Page 1

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARACANAÚ SECRETARIA DE EDUCAÇÃO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO SETOR DE DESENVOLVIMENTO CURRICULAR NÚCLEO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL DE MARACANAÚ (NUTEM)

Linux Educacional Kubuntu Ambiente Gráfico KDE 3.5.10 Suíte BrOffice (Writer, Impress e Calc) Navegador de Internet: Firefox 3

Material elaborado pelos professores Antonio Ailton Gomes da Silva e Francisco César Martins da Silva.


Mensagem aos Cursistas

Caro(a) cursista, Seja bem-vindo(a) ao Curso de Linux Educacional 3.0 do Núcleo de Tecnologia Educacional de Maracanaú (NUTEM). O foco principal é habilitar os Gestores, Secretários Escolares, Professores e servidores da Secretaria de Educação de Maracanaú, para a utilização do Sistema Operacional Linux a fim de facilitar a migração do Sistema Operacional Windows e do pacote de escritório Microsoft Office. Desejamos sucesso na sua aprendizagem!

Professores Multiplicadores: Antonio Ailton Gomes da Silva Francisco César Martins da Silva


SUMÁRIO SUMÁRIO.....................................................................................................................3 PRINCIPAIS PARTES DO COMPUTADOR.......................................................................3 SOFTWARE LIVRE........................................................................................................4 DISTRIBUIÇÕES LINUX.................................................................................................4 HISTÓRIA DO LINUX....................................................................................................5 AS INTERFACES DO LINUX...........................................................................................5 1. GNOME....................................................................................................................5 1.1 UBUNTU............................................................................................................6 2. KDE.........................................................................................................................7 2.1 LINUX EDUCACIONAL 3.0..................................................................................7 O AMBIENTE KDE 3.5.10.............................................................................................7 CONHECENDO MELHOR O AMBIENTE KDE 3.5.10.......................................................7 VAMOS LOGAR............................................................................................................7 ÁREA DE TRABALHO OU DESKTOP..............................................................................8 BARRA DE TAREFAS....................................................................................................8 BARRA DE ACESSO RÁPIDO:.......................................................................................8 GERENCIADOR DE JANELAS – KONQUEROR................................................................9 CRIANDO PASTAS NO KONQUEROR............................................................................9 RENOMEANDO UMA PASTA.........................................................................................9 MOVER, COPIAR E COLAR ARQUIVOS E PASTAS..........................................................9 COMPACTAÇÃO E DESCOMPACTAÇÃO DE ARQUIVOS.................................................9 DELETANDO ARQUIVOS ...........................................................................................10 BOTÕES DE CONTROLE DA JANELA...........................................................................11 ATALHO NA ÁREA DE TRABALHO..............................................................................11 UTILIZAÇÃO DE DISCOS DISPOSITIVOS E PERIFÉRICOS

.........................12

IMPRIMINDO DOCUMENTOS .....................................................................................12 GERENCIANDO OS TRABALHO DE IMPRESSÃO..........................................................13 PROCURAR ARQUIVOS OU PASTAS...........................................................................14 CALCULADORAS........................................................................................................14 FONTES:....................................................................................................................15


4

PRINCIPAIS PARTES DO COMPUTADOR As principais partes do computador são: gabinete, monitor, teclado e mouse. Mas existem alguns periféricos fundamentais para a utilização de um microcomputador. Veja os exemplos: impressora, scanner, kit multimídia (unidade leitora e gravadora de CD/DVD, caixas de som e microfone), unidade de disquete, entrada USB, leitor de cartão de memória, etc.

