Page 1

Edição 026 - Campinas/SP, 10 de agosto de 2013

Quem está com a razão e de quem é a culpa?

Manifestantes ocupam Câmara de Campinas após presidente engavetar reivindicações e limitar o acesso do público ao plenário página A3

O presidente da Câmara, vereador Campos Filho (DEM)

Manifestantes ocupam o plenário da Câmara Municipal de Campinas

O pastel nosso de cada final de semana

Na feira, entre frutas, legumes e verduras, a página A8 preferência é o pastel

Turismo em Aparecida

Você poderá se hospedar onde se hospedam os Papas

Em uma imponente construção de 1894, bonita, imensa e agradável, nasceu e cresceu o Seminário Bom Jesus, no centro da cidade de Aparecida. Lá entrando, porém, você se sentirá em outro mundo. Numa parte do grande prédio está pronto para te receber a “Pousada do Bom Jesus”.

página A4

Mandalas como obras de arte cósmicas página A6

Marimba nos concertos da Sinfônica da Unicamp


Página A-2 Edição 026 - Sábado, 10 de agosto de 2013

Editorial Esquerda deve ter seus próprios meios de comunicação “Precisamos de uma nova mídia. Não podemos ficar reclamando da imprensa. Ela é assim no Brasil, na Venezuela, Colômbia, Argentina, Uruguai, El Salvador… Não podemos ficar apenas reclamando que os adversários usam a mídia contra nós”. A declaração foi proferida pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante o ato de abertura do 19º Foro de São Paulo, que ocorreu na capital paulista de 31/07 a 4/8, mas apesar de sua importância, não ganhou repercussão nem na imprensa comercial, nem na alternativa. A democratização da comunicação tornou-se pauta essencial dos movimentos sociais brasileiros e tem sido discutida amplamente em fóruns internacionais há anos. O Foro de São Paulo, ainda que de maneira elementar, levantou a problemática na América Latina e pontuou algumas experiências bem sucedidas em alguns países como Argentina e Nicarágua, mas não tirou nenhuma ação concreta conjunta de seus participantes, deixando a questão apenas na oratória. Lula colocou o debate em outro patamar ao chamar a responsabilidade dos partidos de esquerda para viabilizar formas de comunicação. Crise de representação Diante da nova realidade que se desenha com a crise de representação dos partidos de esquerda e movimentos sociais tradicionais no Brasil e no mundo, o ex-presidente avaliou ser necessário que “paremos de reclamar e passemos a fazer o que está ao nosso alcance para que tenhamos nossa própria mídia, nossa própria informação”. Há tempos, a mídia vive também sua crise de representação ao não representar a sociedade, tratando temas e questões que estão distantes da realidade das maiorias. Os meios tradicionais de comunicação não falam para as pessoas. “Se o governo está com a verdade, com o povo, os meios de comunicação que servem aos empresários, ao capitalismo, ao neoliberalismo, não dão nada sobre o trabalho que faz o presidente ou seu governo se este for de esquerda”. O presidente avaliou ainda que, se os povos levassem em consideração os meios de comunicação e suas mentiras, os governos de esquerda “não aguentariam uma semana sequer de governo”. E concluiu que “é importante ter meios de comunicação, mas quando um governo trabalha para seu povo, digam o que digam, o povo não faz caso”. Apesar da importância da questão e do debate, mesmo com os golpes midiáticos perpetrados recentemente contra o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, a única menção da resolução final do Foro foi a respeito das “manobras da direita brasileira, através dos meios de comunicação e de outros mecanismos, no sentido de sabotar o governo da Presidenta Dilma Rousseff”. Desta forma, esquerda segue alheia a questões essenciais como a criação de novas formas de comunicação e de meios financiados por governos e partidos progressistas. Oxalá a exortação de Lula sensibilize os dirigentes de seu partido, bem como das organizações sociais ligadas ao PT a colocarem em pauta o tema e partirem para ações concretas que levem a criação de novas mídias bem como ao fim do monopólio. Como é sabido que do Congresso Nacional é impossível que contrariem interesses criados, é preciso grande mobilização popular para que se viabilize um projeto de comunicação democrática. É tarefa para o próprio Lula levar o tema para as ruas.

EXPEDIENTE Gazeta do Vale Registrado no CRCPJCL CNPJ: 04.319.396/0001-95 Diretor e Jornalista Responsável Luciano Meira - MTB/SP: 34.952 Avenida Guarani, 341 Campinas - SP - CEP 13100-211 Telefone: 19 3395 7531 // 8141 7490 contato@ometropolitanocampinas.com.br www.ometropolitanocampinas.com.br

tendências e debates

o metropolitano

O mundo vai começar

Ao contrário do que alardeiam os filmes de Hollywood o mundo não vai acabar. Ele está preste a começar. Se pensarmos bem, se analisarmos as coisas friamente, poderemos notar que o progresso tecnológico e dos seres vivos no planeta tem se acelerado muito ultimamente. Veja bem. Quando olhamos para o passado, apesar do respeito pelos nossos antepassados, às vezes dá vontade de rir. Como eram atrasados! Não tinham telefone, não tinham celular, nem computador e para se locomoverem então?! Seguiam a pé ou no lombo de burros, cavalos ou boi. Para movimentar seu pequeno comércio, usavam aquelas máquinas mecânicas extremamente pesadas e marcavam tudo na caderneta. A caderneta era o banco de dados e, às vezes, toda a contabilidade da empresa. Hoje, qualquer boteco está informatizado. Os aviões cortam nossos céus, os carros modernos, com injeção eletrônica e computadorizados, atravancam o ir e vir da população. Quanto progresso! E olha só. Analisei alguns poucos anos no passado. Se voltarmos mais ainda. Nossa! Precisávamos caçar pra comer! E comer cru. Muitos matavam os bichos à dentadas. Imagine-se vivendo numa caverna. Sem água encanada, luz, televisão, computador....Imagine se sua mulher pede para tirar o pó da casa! É, amigos...evoluímos! Minha amiga leitora agora já tem uma posição consolidada na sociedade. Antigamente mulher só servia pra cuidar do marido, das crianças e da casa. Não tinha valor na sociedade. Aristóteles, um respeitado pensador escreveu “A natureza só faz mulheres quando não pode fazer homens. A mulher é, portanto, um homem inferior.” E, pasmem, muita gente acreditava nisso! Coloque sua imaginação pra funcionar e perceba como evoluímos! E a tendência é evoluirmos mais ainda. Como podemos admitir que o mundo possa acabar se a tendência é a evolução. Na verdade somos um rascunho do que está por vir. O mundo ainda vai começar... Claro que tem os rascunhos que dão certo e viram projetos e os rascunhos que dão errado e vão para o lixo. Quando alguém fala que somos a imagem e semelhança de Deus, acredito que não tem nada a haver com a semelhança física. Tem ligações perfeitas na cadeia evolutiva. Assim somos semelhantes à divindade. Seguimos para lá. Para sermos também divinos. Haverá um momento em que a centelha do poder de Deus há de se transformar numa linda fogueira. Aí sim haverá mais semelhança com o Criador. Enquanto alguns “rascunhos” serão reprovados por não apresentarem consistência organizacional em sintonia com o poder supremo, outros se elevarão e terão seus “projetos” concretizados. Portanto. Prepare-se. O mundo está começando. Comece agora mesmo! Repense seus valores. Se você vive num mundo em progresso e seus atos e atitudes são de um Neandertal, um primitivo, corra atrás e melhore isso! Insista em seu desenvolvimento. Afinal o que você veio fazer aqui? Lair Ribeiro disse uma vez que existem pessoas que são verdadeiros tubos humanos. Comem, bebem e cagam! Donizete Romon é jornalista e palestrante www.facebook.com.br/petecaeventos

