Page 1

O Paraná Ano 1 - n° 1 - R$1,00

LONDRINA

Quarta-feira, 8 de julho de 2009

China ameaça executar envolvidos em protestos Governo chinês afirma que reprimirá qualquer atividade vista como ameaça à segurança Página 3 em Urumqi, capital da província de Xinjiang

O adeus ao ídolo Cruzeiro e Estudiantes Michael Jackson jogam hoje pela taça

Página 15

Brasil

Página 23

Tempo em Londrina

Gastos da Presidência dobram no 1º semestre

Página 5

Cidade

UEL retoma aulas após 10 dias de paralisação

Página 18

Londrina registra mais um caso de Página 20


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

2

As CPIs funcionam? O Estado de S.Paulo Ninguém negará que as Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs) são um importante instrumento que permite aos legítimos representantes da sociedade desempenhar uma de suas mais relevantes funções - a de fiscalizar o governo e investigar o comportamento de entidades, inclusive empresas, que se relacionem com a coisa pública ou tenham algum grau de comprometimento com o interesse público, zelando pelo bom cumprimento das leis e pela correta aplicação dos recursos arrecadados dos contribuintes, que são patrimônio de todos. Acima de tudo, as CPIs se destinam a resolver problemas e propor soluções de interesse da sociedade

- embora muitos só as vejam como instrumentos de indiciamento e punição de faltosos, o que significa uma indevida limitação conceitual de suas funções. Assim, o que importa mais questionar, ao fazer-se uma retrospectiva das CPIs instaladas no Congresso Nacional nos últimos anos - como fez reportagem publicada no Estado de quarta-feira -, é se estas têm, de fato, cumprido seus verdadeiros objetivos. As 10 CPIs instaladas no Congresso desde 2003, por sinal, com grande repercussão, têm uma característica comum - a dispersão. Em cada uma delas tratou-se de tudo um pouco, ouviu-se um batalhão de depoentes - acusados, testemunhas, defensores, acusadores - e

acumularam-se montanhas de documentos. Mas, justamente porque os esforços não foram concentrados na investigação do “fato determinado” que deu origem à CPI, na maioria das vezes os seus resultados finais foram pífios. Entre as CPIs decepcionantes também está a dos Cartões Corporativos, cujo relatório foi aprovado, mas nem produziu consequências severas para tantos que fizeram muito mau uso de dinheiro público - com exceção da queda da então ministra da Igualdade Racial, que funcionou como uma espécie de “bode expiatório” do escândalo e acabou acusada de improbidade administrativa pelo Ministério Publico Federal - nem coibiu o uso

liberal dos cartões. Reconheça-se, é verdade, que houve CPIs que produziram indiciamentos e resultaram em projetos de lei destinados a sanear os problemas investigados. É o caso da dos Correios, que também derrubou ministros e levou à cassação de dois deputados envolvidos com o famigerado mensalão. A CPI do Apagão Aéreo indiciou 17 pessoas e levou à apresentação de projeto de lei que introduziu mudanças importantes na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). A CPI dos Bingos, que chegou a ser chamada de “CPI do fim do mundo” - de tal forma foi além da investigação inicial que era seu objeto -, acabou descobrindo um cabeludo esquema de corrupção en-

volvendo um ex-subchefe da Casa Civil, mas o inquérito policial dela resultante continua aberto, sem definições. Em grande parte das vezes, a impressão que se tem, quando parlamentares interrogam depoentes nas CPIs, é que ali foi montado um espalhafatoso palanque eleitoral. Nesses casos, parece que a apuração real dos fatos é o que menos interessa, ante a possibilidade de ferretear-se adversários políticos nas sessões de CPIs. É claro que, nesses casos, ocorre um evidente desvirtuamento de função desse importante instrumento do Legislativo. Não se tem mais falado do assunto - mas já está mais do que na hora de voltar-se a ele.

