Page 1

ANO 7

NÚMERO 1232

PODER SÃO LUÍS - MA , QUARTA-FEIRA, 19 DE JUNHO D E 2 0 1 3

PREÇO - R$ 2,00

Câmara Federal quer a “cura” dos gays A Comissão de Direitos Humanos da Câmara aprovou nesta terça-feira (18) o projeto de lei que determina o fim da proibição, pelo Conselho Federal de Psicologia, de tratamentos que se propõem a reverter a homossexualidade. A sessão que aprovou a proposta foi presidida pelo deputado Marco Feliciano (PSC-SP), que conseguiu colocá-la em votação após várias semanas de adiamento por causa de protestos e manobras parlamentares contra o projeto. De autoria do deputado João Campos (PSDB-GO), a proposta pede a extinção de dois artigos de uma resolução de 1999 do conselho. Página 2

Felipão, sobre protestos: 'A Seleção é do povo' Página 4

Página 3

Corrupção e falta de compromisso motivam protestos, diz Eliziane

Presidente Vargas

Prefeita e ex-prefeito são alvo de ação por improbidade administrativa A Promotoria de Justiça da Comarca de Vargem Grande ingressou, em 12 de junho, com Ação Civil Pública por atos de improbidade administrativa contra Luiz Gonzaga Coqueiro Sobrinho e Ana Lúcia Cruz Rodrigues, respectivamente, ex-prefeito e atual prefeita do município de Presidente Vargas (termo judiciário da Comarca de Vargem Grande, distante 165km de São Luís). O Ministério Público do Maranhão (MPMA) pede a condenação dos réus conforme a Lei nº 8.429/ 92. Propôs a manifestação o promotor de justiça Benedito de Jesus Nascimento Neto.Página 5

O relator do projeto da cura gay, deputado Anderson Ferreira (PR-PE) e o presidente da Comissão de Direitos Humanos, Marco Feliciano (PSC-SP), na sessão que aprovou a proposta

BERNARDO DO MEARIM

Município é condenado a devolver recursos ao Estado Página 5

Arraial da Lagoa da Jansen

Redes Sociais

SSP define plano de segurança para o São João do Maranhão A Secretaria de Segurança Pública (SSP) definiu o plano de segurança a ser executado durante o São João do Maranhão, que começará oficialmente nesta quinta-feira (20), no Arraial da Lagoa da Jansen, prosseguindo até 30, dia de São Marçal. A festa, promovida pelo Governo do Estado, terá uma vasta programação cultural e grande estrutura para garantir a diversão de maranhenses e dos turistas. A exemplo das ações nos shows dos 400 Anos de São Luís e da Virada do Ano, o Arraial da Lagoa contará com policiamento reforçado em todo o local e nas regiões entorno para garantir a segurança das cerca de 30 mil pessoas que devem prestigiar o evento por noite. Página 7

oquartopoder.com

msn@oquartopoder.com Twitter - oquartopoder4# face - Jornal O Quarto Poder Orkut - O Quarto Poder Jornal Gmail - oquartopoder@gmail.com


2 - Geral

O QUARTO PODER - São Luís, quarta-feira, 19 de junho de 2013

Dilma defende protestos e diz ouvir 'vozes pela mudança'

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta terça-feira (18), durante discurso no Palácio do Planalto, que o governo "está ouvindo essas vozes pela mudança", em referência às manifestações desta segunda (17) que reuniram cerca de 250 mil pessoas em várias cidades do país. Houve protestos em 12 capitais e em pelo menos outras 16 cidades. Os manifestantes reclamavam de aumento das tarifas de transporte, violência urbana, custos da Copa do Mundo, serviço público, entre outras reivindicações. "Eu quero dizer que o meu governo está ouvindo essas vozes pela mudança. Meu

governo está empenhado e comprometido com a transformação social", afirmou, durante solenidade de lançamento do projeto do marco regulatório da mineração. As "vozes", segundo Dilma, "ultrapassam os mecanismos tradicionais das instituições, dos partidos políticos e da própria mídia". Nesta terça, o ministro da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, afirmou que está "dificil de entender" as manifestações. A presidente relacionou temas presentes no discurso dos manifestantes e disse que os protestos emitiram uma "mensagem direta" à sociedade e aos governan-

tes. Nessa mensagem, segundo Dilma, está "o repúdio à corrupção e ao uso indevido do dinheiro público". "Os que foram ontem às ruas deram uma mensagem direta ao conjunto da sociedade, sobretudo aos governantes de todas as instâncias. Essa mensagem direta das ruas é por mais cidadania, por melhores escolas, melhores hospitais, postos de saúde, pelo direito à participação. Essa mensagem direta das ruas mostra a exigência de transporte público de qualidade e a preço justo. Essa mensagem direta das ruas é pelo direito de influir nas decisões de todos os governos, do Legislativo e do Judiciário. Essa mensagem direta das ruas é de repúdio à corrupção e ao uso indevido do dinheiro público", afirmou. A “mensagem direta das ruas”, disse, comprova o valor da participação dos cidadãos em busca de direitos. “E eu vou dizer aos senhores: a minha geração sabe quanto isso nos custou”, afirmou. Dilma afirmou que o Brasil "tem orgulho" dos manifestantes, ressaltou o "caráter pacífco" dos atos de protesto e elogiou a atuação das forças de segurança, embora tenha condenado os "atos isolados" de violência. "O Brasil tem orgulho de-

les [os manifestantes]. Devemos louvar o caráter pacifico do atos públicos. O caráter pacífico dos atos públicos de ontem evidenciou também o correto tratamento dado pela segurança publica à livre manifestação popular", afirmou. "Infelizmente, porém, é verdade, aconteceram atos isolados contra o patrimônio público e privado, o que devemos coibir com vigor. Toda violência é destrutiva, lamentável e só gera mais violência. Não podemos aceitar jamais conviver com ela. Isso no entanto não ofusca o espírito pacífico das pessoas que ontem foram às ruas democraticamente pedir pelos seus direitos", declarou. Para Dilma, o Brasil acordou "mais forte" nesta terça. "A grandeza das manifestações de ontem comprovam a energia da nossa democracia, a força da voz da rua, o civismo da nossa população", disse. Segundo ela, o governo compreende que as “exigências da população mudam”. “Porque incluímos, porque elevamos a renda, porque ampliamos o acesso ao emprego, porque demos acesso a mais pessoas à educação, surgiram cidadãos que querem mais e que têm direito a mais”, declarou.

Comissão de Direitos Humanos aprova autorização para 'cura gay' A Comissão de Direitos Humanos da Câmara aprovou nesta terça-feira (18) o projeto de lei que determina o fim da proibição, pelo Conselho Federal de Psicologia, de tratamentos que se propõem a reverter a homossexualidade. A sessão que aprovou a proposta foi presidida pelo deputado Marco Feliciano (PSC-SP), que conseguiu colocá-la em votação após várias semanas de adiamento por causa de protestos e manobras parlamentares contra o projeto. De autoria do deputado João Campos (PSDB-GO), a

proposta pede a extinção de dois artigos de uma resolução de 1999 do conselho. Um deles impede a atuação dos profissionais da psicologia para tratar homossexuais. O outro proíbe qualquer ação coercitiva em favor de orientações não solicitadas pelo paciente e determina que psicólogos não se pronunciem publicamente de modo a reforçar preconceitos em relação a homossexuais. Na prática, se esses artigos forem retirados da resolução, os profissionais da psicologia estariam liberados para atuar em busca da

suposta cura gay. Antes de virar lei, o projeto ainda terá de ser analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família e de Constituição e Justiça até chegar ao plenário da Câmara. Se aprovada pelos deputados federais, a proposta também terá de ser submetida à análise do Senado. Somente então a matéria seguirá para sanção ou veto da Presidência da República. Em seu parecer em defesa da proposta, o relator, deputado Anderson Ferreira (PR-PE), apontou que o projeto “constitui uma defesa da

liberdade de exercício da profissão e da liberdade individual de escolher um profissional para atender a questões que dizem respeito apenas a sua própria vida”. Ao justificar o projeto, o autor do texto afirmou que o Conselho Federal de Psicologia, ao restringir o trabalho dos profissionais e o direito da pessoa de receber orientação profissional, “extrapolou o seu poder regulamentar e usurpou a competência do Legislativo”. O texto foi aprovado por votação simbólica, sem contagem individual dos votos.

