Issuu on Google+

ANO 85, Nยบ 11, NOVEMBRO 2011

Rua Elizeu Faria, 157 - 81720-130 - Curitiba - PR


EDITORIAL

UM CHAMADO ESPECIAL: LÍDERES-SERVOS!

Um dos grandes equívocos na história das igrejas cristãs consiste na falsa ideia de que os líderes cristãos gozam de uma alta posição hierárquica em detrimento de uma larga maioria de liderados considerados como leigos. Estabeleceu-se uma dicotomia entre o Clero e o Laicato. Movimentos paralelos à Reforma Protestante, como ocorrido entre os batistas, têm denunciado esta distorção à luz dos parâmetros do ensino do Novo Testamento, mas também correm riscos ao longo de sua história. Essa visão distorcida da liderança cristã pressupõe que o ministério é uma forma de carreira profissional em que os mais

qualificados ou mais bem posicionados na hierarquia eclesiástica exercem a chefia das maiores igrejas e de ministérios considerados por alguns como mais relevantes. Não há dúvida que o autoritarismo machista aliado ao capitalismo selvagem tem influenciado essa postura, juntamente com traços culturais onde há predominância de uma visão piramidal de comando, convergindo para o exercício de uma liderança mais ocupada em mandar do que servir. Embora o exercício de voz de comando seja uma necessidade organizacional, o desafio da Missão Integral da Igreja, à luz dos ensinos do Novo Testamento, e mais

particularmente na postura ética de Jesus Cristo, está descrito de forma eficaz quando diz: “Mas não sereis vós assim; antes o maior entre vós seja como o menor; e quem governa como quem serve” (Lc 22.26). Ao refletir sobre o chamado ministerial e sobre a liderança eclesiástica, somos confrontados com uma prática tão influenciada por conceitos culturais, que se torna necessário resgatarmos os princípios neo testamentários da ética do Reino. Ou seja, quando Jesus chama seus discípulos e dentre eles escolhe os apóstolos, dá-lhes uma honrosa distinção, não para se tornarem os “chefes”, mas para serem “servos”. Os evangelistas descrevem esse princípio com cores vívidas ao afirmarem: “E, quando já era dia, chamou a Si os seus discípulos e escolheu doze deles, a quem também deu o nome de apóstolos” (Lc 6.13), “e nomeou doze para que estivessem com Ele e os mandasse a pregar” (Mc 3.14). “Depois que lhes lavou os pés, e tomou as suas vestes, e se assentou outra vez à mesa, disse-lhes: Entendeis o que vos tenho feito? Vós me chamais Mestre e Senhor, e dizeis bem, porque eu o sou. Ora, se eu, Senhor e Mestre, vos lavei os pés, vós deveis também lavar os pés uns aos outros. Porque eu vos dei o exemplo, para que, como eu vos fiz, façais vós também” (Jo 13.12-15). Talvez não seja muito produtivo, à luz dos princípios de marketing, convidar pessoas para um trabalho que se carac-

terize pelo serviço e não pelas honrarias. Também não é muito atrativo dizer aos líderes em potencial que seu chamado não é para mandar, mas para oferecer sua vida como ferramenta na edificação da igreja de Cristo. Especialmente nos dias atuais, quando se busca o sucesso a todo custo, a prosperidade como princípio absoluto, quando pessoas recém formadas em seus cursos desejam iniciar suas carreiras onde poderiam estar após anos de experiência, esse chamado ministerial não terá muito Ibope. Mas é melhor que assim seja, pois Jesus não procura líderes que exijam as benesses do poder, mas líderes dispostos a servir e a encontrarem no serviço ao Reino e no reinar de Deus, o motivo suficiente para se dedicarem, “sabendo que no Senhor o nosso trabalho não é vão” (1Co 15.58). Portanto, prezado leitor e prezada leitora do Batista Pioneiro, ao pensar na Educação Ministerial, não imagine que esse chamado é para os outros, mas questione-se: a que serviço no Reino o Senhor está me convocando? Ao perguntar-se sinceramente nestes termos, relembre a inspiração do profeta que ouviu o chamado celestial: “A quem enviarei? E quem há de ir por nós?”, e respondeu de modo afirmativo, dizendo: Eis-me aqui, envia-me a mim!” (Is 6.8).

Pastor Samuel Esperandio

INTERCESSÃO: ‚‚Pelo Seminário de Treinamento de Líderes na Regional Iguaçu (Oeste do PR), dia 05/11 em Palotina; ‚‚Pelas igrejas em processo de sucessão ministerial; ‚‚Pelas igrejas em fase de construção; ‚‚Pelos pastores e obreiros em transição ministerial; ‚‚Pelo sustento da obra missionária da Pioneira; ‚‚Pelo suprimento no Lar Criança Feliz;

‚‚Pelo IMPACTO JUMAP e a transição na secretaria administrativa; ‚‚Pela plantação de novas igrejas com visão de multiplicação; ‚‚Pelas reuniões das Juntas neste final de ano; ‚‚Pelo dia de EDUCAÇÃO MINISTERIAL (13/11) e por nossa Faculdade Batista Pioneira; ‚‚Pela obra realizada pela EBM International.

Diretor Executivo da CBPSB

AGENDA DA PIONEIRA Dezembro

GRATIDÃO:

09 10 11 24-31 25

‚‚Seminário de Treinamento de Líderes – Módulo 4, realizado na Regional Centro nos dias 15 e 16/10; ‚‚Pelo Congresso dos Pastores ocorrido nos dias 17 a 21/10 em Toledo, PR; ‚‚Pelo Encontro de Missionários da Pioneira, nos dias 21 e 22/10 em Toledo, PR; ‚‚Pelas comemorações do Cinquentenário do Lar da Criança Henrique Liebich.

Fim do ano letivo – FBP Formatura 2011 – FBP Dia da Bíblia Recesso administrativo Natal

EXPEDIENTE

Órgão Oficial da Convenção Batista Pioneira do Sul do Brasil

Presidente: Rui Osvaldo Teske

Editor Responsável: Pr Samuel Esperandio

Vice-Presidentes: Zaira Maria Dhein Pr Jair Hein Sigmar Schmidt Pr Airton Nickel

Secretaria: Guímel Penha Adriane Gelbhar Okamoto

Conselho Editorial: Pr Helmuth Scholl Pr Claiton André Kunz

2

Redação: Rua Elizeu Faria, 157 - casa 1 81720-130 - Curitiba, PR Fone/Fax: (41) 3284.4650 batistapioneiro@pioneira.org.br

Arte e Diagramação: BHZ Design (51) 3024.8030 andre@bhzdesign.com.br www.bhzdesign.com.br Revisão: Pr Alfredo Reinke Impressão: Gráfica O Estado do Paraná (41) 9926.1113

A publicação é de responsabilidade da Convenção Batista Pioneira do Sul do Brasil. As matérias assinadas são de responsabilidade de seus autores e não refletem, necessariamente, a opinião do Jornal. A Redação se reserva o direito de resumir as matérias. Matérias a serem publicadas devem ser enviadas para o endereço da Redação e de preferência em CD ou por e-mail.


Liebich – Uma História de Fé, Esperança e Amor

por Zidrone Liebich Moreira

Em comemoração aos 50 anos do Lar da Criança Henrique Liebich, o Batista Pioneiro publicará mensalmente a história da família Liebich contada pela filha de Henrique, Zidrone Liebich Moreira. O texto na íntegra pode ser solicitado para a Zidrone pelo email zidrone.moreira@gmail.com, ou então baixado do site da Pioneira em http://cbpsb.weebly.com/44---lchl.html

Aos irmãos pioneiros: Quero louvar a Deus pela vida de meu pai, Henrique Liebich, e de minha mãe, Frieda Liebich. Se meu pai estivesse entre nós, teria completado 100 anos de vida no dia 21 de agosto de 2011. O testemunho de nossos pais vive através do Lar da Criança Henrique Liebich, fundado por eles em Monte Alvão, e hoje situado em Ijuí. Estou encaminhando um Jornal Eletrônico que conta a história deste vibrante casal, o qual foi fiel à missão que Deus colocou diante deles. Desafio você a ler a história de fé deste casal, a ver a trajetória do Lar da Criança Henrique Liebich e como minha família foi usada para a manifestação da glória de Deus em muitas vidas. No amor de Cristo. Zidrone Liebich Moreira Editorial O que escrever sobre esta família? Principalmente a respeito deste homem que, se estivesse vivo, comemoraria 100 anos de vida. Tenho convivido com esta família há aproximadamente vinte e sete anos e estou casado com Zidrone há vinte e cinco anos. Tenho visto, sentido e verificado a grandiosidade, lealdade, fidelidade e fé desta família. Henrique Liebich, em sua história de vida, pode ser comparado a um gigante na fé. Cem anos se passaram, mas sua mensagem de

fé naquilo que Deus fez e pode fazer ainda continua viva, através do Lar da Criança Henrique Liebich, em Ijuí e também por meio de tudo aquilo que ensinou e viveu. Sua tenacidade, após sua conversão a Cristo, para ter um futuro honrado e abençoado, demonstra as qualidades de um homem que lutou, acreditou em Deus e venceu. Mesmo não tendo frequentado escolas, este homem construiu um patrimônio invejável, ao lado da grande baluarte Frieda Liebich, esta mulher que foi um exemplo de fidelidade a Deus e à sua Palavra. Frieda foi e é uma inspiração para a minha vida e, olhando para o passado e o futuro, vejo na vida deste casal um testemunho vibrante do que Deus pode fazer através de um homem e uma mulher que acreditam verdadeiramente no Deus dos milagres e dos impossíveis. Quando olho hoje para o Lar da Criança Henrique Liebich, observo a visão deste casal, que deixou uma obra que tem marcado a história da cidade de Ijuí e da Convenção Batista Pioneira do Sul do Brasil. Vejo também o amor, o carinho e a dedicação do Pr. Horst Borkowski e de Bertraud, os quais influenciaram vidas para investir nesta instituição. Também sou grato a este casal pela bênção do apoio que recebi, quando casei com Zidrone, investindo em nosso Ministério na Pioneira. O meu muito obrigado.

Quantas vidas transformadas, quantas pessoas atingidas pela Palavra de Deus, por intermédio do testemunho marcante e vibrante do Lar da Criança Henrique Liebich! Deus é fiel, Deus nunca desampara aqueles que acreditam verdadeiramente nele. Além disso, Deus usou e tem usado este casal, Henrique e Frieda Liebich, para abençoar vidas através do Lar da Criança Henrique Liebich.

