Page 1

RC

Digicont CONTABILIDADE

Rua Barra Mansa, 126 Bairro Guanandy Fone: (67) 3373-2055 Ano VII - Edição nº 66

Rua Fátima do Sul, 121 São Jorge da Lagoa - (67) 3381-1294

DE CAMPO GRANDE-MS - REGIÃO URBANA DO LAGOA Campo Grande-MS, abril de 2011

www.omomentocg.com

Praça da Juventude será grande área de lazer na Região do Lagoa A Prefeitura de Campo Grande vai construir a Praça da Juventude na rua Serra Azul com a rua

Rio Brilhante, no Bairro Jardim Mato Grosso. A implantação do equipamento esportivo e de

lazer está em fase de licitação. Somado aos parques, praças e quadras, o novo local de prática

REGIÃO

esportiva e de lazer garante mais qualidade de vida à população campograndense. • Página 6 Alexandre Moura

Autorizada obra da UBSF do Jd. Batistão • Página 07

GERAL

Época do ano favorece casos de conjuntivite • Página 08

CAMPO GRANDE

Fiscalização intensiva na Lei do cerol

Responsabilidade Social Empresarial: mais do que uma obrigação

• Página 2

• Página 10

LEONARDO BOFF: COM-PAIXÃO: A MAIS

HUMANA DAS VIRTUDES

- PÁGINA 3


2

Campo Grande-MS, abril de 2011

OPINIÃO/GERAL

Responsabilidade Social Empresarial: um exemplo que vem da região do Prosa Alexandre Moura

ALEXANDRE MOURA Um exemplo de Responsabilidade Social Empresarial, vem lá da Região Urbana do Prosa, no Bairro Jardim Noroeste. A Eletrosul, empresa subsidiária da Eletrobras, vinculada ao Ministério das Minas e Energias e que atua na área de geração e transmissão de energia elétrica, desenvolve ações de cidadania direcionadas às comunidades carentes localizadas no entorno de sua sede na saída para Três Lagoas. Ter ações concretas de Responsabilidade Social Empresarial é um compromisso da empresa com questões sociais e ambientais que vão além das obrigações legais ou relativas às suas atividades. Foi assim na manhã de sábado do dia 26 de março, na Escola Municipal Ione Catarina Gianotti Igydio no Jardim Noroeste. Em parceria com a entidade Obras Sociais Casa da União Lar de Santana, ligada ao Centro Espírita Beneficente União do Vegetal, que realizou a ação denominada Dia do Bem, membros da diretoria da empresa, espontaneamente cotizaram entre eles uma quantia em dinheiro que foi

Dezenas de famílias do Jd. Noroeste foram atendidas no Dia do Bem destinada à compra de cobertores doados junto com cestas básicas às dezenas de famílias atendidas pela entidade. No Dia do Bem foram realizados diversos atendimentos que são direitos básicos de todo cidadão, tais como: emissão de carteira de trabalho, atendimento jurídico, palestras de educação ambiental, corte de cabelo, recreação para as crianças, doação de brinquedos e cestas básicas. Um dia que certamente ficará registrado na memória das pessoas atendidas e dos voluntários, pois, ”fica sempre

um pouco de perfume nas mãos de quem oferece rosas”. Na região do Jardim Noroeste a Eletrosul também patrocina o Projeto Quintais Verdes, que é uma oficina de agricultura urbana. Outro projeto patrocinado pela empresa é o Luz do Saber, que é a alfabetização de jovens e adultos. Além de alfabetizar o Luz do Saber garante também a inclusão digital. Um bom exemplo a ser seguido por empresas instaladas na Região Urbana do Lagoa, também formada por comunidades carentes.

Amoc II presta contas do exercício 2010 ALEXANDRE MOURA

Expediente CNPJ: 07.503.005/0001-86 Inscrição Municipal: 124908000 Diretor/Editor: Alexandre Moura DRT-MS 45/02 Repórter: Renata Santos Periodicidade: Mensal Rua da Península, 405 - Coophavila II - Campo Grande-MS Tel.: (67) 3373-3675 / 9221-9500 e-mail: omomentocg@gmail.com O Jornal expressa a sua opinião por meio de seu editorial O Jornal não se responsabiliza pelos artigos assinados ou de origem definida. Os originais, mesmo quando não publicados, não serão devolvidos.

A AMOC II, (Associação de Moradores do Conjunto Coophavilla II), realizou no sábado (26/03) a prestação de contas relativa ao período de janeiro a dezembro de 2010. Na mesma noite foi lançado o Projeto Ponto de Cultura. Na programação teve também homenagem alusiva ao Dia da Mulher, bingo e jantar. A presidente da entidade, Maria Bernadete, deu início à assembléia para prestação de contas às 19h em segunda chamada, com o número mínimo

de moradores presentes, já que, a primeira chamada não deu quorum. Até a hora que a reportagem do jornal O Momento esteve no Salão Social, por volta das 20h, aproximadamente trezentas pessoas estavam no local. Entretanto, a maioria não era de moradores do bairro. Isto foi constatado quando a presidente pediu que os moradores maiores de 18 anos de idade levantassem a mão. A Associação informou que foram distribuídos 3.000 convites em todas as casas da Coophavilla II. A prestação de contas foi

apresentada pelos membros do conselho fiscal, Luciene e Zé do Bar. Em resumo, o conselho aprovou as contas sem ressalvas, entrada de recursos advindos do aluguel dos boxes do Centro Comercial, aluguel do Clube Social e da antena da Vivo. As despesas são com funcionários da entidade e manutenção. Zé do Bar, eleito nesta gestão presidente do Conselho Fiscal, declarou que por muitas vezes criticou a administração anterior e pediu desculpas à Bete, pois, não conhecia de perto o trabalho desenvolvido.


