Page 1

Diretor Técnico Mauro Sérgio Fernandes da Silva CRM 8789 - Pediatra RQE 4329

A saúde de sua criança merece a atenção de um especialista 

Dr. Mauro Sérgio Fernandes da Silva CRM 8789 - Pediatra

Temos sala de vacinas Visite o site: http://clinicavidalaguna.wix.com/vida

Fone: Fone: 3646-2488 3646-2488

Rua. Voluntário Fermiano. 60 – Laguna SC

O Senhor é meu pastor, nada me faltará

LAGUNA/SC - ANO XXV - EDIÇÃO 1528 - LAGUNA/SC 14/08/2019 - R$ 3,00 - QUARTA-FEIRA

Reunião no Ministério Público Federal busca soluções para o Hospital de Laguna

O

procurador geral do município, Antonio Luiz dos Reis, a secretária de Saúde, Valéria Olivier, o vice-prefeito, Júlio Willeman, e o Presidente do Conselho Municipal de Saúde, Sebastião Nunes, estiveram em reunião na tarde desta segunda-feira (13) na sede do Ministério Público Federal (MPF), em Criciúma, na tentativa de encontrar soluções para o problema enfrentado pelo Hospital de Caridade Senhor Bom Jesus dos Passos. Sem Certidão Negativa de Débitos (CND) o hospital, atualmente, não consegue renovar seu contrato de prestação de serviços com o Sistema Único de Saúde (SUS). O MPF reafirmou que o convênio só poderá ser repactuado e a contratação renovada após a quitação dos débitos em atraso no âmbito federal. De acordo com o procurador geral, Antônio Luiz dos Reis, o Ministério Público Federal informou que o Governo Municipal não pode realizar nenhum contrato com o hospital sem esta certidão, pois isso não é permitido por lei, podendo caracterizar improbidade administrativa para os gestores do município. De acordo com o parágrafo 3º, do artigo 95, da Constituição Federal, a pessoa jurídica em débito com o sistema de seguridade social, como estabelecido em lei, não poderá contratar com o poder público nem dele receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios. "Portanto, qualquer repasse que o poder público queira realizar, seja municipal, estadual ou federal, é necessária a regularização desta certidão negativa", explica o procurador geral.

A Procuradoria reforça que o repasse financeiro do município para o hospital, através da Secretaria Municipal de Saúde, está em dia. Entenda: O convênio de prestação de serviços do SUS com o

hospital de Laguna venceu no dia 30 de julho e sem a certidão negativa de débito o contrato não pode ser renovado. Com isso, o local corre o risco de fechar o atendimento emergencial, pois está atendendo sem receber recursos.


lameira00@hotmail.com

Atanazio Lameira

LAGUNA/SC 14/08/2019

Mello Jr.

artigo

O CORREIO P. 02

Reinventando o Profissional Atendimento cada vez mais importante

Falando a verdade Um dia inteiro observando as estrelas - há um esquecimento de mim mesmo e, nenhum interesse por coisas terrenas.

A nossa ira consegue transformar todo encantamento em sombra deixando quase nada para a sobrevivência humana.

Um exército feito de caixa de papelão. Um olhar sem minúcias poderá surtir o efeito desejado.

Todos defendem que atender bem é o primeiro degrau para conquistar clientes e vendas, mas infelizmente o que vemos na maioria das lojas principalmente no setor de serviço é atendimento de qualidade inferior a desejada e parece que a coisa não muda. Uma pesquisa realizada recentemente no Rio de Janeiro e que é reflexo de todo o Brasil repete esta máxima, vejam só: “Na hora das compras, cariocas preferem um bom atendimento a pagar menos.”

qualidade, ou seja, ou se tem ou nada feito. Antigamente o vendedor defendia que o produto que vendia tinha qualidade, hoje é chover no molhado, ainda sonho em ver a mesma situação no atendimento.

