Issuu on Google+

ARQUITECTURA DESIGN PORTFOLIO NUNO MADEIRA 2013


Nuno Madeira madeira2@hotmail.com Portugal: +351913700864 10.09.1985 educação e formação 2009 - 2013

Universidade Lusíada, Lisboa Mestrado em Arquitectura

2003 - 2009

Universidade Lusíada, Lisboa Bacharelato em Arquitectura

2003 - 2009

Colégio Moderno, Lisboa Ensino Secundário agrupamento de artes

2011 - 2013

.Studio3 | Modelação 3D e produção de imagens digitais Designer (www.facebook.com/studio3.pt)

2008 - 2011

Desenho e Geometria Descritiva Explicador de ensino secundário e ensino superior

experiência profissional

maio - julho 2004

Centro de Estudos Geográficos de Lisboa Organização e processamento da biblioteca científica pessoal de Orlando Ribeiro


aptidões linguisticas português inglês espanhol francês

lingua nativa compreensão excelente, conversação e escrita muito boa compreensão boa, conversação e escrita média compreensão, conversação e escrita básica

aptidões informáticas Adobe Photoshop AutoCAD Autodesk 3D Studio Max Google SketchUp Microsoft Internet Explorer Microsoft Office Microsoft Windows VRay aptidões artísticas design gráfico fotógrafo amador desenho viajar música | guitarra e bateria outras aptidões carta de desportista naútico - marinheiro carta de condução da categoria B prática de desporto colectivo | ténis e futebol prática de desporto individual | ténis, natação e corrida


01 | reabilitação de edifícios 02 | stand de vendas 03 | urbanismo + moradias 04 | hotel 05 | escola + residência + circo


Reabilitação de edifícios localização ano

|01

lisboa . rua cintura do porto 2008

O exercício consistiu em reabilitar as fachadas do edifício A e bloco B da rua da cintura do porto de Lisboa ,e elaborar um parque de estacionamento, reabilitando também a praça e as ruas e vias adjacentes. Procurou-se reforçar o ritmo horizontal dado pelas lajes do edifício, criando assim uma pele que não cobrisse ou escondesse o corpo, o esqueleto do edifício. Vários planos que em cada piso se diferenciam , criando assim uma interacção entre a pele e o esqueleto, entre a fachada e a estrutura interior. Esta fusão fará com que nasça espaços de percurso e de permanência exteriores no edifício, fazendo assim com que seja difícil a percepção do fim da pele (fachada) e do começo do esqueleto (estrutura)


planta de localização e corte aa’


2

1

3

3

1. entrada edifício A 2. entrada edifício B 3. entrada estacionamento subterrâneo

planta cota 1.5 e cota 4


planta cota 6.5 e 9


planta cota 11.5 e 14


Stand de vendas localização ano

lisboa . av. Infante Dom Henrique

|02

2008

O stand de vendas pretende revelar antecipadamente as intençoes do edificio de habitaçao e de todo o espaço publico envolvente. Como público alvo jovens universitários e em inicio de carreira, o espaço habitacional é vivênciado de maneira diferente, tendo percepções de espaço público e privado cada vez menos dissimuladas e diferenciadas. Será o usuário a estabelecer o nível de privacidade que deseja, através de galerias e paineis moviveis e outros aspectos técnicos, identificando-se assim, 3 espaços com caracteristi cas distintas: o privado, o semi-público e o público.


planta de localização e planta cota 1.5


alรงado sul e corte aa


Urbanismo + moradias localização ano

|03

cascais . s. domingos de rana 2009

A concepção do desenho urbano, foi gerado através de duas direcções evidentes no território. São utilizadas e requalificadas as ruas ja existentes, tornando assim a intervenção adaptada ao lugar, de maneira a pouco intervir na topografica, usufruindo do declive do território. Os módulos de habitação estão espalhados no território, junto das ruas ja existentes, enquanto que a zona de comércio e escritório está situada toda na mesma area. A zona de comércio é envolta por 3 edificios destinados a comércio e escritórios, criando assim um vazio urbano, uma praça aberta, que irá potenciar um espaço de lazer ao ar livre.


planta cota 4.5

planta cota 1.5

chapa de contraplacado maritimo esp. 21mm isolamento térmico tpo roofmate esp. 8cm gesso cartonado hidrófugo

perfil inp 240 pintado a tinta de esmalte tipo H deck de madeira com espaçamentos para águas revestimento cerâmico argamassa flexivel perfil HEB 120 chapa de fixação


planta cota 7.5

Os modulos habitacionais juntos, formam uma unidade habitacional colectiva, criando assim um pátio interior que servirá como fonte de luz natural para os espaços. O pátio interior poderá tomar vários tipos de uso, como o uso para horta comunitária ou de espaço de lazer.


