Page 1

Paróquia Nossa

Senhora Aparecida

Jardim São Paulo

Ano IV - Edição nº 34 - Março de 2011 - Distribuição Gratuita - Mensal

Editorial Como podemos salvar o planeta? Caros irmãos, no próximo dia 9 iniciaremos a quaresma, tempo forte de reflexão e penitência. Junta-

mente com ela, daremos início a mais uma Campanha da Fraternidade, que este ano fala da vida no planeta. Tema: Fraternidade e a vida no planeta. Lema: a criação geme em dores de parto. A Igreja, assim como toda pessoa do bem, está preocupada com as diversas agressões que vem sofrendo o planeta. Faz-se urgente uma campanha de conscientização de toda humanidade no sentido de salvá-lo de uma iminente destruição. A pergunta que devemos fazer é: como podemos salvar o planeta? Para responder a essa pergunta é preciso percebermos a importância da participação de cada um de nós no envolvimento com a defesa do meio ambiente. Essa

participação pode vir de diferentes maneiras, desde simplesmente parar de consumir um produto, ou consumir menos, até promover ou participar de debates sobre ecologia, nas escolas, no seu local de trabalho, no bairro, na rua, no condomínio etc. Sua atitude como indivíduo ou grupo de pessoas vai servir de alerta para outras pessoas, que terminarão por demonstrar interesse pelo assunto. Nos dias de hoje nós possuímos tantos produtos químicos dentro de casa que mais parece um laboratório. Embora sejam perigosos e danosos para a saúde, muitos produtos de limpeza e higiene são colocados pela publicidade como indispensáveis para a nossa vida. Há alternativas de produtos naturais de custo mais baixo e de fácil utilização para substituir produtos comerciais de alto teor tóxico, mas nem sempre nos preocupamos com isso porque queremos andar de mãos dadas com as novas técnicas. Acompanhamos com

pesar tantas catástrofes naturais levando à morte de várias pessoas, como aconteceu recentemente na região serrana do Rio e em outros lugares do país. Não seria nenhum absurdo dizer que essas tragédias são a reação da natureza aos danos sofridos por ela, portanto, às ações do homem. É preciso que nos alertemos para essa realidade antes que seja tarde demais. E o pouco que cada um fizer pode salvar o Planeta. Façamos nossa parte. Divulguemos. Façamos campanha. Discutamos com os demais em casa. Reflitamos sobre nossos atos. Pode ser que eles estejam contribuindo para a destruição da natureza. Não fiquemos indiferentes. A natureza agradece. Reforço o convite para dia 9, às 20h, reunirmonos na Paróquia para celebrarmos a Missa com a distribuição das Cinzas e o início da Campanha. Uma Santa Quaresma a todos! Pe. Toninho

1| Editorial 2| E vai que ... 3| Campanha da Fraternidade 2011 4| Santa Perpétua e Santa Felicidade 4| Datas comemorativas 5| Dicas de Português

Confira as dicas de redação para concursos de vestibulares.

6| Aconteceu 6| Batizados 6| Aniversariantes 7| Música e fé 7| Curiosidades Católicas

Você sabe o que são alfaias? Veja na página 7

8| Missas 8| Confissões 8| Atividades


E vai que... mana um dos participantes, na rua principal do seu bairro, flagra você jogando uma ponta de cigarro pela janela do seu carro. * Você colaborar com o tráfico? Jamais, claro! Mas VAI QUE aquela fezinha no jogo de bicho...

* Pois é! Como dizem, você desce a escada todo confiante E VAI QUE... * Você tem dificuldade de controlar suas emoções, bem como suas palavras, e diz um monte para aquele motorista que fechou você bem no cruzamento E VAI QUE no dia seguinte você encontra o sujeito ali, lado a lado, dentro da igreja, na procissão da comunhão. * Você, na verdade, não costuma ler nada da Bíblia E VAI QUE neste início de ano um colega de trabalho decidiu participar da Catequese com Adultos e quer que você – justamente você - lhe ensine a manusear os Livros Sagrados e pede que você lhe explique várias passagens de texto.

