Page 1

R EV I S TA

FOTO: JOSÉ IGNÁCIO & POMPEO

FOTO KELLY CESTARI

Nº19 - DEZEMBRO DE 2017 - REVISTA ON LINE

Confira a entrevista exclusiva com a nova fera de São Chico, Ana Luiza Romão Fissmer. Também tem uma galeria irada dos tops no Hawaí e de John John Florence, que conquistou o bicampeonato mundial. O bi de Caetano Vargas no catarinense PRO e mais fotos e vídeos de leitores, galeria de Free Surf e os nossos colunistas tops.

JOHN JOHN FLORENCE É BI

FOTO HARLEYSON ALMEIDA NOB · Dezembro · 2017 1


2

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

3


Entrevista Ana Luiza Romão

182 a 207 4

NOB · Dezembro · 2017


104 e 179 54 a 99

226 a 227 248 e 257 8 a 27 NOB · Dezembro · 2017

5


6

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

7


Lefts and Rights

PAI, FILHO E O SURFE EM BALI 8

NOB · Dezembro · 2017


Thiago Tonello tonellosurf@gmail.com

Ulisses “Io” - Nias Caio Pereira - Nias

A COLUNA E A OPINIÃO SÃO RESPONSABILIDADE DO AUTOR E NÃO DA REVISTA NOB

Fotos arquivo pessoal Caio Pereira

NOB · Dezembro · 2017

9


Caio Pereira - Nias Todo sonho de um surfista de pouca idade é que seu pai fosse surfista, e todo o sonho de um surfista de mais idade é que seu filho seja surfista. Quando começamos a pegar onda geralmente é pela influência de amigos, raras as exceções de um pai surfista ter a sorte de seu filho gostar de surf e os dois surfar juntos. Logo que nos meus primeiros meses em Bali conheci na praia de Balangan o Caio Pereira. 10

NOB · Dezembro · 2017


Um COROA CASCA GROSSA e dono de um currículo de surfe que da injeva a muitos surfistas. Entre todas as histórias loucas de surfe dele a que eu mais gosto é as ondas de 20 pés que ele surfava a muitos e muitos anos atrás em Puerto Escondido no México. Caio conta que nas antigas ele surfava esse tamanho de onda sem leash para não ter perigo de se afogar sendo puxado pro fundo pela cordinha da prancha. A COLUNA E A OPINIÃO SÃO RESPONSABILIDADE DO AUTOR E NÃO DA REVISTA NOB NOB · Dezembro · 2017

11


12

NOB · Dezembro · 2017


Ulisses “Io” - Nias NOB · Dezembro · 2017

13


Nesse dia que conheci o Caio estava com ele seu filho que na época tinha apenas 9 anos de idade, Caio tem mais de 50 anos. O filho do Caio se chama ULISSES porém todos o conhecem por “Io”. Garoto tímido, olha tímido no primeiro encontro mas que dentro do mar chamava a atenção de todos com um surfe de linha e um apaixonado por tubos igual ao pai. O sonho do Caio foi de sair do Brasil para poder dar um futuro no mundo do surfe para seu filho, assim eles escolheram Bali como base e estão vivendo aqui esses últimos 4 anos. É notável a evolução do Io, todos os anos eles passam de 3 a 4 meses em Nias, a onda que o Caio e o Io mais gostam por ser direita porque eles são regular e pela sessão pesada de tubo da onda. Foi exatamente com as imagens de Nias que o Io começou a ser notado nas mídias de surfe, sem medo ele é acostumado a dropar ondas de 8 pés e colocar pra dentro dos canudos de Nias.

14

NOB · Dezembro · 2017


Ulisses “Io” - Asu em Sumatra

NOB · Dezembro · 2017

15


Ulisses “Io” - Nias

16

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

17


Mas não é só nas direitas que Io gosta, o mais emocionante é ver o Io surfando as esquerdas de Uluwatu na sessão mais casca da onda chamada Inside Corner, essa sessão da onda só funciona na maré seca com menos de um metro de profundidade dos corais, mas isso não é barreria para Io, ele sempre está lá dropando as maiores da série e colocando pra dentro dos tubos de backside com a mão na borda. Esse garoto tem talento e um coração maravilhoso, é possível ver o amor que seu pai transmite pra ele, além de ser o técnico e fotógrafo. Caio ainda surfa porém só quando o mar está grande e perfeito e aí é possível ver pai e filho em ação juntos dentro da água, porém se o mar está menos o Caio fica na praia fazendo as fotos do Io e ajudando o pequeno Io como técnico.

18

NOB · Dezembro · 2017


Ulisses “Io” - Asu em Sumatra

Ulisses “Io” - Asu em Sumatra

NOB · Dezembro · 2017

19


Ulisses “Io” - Nias 20

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

21


Ulisses “Io” - Nias

Ulisses “Io” - Nias

22

NOB · Dezembro · 2017


Ulisses “Io” - Asu em Sumatra

Ulisses “Io” - Uluwatu

NOB · Dezembro · 2017

23


Ulisses “Io” - Asu em Sumatra

24

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

25


Estou escrevendo essa matéria no dia 29 de Dezembro de 2017 às 18h15, hoje mesmo eu estava surfando em Nusa Dua aqui em Bali e pude dividir o line up com o pequeno Io por algumas horas e quando cheguei na areia depois da sessão de surfe estava na praia o Caio com sua filhinha pequena, a Florinha, logo que pisei na areia o Caio já me perguntou como o Io estava surfando... Pai coruja esse !! Caio e Io são famosos no Brasil e pelo mundo a fora porque encontram todos os dias pessoas do mundo inteiro e todos perguntam para eles qual o Facebook é Instagram dos dois, Io hoje tem vários patrocínios e sonha em continuar vivendo como Free Surfer. É extremamente gratificante e emocionante ver um garoto de 13 anos apaixonado pelo surf como é esse garoto e seu pai. Pra quem quiser acompanhar a trajetória deles nas redes sociais e o Instagram (@ulissesfreesurfer e @caiopereirabali) deles. Obrigado Caio e Io pela oportunidade de escrever sobre vocês e obrigado também a todos os patrocinadores do Io por fazer do sonho dele uma realidade. Abraço a todos e boas ondas !! Caio e Io são patrocinados por: @greenishbr - @surfteccel @silverbaybrasil - @arnette - @bananawax - @fsoutoshaper @hlelotsurf - @rawelementsbrasil - @dcofibras Texto: Thiago Tonello Fotos arquivo pessoal Caio Pereira 26

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

27


28

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

29


NOEL SURFIS 30

NOB · Dezembro · 2017


STA

As sessions natalinas de Carlos Bahia já são tradição em Maresias, litoral norte paulista. A novidade deste ano é que o “Papai Noel Surfista” resolveu inovar e trocou as renas pelo foilboard, a prancha que flutua sobre as águas. “Natal é época de renascimento. É época de reacender o fogo da vida, de renovar os sonhos para o ano novo. Desejamos a você um Feliz Natal e um Ano Novo muito próspero. Esperamos, por mais um ano, compartilhar grandes momentos e conquistas”, deseja Carlos Bahia.

