Issuu on Google+

O FATOVALE do

O jornal que transmite conhecimento e consolida marcas

Sexta-feira,

07 de março de 2014. Ano 40 | Edição n.° 2064 www.jornaljs.com.br jornal.js@netwizard.com.br

R$ 1,50 Foto: Joelci Mello

AVENIDA BRASIL

Caminhão destrói semáforo e arranca poste da AES Sul Confira na página 5

Atividades exaltam tradicionalismo

Último final de semana foi repleto de música e poesia nativista. Confira na página 3

TELE-TINTAS

3597.3436


De fato ... Mas Bah! Além de dar nome ao grupo que fez um baita show na noite do último sábado, na final do Acampamento da Canção Nativa, a expressão do título ilustra bem a sensação de ter assistido um belíssimo, agradável e inesquecível, mas pensa num baita espetáculo. Que começou com o Acampamentinho, se estendeu pelo Bivaque da Poesia e culminou no Acampamento da Canção Nativa. Destaque para a surpresa que foi o show da banda hermana “La Sureña”. Um showzaço! Chamamé, milongas, chacareiras, tangos e outros ritmos da vizinha Argentina, que influenciam e agradam muito os apreciadores da cultura gaúcha. Prato Principal E já está servido o prato principal. Começou ontem o 36º Rodeio Nacional de Campo Bom, quem não compareceu no primeiro final de semana, é a última oportunidade. Uma baita festa campeira e artística, na qual são esperadas 400 duplas de laçadores e 40 grupos de dança. Dica: Chegue cedo ao Parque, o trânsito deverá ser intenso nas imediações do Parque do Trabalhador. É um Baita Rodeio (assim mesmo, com B e R maiúsculos). Cooperação Para quem vai visitar o Rodeio, vá na boa, deixe o stress em casa. E lembre-se, na portaria estão trabalhando voluntários do Lions, Rotary, APAE, Liga Feminina de Combate ao Câncer, Lar Bom Samaritano, Desafio Jovem Luz no Vale, Escoteiros e Projeto Criança Cidadã, que não ganham nada pelo serviço que prestam, a não ser a subvenção do Município que vai para suas entidades, para que possam fazer suas obras sociais. Portanto, trate-os com cortesia, que a recíproca certamente será verdadeira. Pense que o valor do ingresso e do estacionamento, irá reverter em projetos sociais. Meninos, eles viram! Na sessão solene da Câmara, que marcou o início do Rodeio, nossos diletos editores Joelci e Evanir, me contaram a mais precisa versão sobre o surgimento do Acampamento da Canção Nativa. Corria o ano de 1983 e estavam reunidos na Churrascaria Ponche Verde, QG Central da Gincana Municipal os casais: Koppitke e sra., Raul Blos e senhora, Marcos Maurer e sra., mais o Joelci e a Evanir. Quando por acaso, adentra no estabelecimento o poeta e compositor Glauco Saraiva e sua esposa. Ele estava de passagem e parou para fazer uma refeição. Foi convidado a compartilhar a mesa com os casais campobonenses. Papo vai, papo vem, foi revelado ao Glauco que o Prefeito Koppitke tinha a intenção de criar um festival nativista. Visto que era uma tarefa sempre aguardada com ansiedade pelas equipes, a composição de músicas. Glauco gostou da ideia e sugeriu o nome Acampamento da Canção Nativa, numa alusão a história dos tropeiros que aqui acampavam ao conduzir as tropas de gado dos campos de cima da serra até as charqueadas. Este é relato, de quem estava in loco, testemunhas oculares da história, como devem ser os bons jornalistas, Evanir e Joelci. Navio Feliz Amyr Klink em seus livros sobre as suas incontáveis viagens marítimas ao redor do globo fala dos navios felizes. Ele refere-se aqueles ambientes saudáveis, de cooperação todos trabalham imbuídos do mesmo objetivo, com pró-atividade. É o caso dos eventos gauchescos de Campo Bom. Um causo interessante ocorrido há poucos dias: Dois colegas estavam na lida bruta de proporcionar a infra necessária ao sucesso do evento. Toca o telefone no QG do rodeio é um deles. Que diálogo: - Fulana! Me passa correndo o Beltrano no telefone, rápido que é urgente! A Fulana atira o telefone pro Beltrano e diz: - Beltrano, pega o Cicrano aí que parece que deu problema! - Fala Cicrano! - Ô Beltrano tamo eu e o Tibúrcio aqui fazendo uma cerca... - Tu queres ajuda? - Não, quero que tu peças para o cara da rádio Rodeio tocar a música Cadela Baia do Mano Lima, para a gente trabalhar mais feliz! Este é o clima que impera no Parque do Trabalhador, durante esses dias. Um grande navio feliz. Bom rodeio a todos. Semana que vem tem mais! Marcos Riegel Jornalista

GERAL

2

O FATO DO VALE

Sexta-feira, 07 de março de 2014.

Notas & Comentários

Evanir Eloisa Martini Jornalista - Reg.Prof. 15.181

Uma frase para pensar: “É possível se gabar de qualquer coisa quando é a única que se tem. Quanto menos se tem, provavelmente, maior é a necessidade de se gabar.” José Alberto Farias

Atenção! Prova do concurso da EGR

A

Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos (FDRH) informa que a data provável da realização da Prova Objetiva do concurso público para a Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) passa a ser, dia 13 de abril. Os exames serão aplicados em Porto Alegre e as inscrições devem ser feitas até o dia 13 de março somente através do site da FDRH (http:// www.fdrh.rs.gov.br/). Serão 41 vagas efetivas mais cadastro reserva destinadas para o provimento imediato aos empregos de Analista de Sistemas, Engenheiro Civil, Engenheiro Civil Rodoviário, Engenheiro Ambiental, Técnico Eletrotécnico, Desenhista, Topógrafo, Laboratorista de Solos e Pavimentos e

Consepro colhe assinaturas O Consepro de Campo Bom está com uma tenda no Rodeio, colhendo assinaturas para a criação da 3ª Vara na Comarca de Campo Bom. Além deste objetivo, o local também serve para a integração de colaboradores do Consepro.

Presidente do Consepro Pedro Rogério e amigos confraternizam

Aniversário no Rodeio

Aproveitamos para parabenizar Daniel da Celeiro, que neste mês comemora mais um aniversário. Mas lembrando que vamos participar desta festividade durante dois finais de semana, pois é aniver para ninguém colocar defeito!

Assistente Administrativo, para as localidades de Porto Alegre e praças de pedágio de Coxilha, Cruzeiro do Sul, Encantado, Flores da Cunha, Gramado, Portão, Santo Antônio da Patrulha, São Francisco de Paula, Três Coroas, Venâncio Aires e Viamão. Os salários variam de R$ 1.713,19 a R$ 6.206,15. Os valores das taxas de inscrição para os empregos de nível superior são de R$ R$ 145,21, e para os empregos de nível médio/técnico de R$ 63,69.

Hospital Regional: “Somos parceiros” Quando suplente de vereador em 2011, Jair Wingert desencadeou uma campanha onde coletou 10 mil assinaturas nos bairros, nas empresas,igrejas, associações de bairro no sentido de que o governo do Estado desencadeasse um projeto para a construção de um Hospital Regional construído junto a RS 239, beneficiando o Vale do Sinos em termos de logística. “Nós estivemos pelos bairros de Campo Bom, no centro da cidade, nas empresas e coletamos 10 assinaturas e entregamos ao vice-governador, Dr. Beto Grill em 29 de novembro de 2011. Entendemos que para desafogar a Capital e acabar com a BR Terapia, somente hospitais regionais, equipados e com capacidade técnica de alta complexidade”, observa Wingert que segue sua analise. “Este Hospital deverá ser construído pelo Estado junto a RS 239 entre Campo Bom e Nova Hartz facilitando a logística da região e os municípios formariam um grande consórcio, resolvendo quase que a totalidade dos problemas da saúde, mas para isso é preciso vontade política”, observa Wingert.

“Nós estávamos certos, o caminho é o Hospital Regional e na RS 239” O vereador Jair Wingert ficou empolgado com o discurso do prefeito Faisal Karam na quarta-feira (26.02), na sessão da Câmara de Vereadores que homenageou o ex-prefeito Evaldo Dreger, por ocasião o prefeito Faisal que agora é presidente da Associação dos Municipios do Vale do Rio dos Sinos – AMVRS, destacou que é importante que as comunidades se mobilizem na votação do Orçamento do Estado no sentido de garantir verbas para a construção deste Hospital Regional. O prefeito ressaltou a importância do apoio dos deputados da região citando o deputado Fixinha (PP) que estava presente na cerimônia, bem como, enfatizou a mobilização dos prefeitos e vereadores dos municípios. O prefeito na condição de presidente da AMVRS defende este tema como importante para a saúde da região. O vereador Jair Wingert reafirmou que é parceiro nesta luta “Fico feliz por saber que a nossa batalha não foi em vão. Estávamos no caminho certo. O prefeito Faisal pode contar com nossa mobilização e com o apoio do PSB e do gabinete deste vereador. A saúde não pode esperar. A saúde deve ser padrão Fifa e a construção de um Hospital Regional atenderá a demanda da região e vai desafogar os Hospitais de Porto Alegre. Temos que mobilizar a população da região, mas sobretudo de Campo Bom para votarmos esta demanda, aliás, votar e ganhar”, finaliza Wingert.

Sessão Extraordinária

Momento de confraternização, com a presença do vice-prefeito Marcos e secretária Ieda, equipe da Celeiro e amigos

O FATOVALE do

Fundado em 20/06/1975

Circula às sextas-feiras em Campo Bom, Sapiranga, Araricá, Nova Hartz e Dois Irmãos.

Diretor Editor | Joelci Luiz Mello (Reg. Prof. 4465) Diretora Comercial | Evanir Eloisa Martini Criação e Produção Gráfica | Rosiane Mello Assistente de Produção | Mariane Mello

Filiado à

CNPJ: 72.560.014/0001-70

SEDE: C. Bom - R. Lima e Silva, 29 - Sl 03 - Centro - 3598.6411 Sapiranga - R. São Pedro, 399 - Centro - 3559.5411 e-mail: jornal.js@netwizard.com.br | site: www.jornaljs.com.br As colunas assinadas são de inteira responsabilidade dos autores e não representam necessariamente a opinião do jornal. Também não representam vínculo empregatício com a empresa.

A Câmara Municipal de Vereadores de Campo Bom, realizou sessão extraordinária na quarta-feira, dia 05 de março, às 13 horas. Na ocasião foi votado o Projeto de Lei 013/2014, do Poder Executivo, que autoriza a participação no Fórum de Parceiros na Aprendizagem. Projeto foi aprovado pelos vereadores.


GERAL

O FATO DO VALE

Sexta-feira, 07 de março de 2014.

