Page 1

www.odiariodonoroeste.com.br Redes Sociais

O Diário do Noroeste O Diário do Noroeste Envie seu email para nossa Redação

redacao@odiariodonoroeste.com.br

R$ 0,50

ITAPERUNA, RIO DE JANEIRO - BRASIL / SÁBADO / 14 DE JULHO DE 2018 ANO XIV / Nº 3051

EMATER-RIO promove dia especial e apresenta resultado de programa PM recupera moto furtada e apreende dois adolescentes com cocaína

SUA CIDADE APARECE AQUI!

Página 03

LDO 2019 é aprovada em primeira discussão na Câmara Municipal de Itaperuna

Página 07

Inscrições abertas para a Colônia de Férias do SESI em Campos, Itaperuna e Pádua

Página 04

Página 03


2

GERAL

SÁBADO, 14 DE JULHO DE 2018

Uma nova e revolucionária tecnologia é batizada de “MP3” Os representantes da RecordingIndustryAssociationofAmerica (RIAA) não compareceram, em 1995, ao batismo de uma tecnologia incipiente que iria sacudir o seu modelo de negócios alguns anos depois e de forma definitiva. Com o nome de “MPEG-1 AudioLayer 3”, a tecnologia em questão foi um novo e eficaz formato para encodar áudio digital de alta qualidade, utilizando um algoritmo de compressão de dados altamente eficiente. Em outras palavras, foi um modo de tornar arquivos de música com qualidade de CD pequenos o suficiente para serem armazenados em um computador normal e transferidos de forma manejável pela internet. Lançado ao público uma semana antes, o mais novo formato MP3 recebeu seu nome e sua familiar extensão de arquivo, “.mp3”, em 14 de julho de 1995. A importância do MP3, ou de qualquer outro arquivo de compressão de dados, foi alcançada através de uma aritmética simples. A música em um disco compacto é encodada de tal maneira que um único segundo corresponde a, aproximadamente, 176 mil bytes de dados, e um uma canção de 3 minutos a, em média, 32 milhões de bytes (32MB). Em meados dos anos 90, quando era comum que um PC tivesse uma capacidade total no HD de apenas 500MB, era impossível armazenar um único álbum de música em um computador doméstico. E dada a velocidade de conexão da época de 56K de linha discada em um modem, um único álbum levaria, literalmente, o dia inteiro para ser transferido. Dessa forma, a natureza do formato do CD e a condição dos computadores de meados dos anos 90 e das tecnologias de telecomunicação ofereciam à indústria da música uma barreira prática em relação à violação dos direitos autorais através da troca de arquivos pela internet. Mas, então, veio o MP3. Ao longo dos anos 80 e início dos 90, várias equipes de engenheiros de som trabalharam para desenvolver, testar e aperfeiçoar o padrão de arquivos que viria a ganhar o nome de Motion Picture Experts Group (MPEG). A abordagem deles levou em consideração certas características físicas e cognitivas da audição humana, como nossa incapacidade de detectar

dois sons silenciosos executados ao mesmo tempo. Utilizando um método de compressão “perceptual”, os engenheiros conseguiram eliminar mais de 90% dos dados em um arquivo padrão de CD de áudio, sem comprometer a qualidade do som como ele é percebido pelo ouvinte normal e tendo como suporte um equipamento standard de áudio. De repente, a cópia digital de sua canção pop favorita passou a ocupar apenas 2-3 MB em seu HD, em vez de 32MB, o que, junto com o crescimento da capacidade de armazenamento dos drives e o surgimento da internet de banda larga, criou as condições para a violação desenfreada dos direitos autorais através do Winamp e do Napster, em 1999-2000, e para a distribuição comercial e legal de música digital através da internet. Para a RIAA, essas foram as condições que explicaram o declínio de 29% das vendas de CDs entre 2000 e 2006.