Hora do cafezinho

ações de recuperação em Santa Catarina. A portaria foi publicada na edição desta terça-feira (13) do Diário Oficial da União. O estado, atingido por chuvas intensas, utilizará os recursos na contenção de taludes e na reconstrução parcial de uma rodovia. Para receber auxílio emergencial da Sedec, estados e municípios precisam obter o reconhecimento federal de situação de emergência ou calamidade pública – deferido pelo Governo Federal após a análise do decreto estadual, que deve atender aos critérios exigidos pela Instrução Normativa nº 2/2016. Prefeituras e governos também devem apresentar o diagnóstico dos danos e um plano de trabalho para a execução das ações.

Se o consumidor pudesse rejeitar a compra em lojas que mal atendem com certeza a situação mudaria. Lembre-se que cada um de nós em determinados momentos somos consumidores, clientes de alguma loja e sabemos quanto dói ser mal atendido. Você lojista também quer o mesmo quando vai as compras, será que seu grau de satisfação está alto com o atendimento prestado? E se comparar com o atendimento que oferece a seus clientes, em que estágio encontra-se?

Prezado varejista, está na hora de resolver esta situação! Não se pode fechar os olhos para uma questão tão básica e influente para Sendo algoz – há medo. Se há autoridade – captar e manter clientes. Produtos, preços, haverá respeito. condições de pagamentos, entregas, garanA oração para si e nunca para o aplauso alheio. tias, isso todo mundo faz, diferencial está Quanto mais visibilidade, menos força. no atender bem e o detalhe na hora nesta hora conquistará. Entendo que discutir atPosso não concordar com nenhuma das paendimento é a mesma coisa que discutir Pense nisso! Nossa juventude cavalo veloz, mas sem nenhum controle.

lavras que você disser, mas defenderei até a morte o direito de você dizê-las. (Voltaire)

Visite o meu: Blog: athanaziolameira.blogspot.com

Paulo Sérgio Silva No dia 17 de agosto serão conhecidos os vencedores da 20ª edição do Prêmio Adjori/SC de Jornalismo - Troféu Luiz Henrique da Silveira. Consagrado como a maior premiação de imprensa do estado de Santa Catarina, o concurso entregará em 2019 três Penas de Ouro nas categorias Jornalismo, Jornalismo Online e Publicidade, e também a premiação na categoria Área Acadêmica. Mais de 250 trabalhos estão concorrendo este ano e foram avaliados por 51 jurados. São 36 jornais associados na disputa e 16 categorias. A Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), autorizou a liberação de R$ 2,1 milhões para

EXPEDIENTE

Fundado em 29.07.1995 Direção Geral: PAULO SÉRGIO SILVA JORNAL O CORREIO. LTDA. ME. C.G.C. 03.002.178/0001-60 Insc. Mun. 54.0375 Redação e Administração: Rua Voluntário Fermiano, 52 - Centro Fone: (48) 99153-3959 - Laguna/SC Número Avulso: R$ 3,00 Tiragem: 1.000 exemplares Os artigos assinados são de responsabilidade de seus autores. Circulação aos sábados as quartas-feiras: Laguna, Pescaria Brava, Garopaba, Imbituba, Paulo Lopes, Capivari de Baixo, Tubarão e Imaruí. E-mail: ocorreiolaguna@gmail.com http://www.ocorreionet.blogspot.com

Através de um convênio do Governo do Estado, o Fundam 1, a Prefeitura irá pavimentar com asfalto mais 465 metros do trecho Ponta do Daniel - Parobé, no Distrito de Ribeirão Pequeno. O trecho corresponde a continuidade do asfalto do percurso da Ponta do Daniel ao Parobé, completando com os 4,8 km que já está sendo asfaltado. Total de 7,1 km mais os 465 metros.

SALGADOS TÍPICOS GRAÇA RODRIGUES

Fone: 99153-3959 Leia e assine

Salgados típicos açorianos de Laguna, Casquinha de Siri, Camarões Recheados . Tratar: Av. João Pinho, 756 – Mar Grosso Fones: 3647-1710 e 9986-1141.