3

Parque do Trabalhador é palco do nativismo

D

e quinta-feira até domingo, o Parque do Trabalhador transpirou a tradição da música e da poesia gaúcha, com a realização do Acampamentinho, do Bivaque e do Acampamento da Canção Nativa. Os festivais, iniciaram na quinta-feira, com a novidade do Acampamentinho da Canção, que foi um sucesso, resgatando as músicas do Acampamento. Na categoria Piazito, idade de 5 a 12 anos, a vencedora foi Isabelle Jung Mottini, de Porto Alegre, e na Piá, idade de 13 a 17 anos, o vencedor foi Gustavo da Silva, de Esteio. 12º Bivaque da Poesia A classificação das poesias do 12º Bivaque da Poesia Gaúcha, teve como vencedor a poesia “Coplas Pra Uma Vida Enforquilhada”. Autores Cristiano Ferreira Pereira (Porto Alegre) e Cláudio Silveira (Santana do Livramento). Em segundo lugar, “O Vinho Tinto da Dor”, de autoria de Joseti Gomes (Gravataí) e em terceiro lugar, “Quando Um Domina o Outro”, de Maximiliano Alves de Moraes (Alegrete).

13º Acampamento da Canção Nativa A grande vencedora do 13º Acampamento da Canção Nativa, é uma milonga com letra e música de Rodrigo Morales (Porto Alegre), intitulada “Ao Sul do Meu Rincão”. O segundo lugar é uma Chamarra, “Meu Nome Não Vale Nada”, com letra de Diego Muller (Canoas), Leonardo Borges (San-

Foto: Divulgação/PMCB

tana do Livramento) e música de Esequiel Oliveira (Glorinha). Na terceira colocação ficou a música “Patroinha”, uma Chamarra com letra de Francisco Brasil (Bagé) e música de Filipe Calvete Corso (Canoas). Os jurados tiveram muito trabalho para escolher as vencedoras, pois todas eram obras de destaque musical e literário. Mas a competente comissão julgadora foi composta por Loresoni Barbosa, Valdir Verona, Rogério Villagran, Pirisca Grecco e Marcelo Oliveira e Valdemar Camargo, que destacaram que o festival em Campo Bom vem se consolidando como um dos maiores do Estado do RS. Declamador O melhor intérprete do Bivaque da Poesia Gaúcha, foi o declamador, trovador e pajador Jadir Oliveira de Portão. Em segundo lugar como declamador ficou Paulo R. dos Santos e terceiro, Romeu Weber.

Amadrinhador Como primeiro colocado, Cláudio Silveira; segundo, Marcos Moraes e Bernardo Dahmer; e na terceira colocação Raul Quiroga. Melhor interprete do Acampamento da Canção Nativa foi Gustavo Padilha. Melhor Instrumentista, Marcio Rosado. Música Mais Popular, “Ferraduras”, com letra de João Stimamilio (Porto Alegre e música de Érlon Péricles (Porto Alegre). Melhor Melodia, “Sueñero Sur (Rasquido), com letra

Os premiados no 13º Acampamento

de Roberto Borges (Pelotas) e música de Roberto Borges e Cristian Camargo (Pelotas). Melhor Letra, “Manuscrito”, uma milonga com letra e música de Cláudio Silveira (Santana do Livramento). No domingo aconteceu a reapresentação dos vencedores do Bivaque e do Acampamento, momento que foi marcado pela emoção dos participantes e dos organizadores. Em nome dos organizadores fez uso da palavra Henrique Sholtz, que agradeceu a todos que inscreveram seus trabalhos no Bivaque da Poesia e no Acampamento da

Canção Nativa, sendo realizado em Campo Bom, um trabalho em formato diferenciado dos outros festivais. O vice-prefeito Marcos Riegel, falou em nome do governo municipal, que enalteceu a qualidade dos trabalhos apresentados. “Evento tem aspecto social, com envolvimento das entidades, CTGs do município, que tem retorno nos valores arrecadados para aplicar em suas ações sociais”, explica Riegel. Para encerrar a programação aconteceu o baile com o Grupo Minuano, que animou o fandango até amanhecer.

FOTOS: Evanir Martini / O FATO

Vice-prefeito Marcos Riegel destaca o apoio do voluntariado

Henrique Sholtz fala da importância do evento para Campo Bom

Os argentinos fizeram um belo show, demonstrando muito habilidade com os instrumentos musicais, no final foram aplaudidos de pé pelo público

O show da noite de domingo foi com La Sureña, excelentes músicos vindos da Patagônia, região Sul da Argentina. No final do show ganharam uma flâmula do município de Campo Bom, das mãos do vice prefeito, Marcos Riegel. Também presentearam Marcos com um ponche, Henrique com um sombrero(chapéu) entre outras lembranças deixadas aos novos amigos campo-bonenses


GERAL

4

Sexta-feira, 07 de março de 2014.

O FATO DO VALE

Comissão de Segurança da Assembleia aprova audência pública em Campo Bom

Contribuição Assistencial vence na próxima segunda Empresas do comércio varejista de Novo Hamburgo, Campo Bom, Sapiranga, Araricá e Nova Hartz devem ficar atentas para o vencimento da Contribuição Assistencial, no dia 10 de março, segunda-feira que vem. Os boletos já foram distribuídos. Quem não recebeu, pode imprimir a segunda via direto do site da entidade, em www.sindilojasnh.com.br. O valor a ser recolhido por cada empresa é de 4,2% sobre a folha de pagamento. A contribuição mínima é de R$ 45,00, para quem não tem funcionários. Contatos: 3524-5555.

Sindilojas terá curso com Daniel Müller O Sindilojas Novo Hamburgo está com as inscrições abertas para o curso Atendendo Cada Vez Melhor, com Daniel Müller. As aulas serão realizadas nos dias 25 e 26 de março e as vagas são limitadas. Entre os benefícios oferecidos estão: construir maior coragem e autoconfiança; conquistar e fidelizar clientes através das relações humanas; vender mais e melhor através dos cinco passos; vencer objeções sem causar ressentimentos; ser mais persuasivo, através da comunicação eficaz. Atendendo Cada Vez Melhor será realizado no Centro de Eventos do Sindilojas (Rua Canela, 297, bairro Ouro Branco, em Novo Hamburgo). O investimento é de R$ 290,00 para associados e R$ 390,00 para não-sócios da entidade. Inscrições e informações pelo telefone 3524-5555, ou e-mail comercial@sindilojasnh.com.br.

Entidade emite Certificados Digitais Validação de transação eletrônica, emissão da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) e Conectividade Caixa são apenas alguns procedimentos que exigem a Certificação Digital. O documento possibilita comprovar a identidade de uma pessoa física ou jurídica, bem como permite a assinatura digital de qualquer documento. Em Novo Hamburgo, o Sindicato do Comércio Varejista (Sindilojas) foi o primeiro na emissão deste documento, tendo iniciado as atividades em dezembro de 2009. Além de certificados novos, o Sindilojas também trabalha com a renovação dos modelos A-1 (para um ano de validade) e A-3 (três anos) das certificadoras Serasa e SafeWeb.

Conheça o nosso Centro de Eventos Em área central de Novo Hamburgo, o Sindilojas-NH tem seu Centro de Eventos, um local especial para receber reuniões, workhops, seminários, palestras e festividades. Garanta antecipadamente seu espaço. O local é dotado de toda a infraestrutura, é o lugar certo para receber seus convidados e/ou colaboradores. As salas são todas climatizadas e o estacionamento é próprio. Ligue 3587-4455 e faça agora mesmo a sua reserva.

Câmara de Dirigentes Lojistas de Campo Bom – RS

Av. Independência, 362 – Conj. 103 Centro Campo Bom RS Fone: (51) 3597 1226 E-mail: cdlcampobom@cdlcampobom.com.br WebSite: www.cdlcampobom.com.br

A

Comissão de Segurança e Serviços Públicos da Assembleia Legislativa aprovou, durante reunião ordinária na quinta-feira (27), a realização de audiência pública para debater Segurança Pública em Campo Bom. O pedido de audiência foi apresentado pelo deputado Heitor Schuch (PSB) atendendo solicitação da CDL, do Consepro e do Sindicato dos Sapateiros de Campo Bom. Participaram da reunião os deputados Nelsinho Metalúrgico (PT), Nelson Härter (PMDB), Miriam Maroni (PT), Frederico Antunes (PP), Mano Changes (PP), Pedro Westphalen (PP), Marcelo Moraes (PTB), Ronaldo Santini (PTB), Heitor Schuch (PSB), Jorge Pozzobom (PSDB), João Fischer (PP) e Raul Carrion (PCdoB). A reivindicação se deve aos índices preocupantes de criminalidade no município, como consta nas estatísticas de governo e nas divulgações da imprensa. O ofício assinado pelos respectivos presidentes da CDL, Consepro e Sindicato dos Sapateiros, Omar Hoffmeister, Pedro Rogério Duarte e Vicente Selistre, salienta que Campo Bom consta como o quinto município em roubos de veículos e como o segundo colocado em furtos de veículos. Os proponentes da Audiência Pública também mencionam os apelos da comunidade, via imprensa local e regional e via redes sociais, clamando por mais segurança. A data da audiência pública em Campo Bom ainda não foi definida, mas deverão ser convidados o Secretário de Segurança Pública do Estado, o Comandante Geral da Brigada Militar, o Chefe de Polícia do Estado, o Ministério Público,

Omar Hoffmeister e Vicente Selistre mobilizados na busca de maior segurança para Campo Bom

o Tribunal de Justiça e outras entidades que a Comissão julgue importante convidar. Vicente Selistre acompanhou a votação do requerimento e conversou com o presidente da Comissão, deputado Nelsinho Metalúrgico (PT), e demais integrantes, pedindo que agilizem a data da audiência. “Nosso município apresentou o triste quinto lugar em roubos de carro no Estado e o segundo em furtos. Logo que definida a data será nossa responsabilidade mobilizar as entidades e a cidadania para participar, relatar da angústia, o sofrimento e a desesperança por qual passamos e pedir urgentes providências perante os deputados e as autoridades”, observa Vicente Selistre.

QG do Gamer agora conta com assistência técnica especializada

A

QG do Gamer apresenta uma grande novidade para seus clientes e comunidade, estará a partir de agora oferecendo serviços de assistência técnica especializada própria. Atendendo não somente toda a linha de videogames atuais, mas também aparelhos antigos e ainda Notebooks e Tablets. Para tamanha responsabilidade a empresa terá o profissional Marcos Macedo (Marcão) oriundo de São Paulo capital, com mais de 25 anos de experiência na área de consertos, e já trabalhou em grande empresas como: PHILIPS, ITAUTEC, TEC TOY. Este paulista, que já é quase Gaúcho já trabalhou na região por 6 anos, realizando serviços de assistência e formando e treinando equipes para grandes lojas da região. Recentemente, Marcão buscou ampliar ainda mais seus conhecimentos, e ficou um ano em São Paulo se qualificando. Os proprietários do QG do Gamer afirmam estar muitos felizes em poder oferecer este serviço na cidade de Campo Bom, sabendo que todos os clientes da QG do Gamer vão estar muito bem servi-

Marcos Macedo aguarda por você na QG do Gamer

dos com um profissional gabaritado de mão cheia e extremamente competente. Orçamento de forma segura Se você está com seu equipamento com defeito em casa você não precisa mais se preocupar, nem levar para outras cidades ou esperar dias e mais dias para ter uma avaliação, faça seu orçamento de forma segura, rápida e sem custo na QG do Gamer em Campo Bom. O endereço é Av. Presidente Vargas, 65 - sala 102, centro de Campo Bom.