NOB · Dezembro · 2017

31


ENDEREÇO: R. GRACIOSA, Nº 867 32

NOB · Dezembro · 2017


3436-0589

- GUANABARA, JOINVILLE - SC

NOB · Dezembro · 2017

33


COMO LER A “NOB“ DI

O ícone em Vermelho com vídeo representa conteúdo extra da REVISTA NOB 34

NOB · Dezembro · 2017


IGITAL

PRANCHAS DE COMPETIÇÃO, INICIANTES, LONGBOARD, MERREQUEIRA, NERVOSINHA, FUN OU STAND UP PADDLE

E NCOM E ND E SUA N AV E DE EP OX Y Pranchas - Alta Performance - Fish - Gun Performance Moderna e Novos lançamentos.

E QUIPAM E N TOS DE S U R F

Podemos ajudá-lo a definir o tamanho e suas medidas ideais para você evoluir no surf.

Clique para ver os vídeos e o conteúdo extra

E QUIPAM E N TOS DE S U R F

Temos os melhores equipamentos de surf e também fazemos consertos de Pranchas.

(Youtube e Vímeo)

Veja as fotos maiores com todos os detalhes das manobras

PRANCHAS DE SURF IRADAS PARA PRONTA ENTREGA OU SOB ENCOMENDA: 478446-0422 NOB · Dezembro · 2017

35


36

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

37


Linhas Salgadas Eu lhes proponho. Sermos felizes, realizar sonhos. Um novo caminho, uma ação. Tornar real aquele sonho escondido lá no fundo, já desacreditado. Só depende de nós. Eu acredito. De coração pra coração, uma fala sincera. A vontade sublime de realizar-se, de encontrar a felicidade. O que lhe falta? Dropar aquela onda grande, conhecer novos picos, viajar. Morar próximo a praia, ter mais tempo livre. Eu acredito.

VAMOS SER FELIZES 38

NOB · Dezembro · 2017


Moacir Kienast moacir@quersurfar.com.br

Cada dia mais, estaremos mais próximos, é só acreditar. E agir. Fazer bom proveito do tempo, ajeitar as rotinas. Desligar a TV. Buscar aquilo que nos soma, nos traz prazer. Não é essa a essência do surfe? Só assim cresceremos juntos, nessa longa e estranha caminhada. Só depende de nós. Vamos, então, fazer? Eu posso. Eu acredito. Se lhe falta remada, reme mais. Se lhe falta fôlego, corra. Se lhe falta tempo, minimize o celular, durma mais cedo. A vida não é só cerveja e rollmops, é ação e reação. Não vamos ver a vida passar, vamos passar pela vida intensamente. O jardim secreto, a casa dos sonhos, está ali. Fotos divulgação

Vamos ser felizes. A COLUNA E A OPINIÃO SÃO RESPONSABILIDADE DO AUTOR E NÃO DA REVISTA NOB NOB · Dezembro · 2017 39


Venha surfar as me Praia Grande

Praia de Fora

Paralelas

40

NOB ¡ Dezembro ¡ 2017


elhores ondas na Canto da V贸

ilha do Mel

2 Casas Novas Completas de 4 e 2 quartos a 50 metros na Praia Grande e no Canto da V贸.

Casas para alugar

55 41 99963- 7067

NOB 路 Dezembro 路 2017

41


Foto Kirstin Scholtz Pipeline Perfeição

42

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

43


44

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

45


GOPRO: BE Em 2017 explodiu nossas mentes. Do fundo do oceano a uma proposta no céu, reviver nossos momentos favoritos de GoPro desta jornada épica que chamamos de vida. Vale muito o click!

46

NOB · Dezembro · 2017


EST OF 2017

NOB · Dezembro · 2017

47


48

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

49


Feliz Vida Livre Resiliência: quando você confronta medos e adversidades para ser ainda melhor No sentido figurado, o dicionário define resiliência como: a capacidade que um indivíduo ou uma população apresenta, após momento de adversidade, conseguindo se adaptar ou evoluir positivamente frente à situação. Esse ano foi transformador. Desdobrei-me em mudanças e desafios pessoais e profissionais e, hoje, sinto ter amadurecido alguns anos em um só. A Carla que escreveu a carta de despedida para 2016, no dia 30 de dezembro passado, não é a mesma deste 27 presente. Talvez, este tenha sido o ano com mais “primeiras vezes” de minha vida, e portanto, com doses extras e convidativas de aprendizados. O ano com mais professores, sendo cada um deles igualmente essencial e inspirador. Observei-me cobrando demais, de mim e dos outros, e aliviei a barra para deixar a vida fluir. Refiz planos quando o céu pareceu colar-se ao chão. Ao perceber que não era o rumo, desviei a rota para dentro de mim, com a humildade de admitir que os caminhos nem sempre se configuram conforme os planos e prazos que fazemos, mas podem nos levar a outros igualmente especiais… Senti o agridoce gosto de experimentar, mais que em qualquer outro momento, a atitude resiliente. Como resultado, segui direções distintas das que queria em meus planos, mas, com menos resistência e com o coração mais sereno. MAS… E COMO ENCARAR ESSAS SITUAÇÕES NEGATIVAS MANTENDO O OLHAR POSITIVO? Se eu pudesse dar apenas algumas recomendações para que você possa aprimorar seu pensamento resiliente em 2018, com base em experiências e ensinamentos que tive, eu diria: 1. RISCOS SÃO INEVITÁVEIS Algumas vezes achamos que podemos falhar, e isso realmente pode acontecer. O medo de ter o coração partido novamente pode vir após uma ruptura. O medo de se candidatar a uma nova promoção, após uma rejeição. O medo do desconhecido em detrimento daquilo que é seguro… Mas, lamento dizer, tudo que vale à pena só vem com algum risco. É um