Locação - Como alugar bem seu imóvel

Os proprietários de imóveis que buscam uma renda extra com locação devem tomar alguns cuidados ao alugarem o seu imóvel. Inicialmente, devem observar um prazo de locação de no mínimo 30 meses, porque, tempo inferior a este, retira o direito a denuncia vazia. A denuncia vazia, significa poder retirar o inquilino do imóvel, sem dar qualquer justificativa ou motivação. Nos contratos de locação residenciais com menos de 30 meses, a lei estabelece que para a retomada do imóvel seja necessário um justo motivo. Um exemplo de justo motivo, é o requerimento de desocupação para o uso próprio ou de familiares. Em segundo lugar, deve o locador, certificar-se da idoneidade do locatário. Muito importante neste ponto é saber se este possui renda suficiente para arcar com o pagamento do aluguel e se tem um histórico confiável de relações civis. Isso pode ser comprovado através de carteira de trabalho assinada, holerites de pagamento ou apresentação de extrato de conta bancária. Isto previne decepções, mas não garante ser ele um bom pagador. Porém dá indicativos de sua idoneidade. No fundo, o que dá segurança ao locador é um bom fiador que deve assinar a fiança em conjunto com a esposa; a Justiça entende que aquele que dá seu imóvel em garantia locatício perde-o mesmo que seja o único. Não se aceita a alegação de que se trata de bem de família. Veja quantos cuidados a serem tomados preventivamente para o caso de uma locação. Se você busca uma renda locatícia, siga estes conselhos e cuide bem do seu direito.

Revitalização Querido leitor, começo essa coluna compartilhando a grata notícia de que vale a pena protestar. Na semana passada fiz um desabafo sobre a poda ilegal de uma árvore, em um bairro da cidade de Campinas. Para minha grata surpresa duas árvores da espécie Ficus foram plantadas no local. Infelizmente, se o autor do plantio tivesse lido a coluna da semana passada, escolheria outra espécie. Essa árvore, que tem se disseminado pelo país, não é uma grande amiga das calçadas e edificações e infelizmente, dentro de alguns anos, terá o mesmo destino da sua antecessora, uma lata de lixo, sob a acusação de destruição do passeio público Nem tudo é perfeito... mas entendo que já existe uma mudança de atitude ambiental. Essa semana o prefeito Jonas Donizete anunciou a revitalização da pedreira do Chapadão. Fiquei muito feliz com uma atitude que se reflete em cuidados com os ambientes públicos abandonados em nossa cidade, mas é importante lembrar ao nosso prefeito, que outros ambientes em nossa cidade precisam ser revitalizados ou melhorados. Vamos começar cobrando uma reestruturação no Bosque dos Jequitibás, onde as jaulas dos animais estão precisando de melhorias, visto que algumas estão fora do padrão para a manutenção de animais silvestres. Os ambientes podem ser melhorados, tornando possível aos frequentadores a reconhecer as diferenças ambientais para cada tipo de animal representado, bastando, para isso, criar uma representação de ecossistemas, a exemplo do ZooParque de Itatiba. É desagradável para a cidade ter em uma área denominada de “Zoológico Bosque dos Jequitibás de Campinas”, suas cercas de delimitação caindo ou apodrecendo devido à falta de manutenção, suas árvores sem identificação e seu museu com animais que se apresentam em um péssimo estado de conservação. Não existe uma área destinada ao Lian Gong (sessão de exercícios orientais) realizado no local há tantos anos sem qualquer custo para o município, visto que o professor faz um trabalho voluntário. Observa-se ainda o Parque Portugal (Lagoa do Taquaral), uma área muito frequentada da cidade, que poderia ter uma melhor distribuição de banheiros públicos no local, possuir também um uma melhoria nas poucas jaulas de animais no local, abrigar um zoológico, o que tornaria o passeio mais agradável para as crianças. As pequenas praças nos bairros distribuídos pela cidade poderiam receber os equipamentos de ginástica, para a terceira idade. Isso já é feito em diversas cidades desse país, e um exemplo bem interessante é visto em São José dos Campos, cidade com tamanho semelhante ao de Campinas e onde as praças da cidade, em sua maioria, possuem esses equipamentos. Muito chato ver o descaso da prefeitura com as praças dos bairros da periferia, seus bancos quebrados (quando existem), as plantas sem cuidado e os equipamentos para as brincadeiras infantis sem o mínimo de manutenção, exemplo disso é a praça onde se realiza a feira livre no Bairro Castelo, sem manutenção alguma. Parcerias podem ser estabelecidas para essa manutenção. A cidade precisa começar a ser referência em vários aspectos, pois virou referência em escândalo político pelos acontecimentos com outras administrações. Estabelecer parcerias com universidades poderia ser uma solução para formar ambientes agradáveis e com o mínimo de respeito pelo meio ambiente. A comunidade online Fiscalize Campinas é bem atuante em suas manifestações sobre muitos descasos do poder público e tem se manifestado constantemente com relação a uma praça totalmente esquecida pelo departamento de parques e jardins, no Jardim Proença. Quem sabe, após a leitura dessa coluna Excelentíssimo Senhor Prefeito e seus auxiliares resolvam dar uma pequena atenção aos problemas encontrados nos espaços públicos de lazer. Educação ambiental é a solução! Roselângela Claudina Thomaz Bióloga - especialista em Educação Ambiental e-mail: lulyp_1@globo.com

Bons Exemplos Os bons exemplos não são para serem apenas admirados, mas para serem seguidos. Nesta coluna já falei de pessoas que com suas atitudes mudam o mundo para melhor, e merecem ser seguidas, mas também mandei você demitir seus gurus, vou repetir uma frase que resume isto: “Talvez sejam exemplos que podem nos servir de inspiração. Eles nos mostram que é possível atingir um estado superior de consciência, mas cabe a nós chegar lá”. Estamos vivendo um momento único em nosso país, de mobilização por políticos melhores. Espero que isto não se polarize e crucifiquem um único partido, pois as mazelas são uma unanimidade. Uma reportagem que li na revista Isto é, intitulada “Por que os ventos da austeridade não sopram por aqui? comenta gestos de autoridades como o papa Francisco, que carrega a própria mala, o primeiro-ministro britânico, David Cameron, que vai diariamente trabalhar de metrô, o príncipe Willian que deixa a maternidade dirigindo o carro e o presidente do Uruguai, José Mujica, que tem como meio de locomoção entre sua casa, que não é a residência oficial, e a sede do governo, seu fusca 1987. Tive também acesso a um vídeo sobre a Islândia, que mostra a população se mobilizando pacificamente, repito, pacificamente e revertendo decisões de governo que empobreceriam a nação, nacionalizando bancos e criando novas leis. Essa é a nova ordem em tudo, curtir e seguir, falando numa linguagem facebookiniana. Admirar e tentar fazer igual. Não é vergonha errar e reconhecer, reparar o erro, praticar o auto-perdão e seguir, só assim todos vão ESTAR BEM. Namastê


política

o metropolitano

Página A-3 Edição 026 - Sábado, 10 de agosto de 2013

Quem está com a razão e de quem é a culpa? Manifestantes ocupam Câmara de Campinas após presidente engavetar reivindicações e limitar o acesso do público ao plenário Luciano Meira Campinas

