5.414/2012, de 26 de dezembro de 2012. DESIGNA MEMBROS DO CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE DE CAMPO BOM. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, conforme os termos da Lei Municipal nº 3.586/2010, de 06.07.2010, D E C R E T A: Art. 1° - São designados para integrarem o Conselho Municipal de Saúde de Campo Bom, para o cumprimento de um mandato com duração de dois anos, no período de 1º de janeiro de 2013 a 31 de dezembro de 2014, os membros abaixo relacionados: I - REPRESENTANTES GOVERNAMENTAIS ORIGINÁRIOS DOS SEGUINTES ÓRGÃOS Secretaria Municipal do Meio Ambiente DENISE CRISTINA BORGES – Titular ONEVIA CONCEIÇAO EBERHARDT MELTZER– Suplente Secretaria Municipal de Educação e Cultura DANIELA CAMPOS MAURER - Titular MAICKEL ANDRADE DOS SANTOS - Suplente Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação ADROALDO OLIVEIRA DE MORAES – Titular FÁTIMA RAQUEL DORSCHEID – Suplente Secretaria Municipal de Saúde ILAINE SALETI PLETSCH – Titular DANIEL LUIS DA COSTA – Suplente II - REPRESENTANTES DOS TRABALHADORES NA ÁREA DA SAÚDE, INDICADOS PELAS SEGUINTES INSTITUIÇÕES Conselho Regional de Fisioterapia – CREFITO/RS ADONAR NELSON SCHMIDT JUNIOR – Titular SIMONE VIEIRA ASTARITA – Suplente Conselho Regional de Nutrição – CRN/RS

bém a Sala de Faz de Conta, voltada ao época. A estação férrea de Campo Bom público infantil e que trabalha o desenvol- foi inaugurada em 1935. Ligava a cidade vimento do imaginário e liberação de fan- aos municípios entre São Leopoldo e Tatasias, estimulando o autoconhecimento, quara. O trem foi desativado e de lá para uso de raciocínio lógico e a capacidade de cá o seu prédio já foi usado como sede da observar e explorar o ambiente onde vive, Prefeitura, Câmara de Vereadores, Bibliomediante experimento de diversos papéis, teca Municipal e hoje o Centro Municipal o que auxiliará no trabalho das emoções de Informação e Ludicidade Dr. Liberato. e medos. Além dos painéis, o Memorial conta com   pedaços do trilho e do dormente de madeiHORA DO CONTO -  Dentro do ra, blocos de divulgação do horário que o Centro de Ludicidade, é na Sala do Faz trem passava, entre outros.   de Conta que ocorre a Hora CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE DE CAMPO BOM do Conto. As escolas agendam um horário para levar Resolução nº 09/2012, seus alunos para ouvirem de 13 de novembro de 2012 O CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE DE CAMPO BOM/ uma história interpretada por uma contista. Este lo- RS, no uso de suas atribuições legais, conferidas pelas Leis Federais nºs 8.080/1990 e 8.142/1990, e pela Lei Municipal nº cal também conta com o 1.779/1997 e alterações subseqüentes, e, nos termos do resEspaço de Leitura, uma es- pectivo Regimento Interno ( art. 12 – inciso I), aliado ao deliberapécie de hemeroteca, onde do na reunião plenária ocorrida a 13.11.2012, RESOLVE: o público tem acesso a reArt. 1º. Ficam aprovadas: vistas e jornais locais, reI - A adesão do Município de Campo Bom ao programa gionais e nacionais, tendo federal de fomento a implantação do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI) e do Sistema ainda ambiente com cadei- de Informação de Agravos de Notificação (SINAN), no âmbiras para se acomodar e ler.  to das unidades de saúde, de que trata a Portaria MS-GM nº MEMORIAL DO TREM - O Memorial do Trem, conta a história do período em que as principais riquezas de Campo Bom escoavam pelos trilhos. A maior parte do acervo do museu foi doada por moradores que ainda guardavam lembranças do antigo meio de transporte, que funcionou entre 1935 e 1963. No local estão expostas peças como trilhos, dormentes, documentos e muitas imagens relativas ao principal transporte da

FABIANA MEWIUS MARQUES – Titular LIANE SPELLMEIER – Suplente Conselho Regional de Farmácia – CRF/RS DEBORA MARIA KEHL TRIERWEILLER – Titular RUBEM ALBERTO BOHRER – Suplente Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio Grande do Sul– CREMERS CHARLES LUCIANO GENEHR – Titular MARLENE LOIDE ARAIS – Suplente Conselho Regional de Odontologia – CRO/RS ISMAR REICHERT – Titular BEATRIZ REGINA SCHNEIDER – Suplente Conselho Regional de Enfermagem – COREN/RS MICHELLE FERNANDES DA MOTTA – Titular GISELAINE MARIA ERMEL HERREIRA – Suplente III - REPRESENTANTES DE USUÁRIOS, INDICADOS PELAS SEGUINTES ENTIDADES Pastoral da Criança de Campo Bom ISAURA DA COSTA PIUCO – Titular MARGARIDA TERESINHA PORT – Suplente Clubes de Serviços - Rotary Club de Campo Bom e Lions Clube de Campo Bom JORGE ARMINDO JAEGER – Titular JORGE SIDMAR DIENSTMANN – Suplente Liga Feminina de Combate ao Câncer de Campo Bom ARLETE MASIEIRO – Titular MARLI MARTINS – Suplente Associação de Aposentados e Pensionistas de Campo Bom JOSE VOLMAR TRESCASTRO – Titular CRISTINA SCKORSKI – Suplente Sindicatos de Trabalhadores Sindicato dos Servidores Públicos Municipais IVALDI ALVES FERNANDES – Titular SILBERTO MAUER – Suplente Sindicato dos Trabalhadores na Indústria de Calçados OTTO LAURI HUHNFLEISCH – Titular JAQUELINE AURELIA DIENSTMANN – Suplente