pacote completo e fechado, e com ele vem a possibilidade de lapso. O grande segredo é saber se recuperar e lidar com a falha, caso ela trilhe o seu caminho, por isso, abraçar suas decisões com coragem é admitir que podemos criar nossas próprias razões para fazer ou não algo. 2. CAIA, MAS NÃO ESMOREÇA Há uma frase que diz: “o problema não é tropeçar, mas apegar-se à pedra.” E aí está o grande quê da resiliência: reestruture-se positivamente. Todas as pessoas bem-sucedidas têm o mesmo em comum: terem, em algum momento da trajetória, falhado. Entenda o fracasso como uma oportunidade para aprender novas habilidades, aumentar a criatividade e se tornar um melhor solucionador de problemas. Encontre novas fontes de sabedoria, energia e força para se concentrar em seus objetivos. 3. ÀS VEZES, A RESPOSTA É “NÃO” A vida nem sempre será perfeita e as circunstâncias vão se estabelecer, sejam ou não da forma como esperamos. Quando a resposta dada a você for “não”, descubra como trabalhar com soluções e recursos que tornem sua vida mais agradável, com a permissão do seu “sim”. Com tempo e determinação, você aprende… e é sobre isso que a vida é feita. 4. SEJA COMPASSIVO CONSIGO MESMO Podemos desacelerar e parar de fugir do desconforto. Aliás, do que tanto fugimos? Se você está enfrentando algo que te deixa infeliz agora, encoraje-se a pensar adiante. Se algo não está disponível nesse momento, o que está? Quais recursos você tem, nesse momento, para aceitar ou mudar a situação desconfortável em que vive? A autocompaixão é uma habilidade que pode ser desenvolvida e que irá ajudá-lo a ter respostas resilientes aos pensamentos negativos. Seja gentil consigo, e, ao mesmo tempo, seja fonte inesgotável de suas próprias emoções positivas.

A COLUNA E A OPINIÃO SÃO RESPONSABILIDADE DO AUTOR E NÃO DA REVISTA NOB

50

NOB · Dezembro · 2017


Carla Cabral carla.jornalismo@gmail.com

5. CONTE COM SUPORTE Em momentos de dificuldade, mesmo que o seu primeiro impulso seja tentar controlar ou enfrentar sozinho, resista. O apoio de alguém é o maior preditor de felicidade a longo prazo. É no instante de compartilhar que você pode encontrar em um abraço alguém que diz: “não importa o que está havendo, eu cuido de você.” Para ajudá-lo a superar problemas, amigos e familiares de confiança podem fazer a diferença para que se sinta mais otimista, confiante e capaz. Você pode descobrir que esses pequenos atos de cumplicidade e conexão tendem a proporcionar impulso à sua sensação de bem-estar. 6. ESTEJA ATENTO AOS PENSAMENTOS Há uma nova geração de terapias baseadas em aceitação e consciência plena, e o pensamento resiliente está incluído nesse novo padrão, conforme explicam as pesquisadoras Elissa Epel e Elizabeth Blackburn. Essas terapias não tentam modificar os pensamentos negativos ou o sofrimento, mas sim observá-los, de modo que haja mais clareza a respeito deles. Com a prática constante, eles se dissipam.

7. SEJA GRATO Cultive a prática de agradecer e apreciar. Quando o seu olhar está focado nos presentes em sua vida, você achará mais fácil manter seu espírito elevado para encarar o que precisa ser feito. Agradeça a todos que passaram pelo seu caminho. Ninguém entra em nossas vidas sem que seja para nos fazer crescer. Se alguém apenas vagueou despropositadamente em seus dias, agradeça definitivamente, pois cada momento difícil também nos faz ser quem somos. 8. CULTIVE O AMOR Ofereça seu amor a todos. Sem restrições. Seja qual for o sentimento que as pessoas tiverem despertado em você nos últimos 365 dias, retribua com o seu amor honesto e despretensioso. “Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar.” (Fernando Pessoa). Permita, também, que as pessoas saibam o quanto são apreciadas. Momentos difíceis nem sempre são infortúnios. Na maioria das vezes, são dádivas. Que eles te elevem, alegrem e fortaleçam. NOB · Dezembro · 2017

51


52

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

53


FREE 54

NOB · Dezembro · 2017


GUSTAVO FRANCO - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

CONFIRA AS BELAS IMAGENS DO FOTÓGRAFO JOSÉ IGNÁCIO DE ALGUNS SURFISTAS PELAS PRAIAS DE SANTA CATARINA.

SURF NOB · Dezembro · 2017

55


56

NOB · Dezembro · 2017


GUSTAVO FRANCO - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL NOB · Dezembro · 2017

57


AIRTON THOMAZ JUNIOR - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

58

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

59


ALEXANDRE DE SOUZA - PRAIA GRANDE - SÃO FRANCISCO DO SUL

60

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

61


ARTUR ROMÃO - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

62

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

63


FERNANDO PRISMA - PRAIA MOLE - FLORIPA

64

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

65


HENRIQUE LEÃO - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

66

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

67


ARTUR ROMÃO - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL 68

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

69


70

NOB · Dezembro · 2017


IGOR FORESTER - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL NOB · Dezembro · 2017

71


72

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

73


74

NOB · Dezembro · 2017


HEITOR MUELLER - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

NOB · Dezembro · 2017

75


76

NOB · Dezembro · 2017


IGOR FORESTER - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

NOB · Dezembro · 2017

77


78

NOB · Dezembro · 2017


GUSTAVO RAMOS - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL NOB · Dezembro · 2017

79


80

NOB · Dezembro · 2017


IGOR FORESTER - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL NOB · Dezembro · 2017

81


LEONARDO POFFO - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

82

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

83


LUAN GARCIA - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

84

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

85


LUAN GARCIA - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

86

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

87


LUAN GARCIA - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

88

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

89


LUAN GARCIA - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

90

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

91


LUAN GARCIA - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

92

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

93


LUAN GARCIA - PRAINHA - SÃO FRANCISCO DO SUL

94

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

95


ALCIDES LOPES - PRAIA GRANDE- SÃO FRANCISCO DO SUL

96

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

97


ALCIDES LOPES - PRAIA GRANDE- SÃO FRANCISCO DO SUL

98

NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

99


NOB RELÓGIO COM GPS O primeiro relógio com GPS para surf do mundo para você registrar suas sessões de surf, número de ondas, velocidade atingida, distâncias percorridas nas ondas e muito mais. Saiba mais em:

http://www. ripcurl.com.br

COLEÇÃO IGGY POP X BILLABONG LAB É uma verdadeira honra e privilégio trabalhar com Iggy Pop e apresentarlhe a nossa limitada Coleção Iggy Pop x Billabong LAB, uma homenagem a uma lenda viva. A coleção é um produto da Billabong LAB que é uma divisão da Billabong que colabora com artistas, músicos, designers, fotógrafos e os ícones do surf que inspiram a cultura do surf hoje. O LAB faz meticulosamente a colaboração em uma coleção premium e limitada. A Colecção Iggy Pop x Billabong chega em março de 2018 no Brasil, enquanto no resto do mundo foi lançada em dezembro. 100 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

101


NOB

Restinga da Praia Grande em São Chico, pelo jeito virou estacionamento.

TRISTE D+.

