Issuu on Google+

Encerradas as atividades no “Bela como a Aurora”

Por determinação do Juiz da 2ª Vara de Campo Bom, a pedido da Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE) do Rio Grande do Sul, as atividades da piscina, pracinha e churrasqueiras do Centro de Integração e Lazer Bela como a Aurora Acilon Bica Alves estão encerradas. A CEEE, de responsabilidade do Governo do Estado, vai fazer a manutenção da rede elétrica e,

por questões de segurança, solicitou o encerramento das atividades do espaço de lazer. Em 2003 o Centro foi aberto gratuitamente para a comunidade e na quarta-feira, dia 5, foi fechado. A piscina de 36 x 24 metros de área (860 m²), que fica no local, será esvaziada. O departamento jurídico da Atividades da piscina encerraram na quarta-feira Prefeitura avalia a ação e estuda o caso.

O FATOVALE do

O jornal que transmite conhecimento e consolida marcas

Que calorão! N

Sexta-feira,

07 de fevereiro de 2014. Ano 39 | Edição n.° 2060 www.jornaljs.com.br jornal.js@netwizard.com.br

R$ 1,50

em os amantes do verão estão contentes com as altas temperaturas registradas na nossa região. Na quarta-feira o relógio digital, localizado no Centro da cidade, marcava 46ºC, às 16h. Ontem, no mesmo horário a temperatura registrada era de 44ºC. De acordo com a MetSul, não há como fixar com segurança a data para o final do atual período de calor extremo no Rio Grande do Sul. Projeções de modelos numéricos nesta época do ano tem confiabilidade média para sete dias e menor para dez dias, com grandes alterações no dia a dia. Preparem-se, vem mais calor por ai! Todos os indicativos são de que a temperatura vai seguir muito acima do normal por todo o final de semana e ainda por grande parte da semana que vem, fazendo que o Rio Grande do Sul experimente sua primeira metade de fevereiro mais quente já registrada desde o começo das observações meteorológicas no Estado em 1910.

Campeões do Aberto de Voleibol

Maxplast e Lâmpada Mágica Página 8

TELE-TINTAS

3597.3436


De fato ... Quase Flintstones Pois desde o meio da tarde da última sexta-feira, muitos moradores de nossa cidade tiveram dias de Flitstones. Sem energia elétrica e sem água, praticamente retornamos aos tempos das cavernas. Muito por força da natureza e outro tanto pela barrigada da empresa concessionária de distribuição de energia, vimos o caos instalado aqui, em Novo Hamburgo, Estância e outras cidades da região. Descontando o temporal, que realmente foi muito forte, pouco se via antes disso, equipes da empresa substituindo postes podres, seguros apenas pelos fios e aparando as árvores que faziam contato com a rede. Recordo que pelo menos nos últimos três anos, diversos meios de comunicação e até na tribuna da Câmara, a situação precária dos postes em Campo Bom foi debatida. Inadmissível, em pleno século XXI, parte da população ficar mais de 100 horas sem energia. E o pior é que na falta e um atendimento personalizado, de uma resposta, só restou ao usuário imitar o Fred Flintstone e gritar “Diiiiilllllllllllllllllllllmaaaaaaaaaaaaaaaa!”

GERAL

2

Sexta-feira, 07 de fevereiro de 2014.

Notas & Comentários

Evanir Eloisa Martini Jornalista - Reg.Prof. 15.181

Bar 15 no Clube 15 de Novembro Uma nova opção no centro de Campo Bom é o Bar 15, junto ao Clube 15 de Novembro. Passa a ser um ótimo lugar para a realização de Formaturas e Aniversários. Ambiente climatizado e com estacionamento. Feche o Bar 15 para sua festa. Informações no Restaurante Kadosh 9885.3901/3597.3612, ou na secretaria do Clube 15 de Novembro, 3597.1025.

Bilhões Cubanos Sabe-se que a distribuição da energia é área privada. Porém os R$ 2 bilhões colocados no Porto de Mariel, em Cuba (recursos do BNDES), se fossem investidos na rede de geração e distribuição de energia brasileira, certamente se não resolvessem amenizariam em muito o problema. Parafuso na Padaria e Sorvete na Farmácia Quando necessitamos de algo, vamos ao lugar adequado. Não se compra parafuso na padaria e nem sorvete na farmácia. Com órgãos públicos deveria ser assim. Se cada um cuidasse das suas atribuições, a vida do brasileiro seria muito mais tranqüila. No entanto, quando a esfera federal e a estadual não cumprem o seu papel, sobra para a Prefeitura. Antes de prosseguir, um esclarecimento: Isto não é queixa, nem fuga, mas uma tentativa de explicar. Segurança e rodovias, saneamento, produção e distribuição de água tratada são competência do Governo do Estado. Distribuição de energia embora seja da alçada da iniciativa privada é regulada por agências Estaduais e Federais. Coube ao Município fazer o que estava ao seu alcance: Distribuir lonas para casas destelhadas, desobstruir as ruas tomadas de galhos e objetos levados pela ventania, socorrer com ambulâncias e auxiliar outros órgãos públicos. A desgraça iguala Na Prefeitura a energia foi reestabelecida às 18h da última segunda-feira. Deputado, Prefeito, Vice, Secretários, Vereadores e outros servidores municipais foram igualmente atingidos pelo apagão e pane seca. A desgraça do temporal e suas consequências não escolheu alvo. Igualou todos.

AES Sul recebe moção de repúdio Em Campo Bom na primeira sessão ordinária do ano, os vereadores de forma unânime votaram pela moção de repúdio contra a AES Sul, devido a falta de energia elétrica na cidade, causada pelo temporal de sexta-feira, dia 31 de janeiro. A reclamação é com relação a demora no restabelecimento da energia elétrica, prejudicando empresas, comércios e residências da cidade. Inclusive moradores realizam protesto na última terça-feira (04), na Av. João Pedro Dias, no bairro Rio Branco, pois ainda continuavam sem energia elétrica em suas residências. Só que a indignação era com relação a somente ter rebentado um fio da rede elétrica, não tinha caído nenhum poste, mesmo assim, a demora em ligar este fio levou mais de 96 horas.

