Page 1

PODER ANO 8

NÚMERO 1499

S Ã O L U Í S - M A , SEXTA-FEIRA, 6 DE JUNHO D E 2 0 1 4

RAPOSA - R$ 1,00 / CAPITAL - R$ 2,00

NESTA SEXTA-FEIRA

Sine realiza contratação de pessoas com deficiência Nacional

Nesta sexta-feira (6), a Agência do Sine em São Luís fará atendimento exclusivo para pessoas com deficiência e trabalhadores reabilitados pelo Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), por meio da ação “Dia D de contratação de pessoas com deficiência”, realizado em parceria com diversas instituições, entre elas o Conselho Municipal de Defesa da Pessoa com Deficiência, Senai, Senac, Senat, dentre outros. Página 6

Congresso Nacional promulga a PEC do Trabalho Escravo

CNJ aponta

O presidente do Congresso Nacional, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), promulgou nesta quinta-feira (5) proposta de emenda à Constituição que permite a expropriação de imóveis onde forem flagrados trabalhadores em situação anál o g a à e s c r a v i d ã o . Página 3

Prefeitura e Emap discutem ações de revitalização do Cais de Ribamar

Maranhão está entre os quatro estados com menor déficit de vagas prisionais

Esporte

Operários trabalham na construção do Presídio São Luis III

Brasil sobe uma posição e ocupa o terceiro lugar no ranking da Fifa Representantes da Prefeitura de São José de Ribamar e da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap) realizaram reunião de trabalho na qual foram discutidas ações de revitalização do terminal marítimo localizado na Sede do município. P á g i n a 5

O Brasil ganhou uma posição no último ranking da Fifa antes da disputa da Copa do Mundo e agora ocupa a terceira colocação (1.242 pontos), atrás somente da Alemanha (1.300) e da líder Espanha (1.485). Página 4

Página 6

Saúde

Estudo alerta para riscos de efeitos duradouros da subnutrição A terapia nutricional salvou a vida de milhões de crianças subnutridas, mas pode não restaurar o equilíbrio da flora intestinal, imprescindíveis para a saúde, alertaram cientistas em artigo publicado nesta quarta-feira na revista científica britânica "Nature".Na pesquisa, a equipe de cientistas identificou complicações até agora invisíveis e possivelmente duradouras da fome severa. Página 4

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

Página 2

Câmara dos Vereadores intermedia greve dos professores municipais

Joaquim Barbosa ironiza réus que pedem julgamento no Supremo

Página 3

Página 3

Mundo Viva Cidadão prorroga atendimento das unidades Anistia denuncia a móveis em 4 municípios execução sumária de 7 crianças na Síria O Viva Cidadão, órgão vinculado à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Cidadania (Sedihc), informa que foi prorrogado o período de atendimento das Unidades Móveis em quatro municípios. De acordo com o novo cronograma, a oferta de serviços do Viva Cidadão no povoado de Faiza, em Buriticupu, se estenderá até o dia 16 de junho. No município de Rosário, o atendimento será realizado até 14 de julho.Página 5

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

'Bolsa Família está na moda e não tem quem fale contra', diz ministra

A Anistia Internacional (AI) denunciou nesta quinta-feira (5) a execução sumária na Síria de um grupo de 15 civis, entre eles sete crianças, supostamente realizada por um grupo ligado à AlQaeda.As crianças tinha entre 3 e 12 anos. Os demais civis eram três mulheres e cinco homens.Página 6

oquartopoder.com

Redes Sociais

msn@oquartopoder.com Twitter - oquartopoder4# face - Jornal O Quarto Poder Orkut - O Quarto Poder Jornal Gmail - oquartopoder@gmail.com


2 Geral

São Luís, sexta-feira, 6 de junho de 2014

'Bolsa Família está na moda e não tem quem fale contra', diz ministra

A ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, afirmou nesta quinta-feira (5) no Palácio do Planalto que o programa de transferência de renda Bolsa Família está “na moda” e “agora não tem quem fale contra”. A ministra participou nesta manhã de reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social e apresentou ao grupo dados atualizados do programa Brasil Sem Miséria, que completou três anos nesta semana. Ao citar críticas de que o reajuste de 10% no pagamento dos benefícios do programa, anunciado em pronunciamento pela presidente Dilma Rousseff

no 1º de maio, se tratava de “reajuste eleitoreiro”, Tereza Campello rebateu e disse que esta foi uma das “dezenas” modificações feitas no programa durante o governo Dilma. “Atualmente, o Bolsa Família está na moda e agora não tem que fale contra. Recentemente, as pessoas falaram que demos reajuste de 10% e que era reajuste eleitoreiro. A presidente anunciou em fevereiro grandes modificações no Bolsa Família e, a partir daí, fizemos dezenas de modificações”, disse. O pré-candidato do PSDB à Presidência da República, senador Aécio Neves (MG), chegou a afirmar após o anúncio de Dilma

que o reajuste não obedecia regras estabelecidas pela Organização das Nações Unidas (ONU). Sem citá-lo diretamente, a ministra afirmou que não cabe discutir o reajuste. Tereza Campello voltou a afirmar que os beneficiários do Bolsa Família não deixam de trabalhar por receber os benefícios do programa. A ministra já havia dito em entrevista ao programa “Bom Dia, Ministro”, veiculado pela TV NBR, que 75% dos beneficiários adultos trabalham. Na semana passada, a Comissão de Assuntos Sociais do Senado aprovou projeto do senador Aécio Neves que altera o estende por mais tempo o pagamento do Bolsa Família. Na avaliação da ministra, sem mencionar o pré-candidato do PSDB ou membros da comissão, a aprovação significa falta de conhecimento sobre o programa. “Recentemente tivemos um movimento no Senado tentando construir desenhos diferenciados do Bolsa Família e eu lamento, porque é um amplo desconhecimento do que é o Bolsa Família”, comentou Tereza Campello durante a reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social.

