Page 1

Diretor Técnico Mauro Sérgio Fernandes da Silva CRM 8789 - Pediatra RQE 4329

A saúde de sua criança merece a atenção de um especialista 

Dr. Mauro Sérgio Fernandes da Silva CRM 8789 - Pediatra

Temos sala de vacinas Visite o site: http://clinicavidalaguna.wix.com/vida

Fone: Fone: 3646-2488 3646-2488

Rua. Voluntário Fermiano. 60 – Laguna SC

O Senhor é meu pastor, nada me faltará

LAGUNA/SC - ANO XXIV - EDIÇÃO 1497 - LAGUNA/SC 12/01/2018 - R$ 3,00 - JORNAL BISSEMANAL

Começou o Sesc Verão Governador Carlos Moisés inicia processo de desativação total das ADRs Medida faz parte da proposta de reforma administrativa. Orçamento das Agências de Desenvolvimento Regional chega a R$ 440 milhões anuais Douglas Rossi / RCN

Cumprindo uma das principais promessas de campanha, o governador eleito em Santa Catariana, Carlos Moisés da Silva, deu início ao processo de desativação das Agências Regionais de Desenvolvimento, as ADRs, que há muito já haviam se tornado motivo de polêmica no cenário político catarinense. A previsão é de que em 1º de maio todas as estruturas já estejam totalmente desativadas. Desde que iniciou a gestão, Moisés já exonerou132cargoscomissionadosligados às estruturas. Ainda estão previstas outras 80 exonerações. Neste segundo grupo estão os quatro gerentes de cada ADR que serão mantidos até a desativação definitiva das agências. Serão eles os responsáveis, nesse período, por dar continuidade aos serviços prestados à população, até que todas as atividades sejam absorvidas pelas

12:00 HORAS

respectivas secretarias e entidades de administração pública que detêm a competência legal. Embora o texto do decreto prevendo as mudanças já estivesse pronto no momento da posse, o governador preferiu submeter o conteúdo para análise da Procuradoria Geral do Estado. O documento também foi avaliado pelos secretários cujas pastas serão atingidas com a mudança. A expectativa é de que o decreto seja publicado já nos próximos dias. A medida faz parte da reforma administrativa anunciada pelo governador Moisés, e pela vice Daniela, antes mesmo que tomassem posse. Conforme a assessoria do governo, o objetivo principal é otimizar recursos públicos com a redução de estruturas e de cargos comissionados, numa tentativa de equilibrar as finanças do Estado.

Começou na sexta-feira (11) a edição do Sesc Verão 2019 nas areias da praia do Mar Grosso, que acontece até 27 de janeiro, na estrutura montada em frente a Praça do Villa. Durante os próximos dias, muitas atrações estão reservadas, dentre elas Show do Boca da Noite: História do Samba, dia 19/01, 20:30h e aulas de tai chi chuan dias 18, 19, 20, 25 e 26/01, as 9h. e ainda recreações, torneios esportivos, além de estação saúde e cultura. Conheça a programação na página 06.


O CORREIO P. 02

lameira00@hotmail.com

Atanazio Lameira

LAGUNA/SC 12/01/2019

Mello Jr.

artigo

Reinventando o Profissional

É possível termos uma equipe só de líderes

Falando a verdade Um poema sem cortes Um poema cabisbaixo. Um poema demonstração. Um poema que fosse um filme de terror. Um poema que soubesse resumir uma carta de amor. Um poema que causasse impácto naquele primeiro leitor. Um poema que votasse e retirasse da urna eletrônica uma mensagem para o candidato e eleitor. Um poema que transformasse a cidade em um lugar melhor com as pessoas amparadas sem dissabor. A galinha do ovo de vidro Não jogue fora o seu precioso tempo falando de coisas banais. Procurando difamar as pessoas com assunto que você desconhece. Todo mundo sabe que estes “falastrões” têm um rabo maior do que imagina e, agindo assim tenta distorcer os fatos objetivando em última análise esconder seu próprio ovo de vidro. Ouça - a bela música – ouça com atenção. Deixe a emoção mandar. Se por acaso o coração quiser interferir – com seus batimentos acelerados – não se preocupe apenas ouça a canção. Queira a vida – posto que ela já lhe abraçou. Queira o bem - posto que se tem de melhor. Queira a mágica de estar vivo e, amanhecer naquela manhã. Visite o meu: Blog: athanaziolameira.blogspot.com

