Page 1

ISSN 2176-1345 ¦ Distribuição Gratuita

Ano VI - Edição nº 74 - Fevereiro 2014

NOTÍCIAS DO MEIO GRÁFICO, ESTAMPARIA & COMUNICAÇÃO VISUAL

AUTOADESIVO

a dinâmica do visual personalizado em decoração corporativa e automotiva

TECIDO ESPECIAL a construção de tecidos especialmente destinados à estampa digital abre espaço para novas opções têxteis na moda e na decoração puxando outros espaços em comunicação visual criativa

Engº Ricardo Morikawa o acadêmico e o técnico sempre em busca da inovação no campus do autoadesivo

Caruaru-PE Polo Comercial 18 a 21 de Março FCEM & ACIC

1


TECNOLOGIA PRODUZINDO RESULTADOS

CARROSSEL AUTOMÁTICO MCA

PRODUTOS 100% NACIONAIS

MÁQUINAS P/ TRANSFER EQUIPAMENTOS P/ SERIGRAFIA

CALANDRAS

POLIMERIZADEIRA /SECADORA

MTCF 500

MTCF 250

MTC 1.800

Elétrica e a Gás Modelos sob consulta

PRENSAS MANUAIS

MESA ELÉTRICA DUPLA P/ JEANS PTI-5 Jeans

PTM-40: 40 x 50 cm

PTM-42 Dupla 31 x 42 cm

AUTOMÁTICAS E SEMI-AUTOMÁTICAS

FLASH CURE MINI FLASH CURE vanguarda.art.br

Pré-secagem de tintas a base d'água ou plastisol

MISTURADORES DE TINTA AUTOMÁTICA PTA-4000: 40 x 50 cm 52 x 72 cm

SR-4 Prensa térmica Para etiquetas Em bobina

PTP-660: 96 x 66 cm

PTP-400 Dupla

PTP - 15

PTP - 900: 85 x 110 cm PTP-1450: 100 x 145 cm

MULT-MIX

MTVR-20

Fone: 47

MT-70

3323-5844

www.mogk.com.br mogk@mogk.com.br Rua 2 de Setembro, 2.877 - 89052-505 - Blumenau - SC

2


editorial

Mudança de

Paradigma No âmbito das escaramuças ideológicas verificadas no meio dos têxteis e a envolver entidades e promotores de eventos, durante 2013, espera-se que tais eventos tenham servido para funda e séria reflexão, pois, ou o Brasil-têxtil se identifica e enfrenta o Governo com as armas que tem, ou vai pentear o rabicho do chinês que ousa ir ao mundo e vender o que faz..., e se não encontra barreiras econômico-alfandegárias a culpa não é dele, mas agradece e vai em frente! E não é só: espera-se que 2014 marque a presença de mais jovens empresários brasileiros no mercado da tecelagem e da estamparia, porque em 2013 já deram uma ideia da mudança de paradigma em que apostam para serem felizes. A criatividade de jovens empresários e estilistas é fabulosa e o Brasil não pode dar-se ao luxo de desperdiçar talentos, ou vai continuar a ser colônia do que é ditado pela moda fora das suas fronteiras. Nestes dois aspectos aqui narrados verifica-se no primeiro caso uma urgência de política empresarial pro-Brasil e, no segundo, como exemplo para o primeiro, um posicionamento de ser-brasileiro no Brasil com aposta na criatividade e no querer sociocultural próprio. Eis o recado para 2014...