CAE começa a discutir projeto que reduz preços de passagens A redução das tarifas de transporte público, via desoneração tributária, começou a ser discutida nesta terçafeira (18) pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). O próprio presidente da CAE, senador Lindbergh Farias (PTRJ), apresentou parecer favorável a projeto de lei, aprovado pela Câmara dos Deputados (PLC 310/2009), que institui o regime especial de incentivos para o transporte coletivo urbano e metropolitano de passageiros (Reitup). O sistema é condicionado à implantação do bilhete único. O projeto concede diversos benefícios fiscais em nível federal, alguns deles já previstos em duas medidas provisórias – MPs 612/2013 e 617/2013. Substitutivo apresentado por Lindbergh amplia esses benefícios e condiciona o regime tributário à adesão de estados e municípios, que deverão zerar as alíquotas do ICMS e do ISS das empresas de transporte, as

quais terão de repassar os incentivos às tarifas. O projeto reduz a zero a contribuição para o PIS/Pasep e a Cofins das passagens, o que já é previsto na MP 617/2013. Também propõe zerar a Cide/Combustível na aquisição de óleo diesel para abastecer os veículos de transporte coletivo, providência já implementada pelo Decreto 7.764/2012. As novidades estão na contribuição patronal à seguridade social, que seria reduzida de 2% para 0,5% do faturamento bruto, e no PIS/Pasep e na Cofins na aquisição de insumos relativos a operação dos serviços de transporte – óleo diesel, energia elétrica e bens de capital – que seriam zerados. Outra novidade é a inclusão de veículos leves sobre trilhos (VLT) e de monotrilhos entre os chamados "modais" de transportes incentivados. O projeto original citava apenas ônibus, micro-ônibus, metrô, trem metropolitano e trólebus.

Comissão de Educação aprova obrigatoriedade do Enem ao fim do ensino médio A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) aprovou nesta terça-feira (18) projeto que torna obrigatório, de forma progressiva, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para todos os concluintes dessa etapa da educação básica. A intenção é fazer como que o exame evolua para fazer parte de um sistema mais ambicioso de avaliação da qualidade do ensino médio e de indução de mudanças curriculares, sem perda para sua principal função do momento, que é selecionar alunos para ingresso no ensino superior. O PLS 696/2011, proposto pelo senador Anibal Diniz (PTAC), foi acolhido pela comissão na forma de texto substitutivo sugerido pelo senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE), relator da matéria. Agora deverá voltar à pauta da próxima reunião, para votação em turno suplementar, exigência regimental para substitutivos aprovados em caráter terminativo. Se confirmado, poderá então seguir diretamente para análise da Câmara, sem

passar pelo Plenário. O autor pretende ainda que, por meio da universalização, sejam evitadas estratégias usadas por escolas para obter boa avaliação institucional, como a seleção dos melhores estudantes para fazer a prova. A imprensa já noticiou a criação de falsas filiais, apenas para registrar nessas unidades fictícias os bons alunos, que acabam revertendo para a instituição uma boa colocação no ranking do exame. O Enem vem sendo utilizado como forma de seleção unificada para admissão nas universidades federais desde 2009. Os resultados podem servir como nota única, pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), como fase do processo de seleção ou ainda como parte da pontuação. A nota serve também para certificar a conclusão do ensino médio em cursos de educação de jovens e adultos, assim como para a obtenção de crédito pelo Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies).


O QUARTO PODER - São Luís, quarta-feira, 19 de junho de 2013

Geral - 3

Brasil

Das 7h30 às 14h30

Corrupção e falta de compromisso motivam protestos, diz Eliziane

JT-MA tem expediente especial nos dias dos jogos da Seleção Brasileira

Corrupção e falta de compromisso com a coisa pública motivam os protestos em todo o país. Desta forma a presidente da Comissão de Direitos Humanos e das Minorias (CDHM), deputada Eliziane Gama (MD) alertou que as manifestações ocorridas em todo o Brasil são geradas pela indignação com os problemas na área da saúde, educação e desvio de verbas públicas. “Estamos vivendo hoje no Brasil algo semelhante às Diretas Já e ao Movimento de Impeachment do Collor. Essas manifestações não são apenas acerca da mobilidade urbana no Brasil que

é um problema grave. Todas essas manifestações também são contra a corrupção e a falta de compromisso com a coisa pública no país, passando pela saúde, educação, transporte público e também pela questão agrária”, acrescentou Eliziane Gama. A parlamentar informou que já estão sendo agendados, através das redes sociais, protestos na capital maranhense. Para a deputada, os Governos, principalmente o governo municipal de São Luís, precisam encontrar soluções urgentes para o transporte público e outras situações graves que acarretam a população.

“Espero que especialmente o governo municipal desta cidade, que tem a responsabilidade pelo transporte público, possa apresentar alternativas para a situação de mobilidade de São Luis sob pena de estarmos aí vivenciando não somente na previsão para amanhã, mas nos próximos dias manifestações semelhantes as que ocorrem em todo o país” A deputada aproveitou o discurso para pedir mais sensibilidade dos colegas parlamentares às reivindicações da população. “Que tenhamos mais sensibilidade às manifestações e às reivindicações da sociedade civil organizada, que têm chegado à Casa do Povo, como uma forma de buscar uma resposta para o seu grito, suas ansiedades e reivindicações tão pertinentes e importantes”, completou. DIREITO A TERRA Na tribuna a parlamentar também destacou a mobilização realizada desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira (18) pelos trabalhadores rurais maranhenses em um movimento chamado “Grito da Terra Maranhão” (GTM). O objetivo da manifestação é propor políticas públicas adequadas ao

desenvolvimento sustentável e a erradicação da pobreza no meio rural. “O grupo já está no INCRA na tentativa de encontrar saídas as lutas históricas, como o direito a garantia da terra, a reforma agrária com dignidade, a redução de mortes no campo, porque esses são problemas graves no Maranhão”, esclareceu. No fim da manhã, a deputada Eliziane Gama foi a Sede do Incra se solidarizar com o movimento e conversar com os líderes do GTM. “No Maranhão temos dezenas de homens e mulheres ameaçados de morte pela pistolagem e grileiros de terras. Se não houver atenção realmente responsável do Estado, o que vamos ter a cada dia são protestos e mais protestos”, reforçou. Eliziane Gama aproveitou para pedir que o Governo do Estado reveja o veto ao projeto da ex-deputada Helena Heluy e reapresentado por ela, que impede os despejos forçados no Maranhão. “A todo o momento são expedidas liminares contra ocupações de 40 anos, 50 anos como se fossem realmente ocupações novas. O que é gravíssimo!”, assegurou.