ARTIGOS

Campo Grande-MS, abril de 2011

3

O Joalheiro da Paciência: Lapidando uma Personalidade Melhor! *GEANCARLO MERIGUE Ao ler um dos livros do médico e cientista Augusto Jorge Cury, uma de suas frases me fez refletir um tanto a respeito da vida e do que eu posso fazer para ser uma pessoa melhor. Ele escreveu que "a paciência é o diamante da personalidade". Comecei a refletir a respeito da paciência e logo pensei nas crianças e na missão sagrada que é ser pai e mãe. Uma criança vem ao mundo cheia de energia, querendo, a todo o momento, extravasá-la com brincadeiras, corre-corre, falando alto, às vezes gritando, querendo e querendo, e tudo tem de ser no instante em que querem. Pude então perceber o quão sublime é ter um filho ou ser responsável por cuidar e educar uma criança, pois nesse momento da vida podemos perceber o quão lapidado está o diamante que há em nós. A maternidade e a paternidade podem certamente serem entendidas como um momento em que o Criador nos dá a oportunidade de educar não só nossos filhos, mas também a nós mesmos, para que sejamos seres humanos melhores e possamos contribuir na construção de mundo melhor, um lugar onde haja uma convivência harmônica, igualitária, justa e pacifica.

Inúmeras são as técnicas para lapidar esse diamante e elas podem ser encontradas facilmente em livros de auto-ajuda, em praticas de vida, dentre outras formulas mágicas, porém, acredito que o melhor jeito é fazendo um movimento de interiorização e exame de nossas ações, verificando se estamos, constantemente, utilizando para esse trabalho ferramentas como o cuidado, o bom-senso, o bom-humor, a firmeza, a flexibilidade e o amor! A paciência é a chave para que possamos ser pessoas melhores. Na maioria das vezes ainda

não é fácil para o ser humano pensar antes de agir. Porém, existem situações na vida em que é preciso baixar a cabeça para que uma vida não seja prejudicada, em especial a própria vida. Sábio é aquele que tem força para se calar, pensar e tomar a melhor atitude, que deve estar calcada no desejo de promover a paz. Ser um agente da paz não é tarefa fácil, porém, é a mais gratificante que existe. Esses agentes são pagos com sorrisos, abraços, sentimentos, dentre outras coisas que refrigeram a alma. Qualquer pessoa, por mais errada que esteja até mesmo o pior dos malfeitores, se quiser pode transformar sua vida para ser um agente da paz. Tudo depende da disposição que ele tem de transformar maus costumes, hábitos e vícios em uma vida plena de amor e paz. Temos que ter em nossas mentes que o ser humano é dotado de uma qualidade sublime que é a de se redimensionar e dar outro rumo ao seu destino. Estamos constantemente fazendo escolhas e, a qualquer momento de nossas vidas, podemos escolher ser feliz e trabalhar para que isso aconteça. Pensem nisso, acreditem em si mesmos e façam a diferença! Vamos todos, com a precisão de um joalheiro, lapidar nosso diamante. * TURISMÓLOGO

Com-paixão: a mais humana das virtudes *LEONARDO BOFF Três cenas aterradoras: o terremoto no Japão, seguido de um devastador tsunami, o vazamento deletério de gases radioativos de usinas nucleares afetadas e os deslizamentos destruidores, ocorridos nas cidades serranas do Rio de Janeiro, provocaram em nós, com certeza, duas atitudes: compaixão e solidariedade. Primeiro, irrompe a com-paixão. A compaixão talvez seja, entre as virtudes humanas, a mais humana de todas, porque não só nos abre ao outro, como expressão de amor dolorido, mas ao outro mais vitimado e mortificado. Pouco importam a ideologia, a religião, o status social e cultural das pessoa. A compaixão anula estas diferenças e faz estender as mãos às vitimas. Ficarmos cinicamente indiferentes, mostra suprema desumanidade que nos transforma em inimigos de nossa própria humanidade. Diante da desgraça do outro não há como não sermos os samaritanos compassivos da parábola bíblica. A com-paixão implica assumir a paixão do outro. É transladar-se ao lugar do outro para estar junto dele, para sofrer com ele, para chorar com ele, para sentir com ele o coração despedaçado. Talvez não tenhamos nada a lhe dar e até as palavras nos morram na garganta. Mas o importante é estar aí junto dele e jamais permitir que sofra sozinho. Mesmo que estejamos a milhares de quilômetros de distancia de nossos irmãos e irmãs japoneses ou perto de nossos vizinhos das cidades serranas cariocas, o padecimento deles é o nosso padecimento, o seu