2.363/2012, de 18.10.2012, em razão do que serão repassados recursos federais ao Fundo Municipal de Saúde; II - A não edificação de UPA (Unidades de Pronto Atendimento - 24h) no Município, com decorrente devolução dos recursos federais recebidos para tanto, considerando o elevado custo da respectiva manutenção, a já existência de uma Unidade Municipal de Pronto Atendimento, e se constituir em prioridade o investimento dos recursos existentes - especialmente os previstos como contra-partida municipal para a UPA ab initio mencionada -, na ampliação dos leitos hospitalares locais em 33 (trinta e três) leitos. Art. 2º. Esta Resolução entrará em vigor na data da respectiva publicação. SALA DE REUNIÕES do CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE de CAMPO BOM/RS, aos 13 de novembro de 2012. JORGE ANTONIO DA SILVA Presidente do Conselho Municipal de Saúde Homologo esta Resolução. Campo Bom, 14 de novembro de 2012,

FAISAL MOTHCI KARAM Prefeito Municipal

Associação dos Moradores Bairro Aurora/Ipiranga JORGE ANTÔNIO DA SILVA - Titular ADI OLIVEIRA VIEIRA BOHN - Suplente Associação dos Moradores Bairro Celeste JOSE SEVERINO BECKER - Titular ALBERTO FRANCISCO DILLENBURG - Suplente Associação dos Moradores Bairro Bela Vista ANILDA STAHER DOS SANTOS - Titular CARLA VANESSA FAGUNDES - Suplente Associação dos Moradores Bairro Baixo Paulista NEI PAULO DA SILVEIRA - Titular ÉDERSON RICARDO SCHMIDT - Suplente Associação dos Moradores Bairro Santa Lucia CLEMIR JOSE TABILE - Titular MARIA VERGINIA TEIXEIRA – Suplente Associação dos Moradores do Núcleo Habitacional Cohab Leste CLODOALDO PAZ DE LIMA - Titular NAINA MACHADO MOUSQUER - Suplente IV - REPRESENTANTES DOS PRESTADORES DE SERVIÇOS NA ÁREA DA SAÚDE, INDICADOS PELAS SEGUINTES INSTITUIÇÕES Hospital Dr. Lauro Réus LUCIANA TREPTOW GUIDO – Titular DORIAN BIANCA JEANISCH SCHUCH – Suplente Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Campo Bom – APAE ROSI TERESINHA MARTINS – Titular CLAUDIA JANINE TRIEWEILER – Suplente Art. 2° - Este Decreto entrará em vigor na data da respectiva publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 26 de dezembro de 2012. Registre-se e Publique-se MÁRCIA ELISA ALVES, Secretária Municipal de Administração.

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.


GERAL

6

O Fato do Vale

Sexta-feira, 28 de dezembro de 2012.

Vereador Camilo de Sapiranga visita Vicente Selistre

PSB de Sapiranga está ouvindo, analisando, porém quer espaços sem abrir mão dos princípios ideológicos do partido.

O

vereador do PSB de Sapiranga, José Camilo Ro-

drigues, esteve reunido na quarta-feira em Campo Bom com o coordenador da Regional Socialista, o

suplente de deputado Federal Vicente Selistre. Na reunião vários assuntos pautaram o debate entre