Política

Gilmar Mendes diz que STF deve derrubar lei que inibe novos partidos O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes afirmou nesta terça-feira (18) que os ministros da Corte indicaram que devem julgar inconstitucional a norma, prevista em projeto de lei, que impede a transferência para novos partidos de recursos do fundo partidário e do tempo de propaganda de TV e rádio de parlemantares que migrem para a nova sigla. A regra faz parte de proposta que, se virar lei, inibe a formação de novos partidos e prejudica a Rede Sustentabilidade, legenda que a exministra Marina Silva pretende criar. O projeto teve a tramitação suspensa no Senado em abril por decisão do próprio Gilmar Mendes. Na semana passada, no entanto, a maioria dos ministros do STF se

declarou favorável à liberação das discussões e da votação pelo Congresso. Com a retomada do julgamento na próxima quinta (20), o Supremo deve autorizar o andamento da proposta. Na Corte, cinco dos nove ministros que participam do julgamento entenderam que não se pode considerar inconstitucional uma regra que ainda está em debate pelos parlamentares. Para Gilmar Mendes, no entanto, é "positivo" o fato de que diversos ministros consideraram o teor do texto inconstitucional. "A grande vantagem é que a maioria dos ministros já se manifestou que o projeto como está é inconstitucional, ou seja, será derrubado. Acho que isso é um dado importante. Se somarmos os votos temos um pronunciamen-

to claro neste sentido. Esse é um dado positivo do debate", afirmou. O ministro voltou a afirmar que considera que, no caso específico, o andamento da proposta deveria ser paralisado por ferir a Constituição, no chamado controle prévio de constitucionalidade. "Eu continuo convencido da correção da tese que venho sustentando, porque entendo que, se se pode fazer controle prévio de emenda constitucional, como o tribunal reafirmou, pode-se também fazer de projeto de lei, quando ele é escancaradamente inconstitucional." De autoria do deputado Edinho Araújo (PMDB-SP), o projeto de lei impede que parlamentares que mudem de partido no meio do mandato transfiram para a nova agremiação parte do fundo

partidário e do tempo no rádio e na TV da sigla de origem. Pelas regras atuais, a maior parte do fundo e da propaganda eleitoral é distribuída de forma proporcional ao tamanho das bancadas. Os defensores da proposta - parlamentares governistas - argumentam que o objetivo é frear a infidelidade partidária. Os críticos - principalmente parlamentares de oposição - dizem que a finalidade é desestimular candidaturas presidenciais para a eleição de 2014. Inicialmente, a retomada do julgamento estava marcado para a manhã desta quarta (19) - a sessão do Supremo será pela manhã em razão do jogo entre Brasil e México pela Copa das Confederações. No entanto, os ministros decidiram deixar o tema para a sessão de quinta.

A presidente do Tribunal Regional do Trabalho do Maranhão (TRT-MA), Ilka Esdra Silva Araújo, por meio da Portaria GP Nº 651/2013, determinou que o expediente da Justiça do Trabalho no Maranhão e o atendimento ao público externo, nos dias em que a Seleção Brasileira de Futebol jogar na Copa das Confederações de 2013, serão das 7h30 às 14h30. Observadas a conveniência e as necessidades do serviço, cada unidade administrativa e judiciária deverá providenciar a remarcação dos atos e audiências porventura já agendados para além do horário de encerramento do expediente nos dias referidos na portaria acima citada, dando imediata e efetiva ciência aos interessados de tal medida. Os prazos que vencerem nos dias dos jogos da Seleção Brasileira serão prorrogados para o primeiro dia útil subseqüente. Na hipótese da eliminação da Seleção Brasileira no campeonato, o horário de expediente volta a ser normal. As unidades integrantes

da estrutura da Justiça do Trabalho da 16ª Região (diretorias, assessorias, secretarias, coordenadorias, seções e varas trabalhistas) devem providenciar a ampla, efetiva e imediata divulgação do disposto na citada portaria. Considerações – Ao regulamentar o expediente especial, a presidente do TRT-MA levou em considerando o disposto no Artigo 21, do Regimento Interno, que atribui à Presidência a competência para determinar ou prorrogar o horário de funcionamento dos órgãos da Justiça do Trabalho no Maranhão. A desembargadora também considerou a mobilização nacional no acompanhamento dos jogos da Seleção Brasileira de Futebol na Copa das Confederações de 2013, já que alguns desses jogos coincidirão com o horário normal de expediente do Regional; bem como a necessidade de planejamento da atividade forense em razão do campeonato, principalmente para evitar prejuízos ao jurisdicionado.

Maranhão Trem da Cidadania retoma atividades no interior O Trem da Cidadania, uma ação promovida pelo Viva Cidadão, órgão vinculado à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Cidadania, retomou suas atividades no interior do estado, beneficiando inicialmente a população do município de Vitória do Mearim. Desde 11 deste mês, o Trem da Cidadania está disponibilizando, em Vitória do Mearim, município da área de abrangência da Estrada de Ferro Carajás, serviços de emissão de Carteiras de Identidade e o Balcão do Cidadão CPF, além de serviços on-line. "O nosso trabalho é contínuo e atende a todos os

municípios, inclusive os que não possuem unidades fixas do Viva Cidadão. Nosso intuito é levar cidadania a todos os maranhenses", declarou a secretária de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Cidadania, Luiza Oliveira. A unidade móvel permanecerá em cada município por 20 dias tendo saída da Vitória do Mearim prevista para o dia 27 deste mês. Os municípios seguintes a serem beneficiados são: Pindaré-Mirim/Santa Inês (de 10/7 à 29/7 e 6/11 a 25/11); Bom Jesus das Selvas (de 7/08 ao 26/8 e 2/12 a 21/ 12) e São Pedro da Água Branca (de 11/9 a 30/9).

4º PODER Diretor Geral Udes Cruz Filho

Jurídico Saíle Azevêdo da Cruz José Silva Junior

Administrativo Célia Lima Ferreira Financeira Rosário A.Cruz

Editoração Cris Almeida

Endereço : Av. Odilo Costa Filho, N° 55, Parque. Universitário – Cep 65059-810 - São Luís-MA. U.L. DA CRUZ FILHO - CNPJ: 09.406.142/0001-28 Te l e f o n e s: (98) 3274-3007 / 8272-4183 / 9911-8325 m a i l : redacao@oquartopoder.com


4 - Cidades e Esportes

O QUARTO PODER - São Luís, quarta-feira, 19 de junho de 2013

Futebol

Cadastramento

Felipão, sobre protestos: 'A Seleção é do povo'