U

ma das habilidades mais desejada nos últimos dez anos, independente do segmento, é a capacidade de liderar pessoas e processos. Alguns especialistas afirmam que aquele que conseguir formar uma equipe de líderes - todos os profissionais da equipe com habilidade de liderança – obterá o pleno sucesso e sua manutenção. Não vou dizer que é quase impossível que isso aconteça, mas por enquanto questiono, pois esta habilidade é encontrada em poucos profissionais e uma mesma empresa ter uma equipe inteira deles! Acredito que a cultura e a falta de entendimento e adaptação dos profissionais em relação ao conceito de liderança atual são os principais motivos destas dificuldades. Explico: somos criados e educados para competir, nossa cultura estimula este comportamento e mudanças culturais são bastante difíceis, ou seja, os líderes são educados para serem melhor que os outros e exercerem o poder sobre os demais; e a maioria dos trabalhadores são treinados para obedecerem as ordens do líder / “chefes”; se acomodam e alguns casos aceitam a relação de poder ‘manda quem pode e obedece quem tem juízo’ para manterem-se empregados. O líder não é aquele que tem o título, nem o dono da empresa, mas aquele que consegue formar novos líderes, que agregam valor à equipe, que tem iniciativa, que buscam resultados coletivos

Hora do cafezinho Paulo Sérgio Silva

Em Laguna, depois da tempestade de fim de ano, amostras foram coletadas para análise na segunda-feira, 07, e conforme os dados da entidade as sete praias observadas na cidade estão apropriadas. Em relação ao último relatório, também a prainha do Farol recuperou a classificação positiva. Morreu na manhã desta quinta-feira, 10, em Criciúma, o presidente do diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT), Claudionor Dias Pereira aos 59 anos de idade. Claudinho, como era conhecido, também estava a frente da diretoria

EXPEDIENTE

Fundado em 29.07.1995 Direção Geral: PAULO SÉRGIO SILVA JORNAL O CORREIO. LTDA. ME. C.G.C. 03.002.178/0001-60 Insc. Mun. 54.0375 Redação e Administração: Rua Voluntário Fermiano, 52 - Centro Fone: (48) 99153-3959 - Laguna/SC Número Avulso: R$ 3,00 Tiragem: 1.000 exemplares Os artigos assinados são de responsabilidade de seus autores. Circulação aos sábados as quartas-feiras: Laguna, Pescaria Brava, Garopaba, Imbituba, Paulo Lopes e Imaruí. E-mail: ocorreiolaguna@gmail.com http://www.ocorreionet.blogspot.com

abrindo mão dos próprios interesses pessoais para o bem comum, para o que será melhor para a empresa e equipe. Assim, acredito que a melhor forma de implantar a formação de novas lideranças e diminuir a competição interna pelo ‘poder’ é a liderança por projetos, que pode ser, por exemplo, um projeto com ações para diminuir a inadimplência e neste assunto a pessoa que mais entende é o Zé que é caixa e faz a cobrança. Nesta equipe de trabalho o Zé coordena e o gerente geral da empresa que é o Paulão fará parte da equipe e auxiliará o processo. Dessa forma você dará autonomia ao Zé e todos deverão respeitá-lo como líder trabalhando numa relação de troca - dar e receber. Em outro projeto quando o Paulão for o coordenador, com certeza o Zé vai auxiliar e muito para que as coisas funcionem, acabando com as vaidades do cargo. Liderança é a habilidade da vez de qualquer profissão, deve ser encarada como é uma especialização e o profissional que for especialista em liderança terá realmente um grande diferencial em sua carreira. Dessa forma, poderá uma empresa ter sucesso tendo uma equipe de vendedores e banindo outras especializações? Um banco feito só de gerentes? Uma editora feita só de redatores? É, a coisa não é assim tão fácil. Vamos combinar: quem conseguir primeiro avisa o outro, vamos trocar experiências.

Melo Jr.

da Associação dos Aposentados de Laguna. Claudinho chegou a ser internado em Tubarão com suspeita de pneumonia, segundo informações preliminares, e foi transferido durante a noite para o Hospital São José, em Criciúma onde veio a óbito. Apontada como modelo pelo Fundo Monetário Internacional (FMI), a privatização da Previdência Social chilena, promovida pelo general Augusto Pinochet na década de 1980, continua vigente e cobrando um preço cada vez mais elevado. O colapso do sistema tem ganhado maior visibilidade nos últimos dias à medida que o arrocho no valor das pensões e aposentadorias se reflete no aumento do número de suicídios. De acordo com o Estudo Estatísticas Vitais, do Ministério de Saúde e do Instituto Nacional de Estatísticas (INE), entre 2010 e 2015, 936 adultos maiores de 70 anos tiraram sua própria vida no período.

SALGADOS TÍPICOS GRAÇA RODRIGUES

Fone: 3644-3959 Leia e assine

Salgados típicos açorianos de Laguna, Casquinha de Siri, Camarões Recheados . Tratar: Av. João Pinho, 756 – Mar Grosso Fones: 3647-1710 e 9986-1141.