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

DECRETO MUNICIPAL Nº 5.399/2012, de 03 de dezembro de 2012. ABRE CRÉDITOS SUPLEMENTARES E REDUZ DOTAÇÕES ORÇAMENTÁRIAS. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais e autorizado pela Lei Municipal nº 3.802/2011 de 13 de dezembro de 2011. DECRETA: Art. 1º - É o Poder Executivo Municipal autorizado abrir Créditos Suplementares no valor de R$ 149.250,00 (cento e quarenta e nove mil duzentos e cinquenta reais), sob as seguintes classificações orçamentárias: 0401.04.122.0004.2.023.3.3.90.35.00.00.00 – Coordenação e Manutenção dos Serviços – Desp. 282023................................ R$ 900,00 0502.04.121.0015.2.040.4.4.90.52.00.00.00 – Manutenção dos Serviços de Contabilidade – Desp. 412040............................. R$ 100,00 0606.12.365.0051.2.096.3.3.90.39.00.00.00 – Manutenção do Salário Educação Infantil – Desp. 302096................................. R$ 3.400,00 0702.08.244.0030.2.182.4.4.90.52.00.00.00 – Manutenção PAIF Programa Atenção Integral a Família – Desp. 412182........... R$ 1.050,00 0801.10.301.0034.2.110.3.3.90.39.00.00.00 – Manut.Assistência Médica e Odontol.Especializada – Desp. 302110................. R$ 3.000,00 0801.10.301.0107.2.114.3.3.90.30.00.00.00 – Manutenção dos Serviços de Saúde – Desp. 242114......................................... R$ 3.000,00 0803.10.301.0035.2.118.3.3.90.30.00.00.00 – Manutenção da Farmácia Básica União – Desp. 242118.................................... R$ 21.800,00 0803.10.301.0107.2.197.3.3.90.30.00.00.00 – Incentivo para Atenção Básica – Desp. 242197.................................................. R$ 1.000,00 0902.15.451.0069.2.137.3.3.90.30.00.00.00 – Conservação de Vias Urbanas – Desp. 242137.................................................. R$ 3.000,00 0903.15.451.0058.2.144.3.3.90.39.00.00.00 – Manutenção da Infra-estrutura Urbana (FEP) – Desp. 302144........................... R$ 76.000,00 0903.15.451.0058.2.145.3.3.90.39.00.00.00 – Manut. da Infra-estrutura Urbana (Rec.Min) – Desp. 302145.............................. R$ 34.000,00 1204.23.695.0094.2.175.3.3.90.30.00.00.00 – Diversas Promoções Turísticas – Desp. 242175................................................. R$ 2.000,00 Art. 2º - Servirá de recurso para cobertura dos Créditos Suplementares abertos no artigo 1º deste Decreto, a redução de igual valor das seguintes dotações orçamentárias: 0401.15.451.0009.2.028.3.3.90.39.00.00.00 – Manutenção de Prédios Públicos – Desp. 302028.............................................. R$ 6.000,00 0401.15.451.0009.2.028.4.4.90.51.00.00.00 – Manutenção de Prédios Públicos – Desp. 402028.............................................. R$ 900,00 0501.04.123.0012.2.036.3.3.90.39.00.00.00 – Coordenação e Manutenção dos Serviços – Desp. 302036................................ R$ 6.000,00 0501.04.123.0017.2.037.4.4.90.52.00.00.00 – Modernização dos Serviços Financeiros – Desp. 412037................................... R$ 3.000,00 0502.04.121.0015.2.040.3.3.90.14.00.00.00 – Manutenção dos Serviços de Contabilidade – Desp. 232040............................. R$ 100,00 0601.12.122.0046.2.045.3.3.90.39.00.00.00 – Coordenação e Manutenção dos Serviços – Desp. 302045................................ R$ 6.000,00 0601.12.122.0105.2.105.4.6.91.71.00.00.00 – Manutenção do Serviço da Dívida IPASEM – Desp. 592105.............................. R$ 3.500,00 0605.13.392.0054.2.074.3.1.90.11.00.00.00 – Manutenção da Banda Municipal – Desp. 52074................................................ R$ 7.000,00 0605.13.392.0054.2.074.3.3.90.39.00.00.00 – Manutenção da Banda Municipal – Desp. 302074.............................................. R$ 5.000,00 0606.12.365.0051.2.096.3.3.90.30.00.00.00 – Manutenção do Salário Educação Infantil – Desp. 242096................................. R$ 3.400,00 0702.08.244.0030.2.182.3.3.90.36.00.00.00 – Manutenção PAIF Programa Atenção Integral a Família – Desp. 292182........... R$ 1.050,00 0801.10.301.0034.2.110.4.4.90.52.00.00.00 – Manut.Assistência Médica e Odontol.Especializada – Desp. 412110................. R$ 2.000,00 0803.10.301.0035.2.118.4.4.90.52.00.00.00 – Manutenção da Farmácia Básica União – Desp. 412118.................................... R$ 2.600,00 0902.15.451.0069.2.138.3.3.90.39.00.00.00 – Conservação da Ciclovia – Desp. 302138...........................................................R$ 6.000,00 0903.15.451.0021.2.143.4.4.90.51.00.00.00 – Manutenção do Sistema de Vigilância – Desp. 402143....................................... R$ 900,00 0903.15.451.0021.2.143.4.4.90.52.00.00.00 – Manutenção do Sistema de Vigilância – Desp. 412143....................................... R$ 4.800,00 0903.15.451.0058.2.144.3.3.90.30.00.00.00 – Manutenção da Infra-estrutura Urbana (FEP) – Desp. 242144........................... R$ 22.000,00 0903.15.451.0058.2.144.4.4.90.51.00.00.00 – Manutenção da Infra-estrutura Urbana (FEP) – Desp. 402144........................... R$ 22.000,00 0903.15.451.0058.2.145.4.4.90.51.00.00.00 – Manutenção da Infra-estrutura Urbana (FEP) – Desp. 402145........................... R$ 20.000,00 0903.15.451.0104.2.147.3.3.90.39.00.00.00 – Conservação de Praças Parques e Jardins – Desp. 302147.............................. R$ 9.500,00 0905.15.452.0008.2.158.3.3.90.30.00.00.00 – Manutenção de Semáforos e Sinalização Viária – Desp. 242158....................... R$ 13.500,00 1204.23.695.0094.2.175.3.3.90.39.00.00.00 – Diversas Promoções Turísticas – Desp. 302175................................................. R$ 4.000,00 Art. 3º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 03 de dezembro de 2012. Registre-se e Publique-se MÁRCIA ELISA ALVES, Secretária Municipal de Administração.