Fogo no Asfalto Talvez esteja emburrecendo, mas não sei como uma barricada montada e incendiada em uma via pública “atravancando” o direito de ir e vir das pessoas, vai melhorar o abastecimento de água, ou fazer a energia voltar mais cedo. Ao contrário, o custo de recuperação do estrago no asfalto é pago por todos. Tanto pelo incendiário/vândalo, quanto pelo vizinho que foi prejudicado duplamente, pela barricada e pela conta da barricada. Protesto inteligente seria fazer um barulhaço em frente à sede da empresa. Leão X Asno Vi no Facebook: “Não adianta ir para a rua protestar como um leão, e depois votar como um asno”. A melhor oportunidade de protesto será em outubro deste ano. Oportunismo oculto Fala interessante de um personagem do “Código Da Vinci” de Dan Brown: “Desde que o humanidade virou monoteísta, sempre houve alguém disposto a matar, enganar e roubar em nome da divindade, tenha ela o nome de Buda, Alá ou Deus.” Parafraseando o fictício arqueólogo, arrisco a dizer que desde que existe a insatisfação humana, sempre há alguém querendo manipular, para o bem ou para o mal, de acordo com os seus próprios objetivos, o descontentamento do insatisfeito. Oculta nas chamas da barricada pode estar uma candidatura. Desconfie! Semana que vem tem mais. Marcos Riegel Jornalista

Queima de pneus na via pública marca protesto de moradores contra a AES Sul Tomou posse a nova diretoria da Associação dos Jovens há Mais Tempo

O FATOVALE do

Fundado em 20/06/1975

Circula às sextas-feiras em Campo Bom, Sapiranga, Araricá, Nova Hartz e Dois Irmãos.

Diretor Editor | Joelci Luiz Mello (Reg. Prof. 4465) Diretora Comercial | Evanir Eloisa Martini Criação e Produção Gráfica | Rosiane Mello Assistente de Produção | Mariane Mello

O FATO DO VALE

Filiado à

CNPJ: 72.560.014/0001-70

SEDE: C. Bom - R. Lima e Silva, 29 - Sl 03 - Centro - 3598.6411 Sapiranga - R. São Pedro, 399 - Centro - 3559.5411 e-mail: jornal.js@netwizard.com.br | site: www.jornaljs.com.br As colunas assinadas são de inteira responsabilidade dos autores e não representam necessariamente a opinião do jornal. Também não representam vínculo empregatício com a empresa.

A solenidade festiva no dia 31 de janeiro, na Associação dos Jovens há Mais Tempo de Campo Bom terá nova data, pois o temporal que caíu sobre a cidade não deu condições de realizar o evento.. A diretoria está assim constituída: Presidente – Luis Knip da Silva; vice-presidente – Paulo Renato de Oliveira Pires; 1º tesoureiro – João Freitag; 2º tesoureiro – Vilson Unser; 1º secretário – Airton Solandir da Silva; 2º secretário – Jacó Kaiser. Conselho Fiscal: Edegar Lara da Silva, Reinaldo Felber e José Silvio Sulbach. Pedágio de Campo Bom é assunto polêmico A maioria dos vereadores em Campo Bom, não aceitam o que está sendo encaminhado pela EGR com relação a cobrança do pedágio para os veículos emplacados em Campo Bom, de moradores da cidade. Querem saber qual o critério adotado pela EGR. A empresa só quer dar esta anuência para uma pequena parte da população, localizada próximo ao pedágio. O vereador Alexandre Hoffmeister (PP), transmitiu muito bem a indignação da sociedade campo-bonense, “ou é para todos a liberação de placas dos veículos da cidade de Campo Bom, ou não tem para ninguém!”, diz o vereador. Reforça ele, “a cidade de Portão é para todas as placas da cidade, porque em Campo Bom o procedimento é diferente?”, questionou Alexandre.

Moradores da cidade não aceitam discriminação com relação a isenção de cobrança do pedágio, beneficiando somente parte dos veículos emplacados e que os moradores residam em determinados bairros


GERAL

O FATO DO VALE

Prédio da Feira do agricultor será entregue para a comunidade dia 14

O

novo espaço em Campo Bom destinado a comercialização e exposição de verduras, frutas e produtos coloniais será entregue para a comunidade na sexta-feira, 14, às 9h. O prédio da Feira do Agricultor é o primeiro na cidade reservado para os pequenos agricultores e fica localizado em ponto estratégico, no Centro da cidade na Avenida dos Estados, 150, esquina com a Rua das Olimpíadas. A partir do sábado, 15, a Feira já abre das 6h30min às 11h. A obra teve o investimento de quase R$ 200 mil em recursos próprios da AdmiFeira do Agricultor prestes a ser inaugurada nistração Municipal. De tijolo à vista e medindo 38 m², o prédio será divi- produtos de agricultores da cidade e pequenos produtodido em seis bancas. O local contará com um pergolado res rurais. “A comunidade está convidada para conhecer e espaço para bancos, bicicletário e passeio público em a Feira, participar da inauguração desse novo espaço blocos de concreto. Além de ter investido cerca de R$ e prestigiar os produtores locais, adquirindo produtos 36 mil na aquisição do terreno de 72 m², a Prefeitura fresquinhos e mais saudáveis”, convidou a titular da empregou mais de R$ 150 mil em recursos próprios na Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Turismo (Sictur), Ieda Lauxen. construção do prédio. O local abrirá semanalmente aos sábados, das Últimos ajustes 6h30min às 11h e contará com a comercialização de Na última terça-feira, 4, ocorreu uma reunião para acertar os últimos ajustes para a inauguração da Feira. No encontro, a titular da Sictur, Ieda Lauxen, o coordenador da Emater Campo Bom, Claudinei Baldissera e o veterinário Ricardo da Silva, responsável pelo Serviço de Inspeção Municipal (SIM), definiram o funcionamento do espaço que primeiramente será aos sábados, podendo se expandir para outros dias conforme a demanda de interessados em expor. Agricultores interessados em expor na Feira devem ir até o setor de Protocolo do Centro Administrativo Municipal, procurar o SIM e preencher o cadastro com os requisitos necessários para poder participar na Feira. Mais informações pelo telefone 3598-8600, ramal 8662.

Reunião para definir últimos ajustes

Carteiros entram em greve em Campo Bom e em todo Brasil Desdo do dia 30 de janeiro a categoria esta em greve e sem previsão de retornar aos trabalhos. Entre as principais reivindicação esta a Participação Justa nos Lucros(PLR) manutenção do atual plano de saúde e não a implantação do Postal de Saúde, além da entrega de correspondência somente na parte da manha entre outros. Segundo o carteiro Campo-bonense, Flávio Helmich, que é membro da direção estadual do

3

Sexta-feira, 07 de janeiro de 2014.

Sindicato dos Trabalhadores dos Correiros(SINTECT-RS) o motivo principal da greve se deu devido a ameaça da ECT de retirar o atual plano de saúde e implantar o Postal Saúde, onde a estatal não será mais a gestora do Plano. Por fim, o carteiro lamenta a posição intransigente da ECT, pois entende todo o transtorno que a paralisação acarreta para a população. Por outro lado, a greve foi a única opção para tentar garantir os direitos adquiridos.