Senado aprova projeto que eleva pena para crime de contrabando O Senado aprovou nesta quintafeira (5) projeto de lei que aumenta para até cinco anos de prisão a punição para o crime de contrabando. Antes de virar lei, o texto terá de ser submetido à sanção presidencial. Pela proposta avalizada pelos congressistas, a pena para o crime de contrabando irá passar de 1 a 4 anos de prisão para 2 a 5 anos. O principal objetivo do projeto ao aumentar a punição para contrabando é diferenciar este crime do chamado descaminho, que, pela legislação atual, possui a mesma previsão de pena. Enquanto o contrabando consiste na importação e exportação de produtos proibidos, como drogas e armas, o descaminho trata do não pagamento de impostos pela entrada ou saída de produtos, como no caso da compra de eletrônicos em viagens internacionais. Em seu relatório na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), o senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) defendeu que era preciso fazer a

diferenciação entre esses dois atos ilícitos. “O contrabando é ação mais grave, pois seu objetivo é mercadoria proibida, e, portanto, deve ter apenamento mais rigoroso [...]. O descaminho é crime fiscal, de ordem tributária. Julgamos oportuna a separação feita pelo PLC nº62 que, aliás, encontra sintonia com o que foi proposto pela Comissão de Juristas [no Senado] encaminhada de reformar o nosso Código Penal”,

destacou Vital em seu relatório. Líder do DEM no Senado, José Agripino (DEM-RN) defendeu a implantação de uma pena mais rigorosa para o crime de contrabando. Na visão do parlamentar, é preciso diferenciar esse crime do descaminho. O projeto aprovado pelo Senado prevê ainda que a pena para o crime de contrabando seja dobrada nos casos em que o ato ilícito for cometido por meio do transporte marítimo ou fluvial.

É possível produzir mais alimentos na Amazônia sem desmatar, diz estudo É possível reduzir o desmatamento na Amazônia e, ao mesmo tempo, aumentar a produtividade de alimentos no país. Essa é a conclusão de um estudo divulgado nesta quinta-feira (5) pela revista “Science”, realizado pelo Instituto de Inovação da Terra e o Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam). Os pesquisadores analisaram as taxas de desflorestamento do bioma brasileiro durante cerca de dez anos e a produção de soja e carne bovina na Amazônia Legal, que compreende todos os estados da Região Norte, além de Mato Grosso e parte do Maranhão. Segundo o artigo, a média anual de desmate até 2005 era de 19.500 km² e caiu para 5.843 km² em 2013. Enquanto isso, a produção de soja subiu de 16,3 milhões de toneladas em 2004 para 25,51 milhões de toneladas, em 2012. O rebanho bovino aumentou de 50,21 milhões de cabeças de gado para 79,6 milhões no mesmo período. De acordo com os cientistas, isso foi possível devido a esforços entre o governo federal e o setor agropecuário, que criou iniciativas como a Moratória da Soja e aderiu a programas de fiscalização, como o “Carne Legal”. No entanto, para os autores, é preciso integrar mais o público e o privado, além de estudar formas de beneficiar agricultores que mantêm as florestas em pé em suas propriedades. Parceria - Do lado público, a fiscalização e o combate ao desmatamento ilegal foram reforçados com a criação da lista negra das cidades que mais devastam a Amazônia, iniciativa criada em 2008 pelo Ministério do Meio Ambiente para coibir o avanço do desmate. Os municípios incluídos sofrem sanções como a não liberação de crédito agrícola a produtores rurais. Do lado privado, a Moratória da Soja, em vigor desde 2006, impede que novas áreas de floresta sejam derrubadas para o plantio do grão e proíbe quaisquer negociações de grandes empresas brasileiras e estrangeiras com aqueles que descumprirem a norma. Já o Carne Legal, idealizado pelo Ministério Público Federal e que conta com cem indústrias frigoríficas, tem a missão de desestimular consumo de carne produzida com a prática de desmatamento e fiscalizar empresas que criam gado em áreas de preservação. Segundo Daniel Nepstad, principal investigador do estudo, as medidas, tanto do governo, quanto dos setores alimentícios, são louváveis, mas precisam ser integradas e reforçadas para que o desmatamento seja zerado e a floresta não sofra a pressão que pode existir por conta do crescimento da demanda por alimentos. Ele cita que é necessária a implantação de metas regionais de combate ao desmatamento, no intuito de que os municípios zerem suas taxas até 2020, com participação das empresas. “Tendo uma abordagem territorial e estadual simplifica essa agenda de sustentabilidade”.


Política e Nacional

São Luís, sexta-feira, 6 de junho de 2014

Câmara dos Vereadores intermedia greve dos professores municipais Na tarde da última quarta-feira, dia 04, a Comissão de Educação da Câmara dos Vereadores de São Luís, presidida pelo vereador Ricardo Diniz, realizou uma ampla reunião envolvendo o Sindeducação (Sindicato dos Profissionais do Magistério Público de São Luís), o integrante da comissão de educação, o vereador Pavão Filho, e as Secretarias Municipais de Planejamento, Educação, Administração e Fazenda de São Luís. O objetivo foi ouvir todas as partes envolvidas na busca de uma solução para a situação de greve dos professores municipais, que estão paralisados desde o dia 22 de maio. De acordo com o vereador Ricardo Diniz, a Câmara dos Vereadores está tentando intermediar as negociações entre sindicato e o poder executivo. “Estamos cumprindo nosso papel enquanto parlamentares com o objetivo de não prejudicar ainda mais as crianças que estão fora de sala de aula”, relatou o vereador, informando ainda que novas reuniões serão realizadas a curto prazo para a continuidade das negociações. O impasse está no percentual de aumento pedido pelos professores, que é de 20%, e no que foi proposto pela Secretaria de Educação de São Luís,

Professores integrantes da comissão de greve, vereadores e imprensa que participaram da reunião na Câmara dos Vereadores de São Luís por meio do secretário Geraldo Castro, que é de 3%. A presidente do Sindeducação, Elisabeth Ribeiro Castelo Branco, relatou que os professores não abrirão mão do valor do reajuste de 20%. O assessor jurídico do sindicato, o advogado Antonio Carlos, apresentou durante a reunião uma projeção dos impactos causados por esse possível reajuste, que representaria 75% do valor recebido através do FUNDEB. “Além a prefeitura ainda poderá disponibilizar de recursos próprios”, destacou. O secretário de Educação de São Luís, Geraldo Castro, informou que do valor recebido pelo FUNDEB, um total de R$ 221 milhões é utilizado para pagamento de 13 folhas de pessoal da educação do município e que R$ 53 milhões são destina-

dos às escolas comunitárias. O secretário de Fazenda de São Luís, Raimundo José Rodrigues, relatou que em 2013 a receita própria do município gastou R$ 130 milhões com a educação e que a queda na arrecadação municipal tem reduzido ainda mais essa participação. “A falta de investimento na máquina de arrecadação nos últimos 20 anos fez com que a arrecadação municipal só caísse vertiginosamente”, destacou o secretário. Segundo o secretário de Planejamento do Município de São Luís, José Cursino, o reajuste acima do valor de 3% vai ultrapassar Limite Prudêncial da Lei de Responsabilidade Fiscal, que é de 51,3%. O descumprimento desse limite acarreta várias consequências, dentre as quais, suspensão de transferências vo-