desespero é o nosso desespero, os gritos lancinan- energias do universo, com a atmosfera, com a tes que lançam ao céu, perguntando, “por que, meu biosfera e com próprio o sistema-Terra. Esta cooDeus, por que?” são nossos gritos lancinantes. E peração é responsável por seu equilíbrio, agora partilhamos da mesma dor de não recebermos perturbado pela excessiva pressão que a nossa nenhuma explicação razoável. E mesmo que existis- sociedade consumista e esbanjadora faz sobre se, ela não desfaria a devastação, não reergueria as todos os ecossistemas e que se manifesta pela cricasas destruídas nem ressuscitaria os entes queri- se ecológica generalizada. dos mortos, especialmente as crianças inocentes. Na compaixão se dá o encontro de todas as reliA compaixão tem algo de singular: giões, do Oriente e do Ocidente, de ela não exige nenhuma reflexão prétodas éticas, de todas as filosofias e de via, nem argumento que a fundamenNa compaixão se todas as culturas. No centro está a digte. Ela simplesmente se nos impõe e a autoridade dos que sofrem, dá o encontro de nidade porque somos essencialmente seres provocando em nós a compaixão ativa. todas as religiões, com-passivos. A compaixão refuta por A segunda atitude, afim à compaisi mesma noção do biólogo Richard xão, é a solidariedade. Ela obedece à do Oriente e do Dawkins do “gene egoísta”. Ou o presmesma lógica da compaixão. Vamos suposto de Charles Darwin de que a Ocidente, de todas ao encontro do outro para salvar-lhe a competição e o triunfo do mais forte éticas, de todas as vida, trazer-lhe água, alimentos, agaregeriam a dinâmica da evolução. Ao e especialmente o calor humano. filosofias e de todas salho contrário, não existem genes solitáSabemos pela antropogênese que nos as culturas. rios, mas todos são inter-retro-conecfizemos humanos quando superamos tados e nós humanos somos enredaa fase da busca individual dos meios dos em teias incontáveis de relações de subsistência e começamos a busque nos fazem seres de cooperação e de solidarie- cá-los coletivamente e a distribui-los cooperativadade. mente entre todos. O que nos humanizou ontem, Mais e mais cientistas vindos da mecânica nos humanizará ainda hoje. Por isso é tão comovequântica, da astrofísica e da bioantropologia sus- dor assistir como tantos e tantas se mobilizam, de tentam a tese de que a lei suprema do processo todas as partes, para ajudar as vítimas e pela solicosmogênico é o entrelaçamento de todos com dariedade dar-lhes o que precisam e sobretudo a todos e não a competição que exclui. O sutil equi- esperança de que, apesar da desgraça, ainda vale líbrio da Terra, tido como um superorganismo que a pena viver. se autoregula, requer a cooperação de um sem número de fatores que interagem entre si, com as * TEÓLOGO


4

Campo Grande-MS, abril de 2011

SUDOKU

PASSATEMPOS/CULTURA PARA RIR  Um contador que não conseguia dormir resolveu contar carneirinhos. Mas cometeu um erro e passou a noite toda tentando consertá-lo.

Matemática trabalhista

Creme dental

Um gerente entrevistava um candidato para um posto na empresa. - Quanto tempo passou em seu emprego anterior? - Cinquenta e cinco anos - respondeu o candidato. - E quantos anos você tem? - Perguntou o gerente, chocado com a resposta. - Tenho 47 anos - disse o candidato. - Eu sinto muito, mas não estou entendendo. - Replicou o gerente. - É simples - sorriu o candidato -, são horas extras!

Os antigos egípcios usavam uma mistura de cinzas de chifre de boi, casca de ovo calcinada, mirra, pedra-pomes e água para limpar os dentes. Em 1850, o Dr. Washington Sheffiel, de Connecticut, nos Estados Unidos, desenvolveu uma fórmula que, mais tarde, se transformaria na pasta de dentes. Chamava-se Creme Dentifrício do Dr. Sheffield. O filho do Sr. Lucius Tracy Sheffield, viu tubos metálicos amassáveis e teve a ideia de pôr a pasta em tubos.

Como Os Aviões Permanecem no Ar? É uma das curiosidades que todos querem saber, como um objeto tão pesado pode voar? Para fazer um avião voar, a primeira coisa é superar a resistência do ar. Para isso, o avião precisa ser impulsionado por hélices, foguetes ou turbinas, que executam duas ações: primeiro, sugam o ar para dentro com uma grande hélice, como um grande exaustor. Depois de puxar o ar, as turbinas jogam esse ar pro outro lado, comprimido e acelerado por várias hélices pequenas. O ar comprimido e acelerado gera uma pressão em sentido contrário, que “lança” o avião pra frente fazendo-o vencer a resistência do ar.

Porque vemos a Lua durante o dia? A Lua sempre pode ser vista de dia se estiver em posição favorável. Por volta do quarto crescente ela é vista na parte da tarde e no quartro minguante na parte da manhã. O brilho da Lua é suficientemente forte para ultrapassar o brilho do azul do céu, basta que ela esteja alta no céu e longe das fases cheia (só é visível à noite) e nova (muito próxima do brilho do Sol).

Vida de caubói

CRUZADA

Em férias no Arizona, um grupo de turistas ingleses encontra um caubói deitado no acostamento com o ouvido colado no chão. - O que está acontecendo? - Dois cavalos, um cinza e o outro castanho, estão puxando uma carroça com dois homens dentro - diz o caubói. - Um dos homens está vestindo uma camisa vermelha, o outro uma camisa preta. Estão rumando para o leste. - Uau! - exclama um dos turistas. - Você consegue saber tudo isso apenas ouvindo o chão? - Não! - respondeu o caubói. - Eles acabaram de passar por cima de mim.