EXPEDIENTE KD MARTINS DE OLIVEIRA PINTO CNPJ: 08.602.009/0001-84 Rua Varre-Sai, 300, sala 102 - Cidade Nova Itaperuna/RJ - CEP 28.300-0000

Editor-chefe Jorge Luiz redacao@odiariodonoroeste.com.br Editoração e Diagramação Jhonatan Poubel jhonpoubel@gmail.com André de Araújo - Conteúdo Digital e Impresso

Projeto Gráfico Flávio Brum Redação (22) 3824 4690 redacao@odiariodonoroeste.com.br Agente Comercial Edinael Roly (22) 99747 6150 / (22) 98801 0174 edinaelroly@yahoo.com.br

Ubaense Gráfica Papelaria e Editora Ltda Av. David Vieira Ney, s/nº - Centro - São José de Ubá-RJ CEP: 28455-000 Tel (22) 3866-1212

Distribuição em toda região Noroeste Itaperuna, Bom Jesus do Itabapoana, Natividade, Varre-Sai, Porciúncula, Laje do Muriaé, Miracema, Santo Antônio de Pádua, Itaocara, Cambuci, Aperibé, São José de Ubá, Italva e Cardoso Moreira.

© A direção do jornal O DIÁRIO DO NOROESTE não se responsabiliza e nem endossa os conceitos expressos por seus colaboradores em ações ou artigos assinados, sendo de total responsabilidade do autor.


3

GERAL / ECONOMIA

SÁBADO, 14 DE JULHO DE 2018 ITAPERUNA

LDO 2019 é aprovada em primeira discussão na Câmara Municipal de Itaperuna Em primeira votação, o projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2019 da Prefeitura de Itaperuna foi aprovada na Câmara Municipal de Vereadores, por 7 votos a 6, durante a sessão desta quarta-feira (11/07). A LDO prevê em seu artigo 53, inciso I, a possibilidade de abertura de créditos adicionais suplementares ao orçamento de 2019 até o limite de 30% do total das despesas fixadas. Tal previsão legal tem o objetivo de dar aos gestores públicos uma maior flexibilidade ao fazer ajustes necessários no orçamento, principalmente em anos de restrição de receitas e crise econômica, como tem ocorrido nos tempos atuais. É por este motivo que a própria Lei prevê uma margem de ação para o Executivo, o que ocorre, tradicional e usualmente em Itaperuna, , como também na maioria dos municípios brasileiros, estados e na própria União Federal. Na prática, a Prefeitura continua tendo a mesma autonomia como nos anos anteriores (Lei nº 573/12, para o ano de 2013; Lei nº 601/13, para o ano de 2014; Lei nº 654/14, para o ano de 2015; Lei nº 717/15, para o ano de 2016), assim como nas LDO’s para os anos de 2017 e 2018, já na presente gestão (Lei nº 755/16, para o ano de 2017; Lei nº 780/17, para o ano de 2018), mantendo a redação e o número do artigo em todas as leis citadas. Com essa autonomia é possível, por exemplo, implantar uma nova ação na área da saúde, como o combate a inesperados surtos epidemiológicos, entre outros, o que fatalmente seria inviabilizado caso não seja permitido o manejo orçamentário e, assim, a maior prejudicada seria a própria população que, em casos de demandas que necessitam de maior rapidez no atendimento, como a troca de um pneu furado de um caminhão que realiza a Operação Tapa Buracos, a Prefeitura teria necessidade de enviar o pedido para a Câmara e está podendo levar semanas para enviar para votação e, consequentemente,

aprovação ou não, dependendo dos votos dos vereadores. “A atitude dos vereadores em não votar a favor emperra o desenvolvimento do município. Essa seria uma atitude de parceria pensando no melhor para população. Quando o legislativo prende demais o executivo, este deixa de executar importantes ações, principalmente as emergenciais”, disse o economista Ranulfo Vidigal. Vale ressaltar que o possível manejo de até 30% não alcançará verbas de uso e destinação obrigatórios, como pagamento salarial de servidor e despesas com saúde e educação, dentre outras. Além disso, eventuais adequações orçamentárias estarão sujeitas à análise e aprovação dos diversos órgãos de controle, como a própria Câmara Municipal de Vereadores e os Tribunais de Contas. De acordo com a Prefeitura, “o movimento e posicionamento tomado pelos vereadores de oposição é uma ação extrema, de desnecessária e imotivada pressão ao executivo. Uma tentativa de engessar a gestão, para que esta deixe de continuar realizando os trabalhos e preju-