NOTÍCIAS DO MEIO GRÁFICO, ESTAMPARIA & COMUNICAÇÃO

a dinâmica do visual personalizado em decoração corporativa e automotiva

TECIDO ESPECIAL a construção de tecidos especialmente destinados à estampa digital abre espaço para novas opções têxteis na moda e na decoração puxando outros espaços em comunicação visual criativa

jb@impressaocores.com.br / junior@impressaocores.com.br

PRODUTOS &

Saiba +

PROMOÇÕES APLIKE

30 Anos De Indústria Brasileira

Agreste Tex 2014 / Caruaru-PE

Engº Ricardo Morikawa o acadêmico e o técnico sempre em busca da inovação no campus do autoadesivo

Sempre presente nos pontos de opinião

Phenix Máquinas o mundo da serigrafia ao seu alcance

06 VITRINE EMPRESARIAL · Tatuagem / um campo industrial 06 PERSONALIDADE · Ray Stanton Avery 08 a 09 ESTAMPARIA, MODA & TÊXTIL DIGITAL · Camiseta & Estilo · Agreste Tex & NTCPE 10 REPORTAGEM · Engº Ricardo Morikawa · Marco Pernambucano da Moda

13 NOVIDADE · Conheça a New Color Screen e seus produtos para estampagem sublimática 15 TECNOLOGIA · Tinta para Serigrafistas

Caruaru-PE Polo Comercial 18 a 21 de Março FCEM & ACIC

I&C

REVISTA

Redação 11 4703.3077 JB 9 9966.5246 Junior 11 4116.0248 Os artigos assinados são de responsabilidade dos seus autores.

VISUAL

AUTOADESIVO

www.impressaocores.com.br

05 PAINEL INDUSTRIAL · Tecnologia Phenix Máquinas · Gênesis / novo tipo de cola adesiva

12 NOSSA CAPA · Autoadesivo para aplicação deco e automotivo · Tecidos Especiaisl

2014

ISSN 2176-1345 ¦ Distribuição Gratuita

Título/Marca de TerraNova Comunic 02.206.278/0001-45 NAE 58822100 Certificado Digital // NF@ Corresp.: Cx. Postal nº16 06717-970 Cotia/SP Edição / Cristiane Ramos [Mtb 39615] & João Barcellos Dep Comercial / JUNIOR Dep Jurídico / Dr Luiz Silva Projeto Gráfico / Pedro Caetano Web / Georg Hans Impressão / QuatroCor Gráfica e Editora

Ano VI - Edição nº 74 - Fevereiro

EXPEDIENTE

João Barcellos – escritor e conferencista. Embu das Artes, Janeiro de 2014.

04 MERCADO · 3M aposta no grande formato digital interativo com o multi-touch. · Mágic Paper / papel antiaderente para alimentos

ASSINATURA

12 Edições por R$50,00 Deposite R$50,00 p/ TerraNova Comunic Banco do Brasil Agª 0916-4 cc 29845X e envie cópia do doc c/ os seus dados p/ revista.ic@uol.com.br ou ligue 11-4703.3077

3


mercado

Papel Especial ATÓXICO MAGIC PAPER

A

caba de ser lançado e já é sucesso nas padarias e confeitarias. É o Magic Paper – Papel Antiaderente, desenvolvido pelo Engº Ricardo Morikawa, para forrar assadeiras e formas de bolo. Este produto inovador facilita a limpeza. E mais: não há necessidade de untar os recipientes para desmoldar o alimento. Magic Paper é fornecido em Rolos com larguras de 300, 400, 500 até 1.000 mm, e comprimentos de 5, 10, 15, 25, 50 e 100 m. Magic Paper / Produtos Especiais magic.paper@outlook.com hmorikawa@gmail.com Fones 11-3964.9184 / 99439.5722

notas de mercado

SINALIZAÇÃO DIGITAL Alto Desempenho emitas, Grande Formato camisetas, bonés, convites personalizados, máscaras, chapéus, e muita decoração com glitter e Interativo purpurina, massas e tintas para a pele..., ah!,tecido,