O FATO DO VALE

GERAL

Sexta-feira, 07 de março de 2014.

5

Caminhão derruba sinaleira e poste na Avenida Brasil

U

m grave aciFoto: Joelci Mello / O Fato dente, que poderia ter mais consequências, aconteceu na manhã de segunda-feira, por volta das 8h30min, na Avenida Brasil, esquina com Adriano Dias. No local, um caminhão placas de São Leopoldo, com excesso de altura, trafegava no sentido Centro-Novo Hamburgo, quando atingiu a sinaleira e na sequência derrubou a estrutura do semáforo e um poste de concreto da AES Sul. Os fios de alta tensão cairam no leito da Avenida Brasil, interrompendo o trânsito na via. O acidente poderia ter consequências trágicas Equipes trabalharam para realizar o conserto caso houvesse no local tráfego normal de um dia de semana. Porém, como era uma da Conecta (prestadora de serviços da AES Sul), equisegunda-feira de carnaval, não havia veículos parados pe da Prefeitura, Guarda Municipal de Trânsito, GVT e aguardando a liberação do sinal, caso contrário, o poste Oi. O trânsito no local ficou interrompido durante toda e os fios energizados cairiam sobre os veículos. a segunda-feira, permanecendo parcialmente bloqueado A recuperação do local começou logo após o aciden- no sentido Adriano Dias/Av. Brasil e Rua Cerino Feltes/ te, sendo que o trabalho foi realizado por dois caminhões Av. Brasil.

Valetec comemora resultados obtidos através do Sebraetec

Associação teve 36 projetos aprovados nas áreas que envolvem o setor de tecnologia.

A Associação de Desenvolvimento Tecnológico do Vale (Valetec) obteve bons resultados gerados em sua parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio as Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), através da execução do Sebraetec. O projeto viabiliza a execução de consultorias para as empresas que desejam ampliar seus negócios, apresentando soluções tecnológicas específicas para cada empreendimento. O programa auxilia em soluções para os segmentos de design de produto, design gráfico, design de ambientes, aperfeiçoamento de processos e produtos, sustentabilidade ambiental e eficiência energética. A Valetec iniciou as atividades do Sebraetec em setembro de 2013, com 12 consultores. O Sebrae subsidia 80% do valor do projeto, e 20% do investimento fica por conta da empresa participante. Nos primeiros quatro meses, foram 36 trabalhos aprovados, totalizando um investimento de R$ 183 mil. Entre os trabalhos contratados, são três de design de ambientes, oito de design gráfico, 11 de aperfeiçoamento de

processos e produtos, e 14 de desenvolvimento web. Para o ano de 2014, novas regras foram adotadas para participar do Sebraetec. Cada micro e pequena empresa poderá realizar um projeto por ano, com valor total de R$ 15 mil. A intenção da Valetec é de que, a partir da parceria com o Sebrae, seja possível fomentar o desenvolvimento econômico da região. Isso contribuirá para que as micro e pequenas empresas tenham acesso a soluções tecnológicas desenvolvidas por empresas associadas ao Parque Tecnológico do Vale dos Sinos, e que possam oferecer serviços inovadores e de qualidade para a melhoria dos processos e produtos, reforçando as marcas e a identidade das micro e pequenas empresas em seus mercados de atuação. VALETEC A Valetec promove o desenvolvimento tecnológico da região, incentivando projetos na área de inovação. É apoiada pela Universidade Feevale e prefeituras de Campo Bom, Estância Velha e Novo Hamburgo, e conta com parceria da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Campo Bom, Novo Hamburgo e Estância Velha (ACI-NH/CB/EV). Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (51) 3597.5805 ou no site www.valetec.org.br.

Anuncie no Jornal O Fato do Vale e divulgue sua empresa na região. Solicite orçamento: 3598.6411

Araricá - Campo Bom - Nova Hartz - Sapiranga

Contribuição Assistencial vence na próxima segunda

Empresas do comércio varejista de Novo Hamburgo, Campo Bom, Sapiranga, Araricá e Nova Hartz devem ficar atentas para o vencimento da Contribuição Assistencial, no dia 10 de março, segunda-feira que vem. Os boletos já foram distribuídos. Quem não recebeu, pode imprimir a segunda via direto do site da entidade, em www.sindilojasnh.com.br. O valor a ser recolhido por cada empresa é de 4,2% sobre a folha de pagamento. A contribuição mínima é de R$ 45,00, para quem não tem funcionários. Contatos: 3524-5555.

Sindilojas terá curso com Daniel Müller

O Sindilojas Novo Hamburgo está com as inscrições abertas para o curso Atendendo Cada Vez Melhor, com Daniel Müller. As aulas serão realizadas nos dias 25 e 26 de março e as vagas são limitadas. Entre os benefícios oferecidos estão: construir maior coragem e autoconfiança; conquistar e fidelizar clientes através das relações humanas; vender mais e melhor através dos cinco passos; vencer objeções sem causar ressentimentos; ser mais persuasivo, através da comunicação eficaz. Atendendo Cada Vez Melhor será realizado no Centro de Eventos do Sindilojas (Rua Canela, 297, bairro Ouro Branco, em Novo Hamburgo). O investimento é de R$ 290,00 para associados e R$ 390,00 para não-sócios da entidade. Inscrições e informações pelo telefone 3524-5555, ou e-mail comercial@ sindilojasnh.com.br.

Entidade emite Certificados Digitais

Validação de transação eletrônica, emissão da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) e Conectividade Caixa são apenas alguns procedimentos que exigem a Certificação Digital. O documento possibilita comprovar a identidade de uma pessoa física ou jurídica, bem como permite a assinatura digital de qualquer documento. Em Novo Hamburgo, o Sindicato do Comércio Varejista (Sindilojas) foi o primeiro na emissão deste documento, tendo iniciado as atividades em dezembro de 2009. Além de certificados novos, o Sindilojas também trabalha com a renovação dos modelos A-1 (para um ano de validade) e A-3 (três anos) das certificadoras Serasa e SafeWeb.

Conheça o nosso Centro de Eventos

Em área central de Novo Hamburgo, o Sindilojas-NH tem seu Centro de Eventos, um local especial para receber reuniões, workhops, seminários, palestras e festividades. Garanta antecipadamente seu espaço. O local é dotado de toda a infraestrutura, é o lugar certo para receber seus convidados e/ou colaboradores. As salas são todas climatizadas e o estacionamento é próprio. Ligue 3587-4455 e faça agora mesmo a sua reserva. FALE CONOSCO: Fone: (51) 3524-5555 E-mail: sindilojas@sindilojasnh.com.br www.sindilojsanh.com.br


6

GERAL

Sexta-feira, 07 de março de 2014.

O FATO DO VALE

8 de março dia Internacional da Mulher

T

odos sabem que o preconceito é um marco presente na vida da humanidade e a mulher não ficou de fora, em razão dele sofreu grandes perdas. Ao longo da história, as mulheres estiveram sempre subjugadas às vontades dos homens, a trabalhar como serviçais, sem receber nada pelo seu trabalho ou então ganhavam um salário injusto, que não dava para sustentar sua família. Em razão desses e tantos outros modos de discriminação, as mulheres se uniram para buscar maior respeito aos seus direitos, ao seu trabalho e à sua vida. A discriminação era tão grande e séria que chegou ao ponto de operárias de uma fábrica têxtil serem queimadas vivas, presas à fábrica em que trabalhavam em Nova Iorque após uma manifestação onde reivindicavam melhores condições de trabalho, diminuição da carga horária de 16 para 10 horas diárias, salários iguais aos dos homens – que chegavam a ganhar três vezes mais no exercício da mesma função. Porém, em 8 de março de 1910, aconteceu na Dinamarca uma conferência internacional feminina, onde assuntos de interesse das mulheres foram discutidos, além de decidirem que a data seria uma homenagem àquelas mortas carbonizadas. No governo do presidente Getúlio Vargas as coisas no Brasil tomaram outro rumo. Com a reforma da constituição, acontecida em 1932, as mulheres brasileiras ganharam os mesmos direitos trabalhistas que os homens, conquistaram o direito ao voto e a cargos políticos do executivo e do legislativo. Ainda em nosso país, há poucos anos, foi aprovada a Lei Maria da Penha, como resul-

tado da grande luta pelos direitos da mulher, garantindo bons tratos dentro de casa, para que não sejam mais espancadas por seus companheiros ou que sirvam como escravas sexuais deles. Mas a mulher não desiste de lutar pelo seu crescimento, o dia 8 de março não é apenas marcado como uma data comemorativa, mas um dia para se firmarem discussões que visem à diminuição do preconceito, onde são discutidos assuntos que tratam da importância do papel da mulher diante da sociedade, trazendo sua importância para uma vida mais justa em todo o mundo.

Objetivo da Data Ao ser criada esta data, não se pretendia apenas comemorar. Na maioria dos países, realizam-se conferências, debates e reuniões cujo objetivo é discutir o papel da mulher na sociedade atual. O esforço é para tentar diminuir e, quem sabe um dia terminar, com o preconceito e a desvalorização da mulher. Mesmo com todos os avanços, elas ainda sofrem, em muitos locais, com salários baixos, violência masculina, jornada excessiva de trabalho e desvantagens na carreira profissional. Muito foi conquistado, mas muito ainda há para ser modificado nesta história. Conquistas das Mulheres Brasileiras Podemos dizer que o dia 24 de fevereiro de 1932 quando Getulio Vargas foi nosso presidente foi um marco na história da mulher brasileira. Nesta data foi instituído o voto feminino. As mulheres conquistavam, depois de muitos anos de reivindicações e discussões, o direito de votar e serem eleitas para cargos no executivo e legislativo. O dia 8 de março é um marco na luta pelos direitos das mulheres ao redor do mundo. Se fosse possível retroceder no tempo e contar para um cidadão do começo do século 20 que as mulheres, hoje, votam, tem média de escolaridade maior que a dos homens, governam países e estão inseridas amplamente no mercado de trabalho, talvez o sujeito não acreditasse no relato. No entanto, ainda há muito que avançar para se alcançar a igualdade de direitos entre homens e mulheres. Os dados sobre a opressão sofrida pelas mulheres é assustador. Segundo pesquisa realizada no ano 2000 pela Comission on the Status of Women da ONU, uma em cada três mulheres no mundo já foi espancada ou violentada sexualmente. Os números no Brasil também são alarmantes. A cada cinco minutos, uma mulher é agredida no país. Em cerca de

70% dos casos, quem agride é o marido ou namorado, de acordo com relatório do Ministério da Justiça de 2012.