Hotel localização ano

|04 cascais . s. domingos de rana 2009

O núcelo do Hotel onde se encontra a recepção, lojas, restaurante e todos os espaços de uso directo e publico, estão localizados na encosta, permitindo assim, uma percepção exlusiva do aerodromo proximo e da vista da floresta. A zona privada dos quartos, estão encastrados no território, debruçados sobre uma cota inferior, onde estão localizadas todas as areas de lazer pertencentes ao Hotel.


planta geral


1. รกtrio 2. bar 3. loja 4. ginรกsio 5. balneรกrios feminino 6. balneรกrios masculino 7. arrumos

8. wc feminino 9. wc masculino 10. wc deficientes 11. zona de apoio a funcionรกrios

planta cota 1.5


1. restaurante 2. cozinha 3. zona de apoio a funcionรกrios 4. wc feminino 5. wc masculino 6. wc deficientes

planta cota 4.5


pรกtio exterior


o hotel contem 69 quartos single/duplos e 6 suits, distribuidos em 3 pisos distintos. Sendo a implantação do hotel, a encosta com declive acentuado, os pisos dos quartos estão dispostos de maneira a cada quarto ter vista privilegiada da paisagem, sem qualquer obstáculo visual. os quartos do piso inferior, permitem aos quartos do piso superior ter um espaço exterior, uma varanda, para cada quarto.

planta cota -2


quarto single/duplo e quarto suits


Escola + Residência + Circo localização ano

|05

lisboa . baixa 2010

Pretendeu-se conceber um edifício irregular, assente na topografia do lugar, que se desenvolve-se de fora para dentro. É um edifício que pela sua forma e presença, marca a zona, tornando-se quase como um objecto estranho e independente. O percurso que liga ruas de cotas diferentes, é feito por dentro do edifício, "rompendo-o" e criando assim uma fresta habitavel no edifício. As paredes interiores do percurso público, são numa estrutura metálica e de vidro, permitindo assim que essa "fresta" no edíficio, a zona pública, ilumine o interior de todas as partes do edíficio, tanto zona privada como pública do programa. No edifíco, na zona privada, existem salas de aulas para os alunos do chapitô, dormitórios, e outras zonas conjuntas como lavandaria e ginásio. Na zona pública do edifício, existe o circo, um museu do circo fisicamente ligada à estrutura irregualar do palco do circo e duas lojas, uma de artigos circênces e uma mercearia.


planta de localização


localização

maquete


8 7

6

3

4 5 2

1

1. entrada percurso pĂşblico 2. entrada para espectadores no Circo 3. entrada para artistas no Circo 4. bar/lounge Circo 5. vestiĂĄrios 6. wc feminino 7. wc masculino

8. palco do Circo

planta cota 2.5


5 4

4 6 7 10

4

8 3

6

2

7

9

1

1. entrada percurso público 2. loja de artigos circenses 3. entrada da Escola + Residência 4. salas de aula 5. biblioteca 6. wc feminino 7. wc masculino

8. palco do Circo 9. espaço de apoio a artistas 10. pátio da Escola

planta cota 6


2 3 2

4 7

2

6 5 8

1

1. entrada percurso público 2. quartos duplos 3. ginásio 4. lavandaria 5. cântina Escola + Residência 6. entrada Museu Circo piso 0 7. pátio da Residência

8. varanda pública

planta cota 10


2 3 2

3

4 2

6

5

1

1. entrada percurso público 2. quartos duplos 3. quartos duplex 4. percurso de distribuição 5. cântina Escola + Residência 6. Museu Circo piso 1

planta cota 14


2 3

4 7

5

6

1

1. entrada percurso público 2. quartos duplos 3. quartos duplex 4. percurso de distribuição 5. entrada Museu Circo 6. Museu Circo piso 2 7. entrada percurso público

planta cota 18


2

1

planta superior


alรงado a

alรงado b


corte aa’

corte bb’


Foi pedido, para além das salas de aula e todos os espaços complementares, a realização de um espaço de residência. O projecto apresenta assim, 6 quartos duplos para estudantes e 2 quartos duplos duplex para professores.

planta quarto duplo


planta quarto duplex piso 0 e piso 1



portfolio nuno madeira