luntárias, de contratação de operações de crédito e a concessão de garantias para a obtenção de empréstimos para o município. A proposição foi apoiada pela Secretária de Administração de São Luís, Mittyz Fabíola Carneiro Rodrigues. ORDEM JUDICIAL - Em despacho publicado nessa terça-feira (3), o desembargador Antonio Guerreiro Junior, do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA), declarou como ilegal e abusiva a greve deflagrada pelos professores da rede municipal de São Luís. Na decisão, o desembargador determinou a imediata suspensão do movimento, com o consequente retorno dos servidores grevistas ao trabalho, podendo o município proceder ao desconto em folha pelos dias não trabalhados, dentre outras medidas. Além do retorno imediato às atividades, em seu despacho o desembargador facultou ao município proceder ao desconto em folha pelos dias não trabalhados; anotações funcionais daqueles servidores que continuarem em greve após a ilegalidade da greve; a instauração do processo administrativo disciplinar para apuração de responsabilidade funcional e multa diária no valor de R$ 10 mil no caso de descumprimento da ordem judicial.

Prefeitura de São Luís participa da 4ª Conferência de Saúde do Trabalhador

Participantes do evento discutem implantação de políticas públicas para o bem-estar do trabalhador na rede pública

A Prefeitura de São Luís participou, na manhã desta quinta-feira (5), da abertura oficial da 4ª Conferência Estadual de Saúde do Trabalhador e Trabalhadora, na sede da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema), na Cohama. O evento será realizado até esta sexta-feira (6) e discutirá a implantação de políticas públicas para o bem-estar do trabalhador na rede pública. A Conferência Esta-

dual reúne representantes das macrorregiões de São Luís, Zé Doca, Pinheiro, Santa Inês e Viana e serve como preparatório para a Conferência Nacional. “Temos como princípio na gestão do prefeito Edivaldo primar pelas condições as quais o trabalhador é submetido durante o seu exercício de função na rede pública. Com base em determinações do Ministério da Saúde, por meio do Conselho Nacional de Saúde,

estamos cumprindo as discussões regionais para, em seguida, propor soluções que serão encaminhadas para o âmbito nacional”, explicou a adjunta da Secretaria de Saúde, Silvia Viana, que representou a titular da pasta, Helena Duailibe, no evento. A representante técnica do Ministério da Saúde (MS), Terezinha Reis de Souza Maciel, enfatizou a mobilização dos servidores públicos na capital. “Em nome do Governo Federal, quero parabenizar a todos e tenho a certeza de que São Luís terá destaque na proposição de soluções para garantir não somente o respeito e a dignidade ao trabalhador da saúde como também um atendimento de ainda mais qualidade ao cidadão”, afirmou Terezinha Maciel. O compromisso com o

bem-estar dos servidores foi ressaltado pela diretora do Centro de Atenção Psicossocial de Álcool e Drogas (Caps AD), Márcia de Souza Rodrigues. “Como lidamos com a saúde mental das pessoas, o desgaste físico e, principalmente, psicológico dos funcionários é grande. Por isso, quatro dos nossos servidores estão no momento recebendo atenção especial para atenderem melhor a população”, destacou. No primeiro dia do evento, foi promovida a Conferência Magna para implementação da política nacional de saúde do trabalhador e da trabalhadora considerando os princípios da integralidade e intersetorialidade nas três esferas de governo. Para sistematizar o debate foram promovidos painéis temáticos durante o turno da tarde.

3

Joaquim Barbosa ironiza réus que pedem julgamento no Supremo O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, ironizou na sessão desta quinta-feira (5) a situação de acusados sem o chamado "foro privilegiado" que pediram para ser julgados na Suprema Corte. Barbosa citou que "não é incomum" o fato de réus pleitearem julgamento no STF e afirmou, às gargalhadas, que quando são julgados no Supremo recorrem à Corte Interamericana de Direitos Humanos. Quatro condenados no processo do mensalão, do qual Joaquim Barbosa foi relator, entraram com recursos na Comissão Interamericana de Direitos Humanos, instância anterior à corte internacional. A alegação dos acusados, entre eles o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu e ex-dirigentes do Banco Rural, é de que tiveram um direito cerceado, o de serem julgados pela Justiça comum, uma vez que não tinham foro privilegiado. No caso do mensalão, o Supremo decidiu que todos os réus deviam ser julgados conjuntamente em razão do elo entre as acusações. Ao todo, 37 foram julgados e 24 acabaram condenados. A declaração de Barbosa nesta quinta ocorreu em meio à análise de recursos contra uma decisão tomada pela ministra Cármen Lúcia, de enviar para a primeira instância o processo contra nove acusados de crime eleitoral em uma ação penal contra o deputado federal Anthonny Garotinho (PR-RJ). No caso, Cármen Lúcia decidiu que somente o parlamentar, que tem foro privilegiado, seria julgado no Supremo e que outros envolvidos deveriam responder na Justiça comum. Após a ministra informar no plenário que estava negando o recurso, o ministro Marco Aurélio Mello perguntou: "Em todos os casos, os cidadãos é que querem ser julgados pelo Supremo?", e Cármen respondeu: "Eles querem permanecer aqui". Joaquim Barbosa, então, disse: "Não é incomum. Não é incomum. Depois vão procurar a Corte Interamericana de Direitos Humanos", e, em seguida, deu uma gargalhada.

Congresso Nacional promulga a PEC do Trabalho Escravo O presidente do Congresso Nacional, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), promulgou nesta quinta-feira (5) proposta de emenda à Constituição que permite a expropriação de imóveis onde forem flagrados trabalhadores em situação análoga à escravidão. A emenda constitucional, aprovada em segundo turno pelo Senado em maio, ainda terá de ser regulamentada para definir o que será considerado trabalho escravo. Conhecido como PEC do Trabalho Escravo, o texto avalizado pelos congressistas determina que os proprietários dos imóveis desapropriados não terão direito à indenização e ainda estarão sujeitos às punições previstas no Código Penal. Com a nova regra, tanto propriedades rurais quanto urbanas, de qualquer região do país onde houver exploração de trabalho escravo, serão expropriadas e destinadas à reforma agrária ou a programas de habitação popular quando forem flagradas situações similares à escravidão. A PEC mantém a expropriação de terras nas quais são localizadas culturas ilegais de plantas psicotrópicas, como maconha e coca, o que já é previsto pela legislação atual. Além disso, o texto determina que todos os bens apreendidos em decorrência do tráfico de drogas e da exploração do trabalho escravo serão confiscados e destinados a um fundo especial.


