Page 1

CCJ do Senado aprova projeto que cria o Sistema Único de Segurança Pública Pág - 3 ANO 12

NÚMERO 2600

SÃO LUÍS - MA, QUINTA-FEIRA, 17 DE MAIO DE 2018

CAPITAL E INTERIOR - R$ 2,00 OUTROS ESTADOS - R$ 3,00

CCJ aprova Medida Provisória que cria o “Cheque – Minha Casa”.Pág-2

INVESTIMENTOS

Governo do Estado investe mais de R$ 11 milhões em educação Levar esperança e dignidade para a sala de aula é um dos objetivos do Governo do Maranhão quando entrega escolas com estruturas totalmente transformadas. Atualmente, em uma parceria das secretarias de Infraestrutura (Sinfra) e Educação (Seduc), o Governo já entregou mais de 750 escolas - entre construções, reformas e revitalizações - em todo o estado. E, só nos primeiros 15 dias de maio, foram mais de R$ 11 milhões investidos em mais de seis cidades maranhenses. Página - 6

Formação do Programa Escola Digna alcançará mais de 11 mil professores das redes municipais

Vereador Ricardo Diniz recebe Título de Cidadão de São Luís

Página 3

Articuladores pedagógicos municipais e regionais participam, até esta quinta-feira (17), do V Encontro Formativo da Assessoria Técnica-Pedagógica do Escola Digna – Eixo Educação Infantil, promovido pelo Governo do Estado, no Centro Pedagógico Paulo Freire, em São Luís. O objetivo é que atuem como formadores para 11.033 professores das redes municipais de ensino. Página - 6

Mais

HU-UFMA promove ação social de atendimento vascular Pág - 7

Prefeitura de São Luís divulga resultado da prova discursiva do concurso da Semcas A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Administração (Semad), publicou no Diário Oficial do Município nº 89 de 15 de maio de 2018 o Resultado da Prova Discursiva do Edital de Abertura nº 001/2018 para provimento de vagas na Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas).Página 7

www.oquartopoder.com

Aposentadoria por idade só poderá ser pedida por telefone ou internet a partir do dia 21 Página 2

Mais

Novo remédio pode ser capaz de curar o resfriado Pág - 4

redacao@oquartopoder.com


2 Geral

São Luís, quinta-feira, 17 de maio de 2018

CCJ aprova Medida Provisória que cria o “Cheque – Minha Casa”

Na reunião desta quartafeira (16), a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Assembleia Legislativa (CCJ) aprovou a Medida Provisória 274, de autoria do Poder Executivo, que cria o “Cheque – Minha Casa”, no “Programa Minha Casa, Meu Maranhão”. A M P al ter a a L ei 10.506, de setembro de 2016, e concede incentivo fiscal de ICMS nas operações internas, com mercadorias destinadas às obras vinculadas ao próprio programa. O relator foi o pre-

sidente da CCJ, deputado Glalbert Cutrim (PDT). Também participaram da reunião os deputados Eduardo Braide (PMN), César Pires (PV), Carlinhos Florêncio (PCdoB), Prof. Marco Aurélio (PCdoB), Antônio Pereira (DEM), Francisca Primo (PCdoB), Rafael Leitoa (PDT) e Wellington do Curso (PSDB). O deputado Eduardo Braide pediu vistas da MP 273/2018, de autoria do Poder Executivo, que altera a Lei Estadual 7.374, de 31 de março de 1999, que ins-

titui o Fundo de Benefícios dos Servidores do Maranhão (FUNBEN). O Projeto de Lei Ordinária 049/2018, de autoria do Poder Executivo, que dispõe sobre a composição, a organização, as atribuições e o funcionamento do Conselho Estadual de Saúde (CES/ MA), que tem como relator o deputado Marco Aurélio, foi retirado da pauta. O parecer à proposta de Emenda à Constituição (PEC) 03/2018, de autoria do deputado Eduardo Braide, que propõe nova redação

ao Art. 51, dos Atos das Disposições Constitucionais Transitórias da Constituição Estadual, relatada por Marco Aurélio, foi aprovado. Outra PEC, a 004/2018, de autoria do deputado Rogério Cafeteira (DEM), que propõe nova redação ao Art. 15, da Constituição do Estado do Maranhão, no que se refere ao término do mandato do governador a vedação para alienação e cessão de bens integrantes do Patrimônio Estadual, foi aprovada. A matéria foi relatada por Glalbert Cutrim.

Eliziane participa da Semana de Combate ao Abuso Sexual Infantil em Açailândia-MA

Com trabalho reconhecido em defesa da infância, a deputada federal Eliziane Gama (PPS) e pré-candidata ao Senado Federal participou nesta segunda-feira (14) da abertura da Semana Municipal de Combate ao

Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes realizada na Câmara de Vereadores de Açailândia-MA. Eliziane Gama é membro da Frente Parlamentar em Defesa da Criança e do Adolescente da Câmara dos De-

putados e também presidiu a CPI de Combate à Pedofilia que realizou um forte trabalho de combate ao abuso sexual de crianças e adolescentes no Maranhão. Durante o evento, a parlamentar falou sobre o trabalho realizado na região e também sobre as ações do seu mandato parlamentar. A deputada maranhense parabenizou conselheiros tutelares, representantes da Secretária Municipal de Desenvolvimento Social de Açailândia e demais instituições envolvidas no trabalho de combate ao abuso sexual na cidade. “Açailândia tem alguns casos emblemáticos que nós acompanhamos com a CPI da Pedofilia. Eu acredito que o trabalho que é feito pela rede de proteção da criança e adolescentes faz com que as denúncias au-

mentem e o combate a essa atrocidade também. Todos que integram essa rede de proteção são verdadeiros missionários”, afirmou. A secretária de Assistência Social de Açailândia, Zetinha Sampaio parabenizou a deputada Eliziane Gama pelo trabalho em defesa da infância.“É uma honra receber a deputada Eliziane Gama. Ela tem uma luta em defesa da infância e pode contar com a gente. Tenho certeza que nós também podemos contar com ela”, Zetinha Sampaio. Já o deputado estadual Sérgio Vieira, que participou do evento, completou: “Eliziane tem dado uma grande contribuição para a sociedade com essa luta em defesa das crianças e dos adolescentes. Parabéns, deputada!”