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

eles, a postura do PSB no município de Sapiranga, além dos projetos da sigla na Cidade das Rosas, bem como a eleição de 2014 a qual o coordenador Vicente Selistre deve ser pré-candidato a uma vaga na Câmara Federal. O vereador Camilo afirma que o PSB de Sapiranga está em fase de ouvir atentamente, analisar e discutir com a base do partido os caminhos que os socialistas vão seguir. “Cautela e caldo de galinha nunca fizeram mal a ninguém. Viemos ouvir nossa liderança que é o deputado Vicente Selistre. Queremos o crescimen-

to do PSB em Sapiranga, bem como, almejamos espaços como é de praxe em todos os partidos, mas tudo isso sem abrir mão dos princípios ideológicos e

programáticos do partido”, opinou o vereador Camilo. Na reunião também participaram os coordenadores Marco Orsi Junior e Gabriela Orsi Cambruzzi.

Vereador Camilo, Vicente, Marco Orsi e Gabriela em reunião no escritório político do coordenador da regional Socialista. Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

DECRETO MUNICIPAL Nº 5.405/2012, de 11 de dezembro de 2012. ABRE CRÉDITO ESPECIAL E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, e autorizado pela Lei Municipal nº 3.927/2012 de 11 de dezembro de 2012. DECRETA: Art. 1º - É o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir Crédito Especial até o valor de R$ 125.086,69 (cento e vinte e cinco mil oitenta e seis reais e sessenta e nove centavos), sob a seguinte classificação orçamentária: 1205.14.422.0120.1.005.4.4.90.52.00.00.00 – Criação do PROCON em Campo Bom – Desp. 411005 R$

125.086,69

Art. 2º - Servirão de recursos para a cobertura do Crédito Especial aberto no artigo 1º deste Decreto, R$ 123.280,23 (cento e vinte e três mil duzentos e oitenta reais e vinte e três centavos) recebidos do Poder Judiciário Federal, por destinação do Ministério Público Federal no processo nº 2003.71.08.015283-6 da 1ª Vara Federal de Novo Hamburgo-RS, em que litigou com a empresa CRT Brasil Telecom, para a criação do Programa de Orientação e Proteção ao Consumidor-PROCON em Campo Bom-RS, e, a arrecadação a maior ocorrida no exercício, de R$ 1.806,46 (um mil oitocentos e seis reais e quarenta e seis centavos), decorrente dos rendimentos da aplicação de tais recursos em investimentos bancários. Art. 3º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 11 de dezembro de 2012. Registre-se e Publique-se MÁRCIA ELISA ALVES, Secretária Municipal de Administração.

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

DECRETO MUNICIPAL Nº 5.401/2012, de 04 de dezembro de 2012. ABRE CRÉDITOS ESPECIAIS E REDUZ DOTAÇÕES ORÇAMENTÁRIAS. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais e autorizado pela Lei Municipal nº 3.921/2012 de 04 de dezembro de 2012. DECRETA: Art. 1º - É o Poder Executivo Municipal autorizado abrir Créditos Especiais no valor de R$ 135.400,00 (cento e trinta e cinco mil e quatrocentos reais), sob as seguintes classificações orçamentárias: 0803.10.304.0036.2.133.3.1.90.11.00.00.00 – Serviço de Vigilância Sanitária – Desp. 52133............................................... R$ 28.400,00 0803.10.304.0036.2.133.3.1.90.16.00.00.00 – Serviço de Vigilância Sanitária – Desp. 72133............................................... R$ 1.200,00 0803.10.304.0036.2.133.3.1.90.46.00.00.00 – Serviço de Vigilância Sanitária – Desp. 92133............................................... R$ 2.200,00 0803.10.305.0036.2.134.3.1.90.11.00.00.00 – Serviço de Vigilância em Saúde – Desp. 52134............................................. R$ 90.000,00 0803.10.305.0036.2.134.3.1.90.16.00.00.00 – Serviço de Vigilância em Saúde – Desp. 72134............................................. R$ 9.200,00 0803.10.305.0036.2.134.3.1.90.46.00.00.00 – Serviço de Vigilância em Saúde – Desp. 92134............................................. R$ 4.400,00 Art. 2º - Servirá de recurso para cobertura dos Créditos Especiais abertos no artigo 1º deste Decreto, a redução de igual valor das seguintes dotações orçamentárias: 0803.10.304.0036.2.133.3.3.90.30.00.00.00 – Serviço de Vigilância Sanitária – Desp. 242133............................................. R$ 25.000,00 0803.10.304.0036.2.133.3.3.90.39.00.00.00 – Serviço de Vigilância Sanitária – Desp. 302133............................................. R$ 6.800,00 0803.10.305.0036.2.134.3.3.90.30.00.00.00 – Serviço de Vigilância em Saúde – Desp. 242134........................................... R$ 90.000,00 0803.10.305.0036.2.134.4.4.90.52.00.00.00 – Serviço de Vigilância em Saúde – Desp. 412134........................................... R$ 13.600,00 Art. 3º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 04 de dezembro de 2012. Registre-se e Publique-se MÁRCIA ELISA ALVES, Secretária Municipal de Administração.