REGIÃO

Campo Grande-MS, abril de 2011

5

Parceria com UFMS garante tratamento odontológico Renata Santos

Na associação é feita a pré consulta e os pacientes encaminhados à UFMS RENATA SANTOS Alguém se recorda de como era a associação dos moradores do Jardim Batistão há cinco anos? Pois é, além de estar recebendo melhorias na estrutura, o local tem oferecido cursos e benefícios à comunidade do bairro e região. Atualmente, os moradores recebem assessoria jurídica, que tem como uma das funções orientar gratuitamente o caminho a seguir, em casos de dúvidas com a justiça. Outro serviço disponibilizado sem custo é o controle da pressão e da glicemia, oferecido pelos agentes de saúde. Além dessas atividades a nossa reportagem conheceu outra novidade. Trata-se de uma parceria entre a Associação dos Moradores do Jardim Batistão e os acadêmicos do curso de Odondologia da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul que oferece orientações aos moradores que precisam de atendimento odontológico. A idéia surgiu em decorrên-

cia da baixa procura das pessoas ao atendimento na universidade. As acadêmicas Inara Cunha e Debora Otto avaliam as necessidades dos moradores ao tipo de problema e indicam a universidade para oferecer o atendimento a saúde bucal gratuitamente. "Pra nós é uma satisfação poder colaborar com os moradores, muitos não sabem que existe o atendimento gratuito na universidade, isso nos deixa satisfeitas. E para nós, o retorno está nas notas que precisamos para concluir o curso". O atendimento é feito uma vez por mês, aos sábados, e chega a atender cerca de 30 pessoas. Para Luiz Ferreira da Silva, que esteve no local, essa foi uma ótima parceria que beneficia todos os moradores. "As acadêmicas são muito educadas, eu não sabia onde procurar atendimento gratuito recebi a orientação e vou procurar. Isso é muito bom para nós" explica. O atendimento na Universidade Federal é às sextas-feiras a partir das 13h.


6

Campo Grande-MS, abril de 2011

REGIÃO

Região Urbana do Lagoa terá Praça da Juventude Google

A Prefeitura de Campo Grande vai construir a Praça da Juventude na rua Serra Azul com a rua Rio Brilhante, no Bairro Jardim Mato Grosso. A implantação do equipamento esportivo e de lazer está em fase de licitação. O edital referente à obra foi publicado no Diário Oficial do município (Diogrande). As empresas interessadas podem enviar as propostas até o dia 19 para a Comissão de Licitação. Somado aos parques, praças e quadras, o novo local de prática esportiva e de lazer garante mais qualidade de vida à população campograndense. Para o diretor-presidente da Fundação Municipal de Esporte, Carlos Alberto de Assis, a Praça da Juventude é mais um ganho para os cidadãos. “Atende uma vocação natural de Campo Grande, que é manter a qualidade de vida e no caminho para ser a Capital da boa saúde com todos os investimentos em parques lineares, praças e campos de futebol”, destacou. A primeira etapa da

Asfaltamento da Avenida Dinamarca é retomado RENATA SANTOS

A construção será numa área total de 7.729,65 m² no Jd. Mato Grosso implantação da Praça da Juventude inclui a construção de pista de caminhada, administração, espaço para a terceira idade, vestiário, palco, arena, instalações hidráulicas, elétricas e de incêndio. Carlos Alberto informou, ainda, que na área de esporte o local vai ter duas quadras de areia, um ginásio poliesportivo coberto e pista de skate. Na opinião do presidente da Federação de Vôlei do

Estado, professor Madrugada, o novo local vai dar oportunidade aos atletas. “Assim, eles não precisam se deslocar para a prática e há, ainda, a questão social que distancia os jovens da malandragem e das drogas”. Para o presidente da Associação Campograndense de Skate, Carlos Augusto Delgado, quanto mais espaço adequado garante a segurança no esporte.

Uma obra que teve início em 2009 está perto de ser concluída. Trata-se do asfaltamento da Avenida Dinamarca, localizada entre os bairros Jardim Batistão e Barra da Tijuca. A programação é que o asfalto chegue até o cruzamento da Avenida República da Argentina, localizada às margens do Córrego Lagoa. No local, a situação é bem crítica, nos dias de sol a poeira é constante e nos períodos de chuva é quase impossível transitar pelo local. A comerciante Luciana Macedo reside há 9 anos e acompanha a obra

desde o início, não acredita na conclusão, mas comenta sobre os benefícios que poderiam ser trazidos à população. "Se houvesse o término dessa obra, com certeza seríamos beneficiados. Entre os benefícios, o aumento da movimentação no bairro que favoreceria a nós comerciantes" finaliza. Nestes dois anos o asfalto dessa região, já passou da época de terminar, mas segundo informações do presidente da associação dos moradores do jardim Batistão João Homero, a empresa que executa a obra já recebeu os recursos e deram o prazo de até o fim deste mês para finalizarem o asfalto. Renata Santos

LER É CULTURA. JORNAL O MOMENTO O MELHOR DA REGIÃO URBANA DO LAGOA. Trecho da Avenida Dinamarca em obras de pavimentação asfaltica