Semdel prorroga prazo para cadastro dos departamentos autônomos de futebol

Felipão dá carta branca para jogadores se manifestarem A onda de protestos e manifestações que tomou as cidades brasileiras também é assunto na Seleção. Nesta terça-feira, véspera do jogo contra o México, o técnico Luiz Felipe Scolari não quis se aprofundar sobre o assunto, mas não acredita que os brasileiros, que protestam contra o custo da Copa do Mundo, se virem contra a equipe brasileira. - A Seleção é do povo. Somos do povo. Acho que estamos dando a eles aquilo que eles mais esperam de nós: que o time vá crescendo e possa representar o Bra-

sil . Esse é nosso trabalho e é isso que estamos fazendo. Não temos interferência nas outras áreas. Sobre as manifestações, o Scolari afirmou que os brasileiros têm o direito de protestar. No entanto, pediu que os protestos sejam pacíficos. - É comum e normal numa democracia que se aceitem as demonstrações e situações sejam recebidas e percebidas pelo nosso governo ou pessoas envolvidas. Tomara que continuem a ser pacificas, democráticas, normais. É o que nós queremos. Liberdade de expres-

são para os jogadores Felipão evitou se posicionar, tomar partido, mas aprovou as manifestações dos jogadores da equipe a respeito dos protestos. Na noite anterior, Daniel Alves e Dante publicaram apoio ao movimento nas redes sociais. Na entrevista do início desta tarde, o zagueiro David Luiz também se declarou favorável. Pessoas de outras modalidades e ex-atletas também revelaram suas opiniões. A participação dos jogadores foi enaltecida pelo técnico da Seleção. - Os jogadores têm total

liberdade para opinarem sobre qualquer assunto, desde que cada um assuma sua responsabilidade. As manifestações dos atletas são interessantes porque me parece que essa alienação que é imposta aos nossos profissionais está deixando de existir. O treinador disse também que não teme a imagem que os estrangeiros terão do Brasil em razão da série de protestos. Ele citou como exemplo manifestações em Londres antes das Olimpíadas do ano passado, e que não abalaram o prestígio da Inglaterra. Para ele, desde que seja pacífico, o movimento popular deve ser respeitado e entendido pelos governantes. - É comum e normal numa democracia que essas situações sejam recebidas e percebidas pelo nosso governo ou por pessoas envolvidas. Tomara que continuem a ser pacíficas, democráticas, é o que queremos. Vamos ter de entender e, a partir dessa possibilidade de as pessoas se manifestarem, termos a evolução que esperamos para o Brasil.

Qualificação

Segep recebe jovens do Programa Estágio Viva Primeiro Emprego Visando colaborar com a formação, qualificação e inserção de jovens e adultos, entre 18 e 30 anos no mercado de trabalho, a Secretaria de Estado de Gestão e Previdência (Segep) participa do Programa Estágio Viva Primeiro Emprego, após assinar convênio, na quinta-feira (13), com a Universidade Virtual do Maranhão (Univima), vinculada à Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia (Sectec). Pelo convênio, em atendimento à solicitação da Segep, ficou acertado que a Univima disponibilizaria 52 estagiários para trabalharem em 14 setores da secretaria. São 22 estagiários atuando no turno da manhã e 30 no turno da tarde, desde segunda-feira (17). "Fico muito satisfeito da

Segep participar da formação desses jovens, que estão ingressando nas suas carreiras. Eles terão uma experiência excelente, com a oportunidade de aprender muito com a administração pública”, assegurou o secretário de Estado de Gestão e Previdência, Fábio Gondim. Já o subsecretário da Segep, Marcos Fernando Jacinto, afirmou que o objetivo é proporcionar aos jovens oportunidades de capacitação no mercado de trabalho. "Por outro lado, a Secretaria se beneficiará, também, com a contribuição dessa essa força de trabalho em seus diversos setores". Os estagiários terão campo de aprendizagem profissional, social e, cultural, vales-transporte e Bolsa Auxílio no valor de R$ 620,00. O Programa Estágio

O cadastramento é pré-requisito obrigatório para a participação nas competições A Secretaria de Desporto e Lazer (Semdel) prorrogou o prazo de cadastramento dos departamentos autônomos de futebol de toda a capital. O cadastramento é prérequisito obrigatório para a participação nas competições e demais eventos da Secretaria, a exemplo do Copão Semdel, Copa Batom e outros. A decisão de prorrogar o prazo veio a partir de solicitação dos departamentos para que tivessem mais tempo de preparar documentação necessária solicitada pela Secretaria como: cópia do CNPJ do departamento; ata da última eleição registrada em cartório, listagem nominal com os contatos telefônicos dos atuais dirigentes, além do comprovante de endereço atualizado. O cadastramento possibilita a criação de um banco de dados inédito na Secretaria, cuja finalidade é levantar o quan-

titativo dessas organizações para atender e difundir de forma mais precisa o esporte amador. A equipe de trabalho da Semdel detectou pelo menos um departamento autônomo de futebol em cada bairro ludovicense. Segundo o secretário de Desporto e Lazer, Raimundo Penha, “não temos interesse em estabelecer limitações, mas de promover a inclusão social. Essas organizações serão melhor atendidas quando estivermos com esse banco de dados nas mãos, para que as comunidades tenham mais acesso ao esporte e lazer disponibilizado pela Prefeitura de São Luís”. Os representantes dos departamentos deverão preencher a ficha de inscrição disponível na Superintendência de Desporto e Lazer da Semdel, localizada no Parque do Bom Menino. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (98) 3212-3250.

São Luís Centro de Saúde da Liberdade terá ação para gestantes

Gestores da Segep com estágios do Programa Estágio Viva Primeiro Emprego Viva Primeiro Emprego é uma iniciativa do Governo do Estado, por intermédio do programa de formação continuada Maranhão Pro-

fissional. Inclui cursos profissionalizantes de extensão tecnológica decorrentes de parcerias com instituições de ensino e empresas.

WWW.OQUARTOPODER.COM

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria de Saúde (Semus), realizará, nesta quarta-feira (19), às 14h, no Centro de Saúde da Liberdade, o “Dia da Beleza Gestante”. O evento faz parte do projeto iniciado com o objetivo de prestar atendimento ao grupo formado por 20 gestantes que são assistidas pela unidade de saúde. Os encontros acontecem uma vez por mês, quando são realizadas palestras sobre diversos temas como pré-natal e prénatal odontológico, dentre outros. A programação para o “Dia da Beleza Gestante” conta com serviços de ca-

beleireiro, maquiador, manicure, cedidos pelo Serviço Nacional de Aprendizagem (Senac), além de sorteios de brindes. Segundo a diretora geral do Centro de Saúde da Liberdade, Gabriela Regina Diniz, a ação tem o objetivo de integrar essas gestantes que procuram a unidade. “É uma forma de estarmos mais próximos da comunidade e prestar um bom atendimento e serviço de saúde. O projeto ainda está no início, mas esperamos que à proporção que as atividades forem sendo desenvolvidas, consigamos um número maior de participantes”, ressaltou.


Municípios - 5

O QUARTO PODER - São Luís, quarta-feira, 19 de junho de 2013

Sul do Maranhão

Bernardo do Mearim

Sema realiza Conferência do Meio Ambiente em Balsas

Município é condenado a devolver recursos ao Estado

A Secretária de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Sema) promoveu, nesta terça-feira (18), no município de Balsas, no Sul do Maranhão, a oitava etapa da Conferência Regional do Meio Ambiente. Os trabalhos foram abertos pelo secretário-adjunto de Recursos Ambientais, Antônio César Carneiro Souza, representando o secretário Victor Mendes. Entre as várias atividades realizadas, a palestra do professor em Ciências da Engenharia Ambiental, Ozelito Possidônio, quando se debateu com os participantes a “Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos: redução de impactos ambientais”. A conferência de Balsas

Conferência Regional do Meio Ambiente organizada pela Sema em Balsas

teve a presença de diversas autoridades, entre elas o prefeito Luiz Rocha Filho e a participação de 126 pessoas, incluindo integrantes de organizações não governamentais e movimentos sociais, de empresas, institui-

ções de ensino e pesquisa e indígenas de 13 municípios: Alto Parnaíba, Balsas, Benedito Leite, Feira Nova do Maranhão, Fortaleza dos Nogueira, Loreto, Nova Colinas, Riachão, Sambaíba, São Domingos do Azeitão,

São Félix de Balsas, São Raimundo das Mangabeiras e Tasso Fragoso. Integraram as atividades também, membros do Ministério Público. O evento faz parte de uma série de 11 conferências regionais sobre a temática resíduos sólidos, organizadas pela Sema, em todas as regiões do Maranhão. “As conferências são pequenos fóruns onde diversos segmentos podem discutir a problemática dos lixos e de onde estão saindo boas idéias para uma gestão integrada e adequada dos resíduos”, explicou Victor Mendes. Os próximos municípios que sediarão as etapas as conferências são Imperatriz, Pinheiro e São José de Ribamar.