SOFTWARE LIVRE Software livre é qualquer programa de computador que pode ser usado, copiado, estudado, modificado e redistribuído livremente, sem restrições. A forma usual de um software ser distribuído livremente é sendo acompanhado por uma licença de software livre e com a disponibilização do seu código-fonte. Um software é considerado como livre quando atende aos quatro tipos de liberdade definidas pela Free Software Foundation: a) A liberdade para executar o programa, para qualquer propósito (liberdade nº 0); b)A liberdade de estudar como o programa funciona, e adaptá-lo para as suas necessidades (liberdade nº 1). Acesso ao código-fonte é um pré-requisito para esta liberdade; c) A liberdade de redistribuir, inclusive vender cópias, de modo que você possa ajudar ao seu próximo (liberdade nº 2); d)A liberdade de modificar o programa, e liberar estas modificações, de modo que toda a comunidade se beneficie (liberdade nº 3). Acesso ao código-fonte é um pré-requisito para esta liberdade.


5

DISTRIBUIÇÕES LINUX Uma distribuição Linux é um conjunto de softwares livres com a maioria dos programas que o usuário possa precisar: suíte de escritório, softwares gráficos e multimídia para visualização e edição de imagens, músicas e vídeos, softwares para gravação de CD/DVD, navegadores de Internet e uma infinidade de outros programas, além do núcleo do Linux (Kernel), agregados num CD/DVD de instalação. As 15 distribuições Linux mais populares são: Debian, Red Hat, Slackware, Ubuntu, OpenSUSE, Fedora, Kurumin, Mandriva, BigLinux, Knoppix, Gentoo, Xandros, FreeBSD, CentOS e Mepis.

HISTÓRIA DO LINUX O Linux foi desenvolvido pelo finlandês Linus Tovalds no ano de 1991 e contém uma série de programas que lhe permite interagir com seu computador e seus diversos periféricos. Na imagem a direita temos o pinguim Tux, que é o mascote do Linux e à esquerda Linus Tovalds. O Linux que iremos trabalhar no Laboratório de Informática do NUTEM é o LINUX EDUCACIONAL 3.0 projetado especialmente para ambientes educacionais pelo MEC/PROINFO. Mostraremos também um pouco do Ubuntu 8.04.

AS INTERFACES DO LINUX 1. GNOME GNOME = acrônimo para GNU Network Object Model Environment. É um esforço global para a criação de um ambiente de trabalho completo, gratuito e composto inteiramente por software livre. GNOME é parte do Projeto GNU e pode ser utilizado por vários sistemas, principalmente por sistemas GNU/Linux.


6 Projeto GNU = tem como objetivo de criar um sistema operacional totalmente livre, que qualquer pessoa teria direito de usar, modificar e redistribuir o programa e seu código fonte, desde que garantindo para todos os mesmos direitos. 1

Ambiente de Trabalho (ou Desktop) Na área de interfaces com o usuário, um ambiente de trabalho (Desktop) é um sistema que oferece soluções com interface gráfica com o usuário para operar um computador. O nome é derivado da metáfora de desktop, ou "tampo de mesa", hoje usado por essas interfaces. Um ambiente de desktop fornece ícones, pastas, barra de ferramentas, papéis de parede e habilidades como arrastar e soltar.

1.1 UBUNTU O Linux Ubuntu (“u-bún-tu”) é uma distribuição do sistema operacional GNU/Linux baseado na distribuição Debian, sendo uma das distribuições mais populares. Ele utiliza por padrão o ambiente gráfico GNOME para a sessão de trabalho do usuário. Quando iniciado, a primeira tela que aparece é a de login do usuário (nome do usuário e senha). Se o login for aceito, a próxima tela será a área de trabalho do GNOME. A área de trabalho contém elementos importantes: – Papel de parede: é uma figura que enfeita a tela. O papel de parede pode ser também uma cor fixa ou qualquer imagem escolhida pelo usuário. – Ícones espalhados pela área de trabalho: inicialmente nenhum ou poucos, mas outros podem ser criados depois, na medida da necessidade. – Painéis nas partes superior e inferior da tela contendo menus e ícones para diversas funções, e também a data e hora do computador. – Menus Aplicações, Locais e Sistema: contêm diversos comandos e opções.

1 GNU tem o seu significado original do mamífero Gnu, é um acrônimo recursivo de: GNU is Not Unix (em português: GNU Não é Unix).