www.oquartopoder.com

Aposentadoria por idade só poderá ser pedida por telefone ou internet a partir do dia 21

A partir da próxima segunda-feira (21), o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deixará de agendar atendimento presencial para pedidos de aposentadoria por idade e salário-maternidade. Os dois benefícios só poderão ser solicitados por telefone ou internet. A análise para concessão da aposentadoria por idade e do salário-maternidade já é feita automaticamente, com base nos dados disponíveis nos sistemas do INSS e do governo, desde setembro de 2017. Mas até então também era possível fazer o

pedido pelo m odelo de agendamento, que agora ficará indisponível. Os benefícios poderão ser solicitados no site do instituto ou pelo telefone 135. O segurado receberá um número de protocolo e só será chamado a uma agência do INSS em casos excepcionais, como na falta de documentos. De acordo com o INSS, a mudança deve reduzir o tempo de análise dos pedidos. Segundo o órgão, outros benefícios também passarão a ser solicitados dessa forma "em breve". Do G1

SERVIÇOS AGENDADOS A partir do dia 24, serviços antes atendidos por ordem de chegada nas agências poderão ser agendados pela internet e telefone. São eles: Alterar meio de pagamento Atualizar dados cadastrais do beneficiário Atualizar dados do Imposto de Renda – Atualização de dependentes Atualizar dados do Imposto de Renda – Declaração de Saída Definitiva do País Atualizar dados do Imposto de Renda – Retificação de DIRF Cadastrar Declaração de Cárcere Cadastrar ou atualizar dependentes para Salário-família Cadastrar ou Renovar Procuração Cadastrar ou Renovar Representante legal Desbloqueio do Benefício para Empréstimo Desistir de Aposentadoria Emitir Certidão de Inexistência de Dependentes Habilitados à Pensão por Morte Emitir Certidão para saque de PIS/PASEP/FGTS Reativar Benefício Reativar Benefício Assistencial à Pessoa com Deficiência suspenso por inclusão no mercado de trabalho Renunciar cota de Pensão por Morte ou Auxílio-Reclusão Solicitar Pagamento de Benefício não Recebido Solicitar Valor não Recebido até a Data do Óbito do Beneficiário Suspender Benefício Assistencial à Pessoa com Deficiência para inclusão no mercado de trabalho Transferir Benefício para outra Agência

Classificados

Anuncie aqui e venda muito mais! 3229-1560 / 98897-3555 / 99976-6175


Política

São Luís, quinta-feira, 17 de maio de 2018

CCJ do Senado aprova projeto que cria o Sistema Único de Segurança Pública

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta-feira (16) o relatório do projeto que cria o Sistema Único de Segurança Pública (SUSP). O texto segue agora para análise no plenário da Casa. A proposta prevê que instituições de segurança federais, estaduais e municipais atuem em operações combinadas e compartilhem informações. A proposta prevê ainda que os registros de

ocorrência e as investigações serão padronizados e deverão ser aceitos por todos os membros do SUSP. O novo sistema será conduzido pelo Ministério Extraórdinário de Segurança Pública, que ficará responsável por coordenar ações e implementar programas de modernização dos órgãos de Segurança Pública e Defesa Social. O texto já havia sido aprovado na Câmara em abril. Para acelerar a tramitação do

projeto e evitar alguma modificação que obrigasse o retorno para análise dos deputados, o relator, senador Antônio Anastasia (PSDB-MG), acolheu em seu parecer apenas emendas na redação (que alteram o formato do texto, mas não o conteúdo). Entre as emedas de redação aceitas por Anastasia, está uma que busca deixar mais clara a participação de guardas municipais no sistema. O projeto aprovado determina que serão mem-

bros do SUSP: Polícia Federal; Polícia Rodoviária Federal; polícias civis; polícias militares; corpos de bombeiros militares; guardas municipais; agentes penitenciários; e peritos. Principais pontos do Sistema: Operações combinadas, planejadas e desencadeadas em equipe; estratégias comuns para atuação na prevenção e controle qualificado de infrações penais; aceitação mútua dos registros de ocorrências e dos procedimentos apuratórios; compartilhamento de informações; intercâmbio de conhecimentos técnicos e científicos. Plano de Segurança O projeto de lei também estabelece que a União devera instituir um Plano Nacional de Segurança Pública e Defesa Social, que deverá: definir metas aos órgãos do SUSP; avaliar resultado das polícias de segurança pública; priorizar e elaborar ações preventivas. O plano terá duração de dez anos e os estados e o Distrito Federal deverão implantar as ações em dois anos a partir da publicação do documento nacional. Do G1