Foto Laura Mandelli

102 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

103


JOHN JOHN FLORENCE (HAV) (@WSL / TONY HEFF)

BI CAM 104 NOB · Dezembro · 2017


MPEÃO NOB · Dezembro · 2017

105


O SEGUNDO TÍTULO CONSECUTIVO FOI CONFIRMADO COM A DERROTA DE GABRIEL MEDINA PARA O FRANCÊS JEREMY FLORES QUE VENCEU O BILLABONG PIPE MASTERS CARIMBANDO A FAIXA DO HAVAIANO NA FINAL. POR JOÃO CARVALHO/WSL

106 NOB · Dezembro · 2017


JOHN JOHN FLORENCE (HAV) (@WSL / TONY HEFF)

NOB · Dezembro · 2017

107


108 NOB · Dezembro · 2017


FLORES E FLORENCE (@WSL / KELLY CESTARI)

NOB · Dezembro · 2017

109


O C N H O J JOHN Infelizmente, faltou onda para Gabriel Medina na bateria contra o francês Jeremy Flores, que acabou garantindo o bicampeonato mundial de John John Florence com a vitória sobre o brasileiro nas quartas de final. Jeremy ainda carimbou a faixa do havaiano na final, para conquistar sua segunda coroa de campeão do Billabong Pipe Masters em memória a Andy Irons. Depois de festejar o título com a torcida que lotou a praia na segunda-feira, John John venceu sua última bateria na semifinal com o pernambucano Ian Gouveia, que ficou em terceiro lugar em sua primeira participação no Pipe Masters. Ele não conseguiu garantir sua vaga na elite, mas será o primeiro substituto dos top-34 no ano que vem, por ter terminado em 23.o lugar no ranking final do World Surf League Championship Tour 2017.

JOHN JOHN FLORENCE (HAV) (@WSL / POULLENOT) 110 NOB · Dezembro · 2017


I B O A T S I U Q N O

NOB · Dezembro · 2017

111


JOHN JOHN FLORENCE (HAV) (@WSL / POULLENOT)

112 NOB · Dezembro · 2017


“Sempre foi meu sonho ganhar o título mundial aqui em casa”, disse John John Florence. “Eu fiquei muito nervoso neste evento e nem sei o que dizer, estou tremendo agora. Tanta gente veio aqui na praia torcer por mim e isso foi incrível. Foi um ano fantástico e acho que aprendi bastante sobre mim mesmo com toda essa pressão. Foi assustador ter alguém como o Gabriel (Medina) brigando pelo título, pois ele é um excelente surfista e um grande competidor. O que ele fez na Europa foi incrível, ganhou dois eventos seguidos e teria sido legal se tivéssemos feito a final aqui. Eu quase consegui ser um Pipe Masters, mas estou feliz pelo Jeremy Flores. A última onda dele foi insana e ele surfou muito bem o evento todo, então mereceu a vitória”. NOB · Dezembro · 2017

113


114 NOB · Dezembro · 2017


PIPE LOTADA (@WSL / POULLENOT)

NOB · Dezembro · 2017

115


GABRIEL MEDINA (SP) (@WSL / TONY HEFF)

116 NOB · Dezembro · 2017


“Estou bem cansado agora, porque dei tudo de mim lá dentro d´água”, disse Gabriel Medina. “2017 foi um grande ano, apesar de uma lesão que tive no início do ano, que não foi bom pra mim, mas tentei fazer o meu melhor. Eu tive alguns resultados ruins, mas também consegui bons resultados. Foi um ano longo e é difícil lidar com estes altos e baixos, isso foi estressante, mas faz parte do jogo. Meu objetivo aqui era chegar na final, não consegui, mas no ano que vem estarei de volta com tudo de novo”. NOB · Dezembro · 2017

117


JEREMY FLORES (FRA) (@WSL / POULLENOT)

118 NOB · Dezembro · 2017


Antes de perder pela segunda vez para Jeremy Flores na segunda-feira, Medina tinha feito a melhor apresentação do Billabong Pipe Masters esse ano. A maioria da torcida de John John Florence achava que Kelly Slater poderia encerrar a disputa do título mundial nessa bateria, mas Medina liquidou o maior ídolo do esporte logo nas duas primeiras ondas que surfou. Foram dois tubaços no Backdoor que valeram notas 8,90 e 9,07 para o brasileiro fazer o maior placar do ano em Pipeline, 17,97 pontos de 20 possíveis. No entanto, o mar estava bastante irregular na segunda-feira. Algumas baterias aconteciam com boas ondas, outras não e foi assim no confronto de Gabriel Medina com Jeremy Flores nas quartas de final. Na bateria anterior, John John Florence pegou altos tubos contra Julian Wilson e chegou perto do recorde de Medina com os 17,60 pontos que somou com notas 8,83 e 8,77. Depois, as ondas pararam de entrar e o francês conseguiu pegar o melhor tubo da bateria para acabar com a chance de bicampeonato do brasileiro por 12,76 a 6,04 pontos. NOB · Dezembro · 2017

119


MAYCON PAHL DA SILVA Irmão de Jean da Silva

120 NOB · Dezembro · 2017


GABRIEL MEDINA (SP) (@WSL / TONY HEFF)

NOB · Dezembro · 2017

121


GABRIEL MEDINA (SP) (@WSL / TONY HEFF)

122 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

123


Com a derrota de Medina, dois brasileiros ainda tinham objetivos a atingir no Pipe Masters. Se chegasse na grande final, o potiguar Italo Ferreira tiraria o título de campeão da Tríplice Coroa Havaiana do norte-americano Griffin Colapinto, uma das novidades entre os top-34 do CT 2018. Italo entrou na bateria seguinte e a condição do mar ainda estava ruim, então arriscou até os aéreos e liderou o confronto até Kanoa Igarashi achar um tubo nota 7,67 para vencer por 9,57 a 8,67. Com isso, garantiu o título da Tríplice Coroa para o seu compatriota. Em seguida começaram as semifinais com Ian Gouveia enfrentando o novo bicampeão mundial John John Florence. O pernambucano precisava vencer o campeonato para conseguir a última vaga para o CT 2018 e vinha fazendo grandes apresentações em sua primeira participação nos tubos de Pipeline e Backdoor. Tinha derrotado outro campeão mundial, Joel Parkinson, e achou dois tubos na difícil condição do mar para liderar o duelo com o havaiano até o fim com notas 6,83 e 5,50. 124 NOB · Dezembro · 2017