INFORMATIVO

SINDILOJAS Apesar de lei promulgada atenção ao ICMS de Fronteira

Em 14 de janeiro de 2014 foi publicada a Lei Estadual 14.436, que acabou com a cobrança do diferencial de alíquota do ICMS (Dinfa), também conhecida como Imposto de Fronteira. Como a referida Lei foi promulgada pela Assembléia Legislativa, o Estado tem anunciado que continuará a exigir o pagamento do diferencial. Desta forma, os lojistas que pretenderem uma maior segurança jurídica, poderão depositar em juízo os valores correspondentes ao diferencial de alíquota, mediante ações judiciais individuais. Maiores informações poderão ser obtidas junto à Bortolini Advogados, escritório que dá assessoria jurídica ao Sindilojas e seus associados; por meio do telefone 3593-8674.

Fique atento para vencimento Da Contribuição Assistencial Empresas do comércio varejista de Novo Hamburgo, Campo Bom, Sapiranga, Araricá e Nova Hartz devem ficar atentas para o vencimento da Contribuição Assistencial, no dia 10 de março. Os boletos serão distribuídos em breve. Quem não receber, pode imprimir a segunda via direto do site da entidade, em www.sindilojasnh.com.br. O valor a ser recolhido por cada empresa é de 4,2% sobre a folha de pagamento. A contribuição mínima é de R$ 45,00 para quem não tem funcionários. A Contribuição Assistencial está prevista em lei e os recursos são utilizados pelo Sindicato para as ações em defesa do seu associado e/ou representado. Contribua você também para que o Sindilojas seja forte. Não deixe de recolher a Contribuição Assistencial dentro do prazo. Contatos: 35245555.

Certificado Digital

Validação de transação eletrônica, emissão da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) e Conectividade Caixa são apenas alguns procedimentos que exigem a Certi-ficação Digital. O documento possibilita comprovar a identidade de uma pessoa. Também permite a assina-tura digital de qualquer documento. Se sua empresa ainda não tem o Certificado Digital, venha até o Sindilojas-NH. O pioneiro na prestação deste serviço na região tem a solução. Também encaminhamos renovações do documento.

Vêm novidades por aí

Está chegando a hora. No constante processo de modernização de suas atividades, o Sindilojas-NH prepara algumas novidades. Nesta sexta-feira será apresentada a nova logomarca da entidade. Também será feita uma reformulação completa do site, sempre com o propósito de aproximar o associado e o representado das atividades. Sindicato do Comércio Varejista de Novo Hamburgo Rua Lima e Silva, 123 - Centro - Novo Hamburgo site: www.sindilojasnh.com.br - fone: 3524.5555


GERAL

4

Sexta-feira, 07 de fevereiro de 2014.

Café com Qualidade

A CDL Campo Bom promoverá nos dias 20 (quinta-feira) e 25 (terça-feira) de fevereiro, das 8h30 às 10h na sede da entidade, duas edições do Café com Qualidade. O encontro é voltado para os interessados em participar do Programa GDE- Gestão e Desenvolvimento para a Excelência, que inicia sua próxima turma em março. Já são 35 turmas formadas em 6 anos de curso. Empresas que já participaram dos curso estarão apresentando os seus cases desenvolvidos durante o GDE do ano passado. Interessados em participar do encontro devem confirmar presença até o dia 17 de janeiro, pelo telefone 3597-1226 ou pelo e-mail cdlcampobom@cdlcampobom.com.br Conheça mais o Programa: Implementado pela CDL de Campo Bom em Parceria com o Comitê Regional Vale do Sinos e Assessoria Gerencial e Organizacional Pirâmide (AGOP), o curso capacita os gestores a melhorar os resultados de suas empresas, ampliando suas capacidades gerenciais. O programa tem duração de 10 meses, com uma aula por semana, totalizando 93 horas/aula, além de duas visitas técnicas e 15 horas de assessoria empresarial por participante. O curso é direcionado a diretores, gerentes, acadêmicos e outros profissionais interessados em administrar os negócios utilizando a metodologia e ferramentas da Qualidade Total, facilitando a tomada de decisão na construção de melhores resultados. Objetivos: - Preparar os participantes para administrar seu negócio com base em fatos e dados, utilizando as metodologias e Ferramentas da Qualidade, facilitando a tomada de decisão na construção de melhores resultados. - Melhorar a produtividade/eficiência e a competitividade das organizações e marca da empresa; - Melhorar a rentabilidade e satisfação dos acionistas; - Melhorar o relacionamento e a satisfação dos clientes; - Melhorar o comprometimento e a satisfação dos colaboradores; - Melhorar a relação com a sociedade e a comunidade; - Melhorar a gestão de processos, custos, estoques, tomada de decisões e planejamento; - Trocar experiências com outros Empreendedores.

Conheça algumas empresas que já participaram do programa em Campo Bom: CDL Campo Bom, Comtek Informática, Casa Paludo Comércio de Confecções, Colégio Sinodal Tiradentes, Quinjalmo Assistência Automotiva, Intercapital Seguros, Flores Vida Cor, Tri Jóia Conceito, Gabi Acessórios, Clean Net, Clean Jet, Malharia João Demétrio, Academia Movimente, Cantinas Caffé, Posto de Combustíveis Guilherme, Vitta Climatização, Ótica Carmo e Odonto Clin.

Câmara de Dirigentes Lojistas de Campo Bom – RS

Av. Independência, 362 – Conj. 103 Centro Campo Bom RS Fone: (51) 3597 1226 E-mail: cdlcampobom@cdlcampobom.com.br WebSite: www.cdlcampobom.com.br

O FATO DO VALE

Câmara realiza primeira sessão ordinária de 2014

Aconteceu segunda-feira (3) a primeira sessão ordinária do ano de 2014 na Câmara de Vereadores. Foram apresentadas duas moções de autoria de todos os vereadores. A moção de apelo N° 002/2014 que solicita a isenção do pedágio a todos os veículos emplacados em Campo Bom e proprietários residentes no Município e a moção de repúdio N° 003/2014 ao descaso da AES SUL com o tratamento dado a comunidade de Campo Bom, nos eventos do úl- Primeira sessão ordinária de 2014. timo fim de semana 31 de janeiro a 03 de fevereiro de ca vez em que foi atendido, não tinham previsão do re2014. Ambas as moções foram aprovadas com 9 votos torno da luz. Sobre o pedágio, os vereadores também favoráveis e uma ausência. acrescentaram que querem uma solução. O vereador Os vereadores se pronunciaram sobre esses assun- Alexandre Olavo Hoffmeister (PP) destacou que ou a tos, destacando o porquê de a AES SUL deixar os pos- isenção é para todos ou para ninguém. tes de luz chegarem ao extremo. Todos mostraram sua A primeira sessão do ano também foi de homenaindignação quanto ao descaso da empresa, com a falta gem. O atual presidente da câmara, vereador Marinho de informações. O vereador Jair José Wingert (PSB) de Moura (PPS) colocou no hall dos presidentes a foto afirmou que ele mesmo telefonou para AES SUL vá- do presidente da casa no ano de 2013, vereador Maxirias vezes e suas ligações não foram atendidas, na úni- miliano de Souza (PMDB).