Honorato Fernandes e moradores ameaçados de expulsão reúnem com Comissão da OAB O vereador Honorato Fernandes (PT) acompanhou na segunda feira, 14, uma comissão de moradores dos bairros Nova Jerusalém 2 e Armindo Reis, em Paço do Lumiar, numa reunião na sede da seccional maranhense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para tratar sobre ação que transita na Justiça pedindo a retirada dos moradores destas áreas. O vereador Honorato, que preside a Comissão de Direitos Humanos da Câmara Municipal de São Luís, já esteve nas comunidades a convite do ex-vereador de Paço do Lumiar, Marcelo Portela, conversando com os moradores e recebeu o convite para participar da reunião, que teve a participação de Rafael Silva da Comissão de Direitos Humanos da OAB. "Os bairros de Nova Jerusalém 2 e Armindo Reis já estão consolidados e incorporados ao município. Lá estão cerca de 1.500 famí-

lias que lutam dia a dia pelo sustento e direito à moradia. Vamos lutar na Justiça e também mobilizar os movimentos sociais em prol desta causa" disse Honorato Fernandes. O presidente da Associação dos Moradores do Jerusalém 2, Joaquim do Nascimento Filho, destacou que o processo está sendo baseado em fatos que não condizem com a realidade. "Falaram no processo que lá era uma área produtiva e que foi ocupada por bandidos. Isso não é verdade. Somos trabalhadores que trabalhamos muito para sustentar nossas familiar e ter moradia digna. Esta área es tava com pletam ente abandonada e coberta de mato. Não vamos admitir que a nossa imagem seja denegrida", disse Joaquim do Nascimento Filho. Marcelo Portela destacou que há cinco anos vem acompanhando a luta dos

moradores das duas localidades e que ao longo deste tempo pode comprovar a estrumação e benefícios trazidos ao local. "Os bairros Nova Jerusalém 2 e Armindo Reis trouxeram vida ao local. 80 % das casas já são de alvenaria, o local tem transporte público e comércio funcionam no local. Não é uma invasão como tentam colocar e sim bairros grandes do Paço do Lumiar", disse Portela. Ao fim da reunião, o ad-

vogado Rafael Silva fez algumas considerações e encam inhamentos. Solicitou todo o processo e marcou uma reunião ampliada com a comunidade. "Vamos olhar todo o processo e fazer uma reunião na própria comunidade. Vamos convidar outras entidades a participarem desta mobilização. Vamos mostrar que os bairros já estão consolidados. Estes são apenas alguns dos encaminhamento" disse Rafael Silva.

3

Vereador Ricardo Diniz recebe Título de Cidadão de São Luís

Em sessão solene na Câmara Municipal de São Luís, na tarde da segundafeira (14), o vereador Ricardo Diniz (PRTB) recebeu o título de "Cidadão de São Luís" das mãos do vereador Raimundo Penha (PDT), autor do projeto de lei que concedeu a honraria ao parlamentar. Ricardo Diniz foi prestigiado por autoridades civis e militares. Participaram da cerimônia os vereadores Osmar Filho (PDT), que presidiu a sessão, o Basileu Barros (PRTB), Paulo Victor (PROS), Marquinhos Silva (DEM) e Marcelo Poeta (PCdoB). Também estavam presentes o Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado Edmar Cutrim, o presidente da CDL Fábio Ribeiro, o presidente da Fiema Edilson Baldez, o 1º secretário da FIEMA Pedro Robson, o presidente do Sinduscon Fábio Nahuz, o defensor público Joaquim Neto, o presidente da Cruz Vermelha do Maranhão Carlos Rangel, o coordenador de relacionamento externo da Petrobras Rogério Ferreira da Silva e a banda do 24º Batalhão de Infantaria Leve regida pelo tenente Adalberto Gonçalves. O vereador Raimundo Penha destacou a sólida parceria com Ricardo Diniz. "Para o vereador Ricardo Diniz o título é a retribuição pelo trabalho desenvolvido como parlamentar pelo desenvolvimento da capital, um colega sempre pronto a nos aconselhar com humildade e experiência, além de ser um filho e um pai de família exemplar", destacou. Emocionado, Ricardo Di-

niz enalteceu a importância da família em sua vida. "Os ensinamentos que recebi dos meus familiares me ajudaram a construir uma vida de honestidade e humildade, sempre trabalhando para ajudar o próximo com respeito e dignidade", enfatizou. O vereador falou da surpresa com a honraria. "O Título de Cidadão de São Luís é o maior e o melhor reconhecimento que uma pessoa humilde como eu pode receber, é uma honra poder considerarme filho dessa terra amada". Durante o pronunciamento Ricardo Diniz falou que a honraria aumentou ainda mais a responsabilidade. "Diante da tamanha homenagem, quero continuar trabalhando ao lado do povo para que o nosso futuro e o futuro dos nossos filhos e netos sejam prósperos e que todos tenham uma vida de paz, amor e dignidade", concluiu. Ricardo Diniz é de família maranhense, nasceu em São Paulo, mas veio para São Luís ainda criança. É formado Administração de Empresas, Pós-graduado em Planejamento Estratégico e Administração Pública e professor universitário . Em 2012 foi eleito pela primeira vez vereador por São Luís e reeleito em 2016. Como parlamentar defende o empreendedorismo, a geração de emprego e renda e a parceria público/privada. O trabalho do vereador é pautado na seriedade e competência, com foco sempre na transparência, buscando melhorias para a população de São Luís.

