Page 1

C2

de P E R N A M BUC O

vida urbana por luce pereira

diariourbano

////////

MARCELO FIGUEIREDO/DIVULGAÇÃO

luce.pereira@diariodepernambuco.com.br

Mistério São misteriosas as causas que continuam deixando Olinda pertencer ao rol das cidades Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade. Há sete meses, no Bairro Novo, moradores e comerciantes tentam, junto à prefeitura, acabar com este esgoto, que castiga narizes mais sensíveis. Nenhuma providência.

Sem resposta A questão das ciclovias desperta muito interesse, porém o nível de informações sobre elas, por parte do poder público, desaponta. Leitor lamenta que não tenha conseguido dados sobre a estrutura cicloviária do Corredor Leste-Oeste, mesmo tendo ido pessoalmente pedi-los ao secretário executivo de Mobilidade, Gustavo Gurgel. Nunca recebeu o prometido esboço do projeto.

Festa e balanço São tantas as comemorações, em dezembro, que poucas conseguem ficar na cabeça dos participantes. A estratégia da OAB, ao deixar a festa para a próxima quarta-feira, foi mais inteligente. Vai reunir a imprensa e convidados em um restaurante do Shopping Paço Alfândega para, junto com seus conselheiros federais e dirigentes da CAAPE e ESA, celebrar e apresentar, além do balanço de 2013, as projeções para 2014.

Se esta rua fosse minha Um empresário que frequentemente circula pela Rua Professor Rui Batista (Boa Viagem), cantarolava, nesta semana, a cantiga popular “se esta rua fosse minha”, ironizando com a situação da Professor Rui Batista, por onde passa com frequência. O calçamento afundou em três lugares e ficou sem grande parte das pedras, para indignação, também, de clientes de um famoso restaurante da esquina com a Francisco da Cunha.

icam e ar

Dp1201 01  
Advertisement