7 Além da distribuição principal, algumas distribuições derivadas do Ubuntu são oficialmente reconhecidas: • Kubuntu, versão do Ubuntu que utiliza o ambiente gráfico livre KDE. • Xubuntu, Ubuntu para computadores menos potentes. • Lubuntu, voltada para computadores antigos e/ou pouco potentes. • Gobuntu, Ubuntu somente com software livre. • Fluxbuntu, utilizando o ambiente gráfico FluxBox. • Ubuntu Studio, para edição e criação de conteúdos multimédia. • Edubuntu, uma distribuição desenvolvida para o uso em escolas.

2. KDE KDE = é um ambiente gráfico que inclui um gerenciador de janelas e uma plataforma de desenvolvimento livre e de código aberto. Juntamente com o GNOME é um dos mais populares ambientes gráficos usados no Linux. KDE costumava ser a sigla inglesa para K Desktop Environment. A letra K não tinha um significado especial; era simplesmente a letra imediatamente antes de "L", de "Linux". A partir de 2009, "KDE" passou a significar simplesmente "KDE".

2.1 LINUX EDUCACIONAL 3.0 O Linux Educacional 3.0 é um sistema operacional amigável, livre, baseado no KDE, sobre o famoso Ubuntu (Kubuntu) e vem com o BrOffice.org. Traz como interface gráfica o KDE 3.5.10, além de outros softwares para uso geral. Este é um programa do Ministério da Educação - MEC - viabilizado pelo projeto ProInfo. Simples de usar, o Linux Educacional traz alguns programas e aplicativos voltados para a Educação (propósito do Projeto do MEC). Softwares como RIVED, DVD Escola, E-Books e Hinos Nacionais estão disponíveis nesta distribuição Linux.

O AMBIENTE KDE 3.5.10 O Linux Educacional 3.0 possui um ambiente gráfico chamado KDE (K Desktop Environment). Este ambiente serve para gerenciar a interface entre usuário e o computador. O KDE é uma plataforma de desenvolvimento livre que inclui um gerenciador de janelas.

CONHECENDO MELHOR O AMBIENTE KDE 3.5.10 O KDE é um ambiente gráfico (isso inclui um gerenciador de janelas) e uma plataforma de desenvolvimento livre e de código aberto. A maior característica desse ambiente de trabalho é o conjunto de programas e aplicativos do sistema operacional. Vamos conhecer alguns componentes do KDE: Área de trabalho (ícones), barra de tarefas (relógio), gerenciador de janelas (Konqueror) e pasta de usuário.


8

VAMOS LOGAR

ÁREA DE TRABALHO OU DESKTOP BARRA DE ACESSO RÁPIDO (EDUBAR) ÁREA DE TRABALHO OU DESKTOP MENU INICIAR

RELÓGIO

BARRA DE TAREFAS A barra de tarefas do KDE contém vários itens importantes: Menu Iniciar KDE, atalhos de programas mais utilizados, áudio, relógio entre outros. MENU INICIAR KDE:

MENU INICIAR: Desligando o computador: Fechar sessão Desligar Reiniciar Hibernar Suspender Sair


9

BARRA DE ACESSO RÁPIDO: O primeiro ícone dá acesso às Obras literárias (DOMINIO PÚBLICO). O segundo aplicativo compreende os Vídeos da TV Escola. Este possibilitará o acesso a vários vídeos educativos, que servirão de lições auxiliares para a realização das tarefas. O terceiro são programas educacionais, o quarto são ferramentas de produtividade e o quinto são utilitários (calculadora, editor de textos simples, utilitário de fax e digitalização de imagens). Esta barra é também chamada de EDUBAR.

GERENCIADOR DE JANELAS – KONQUEROR Konqueror é o gerenciador de janelas do KDE. Ele funciona como navegador simples de Internet e também tem uma função muito importante: gerenciar seus arquivos no computador, organizando pastas, programas entre outros.