Na quarta feira (07/08) a Câmara Municipal de Campinas foi palco de uma das mais lamentáveis demonstrações de autoritarismo e desrespeito à democracia. O presidente da Casa, vereador Campos Filho (DEM), sem consultar os demais vereadores, conforme ficou demonstrado em vídeo veiculado no portal de notícias de uma emissora de TV, entre outras medidas adotadas e outras não tomadas, decidiu limitar o número de pessoas que teriam acesso ao plenário do legislativo, obrigando os cidadãos, que pretendiam acompanhar os trabalhos dos vereadores, utilizarem crachás. Os crachás seriam entregues para os cem primeiros que chegassem a sede do legislativo e um outro número de crachás de cor diferente (verde) era reservado apenas

legislativo, onde foram informados que estavam proibidos de entrar nas dependências da Câmara Municipal, por ordem do presidente. Formou-se então um pequeno tumulto ao pé da escada que dá acesso ao prédio na Av. Engenheiro Roberto Mange e, depois de muito bate boca, os manifestantes entraram no prédio e imediatamente dirigiram-se ao plenário, não se limitando a ocupar as galerias franqueadas para o público, ocupando também o espaço onde os vereadores fazem as discussões de projetos e outras proposituras. Os manifestantes, cantando, fazendo rimas e gritando palavras de ordem, exigiam, como eles mesmos diziam, “a abertura da caixa preta” dos transportes públicos em Campinas e o passe livre. Os vereadores, por um

rém não entendia o que havia acontecido. O tempo foi passando e os manifestantes continuavam ocupando o plenário, até então sem que houvesse nenhum dano ao patrimônio, exceto os ataques verbais ao que se convencionou chamar de imprensa PIG ou Coxinhas, toda vez que as câmeras de alguma emissora de TV iniciava a filmagem ou havia a tentativa de se realizar uma entrevista. O presidente tentou negociar com os manifestantes, mas não conseguiu. Segundo as lideranças do movimento, Campos Filho já teria tido sua chance quando, há mais de 40 dias, recebeu um ofício com as reivindicações do grupo ocasião em que alguns manifestantes se acorrentaram nas grades do prédio da Câmara - e nada fez, supostamente apostando no esvaziamento do movimento durante o perí-

Manifestantes aproveitam e apresentam outras reivindicações

para funcionários e assessores da Câmara. O presidente teria a intenção de justificar tal atitude em nome da segurança e da preservação do patrimônio público, já que há mais de uma semana era sabido por todos que naquela quarta-feira, mais uma vez, haveria um ato público, que foi preparado em uma rede social na internet por diversas entidades, exigindo a instauração da CPI dos Transportes e a implantação do passe livre para estudantes e desempregados. Os manifestantes reuniram-se na Praça do Rosário, no centro de Campinas, e em passeata foram até a sede do

tempo, ainda permaneceram no local, porém aos poucos foram saindo e se dirigindo à sala da presidência onde, numa acalorada discussão com o presidente, alguns questionavam o porquê dele não haver tomado nenhuma providência para evitar o acontecimento. Com poucos Guardas Municipais no prédio e três Policiais Militares apenas na área externa, na Av. Eng. Roberto Mange, o presidente informou aos demais vereadores que havia oficiado aos comandantes das tropas solicitando a necessidade de reforços no efetivo destacado para a Câmara Municipal, po-

odo de recesso do legislativo. Permanecendo a ocupação e sem possibilidade de acordo com o presidente, os manifestantes fizeram a chamada dos vereadores e apenas um, o vereador Paulo Galtério (PSB), que ainda se encontrava no local, levantou-se para responder a chamada, sem que houvesse sido molestado de qualquer forma pelos manifestantes. Outros dois vereadores também permaneciam no plenário, Pedro Tourinho (PT) e Paulo Búfalo (PSOL), enquanto os demais continuavam nos corredores e no gabinete da presidência da Câmara. Já fazia pouco mais de uma hora que os manifestantes ocupavam o plenário quando perceberam que nas portas dos fundos, as que

Os crachás que o presidente Campos Filho (DEM) pretendia fazer usar para limitar o acesso do público ao plenário da Câmara

dão acesso interno ao plenário, havia policiais militares da tropa de choque que os surpreenderiam pelas costas. Foi quando um pequeno grupo, não mais que quinze ou vinte manifestantes, vestidos de preto e com os rostos cobertos, começaram a jogar e amontoar mesas e cadeiras, obstruindo a entrada do plenário por aquelas portas. Imediatamente os manifestantes perceberam o que estava acontecendo e decidiram, em suas palavras, “resistir e manter a ocupação”. Já se aproximava da meia noite quando o Tenente Coronel PM Nelson Vicente Coelho decidiu levar os manifestantes para delegacia em dois ônibus, sem o uso de armas e com a presença da imprensa. Poucos manifestantes aceitaram o “acordo” com o militar e algo em torno de 150 manifestantes tiveram de ser carregados um a um pelos militares até os ônibus, que foram para o 4º DP. Passado o susto, os vereadores, especialmente os que se recusam a investigar eventuais irregularidades nas planilhas de custo dos transportes públicos, tentam usar o fato de haver entre os manifestantes políticos e militantes de alguns partidos para desqualificar o movimento dos jovens, mais uma vez usando meios indiretos

na tentativa de desviar o foco das supostas irregularidades no transporte público. O presidente do diretório municipal do PSoL, Arlei Medeiros, que acompanhava os manifestantes durante a ocupação da Câmara Municipal, entende que o movimento

Arlei Medeiros

seja legítimo. “A população pede transparência aos vereadores com a CPI dos transportes. A maioria dos parlamentares se faz de surda e nos presenteia com repressão policial. Não dá para chamar isto de democracia. Os vereadores não ouvem o clamor popular e ignoram os eleitores. Nosso partido respeita a autonomia dos movimentos, apoia quem luta por uma vida melhor e, se tem gente indig-

nada, é porque os vereadores não ouvem a população”. Perguntado sobre o posicionamento do presidente da Câmara em relação aos acontecimentos, Arlei não poupou críticas ao vereador: “Campos Filho é truculento, chama os manifestantes pela imprensa de bandidos e não está a altura de exercer a presidência da Câmara. Não é se escondendo atrás da força policial e criminalizando os movimentos sociais que os vereadores vão melhorar a qualidade de vida dos cidadãos. A polícia militar expulsou sem mandado judicial, à força, os manifestantes da Câmara, que é um espaço público. Mais uma postura de autoritarismo do presidente da casa, o vereador Campos Filho, do DEM que é quem barra a CPI”. Finalizando, o socialista afirma que o movimento seguirá com suas ações e espera que as reivindicações sejam atendidas.”Vergonhosa a atitude da maioria dos nossos parlamentares. Esperamos que na próxima sessão eles entendam que estão ali porque nós os escolhemos e eles nos devem explicações. Queremos abrir essa ‘caixa preta’ para proporcionar mais dignidade para quem depende diariamente do transporte público. Afinal, o dinheiro que a Prefeitura paga de subsídio aos empresários é nosso.”

E se fosse você?

O vereador Cidão Santos (PPS), decidiu fazer política em área pública. Ele estendeu duas faixas comemorativas na Praça Dr. José Pegano Brund, na rotatória da Av. Jorge Tibiriça e Rua da Abolição, Swift. Ah! Se fosse você teria que encaminhar requerimento à SETEC, que poderia ou não aprovar o pedido e, em caso positivo, você teria de pagar para cada faixa R$ 33,10/metro de faixa/por dia. O vereador Cidão Santos é o Corregedor da Câmara, responsável por apurar deslizes cometidos por parlamentares no exercício do mandato. Se ele tiver o recibo publicaremos.