Comunidade acompanhou os trabalhos da primeira sessão do ano

Presidente Marinho, colocou no hall dos presidetes a foto do presidente da casa do ano de 2013, vereador Maximiliano

Molling presta homenagem aos 55 anos de Campo Bom

O deputado federal Renato Molling (PP/RS) prestou homenagem, da tribuna da Câmara dos Deputados, aos 55 anos de emancipação de Campo Bom, comemorados no último dia 31 de janeiro. Molling resgatou a história do município, que emancipou-se de São Leopoldo. “O período de urbanização veio em 1959, juntamente com a emancipação, quando deixou de pertencer à São Leopoldo, devido a prosperidade econômica. Durante esta transição a economia passou por diversas fases. As atafonas (antigos moinhos), as olarias e as indústrias calçadistas formaram este processo.” Molling contou que atualmente não são mais os antigos moinhos os propulsores da economia, mas sim uma indústria diversificada, com destaque para a calçadista. É o calçado o responsável pela maior parte das fábricas, embora no final da década de 90 tenha ocorrido uma grande diversificação no parque fabril da cidade através da implantação de loteamentos industriais. Hoje, o município conta também com incubadora empresarial, além de receber pesados investimentos para atração de

Crédito: Gustavo Lima

empresas e formação profissional de mão-de-obra qualificada. “Campo Bom é responsável por 55 anos de uma bela história. O seu potencial empreendedor é exemplar. Parabenizo toda a população pelo trabalho e dedicação em prol do município. Parabéns a todos os campobonenses”, finalizou o deputado.


O FATO DO VALE

GERAL

Sexta-feira, 07 de fevereiro de 2014.

5

Prefeitura trabalha para recuperar os danos causados pelo temporal

D

esde o último final de semana a Prefeitura segue realizando diversos serviços na cidade para amenizar os transtornos causados pelo temporal. A Secretaria Municipal de Obras, Serviços Urbanos e Trânsito vem realizando trabalhos de limpeza na cidade e recuperando as ruas. Recolhimento de galhos e árvores, além de entulhos que foram arrastados pelas chuvas estão sendo retirados das ruas, auxiliando os moradores dos bairros mais atingidos pelas chuvas da última sexta-feira e sábado, como Operária, Celeste, 25 de Julho, Paulista, Porto Blos, Vila Rica e Barrinha, entre outros. A estimativa da Prefeitura é que mais de 300 famílias tiveram prejuízos com o temporal, desde destelhamentos, até perdas de alimentos por falta de energia elétrica e água. Dez escolas foram atingidas, houve destelhamentos e quedas de postes de luz nesses locais. Os danos ocorridos não foram contabilizados.

Abastecimento de água e energia elétrica Segundo a AES Sul, na de terça-feira, 4, cerca de 1.000 residências ainda estavam sem energia elétrica em Campo Bom e equipes trabalhavam para solucionar o problema na cidade. Já conforme a Corsan, 98% das residências já tinham o abastecimento de água normalizado “Entendemos a difícil situação dos moradores que estão sem luz e água, por isso estamos em contato direto com as empresas responsáveis pelos serviços. Peço que a comunidade entenda que danificar o patrimônio público não é a solução. A Administração não está medindo esforços para resolver a situação da maneira que lhe cabe”, explicou o prefeito Faisal Karam. A falta de energia elétrica compete exclusivamente a AES Sul. Prejuízos particulares causados devido à falta de energia devem ser encaminhados para o poder judiciário.

O vereador Jair Wingert (PSB) na sessão da última segunda-feira, dia 03, na tribuna do Parlamento teceu duras críticas ao trabalho da AES Sul em decorrência do temporal ocorrido na sexta-feira, dia 31. O vereador socialista classificou de incompetência o trabalho desenvolvido pela distribuidora de energia. “Temporais vão ocorrer sempre, o que falta são investimentos por parte da AES Sul que oferece uma conta de luz padrão Fifa em termos de preço, mas em termos de serviços e manutenção com ênfase aos postes o padrão é Etiópia”, ironiza o vereador que segue suas reclamações “Em Campo Bom tem pessoas que estão a mais de 60 horas sem água e sem luz, pessoas doentes, crianças, idosos e você liga a AES Sul e não consegue falar, isso é uma piada. E não adianta reclamar para ninguém, estas agências reguladoras não funcionam. Que saudades da CEEE onde você se deslocava até um escritório na tua cidade e fazia a reclamação olhando nos olhos do atendente, hoje, te atendem com desprezo, te deixam 30, 40 minutos no telefone com um musiquinha chata e aí não te informam nada, ou seja, só balela, mas ai se atrasar a conta, vem juro, correção e se bobear te cortam a

energia, mas e a responsabilidade em atender o cliente?”, questiona o vereador que ainda destaca: “Campo Bom é tratado pela AES Sul como a gata borralheira, postes velhos carcomidos que não são substituídos. Tem postes que a AES Sul ao invés de substituir por postes de cimento, a empresa coloca uma escora de madeira, isso tem nome: é serviço feito nas coxas. Quantos comerciantes em Campo Bom perderam estoques de carne, frios, verduras em função da falta de energia. Quem vai indenizar? E os veículos que foram avariados por quedas de postes e a residência queimada no Loteamento Santo Antônio, a AES Sul vai ressarcir?” pergunta o vereador do PSB, que ainda enfatiza “O que a AES Sul precisa se conscientizar é que precisa fazer investimentos, trocar os ultrapassados e perigosos postes de madeira por postes de cimento. O serviço de atendimento pelo 0800 é de baixíssima qualidade e a resolutividade é zero. Na minha visão serviços essenciais, como água, luz, telefone, combustíveis devem ser estatizados, ou seja, representam segurança nacional”, afirmou o vereador na tribuna.