REGIÃO

Campo Grande-MS, abril de 2011

7

Autorizado início das obras da UBSF do Batistão Fotos: Renata Santos

RENATA SANTOS No último dia 11 de março foi publicado no Diário oficial de Campo Grande a construção da UBSF (Unidade Básica de Saúde da Família) no Jardim Batistão, localizada no quadrilátero: Rua Egito, Peru, Coréia e Avenida Fátima do Sul. "Uma luta que já está quase vencida", assim define o presidente da associação dos moradores, João Homero. Conforme o Diário oficial, o prazo da obra é de 180 dias consecutivos a contar da data do recebimento da Ordem de Execução dos Serviços pela Contratada. Já na primeira semana de abril, engenheiros estiveram no local e fizeram análises do solo. "A previsão é que os trabalhos iniciem na primeira quinzena de abril", enfatiza Homero. Para o morador Hudson Paredes que freqüentemente utiliza o SUS (Serviço Único de Saúde), essa será uma grande melhoria. "Eu que tenho que medir sempre o índice de açúcar no sangue, tenho que me deslocar a outros bairros. Com a implantação dessa Unidade de Saúde, minha vida irá melhorar", desabafa. A UBSF terá 1.149 metros quadrados de área construída e contará com pista de caminhada em volta. Pretende atender cerca de 3 mil famílias do bairro e região. O funcionamento será de segunda a sexta-feira, a população terá consultas, exames entre outros tipos de atendimentos.

Instalação de Telecentro está em fase de conclusão Presidente do Jd. Batistão mostra a área onde será construída a UBSF

Morador Hudson Paredes comemora anúncio da construção da UBSF

Um sonho já está perto de se tornar realidade para os moradores do jardim Batistão, na Associação de Moradores, é a implantação do Programa Telecentro do Ministério das Comunicações. Os centros funcionarão como uma espécie de lan house pública, com acesso a internet, que podem ser usadas para capacitação profissional além de oferecerem cursos de informática, receptação de programas de tv educacionais, etc.

Tudo gratuitamente à população. Neste mês chega o kit que contém 10 computadores, central de monitoramento, roteador sem fio, 11 estabilizadores, impressora a laser, projetor multimídia, cadeiras e mesas. O ponto vai contar também com pelo menos um monitor para ajudar nas pesquisas dos alunos e orientar idosos, trabalhadores e portadores de necessidades especiais no manuseio dos computadores. (RS)


8

Campo Grande-MS, abril de 2011

GERAL

Surto de conjuntivite pode chegar a Campo Grande SAÚDE BUCAL

DRA. IVANIR G. MADIA

Diastema O que são diastemas? Diastema é compreendido na Odontologia como os espaços existentes entre os dentes, significando ausência de contacto entre dois ou mais dentes consecutivos, que dá origem a um resultado estético insatisfatório, especialmente segundo os padrões estéticos predominantes. (www.redenoticia.com.br) Tratamento: Fechamento do diastema, realizado em uma única sessão e sem nenhum desgaste dental. (Feito com Resina composta).

QUEM NÃO É VISTO NÃO É LEMBRADO. ANUNCIE.

Com mais de 50 mil notificações só na cidade de São Paulo, o estado paulista vive uma epidemia de conjuntivite. Municípios do interior registram casos da doença desde o início de fevereiro. Escolas chegaram a suspender aulas. Para os sul-matogrossenses, o medo é de que o surto já tenha chegado. Nos postos de saúde de Campo Grande o número de casos aumentou depois do Carnaval. Segundo a secretaria municipal de saúde, ainda não há situação de surto, mas a orientação é para evitar aglomeração de pessoas e lavar as mãos frequentemente. De acordo com o secretário de saúde da Capital, Leandro Mazina, as pessoas que estiverem com a doença, devem evitar comparecer à aula, trabalho, e procurar imediatamente assistência médica. “Não detectamos ainda um aumento significativo, como no interior de São Paulo, mas pode ser que apareça nos próximos dias. As pessoas se mudam, viajam e podem ter entrado em contato. Na época de estiagem, a conjuntivite vem com mais força”, explica o secretário. Para o médico oftalmologista Lauro Corsi Filho, o crescente número de casos foi constatado no mês de março, nas visitas ao consultório. O clima é o fator influente para a difusão da doença. “Tem aumentado principalmente a conjuntivite virótica. A umidade, o calor e o clima facilitam a transmissão”, relata. A secretaria municipal de saúde afirma que caso haja surto, medidas de praxe serão adotadas, como orientar à população até suspender aulas. (Com informações do site Campo Grande News)


POLÍTICA CÂMARA

Izaias Medeiros

9

Alcides Bernal apresenta projeto regulamentando taxi intermunicipal Divulgação

Vereador Ribeiro lho, nº 605. O vereador Ribeiro comemorou a conquista desta importante obra e o atendimento à emenda de sua autoria por parte da Administração Municipal.