dicando, assim, o povo itaperunense.” Para a Câmara Municipal essa prática, mesmo antes da crise econômica, já acontecia para que o município tivesse esse recurso para trabalhar. “Estamos num momento de crise não podemos deixar de atender não só o executivo, mas a população que necessita dessas demandas. Estamos dando oportunidade do executivo trabalhar. A fiscalização dos vereadores independe de percentual. A responsabilidade do dinheiro é da Prefeitura e a nossa é de fiscalizar. Todos nós precisamos trabalhar com responsabilidade”, disse Amanda da Aidê, presidente da Câmara. Os vereadores que votaram a favor do projeto são: Glauber Bastos, Marquinho de Retiro, Paulo César, Felipe Rodrigues, Roninho, Jaime Ferreira e Amanda da Aidê, quem realizou o desempate como presidente da Câmara. Os que votaram contra são: Welliton do Frango, Cazalito, Sinei Torresmo, Moreira, Nandi e Nel. O Projeto irá para a segunda discussão no dia 16/07. DIVULGAÇÃO

ESTADO

EMATER-RIO promove dia especial e apresenta resultado de programa Em mais uma ação conjunta da extensão rural e da pesquisa, a equipe da EMATER-RIO de Italva (Centerj, Escritório Local e Fazenda) promoveu, no último dia 6, um Dia Especial para a apresentação de ações dentro do programa Rio Rural no Campo da Biboca, na microbacia hidrográfica Córrego Santa Joaquina.O evento também deu início à 9ª Expo Biboca, que aconteceu no final de semana de 6 a 8 de julho, promovido pela Associação de Produtores Rurais e Moradores da Biboca junto com o COGEM da microbacia. Durante o Dia Especial, foram apresentadas palestras sobre a produção da cana forrageira na alimentação animal e melhoria genética do rebanho e o manejo das crias. Também dentro da programação, técnicos do programa Rio Rural mostraram as principais ações em unidades de pesquisa de pastoreio rotacionado em sistema silvopastoril no município de Italva, bem como apresentaram o projeto Avaliação de Resíduo de Pó de Rocha em Pastagem. De acordo com os organizadores do evento, neste ano o foco foi a inovação tecnológica, visando disseminar o melhoramento genético alcançado pela inseminação artificial no plantel leiteiro do município. Considerando as nítidas melhorias alcançadas, aconteceu uma exposição de animais mostrando os resultados positivos, com incentivo à adoção desta tecnologia por parte dos produtores.

DIVULGAÇÃO


4

GERAL / CULTURA

SÁBADO, 14 DE JULHO DE 2018

PORCIÚNCULA

Inscrições abertas para a Colônia de Férias do SESI em Campos, Itaperuna e Pádua DIVULGAÇÃO

As férias escolares estão chegando e muitos pais ficam em dúvida sobre o que fazer com a criançada neste período. Por isso, o SESI está com inscrições abertas para a sua tradicional Colônia de Férias em Campos, Itaperuna e Pádua. De 16 a 27 de julho, crianças a partir de 03 anos, poderão desfrutar de uma programação especial com direito a muitas brincadeiras, oficinas, jogos de raciocínio, artes, dicas de alimentação saudável, atividades esportivas e muita diversão. Com o tema “Quem inventa faz arte”, os colonins vão soltar a imaginação e a criatividade com oficinas de arte e desenho e invenções que vão colocar os pequenos para produzir com suas próprias mãos. Nas unidades de Itaperuna e Pádua, as atividades acontecem de 12h às 17h. Já em Campos, os pais podem optar pelos horários de 08h às 12h, 13h às 17h ou período integral de 08h às 17h. As inscrições podem ser feitas diretamente nas unidades SESI de cada cidade. Para se matricular é necessário apresentar uma cópia da certidão de nascimento da criança ou do adolescente, uma foto no formato 3×4, além de uma cópia do documento de identidade e CPF do responsável. Associados ao SESI têm direito a desconto no ato da matrícula. Em Itaperuna, o SESI está localizado à Av. Deputado José de Cerqueira Garcia, 883, bairro Presidente Costa e Silva, em Pádua, à Av. João Jasbick, 740, bairro Aeroporto. O SESI Campos f ica na Av. Deputado Bartolomeu Lysandro, 862, Guarus. Outras informações pelo endereço http://www.firjan. com.br/coloniadeferias. PORCIÚNCULA