Expediente

* Você, na Pastoral familiar, diz publicamente que uma das maiores fraquezas de um cristão é o hábito de fumar, ainda mais quando há crianças na casa, E VAI QUE no correr daquela se-

2

* Furtar alguma coisa? Algo totalmente contra os seus princípios desde criancinha, mas VAI QUE uma barra de chocolate que cabe direitinho no seu bolso... * Toda educada e educadora você diz para seu filho não gritar em casa E VAI QUE meia hora depois você tem uma discussão mais acalorada com seu cônjuge e... * Você garante que não mente jamais E VAI QUE lhe perguntam se ama a Jesus com toda a sua mente, com toda a sua alma e com todo o seu coração... * No seu posto de trabalho você já cometeu algumas injustiças, e reconhece isso. E VAI QUE sem mesmo esperar, cai-lhe sob os olhos aquele texto pequenino de Mateus 5,20: “Se a justiça de vocês [seguidores de Cristo] não for maior que a dos escribas e fariseus, vocês não entrarão no Reino dos Céus”. * Você sabe e sente na pele que a semana é como a curva

de Gauss em que há uma aceleração e uma desaceleração no ritmo de trabalho. Você sabe também que o domingo é o DIA DO SENHOR - E VAI QUE, bem relacionado, tem um grupo de amigos que todo fim de semana estende a você convite para churrasco, cervejada, rodízio de aperitivos ou pescaria E VAI QUE você topa sempre em vez de... * Você diz que ajuda a quem precisa E VAI QUE na época das catástrofes, por causa de tanta chuva, nada pingou ainda do seu bolso. * No Pai Nosso, ensinado por Jesus, rezamos: “perdoai-nos as nossas ofensas assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido” (Mateus 6,12) E VAI QUE quanto àquela velha rixa com o vizinho, com aquele parente... * E VAI QUE você vê a necessidade de fazer um seguro de vida, como aquela empresa ou outra sugere. E VAI QUE você se convence, também, de fazer um seguro contra aqueles que podem matar a alma (cf. Mateus 10,28) e daí dá uma dentro! * E VAI QUE você não gostou nem um pouco do que aqui escrevemos... * Então vamos parar porque senão VAI QUE...

Diretor espiritual: Pe. Toninho Secretaria: Cleonice Pastoral da Comunicação: Daniel de Paiva Cazzoli, Márcia Chequer Greppi Pellegrini, Andrezza Tronco, Luiz Carlos Spera, Valquíria Beltramini Designer: Valquíria Beltramini Contribuição: Daniel de Paiva Cazzoli, Andrezza Tronco, Clemente Raphael Mahl, Ana Lúcia Garcia Beltramini, Aparecida Spatuzzi Revisão das matérias: Daniel de Paiva Cazzoli Impressão: Gráfica Neiva Rua Parque Domingos Luiz, 273 - Jd. São Paulo - tel: 2979-9270 Site: www.nsaparecidajsp.com.br E-mail: informativonsaparecida@yahoo.com.br / paroquia@nsaparecidajsp.com.br

Clemente Raphael Mahl


Campanha da Fraternidade 2011 Tema: Fraternidade e a Vida no Planeta. Lema: “A Criação Geme em Dores de parto” (Rm 8,22)

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) propõe a cada ano, através da Campanha da Fraternidade (CF), um itinerário evangelizador fortemente voltado para a conversão pessoal e comunitária, em preparação à Páscoa. Em 2011, a CF atinge um marco importante pela 47ª vez! Os objetivos gerais da CF são sempre os mesmos e decorrem da missão evangelizadora que a Igreja recebeu de Jesus Cristo: em vista do mandamento do amor fraterno, despertar e nutrir o espírito comunitário no meio do povo e a verdadeira solidariedade na busca do bem comum; educar para a vida fraterna, a partir da justiça e do amor, que são exigências centrais do Evangelho; renovar a consciência sobre a responsabilidade de todos na ação evangelizadora da Igreja, na promoção humana e na edificação de uma sociedade justa e solidária. Durante esses quarenta e sete anos, a CF passou por três fases distintas: no início, os temas eram mais relacionados com a renovação da Igreja (1964 e 1965) e a renovação pessoal do cristão (1966 a 1972). Na segunda fase (1973 a 1984), a preocupação era mais voltada para a realidade social mediante a denúncia do pecado social e a promoção da justiça (Gaudium ET Spes, Medellín e Puebla). Na terceira fase (de 1985 até o presente), a Igreja no Brasil propõe temas de reflexão e conversão relativos às várias situações sociais e existenciais do povo brasileiro, que requerem maior fraternidade.