Carnaval, tintas & flocos

F

muito tecido e tinta sublimática, flocos, e eis que acontece o carnaval. Nas ruas einalização praças, nos salões de baile, em cada eletrônica com 60 corpo toques Imperatriz/MA · CARU · (99)3528.2681 que ousa expressar a alegria, passa o trem da vida. 345.6717 São Luis/MA · CARU · (99)3524.0472 simultâneos... A empresa 3M divulgou na Nos bastidores do sinalização carnaval do3224.5188 Séc. XXI · (21) Cascavel/PR · TUPYSCREEN – (45) praça da digital umexiste novo muita aparelho: Santo Ângelo/RS SILKMAX – (55) 3312.5452 tecnologia: dos nano-elementos na[C4267PW]. formulação deCom tintastela 36.1636 Asunción/Paraguay SERIMAX – (595-21) 297.575 display multi-touch sublimáticasde aos42 desenhos e estampas que se iluminam 54) 3522.9999 polegadas, o aparelho tem a mesma · (54)3226.3555 Representantes: nos tecidos, passando por serigrafi e flocagens em 5.1076 João Pessoa/PB · PB Papéis · (83) 3264.1366 tecnologia de toque aplicada nosassmartphones e tablets aplicações de pura liberdade artística. 77 Goiânia/GO · Silk Shop Serv. (62) 3223.6360Se a marchinha está e oferece a vantagem interativa de rastrear até 60 toques São Paulo/SP · Vera L. Guimarães (11) 2731.5731 089.2450 na memória, a alegria é agora puxada por uma indústria simultâneos. comercialmente à demanda popular porem acessórios O aparelho, atenta que pode ser instalado paredes, tecnológicos e, quanto mais extravagantes melhor...! apresenta o MT7.14 Microsoft Windows 7, driver

S

integrado que permite aos desenvolvedores de software criar outras aplicações. O drive está disponível para download no link 3m.com/multitouch.

4

Excelência na fabricação e comercialização de equipamentos serigráficos

Polimerizadora Esticadora Mecânica

Estufa de Secagem Impressora Hiperpress Linha UV Semi-Automática

LANÇAMENTO! Impressora Carrossel UV para CD e DVD CONFIRA!

www.phenixmaquinas.com.br | Tel.: (41) 3633 1008 Rua José Rocha Magalhães, 395 · Areia Branca · Mandirituba · PR


painel industrial

Gênesis Global

Phenix Máquinas

COLA ADESIVA

POLIMERIZADEIRA

A

dhe Mesh oferece ótima resistência e fixação, além de que, agora, a nova formulação vem com um cheiro agradável. Utilize o Adhe Mesh Bi-Componente para fixar os tecidos técnicos (polyester, nylon e metálicos) em caixilhos metálicos ou de madeira, para garantir a qualidade de esticagem e acabamento. O produto é fornecido com 750 ml de Adesivo Adhe Mesh e 150 ml de Endurecedor (Rápido ou Normal). A preparação é bem simples. Para 100 ml de adesivo, adicionar 20 ml de endurecedor, ou seja, proporção de 1:5.

Polimerizadeira Vulcamphenix é uma estufa específica para secagem têxtil desenvolvida para a polimerização de peças impressas com tintas plastisol. Este equipamento da Phenix Máquinas emite potência (calor) sobre o substrato até 200ºC, regulável no painel, curando em instantes a peça impressa com exclusivo sistema de circulação de ar. O sistema tem coletor que retira os gases resultantes da polimerização, succionandoos para cima, mantendo o ambiente confortável e seguro.

Saiba + Ligue 11-21718000

Saiba + Ligue 41-36331008

A

5


vitrine empresarial

personalidade

TATUAGEM

Ray Stanton Avery

a sinalização das emoções com transfer atóxico

A

ção puramente sociocultural e expressivamente artística, a tatuagem pode ser permanente ou um trabalho lúdico temporário. A tatuagem é exercício antiquíssimo praticado de forma criativa ou ritualística por povos que utilizavam (e utilizam) os próprios corpos para sinalizar uma comunidade ou uma circunstância (social, bélica, mística). Dados arqueológicos dizem-nos de povos asiáticos, africanos e americanos (incluindo o Brasil dos povos nativos) que praticavam a dermopigmentação. Pode se dizer, historiograficamente, que a tatuagem é moda sem prazo de validade, pois, está entre as pessoas como qualquer autoadesivo contemporâneo entre objetos utilitários. Por isso, as fábricas que produzem autoadesivos viram na sua própria matéria-prima uma oportunidade de se expandirem criativamente: assim surgiu a tatuagem temporária para identificar um evento, uma emoção, etc., com papel transfer especial e atóxico. jb