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.


GERAL

O Fato do Vale

7

Sexta-feira, 28 de dezembro de 2012.

Associadas da VALETEC chegam à fase final do Prêmio Nacional de Inovação

T

rês empresas associadas no Parque Tecnológico do Vale do Sinos, unidade da VALETEC – Associação de Desenvolvimento Tecnológico do Vale, foram classificadas para a fase final do Prêmio Nacional de Inovação (o antigo prêmio CNI), iniciativa da Mobilização Empresarial pela Inovação (MEI). Com a classificação, as empresas Bhio Supply, Maquetec do Brasil e Wirklich se destacam entre as mais inovadoras do país. A premiação visa identificar as empresas brasileiras que contribuem para o aumento da competitividade e do desenvolvimento sustentável da indústria nacional. O prêmio é promovido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) e o Movimento Brasil Competitivo (MBC), com apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) e do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). BHIO SUPPLY – A Bhio Supply Indústria e Comércio de Equipamentos Médicos, produtora de instrumentais cirúrgicos, é uma das finalistas do Prêmio Nacional de Inovação. Segundo o Gerente de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação, Paulo Roberto Walter Ferreira, a premiação é um importante reconhecimento para as empresas que investem em inovação no país. Ele explica que a Bhio Suplly tem entre seus diferenciais as parcerias e alianças estratégicas com entidades e profissionais de referência, tais como: universidades, hospitais, centros de pesquisa, outras empresas e cirurgiões. “A receita que torna a Bhio Supply uma empresa inovadora é uma mistura de muito trabalho, recheado com muita criatividade e coberto com boas práticas de trabalho, mas o ingrediente secreto é ouvir muito o mercado e os cirurgiões”, afirma. Para ele, ser selecionado foi uma grande satisfação para todos. “Saber que um dos nossos projetos tecnológicos de inovação foi selecionado para fase final é extremamente estimulante e motivador para a nossa equipe de inventores e pesquisadores”, explica.   MAQUETEC DO BRASIL – A Maquetec do Brasil, empresa desenvolvedora de máquinas especiais para o setor calçadista, é outra das finalistas do Prêmio Nacional de Inovação. O Diretor Comercial, Gerson Luiz Lors-

cheitter, explica que para participar do prêmio inscreveu um projeto chamado Tampografia de Alta Resolução que utiliza uma tecnologia de ponta em sua confecção. Para isso, foi necessário o desenvolvimento de toda a estrutura envolvida no processo, como criação de desenhos, de componentes, entre outros. A meta foi fabricar uma máquina que diminua poluentes em até 92% dos modos convencionais. De acordo com ele, ser selecionado é de grande importância para a empresa. “Estarmos entre os 36 selecionados é uma grande alegria para nossa empresa. Esse reconhecimento público das

inovações é fundamental para o país. Com isso, mostramos nossos trabalhos para melhorar o meio ambiente a qualidade de vida das pessoas e da qualidade dos produtos fabricados no Brasil”, descreve. WIRKLICH - A Wirklich, produtora de tecnologia em plástico injetado, também está entre as 36 finalistas do Prêmio Nacional de Inovação. O Diretor Marcelo Sperb explica que a empresa está concorrendo na modalidade de Gestão da Inovação. “Formalizamos nosso PD&I no ano de 2010 e de lá para cá estamos trabalhando exaustivamente para cada dia melho-

WALDIR FLECK FILHO, Oficial Designado do Registro Civil das Pessoas Naturais de Campo Bom, RS, Faz saber que pretendem casar-se os seguintes nubentes: 12142 - NELSO RODRIGUES OLIVEIRA e SIMONE DE VARGAS MACIEL; 12143 - FÁBIO OSCAR DEUNER e KELI SAMARA SILVEIRA; 12144 - MARCO ANTONIO DE ABREU e MARLI REGINA HARTMANN; 12145 - MAURÍCIO SCHOENARDIE e JOLENE BRUISMA CERVEIRA; 12146 - CESAR MARCIO DA SILVA BORBA e REGEANE MARIA WARNAVA; 12147 - ALEXSANDRO DE BRITO e LISIANE DA SILVA COELHO; 12148 - PAULO EVALDO HARTMANN e IVANETE TOVO; 12149 - NELSON SIQUEIRA DOS SANTOS e ELITA MARIA DIAS QUINTANA; 12150 - VOLMAR GIOVANE DA CONCEIÇÃO e PRISCILA RAMONA ALVES FERREIRA; 12151 - FRANCIEL TAINAN DA SILVA e GEDIANE MARTINS DE OLIVEIRA; 12152 - LUÍS EDUARDO DOS SANTOS e TATIANE DA SILVA; 12153 - MIGUEL DO NASCIMENTO e ANA FERNANDES DE LIMA; Quem souber de algum impedimento acuse-o na forma da Lei. Campo Bom, 26 de dezembro de 2012. Waldir Fleck Filho Oficial Designado CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE DE CAMPO BOM