Aceitamos pedidos para pronta-entrega


LAGUNA/SC 14/08/2019

dill bergmann

ATENÇÃO “GOLPE NA REDE Golpista volta a usar o nome do Clube Almirante Barroso para aplicar golpes e tentar ganhar dinheiro pelo Whats App O número utilizado no golpe ainda é o mesmo, com código DDD 73, da Bahia. Mas, desta vez os alvos do golpista passaram a ser o presidente de um clube de SC e um atleta do Almirante Barroso e com um valor bem mais alto: R$ 70 mil. Essa não é a primeira vez que o Clube Náutico Almirante Barroso, de Itajaí, registra boletim de ocorrência por ter o nome usado em tentativas de golpes pelo aplicativo de mensagem.

O CORREIO 03

Oficina sobre culturas populares para interessados no edital de incentivo federal Neste ano serão disponibilizados R$ 5 milhões para 250 iniciativas da cultura popular e tradicional de todo o Brasil. Para tirar dúvidas sobre o edital de incentivo, a Secretaria Especial da Cultura do Ministério da Cidadania, com apoio da Fundação Lagunense de Cultura irá promover uma oficina nesta quarta-feira, dia 14, às 17h, na Casa Pinto D Ulysséa. O técnico da Secretaria Especial da Cultura, Alexandre Martins, será o responsável pelas explicações. A 7ª Edição do Edital Culturas Populares homenageia Vitor Mateus Teixeira, o Teixeirinha. As inscrições podem ser feitas até 16 de agosto, pela internet ou via postal. Na edição de 2019, cada um dos vencedores vai receber R$ 20 mil. O QUE É CULTURA POPULAR ? A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) define Cultura Popular como “o conjunto de criações que emanam de uma comunidade cultural, fundadas na tradição, expressas por um grupo ou por indivíduos e que reconhecidamente respondem às expectativas da comunidade enquanto expressão de sua identidade cultural e social”. Engloba folclore, cultura oral, cultura tradicional e cultura de massa.


LAGUNA/SC 14/08/2019

Reflexões Maria Izabel Siqueira A Árvore dos Amigos Existem pessoas em nossas vidas que nos deixam felizes pelo simples fato de terem cruzado o nosso caminho. Algumas percorrem ao nosso lado, vendo muitas luas passarem, mas outras apenas vemos entre um passo e outro. A todas elas chamamos de amigo. Há muitos tipos de amigos. Talvez cada folha de uma árvore caracterize um deles. O primeiro que nasce do broto é o amigo pai e a amiga mãe. Mostram o que é ter vida. Depois vem o amigo irmão, com quem dividimos o nosso espaço para que ele floresça como nós. Passamos a conhecer toda a família, que respeitamos e desejamos o bem. Mas o destino nos apresenta outros amigos, que não sabíamos que iriam cruzar o nosso caminho. Muitos desses são designados amigos do peito, do coração. São sinceros, são verdadeiros. Sabem quando não estamos bem, sabem o que nos faz feliz. Às vezes, um desses amigos do peito estala o nosso coração e então é chamado de amigo namorado. Esse dá brilho aos nossos olhos, música aos nossos lábios, pulos aos nossos pés. Mas também há aqueles amigos por um tempo, talvez umas férias ou mesmo um dia ou uma hora. Esses costumam colocar muitos sorrisos na nossa face, durante o tempo que estamos por perto. Falando em perto, não podemos esquecer dos amigos distantes, que ficam nas pontas dos galhos, mas que quando o vento sopra, aparecem novamente entre uma folha e outra. O tempo passa, o verão se vai, o outono se aproxima, e perdemos algumas dessas folhas. Algumas nascem num outro verão e outros permanecem por muitas estações. Mas o que nos deixa mais feliz é que as que caíram continuam por perto, continuam aumentando a nossa raiz com alegria. Lembranças de momentos maravilhosos enquanto cruzavam o nosso caminho. Desejo a você, folha da minha árvore, Paz, Amor, Saúde, Sucesso, Prosperidade, hoje e sempre, simplesmente porque cada pessoa que passa em nossa vida é única. Sempre deixa um pouco de si e leva um pouco de nós. Há os que levaram muito, mas não há os que não levaram nada. Esta é a maior responsabilidade de nossa vida e a prova evidente de que duas pessoas não se encontram por acaso! Com muito carinho. Izabel