Vereador Airton Saraiva solicita benefícios para vários bairros Izaias Medeiros

O Vereador Airton Saraiva apresentou nas últimas sessões da Câmara Municipal várias indicações visando benefícios para os seguintes bairros: Universitário, Perdizes, Guanandi, Coophavilla II, Estrela Parque, Novo Século, Itamaracá, Campo Alto, Cidade Morena, Vila Carlota, Vila Morumbi, Alto do São Francisco, Jardim Seminário, Maria Aparecida Pedrossian, Botânico II e Vivendas do Parque. Os principais serviços reivindicados pelo Vereador foram: abertura de rua, cobertura de ponto de ônibus, implantação de sinalização horizontal e vertical, ampliação e reforma de CEINF, patrolamento e encascalhamento, limpeza e construção de canaletas, implantação de rede de energia, operação tapa

ASSEMBLEIA

Emenda de Ribeiro é atendida e Vila Carvalho ganha UBS Uma luta antiga do vereador Clemêncio Ribeiro (PMDB) foi finalmente atendida pela Prefeitura Municipal e o bairro Vila Carvalho receberá uma Unidade Básica de Saúde. A solicitação foi incluída no Orçamento Municipal 2011 por emenda apresentada pelo vereador Ribeiro e aprovada em Plenário pelos demais parlamentares. No próximo dia 16 de abril será realizado o lançamento oficial da obra, que atende um pleito antigo da comunidade, que luta pela construção de uma UBS na região. O local já foi definido pelo Executivo Municipal, a UBS será implantada na Rua Manoel Joaquim de Carva-

Campo Grande-MS, abril de 2011

Como forma de conter a avalanche de multas cobradas de taxistas, o deputado estadual Alcides Bernal, procotolou projeto de lei regulamentando o transporte de passageiros por meio de táxi intermunicipal em todo o Estado. Pelo projeto o serviço de táxi intermunicipal será permitida, extraordinariamente, para atender casos de urgência, como doença, negócios, deslocamentos urgentes e complementar ao serviço de vans e ônibus. Será expressamente vedado o embarque e transporte de passageiros de outros municípios que não seja de origem. Pelo projeto, o transporte deverá ser executado por veículo devidamente regulamen-

Deputado estadual Alcides Bernal tado e somente poderá ser conduzido pelo permissionário ou condutor auxiliar. Os municípios deverão desenvolver e fornecer pontos rotativos e respectivos critérios de regulamentação.

Na mesma sessão, Bernal protocolou requerimento solicitando inoformações do diretor da Agepan, Roberto Hashioka, no prazo legal, referente aos valores e montantes de multas aplicadas pelos fiscais a taxistas e mototaxistas do Estado. Para o parlamentar as multas são ilegais, uma vez que não existe nenhuma lei que proíbe esta modalidade de transporte, inclusive afirma que dispõe de sentença favorável do estado do Minas Gerais a prestação de serviços. “Estamos numa sociedade que exige velocidade no deslocamento e na informação, temos que aumentar a oferta de alternativas de transporte para a comunidade”, comenta o parlamentar.

Cabo Almi pede solução para defasagem salarial de policiais Giuliano Lopes/AL

Vereador Airton Saraiva buraco e instalação de quebra-molas. O parlamentar frisou que é necessário que todas as secretarias municipais estejam empenhadas para atenderem com a maior agilidade possível as solicitações dos moradores desta Capital, tendo em vista os estragos provocados pelas últimas chuvas.

As negociações salariais de várias categorias do funcionalismo público já estão sendo realizadas junto ao Governo do Estado. Os projetos com os novos reajustes devem ser encaminhados à Assembleia Legislativa ainda neste mês, entrando em vigor no dia 1º de maio. Na tribuna, o deputado estadual Cabo Almi (PT) pediu atenção especial do Poder Executivo ao reajuste dos policiais. Segundo o parlamentar, os salários dos policiais estão defasados nos últimos quatro anos. “O poder de compra dos policiais retrocedeu, em vez de, pelo menos, acompanhar a inflação. É necessá-

Deputado estadual Cabo Almi rio um esforço do governo para repor de fato as perdas salariais. Os nossos policiais começam a amargar uma defasagem enorme em sua remuneração”, afirmou. Almi destacou a importância da remuneração

estar ligada ao valor dado à atividade policial. “Quanto maior a responsabilidade, maior deveria ser a remuneração. Afinal, a atividade policial é de extrema responsabilidade, são eles quem salvam vidas”, concluiu.


10

POLÍTICA

Campo Grande-MS, abril de 2011

Reunião entre interventores da Stª Casa define medidas imediatas

David Majella

Reabertura dos seis leitos de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) e oferta de mais dois, providenciar a refrigeração da UTI neonatal e uma agenda pré-marcada no Ministério da Saúde. Estas são as providências mais imediatas, a serem tomadas pela Junta Interventora da Santa Casa de Campo Grande, anunciadas pelo prefeito Nelson Trad Filho, após duas horas e meia de reunião. “Foi uma reunião muito produtiva, na qual discutimos tópico por tópico, as deficiências, os gargalos, o que precisa melhorar para que seja oferecido um atendimento digno neste hospital que é de alta complexidade”, citou Nelsinho. Na avaliação do prefeito, a reabertura dos seis leitos de UTI e o acréscimo de dois outros vai contribuir para desafogar o Centro Cirúrgico. Embora vá ser providenciada imediatamente a refrigeração da UTI neonatal demandará um pouco mais de tempo.