IAN GOUVEIA (PE) (@WSL / TONY HEFF) NOB · Dezembro · 2017

125


JEREMY FLORES (FRA) (@WSL / TONY HEFF) 126 NOB · Dezembro · 2017


No entanto, John John acha uma onda no último minuto no Backdoor, passa por dentro de um tubo mais longo e ainda manda um aéreo para ganhar nota 8,73 e avançar para a grande final por 12,56 a 12,33 pontos. Esse era o resultado que John John precisava para garantir seu segundo título mundial por ele mesmo. Poderia ter fechado a temporada com chave de ouro com sua primeira coroa de Pipe Masters, mas o francês Jeremy Flores não deixou. O havaiano ainda surfou o melhor tubo da bateria, recebeu a maior nota e somou o 8,93 com 7,23, descartando um 7,03 da sua última onda. Jeremy só reagiu no final, entrando na briga com um tubo 7,90 e conseguiu a virada com o 8,33 recebido no último que surfou, mudando o resultado para 16,23 a 16,16 pontos. O francês chegou no Havaí com sua vaga ameaçada na elite e saltou da 19.a para a 15.a posição no ranking com sua segunda vitória no Billabong Pipe Masters. E conseguiu isso derrotando os dois melhores surfistas da temporada. “Ganhar o Pipe Masters contra o John John Florence assim, no Backdoor perfeito com uma onda nos últimos segundos, foi demais”, disse Jeremy Flores. “Eu nem poderia sonhar com uma maneira melhor de vencer o Pipe Masters. Parabéns ao John John e ao Gabriel (Medina), vocês estão em outro nível. Meu objetivo era vencer esse evento, mas conseguir isso é muito louco. Para ser sincero, eu não gosto de ser aquele cara que entra na briga de um título decisivo. É por isso que, honestamente, me senti mal quando ganhei do Gabriel. Deveria ser um confronto entre eles, pois esses caras trabalham muito duro também. Eu só queria um bom resultado para não sair do CT e acabei conseguindo ganhar este título para a França, então estou feliz porque isso não acontece muitas vezes”. NOB · Dezembro · 2017

127


FILIPE TOLEDO (SP) (@WSL / POULLENOT)

128 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

129


MIGUEL PUPO (SP) (@WSL / POULLENOT)

130 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

131


MIGUEL PUPO (SP) (@WSL / POULLENOT)

132 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

133


134 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

135


ADRIANO DE SOUZA (SP) (@WSL / POULLENOT)

136 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

137


ITALO FERREIRA (RN) (@WSL / KELLY CESTARI)

138 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

139


140 NOB · Dezembro · 2017


CONNOR O´LEARY (AUS) (@WSL / KELLY CESTARI)

NOB · Dezembro · 2017

141


SURFOU E DEU

142 NOB · Dezembro · 2017


É isso mesmo! A partir de segunda-feira, dia 30 de outubro, você pode cuidar da saúde da sua coluna em um novo endereço. Além da nossa unidade localizada no Iririú, nós investimos em um novo espaço localizado na região central de Joinville para trazer mais conforto e comodidade para nossos pacientes. Venha conferir nosso novo espaço ;) Endereço: Rua Visconde de Taunay, 166. Sala 108, Centro. Fica ao lado da casa de festas Bovary.

Telefone: (47) 3013-1367 NOB · Dezembro · 2017

143


JORDY SMITH (AFR) (@WSL / POULLENOT)

144 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

145


ADRIAN BUCHAN (AUS) (@WSL / KELLY CESTARI)

146 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

147


WIGGOLLY DANTAS (SP) (@WSL / POULLENOT) 148 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

149


CAIO IBELLI (SP) (@WSL / POULLENOT)

150 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

151


ITALO FERREIRA (RN) (@WSL / POULLENOT)

152 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

153


WIGGOLLY DANTAS (SP) (@WSL / TONY HEFF)

154 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

155


CAIO IBELLI (SP) (@WSL / POULLENOT) 156 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

157


GABRIEL MEDINA (SP) (@WSL / POULLENOT)

158 NOB · Dezembro · 2017


Além de John John Florence e Jeremy Flores, outros surfistas festejaram conquistas no último dia do World Surf League Championship Tour 2017. O norte-americano Griffin Colapinto ficou com o título da Tríplice Coroa Havaiana e o australiano Connor O´Leary com o prêmio de “Rookie of the Year”, o melhor estreante da temporada. Outro que também comemorou foi o norte-americano Patrick Gudauskas, que vai retornar a elite no ano que vem porque o potiguar Italo Ferreira entrou no grupo dos 22 primeiros do ranking que são mantidos no CT e dispensou sua vaga no G-10 do QS para o californiano. Como o pernambucano Ian Gouveia ganhando o convite da WSl, a “seleção brasileira” terá onze surfistas disputando o título mundial em 2018, um a mais do que nesse ano. Os campeões mundiais Gabriel Medina e Adriano de Souza, Filipe Toledo, Caio Ibelli e Italo Ferreira, foram os que permaneceram na elite e cinco novidades se classificaram pelo QS, o paulista Jessé Mendes, os catarinenses Tomas Hermes, Yago Dora, Willian Cardoso e o cearense Michael Rodrigues. Os que saíram do time e vão ter que disputar o WSL Qualifying Series no ano que vem. NOB · Dezembro · 2017

159


PLANTÃO Augusto 47 99604-1961 Jeferson 47 99935-7852 Wilhian 47 98843-1786 160 NOB · Dezembro · 2017

COMPRA - VE


! U E S R E PODE S

ENDA - ALUGUA

www.augustooliveiracorretor.com.br

Rua: Babitonga, nº 361 Esquina com a rua São Paulo Joinville/SC

(47)

3278-2883 NOB · Dezembro · 2017

161


GABRIEL MEDINA (SP) (@WSL / POULLENOT)

162 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

163


164 NOB · Dezembro · 2017


FLORENCE (@WSL / KELLY CESTARI)

NOB · Dezembro · 2017

165


166 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

167


168 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

169


170 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

171


Ian Gouveia é

Ian Gouveia (PE) (@WSL / Tony Heff)

Todo o esforço de Ian Gouveia no Billabong Pipe Masters foi premiado pela World Surf League, que oficializou um dos seus dois convites para o pernambucano disputar toda a temporada do Championship Tour 2018. O outro wildcard ficou para Kelly Slater, que se contundiu nesse ano e perdeu a maioria das etapas. O Brasil já havia garantido um feito inédito, de ter o maior número de integrantes na divisão de elite pela primeira vez na história, com os dez surfistas que estavam classificados para o ano que vem. Agora, serão onze contra oito australianos que sempre foram maioria, seis norte-americanos, quatro havaianos, dois franceses, um sul-africano, um português e um taitiano completando os top-34 do CT 2018. 172 NOB · Dezembro · 2017


é confIrmado

NOB · Dezembro · 2017

173


174 NOB · Dezembro · 2017


Ian Gouveia (PE) (@WSL / Tony Heff)

NOB · Dezembro · 2017

175


176 NOB · Dezembro · 2017


Ian Gouveia (PE) (@WSL / Tony Heff) NOB · Dezembro · 2017

177


Ian Gouveia (PE) (@WSL / Tony Heff)