Página A-4 Edição 026 - Sábado, 10 de agosto de 2013

cidades - turismo

o metropolitano

Rotaract Club de PUC-Campinas Campinas Universitário realiza Feira de terá novo presidente Estágios A meta da nova presidência é mobilizar mais voluntários para trabalhos em entidades assistenciais

Estudantes universitários que estão à procura de uma vaga de estágio terão a oportunidade de conhecer diversas empresas na Feira de Estágios que a PUC-Campinas irá realizar nos dias 14 e 15 de agosto. A feira acontecerá no Campus I - localizado Rodovia Dom Pedro I, Km 136 - Parque das Universida-

des/Campinas. Durante o evento serão ofertadas cerca de 4 mil vagas de estágio por empresas como: IBM, Valeo, IEL, Experimento, Tozzini Freire Advogados, Demarest Advogados, Tecsis, CPqD, Benteler, entre outras. Além de se candidatar às vagas, os visitantes poderão assistir a uma série de palestras sobre mercado de trabalho realizadas por profissionais de sucesso das empresas participantes. É uma oportunidade para os universitários obterem mais informações sobre os desafios e tendências

do atual mundo do trabalho. O evento acontece das 12h às 20h e tem expectativa de receber cerca de 10 mil visitantes. A entrada é gratuita e aberta a todos os universitários da região. Serviço: Evento: Feira de Estágios Local: Campus I - Rodovia Dom Pedro I, Km 136 – Parque das Universidades / Campinas. Data: 14 e 15 de agosto Horário: 12h às 20h Entrada: gratuita Informações: http://www.feirapuccampinas.com.br

Notas do Turismo Paulista

Por: Jarbas Favoretto

Turismo em Aparecida Dia 24 de agosto, às 20h ocorrerá a transmissão de posse do Rotaract Club de Campinas Universitário. Assume a presidência do Club Rafael Bressane, Relações Públicas, que tem como maior objetivo a mobilização de mais jovens para o trabalho voluntário. O Rotaract é uma organização mundial com mais de 200 mil sócios em 175 países, na qual participam jovens em formação com idades entre 18 e 30 anos. Em nossa cidade esse trabalho é pouco conhecido e precisa sempre de mais voluntários, por isso

o objetivo de mobilização. Fundado em 2003 o grupo de voluntariado já realizou trabalhos em diversas entidades da cidade como o Lar Campinense, ARCA (Amor e Respeito a Criança e ao Adolescente) que atendem crianças carentes, Lar dos Velhinhos de Campinas, Pró Menor, Instituto Braille e muitas outras. Segundo Bressane, “o principal diferencial do Club é o trabalho voluntário profissional, temos cargos que são anuais para os quais recebemos treinamentos e temos metas e objetivos claros isso

cria maior envolvimento e responsabilidade, com isso, além de fazer o bem, nos aperfeiçoamos no trabalho. Complementando a parte de formação o Rotary, entidade a qual o Rotaract faz parte, proporciona intercâmbios, cursos, viagens e muita interação no mundo inteiro”. As reuniões acontecem sempre aos domingos, às 16h, na sede do Rotary Club, ao lado da Prefeitura de Campinas, na R. Benjamin Constant, 1704 Centro - Tel 19-92152660 www.facebook. com/voluntarioscps

Você poderá se hospedar onde se hospedam os Papas

É a cidade que mais recebe visitantes o ano inteiro, e em todos os anos. É onde, também, existe uma das melhores associações que congregam Guias de Turismo credenciados pelo Ministério do Turismo. O nome é “Associação de Guias do Circuito Turístico” e os roteiros atingem além de Aparecida, as cidades de Guaratinguetá, Lorena, Canas e Cachoeira Paulista. Os membros daquela entidade são bons e competentes profissionais que você precisa

aproveitar. Em uma imponente construção de 1894, bonita, imensa e agradável, nasceu e cresceu o Seminário Bom Jesus, no centro da cidade de Aparecida. Lá entrando, porém, você se sentirá em outro mundo. Numa parte do grande prédio está pronto para te receber a “Pousada do Bom Jesus”. Pode-se dizer que é um imponente hotel. As suas suítes e quartos têm a altura de seis metros. As portas e janelas são originais em madeira

maciça. E o atendimento é categoria cinco estrelas. Esse verdadeiro oásis no centro de Aparecida é onde se hospedaram o Papa João Paulo II, o Papa Bento XVI e, agora, o Papa Francisco. Você como hóspede poderá visitar também aquelas dependências reservadas. O Hotel, chamado “Pousada do Bom Jesus” possui 76 apartamentos amplos e confortáveis com todos os quesitos de conforto. Apesar de toda a sua opulência, tem preços modestos. (12) 3104-2657.

A Rota Gastronômica do Cambuci é uma proposta de arranjo produtivo regional que visa resgatar o cultivo e o consumo dessa fruta nativa da Serra do Mar, englobando aspectos históricos e culturais entre outros. Tal rota tem início no bairro do Cambuci, em São Paulo, e percorre durante o ano as cidades que são parceiras do projeto. Agora, entre 23 e 25 de agosto é a vez de Paraibuna. Uma boa oportunidade para saborear diver-

sos pratos, doces e salgados, preparados com o Cambuci. Até um restaurante foi especialmente montado para a

ocasião. Haverá concursos e exposições. Outras informações com o setor de Turismo de Paraibuna: (12) 3974.2030

Cambuci em Paraibuna


Top 40 Ribervidros & MDS Security - 2013

Real Dic volta a liderança

Página A-5 Edição 026 - Sábado, 10 de agosto de 2013

Edmar Paifer

o metropolitano

Show de Bola

esportes

Série B: E. C. Jd. Cristina, o melhor time do 2º. Turno, é o favorito contra o S. C. Transportes. Residencial São José, com três vitórias seguidas, quer parar o líder E. C. Real, mas terá pela frente o artilheiro Dirceu. Será que o Nanuque vai conseguir sua primeira vitória? O adversário Tabajara vem de cinco derrotas seguidas. O Ribervidros, já sabendo o resultado do Real, vai enfrentar um Gol de Placa motivado e pode se complicar na luta pelo titulo. Fechando a 13ª rodada, teremos o confronto entre Só Por Deus e Beira Rio, um jogo sem favorito e que promete ser emocionante.

Parque das Camélias fechadinho na defesa para garantir a vitória

Chuta Mãe Dinah!

Antônio do Refugo que joga no Top 40 desde 2011 Zinho técnico do Columbia assiste a mais uma derrota do seu time

Série A: A 13º. Rodada foi aberta com o confronto entre Independente e Pesqueiro Okimoto, num jogo onde só a vitória interessava para os dois, o empate de 2 x 2 deixou os dois times em situação delicada na tabela, o destaque foi o artilheiro Wagão (Okimoto), autor de 2 gols. Parque das Camélias aproveitou os desfalques do Calhas Líder e ganhou por 3 x 2, dando um respiro na sua luta contra o rebaixamento. VQM-Toma & Tomba volta

Raul do Celina Calçados, o “Mãe Dinah” da rodada

Mãe Dinah - Série B E. C. JD. CRISTINA

4

2

S. C. TRANSPORTES

RES. SÃO JOSÉ

1

5

E. C. REAL

NANUQUE

2

4

TABAJARA

GOL DE PLACA

2

2

RIBERVIDROS

BEIRA RIO

2

3

SÓ POR DEUS

TOP 40 no Gol de Placa R. Washington L. C. Gomes, 10 - Jardim Morumbi e-mail: top402011@gmail.com Tel. (19) 8177-4548 www.losgatoscampinas.com

TABELÃO

TOP 40 RIBERVIDROS & MDS SECURITY 2013 SÉRIE A

PG

VIT EMP DER GP

GC

SAL CA AZ CV

REAL DIC

27

8

3

2

49

-31

18

29

2

1

CELINA CALÇADOS

26

7

5

1

36

-17

19

21

2

0

VQM - TOMA & TOMBA

24

7

3

3

37

-24

13

16

2

1

CALHAS LIDER

20

6

2

5

29

-33

-4

26

1

0

PESQUEIRO OKIMOTO

18

5

3

5

38

-32

6

15

2

0

INDEPENDENTE

18

5

3

5

30

-26

4

18

3

1

ESFERA VÍDEO

17

4

5

4

30

-23

7

20

0

0

REFUGO

13

4

1

8

29

-36

-7

24

0

2

PQ. DAS CAMÉLIAS

12

3

3

7

22

-37

-15

14

2

0

COLUMBIA

6

2

0

11

19

-60

-41

15

1

0

VIT EMP DER GP

GC

SAL CA AZ CV

SÉRIE B

PG

E. C. REAL

29

9

2

1

49

-23

26

16

3

0

RIBERVIDROS

27

8

3

1

43

-15

28

10

1

1

GOL DE PLACA

22

7

1

4

36

-23

13

29

0

0

E. C. JD. CRISTINA

21

6

3

3

29

-23

6

17

1

0

RESIDENCIAL SÃO JOSÉ

16

4

4

4

32

-35

-3

18

1

0

SÓ POR DEUS

16

4

4

4

27

-33

-6

12

1

0

TABAJARA

14

4

2

6

30

-36

-6

22

7

0

BEIRARIO

12

3

3

6

37

-50

-13

28

4

1

S. C. TRANSPORTES

11

3

2

7

23

-39

-16

14

4

1

NANUQUE

0

0

0

12

15

-48

-33

15

1

1

ARTILHEIROS SÉRIE A

GOLS

AM

AZ

VER

WAGÃO (OKIMOTO)