Violência doméstica: a luta continua Maria da Penha alterou a constituição e continua a brigar contra agressões por meio do Instituto que leva seu nome. Sua história serve de inspiração para aquelas que lutam contra a violência doméstica. Era maio de 1984 quando Maria acordou com um sobressalto. Logo foi tomada por uma dor aguda na região das costas. Tentou se movimentar, não pode. A conclusão foi imediata: estava morta. Depois de sucessivas agressões, que se tornaram rotina em seu casamento, o marido tinha enfim conseguido matá-la. Por muito pouco, Maria não estava certa. O tiro desferido pelo marido, um colombiano que conhecera na universidade, atingiu sua coluna vertebral, o que a deixou paraplégica. Depois daquele dia, Maria não mais movimentaria suas pernas, todavia iria mexer com o destino de milhares de mulheres e alterar inclusive a constituição brasileira. Maria da Penha Maia Fernandes teve a confirmação de que o autor do disparo era Marco Antonio Heredia Viveros, o homem com quem se casara, apenas um ano depois. Foi o começo de uma longa luta. Antes de sofrer a fatídica tentativa de homicídio, a biofarmacêutica natural de Fortaleza, capital cearense, já havia suportado inúmeras agressões por parte do marido. Além dos ataques físicos, ela era vítima de uma forte pressão psicológica dentro de sua própria casa. No dia 29 de maio, Marco alegou que a esposa havia sido vítima de um assalto. O caso permaneceu estagnado na Justiça brasileira por 19 anos. Depois de muito tempo, Marco foi condenado a oito anos em regime fechado. Ficou preso por dois e libertado em 2002. Hoje permanece em liberdade. Na época, a violência doméstica sempre fora tratada como uma questão privada, que não deveria sair do âmbito familiar. Mas este episódio iria se tornar mais que um caso da Justiça brasileira, pois nenhuma medida foi tomada contra o agressor. O caso foi enquadrado como uma violação dos direitos humanos e enviado à Comissão Interamericana dos Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA). A pressão internacional sobre o governo brasileiro provocou uma mudança nas políticas públicas, que deixaram de tratar com negligência os casos de violência contra a mulher. A grande conquista legal, no entanto, somente foi obtida em 2006, quando o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou a Lei Maria da Penha, em vigor desde o dia 22 de setembro daquele ano. A demanda por uma ação legal que coibisse a violência doméstica era tamanha, que o primeiro agressor enquadrado na lei foi preso no dia seguinte em que ela entrou em vigor. História de luta de Maria da Penha alterou os rumos da lei brasileira Um novo início –“A vida começa quando a violência acaba”. Esta é uma frase de Maria da Penha, que recomeçou sua vida motivada por uma luta, que deixou de ser pessoal. Milhares de mulheres enfrentam situações parecidas nos dias de hoje. O problema não foi solucionado, porém minimizado, pois ao menos as mulheres têm uma lei para qual po-

dem recorrer. As delegacias especializadas também são um avanço, embora o medo ainda seja uma barreira difícil de ser superada. As mulheres temem pela reação dos companheiros com a denúncia, e muitas vezes optam por esconder os fatos, disfarçar os hematomas e continuar sujeitas às condições de maus tratos físicos e psicológicos. O problema deve ser superado baseado no exemplo de coragem de Maria da Penha, que enfrentou a situação na época sem o resguardo da lei. No entanto, outra questão inibe a denúncia ao agressor: a imagem diante da sociedade. As bases estão no preconceito, que impedem uma resolução do caso em virtude da imagem negativa que será transmitida à sociedade. O problema não é novo. “Pelo entendimento da cultura machista, no momento em que uma mulher sofre violência doméstica e é assassinada, alguma coisa ela fez para merecer aquilo”, comenta Penha. Para combater a violência conta a mulher foi criado o Disque-denúncia Nacional de Violência contra a Mulher A Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180 – funciona 24 horas por dia, de segunda à domingo, inclusive feriados. A ligação é gratuita e o atendimento é de âmbito nacional. Atendimento qualificado – A Central funciona com atendentes capacitadas em questões de gênero, nas políticas do Governo Federal para as mulheres, nas orientações sobre o enfrentamento à violência contra a mulher e, principalmente, na forma de receber a denúncia e acolher as mulheres. Utilizam um banco de dados com mais de 260 perguntas e respostas elaboradas com base nas informações disponíveis na Secretaria Especial de Políticas para Mulheres (SPM) e em todas as denúncias já recebidas por sua Ouvidoria. A capacitação das atendentes foi desenvolvida em parceria com o Instituto Patrícia Galvão, de São Paulo. A criação da Central atende a uma antiga demanda dos movimentos feministas e de mulheres e de todos aqueles que atuam no contexto de mulheres em situação de violência. Além de encaminhar os casos para os serviços especializados, a Central fornecerá orientações e alternativas para que a mulher se proteja do agressor. Ela será informada sobre seus direitos legais, os tipos de estabelecimentos que poderá procurar, conforme o caso, dentre eles as delegacias de atendimento especializado à mulher, defensorias públicas, postos de saúde, instituto médico legal para casos de estupro, centros de referência, casas abrigo e outros mecanismos de promoção de defesa de direitos da mulher. As beneficiárias diretas desse serviço serão as mulheres, mas o enfrentamento à violência contra a mulher repercute positivamente sobre toda a sociedade. Com a Central de Atendimento, todas as mulheres poderão receber atenção adequada quando em situação de violência, sem nenhuma exposição, pois o sigilo é absoluto e a identificação será opcional. Mas não só as mulheres que podem acionar os serviços. Homens que queiram fazer denúncias de casos de violência contra a mulher serão bem acolhidos. A Central de Atendimento à Mulher é uma parceria da Secretaria Especial de Políticas para Mulheres (SPM) e as empresas Embratel, Eletronorte, Eletrobrás, Furnas e do Disque Denúncia do Rio de Janeiro.


GERAL

8

O FATO DO VALE

Sexta-feira, 07 de março de 2014.

O Fato: Educação

Qualidade de educação: direito universal do acesso

Escola para todos é o discurso mais propalado pelo Estado. O direito de ter acesso à escola, quando absorvido pelo Estado-Nação incorporou o discurso liberal, que na atualidade associa-se a gestão democrática. Esta semana, compartilho a discussão da temática da coluna com a colega Itaara, que além de colega no curso de doutorado, integra um dos grupos de pesquisas que estou vinculado: História, política e gestão da escola básica. A educação como um direito agrega a discussão sobre o processo de ampliação do acesso à escola. Nesta esteira, observa-se a frequente discussão que associa um declínio qualitativo no atendimento educacional quando este passa a incorporar uma parcela da sociedade que outrora estava excluída do processo educativo. Ocorre que, os que nostalgicamente conferem alguma excelência ao modelo de atendimento escolar anterior, muito provavelmente desconsideram que o direito à educação também é, como os demais direitos, o resultado de lutas históricas. Nesse sentido, é possível compreender esse fenômeno a partir do estudo desenvolvido por patamares postos em três gerações, semelhante às especificidades dos direitos da humanidade. A pesquisadora Carlota Boto assim define essas três gerações: a primeira seria aquela que considera o momento em que todos adquirem a possibilidade de acesso à escola pública; a segunda seria aquela caracterizada pelo salto qualitativo do ponto de vista do direito ao acesso, momento histórico que passa a contemplar, pouco a pouco, o atendimento a padrões de exigência voltados para a busca de maior qualidade do ensino e a última se refere à fase de consagração dos direitos de escola, quando os currículos e orientações políticas passam a representar atendimento que contempla justiça distributiva, ou seja, atendimento aos grupos sociais reconhecidamente com maior dificuldade para participar desse direito subjetivo universal. A educação como um direito de terceira geração responde à emergência do debate contemporâneo relativo à diversidade dos seres humanos e evidencia a necessidade de se questionar sobre as estratégias de governo construídas com o intuito de, ampliado o acesso à educação, garantir que independente da idade que os sujeitos ingressem na escola, possam usufruir de condições que possibilitem o sucesso na aprendizagem, assegurando uma educação de qualidade. Ao considerar a ampliação do acesso ao ensino regular obrigatório, destaca-se dentre as diferentes situações: a preocupação com as condições de permanência e aprendizagem significativa dos alunos. Apontamos que a aprendizagem perpassa as dimensões da organização do trabalho escolar, incluindo as condições de trabalho, a gestão da escola, a análise e articulação do currículo, a formação docente inicial e continuada. Falar de qualidade na educação ainda que se caracterize, a grosso modo, ponto de convergência entre os diferentes atores que compõem o cenário das políticas públicas, quando analisada demonstra uma gama de percepções diferenciadas e por vezes, conflitantes. Assim, frente à difusão da política de “accountability” que, de um modo amplo, corresponde à “prestação de contas” dos atores envolvidos no sistema educacional diante do desempenho atingido e demonstrado através da comparação entre as instituições, o que se observa é uma crescente imputação de responsabilidade única aos docentes pelos parcos índices apontados nas avaliações de larga escala. Cabe, neste contexto, uma maior atenção da comunidade escolar a estes dados. Pois, não negando a necessidade das avaliações, convém ressaltarmos que a “accountability” tende a não levar em consideração os desníveis socioeconômicos e a própria construção cognitiva prévia dos alunos. Além disso, destacamos que a vida cotidiana das escolas é um espaço complexo, onde as condições materiais e subjetivas refletem em outras lógicas e práticas, por vezes distintas, dos planejamentos de gabinete. José Edimar de Souza Professor, Doutorando em Educação e-mail: profedimar@gmail.com Itaara Gomes Pires Professora, Doutoranda em Educação e-mail: itaarapires@gmail.com

Baile da terceira idade animou o Parque Municipal do Trabalhador À tarde de quarta-feira, 5, foi mais dançante para dezenas de pessoas que participaram do baile da Terceira Idade, evento realizado anualmente durante os eventos tradicionalistas de Campo Bom. A festa que ocorreu no Centro de Convivência da Terceira Idade, no Parque Municipal do Trabalhador, contou com a animação de Rafael Banda Show que com músicas gauchescas, populares e até mesmo de bandinhas alemãs, fez com que o povo tirasse o pé do chão. Pensado especialmente para o entretenimento das pessoas que estão na melhor idade, o evento contou com a presença diversos grupos da terceira idade do município e região. O Baile da Terceira idade é um evento tradicional que ocorre no PMT como parte da programação dos eventos tradicionalistas do Acampamento da Canção Nativa, Bivaque da Poesia Gaúcha, Acampamentinho da Canção Nativa e Rodeio Nacional de Campo Bom e que se iniciaram dia 28, seguindo até o próximo domingo, sempre com vasta programação que pode ser conferida no site da prefeitura e nas redes sociais.