Adobe photopro

Excelência Em Tratamento De Imagens

www photoshopconference com.br

6

criatividade a serviço da

humanidade

Na cidade de Los Angeles, nos EUA, lá por 1935 surgiu o primeiro rótulo autoadesivo e, logo, a primeira máquina para a sua aplicação... Era um quartinho situado em um lance de escadas sobre uma loja de flores. O ´cara´ era um atrevido inventor a brincar de ´deus´ com várias matériasprimas e apetrechos industriais. As vendas desse produto adesivo removível foram feitas para lojas de artigos promocionais e presentes e, ele, Ray Stanton Avery acabava de dar ao mundo industrial mais uma oportunidade de desenvolvimento. Exemplo? Acabara de ganhar 1.319 dólares com o seu autoadesivo. Foi tal a industrialização do autoadesivo e suas tecnologias que a empresa do ´cara´ registrou 18 patentes, segundo a história corporativa conhecida, no âmbito da rotulagem, da etiquetagem e embalagem. Hoje, a empresa Avery-Dennison está em toda a linha de produção do autoadesivo às soluções aplicativas e tem um faturamento de 6 bilhões de dólares, em média, o que é bem elucidativo na comparação com aquele punhado de dólares que, em 1935, fez a alegria do jovem Avery.

Centro de Convenções Rebouças Av Rebouças, 600 SP

Março - dias 24, 25 e 26 55 11

4013.7979 AP&S


7


estamparia moda & têxtil digital

Indústria & Produtos

Estamparia Moda Têxtil Digital

AGRESTE TEX

Camisetas & Estilos

& Núcleo Gestor da Cadeia Têxtil e de Confecções em Pernambuco

uma das vitrines da Moda que é Comunicação Visual por ser Estilo é a Camiseta

U

ma das novidades da edição 2014 é o apoio do NTCPE – Núcleo Gestor da Cadeia Têxtil e de Confecções em Pernambuco. Edílson Tavares, diretorpresidente do NTCPE, afirma que a associação está honrada em apoiar a Agreste Tex. O empresário, que também é presidente da Lavanderia Mamute, especializada em lavagem industrial de jeans, conta: “O evento contribui para a profissionalização dos empresários da região, pois muitos não podem se deslocar para o Sul ou Sudeste e conhecer as novas tecnologias e tendências permitirão às suas empresas se tornarem mais competitivas”. Hélvio Roberto Pompeo Madeira, presidente da FCEM, declarou: “Estamos felizes com a parceria, pois o endosso dado pelo NTCPE reforçará a importância do evento junto aos empresários do segundo maior polo têxtil do Brasil”.

8

S

empre casual no seu tradicionalismo pronto-avestir, a camiseta não é mais tão casual... A indústria da estampagem cria padrões que vestem milhões de pessoas na globalidade mercantil que é a sociedade humanas de hoje: é uma estética maciça que cansa e, às vezes, agride até o bom-gosto. A juventude dos Anos 60 e 70, do Século 20, já tinha denunciado – com belas e temáticas estampas serigrafadas relacionadas à música e à natureza – essa estética que a indústria teima em dar continuidade. Com o surgimento da estamparia sublimática digital [transfer] a juventude do Século 21 tem agora uma opção tecnológica que lhe permite criar modelagens e estampas direcionadas aos diversos interesses socioculturais, regionais, localizados

IC_38_FEVEREIRO_11.indd 5

e étnicos. A estampa serigrafada, por sua vez, ganha muito com este diferencial, porque segue a mesma linha de criação. Entretanto, as facilidades técnicoeconômicas do transfer digital já fez surgirem microempresas em garagens e que em pouco tempo passaram a faturar bem mais do que uma tradicional estamparia de serigrafista. O diferencial? Inovação na forma e no conteúdo aliado a uma visão publicitária de quantidade com qualidade assumida no preço do produto final. Tudo isto significa uma mudança de paradigma produtivo através dos novos comportamentos socioculturais em que se movem as massas consumidoras, e isto traduzse por qualidade na forma e diferença criativa no conteúdo.