Aceitamos pedidos para pronta-entrega


LAGUNA/SC 12/01/2019

O CORREIO 03

Restaurante Faísca Center Primamos por trabalhar com Cortesia, Agilidade, Empatia e Bom Humor com o objetivo de servir nossos clientes com excelência e dedicação. Venha conhecer nosso Buffet, diferenciado e delicioso! Rua XV de Novembro, 15 Centro - Laguna/SC (48) 36460488

PAZ PARA O ANO NOVO Por Luiz Carlos Amorim – Escritor, editor e revisor – Http://www.prosapoesiaecia.xpg.uol.com.br

2019 começou e mais do que nunca ele será um ano para cuidarmos bem do nosso meio ambiente, do lugar onde vivemos, do ar, dos rios, do mar, da terra. Se não respeitarmos a natureza, ela também não terá como nos devolver respeito e segurança. É uma troca natural e justa. Então, temos que ter responsabilidade e esperança. Temos que fazer deste ano o ano da conscientização e do propósito de cuidar do nosso lar, cuidar do nosso planeta Terra, que até aqui só fizemos tentar matá-lo. E ele está estertorando. Então, este novo ano terá que ter a marca da renovação, da certeza de que podemos mudar, de que podemos provocar mudanças em nós e no próximo, de que essas mudanças precisam começar e podem trazer, oxalá, condições de vida melhor para todos se tivermos um planeta mais vivo, mais saudável, com o meio ambiente e a natureza protegidos. E essa esperança de um futuro melhor, sem poluição do ar do nosso planeta, da água, do mar e do solo, vai nos trazer uma coisa não menos importante: a paz. Precisamos plantar, cultivar e disseminar a paz, sem a qual todo o resto, até a esperança, será em vão. E sabemos que nós somos o instrumento da paz, os construtores da paz, os responsáveis pela sua existência e permanência. Não podemos contar com uma transformação instantânea, com a correção dos erros do passado em um piscar de olhos. Mas precisamos começar. Com urgência. Temos que participar da renovação, com solidariedade e honestidade, fazendo cada um a sua parte. Nossa sociedade está imersa em uma era de corrupção e mentiras e precisamos redirecionar essa energia para o cuidado necessário que temos de ter com o nosso pequeno mundo, entrando em uma nova era, esta de transparência e verdade. Impossível? Este é o ano da esperança e da realização, não haverá esperança se não tentarmos construir um futuro melhor. Temos que trabalhar e contribuir para que a natureza seja nossa aliada, neste caminho para a paz, e não nossa inimiga. Temos que parar de desafiá-la e protegê-la. Precisamos nos unir a ela para salvar nosso planeta.

dill bergmann Não perca a primeira Feira Livre de 2019 evento, diversas atrações ainda integrarão a feira. “Na parte de exposição terá antiguidades, terrários, brechó e pastel feito na hora – o famoso ‘pastel de feira’”, diz.

Artesãos de Laguna e região voltam a se reunir em 2019 para a realização da primeira edição da Feira Livre de Artesanato do ano. O evento acontece neste domingo, 13, na praça Vidal Ramos, em frente à igreja matriz, no centro. A programação inclui música ao vivo a partir das 11h, com o Acustic Trio, que apresenta

um repertório composto por canções de reggae e da MPB e após as 15h, Terezinha Flor, mostra seu talento aos visitantes da feira. Segundo Sabrina Tolotti, organizadora do

A Feira Livre de Artesanato é aberta para visitação entre 10h e 17h e se tornou uma das principais vitrines para os trabalhos artesanais da região.

Feira Solidária neste final de semana no Mar Grosso O evento marcado pela diversidade de produtos e experiências. No Mar Grosso neste final de semana ocorre a sexta edição da Feira Regional de Economia Solidária. A realização é do Fórum Regional, com apoio da Prefeitura de Laguna, Cresol e Cáritas. Produtores rurais e associações de artesãos da região irão participar do encontro. A tenda da exposição estará na Praça do Villa, de 11 a 13 de janeiro. São grupos de artesanato, de padaria, de Além da comercialização a feira serve como agricultura agroecológica, de assentados da divulgação dos produtos para os turistas e reforma agrária, de mulheres e de pescadores. moradores.