Tarde de quarta-feira, dia 05, foi animada

SINOPSE

SALA BARBARA PAZ -01

OPERACÃO SOMBRA

(23301) PARAMOUNT 105 min. 14 ANOS – SCOPE - DUBLADO

sex 07/03/2014................. 20:30 sab 08/03/2014................. 20:30 dom 09/03/2014............... 20:30 qua 12/03/2014................ 20:30 qui 13/03/2014.................. 20:30

FROZEN: UMA AVENTURA CONGELANTE (28075) DISNEY 108 min. LIVRE Scope Dublado

sex 07/03/2014..................18:30 sab 08/03/2014..................15:10................18:30 dom 09/03/2014................15:10................18:30 qua 12/03/2014.................15:10................18:30 qui 13/03/2014...................15:10................18:30

SALA ALFREDO BLOS-02

FRANKENSTEIN - ENTRE ANJOS E DEMÔNIOS (6278) PLAYARTE 92 min. 12 ANOS Scope Dublado

sex 07/03/2014.................................. 18:30...........20:30 sab 08/03/2014............... 15:10.......... 18:30...........20:30 dom 09/03/2014............. 15:10.......... 18:30...........20:30 qua 12/03/2014.............. 15:10.......... 18:30...........20:30 qui 13/03/2014................ 15:10.......... 18:30...........20:30

OPERAÇÃO SOMBRA - Jack Ryan (Chris Pine) estudava em Londres quando o World Trade Center desabou devido a um ataque terrorista ocorrido em 11 de setembro de 2001. Servindo o exército amercano, ele participa da Guerra do Afeganistão e lá sofre um sério acidente na coluna. Durante a recuperação no hospital ele conhece a doutora Cathy (Keira Knightley), por quem se apaixona. É neste período que ele recebe a visita de Thomas Harper (Kevin Cosnter), que trabalha para a CIA e recomenda que Ryan retorne ao doutorado em economia. Ele segue o conselho e, a partir de então, passa a trabalhar às escondidas para a CIA, sem que nem mesmo Cathy saiba. Em meio às investigações, Jack descobre um complô orquestrado na Rússia, que pode instalar o caos financeiro nos Estados Unidos. Com isso, ele viaja a Moscou com o objetivo de investigar Viktor Cheverin (Kenneth Branagh), o líder da operação. FROZEN - A caçula Anna (Kristen Bell/Gabi Porto) adora sua irmã Elsa (Idina Menzel/Taryn Szpilman), mas um acidente envolvendo os poderes especiais da mais velha, durante a infância, fez com que os pais as mativessem afastadas. Após a morte deles, as duas cresceram isoladas no castelo da família, até o dia em que Elsa deveria assumir o reinado de Arendell. Com o reencontro das duas, um novo acidente acontece e ela decide partir para sempre e se isolar do mundo, deixando todos para trás e provocando o congelamento do reino. É quando Anna decide se aventurar pelas montanhas de gelo para encontrar a irmã e acabar com o frio.

FRANKENSTEIN - O monstro (Aaron Eckhart) criado pelo cientista Victor Frankenstein (Aden Young) foi o primeiro ser nascido pelas mãos do homem. Entretanto, pouco após a criação o monstro foi abandonado para ser morto. Revoltado, ele retorna e se vinga do criador, matando sua esposa. O dr. Frankenstein parte em sua busca, mas acaba morrendo durante a perseguição. Ao retornar à sua cidade natal para enterrar seu criador, o monstro é atacado por demônios, que desejam capturá-lo. Ele é salvo por gárgulas, que o levam até o local onde vivem: a catedral de Notre Dame. Após ser nomeado como Adam pela líder das gárgulas, Eleonore (Miranda Otto), ele resolve ir embora e seguir sua vida. Porém, 200 anos depois, ele descobre o porquê dos demônios estarem tão interessados em capturá-lo.

VALOR INGRESSOS: R$ 10,00 comunidade; R$ 5,00 estudantes, acima de 60 anos, crianças até 12 anos; R$ 4,00 na promoção de quarta, quinta-feira, sábados e domingos somente nas sessões da tarde. OBS: A programação das Salas de Audiovisual está disponível no site: blog: salasdeaudiovisualcei. blogspot.com - www.campobom.rs.gov.br

WALDIR FLECK FILHO, Oficial Designado do Registro Civil das Pessoas Naturais de Campo Bom, RS, Faz saber que pretendem casar-se os seguintes nubentes: 12544 - GILMAR CALIXTO DE SOUZA e LUCIANE KLUG; 12545 - RAFAEL RODRIGO VIEIRA e DAIANE CRISTINE FEDERHEN; 12546 - DOUGLAS MACHADO e JOICIANI ROCHA MACIEL; Quem souber de algum impedimento acuse-o na forma da Lei. Campo Bom, 05 de março de 2014. Waldir Fleck Filho Oficial Designado


O FATO DO VALE

GERAL

9

Sexta-feira, 07 de março de 2014.

“Hell” chega hoje ao Teatro Feevale * Entre os 10 melhores espetáculos de 2011 – Jornal O Globo * * Prêmio Melhor Atriz – Revista Quem *

E

ncerra em Novo Hamburgo e Campo Bom a turnê pelo Rio Grande do Sul e Paraná, patrocinada pelo Programa Petrobras Distribuidora de Cultura, do espetáculo Hell, dirigido por Hector Babenco e estrelado por Bárbara Paz e André Bankoff. As apresentações da primeira adaptação teatral do romance de Lolita Pille iniciam hoje, dia 7, e seguem no final de semana, no Teatro Feevale e nos dias 14, 15 e 16 no Teatro CEI. Fenômeno editorial na França e best-seller em dezenas de países, o romance Hell marcou em 2003 a estreia da escritora Lolita Pille, então com 21 anos. Retrato devastador da juventude rica e consumista de Paris, que preenche suas vidas com sexo, álcool, drogas e roupas de grife, Hell poderia se passar em qualquer grande cidade do mundo, pois espelha os valores e o comportamento de uma classe que, sem encontrar limites para o prazer, vive o angustiante vazio do excesso. Na adaptação do livro para o teatro, a primeira no mundo, Babenco teve a parceria de Marco Antônio Braz, concentrando a dramaturgia em dois personagens: Hell, a protagonista interpretada por Bárbara Paz, e Andrea, o homem que ama, vivido por André Bankoff. Hell, pseudônimo da narradora, é uma garota rica, fútil e arrogante. Niilista despreza a natureza e o único credo é que seja bela e consumista. A adaptação concentra a ação da peça na trágica história de amor vivida pela protagonista e Andrea - um jovem tão rico e tão imerso no desespero quanto ela. A experimentação de um afeto verdadeiro assim como uma total inabilidade para lidar com ele, constituem o fio narrativo principal da transposição para a cena desse romance. Na equipe de criação da montagem, Giovanni Bianco, o diretor de arte de renome internacional, assina a concepção de imagem (figurinos, visagismo, design); Murilo Hauser é o co-diretor, Felipe Tassara fez a cenografia e Beto Bruel é o responsável pela iluminação. Esse é o terceiro espetáculo que Hector Babenco dirige. Os anteriores foram Loucos de Amor (1988), de Sam Shepard, com Edson Celulari, Xuxa Lopes, Antonio Calloni e Linneu Dias; e Closer - Mais Perto (2000), de Patrick Marber, com Renata Sorrah, José Mayer, Marco Ricca e Guta Stresser. A turnê passou por Porto Alegre e Curitiba em fevereiro. Para as apresentações de

Espetáculo é dirigido por Hector Babenco

Novo Hamburgo, os ingressos já estão à venda a R$ 20,00, com 50% de desconto Clube do Assinante Zero Hora (até 200 ingressos, após 20%), 20% de desconto para Universidade Feevale (graduados, professores e funcionários) e Assinante do Jornal NH. Em Campo Bom, as vendas iniciam no dia 10 de março, por R$ 10,00. Os ingressos estarão à venda na Biblioteca Pública Municipal Professor Antonio Nicolau Orth, no 3º andar do Complexo Cultural CEI. Hell, por Hector Babenco “Sou essencialmente um homem de teatro. Foi assim que comecei e assim tenho prosseguido. Deixando esta marca forte dentro dos meus filmes. A descoberta do livro Hell me despertou de uma forma feroz, como nunca antes me aconteceu. Loucos de Amor, de Sam Shepard, Closer, de Patrick Marber, ambos dirigidos por mim, e outros espetáculos que produzi, nasceram de uma vontade enorme de voltar ao palco. O encontro do livro Hell me deixou perplexo diante da devastadora banalidade da vida narrada em primeira pessoa pela personagem principal, que nos leva a uma história de amor, intensa e cega, que com a mesma força que nasce e se mantém, se desfaz, imersa num universo de drogas e futilidades. Penso que a transposição deste texto para dramaturgia de dois atores possa de alguma forma flagrar um instante de vida onde a vida real parece impossível. Gostaria de entregar no palco a sensação do fracasso do amor, entre pessoas que tem tudo para serem felizes e que são impedidas pelos vícios ou por um comportamento doentio delas mesmas.” Lolita Pille e Hell “Se Lolita Pille provavelmente fez parte da geração dopada por Bret Easton Ellis e Frédéric Beigbeder, isso não a impediu de reler Harmonie du soir, de Baudelaire. E, por baixo de sua insolência exasperante, descobrimos uma jovem mulher dotada de uma grande lucidez para decodificar as regras do jogo de um mundinho medíocre.” – Le Monde Lolita Pille (nascida em agosto de 1982) descreve sem pudor o mundo ao seu redor. Ela escreveu Hell, “num instante de rebeldia”, segundo suas palavras, quando tinha 18 anos, nas mesas de bares da moda, às quatro horas da manhã, depois de sair das boates mais caras de Paris. Escreveu também nos intervalos (e durante) as aulas, que pouco assistia, no Liceu La Fontaine, frequentado pela juventude pretensamente dourada do 16ème Arrondissement. Não precisou pesquisar muito: bastava olhar para os lados, conversar com as amigas insolentes e mimadas e descrever seu próprio cotidiano, vivido em badalados restaurantes, bares de hotéis e áreas vips de boates, sem falar nos passeios em carros de luxo e nas viagens nos jatinhos de amigos. Hell é fascinante e provocador, desabusado e lúcido, diante do qual é impossível permanecer indiferente. Talvez

Bárbara Paz estará em cartaz com “HELL” no Teatro da Feevale neste final de semana

o segredo de seu impacto esteja no fato de que, por trás da irritante exaltação do meio que frequenta, Lolita o denuncia da forma mais dura possível. Quando faz um aborto, ela adquire uma consciência amarga da vacuidade da sua existência. É então que a autora desvenda sem hipocrisia o mundinho fútil dos muito ricos, o lado sombrio da juventude dourada. Ela nunca disse que qualquer semelhança de seu livro com a realidade seria mera coincidência, ao contrário, ela afirma que não exagerou em nada, apenas romanceou um pouco a sua vida real. Ela é filosoficamente pessimista, tendo moldado seu ceticismo nas leituras de Baudelaire e Bataille: “Se os ricos não são felizes, é por que ‘Felicidade

não existe’”, reflete. Ou ainda: “A humanidade sofre, e eu sofro com ela”. Mas por mais cínica diante da mediocridade que a rodeia, Lolita/Hell se recusa a assumir o papel de pobre menina rica. Ela não abre mão dessa vida, mordida pela engrenagem infernal da noite. “Não vou parar de sair. O que iria fazer de meu guarda-roupa Gucci?”. Depois dos relatos, Lolita foi proibida de entrar em boates e rejeitada por amigos que se viram retratados em situações embaraçosas. Ela se mudou da luxuosa casa dos pais para um apartamento no bairro do Marais, desistiu das noitadas e deu continuidade à bem-sucedida carreira literária, lançando Bubble gum (2004) e Crépuscule Ville (2008). Além disso, escreve crônicas na revista Femmes.

