Issuu on Google+

odia hoje

Fácil e rápido. O mais relevante das principais publicações do Brasil e do mundo para mim, jornalista há mais de 27 anos.

10 filmes para as férias As sinopses são do site “Adoro Cinema”, com pitacos meus

A QUEDA. AS ÚLTIMAS HORAS DE HITLER Traudl Junge (Alexandra Maria Lara) trabalhava como secretária de Adolf Hitler (Bruno Ganz) durante a 2ª Guerra Mundial. Ela narra os últimos dias do ditador alemão, confinado em um bunker em Berlim. Bruno Ganz vale o filme. Mas o filme vale muito mais. O horror cru. Até mesmo para o mais horroroso dos ditadores que o século 20 viu, em plena Europa. http://bit.ly/R80vFY

TRABALHO INTERNO Em 2008, uma crise econômica de proporções globais fez com que milhões de pessoas perdessem suas casas e empregos. Ao todo, foram gastos mais de US$ 20 trilhões para combater o caos. Através de uma extensa pesquisa e entrevistas com pessoas ligadas ao mundo financeiro, políticos e jornalistas, é desvendado o relacionamento corrosivo que envolveu gente da política, da justiça e do mundo acadêmico, corrompida pelo dinheiro. Em síntese, como a banca americana, após a quebra do Lehman Brothers, jogou o mundo na crise econômica de 2009. http://bit.ly/TEk4Eo

NIXON A trajetória de Richard Nixon (Anthony Hopkins) desde a sua infância, passando por sua derrota para John F. Kennedy, sua ascensão política, que teve como ápice ser eleito duas vezes presidente, e sua subsequente queda com o escândalo Watergate. Um momento do filme: Nixon olha um quadro de Kennedy e diz: você é o que eles queriam ser, eu sou o que eles são. http://bit.ly/VddIte

TUDO PELO PODER O jovem Stephen Myers (Ryan Gosling) é um idealista. Dedicado, obsessivo e apaixonado por política, trabalha como assessor de imprensa de Mike Morris (George Clooney) governador democrata, candidato à corrida presidencial nos Estados Unidos. Morris conta ainda com a ajuda do experiente Paul (Philip Seymour Hoffman) para derrotar o concorrente, assessorado pelo igualmente experiente Tom Duffy (Paul Giamatti). Durante a briga para definir quem sairá vencedor nas eleições primárias, o staff dos candidatos trava um intenso jogo de poder, onde a sujeira não vai para debaixo do tapete e sim para os noticiários. No meio de batalha pelo poder, Myers ainda encontra tempo para ser pressionado por duas mulheres e razões diferentes: a jornalista Ida (Marisa Tomei) e a estagiária Molly (Evan Rachel Wood). Um retrato frio do que é a real política. Nos EUA e em qualquer país do mundo. http://bit.ly/U1eZ7J

DRIVE Durante o dia um motorista (Ryan Gosling) trabalha como mecânico e dublê em filmes de Hollywood, enquanto que à noite ele presta serviços para a máfia. Ele é vizinho de Irene (Carey Mulligan). Casada, tem um filho com Standard (Oscar Isaac). Percebendo a situação difícil de Standard, que saiu há pouco tempo da prisão, o motorista o convida para realizar um assalto. Só que o golpe dá errado, o que coloca em risco as vidas do motorista, Irene e seu filho. Na linha de “dirigir”, o melhor, pra mim, desde “Taxi Drive”. Humano, demasiadamente humano. http://bit.ly/VUPox3

O RETRATO DE UMA MULHER Gardencourt, Inglaterra, 1872. Após a morte do Sr. Touchett (John Gielgud), a americana Isabel Archer (Nicole Kidman) herda 70 mil libras. Ela viajava pela Europa para se encontrar e já tinha rejeitado as tentativas de aproximação de Caspar Goodwood (Viggo Mortensen), outro americano, que a tinha seguido até a Inglaterra. O primo dela, Ralph Touchett (Martin Donovan), que é sábio, mas doente, se torna para ela um confidente. Isabel faz uma infeliz amizade com a ambiciosa Madame Serena Merle (Barbara Hershey), que a leva a infelizmente conhecer Gilbert Osmond (John Malkovich), um colecionador de objetos de arte que a seduz. Isabel se casa com Gilbert e só então descobre que ela é só mais uma peça na coleção de Osmond. Isabel também descobre que Osmond e Madame Merle são amantes e que eles elaboraram um plano diabólico para roubar a fortuna dela. Isabel só se conforta com a filha inocente de Osmond, Pansy (Valentina Cervi), mas até mesmo aquela amizade é deteriorada quando Merle revela a verdadeira ascendência da criança. Inspirado na obra de Henry James, um dos destaques do DVD é o making of. Foge do normal e mostra as agruras do que é realmente fazer um filme. Destaque para o difícil Malkovich. http://bit.ly/TEs2NK

