Page 1

Fórum Trabalhando em Grupo Seminário Virtual Grupo A - CINEMA

Representante: Giselle Cacure Pedroso Adriana Alves da Silva

Giane Vidal Doval dos Santos

Ana Júlia de Sá das Neves

Gisele Aparecida Octávio

Ana Lúcia Diniz

Giselle Cacure Pedroso

Andréia Aparecida Marques do Amaral

Ivete Pereira

Andréia Maria Felisberto Fernanda de Fátima Rafael Francisca de Souza Veronice Bertoletti dos Santos

Formador: Fábio Nogueira Kaam

Janaina Vieira Ruivo Laudemir Nunes Marisa Vitale da Silva Solange Ap. Nobre Fiori


Conteúdo

1. A História do Cinema ................................................................................ 3 1.1 O início do cinema no Brasil .................................................................. 3 2. O Cinema e a Educação .......................................................................... 4 2.1 Cinema na Educação Infantil ................................................................. 5 3. Dicas de Filmes para se trabalhar em sala de aula: ................................. 7 3.1 Filmes para se trabalhar com o Ensino Fundamental I e II: ................... 7 3.2 Filmes para se trabalhar com o Ensino Infantil: ..................................... 9 4. Considerações Finais ............................................................................. 12 5. Referências: ........................................................................................... 13


1. A História do Cinema Cinema é uma expressão artística, considerado como a 7º arte surgiu no final do século XIX, em 1895, pelos irmãos Louis e Auguste Lumière. A primeira sala construída especificamente para a projeção de filmes surgiu em Nova York, Estados Unidos, no ano de 1913. Com a Primeira Guerra Mundial, houve um declínio da produção européia, enquanto se assistia a ascensão dos filmes norte-americanos, com o estabelecimento do cinema espetáculo. Um grupo de produtores cinematográficos instalou-se em Hollywood (distrito da cidade de Los Angeles, Califórnia – USA), aonde se concentram os maiores estúdios cinematográficos do mundo:

20th

Century

Fox;

Paramount

Pictures

(DreamWorks), Sony Pictures Entertainment (Columbia Pictures e TriStar Pictures), NBC Universal e Warner Bros. Entertainment. Para se chegar à projeção cinematográfica atual, muitos processos de investigação foram feitos, tornandose um mercado exigente para diferentes áreas do saber. Não são apenas artistas e atrizes que brilham nas cenas dos filmes, mas há também uma grande equipe de trabalho até chegar ao seu contexto final. O Oscar, troféu concedido anualmente às melhores produções de cinema, em 24 categorias, foi criado em 1927. A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood responsável por outorgá-lo, compõe-se de cinco mil membros, entre atores, atrizes, produtores, roteiristas, cenógrafos, diretores e fotógrafos. O principal evento do cinema europeu é o Festival de Cannes, que acontece anualmente em maio, na França. Hoje, o cinema faz parte do cotidiano de todos nós, inclusive em nosso trabalho, com nossos alunos, pois muitas vezes utilizamos desta maravilhosa tecnologia como ferramenta de aprendizagem como veremos a seguir.

1.1 O início do cinema no Brasil Afonso Segreto e Paschoal Segreto, irmãos italianos, foram os precursores do cinema no Brasil. A primeira exibição de cinema no Brasil aconteceu em 8 de julho de 1896, no Rio de Janeiro, por iniciativa do exibidor itinerante belga Henri Paillie. Naquela noite, numa sala alugada do Jornal do Commercio, na Rua do Ouvidor, foram projetados oito filmetes de cerca de um minuto cada, com interrupções entre eles e retratando apenas cenas pitorescas do cotidiano de cidades da Europa.


Só a elite carioca participou deste fato histórico para o Brasil, pois os ingressos não eram baratos [4]. Um ano depois já existia no Rio uma sala fixa de cinema, o "Salão de Novidades Paris", de Paschoal Segreto.