O CORREIO P. 04

LAGUNA/SC 12/01/2019

Inicia obra de pavimentação da Ponta do Daniel até o Parobé Reflexões Maria Izabel Siqueira

Saber falar Certa vez, um rei sonhou que havia perdido todos os dentes. Logo que despertou mandou chamar um adivinho para que interpretasse o seu sonho. __Que desgraça Senhor! Exclamou o adivinho. Cada dente caído representa a perda de um parente de Vossa Majestade. __Mas que atrevimento! Gritou o rei, enfurecido. Como te atreves a dizer-me semelhante coisa? Fora daqui! Chamou os guardas e ordenou que lhe dessem cem açoites. Mandou que trouxessem outro adivinho e contou-lhe sobre o sonho. Este, após ouvir o rei com muita atenção, disse-lhe: __Senhor, grande felicidade vos está reservada! O sonho significa que haveis de sobreviver a todos os vossos parentes. A fisionomia do rei iluminou-se num sorriso, e ele mandou dar cem moedas de ouro ao segundo adivinho. Quando este saía do palácio, um dos cortesãos lhe disse admirado: __Não é possível! A interpretação que você fez foi a mesma que seu colega havia feito. Não entendo por que ao primeiro ele pagou com cem açoites e a você com cem moedas de ouro. __Lembra-te, meu amigo, respondeu o adivinho, que tudo depende como se diz alguma coisa... Uma mesma verdade pode ser aceita ou não, depende apenas da maneira como é dita. Por isso quando falarmos qualquer coisa para alguém devemos ter o cuidado de falarmos com o coração, com amor. Devemos pensar antes de falarmos coisas que não agradam ao nosso próximo. Assim também nós gostaríamos que agissem conosco. Falar a verdade, sim, mas com sabedoria. E a verdadeira sabedoria vem de DEUS! Precisamos muito pedir sabedoria a DEUS! Assim agiremos corretamente sempre! Porque: DEUS É AMOR!!! Izabel

Nesta semana, iniciou a obra de pavimentação asfáltica entre a localidade da Ponta do Daniel até o Parobé, 2,3 quilômetros, rodovia municipal João Batista Wendhausen. Com medições do trecho inicial e final, também locomoção de máquinas e trabalhadores. O trecho complementará os outros 4,8 quilômetros, da primeira etapa, em fase de execução entre o Bananal e Ponta Daniel. A estrada completa que pertence ao Distrito de Ribeirão Pequeno terá quase oito quilômetros asfaltados. Em dezembro, foi assinado um convênio do Governo do Estado, através do Fundam 1, com a prefeitura de Laguna, no valor de R$ 1.800.000,00, para aplicação na obra de pavimentação asfál-

Obra fomentará o turismo

tica e complementares da rodovia municipal. “Essa obra é esperada há muitos anos e é um compromisso que o governador assegurou com todos nós de Laguna, principalmente com os munícipes das comunidades do Bananal, Morro Grande, Figueira e Parobé. Além disso, o convênio nos permitirá fazer a continuação de uma pavimentação asfáltica em execução e que vai beneficiar muitas famílias, num total de mais de três mil pessoas em toda extensão”, revelou o prefeito. Horários de bloqueio de segunda a sexta-feira: 8:00 às 9:45h 10:00 às 12:00h 13:30 às 15:00h 15:15 às 17:30h Sábado 8h às 9h15min 9h30min ás 11h30min

Ao longo de quase nove quilômetros de extensão em seu total, a rodovia de mais de 60 anos é cercada por comunidades ribeirinhas formada de famílias de agricultores e pescadores da Lagoa de Santo Antônio. Além de melhorar o tráfego dos moradores, a obra também deverá atrair turistas, tendo em vista que a localidade está se desenvolvendo no setor gastronômico e já recebe visitantes nos fins de semana. “Sem dúvida essa obra vai beneficiar uma belíssima região que precisava ser contemplada, principalmente no incremento do turismo, pois é uma área com pousadas e restaurantes”, complementou Candemil.

Pedras que rolam...

Aureo L. Freitas -

aureolameira@hotmail.com

SOM DO VINIL - BENITO DI PAULA Mais uma entrevista super interessante do ex-titã Charles Gavin com o colecionador de sucessos nos anos 70 Benito Di Paula. O cantor, compositor e pianista discorreu sobre sua carreira, músicas que o fizeram um dos maiores vendedores de discos do Brasil, cerca de 35 milhões, disputa por vendagens com Roberto Carlos, que gravou músicas suas. UdayVelloso, seu nome verdadeiro, nasceu em Nova Friburgo-RJ em 1941, aprendeu ainda adolescente piano e já se apresentava nas casas noturnas da cidade quando decide tentar a carreira no Rio de Janeiro, ainda nos anos 60. Estourou nas paradas

em 1973 com o disco Um Novo Samba, que trazia o sucesso Retalhos de Cetim. Após anos na gravadora Copacabana, viu seu contrato encerrado no início dos anos 80 quando perdeu toda fortuna conquistada com a vendagem dos seus discos. Charles Gavin tentou analisar os contratos mau feitos e os direitos autorais nem sempre pagos que fizeram Benito Di Paula cair no ostracismo. Fazendo shows até hoje, vale sua obra cantada por várias gerações nas canções Charlie Brown,Vai Ficar Na Saudade, Se Não For Amor, Mulher Brasileira. Um viva a Benito di Paula...