4 Esportes e Saúde

São Luís, sexta-feira, 6 de junho de 2014

Brasil sobe uma posição e ocupa o terceiro lugar no ranking da Fifa O Brasil ganhou uma posição no último ranking da Fifa antes da disputa da Copa do Mundo e agora ocupa a terceira colocação (1.242 pontos), atrás somente da Alemanha (1.300) e da líder Espanha (1.485). Na lista divulgada na manhã desta quinta-feira, a seleção comandada por Luiz Felipe Scolari aparece à frente de Portugal (1.189), agora na quarta colocação. A relação contém outras novidades no Top 10. Pulando duas colocações, a Argentina passou para o quinto lugar (1.175), seguida pela Suíça, outra a subir dois degraus (1.149). Uruguai (7º, com 1.147), Colômbia (8º, 1.137), Itália (9º, 1.104) e In-

glaterra (10º, 1.090) completam o bloco dos dez primeiros selecionados. Entre os 30 melhores colocados, os que mais subiram no ranking foram Bós-

nia (do 25º para o 21º lugar), Eslovênia (do 29º para o 25º) e Costa Rica (pulou seis posições e agora se encontra em 28º). Ranking por grupos da

Copa - A Fifa também exibiu o ranking dividido em cada um dos oito grupos da Copa do Mundo. A chave que tem a melhor média é justamente a primeira da história do torneio a contar com três campeões mundiais: Uruguai, Inglaterra e Itália, além da Costa Rica. Já a mais fraca segundo a classificação seria a formado por Argentina, Bósnia, Irã e Nigéria. A média do grupo do Brasil, que tem ainda México, Croácia e Camarões, é a terceira mais baixa da competição, à frente dos grupos da Bélgica e da já citada Argentina. Veja abaixo a tabela com a pontuação de cada seleção no Mundial, dividida por chaves.

São Paulo corre por reforços durante Copa

Muricy Ramalho aguarda a chegada de reforços para melhorar a defesa

Muricy Ramalho espera com ansiedade as chegadas de um volante e um zagueiro para tentar corrigir os problemas defensivos do São Paulo e manter o time na briga pelos primeiros lugares. Por isso, a diretoria quer aproveitar o período de paralisação do Campeonato Brasileiro para a disputa da Copa do Mundo e cumprir a meta de reforçar o setor já para o reinício da competição nacional,

marcado para 16 de julho, contra o Bahia, em Salvador. Apesar de estar em quarto lugar no Brasileirão, o Tricolor sofreu 12 gols em nove partidas, mesmo número de Botafogo e Atlético-PR. Pior que eles estão apenas os lanternas do Brasileirão. Flamengo, com 13, e Figueirense, com 14. A cúpula do departamento de futebol sequer viajará com o elenco para a excursão aos Estados Unidos, a partir de 14

de junho. O presidente Carlos Miguel Aidar e o vice de futebol Ataíde Gil Guerreiro ficarão no Brasil para intensificar os contatos. Apenas o gerente executivo Gustavo Vieira de Oliveira representará o clube na América do Norte. O treinador são-paulino é o responsável por indicar nomes e avaliar algumas indicações feitas pelos dirigentes e empresários. No entanto, nas últimas semanas, o próprio Muricy reconheceu a dificuldade em encontrar boas opções no mercado, principalmente aquelas capazes de chegar ao Morumbi e assumir a vaga de titular imediatamente. É por conta disso que o comandante chegou a cogitar a contratação de Lugano, ídolo da torcida. Em todas as declarações, Muricy disse que esperava a Copa do Mundo para ver em quais condições o capitão da seleção

uruguaia está. A direção e o próprio jogador, porém, não se mostraram favoráveis a um acordo neste momento. O entrave fez Rafael Toloi virar a solução da zaga. O zagueiro está emprestado até o fim do mês ao Roma. O clube italiano tem até 14 de junho para comunicar que pagará os R$ 17 milhões pedidos pelo Tricolor. Caso contrário, Muricy já solicitou que ele seja reintegrado ao elenco. Provavelmente, será titular ao lado de Antônio Carlos no segundo semestre. Para o meio de campo, o problema é ainda maior. O técnico não se contenta com jogadores apenas marcadores ou aqueles que tenham como ponto forte somente o ataque. Enquanto o equilíbrio não é encontrado, Souza e Maicon seguem absolutos. Até mesmo Rodrigo Caio, que se destacou no Torneio de Toulon como volante, pode voltar ao setor.

Estudo alerta para riscos de efeitos duradouros da subnutrição

Os efeitos de longo prazo da desnutrição incluem doença diarreica, raquitismo, resposta reduzida às vacinas e anomalias cognitivas

A terapia nutricional salvou a vida de milhões de crianças subnutridas, mas pode não restaurar o equilíbrio da flora intestinal, imprescindíveis para a saúde, alertaram cientistas em artigo publicado nesta quarta-feira na revista científica britânica "Nature". Na pesquisa, a equipe de cientistas identificou complicações até agora invisíveis e possivelmente duradouras da fome severa. Eles afirmaram que isto poderia explicar porque crianças de países pobres ou afetados pela guerra costumam ter dificuldade em se desenvolver completamente e permanecem suscetíveis a doenças após serem tratadas com alimentação especial. "As intervenções com comida terapêutica têm reduzido a mortalidade entre as crianças com desnutrição aguda severa, mas a restauração incompleta do crescimento saudável permanece um grande problema", escreveram os autores do estudo, originários dos Estados Unidos e de Bangladesh. A equipe estudou a flora intestinal de crianças da favela Mirpur, em Daca, Bangladesh, e os comparou com um grupo que recebeu tratamento para a desnutrição aguda severa (na sigla em inglês). Estas crianças foram tratadas e restabeleceram sua saúde ingerindo ora uma pasta a base de amendoim, ora uma comida terapêutica local feita com arroz e lentilhas. Seus micróbios intestinais, sobretudo bactérias que ajudam a digerir a comida e produzir certas vitaminas, foram testados antes, durante e depois do tratamento. "As crianças que eram subnutridas tinham uma comunidade microbiana imatura, ou seja, inapropriada para sua idade cronológica", explicou o coautor do estudo, Jeffrey Gordon, do Centro de Ciências do Genoma e Biologia dos Sistemas da Universidade de Washington em Saint Louis. "Assim, estas crianças estão andando por aí com uma falha no desenvolvimento relativa às células microbianas que formam um órgão, um órgão microbiano", continuou.