Turiaçú

Ministério Público firma TAC para fixar teto para os preços do peixe A Promotoria de Justiça de Turiaçu firmou Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), no dia 13 de junho, com vendedores de peixe da cidade e com a Secretaria de Agricultura do município. O objetivo do acordo é fixar um teto para o preço dos pescados. No termo, ficou estabelecida uma tabela com os valores máximos das espécies de peixes, que terão validade por seis meses. Ao final desse prazo, os peixeiros deverão procurar a Secretaria de Agricultura, a fim de negociar um reajuste, se necessário for, de acordo com o período de baixa na pesca. De acordo com a promotora de justiça Sandra Gar-

cia, promovida nesta segunda-feira, 17, para a Comarca de Açailândia, havia muita reclamação dos moradores sobre a alta dos preços do peixe comercializado. O TAC objetivou ainda garantir a limpeza e organização do mercado municipal, também alvo de muitas denúncias na Promotoria de Justiça e na Secretaria de Agricultura. “Comprometemse a manter limpo e higienizado o Mercado Municipal desta Cidade, bem como restou estabelecido que os funcionários responsáveis pela limpeza farão em dois horários: 12h (meio-dia) e 18h, sendo que os vendedores respeitarão essa limpeza sem ofe-

recer qualquer objeção ou impedimento”, determina a cláusula terceira do TAC. A Prefeitura de Turiaçu comprometeu-se também, por meio da Secretaria de Agricultura, a fazer a reforma do portão do mercado, da grelha do corredor por onde passa a água e de substituir a lajota lisa pela antiderrapante da parte da frente e do lado do mercado, em razão de já terem ocorrido acidentes com as pessoas que ali transitavam. Em caso de descumprimento de qualquer das condições previstas no termo, será aplicada multa de R$ 3.000,00, a ser revertida em favor dos projetos sociais de-

senvolvidos pelo Poder Judiciário na comarca. A pena será duplicada em cada hipótese de reincidência, e na terceira prática o vendedor será proibido de realizar atividade de venda de peixe no município de Turiaçu. CONTRA O TRABALHO INFANTIL - A Promotoria de Justiça de Turiaçu participou, no dia 12 de junho, de uma caminhada pelas ruas da cidade contra o trabalho infantil. O evento foi promovido pelo Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social) e contou ainda com a participação do Conselho Tutelar e Secretaria de Assistência Social do Município.

Transporte por lancha

Travessia entre São Luís e Alcântara terá linha gratuita Uma linha gratuita de transporte por lancha deve facilitar o deslocamento de passageiros entre Alcântara e São Luís, no Maranhão. A proposta é oferecer à população uma opção de deslocamento segura e rápida, e que permita ampliar o número de visitas à cidade que possui grande potencial turístico. A pauta foi discutida entre os ministros do Turismo, Gastão Vieira, e da

Ciência e Tecnologia, Marco Antônio Raupp, nesta segunda-feira (17). também esteve em pauta o projeto para a construção de um hotel dentro do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), que deve abrigar cientistas, pesquisadores e pessoas envolvidas nos lançamentos, entre outras pessoas. “Alcântara já possui um grande potencial de desenvol-

vimento do turismo, pois é uma cidade histórica e de grande beleza. Agora, queremos associar também o turismo aeroespacial”, afirmou o ministro de Turismo, Gastão Vieira. O transporte facilitará o acesso à cidade tanto por visitantes quanto pela população local. O plano é oferecer, por meio do CLA, uma linha diária nos fluxos São Luís – Alcântara e Alcântara

– São Luís, com capacidade para mais de 100 pessoas em cada trecho. O ministro também foi informado que o píer de atracação já foi reformado, o que facilitará o projeto. Com o apoio e reconhecimento do ministro Marco Antônio Raupp, agora, devem ser atribuídas as responsabilidades entre os ministérios e o município de Alcântara para a implementação da linha.

O município de Bernardo do Mearim terá que devolver ao Estado mais de R$ 49 mil – corrigidos monetariamente e acrescidos de juros de mora e verba honorária de 10% do valor da causa – por deixar de prestar contas de verbas repassadas para construção de quadra poliesportiva. A decisão foi tomada pela 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), confirmando sentença da Justiça de 1º Grau, que entendeu comprovado nos autos o repasse de verbas pelo Estado ao Município, considerando, por este motivo, desnecessária a produção de provas em audiência. Ao recorrer da decisão, o Executivo Municipal argumentou que a sentença de primeira instância deveria ser anulada, diante da ausência de oportunidade de produção de provas em audiência. No entendimento do re-

lator do processo, desembargador Vicente de Paula, não há que se falar em nulidade da decisão pelo fato de o juiz de base ter antecipado o julgamento. Segundo ele, o Município não apresentou no processo nenhum documento que demonstrasse o cumprimento dos termos pactuados no convênio celebrado com o Estado, tampouco os demonstrativos da prestação de contas. “O feito já se encontrava maduro para julgamento com os documentos juntados aos autos, inexistindo necessidade de produção de outras provas, não havendo cerceamento de defesa, conforme alegou o Município”, afirmou Vicente de Paula. De acordo com o desembargador, os argumentos apresentados pelo ente municipal não enfraquecem a fundamentação lançada na sentença da Justiça de 1º Grau.

Presidente Vargas Prefeita e ex-prefeito são alvo de ação por improbidade administrativa A Promotoria de Justiça da Comarca de Vargem Grande ingressou, em 12 de junho, com Ação Civil Pública por atos de improbidade administrativa contra Luiz Gonzaga Coqueiro Sobrinho e Ana Lúcia Cruz Rodrigues, respectivamente, ex-prefeito e atual prefeita do município de Presidente Vargas (termo judiciário da Comarca de Vargem Grande, distante 165km de São Luís). O Ministério Público do Maranhão (MPMA) pede a condenação dos réus conforme a Lei nº 8.429/92. Propôs a manifestação o promotor de justiça Benedito de Jesus Nascimento Neto. Consta nos autos que o Município de Presidente Vargas não efetuou o pagamento dos salários dos servidores, relativo ao mês de dezembro de 2012. O MPMA ajuizou ação com obrigação de fazer e pedido de liminar, no dia 18 de janeiro de 2013. No entanto, o pagamento nunca foi efetuado. O ex-prefeito e a atual gestora não deram nenhuma explicação sobre a inadimplência. Uma reunião solicitada pelo Ministério Público para resolver o problema foi

realizada, em 14 de maio de 2013, com a Secretaria Municipal de Administração e outros órgãos. Os representantes da gestão municipal se comprometeram em resolver a situação, mas não apresentaram qualquer proposta. “A receita do município de Presidente Vargas tem sido creditada regularmente, não havendo, portanto, qualquer justificativa para o atraso no pagamento da remuneração dos servidores. A eventual variação de receita constitui, todavia, fenômeno natural de execução orçamentária, não podendo servir de pretexto ou justificativa para a inadimplência dos servidores”, ressaltou o promotor de justiça, na ação. PENALIDADES Entre as sanções previstas para o ex-prefeito estão a suspensão dos direitos políticos pelo prazo de cinco anos, o pagamento de multa civil no valor de até 100 vezes a remuneração recebida pelos gestores, a proibição de contratar com o poder público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, pelo prazo de três anos.