O CORREIO P. 04

Bolsonaro recebe bancada catarinense nesta quinta-feira Deputados e senadores vão pedir ao presidente a inclusão de mais verbas para infraestrutura de SC no orçamento de 2020 Na manhã desta quinta-feira (15), a bancada catarinense vai se reunir com o presidente Jair Bolsonaro (PSL) para um café da manhã no Palácio do Planalto. Os deputados e senadores por Santa Catarina vão reivindicar ao Executivo mais atenção às obras de infraestrutura do Estado. O coordenador do Fórum Parlamentar Catarinense, deputado Rogério Peninha Mendonça (MDB), diz que a bancada queria realizar a audiência ainda antes da votação da Reforma da Previdência, mas não quis relacionar as reivindicações ao votos de apoio. "Nós achamos por bem que ao invés de nós pedirmos alguma coisa em troca e ficaria uma situação de barganha, que nós não gostaríamos que acontecesse, nós esperamos", afirmou. Cinco ministros participarão do encontro: Tarcísio de Freitas (Infraestrutura), Onyx Lorenzoni (Casa Civil), General Augusto Heleno (GSI), general Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Jorge de Oliveira (Secretaria Geral da Presidência da República). Peninha diz que o próprio Bolsonaro faz questão da audiência

para agradecer o apoio dos parlamentares catarinenses na votação da Reforma. Foram 15 votos favoráveis de 16 possíveis, a maior votação percentual do país.

no orçamento de 2020, que será discutido no Congresso neste segundo semestre, mais verbas para essas estradas. "Todos os anos, o valor colocado no orçamento é pequeno, o que faz com que muitas dessas obras que estão "Nós vamos chegar lá e dizer para em andamento sejam realizadas o presidente: 'Santa Catarina fez a conta-gotas", afirmou. a sua parte. Agora, nós também temos algumas reivindicações Além disso, os parlamentares importantíssimas do Estado, devem engordar as verbas dessas principalmente em relação à in- obras com emendas coletivas de fraestrutura'", disse o deputado. bancada em 2020. "Nós pretendemos que essas obras, princiA prioridade da bancada é acele- palmente a 470, a 280 também, rar as obras em rodovias federais. sejam concluídas ainda no manO foco são as BRs-470, 282, 280 dato do atual presidente", afirmou e 163 que, segundo o DNIT/ Peninha. Ele ainda deseja incluir SC, já estão com melhorias em portos e aeroportos de SC no raandamento. O objetivo é incluir dar de investimentos do governo.

Temos sala de vacina Dr. Mauro Sérgio Fernandes da Silva Pediatra Diretor Técnico Dr. Mauro Sérgio Fernandes da Silva CRM 8789 - Pediatra RQE 4329

Fone 3646-2488 Rua Voluntário Fermiano 60 - Centro - Laguna / SC


LAGUNA/SC 14/08/2019

O CORREIO P. 05

LBV mobiliza a sociedade em prol do brincar e da prática

- Joãozinho, quer parar de bancar o idiota?