Neste ano que, caso Henrique Liebich estivesse vivo, completaria seu primeiro centenário, queremos agradecer a Deus como família pela vida deste homem que ainda hoje fala, e fala poderosamente, por meio da obra que deixou em Ijuí. Parabéns, família Liebich, pelo pai e pela mãe que vocês tiveram, pela bênção que foram na vida de vocês; meus parabéns também a todos netos e bisnetos! E registro a minha gratidão a Deus, bem como aos meus cunhados. Quero destacar que também sou grato à minha esposa, Zidrone Liebich Moreira, esta mulher, a qual é um símbolo de uma heroína, mulher de fé, amorosa, amiga e que tem sido um suporte em minha vida. Também presto meus agradecimentos à Sibila e ao Werner, que são bênçãos em minha vida, apoiaram-me quando conheci Zidrone e o fazem até hoje. Como ainda agradeço a Deus por Cristiano Liebich e sua esposa Sibila, aos meus sobrinhos, Alceri Liebich e sua esposa Cláucia, a Amaury Liebich e sua esposa Fabiana, e a Paulo Rodrigues e sua esposa Elaine, que investiram em nossas vidas nos momentos das maiores crises financeiras que passamos, dando apoio ao nosso ministério. Minha gratidão por fazer parte da história da família Liebich. A Deus, toda glória. Pr. Reginaldo Pires Moreira

por Gustav Feuerharmel

Relatos da vida de um emigrante para o Brasil Sob este título, o irmão Gustav Feuerharmel, filho mais novo dos nossos irmãos pioneiros Karl e Friederike Feuerharmel, produziu um volumoso manuscrito que nos permite ver, além da biografia dos seus pais, diversos detalhes novos, valiosos e interessantes sobre os tempos iniciais da nossa obra. Somos gratos ao irmão Feuerharmel por nos ter colocado este material à disposição para publicação. Ele foi publicado em alemão em capítulos no Missionsbote (antecessor do Batista Pioneiro) de agosto de 1951 a julho de 1953. (Trad.: Roland Körber / SP) (continuação de vii. presos como criminosos por causa da fé)

Entrementes começava a escurecer. Na cela já estava completamente escuro, mas ninguém pensava em dormir. Sentaram-se no frio chão de pedra, encostando-se à parede, de frente um para o outro e discutiram sua miséria. Bem tarde, finalmente, a porta se abriu mais uma vez. Entrou um negro segurando uma luz em uma das mãos e na outra uma grande tigela de feijão. Embora a comida não parecia nem um pouco apetitosa, a fome os fez comer tudo. A pedido, o carcereiro ainda lhes trouxe uma jarra de água e uma caneca de lata para beber. Depois ele trancou a porta e eles ficaram a sós. Os amigos do sítio tiveram uma sorte um pouco melhor. Foram submetidos a um breve interrogatório. Corajosamente confessaram sua fé, contra a qual ninguém soube objetar nada, especialmente quando um deles acrescentou que, desde que se convertera, muita coisa melhorara em sua vida, bem como em sua família e nos seus negócios. Depois de, apesar de muitas perguntas capciosas, não conseguirem extrair deles nada que incriminasse a eles ou a Karl Feuerharmel, deixaram-nos voltar para casa.

A notícia da prisão de Feuerharmel e de seus companheiros de fé se espalhou rapidamente por toda a cidade e para além dela. Vários homens influentes se reuniram para protestar contra essa atitude da polícia. Tiveram também a coragem de se apresentar ao chefe de polícia e exigir a soltura dos homens. Caso isso não acontecesse, eles próprios tomariam as providências cabíveis. Inicialmente, porém, nada aconteceu. Dominados pelo cansaço, finalmente também os dois presos cochilaram. De repente (deve ter sido pouco depois da meia-noite), alguém bateu à porta. Depois de aberta, entrou um homem que falava alemão e ordenou-lhes que se levantassem e levassem suas coisas, porque viajariam. No entanto, bastou porém o chapéu na cabeça para estarem prontos para viajar. Lá fora era noite escura, mas mesmo assim conseguiram enxergar todo um destacamento de policiais montados, que aparentemente esperavam por eles à porta. Para seu espanto viram também seus dois cavalos, devidamente selados. Será que a essa hora incomum os mandariam para casa? Rapidamente, porém, ficaram cientes de que não se tratava disso. Um soldado trouxe duas mulas sem sela, e logo o comandante

mandou que as montassem. Como muitas vezes é arriscado montar uma mula, ainda mais sem sela, eles vacilaram um pouco. Nova ordem, dois soldados intervieram e sentaram os homens, um após o outro, no dorso das mulas. Eles mesmos montaram então os bem selados animais dos seus prisioneiros e partiram para a escuridão da noite. Em sua casa no mato, Dona Friederike passava enquanto isso uma noite angustiada. Esperara pelo retorno do marido até tarde da noite. Quando deu meia noite sem que ele voltasse, ela finalmente se deitou, cheia de apreensões. Chegou a manhã. Veio o meiodia e o marido ainda não voltara. Também a esposa do companheiro Hermann Neitzke não suportou mais ficar em casa. Chegou-se à sua maternal amiga para se consolarem e animarem mutuamente. Finalmente, ambas chegaram à opinião de que o interrogatório poderia não se ter completado no dia anterior, mas que ao anoitecer eles certamente retornariam. No meio da conversa alguém se anunciou batendo palmas. Logo em seguida ouviram em alta voz o seu inspetor distrital: “Tenho ordens de lhes comunicar que seus maridos foram transportados esta noite para Porto

Alegre, onde serão interrogados perante o Tribunal Superior.” Foi como um golpe de porrete para as pobres mulheres. Quando então pediram mais detalhes, especialmente conselhos sobre o que poderiam fazer para facilitar a libertação dos seus maridos, ele respondeu curta e rispidamente “Isto não é da minha conta.” Sem se despedir, abandonou o local. Enquanto isso, qual era a situação dos dois prisioneiros? Ao cavalgarem para fora da cidade, o comandante começou a apressar cada vez mais o andamento. Nessa marcha forçada, cavalgar aquelas mulas em pelo foi uma tortura considerável. Mas logo tudo ficaria ainda pior. Depois de terem cavalgado mais ou menos uma hora, o comandante ordenou um breve descanso. Todos apearam para fazer suas necessidades. Quando voltaram a montar as mulas, os soldados se aproximaram deles segurando cordas. O que pretenderiam agora? Logo ficaram sabendo. Amarraram-lhes os pés por baixo do animal com tanta força que mal podiam mover-se. O comandante deve ter suspeitado de uma tentativa de fuga, que queria prevenir com essas providências. Se a cavalgada até aí fora extremamente penosa, passou agora a ser um terrível suplício. (continua)

3


TEMA DO MÊS

Evangelização e discipulado de crianças

“...vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei...” (Mt 28.19,20) Estes versículos, em que Jesus comissiona seus discípulos, são bem conhecidos pelos crentes comprometidos com Jesus, que querem obedecê-lo fazendo evangelismo e missões. Mas a questão é que, na maioria das vezes, quando se pensa nestes “discípulos” que Jesus pediu para fazer, não se incluem as crianças com idade inferior à pré-adolescência. Jesus, ao dar essa comissão, não definiu uma idade para alguém ser discípulo dele. Isso significa que tanto o mais novo até o

mais velho precisam ouvir as palavras de Jesus, e por isso as crianças, desde a mais tenra idade, precisam ouvir do amor de Deus por elas. Estudos confirmam que a personalidade da criança é formada até aproximadamente 5-6 anos, daí a importância de também serem ensinadas sobre sua vida espiritual e seu relacionamento com Jesus. A fé que lhes é ensinada nesta fase é como uma base para sua vida de fé no futuro. Deuteronômio 6.4-9 diz: “Ouça, ó Israel, o nosso Deus, é o único Senhor. Ame o Senhor, o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todas as suas forças. Que todas estas palavras que hoje lhe ordeno estejam em seu coração.

Ensine-as com persistência a seus filhos. Converse sobre elas quando estiver sentado em casa, quando estiver andando pelo caminho, quando se deitar e quando se levantar. Amarre-as como um sinal nos braços e prenda-as na testa. Escreva-as nos batentes das portas de sua casa e em seus portões.” Esse texto nos faz pensar: temos amado o Senhor de forma completa e estamos ensinando aos filhos como Deus realmente espera que o façamos? Será que nossa conversa, quando estamos em casa, é espiritual, ou é apenas assunto político, social, ou outro? Será que a Bíblia ganha mais atenção da família do que a TV e a Internet? Será que minha vida mostra realmente o Deus em quem creio? O modo como vivo revela o Deus que tenho! Não é a minha aparência que fala mais, nem minhas palavras defendendo a minha fé, mas minhas atitudes e ações!! Bárbara Cook disse que não devemos tratar as crianças na igreja como meras espectadoras. Elas são parte do Corpo de Cristo; não devemos prejudicá-las, subestimando sua fé. As crianças não devem ser vistas apenas como o futuro das coisas porque elas são o presente. Elas podem no presente cantar, aprender e servir a Jesus. Não sejamos como os discípulos que acharam que Jesus não tinha tempo para as crianças. As crianças têm as mesmas necessidades espirituais que os adultos, e elas precisam ser supridas. Gilberto Celeti conta uma história.

Um menino, de seis anos de idade, foi interrogado: “O que você vai ser quando crescer?” A resposta foi dada com toda a tranqüiliade: “Bandido... ou missionário”. “O quê?” – exclamou admirado o adulto – “Como assim?”. “Depende de quem me ganhar primeiro” – completou rapidamente o garoto. Realmente, depende de quem ganhá-lo primeiro! A igreja é o lugar de todas as pessoas irem para se encontrar e louvar a Deus. Enquanto as crianças pequenas não têm possibilidade de irem sozinhas, cabe aos adultos as levarem quanto mais cedo possível, para que depois que elas estiverem crescidas, possam ir por seu próprio ímpeto. “Ensina a criança no caminho que deve andar, e ainda quando for velho, não se desviará dele.” (Pv 22.6) Levemos as crianças a Jesus, sejam elas bebês, sejam as que estão engatinhando, as que estão aprendendo a caminhar, aprendendo a falar: a igreja deve ser o local que elas mais gostem de estar! As músicas de louvor a Deus devem ser as que elas mais gostem! As palavras que elas aprendam primeiro, devem ser as que louvem a Deus! Os brinquedos que elas mais gostem sejam aqueles que Jesus mesmo brincaria! Os filminhos que elas mais gostem sejam aqueles que as aproximem dos caminhos da fé! Mais do que ensinar as crianças a serem pessoas adultas, vamos torná-las pessoas cristãs, comprometidas com Jesus. Aline Coscioni Schach