Em 2011 estaremos falando sobre meio ambiente, a gravidade do aquecimento global e das mudanças climáticas – causas e consequências. Tema: Fraternidade e a Vida no Planeta; Lema “A Criação Geme em Dores de parto” (Rm 8,22). Não há como não se dar conta que esta campanha está ligada à de 2010, afinal o fator econômico não está relacionado à situação de nosso planeta hoje? Somos todos moradores de uma mesma casa; gostando disso ou não estamos interligados. Não há como simplesmente virar as costas e não se importar. Se ocorresse uma catástrofe em nível global para onde iríamos? Aquecimento global e mudanças geológicas são reações às nossas ações. A Campanha da Fraternidade de 2011, de maneira primorosa como sempre, vem justamente nos alertar desta verdade: tudo o que fazemos pode prejudicar ou ajudar a salvar nosso planeta e nos dá a oportunidade de como uma família sentarmos juntos e elaborarmos ações para salvar a nossa casa. Em cada catástrofe, seja por terremotos, inundações, podemos sentir o planeta gemer, e a humanidade fazendo o mesmo, pois este gemido tem uma conotação de tristeza imensa. Ainda estamos em tempo hábil para reverter esta situação e transformarmos estes gemidos de dor em gemidos de amor e de esperança. Sim, podemos iniciar um período de gestação e após este período em que nos organizaremos com ações que ajudem a preservar o meio ambiente, receberemos de volta um planeta saudável, resgatando o planeta que nos foi dado por Deus.

Esta campanha não é uma utopia e sim um alerta de que atitudes devem ser tomadas, não por uma minoria, mas por um todo. Este planeta é nossa casa, precisamos ser fraternos, gerar ações que nos levem ao bem comum. E para reforçar nossas expectativas aos Gestos Concretos que com certeza surgirão nas paróquias e na sociedade através da conversão individual e coletiva nesta quaresma, sugerimos para nos estimular ao amor fraterno entre irmãos e irmãs comprometidos com o Meio Ambiente, louvarmos ao Senhor como São Francisco de Assis o fez por todas as criaturas que fazem parte da vida planetária. Que a oração em que São Francisco louva a Deus pelas criaturas nos inspire novas atitudes e nos ajude a ser transformados pelo Espírito de Deus de modo a resgatarmos atitudes de quem cultiva e cuida do seu jardim, esta obra maravilhosa, que hoje requer socorro dos autênticos filhos de Deus, e de todos aqueles que empreendem ações sinceras e despojadas em favor do planeta. Fonte: http://www.passionista.com.br


Santa perpétua & santa felicidade Datas comemorativas Perpétua por duas vezes recusou o pedido de seu pai para renunciar a sua fé.

Perpétua é também conhecida como Vivian Perpétua. Nascida de família nobre pagã. Convertida ao cristianismo. Esposa e mãe. Martirizada com sua criada e amiga, também convertida, Santa Felicitas (no Brasil: Felicidade). Sua história era tão popular que Santo Agostinho chegou a advertir aos cristãos que lessem também as Sagradas Escrituras. Elas foram martirizadas para renunciarem a sua fé e oferecerem  sacrifícios aos deuses pagãos. Tendo recusado,  foram atiradas às bestas mas milagrosamente  as feras não a atacaram e o pró-cônsul encarregado do martírio, furioso, ordenou que fossem degoladas, em 7 de março de 203, em Cartago, Norte da África.