Temos sala de vacina Dr. Mauro Sérgio Fernandes da Silva Pediatra Diretor Técnico Dr. Mauro Sérgio Fernandes da Silva CRM 8789 - Pediatra RQE 4329

Fone 3646-2488 Rua Voluntário Fermiano 60 - Centro - Laguna / SC


LAGUNA/SC 12/01/2019 ESTADO DE SANTA CATARINA / PODER JUDICIÁRIO Comarca - Laguna / 2ª Vara Cível Rua Arcângelo Bianchini, 69, ., Centro - CEP 88790-000, Fone: (48) 3644-8332, Laguna-SC Email:laguna.civel2@tjsc.jus.br Juiz de Direito: Pablo Vinicius Araldi Chefe de Cartório: Gizele de Souza Molon Medeiros / EDITAL DE CITAÇÃO - USUCAPIÃO - RÉUS INSCRITOS E EVENTUAIS - COM PRAZO DE 30 DIAS Usucapião n. 0301334-08.2015.8.24.0040 Autor: Aline de Oliveira Vieira / Citando(a)(s): Interessados ausentes, incertose desconhecidos. Descrição do (s) Bem (ns): Um terreno com área total de 125,89m2 localizado na rua Coronel Fernandes Martins, 1002, bairro progresso, Laguna-SC, com as seguintes medidas e confrontações: FRENTE: com 7,90 metros e confrontando com a rua Coronel Fernandes Martins; FUNDOS com 7,90 metros e confrontando com Orlando de Souza; LATERAL ESQUERDA Com 15,95 metros e confrontando com Marcelo Luchina; LATERAL. DIREITA com 15,95 metros e confrontando com Jose Carlos Constantino. Prazo Fixado para a Resposta: 15 dias. Pelo presente, a(s) pessoa(s) acima identificada(s), atualmente em local incerto ou não sabido, bem como seu(s) cônjuge(s), se casada(o)(s) for(em), confrontante(s) e aos eventuais interessados, FICA(M) CIENTE(S) de que neste Juízo de Direito tramitam os autos do processo epigrafado e CITADA(S) para responder à ação, querendo, no lapso de tempo supramencionado, contado do primeiro dia útil seguinte ao transcurso do prazo deste edital. ADVERTÊNCIA: Se o réu não contestar a ação, será considerado revel e presumir-se-ão verdadeiras as alegações formuladas pelo autor (art. 344 do CPC). Será nomeado curador especial no caso de revelia (art. 257, IV do CPC). E para que chegue ao conhecimento de todos, partes e terceiros, foi expedido o presente edital, o qual será afixado no local de costume e publicado 1 vez(es), com intervalo de 0 dias, na forma da lei. Laguna (SC), 03 de dezembro de 2018. Charles Silva Reis Código de Normas da Corregedoria-Geral da Justiça - Art. 212 DOCUMENTO ASSINADO DIGITALMENTE

Compro LP’s (Discos de Vinil) Todos os gêneros musicais: Rock, Reggae, MPB, Jazz, Blues e Bandas Catarinenses. Telefone (47) 98838-7492