VARRE-SAI

Músicos porciunculenses agora têm Projeto de teatro na escola oportunidade de mostrar seus conquista alunos em trabalhos em aplicativo Varre Sai A Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro em parceria com a plataforma Deezer Brasil e diversos músicos e produtores fluminenses estão realizando o projeto Sons do Rio, com a proposta de levar o som do estado para todo o Brasil e o mundo. Serão coletadas obras musicais de artistas dos 92 municípios do Rio de Janeiro, num mapeamento que tem como objetivo fomentar, preferencialmente, a música autoral em todos os gêneros musicais. O aplicativo irá disponibilizar uma playlist para cada um dos 92 municípios, que pode inscrever até 20 artistas, naturais ou radicados na cidade. O resultado será uma coletânea, com mais de 3600 músicas, que vai estimular a curiosidade dos ouvintes, o aumento da execução na plataforma e a atenção de selos, gravadoras e da mídia. Para participar, basta acessar o link abaixo, preencher o formulário e enviar a sua música: https://goo.gl/forms/mxcwd7bTjHkAib0J3 Fabiano Júnior

Cidadania, Religião e interação social no Projeto de Teatro no Colégio Coração de Jesus em Varre Sai, o programa inclui representação teatral organizada pela Atriz e Professora Margareth Vargas. Pais de alunos falam da mudança de comportamento dos filhos. Tudo começou com o espetáculo da Paixão de Cristo que comemorou três anos de representação na Paróquia Pessoal Nossa Senhora das Graças na cidade. - O teatro na escola mudou a vida de meu filho. Lucas de Oliveira Correia, 11 anos. era um menino tímido, e após a participação no Projeto de Teatro do Colégio Coração de Jesus agora consegue interagir com os colegas e melhorou no rendimento escolar. – destaca Messias Cordeiro Correa. Maragreth conquistou o respeito da sociedade e suas representações teatrais refletem sobre problemas sociais. O alto índice de problemas de alcoolismo que preocupava foi o tema de um monologo que foi apresentado na escola. A partir da experiência do pai a atriz desenvolveu o personagem João Deba, um jovem que era viciado no álcool. A lição foi para mostrar aos alunos crianças e adolescentes o problema que atinge as famílias na cidade. A atriz conta que o teatro já faz patê de sua vida. Estar no palco é um momento máximo de superação. Uma experiência de 27 anos e que a cada ano evolui para novos vôos com o sonho de levar as pessoas a descobrirem a arte cênica a partir das crianças. A jovem Maria Luiza Capita F. Ribeiro fala da sua paixão pelo teatro e conta um pouco dessas experiências vividas com a professora. Alem da arte de representar a jovem fala do que representou para ela descobrir novos horizontes. Hoje aos 15 anos se considera uma jovem diferente, uma cidadã que aprendeu a levar para a vida tudo que a arte ajuda a transmitir. - Comecei a fazer teatro, no colégio onde a Margareth dá aula até hoje, fazendo pra mim já um grande papel,pois nunca tive experiências com o teatro até então. Com o tempo nós começamos a investir ainda mais em meus papeis,na minha atuação e na minha segurança em cima do palco. Ela sempre com peças muito boas e com uma ótima disposição, dando tudo pelo seu teatro. Depois de já ter minha resistência e criar amizade com a minha professora e mesmo saindo do colégio, continuando com a paixão pelo teatro, Nós começamos a criar e estudar peças nossas ou fazer o teatro já existente o que fazia minha admiração por ela e pelo teatro crescer muito. A arte para provocar mudanças de comportamento. No riso o alivio a dor e a esperança de formar os jovens. A atriz se realiza no palco, mas tudo é para levar os jovens a reflexão, a espiritualidade. Formar jovens, cidadãos que se comprometem para a construção de uma sociedade que respeita os preceitos éticos e morais. - Com muito respeito e comprometimento à platéia, tenho seguido esse itinerário junto ao que acredito. Foram incontáveis peças onde emprestei o meu ser para dar vida à muitos personagens, essa é o que mais me fascina nesta arte, a possibilidade de viver outras vidas através do personagem, pertence naquele momento à época e ao contexto em que o personagem está inserido. – conta a atriz.