CRIANDO PASTAS NO KONQUEROR O objetivo da criação de pastas é uma maneira de organizar seus arquivos, programas e aplicativos no computador. Posicione o cursor do mouse em uma área em branco do Konqueror, clique com o botão direito do mouse. Em seguida clique em: Criar Novo => Pasta, escreva um nome para ela e OK.

RENOMEANDO UMA PASTA Para renomear uma pasta clique sobre ela com o botão direito do mouse e escolha a opção renomear, dê um novo nome a sua pasta e clique em uma área em branco da janela ou desktop.

MOVER, COPIAR E COLAR ARQUIVOS E PASTAS Para mover (cortar) um arquivo ou pasta clique sobre ele com o botão direito do mouse e escolha a opção cortar. Escolha o local onde deseja pôr o arquivo/pasta e clique sobre a área em branco do gerenciador KONQUEROR ou no Desktop e escolha a opção Colar. Seguindo estes procedimentos você move o arquivo de um lugar para o outro. Para copiar um arquivo ou pasta os procedimentos são bem parecidos, apenas escolha a opção copiar e não “cortar”.


10

COMPACTAÇÃO E DESCOMPACTAÇÃO DE ARQUIVOS A compressão é o processo de reduzir o tamanho dos arquivos de modo que eles ocupem menos espaços no disco, isto é, fiquem mais compactados, sem contudo, perder informação.  O Konqueror pode lidar com vários tipos de arquivo compactados (ZIP, TAR, RAR etc) através do programa utilitário ARK. Existe uma certa integração entre esses dois programas de forma a facilitar a manipulação dos arquivos.  Quando clicamos com o botão direito do mouse num arquivo compactado, aparece algumas opções no menu de contexto para lidar com o arquivo:  Abrir com Ark: abre uma janela do programa utilitário Ark mostrando o conteúdo do arquivo compactado.  Pré-visualizar em Arquivador: mostra o conteúdo do arquivo compactado no painel de conteúdo.  Extrair: extrai o conteúdo do arquivo compactado para uma determinada pasta. O processo de descompactação é também chamado de “expansão”.  Para descompactar um arquivo: com o botão direito do mouse, clique no nome (ou no ícone) dele e, em seguida, clique no comando Extrair, que possui algumas opções: Extrair Aqui: extrai o conteúdo do arquivo compactado para dentro da pasta atual.  Extrair Para “nome do arquivo”: extrai o conteúdo para dentro de uma nova pasta que terá o mesmo nome do arquivo compactado e será colocada no local onde ele está.  Extrai Para: abre um quadro de diálogo, solicitando o local para onde será extraído o conteúdo. Está opção é a recomendada na maioria das vezes. NOTA: após a descompactação o arquivo compactado original não é destruído. porém, se quiser poderá apagá-lo ou então guardá-lo como “cópia de segurança” (ou “backup”). 

Exemplo de compactação para o formato ZIP no Konqueror: - Para compactar um arquivo ou uma pasta inteira para o formato ZIP: Com o botão direito do mouse, clique no item desejado e, em seguida, clique em Compactar => Compactar com => nome-do-arquivo.zip


11

DELETANDO ARQUIVOS Para deletar (apagar) um arquivo ou pasta, clique sobre o mesmo com o botão direito do mouse e escolha a opção Apagar. Na janela que abre, clique em Lixeira, Seu arquivo será colocado na lixeira. LIXEIRA Quando um arquivo é apagado, este vai para a lixeira do computador, para restaurar (recuperar) um arquivo apagado, clique sobre o mesmo com o botão direito e escolha a opção restaurar, este arquivo volta para seu local de origem. Se você deseja apagar este arquivo definitivamente, clique sobre o arquivo a ser deletado e escolha a opção apagar. Mas se quiser apagar todos os arquivos e pastas de uma lixeira, clique sobre a mesma com o botão esquerdo do mouse e escolha a opção Esvaziar Lixo.