Foto: Bruna de Bem

Prefeitura auxilia na reconstrução das ruas

Vereador vai pedir ação do MP

Vereador vai até o Ministério Público O vereador Jair Wingert informou na tribuna que agendou uma audiência junto ao Ministério Público de Campo Bom, a qual acontecerá na quarta-feira, dia 12, às 16 horas. Na oportunide, Jair levará um documento solicitando a Promotoria que acione a AES Sul no sentido de cobrar os prejuízos ocorridos na cidade e os danos a comunidade, bem como, determine um prazo para que a empresa substitua todos os postes Jair Wingert (PSB) afirma: “A AES Sul precisa ser responsabilide madeira e invista mais na zada pelos danos causados a comunidade de Campo Bom”

manutenção de redes e transformadores. “Vou até a promotoria pedir que se possível o Ministério Público faça algo urgente no sentido de cobrar da AES Sul uma medida, a comunidade quer uma resposta imediata, inclusive convido

os demais colegas vereadores para estar juntos nesta reunião no Ministério Público, agora é hora de esquecer partidos e ideologias e unidos buscarmos soluções para os problemas da comunidade, finaliza Jair Wingert (PSB).

Moradores reclamaram a falta de energia elétrica no bairro A Avenida João Pedro Dias, no bairro Rio Branco, em Campo Bom, ficou mais de quatro dias sem energia elétrica e os moradores reclamam da AES Sul pela situação calamitosa enfrentada por dezenas de famílias. “É um descaso total da AES Sul com estas famílias; são apenas três fios que arrebentaram e eles nem passam mais aqui para dar uma olhada”, observa o morador Osmar Carvalho. Depois do temporal da última sexta-feira, dia 31, a João Pedro Dias ficou sem energia elétrica e os moradores não sabem mais

o que fazer para enfrentar a situação. Eles contam que uma equipe da empresa responsável pelo abastecimento de energia esteve no local três vezes, constatou o problema, mas disseram que nada poderia ser feito. Assim, residências, pequenas e médias empresas e o comércio local chegam a quase 100 horas sem energia. Para tentar chamar a atenção das autoridades, na terça-feira, dia 04, ao meio-dia os moradores trancaram o trânsito e queimaram pneus na avenida.


GERAL

6

Sexta-feira, 07 de fevereiro de 2014.

O FATO DO VALE

Porto Blos vai ganhar Academia de Saúde

U

m novo espaço no bairro Porto Blos oferecerá mais qualidade de vida para os moradores da região: é a Academia de Saúde Porto Blos, localizada na praça da Avenida dos Municípios, esquina com a Rua Fortunato Gambim. As obras da construção do espaço, que conta inclusive com academia ao ar livre, já iniciaram nessa semana e a previsão de entrega para a comunidade é no primeiro semestre. O investimento da Prefeitura será de R$ 175 mil em recursos próprios para a construção e compras de equipamentos e mais R$ 80 mil é a contrapartida do Governo Federal responsável pelo programa Academia de Saúde. A parte interna do prédio de aproximadamente 100 m² será equipada com uma esteira elétrica, três bicicletas verticais e uma horizontal, seis bolas de ginástica e colchonetes. A área externa ganhará uma academia ao ar livre, com aparelhos de ginástica como paralela dupla, rotação vertical dupla, jogo de barras, simulador de remo, simulador de caminhada individual e twist lateral. Além disso, o espaço ganhará banheiros, lixeiras, bancos e bicicletários. Poderão usufruir do espaço os integrantes de grupos da Unidade Básica de Saúde (UBS) Porto Blos, que conta com atendimentos para Hipertensos e Diabéticos, Gestantes, Caminhada e Artesanato. As duas equipes de saúde da UBS atendem além do Porto Blos, bairros como Bela Vista, Cohab Sul, Vila dos Gringos, Barrinha e Vila Rica. “A academia será vinculada à UBS Porto Blos sendo que qualquer pessoa poderá utilizar, inclusive pessoas com eficiência. Será um lugar para orientações sobre práticas saudáveis, oportunizando a prática de exercícios físicos com acompanhamento de profissionais”, explicou a secretária Municipal de Saúde, Ilaine Pletsch.

Foto: Bruna de Bem

Iniciaram as obras na Academia da Saúde

Lucas Redecker volta a cobrar providências quanto a RS-010 e Avenida dos Municípios

Durante a primeira sessão plenária da Assembleia Legislativa em 2014, na última terça-feira, dia 04, o deputado estadual Lucas Redecker utilizou a tribuna para falar sobre duas obras de infraestrutura e logística importantes para o Vale dos Sinos: a RS-010 e a Avenida dos Municípios. Com relação a ponte na Avenida dos Municípios, que liga os municípios de Novo Hamburgo e Campo Bom, Redecker afirmou que está aguardando o início das obras, anunciadas há mais de um mês. Para Redecker, Daer, prefeitura e empresa precisam se comunicar para chegar a um consenso. “Até agora não tivemos resultado algum no que diz respeito à obtenção de máquinas e dos funcionários que deverão trabalhar na execução dessa ponte, que está prometida para o final do ano. A assessoria do Daer disse que, a partir do momento em que for autorizado o início da construção, a responsabilidade é da empresa que ganhou a licitação, que é a EPT – Engenharia e Pesquisas Tecnológicas”, afirmou. Para Redecker as obras são de responsabilidade da empresa vencedora da

Atividade da indústria gaúcha encerra 2013 em desaceleração Conforme dados da FIERGS, foi a segunda queda consecutiva, alcançando o menor patamar em 13 meses

licitação, mas a fiscalização cabe ao Daer. “A responsabilidade, sim, é da empresa, porque ela venceu e tem que cumprir um contrato. Agora, o Daer tem de ser o primeiro a cobrar, a estar em cima e a pedir resultados para que a empresa possa executar, dar o seu prazo a fim de que possamos ter a ponte dos Municípios efetivada”. Outro tema abordado pelo parlamentar é a RS010. Redecker lamentou que novamente a reunião do Conselhão tratando sobre o assunto tenha sido transferida do dia 06 para o dia 20 de fevereiro. “Penso que o governo tem que decidir se quer fazer a ERS-010 ou não. Se não quer, que diga: Olha, não vamos fazer a ERS-010. Não temos interesse. Já ouvi alguns falarem

que a 448 era suficiente. Achamos – e os estudos concluíram – que não é suficiente, que a ERS-010 tem que sair por parceria público-privada ou por qualquer outra maneira”, afirmou. No entendimento do parlamentar, demorou muito para o governo definir como seria a ERS-010, que não está colocando a situação às claras para a população e para a mídia. “Estamos esperando do governo a definição sobre a rodovia, só que, a cada vez, se adia, se adia, se adia. Queremos ver essa obra, evidentemente, sair do papel, mas também que o governo possa dar a sua posição: Olha, não vamos fazer, não temos interesse”, concluiu.