Municípios e Economia

São Luís, sexta-feira, 6 de junho de 2014

Prefeitura e Emap discutem ações de revitalização do Cais de Ribamar Representantes da Prefeitura de São José de Ribamar e da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap) realizaram reunião de trabalho na qual foram discutidas ações de revitalização do terminal marítimo localizado na Sede do município. Conhecido como Cais de São José de Ribamar, o terminal é de responsabilidade do Governo do Estado, através da Emap, e funciona como ponto de chegada e saída de embarcações, oriundas de vários municípios maranhenses, além de figurar como tradicional ponto turístico da cidade. Participaram do encontro o vice-prefeito Eudes Sampaio (PT do B); Sílvia Gomes

Representantes da Prefeitura e Emap durante reunião de trabalho.

(Gerente de Terminais Externos da Empresa); Rui Barbosa Lima (Gerente de Projetos); John Camarão (Gerente de Planejamento de Obras); Ana Cristina Ammirat (Coordenadora de Termi-

nais Externos); além de vários secretários municipais. Ficou definido durante a reunião que será criado um grupo de trabalho, formado por representantes da Emap e Prefeitura, que terá como

missão elaborar levantamento apontando medidas que otimizem a utilização do terminal. Também serão apontadas ações de melhoria da infraestrutura do espaço. “A Prefeitura de Ribamar, há muito tempo, cobrava da Emap uma solução para os problemas de manutenção e recuperação de nosso terminal. Felizmente, agora, estamos efetivamente discutindo as ações que serão adotadas pela Empresa. O terminal, apesar de não ser de responsabilidade da Prefeitura, é um patrimônio do povo ribamarense e a sua revitalização contribuirá em vários aspectos com o desenvolvimento do município”, afirmou Eudes Sampaio.

Sema recebe inscrições de candidatos às eleições para o Consema e CONERH A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais do Maranhão (Sema) informa que haverá eleição para o Conselho Estadual de Meio Ambiente (Consema) e Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CONERH), nos dias 13 e 14 deste mês, respectivamente. A eleição acontecerá no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema), retorno da Cohama. De acordo com a Secretaria Executiva dos Conselhos Estaduais, os interessados em participar do Conselho Estadual de Meio Ambiente (Consema) devem se inscrever até o dia 9 de junho. Mesmo prazo de inscrições para o Con-

selho Estadual de Recursos Hídricos (CONERH), que devem ser efetivadas na sede da Sema, no Calhau. Encerrado o prazo para inscrição, a Comissão Eleitoral tornará pública a relação dos habilitados a concorrer às vaga s para os conselhos, até o dia 10 de junho, na página eletrônica da Sema ( w w w. s e m a . m a . g o v. b r ) e, também, afixará a referida lista no mural de acesso ao público no prédio da Secretaria. A Sema informa que nos dois dias de eleições, estão programadas palestras com assuntos relacionados aos respectivos conselhos. Criados, respectiva-

mente, pelas Leis Estaduais nº 5.405 de 8 de abril de 1992, e nº 8.149, de 15 de junho de 2004, o Conselho Estadual de Meio Ambiente (Consema) e o Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CONERH), integram a rede de instrumentos cujo objetivo é a gestão ambiental e de recursos naturais do Maranhão. Ta n t o o C o n s e m a quanto o CONERH, depois de passarem por um período de jurisdição, tiveram sua funcionalidade restabelecida quando foram reestruturados, tendo os seus componentes nomeados através dos Decretos nº 27.315, de 13 de abril de 2011, e nº 27.331, de 27 de abril de 2011.

A legislação específica estabelece que os integrantes dos Conselhos devem ser, quando indicados pelo poder público, por entidades não governamentais ambientalistas e o empresariado/usuários, eleitos através de procedimento especifico ao qual deverá ser dada ampla publicidade. Isso ao término de 3 (três) anos de mandato. Como os conselheiros estaduais de Meio Ambiente e de Recursos Hídricos foram nomeados em 2011, agora em 2014 finda o exercício dos mesmos, cabendo novo processo de estruturação, que está em andamento, através dos editais nº 01/ 2014 e nº 02/2014, respectivamente.

Viva Cidadão prorroga atendimento das unidades móveis em quatro municípios O Viva Cidadão, órgão vinculado à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Cidadania (Sedihc), informa que foi prorrogado o período de atendimento das Unidades Móveis em quatro municípios. De acordo com o novo cronograma, a oferta de serviços do Viva Cidadão no povoado de Faiza, em Buriticupu, se estenderá até o dia 16

de junho. No município de Rosário, o atendimento será realizado até 14 de julho. Já no município de São João Batista o período de atendimento vai até o dia 19 de junho. Na cidade de Matinha, a população terá acesso aos serviços da carreta do Viva Cidadão no período de 17 a 26 de julho com disponibilização dos serviços de emissão de RG e CPF, entre outros documentos.

5

Público vai poder acompanhar reuniões da Anatel a partir de julho As reuniões do conselho diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) vão passar a ser abertas ao público em geral a partir de julho. A alteração no regimento interno da agência foi aprovada nesta quinta-feira (5). Hoje as reuniões, que acontecem às quintas-feiras na sede da Anatel, em Brasília, são transmitidas, parcialmente, pela internet. Com a mudança, qualquer cidadão vai poder acompanhar, no local, as decisões tomadas pelo conselho diretor. Empresas e pessoas envolvidas nos processos analisados terão direito à sustentação oral (mecanismo que dá direito de palavra ao interessado para reforçar a defesa de suas posições). A abertura de reuniões dos colegiados das agências reguladoras vem sendo cobrada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) como medida para dar mais transparência ao processo decisório desses órgãos. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) é uma das que não respeitam essa orientação. Por outro lado, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) já permite presença do público nas suas reuniões.

Guido Mantega volta a reclamar da 'escassez' do crédito para consumo Há escassez do crédito para consumo no Brasil, embora mais pessoas estejam pagando as contas em dia, e isso acaba influenciando as vendas do comércio, segundo avalição feita pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, nesta quinta-feira (5) durante reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES) no Palácio do Planalto. "Tem gente que acha que faz o país crescer só com investimento. Não. Tem que estimular o consumo, em menor medida. Hoje vivemos essa situação [de escassez do crédito para consumo]. Acredito que é passageira. Quando houver recuperação do crédito livre [destinado às famílias], teremos aumento do crescimento do comércio e isso vai estimular o investimento", disse o ministro da Fazenda.. Essa não é a primeira vez que o ministro da Fazenda reclama da escassez do crédito para o consumo. No final de abril, ele já havia feito a mesma avaliação e, em 2013, chegou a dizer que o Brasil crescia com "duas pernas mancas", sendo uma delas o financiamento escasso ao consumo e, a outra, a crise financeira internacional. Segundo economistas, com menos crédito no mercado, o consumo cresce menos e prejudica o desempenho da economia, que registrou crescimento de somente 0,2% no primeiro trimestre deste ano, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Financiamento habitacional é exceção Segundo Mantega, porém, uma modalidade de crédito que está avançando, para as famílias, é o habitacional. "Mais recentemente, [a classe média] está pendendo para fazer financiamento para habitação. Depois de que comprou o carro, a geladeira, TV nova de LCD led, etc, agora está comprando habitação", afirmou. O ministro da Fazenda observou que há dez anos, a população não conseguia financiar imóveis com o mesmo prazo de hoje, que chega a 30 anos ou mais. "O número de unidades habitacionais financiadas cresceu significativamente", declarou, destacando o papel da Caixa Econômica Federal neste processo.