20

2

0

0

BARONE (REAL DIC)

17

3

0

0

HÉLIO (VQM)

12

0

0

0

GOLS

AM

AZ

VER

DIRCEU (E.C.REAL)

ARTILHEIROS SÉRIE B

18

0

0

0

FABINHO (BEIRARIO)

17

2

0

0

EDVALDO (GOL DE PLACA)

17

3

0

0

PRÓXIMA RODADA SÉRIE A 18/ago

07:45

VQM-TOMA & TOMBA

REAL DIC

18/ago

09:00

PQ. DAS CAMÉLIAS

INDEPENDENTE

18/ago

10:00

CALHAS LÍDER

CELINA CALÇADOS

18/ago

11:00

PESQ. OKIMOTO

COLUMBIA

18/ago

12:00

ESFERA VÍDEO

REFUGO

PRÓXIMA RODADA SÉRIE B 11/ago

07:45

E. C. JD. CRISTINA

S. C. TRANSPORTES

11/ago

09:00

RES. SÃO JOSÉ

E. C. REAL

11/ago

10:00

NANUQUE

TABAJARA

11/ago

11:00

GOL DE PLACA

RIBERVIDROS

11/ago

12:00

BEIRA RIO

SÓ POR DEUS

a brigar pelo titulo, após golear o Refugo por 9 x 1, destaque para Hélio (VQM) com 3 gols. Celina Calçados empatou em 0 x 0 com a Esfera Vídeo e perdeu a liderança, o destaque do jogo ficou para as defesas, as 2 melhores do campeonato. No fechamento da rodada, o Real Dic, favorecido pelo empate do Celina, reassumiu a liderança com uma goleada no lanterninha do campeonato, 7 x 2 sobre o Columbia, os destaque do Dic foram: Alex Norberto, Mauro e Barone, autores de 2 gols cada. Celina Calçados tem a melhor defesa com 17 gols sofridos, Wagão (Pesq. Okimoto) é o artilheiro com 20 gols e o Parque das Camélias é o time mais disciplinado.


Mandalas como obras de arte cósmicas O Polo Arqdec Interior abriu no dia 09 de agosto, em sua sede, em Campinas, a exposição Mandalas Cósmicas, do astrólogo e artista gráfico Marcelo Dalla. Ao todo serão 13 telas impressas em canvas e 15 luminárias de três tipos diferentes, feitas a partir de garrafa PET, todas retratando mandalas criadas a partir de fractais (objetos geométricos que podem ser divididos em partes, cada uma das quais semelhantes aos objetos originais). As peças foram selecionadas de modo a representar o rico acervo do artista, com mais de 300 obras. Dalla conta que o interesse pela arte surgiu há cinco anos, quando por curiosidade, resolveu pesquisar os Crop Circles, aqueles desenhos misteriosos que aparecem nas plantações da noite para o dia. Passando

entretenimento

o metropolitano

Página A-6 Edição 026 - Sábado, 10 de agosto de 2013

do belo ao curioso, a pesquisa seguiu para a geometria sagrada - figuras geométricas encontradas na natureza - que formam a base da maioria de suas criações. “Já criei diversas formas. Até mesmo um borrão de tinta pode se tornar uma mandala, se pegarmos uma fatia e a repetirmos numa sequência circular”, explica ele. A palavra mandala é originária do sânscrito e significa círculo. É geralmente um desenho circular, simétrico, que representa a totalidade, a integração e a harmonia. Serviço: Polo Arqdec Interior (Rua Odila Maia Rocha Brito, 169, Nova Campinas) Até 30 de agosto. Ddas 14h às 18h mediante agendamento pelo telefone 19.32554992 ou email: atendimento@ poloarqdec.com. Grátis.

Marimba nos concertos da Sinfônica da Unicamp Com um repertório instigante, a Orquestra Sinfônica da Unicamp coloca a marimba na frente do palco no próximo concerto desta nova temporada artística. Com regência de Cinthia Alireti e solo da percussionista Fernanda Vieira, a apresentação acontece no Teatro Castro Mendes e no Casa do Lago, na Unicamp. No programa, obras de Luis Castelões, Ale Fenerich, Ney Rosauro, e L. van Beethoven. O concerto faz parte do Projeto Performance, no qual a Sinfônica atua como um laboratório de pesquisa em música, nos segmentos da composição,

performance instrumental e regência. Além da obra de Rosauro e da conhecida Sinfonia nº 2, de Beethoven, a Sinfônica da Unicamp irá interpretar obras de dois vanguardistas que atuam em diversas frentes da música contemporânea: Luiz E. Castelões (Estudo Contínuo ) e Ale Fenerich (Estudo sobre o Vazio). Serviço: Local: Teatro Castro Mendes (Praça Mal. Floriano Peixoto, Vila Industrial) Data: 14/08, às 20h. Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia) Local: Casa do Lago (Unicamp) Data: 15/08, às 19h. Entrada franca

Quinteto Coloquial lança CD Em tempo de inverno ou verão, o bar Almanaque Café, localizado no distrito de Barão Geraldo, oferece ao público uma combinação afinada de música de primeira e gastronomia caprichada. Entre os destaques da semana está o lançamento do CD Mergulho, do Quinteto Coloquial. O Quinteto coloquial é um grupo campineiro, formado em 2009 na Unicamp, onde todos cursavam Música Popular. Foi o entusiasmo e a curiosidade por cada detalhe que compõe o rico mosaico cultural brasileiro que levou os cinco musicistas à formação do grupo. Seus arranjos, releituras e composições, além de nutridos por diversas influências da formação de cada integrante - jazz, música de concerto, soul, MPB, música caipira - são criados a partir de fontes que inspiram o grupo como o Jongo, vários tipos de Coco do

Classificados Grátis

litoral e do interior do Nordeste e manifestações de religiões afro brasileiras. O experimentalismo livre de preconceitos gera arranjos criativos, que levam ao repertório músicas bem trabalhadas, climas musicais diversos e sonoridades inovadoras. Serviço: Local: Almanaque Café (Av. Albino José Barbosa de Oliveira, 1240, Barão Geraldo) Data: 14/08 (quarta-feira), às 21h. Couvert: R$10,00

