Page 56

novas realidades, na ausência de qualquer neutralidade, sobretudo, que não se ancora em uma perspectiva de ciência ocidental, instrumentalista, eurocêntrica, que concebe um modo epistemológico como certo, mas que se assenta em uma ecologia dos saberes, nas epistemologias do sul/ sociologia das ausências, pós-coloniais/decoloniais, que busca novas formas de construir o conhecimento. Portanto, a Análise do Conteúdo é colocada como uma possibilidade, pois reconhecemos a importância da objetividade (não sob o viés positivista, que coloca a ciência independente dos processos culturais e subjetivos), e não da neutralidade positivista. Assim, há a importância de distinguir a objetividade da neutralidade, assim, entende-se a objetividade como a necessidade de possuir uma metodologia que possibilite a construção de um conhecimento rigoroso, banalizado e crítico, que seja possível superar perspectivas dogmáticas (doutrinas ideológicas/ religiosas/socioeconômicas/étnico-raciais colocadas como hegemônicas), e ao mesmo tempo reconhecendo a impossibilidade da neutralidade, pois existimos em um mundo atravessado pela desigualdade e pela opressão social, onde não nos permite ser neutros, mas críticos (SANTOS, 2007). Assim em uma perspectiva de Santos, buscamos fazer uso de uma teoria que surge no centro hegemônico de ciência, para realizar movimentos contra-hegemônicos, onde buscamos a reinvenção da emancipação social, fazendo cruzamento com epistemologias alternativas, tornando-as presentes. A Análise de Conteúdo é uma diversidade de instrumentos que possibilita sua aplicação em uma variedade de discursos baseados, sobretudo, na inferência, sendo banalizada pelo rigor com base na objetividade e no potencial em gerir movimentos na busca pelas produções subjetivas. Pode ser definida como “um conjunto de técnicas de análise da comunicação” (BARDIN, 1977, p.31). Desta forma, tem como ponto de partida uma mensagem oral ou

48

Profile for Carlos Lucena

Princípios de movimento de educação do campo: análise dos projetos político-pedagógicos das LEDCs do  

Princípios de movimento de educação do campo: análise dos projetos político-pedagógicos das LEDCs do  

Advertisement