HELENO O jogador de futebol Heleno de Freitas (Rodrigo Santoro) era considerado o príncipe do Rio de Janeiro dos anos 40, numa época em que a cidade era um cenário de sonhos e promessas. Sendo ao mesmo tempo um gênio explosivo e apaixonado nos campos de futebol, além de galã charmoso nos salões da sociedade carioca, tinha certeza de que seria o maior jogador brasileiro de todos os tempos. Mas seu comportamento arredio, sua indisciplina e a doença (sífilis) foram minando o que poderia ser uma grande jornada de glória, transformando-a numa trágica história. Baseado no livro “Nunca Houve um Homem como Heleno”, de Marcos Eduardo Novaes. Mais um filme nacional de primeira. http://bit.ly/XRCLnV

DESEJO E REPARAÇÃO Em 1935, no dia mais quente do ano na Inglaterra, Briony Talles (Romola Garai) e sua família se reúnem num fim de semana na mansão familiar. O momento político é de tensão, por conta da 2ª Guerra Mundial. Em meio ao calor opressivo emergem antigos ressentimentos familiares. Cinco anos antes, Briony, então aos 13 anos, usa sua imaginação de escritora principiante para acusar Robbie Turner (James McAvoy), o filho do caseiro e amante da sua irmã mais velha Cecília (Keira Knightley), de um crime que ele não cometeu. A acusação na época destroe o amor da irmã e altera de forma dramática várias vidas. Enfim, como segundos podem levar a bússola da vida para sempre em outra direção. http://bit.ly/YrqVG4

QUANTO MAIS QUENTE, MELHOR Chicago, 1929. Joe (Tony Curtis) e Jerry (Jack Lemmon) são músicos desempregados, que estão desesperados por trabalho. Eles, acidentalmente, testemunham o Massacre do Dia de São Valentim, assistindo o criminoso Spats Colombo (George Raft) e seu cúmplice aniquilarem Toothpick Charlie (George E. Stone) e sua gangue. Forçados a apressadamente deixarem a cidade, Joe e Jerry pegam o primeiro trabalho que podem arrumar: tocar na banda de garotas da Sweet Sue (Joan Shawlee) e suas Sincopadoras. Em trajes femininos, os dois se juntam ao resto da banda em um trem que vai para Miami, Flórida. Diante desta situação, Joe adota o nome de Josephine e Jerry torna-se Daphne. De repente, eles veem Sugar Kane (Marilyn Monroe), a vocalista da banda de Sweet Sue. Jerry se apaixona na hora, mas Joe o lembra que ele não pode se fazer notar. Porém, após chegarem a Miami, um milionário (Joe E. Brown) se apaixona por Daphne e Joe resolve se fazer passar por um milionário para tentar conquistar Sugar, tudo isto em meio à uma reunião dos Amigos da Ópera Italiana, uma convenção de criminosos que traz à cidade Spats Colombo e sua gangue. No final, Jack Lemmon, travestido de mulher, na lancha com o marinheiro que quer ela (ele) como sua companheira, diz de tudo pra desistir: fuma, bebe, não pode ter filhos, não é loira. Pra tudo, o marinheiro tem uma resposta tipo “e daí?”. Até que ele tira a peruca: “Eu sou homem!” O marinheiro: “Ah! Ninguém é perfeito” http://bit.ly/YrlNSe

DESPEDIDA EM LAS VEGAS Em Los Angeles, Ben Sanderson (Nicolas Cage) é um alcoólatra que, após ter sido demitido da produção de um filme, decide dirigir até Las Vegas, onde planeja beber até morrer. Lá, conhece Sera (Elisabeth Shue), uma prostituta que também morou em Los Angeles, por quem se apaixona. Ele vai morar na casa dela. Ela respeita o fato dele ser alcoólatra e ele respeita seu modo de ganhar a vida. No entanto, a deterioração dele entra em um processo irreversível. Os horrores do alcoolismo frente a frente com o inferno e a tolerância. http://bit.ly/VURkW


10 filmes para as férias