esportiva para crianças e jovens

A Legião da Boa Vontade (LBV) está realizando mais uma edição de sua campanha Eu ajudo a mudar!, iniciativa que tem o objetivo de mobilizar as pessoas para que contribuam para a manutenção das ações e dos programas socioeducacionais promovidos pela Instituição em todo o Brasil. Na edição deste ano, a campanha destaca a importância do esporte e do brincar saudável na vida diária de crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social. A LBV acredita que essas práticas devem ser constantemente incentivadas a fim de que colaborem para fortalecer o protagonismo infantojuvenil, para garantir a proteção dos direitos desse público e para fomentar bons valores, entre os quais a solidariedade, o respeito, a união, a disciplina, a responsabilidade e o companheirismo. As atividades esportivas e lúdicas na infância, por exemplo, colaboram para o desenvolvimento de aspectos físicos e motores, sociais, afetivos e cognitivos. Também despertam, entre outros benefícios, a criatividade, a imaginação, a capacidade de resolver problemas, a expressar sentimentos, a respeitar os colegas e auxilia no controle da ansiedade e na socialização.

As boas do Fernandinho Por que o banheiro da casa da loira tem três torneiras? - Uma para água quente, outra para água fria... e outra para água oxigenada!

Um turco conversando com outro turco: - Olha, Habib, para você ver como este mundo é cruel: minha sogra acaba de falecer. E Habib pergunta: - Mas o que é que ela tinha? O turco responde: - Olha, a desgraçada só tinha um terreninho, e ainda estava penhorado! Em terra de cego, quem tem um olho vê cada coisa...

Qual a diferença do vinho português para os outros vinhos? - Embaixo da garrafa vem escrito ‘rolha do outro lado’.

O vizinho, furioso, chega para mãe do Joãozinho e reclama: - Quer fazer o favor de pedir para o seu filho parar de me imitar! E a mãe:

Banda União dos Artistas se apresentando no ano de 1920 na rua da praia ao lado do Mercado Público.

Telefone (47) 98838-7492

O carteiro chega no portão da casa e grita: - Ô, seu Manoel, tem carta de Lisboa pro senhor. Veio por avião. O Manoel pega a carta: - Olhe aqui, não tente me enganar! Eu vi muito bem que o senhor chegou de bicicleta! Tem várias maneiras de ser chato, mas o chato sempre escolhe a pior! Uma mulher cai na calçada, em frente a uma loja de eletrodomésticos: - Socorro, estou passando mal! Uma senhora que estava no local responde: - Pois compre um ferro novo e passe bem!

O cúmulo do azar no futebol é fazer o gol no jogo e errar no replay!

Dalmo Faísca

Visite, apaixone-se e ajude a LBV! Acesse: www. lbv.org. Siga, curta e compartilhe as ações da Instituição nas redes sociais no endereço: LBVBrasil no Facebook, no Instagram e no YouTube.

Todos os gêneros musicais: Rock, Reggae, MPB, Jazz, Blues e Bandas Catarinenses.

A vida é imprevisível - coma a sobremesa antes!

Arquivo fotográfico e texto de

Para que milhares de crianças, adolescentes e jovens tenham esses direitos assegurados, a Solidariedade faz toda a diferença. Por isso, a Legião da Boa Vontade convida a todos a fazer parte dessa iniciativa integrando o time da campanha Eu ajudo a mudar.

Compro LP’s (Discos de Vinil)

Mais adiante, o Comendador visitante se depara com uma cena bizarra: um dos birutas sentado no banco do pátio, segurando uma vara de pescar com a isca mergulhada num balde cheio de água. - O que o senhor está pescando? - Otários. - Já pegou algum? - Você é o quinto!


O CORREIO P. 06

LAGUNA/SC 14/08/2019

B i b l i o t e c a l a n ç a Motorista que passeava por Garopaba com campanha de incentivo à CNH falsa é condenado a 3,6 anos de reclusão leitura para comemorar A 4ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina manos 50 anos de fundação teve a condenação de um homem Com o #bibliotecalaguna o usuário da rede social poderá contribuir com o gosto pelos livros, comentando o seu predileto. A iniciativa é uma das ações para marcar os 50 anos de fundação da Biblioteca Pública Romeu Ulysseá, que ocorrerá no próximo dia 19 de agosto.