(98) 99976-6175 \ (98) 98897-3555 \ (98) 98783-9244


4 Esportes e saúde

São Luís, quinta-feira, 17 de maio de 2018

Neymar diz que jogar Copa após três meses parado será maior desafio As vésperas da Copa do Mundo, a torcida brasileira mantém a expectativa sobre a recuperação de Neymar e do possível desempenho do craque na Rússia, após três meses sem entrar em campo. E o próprio astro admite que voltar aos gramados imediatamente antes do Mundial é um cenário adverso. Em transmissão ao vivo nas redes sociais de um de seus patrocinadores, o camisa 10 foi questionado sobre o maior desafio de sua carreira, e apontou justamente este momento. - Acho que o maior desafio até hoje está sendo esse agora, estar machucado. Essa lesão vem sendo difícil, e o maior desafio é agora a Copa do Mundo, vindo de lesão, três meses sem jogar. Acho expectativa é muito grande, não só para os torcedores, mas para mim também. Acho que é o maior desafio que estou enfrentando - disse Neymar, em entrevista ao personagem Bolívia Zica, do canal Desimpedidos. O astro - que tem presença esperada em treino aberto do PSG nesta quarta-feira - afirmou que já vem treinando com bola, e que sua

recuperação caminha bem. Lembrando as dificuldades do processo que teve início no começo de março, após cirurgia no quinto metatarso do pé direito, citou receio de não estar apto para defender a Seleção na Copa. - Foi difícil. Eu estava em uma boa temporada, vindo bem, e do nada acabei machucando. Nunca tinha passado por isso, foi uma experiência nova, que nunca mais quero passar na minha vida. Serviu de aprendizado, para me dedicar ainda mais

aos treinamentos, jogos, superar os medos. Mais um obstáculo na minha vida. Mas deu tudo certo. A gente espera voltar melhor ainda. Deu um certo medo de não chegar a tempo, mas depois que fizeram os exames, avaliaram, falaram da cirurgia, fiquei mais tranquilo. Ao ser perguntado se rasparia a cabeça se conquistasse a Copa do Mundo, Neymar disse que após o Mundial "faria o que você quiser" e garantiu não ter pensado em um penteado

especial para o torneio. O atacante disse se incomodar com críticas de "pessoas que passaram pela mesma carreira de jogador de futebol" e afirmou que "não admite" quando o assunto é sua vida fora de campo, em vez da performance dentro das quatro linhas. - Fora de campo eu não admito. Cada um vive sua vida da maneira que quiser. Sei das minhas responsabilidades, das coisas que tenho que fazer. E fora dela quem manda na minha vida sou eu, quem tem que saber dela sou eu e minha família, mais ninguém. Mas dentro de campo pode falar mal, pode cornetar, que a gente aguenta. Neymar disse que a maior inspiração para jogar a Copa "é jogar futebol" e projetou que um título do Mundial superararia a emoção de conquistar a medalha de ouro na Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016. - Foi uma mistura de emoções muito grande. Depois que fiz o gol ali, acho que saiu o peso. Tava com vontade de correr, de gritar, de ir para arquibancada, como fui - lembrou. Do Globoesporte.com

Guerrero aguarda argumentos do TAS para tentar sobrevida por Copa do Mundo Um caminho improvável, uma reversão de pena rara, mas ainda há um último fio de esperança para que Paolo Guerrero dispute a Copa do Mundo da Rússia. A possibilidade é um recurso no Tribunal Federal Suíço, como questão de ordem pública, com o objetivo de anular a decisão do Tribunal Arbitral do Esporte (TAS). Nada, porém, será decidido

antes de a fundamentação da punição ser apresentada. O atacante peruano e seus advogados aguardam para os próximos dias os argumentos que levaram aos 14 meses de suspensão pelo caso de doping. A partir daí, será decidido se é viável esta última cartada na Justiça da Suíça. Há precedentes que apontam para o sucesso desta empreita-

da, mas são raros. Ainda nesta terça, Guerrero foi recebido pelo presidente do Peru, Martin Vizcarra, que declarou publicamente solidariedade e reprovou a decisão do TAS. Durante o encontro, o político prometeu ainda não medir esforços dentro de sua esfera para que o atacante tenha sua situação revista. A tendência é de que Pa-

olo Guerrero não se pronuncie mais publicamente enquanto o documento não for divulgado. O jogador do Flamengo chegou nesta terçafeira a Lima, no Peru, onde se refaz do baque pela punição juntamente da namorada, amigos e familiares. No desembarque, disse que "estão acontecendo muitas coisas estranhas". Do Globoesporte.com

Novo remédio pode ser capaz de curar o resfriado Cientististas do Reino Unido acreditam ter encontrado uma maneira de combater o resfriado. Em vez de atacar os vírus em si – que têm centenas de variações e estão em constante mutação – o novo tratamento tem como alvo o hospedeiro infectado. O tratamento bloqueia uma proteina nas células do corpo que os vírus normalmente sequestram e usam para se autoreplicar e se espalhar. Isso deve ser capaz de imobilizar qualquer vírus se o tratamento for ministrado logo no começo da infecção, de acordo com estudos feitos em laboratório. Testes em humanos devem começar em cerca de dois anos. Os pesquisadores do Imperial College, em Londres, trabalham na criação de um novo formato para que o remédio possa ser inalado, o que reduziria a chance de efeitos colaterais. Em laboratório, a substância foi aplicada em células pulmonares e fez efeito em minutos, bloqueando uma enzima chamada NMT. Todas as cepas dos vírus que causam o resfriado precisam dessa enzima para produzir novas cópias. "A ideia é que podemos tratar alguém logo que a pessoa é infectada e isso impediria o vírus de se replicar e se espalhar", explica Ed Tate, o professor de bioquímica do Imperial College e uns dos cientistas responsáveis pela pequisa. "Mesmo que o resfriado já esteja em curso, o remédio pode ajudar a diminuir os sintomas", explica. "Isso poderia ser muito útil para pessoas com doenças crônicas, como asma e fibrose cística, por exemplo, que podem ficar realmente doentes quando pegam um resfriado." Tate afirma que focar no usuário é uma abordagem "um pouco radical", mas que

