Page 84

Além de usurpar as capacidades das pessoas, os estereótipos causam prejuízos por levá-las a acreditar que não estão no lugar adequado. Muitos membros de minorias abandonam a universidade e muitas mulheres deixam de concluir cursos de matemática ou de ciências simplesmente porque não sentem que se encaixam. Para descobrir de que forma isso acontece, acompanhamos mulheres universitárias durante seus cursos de cálculo integral.26 É nesse momento que os alunos decidem se desejam prosseguir seus estudos de matemática ou se as carreiras que envolvem matemática são adequadas para eles. Durante um semestre, pedimos às mulheres que relatassem seus sentimentos a respeito da matemática e sua sensação de que a matemática fosse adequada para elas. Por exemplo: quando pensavam em matemática, sentiam-se parte integrante da comunidade de matemáticos ou se sentiam estranhas a ela? Sentiam-se à vontade ou ansiosas? Achavam que possuíam qualidades para a matemática ou não? As mulheres de mindset de crescimento — as que achavam que suas qualidades matemáticas podiam ser aperfeiçoadas — tinham uma sensação bastante forte de adequação. E eram capazes de conservar esse sentimento mesmo quando muitos estereótipos negativos se manifestavam. Uma delas falou assim: Numa turma de matemática, foi dito às alunas que haviam errado, mesmo quando não era o caso (na verdade, estavam fazendo as coisas de maneira inovadora). Isso era um absurdo, e o professor era culpado por não “ver” o raciocínio correto das alunas. O fato não teve maior importância porque estávamos trabalhando em grupos e foi possível nos apoiarmos […]. Debatíamos entre nós mesmas nossas ideias mais interessantes. Essas reações estereotipadas as preocupavam (como deve ser), mas mesmo assim se sentiam à vontade consigo mesmas e confiantes quanto a sua reação num contexto matemático. Eram capazes de reagir. Mas as de mindset fixo se sentiam cada vez menos à vontade à medida que transcorria o semestre. E quanto mais percebiam a presença de estereótipos na turma, menos à vontade se sentiam com a matemática. Uma disse que sua sensação de adequação diminuía porque “era desrespeitada pelo professor quando ele comentava que ‘foi um bom palpite’ sempre que eu dava uma resposta correta na aula”. O estereótipo da baixa capacidade tomou conta delas — definiu-as — e roubou-lhes a tranquilidade e

Profile for PEÇAS GENUINA - BIBLIOTECA ON-LINE

Mindset_ A nova psicologia do sucesso - Carol Dweck  

Mindset_ A nova psicologia do sucesso - Carol Dweck

Mindset_ A nova psicologia do sucesso - Carol Dweck  

Mindset_ A nova psicologia do sucesso - Carol Dweck

Profile for oasis23r
Advertisement