Page 6

6 - Municípios

O QUARTO PODER - São Luís, domingo/segunda, 18/19 de março de 2012

Programa Saúde é Vida

UPAs garantem assistência médica aos maranhenses A rede estadual de urgência e emergência já opera com todas as 10 Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) do Programa Saúde é Vida, cujo funcionamento custa mensalmente cerca de R$ 10 milhões ao Governo do Estado. Com modernas instalações físicas e equipamentos, essas estruturas e profissionais qualificados tornam mais fácil o acesso dos maranhenses à assistência médica de qualidade. A entrega das UPAs construídas em parceria com o Governo Federal foi concluída esta semana pela governadora Roseana Sarney e pelo secretário de Estado da Saúde (SES), Ricardo Murad, durante a passagem do governo itinerante pelas regiões do Médio Sertão Maranhense e dos Cocais, onde foram inauguradas as unidades de São João Patos, Timon e Codó. Já estavam em pleno funcionamento as de Coroatá, Imperatriz e, na capital maranhense, do Itaqui-Bacanga, Vinhais, Parque Vitória, Cidade Operária e Araçagi. “O povo maranhense, mesmo nos municípios mais distantes, tem o direito de ter

Nestor Bezerra

Hospital de 20 leitos em Jatobá oportuniza trabalho a profissionais de saúde do município

assistência de saúde de qualidade. Este programa, muito bem executado pelo secretário Ricardo Murad, está colocando em funcionamento unidades de saúde que nada ficam a dever aos grandes centros especializados”, declarou a governadora. As novas unidades possibilitam aos usuários atendimento mais rápido e eficaz. Logo após a inauguração da UPA de São João dos Patos, já havia pacientes aguardando atendimento. Sebastião Mendes da Silva, 69 anos, foi o primeiro paciente a permanecer em observação 12 horas. Ele chegou à unidade com quadro de hi-

pertensão. “Fui medicado e muito bem atendido pelos funcionários. Vou para minha casa continuar com a medicação”, disse. Roniere Evangelista de Souza, que reside no bairro Santo Antônio, procurou a UPA de Timon logo após a inauguração. Com dificuldade para respirar e apresentando quadro febril, resolveu experimentar logo o atendimento. “Estou admirado. O ambiente é todo climatizado e estou sendo muito bem atendido”, testemunhou. Moradora do bairro São Francisco, na cidade de Codó, a dona-de-casa Maria das Dores Ferreira disse que

a UPA vai melhorar muito o atendimento de saúde. “Sempre procuramos os centros de saúde dos bairros ou o Hospital Geral do Município. Agora temos uma moderna unidade de saúde 24 horas para atender as urgências e emergências”, destacou. O aposentado Severino Aguiar, 78 anos, residente no bairro São Sebastião, esteve prestigiando a inauguração da UPA de Codó. “Todos falavam que esta unidade era muito bonita e toda equipada. Vim para comprovar e fiquei admirado. Tenho certeza que vai melhorar muito a vida do povo de Codó”, acrescentou. O secretário de Saúde, Ricardo Murad, disse que a UPA maranhense é um projeto melhor que o proposto original pelo Governo Federal, que investe R$ 2 milhões para construir e repassa R$ 300 mil mensais para a manutenção de cada unidade. “O projeto maranhense já é referência para o país. Investimos cerca de R$ 4 milhões na construção e gastamos R$ 1 milhão por mês para garantir o funcionamento de cada uma delas com alto padrão de qualidade”, ressaltou.

Cohatrac IV

Castelo inaugura Praça Verão

A recuperação da Praça Verão, no Cohatrac IV, faz parte da programação de reformas de praças de São Luís

O prefeito de São Luís, João Castelo, acompanhado da primeira-dama, Gardênia Gonçalves, da deputada estadual, Gardênia Castelo, de vereadores, secretários e comunidade, inaugurou a Praça Verão, com nova iluminação, no bairro do Cohatrac IV, na avenida Joaquim Mochel. Com uma área total de 11 mil m², a Praça Verão

foi totalmente reformada com investimentos na ordem de R$ 484.511,16 (quatrocentos e oitenta e quatro mil quinhentos e onze reais e dezesseis centavos). Os serviços da Prefeitura de São Luís envolveram a parceria da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) e do Instituto de Paisagem Urbana