A atividade do setor industrial gaúcho caiu 1,3% em dezembro, em relação a novembro, descontados os ajustes sazonais. Foi a segunda desaceleração consecutiva, alcançando o menor patamar em 13 meses. “A indústria, que passou boa parte de 2013 em recuperação, termina em queda e a tendência é pouco animadora. Os fatores estruturais que prejudicam a competitividade do setor continuarão presentes em 2014. Junte-se a eles, o aumento dos juros, o esgotamento dos estímulos à indústria, a volatilidade cambial e a nova rodada da crise argentina. Assim, a falta de ambiente que estimule o investimento, a inovação e a produtividade não permite a transição de uma recuperação cíclica para um crescimento sustentado. Há pouca margem para otimismo”, afirmou o presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS), Heitor José Müller, ao avaliar o Índice de Desempenho Industrial (IDI-RS), realizado pela entidade. Com exceção da massa salarial, que avançou 18,9% devido ao pagamento de participação nos lucros das empresas, todas as demais variáveis do Índice de Desempenho Industrial do RS (IDI-RS) tiveram retração em dezembro: compras de insumos e

matérias-primas (-6,6%), faturamento (-6,1%), horas trabalhadas na produção (-1,3%), utilização de capacidade instalada (-1,1%) e emprego (-0,2%). Quando os 12 meses de 2013 são comparados com 2012, a atividade industrial no Estado registra um aumento de 4,5%. Segundo o presidente da FIERGS, essa elevação mostra apenas uma recuperação cíclica, pois a base de comparação é deprimida e foi antecedida por dois anos de desaceleração. Dessa forma, o saldo da expansão em três anos fica em 2,1%, significando uma média anual de apenas 0,7%. Dos 17 setores pesquisados, 13 tiveram crescimento no ano passado. As maiores influências positivas foram verificadas em Veículos automotores (10%), Máquinas e equipamentos (9,4%), Borracha e Plásticos (7,5%) e Alimentos (5,1%). Por outro lado, as pressões negativas sobre o resultado total vieram de Têxteis (-5%) e Couros e calçados (-1,6%).


O FATO DO VALE

GERAL

Sexta-feira, 07 de fevereiro de 2014.

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL Nº 024/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, pelo presente Edital, NOTIFICA que serão nomeados, a partir de 07 de fevereiro de 2014, os concursados abaixo relacionados, com seus respectivos cargos e Portarias, conforme Edital de Concurso Público nº 03/2011, de 30.12.2011: • Portaria nº 36.863/2014, de 05.02.2014, que nomeia NEUSA ELENA IARONKA para o cargo de Assistente Administrativo – 43ª classificação; • Portaria nº 36.864/2014, de 05.02.2014, que nomeia MARCUS VINICIUS SENGER MENDES para o cargo de Assistente Administrativo – 44ª classificação; • Portaria nº 36.865/2014, de 05.02.2014, que nomeia TATIANI MACIEL para o cargo de Assistente Administrativo – 45ª classificação; • Portaria nº 36.866/2014, de 05.02.2014, que nomeia ELENE LANGWIELER MOTTA para o cargo de Médico Veterinário – 3ª classificação. Fiquem os nomeados cientes de que têm o prazo de 15 (quinze) dias para tomarem posse, sob pena de revogação das presentes Portarias, com conseqüente perda de todos os direitos decorrentes das nomeações. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 05 de fevereiro de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal. Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL Nº 025/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, pelo presente Edital, NOTIFICA que serão nomeados, a partir de 07 de fevereiro de 2014, os concursados abaixo relacionados, com seus respectivos cargos e Portarias, conforme Edital de Concurso Público nº 01/2013, de 05.07.2013: • Portaria nº 36.867/2014, de 05.02.2014, que nomeia MARILENE KESSLER DE SOUZA para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 60ª classificação; • Portaria nº 36.868/2014, de 05.02.2014, que nomeia CARLA FERNANDA MAUSA para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 61ª classificação; • Portaria nº 36.869/2014, de 05.02.2014, que nomeia DEOCLECIO DOS SANTOS MACHADO para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 62ª classificação; • Portaria nº 36.870/2014, de 05.02.2014, que nomeia ANGELA SOLANGE DE BRITO REINHEIMER para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 63ª classificação; • Portaria nº 36.871/2014, de 05.02.2014, que nomeia JOSIANI DIONEIA HAAS para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 64ª classificação; • Portaria nº 36.872/2014, de 05.02.2014, que nomeia KARINE DE SOUZA KEHL para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 65ª classificação; • Portaria nº 36.873/2014, de 05.02.2014, que nomeia JOSIELE XAVIER RIBEIRO SANTA HELENA para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 66ª classificação; • Portaria nº 36.874/2014, de 05.02.2014, que nomeia NEIDE COFFERRI para o cargo de Serviços de Cozinha e Limpeza - 67ª classificação; • Portaria nº 36.875/2014, de 05.02.2014, que nomeia KELIN KAROLINE RODRIGUES para o cargo de Zelador I - 25ª classificação; • Portaria nº 36.876/2014, de 05.02.2014, que nomeia RAQUEL VETTER para o cargo de Assistente Social - 4ª classificação; • Portaria nº 36.877/2014, de 05.02.2014, que nomeia JOSELI ORESTE FONSECA para o cargo de Assistente Social - 5ª classificação; • Portaria nº 36.878/2014, de 05.02.2014, que nomeia ALINE MARIA HUNNING para o cargo de Educador Social - 4ª classificação; • Portaria nº 36.879/2014, de 05.02.2014, que nomeia LUÍSA STRELOW ROCHA para o cargo de Professor Ensino Fundamental / Componente Curricular Música - 1ª classificação; • Portaria nº 36.880/2014, de 05.02.2014, que nomeia FRANCIELE MARIA ANEZI para o cargo de Professor Ensino Fundamental / Componente Curricular Música - 2ª classificação. Fiquem os nomeados cientes de que têm o prazo de 15 (quinze) dias para tomarem posse, sob pena de revogação das presentes Portarias, com conseqüente perda de todos os direitos decorrentes das nomeações. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 05 de fevereiro de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

Assine O Fato do Vale e receba o jornal em casa todas as sextas-feiras. Ligue: 3598.6411 ou 9989.5411

7

WALDIR FLECK FILHO, Oficial Designado do Registro Civil das Pessoas Naturais de Campo Bom, RS, Faz saber que pretendem casar-se os seguintes nubentes: 12519 - DIONEI LEONIR DOS SANTOS e JOSIANE STEFFANY HENRIQUE FRANÇA; 12520 - ADAIR JOSÉ CARDOSO e ELISANDRA FERNANDES; 12521 - VINÍCIUS LEUCK e THAÍS SCHILLING DE AVILA; 12522 - PAULO CESAR HEINEN e KARINA FRANCIELE DO NASCIMENTO PIUCO; Quem souber de algum impedimento acuse-o na forma da Lei. Campo Bom, 06 de fevereiro de 2014. Waldir Fleck Filho Oficial Designado