6 Geral e Mundo

São Luís, sexta-feira, 6 de junho de 2014

Sine realiza “Dia D de contratação de pessoas com deficiência” Nesta sexta-feira (6), a Agência do Sine em São Luís fará atendimento exclusivo para pessoas com deficiência e trabalhadores reabilitados pelo Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), por meio da ação “Dia D de contratação de pessoas com deficiência”, realizado em parceria com diversas instituições, entre elas o Conselho Municipal de Defe-

sa da Pessoa com Deficiência, Senai, Senac, Senat, dentre outros. De acordo com o Censo 2010, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população do Brasil é composta por 45 milhões de pessoas com algum tipo de deficiência, o que corresponde a quase 24% do total da população brasileira. Segundo o Ministério do Traba-

lho e Emprego, 330 mil estão no mercado formal de trabalho, o que corresponde a apenas 0,70% do total de vínculos empregatícios. No Maranhão, cerca de 1,5 milhão de pessoas algum tipo de deficiência, também segundo o IBGE. Somente em São Luís, cerca de 250 mil pessoas se enquadram no perfil e boa parte desta população é considerada

apta para o trabalho e, cada vez mais, as empresas buscam esta mão de obra para os seus quadros, em atendimento a uma lei federal. O Dia D tem início às 8h, indo até as 17h na Agência Central do Sine em São Luís, que fica na Rua da Paz, 316, Centro - no cruzamento da Igreja de São João com a antiga Faculdade de Farmácia e Odontologia.

RELAÇÃO DE VAGAS DISPONÍVEIS PARA PCD Assistente Administrativo Assistente Social Auxiliar de Apontamento de Obra Auxiliar de Departamento Pessoal Auxiliar de Escritório Auxiliar de Limpeza Cobrador de Transporte Coletivo Empacotador Enfermeiro

Ferramenteiro Fisioterapeuta Maqueiro Motorista de Ônibus Urbano Operador de Caixa Pedreiro Porteiro Psicólogo

Recepcionista Repositor de Mercadorias Técnico em Enfermagem Técnico em Nutrição Técnico em Segurança do Trabalho Terapeuta Ocupacional Vendedor Vendedor Interno Zelador

CNJ aponta que Maranhão está entre os quatro estados com menor déficit de vagas prisionais O Maranhão está entre os quatro estados com menores déficits de vagas no sistema penitenciário, com necessidade de criação de 814 vagas. É o que revela estudo divulgado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), nesta quinta-feira (5), levantamento com os juízes responsáveis pelo monitoramento do sistema carcerário dos 26 estados e do Distrito Federal. O documento aponta que em comparação a outros estados, o Maranhão tem déficit muito menor que os de São Paulo (90.448 vagas), Minas Gerais (21.400), Pernambuco (21.193), Paraná (8.758), Rio de Janeiro (6.574), Dis-

trito Federal (6.571), Amazonas (3.615) e Mato Grosso (3.689). A compilação de dados foi feita pelo Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e do Sistema de Execução de Medidas Socioeducativas (MDF). O estudo aponta ainda que em relação ao déficit de vagas dos presos provisórios somado ao número dos que cumprem prisão domiciliar (2.226), o Maranhão ocupa a oitava colocação com o menor déficit. Nesta escala, os dados do MDF indicam que o déficit é de 3.040. O Maranhão permanece abaixo da Bahia, Paraíba e

Goiás. Santa Catarina, nesta categoria, apresenta um déficit de 19.249, Distrito Federal tem 12.906. Já o Paraná também apresenta um número alto em relação ao Maranhão. Naquele estado, o déficit gira em torno de 10.105 vagas. Atualmente, a população carcerária nos estabelecimentos prisionais do Brasil é de 567.655 presos. O Maranhão tem 6.315 mil apenados, o que representa 1,11% do universo carcerário. Levando-se em conta também as pessoas que cumprem pena em prisão domiciliar nas 27 unidades da federação, esse número chega a 715.655. O Estado tem 8.541 presos,

perfazendo um percentual de 1.19%. Mais vagas E esse déficit deve ser sanado com os investimentos realizados pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Justiça e da Administração Penitenciária (Sejap). Até o final deste ano, serão abertas, em todo o Maranhão, novas vagas com construções, reformas e ampliações de presídios. Além disso, mais 101 agentes penitenciários devem ser nomeados e ainda este mês e entrará em funcionamento o Sistema de Monitoramento Eletrônico, que disponibilizará, de imediato, 400 tornozeleiras ao Poder Judiciário.

Anistia denuncia a execução sumária de 7 crianças na Síria A Anistia Internacional (AI) denunciou nesta quintafeira (5) a execução sumária na Síria de um grupo de 15 civis, entre eles sete crianças, supostamente realizada por um grupo ligado à Al-Qaeda. As crianças tinha entre 3 e 12 anos. Os demais civis eram três mulheres e cinco homens. A matança aconteceu no povoado de Al Tleiliye, na província de Hasaka, norte, e supostamente foi realizada por membros do grupo Estado Islâmico no Iraque e Levante (EIIL), segundo a organização. "O objetivo foram as famílias de agricultores árabes, por seu suposto apoio a um grupo armado curdo, o YPG (Unidade de Proteção do Povo) ou porque foram confundidos com curdos", explica o comunicado. A maioria das vítimas recebeu uma bala na cabeça. Philip Luther, diretor da AI para o Oriente Médio, afirmou que estes assassinatos a sangue frio são uma amarga recordação de como a completa impunidade para os crimes de guerra e contra a humanidade está alimentando a brutalidade e a desumanidade.

Papa denuncia 'novas formas de escravidão' contra ciganos O Papa Francisco denunciou nesta quinta-feira (5) as novas formas de escravidão da qual os ciganos são vítimas e exigiu a elaboração de novas políticas comuns das instituições civis e religiosas ao redor do mundo. O santo padre fez estas declarações durante a abertura de um encontro no Vaticano sobre a "igreja e os ciganos", intitulado "Anunciar o Evangelho nas periferias". "As pessoas menos protegidas são as que caem na armadilha da exploração, da mendicância forçada e de várias formas de abuso. Os ciganos são, entre elas, os mais vulneráveis", reiterou o papa argentino, que denuncia constantemente a exploração e o tráfico de seres humanos. "É necessário, agora mais do que nunca, a elaboração de novas políticas no âmbito civil, social e cultural, assim como na estratégia pastoral da igreja para enfrentar os desafios provenientes das novas formas de perseguição, opressão e inclusive de escravidão" em relação aos ciganos ao redor do mundo, disse.