Ela e Felicitas foram açoitadas e dilaceradas por um leopardo e um urso, mas não foram mortas. As mulheres foram despidas, mas os seus corpos dilacerados ofenderam a multidão no anfiteatro, e elas foram novamente vestidas. Perpétua, em seguida, foi atirada a uma vaca feroz e depois Felicitas, mas a vaca não a atacou. O carrasco então veio com a espada para a degola, mas quando se aproximou de Perpétua, sua primeira tentativa falhou, errando ainda por várias vezes seu pescoço. Ela então disse que iria guiá-lo para o seu golpe fatal. Assim, a multidão viu que ela não poderia ser morta a não ser que aceitasse, e este milagre converteu centenas de espectadores conforme o historiador contemporâneo Euzebius.   Elas foram incluídas no Calendário Romano. Foram sepultadas na Basílica de Majorum, em Cartago. Sua festa é celebrada no dia 7 de março. Fonte: http://www.cademeusanto.com.br

05 - São Domigos Sávio 07 - Santas Perpétua e Felicidade 09 - Quarta-feira de Cinzas 11 - São Constantino 12 - São Gregório I 15 - Santa Luísa de Marillac 17 - São José de Arimateia 18 - São Cirilo de Jerusalém 19 - São José 25 - Anunciação do Senhor 27 - Santa Lídia 30 - São João Clímaco

Louise de Marillac nasceu em Paris, numa família nobre e rica. Educada em ambiente católico, foi casada, teve 1 filho, ficou viúva e se dedicou aos pobres. Juntamente com São Vicente de Paulo realizou uma obra de caridade em toda a França e fundou a Congregação das Filhas da Caridade. Criou as damas de caridade para socorrer aos doentes e famílias carentes. Luíza viveu e morou na periferia de Paris. Morreu no dia 15 de março de 1660. Suas últimas palavras foram: “Amai aos pobres, doentes e crianças. Respeitaios como o próprio Jesus Cristo.” Fonte: http://www.marillac.g12.br

Áreas: Contábil, Fiscal, Trabalhista e Previdenciária, Encerramentos de empresas e Transferências, Certidões

(11) 2978-3884 trinconi@uol.com.br Rua Outeiro da Cruz, 572 - Jd. São Paulo CEP 02041-040 São Paulo – SP


dicas de português portância de nos familiarizarmos com diversas fontes informativas, sejam revistas, jornais e livros em geral; * Praticar significa, em seu sentido literal, constantemente exercer a escrita, pois a cada produção adquire-se uma nova performance, atribuída pela ampliação do vocabulário e, consequentemente, pela boa qualidade da competência discursiva;

A Redação nos Concursos e Vestibulares Ao longo de nossa existência nos deparamos com infinitos obstáculos, uns em menor grau, outros um tanto quanto complexos. Tal afirmativa comprova aquela popular expressão, retratada pelos seguintes dizeres – “Viver tornouse uma arte”. Como artistas deste processo, esta-

mos constantemente tentando superar tais obstáculos e, sobretudo, posicionarmo-nos da melhor forma possível perante aos fatos circunstanciais regidos pela sociedade. Dentre estas circunstâncias figura-se a necessidade de “arquitetarmos” nosso perfil ao campo profissional no intuito de desfrutarmos dos benefícios garantidos por um bom emprego. Mas... tudo isso não nos é gratuito, pois busca e êxito caminham lado a lado.

Todos esses pressupostos, assim discorridos, lembram algo inevitável àqueles que “buscam” – mais precisamente, Enem, concursos e vestibulares. Há uma parte constitutiva, e por que não dizer, elementar, que a eles se referem: a Redação. Muitos a estigmatizam, concebendo-a como algo pavoroso, inacessível. Mas, ao contrário do que a maioria pensa, esta “prova de fogo” tende a ser realizada com tamanha facilidade, bastando para isso um pouco mais de prática. Visando a esta praticidade, seguem relacionados alguns procedimentos que porventura garantirão a eficácia dos resultados que se almeja. Eis, portanto: * Digamos que o passo essencial é mentalizar que não podemos escrever sobre algo do qual não temos conhecimento. Neste ínterim, cercarmo-nos de conhecimentos relativos aos fatos atuais, que funcionam como a palavra de ordem. Grande parte destes exames costumam basear-se em temas polêmicos. Como subsídio, é bom que se ressalte a im-