Anime-se! Deus está perto! “Tende bom ânimo; eu venci o mundo”. (João 16:33). Quantos verdadeiramente crêem nessa Palavra? Como cristãos, no mundo em que vivemos, cheio de pecado, é difícil encarar essa verdade, não é mesmo? Muitas situações nos levam a chorar, e até às vezes nos desesperar: a falta de condições, quando se tem um filho que quer um alimento; uma roupa ou uma escola melhor; abrir a geladeira e não encontrar algo para comer; ou até não ter um chocolate para dar ao filho; a falta de uma pessoa querida, que foi levada para sempre; alguém que nos abandonou; o marido que está preso, ou um filho; uma pessoa querida, dependente químico ou alcoólatra; separação ou a traição. Pensando nessas coisas todas, sentimos dor, tristeza e até choramos. A doença também nos entristece. Talvez esta seja a que mais nos machuque, tendo em vista que nos tira o vigor da vida, corrói o nosso corpo e mata. O Senhor Jesus, observando as pessoas, teve compaixão e sabia que essa era uma situação séria, e nesse sentido realizou muitos milagres, curando muitas pessoas. Aqui mencionamos alguns motivos, porém existem tantos outros que talvez você

4

esteja passando por algum. O Senhor Jesus nos alertou em João 16.33: “Estas coisas vos tenho dito para que tenhais paz em mim. No mundo, passais por aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo”. Neste mundo em que vivemos teremos aflições, dificuldades, doenças, problemas... Por outro lado, o Senhor Jesus também nos diz que deveríamos ter bom ânimo, tendo em vista que, assim como Ele venceu o mundo, nós também venceríamos. Jesus venceu. Eu e você também venceremos nos lares, nos ministérios, na nossa vida sentimental e conjugal, no emprego, na nossa empresa, no dia a dia. Você realmente crê nessa Palavra de Deus? Se você está passando por algo, não desanime. O Senhor Jesus disse em Mateus 28.20b: “e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém!”. A Bíblia nos mostra que muitas pessoas tiveram experiências excepcionais com Deus. Eu posso dizer, com muita alegria, que já tive várias experiências com Deus, muitas orações respondidas, e tenho certeza que vou viver com Deus muitas novas experiências. Tente lembrar, recordar: quantas

orações o Senhor Deus já respondeu a você? Quantas coisas boas Deus já proporcionou a você, nesta vida? Muitos cristãos têm tido experiências excepcionais com Deus. Talvez você saiba muito mais do que eu, mas creio que o Senhor Deus é “galardoador daqueles que o buscam” (Hb 11.6). Precisamos crer no Senhor Deus que faz o impossível e consegue mudar a vida das pessoas. Se você crê nesse Deus que muda a vida das pessoas, você também pode crer que pode superar a angústia, a tristeza ou o problema que você está passando. Veja em sua Bíblia, e marque este versículo, pois o Senhor Deus é um Deus cheio de misericórdias que se renovam a cada manhã. Como é lindo isso. Cada manhã que você acorda e levanta, as misericórdias do Senhor se renovam em sua vida. Veja em Lamentações 3.22: “As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim”. E, no versículo 23: “renovam-se cada manhã. Grande é a tua fidelidade”. Quando passamos por aflições, lembre-se que Jesus disse: “Tende bom ânimo; eu venci o mundo” e alegre-se na presença de Deus. Ele não lhe esqueceu, e está muito atento a

tudo o que acontece em sua vida. Sei que o Deus em que cremos está olhando por mim e por você todos os dias da nossa vida. lembrese: Deus está perto de você. Que Deus lhe abençoe. Valdir Edi Eberhardt Conselheiro Fiscal da Pioneira Aluno da Faculdade Batista Pioneira


5


6


Viagem Missionária da Faculdade Batista Pioneira Na noite de 11 de outubro teve início a viagem do Coro da FBP ao estado de São Paulo. Na quarta-feira, coristas e professores conheceram a Pousada Betânia e três pontos turísticos de Curitiba. Depois, apresentaram o novo musical “Corra para a cruz” em diversas localidades: na PIB Jacupiranga (12/10), no Centro Comunitário de Eldorado (14/10), na Congregação Batista em Cotia (15/10), na Igreja Batista Alemã de São Paulo e na Congregação de Diadema (16/10). Em Eldorado, foi apresentado também o musical “Acima de todos os reis”. Nesta cidade o grupo também conheceu pontos turísticos. No sábado pela manhã tiveram a oportunidade de visitar o Museu da Bíblia, da Sociedade Bíblica do Brasil, em Barueri (SP). Em Cotia, o Coro ficou hospedado no Lar Criança Feliz. Um grupo de alunos entregou presentes às crianças do Lar e outros distribuíram convites na vizinhança. Em Jacupiranga e Eldorado também foi possível participar de estudos bíblicos. O Pr. Vilson Scholl (de Jacupiranga) leu o texto de 2Sm 23.8-22 e falou sobre os valentes de Deus. Segundo ele, tais pessoas lutam sempre movidos pela dignidade (v.8,9,11), não param quando está doendo (v.10), defendem a causa como se fosse a própria vida (v.1112) e sempre fazem mais que o necessário (v.14-15). Encerrou dizendo que precisamos de pessoas assim nos dias de hoje. Baseando-se em 2Rs 6.1-7, o Pr. Eduardo Brasil dos Santos (pastor da IB em Eldorado) afirmou que o Senhor é o Deus da providência – basta se colocar à disposição Dele. Na situação relatada no texto bíblico, Deus mostrou que era preciso expandir (v.1), deu direção (v.2), preparou um instrutor (v.3) e levou aquelas pessoas à dimensão dos milagres.

Apesar da chuva constante e de alguns contratempos, a longa viagem valeu a pena: muitas pessoas foram impactadas pelos musicais e também pelo testemunho dos alunos, que mostraram que há sofrimento na vida cristã, mas que Deus está conosco também nestes períodos. 50 anos do Lar da Criança – No dia 23/10, a Faculdade participou do culto em comemoração aos 50 anos do Lar da Criança Henrique Liebich. Alunos e funcionários apresentaram um teatro, contando a história da instituição, e o Coro apresentou cinco músicas relacionadas a esta história.

Nesta foto, equipe que participou da viagem missionária.

7


IGREJAS Projeto Atos do Janz Team em Erebango - RS Erebango, RS – Nos dias 20 até 26 de setembro a congregação de Erebango teve o privilégio de receber a visita de uma equipe de alunos do Projeto Atos do Janz Team de Gramado. Essa equipe realizou diversas programações na cidade, nas escolas, na estação férrea e na área indígena guarani, que foi um marco na vida dos seminaristas, pois foram muito bem recepcionados. O cacique conduziu várias apresentações para o grupo, e no domingo à noite levou cerca de 30 indígenas (entre adultos e crianças) para a Igreja. As principais ferramentas foram música, teatro e pantomimas.

Acima, crianças guaranis em Erebango. Ao lado, grupo Atos do Janz Team.

Campanha Evangelistíca em Boqueirão do Leão - RS Boqueirão do Leão, RS – Nos dias 24 a 27 de setembro, Boqueirão do Leão recebeu um homem de Deus que impactou a cidade. Trata-se do Pr. Nilton Bento, de Pouso Alegre (MG). O Pr. Niltinho, como é conhecido, é cego de nascença e, mesmo com a deficiência, toca violão com uma habilidade impressionante, além de cantar muito bem. Suas palestras alcançaram aproximadamente 800 alunos da única escola estadual do município. Fez ainda uma breve apresentação na creche municipal. Também foi muito valorizada a sua apresentação na praça central do município, onde cantou e atraiu pessoas a quem transmitiu lições de vida. Aproveitando sua presença, realizamos na noite de domingo o Culto Farroupilha (imaginem um mineiro,  trajado de gaúcho...). Foi um culto abençoado. Onze pessoas entregaram suas vidas a Jesus. Além disso, deu entrevista na rádio e foi alvo de matéria no jornal da cidade. Muitos solicitaram o seu retorno a Boqueirão para continuar o seu bom trabalho aqui.

Notícias da Glória em Carazinho - RS Carazinho, RS – Damos graças ao nosso Deus por aquilo que podemos experimentar nos últimos meses em nossa Igreja Batista da Glória em Carazinho, RS. No dia 26/06 houve um culto muito especial, o Culto de Ações de Graças. Durante o mês de junho, cada membro da igreja trouxe alimentos e/ou roupas, e a cada domingo o altar foi ficando cada vez mais repleto de donativos embelezando a Igreja. No culto houve testemunhos de membros e amigos falando do que Deus tem feito em suas vidas! No mesmo dia, pela manhã, realizamos a Assembléia e em seguida um gostoso almoço de comunhão. Outro momento de envolvimento da igreja foi a EBF, realizada nos dias 21 a 23 de julho, da qual participaram cerca de 90 crianças! Houve oficinas de história, brincadeiras e musicalização. O tema foi “Jesus o Incrível” e o versículo-chave era Mateus 28.18: “Jesus disse: Todo poder e autoridade me foi dada no céu e na terra”. Cada dia era uma emoção porque as crianças puderam perceber que só o Senhor Jesus é o único super-herói que realmente tem poder! Elas ganharam capas com o símbolo de “Jesus o Incrível”. A criança que tivesse mais adesivos teria um prêmio e o vencedor foi um menino chamado Bruno, que já tem participado dos adolescentes nos sábados à tarde. O fechamento da EBF foi no domingo à noite, com a participação dos Tropeiros da Paz, um grupo cristão que transmite o evangelho por meio do estilo gaúcho. As crianças puderam trazer seus pais e familiares para presenciarem o que foi feito durante esses três dias. Foi um culto evangelístico onde outras pessoas também puderam participar. Nos alegramos em ter visto a igreja cheia e saber que Deus tocou o coração de muitas pessoas. Elizabeth Leidner