(Impur), além do apoio integral da comunidade que se responsabilizará pela administração do espaço público. A reforma e recuperação da praça começaram com a raspagem do terreno, aplicação de meio-fio, colocação de pisos pátio e intertravado, pavimento de calçadas, reconstituição paisagística com plantação de gramas, plantas e árvores. O campo de futebol e a quadra, ambos cercados com alambrado, também receberam melhorias e nova iluminação com 30 refletores com lâmpadas de 400 watts e vapor metálico, além de contarem com banheiros masculino e feminino e espaço de vestiário. A praça ganhou uma área reservada para crianças, um parquinho só com brinquedos infantis. Nova estrutura - A nova iluminação proporcionará melhor luminosidade e mais segurança ao local e para os freqüentadores durante a noite. Foram instalados 50 postes com 65 luminárias de vapor metálico de 150 watts cada com fiação elétrica sub-

terrânea e circuito independente. O acionamento da iluminação é feito automaticamente e os postes ficarão acessos das 18h às 23h. Em seu pronunciamento, João Castelo agradeceu o apoio do deputado federal Cleber Verde (PRB), que conseguiu recursos federais para a construção da praça, através de emenda parlamentar. O prefeito ressaltou ainda a importância do apoio, irrestrito, que recebe da Câmara Municipal, através do presidente Isaías Pereirinha e dos vereadores aliados ao seu governo, que contribui para fortalecer as ações da prefeitura e beneficiar a população de São Luís. “É uma satisfação muito grande entregar esta praça totalmente recuperada à comunidade do Cohatrac, que utiliza este espaço para a prática de exercícios e melhorar a vida de todos que moram no bairro. São obras como esta que, muitas vezes, têm mais significado pelo impacto social que causa diretamente aos seus moradores”, afirmou João Castelo.

Codó Agricultores familiares darão início à colheita de milho

Agricultores de Codó recebem a visita do secretário da Sagrima

Os agricultores familiares de algumas regiões do Maranhão que receberam sementes selecionadas da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) darão início nos próximos 20 dias à colheita do milho. O secretário da Sagrima, Cláudio Azevedo, visitou na tarde desta quinta-feira (15) uma área de oito hectares de plantio de grãos no Povoado Fomento, município de Codó, onde 30 famílias estão cultivando arroz, milho, feijão e hortaliças. Além do cultivo de grãos e hortaliças, os agricultores familiares do Povoado Fomento trabalham também com a criação de peixes em cinco tanques escavados. Eles receberam do governo estadual 250 quilos de sementes de arroz, 50 quilos de sementes de feijão, 100 quilos de sementes de milho, além de sementes de hortaliças. O secretário Cláudio Azevedo visitou a área após integrar a comitiva da governadora Roseana Sarney que encerrou em Codó, a semana de seu governo itinerante que percorreu vários municípios maranhenses. Cláudio Azevedo estava acompanhado do secretário adjunto da Pasta, Raimundo Coelho de Sousa, do secretário municipal de agricultura de Codó, José Cordeiro e do chefe do escritório regional de Codó da Agência de Pesquisa Agropecuária do Maranhão (Agerp), Feliciano Marques.

A distribuição de sementes selecionadas faz parte do Programa Plantar e Colher no Maranhão, que tem como objetivo fomentar a produção de agricultores familiares que não possuem condições financeiras para adquirir sementes de qualidade, com maior teor de germinação. Cláudio Azevedo ressaltou que no final do mês de dezembro de 2011 a Sagrima fez uma das maiores distribuição de sementes dos últimos anos e disponibilizou 1.883 toneladas de sementes de arroz e milho a cerca de 185 mil agricultores familiares maranhenses. Com o plantio, a previsão é de que sejam colhidas 82 toneladas de arroz e milho, numa área de plantio de aproximadamente 70 mil hectares. Em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (Sedagro) e o Sebrae, a Sagrima está distribuindo também 3.250 quilos de sementes de hortaliças e frutas. “Nós licitamos e adquirimos as sementes e repassamos para a Sedagro e o Sebrae para que eles possam distribuir aos agricultores atendidos por eles”, explicou Cláudio Azevedo. “A Sagrima está iniciando processo licitatório para a aquisição de aproximadamente mais 400 toneladas de sementes de feijão que serão distribuídas ainda no primeiro semestre deste ano”, acrescentou o secretário.

São Luís INSS realiza mutirão para agilizar atendimentos A Gerência do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em São Luís realiza, neste neste fim de semana, um mutirão para antecipação dos requerimentos de pensão por mortes urbanas. A ação ocorre durante todo o dia, exclusivamente, na agência da Previdência Social que fica no Parque do Bom Menino, no Centro da capital. Os segurados que havi-

am agendado atendimento entre os meses de abril e agosto deste ano, segundo o INSS, foram convocados por telefone. A estimativa é de que, pelo menos, 250 segurados sejam atendidos durante o fim de semana, já que 450 segurados estavam agendados e o instituto conseguiu confirmar a presença de um pouco mais da metade deles.

Edição do dia 18 e 19/03/2012  

Jornal O Quarto Poder

Edição do dia 18 e 19/03/2012  

Jornal O Quarto Poder