O CORREIO P. 05

Suyan de Melo suyanfaria@gmail.com

EU SOU NEGUINHA?! 2018, antevéspera de ano novo. Aos trinta e nove de idade estou em êxtase com meu recém visual radical: cabeça raspada, que desejava fazia mais de quinze anos, nem que fosse uma vez na vida. Ainda não é a cabeça toda: estou guardando um moicano foda pra janeiro, pra depois não sentir grandes saudades do cabelo imenso que eu tinha até ontem. Cortei com o maior zelo pra entregar ao Banco Nacional de Perucas via Rede Feminina de Combate ao Câncer. Já disse que estou em êxtase? Minha primeira tentativa de raspar a cabeça, uns dez anos atrás, foi inútil: meu cabeleireiro travou, advertindo que, super cabeçuda que sou, eu careca ficaria horrível. Foi em vão tentar explicar que eu não estava querendo exatamente a estética da careca, mas sim a sensação da cabeça livre de cabelos. É um ponto delicado que situo bem antes da estética: muito mais uma questão sensorial, física e até metafórica de valores e percepções. Entre ontem e hoje, entre cabeluda e moicano, fui à praia duas vezes, coisa que raramente faço nessa época em que converto todo tempo livre do meu recesso profissional em arrumações e planejamentos pro ano seguinte. E, mais raro ainda nesse nosso mar sulista sempre gelado, nas duas entrei e me demorei no mar: sentindo que purifiquei meu cabelo, pra doá-los simbolicamente neutros de quaisquer energias. Sal da terra, sal da água, luz do mundo. Essa movimentação excepcional toda em torno de praia, cabelos, calor e fotos mexe até com meu metabolismo: durmo tão cedo, que às três da manhã perco o sono. Quando vejo que a fome vai chegar em dor de cabeça, levanto pensando em matar um resto de sopa que achei que ainda havia, mas já não. Então, enquanto esquento um pouco de feijão meio insosso pra transformá-lo num pirão acolhedor, me vejo moicano refletida no vidro da cozinha, e esse look me lembra Cássia Rejane, a Eller, que nos deixou exatamente dezessete anos e um dia atrás. Mexendo a panela enquanto me olho no vidro, me lembro da sua gravação de Eu Sou Neguinha?. Com uma mão continuo mexendo o feijão, com a outra procuro pela música no YouTube, baixando o fogo pra não queimar, baixando o volume pra não acordar a vizinha que tem sono leve. Ouço primeiro a gravação da Cássia. Depois uma do Caetano, ao vivo. Então encontro um videoclipe da Vanessa da Mata. Feijão quente, escaldo a farinha de puba recentemente trazida de Porto Seguro. Falta sal. A gravação da Vanessa é interessantíssima, ela é duas, ela é muitas, num ambiente de cabaré cheio de erotismo, humor e poesia arquitetado em trocadilhos visuais. Falta azeite. Eu também sou tantas. A música gira na minha cabeça enquanto eu giro a colher de pau na panela. A colher eu ganhei da índia Tanara, pataxó, na mesma viagem ao misterioso sul da Bahia, berço relativo do país. Ainda não é bem, nem nunca será, aquele pirão que a minha mãe me fazia todos os dias da minha infância pré-escolar às seis da manhã, quando eu, um reloginho humano e faminto, a acordava pedindo. Ela usava sempre a mesma panelinha que tinha nesse refogado matinal sua função exclusiva. Parecia um caldeirãozinho de bruxa, todo queimado por fora. Sempre os mesmos ingredientes: feijão, farinha de mandioca, cebola e alho, tudo refogado num pouquinho de gordura e finalizado com salsinha e cebolinha frescas. Um olho nas Vanessas, outro na panela. Fogão desligado, pirão pronto, mas falta textura. Recordo o que mais amava no da minha mãe: o crec crec na boca, onomatopeia nua e crua da cebola refogada. Um excesso de capricho, mas por que não? Pico uma cebola numa segunda panelinha, de ferro, juntando um fio generoso de azeite, e em dois minutos tenho um pirão muito mais crec crec do que antes. Revejo o clipe da Vanessa enquanto como calmamente, direto da panela, no sofá na sala, com os fones de ouvido. Minha panelinha quente claramente me aproxima daquela que eu era aos cinco de idade. Clareando o dia, depois de adiantar meu primeiro texto de 2019 pro jornal, enquanto tento voltar a dormir, lembro daquela minha antiquíssima cantiga de acordar: “Vem, neguinha, que a mãe vai refogar um feijãozinho pra ti”, ela me dizia todo dia, meio sonâmbula, ao ser sacudida às seis da manhã, tudo sempre igual mas como se fosse a primeira vez.


LAGUNA/SC 12/01/2019

O CORREIO P. 06


O CORREIO P. 07

LAGUNA/SC 12/01/2019

DIC elucida homicídio de Mukirana Jornalista Mukirana foi morto por dois adolescentes, esclarece Polícia Civil de Laguna A Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Laguna esclareceu a mor te do jornalista Clovis William dos Santos, 44 anos, conhecido como Mukirana. Segundo o delegado Bruno Fernandes, o homem foi morto por dois adolescentes, ambos de 17 anos, depois de uma discussão. A investigação apontou que o jornalista passou a madrugada do dia 7 com os autores do crime e mais duas adolescentes, dando voltas de carro e usando drogas. — Segundo os adolescentes, o Clovis estava alterado pelo uso de drogas e começou a xingá-los, que iria deixá-los a pé. Ele quase colidiu em um carro, então eles resolveram dar um fim. Convidaram todos a consumir drogas, o Clovis aceitou, porém a oferta de consumo seria uma tentativa de convencê-lo a ir até a praia — explicou o delegado. Ao chegar na Praia do Gi, onde o corpo foi encontrado, um dos adolescentes simulou que iria pegar uma pedra de crack, momento em que o outro veio com uma camiseta por trás do rosto de Clóvis e começou a asfixiá-lo. Os dois deram chutes e socos na região da cabeça da vítima, que morreu por traumatismo craniano. Os adolescentes estão recolhidos na DIC de Laguna e aguardam vaga para internação no Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório (Casep). A morte de Mukirana foi um homicídio qualificado mediante motivo torpe, com recursos que impossibilitaram a defesa da vítima, além da tentativa de ocultação de