8

TESTEMUNHO: Tirou-me de um poço de perdição Nasci em uma família cristã e nunca duvidei da existência de Deus e de Jesus Cristo. Frequentei a Escola Bíblica Dominical, a Juventude e fui batizada aos 18 anos. Logo depois, fui estudar em Curitiba (PR), onde foi o começo do meu descaminho. Meu único desejo era aproveitar tudo o que o mundo me oferecia, entre elas, as drogas. Passei a viver tentando conciliar trabalho, vida familiar e a vida no “mundo”; não havia espaço para Deus em minha frenética vida. Em fevereiro de 2007 o crack entrou na minha vida para acabar com o pouco de dignidade que eu ainda possuía. Foram três anos e meio entre tentativas de suicídio e internamentos involuntários, sem sucesso. Até o dia em que percebi que estava perdendo a única pessoa em minha família que ainda me aceitava: minha mãe. Foi aí que entendi o estrago que tinha feito em minha vida e na vida da minha família, bem como na de todos os que me rodeavam. Decidi então pela internação em um centro de recuperação cristão. Me internei em Ituporanga/SC no cerene, um centro de recuperação que trabalha com o aspecto psicológico e espiritual na pessoa. Foi lá que conheci pessoas maravilhosas e que me passavam uma paz que nunca tinha sentido e o que eu mais desejava era ter em meus olhos o brilho que elas tinham, pois percebi que só conseguiria aquilo tendo Jesus Cristo como meu Salvador e Deus como único guia em minha vida. Me converti lá no Centro de Recuperação e sei que Deus, em sua infinita graça, rompeu a porta do meu coração. Sua luz me iluminou e as trevas se foram. Tudo mudou, pois o peso dos pecados que me oprimiam foram perdoados pela misericórdia de Deus e deram lugar à uma profunda paz. Não quero dizer que com isso minha vida seria mais fácil, que não terei problemas e que não sentirei as tentações me rondando, mas agora tenho a mão de Deus para me segurar e a Sua força para me levantar. Hoje vivo em perfeita harmonia com minha família e com meus verdadeiros amigos. Meu trabalho é gratificante, me reconciliei e voltei a ser membro da Primeira Igreja Batista em Marechal Cândido Rondon (PR), onde passei a minha infância, onde me batizei e estou sendo discipulada. A luta contra o vício é difícil, mas a cada dia eu me renovo e me fortaleço na certeza de que Deus está comigo. “Tirou-me de um poço de perdição, de um tremedal de lama; colocou-me os pés sobre uma rocha e me firmou os passos. E me pôs nos lábios um novo cântico, um hino de louvor ao nosso Deus; muitos verão essas coisas, temerão e confiarão no Senhor” (Sl 40.2-3). Noili Batschke

Um convite muito especial: visite o Lar Irmãos Dentzer em Toledo - PR O Lar Irmãos Dentzer de Toledo (PR) informa que as portas da instituição estão abertas para aqueles que tiverem o interesse de conhecer as instalações e o atendimento que prestamos. As inscrições podem ser feitas para pessoas com idade igual ou superior a 60 anos, que tenham intenção de ter nesta instituição a sua segunda casa – mesmo que o interesse seja para o futuro. Garanta já sua inscrição. Informamos ainda, que está prevista uma considerável ampliação das instalações do Lar que propiciarão mais qualidade no atendimento de seus moradores. Não espere: faça-nos uma visita ou garanta já sua inscrição! Lar Irmãos Dentzer, nossa casa é feita de amor, carinho e atenção. Av. Largo São Vicente de Paulo, 1382. Toledo/PR. Fone: (45)3277-3227 Email: larirmaosdentzer@uol.com.br

Comunicado de Celebração em Panambi - RS Panambi, RS – A Igreja Batista Emanuel prepara-se para celebrar com grande alegria o culto de gratidão que comemora os cinquenta anos de ministério e matrimônio do casal Oswaldo Mancebo Reis e Marilza de Araújo Mancebo. A celebração acontecerá dia 17 de dezembro no salão de eventos da Igreja Batista Emanuel em Panambi (RS). Nos alegramos imensamente, pois este é um exemplo de como a graça e o favor de Deus acompanham seus filhos, tornando-os exemplos de fé a serem imitados.


IGREJAS BATISMOS em Blumenau - SC Blumenau, SC – Julho é um mês de temperaturas baixas. Mas, quando se trata de louvar a Deus e confraternizar com irmãos objetivando unicamente estar na presença Dele, o frio vai para longe, pois nos aquecemos com o amor de uns para com os outros, exaltando Jesus Cristo, nosso Senhor e Salvador! Na noite festiva de 9 de julho foram batizadas 9 pessoas entre adultos e adolescentes, entregando suas vidas a Jesus e iniciando desta forma uma nova caminhada, uma nova vida. Realizaram os batismos o Pr. André Silveira e o Pr. Saimon Flores na presença de familiares, amigos e convidados. A programação foi elaborada com muita música, oração, mensagem, ceia e entrega individual dos certificados de batismo, dando oportunidade a cada batizando para convidar pessoas amadas que mais influenciaram suas vidas para os cumprimentos e fotos. Finalizou-se o culto da noite com a foto do grupo de batizados e os pastores celebrantes. A próxima turma de candidatos já está participando do curso de discipulado, com programação prevista para novos batismos em fevereiro do ano próximo. Glória a Deus por isto e pelas vidas salvas em Cristo Jesus. Blumenau, SC – Na mesma ocasião, a Igreja recebeu a visita dos seus seminaristas, Maycon e Cristine Wutzke com seu filho Estevão, que vieram de suas férias no Seminário de Ijuí para passar algum tempo conosco. O jovem casal aproveitou a oportunidade para visitar amigos, parentes, irmãos em Cristo da igreja e também para falar sobre missões. Que Deus os abençoe nos seus estudos, no lar, ao seu filho, nos seus momentos de alegrias, tristezas e em suas necessidades pessoais, cobrindo-os com Sua mão protetora.

Dia das Crianças em Alto Garrafão e Alto Rio Possmoser - ES Dia das crianças em Alto Garrafão, ES – No dia 9 de outubro aconteceu, na Congregação em Alto Garrafão, a Festa da Criança. Louvamos a Deus por mais este evento que foi muito bom e teve a participação de muitas pessoas da comunidade que puderam ouvir a mensagem do Senhor. Agradecemos a todos que contribuíram para que esta festa acontecesse novamente neste ano. E agradecemos a Deus a oportunidade que Ele nos deu de compartilharmos de forma diferente a mensagem da salvação. Dia das crianças em Alto Rio Possmoser, ES – Louvamos a Deus porque, depois de muitas lutas e dificuldades, Ele nos deu a oportunidade de realizar, no dia 12 de outubro, o Dia das Crianças da Congregação Batista em Alto Rio Possmoser. Contamos com a presença de mais de 70 crianças que aproveitaram a tarde com brinquedos, lanches, brincadeiras e um momento de músicas e teatro, além do principal: ouviram a mensagem de salvação. Deus nos surpreende em seu amor e misericórdia pois, mesmo quando não estávamos entendendo toda a luta que surgiu para que a programação não acontecesse, nos surpreendemos com a quantidade de crianças que vieram – apesar de outro evento que havia nas duas comunidades. Isso muito nos alegrou. Sabemos que a semente plantada nunca é em vão e no tempo certo colheremos os frutos para honra e glória de Jesus. Obrigado a todos que têm orado por este campo missionário.

Abaixo, à esquerda, crianças de Alto Rio Possmoser, e à direita, de Alto Garrafão. Os palhaços foram uma atração especial no Dia das Crianças.

Juntas com sede em Curitiba, PR Rua Elizeu Faria, 157 - casa 1 - 81720-130 - Curitiba, PR

Fone/Fax: (41) 3284.4650 www.pioneira.org.br/jevam jevam@pioneira.org.br Fone/Fax: (41) 3284.4650 www.jumap.org.br jumap@jumap.org.br Fone/Fax: (41) 3376.0271 www.pioneira.org.br/jufemi jufemi@pioneira.org.br

Rua Dr. Pestana, 1021 98700-000 - Ijuí, RS Fone/Fax: (55) 3332.2205 www.batistapioneira.edu.br faculdade@batistapioneira.edu.br

Declarada de UTILIDADE PÚBLICA FEDERAL conforme Decreto de 22/11/91 pelo Diário Oficial da União em 29/07/1996. Portadora do Título de Entidade Filantrópica

Rua Benjamim Constant, 339 98280-000 - Panambi, RS Fone/Fax (55) 3375.6150 www.pioneira.org.br larpanambi@tabea.org.br Rua José Bonifácio, 1623 98700-000 - Ijuí,RS Fone/Fax (55) 3332.7590 www.pioneira.org.br lartabea.iju@zaz.com.br Rua Caminho do Furquim, 275 06720-250 - Cotia, SP Fone/Fax (11) 4616.1107 www.pioneira.org.br larcotia@terra.com.br Largo S. Vicente de Paulo, 1382 85900-215 - Toledo, PR Fone (45) 3277.3227 www.pioneira.org.br larirmaosdentzer@uol.com.br Rua Mercúrio, 126 09990-030 - Diadema, SP Fone (11) 4056.7775 www.pioneira.org.br nsdiadema@pioneira.org.br Rua Barão do Rio Branco, 1051 98700-000 - Ijuí, RS Fone (55) 3332.8182 www.pioneira.org.br surdos.cais@terra.com.br Rua Chile, 772 98900-000 - Santa Rosa, RS Fone (55) 3512.3504 www.pioneira.org.br espacofelizsr@gmail.com

9


IGREJAS

JEVAM

Aniversário da Congregação em Alto Rio Possmoser - ES

Posse do Novo Obreiro em Serafina Corrêa - RS

Alto Rio Possmoser, ES – “Não a nós, Senhor, nenhuma glória para nós, mas sim ao teu nome, por teu amor e por tua fidelidade” (Sl 115.1). Esse foi o versículo usado como tema do 15º Aniversário da Congregação Batista em Alto Rio Possmoser nos dias 24 e 25 de setembro. Louvamos a Deus pelas bênçãos que foram estes dois dias para a nossa congregação. Contamos com a presença do Pr. Oséas Rodrigues (de Vila Velha, ES) e do ministério musical Avner. Esses irmãos foram muito usados por Deus e glorificamos a Ele porque pessoas se entregaram a Jesus e irmãos afastados retornaram aos caminhos do Senhor, uma verdadeira resposta às nossas orações. Obrigado a todos que estão orando por este campo missionário!

2º Aniversário da Congregação da Itoupava Norte, em Blumenau - SC Blumenau, SC – “Oh, quão bom e agradável é, que os irmãos vivam em união”: assim nos alegramos com as comemorações do 2º Aniversário da Congregação da Itoupava Norte em Blumenau (SC), com um culto festivo realizado no dia 27 de agosto na Associação dos Moradores do próprio bairro. Estavam presentes cerca de 100 pessoas. A Congregação conta atualmente com 18 membros e vários participantes, tendo dado mostras de crescimento a cada dia que passa. Deus tem abençoado o trabalho do casal Pr. Saimon e Andrea Flores, apesar das muitas lutas e árduo trabalho naquela seara. A divulgação da Palavra de Deus tem sido a prioridade maior na vida desses irmãos missionários. O aniversário foi comemorado com músicas, oração, apresentação de Israel (filho do casal pastoral) pelo preletor, Pr. Luiz Claudino Machado, e pela sua prédica. A palavra que o Pr. Luiz trouxe focou principalmente na necessidade de haver mais comunhão e tempo para dedicação aos irmãos em Cristo e às pessoas em geral. A atividade daquela noite encerrou com festejos, bolo e salgadinhos, numa bela e agradável confraternização entre os presentes. Parabéns ao casal pelo trabalho até aqui desenvolvido. Desejamos muito sucesso a vocês e as mais ricas bênçãos de Deus, no decorrer deste novo ano de vida da congregação.