BOTÕES DE CONTROLE DA JANELA

Os botões de controle de uma janela são: Minimizar: Mantém a janela do programa oculta na barra de tarefas. Maximizar: Expande a janela do programa aberto ocupando todo o espaço da tela. Restaurar: Mantém a janela aberta parcialmente, ocupa um menor espaço na tela. Fechar: Para encerrar suas atividades em um programa, clique no X. KATE: O Kate é um editor de textos para edição de textos simples. Para abrir o Kate clique em Iniciar => Utilitários => Editor de Texto Avançado => Kate

ATALHO NA ÁREA DE TRABALHO Para criar um atalho para um dispositivo como, por exemplo, a unidade de CD/DVD: −

Clique com o botão direito do mouse numa área livre da Área de Trabalho e clique no comando Criar Novo=> Link para dispositivo => Dispositivo de CD/DVD do menu de contexto. •

No quadro que aparece, na Guia Geral, digite uma pequena descrição para o atalho na caixa de texto (por exemplo: “Meu CD/DVD”)


12 Se quiser, pode clicar no botão com ícone de “CD” sugerido para escolher outro ícone para o atalho.

Na guia Dispositivo, escolha caminho do dispositivo (ou “ponto de montagem”) na caixa Dispositivo. Pode ser algo como: “/dev/scd0(cdrom0)”.

Clique no botão OK. O ícone do atalho aparecerá na Área de Trabalho.

Após a a criação do atalho, coloque um CD/DVD na unidade e clique no atalho para verificar se funciona.

Após a utilização pode ser que a unidade precise ser “desmontada” para que a mídia seja liberada. Para isto, clique com o botão direito do mouse sobre o atalho e, em seguida, clique na opção Desmontar (ou ejetar)

UTILIZAÇÃO DE DISCOS DISPOSITIVOS E PERIFÉRICOS CDROM é um disco compacto. É um dos mais populares meios de armazenamento de dados digitais, principalmente de música e software de computador. Lendo um CD ROM: Insira o CD ROM no drive de cd do gabinete (computador). Na área de trabalho o ícone do dispositivo irá aparecer e a janela do Konqueror será aberta automaticamente. (em alguns casos, uma pequena janela se abre solicitando que você clique em ok, antes de abrir o gerenciador Konqueror). PEN DRIVE é um dispositivo de armazenamento tendo uma fisionomia semelhante à de um isqueiro ou chaveiro e uma ligação USB permitindo a sua conexão a uma porta USB de um computador. Como utilizar um Pendrive: Insira o Pendrive na entrada USB do seu computador. Na área de trabalho, o ícone do dispositivo irá aparecer (foto à esquerda), clique sobre ele (clique duplo), a janela do Konqueror será aberta. Para copiar um arquivo do seu Pendrive para o computador, clique em Ctrl+c. Para colar (escolha o local/pasta no computador) e clique em Ctrl+v. Para excluir um arquivo dentro do Pendrive, clique sobre o


13 arquivo e depois clique delete (teclado). Sempre que retirar o Pendrive do computador, lembre-se: retire com o modo de segurança, para isso, feche todas as janelas ou arquivos abertos do Pendrive e clique sobre o ícone do dispositivo com o botão direito, escolha a opção (remover de modo seguro), só com o aviso confirmação, retire seu Pendrive do PC. Isto é necessário para que o dispositivo não queime com facilidade.

IMPRIMINDO DOCUMENTOS Impressora é um periférico de saída de informações. Atualmente no mercado podemos encontrar impressoras matriciais, jato de tinta e a laser, entre outras. Para utilizar uma IMPRESSORA precisamos saber primeiro qual impressora iremos utilizar, temos diversos modelos disponíveis no mercado, mas nosso exemplo será feito com a nossa disponível no laboratório do NUTEM. Vamos precisar de tinta, papel e saber o que iremos imprimir. Como material para esta aula, vamos escolher um de nossos exercícios da aula anterior para em nossa primeira impressão no Curso Linux. A forma mais simples de imprimir um arquivo, dentro dos programas Writer, Impress etc, É: clique em Arquivo => Imprimir, na caixa que aparecer, escolha a impressora e o número de cópias que deseja. (lembre-se de visualizar sua página antes de imprimir qualquer documento). Pronto! Dentro de um minuto (ou menos) seu documento será impresso.