178 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

179


180 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

181


ANA Luiz 182 NOB · Dezembro · 2017


Foto: José Ignácio & Pompeo

zA Romão NOB · Dezembro · 2017

183


Ana Luiza Romão Fissmer Foto: José Ignácio & Pompeo

184 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

185


Texto e fotos: José Ignácio & Pompeo www.byIgnaciofilmes.com.br

Ana Luiza Romão Fissmer

Entre 186 NOB · Dezembro · 2017


Foto: José Ignácio & Pompeo

evista NOB · Dezembro · 2017

187


Ana Luiza Romão Fissmer Foto: José Ignácio & Pompeo

188 NOB · Dezembro · 2017


FALA GALERA!! Depois da última edição da Revista NOB com a entrevista do surfista Heitor Mueller, estamos agora com a Surfista Ana Luiza Romão Fissmer, também daqui da Região Norte Catarinense, Prainha, São Francisco do Sul. Uma garotinha bem loirinha, muita querida por todos na praia e que a mais ou menos dois anos atrás, pegou uma pranchinha totalmente destruída em algum canto da casa e foi direto pra água, conhecer de perto este surf, relata seu pai Roberto Fissmer, cheio de orgulho pela pequena Aninha. NOB · Dezembro · 2017

189


Ana Luiza Romão Fissmer Foto: José Ignácio & Pompeo

190 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

191


Foto: José Ignácio & Pompeo

Ana Luiza Romão Fissmer Foto José Ignácio 192 NOB · Dezembro · 2017


Já no seu primeiro ano de competição, com apenas 12 anos de idade, conquistou inúmeros campeonatos, fechando o ano como Campeã Catarinense de Surf Sub 12. Durante este período de aprendizado relâmpago até as últimas conquistas nesse ano de 2017, incluindo o reconhecimento pela Prefeitura Municipal de São Francisco do Sul, sendo homenageada com o Prêmio Destaque Esportivo de 2017, teve sua precoce carreira apoiada por amigos e empresários locais, sendo patrocinada com pranchas Ledoux. NOB · Dezembro · 2017

193


194 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

195


Ana Luiza Romão Fissmer Foto: José Ignácio & Pompeo

196 NOB · Dezembro · 2017


Com um sorriso lindo, ao lado de seu primo Artur Romão, (um grande nome do surf) e junto a dezenas de troféus conquistados em sua ainda, curta carreira, ela nos conta: “Agradeço ao Eduardo Ledoux, que tem me ajudado muito e sempre me mantendo com uma variedade de pranchas sob medida, que me proporciona surfar qualquer tamanho de onda”. Ela também conta com ajuda do Marcelo da Banana Wax, que patrocina com muitos acessórios para as suas pranchas, além de uma ajuda muito gostosa, que é o Açai do Chucky, que todos os dias, está lá, saboreando. Perguntei a ela, da sua primeira competição. NOB · Dezembro · 2017

197


Minha primeira competição, acabou surgindo de um trabalho na escola, que meu professor Paulo Saad, intitulou como PROJETO ESCOLA NA ONDA. Ele ligou para o meu pai, perguntando se eu poderia participar de um campeonato de surf aqui na Prainha, e de lá pra cá, não parei mais de competir. Hoje, conto com ajuda de meu técnico Leandro da Silva, (outro importante surfista da região), que em 2018 irá me levar para o Campeonato Paulista. 198 NOB · Dezembro · 2017


Ana Luiza Romão Fissmer Foto: José Ignácio & Pompeo

NOB · Dezembro · 2017

199


Ana Luiza Romão Fissmer Foto: José Ignácio & Pompeo 200 NOB · Dezembro · 2017


Perguntei também, de algum momento marcante durante esta caminhada no surfe e ela muito rapidamente, ela respondeu: Foi no meu segundo campeonato (risos), eu não sabia fazer muitas manobras ainda e não tinha categoria feminina, acabei competindo com os meninos e pasmem, terminei o campeonato em terceiro lugar (risos)........(estava feia a situação para os meninos). NOB · Dezembro · 2017

201


Ana Luiza Romão Fissmer Foto: José Ignácio & Pompeo

202 NOB · Dezembro · 2017


“Foi muito legal ter acontecido tudo isso em tão pouco tempo de carreira e ainda conseguir chegar a Campeã Catarinense Sub 12, no meu primeiro ano de competições.” conclui Aninha. NOB · Dezembro · 2017

203


204 NOB · Dezembro · 2017


Ana Luiza Romão Fissmer Foto: José Ignácio & Pompeo

NOB · Dezembro · 2017

205


Ana Luiza Romão Fissmer Foto: José Ignácio & Pompeo

206 NOB · Dezembro · 2017


ANA LUIZA ROMÃO FISSMER

Local: São Francisco do Sul / SC Idade: 12 anos Altura: 1,57 Peso: 42 kg Base: Gufi Objetivo: Ser Campeão Brasileira Sub 14 em 2018 Posição Atual: Campeã Catarinense Sub 12 Manobra que mais gosta: Batida chutando a rabeta. Viagem Internacional: Indonésia Free Surf ou Competição: Competição (risos) Um sonho: Ser Campeã Mundial Família: Tudo, meu pai Roberto, minha mãe Adriana, meu irmão Luiz e minha irmã Daniela, sempre estão ao meu lado e me dando muito apoio. Escola: Importante demais, sem estudo, não tem como seguir em frente. Patrocinadores Ledoux Pranchas de Surf Banana Wax Açai do Chucky Apoios Quiosque da Polaca Santa Madre Bar e Cozinha Mexicana Bar e Restaurante Deck 66 Farmácia São Chico Buenos Restaurante By Ignácio Filmes NOB · Dezembro · 2017

207


208 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

209


Caetano Va 210 NOB · Dezembro · 2017


Caetano-Vargas Bi Campeão Catarinense PRO – Matadeiro PRO 2017 – Foto Douglas Cominski – Shot Spot

argas é BI NOB · Dezembro · 2017

211


Matadeiro consagra o Bicampeão Catarinense Caetano Vargas pelo segundo ano consecutivo. Aconteceu nessa última quarta feira do dia 13 de Dezembro na paradisíaca praia do Matadeiro em Florianópolis a última etapa do Circuito Catarinense

Foto Douglas Cominski – Shot Spot 212 NOB · Dezembro · 2017


de Surf Profissional. O Matadeiro PRO, um evento apresentado por Luan Wood com a Mini Kalzone, trouxe a praia grandes surfistas brasileiros e alguns deles buscando o título do Circuito nessa etapa, sendo cada bateria eletrizante do começo ao fim.