9


reportagem

Engº Ricardo um acadêmico de mangas arregaçadas entre empresas inovadoras

P

ara ele o importante é compreender o processo que faz a profissão para lhe definir parâmetros sociais e tecnológicos. Depois, bem, depois é uma questão de genialidade, porque a pessoa só é boa no que faz quando se educa para isso. Eis aqui um acadêmico de mangas arregaçadas entre empresas inovadoras: é o engenheiro químico Ricardo Morikawa. Finaliza o projeto Tecnologia de Autoadesivos para extensão universitária nas Faculdades Oswaldo Cruz, em São Paulo, que é também foco de palestras para profissionais do ramo. Investir no conhecimento geral e especializado é única maneira de garantir a independência das futuras gerações do Brasil, diz. Com quase três décadas como especialista no desenvolvimento de papeis especiais, ele iniciou na MD Papeis e depois fez longa carreira na

Fasson para passar pela Sansuy e estar, agora, na Papeis Havir. Em todas as empresas deixou amigos, por isso, é um especialista que atua com liberdade no mercado, o que lhe dá tempo para desenvolver projetos próprios, como o Magic Paper, um papel antiaderente que elimina a necessidade de untar formas na confecção de bolos e de assadeiras. Sucesso já nas confeitarias e padarias paulistas... Sempre de mangas arregaçadas o Engº Ricardo é o especialista comprometido com a qualidade já na supervisão das matérias-primas, pois, diz ele, o preço justo de um produto depende do processo técnico-científico que lhe deu origem, o resto é arranca-rabo mercantil. No segmento industrial que é o autoadesivo, ensina ele, é preciso educar o próprio meio acerca das tecnologias que constroem o autoadesivo, os seus parâmetros e aplicações, para que não se confundam rótulo e etiqueta... As suas palestras tornaram-se impor-

tantes alertas e focos de incentivo à leitura de manuais técnicos autenticados por especialistas, o que também promove uma busca de cultura geral necessária para a compreensão do meio profissional. Em quase tudo o que fala ele deixa transparecer o acadêmico que não aceita pantufas, ele é o engenheiro para quem desenvolvimento significa estudo e experimentação, projeção e definição de produto para o bem comum. O que aprendeu muito bem da lição de vida familiar: ele é o nipo-brasileiro com família oriunda da Fazenda-Vila Bastos, o centro experimental que tantos especialistas deu à Cooperativa Agrícola Cotia [CAC]; e, desses, muitos descendentes, como Ricardo Hiroshi Morikawa, ajudaram e ajudam o Brasil a galgar as dificuldades do ensino tecnológico projetando experiências peculiares nos centros acadêmicos e no meio empresarial. João Barcellos

Marco Pernambucano da Moda Criado em 2012 pelo Núcleo Gestor da Cadeia Têxtil e de Confecções em Pernambuco (NTCPE), o Marco Pernambucano da Moda é uma incubadora de empresas e projetos, da Indústria da Moda, que tem como atividade final o design no vestuário, acessórios, têxteis e ambientes. Este Marco Pernambucano da Moda é uma autêntica escola de formação de estilistas e designers voltada para a profissionalização na criação e no empreendedorismo, oferecendo suporte técnico, gerencial e ormação complementar.

Rua da Moeda, 46 - Recife Antigo - Recife – PE Fone [81] 3182.1730 / marcopemoda.com.br