* Falando em competência, é altamente digno de nota apontar sobre a importância de termos conhecimentos sobre as situações comunicativas que envolvem os interlocutores, retratados pelos diferentes gêneros coparticipantes da nossa posição enquanto seres sociais. Desta feita, há que se mencionar a carta argumentativa, de leitor, o artigo de opinião, o editorial, dentre tantos outros, pois cada um é regido por peculiaridades no que se refere às características de natureza linguística; * Relevante também é o fato de que, enquanto emissores, estamos escrevendo para o “outro” e, para tanto, um dos aspectos que se leva em consideração é a capacidade do candidato em expressar-se claramente, de modo a interpretar dados e fatos, estabelecer relações e conclusões e, consequentemente, questionar e argumentar de modo coerente e coeso; * Ao enfatizarmos sobre clareza, esta, por sua vez, engloba nossa competência relacionada aos fatos linguísticos, isto é, pontuação adequada, parágrafos bem dispostos e cuidadosamente elaborados, sem esquecer que o discurso deve estar em consonância com o padrão formal que rege a linguagem, atendo-se à concordância, regência, e demais elementos gramaticais;  * Outro aspecto, por vezes notório, é a fidelidade ao tema proposto, uma vez que a fuga deste implica na automática desclassificação perante o concurso. O ideal é ler atentamente a coletânea e identificar o tema e o tipo de texto ora requisitado e só então partir para a elaboração do texto em si. Lembrandose de que no momento da escrita algumas falhas são inevitáveis, tais como as rasuras – inaceitáveis, por sinal. Portanto, a sugestão é começar rascunhando as ideias, e antes de passá-las definitivamente para a folha oficial é sempre viável fazer uma releitura, pois, mediante tal procedimento, há a possibilidade de novos acréscimos, supressões, dentre outros, visando senão à perfeição, pelo menos a um trabalho considerado plausível.

Tratamento dos Pés

Não deixe para o final do ano!

TRATAMENTOS DE CALOS, CALOSIDADES, UNHAS ENCRAVADAS, ORTONIQUIA (CORREÇÃO DE UNHAS), TRATAMENTO AUXILIAR P/ MICOSE DE UNHA, ESPECIALIZADO EM PÉ DIABÉTICO.

Marcos S. Garcia PODÓLOGO

Instrumental Esterilizado a 180ºC Rua Paulo Maldi, 183 - Sala 3 - Parada Inglesa CEP 02303-050 - São Paulo / SP

Tes.: (11) 2283-1576 Cel.: (11) 9688-1969 marcossgarcia@uol.com.br

Fonte: http://www.portugues.com.br

Acompanhamento escolar moda masculina e feminina adulto e infantil Fone: (11) (11) 2283-1328 2283-1328 Fone: Av. Leôncio Leôncio de de Magalhães, Magalhães, 1236 1236 || Jd. Jd. São São Paulo Paulo Av.

Física, Matemática, Química e Biologia

William 9638-3430 | 2977-3063 5


Aconteceu

Aniversariantes

Aniversário de sacerdócio do Pe. Toninho - 12/02/2011

Batizados em Fevereiro Aysha Nazareth Jardim Brunna Marcella Nazareth Machaites Enzo Rodrigues Sant’Ana Fernanda de Oliveira Rocha Laís Gambirasi Cabral Laura Vitória Rufino Dias Murilo Belintani Ferreira Natálie Ligêro Miranda Pereira Nathan Junqueira Raul Del Moro Godoy Campanella Gomes Ryan Cabral Alonso Yasmin Nazareth Gomes

Almoço “Porco no Rolete”