RESOLUÇÃO nº. 11/2012, de 18 de dezembro de 2012 O CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE DE CAMPO BOM/ RS, no uso de suas atribuições, conferidas pelas Leis Federais nº. 8.080/1990 e nº. 8.142/1990, e pela Lei Municipal nº. 1.779/1997, e suas alterações posteriores, bem como nos termos do respectivo Regimento Interno (art. 12 – inciso I), e, em conformidade às deliberações ocorridas na sua reunião plenária de 18.12.2012, RESOLVE: Art. 1º. – Ficam aprovados: I – O Projeto SPE – Saúde e Prevenção na Escola da Secretaria Municipal de Saúde em parceria com a Secretaria Municipal da Educação. II – O Protocolo Atualizado Saúde da Mulher da Secretaria Municipal de Saúde. III – O Plano Municipal de Saúde da Secretaria Municipal de Saúde para 2013 a 2016. IV – O Relatório de Gestão Financeiro da Secretaria Municipal de Saúde referente terceiro trimestre de 2012, com ressalvas conforme Relatório e Parecer da Comissão de Fiscalização do Conselho. V – A Lei Orçamentária Anual da Saúde para 2013 do Município de Campo Bom, com ressalvas e sugestão do Relatório e Parecer da Comissão de Fiscalização do Conselho. Art. 2º. – Esta resolução entrará em vigor na data de sua publicação. SALA DE REUNIÕES DO CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE DE CAMPO BOM/RS, aos 18 de dezembro de 2012. JORGE ANTONIO DA SILVA, Presidente Do Conselho Municipal de Saúde. Homologo esta resolução. Campo Bom, 19 de dezembro de 2012 FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

rar/aprimorar nossas ações. No ano de 2011 recebemos o selo da Anpei de empresa inovadora”, destaca. Para ele, ser selecionado compro-

va a eficiência na Gestão da Inovação dentro da empresa. “Como a Wirklich é uma empresa voltada a inovação de produtos, ser premiado é um

grande reconhecimento ao nosso trabalho. Toda a equipe está muito motivada e ansiosa com o resultado que será em abril de 2013”, comemora.

CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE DE CAMPO BOM RESOLUÇÃO nº. 10/2012, de 11 de dezembro de 2012 O CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE DE CAMPO BOM/RS, no uso de suas atribuições, conferidas pelas Leis Federais nº. 8.080/1990 e nº. 8.142/1990, e pela Lei Municipal nº. 1.779/1997, e suas alterações posteriores, bem como nos termos do respectivo Regimento Interno (art. 12 – inciso I), e, em conformidade às deliberações ocorridas na sua reunião plenária de 11.12.2012, RESOLVE: Art. 1º. – Ficam aprovados: I – A informação do relatório final seguinte da Comissão Eleitoral referente eleição biênio 2013/2014, para fins de cumprimento do disposto no artigo 19º do Regimento Eleitoral: Foram eleitos na primeira etapa do processo eleitoral o Sindicato dos Trabalhadores em Calçados e o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais. Nesta segunda etapa do processo eleitoral concorreram sete associações de moradores de bairros de Campo Bom às seis vagas no Conselho, preenchidas pelas seguintes associações de moradores de bairros mais votadas: Celeste, Bela Vista, Baixo Paulista, Cohab Leste, Ipiranga/Aurora e Santa Lúcia. A Associação de Moradores do Bairro Rio Branco ficou na suplência para suprir eventual substituição de outra associação conforme disposição regimental deste Conselho. II – A nova e seguinte composição do Conselho Municipal de Saúde de Campo Bom, para o biênio 2013/2014, cumpridos o Edital, Calendário e Regimento Eleitoral, para mandato de 01.01.2013 a 31.12.2014: 1) Governo (quatro): indicados pelo Executivo Municipal SECRET. MUN. SAÚDE - Titular: Ilaine Saleti Pletsch Suplente: Daniel Luis da Costa SECRET. MUN. MEIO AMBIENTE - Titular: Denise Cristina Borges Suplente: Gisela Maria de Souza SECRET.MUN. ASSIST.SOCIAL - Titular: Adroaldo Oliveira de Moraes Suplente: Fátima Raquel Dorscheid SECRET. MUN. EDUCAÇÃO - Titular: Daniela Campos Maurer Suplente: Maickel Andrade dos Santos 2) Profissionais de Saúde (seis): Indicados pelos seguintes Conselhos: COREN/RS - Titular: Michelle Fernandes da Motta Suplente: Giselaine Maria Ermel Herreira CREMERS - Titular: Charles Luciano Genehr Suplente: Marlene Loide Arais CRN/RS - Titular: Fabiana Mewius Marques Suplente: Liane Spellmeier CRF/RS - Titular: Débora Maria Kehl Trierweiller Suplente: Ruben Bohrer CRO/RS - Titular: Ismar Reichert Suplente: Beatriz Regina Schneider CREFITO/RS - Titular: Adonar Nelson Schmidt Junior Suplente: Simone Vieira Astarita 3) Prestadores de Serviços (dois): indicados pelas seguintes entidades Hospital Dr. Lauro Réus - Titular: Luciana Treptow Guido Suplente: Dorian Bianca Jeanisch Schuch APAE Campo Bom - Titular: Rosi Teresinha Martins Suplente: Claudia Janine Trieweiler 4) Usuários (Doze): indicados pelas seguintes entidades: Associação Moradores Bairro Aurora/Ipiranga - Titular: Jorge Antônio da Silva Suplente: Adi Oliveira Vieira Bohn Associação Moradores Bairro Celeste - Titular: Jose Severino Becker Suplente: Alberto Francisco Dillenburg Associação Moradores Bairro Bela Vista – Titular: Anilda Staher dos Santos Suplente: Carla Vanessa Fagundes Associação Moradores Bairro Baixo Paulista - Titular: Nei Paulo da Silveira Suplente: Éderson Ricardo Schmidt Associação Moradores Bairro Santa Lucia- Titular: Clemir Jose Tabile Suplente: Maria Verginia Teixeira Associação Moradores do Núcleo - Titular: Clodoaldo Paz de Lima Habitacional Cohab Leste Suplente: Naina Machado Mousquer Associação dos Aposentados de Campo Bom - Titular: Jose Volmar Trescastro Suplente: Cristina Sckorski Sindicato dos Serv. Públicos Municipais - Titular: Ivaldi Alves Fernandes Suplente: Silberto Mauer Sindicato dos Trabalhadores em Calçado - Titular: Otto Lauri Huhnfleisch Suplente: Jaqueline A. Diestmann Liga Feminina de Combate ao Câncer - Titular: Arlete Masieiro Suplente: Marli Martins Clube Rotary/Lions Clube de Campo Bom - Titular: Jorge Armindo Jaeger Suplente: Jorge Sidmar Dienstmann Pastoral da Criança da Paróquia – Titular: Isaura da Costa Piuco Santa Terezinha Suplente: Margarida Teresinha Port III – A Comissão Permanente de Fiscalização passa a ser integrada pelos seguintes conselheiros: Alberto Francisco Dillenburg, Jorge Antônio da Silva e José Severino Becker; coordenador: Alberto Francisco Dillenburg. IV – O prazo de 15 (quinze) dias de antecedência para disponibilizar à Secretária Executiva do Conselho os assuntos da pauta das assembléias do Conselho, e a Secretária Executiva distribuirá aos conselheiros a pauta das assembléias com dez dias de antecedência. Art. 2º – Torna-se sem efeito o inciso VII, do artigo 1º da Resolução nº 07/2012, considerando que o assunto não restou deliberado na reunião plenária, sendo que será analisado na reunião plenária de março de 2013, conforme determinação legal. Art. 3º. – Esta resolução entrará em vigor na data de sua publicação. SALA DE REUNIÕES DO CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE DE CAMPO BOM/RS, aos 11 de dezembro de 2012. JORGE ANTONIO DA SILVA, Presidente do Conselho Municipal de Saúde. Homologo esta resolução. Campo Bom, 12 de dezembro de 2012 FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.


O FATO do Vale Equipe de futsal do CEI é campeã estadual do Jergs 38 anos de jornalismo com credibilidade.

C

ampo Bom é destaque no cenário do futsal estadual. A equipe masculina da escola municipal Centro de Educação Integrada (CEI), conquistou no dia 12, medalha de ouro na final dos Jogos Estudantis do Rio Grande do Sul (JERGS), vencendo de virada a disputa com o Instituto São José, de Santa Maria, por 2 X 1.  A equipe da escola, formada por estudantes de 14 anos, alunos do 8º e 9º anos da instituição, representou o município no campeonato, que teve sua etapa final disputada em Sarandi, nos dias 10, 11 e 12. Para celebrar a vitória, no dia 14, a equipe embarcou no trenzinho Amiguinho e, em carreata com colegas de escola, pais, professores e equipe da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, fez um passeio pelo Centro da cidade.  “Estamos extremamente felizes e orgulhosos de nossos alunos. Foi uma vitória muito importante, pois a competição foi bem difícil e todos os times tinham um nível muito bom. Esse é, com certeza, o resultado de muito trabalho e comprometimento dos meninos e grande auxilio da equipe diretiva da escola e Smec. Todos estão de parabéns”, ressaltou, emocionado, o professor Cassemiro Crema, um dos treinadores da equipe. Para o professor de educação física Roger Becker, também treinador da equipe, a vitória é a coroação do traba-

lho que é feito com os meninos há mais de três anos. “Esta equipe treina em conjunto há cerca de três anos e esta conquista foi muito merecida, porque os meninos se dedicam muito, treinam toda a semana em turno contrário da aula. É muito bom ter esse retorno, estamos muito felizes de terminar o ano de 2012 com esta conquista”, reforça Becker. Quem também não conseguia tirar o sorriso do rosto durante a manhã de comemoração foram os alunos, que levavam no peito a medalha de ouro e o orgulho de terem sido campeões do Estado, como foi o caso do capitão do time, Nielson Dion da Silva, 14 anos. “Estamos muito contentes, pois tivemos que batalhar muito para vencer esse campeonato. A final foi muito difícil e emocionante e o apoio dos professores foi muito importante, pois eles sempre nos acalmam e nos dizem o que fazer, sem eles não teríamos conseguido”, diz o garoto. Nielson é um dos destaques do esporte no município. Além de ter sido escolhido como melhor atleta sub-15 da Copa Feevale deste ano, foi convidado a participar da equipe do UJR. “Graças a Deus, muito esforço e também ao meu time, estou conseguindo me destacar no futsal e pretendo ter um futuro no esporte”, conta o menino que também faz parte da equipe de futsal do Programa

Campo Bom, Sexta-feira, 28 de dezembro de 2012.

