Page 227

ARROYO, 2012c; 2007) tendo esses aspectos como princípios educativos. Esta seria uma das marcas de especificidade da formação: entender a força que o território, a terra, o lugar tem na formação social, política, cultural, identitária dos povos do campo. Sem as matrizes que se formam sem entender a terra, o território e o lugar como matrizes formadoras, não seremos capazes de tornar a escola um lugar de formação (ARROYO, 2007, p.164).

Afirma-se o lugar dessa vinculação com o território, a terra, a política, a cultura e a identidade dos povos do campo enquanto matriz do processo de formação dos Educadores, para que sejam capazes de constituir uma escola de formação humana, colocando as discentes como sujeitos, em contraponto a perspectiva bancária de educação, que realiza a manutenção das relações de opressão. Esses Educadores estão na busca de legitimar, valorizar, apreender, assimilar, entender e tornar esses modos de vida princípios matrizes para a escola, assim, a LEdoC tem o papel de se constituir nessa mesma direção. O PPP afirma esse processo, porém, questiona-se a profundidade dessa intencionalidade, que muitas vezes emerge sob o discurso da apenas valorização e respeito, mas que essa vinculação deve ultrapassar a isso, deve ser a radicalidade do processo formativo, matéria prima e produto final da formação humana. A relação com o modo de vida dos sujeitos do campo se direciona a uma visceralidade que vai além do respeito e da valorização, mas a compreensão dessas enunciações culturais como conteúdos educativos que devem estar na Universidade, que devem ser potencializadas/resgatadas e reafirmadas em cada Educador do campo. Evitando que o PPP contribua para discursos como “eu respeito a cultura do campo, mas acho que a Universidade é lugar exclusivo do saber erudito/científico/clássico”, pelo contrário a Universidade é lugar que deve dialogar com a partir da ecologia

219

Profile for Carlos Lucena

Princípios de movimento de educação do campo: análise dos projetos político-pedagógicos das LEDCs do  

Princípios de movimento de educação do campo: análise dos projetos político-pedagógicos das LEDCs do