faz sentido, porque atacar o vírus é muito difícil. Os vírus que causam o resfriado são muitos e muito diversos entre si. Além disso, estão em constante mutação e evolução, podendo desenvolver resistência a remédios muito rapidamente. Os testes em laboratório bloquearam completamente diversas cepas de vírus do resfriado sem causar mal às celulas humanas. No entanto, testes mais aprofundados são necessários para comprovar que o tratamento não é tóxico ao corpo. "Esse estudo é muito promissor, embora tenha sido feito integralmente in vitro – usando células para imitar uma infecção por rinovirus", diz o cientista Peter Barlow, da Sociedade Britânica para Imunologia. Combatendo o resfriado - O resfriado se espalha rapidamente de pessoa para pessoa, já que os vírus que causam a doença podem permanecer em mãos e superfícies por até 24 horas. Analgésicos e anti-inflamatórios podem ajudar a combater os sintomas, mas atualmente não há nada que consiga combater a infecção. É possível se contaminar inalando pequenas gotas de fluído que contenha o vírus e que são espalhadas no ar quando uma pessoa infectada tosse ou espirra. Também é possível ficar doente após tocar uma superfície contaminada e depois levar a mão à boca, aos olhos ou ao nariz. Os sintomas – nariz entupido, espirros, garganta inflamada – começam rápido e atingem um pico depois de cerca de dois dias. A maioria das pessoas melhora depois de cerca de uma semana, mas pessoas com outros problemas de saúde podem ficar doentes por mais tempo. Do G1


São Luís, quinta-feira, 17 de maio de 2018

Especial

5


6

Geral

São Luís, quinta-feira, 17 de maio de 2018

Governo do Estado investe mais de R$ 11 milhões em educação Levar esperança e dignidade para a sala de aula é um dos objetivos do Governo do Maranhão quando entrega escolas com estruturas totalmente transformadas. Atualmente, em uma parceria das secretarias de Infraestrutura (Sinfra) e Educação (Seduc), o Governo já entregou mais de 750 escolas - entre construções, reformas e revitalizações - em todo o estado. E, só nos primeiros 15 dias de maio, foram mais de R$ 11 milhões investidos em mais de seis cidades maranhenses. Os investimentos iniciaram pela região da Baixada Maranhense, onde o Governo do Maranhão entregou as reformas dos Centro de Ensino Rio Grande do Sul, em Palmeirândia, e Artur Teixeira de Carvalho, em Peri Mirim. As escolas receberam serviços de demolição e reconstrução de paredes, pintura geral, revestimento, troca de telhado, instalação de forro, substituição de piso, portas, janelas, além da melhoria dos sistemas hidráulico e elétrico. “O governador Flávio Dino entrega, toda semana, escolas reformadas, construídas ou revitalizadas. Já são mais de 750 obras na educação em todas as regiões

maranhenses, resultado do Programa Escola Digna, que já se consolidou como o maior programa de investimentos educacionais da história do Maranhão. A cada escola que entregamos, a maior realização é ver o brilho nos olhos de estudantes e professores felizes com a mudança”, destacou o secretário Felipe Camarão. A região Leste também foi contemplada com a entrega do Centro de Ensino Robson Parentes Noleto Silva, na cidade de Timon. Mais de 160 alunos que moram no bairro Novo Tempo, e que antes precisavam fazer um deslocamento de mais de 5 quilômetros para poder chegar até a escola, receberam um prédio novinho com seis salas, banheiros adaptados,

cozinha, pátio, e salas de: informática, professores, direção, secretaria, depósito e biblioteca. Pastos Bons e Nova Iorque do Maranhão também receberam investimentos para a comunidade escolar. O Centro de Ensino Anália Neiva, em 49 anos, nunca havia passado por uma reforma. A estrutura do prédio que estava em um péssimo estado de conservação desestimulava quem estudava e quem trabalhava na unidade. O prédio escolar foi totalmente reformado do telhado ao piso. Com uma subestação de energia, a escola agora possui o conforto de possuir um sistema de climatização em todas as salas. Além disso, ganhou salas de professores, diretoria e um

pequeno auditório. “São os investimentos do Governo Flávio Dino que possibilitam a consolidação do maior programa educacional do estado, beneficiando todas as regiões maranhenses, garantindo mais dignidade, melhores condições de aprendizagem e futuro próspero com maiores oportunidades para todos; esse é o governo da mudança”, destacou o secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto. Nesta semana, o Governo entregou cinco unidades em um mesmo dia em São Luís. O Centro de Ensino em Tempo Integral Professora Estefânia Rosa, a Unidade Integrada Maria Firmina dos Reis, a Unidade Integrada Estado de São Paulo, o Centro de Ensino Paulo Freire e o Centro de Ensino em Tempo Integral Dr. João Bacelar Portela foram totalmente recuperados pelo Programa Escola Digna. As cinco unidades receberam do Governo do Estado um investimento de R$ 6,7 milhões, recursos oriundos do Tesouro Estadual. Mais de 2.681 estudantes de Ensino Fundamental e Ensino Médio Regular e Integral foram contemplados com a entrega das obras.