O QUARTO PODER - São Luís, quarta-feira, 19 de junho de 2013

6 - Geral

Na rede estadual

Saúde

Tecnologia vai ampliar alcance do ensino médio

Governo anuncia que vacina da gripe H1N1 terá produção 100% nacional

Para ampliar o alcance do ensino médio na rede pública estadual, está em discussão na Secretaria de Estado da Educação (Seduc) um projeto de mediação tecnológica, por meio do qual os estudantes terão acesso ao ensino regular também por meio de aulas ministradas por professores especialistas e transmitidas ao vivo, via satélite. O projeto, semelhante à plataforma já utilizada pela Universidade Virtual do Maranhão (Univima), utilizará tecnologia ainda mais avançada, com transmissão em alta definição (HD) e modernos aparelhos de TV de 50 polegadas, que também podem ser utilizados como lousa digital. “Nosso propósito com esse projeto é conseguir a universalização do ensino médio, que é um dos quatro grandes objetivos para melhorar a educação pública estadual no Maranhão”, afir-

Secretário Pedro Fernandes em reunião com técnicos que participam da criação do projeto no estado

mou o secretário de Estado da Educação, Pedro Fernandes, em reunião nesta terçafeira (18), com técnicos que participam da criação do projeto no estado. O coordenador do projeto na Seduc, professor Francisco Solón, disse que o objetivo é alcançar todos aqueles rincões onde hoje há ainda dificuldade para conseguir professores especialistas e proporcionar que os alunos tenham aulas regularmente.

“O projeto de mediação tecnológica é uma metodologia de ensino já reconhecida pelo MEC como presencial e vai nos permitir incluir no ensino regular alunos que hoje ainda estão fora do ensino médio. Devemos atingir principalmente as zonas rurais em todo o estado do Maranhão”, ressaltou o coordenador do projeto. Fase experimental começa em agosto Até a implantação total do

projeto, serão adquiridos 200 kits tecnológicos, que vão ser disponibilizados em 200 anexos, para utilização em 300 salas de aula do Maranhão. Segundo o coordenador do projeto, já está sendo preparada a licitação para a compra dos equipamentos. Além dos kits nos anexos, serão montados três estúdios para a transmissão das aulas em HD, que utilizarão canais de satélite. O projeto piloto deve começar a funcionar em agosto deste ano, atendendo 30 localidades. Não haverá terceirização ou contratações de professores. “Tanto os professores que vão ministrar as aulas no estúdio, quanto os professores presenciais, que acompanharão as turmas na sala de aula, serão professores da rede estadual. E todos vão receber capacitação para trabalhar de forma adequada na mediação tecnológica”, enfatizou Francisco Solón.

São Luís

Dependentes de álcool e drogas recolhidos das ruas são assistidos pelo CAPs-Ad

Dependentes químicos recolhidos nas ruas chegam para tratamento no CAPs-Ad

Dezenove dependentes químicos em uso público foram recolhidos na manhã desta terça-feira (18) nos bairros do Barreto e Vila Palmeira, em São Luis. A ação aconteceu por meio de parceria entre as secretarias de Estado da Saúde (SES), através do Centro de

Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPs-Ad), e a de Segurança Pública (SSP). Esta é a oitava operação neste sentido e um total de 200 pessoas recolhidas. Destes, 42 estão em tratamento no CAPs-Ad. A operação ocorre sempre nas primeiras horas da

manhã e conta com todo corpo técnico e médicos do CAPs-Ad, com apoio de um microônibus, viaturas e agentes da Policia Civil, sob o comando do delegado Joviano Furtado, titular da Superintendência de Área Integrada e Segurança Pública (Saisp-Oeste). "Em operações anteriores de combate ao tráfico e apreensão de drogas nos bairros do Barreto e Vila Palmeira constatamos a concentração destes usuários e resolvemos voltar para darmos a estas pessoas uma nova oportunidade de reintegração à sociedade", justificou Joviano Furtado. Entre eles estavam dois menores de idade, mulheres e homens. No CAPs-Ad, após tomarem banho e receberem roupas limpas e alimentação, todos os usuários

Classificados

Anuncie aqui e venda muito mais!

3274-3007 / 8272-4183 / 9911-8325

passam por uma triagem para reconhecimento de identidade (saber da origem e laços familiares) e também são submetidos a exames psicológicos e clínicos para início imediato do tratamento de desintoxicação. Marcelo Soares, diretor do CAPs, explicou aos dependentes químicos que o órgão mantém um convênio com o Viva Cidadão para emissão de documentos e pediu a colaboração dos usuários durante as consultas com psicólogos e clínicos gerais. "Estamos aqui para ajudar vocês a resgatarem a cidadania e a ter uma vida livre das drogas. É preciso que vocês falem somente a verdade para que possamos iniciar o tratamento e restabelecer os laços familiares", disse ele.

O Ministério da Saúde anunciou nesta terça-feira (18), em Brasília, que a vacina contra a gripe H1N1 terá produção 100% nacional. A medida foi possível por meio da transferência tecnológica do laboratório francês Sanofi Pasteur para o Instituto Butantan, em São Paulo. Segundo o governo, até 2015, o Butantan atenderá toda a demanda nacional de doses da vacina contra o vírus influenza. Até hoje, o instituto distribuiu 6,5 milhões de doses, e a meta para os próximos dois anos é chegar a 44 milhões de unidades. "Quando o Brasil tem tecnologia própria, nenhuma crise econômica, nenhuma variação do dólar, nenhuma decisão unilateral de empresas coloca em risco o tratamento dos pacientes aqui. Hoje, só conseguimos ampliar o calendário de vacinação contra a gripe porque mais de 90% das doses já são produzidas no Brasil", destacou o ministro Alexandre Padilha. Ele reforçou, ainda, que essas parcerias representam mais autonomia ao país, pois, se houver alguma pandemia de gripe, haverá uma maior segurança para aumentar a produção da vacina. Medicamentos biológi-

cos - Nesta terça, também foram anunciadas 27 novas parcerias com oito laboratórios públicos e 17 privados para a fabricação nacional de 14 medicamentos biológicos – produtos feitos a partir de células vivas, mais eficazes e com menos efeitos colaterais, por não conterem conservantes. Esses remédios são geralmente indicados para o tratamento de doenças crônicas. Entre os medicamentos biológicos que serão produzidos, estão seis para câncer (como de mama e leucemia), quatro para artrite reumatoide, um para diabetes, um cicatrizante, um hormônio do crescimento e uma vacina para alergia. Com a medida, o Brasil passa a fabricar 25 produtos desse tipo, que representam 43% dos gastos do Ministério da Saúde. "Há dois anos, o país não produzia insulina nem fazia parte do grupo de menos de dez países que produzem algum medicamento biotecnológico para câncer e doenças inflamatórias", disse Padilha. De acordo com o ministro, em dois anos, o Sistema Único de Saúde (SUS) passou de 500 para mais de 800 medicamentos oferecidos à população.