Serafina Corrêa, RS – Às 19h do dia 10 de setembro foi realizado, no templo da Congregação Batista em Serafina Corrêa, o culto de posse do casal missionário Fabiano e Jeniffer Gomes. O casal é proveniente da cidade de Gravataí (RS), membro da PIB dessa cidade, onde atuavam como auxiliares de uma congregação em que ele liderava o Ministério de Música e realizava atividades diversas. O culto teve a presença do Pr. Marcelo Mallet (da PIB em Gravataí), que trouxe a mensagem da Palavra de Deus, do missionário Wagner Rhodes de Nova Prata, do Pr. Wilson Albuquerque (de Marau), do Pr. Delton Nunes Pereira (missionário da JMN em Passo Fundo), do irmão Ditmar Hepfner (presidente da JEVAM), do Pr. Cláudio Vincensi (da Igreja mãe, a Missão Batista em Passo Fundo) e de uma “turma” de Gravataí, num total de 16 pessoas. Foi um culto abençoado onde podíamos ver a alegria de cada um pela nova etapa que a igreja está começando a viver. “Como novo Pastor desta Igreja quero agradecer pelo trabalho deixado pelo Pr. Eduardo, que é um homem respeitado e querido por todos. Neste, que é o nosso primeiro ministério, queremos fazer o trabalho que  o Senhor nos mandou: ganhar vidas e edificar o corpo de Cristo.  Que o Senhor nos abençoe nesta nova etapa de nossa vida. Abraços fraternos em Cristo.” Fabiano e Jeniffer Gomes

Encontro de Professores em Santa Helena - PR

Feijoada pela Construção em Blumenau - SC Blumenau, SC – No dia 30 de julho foi realizada a 4ª Feijoada em prol da continuidade das ampliações e construção do Templo. Novamente foi um sucesso, pois tivemos muita participação dos irmãos na divulgação do evento. Mesmo tendo sido realizado no final do mês, ficou claro que, quando temos um objetivo definido, recebemos de Deus as Suas preciosas bênçãos. Esta feijoada foi uma bênção para o fim a que se propôs: vendemos cerca de 250 feijoadas e ajudamos no prosseguimento da construção do Templo. Cremos que a cada ano podemos nos alegrar com a vinda de muitas pessoas, não só para degustarem uma maravilhosa feijoada, mas para conhecerem o Nosso Senhor Jesus. Os adolescentes também venderam sobremesas para “engordar” as entradas para a obra. Tudo o que fazemos é feito com amor, por isso agradecemos a todos que se engajaram no trabalho com uma clara visão dos objetivos da Igreja de Cristo. A próxima Feijoada será só em 2012. Que Deus nos abençoe na continuidade da Sua obra.

10

Santa Helena, PR – Olá amados! Como é bom dar mais notícias! No último dia 14/10, em comemoração ao dia dos professores, realizamos, em parceria com a Prefeitura de Santa Helena, um encontro em homenagem aos professores da cidade. Tivemos a presença de cerca de 250 professores. Foi um momento de homenagem, gratidão à Deus e reflexão da Palavra. Tivemos ainda um momento de dinâmicas e brincadeiras, promovido pela Secretaria de Cultura. Esse foi um evento inédito na cidade. Nossa ideia era usar esse evento como uma ponte, um momento pré-evangelístico, além de apresentar à cidade a nova fase em que nossa Igreja se encontra. Isso não só deu certo, como já nos abriu portas na prefeitura e nas escolas da cidade. Tivemos boa receptividade das pessoas presentes, que se emocionaram com os momentos de oração e reflexão. Esse dia nos proporcionou também novos laços de relacionamento. Continuem orando por nós: aos poucos estamos nos aproximando do povo da linda cidade de Santa Helena. Pr. Marcello Matias


TEMA DO MÊS

Por um mundo melhor

Diácono: função ou ministério?

ÁGUA: Mantenha a casa limpa – e o planeta também

O que você faz na Igreja? Sou Diácono! Hum... O que é isso? Bem, a gente ajuda o Pastor, e ajuda na Ação Social da Igreja, e ajuda, entendeu? Ajuda! Hum... sim, entendi, ajuda... Muitas pessoas pensam que o Diaconato é uma forma de “ajudar”, é como se fosse um “ajudante de serviços gerais” ou então um “à disposição para ajudar”. Quando se percebe o texto clássico no Novo Testamento sobre a ação dos Diáconos em Atos 6 de 1 a 6, é possível compreender que havia uma “necessidade específica” para aquele momento. Esse texto é o tradicional, que oferece base para a instituição formal do “Diaconato na Igreja”. Mas diácono é função ou ministério? 1. Definindo Termos: A palavra função, no Dicionário Priberam, indica vir do latim functio-onis, que significa cumprimento, execução, trabalho, exercício. Já o termo ministério significa ofício, cargo, função, serviço. Em princípio, são semelhantes, mas o mesmo dicionário também indica que ministério significa o “ofício de cura de almas”. 2. O Termo Bíblico: “Diácono” vem do grego “diakonos” e significa ministro ou servo. A palavra “diakonia”, que aparece mais vezes no Novo Testamento, significa serviço, ministério. Paulo escrevendo aos Colossenses 1.7 refere-se à Epafras como “fiel ministro de Cristo”. Fiel diácono de Cristo. Inclusive um pouco mais à frente no texto, no verso 23, Paulo em referência a si mesmo se autodescreve como “ministro”, ou seja, “diakonos”. A questão principal do diaconato não está diretamente ligada à disputa de conceituação: se é função ou ministério. Mas o serviço diaconal na Igreja está diretamente ligado à questão da “necessidade”. O que se precisa realizar? O diácono pode realizar? O termo diácono então está em conformidade com a Palavra de Deus. A “função” diaconal só se estabelece quando o diácono não consegue compreender que sua função é um “ministério” e ministério é curar almas. Diácono não é exclusivamente uma norma de atitude e comportamento para se cumprir um determinado serviço. 3. A contextualização bíblica do ministério diaconal: por qual motivo houve a necessidade dos diáconos no Novo Testamento? Por causa do ministério! A Igreja primitiva passava por um período específico e de crescimento. Até então havia apenas o ministério dos apóstolos, mas o número de discípulos crescia e com isto mais necessidades surgiam na vida da Igreja. Surgiram “funções”? Não! Surgiram ministérios, almas precisavam ser cuidadas. A Igreja que cresce, aumenta a sua ação ministerial. Eis algumas lições aprendidas com o texto de Atos 6. a) Há crescimento na Igreja (v.1): crescimento gera ministérios. b) O crescimento necessita de organização: uma liderança desorganizada serve como alvo de murmuração (v.1). c) O foco é o ministério: os ministros da Igreja primitiva (os 12 apóstolos) foram eleitos para ministrar à Igreja (v.2, 4). Mas, os diáconos, no contexto do livro de Atos, foram eleitos para o ministério das viúvas. d) Surge uma nova visão de se eleger “novos ministros” para novos ministérios: uma liderança madura no ministério eclesiástico

com pessoas escolhidas e capacitadas precisa estar em conformidade com a decisão do Espírito Santo para a vida da Igreja (v.3). e) O Ministério necessita ser qualificado: a chave para o ministério diaconal está na qualidade do ministro. Tendo boa reputação, sendo cheio do Espírito Santo e cheio de sabedoria, aí então existe a perfeita adequação a necessidade do novo ministério (v.3). f) A Igreja deve apoiar o ministério: todos devem estar contentes com as escolhas. Não pode haver separação ou divisão nos ministérios e entre os ministros, a unanimidade determinou que havia harmonia na Igreja (v.5). g) A formalização do ministério é de cunho espiritual: a eleição dos novos diáconos deve agradar a Deus e à Igreja – orar pela escolha não é apenas um “mero exercício espiritual”, mas uma atitude de “dependência única” do Deus que escolhe, convoca e consagra com a imposição de mãos (v.6). i) A consequência natural dos ministérios é o crescimento: a Palavra de Deus se expande e a Igreja cresce. O número de discípulos naturalmente aumentou porque havia um clima de harmonia da Igreja para a Igreja (v.7). A Palavra se expande quando muitos passam a ouvir e crer no Deus que tudo pode em nome de Jesus e verificam este Deus de amor no relacionamento entre os irmãos na Igreja. Outras orientações também são possíveis de serem verificadas no texto de 1Timóteo 3.8-10 que devem ser consideradas com uma leitura mais detalhada para quem almeja o ministério diaconal. Conclusão: Uma reflexão específica deve ser considerada sobre os sete diáconos do Novo Testamento. Entre todos eles, aparentemente apenas dois confirmam o ministério no decorrer do tempo: Estevão e Filipe. Dos outros não se têm informações. Um dos Pais da Igreja conhecido como Irineu, que foi discípulo de Policarpo, que foi discípulo de João Evangelista, afirma que “os nicolaítas (de Apocalipse 2.6) eram os seguidores daquele Nicolau que foi um dos sete primeiros ordenados ao diaconato pelos apóstolos. Eles levavam vidas de indulgência desenfreada, ensinando que é indiferente praticar o adultério, ou comer coisas sacrificadas aos ídolos”. Embora a afirmativa seja de cunho histórico, sem dúvida é saudável se questionar, neste contexto, se realmente foi o Nicolau que consta em Atos. Essa reflexão serve como ensinamento para se compreender bem entre estar na função (sou diácono) e desenvolver uma chamada (tenho o ministério diaconal). Quando se confunde ministério do diaconato com função de diácono, desvia-se completamente da intenção primeira da Igreja primitiva que é o serviço cristão. Não importa em qual ministério você esteja na Igreja onde Deus lhe designou, o que importa é que o seu ministério é um serviço ao Reino de Deus, começando na Igreja onde se encontra. Confundir função com ministério é confundir a cruz com Jesus! A cruz teve a função de crucificar, Jesus tem o ministério de salvar. Que Deus nos conceda ministérios quaisquer que sejam, porém, abençoados pelo Senhor dos Senhores no serviço cristão. Pr. Eliseu Schwingel

A oferta de água doce no mundo é pequena e todos sabem que economizá-la é importante. Mas a água que devolvemos à natureza, depois de usá-la, também reduz essa oferta. No Brasil, 13 milhões de pessoas não têm banheiro e menos de 44% da população têm coleta de esgoto. Do que é recolhido, menos de um terço é tratado. Apenas nas 81 maiores cidades do país, são 5,9 bilhões de litros de esgoto sem tratamento despejados por dia. Essa água contaminada polui rios, lagos e mares.