NOB · Dezembro · 2017

213


214 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

215


O evento começou as 8 horas da manhã conforme estava no cronograma e as ondas que oscilavam entre meio metro e séries maiores pela manhã estavam com a formação de boa a regular, até o vento nordeste ficar um pouco mais forte, o que acabou mexendo com a formação das ondas, mas mesmo assim, os atletas que estavam passando as suas baterias, esses estavam encontrando direitas e esquerdas com boas paredes e mandando até 4 ou 5 manobras em uma só onda. Chegando nas quartas de final, as baterias se tornaram de homem a homem, e o vento maral que cada vez apertava mais, deixava o mar ainda mais desafiador para os competidores. Entre os finalistas, um grande destaque foi ao surfista Icaro Ronchi, o qual foi até a semi final, eliminando em seus confrontos anteriores grandes surfistas, mas com as boas escolhas das ondas, Ícaro foi passando as baterias e ainda aplicou a maior nota do evento nas quarta de final, fazendo um 9,80. Jihad Kohdr que também estava surfando muito durante todo o evento, acabou parando na semi final, em uma bateria muito disputada com o surfista de Imbituba João Paulo de Abreu, o qual virou a bateria em sua última onda restando poucos segundos para o termino. Na grande final, o campeão do Matadeiro Pro 2016, Caetano Vargas, estava defendendo o título do ano passado, mas em um dia inspirado e de muita luz, João Paulo dominou a bateria toda e se consagrou o campeão do Matadeiro Pro 2017. 216 NOB · Dezembro · 2017


João Paulo Abreu campeão da etapa Foto Douglas Cominski – Shot Spot

NOB · Dezembro · 2017

217


218 NOB · Dezembro · 2017


Fotos: Aleko Foto Douglas Cominski – Shot Stergiou Spot NOB · Dezembro · 2017

219


220 NOB · Dezembro · 2017


Foto Douglas Cominski – Shot Spot NOB · Dezembro · 2017

221


” Meus sinceros parabéns a todos os envolvidos desse evento! O que vocês fizeram pelo nosso esporte é de uma imensidão que não tem tamanho, com pouco fizeram acontecer, enquanto outros que tem muito não fazem nada pelo nosso esporte! Eu quero deixar aqui meu muito obrigado a todos que de uma maneira ou de outra fizeram parte disso e parabenizar a iniciativa do Luan Wood, que abdicou de muita coisa esse ano para ser Pai e além de tudo fez esse evento para que todos pudéssemos competir! Muito obrigado pelos parabéns em relação a minha pessoa e dedico esse bicampeonato a vocês que foram os verdadeiros guerreiros. ” – Caetano Vargas

222 NOB · Dezembro · 2017


“Agradeço a todos pela vibe! Agradeço ao Paulo, Luan, Cauê e a todos os envolvidos por realizarem mesmo nesse tempo difícil um belo campeonato, uma bela confraternização, para que nós guerreiros aqui pudêssemos mostrar um pouco do que fazemos a cada dia, que é o surf! Agradeço de coração!” – João Paulo de Abreu. Com o resultado de segundo colocado, Caetano Vargas foi o Campeão Catarinense de 2017. ” Estou muito feliz por ter realizado esse evento de alto nível de surf na praia que me proporcionou e me proporciona estar na vida do surf. Infelizmente as ondas não estavam com a cara do Matadeiro, mas ao menos tinham ondas e a galera não só mostrou o seu surf, como deram um show para o público ali presente. Obrigado a todos que prestigiaram o evento e a todos os patrocinadores e apoiadores. Se Deus quiser, ano que vem realizaremos novamente. ” – Luan Wood

NOB · Dezembro · 2017

223


M A H L I A N R A E S S A P 224 NOB · Dezembro · 2017

N E G A


Empresa de transporte marítimo no litoral do Paraná, Baia de Paranaguá, Superagui, ilha das Peças e Ilha do mel.

barcos para Trip de surf, pescarias, passeios e taxis.

MEL

E T N E

Contato

(41)

99245-4346 NOB · Dezembro · 2017

225


NOB

Espaço reservado para leitores, Empresas, ETC... que fazem o bem às praias e a Natureza.

FOTOS: DIVULGAÇÃO

O LIXO NA PRAIA E AS CONSEQU A praia é um excelente local para diversão e férias, sobre isso, não há quem discorde. O que se deve ter em conjunto com esta prazerosa sensação é a consciência da preservação ambiental. Para um simples passeio ou aquele verdadeiro acampamento ao ar livre e à beira-mar, precisamos nos munir de acessórios imprescindíveis como protetor solar, bonés, toalhas e guarda-sol. Além disso, temos que reter os resíduos do que consumimos em sacolas plásticas ou em qualquer outro recipiente. O importante é que sejamos responsáveis pelo próprio descarte adequado desse lixo, para que não contamine a areia e muito menos a água do mar. 226 NOB · Dezembro · 2017


UÊNCIAS PARA O MEIO AMBIENTE Além destas, diversas consequências indiretas são conhecidas e, em geral, são ainda pouco estudadas inclusive em países desenvolvidos. • Contaminação da água e da biota marinha através da liberação de contaminantes adsorvidos aos plásticos, causando impactos em nível populacional; • Redução dos estoques pesqueiros; • Contaminação de peixes e outros organismos que fazem parte da alimentação humana. NOB · Dezembro · 2017

227


PLANTÃO Augusto 47 99604-1961 Jeferson 47 99935-7852 Wilhian 47 98843-1786 228 NOB · Dezembro · 2017

COMPRA - VE


Esse já

! u e s r e pode s

ENDA - ALUGUA

www.augustooliveiracorretor.com.br

Rua: Babitonga, nº 361 Esquina com a rua São Paulo Joinville/SC (47)

3278-2883 NOB · Dezembro · 2017

229


Loja da Oceano em Balneário Camboriú O dia 30 de novembro de 2017 registrou mais um marco na história da marca Oceano de Joinville! Inaugurou a sua primeira loja conceito, em Balneário Camboriú, bem no Norte de Santa Catarina. A flagship fica no Balneário Shopping e, mais do que um ponto de venda, tem a proposta de compartilhar e promover a essência do surf. A loja servirá de vitrine para a marca e traz um conceito inovador para apresentar nossos produtos, comunicar os diferenciais e a vibe da Oceano, através da proximidade do mercado consumidor e atendimento acolhedor que você já conhece. A escolha por Balneário Camboriú para sediar a loja foi estratégica, pois trata-se de uma das praias mais famosas do Brasil, com alto fluxo de pessoas das mais diferentes partes do país e do mundo durante o ano todo. E, na certeza de que nada disso seria possível sem nossa parceria com a galera da Revista NOB, é com muito orgulho e emoção que compartilhamos com você leitores fotos da conquista e realização de mais um sonho da marca Oceano!