Programa Viva Nota divulga resultado do 12º sorteio A Secretaria de Estado da Fazenda divulgou, nesta terça-feira (18), o resultado do 12º sorteio do Programa Viva Nota, realizado no sábado (15) com base na extração da Loteria Federal 04771, que distribuiu um total de R$ 200 mil em prêmios. Os ganhadores dos três maiores prêmios moram em São Luís. O primeiro, cujo bilhete eletrônico foi 388803035, é do bairro Divinéia e foi sorteado com R$ 100 mil; o segundo, dono do bilhete 338783172, é morador do Ipase e ganhou R$ 20 mil; o vencedor do terceiro prêmio foi o bilhete 733927449, de um morador da Vila Mauro Fecury II, que levou R$ 10 mil. Foram sorteados, ainda, 10 prêmios de R$ 1.000,00; 200 prêmios de R$ 100,00; e 2.000 prêmios de R$ 20,00. A lista dos ganhadores está disponível na página principal do programa: vivanota.sefaz.ma.gov.br/. No site do programa o consumidor deve selecionar a opção "Acessar Sistema Viva Nota" e escolher a opção "Consulta Conta Corren-

te" para saber se foi contemplado e verificar se foram creditados em seu favor valores relativos à premiação. Resgate dos prêmios O consumidor que possui valores decorrentes do sorteio poderá resgatar os créditos disponíveis, acessando o sistema Viva Nota pela internet, clicando na guia "utilizar créditos" indicando uma conta para depósito. O consumidor deve aguardar o processamento junto ao banco (até 10 dias úteis). Caso o participante não tenha como informar uma conta para recebimento, o resgate poderá ser feito diretamente no caixa do Banco do Brasil e aguardar até 10 dias úteis após a solicitação para se dirigir a agência BB de sua preferência. Os créditos acima de R$ 1.000,00 somente poderão ser resgatados por meio da indicação de conta corrente ou poupança. As contas indicadas deverão ser do titular contemplado e não pode pertencer a um terceiro.


Geral - 7

O QUARTO PODER - São Luís, quarta-feira, 19 de junho de 2013

Arraial da Lagoa da Jansen

Polícia

SSP define plano de segurança para o São João do Maranhão

Arraial da Lagoa terá uma grande estrutura de segurança nas 11 noites de festa

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) definiu o plano de segurança a ser executado durante o São João do Maranhão, que começará oficialmente nesta quinta-feira (20), no Arraial da Lagoa da Jansen, prosseguindo até 30, dia de São Marçal. A festa, promovida pelo Governo do Estado, terá uma vasta programação cultural e grande estrutura para garantir a diversão de maranhenses e dos turistas. A exemplo das ações nos

shows dos 400 Anos de São Luís e da Virada do Ano, o Arraial da Lagoa contará com policiamento reforçado em todo o local e nas regiões entorno para garantir a segurança das cerca de 30 mil pessoas que devem prestigiar o evento por noite. Em toda a região do Arraial da Lagoa, a SSP terá o apoio de câmeras de videomonitoramento, helicóptero do Grupo Tático Aéreo (GTA), barreiras de abordagem, torres de observação, hospital

de campanha do Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, base de atendimentos da Polícia Militar, e ainda o suporte da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) e da Blitz Urbana. “Nossas ações de policiamento terão homens, viaturas e ainda o reforço do helicóptero do GTA, que darão às polícias uma panorâmica de toda a movimentação dentro e fora do arraial, de forma a garantir segurança em todas as noites da festa”, informou o secretário de Segurança Pública, Aluísio Mendes. O secretário destacou que as ações de segurança contarão mais uma vez com um posto do Sistema de Videomonitoramento, que deve captar imagens de todo o local, e que serão disponibilizadas aos coordenadores de segurança na área da Lagoa para uma pronta intervenção. Operação Cidade Segura O Comando do Policiamento Metropolitano (CPM) irá deflagrar a Operação Cidade Segura no São João 2013. Só para a Lagoa, se-

rão destinados cerca de 100 homens a cada noite, além de 10 viaturas, sete motocicletas e seis conjuntos do Esquadrão de Polícia Montada (EpMont). No local, devem ser instaladas também quatro torres de observação, onde ficarão policiais militares e bombeiros de prontidão para intervirem em qualquer incidente. O comandante do CPM, coronel João Nepomuceno, disse que o esquema de policiamento foi montado para que a PM possa atuar não só no espaço interno do Arraial, como também para dar assistência às pessoas que estão chegando e saindo, com barreiras de abordagem do Batalhão de Choque, e principalmente nas áreas de grande concentração de pessoas, onde serão empregadas também guarnições de policiamento a pé. A PM fará o patrulhamento de moto nos estacionamentos de veículos, em especial nas ruas laterais da Lagoa, bem como nas áreas de mangue, onde ficarão conjuntos de policiais montados.

Em Timon

Polícia Civil “estoura” ponto de venda de drogas Em mais uma operação deflagrada pelo 3º Distrito Policial em Timon, os investigadores lotados naquele distrito policial “estouraram” mais um ponto de venda de drogas. O entorpecente que foi apreendido durante a ação policial estava avaliado em mais de R$ 7 mil. Vera Oneide Costa Gomes, conhecido como “Baratinha”, 33 anos, e Maurice-

lia Pereira da Silva, 34, foram presas na manhã desta terça-feira (18), no bairro São Francisco, naquele município. As prisões se deram em cumprimento a um mandado de busca e apreensão, expedido pela Justiça. Segundo informações policiais, a residência era utilizada como ponto de distribuição de droga. No local, foi apreendido um tijolo de cra-

ck, pesando aproximadamente um quilo e ainda 380 pequenas pedras crack, embaladas e prontas para a venda. “Estamos há vários meses fazendo o levantamento e investigando a atuação de traficantes na região de Timon. De posse dessas informações já efetuamos a prisão de várias pessoas envolvidas com esta prática criminosa”, comentou o delegado

Michel Sampaio. Ele informou, ainda, que há indícios que apontam que as duas mulheres presas sejam ligadas a outro traficante. “Acreditamos que elas sejam ‘laranjas’ do tráfico, que são aquelas pessoas que trabalham para grandes traficantes.Vamos continuar investigando a fim de identificar tanto o líder, quanto as ramificações do tráfico”, completou.

Polícia Ambiental apreende pássaros na área da Barragem do Bacanga

Ações de policiais do Batalhão da Polícia Ambiental na área da Barragem do Bacanga, em São Luís

Policiais do Batalhão da Polícia Ambiental (BPA), coordenados pelo tenente-coronel Edenilson de Santana, deflagraram, nesta terça-feira (18), mais uma ação da “Operação Náutica”. As incursões ocorreram, nesta etapa, na área da Barragem do Bacanga, em São Luis. A ação policial visou coibir crimes contra a fauna e a flora, neste caso, a captura ilegal de animais naquela região. Foram apreendidos 10 pássaros das espécies Bigode, Xexel, Papa-capim e Sá-

bia. Ao perceber a presença da polícia, os caçadores empreenderam fuga e abandonaram os pássaros presos nas redes. Um facão também foi apreendido no local. Os pássaros foram levados para a sede do BPA, no Coroadinho. Eles serão, posteriormente, devolvidos ao seu habitat natural. De acordo com o Tenente-Coronel Edenilson, a operação é realizada constantemente em pontos estratégicos em São Luís a fim de identificar a ação delituosa dos criminosos.