SUBSTÂNCIAS CASEIRAS substituem cloro, formaldeído e outros produtos químicos agressivos: casca de limão seca é boa para manter as traças longe de armários e roupas. Vinagre branco é bom para remover ferrugem, mofo, manchas no tapete, sujeira de banheiros e para tirar o cheiro de peixe dos utensílios. Só é preciso diluí-lo em água. Bicarbonato de sódio é bom para limpar o forno e para limpeza geral, pois tem ação fungicida. ALÉM DO ÓLEO DE COZINHA, não despeje inseticidas, pesticidas, tintas à base de óleo, solvente e fluidos de automóveis no esgoto doméstico. Eles devem ser adequadamente eliminados. COBRE DAS AUTORIDADES LOCAIS o saneamento na sua região. Ele é fundamental para a saúde e até para o aprendizado. Crianças expostas ao esgoto aprendem 18% menos, em função das faltas às aulas, por ficarem doentes. USE QUANTIDADES MENORES DOS PRODUTOS DE LIMPEZA e higiene, preferindo sempre os biodegradáveis e os orgânicos, feitos a partir de substâncias naturais. PREFIRA DETERGENTES e sabões em pó com pouco ou nenhum fosfato na fórmula. Essa substância, responsável pela espuma, favorece a proliferação de plantas e algas nos rios, reduzindo a oferta de oxigênio para os peixes. AO LAVAR A LOUÇA, retire os restos de comida de pratos e panelas e deixe-os de molho previamente na pia ou numa bacia. Só abra a torneira para enxaguar depois de ensaboar tudo. Isso ajuda a usar menos detergente. NÃO JOGUE REMÉDIOS ou cosméticos na pia ou no ralo. As substâncias ativas contaminam água e peixes (que serão consumidos por nós). Entregue em postos de coleta que os aceitam para serem incinerados. Quando não for possível, é melhor jogálos no lixo do que no esgoto. Fonte: Manual de Etiqueta 3.0 www.planetasustentavel.com.br.

E tomou o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar. Gênesis 2.15

11


“Tudo posso naquele que me fortalece.” Fp 4.13

MEDITAÇÃO

O perfil do obreiro Por tudo onde existir obra, tem sempre alguém a chamar. E os verdadeiros obreiros jamais irão recuar. Todos os que são chamados são convidados a lutar E o Comandante supremo tudo deve comandar. Indo a frente, vindo após, podemos ouvir sua voz, Podendo contar com nós, prá em sua obra trabalhar.  Todo obreiro de Deus é sempre bem conhecido. Ele é nova criatura, totalmente convertido. Não só membro de uma igreja, ou um cristão convencido. É atuante e prestativo, autêntico e decidido. Vive a justiça e o amor, Jesus é o seu salvador, E faz a obra do Senhor mesmo sendo perseguido.  Se o obreiro for de Deus por certo é consagrado. Sua vida fala mais do que muito palavreado. Realiza com alegria o que lhe foi confiado. É humilde é sincero e verifica os “dois lados” A todo obreiro alerto: buscar a Deus bem de perto, Prá aceitar o que é certo e recusar o que é errado.  O verdadeiro obreiro é obreiro toda hora, E quando sente o chamado responde já, sem demora. A tarefa é imediata, não prá depois, é agora! Mas se vier perceber que é o momento de “dá o fora” Não precisa preocupar, ele espera Deus mostrar. E quando Ele confirmar, não receia ir embora.  Cada obreiro desempenha a missão que Deus lhe deu A tarefa é permanente que livremente escolheu. Missão mais gratificante, pois entesoura nos céus. Todo obreiro consagrado só do Senhor dependeu. Na obra ele se consome, mas nunca passará fome, Não é trabalhar prá homem porque a obra é de Deus!  O autêntico obreiro é organizado e cuidadoso Nos quatro aspectos  da vida, seu agir é mui zeloso. Ensinando aos pequenos, andar com o Deus glorioso Para um dia alcançar alegria e eterno gozo. E quando tudo dá errado, fica até meio frustrado, Parece estar derrotado, mas é sempre vitorioso. 

Novembro é o mês de Educação Ministerial. Motivo para orarmos mais em nossas igrejas pela nossa Faculdade, professores, pastores, estudantes e futuros obreiros. A poesia ao lado relata de forma profunda e inspirativa a seriedade do chamado de Deus, que deve ser trabalhado na vida do obreiro com muito zelo e temor (2Tm 2.15). Vânia Weiss Schiewe

Carta de Elisandra Schulz Amadas irmãs, No ano que se passou pude contar com o prazer de receber o auxílio de vocês. Com essa ajuda pude colocar as contas em dia aqui na Faculdade. O auxílio chegou em boa hora e foi muito bem investido. Gostaria de compartilhar com as irmãs as bênçãos que aconteceram em minha vida de novembro do ano passado em diante. Pra começar, no final do mês de novembro me despedi do ministério na Igreja Batista Independente para retornar ao meu lar, a Igreja Batista Betel. Retornei, pois Deus me mostrou que o lugar que Ele deseja que eu fique é aqui, por enquanto. Depois desse retorno, mais uma bênção em minha vida: no dia 13 de fevereiro me casei com o Rafael. Como Deus é bondoso com seus servos, e como foi generoso comigo, mandando-me alguém tão especial, que me apóia e me auxilia no ministério. No momento estou trabalhando como secretária em meio-turno na igreja e nos fins de semana trabalho no ministério em departamentos da igreja: auxilio no ministério infantil, nos adolescentes, juniores e jovens. Está sendo uma experiência nova; muitas vezes me sinto incapaz de seguir em frente, mas espero no Senhor porque sei que o trabalho pra Ele não é em vão. Em todos os momentos vejo o cuidado do Senhor por nossas vidas, tanto na minha como na do meu marido e de toda a Igreja. Mesmo quando os momentos são difíceis e as provações nos fazem chorar, vejo a mão do Senhor a nos sustentar. Peço às irmãs que continuem orando por minha família e pela obra que Deus tem realizado em minha vida, e agradeço mais uma vez por me auxiliarem mais uma vez e me sustentarem em amor e oração. Um grande abraço no amor de Jesus. “Por ti tenho sido sustentado desde o ventre; tu és aquele que me tiraste do ventre da minha mãe, o meu louvor será para ti sempre” (Sl 71.6). – Elisandra M. B. Schulz

Chá Entre Amigas em Carazinho - RS Carazinho, RS – No dia 24 de setembro, na comemoração do início da primavera, aconteceu mais um “Chá Entre Amigas” da Igreja Batista da Glória. Foi um momento muito agradável e com diferentes atividades. Rosane Hepp Ma palestrou sobre a beleza da mulher e a importância do conhecimento da Palavra para a beleza que começa no interior do ser. Além disso, a programação incluiu louvor, sorteio de presentes, entrega de brindes e, é claro, um chá super gostoso. Depois foi realizado um brechó que arrecadou fundos para as atividades promovidas pela MCA. “O coração alegre embeleza o rosto...” (Pv 15.13).

O obreiro é sustentado através da oração, Da leitura da Palavra e também da comunhão. Com esta grande família que é o povo cristão, Ele atendeu o chamado, cumprindo assim sua missão. O obreiro tem compromisso de aplicar-se ao serviço Mas se não observar isso, ele não é obreiro, não!  O perfil de um obreiro  há tempo já existia O grande obreiro Jesus tão claro nos transmitia Pela divina providência e a santa sabedoria. – Senhor! Guarda os obreiros com forças, paz e alegria. Ser obreiro não é artista, mas sua vida é uma conquista, Que não se escreve em lista, mas no viver dia a dia!  Vilson Vidal Weiss (Três de Maio, RS)

ANUÁRIO 2011

TEMA: “Com vida plena preservemos o mundo” DIVISA: “Na esperança de que a própria criação será redimida do cativeiro da corrupção para a liberdade da glória dos filhos de Deus. Porque sabemos que toda a criação, a um só tempo, geme e suporta angústias até agora” (Rm 8.21-22) HINO: HCC 54: “Toda a Natureza”

Presidente Vice-Presidente: Secretária: Vogais:

Jurema Schmidt Dagmar Zagonel Liliane S. D. Ferraz Vânia Schiewe Silvana Gross Iris Beuter Loni D. Scholl Shirley Frey Suplentes: Sara Sälzer Secretária Executiva: Ana Cláudia de Almeida Christal

CONTA BANCÁRIA Banco do Brasil Ag. 2823-1 C/c 12834-1

UFMB Pioneira - Rua Elizeu Faria, 157 - casa 1 - Xaxim - 81720-130 - Curitiba, PR - Fone/Fax: (41) 3376.0271 - E-mail: jufemi@pioneira.org.br

12


“Tudo posso naquele que me fortalece.” Fp 4.13

REGIONAIS Encontro Regional Tchê em Carazinho - RS

Encontrão de MCAs da Regional Centro em Mondaí - SC

Carazinho, RS – No dia 16 de setembro de 2011 aconteceu o Encontro Regional Tchê em Carazinho (RS), na Igreja Batista Boas Novas. Estavam reunidas 238 mulheres dos municípios que compõem a regional Tchê. A preletora foi Dagmar Zagonel, que falou sobre a “Beleza Feminina”, nos motivando a desenvolvermos um equilíbrio entre beleza interior e exterior. As irmãs da Igreja de Carazinho nos recepcionaram muito bem, prepararam tudo com muito carinho para nos acolher. Sendo este encontro realizado anualmente, nós, Mulheres Cristãs em Ação, o aguardamos com muita expectativa, pois sabemos que é um momento especial para reencontrarmos as amigas, compartilhar experiências e, principalmente, sermos edificadas com a mensagem do Senhor para nossas vidas. A programação foi conduzida pela Presidente da Regional, Liliane Ferraz, que também realizou o processo de sucessão da diretoria que ficou assim constituída: Presidente – Clarisse Soligo Hoffmann; Vice presidente – Angelita Santos; Secretária – Marta Cristina Hoffmann. Agradecemos a irmã Liliane pelo excelente trabalho que realizou frente a Regional durante este período e que continue sempre a ser esta grande mulher de Deus. – Clarisse Hoffmann

Mondaí, SC – Aconteceu no último dia 3 de setembro, na Igreja Batista Pioneira em Mondaí (SC), o 25º Encontro Regional de Mulheres da Regional Centro. As atividades começaram pela parte da manhã com a palestra da irmã Jurema Schmidt: “Mulheres Cristãs Bem Sucedidas”. Ao meio dia foi servido o almoço com o auxílio do grupo de adolescentes da Igreja e na parte da tarde houve a continuidade com a palestra da irmã Lilo que explanou sobre: “Aprendendo a Lidar com a Depressão”. Aconteceu ainda a eleição da diretoria que ficou assim composta: Isônia Rolwagen (Líder), Ana Debora Fischer (Vice) e Vânia Schiewe (Secretária). Para encerrar o evento foi servido um gostoso café da tarde com quitutes oferecidos pela MCA de Mondaí. Cada participante também recebeu uma muda de árvore nativa, lembrando desta forma do tema deste ano: “Com vida plena preservemos o mundo”. Estiveram presentes 84 mulheres que fazem parte da MCA da Região Centro. Louvamos a Deus que nos permitiu realizar mais este evento. – Vera Beatriz Netz