Prefeito Nelsinho anuncia medidas imediatas para amenizar problemas Segundo ele. por conta dos trâmites normais para este tipo de obra. “Mais vai ser resolvido”, disse enfático Nelsinho. Ele informou que a Santa Casa receberá uma doação do pecuarista Antonio Moraes, que irá aparelhar toda a Unidade Coronariana. Ao ser questionado sobre a permanência de pacientes nos corredores, Nelsinho Trad disse que a Santa Casa sempre teve como premissa “atender todo mundo”. Mas

também informou que esta situação vem se prolongando por conta do perfil do paciente atendido pelo hospital. “Hoje, enfrentamos uma epidemia do trauma. O perfil do paciente mudou e recebemos casos de traumas graves tanto daqui quanto do interior. Temos que enfrentar isto. Esses dias, em 17 horas foram atendidos 19 pacientes politraumatizados”, exemplificou o prefeito para justificar as afirmações.

Lei que proíbe uso do cerol ganha fiscalização intensiva Para inibir o uso exagerado de cerol (mistura de vidro e cola), em linhas de pipa, a Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude dará continuidade a campanha “Operação Corta Cerol”, que irá fiscalizar os bairros da cidade, onde há incidências freqüentes da utilização deste material nocivo. A Operação Corta Cerol iniciou as fiscalizações em 2009, período em que foram registrados elevados números de ocorrências que resultaram em homicídios e lesões corporais.

As fiscalizações passaram a ser realizadas no município, por meio da Lei Municipal nº 116/08, de autoria do vereador e presidente da Câmara Municipal, Paulo Siufi (PMDB). Em 2009, a Câmara Municipal, também, realizou uma campanha de sensibilização para combater o uso de cerol e resultou num declínio de ocorrências com vítimas fatais na cidade. A determinação proíbe expressamente a utilização de cerol ou qualquer material cortante, em linhas de pipas, ou similares, no município de Campo Grande. Isaias Medeiros

Presidente da Câmara, vereador Paulo Siufi, é o autor da Lei do Cerol

MS recebe repasse de R$ 5 milhões para ações emergenciais Arquivo

Com recursos, governador vai colocar em prática as ações prioritárias

O Ministério da Integração Nacional (MI) efetivou na sexta-feira (08/04) para o Estado o repasse de R$ 5 milhões para ações emergenciais de recuperação viária. Os recursos, prometidos pelo ministro Fernando Bezerra durante visita a Campo Grande, haviam sido autorizados no último dia 6, através da Portaria nº 211, publicada no Diário Oficial da União. Com os recursos, o governador André Puccinelli vai colocar em prática as ações prioritárias para recuperar estradas danificadas por fortes enxurradas e enchentes causadas por chuvas intensas

ocorridas nos três primeiros meses deste ano. A utilização do montante está vinculada ao plano de trabalho que o Estado elaborou e enviou para aprovação da Secretaria Nacional de Defesa Civil, do Ministério da Integração Nacional. As obras vão ser executadas pelo governo, na malha viária cuja manutenção é de responsabilidade estadual. O repasse desses recursos prioritários, que seria parcelado – iniciando com R$ 3 milhões – passou a ser integral a partir da portaria publicada no dia 6. A transferência de recursos, de acordo com a

portaria é para ações de reconstrução, recuperação e restabelecimento no estado de Mato Grosso do Sul. Uma das principais preocupações do governo é garantir as condições de tráfego nas rodovias que são utilizadas para o transporte de escoamento da safra agrícola. O dinheiro foi autorizado por crédito extraordinário da Medida Provisória 522, de 12 de janeiro de 2011, no valor de R$ 780 milhões, em nivel de Brasil, “considerando a natureza e a intensidade dos efeitos do desastre na área afetada”, com prazo de execução de obras e serviços de 365 dias.


Campo Grande-MS, abril de 2011

11

CLASSIFICADOS Textos de responsabilidade do anunciante.

KITINETES ALUGAM-SE JARDIM CENTENÁRIO Alugam-se três quitinetes. Tratar 9973-9033. CASAS VENDEM-SE

IMÓVEIS ALUGAM-SE DOM ANTONIO BARBOSA Casa, 02 quarto, sala, cozinha, banheiro social, portão elevação, varanda, garagem para duas vagas. R$ 450,00 IMÓVEIS VENDEM-SE COOPHAVILA II Rua dos Recifes, 03 quartos, sala 02 ambientes, cozinha, área de serviço, varanda em L. VALOR: R$ 85.000,00. Não financia... COOPHAVILA II Av. Marinha, casa, 02 suítes, 02 quartos, banheiro social, sala, copa, cozinha, despensa, varanda, área de serviço, salão comercial com banheiro social. Edícula, com quartos, banheiro, área coberta ampla, churrasqueira e canil. VALOR: R$ 130.000,00. Não financia... COOPHAVILA II RUA DOS RECIFES, 03 quartos, 02 banheiros sociais, sala, Cozinha, copa, despensa, varanda, garagem, O2 vagas, área de serviço, edícula, com despensa e churrasqueira. R$ 110.000,00. Aceita financiamento bancário... JARDIM DAS HORTÊNCIAS Casa, 03 quartos, banheiro social sala, copa, cozinha, área de serviço, varanda, garagem, edícula com lavanderia. Valor: R$ 60.000,00 COOPHAVILA II Rua do Cabo, Casa, 03 quartos, banheiro social sala, copa, cozinha, área de serviço, varanda, Valor: R$ 80.000,00. Não financia....