Entretenimento 7

São Luís, sexta-feira, 6 de junho de 2014

Áries 21/3 a 20/4 Terá ainda mais disposição para o trabalho. Encare as tarefas com energia e dê uma ajuda aos colegas, se eles pedirem auxílio ou conselhos. Touro 21/4 a 20/5 A Lua brilha em seu paraíso astral e aumenta a sua sorte. Trabalho ligado a diversão ou entretenimento recebe ótimas energias. Na paquera, sua estrela vai brilhar! Jogue charme e aposte num bom papo para envolver quem deseja. Gêmeos 21/5 a 20/6 Na parte da manhã, vai se sair melhor se explorar seu poder de comunicação. Depois, trabalho ligado a produtos voltados para o lar conta com a proteção dos astros. Ouça sua intuição para fazer os melhores negócios. Câncer 21/6 a 21/7 O dia pode ser positivo para fechar acordo ou lidar com dinheiro. Seu poder de comunicação ganha destaque. Aproveite para mostrar suas ideias e lidar com clientes ou com o público. Leão 22/7 a 22/8 Procure deixar seus assuntos em ordem. Vai ser mais fácil ganhar dinheiro e cuidar das finanças. Planeje seus gastos e tudo correrá melhor do que imagina. Virgem 23/8 a 22/9 Hoje, a Lua brilha em seu signo e ressalta suas qualidades. Mais confiante, vai se sair bem no trabalho e não terá receio de ir atrás do que deseja. Troque ideias e ouça novos pontos de vista. Libra 23/9 a 22/10 Hoje, cuidar dos seus assuntos a sós será a melhor escolha. Não confie demais nos outros. Evite chamar muita atenção, pois pode deixar alguém com inveja. Escorpião 23/10 a 21/11 É hora de correr atrás dos seus ideais. Não abra mão do que acredita, mesmo que tenha que se esforçar mais para conseguir o que sonha. Com raciocínio rápido e facilidade para se expressar, vai se sair bem. Sagitário 22/11 a 21/12 Trabalho em equipe na parte da manhã vai render mais. Depois, você estará mais preocupada com a sua carreira. Planeje o que deseja conquistar e coloque as mãos na massa. Capricórnio 22/12 a 20/1 Na parte da manhã, é melhor agir com cautela e cuidar dos seus assuntos sozinha. Depois, o astral melhora e vai aumentar seu rendimento trabalhando junto com os colegas. Aquário 21/1 a 19/2 No trabalho, a manhã será mais favorável para fechar parcerias. Depois, cuidar dos seus assuntos a sós será a melhor política. Algumas mudanças podem acontecer, mas não se assuste, elas serão positivas. Peixes 20/2 a 20/3 Hoje, trabalhar em equipe vai trazer melhores resultados. Junte os colegas que têm os mesmos objetivos que os seus e verá como alcançarão as coisas com mais rapidez.

Tici Pinheiro exibe ótima forma Prestes a completar 38 anos no dia 16, Ticiane Pinheiro posou de biquíni e mostrou estar em ótima forma. Com barriga negativa a filha da eterna Garota de Ipanema, Helô Pinheiro, e mãe de Rafaella Justos, de 4 anos, Ticiane posou na cidade de Goiás Velho, em Goías. As fotos foram feitas no Museu da escritora Cora Coralina, que se fosse viva, completaria 125 anos este ano. Em 2015, fará 30 anos de sua morte. Mas manter o corpão das fotos não é fácil: a apresentadora malha diariamente, vive de dieta e dorme, no mínimo, oito horas por noite. Ticiane também é adepta do protetor solar fator 60 e, no dia a adia, usa o mínimo possível de maquiagem e mantém a pele sempre hidratada.

Natalia Casassola posa para campanha de lingerie Natalia Casassola serviu de modelo para uma grife de lingerie. A ex-BBB posou para um ensaio de moda com peças de uma marca de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo. Ao EGO, ela contou que continua solteira e que agora seu foco é basicamente o trabalho. "Nem homem, nem mulher está tirando meu foco no trabalho. Estou experimentando a vida como nunca!", diz Natalia.

Após tentar sequestrar Bia, Juliana vai morar na favela com Jairo Nos próximos capítulos de "Em família", Juliana (Vanessa Gerbelli) vai provar que sua obsessão pela pequena Bia não tem mesmo limites. Desesperada com as ameaças de Jairo (Marcello Melo Junior) de se separar e levar a menina embora para a favela, a tia de Helena (Julia Lemmertz) falsificará a carteira de trabalho de Gorete (Carol Macedo), mãe de Bia que morreu atropelada, e fugirá para a rodoviária, de mala e cuia, grávida e com a criança a tiracolo. Disfarçada, Juliana se passará por Gorete para embarcar num ônibus para Resende, no Sul do estado do Rio. Seus planos serão frustrados quando Nando (Leonardo Medeiros) e Helena (Júlia Lemmertz) descobrirem seu paradeiro ao vasculharem o computador de Juliana. Os dois seguirão o ônibus estrada afora e a surpreenderão numa das paradas. Vencida pelos argumentos da sobrinha e do ex-marido, Juliana topará voltar para casa e encarar a ira de Jairo. - A Juliana está arrependida do que fez, e por isso resolveu voltar pra casa. Ela não tinha intenção de criar problema. Só ficou com medo de perder a Bia – argumentará Helena. - Foi abusada. Me enganou! É quase que a mesma coisa que ter me colocado um chifre – responderá Jairo. - Eu não sei o que me deu, perdi o controle de mim, era como se fosse outra pessoa, entende? Você tem que perdoar – dirá Juliana, se defendendo. - Tenho que me controlar pra não te mostrar o tamanho do meu perdão! - responderá Jairo, mostrando a mão. - Alto lá, camarada! Esse país tem leis. Lei Maria da Penha, já ouviu falar? A Juliana reconhece que errou, mas se você tocar um dedo nela, no momento seguinte está na cadeia. Pensa bem no que vai fazer – dirá Nando. Jairo responderá, então, que já está decidido a se mudar para a favela com Bia. - Se quiser ir comigo, vai ter de ser do meu jeito (...) Fala aqui, na frente de todo mundo, de uma vez por todas. Vai comigo e a minha filha pra comunidade ou não? Depois de um silêncio incômodo, Juliana decretará, para o espanto da sobrinha e do ex-marido que seguirá os passos de Jairo. - Vou morar contigo onde você quiser.

novelas Ve r a e R o n a l d o n ã o p e r m i t e m q u e Ben e Anita fiquem juntos no casarão. Omar e Fábio procuram Luciana e travam uma disputa para conquistá-la. Junior comunica à equipe de produção do musical que a empresa de som foi assaltada. Martin consegue solucionar o problema do áudio do musical. Sofia recebe um convite para estagiar em um ateliê em Paris. Luciana repreende Omar e Fábio. Sidney revela a Sofia que foi ele quem mostrou seu trabalho para o ateliê francês.