Grupo campeão dos Jogos Estudantis do Rio Grande do Sul na categoria infantil, comemorou a vitória a bordo do Amiguinho num passeio pelas ruas na sexta-feira, dia 14.  Equipe vencedora é formada por alunos do 8º e 9º anos da escola municipal Centro de Educação Integrada

Acolher. Segundo a titular da Smec, Eliane dos Reis, essa e outras conquistas do esporte na cidade, são reflexo da dedicação e do trabalho comprometido dos professores. “Quero parabenizar o desempenho e comprometimento dos professores junto aos meninos que representaram nossa Campo Bom e também toda a equipe diretiva que apoia e vibra muito com o desporto escolar. O esporte é algo essencial na vida de nossos alunos, pois ajuda a desenvolver diversas habilidades e proporciona uma ocupa-

ção saudável para esses jovens, além de dar tranqüilidade aos pais”, ressalta Eliane. A equipe, treinada pelos professores de educação física Roger Becker e Cassemiro Crema, tem treinos na própria escola no turno contrário ao da aula. Além disso, muitos alunos que fazem parte da equipe do CEI, também treinam e jogam na equipe de futsal do programa Acolher, que proporciona opções de atividades saudáveis a cerca de 7 mil alunos campo-bonenses no contraturno escolar.

Eintracht com planos de crescer em 2013 Dentro dos resultados positivos de 2012 para a Orquestra de Sopro Eintracht de Campo Bom, podemos citar o seu aniversário de 18 anos, sempre levando cultura e boa música às comunidades. Também nesse ano, foram realizados cinco grandes concertos em quatro cidades do Rio Grande do Sul, onde mais de seis mil espectadores puderam assistir

aos espetáculos gratuitamente. A arrecadação de alimentos não-perecíveis superou as expectativas. Somaram mais de duas toneladas de alimentos arrecadados e distribuídos para entidades e bancos de alimentos das cidades onde foram realizados os concertos. O espetáculo Sons do Coração - do Projeto Música nas Comunidades Ano Crédito: Daniel Gruber

Este ano, mais de seis mil pessoas assistiram aos concertos da Orquestra Eintracht em quatro cidades gaúchas. E o desejo da orquestra é ampliar ainda mais o apoio recebido de empresas, a fim de levar o espetáculo para mais cidades.

IX, que utilizou pela primeira vez a temática “kitsch” como linguagem, surpreendeu o público de cada cidade com o grande elenco de participantes e organizadores (um número que ultrapassou 50 pessoas, entre músicos, produtores e coordenadores).    Estimulando a cultura da boa música A diretora do espetáculo, Ângela Gonzaga explica que o concerto brinca com o brega. “Os integrantes da orquestra transformam o espetáculo num legítimo programa de rádio de auditório, com locutores e a participação de ouvintes com suas histórias de amor.” Ângela destaca ainda, que tudo foi possível com muito trabalho e o empenho incansável de todos os integrantes da orquestra em aprender e ousar com elementos inovadores. “É isso que faz a Eintracht ser diferente”, enfatiza. O coordenador geral da orquestra, José Roberto Lenhard se diz satisfeito com a performance da Eintracht e a presença de público nos cinco concertos. E comenta que o objetivo da orquestra sempre foi o de estimular e proporcionar a cultura da boa música para todas as classes sociais. “Em 2013 queremos realizar nossos espetáculos em mais ci-

dades, e para isso, precisamos do apoio de todos”. Lenhard lembra que todo investimento realizado é 100% abatido do imposto de renda, através da Lei de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet). “Quero aproveitar para agradecer a todos os patrocinadores, apoiadores, incentivadores, equipe de trabalho e, em especial, a todos aqueles que, direta ou indiretamente, contribuíram para a realização dos nossos espetáculos”, finaliza o coordenador geral da orquestra.   Como apoiar a Eintracht Com o apoio da iniciativa privada, os concertos da Eintracht seguem encantando plateias em todos os lugares onde são apresentados. O suporte financeiro aos projetos da orquestra é disponibilizado por intermédio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, que permite deduzir do Imposto de Renda até 100% do valor doado. Para continuar seu trabalho e ampliar o alcance dos espetáculos, a orquestra busca o apoio de empresas e pessoas físicas, com o objetivo de levar a música cada vez mais longe. Os contatos com a orquestra podem ser realizados pelos telefones (51) 9253.5346 e 9698.1741.

O Fato do Vale - 28 de dezembro 2012  

Edição n. 2002 - Notícias de Campo Bom e região

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you