Itália é o segundo país com mais idosos no mundo A Itália é o segundo país do mundo com maior número de idosos, depois do Japão, segundo dados divulgados nesta quartafeira (16) pelo Instituto Nacional de Estatísticas (Istat) em seu informe (anual) sobre 2017. A partir de 2015, a Itália entrou em uma fase de "declive demográfico", após perder 100.000 habitantes nos últimos dois anos, afirmou o Istat. Em 1º de janeiro de 2018, a Itália contava com 60,5 milhões de habitantes, dos quais 8,4% eram estrangeiros. A taxa de fertilidade, que define o número de filhos por mulher em idade fértil, continua sendo uma das mais baixas do mundo, em 1,34. Além disso, a Itália também é um país da terceira idade, já que conta com 168,7 idosos a cada 100 jovens, segundo as estatísticas oficiais. Em 20 anos, a proporção será de 265 contra 100, calcula a entidade, já que a expectativa de vida é uma das mais altas do mundo: 80,6 anos para os homens, e 84,9, para as mulheres. O desequilíbrio entre o norte próspero e o sul pobre continua sendo

muito forte, reconhece a instituição. Em Bolzano (norte), chega-se com um bom estado de saúde até os 70 anos, enquanto que, na Calábria, esse número cai para 52 anos, acrescenta o Istat. A chegada dos imigrantes estrangeiros se reduziu com 337.000 novos registros em 2017, contra os 527.000 de há dez anos. Em cinco anos, a Itália registrou a entr ada de 700.000 imigrantes pela costa. No total, foram concedidos 227.000 vistos de permanência, em 2017, muito menos do que em 2010, quando expediu cerca de 600.000. Um dos f enôm e nos m ais preocupantes é a nova tendência dos italianos a emigrarem para o exterior: em dez anos, triplicou o número de italianos, jovens em sua maioria, que se mudou para outro país para trabalhar. Aumentou tam bém o percentual de pessoas na pobreza absoluta: 8,3%, o percentual mais alto em comparação aos 7,9% de 2016, o que afeta 1,8 milhão de famílias, ou seja, 5 m ilhões de pes s oas , completou a Istat. Do G1

Formação do Programa Escola Digna alcançará mais de 11 mil professores das redes municipais Articuladores pedagógicos municipais e regionais participam, até esta quintafeira (17), do V Encontro Formativo da Assessoria Técnica-Pedagógica do Escola Digna – Eixo Educação Infantil, promovido pelo Governo do Estado, no Centro Pedagógico Paulo Freire, em São Luís. O objetivo é que atuem como formadores para 11.033 professores das redes municipais de ensino. Nesse quinto ciclo formativo estão envolvidos 123 municípios maranhenses, com 244 técnicos das Secretarias Municipais de Educação, que atuarão como formadores dos gestores escolares, coordenadores pedagógicos e professores da Educação Infantil. O V Encontro Formativo é uma ação do Escola Digna, no âmbito do regime de colaboração, por meio da assessoria técnico-pedagógica aos municípios atendi-

dos pelo programa, para que crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos possam ter, nas escolas maranhenses, o direito à aprendizagem de qualidade. Até o mês de fevereiro, já foram realizados quatro encontros estaduais e sete municipais com os focos em Gestão Escolar e Avaliação da Aprendizagem e executadas 140 horas de formação, atendendo a 8.809 profissionais (gestores escolares, coordenadores pedagógicos e técnicos de apoio às secretarias municipais de ensino) e distribuídos mais de 16 mil Cadernos de Orientação Pedagógica. “Nessa etapa estamos reunindo mais de 250 profissionais que vão replicar essa formação em suas comunidades, e esse já era um encontro muito esperado porque o Escola Digna também promove a formação continuada dentro dos municípios.

Então, além das escolas, o governador Flávio Dino também leva a qualidade da educação para que as aulas sejam adequadas, para que o ensino aprendizagem de fato aconteça nos municípios”, explica Nádya Dutra, secretária Adjunta de Ensino da Secretaria de Estado da Educação (Seduc). Em seu discurso, durante a abertura do V Encontro Formativo, o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, relembrou que o Programa Escola Digna é a macropolítica educacional do Governo do Maranhão e que o atendimento da rede estadual é, prioritariamente, o Ensino Médio. Entretanto, o Governo do Estado também apoia as redes municipais. “Estamos realizando as formações continuadas também voltadas para o Ensino Fundamental e, hoje, especificamente, nesse quinto ciclo formativo do programa,

estamos fazendo a formação para a educação infantil, voltada à primeira infância, que é um dos focos do governador Flávio Dino. O objetivo é semear, desde os primeiros passos na vida educacional, para formar cidadãos e cidadãs conscientes e possibilitar que todos os estudantes recebam maranhenses uma educação cada vez melhor

em nosso estado”, destacou Felipe Camarão. Orientação pedagógica - A Seduc entregou, na segunda-feira (14), certificados aos participantes da formação em Gestão Escolar, e os Cadernos de Orientação Pedagógica – Eixo Educação Infantil às secretarias municipais. Para a professora Maria

Jose Silva Cruz, de Tuntum, a formação em Gestão Escolar, realizada com gestores e coordenadores, tem sido um grande apoio para o município, e o Escola Digna veio para trazer uma melhoria na qualidade do trabalho pedagógico, não só no aspecto físico das escolas, mas na formação de coordenadores e diretores.