"Tem tantas histórias de leitores com seus livros. Tantas obras que marcaram a vida de pessoas. Queremos divulgar, como uma forma de mostrar o amor pela leitura", explica a bibliotecária Kátia Borges. Como participar ? Basta escrever a experiência com um livro na própria rede social e marcar com o #bibliotecalaguna, as histórias serão divulgadas no facebook e instagram da Romeu Ulysséa. "Ficaremos lisonjeados com o público que queira compartilhar seu carinho pela leitura. Uma corrente de incentivadores e apaixonados pelos livros", ressalta Kátia.

As três bibliotecas públicas da Laguna A Biblioteca Romeu Ulysséa havia sido criada pela Lei 14/69, de 19 de agosto de 1969, pelo prefeito Juacy Ungaretti.

Em 29 de maio de 1980, na gestão de Mário José Remor / João Gualberto Pereira (19771983), foi organizada, atualizada e inaugurada, no prédio ao lado do Museu Anita Garibaldi, a Biblioteca Pública Municipal Professor Romeu Ulysséa. Uma homenagem em vida ao educador lagunense. Ao longo da história da Laguna, era a 3ª biblioteca que se inaugurava na cidade. A primeira foi em 1876, quando do 2º centenário de sua fundação. Funcionava na então Praça Conde D’Eu, atual praça República Juliana, mediante mensalidade de alguns cidadãos.

A segunda biblioteca pertenceu ao extinto Centro Cultural Antônio Guimarães Cabral, denominada Cruz e Sousa e funcionava na mesma praça, casarão defronte ao Museu. Nos anos de 1911 a 1929, o local foi sede do Colégio Stella Maris. De 1932 a 1964, o prédio abrigou o Ginásio Lagunense. Alguns de seus alunos prestaram depoimentos e participam do projeto. No ano de 1948, Câmara de Vereadores movimentou o local.

flagrado com documento falso. Em julho de 2018, enquanto dirigia um automóvel em Garopaba, no litoral sul do Estado, o réu foi abordado pela polícia e apresentou uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) falsificada. O documento tinha a foto dele, mas o nome era de outra pessoa. Na delegacia, os policiais descobriram a verdadeira identidade do réu e constataram que havia contra ele um mandado de prisão em aberto, por roubo tentado. Ele foi condenado a três anos e seis meses de reclusão, em regime semiaberto, por crime contra a fé pública. Como era multirreincidente, a pena privativa de liberdade não foi substituída por restritiva de direitos. O réu recorreu ao argumento de que não havia provas para manter a sentença, "pois o édito condenatório baseou-se nos relatos dos policiais, os quais apresentaram contradições consideráveis". Disse ainda que a falsificação era grosseira e facilmente perceptível, "logo não configura o crime em tela por ausência de

potencial lesivo". Diferentemente do que sustenta a defesa, porém, o desembargador Alexandre d'Ivanenko, relator da apelação, afirmou que os depoimentos dos policiais foram prestados de forma harmônica e correlata. "O fato do PM acrescentar outros detalhes em juízo, por si só, não afasta a credibilidade dos depoimentos, pelo contrário, reforça a narrativa acusatória e o ilícito perpetrado pelo acusado", garantiu. Da mesma forma, prosseguiu d'Ivanenko, não prospera a tese defensiva de que o documento apresentado era desprovido de potencialidade lesiva por se tratar de uma falsificação grosseira

que poderia ser percebida a olho nu. "Os policiais só tiveram certeza de que se tratava de um documento adulterado depois de realizarem várias consultas e constatarem que a CHN não condizia com os dados cadastrados no sistema." Além disso, o perito enumerou as várias técnicas utilizadas por quem falsificou a CNH. Diante desses argumentos, o relator votou pela manutenção da sentença e foi seguido de forma unânime pelos desembargadores Sidney Eloy Dalabrida e Luiz Antonio Zanini Fornerolli. O julgamento foi realizado no dia 9 de agosto (Apelação Criminal n. 000127073.2018.8.24.0167). ​