10


11


nossa capa AUTOADESIVO

TecidosEspeciais

Um Novo Olhar Industrial & Mercantil

T

ecido. Sabemos que o Tecido Têxtil é uma construção com base em fios oriundos de fibras naturais ou sintéticas, destinado à confecção de inúmeros objetos. Esta é a definição tradicional, porém, entre o fim do Século 20 e o início do 21 o desenvolvimento da indústria têxtil ganhou incentivos técnico-científicos e, agora, duas vertentes do Tecido Têxtil ganham espaços próprios: o NãoTecido e o Tecido Para Impressão Digital. O chamado NãoTecido é construído com entrelaçamento de camadas de fibras que se ligam físicoquimicamente para formar um objeto único. O Tecido Especial, neste caso o Tecido Para Impressão Digital, são uma construção mista de malha, tecido plano, nãotecido e soluções poliméricas formuladas para este desenvolvimento. Por isso, o Tecido Especial pode ser um laminado [estrutura resinada ou estrutura dupla] ou malimo, que é o nome da máquina que faz a sobreposição sem entrelaçamento, mas com amarração por pontos na malha. Com a transposição da impressão digital gráfica para o ramo têxtil [ainda nos Anos 70 do Século 20], a impressão sublimática, ou transfer, galgou posições industriais e mercantis que a colocam, hoje, como

12

referência na base da decoração, da moda e da sinalização. Além do desenvolvimento da plotter [impressora eletrônica], foram formuladas tintas e tecidos especiais com base no tradicional transfer serigráfico e litográfico. Súbito, na alvorada do Século 21, o Tecido Especial Para Impressão Digital permitiu a racionalização espacial do trabalho e a profissionalização tecnológica de antigos estampadores, e isso porque operar a Sublimação Digital, mesmo em grandes formatos, não exige a montagem das velhas e gigantescas plantas industriais. Em tal situação industrial e mercantil, falar de Tecido Especial é esboçar uma indústria têxtil alinhada às opções do não-desperdício e do ideal ecológico para a preservação dos ambientes e das espécies. Fontes: Embaplan, J-Teck Brasil, SGIA Journal [September/October, 2013], Mogk, Isoliner, Ampla, João Barcellos [palestra “Tempo & Espaço Na Nova Indústria Têxtil”, Dezembro-2013], POD-MTex.

Pura comunicação visual a traduzir aspectos socioculturais, a aplicação de películas autoadesivas em objetos de consumo e utilitários é agora uma das referências mais precisas da sociedade industrial. Na vitrine, no carro da família ou na frota da empresa, na decoração da casa ou do escritório, o autoadesivo é um produto que sinaliza estilos e gostos, egos, estampa um conceito e gera moda. E se moda é comportamento individual e coletivo, então, o autoadesivo é o produto industrial que mais faz girar atos que precisam ser visualmente comunicados.

João Barcellos

Obs.: Películas autoadesivas da Aplike das linhas Vinil Jateado Black e Vinil Jateado Corporate

«[...] comunicação visual é retrato social, comportamento, vida pessoal e consumo - logo, uma moda assimilada [...]»


novidade

New Color Screen

inovando com o mercado visual da sinalização e da moda

E

stampas em papel transfer e muito tecido para ser modelado e receber essas estampas em processo de transfer sublimático e impressão digital... Eis o pátio operacional da New Color Screen de hoje, porque há 8 anos ela era um dos pontos principais para serigrafistas no paulistano bairro do Brás. A nova ordem industrial e criativa passa pela estampa sublimática. Nós projetamos uma ideia para o cliente e a desenvolvemos, mas também recebemos o pedido pronto e fazemos o produto final, diz Newton Araújo, o fundador do estabelecimento cuja freguesia não tem idade, mas atua com o pensamento sempre em criação. Já para Geovani Maciel, do departamento de arte-final, foco da maioria do trabalho desencadeado na New Color Screen, a empresa cresceu no momento em que o próprio mercado alterou o curso da produção para apostar na sublimação e na estampa de cores diversas. Com cerca de um milhão de estampas, produzidas a partir da coleção de 400 desenhos diferentes, e milhares e milhares metros de tecido por mês, a New Color Screen possui a área de artes e a área de estampagem, depósito de estampas e depósito de papel-transfer, tudo na mesma rua do Brás. A inovação é a bandeira sempre presente desde a fundação da empresa no meio serigráfico e têxtil, e agora, no meio da estampagem sublimática, diz Newton Araújo, desenvolvemos produtos específicos, como a resina para sublimação para tecido de algodão, líquida e em pasta, aplicável com pincel, pistola ou rolo, possibilitando imagens sensacionais. Entre o atacado e o varejo da produção do visual que faz a moda e a sinalização, a New Color Screen é uma empresa sempre na moda pela qualidade e variedade de serviços que oferece ao mercado! New Color Screen [11-2695.2197 // newcolorscreen@terra.com.br] Rua João Boemer 935 / Brás-SP