cadáver, pois o corpo foi jogado na água. — Um dos adolescentes informou que o Clovis tinha o hábito de empenhar o veiculo como uma compensação para receber drogas, pois já não possuía tanto dinheiro para manter essa dependência química — esclareceu. O veículo foi abandonado pelos adolescentes na mesma tarde do crime, próximo ao Morro da Antena. O delegado informou que no momento do crime as meninas alegaram que foram para os escombros e não participaram da execução. Elas foram ouvidas como informantes. — Não considero crime premeditado, eles saíram de Tubarão não com a intenção de matar o Clovis, foi uma situação mais ocasional. Eles não suportaram os xingamento, são adolescentes infratores com ficha por práticas análogas, tráfico de drogas, tentativa de homicídio, tomaram essa atitude e ceifaram a vida dele dessa forma — comentou o delegado.

JORNAL LITORAL MEIO DIA

De segunda a sexta-feira Apresentação: PAULO SÉRGIO SILVA

1320 AM

Na Cara do Gol Mauro Silva O Avaí apresentou quatro contratações para a temporada de 2019. O goleiro Lucas Frigeri, os laterais Alex Silva e Julinho e o meia Gegê. Alex Silva, 24 anos, é lateral-direito e chega ao Avaí por empréstimo do Atlético-MG. Julinho, 32 anos, é ala pela esquerda. Lucas Frigeri, 29 anos, foi um dos destaques do CSA na Série B. O meia Gegê se junta ao elenco do Avaí tarimbado pela formação no Botafogo e passagem pelo futebol turco.

O retorno de Camilo ao Botafogo parece ser possível! O Internacional estuda a liberação do atleta de 32 anos, mas está aberto a ouvir propostas de outros clubes. Identificado com o Glorioso e com muita vontade de voltar onde se destacou entre 2016 e 2017, o meia aceita reduzir seus ganhos mensais pela conclusão da transferência. Na negociação de Lindoso por Alex Santana, o Fogão já pediu a liberação de Camilo! Só resta esperar!

O goleiro Jandrei foi anunciado como novo reforço do Genoa, da Itália. O negócio vai render pouco mais de R$ 10 milhões para Chapecoense eTubarão. O valor do negócio é de 2,4 milhões de euros, que supera a última grande transação internacional envolvendo um clube de Santa Catarina. Em 2008, o Borussia Dourtmund desembolsou 2 milhões de euros para contratar o zagueiro Felipe Santana junto ao Figueirense.

Depois de vender 50% dos direitos econômicos de Arrascaeta ao Flamengo por 13 milhões de euros - R$ 55,25 milhões - o Cruzeiro voltou à carga para contratar Bruno Henrique, do Santos. Para o rubro-negro, o técnico Jorge Sampaoli pediu o centroavante Fernando Uribe, como moeda de troca pela liberação de Bruno Henrique. Contudo, o técnico Abel Braga solicitou a permanência do colombiano. Vamos ver como se sairá a Raposa!

Reis tem uma meta de marcar 10 gols neste primeiro ano com a camisa do Criciúma. Pelo menos foi o que o atacante de lado de campo falou na última coletiva à imprensa. Contratado a pedido do técnico Doriva, o jogador deve ser titular neste início de temporada. Aos 26 anos, atuou pela última vez no Vila Nova-GO, em 36 jogos foram três gols marcados. Em 2017, também foram apenas três gols - pelo Caxias-RS e Boa Esporte.

O Flamengo recebeu o Ajax-HOL, na noite da última quinta-feira, em seu primeiro compromisso na temporada 2019. O jogo, válido pelo torneio amistoso Florida Cup, ficou marcado pelo equilíbrio entre as duas equipes. Nas penalidades máximas, o clube da Gávea conseguiu levar a melhor e somou dois pontos na competição internacional. Destaque para o atacante Uribe. Hoje, 19h, encara o Eintracht Frankfurt, da Alemanha.

O Figueirense tem troca entre os zagueiros do elenco. Rafael Dumas, que chegou no início desta temporada, deixou o clube e se transfere ao futebol do Japão. Ruan Renato será o seu substituto para a posição. Já está acertado com o Alvinegro, dependendo de exames médicos e avaliações físicas para posteriormente, se aprovado, assinar contrato. O defensor de 24 anos terá o seu vínculo com Figueirense até o final da temporada.