LAGUNA/SC 14/08/2019

Pesquisadores registram interação entre orcas e baleias-francas no Sul de SC

Na Cara do Gol

Temporada de reprodução das baleias começou em 1º de agosto e segue até 30 de novembro

O CORREIO P. 07

Mauro Silva​

Esportista conquista três ouros em campeonato

de jiu-jítsu na capital catarinense "Atualmente estou em nono no ranking mundial e pretendo lutar esses campeonatos para chegar em primeiro", comenta Vinicius Izidoro, 19, que tenta obter apoio para participar de pelo menos mais quatro campeonatos no ano.

Orcas são avistadas em Imbituba, no Sul de Santa Catarina — Foto: Eduardo Renault/ Instituto Australis

Pesquisadores catarinenses registraram, nesta segunda-feira (12), em Imbituba, no Sul do estado, quatro orcas próximas a três grupos de mães e filhotes de baleia-franca. Esta foi a primeira interação flagrada entre as espécies no litoral catarinense. As orcas foram avistadas pelos pesquisadores do Instituto Australis na praia da Ribanceira. Esta foi a primeira vez que os animais foram encontrados dentro da APA da Baleia Franca na temporada reprodutiva de 2019. Há um mês, um grupo de orcas foi registrado em Florianópolis, na praia do Santinho.

As orcas se deslocaram sentido sul e foram novamente registradas pelos pesquisadores na Praia D’água, Praia da Vila e Praia de Itapirubá Norte, onde havia outros grupos de baleias- francas. No local, os pesquisadores registraram uma forte interação entre um par de mãe e filhote de baleias-franca com as orcas. Os pesquisadores vão analisar novamente as imagens para entender os motivos das interações. Por enquanto, a hipótese é de que as orcas que apareceram no litoral catarinense são de um ecótipo que só se alimenta de peixes, e não de outras baleias e mamíferos marinhos.

“Este registro, inédito na região, é muito importante para saber que existem potenciais predadores no berçário brasileiro, o que pode ser uma pressão negativa para a recuperação da espécie. A conservação das baleias-franca depende não só das nossas ações de preservação do meio onde vivem, mas também de conhecer os ambientes em que elas ocorrem”, disse Eduardo Renault, Gerente de Pesquisa do Instituto Australis. O monitoramento nas enseadas da APA da Baleia Franca e na praia Morro dos Conventos, em Araranguá, ocorre desde 1º de agosto, e se estende até o dia 30 de novembro. O pico de ocorrência da temporada reprodutiva das baleias-franca é em setembro, e até lá mais baleias devem chegar na região.

O

jovem lutador Vinicius Izidoro, 18, conquistou mais três medalhas de ouro para a coleção, após disputar 13 lutas no Floripa Winter Open, competição de inverno da Confederação Brasileira de Jíu-Jítsu (CBJJ), realizada no domingo, 11, na capital catarinense.

O lagunense subiu ao pódio em três categorias: com kimono, sem kimono, e absoluto sem kimono.

“Os próximos campeonatos que eu pretendo lutar, só ainda estou dependendo de conseguir apoio, são: o brasileiro sem kimono no Rio e pan sem kimono em Nova Iorque”, adianta o esportista, que deseja participar, também, do europeu sem kimono, em Roma e mundial sem kimono, na Califórnia, além da seletiva para o

mundial de Abu Dhabi no Rio.

nicius podem ser obtidas pelo telefone (48) 9 9674-2561. Incentivado pela administração “Atualmente estou em nono no municipal de Pescaria Brava ranking mundial e pretendo e Laguna, o lutador mantém lutar esses campeonatos para busca por patrocínios. Infor- chegar em primeiro”, finaliza. mações sobre como apoiar Vi- (Fonte Portal Agora Laguna)

Karatê de São Ludgero conquista 17 medalhas na Copa Cidade de Tubarão Com 240 atletas disputando no dia 10 de agosto, na Arena Multiuso Prefeito Estêner Soratto da Silva, a Copa Cidade de Tubarão de Karatê – Campeonato Amigos do Sul, a equipe de São Ludgero conquistou um total de 17 medalhas.