Geral

São Luís, quinta-feira, 17 de maio de 2018

Equipamento de cultura da Prefeitura discute maternidade de mulheres negras Ser mãe é a mesma coisa para todas as mulheres? De acordo com pesquisadoras maranhenses que estudam o tema, diversas condições são negadas para que a mulher negra exerça essa maternidade. O assunto foi pauta da roda de conversa 'Mulher negra na maternidade', que aconteceu na terça-feira (15), às 17h, e fez parte da exposição Ocupação Trapiche #07 composta pelas mostras 'Divina Presença', de Silvana Mendes e 'Meu nome não é mãe', de Sunshine Santos, em cartaz na Galeria Trapiche Santo Ângelo, equipamento de cultura da Prefeitura de São Luís, até o dia 15 de junho, com visitação das 14h às 19h. A galeria está localizada na Praia Grande, em frente ao Terminal de Integração. As ações form ativas como a roda de conversa movimentam a exposição, explica a diretora da Galeria Trapiche, Camila Grimaldi. "Este tipo de atividade torna as mostras um lugar vivo, onde conceitos e preconceitos são debatidos. E falar da mulher negra na maternidade é relevante porque, historicamente, o povo negro foi muito subjugado e ainda hoje tem seus direitos subtraídos", destaca. A roda de conversa contou com a participação da professora doutora Francilene Cardoso, coordenadora do grupo de estudos Marielle Franco de Femi-

nismos Negros, do departamento de Biblioteconomia da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e da pesquisadora Grace Kelly Souza, do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da UFMA. A mediação foi de Sunshine Santos, estudante de Turismo na UFMA, que está com a foto-instalação "Meu nome nã o é m ãe " em c a r t az como parte da Ocupação Trapiche #07. "Prec isam os dis cutir além da compreensão biológica, as dimensões sociais, econômicas e culturais da maternidade. A ativista francesa Simone de Beauvoir afirmou que ninguém nasce mulher, mas tornase. Isso significa que a maternidade é uma prática social. Então, que maternidade queremos? Uma que não negue os direitos das mulheres", enfatiza.

A pesquisadora Grace Kelly Souza, do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da UFMA, afirma que este tipo de dis c us são está presente principalmente em ambientes acadêmicos e de militância de direitos. "É necessário que este debate alcance também as famílias, a escola, o trabalho e demais espaços sociais, a fim de que as barreiras institucionais que a mulher negra que é mãe sofre para estudar e trabalhar sejam combatidas", frisa. EXPO SIÇÃO - Duas mostras fotográficas inéditas foram abertas simultaneamente na Galeria Trapiche, equipamento cultural da Prefeitura de São Luís, com temas referentes ao mês de maio: Maternidade e Festa do Divino Espirito Santo. Ambas compõem a exposição Ocupação Trapi-

Prefeitura de São Luís divulga resultado da prova discursiva do concurso da Semcas A Pr ef eitur a de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Administração (Semad), publicou no Diário Oficial do Município nº 89 de 15 de maio de 2018 o Resultado da Prova Discursiva do Edital de Abertura nº 001/2018 para provimento de vagas na Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas). O Edital de Resultado contém a relação nominal dos candidatos que atingiram a nota prevista para a Prova Discursiva, conforme subitem 12.5.1 do Edital de Abertura nº 001/2018,

que diz que o candidato deverá obter 40% ou mais do total da pontuação prevista para a prova discursiva para não ser eliminado do concurso público. O c a nd i da to po d er á consultar individualmente sua nota por meio do Boletim de Desempenho da Prova Discursiva e sua Folha da versão definitiva da prova discursiva, disponíveis no endereço eletrônico www.aocp.com.br por até 60 (dias) dias, a contar da data de publicação deste edital. O espelho de correção das questões discursivas também se encon-

tra disponível no endereço eletrônico da AOCP. Quanto ao resultado divulgado da prova discursiva, caberá interposição de recurso através do endereço eletrônico www.aocp.com.br, no período das 0h00min do dia 16/05/2018 até as 23h59min do dia 17/05/ 2018, observado o horário oficial de Brasília/DF. Segundo o cronograma previsto no Edital de Abertura do concurso, a divulgação do resultado da prova discursiva pós-recurso será em 24 de maio de 2018.

www.oquartopoder.com

che #07. Tratam-se de 'Divina Presença', de Silvana Mendes e 'Meu nome não é mãe', de Sunshine Santos. A visitação está aberta até o dia 15 de junho, das 14h às 19h. Agendamentos para visitas guiadas com alunos podem ser feitos nas segundas e quartas-feiras, das 14h às 18h. Outras informações pelos números (98) 99193-4362 e 99143-2178, ou pelo e-mail: galeriatrapicheslz@gmail.com.

7

HU-UFMA promove ação social de atendimento vascular Com o intuito de atender, informar e orientar a população a respeito das doenças vasculares, formas de prevenção, cuidados e tratamento, o Hospital Universitário da UFMA (HU-UFMA) promoverá o evento Circulando Saúde. A ação social, em parceria com Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular do Mar a n h ã o ( S B A C V- M A ) , acontecerá nos dias 17 e 18 de m aio, das 9h às 17h, e conta com o apoio da FQM Farmoquímica. Para o atendim ento, que será realizado por profissionais, residentes e internos da área de angiologia e vascular do hospital universitário, serão distribuídas 800 senhas, 400 para cada dia. A entrega acontece a partir 8h30, sendo 200 atendimentos pela manhã e 200 pelo período da tarde. As senhas serão entregues no local onde ocorrerá a ação, no prédio Lilian Flores situado à rua das Hortas, 120, Centro. Os profissionais or ientarão o públic o quan-

to aos sinais e sintomas das pr incipais doenç as vasculares, chamando atenção para os perigos de alguns comportam entos de ris co, as devidas precauções e a importância de realizar o tratamento correto sempre com um médico vascular. Também será realizado exam e c om os pacientes que, após avaliação, apresentarem alguma alteração. Na ocasião, ainda s er á entr egue ao públic o folhetos com orientações e inform ações s obr e as doenças vasculares. O Circulando Saúde tem como objetivo a orientação e a realização de atendimento e exames de pacientes pelo especialista, para cuidado e diagnóstico precoce das principais doenças vasculares, e assim reduzir a falta de tratamento, amputações e grande espera em hospitais. A ação tem como públicoalvo pacientes com problemas de má circulação nas pernas e pés como varizes, dores, feridas, desconforto e inchaço.