Enjumer da Regional Centro Maravilha, SC – Nos dias 1º e 2 de outubro de 2011 aconteceu, no Acampaz em Maravilha (SC), o Enjumer da Regional Centro. O evento teve muitas atividades, dinâmicas e uma trilha. A mensagem foi proferida pelo Pr. Samuel Pryjmak, pastor de Nova Santa Rosa (PR), que usou como base bíblica o texto de Atos 16.1-5 e 1Timóteo, tendo como foco a vida de Timóteo. Isaias H. Schlindwein

Encontro Regional Sul IV em Crissiumal - RS Crissiumal, RS – No dia 17 de setembro o campo missionário de Crissiumal acolheu 150 mulheres participantes do 25° Encontro Regional Regional Sul IV. A secretária executiva Ana Claudia Christal nos acolheu com muito amor e carinho e nos auxiliou na direção do programa. Na programação constou o estudo bíblico ministrado pela irmã Carmem Kepler (psicóloga), de Santa Rosa, que nos prestigiou com a mensagem “A Mulher Cristã no Aconselhamento”. Saímos desafiadas a aproveitar todas as oportunidades para o desenvolvimento do nosso trabalho e com o compromisso pessoal de testemunhar de Jesus: ajudando, aconselhando e orando umas pelas outras. Também foi realizada a eleição da nova diretoria, sendo eleitas: Marli Wehrmann, Agnes Hasper de Araújo, Maristela Jeske Bloch e Lori Waldow. Veja o que Deus falou ao coração de uma das participantes do encontro: “O Encontro Regional de mulheres de 2011 foi o primeiro que participei, mas como foi prazeroso, pois pude sentir plenamente a presença de Deus. Em cada música cantada, em cada palavra ministrada senti a presença do meu Salvador. Espero sempre sentir esse prazer que edifica. Deus permita que eu nunca perca esse fervor, essa paz, esse amor de ouvir a Palavra e louvores a respeito de Jesus. Que eu não deixe escapar esse avivamento que sinto. Tenho certeza que cada mulher que participou desse encontro sentiu a presença do Senhor para honra e glória do Nosso Senhor Jesus. (Andiara Amaral)”. Após a programação no Clube Crissiumal, todas as irmãs se dirigiram até o templo da Igreja Batista onde foi servido um delicioso lanche de confraternização, preparado pelas MCAs da regional. Para as líderes da MCA Regional, Rosméri Prediger Buchholz e Joseana Dias Krummenauer – que nos auxiliaram de 2008 até 2011 – quero agradecer pela dedicação e auxilio nesses anos. Que Deus continue usando a cada uma de vocês. A programação alcançou seu objetivo. Agradeço a todas as irmãs que trabalharam para que o encontro fosse uma bênção. – Agnes Hasper de Araújo

13


Aniversário evangelístico em Frederico Westphalen - RS

Blumenau, SC – Idealizado pela JUMAP, foi realizado o 1º ACAM nos dias 22 a 24 de julho, em Blumenau, após a realização deste em outras igrejas da Convenção Pioneira. Não faltou mobilização e trabalho para a 1ª Igreja Batista Pioneira em Blumenau e sua liderança. O Evento foi realizado nas dependências da FURB (Fundação Universidade Regional de Blumenau), com muitas bênçãos e sucesso e com expressivo número de grupos e igrejas representadas. Mesmo vindo de longe e viajando horas a fio, nada foi impecilho para adolescentes das mais diversas igrejas de cidades como: São Paulo, Diadema, Nova Santa Rosa, Marechal Cândido Rondon, Curitiba, Florianópolis e Santa Rosa. Muito nos alegrou a presença de adolescentes da Igreja Batista de Joaçaba (SC) que, tomando conhecimento desse acampamento, se fizeram presentes com um grupo entusiasmado, participativo e alegre em todas as atividades. Aproximadamente 180 adolescentes com seus líderes estiveram juntos para louvar a Deus e ouvir sobre o tema que o pastor e psicólogo Wanderley Rangel Filho, de Vinhedo (SP), escolheu: “Namoro na Hora Certa”, falando abertamente sobre os assuntos “namoro”, “ficar”e “sexo”. Houve tempo para brincadeiras, esporte e noite “caipira”, com direito a pescaria, jogo de argolas e guloseimas. Foi um tempo maravilhoso na presença de Deus, dando oportunidade aos adolescentes das diversas Igrejas a se conhecerem e assim estreitarem relacionamentos. Não faltou a ajuda de irmãos da igreja local no serviço de alimentar tantos adolescentes famintos (como é próprio da idade), somada a tanta atividade. No início de um evento sempre temos um ritmo; mas, depois dele sobra é muito cansaço. Mesmo assim, muitos irmãos ajudaram a entregar as dependências da FURB em ordem, limpo e arrumado, como tão bem o recebemos. Registramos nossos especiais agradecimentos à FURB, na pessoa do Sr. Vice-Reitor Dr. Antonio André Chivanga Barros, que gentilmente cedeu estes espaços nobres, tornando assim possível a realização do evento em nossa cidade de Blumenau. Agradecemos a presença de todas as Igrejas que se fizeram presentes, deixando aberto um convite carinhoso para nos visitarem e estarem conosco sempre que possível. Aos da “casa” também deixamos nossos agradecimentos pela empolgada participação, ajuda, força e dedicação.

Acampamento de adolescentes e...

... impactando vidas em Frederico Westphalen - RS

Frederico Westphalen, RS – Nos dias 8 e 9 de outubro os adolescentes tiveram um final de semana completamente diferente, passando momentos maravilhosos na presença do Senhor Jesus e aprendendo a servir a deus com toda alegria. “Celebrai com júbilo ao Senhor, todos os moradores da terra. Servi ao Senhor com alegria, apresentai-vos a ele com canto” (Sl 100.1-2). Eles fizeram brincadeiras e ministraram o louvor para os juniores da nossa igreja durante o dia, e à noite tiveram a Noite do CINE. Também prepararam o programa para os jovens. Tivemos muitas brincadeiras e distração, entre elas “Futebol de Sabão”. Desde que adotamos o Clube Bíblico oferecido pela J umap , nosso grupo se motivou bastante. Deus tem acrescentado vidas e ficamos felizes por isso, mas queremos aumentar cada vez mais o número de adolescentes na nossa igreja, para honra e glória do nosso Deus amado.

Frederico Westphalen, RS – No dia 21 de outubro fizemos algo que chamou a atenção daqueles que circulavam à noite pela cidade: pintamos nossas caras e saímos pelo centro, entramos nas faculdades e colégios imitando as pessoas como se fôssemos sombras, e ao notarem nossa presença, falamos do amor do nosso Deus, entregando panfletos que diziam assim: “jovem, você está seguindo... você sabe quem? então conheça a opção.” O objetivo foi convidar para o dia 29 de outubro, quando apresentaríamos teatros com muita música para mostrar a eles que a melhor opção é entregar suas vidas a Deus. “E tudo o que fizerdes por palavras ou por obras, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai” (Cl 3.17). Geovane e Ana Karla Scheibner

Diretoria Presidente: Alex Sandro Carmo Nunes de Assis Vice-presidente: Valdir Fortes Carvalho Secretário: Danilo Körber

14

Frederico Westphalen, RS – Dia 22 de outubro festejamos o aniversário de Ana Karla, Cleber e Suzana. Mas foi um aniversário diferente, pois usamos esse momento para convidar amigos nossos que não têm uma vida com Cristo para visitarem a Igreja Batista Pioneira de Frederico Westphalen e comemorar conosco. Preparamos uma surpresa com música e a palavra evangelística da nossa seminarista Danielli Holz, falando do amor de Deus. Com a bênção do nosso Deus, tivemos a presença de mais de 20 visitantes que tiveram suas vidas agraciadas por Ele. Cada dia que passa sentimos que eles estão sedentos em conhecer e ter uma vida com Deus. Nos próximos dias já estaremos iniciando estudos bíblicos com alguns deles. Ficamos felizes porque as sementes estão sendo lançadas e os resultados estão vindo. “Em nada, porém, considero a minha vida preciosa, contanto que cumpra com alegria a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus” (At 20.24). Estejam orando pela nossa igreja e pelo jovens para que muitas vidas possam ser abençoadas por Deus. Geovane e Ana Karla Scheibner

RESERVE NA SUA AGENDA!

1º ACAM em Blumenau - SC

o 2012 ACAMZECA: 16 a 21 de Janeir Tema: “As Crônicas de Nárnia” Local: ABP – Bozano, RS us” Concurso Bíblico: “A vida de Jes Maiores informações site JUMAP http://jumap.weebly.com/

Acima, equipe dos “caras pintadas” de Frederico Westphalen. Ao lado, turma participante do acampamento.

Coordenadores regionais Capixaba Deybson Novelli Atlântico Raquel e Hebbert Soares Iguaçu Flávio Luís dos Santos Centro Geovane Scheibner Pioneiros André Covari Härter Pampa Daniela Neumann

Missionários Pr Ricardo Lavarda Ricardo Mattana Rucimeire Caramori Freitas Mattana

Secretário administrativo Vinicius Fröhlich vinicius@jumap.org.br (55) 8109-6115


FAMÍLIAS

Bodas de Prata Willi e Noemi de Souza Muller

Blumenau, SC – “Coloque-me como um selo sobre o seu coração; como um selo sobre o seu braço; pois o amor é tão forte quanto à morte, e o ciúme é tão inflexível quanto a sepultura. Suas brasas são fogo ardente, são labaredas do Senhor” (Ct 8.6,7). No sábado dia 17/09/2011, tivemos em nossa igreja um culto em comemoração às Bodas de Prata (25 anos) do casal Willi Muller e Noemi de Souza Muller, juntamente com seus amados filhos Andreas e Guilherme. Foi emocionante conhecer a história deles: suas lutas, suas vitórias, suas dúvidas e conquistas. Chegar aos 25 anos juntos requer do casal muito amor, paciência e determinação para criar e educar seus filhos queridos. Como diz o texto bíblico de Cantares 8:6b: “Pois o amor é tão forte quanto a morte”; o amor é tão forte quanto a mais poderosa e negativa experiência humana. Até aqui Deus os tem conduzido com vitórias e nosso desejo é que a renovação desta aliança culmine com os votos que um dia fizeram no altar de Cristo. Parabéns, Willy e Noemi; é o que desejam os irmãos da Primeira Igreja Batista Pioneira em Blumenau.