Para anunciar grátis acesse www.ometropolitanocampinas.com.br Imóveis Venda

APARTAMENTO VENDA: AP0235 – R$ 180.000,00 – PQUE. ITALIA – 2 DORM + 1 VAGA AP0180 – R$ 195.000,00 – BOTAFOGO – 1 DORM + 1 VAGA AP0204 – R$ 200.000,00 – BOTAFOGO – 1 DORM + 1 VAGA AP0290 – R$ 210.000,00 – JD. PROENÇA – 1 DORM + 1 VAGA AP0188 – R$ 210.000,00 – JD. PAULICEIA – 2 DORM + 1 VAGA AP0147 – R$ 215.000,00 – V. INDUSTRIAL – 2 DORM + 1 VAGA AP0225 – R$ 230.000,00 – CENTRO – 3 DORM + 1 VAGA AP0272 – R$ 275.000,00 – V. INDUSTRIAL – 2 DORM + 1 VAGA AP0281 – R$ 280.000,00 – V. INDUSTRIAL – 2 DORM + 2 VAGAS AP0178 – R$ 370.000,00 – V. INDUSTRIAL – 3 DORM + 2 VAGAS CASA VENDA: CA0213 – R$ 270.000,00 – V. INDUSTRIAL – 2 DORM + 3 VAGAS CA0204 – R$ 285.000,00 – V. INDUSTRIAL – 2 DORM + 6 VAGAS CA0200 – R$ 290.000,00 – JD. LONDRES – 2 DORM + EDICULA + 2 VAGAS CA0223 – R$ 320.000,00 – VILA COSTA E SILVA – COMERCIAL CA0215 – R$ 350.000,00 – PQUE. UNIVERSIDADES – 2 DORM + 2 VAGAS CA0236 – R$ 370.000,00 – V. INDUSTRIAL – 3 DORM + 2 VAGAS CA0247 – R$ 380.000,00 – V. INDUSTRIAL – 3 DORM + EDICULA + 3 VAGAS CA0178 – R$ 400.000,00 – BOTAFOGO – COMERCIAL CA0230 – R$ 450.000,00 – V. INDUSTRIAL – OPORTUNIDADE – 5 DORM + 8 VAGAS / 2 CASAS CA0108 – R$ 950.000,00 – CAMBUI – COMERCIAL/RESIDENCIAL – OTIMA / EM AVENIDA VENDE/ALUGA/ADMINISTRA VENHA CONHECER NOSSA SEDE PRÓPRIA E TOMAR UM CAFÉ R. BARÃO DE MONTE MOR, 114 - VL. INDUSTRIAL www.villaimoveiscampinas.com.br/vendas.villaimoveis@yahoo.com.br Edna Braciali Garcia - Consultora de Negócios Imobiliários fone: 9649.23.25 /9261.88.69

Empregos

Apartamento - Premier Morumbi - Paulínia -Oportunidade. 2 dorm, 1suíte R$255.0000,00 - (19)32081995 - (19) 96956375 comercial@landbusiness.com.br - creci 075073F Terreno - 400 m2 - Barragem em Bariri - Bariri - SP - Ideal para construir casa ou rabcho a 100 mts do rio. R$ 60.000,00 (14) 30320134 - (14)34169983 - (14) 9665.8869 - (14) 81086473 dmoura@r7.com - creci 21942J Kitnet - Centro próximo Av. Sen Saraiva. A vista R$95mil. 19 78098108 - cinthiae@creci.org.br - creci 82094F Terreno - Jdim Chapadão - Campinas. 384 M², Plano, Zona 11. R$ 290.000,00. Excelente Local. Creci 86279 F Fone: 96754455 . www.marcampol.com.br Apto - São Bernardo do Campo 92 M²,alto padrão,ótima vista , centro. cond. com piscina, spa, academia. creci 86279 f. valor R$ 475,000,00. fone : 96754455 . www.marcampol.com.br Terreno - Jundiaí 9.500 M², Plano E com planta aprovada na prefeitura de jundiaí para 89 aptos. local ímpar , asfalto, assesso fácil creci 86279 f - www.marcampol.com.br Casa - Barão Geraldo Alto Padrão Em condominio tipo sobrado. possui 4 suites, piscina, hidro, churrasqueira,cond com quadra, campo. creci 86279 f . valor R$ 1.450.000,00 Casa Para Clínicas - Jundiaí contém 6 dorm,2 salas, cozinha,4 wcs,àrea de serviço ampla,sala de apoio, espaço para fisio excelente imóvel! R$ 1.250.000,00 creci 86279 f www.marcampol.com.br Terreno - Paulínia possui área de 300 m² em local diferenciando e com planta aprovada. testada voltada para o sol da manhã. creci 86279 f. R$ 175.000,00. fone 96754455 - www.marcampol.com.br Casas - Locação Jundiaí são três unidades de alto padrão. excelente para empresas tais como clinicas,escolas de cursos profissionalizantes, escritórios. creci 86279 f - www.marcampol.com.br Terreno - Jardim Eulina - Campinas 384 M² Com 12 Metros de Frente X 32 M de Profundidade. Plano E de facil assesso as rodovias da região de Campinas. Z 11 .Comercial e Residencial. Fone : 96754455 .Creci 86279 F. www.marcampol.com.br Terreno - Parque IV Centenário campinas : local com ótima vista, plano,12 metros de frente, doc 100 % ok. próximo a sul leste. raridade ! creci 86279 f . valor R$ 290.000,00. fone : 96754455. www.marcampol.com.br Apartamento - Vendas Região do ABC em São Paulo. Local: Centro de São Bernardo Do Campo .amplo com 2 dorm mas com living estendido. suite e cz planejada. 2 garagens. cond. alto padrão. centro. creci 86279 f. valor R$ 475.000,00 - www.marcampol.com.br Casa - Nova Europa 2 Dorm, Ae, , Coz Ampla, Suíte, A Serviço, Edícula. Garagem P/4 Carros. Doc Ok. Creci 86279 F . R$ 430.000,00 - www.marcampol.com.br

Negócios e Oportunidades Di Collodo Lembranças - Lembranças para todas as ocasiões. Noivinhos em Biscuit personalizados. Pronta-entrega. Visite nosso blog: http://dicollodo.blogspot.com.br (19) 3227-9238 // 8834-2049

Diversos Oração a São Jorge São Jorge, cavaleiro corajoso, intrépido e vencedor; abre os meus caminhos, ajuda-me a conseguir um bom emprego; faze com que eu seja bem quisto por todos; superiores, colegas e subordinados; que a paz, o amor e a harmonia estejam sempre presentes no meu coração, no meu lar e no meu serviço; vela por mim e pelos meus, protegendo-nos sempre, abrindo e iluminando os nossos caminhos, ajudando-nos também a transmitirmos paz, amor e harmonia a todos os que nos cercam. Amém. CRDM

Oração a Santa Edwiges Ó Santa Edwiges, protetora dos aflitos e endividados, venho implorar a vossa proteção. Vós que amastes a cruz nas trevas de vossas penas e cumpristes sempre a vontade de Deus, alcançai-me que, na penúria, na doença, nas perturbações e nos perigos, sempre encontre auxílio junto a vós. Por Cristo, Nosso Senhor. Amém. LAML

Serv. Profissionais Pintor - Henrique, residências, condomínios. Acabamentos finos, texturas, grafiatos, massa corrida, latéx, esmalte, verniz. (19) 3386-2378 (19) 9379-0432


arte e cultura

o metropolitano

Página A-7 Edição 026 - Sábado, 10 de agosto de 2013

Apresentação histórica do espetáculo Números

Ao comemorar meia década de trajetória, o espetáculo Números, que normalmente circula com seis atores, levará um elenco de vinte artistas, entre atores e músicos, ao palco do Teatro Municipal José de Castro Mendes. Estarão em cena, além dos integrantes do grupo Os Geraldos, que comemora meia década de vida junto com esse espetáculo clownesco, antigos integrantes, parceiros do grupo, a banda Balé Barbárie e o diretor da peça, Roberto Mallet, que levará seu personagem Gregório à festa.