2. O Cinema e a Educação “Um filme não precisa ser didático para ensinar valores importantes na formação dos alunos”, Gabriel Navarro – Educar para Crescer, Ed. Abril.

O Cinema é uma forma de expressão, comunicação, informação e entretenimento. Podemos nos emocionar, refletir sobre algo, aprender e ensinar através dele. Ele é capaz de despertar o espírito crítico da sociedade. "As pessoas acabam repensando o sistema educacional, já que nem sempre têm paciência para ouvir discursos teóricos de especialistas", Verônica Ferreira Dias professora de Cinema e vice-coordenadora da Cinemateca da PUC (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo). A função didática da relação cinema-história se consubstancia na utilização de um novo método aplicado ao ensino: o uso da linguagem cinematográfica como instrumento auxiliar de formação histórica, com a finalidade de integrar, orientar e estimular a capacidade de análise dos estudantes. Segundo a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, o objetivo do ensino fundamental é a formação básica do cidadão, mediante, entre outros, a “compreensão do ambiente natural e social, do sistema político, da tecnologia, das artes e dos valores em que se fundamenta a sociedade”. E as artes auxiliam na formação do cidadão ao:  Mobilizar a expressão e a comunicação pessoal;  Intensificar as relações dos indivíduos tanto com seu mundo interior como com o exterior;  Auxiliá-lo a compreender a diversidade de valores que orientam tanto seus modos de pensar e agir como os da sociedade;  Favorecer o entendimento da riqueza e diversidade da imaginação humana;  Torná-lo capaz de perceber sua realidade cotidiana mais vivamente, reconhecendo e decodificando formas, sons, gestos e movimentos que estão à sua volta.

Do ponto de vista didático, trata-se de utilizar películas já existentes como fontes para a discussão de temas históricos, de analisar o cinema como agente da história e como documento e, mais ainda, de preparar estudantes para a pesquisa. Acrescentemos a isso que o cinema permite atingir um nível de conhecimento imediato O cinema traz cenas consegue interpretar os acontecimentos mais complexos do mundo real. A capacidade de trazer essa realidade é de grande valia, pois ajuda a mostrar realidades, muitas vezes imagináveis ou uma realidade dos próprios alunos. Todavia que as


cenas exacerbam a curiosidade destes fazendo-os refletir nas atitudes apresentadas, sendo elas boas ou más. Há a aproximação do indivíduo à sua realidade não apenas pela razão, mas também pelo sentimento. O uso de filmes, para a educação de jovens e adultos, traz a comunidade para perto do indivíduo. Pessoas da comunidade como o bombeiro e o carteiro, podem contar para as crianças suas ações cotidianas de trabalho e despertar nelas os ideais de cidadania. O filme tem esta possibilidade de aproximar o cidadão e sua comunidade. Com os recursos atuais na educação, podemos elaborar um filme na própria escola. Utilizando filmadoras com captação de som e imagens, retroprojetor já informatizado é só organizar a apresentação em um espaço como anfiteatro ou sala de aula, semelhantes a um cinema, com direito a pipoca e refrigerante.

2.1 Cinema na Educação Infantil “A criança é como uma esponjinha. Retém tudo que é repassado a ela. É imprescindível que os pais informem os filhos sobre o momento certo para assistir determinados programas, dizendo o que é bom ou ruim. Os pais devem estar cientes de que a educação principal é exercida por eles e pela escola, e não por vídeos educacionais ou programas televisivos”. (Bruno Rodrigues)