SÁBADO, 14 DE JULHO DE 2018

OFICIAL / GERAL

5


6

PUBLICIDADE

CAPIL, trazendo os melhores produtos do campo para sua mesa

Em novo endereรงo: Av. Porto Alegre, 364 Bairro: Cidade Nova, Itaperuna - RJ, (Prรณximo ao DETRAN), Tel: (22) 3824-2105, Facebook: capilitaperuna

SรBADO, 14 DE JULHO DE 2018


POLÍCIA

SÁBADO, 14 DE JULHO DE 2018 ITAPERUNA

ITALVA

PM recupera moto furtada e apreende dois adolescentes com cocaína Dois adolescentes estavam em uma motocicleta Honda XRE 300cc de cor branca e sem capacetes, despertando a atenção de policiais militares na Rua Noêmia Godinho Bittencourt, bairro Aeroporto, no final da noite desta quinta-feira (12). Foi dada ordem de parada, mas não obedeceram e houve perseguição.

7

No Corte de Pedra, o condutor perdeu o controle do veículo e os dois caíram em uma curva. Em seguida, os infratores fugiram em direção ao morro. O adolescente de 13 anos foi localizado quando estava na laje de uma residência na Rua Isabel Tardim Magalhães. Com ele os militares encontram uma sacola contendo

58 pinos de cocaína (34,5g). Depois, a guarnição se deslocou até à Rua Valdir Macedo, onde reside o outro envolvido. O adolescente de 16 anos foi localizado na residência. Foi feito contato com as mães dos envolvidos e o caso seguiu para a Delegacia Legal de Itaperuna. O homem de 49, proprie-

tário da XRE, já estava na sede policial para registrar o furto. A moto ainda não foi emplacada e estava com apenas 28 km rodados. Foi feita devolução da motocicleta. Quanto aos menores infratores, suas responsáveis assinaram termo de responsabilidade e ambos liberados após o registro de ocorrência. DIVULGAÇÃO

Um homem de 39 anos foi preso na tarde desta quinta-feira (12), na Rua Aristides Gonçalves, bairro São Caetano, em Italva. Policiais militares retornavam ao município e encontram o suspeito no caminho. Vou verificado que havia um mandado de prisão em aberto. O cidadão havia sido condenado por porte ilegal de arma de fogo. Ele estava cumprindo pena no regime semiaberto, mas saiu e não retornou ao sistema prisional. O homem foi conduzido para a Delegacia Legal do município e vai retornar ao presídio. BOM JESUS DO ITABAPOANA

Homem é preso após furtar produtos em salão de cabeleireiro Um homem de 26 anos foi flagrado furtando produtos para cabelo em um salão localizado na Rua São José dos Calçados, bairro Lia Márcia, em Bom Jesus do Itabapoana. De acordo com o morador de 27 anos, ele escutou um barulho no salão de sua mãe, localizado nos fundos de sua residência, na manhã desta sexta-feira (13). Foi ver o que estava acontecendo e viu uma pessoa com uma sacola nas mãos. Ao perceber que estava sendo seguido, o suspeito correu. Ele acabou caindo e sofreu ferimento na cabeça. A Polícia Militar foi acionada e o infrator detido. Ele recebeu atendimento médico no PU local. Na sacola havia cinco caixas para tintura, seis vidros de condicionador, três caixinhas de reparador de pontas, além de óleo para cabelo. Os produtos foram recuperados e o flagrante seguiu para a 144ª Delegacia Legal do município. O envolvido foi autuado por furto e será apresentado em audiência de custódia.

SÃO FIDÉLIS

Motorista fica ferido após carro sair da pista e bater em árvore Um motorista sofreu ferimentos após se envolver em acidente de trânsito na manhã desta sexta-feira (13), na Rodovia RJ-192, em São Fidélis. Ele seguia viajava sozinho e perdeu o controle de direção. Nisso, o automóvel saiu da pista e bateu em uma árvore. O Destacamento de Bombeiros chegou a ser acionado, mas quando chegou ao local a vítima já havia sido levada para atendimento médico no Hospital Armando Vidal. O homem de 28 anos sofreu fratura na clavícula e permaneceu internado.

PM prende foragido da Justiça

SF NOTÍCIAS


8

GERAL

SÁBADO, 14 DE JULHO 2018

O Diário do Noroeste - 14 de Julho de 2018  
O Diário do Noroeste - 14 de Julho de 2018  
Advertisement