Atividades em comemorações ao Dia da Mulher Conversas sobre cuidados com a saúde, dicas de beleza, troca de experiências e momentos de integração são alguns dos momentos preparados especialmente para as mulheres para celebrar o dia delas, comemorado em 8 de março. Para os próximos dias foi preparada uma programação intensa com atividades gratuitas em Unidades Básicas de Saúde (UBS) que visam valorizar as mulheres campo-bonenses. A titular da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) Ilaine Pletsch ressalta que as atividades tem o objetivo de realçar a beleza interior e reforçar alguns cuidados importantes com a saúde. “As ações são amplas e variam desde dia da beleza e sessão de fotos para incentivar a vaidade da mulher até cuidados com a saúde, com caminhada orientada, conversas sobre menopausa, hábitos saudáveis e autoestima, entre outros assuntos”, conta Ilaine. As mulheres campo-bonenses podem participar da programação da UBS em que são atendidas. Entre as atividades mais esperadas pelas mulheres estão os dias dedicados à beleza e nos quais elas se sentem em um salão de beleza, pois são maquiadas, fazem cabelo, manicure, pedicure e trocam dicas de como ficar ainda mais bonitas. Em algumas UBSs, enquanto aguardam o atendimento na sala de espera, profissionais de saúde irão conversar com as mulheres sobre temas variados, todos relacionados ao universo feminino. Programação da Semana da Mulher: UBS CELESTE: Dia 6: Grupo de mulheres| De 10 a 14: Entrega de flores às mulheres na UBS UBS 25 de JULHO: Dia 12: Palestra com médica e agente comunitário de saúde sobre menopausa.

UBS RIO BRANCO: Dia 5: seção de cinema às 15hs no CEI | Dia 10 às 8h: caminhada orientada e confraternização sorteio de brindes as mulheres - 14h: Dia da Beleza | Dia 12 às 14h : Momento mamãe (alongamento na gestação, troca de experiências, oficina de manicure e fotos das gestantes). | Dia 13 às 13h30min: Testes de HIV, Sífilis e Hepatite C. Centro Materno Infantil (CMI): Dia 10 das 9h às 10h: Roda de conversa com pediatra| Dia 11 das 8h às 10h: Roda de conversa (amigas do peito). Tema autoestima e oficina de beleza | Dia 12 das 10h às 11h: Grupo de gestantes. Tema a importância do pré-natal | Dia 13 das 15h às 16h: Roda de conversa sobre prevenção, hábitos saudáveis e cuidados com a pele da mulher. | Dia 14: Reunião com equipe do cmi sobre prevenção e cuidados com mama. UBS IMIGRANTE NORTE: Dia 10 às 14h: Oficina da Beleza. | Dia 11: Grupo de mulheres trabalhando a prevenção. | Dia 13: Grupo Hiperdia trabalhando Saúde da Mulher UBS PORTO BLOS: Sala de espera com temas relacionados à mulher UBS IMIGRANTE SUL: Sala de espera com temas relacionados à mulher durante a semana UBS OPERARIA: Dia 13: Passeio das mulheres com o amiguinho | Dia 21: Roda de conversa sobre autoestima UBS AURORA: Dia 11: Grupo Hiperdia com mulheres: alongamentos e palestra sobre autoestima. UBS PAULISTA: Sala de espera com temas relacionados a mulheres UBS SANTA LUCIA: Dia 10 das 14h às16h: Dia de Beleza | Dia 12 das 14h às 15h: Palestra sobre sensualidade, motivação e ginástica. | Dia 14h das 8h às 10h: Café Comunitário.


GERAL

10

O FATO DO VALE

Sexta-feira, 07 de março de 2014.

ATOS OFICIAIS

EDITAL Nº 046/2014

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

DECRETO MUNICIPAL Nº 5.663/2014, de 29 de janeiro de 2014.

DESIGNA MEMBROS DA COMISSÃO PERMANENTE DE ACOMPANHAMENTO DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS HOSPITALARES Nº 168/2013, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, e, considerando o disposto na Lei Municipal nº 4.069/2013, de 15.10.2013, que autorizou a contratação da ASSOCIAÇÃO HOSPITAL DE CARIDADE SÃO ROQUE (associação sem fins lucrativos, com finalidades filantrópicas, reconhecida de utilidade pública estadual em 1972 (Registro nº 101230), reconhecida de utilidade pública federal em 27.09.19S3, reconhecida entidade beneficente de assistência social em saúde sob o nº RCEAS0370/02006, inscrita no CNES em 17.03.2003 sob o nº 2244101, inscrita no CREMERS em 08.07.2003 sob o nº 2.1-RS-3528-22, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 89.891.337/0001-40, licenciada pela Divisão de Vigilância Sanitária Estadual sob o nº 522607/27, registrada no CREFITO sob o nº E-257-RS, registrada no COREN/RS sob o nº 000083-CL B.2, associada a Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos do Rio Grande do Sul, prestadora de serviços ao Sistema Único de Saúde - SUS, inscrita no CNPJ/MF nº 89.891.337/0001-40) para a execução complementar – e, portanto, sem transferência de gestão - de ações e serviços de saúde para os usuários do Sistema Único no Município de Campo Bom, com decorrente permissão de uso do Hospital de Campo Bom Dr. Lauro Reus, face a imprescindibilidade de participação da iniciativa privada na prestação dos serviços diretamente prestados pela Administração Municipal; e, considerando o estatuído no Contrato de Prestação de Serviços Hospitalares nº 168/2013,

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, e considerando o disposto no Art. 9º da Lei Municipal nº 2.409/2003, de 13.01.2003, e a publicação do Edital nº 024/2014, de 05.02.2014, no jornal O Fato do Vale, na edição do dia 07.02.2014, outorgando aos nomeados o prazo de 15 (quinze) dias para tomarem posse, sob pena de serem tornados sem efeito os atos de nomeações, com perda de todos os direitos relativos ao concurso realizado conforme Edital de Concurso nº 03/2011, de 30.12.2011, e considerando também o certificado emitido pelo Departamento de Pessoal, NOTIFICA, pelo presente Edital, que foram revogadas as portarias de nomeações abaixo relacionadas, em virtude do não comparecimento para assinatura do termo de posse, • Portaria nº 36.863/2014, de 05.02.2014, que nomeou NEUSA ELENA IARONKA para o cargo de Assistente Administrativo – 43ª classificação; • Portaria nº 36.864/2014, de 05.02.2014, que nomeou MARCUS VINICIUS SENGER MENDES para o cargo de Assistente Administrativo – 44ª classificação; • Portaria nº 36.866/2014, de 05.02.2014, que nomeou ELENE LANGWIELER MOTTA para o cargo de Médico Veterinário – 3ª classificação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 05 de março de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

CONCURSO PÚBLICO Nº 02/2011 EDITAL Nº 001/2014 CONVOCAÇÃO PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA PRÁTICA DE DIREÇÃO VEICULAR

I - Representantes do GESTOR CONTRATANTE: Titulares

CARLA ZILIO DANIEL LUÍS DA COSTA

RG/SJS/RS nº 2077688279 RG/SJS/RS nº 4067048308

Suplentes

REJANE RHODEN CURY VANESSA BAGATTINI

RG/SJS/RS nº 8008741749 RG/SJS/RS nº 7082238325

II - Representantes da ASSOCIAÇÃO HOSPITAL DE CARIDADE SÃO ROQUE: Titulares

LEANDRO BRONDANI STERSI JONES GOIS GABI

RG/SSP/RS nº 4064064415 RG/SJS/RS nº 8063542321

Suplentes

PAULO V. MACHADO DE BARROS FLAVIO STONA

RG/SSP/RS nº 8054905611 RG/SSP/RS nº 1063538357

III – Representantes do CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE Titulares

ADONAR NELSON SCHMIDT JUNIOR JOSÉ SEVERINO BECKER

RG/SJS/RS nº 1047269608 RG/SSP/RS nº 1009560523

Suplentes

DEBORA MARIA KEHL TRIERWEILLER JOSÉ VOLMAR TRESCASTRO

RG/SSP/RS nº 5013258966 RG/SSP/RS nº 9025978298

Art. 2º. A COMISSÃO PERMANENTE DE ACOMPANHAMENTO DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS HOSPITALARES Nº 168/2013 deverá: I - acompanhar e avaliar, sistematicamente, o cumprimento das metas contratuais físico-financeiras, e dos indicadores contratuais quantitativos e qualitativos; II - propor a readequação das metas pactuadas, dos recursos financeiros e de outros itens que se façam necessários, desde que não alterem o objeto contratual; III - propor novos indicadores de avaliação do PLANO OPERATIVO ASSISTENCIAL-POA estabelecido no contrato; IV - avaliar a qualidade da atenção à saúde dos usuários do SUS, prestada pela CONTRATADA; V – controlar e fiscalizar o cumprimento da execução contratual em todos os respectivos termos. Parágrafo único. Para os fins estabelecidos nos incisos do caput deste art. 2º, a CONTRATADA fica obrigada a fornecer à COMISSÃO PERMANENTE DE ACOMPANHAMENTO DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS HOSPITALARES, todos os documentos e informações necessárias ao cumprimento de suas finalidades. Art. 3º. O mandato dos integrantes da COMISSÃO PERMANENTE DE ACOMPANHAMENTO DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS HOSPITALARES, titulares e suplentes, será igual ao da vigência do contrato. § 1º. Ausente integrante da COMISSÃO PERMANENTE DE ACOMPANHAMENTO DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS HOSPITALARES, a cada ano, por três reuniões, consecutivas ou intercaladas, deverá ser substituído por aquele que o tiver indicado. § 2º. Qualquer alteração na composição da COMISSÃO PERMANENTE DE ACOMPANHAMENTO DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS HOSPITALARES, deverá se dar por Decreto do Poder Executivo Municipal, publicado nos mesmos moldes deste Decreto. Art. 4º. Os integrantes da COMISSÃO PERMANENTE DE ACOMPANHAMENTO DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS HOSPITALARES não serão remunerados pelas respectivas atividades, serão substituídos pelos respectivos suplentes em suas ausências e impedimentos. Art. 5º. A existência da COMISSÃO PERMANENTE DE ACOMPANHAMENTO DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS HOSPITALARES não impede nem substitui as atividades próprias do Sistema Municipal de Auditoria, Controle e Avaliação inerentes ao Sistema Único de Saúde e ao GESTOR CONTRATANTE. Art. 6º. Este Decreto entrará em vigor na data da respectiva publicação no Diário Oficial da União Federal. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 29 de janeiro de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

O grupo do curso de Inglês das Faculdades Integradas de Taquara – Faccat Línguas Estrangeiras (FALE) retornou recentemente de viagem de estudos feita ao Canadá e já reinicia as atividades no campus, na próxima semana. Os alunos, acompanhados da professora e coordenadora Regina Fontes, permaneceram em Toronto por seis semanas, onde puderam conhecer a cultura local e aprimorar os conhecimentos da língua inglesa. Regina Fontes avaliou a experiência com nota máxima e registrou o último dia de aula na escola Quest (foto), onde o grupo estudou por um mês.