8

Cultura e Variedades celialima@oquartopoder.com

COLUNA DA

Célia Lima

São Luís, quinta-feira, 17 de maio de 2018

Pensamento do Dia Todo o trabalho é vazio a não ser que haja amor. (Khalil Gibran)

blog.oquartopoder.com/celialima

Espetáculo do Tocantins é a atração desta quinta do Sesc Amazônia das Artes

Célia Sampaio apresenta o show Crioula no CCVM

A

s perguntas estão presentes na vida de todos nós. Geralmente são elas que nos levam a buscar diferentes caminhos, a fim de solucionar ou confortar nossas inquietudes. Como você busca a sua identidade? Como você se conhece ou reconhece dentro dos seus instintos? Até que ponto você consegue controlar sua ira? Seu ego? Esses são questionamentos que o espetáculo “Olhai por Nós” sugere ao público. O espetáculo integra a programação do Sesc Amazônia das Artes e será apresentado nesta quinta-feira (17), a partir das 20 horas, no Teatro Alcione Nazaré. Entrada gratuita. “O espetáculo é diferente dos outros que já fizemos porque traz uma linguagem mais reflexiva, que aborda determinadas questões humanas, como: desejos, falhas e excessos”, comenta a diretora geral da Lamira, Carolina Galgane. A vontade e a crença são elementos que transparecem no cotidiano, e podemos percebê-las. Estes elementos foram pontos de partida da criação, e trouxeram a reflexão sobre a força que existe no “acreditar em algo” e sobre a sutileza da esperança, nos caminhos que levam os seres humanos na busca por se tornarem pessoas melhores. Envolvendo dança, teatro e música, os artistas compartilham um processo que existiu para além do ambiente de ensaio. As perguntas mencionadas logo no início deste release ganharam vida na rotina dos artistas que foram para a cena. Durante todo o processo de criação, cada um se deparou com algo que era presente no seu “eu”, e precisou passar por uma privação ou obrigação. Essa pesquisa existiu como proposta a uma vivência intensa da temática, o que objetivava fluência e sinceridade à construção artística e estética. Na cena, a companhia utiliza instrumentos musicais e objetos diversos (manipulados e no cenário), todos acrescentando, sugerindo ou compondo significados. O espetáculo conta com música ao vivo, atuação e coreografia, englobando com isso, diversos segmentos da arte. A ideia foi usufruir da liberdade que há no diálogo entre as artes, e na potência de seus recursos, para concretizar melhor a proposta. Para isso, contamos com quatro direções, que são: a de Fernanda Vianna, na dramaturgia do gesto; Marco França, na direção musical; Vinícius Della Líbera, na direção de formas animadas; e João Vicente, na direção artística e coreográfica. Um convite, assim como o desejo de receber algo ou alguém, resguarda também um cuidado de quem o faz. A Lamira, nesse sentido, realiza este espetáculo bem perto do público, convidando-o a uma proximidade com a cena. O cuidado se manifesta na tela de arame que fica entre o público e os artistas, como parte do cenário. A tela no entanto, pode afastar ou aproximar ainda mais, o que fica a cargo do público e de sua fruição para com a obra. As interpretações do público mostram a imensidão de possibilidades do pensamento humano, identificadas também, na cor do figurino: o branco, que é a mistura de todas as cores; e as formas, que podem ser reconhecidas em vários lugares no mundo. O espetáculo cênico-musical “Olhai por Nós”, tem duração de uma hora e vai à cena com a proposta de reflexão. O movimento está presente na história da humanidade, na busca pelo que constitui o cerne de nossa existência. As perguntas costumam nortear esse “mover-se”. As respostas? Se existirem, são únicas, como cada um de nós… Por mais que por muitas vezes, compartilhemos das mesmas ideias. É dessa forma que o espetáculo se torna um convite, para um olhar mais tolerante para com a grandeza de nossa diversidade.

N

esta quinta-feira (17), às 19h, a cantora Célia Sampaio apresenta o show Crioula no pro grama Pátio Aberto do Centro Cultural Vale Maranhão (CCVM). A entrada é gratuita e livre para todos os públicos. O espetáculo é uma homenagem ao povo negro com músicas de compositores maranhenses como Escrete, Paulinho Akomabu, Gerson da Conceição, Roberto Ricci e também composições próprias. Entre os ritmos estão o afoxé, ijexá, reggae e exaltação ao tambor de crioula. Célia Sampaio é maranhense, cantora e compositora de reggae. Cresceu no bairro da Liberdade, considerado o quilombo urbano pela grande concentração da população negra na região. Começou a carreira na década de 80 cantando no Bloco Afro Akomabu, depois cantou na banda Guethos, participou de trabalhos de vários artistas maranhenses como Alcione e Rita Beneditto. Em carreira solo gravou dois CDs: Diferente e a coletânea Oyá. O Centro Cultural Vale Maranhão fica localizado na Av. Henrique Leal, 149, Praia Grande, próximo a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Uema.

blog.oquartopoder.com/celialima

)

17052018  
17052018  
Advertisement