Page 50

CERIOLI; CALDART, 2002; MOLINA; JESUS, 2005; SANTOS, 2008); textos que estão relacionados com os eventos, as Conferências, Seminários e os Manifestos que envolvem a Educação do Campo (BRASÍLIA, 1997; I ENERA, 1997; II CONFERÊNCIA..., 2004, entre outros textos que estão nos próprios cadernos citados anteriormente). Bem como o Dicionário da Educação do Campo (CALDART et al., 2012). Tendo em vista que esses documentos são grandes fontes dos princípios da Educação do Campo, e, assim, com a historicidade e ideologias dos Movimentos Sociais do Campo. Acreditamos que esses diálogos nos direcionam a uma epistemologia dos Movimentos Sociais do Campo. Ademais, também buscamos dialogar com as autoras e autores que em nossa concepção se pautam na produção de um conhecimento com base na sociologia das ausências/ ecologia dos saberes, e que são de origem latino-americana, como: CALDART (2012; 2008; 2003a; 2003b), FERNANDES (1998; 2008a; 2008b; 2005), MOLINA (2002; 2015; 2009; 2014; 2015), RIBEIRO (2012a; 2012b), ARROYO (2012a; 2012b; 2007), entre outros. Além disso, essas autoras e autores consolidam como grandes referências na construção do percurso teórico-práticos do Movimento de Educação do Campo. Sinalizo a utilização de uma diversidade de autoras e autores do Norte, tendo em vista que a epistemologia do Sul enquanto prática e intervenção, não busca romper com os conhecimentos do Norte, mas sim tornar presentes e legítimas outras formas de conhecimento produzidos pelos sujeitos historicamente subalternizados e oprimidos (as epistemologias do Sul), a partir da consolidação de uma biodiversidade de conhecimento, é isso que se procura fazer. Ademais, procura-se centralizar epistemologias latino-americanas, enquanto sujeitos produtores de conhecimentos, ou pelo menos tenta-se, sinalizando a complexidade em um contexto que ainda tende a realizar uma dominação moderna/colonial/epistemicída.

42

Profile for Carlos Lucena

Princípios de movimento de educação do campo: análise dos projetos político-pedagógicos das LEDCs do  

Princípios de movimento de educação do campo: análise dos projetos político-pedagógicos das LEDCs do