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

DECRETA: Art. 1º. São designadas para integrarem a COMISSÃO PERMANENTE DE ACOMPANHAMENTO DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS HOSPITALARES Nº 168/2013, autorizado pela Lei Municipal nº 4.069/2013, de 15.10.2013, as pessoas a seguir relacionadas:

Registre-se e Publique-se MÁRCIA ELISA ALVES, Secretária Municipal de Administração.

FALE retorna de viagem de estudos

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, em conformidade com o Edital de Abertura do Concurso Público 02/2011, TORNA PÚBLICO o presente Edital para divulgar o que segue: 1. Ficam convocados para a realização da Prova Prática de Direção Veicular, de acordo com o item 10.1 do Edital de Abertura do Concurso Público nº 02/2011, os candidatos aprovados entre a 31ª e 45ª classificação na Prova Escrita (Teórico-objetiva), conforme relação abaixo: Nº INSCRIÇÃO

CLASSIFICAÇÃO PARCIAL

NOME CANDIDATO

293295

31º

LUIS HENRIQUE DIENSTMANN

293989

32º

RICARDO DE SOUZA RIBEIRO

293931

33º

CLAUDIO ROBERTO KLEIN

294026

34º

CLAUDIO GAMBIN

294044

35º

GERSON LUIS SHLINDVEIN

294076

36º

JULIO VITOR DA SILVA

294012

37º

SELMARO BRINGMANN

294014

38º

JOSE SEBASTIÃO DE OLIVEIRA CORREA

294047

39º

ZAULO VIANEI PINTO

293852

40º

CARLOS ROBERTO ARNHOLD

293851

41º

ROBINSON LEONARDO DE ALMEIDA

293478

42º

CARLOS RENATO WALLAUER

293496

43º

DANIEL JOVANI CONSTANTE

293818

44º

SERGIO RIBEIRO DA SILVA

294032

45º

EVERALDO MACIEL ASSIS DE MACEDO

2. Instruções: 2.1 A Prova Prática de Direção Veicular realizar-se-á no dia 15 de março de 2014, às 9 horas. Os candidatos deverão apresentar-se no estacionamento externo do Centro Administrativo Municipal, sito na Avenida Independência, 800 – Centro – Campo Bom/RS, com 30 minutos de antecedência, portando a Carteira Nacional de Habilitação na Categoria exigida, conforme o item 10 do referido Edital. É de responsabilidade do candidato a identificação correta do local de realização da avaliação e o comparecimento no horário determinado. 2.2 A prova prática de direção de veículos será realizada de acordo com o que estabelece o Código de Trânsito Brasileiro (Lei nº 9.503, de 23.09.97, e regulamentações) e terá a seguinte ordem de realização: 2.2.1 Estacionamento em vaga delimitada. Tempo máximo para realização: até 06 (seis) minutos. 2.2.2 Conduzir veículo automotor em via pública. 2.3 Em nenhuma hipótese haverá segunda chamada, seja qual for o motivo alegado. O não comparecimento à prova, por qualquer que seja o motivo, caracterizará desistência do candidato e resultará em sua eliminação do Concurso. Não será aplicada prova fora do dia, horário e local designado por edital. 2.4 Os casos de alterações psicológicas ou fisiológicas que impossibilitem o candidato de submeter-se aos testes, ou de neles prosseguir ou que lhe diminuam a capacidade físico-orgânica, não serão considerados para fins de tratamento diferenciado ou nova prova. 2.5 A prova será aplicada por ordem alfabética. 2.6 A prova acontecerá com qualquer tempo/clima. 3. As demais especificações podem ser conferidas no Edital de Abertura do Concurso Público nº 002/2011. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 28 de fevereiro de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

Divulgue sua empresa na região. Anuncie no Jornal O Fato do Vale Preços especiais para contratos mensais. Circulação em cinco cidades. Ligue 3598.6411 ou 9989.5411 e solicite uma visita.


O FATO DO VALE

ATOS OFICIAIS Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL Nº 048/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, pelo presente Edital, NOTIFICA que será nomeado, a partir de 07 de março de 2014, o concursado abaixo relacionado, com seu respectivo cargo e Portaria, conforme Edital de Concurso Público nº 03/2011, de 30.12.2011: • Portaria nº 37.232/2014, de 05.03.2014, que nomeia FABIANO BENDER para o cargo de Técnico em Informática - 1ª classificação. Fique o nomeado ciente de que tem o prazo de 15 (quinze) dias para tomar posse, sob pena de revogação da presente Portaria, com conseqüente perda de todos os direitos decorrentes da nomeação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 05 de março de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal. Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL Nº 047/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, e considerando o disposto no Art. 9º da Lei Municipal nº 2.409/2003, de 13.01.2003, e a publicação do Edital nº 025/2014, de 05.02.2014, no jornal O Fato do Vale, na edição do dia 07.02.2014, outorgando aos nomeados o prazo de 15 (quinze) dias para tomarem posse, sob pena de serem tornados sem efeito os atos de nomeações, com perda de todos os direitos relativos ao concurso realizado conforme Edital de Concurso nº 01/2013, de 05.07.2013, e considerando também o certificado emitido pelo Departamento de Pessoal, NOTIFICA, pelo presente Edital, que foram revogadas as portarias de nomeações abaixo relacionadas, em virtude do não comparecimento para assinatura do termo de posse ou da assinatura do Termo de Postergação de Classificação: • Portaria nº 36.869/2014, de 05.02.2014, que nomeou DEOCLECIO DOS SANTOS MACHADO para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 62ª classificação; • Portaria nº 36.871/2014, de 05.02.2014, que nomeou JOSIANI DIONEIA HAAS para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 64ª classificação; • Portaria nº 36.873/2014, de 05.02.2014, que nomeou JOSIELE XAVIER RIBEIRO SANTA HELENA para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 66ª classificação; • Portaria nº 36.875/2014, de 05.02.2014, que nomeou KELIN KAROLINE RODRIGUES para o cargo de Zelador I - 25ª classificação; • Portaria nº 36.876/2014, de 05.02.2014, que nomeou RAQUEL VETTER para o cargo de Assistente Social - 4ª classificação; • Portaria nº 36.878/2014, de 05.02.2014, que nomeou ALINE MARIA HUNNING para o cargo de Educador Social - 4ª classificação; • Portaria nº 36.879/2014, de 05.02.2014, que nomeou LUÍSA STRELOW ROCHA para o cargo de Professor Ensino Fundamental / Componente Curricular Música - 1ª classificação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 05 de março de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal. Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL Nº 045/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, e considerando o disposto no Art. 9º da Lei Municipal nº 2.409/2003, de 13.01.2003, e a publicação do Edital nº 023/2014, de 05.02.2014, no jornal O Fato do Vale, na edição do dia 07.02.2014, outorgando às nomeadas o prazo de 15 (quinze) dias para tomarem posse, sob pena de serem tornados sem efeito os atos de nomeações, com perda de todos os direitos relativos ao concurso realizado conforme Edital de Concurso nº 01/2011, de 11.02.2011, e considerando também o certificado emitido pelo Departamento de Pessoal, NOTIFICA, pelo presente Edital, que foram revogadas as portarias de nomeações abaixo relacionadas, em virtude do não comparecimento para assinatura do termo de posse: • Portaria nº 36.856/2014, de 05.02.2014, que nomeou MANUELA BREIER DOS PASSOS para o cargo de Professor da Educação Infantil – 184ª classificação; • Portaria nº 36.859/2014, de 05.02.2014, que nomeou SIMONE HECK MACHADO para o cargo de Professor da Educação Infantil – 187ª classificação; • Portaria nº 36.861/2014, de 05.02.2014, que nomeou ALINE SIMONE HOLZSCHUH para o cargo de Professor da Educação Infantil – 189ª classificação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 05 de março de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

ATOS OFICIAIS

11

Sexta-feira, 07 de março de 2014.

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL Nº 050/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, pelo presente Edital, NOTIFICA que será convocada, a partir de 07 de março de 2014, a Agente Comunitária de Saúde TÂNIA REGINA RODRIGUES RIBEIRO, conforme Processo Seletivo Público nº 07/2013, de 08.11.2013. Fique a convocada ciente de que tem o prazo de 15 (quinze) dias para a assinatura do Contrato, sob pena de cancelamento da convocação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 05 de março de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal. Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL Nº 044/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, pelo presente Edital, NOTIFICA que serão nomeados, a partir de 07 de março de 2014, os concursados abaixo relacionados, com seus respectivos cargos e Portarias, conforme Edital de Concurso Público nº 01/2013, de 05.07.2013: • Portaria nº 37.207/2014, de 05.03.2014, que nomeia FABIO RAMOS para o cargo de Professor Ensino Fundamental – Anos Finais – Componente Curricular Geografia - 6ª classificação; • Portaria nº 37.208/2014, de 05.03.2014, que nomeia WILLIAM POLLNOW para o cargo de Professor Ensino Fundamental – Anos Finais – Componente Curricular Geografia - 7ª classificação; • Portaria nº 37.209/2014, de 05.03.2014, que nomeia ELENARA IBALDO VARGAS COIMBRA PEREIRA para o cargo de Professor Ensino Fundamental / Componente Curricular Música - 5ª classificação; • Portaria nº 37.210/2014, de 05.03.2014, que nomeia EDSON DALLAGNO LEANDRO para o cargo de Zelador I - 27ª classificação; • Portaria nº 37.211/2014, de 05.03.2014, que nomeia MARCELO DE OLIVEIRA DINIZ para o cargo de Zelador I - 28ª classificação; • Portaria nº 37.212/2014, de 05.03.2014, que nomeia NEVERTON LUIS DA SILVA GARCIA para o cargo de Zelador I - 29ª classificação; • Portaria nº 37.213/2014, de 05.03.2014, que nomeia MARCELA MENISCH para o cargo de Zelador I - 30ª classificação; • Portaria nº 37.214/2014, de 05.03.2014, que nomeia LILIAN DE OLIVEIRA para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 95ª classificação; • Portaria nº 37.215/2014, de 05.03.2014, que nomeia DAIANE APARECIDA CORREA para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 96ª classificação; • Portaria nº 37.216/2014, de 05.03.2014, que nomeia MARIA ANTONIA MARTINS SCHWAN para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 97ª classificação; • Portaria nº 37.217/2014, de 05.03.2014, que nomeia CLEI GABRIELA SANTOS MACEDO DUTRA para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 98ª classificação; • Portaria nº 37.218/2014, de 05.03.2014, que nomeia GREICE DANIELA PORTO para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 99ª classificação; • Portaria nº 37.219/2014, de 05.03.2014, que nomeia DEOCLECIO DOS SANTOS MACHADO para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 100ª classificação; • Portaria nº 37.220/2014, de 05.03.2014, que nomeia JOSIELE XAVIER RIBEIRO SANTA HELENA para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 101ª classificação; • Portaria nº 37.221/2014, de 05.03.2014, que nomeia GABRIEL FRANCESCO REINHEIMER para o cargo de Serviços Gerais da Construção Civil - 4ª classificação; • Portaria nº 37.222/2014, de 05.03.2014, que nomeia CLARICE DE LARA DIAS para o cargo de Educador Social - 7ª classificação; • Portaria nº 37.223/2014, de 05.03.2014, que nomeia CAMILA SCHERER para o cargo de Educador Social - 8ª classificação. Fiquem os nomeados cientes de que têm o prazo de 15 (quinze) dias para tomarem posse, sob pena de revogação das presentes Portarias, com conseqüente perda de todos os direitos decorrentes das nomeações. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 05 de março de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