Ofício circular nº 01/2014

A Liga Feminina de Combate ao Câncer de Campo Bom, vem através deste comunicar e cientificar que o biênio de 2014 e 2015, foi eleita por aclamação a nova diretoria que ficou assim constituída : Marli Martins - Presidente Arionilda Bennech O. Dresch- Vice - Presidente Lourença L. Dalla Ponte - Primeira Secretária Maria Solange Sander - Segunda Secretária Sonia Lamb - Primeira Tesoureira Janice Wingert- Segunda Tesoureira Solange Maria G. Dienstmann - Diretora Social Marli Martins Presidente Liga Feminina Comb Câncer Campo Bom Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL Nº 021/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, e considerando o disposto no Art. 9º da Lei Municipal nº 2.409/2003, de 13.01.2003, e a publicação do Edital nº 258/2013, de 23.12.2013, no jornal O Fato do Vale, na edição do dia 27.12.2013, outorgando aos nomeados o prazo de 15 (quinze) dias para tomarem posse, sob pena de serem tornados sem efeito os atos de nomeações, com perda de todos os direitos relativos ao concurso realizado conforme Edital de Concurso nº 01/2013, de 05.07.2013, e considerando também o certificado emitido pelo Departamento de Pessoal, NOTIFICA, pelo presente Edital, que foi revogada a portaria de nomeação abaixo relacionada, em virtude da assinatura do Termo de Desistência da vaga no cargo para o qual prestou Concurso Público, • Portaria nº 36.639/2013, de 23.12.2013, que nomeou LUIS VILMAR TORMES PORTELA para o cargo de Educador Social - 3ª classificação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 03 de fevereiro de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL Nº 023/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, pelo presente Edital, NOTIFICA que serão nomeadas, a partir de 07 de fevereiro de 2014, as concursadas abaixo relacionadas, com seus respectivos cargos e Portarias, conforme Edital de Concurso Público nº 01/2011, de 11.02.2011: • Portaria nº 36.855/2014, de 05.02.2014, que nomeia FABIANA GALLON para o cargo de Professor da Educação Infantil – 183ª classificação; • Portaria nº 36.856/2014, de 05.02.2014, que nomeia MANUELA BREIER DOS PASSOS para o cargo de Professor da Educação Infantil – 184ª classificação; • Portaria nº 36.857/2014, de 05.02.2014, que nomeia VANESSA DICK ARNOLD para o cargo de Professor da Educação Infantil – 185ª classificação; • Portaria nº 36.858/2014, de 05.02.2014, que nomeia ELISANDRA KRAEMER COZER para o cargo de Professor da Educação Infantil – 186ª classificação; • Portaria nº 36.859/2014, de 05.02.2014, que nomeia SIMONE HECK MACHADO para o cargo de Professor da Educação Infantil – 187ª classificação; • Portaria nº 36.860/2014, de 05.02.2014, que nomeia CHARLA FERNANDA BERNICH para o cargo de Professor da Educação Infantil – 188ª classificação; • Portaria nº 36.861/2014, de 05.02.2014, que nomeia ALINE SIMONE HOLZSCHUH para o cargo de Professor da Educação Infantil – 189ª classificação; • Portaria nº 36.862/2014, de 05.02.2014, que nomeia ANDRIELE TERESINHA DO CARMO LOPES para o cargo de Professor da Educação Infantil – 190ª classificação. Fiquem as nomeadas cientes de que têm o prazo de 15 (quinze) dias para tomarem posse, sob pena de revogação das presentes Portarias, com conseqüente perda de todos os direitos decorrentes das nomeações. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 05 de fevereiro de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL Nº 022/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, e considerando o disposto no Art. 9º da Lei Municipal nº 2.409/2003, de 13.01.2003, e a publicação do Edital nº 248/2013, de 04.12.2013, no jornal O Fato do Vale, na edição do dia 06.12.2013, outorgando aos nomeados o prazo de 15 (quinze) dias para tomarem posse, sob pena de serem tornados sem efeito os atos de nomeações, com perda de todos os direitos relativos ao concurso realizado conforme Edital de Concurso nº 01/2013, de 05.07.2013, e considerando também o certificado emitido pelo Departamento de Pessoal, NOTIFICA, pelo presente Edital, que foi revogada a portaria de nomeação abaixo relacionada, em virtude da assinatura do Termo de Desistência da vaga no cargo para o qual prestou Concurso Público, após ter se beneficiado do prazo de postergação, conforme os termos do Art. 9º, §1º, alínea a, da Lei Municipal nº 2.409/2003, • Portaria nº 36.575/2013, de 04.12.2013, que nomeou CIBELE MICHEL para o cargo de Assistente Social - 30 H/S - 1ª classificação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 03 de fevereiro de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

EDITAL nº 002/2014

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, TORNA PÚBLICO, o presente edital que divulga o que segue: INSCRIÇÃO PARA SORTEIO PÚBLICO DE VAGAS PARA TURMAS DE BERÇÁRIO DAS ESCOLAS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO INFANTIL/2014 Local: Largo Irmãos Vetter - Rua Tiradentes s/nº - Centro Período: 25 e 26 de fevereiro de 2014 Horário: 13h 30min às 19 horas Documentos necessários: - cópia do registro de nascimento da criança – nascimento até 27/10/2013 ( 4 meses completos) - cópia da carteira de vacina da criança (parte da identificação e do carimbo das vacinas) - comprovante de residência no nome da mãe ou do pai da criança - comprovante de trabalho atual da mãe ou pessoa legalmente responsável - comprovante de renda familiar de até cinco salários mínimos. SORTEIO PÚBLICO DE VAGAS Local: Largo Irmãos Vetter – Rua Tiradentes s/nº - Centro Data: 27 de fevereiro de 2013 Horário: 19 horas Obs: Levar no dia do sorteio o comprovante de inscrição. Em caso de chuva o SORTEIO DAS VAGAS ocorrerá no Ginásio Municipal de Esportes Karl Heinz Kopittke , situado na Avenida Adriano Dias, 720 – Centro. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, 30 de janeiro de 2014. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.