A etapa do Campeonato teve participação além de Tubarão e São Ludgero, dos municípios de Criciúma, Cocal do Sul, Braço do Norte, Armazém, Florianópolis, São José, Içara e Biguaçu. Para os técnicos da equipe de São Ludgero, Júlio César de Jesus e Alison Araújo, o evento foi de nível fortíssimo e serviu de preparação da equipe para a Olímpiada Estudantil Catarinense (Olesc) que acontecerá no mês de setembro na cidade de Videira. “Todos estão de parabéns pelos resultados alcançados. Aproveitamos

para agradecer o apoio recebido da Prefeitura de São Ludgero, através da Comissão Municipal de Esportes (CME)”, pontua o professor Júlio. Do total de 17 medalhas, foram 4 de ouro, 7 de prata e 6 de bronze.


LAGUNA/SC 14/08/2019

O CORREIO P. 08

Resgate da cultura açoriana

nas escolas municipais Viviany Fernandes

E-mail: jornalocorreio@gmail.com

Parabéns Aos aniversariantes da semana os nossos votos de muitas felicidades!

•10- Vera Denise Furtado de Mello Oliveira •10- Janir Costa Júnior •10- Lourenço Fernandes •10- Isabel Camilo Inácio •12- Rosimery Cereja •15- Mário Rainoldo Vieira •16- Natanael Coelho

A culinária, poesia, artesanato, pintura, arquitetura, danças e o colorido da cultura de Portugal estão envolvendo as crianças da rede municipal no projeto Resgate do Povo Açoriano, um dos colonizadores de Laguna, com descendentes por todo o município. Atualmente, Laguna tem 45 mil habitantes.

Divididos por temas os estudantes, professores e gestores estão movimentando as comunidades. O projeto pedagógico, de acordo com a secretária de Educação, Janaina Preve, envolve diversos aspectos que influenciaram culturalmente a região. Contou com apoio do Departamento Pedagógico e da Fundação Lagunen- Brasil-Colônia. Portugal temia inse de Cultura. vasões espanholas no Sul do Brasil, principalmente, em Santa Catarina e O projeto está sendo desenvolvido Rio Grande do Sul, áreas estratégicas com as turmas da educação infantil e para se chegar ao Rio da Prata. ensino fundamental. O litoral permitia o abastecimento de água e alimentos às embarcações. Na 1º ano - dança e cantorias açorianas disputa, a necessidade de alargar as 2º ano - personagens do boi-de- fronteiras da colônia Brasil. Contudo, -mamão somente no século XIX, foram dados 3º ano - brinquedo folclórico açoriano os primeiros passos para uma ocu4º ano - pão por deus (confecção e pação mais efetiva do território, com produção de versos) políticas de povoamento para o Sul. 5º ano - A vinda dos povos açorianos Segundo o pesquisador Antônio Car6º ano - Culinária açoriana los Marega, Laguna foi colonizada 7 º ano - Dialeto açorianos em duas etapas: a primeira, no século 8º ano - Mulheres açorianas: asAnitas XVIII, meados de 1740, desbravoude Laguna -se a região costeira da Lagoa Santo 9º ano - Benzedeiras, artesanato e Antônio dos Anjos, região que vai do história de pescadores Bananal até a Madre, passando por Ribeirão Pequeno. Esses primeiros História dos açorianos em La- colonizadores, conhecidos como guna portugueses dos açores, procuraram De 1500 a 1700, mas de 100 mil habitar o local em busca da pesca e portugueses se deslocaram para o do solo produtivo.


Profile for Jornal O Correio

O CORREIO - ED 1528  

UM JORNAL DE VERDADE

O CORREIO - ED 1528  

UM JORNAL DE VERDADE

Profile for ocorreio
Advertisement