A provável contratação do meia-atacante Yeferson Soteldo, que pertence ao Huachipato, do Chile, deve agradar o torcedor do Santos. Além de ser o primeiro reforço do clube na temporada, o venezuelano – muito ofensivo – cairá como uma luva no esquema do técnico Jorge Sampaoli. Aos 21 anos, Soteldo pode atuar tanto centralizado, como um segundo atacante, ou pelos dois lados do campo, com preferência pelo lado direito.

O Joinville empatou o último jogo-treino antes da estreia no Campeonato Catarinense. Na última quarta-feira, o Tricolor ficou no 1 a 1 com o Marcílio Dias em teste realizado na Arena Joinville. Lauder marcou para o time de Itajaí e Anthony empatou para o JEC. Os comandados de Zé Teodoro iniciam o Estadual na próxima quarta-feira, às 19h, em Brusque, quando o JEC joga no Estádio Augusto Bauer.

A negociação com Rossi se complicou! O Shenzhen avisou que só aceita liberar o empréstimo do atacante mediante pagamento de 500 mil dólares e sem precisar arcar com o salário do jogador. A informação foi publicada pelo "UOL Esporte" e confirmada pelo GloboEsporte. com. A intenção do Vasco seria obter o empréstimo sem custos. O empresário de Rossi está na China desde o início da semana, mas não conseguiu dobrar o Shenzhen.


O CORREIO P. 08

LAGUNA/SC 12/01/2019

Pontos de observação da Baleia franca são instalados Viviany Fernandes

E-mail: jornalocorreio@gmail.com

Parabéns

Aos aniversariantes da semana os nossos votos de muitas felicidades!

13- Hilário Pereira 15- Aderbal Zapeline Mendes 15- Amaro Martins 15 – Silvio da Silva Costa 16 – Márcio Antônio de Souza 16- Georgios Damianos Andreadis Júnior 16- Arlete Bergmann Machado 16- Maria Laura Silva Cabral 18- Jader Nunes Mendes 18- Almerinda Guedes de Castro 18 – Lupércio Guedes 18 – Johnatan Marinho Costa

Revitalização do Jerônimo Coelho reiniciou após o recesso. O espaço terá ampliação de uma área de 978.63 metros quadrados, construção de uma quadra de esportes coberta de 299,90 metros quadrados e restauro de uma área de 1.566,06 metros quadrados. O espaço deverá abrigar um Colégio Militar. A Língua Brasileira de Sinais (Libras) pode ser incluída como disciplina obrigatória nas escolas públicas do país. A ideia legislativa foi apresentada em março deste ano por meio do Portal e-Cidadania e, em menos de quatro meses, recebeu mais de 20 mil apoios de internautas. A proposta foi transformada na Sugestão (SUG) 15/2018 e aguarda relatório na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH). A libras é um conjunto de gestos usados por deficientes auditivos para a comunicação com outras pessoas, surdas ou não. Quem apresentou a ideia legislativa foi a pedagoga Marilei Monteiro, de São Paulo. Ela argumenta que a Libras “é a segunda língua oficial brasileira”, já que a Lei 10.436, de 2002, reconhece o sistema “como meio legal de comunicação e expressão” do país.

A secretaria de Turismo, através do projeto a Rota da Baleia Franca, idealizado pelo Sebrae com apoio do Governo do Estado e da prefeitura de Laguna, instalou novos pontos de observação das baleias na praia de Itapirubá. Os paineis são uma homenagem às Baleias Francas e facilita para os turistas poderem obervar, fotografar e registrar mais uma atração turística da cidade. A estratégia é aproveitar a temporada de verão para divulgar as Baleias Francas, que veem para o litoral catarinense todos os anos, durante o inverno, para acasalar, parir e amamentar seus filhotes. O Farol de Santa Marta também faz parte da Rota da Baleia Franca e irá receber ainda hoje (11) dois pontos de obervação. Um próximo aos sambaquis e outro próximo a Praia do Cardoso.

Baleias em Santa Catarina Todos os anos, entre julho e novembro, é temporada de baleias em Santa Catarina. Os animais que frequentam principalmente o litoral Sul do Estado são as Baleias Francas. Durante o nosso verão,

elas deixam pra trás as águas geladas da Antártica e buscam regiões costeiras para acasalar, parir e amamentar seus filhotes nascidos no ano anterior. Se antes as Francas podiam ser vistas desde a divisa com o Uruguai até a Bahia, hoje a área restringe-se quase que apenas à região Sul.

O CORREIO - ED 1497  

UM JORNAL DE VERDADE

O CORREIO - ED 1497  

UM JORNAL DE VERDADE

Advertisement