Cinema Infantil de Florianópolis é referência na questão do cinema infantil nacional. E na sua programação já é possível ver vários filmes nacionais, curtas e longa metragem. O evento premia o melhor filme nacional do ano e também o melhor filme catarinense. Assim aos poucos o mercado está se desenvolvendo e quem sabe em um futuro próximo as crianças brasileiras terão a alegria de poder assistir mais filmes nacionais nas salas de cinema e na televisão. A Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis foi o primeiro evento cinematográfico, acrescido de debates e atividades ligadas ao cinema, voltado exclusivamente para o público infantil a acontecer no país. A idéia de realizar a Mostra de Cinema Infantil surgiu da constatação e do anseio de motivar adultos e crianças a fazer do cinema um instrumento de aprendizado moral, social e político, na acepção mais ampla que esses termos podem ter. A partir de 2002, a Lume Produções Culturais idealizou em Florianópolis um evento anual que contemplasse todos estes objetivos, e entre eles, o principal era trazer para a cidade, carente de programação para crianças, filmes infantis que mostrassem a diversidade cultural do Brasil e do mundo. A diversidade é fundamental para a formação da consciência e, consequentemente, da cidadania. Essa é a principal razão por que se deve pensar o cinema como formador cultural. Uma criança que vê na tela a cinematografia de seu próprio país e de muitos outros verá o mundo sob óticas variadas.


O resultado mais imediato disso é que ela vai ser mais crítica, exigente e informada do que a que só tem acesso ao que lhe é imposto pelo mercado. "Poucas linguagens atraem tanto quanto as visuais. Por isso, nada mais lógico do que levá-las para a sala de aula”, Luiza Lins é idealizadora e curadora da Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis.


3. Dicas de Filmes para se trabalhar em sala de aula:

3.1 Filmes para se trabalhar com o Ensino Fundamental I e II:

1. Dúvida - com Meryl Streep e Philip Seymour Hoffman, 2008. A mistura de drama e suspense mostra que é essencial vigiar o ambiente escolar, mas sem paranóia.

2. Ao Mestre com Carinho - com Sidney Poitier, 1967. Além de discutir as questões raciais, o filme mostra como a realidade social do aluno interfere no desempenho escolar.

3. Billy Elliot - com Julie Walters e Jamie Bell, 2000. Com sensibilidade e determinação, é possível livrar-se de rótulos, vencer preconceitos e conquistar a realização pessoal.

4. O Céu de Outubro - com Jake Gyllenhaal e Chris Cooper, 1999. Assim como os estudantes do interior dos EUA, é possível aprender a lutar pelos próprios sonhos com paciência e trabalho em equipe.


5.Escola do Rock - com Jack Black e Joan Cusack, 2003. É

possível

aprender

se

divertindo,

principalmente quando a criatividade faz o aluno descobrir as próprias aptidões.

6.Gênio Indomável - com Matt Damon e Robin Williams, 1997. Por maior que seja o conhecimento sobre determinada área, é preciso obter formação humana para viver plenamente.

7.O Homem-Elefante - com Anthony Hopkins e John Hurt, 1980. Ir além das aparências é a chave para descobrir as possibilidades do aluno e explorar todo o potencial de aprendizagem.

8. Legalmente Loira – com Reese Whiterspoon e Luke Wilson, 2001. Superar os preconceitos e investir no próprio esforço são itens essenciais para a realização pessoal.

9. Mr. Holland: Adorável Professor - com Richard Dreyfuss e William H. Macy, 1995. A influência dos educadores na vida pessoal dos alunos pode ser mais forte do que aparenta e gerar frutos permanentes.


10. Pink Floyd: The Wall - dirigido por Alan Parker, com Bob Geldof, 1982. A ópera-rock desconstrói os valores atribuídos à instituição escolar e expõe o conflito entre as

necessidades

particulares e coletivas.

11.Sociedade dos Poetas Mortos - dirigido por Peter Weir, com Robin Williams e Ethan Hawke, 1989. Quebrar barreiras impostas é essencial para o crescimento, mas é igualmente importante fazer isso de modo coerente.

3.2 Filmes para se trabalhar com o Ensino Infantil: 1. CARROS – 2006, Pixar Animation Studios e Walt Disney Pictures. A importância da amizade, o símbolo do troféu que não é tudo na vida, sinaliza que o primeiro lugar não é o mais importante.