O espetáculo Números é o primeiro trabalho d’Os Geraldos, que consiste em uma criação dramatúrgica coletiva de esquetes com inspiração clownesca. Sem cenário e com apoio de poucos objetos, a peça conta a história de um grupo de artistas mambembes que se multiplica em diversas funções para apresentar uma série de números inspirados na tradição circense. Uma comédia de palhaços para todas as idades que traduz o amor do artista pelo seu público e que, apostando

Giro Cultural alessandrarossi@ometropolitanocampinas.com.br

Mostra Mamulengos dos Brasis - A Flor do Mamulengo, com Afonso Miguel e Cia. Mamulengo Fantochito Local: Sesc Campinas (R. Dom José I, 270 / 333, Bonfim),10/08 (sábado). Horário: 16h. Entrada: gratuita Espetáculo: Spathódea, com Silvia Leblon e Ricardo Puccetti do Lume Teatro Local: Sesc Campinas (R. Dom José I, 270 / 333, Bonfim) Data: 10 de agosto (sábado). Horário: 20h. Entrada: de R$ 2,00 à R$ 10,00 Concerto da Temporada Oficial da Orquestra Sinfônica de Campinas, sob regência de Pedro Ignacio Calderón Local: Teatro Municipal José de Castro Mendes (Praça Correa de Lemos, s/nº, Vila Industrial) Datas: 10 de agosto (sábado). Horário: 20h. Ingressos: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia) Espetáculo: As Canções Que Você Dançou pra Mim, com Focus Cia. de Dança Local: Sesi Campinas/Amoreiras (Av. das Amoreiras, 450. Tel:3772-4100) Data: 10 e 11 de agosto. Horário: sábado, às 20h e domingo, às 19h. Entrada: gratuita Show: Nosso SAMBA é Todo Dia!!, com Ilcéi Mirian & Bambas do Samba Local: Tonico’s Boteco (Rua Barão de Jaguara, 1373, Centro Data: 10 de Agosto (Sábado). Horário: 22h. Couvert Artístico: R$ 15,00 Informações e Reserva de Mesas: 32361664 Show na Praça: Aureluce Santos - Samba Local: Praça de alimentação do Shopping Parque das Bandeiras (Av: John Boyd Dunlop, 3900. Tel:3728-4000) Data: 15 de agosto (quinta-feira). Horários: às 19h30. Entrada: gratuita Espetáculo: O Auto Barca do Inferno, com Cia. Teatrando Literário Local: Teatro Municipal José de Castro Mendes (Praça Correa de Lemos s/nº, Vila Industrial) Data: 13 de agosto (terça-feira). Horário: às 20h. Entrada: R$ 24,00 (inteira) e R$ 12,00 (meia) Música de Câmara do Século XVIII, com Kammerstyl Local: Sesi Campinas/Amoreiras (Av. das Amoreiras, 450. Tel:3772-4100) Data: 16/08 (sexta-feira), às 10h. Grátis.

no talento humano para realizar esta alquimia que transforma a pobreza de recursos materiais em arte, torna-se uma metáfora não apenas da situação do artista hoje, mas do próprio povo brasileiro – também ele um alquimista que transforma sua miséria material em arte, alegria e beleza. Desde sua estreia, a obra já conquistou 22 indicações e 29 prêmios, dentre os quais os de Melhor Espetáculo, Melhor Conjunto de Atores e Melhor Figurino no Festival Internacional de Teatro de

Blumenau (FITUB), de 2011. Já circulou por mais de 50 cidades, incluindo turnê pelo nordeste brasileiro, Circuito SESC de Artes 2013, além do Festival Internacional de Acciones Escenicas, em Lima, no Peru. Serviço: Local: Teatro Municipal José de Castro Mendes (Praça Correa de Lemos, s/nº, Vila Industrial) Data: 11 de agosto (domingo). Horário: 19h Entrada: R$ 10 (meia ou antecipada) ou R$ 20 (inteira)

Espetáculo: Chapeuzinho Vermelho, com a Cia. Sotac Local: Teatro Sotac (R: Barão de Jaguara, 02, Centro - Campinas. Tel:(19) 32352266). Data: 10 e 11 de agosto (sábado e domingo). Horário: sábado às 17h; domingo às 11h e 16h Entrada: R$20 (inteira) e R$10 (meia e carteirinhas de “AMIGOS DO TEATRO”) O Metropolitano é parceiro do Sotac. Recorte o bônus que se encontra no jornal e pague apenas meia entrada. Espetáculo: A Cigarra e a Formiga, com a Cia. Cenarte Local: Teatro Carlito Maia (Rua Coronel Quirino, nº 2, Bosque - dentro do Bosque dos Jequitibás) Datas: 10 e 11 de agosto (sábado e domingo). Horário: 11h (no domingo) e 15h30 (em ambos os dias) Entrada: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia) Espetáculo: Pinóquio Local: Praça de alimentação do Shopping Parque das Bandeiras (Av: John Boyd Dunlop, 3900. Tel:3728-4000) Data: 11 de agosto (domingo). Horários: às 16h. Entrada: gratuita Música: Fuá Curumim, com o grupo de pífanos Flautins Matuá Local: Sesc Campinas (Rua Dom José I, 270/333 , Bonfim) Data: 11 de agosto (domingo). Horário: às 14h. Grátis. Show infantil: Brincando de Circo, com o palhaço Peteca Local: Teatro da Fundação Jurgensen (R: Frei Antonio de Pádua, 889, Guanabara. Informações: 32550845 / 9700 8971 ou www.petecaeventos.com.br) Data: em cartaz até 25 de agosto, todos os domingos, às 10h30 Ingressos: Inteira R$ 10,00 / Meia (bônus) R$ 5,00 Oficina: Cartão especial Dia dos Pais Local: Livraria Saraiva do Shopping Iguatemi Campinas (Av. Iguatemi, 777, Vl. Brandina. Tel:(19)32520223) Data: 10 de agosto (sábado), 17h. Entrada: gratuita Contação de história: Sementes do Coração de Kentetsu Takamori, com Nani Moraes Local: Livraria Fnac do Parque Dom Pedro Shopping (Av. Guilherme Campos, 500, Jd. Santa Genebra) Data: 10 de agosto (sábado), às 17h, grátis. Oficina: Mosaico com Grãos Local: Hall do auditório da Livraria Cultura do Shopping Iguatemi Campinas (Av. Iguatemi, 777, Vl. Brandina. Tel:37514033) Data: 10 e 11 de agosto (sábado e domingo). Horário: 14h30. Entrada: gratuita

Show: Viola Brasileira, com João Paulo Amaral Trio Local: Sesi Campinas/Amoreiras (Av. das Amoreiras, 450. Tel:3772-4100) Data: 16 de agosto (sexta-feira). Horário: às 20h. Entrada: gratuita Café Filosófico CPFL Módulo: Encarando a dor: modos de lidar com o sofrimento psíquico. Curadoria: Isabel Fortes Tema: Transformando dor em alegria. Palestrante: Isabel Fortes Local: Instituto CPFL Cultura (Rua Jorge Figueiredo Corrêa, 1632, Chácara Primavera) Data: 16 de agosto (sexta-feira). Horário: 19h. Entrada gratuita, por ordem de chegada, a partir das 18h.

10/08 - (16h) - Psicose. Direção de Alfred Hitchcock. EUA, 1960, 107 min. 10/08 - (19h30) - Fundo do Ar é Vermelho - Parte II. Direção de Chris Marker. França. 1977, 90min. O MIS fica no Palácio dos Azulejos - Rua Regente Feijó, 859 - Centro - Campinas - Telefone: (19) 3733-8800. Sinopses dos filmes: www.miscampinas.com.br

Alice Dlagalarrondo

Eu não peço muito da vida

Hoje eu acordei querendo estar junto de todas as coisas que despertam boas sensações. São algumas horas para o enfrentamento do que faz pensar que posso não encontrá-las - e para quê os movimentos, as tentativas. E uma torrente querendo brotar do parir doloroso da existência, que se crê não ter sido para estar só, não ter um braço que complete o meu e faça possível o alcançar de certos feitos atingidos somente por aqueles que se espreitam, juntos, muito, em ponta de pés. Tudo batendo neste coração que não encontra maçaneta, não tem vazão. Deviam, as pessoas, e seus amores, serem entrelaçados como cada ponto liga os tecidos, formando-lhes extensão, para serem vestidos, cada corte de pano, trajada excursão. [...] Eu não peço muito da vida. Pão, e partilha. Por: Jacqueline Collodo Gomes http://ahpoesia.blogspot.com.br