13


prodv

2ª edição

çoPE mar a 2rci1al de 18 de CARUARU Polo Come das 16 às 22h

Eventos paralelos:

SEMINÁRIO TECNOLÓGICO ASSOCIAÇÃO ABTT BRASILEIRA DE TÉCNICOS TÊXTEIS

Informações:

www.agrestetex.com.br

Apoio:

Apoio:

INFORMAÇÕES:

FCEM SÃO PAULO: (11) 5589.2880 saopaulo@fcem.com.br

14

FCEM FORTALEZA: FCEM PORTO ALEGRE: (85) 3111.0595 (51) 3382.0700 fortaleza@fcem.com.br fcem@fcem.com.br

Empresa Associada:

Promoção:

Realização:


expoprint. com.br

tecnologia

Tinta Serigráfica Observações Técnicas

A

formulação de produtos químicos obedece a critérios de mistura de substâncias para obtenção de um produto a ser aplicado, artesanal ou industrialmente. A construção de uma tinta para serigrafia tem as mesmas características: é escolhida a matéria-prima que servirá de ´veículo´ [resina ou óleo] à qual se mistura o pigmento [agente da cor], além de outras substâncias que conformam a tinta dependendo da aplicação em perspectiva. Uma tinta aplicada é uma película com propriedades adesivas, por isso, existem formulações específicas para aplicações diversas e, ao mesmo tempo, processos de preparação superficial de materiais que a vão receber quando, naturalmente, negam-lhe compatibilidade. A tinta tem secagem por evaporação [substâncias voláteis] ou por oxidação [reação entre a substância volátil e o oxigênio]. Ficar com atenção a estes pormenores evita aplicações erradas, logo, ajuda a adquirir a formulação certa para o trabalho certo.

A MAIOR FEIRA GRÁFICA DA AMÉRICA LATINA EL MAYOR EVENTO DE LA INDUSTRIA GRÁFICA EN AMÉRICA LATINA THE LARGEST EVENT OF THE GRAPHIC ARTS INDUSTRY IN LATIN AMERICA

TRANSAMÉRICA | SÃO PAULO | BRASIL

16 A 22 DE JULHO DE 2014 JULY 16TH TO 22ND • 16 AL 22 DE JULIO

Ao efetuar o seu cadastro gratuito, você ainda recebe informações sobre o mercado gráfico e as novidades dos expositores da ExpoPrint. Aproveite e ainda concorra a um iPad! www.expoprint.com.br

ASSOCIADOS AFEIGRAF | ASOCIADOS AFEIGRAF | AFEIGRAF MEMBERS

APOIO ENTIDADES | APOYO ENTIDADS | ENTITIES SUPPORT

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DA INDÚSTRIA DE FORMULÁRIOS, DOCUMENTOS E GERENCIAMENTO DA INFORMAÇÃO

Fontes: 1- Da palestra “Tinta

para Serígrafistas”. Tereza de Oliveira; Granja Viana / Cotia, 1997. 2- Fotos capturadas na Web e publicamente

APOIO INTERNACIONAL | APOYO INTERNATIONAL | INTERNATIONAL SUPPORT

expostas para copiagem. REALIZAÇÃO | REALIZACIÓN | REALIZATION

ORGANIZAÇÃO E PROMOÇÃO | ORGANIZACIÓN Y PROMOCIÓN | ORGANIZATION AND PROMOTION

15


16

Revista Impressão & Cores | Edição 74  
Revista Impressão & Cores | Edição 74  

Edição 74 - Ano VII - Fevereiro 2014

Advertisement