Município de Campo Bom Estado do Rio Grande do Sul – Brasil

DECRETO MUNICIPAL Nº 5.667/2014, de 05 de fevereiro de 2014. ATUALIZA O MONTANTE QUE DEFINE A OBRIGAÇÃO DE PEQUENO VALOR RELATIVAMENTE AO MUNICÍPIO DE CAMPO BOM, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal de Campo Bom, no uso de suas atribuições legais, considerando o disposto na Lei Municipal nº 2.513/2003, com as alterações introduzidas pela Lei Municipal nº 3.573/2010, e, considerando o estatuído na PORTARIA INTERMINISTERIAL MPS/MF Nº 19, DE 10 DE JANEIRO DE 2014 - DOU DE 13/01/2014, DECRETA: Art. 1º. Fica reconhecida como obrigação pecuniária de pequeno valor, a ser paga pelo Município de Campo Bom em decorrência de sentença judicial transitada em julgado, independentemente de Precatório Requisitório, nos termos dos § 3º e 4º do artigo 100 da Constituição Federal, a obrigação cujo valor seja igual ou inferior a R$ 4.390,24 (quatro mil, trezentos e noventa reais e vinte e quatro centavos). Art. 2º. Este Decreto entrará em vigor na data da respectiva publicação. Gabinete do Prefeito Municipal de Campo Bom, aos cinco dias do mês de fevereiro do ano de dois mil e catorze. Registre-se e publique-se. MÁRCIA ELISA ALVES Secretária Municipal de Administração.

FAISAL MOTHCI KARAM, Prefeito Municipal.


Maxiplast e Lâmpada Mágica os campeões do Aberto de Voleibol Crédito: Divulgação PMCB

D

Lâmpada Mágica

Crédito: Divulgação PMCB

Maxiplast

epois de 33 partidas, foram definidos os grandes vencedores do 27º Campeonato Aberto de Voleibol Masculino e Feminino Cidade de Campo Bom. Na final, que ocorreu na última quinta-feira, 30, no Ginásio Municipal Karl Heinz Kopittke, a equipe Maxiplast, de Novo Hamburgo, venceu o Bela Vista/ Lindóia na disputa masculina e conquis-

tou o 1º lugar. Já na categoria feminina o time Lâmpada Mágica, de Campo Bom, ganhou do Madevigas na final e se consagrou campeã da competição. Na mesma noite também foram definidos os 3ºs e 4ºs lugares, que na categoria masculina ficou com Santinha Vôlei e Blitz, respectivamente, e na modalidade feminina com Ação Vôlei e Yubba, respectivamente. Além dos tro-

Prefeitura reafirma parceria com entidades e CTG’s nos eventos tradicionalistas

Crédito: Pâmela Foster

féus e medalhas entregues para os três primeiros classificados e as medalhas para os quartos colocados, os atletas que se destacaram durante a competição também foram premiados (veja lista abaixo). Realizado pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel), o campeonato já é tradicional no município, recebendo clubes de diversas cidades da região.   Resultados da final do Campeonato aberto de vôlei Masculino: 1º lugar - Maxiplast 2º lugar -Bela Vista/Lindóia 3º lugar - Santinha Vôlei 4º lugar - Blitz Destaque individual Melhor defesa: Fabricio - Bela vista/ Lindoia

Melhor saque: Marcelo - Maxiplast Melhor levantador: Roberto - Santinha Volei Melhor bloqueio: Anderson - Maxiplast Melhor ataque: Marcos - Bela Vista /Lindóia Feminino: 1º lugar - Lâmpada Mágica 2º lugar - Madevigas 3º lugar - Ação Vôlei 4º lugar – Yubba Destaque Individual Melhor defesa: Cristina - Lâmpada Mágica Melhor saque: Samanta – Madevigas Melhor levantadora: Larissa - Ação Vôlei Melhor bloqueio: Marluce - Lâmpada Mágica Melhor ataque: Bruna - Madevigas.

Prefeitura intensifica distribuição de preservativos

Moradores de Campo Bom podem retirar preservativos gratuitamente no Ambulatório de Infectologia da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), localizado no Centro de Testagem e Aconselha-

Reunião com entidades de CTGs

Mais uma vez a Prefeitura contará com o apoio de entidades sociais e dos CTG’s do município durante o 36º Rodeio Nacional de Campo Bom, 12º Bivaque da Poesia Gaúcha e 13º Acampamento da Canção Nativa e o inédito Acampamentinho da Canção Nativa, que ocorrerão de 27 de fevereiro a 9 de março no Parque Municipal do Trabalhador

(PMT). Em reunião com representantes das entidades e CTGs, o vice-prefeito Marcos Riegel e a secretária de Indústria, Comércio e Turismo, Ieda Lauxen, reafirmaram a parceria com as instituições. Durante os dias de eventos, as entidades APAE, Liga de Combate ao Câncer, Criança Cidadã, Bom Samaritano, Luz no Vale, Rocta-

O FATO doVALE

Sexta-feira, 07 de fevereiro de 2014.

ry, Lions Pequeno Gigante, Lions Campo Bom Centro e Escoteiros cuidarão da portaria do PMT e estacionamento. Já o CTG Guapos será responsável pelas provas artísticas, o M’Bororé pelos festivais, o Campo Verde pelas provas campeiras e o Palanques pelo esporte. Ao final dos eventos, a receita será repassada as entidades.

mento (CTA/SAE), rua Carlos Cerino Feltes, 338, no Centro. Devido ao Carnaval que se aproxima, a ação da Prefeitura por meio da SMS, tem o objetivo de diminuir o risco de contaminação com doenças sexu-

almente transmissíveis. O incentivo também é destinado para empresas da cidade, que podem distribuir os preservativos para seus funcionários. Mais informações pelo telefone 3597 7903. 

Provas do processo seletivo para professores ocorrem no domingo Os 135 professores inscritos no processo seletivo emergencial e temporário realizarão as provas nesse domingo, 9, das 9h às 12h, na escola municipal Centro de Educação Integrada (CEI). Para suprir os professores de escolas municipais que estão em licença, a Prefeitura está realizando a seleção de educadores de Educação Infantil, Ensino Fundamental anos iniciais, História, Matemática,

Inglês e Música. Os resultados finais serão divulgados no dia 14, e os aprovados começam a trabalhar no dia 17, no início do ano letivo. A remuneração varia de R$ 976,71 a R$ 2.539,54, de acordo com o cargo, mais vale-alimentação. Os contratos são de seis meses, prorrogáveis por mais seis. A homologação das inscrições está disponível no site da Prefeitura.

Circulação regional em Campo Bom, Sapiranga, Araricá, Nova Hartz e Dois Irmãos Campo Bom: R. Lima e Silva, 29 - Sl 03 - Centro | 3598.6411 - Sapiranga: R. São Pedro, 399 - Centro | 3559.5411


O Fato do Vale - 07 de fevereiro de 2014