GERENCIANDO OS TRABALHO DE IMPRESSÃO  

Em algumas situações, pode ser que você precise verificar os trabalhos que estejam saindo na impressora. Para verificar os trabalhos de impressão de uma determinada impressora, clique em Menu Iniciar => Utilitários => Tarefas de Impressão (Trabalhos de Impressão). Para sair clique em Arquivo => Sair ou Fechar. Na relação de trabalhos, será possível, por exemplo, parar ou cancelar os trabalhos correntes. Para isso, clique com o botão direito do mouse na linha referente ao trabalho e escolha a opção desejada.


SCANNER

14

É um aparelho de leitura ótica que permite converter imagens, fotos, e textos em papel, num formato digital que pode ser manipulado em computador. Por exemplo, é possível "passar" uma capa de revista ou uma fotografia para a tela de seu PC. Para escanear uma imagem, uma foto por exemplo, ligue o scanner (botão power) posicione a foto dentro do scanner com a imagem para baixo (ou virada para a parte espelhada do aparelho), no computador procure o ícone do programa que geralmente se encontra no desktop (área de trabalho), escolha a opção “digitalizar”, dê um nome ao arquivo (imagem) e clique em ok. Espere um minuto e logo você vai ter em seu computador um arquivo da imagem digitalizada. Logo em seguida você já pode utilizar para qualquer documento que deseja ilustrar.

UTILIZANDO DISQUETE Muitos computadores antigo ainda possuem uma unidade leitora de Disquete. Insira o DISQUETE na entrada de disquete (frontal) do seu computador. Na área de trabalho, o ícone do dispositivo irá aparecer (foto à direita). Clique sobre ele (clique duplo), a janela do Konqueror será aberta. Para copiar um arquivo do seu disquete para o computador, clique em Ctrl+C; Para colar (escolha o local/pasta no computador) e clique em Ctrl+V.

PROCURAR ARQUIVOS OU PASTAS É muito comum o usuário não lembrar em que pasta salvou os arquivos, para localizar arquivos ou até mesmo as pastas do computador. Clique no Menu Iniciar do => Procurar arquivos e pastas. Na janela que surgir digite o nome do arquivo a ser procurado na aba “Nome/Localização” clique em Procurar. Seu arquivo será listado logo abaixo, para abrir o arquivo dê um clique duplo sobre ele.


15

CALCULADORAS Calculadora (SpeedCrunch):  Calculadora Científica: clique em Iniciar=> Utilitários => Calculadora (SpeedCrunch);  Contém as operações básicas e também avançadas, tais como inserir função, inserir variável;  A operação é similar à das máquinas de calcular de mesa; Vamos ver suas opções:  Para colocar seu atalho na área de trabalho: Clique em Iniciar=> Utilitários=> Clique com o botão esquerdo em Calculadora e arraste para uma área livre da área de tarefa.

Calculadora Científica (Kcalc) Como na anterior, esta outra contém as mesmas funções.  Clique em Iniciar=> Utilitários => Calculadora Científica (KCalc);  Contém as operações básicas e também avançadas, tais como Constantes: Matemática, Eletromagnetismo, Atômico e Nuclear, Termodinâmica e Gravitação;  A operação é similar à das máquinas de calcular de mesa;

FONTES: http://pt.wikipedia.org/wiki/Software_livre http://br-linux.org/faq-softwarelivre/ http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Conceito-de-Software-Livre/ file:///var/tmp/kdecache-aluno/krun/7388.0.Software_gratuito http://pt.wikipedia.org/wiki/Ubuntu http://pt.wikipedia.org/wiki/Canonical_Ltd

Apostila de Linux Educacional 3.0 Basico  

Apostila utilizada no Curso de Linux Basico, do Nucleo de Tecnologia Educacional de Maracanau - CE

Advertisement