01/03 - Druzila Argélia G. Arelhano 02/03 - Claudio Moro Bandolim 03/03 - Sueli Benito Martins 03/03 - Ricky Alves Isidro 04/03 - Manuel de Oliveira Correia 06/03 - Ana Fabiana Almeida Cabral 06/03 - Audemir Sampaio 06/03 - Frederico José de Moraes 07/03 - Maria Vitoria Molento Pontes 10/03 - Carlos Alberto Lopes 10/03 - Celeste C. P. Tecedor 10/03 - Carlos Alberto Lopes 12/03 - Mercia D. B. Catanzaro 14/03 - Elvira da Cruz Pinto Bertolo 14/03 - Maria Cristina C. de Carvalho 14/03 - Thierry Alves Ferreira 15/03 - Rosilda Leite Alves Isidro 16/03 - Angelita G. do Nascimento 16/03 - Monica Lopes 17/03 - Maria Aparecida G. Sani 17/03 - Nancy Rosa Lima Borges 18/03 - Nilza Pereira Louro Ferreira 18/03 - Abel Joaquim Fernandes 18/03 - Henrique Spatuzzi 19/03 - Vinicius de Andrade Machado 20/03 - Clayton Luciano Romano 20/03 - Irene Lazzarini Coelho 21/03 - Lucila Aparecida C. Papa 25/03 - Cynthia Rinaldi Bardella 27/03 - Alberto Borges 29/03 - Aldo Borelli 30/03 - Maria Aparecida de M. Porfirio 31/03 - Cecilia Kulik Mussolini 31/03 - Maria Fernandes Dias Hipolito

Noite Árabe 01/05 – 12h30 Salão Paroquial R$ 35,00

19/03 - 20h Salão Paroquial R$ 20,00 convites à venda na secretaria.

vendas a partir de 19/03

Despachante JARDIM SÃO PAULO *Assessoria de Despachos Paulo - Gisele *Licenciamento *Renovação de C.N.H. (11) 2971-0550 (11) 2283-4694 *Serviços Junto ao Detran

Cel: (11) 7891-6716 ID: 121*60415 Rua Carlos de Laet, 103 - Cep 02041-000 - Jd. São Paulo - SP (próx. ao Metrô - Esquina c/ Leôncio de Magalhães Alt. 1074)

Dra. Patrícia V. Cordeiro Quispe MEDICINA OCUPACIONAL DERMATOLOGIA CRM 91836 Av. Nova Cantareira, 1984 sala 142 Tucuruvi - São Paulo SP

2597-8743 9312-6118

consultadermatologia@terra.com.br


Música e fé A música sempre teve o seu papel na história da humanidade. Aristóteles dizia que a música era uma arma tão poderosa que deveria ser controlada pelo Estado. Isto porque ela influencia diretamente o comportamento humano. Desta forma, devemos tomar cuidado com o tipo de música que ouvimos atualmente. O mercado musical é bombardeado por músicas de apelo sexual e outras que instigam abertamente a violência.

Que tipo de música você tem ouvido atualmente? Ela traz paz ao seu coração? Ela ofende a sua fé? Em vez de ouvir coisas que lhe ofendem os ouvidos, ouça a voz de Deus através de seus filhos amados que utilizam a sua voz e musicalidade para louvar ao Senhor. Quero indicar um álbum de um grupo católico que me traz muita paz e leva a uma profunda intimidade com Deus. Este grupo se chama “Missão Mensagem Brasil” e o álbum que indico deles é: “Vinde, amados meus!”.

Aproveite a oportunidade de ouvir uma boa música e louvar ao Senhor ao mesmo tempo. Ana Lúcia Garcia Beltramini

Curiosidades Católicas Alfaias e Livros Litúrgicos

Livros litúrgicos

Alfaias É o nome que se dá ao conjunto dos objetos litúrgicos usados nas celebrações. “Com especial zelo a Igreja cuidou que

Missal - Livro usado pelo sacerdote na celebração eucarística. Lecionário - Livro que contém as leituras para a celebração. São três: I - Lecionário dominical - Contém as leituras dos domingos e de algumas solenidades e festas. II - Lecionário semanal - Contém as leituras dos dias de semana. A primeira leitura e o salmo responsorial estão classificados por ano par e ímpar. O evangelho é sempre o mesmo para os dois anos. III - Lecionário santoral - Contém as leituras para as celebrações dos santos. Nele também constam as leituras para uso na administração de sacramentos e para diversas circunstâncias. Evangeliário - É o livro que contém o texto do evangelho para as celebrações dominicais e para as grandes solenidades.

as sagradas alfaias servissem digna e belamente ao decoro do culto, admitindo aquelas mudanças ou na matéria, ou na forma, ou na ornamentação que o progresso da técnica da arte trouxe no decorrer dos tempos” (SC 122c). Portanto, templo, altar, sacrário, imagens, livros litúrgicos, vestes e paramentos e os demais objetos devem manifestar a dignidade do culto que, como expressão viva de fé, identifica-se com a natureza de Deus, a quem o povo, congregado pelo Filho e na luz do Espírito Santo, adora “em espírito e verdade”.


