Page 29

O

passado não está mais apenas nas páginas dos livros, nas prateleiras empoeiradas, na lembrança, muito pelo contrário, nunca foi tão contemporâneo. Nas roupas, no design e, claro, na música. Não são poucos os artistas que buscam nos anos que já foram referências para suas criações, mas não são todos que conseguem fazer isso sem parecer cafona ou sem personalidade. Dissonantes é desses poucos. Talvez o segredo esteja na fórmula, letras sobre amor, acordes simples e empolgantes, influências da melhor qualidade. Olhando assim até parece fácil, mas já são 11 anos buscando um lugar ao sol. Embora as referências, Led Zeppelin, Bob Dylan, pop setecentista e, obviamente, Beatles, já estejam empoeiradas, o grupo é novo, com a primeira formação de 2001. Atualmente o Power Trio conta com Raphael Machado no baixo e vocal, Thiago Rosiak na guitarra e vocal e Bruno Zotto na bateria. De lá pra cá já emplacaram alguns sucessos, como “Amor Retrô”, “Baby Nunca Mais”, “Casa da Molly” e “Você Nunca Vai Ganhar”. Músicas que já embalaram muitas noites curitibanas e, aos poucos, começam a

ganhar projeção nacional. Mas se os Dissonantes já são sucesso de público, com a crítica também vai bem. Em 2008 os curitibanos foram eleitos pelo jornal Gazeta do Povo, periódico da capital paranaense, como a melhor banda do ano. Depois vieram o respeito e a admiração dos ídolos da música nacional Marcelo Camelo e Roger Moreira, líder do Ultraje a Rigor. Também foram escolhidos para uma homenagem que qualquer fã de Beatles gostaria de participar. Juntamente com grandes nomes da música nacional, como Zé Ramalho, Zelia Duncan, Pato Fu, Rogério Skylab, Ronnie Vonn e muitos outros, gravaram um triplo tributo ao Álbum Branco, tido como o mais importante do quarteto inglês. Os Dissonantes ficaram responsável pela música “I’m So Tired”. Responsa heim? E aí é impossível não lembrar aquele velho ditado, “em time que está ganhando não se mexe”, certo? Errado, ou pelo menos os Dissonantes não acreditam em ditados. Sem abandonar a pegada do rock n’ roll, cada vez mais o trio tem apostado em influências mais modernas, arranjos mais elaborados e influências mais contemporâneas. Se eles estão certos ou errados, só o tempo dirá. Mas eles dizem estar se divertindo muito.

www.myspace.com/dissonantes

#29

Profile for Natalia

Curitiba on the rocks  

Livro feito como trabalho de conclusão de curso de Shuellen Woitovicz e Natália Calvoso, finalizado em 2012.

Curitiba on the rocks  

Livro feito como trabalho de conclusão de curso de Shuellen Woitovicz e Natália Calvoso, finalizado em 2012.

Advertisement