230 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

231


Confira o vídeo da diretora Sabrina Eggert para o programa Sportmachine na Inauguração da primeira loja Oceano em Balneário Camboriu. 232 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

233


234 NOB · Dezembro · 2017


Tomas Hermes (SC) Foto WSL / Tony Heff)

Confira o tour de fotos 360º da loja e conheça a primeira loja conceito da Oceano, em Balneário Camboriú.

NOB · Dezembro · 2017

235


236 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

237


238 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

239


MOLHES 240 NOB · Dezembro · 2017


TIME

Segue o link do nosso do novo clip “MOLHES TIME” que foi filmado em apenas uma sessão com os atletas Carlos Castilho, Yago Ramos e Douglas Nascimento. Filmado e editado por Luan Felipe Melo.

NOB · Dezembro · 2017

241


FONE 47

3457-0081 - Barra Velha/SC

242 NOB · Dezembro · 2017


O D A H L E R G O ROBAL

NOB · Dezembro · 2017

243


244 NOB · Dezembro · 2017


O niteroiense Bruno Santos já vem morando em Bali desde o final do ano passado com a família e pelo visto vai muito bem, obrigado. Aqui estão alguns dos canudos surfados com o estilo inconfundível do tube rider na edição de Gui Sodré. Layback & Enjoy!

WILLIAN FEZ UM ANO EXCELENTE NOB · Dezembro · 2017

245


246 NOB · Dezembro · 2017


Foto wallpapers

NOB · Dezembro · 2017

247


Guga Kuerten, Eder Luciano e secretario estadual Esportes Cultura Lazer Leonel Pavan Foto Arquivo Pessoal

ANO DE EX 248 NOB · Dezembro · 2017


XPANSÃO NOB · Dezembro · 2017

249


EDER LUCIANO

Foto Maionara Spengler

250 NOB · Dezembro · 2017


A FECAB - Federação Catarinense de Bodyboarding celebra a chegada do final do ano. Isso porque participou ativamente para recolocar o esporte em evidência, além de elevar atletas ao topo do bodyboarding nacional. Este ano foi marcado como o ano da reestruturação do bodyboard brasileiro, com uma nova diretoria na Confederação Brasileira de Bodyboarding, entidade responsável pelo esporte no Brasil. Um movimento liderado por atletas da elite do esporte, sendo um deles o catarinense tri campeão mundial do ISA GAMES, Eder Luciano, tratou de dar o pontapé inicial desta reorganização, elegendo o catarinense Jarbas Soares como novo presidente da CBRASB. Em sequência, o estado recebeu a Troféu Brasil de Bodyboard, evento realizado na praia do estaleirinho em Balneário Camboriú onde se definiram os campeões brasileiros da modalidade em 2017. Havia dois anos que o circuito brasileiro de bodyboarding não acontecia. Neste evento, a FECAB colocou quatro atletas entre os top 8 profissionais brasileiros, Eder Luciano, Luis Villar e Fernando Gomes entre os homens e Raquel Friedrich entre as mulheres. Além disso, três finalistas da categoria master foram de Santa Catarina, Douglas Junior (Dojule) em segundo, Ronaldo Figueiredo em terceiro e Marco Maciel em quarto. NOB · Dezembro · 2017

251


Marco Maciel, Ronaldo Figueiredo e Douglas Jr finalistas master - Foto Moacir Kienast 252 NOB ¡ Dezembro ¡ 2017


Luis Villar e Eder Luciano Foto Moacir Kienast

Raquel Friedrich Foto Arquivo pessoal 253 NOB · Dezembro · 2017


“Assumi à presidência da CBRASB com o intuito de aglutinar as forças do bodyboard nacional em torno do propósito comum que é o crescimento do esporte. Juntamos todas as forças através de representantes das federações estaduais, e do conselho de atletas, liderados pelo Eder (Luciano). Deixo a presidência da FECAB após muitos anos e parto para uma jornada maior,” diz Jarbas Soares, presidente da CBRASB. Com a saída de Jarbas Soares da federação catarinense, quem assume o comando da entidade é seu vice, Moacir Kienast. Com tantas situações organizacionais e responsabilidades assumidas pela nova diretoria, o circuito catarinense fechou com apenas uma etapa, realizada também na praia do Estalerinho, onde consagrou Eder Luciano e Francis Aoto os campeões profissionais de 2017. Esse foi o nono título estadual de Eder. Devido a crise, outras quatro etapas programadas para este ano não aconteceram, podendo acontecer em 2018. Para encerrar o ano e completar a festa, Eder Luciano foi eleito o atleta do estado de Santa Catarina em 2017, em eleição realizada por votação do público para escolha dos finalistas e votação do campeão pelo conselho estadual do esporte. O prêmio Guga Kuerten de excelência ao esporte teve mais de dez mil votos computados, e mais de 100 atletas disputando as categorias. O bodyboard catarinense ainda teve mais três representantes entre os finalistas de outras categoria. O ranking completo do Troféu Brasil de Bodyboard está no site cbrasb.com.br. por Moacir Kienast - Assessoria de comunicação 254 NOB · Dezembro · 2017


Raquel Friedrich Foto Renato Niels

NOB · Dezembro · 2017

255


256 NOB · Dezembro · 2017


THIAGO TONELLO FOTO MAS FUAT - INDONÉSIA

NOB · Dezembro · 2017

257


258 NOB · Dezembro · 2017


Ligar 47 3445-0831

NOB · Dezembro · 2017

259


LUZ NO TUBO FOTO ED SLOANE PHOTOGRAPHY 260 NOB · Dezembro · 2017


FOTO DO MÊS

NOB · Dezembro · 2017

261


262 NOB · Dezembro · 2017


NOB · Dezembro · 2017

263


EXPEDIENTE Editor: Paulo Roberto de Oliveira Projeto gráfico e tratamento de imagens: Paulo Roberto e Matheus Oliveira Arte e montagem: Paula Franciele Colunistas: Elair Floriano, Banana, Carla Cabral, Thiago Tonello e Moacir Kinest As colunas não representam a nossa opinião e são responsabilidade dos seus respectivos autores e não da Revista NOB Colaboradores: João Carvalho e José Ignácio Jornalista Responsável: Elair Floriano- SC-1167-JP.

47 99760-8414 E_mail: redacao@nasondascombanana.com.br

Contatos para Publicidade:

Endereço para correspondência: Rua Soeli Amaral Ussinger - Nº 7 Joinville-SC - Cep: 89237-113

264 NOB · Dezembro · 2017

Revista Nas Ondas Com Banana (NOB) #19  

Confira a entrevista exclusiva com a nova fera de São Chico de Santa Catarina, Ana Luiza Romão Fissmer. Também tem uma galeria irada dos top...

Revista Nas Ondas Com Banana (NOB) #19  

Confira a entrevista exclusiva com a nova fera de São Chico de Santa Catarina, Ana Luiza Romão Fissmer. Também tem uma galeria irada dos top...

Advertisement