A literatura tem esse poder de nos transportar para outros lugares, mexer com nosso imaginário criando personagens e paisagens, exercitar nossa criatividade, nos levar a lugares que talvez nunca iremos, de nos trazer facetas de pensamentos que enriquecem por consequência os nossos pensamentos e moldam nosso caráter, nossa alma e nossa filosofia de vida. Nesses tempos de tecnologia nas pontas dos dedos em tablets, smartphones, notebooks, gps, redes sociais as respostas são instantâneas e a informação chega junto com os acontecimentos, porém, o que sempre pergunto para os amigos é “quantas horas do seu dia você passa em frente a tv? Quantas horas você passa em redes sociais? E quanto tempo você investe em leitura, na leitura de um bom livro?” De todas as opções citadas acima o livro é a única e melhor opção de entreter, divertir, amadurecer, enriquecer seu vocabulário, ou seja, ele tem o poder de trazer todas as facetas do mundo em suas linhas, então pense que seu tempo é valioso, que sua vida é valiosa e que você tem que tirar o melhor de seu tempo e de sua vida, aprenda em tudo na vida (e principalmente em termos culturais que é onde você vai alimentar e enriquecer sua alma), aprenda a exigir o melhor. E nada melhor que um bom livro para ser seu companheiro. Desde os autores clássicos aos autores modernos, há um universo de boa literatura para ser explorada por você e mesmo que você tenha 100 vidas, não conseguiria ler o que há de mais maravilhoso que foi criado pelo homem. Tenho duas indicações de literatura de qualidade, duas indicações antagônicas, um autor é um clássico da literatura enquanto o outro é um best-seller recente: Na primeira indicação imagine um homem que de repente recebe a visita de policiais,

começa a ter sua vida vasculhada e ser investigado e é acusado de um crime que não cometeu. No decorrer do livro, todos os acontecimentos surreais vão apontando para a culpa do Sr.K. Essa situação, a princípio seria uma situação surreal (sem considerarmos nossos tempos insanos atuais), mas é a surrealidade que acompanha todo o desenrolar do livro. Estamos falando de “O Processo” de Franz Kafka, um livro que com certeza se você não leu, irá devorar ao lê-lo. Uma das obras máximas da literatura. Por outro lado, vamos falar de um best-seller recente, de um livro que bombou na lista dos cinco mais vendidos em vários países do mundo, é um livro de uma linguagem coloquial, de uma linguagem fácil mas altamente envolvente e emocional, eu digo, emocional porque vai haver momentos que você vai se pegar ou chorando ou com os olho lacrimejando. Esse livro fala da amizade de um gato e de um ex-drogado e quase sem teto londrino. O livro fala do poder do resgate e da transformação através da amizade, só que dessa vez entre um gato e um ex-drogado. O livro se chama “Um gato de rua chamado Bob”, leia e emocione-se. Até a próxima, Altair Almeida

Altair Almeida é escritor, blogueiro, crítico literário e musical, paulistano, engenheiro eletrônico e administrador por formação, amante da literatura e de todas as artes por opção, tem como seus autores preferidos Aldous Huxley, Lygia Fagundes Telles e Franz Kafka. Email: altaalmeida@yahoo.com.br http://vitaminasculturais.blogspot.com.br/


cidades

o metropolitano

Página A-8 Edição 026 - Sábado, 10 de agosto de 2013

O pastel nosso de cada final de semana Na feira, entre frutas, legumes e verduras, a preferência é o pastel Luciano Meira Campinas

Fumaça quentinha e um cheiro inconfundível, não há como resistir, dois pastéis e um refrigerante, uma paradinha rápida para comer e eis a possibilidade de um lanche gostoso e super tradicional. Derivado do tradicional “Rolinho Primavera” da culinária chinesa (massa feita de farinha de arroz e recheado

A idéia de abrir pastelarias, como tinham os chineses que já estavam adaptados às matérias primas disponíveis no Brasil, acabou popularizando o pastel como hoje o conhecemos; um prato tipicamente brasileiro. E todo domingo é a mesma coisa, para alguns, entre uma compra e outra de frutas, legumes e verduras, comer pelo menos um pastel na feira

O vendedor Diego que trouxe a mulher Camila e seus sobrinhos, Gabriela, Felipe e Raquel

de verduras e legumes com pedaços de carne ou não), o pastel popularizou-se no Brasil graças à inteligência dos Japoneses imigrantes que desembarcaram no país durante a Segunda Guerra Mundial.

é sagrado, não há quem passe imune a estas tais barracas. Para outros ir à feira comer pastel é o próprio programa. Na feira livre realizada aos domingos no Tancredão, Av. Amoreiras, Campos

Elíseos, embora o cardápio seja vasto - pastel de carne, queijo, palmito, pizza, frango com requeijão, carne seca com requeijão, calabresa com requeijão, carne com queijo, bacalhau, e camarão, ao preço médio de R$ 3,50 -, a preferência é pelo bom e velho pastel de carne, unanimidade entre os frequentadores do local. A informação dada pelos pasteleiros é confirmada pela família do vendedor Diego que trouxe a mulher Camila e seus três sobrinhos, Gabriela, Felipe e Raquel, à feira do Tancredão. “Gosto mais do de carne”, dizem as crianças. Os cinco compõem a clientela da barraca da Pastéis Iha, na feira que conta com mais uma barraca, a Pastéis Osiro. Armando Iha, proprietário da Iha e Jimmy juntamente com Richard da Osiro supervisionam o trabalho dos mais de dez funcionários de cada barraca e, pessoalmente fritam os pastéis que são servidos aos frequentadores do local aos domingos. As barracas postas lado a lado se adaptaram para po-

der atender ao grande público e ambas armam tendas com mesas e cadeiras para oferecer mais conforto aos clientes, transformando a área em uma espécie de “praça de alimentação” da feira. Jimmy vende pastéis há quase vinte anos, apesar de

Barraca da Pastéis Osiro

matérias primas de primeira qualidade e, o pastel feito na hora tem um gosto diferente, é difícil encontrar uma pessoa que não goste”. Além da sombra e das mesas e cadeiras oferecidas aos clientes, Jimmy também fala que sua barraca conta

da hora que eu chego e quantos pastéis eu como, sempre no mínimo dois”. A mesma opinião é compartilhada pelos jovens amigos Lucas, Isabela, Marina e Michelle. Sentados em uma mesa, eles contam que o pastel de domingo não pode faltar, e dizem que raramente deixam de vir comer. “Às vezes, dependendo da hora, a gente vem direto da balada para cá, aí é café da manhã, senão é lanche mesmo”, conta entre risos dos demais a jovem Marina. Segurança e conforto

Armando da Pastéis Iha

Conforto, higiene, segurança e qualidade, garantem momentos agradáveis

ter apenas 35, ele conta que começou pequeno ajudando ao tio e hoje é proprietário de sua própria barraca atribuindo o sucesso nas vendas a qualidade do pastel. “A massa e o recheio são feitos com

Jimmy da Pastéis Osiro

com segurança própria garantindo que os clientes não sejam importunados. Café da manhã, almoço ou apenas um lanche? “Não importa, o que importa na verdade é comer

Armando Iha da Pastéis Iha lembra que além da qualidade dos pastéis e do serviço, o fácil acesso pela Av. Amoreiras, o Centro Esportivo Tancredo Neves (que empresta o apelido ao local), o estacionamento fácil e a existência de uma base comunitária da Policia Militar, faz do local um lugar perfeito para quem quer sair com a família, especialmente com crianças. “Aqui a maioria de nossos clientes acabam se transformando em amigos, pois passam a frequentar o local com tanta habitualidade que a coisa acaba virando um en-

Os amigos Lucas, Isabela, Marina e Michelle

o pastel quentinho, feito na hora, em pé ou sentado, mas ao ar livre”, é a opinião do técnico em refrigeração Cláudio Macedo. “Venho todo domingo, se é café da manhã, almoço ou lanche, depende

contro semanal”.

Serviço: Feira Livre do Tancredão Av. das Amoreiras, Jardim Novo Campos Elíseos Aos domingos das 07h às 13h

O Metropolitano  

Jornal editado na cidade de Campinas/SP.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you