Atividades da comunidade

Missas

Segunda-Feira - 15h Terça-Feira - 20h Quinta-Feira - 20h Sexta-Feira - 7h Sábado - 17h Domingo - 8h/10h/19h

Dia

Confissões

Terça e sexta-feira, das 10h às 11h30. Caso haja necessidade de outro horário, agendar na secretaria.

Atividades regulares da paróquia Catequese

2ª feira

Catequese -Adultos

domingos

9h-10h30 14h30-16h 8h30-10h 14h30-16h 19h-20h30 8h30-10h 10h30 -12h 8h30

Pré-Catequese

sábados

9h

Perseverança (crianças que já tenham feito a 1ª eucaristia)

domingos

9h - 10h

Crisma

sábados

14h30

Reunião da legião de Maria

5ª feira

15h-16h30

Recitação de mil ave-marias

segunda 5ª feira do mês

8h

3ª feira 5ª feira sábados

Grupo de oração

3ª feira

20h-22h

última 3ª feira do mês

20h

Reunião da idade de ouro

5ª feira

14h-17h

Missa do Sagrado Coração de Jesus e adoração

primeira 6ª feira do mês

15h

Reunião do grupo de jovens

domingo

11h - 13h

Missa em louvor à N. Sra. Aparecida

dia 12 de cada mês

20h

Recitação do terço (Grupo de reflexão N. Sra. de Fátima)

dia 13 de cada mês

15h

Atendimento social da paróquia - Centro Comunitário Bazar permanente

2ª a 6ª

9h às 11h

Clube das mães

3ª feira

13h30 às 16h30

Plantão social

3ª feira

9h30 às 16h30

Hor.

Local

1

ter

Entrega das Cestas Mensais

14h

Sede

3

qui

Reunião da Equipe de Batismo

20h30

Salão

9

qua

Quarta-feira de Cinzas Abertura da Quaresma

20h

Paróquia

12

sáb

Reunião da Equipe - Familiar

14h30

Sacristia

14

seg

20h

Salão

16

qua

20h30

Salão

17h

Paróquia (missa)

17h

Paróquia

20h

Salão

20h

Salão

20h

Salão

Curso de pais e padrinhos

13h às 17h

Salão

Celebração do Batismo

11h30

Paróquia

Reunião do C. P. P.

20h

Salão

19

sáb

25

sex

26

sáb

27 dom 28

Missa do grupo de oração

Atividade

seg

Encontro c/ os pais das crianças da Catequese - 1ª turma Pós-Encontro de Casais com Cristo Dia de São José - Distribuição dos saquinhos de S. José Missa - Encontro de Casais com Cristo Noite Árabe Encontro c/ os pais das crianças da Catequese - 2ª turma Encontro com os pais dos Crismandos

Vende-se um cortador de frios e uma balança de precisão, ambos profissionais. Rita - 2978-3884 | 9614-4585 Afere-se pressão e glicemia, aplica-se injeção em domicílio. Dr. Soroka - 2950-2681 Espanhol - Francês - Português Acompanhamento escolar ou particular Ruth - 2950-2681 O Centro Comunitário pede doação de: fraldas e leite Aulas Particulares - Ensino Fundamental/Médio Profª Rosa - 2950-3313 Rua Parque Domingos Luiz, 486 Blog de evangelização infantil: http://thalitakumsp.blogspot.com Pinturas sob encomenda: Gloria Moredo Tela, tecido, seda - 2979-3914

Jornal - Março 2011  

Editorial E vai que ... Campanha da Fraternidade 2011 Santa Perpétua e Santa Felicidade Datas comemorativas Dicas de Português Nos dias de h...