Serelepe conta para Ferdinando que Zelão tem a intenção de raptar Juliana. Ferdinando avisa a Juliana do perigo que ela corre com Zelão e decide levar a professora para a casa de Pedro. Epaminondas avisa a Zelão para não se aproximar de Juliana. Ferdinando e Gina se estranham quando ele a impede de usar sua arma para atirar em Zelão.

Verônica implora que Jonas vá embora. Jack guarda o envelope grená. Lara reclama de Shin para Iracema. Dante conta para Cidão o que aconteceu com sua van. Alice briga com o ex-namorado. Cidão exige que Matias trabalhe para ele para pagar a dívida de Dante. Pamela chega para o evento na Plugar. Herval e Pamela se beijam. Iracema conversa com Shin sobre a festa de Tomás. Jojô afirma para Verônica que Jonas armou para ficar com ela. Brian volta ao seu estado normal, e Jack avisa que contará para Pamela sobre o conteúdo do envelope grená.

Shirley diz a Selma que fará tudo para impedir Luiza e Laerte de se casarem

Ana se preocupa com Virgílio ao fal a r c o m e l e p o r t e l e f o n e . Ve r ô n i c a enaltece a atitude de Cadu de espalhar pelo bistrô cartazes de incentivo à doação de órgãos. Nando e Virgílio conversam sobre relacionamentos e falam de Helena e Juliana. Laerte se lembra do fracasso de seu casamento com Helena e fica nervoso. Murilo é chamado para mais uma campanha publicitária, mas acha o cachê baixo e não aceita a proposta. Shirley diz a Selma que fará tudo para impedir Luiza e Laerte de se casarem. Cadu se chateia ao imaginar Clara e Marina juntas.


8

Cultura e Variedades

São Luís, sexta-feira, 6 de junho de 2014

celialima@oquartopoder.com

COLUNA DA

Célia Lima blog.oquartopoder.com/celialima

Pensamento do Dia Antes de entrar numa batalha, é preciso acreditar naquilo pelo qual se está lutando (Chuang Tzu)

Projeto de dança em São Luís movimenta o Centro Histórico

M

úsica, teatro, dança e artes plás ticas, todas unidas no projeto “Conexão dança”, que fica em cartaz na Galeria Trapiche (Centro Histórico), Teatro Artur Azevedo, João do Vale, Alcione Nazaré, Guest House, Praia Grande, Fonte do Ribeirão, Laborarte e UFMA, até dia 8 de junho, domingo, com horários durante todo o dia e a entrada é franca. Consagrado como um dos principais eventos culturais de São Luís, o Conexão, chega a sua 6° edição e durante toda a semana, mostra que na dança tudo é possível. SOBRE O CONEXÃO DANÇA O projeto é um conjunto de ações direcionadas para artistas da dança, performance, artes visuais, teatro entre outras linguagens, promovendo um espaço de circulação e encontro, em sua diversidade de linguagens, perspectivas de criação e pesquisa no universo artístico contemporâneo tendo o corpo como acionador de questões. Vanilton Lakka ministra a oficina “Monobloco”, no Teatro Artur Azevedo e cria sugestões para uma cidade habitar um corpo. De São Paulo Clarice Lima & Gente Fina, Elegante e Sincera apresentará Intérpretes em Crise e DPI EE Experimento Espetacular que contará com a participação de artistas maranhenses. Também de SP, Bruno Levorin mostra Desastreologia. Artista-criadora de dança, Janaina Lobo (PI), apresentará Sotaque pesquisa coreográfica selecionado no Rumos Itaú Cultural Dança 2010-2014. Em sua sexta edição, o evento conta ain-

Residência Mono-blocos na Olinda Saul

Bênção do Boi de Axixá 2014 Abertura com instalação performática de Rauricio Barbosa na Galeria Trapice

da com a participação dos artistas locais, Julia Emília/ Grupo Teatro dança, Hélio Martins, Marcia Aquino, Gê Viana, Cléo Junior, Egnaldo Gomes, Tieta Macau, Carla Purcina, Ruan Paz, Luriana Barros, Yuri Azevedo, Erivelto Viana, Doroti Martz, Núcleo de Formação Artística/ Donny dos Santos, Diones Caldas e Tairo Lisboa.

Cuidados com o coração na hora de torcer Haja coração! Quando a bola rolar nos campos brasileiros a partir do dia 12 de junho, o coração dos torcedores precisa estar preparado para aguentar a alta carga de adrenalina e ansiedade durante os jogos da Copa do Mundo. Para quem tem o coração saudável, nada a temer. Entretanto, hipertensos, diabéticos e portadores de outras disfunções cardíacas precisam estar atentos para não deixar que a ansiedade provoque problemas ao coração, alerta Rogério Moreno, cardiologista do Hapvida. Segundo ele, é importante saber dosar a emoção. A torcida do jogo em si não causa problemas. Mas, o excesso de bebida alcoólica e a má alimentação, seguidos das discussões e fatores psicológicos, como ansiedade e estresse são, segundo o médico, os principais causadores de riscos cardíacos durante os jogos. Entre as dicas para que a copa seja um momento apenas de alegrias, o cardiologista ressalta a importância das pessoas não excederam na ingestão de bebida alcoólica e de alimentos gordurosos ou com alto teor de sal. E realizar check up´s preventivos anuais, visando descobrir doenças silenciosas como a diabetes e a pressão alta, que o quanto antes forem diagnosticadas, tanto melhor para o tratamento eficaz.

C

onvidamos a todos para partici par da bênção do Boi de Axixá para temporada junina 2014, que será realizada nesta sexta-feira (6), às 17h, na paróquia São Francisco, no bairro São Francisco. Informamos ainda, que logo após a bênção, o Boi de Axixá fará sua primeira apresentação da temporada junina deste ano, no Rio Anil Shopping, a partir das 19h.

blog.oquartopoder.com/celialima

06062014