Assine o Jornal O Fato e receba na sua casa todas as sextas-feiras as notícias de Campo Bom. Ligue 3598.6411 ou 3559.5411

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL Nº 049/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, pelo presente Edital, NOTIFICA que serão nomeados, a partir de 07 de março de 2014, os concursados abaixo relacionados, com seus respectivos cargos e Portarias, conforme Edital de Concurso Público nº 01/2011, de 11.02.2011: • Portaria nº 37.224/2014, de 05.03.2014, que nomeia ANDRE LUIS ARCE para o cargo de Professor Ensino Fundamental – Anos Finais - Matemática- 27ª classificação; • Portaria nº 37.225/2014, de 05.03.2014, que nomeia ANEIA REGINA FRITZEN para o cargo de Professor Ensino Fundamental – Anos Finais – Educação Física - 39ª classificação; • Portaria nº 37.226/2014, de 05.03.2014, que nomeia VIVIANE DA SILVA para o cargo de Professor Ensino Fundamental – Anos Finais – Língua Portuguesa- 4ª classificação; • Portaria nº 37.227/2014, de 05.03.2014, que nomeia CRISTIANE DA SILVA PADILHA para o cargo de Professor Ensino Fundamental – Anos Finais – Ciências - 31ª classificação; • Portaria nº 37.228/2014, de 05.03.2014, que nomeia TATIANA FRUSCALSO DOS SANTOS para o cargo de Professor da Educação Infantil - 198ª classificação; • Portaria nº 37.229/2014, de 05.03.2014, que nomeia RAQUEL BASTOS SANTOS para o cargo de Professor da Educação Infantil - 199ª classificação; • Portaria nº 37.230/2014, de 05.03.2014, que nomeia SINARA BIANCA DA SILVA para o cargo de Professor da Educação Infantil - 200ª classificação; • Portaria nº 37.231/2014, de 05.03.2014, que nomeia ADRIANA MARIA KUCHLER para o cargo de Professor da Educação Infantil - 201ª classificação. Fiquem os nomeados cientes de que têm o prazo de 15 (quinze) dias para tomarem posse, sob pena de revogação das presentes Portarias, com conseqüente perda de todos os direitos decorrentes das nomeações. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 05 de março de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal. Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

LEI MUNICIPAL Nº 4.119/2014, de 05 de março de 2014. AUTORIZA PARTICIPAÇÃO NO FÓRUM GLOBAL DE PARCEIROS NA APRENDIZAGEM, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, tendo a Câmara Municipal de Vereadores, aprovado, sanciona e promulga a seguinte: L E I: Art. 1º. No interesse do Ensino local, e da divulgação do Município de Campo Bom como centro inovador em Educação, o Poder Executivo Municipal fica autorizado a despender até R$ 6.000,00 (seis mil reais) com o custeio das despesas de viagem, estadia, alimentação, transporte e documentação necessárias à participação de representantes da Secretaria Municipal de Educação e Cultura no FÓRUM GLOBAL DA EDUCAÇÃO – PARCEIROS NA APRENDIZAGEM, promovido pela MICROSOFT CORPORATION, a realizar-se no período de 11 à 14 de março de 2014, na cidade de Barcelona, na Espanha. Art. 2º. Os servidores designados para representar a Secretaria Municipal de Educação e Cultura no FÓRUM GLOBAL DA EDUCAÇÃO – PARCEIROS NA APRENDIZAGEM, prestarão contas das respectivas atividades e gastos, mediante relatório escrito e devidamente acompanhado da documentação pertinente, no prazo máximo de 15 (quinze) dias contado do retorno da Espanha, sob pena de serem instados a devolver os montantes despendidos, atualizados consoante a variação do IGP-M/FGV (Índice Geral de Preços Mercado, da Fundação Getulio Vargas), e acrescidos de juros moratórios de 1% (um) por cento ao mês. Parágrafo único. Na prestação de contas das despesas realizadas fora do Brasil, e pagas com moeda estrangeira, deverá ser procedida à equivalência ao Real, com base na taxa oficial do Governo Federal vigente na data do documento fiscal comprobatório da realização da despesa, observado ainda o seguinte: a) o valor correspondente ao eventual ganho do servidor com a variação cambial será creditado ao Tesouro Municipal; b) o valor correspondente ao eventual prejuízo do servidor com a variação cambial, lhe será reembolsado pelo Tesouro Municipal. Art. 3º. As despesas decorrentes desta Lei, correrão a conta das seguintes dotações orçamentárias: 0601.12.122.0046.2.04 6.3.3.3.90.39.00.00.00 - Coord. e Manut. dos Serviços Despesa 302046. Art. 4º. Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 05 de março de 2014. Registre-se e publique-se. MÁRCIA ELISA ALVES, Secretária Municipal de Administração.

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.


Sessão Solene no Parque do Trabalhador

Vereadores destacaram a importância da união em prol do evento

U

Por Evanir Eloisa Martini

ma sessão que primou pela valorização da tradição gaúcha, homenageando a Administração Municipal, pelo apoio e resgate do Acampamento da Canção Nativa, da busca da unidade entre os CTGs da cidade para realização deste grandioso evento que torna o Rodeio Nacional de Campo Bom, o segundo maior do Estado. Mas com objetivo principal de organização, congraçamento e valorização das pessoas e da cultura gaúcha. O presidente da Câmara de Vereadores, Marinho de Moura destacou a importância da sessão solene de homenagens

no Parque do Trabalhador, afirmando que o Poder Legislativo, sempre tem apoiado as iniciativas que valorizam as tradições e envolvem a comunidade. Os patrões dos CTGs, Guapos do Itapuí, M’Bororé, Palanques da Tradição e Campo Verde, fizeram uso da palavra, em comum destacaram a importância da Administração Municipal, na pessoa do prefeito Faisal Karam, vice-prefeito Marcos Riegel e secretária Ieda Lauxen, na realização do evento. Mas também o prefeito Faisal ressaltou o trabalho realizado pelos CTGs, que fortalecem a cultura e passam para as novas gerações, o conhecimento e o amor a tradição. Também

Calendário Esportivo

Futebol, futsal, voleibol, skate, canastra, bocha, basquetebol, entre outras modalidades, integram o Calendário Esportivo de 2014 da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel) que ao longo do ano realizará e apoiará campeonatos e torneios com o objetivo de incentivar os mais variados esportes, atingindo todas as idades. A primeira competição realizada pela Secretaria é o Futsal Série Ouro, que a partir de março reunirá as melhores equipes do município em disputas pelo prêmio de 1º lugar. O titular da Smel, João Carlos e Silva, ressalta que a Secretaria de Esporte busca incentivar a prática de diversos esportes, por isso além das modalidades mais comuns, o calendário inclui o apoio a esportes radicais, como skate e BMX. Além disso, uma nova modalidade esportiva também foi incluída na programação desse ano, contemplando assim novos atletas. A Smel apoiará a 1ª Copa de Basquetebol para Cadeirantes, que ocorrerá em abril,

O FATO doVALE

Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014.

Homenageados pelo Legislativo e vereadore

foi lembrado a importância dos clubes de serviços e as entidades da cidade, que trabalham na bilheteria do evento, onde parte da arrecadação é repassada para as mesmas no sentido de aplicarem em suas ações na comunidade. Os vereadores que se manifestaram da tribuna foram: Victor de Souza, Jair Wingert, Alexandre Hoffmeister, Ozeias Cardoso, Arcelino Siri. O vice-prefeito Marcos Riegel, e o deputado Estadual João Ervino Fischer (Fixinha). Após a solenidade todos confraternizaram ao som da boa música gaúcha, que teve como destaque o jovem gaiteiro Leonardo.

Prefeito Faisal recebeu homenagem em nome da Administração Municipal pelo apoio à Cultura gaúcha

Operação Trânsito Seguro é intensificada

Foto: Bruna de Bem

em Campo Bom. O calendário também contempla iniciativas de integração e que incentivam a prática de atividades físicas e promovem a interação entre os moradores. “Além dos campeonatos e torneios que realizamos e apoiamos, seguiremos com a Caminhada Orientada que ocorre quinzenalmente pela Ciclovia. Além disso, ocorrerá a Gincana de Bairros, um evento de entretenimento e integração entre a comunidade e também pretendemos realizar um passeio ciclístico pela cidade”, destaca João. Futsal Série Ouro inicia em março Abrindo os eventos realizados pela Smel, o Campeonato Futsal Série Ouro começará no dia 21 de março. Com jogos no Ginásio Municipal Karl Heinz Kopittke, 14 equipes disputarão entre si em busca do título de melhor da cidade. Os times jogam na modalidade todos contra todos em um único turno dentro de suas chaves. As duas equipes com os melhores resultados de cada chave se classificam para a próxima fase, juntamente com o terceiro lugar que fizer melhor campanha entre as três chaves. Os outros dois times que ficarem em terceiro lugar disputarão uma vaga na próxima fase. Chave A: Academia/Oxi, Liverpool, CSKMilan, Argentina, Sinos/CJC. Chave B: Center Pré, América, Ajar, MultiCar, Atlético Guarani. Chave C: Treze, Olimpique, Nacional, Guarani.

Operação Trânsito Seguro

Com o final das férias de verão a movimentação nas ruas da cidade aumenta ainda mais com o tráfego de veículos, por isso, a fiscalização do trânsito de Campo Bom está sendo intensificada. Desde a última semana a operação Trânsito Seguro, realizada pelo Departamento Municipal de Trânsito com o apoio da Brigada Militar, está sendo feita com mais frequência. Além de ocorrer nas avenidas principais, que têm grande circulação de veículos, a ação também ocorre dentro dos bairros, sempre em um ponto diferente e de segunda a sexta-feira. A operação conta com dez agentes fiscais de trânsito e com dois policiais militares. De acordo com o coordenador do De-

partamento Municipal de Trânsito, Raul Fröhlich, a operação ocorre desde 2011 e, em média, 400 veículos são abordados diariamente. “Nossa principal intenção com a Operação Trânsito Seguro é coibir irregularidades e promover a conscientização da comunidade para que não coloque sua vida e a dos outros em risco”, esclareceu. Para o comandante da Brigada Militar de Campo Bom, capitão Luciano Veríssimo, o apoio da BM nas ações conjuntas com o Departamento de Trânsito impede o roubo de veículos. “A operação acontece com mais qualidade e esperamos que no final do ano ocorra uma diminuição significativa no números de carros roubados da cidade”, explicou.

Circulação regional em Campo Bom, Sapiranga, Araricá, Nova Hartz e Dois Irmãos Campo Bom: R. Lima e Silva, 29 - Sl 03 - Centro | 3598.6411 - Sapiranga: R. São Pedro, 399 - Centro | 3559.5411


O Fato do Vale - 07 de março de 2014