Issuu on Google+


Expediente

Os cadernos são uma publicação do Projeto Competências Midiáticas Audiovisuais: O caso de Juiz de Fora. Equipe coordenadora: Gabriela Borges Soraya Ferreira (DRT- MG 3.354) Letícia Torres (DRT-MG 6.503) Francisco Pimenta Eduardo Barrere Bolsistas do projeto: Amanda Cadinelli Amanda Cordeiro Padilha Anna Leão Carla Gonçalves Christinny Garibaldi Guilherme Barbosa Henrique Perissinotto João Mateus Cunha Luana Casilho Moreira Luma Perobelli Monalisa Lima Vitor Resende Arte: Henrique Pessinotto Design e diagramação: Anna Leão Os textos assinados não expressam, necessariamente, a opinião dos cadernos.Permitida a reprodução, total ou parcial dos textos,fotografias e ilustrações, desde que citada a origem.


Editorial

Por que? Para quem? Com quem? Qual a finalidade de se falar em competência e literacia midiática? Nossa cultura atual nos coloca questões e exige uma participação efetiva cada vez maior através dos meios de comunicação que usamos cotidianamente. Os dispositivos móveis, principalmente, têm ganhado destaque nessas novas formas que contamos para produzir, transmitir e armazenar conteúdo informativo, seja ele trivial ou não. Nessa empreitada, diferentes formas que temos para produzir informação apelam de modo incessante. Com as possibilidades surgidas com a convergência midiática (processo de fusão e integração da tecnologia em um único dispositivo multimídia) podemos também produzir esses conteúdos. Assim, percebemos que quanto mais capacitados estivermos para lidar com as diferentes possibilidades surgidas na elaboração das mensagens que queremos transmitir estaremos, certamente, mais habilitados para interferir nas mensagens propagadas. A imagem, a palavra, o som,presentes nas diferentes formas de expressões midiáticas balizam as prá-

ticas de produção de linguagem atuantes nos novos espaços- no ciberespaço. A internet abriu vários horizontes para diferentes grupos, instituições e indivíduos se colocarem. Esta abertura gera a necessidade de sermos cada vez mais críticos em relação às mensagens que trocamos, produzimos e compartilhamos. O espaço público agora também está sendo construído em novo ambiente. Tudo é texto ou vira texto na internet. Desenvolver as competências midiáticas em todas suas dimensões, estética, ideológica e de valores, de linguagem, de processos de produção, no âmbito da análise e da expressão é tarefa que a cultura da convergência coloca para nós, cidadãos. São estes os pontos que este primeiro caderno, de uma série, quer tocar. Boa leitura! Boa reflexão e participação!

1


Literacia Midiatica


A literacia midiática é definida como a capa- cia midiática tem início a partir de algumas cidade de acessar, analisar e avaliar o poder iniciativas da Unesco relacionadas com a das imagens, dos sons e das mensagens educação para as mídias nos anos 1970. midiáticas, assim como de criar conteúdos e No contexto europeu, diversos projetos têm se comunicar de forma competente através sido desenvolvidos desde os anos 1980 para das mídias. É o estágio alcançado pelo ci- definir uma agenda comum de promoção da dadão que desenvolveu competências para literacia midiática. fazer uma leitura crítica das mídias e produ- No Brasil, a mídia-educação procura formar zir conteúdos midiáticos inteligentes e bem cidadãos capazes de ler e analisar de forma informados. crítica as mensagens midiáticas, e também O objetivo do estudo sobre a literacia midi- comunicadores competentes e responsáveis ática é melhorar o conhecimento sobre as socialmente na construção de mensagens diversas formas de mensagens midiáticas éticas. A literacia midiática é a chave para o presentes na acesso às tecnologias da vida cotidiana. A É o estagio alcançado pelo informação e da comuniliteracia midiáticação e para o novo amcidadão que desenvolveu compeca deve preparar biente da comunicação os cidadãos para tências para analisar criticamente e em que vivemos. que possam ser Na UFJF estamos coorcriar conteúdos midiáticos consumidores denando o projeto Comconscientes e petências Midiáticas em produtores de informação. É um dos pré- Cenários Brasileiros e Euroamericanos em -requisitos para o exercício de uma cidada- parceria com diversas universidades para nia ativa e para o usufruto dos direitos de fazer um diagnóstico sobre as competências liberdade de expressão e informação, sendo midiáticas de crianças, adolescentes, univeressencial na construção e manutenção da sitários, docentes e profissionais de comunidemocracia. cação a fim de propor estratégias de formaO estudo sobre o desenvolvimento de ção para a melhoria da literacia midiática dos competências para se alcançar a litera- públicos envolvidos.

3


Dimensoes

~

A competência midiática de um indivíduo é fruto da interação entre a capacidade de interpretar adequada e criticamente as mensagens produzidas pelos veículos de comunicação e da habilidade de produzir e se expressar de forma eficaz em diversos meios. O professor Joan Ferrés Prats, da Universidade Pompeu Fabra de Barcelona na Espanha, afirma que o domínio da competência em comunicação está ligado a conceitos, procedimentos e atitudes que estão relacionados entre si. Ele dividiu estas questões em seis Dimensões:


Tecnologia: compreensão do funcionamento das ferramentas de comunicação, para entender como as mensagens são elaboradas. Também refere-se à capacidade de utilizar essas ferramentas para poder se comunicar. Linguagem: o conhecimento dos códigos, das diferentes estruturas narrativas, das categorias e dos gêneros que compõem os diversos produtos midiáticos. O domínio da linguagem permite ao cidadão analisar de forma crítica as mensagens que recebe e também produzir sua comunicação de forma efetiva. Ideologia e os Valores: a capacidade de compreender as intenções e os interesses contidos nas mensagens midiáticas, perceber que são reflexos de um tempo e dos valores de determinada sociedade. Processos de interação: estão relacionados com uma postura ativa diante das telas, e a habilidade de participar e interagir com os conteúdos midiáticos. Avaliar criticamente os elementos emocionais, racionais e contextuais de uma mensagem, assim como apreciar mensagens de diversas culturas e ser capaz de trabalhar colaborativamente em diferentes plataformas. Processos de Produção e Difusão: o conhecimento das rotinas e dos processos que ocorrem no dia a dia da produção midiática. Reconhecer as diferentes funções e tarefas dos produtores de mídia, bem como as fases que compõe os diversos tipos de produtos de comunicação. Estética: sensibilidade para reconhecer a qualidade estética de uma produção, como ela é formatada, relacionando com outras manifestações midiáticas, artísticas e culturais. Saber avaliar as inovações e originalidade estética de produtos

5


Midia e Cidadania Os conteúdos audiovisuais e as redes digitais estão completamente inseridos no nosso dia-a-dia e determinam de maneira definitiva as nossas relações pessoais e a nossa interação com o mundo. Aprender a usá-los, a dominar os seus códigos e compreender os riscos e potencialidades que comportam, não só do ponto de vista técnico, mas também cultural e ético, é fundamental para a formação de cidadãos conscientes, que sejam capazes de exercer integralmente seus direitos e deveres. Com o desenvolvimento das competências de literacia midiática, os indivíduos agregam novos elementos à sua visão de mundo, como o entendimento das relações sociais e das estruturas de poder, hoje fortemente marcadas pelo desenvolvimento tecnológico e informacional. Articulam também, uma leitura crítica dos meios de comunicação de massa, tornando-se, assim, mais capazes do exercício da cidadania. Cidadania que não é adquirida, mas se constrói a partir das relações concretas, efetivas, entre membros de uma comunidade. Ela começa em casa, estrutura-se na escola, atua no ambiente de trabalho, ganha as ruas e só é plenamente exercida

quando compreendemos a totalidade dos significados produzidos em sociedade. Sociedade essa cada vez mais dinâmica e múltipla. Que exige dos que nela convivem diferentes níveis de aprendizagens e os confronta diariamente com novos desafios. Compreender os modelos comunicacionais do nosso século a partir de metodologias ultrapassadas é não apenas equivocado, mas pode ter graves consequências estruturais. Por isso a urgência em capacitar os cidadãos para que possam atuar de forma ativa frente aos desafios impostos pelos novos desafios impostos pelos novos meios. E isto vale para todos os níveis de relações sociais:de relações sociais: famílias, escolas, empresas, Imagem de parte da equipe na aplicação dos Faculdade de Comunicação da UFJF.


O objetivo dos atuais estudos ligados à literacia midiática e à promoção da cidadania é criar um amplo horizonte que sirva de base e incentivo para todas essas ações.

política, profissionais das mais diversas áreas, jovens, adultos e idosos. A educação para um uso esclarecido e crítico dos meios de comunicação tem que ser tratada como uma dimensão autónoma da educação para a cidadania. Há muito ainda o que se fazer para extrair os melhores frutos de ações que já existem e pensar projetos novos e independentes. O objetivo dos atuais estudos ligados à literacia midiática e à promoção da cidadania é criar um amplo horizonte que sirva de base e incentivo para todas essas ações. Que permita capitalizar as experiências e os conhecimentos adquiridos, de modo que outros possam neles se apoiar. Só assim poderemos construir metodologias que aproximem os atores sociais de seus contextos midiáticos. O domínio da linguagem utilizada em vídeos veiculados na web, a utilização das novas tecnologias de informação, a compreensão de todas as fases de produção e difusão da notícia em um telejornal, a dimensão estética do cinema, os valores contidos em uma mensagem publicitária e a forma como cada um de nós interage com os conteúdos midiáticos são determinantes para a construção dessa nova cidadania, mais ampla, dinâmica e integrada, que dê conta dos desafios do século XXI.

questionários de Competências Midiáticas nos alunos do primeiro período da

7


Nosso

Projeto

Sob o prisma da literacia midiática Inserido nesse projeto, o grupo Mediar elabora e da cidadania construída por meio e leciona oficinas temáticas de capacitação audo ensino audiovisual, o projeto diovisual com ênfase no ensino para crianças de pesquisa e extensão Compe- e adolescentes de escolas públicas. O objetivo tências Midiáticas Audiovisuais: O é desenvolver a capacidade de produção e excaso de Juiz de Fora pretende sis- pressão dentro da linguagem audiovisual, com tematizar os níveis de competên- abordagem em assuntos de relevância social, cia midiática audiovisual e propor contribuindo para a formação crítica dos partipolíticas públicas que estimulem cipantes. o debate e a criação de iniciativas para o fomento da literacia midiática. O grupo integra a Rede Interuniversitária de Alfabetização Midiática (ALFAMED), uma rede internacional de estudos comparativos no contexto da literacia midiática, e atua em conjunto com as seguintes universidades brasileiras UFF, UNB, UFSC, UEPG e UFTM no projeto Competências Midíaticas em Cenários Brasileiros e Euroamericanos. O objetivo é focalizar o estudo em três grupos distintos: alunos do ensino fundamental e médio de escolas públicas e privadas, estudantes do curso de comunicação e jornalismo e profissionais que atuam no campo da Parte da equipe do projeto de extensão Competências Midiáticas Audivosiuais: o caso de Juiz de Fora comunicação.



Literaciamidiaticaeletronica