2. A ERA DO GELO - 2002, 20th Century Fox e Blue Sky Studios A importância da amizade, união, trabalho em equipe e amor.


3. Lilo & Stitch, 2002 Walt Disney Pictures. Mostra que até os maus podem descobrir o lado do bem.

4. Nem que a Vaca Tussa, 2004 Walt Disney Pictures. A fazenda Caminho do Paraíso está em pânico, pois uma ação de despejo ameaça acabar com o local. União, coragem, mostra o valor da determinação

5. Procurando Nemo, 2003 Walt Disney Pictures. Este filme mostra a relação entre os seres vivos, a hora de deixar a casa para ir a escola, medo, nervosismo, a preocupação de um pai com o filho entre outras coisas.

6. O Espanta Tubarões, 2004 DreamWorks. Respeito a diferenças, amizade, o peso da mentira.

7. A Fuga das Galinhas, 2004 DreamWorks. Uma história emocionante e comovente em alternância com as frustadas e hilárias tentativas de fuga. Motivação, trabalho em grupo, incentivo.


8. O Menino Maluquinho, 1994 Globo Filmes. Inspirado no livro infanto-juvenil brasileiro de 1980 criado pelo desenhista e cartunista mineiro de Caratinga conhecido por Ziraldo. A importância de uma infância feliz

9. Willy Wonka and the Chocolate Factory (Charlie e a Fantástica Fábrica de Chocolates), 1971 O filme mostra a valorização das virtudes humanas, como a inveja, avareza, gula e a obsessão podem ser prejudiciais.

10. As Aventuras de Huckleberry Finn, 1993 Walt Disney Pictures. Huckleberry Finn é o filho de um bêbado que foge de casa e viaja ao longo do rio Mississippi na companhia de um escravo, Jim. Ao longo do caminho a dupla encontra diversas figuras peculiares e muitas aventuras A importância de um infância saudável.

10. Wall-E , 2008 Walt Disney Pictures. É um robozinho que salva o planeta depois que os seres humanos desistiram dele. Este filme estimula e favorece a aprendizagem de conteúdos ligados ao impacto causado pelo lixo.

11. A Menina e o Porquinho Sobre amizade e bichinhos. Acreditamos que todos os filmes com animais são válidos, porque enfatizam a relação de amizade e a interação com animais como: (por ex., O Corcel Negro, Flipper, Free Willy, Happy Feet, entre outros.


4. Considerações Finais Cinema é uma arte muito antiga, voltada a todos os públicos e trazendo historias interessantes para poder atrair o publico. Dependendo do filme, este pode mudar o jeito de pensar sobre um determinado assunto. Uma terapia excelente, fazem rir, chorar, amar, pensar, viajar, conhecer lugares e culturas diferentes. Concluímos que o Cinema é tudo de bom! Seja com a família, amigos, na escola é um passeio agradável com cultura, emoção, reflexão, informação. Podemos visitar mundos reais, virtuais e inimagináveis. Ter acesso a tecnologias, ficção científica. Como é bom conhecer um mundo em que tudo é possível, em que não há limite para a arte e o conhecimento.

É

impossível negar essa arte e magia como uso didático em sala de aula, a final tudo está ao nosso alcance em uma tela, basta professores e educadores explorar e extrair o melhor destes conteúdos em suas práticas de ensino.


5. Refer锚ncias: http://www.brasilescola.com/dia-das-criancas/filmes-infantis.htm

http://guiadobebe.uol.com.br/aprendendo-com-os-videos-educativos/

http://educarparacrescer.abril.com.br/aprendizagem/cinema-educacao-410695.shtml>

http://www.infoescola.com/pedagogia/relacao-entre-cinema-e-educacao/>

http://ditirambosdoocio.blogspot.com/2007/09/cinema-de-antigamente-e-cinema-atual.html

http://www.olhodahist贸ria.afba.br/01apolog.html.

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-24782003000200014 http://pt.wikipedia.org/wiki/Hist%C3%B3ria_do_cinema

Apresentação grupo cinema  

Apresentção do grupo com o tema cinema , para o proinfo 100 horas

Advertisement