SERRA AZUL Rua serra da Mantiqueira, casa, 02 quartos, sala 02 ambientes, copa, cozinha, banheiro social, varanda, garagem, área de serviço coberta com 01 quarto e banheiro social, varanda, garagem, jardim de inverno. R$ 125.000,00 SERRA AZUL Rua Rio Brilhante, SALÃO COMERCIAL/RESIDÊNCIA. Localizado em corredor comercial e de esquina. JARDIM PÊNFIGO Casa, 03 quartos, banheiro social, sala, cozinha, área de serviço. VALOR: R$ 65.000,00 JARDIM TARUMÃ RUA VERDE LOURO, casa, 02 quartos, sala, cozinha, banheiro social, área de serviço, despensa, varanda, churrasqueira. Valor: R$ 60.000,00 JARDIM TARUMÃ Rua Fanorte, casa, 02 quartos, sala, cozinha, banheiro social, área de serviço, despensa, lote de esquina. Valor: R$ 60.000,00 JARDIM TARUMÃ Rua Luanda, duas casas no mesmo lote. VALOR: 85.000,00 JARDIM MANAIRA 01 quarto, sala, cozinha, banheiro, social, área de serviço coberta. Valor: R$ 45.000,00 SÃO JORGE DA LAGOA CASA/SALÃO COMERCIAL, 03 quartos; Suíte; Banheiro social; Sala; Cozinha; Varanda; Área de serviço; Garagem; Salão comercial de 70 m² de construção. VALOR: 90.000,00

GUANANDI 02 quartos, 01 suíte, sala, copa, cozinha, banheiro social, varanda, área de serviço coberta, garagem Para 02 vagas. VILA BELA Rua Orli, Transferência, 02 quartos, sala, cozinha, área de serviço, banheiro social, despensa. Valor: R$ 26.000,00 + prestações VILA BELA Rua Mica, transferência, 02 quartos, sala, cozinha, área de serviço, banheiro social, despensa. Valor: R$ 30.000, + prestações NOVA CAMPO GRANDE 04 casas novas de 02 e 03 quartos, para financiamento minha casa minha vida pela caixa econômica. PIRATININGA Sobrado em construção, na fase de acabamento, Próximo ao lago do amor. VALOR: R$ 100.000,00 COOPOHAVILA II CENTRO COMERCIAL 1.) AÇOUGUE 2.) SALÃO DE BELEZA 3.) LOJA MATERIAL DE CONSTRUÇÃO E PAGUE FÁCIL

TERRENOS VENDEM-SE JARDIM ARAPONGAS LOTE - 13x38 m TOTAL- 494 m², murado frente para asfalto. Valor: R$ 40.000,00. OURO PRETO Lote 10X25m - 250 m², quitado escriturado. VALOR: R$ 17.000,00 OURO PRETO 02 LOTES DE 200 m², frente para Avenida Marechal Deodoro. VALOR: R$ 40.000,00 + TRANFERÊNCIA CHÁCARAS E FAZENDAS CHÁCARA DAS MANSÕES Área de 5000m², cercada com alambrado, postes de concreto, com base em alicerce reforçado, campo de futebol, protelação de telas com vigas de eucaliptos tratados de 6,o m de altura, plantas frutíferas e ornamentais com irrigação por gotejamento, horticultura, criação de aves raras, aviário construído em alvenaria e estrutura metálica. Valor: R$ 110.000,00

Avaliamos imóvel para compra, venda, inventário e ação jurídica, com responsabilidade e profissionalismo.

BAIRRO MONTE REI Próximo da Coophavilla II - Casa, 02 quartos, cozinha, sala, 01 salão na frente. R$ 35.000,00, aceita-se moto no negócio. Tel.: 9122-1830. TRANSFERÊNCIA CAIOBÁ Casa, 02 quartos, sala, conzinha, banheiro. Transferência. Valor R$ 18.000,00. Tel.: 9122-1830.

PONTOS COMERCIAIS VENDEM-SE

SERRA AZUL Conveniência com estoque ou sem estoque. Tel.: 91221830.


12

Campo Grande-MS, abril de 2011

GERAL Renata Santos

Estação outono chega com força total RENATA SANTOS As folhas começam a cair, o sol está menos intenso e o ar mais fresco, são características que marcam a entrada de uma nova estação, é o outono, um pouco tímido, mas mostrando a sua cara.

A estação do ano que sucede ao Verão e antecede o Inverno, reúne características de ambos. A dona de casa Luzineide Silva, moradora a cinco anos do bairro Cophavilla II comprova essa mudança e relata que suas atividades redobraram, mas não reclama, a

temperatura amena compensa. "A retirada das folhas já virou rotina, todos os dias limpo o quintal e a frente da casa" comenta. Com início em 21 de Março, o outono termina no dia 21 de Junho, o período ideal para se alimentar. Abacate, banana,

caqui, coco, goiaba entre outras iguarias naturais são encontradas mais frescas e, normalmente, com preços menores. A abundância da estação é um incentivo a mais para o consumo desses alimentos, que colaboram, e muito, com a saúde. Outro fator que é importante A dona de casa Luzineide Silva salientar é que o ar fica mais seco, principalmente na região centro-oeste, favorecendo a proliferação de doenças respiratórias. As crianças e os idosos são os mais atingidos. Uma dica é evitar locais de aglomeração e beber bastante líquido, uma dica fácil de ser lembrada não só no outono como em todas as estações do ano. Portanto Seja bem-vindo a essa estação! Esteja atento às dicas e aproveite.


O Momento Abril/2011  

Jonal O Momento da Região Urbana do Lagoa em Campo Grande-MS - Brasil

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you