Nascimento Roni e Bárbara Kühn Schmidtke

Florianópolis, SC – Com muita alegria, na comemoração do 3º Aniversário da Igreja, foram apresentados os filhos de Roni e Bárbara Kühn Schmidtke, que nasceram no dia 09.05.2011. Eles chamam-se Lucas e Samuel. “Em amor foram concebidos, com paciência aguardados: são um presente de Deus para nós e por isso os consagramos a Ele”. 

FALECIMENTOS

Elli Winter

16.07.1926 – 09.08.2011 Marechal Cândido Rondon, PR – A irmã Elli Winter nasceu no dia 16/07/1926 em São Luiz Gonzaga (RS), sendo filha de Pedro Buttinger e Saturnina Buttinger. Casou-se com Waldi Winter e tiveram 5 filhos: Clair, Lenir, Gilberto, Dorothea e Jorge. Aceitou a Jesus como seu Senhor e Salvador e foi batizada aos 26 anos pelo Pr. Georg Ziegler na Linha República no dia 27/07/1952. Transferiu residência para Marechal Cândido Rondon, na época General Rondon, sendo seu esposo Waldi Winter – um dos pioneiros na cidade e que trabalhou na colonização dessa região. A irmã Elli Winter foi membro fundadora da Primeira Igreja Batista em Marechal Cândido Rondon, ou seja, membro desde o dia 15/05/1954. Após longo período de enfermidade, aproximadamente 14 anos, o Senhor a chamou para o descanso eterno no dia 09/08, tendo assim alcançado a idade de 85 anos e 24 dias. A irmã Elli deixa seus 5 filhos, 7 netos, 5 bisnetos, irmãs e cunhados. Que Deus console e conforte os familiares enlutados.

Mayra Cardoso de Oliveira 03.04.1992 – 21.05.2011

Porto Alegre, RS – A Igreja Batista Memorial de Porto Alegre comunica que o Senhor nosso Deus convocou nossa querida irmã Mayra, filha de Leó Rivail e Roseli Cardoso de Oliveira, para junto Dele. Esta irmã e sua família nos ensinaram durante o período de sua enfermidade a perseverar e confiar em Deus, crendo que Ele está no controle de todas as coisas. Louvamos a Deus pelo tempo que Mayra permaneceu conosco e oramos para que o Senhor continue a confortar a família. Deus os abençoe. “Porquanto para mim, viver é Cristo e morrer é lucro.” (Fl 1.21).

Pr. Jonathan Strassburg 30.12.1931 – 29.09.2011

Cascavel, PR – O Pr. Jonhathan nasceu em Chapecó (SC), filho de Julius e Juliana Strassburg. Casou-se com Maria Lourdes Strassburg em 01/07/1961, vindo a completar 50 anos de casados em 2011. Tiveram 4 filhos: Marcos, Udo, Renate e Andréa. O Pr. Jonathan trabalhou em diversas igrejas, das quais: Conde de Porto Alegre (RS), Mafra (SC), Carazinho (RS), Santa Rosa (RS), Santo Ângelo (RS), Cascavel (PR), Nova Santa Rosa (PR), Emanuel de Panambi (RS) e Central em Cascavel (PR), da qual recebeu o título de Pastor Emérito em 2003. No âmbito da Convenção Pioneira, ele exerceu as seguintes funções: 2º Vice-presidente (1977), Vice-presidente (1973), Presidente (1974 e 1975), Presidente da JEVAM (1971 e 1972) e Presidente da Junta de Escolas Dominicais (1973 e 1974). Além desses cargos, em 1980 ele foi enviado como missionário da JEVAM para a cidade de Cascavel-PR, onde teve papel relevante na implantação da Igreja Batista Pioneira naquela cidade. O Pr. Jonathan faleceu de um ataque cardíaco fulminante, acompanhado de queda brusca da pressão, durante a realização de uma angeoplastia. Foi algo inesperado para nós. Mas cremos que ele está em um lugar muito melhor, “e que Deus suprirá todas as nossas necessidades, de acordo com as suas gloriosas riquezas em Cristo Jesus” (Fl 4.19).

Alzira Olívia Föesch 31.05.1926 – 28.01.2011

Crissiumal, SC – Aprouve ao Senhor chamar para junto de si, no dia 28/01/11, nossa querida Irmã Alzira (Vó Alzira, como era conhecida de todos). A Irmã Alzira foi membro fundadora da Congregação Batista em Crissiumal (SC), fazendo parte do primeiro grupo de batizandos do Pr. Isvi Morais (in memoriam) no ano de 1989. Ela sempre esteve atuante nos mais diversos departamentos da Igreja e sua última atividade foi na Ação Social em 2010. Todos sentimos sua falta, mas lembramos com carinho de seu sorriso e suas palavras confortantes. Isso tem servido de conforto para todos, pois sabemos que ela cumpriu sua missão aqui na terra. Alzira Olívia Föesch alcançou a idade de 84 anos 7 meses e 27dias. Pr. Valmir Krummenauer

15


TEMA DO MÊS

Faculdade Batista Pioneira: o “nosso seminário” precisa da sua ajuda Prezado pastor e liderança da igreja. O ano passa rápido e, mais uma vez, nos aproximamos do Dia de Educação Ministerial, que em nossa Convenção é comemorado no mês de novembro. Como de costume, nesta data, pedimos a ajuda de todas as igrejas para que divulguem e apoiem o trabalho de formação teológica e ministerial que é realizado em “nosso Seminário”, hoje conhecido como Faculdade Batista Pioneira. Quando falamos em “nosso Seminário”, desejamos que todos compreendam que é uma referência à instituição que pertence às igrejas da Convenção Batista Pioneira e, consequentemente, a todos os membros destas igrejas. Ou seja, essa instituição pertence a cada um dos batistas pioneiros e também é de vocês. Assim, o nosso pedido é o seguinte: ajudem-nos a cuidar bem do seu patrimônio que está sob nossa administração e ampliá-lo de acordo com as necessidades que temos para atender bem à formação dos

futuros obreiros e às exigências que temos junto ao MEC. Precisamos construir uma biblioteca nova mais ampla e também uma capela que comporte todos os alunos e professores. Ore por este ministério, divulgando suas atividades, dando sugestões de como melhor conduzi-lo, e investindo financeiramente para seu melhor desempenho. Por favor, orem sobre este assunto e ofertem com os corações abertos, lembrando que, oficialmente, o patrimônio é de todos nós, mas, mais do que isto, é um bem de Deus que está em nossas mãos para ser bem cuidado. Ao lado está o cartaz da campanha do mês de Educação Ministerial, que também foi enviado a todas as igrejas da Pioneira através de e-mail. Pedimos, se possível, que ele seja projetado nos cultos e que todos se empenhem por esta obra que diz respeito a todos nós. Obrigado por podermos contar com a sua ajuda. Juntos, façamos mais e melhor! Direção da Faculdade Batista Pioneira

Jesus e o Ensino Ministerial

Estamos no mês em que se destaca o Ensino Ministerial em nossa Convenção. Creio que é um bom período para refletirmos naquilo que temos feito a este respeito e, mais ainda, nas bases que nos levam a praticar este tipo de ensino, pois, infelizmente, ainda encontramos uma ou outra pessoa questionando a validade e a necessidade do preparo para o ministério. De forma ingênua e simplista alguns pensam: para estar no ministério basta ser chamado e estar na dependência de Deus (dois pontos que, certamente, são indispensáveis para todos os ministros). Chegam mesmo a citar a simplicidade

16

dos apóstolos que, sem estudos formais, realizaram obras magníficas em nome de Jesus. Quero chamar a atenção nestas poucas linhas exatamente para a importância que Jesus deu a este assunto. Ele tinha muitas maneiras para iniciar e desenvolver suas atividades aqui na terra, mas parece que escolheu iniciar trabalhando com o Ensino Ministerial. Ele, Mestre sem igual que é, durante o período de suas atividades terrenas, ensinou em todos os lugares por onde passou, em todas as ocasiões e a todas as pessoas com quem tinha contato. Mas, acima de tudo, ensinou um pequeno grupo, preparando

seus componentes para os ministérios que haveriam de assumir depois de sua partida, e nós conhecemos bem os bons resultados alcançados pela maioria dos participantes daquele grupo. Assim, creio que é legítimo dizer que Jesus atuou no Ensino Ministerial. O grupo não era formado por todos aqueles que desejassem cursar, digamos, “o curso que Jesus ministrava”, o qual poderia ser chamado de “Curso de Formação de Pescadores de Homens”, como ele anunciou no convite que fez a André e Simão Pedro (Mt 4.19), mas somente por aqueles que ele mesmo escolhia. O curso de tempo integral ao lado do Mestre que, com certeza, supera qualquer curso na atualidade, de qualquer nível que seja, não era para quem apenas estava interessado, era para aqueles que tinham um chamado. Jesus chamou todos os que fizeram parte de seu grupo, preparou cada um deles e, finalmente, também os enviou para que fossem e cumprissem o ministério para o qual foram chamados e preparados. Assim, quando voltamos os nossos olhos para o exemplo de Jesus nesta questão do Ensino Ministerial, o qual percebemos que ele ministrou a seus apóstolos, se entendemos que Ensino Ministerial é o mesmo que preparo para o ministério cristão, podemos destacar pelo menos três pontos: 1) o ensino ministerial é um assunto muito relevante, pois ocupou grande parte do tempo do ministério de Jesus;

2) o ensino ministerial não é para todas as pessoas, mas para aquelas que são chamadas para determinado ministério; e 3) o ensino ministerial pressupõem que os chamados e instruídos serão enviados, para que, na dependência e poder do Espírito, realizem o ministério para qual foram preparados. Como diretor da Faculdade Batista Pioneira, instituição responsável pelo Ensino Ministerial da Convenção desde 1967, quando iniciou com o nome de Instituto Bíblico de Ijuí, quero agradecer a todos os irmãos e igrejas que já têm entendido o valor desta tarefa e nos têm sustentado com suas orações, ofertas, conselhos, apoio e orientações. A todos vocês o meu sincero muito obrigado! E quero também apelar a todos os que só agora percebem esta importância. Estamos no mês do Ensino Ministerial. Por favor, orem pelo nosso Seminário (quando digo “nosso” estou dizendo de cada membro da Convenção Batista Pioneira); roguem a Deus para que separe mais obreiros para a Sua seara; intercedam por nós, professores, alunos e funcionários, para que possamos desempenhar esta tarefa de forma cada vez mais digna; e oferte para este ministério tão importante para a expansão do Reino de Deus na terra, conforme o Senhor colocar em seu coração. Dr. Antônio Renato Gusso Faculdade Batista Pioneira Diretor


OBP Novembro