Polícia Civil fecha fábrica clandestina de remédios A Polícia Civil fechou, na manhã desta terça-feira (18), uma fábrica clandestina de medicamentos fitoterápicos que funcionava sem as mínimas condições de higiene. A fábrica funcionava nos fundos de uma residência localizada na Rua Piauí com a Henrique Dias, no bairro Bacuri. De acordo com o delegado regional de Segurança, Assis Ramos, o local estava sendo monitorado há alguns meses. José Ribamar Quiriba, Francisco César Teixeira e Antônio Carlos, foram presos durante a operação policial e encaminhados para a Delegacia Regional para pres-

tar depoimento sobre o caso. Segundo informações do perito Cristiano Viana Garcia, responsável pelo laboratório forense da cidade, na fábrica foram encontrados produtos como tinturas, aguardentes, mateiras vegetais, além de rótulos e tabuleiros para produção de capsulas. “Os remédios eram feitos sem nenhum tipo de higiene, no chão, com materiais diversos e embalados como produtos industrializados. Pegamos todas as amostras vegetais para fazermos análise clínica, acredito que os medicamentos eram comercializados aqui em Imperatriz”, afirma o perito.


8 - Variedades

O QUARTO PODER - São Luís, quarta-feira, 19 de junho de 2013

Coluna da

Célia Lima celialima@oquartopoder.com

Frase do Dia Obstáculos são aquelas coisas assustadoras que vemos quando desviamos o foco do nosso objetivo. (Frase de Henry Ford)

Conteúdo GLOSS

Cabelo sem volume? Multiplique os fios! Conheça os produtos e truques que ajudam a driblar o incômodo de quem tem pouco cabelo. A falta de volume tem solução!

T

ENXAQUECA: O QUE COMER? A enxaqueca é um mal moderno que pode ter várias causas. Uma delas é por causa da sua alimentação. Os alimentos estão baseados em duas categorias: o que comer e o que evitar comer. Veja quais estão em qual grupo: O que comer Alimentos antioxidantes: Alimentos como maçã, gengibre, kiwi e cenoura ajudam a bloquear o processo inflamatório, justamente por serem antioxidantes; Alimentos que liberam serotonina: A serotonina é a substância responsável pela sensação de bem estar, por isso, inclua na sua dieta alimentos como arroz, frutas, noz, iogurte, verduras, grãos e cereais e carnes magras, como o filé mignon; Alimentos com ômega 3: Assim como a maçã e a cenoura, alimentos ricos em ômega 3, como o salmão, o espinafre e o azeite de oliva, ajudam a evitar as inflamações responsáveis pelas dores; O que não comer Glutamato monossódico: Alimentos industrializados como temperos, macarrão instantâneo, caldos prontos, salgadinhos, bolachas salgadas, sopas prontas, shoyu e molho inglês são ativadores de enxaqueca; Produtos com aspartame: Tudo que é diet como refrigerantes, doces, balas, devem ser evitado. Alimentos com cafeína: Café, chá preto, refrigerantes com cola, bebidas energéticas e até achocolatados devem ficar fora da dieta de quem sofre de enxaqueca;

Moda Acessórios de Serpente As Bijuterias também são importantes quando se trata de destacar o look. Não basta uma típica pulseira fina e pouco chamativa, tem que ser algo com estilo, para fazer toda a diferença. Uma boa idéia são as pulseiras com motivo de cobra. Além de estar super na moda, são estilosas e únicas. Também ouse com colares e anéis que possuam a forma deste réptil, que hoje em dia é o Top dentro do mundo da moda. A serpente significa o pecado e a mentira, mas também significa a fertilidade e sabedoria. A serpente sempre foi um animal odiado e amado da mesma forma, por aí já da pra perceber que desde sua origem, o fascínio que ela provoca. Ao menos assim acredita uma firma italiana Bulgari de jóias, que têm como protagonista de sua coleção a serpente. A coleção é composta por pulseiras, anéis e relógios. No material em ouro e diamantes, A pérola e ônix também estão presentes, embora em menor quantidade.

er pouco cabelo é um incômodo para muitas mu lheres. A boa notícia é que esse "probleminha" tem solução: uso de dermocosméticos com ativos potentes e truques de styling que ajudam a disfarçar a falta de volume. Os folículos, responsáveis por produzir o cabelo, podem não funcionar tão bem por uma questão genética. "Para melhorar isso, use loções capilares com minoxidil, aminexil ou 17 alfaestradiol", explica a dermatologista Karla Assed. Aplique uma vez ao dia e deixe por, no mínimo, 4 horas. Tudo limpeza A caspa e a oleosidade em excesso entopem o folículo e o fazem aumentar de tamanho. Com essa estrutura dilatada, o fio perde a sustentação e cai. Por isso, lave o cabelo com

Culinária

um xampu com ácido salicílico, enxofre ou coaltar. À noite, reforce o tratamento com uma loção fortificante no couro cabeludo. Volume nos lisos Enquanto você trata, uma saída para parecer ter mais cabelo é usar uma pomada em pó. Levante algumas mechas e dê batidinhas no pote. "Espalhe dando `coçadinhas¿ na raiz", diz o cabeleireiro Slade, do Retrô Hair, em São Paulo. E nos cacheados? Turbine seus caracóis: espalhe um ativador de cachos e amasse os fios. "Encaixe o difusor na mecha e suba-o até bem perto da cabeça. Assim, você dá volume na raiz também", ensina Aytja Messas, do salão The Saloon, de São Paulo.

Beleza

Pavê de doce de leite Ingredientes: 3 ½ xícaras (chá) de leite . 1 xícara (chá) de açúcar . 3 gemas / . 3 colheres (sopa) de amido de milho . 1 colher (sopa) de essência de baunilha . 1 caixa de biscoitos champanhe / . 1 vidro de leite de coco . 1 lata de leite condensado cozido na pressão . Calda de caramelo a gosto

Modo de preparo:

Em uma panela, misture o leite com o açúcar, as gemas, o amido e a baunilha. Leve ao fogo, mexendo sempre, até engrossar. Deixe ficar morno. Em um refratário, coloque uma camada de biscoitos levemente passados no leite de coco e cubra-os com 1/3 do creme morno. Faça uma camada com metade do doce de leite. Alterne as camadas, finalizando com o creme restante. Cubra com filme plástico e gele por duas horas. Ao servir, decore com a calda.

Dicas de corte de cabelo O corte de cabelo além de repaginar o visual por ser um grande aliado da mulher na hora de disfarçar algumas imperfeições ou minimizar alguns traços indesejáveis do rosto, como um nariz ou uma testa muito grande, por exemplo. Se você tem o nariz longo, saiba que tipos de corte podem ficar bem em você: Corte assimétrico - cortes angulados afastam a atenção do nariz para a lateral da cabeça. Tente usar um chanel assimétrico onde um lado do cabelo fique maior do que o outro. Corte em camadas - esse corte é ideal para esconder áreas do rosto que você não quer que chamem atenção. As camadas suavizam a sua aparência e afastam a atenção de certos traços do rosto. Franja - ela traz uma informação a mais no conjunto. Franjas partidas são ideais para mulheres com nariz proeminente. Mantenha-as razoavelmente longas para afinar o rosto e fazer o nariz parecer mais proporcional.

oquartopoder.com

19062013  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you