Governo Lula Impressionante a falta de sintonia do governo federal com um projeto estratégico no gerenciamento das contas públicas. A anunciada abertura da torneira de R$ 2,2 bilhões a serem gastos até o fim deste ano, como noticiou ontem

o JB, prova a ausência de planejamento governamental. Tal fato reforça o que se diz do governo do PT: tinha projeto de poder e nenhum de governo. José de Anchieta Nobre de Almeida, Rio de Janeiro

Insegurança Terrorismo moral é que os governos federal, estadual e municipal estão fazendo com o povo do Rio de Janeiro. O terrorismo dos bandidos seria um motivo real para o Ministro da Justiça ou até mesmo o Presidente Lula ir a TV e fazer um pronunciamento, uma satisfação

ao seus eleitores, mesmo se for por interesse político. Fingir que nada aconteceu é o mesmo que dar gargalhadas para os cariocas. Chega de justificar a miséria como fonte de todas as violências deste pais! Margareth Rezende, Aparecida (SP)

Jornal O Paraná

Eleição Venezuelana

PROPRIEDADE DA EMPRESA AIELLO COMUNICAÇÕES

Estranha a retirada das candidaturas oposicionistas na eleição venezuelana, tentando com postura antidemocrática impor uma ‘’derrota moral’’ a Chá-

Diagramação: Naiá Aiello

vez, já que fracassaram no golpe de Estado em 2002, nesta farsa podemos realmente ver as digitais da CIA. Anthony Kudsi, Rio de Janeiro

Avenida Maringá, n. 79 CEP: 17089 - 020, Londrina, Paraná.

EXPEDIENTE

Professor: Mário Benedito Sales

Trabalho apresentado à disciplina 5NIC076 - Planejamento Gráfico em Jornalismo, do curso de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo da Universidade Estadual de Londrina. Crédito de Texto: Estadão, Portal do Terra, Jornal de Londrina, Folha Online, G1, UOL, Créditos de Fotos: Correio Brasiliense, Folha de S.Paulo, Portal Bonde, G1, I Stock Photo


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

3

Fotos: Reuters

Centenas de oficiais estão na cidade de Urumqi, capital da província de Xinjiang, para encerrar a onda de violência étnica que atingiu a região

China ameaça executar envolvidos em protestos Governo afirma que reprimirá qualquer atividade vista como ameaça à segurança em Urumqi O Estado de S.Paulo A China executará os responsáveis pelas mortes ocorridas nos distúrbios étnicos ocorridos nos últimos dias em Urumqi, capital da província de Xinjiang, afirmou nesta quarta-feira, 8, o líder local do Partido Comunista, Li Zhi. Numa entrevista coletiva transmitida pela televisão chinesa, Li afirmou que diversas pessoas foram detidas, inclusive estudantes. “Aqueles que cometeram crimes cruéis serão executados”, prosseguiu. Sem entrar em detalhes, Li advertiu ainda que o governo reprimirá qualquer atividade vista como ameaça à segurança em Urumqi, onde gangues das etnias rivais uigur e han tem percorrido as ruas e promovido ataques mútuos nos últimos dias. A China reforçou a presença de agentes de segurança na capital de Xinjiang.

Chinês observa fila de soldados em rua da província chinesa de Xinjiang

Mulheres na linha de frente dos protestos em província de maioria muçulmana

DA onda de violência que preocupa as autoridades chinesas começou no domingo na cidade de Urumqi, quando integrantes da minoria étnica muçulmana uigur entraram em confronto com chineses da etnia han, que representam cerca de 90% da população. Mais de 156 pessoas morreram e mil fi-

tre mil e, no máximo, 3 mil pessoas. A capital de Xinjiang despertou em meio a uma calma tensa. As forças armadas patrulhas as ruas com veículos blindados, enquanto helicópteros do Exército sobrevoam Urumqi. Armados com semiautomáticas e escudos, os militares reforçam

caram feridas até o momento, de acordo com dados oficiais. A polícia deteve 1,4 mil suspeitos, que estão sendo interrogados. O governo impôs toque de recolher às 21 horas e manteve o bloqueio à internet. As autoridades ainda não explicaram por que houve tantas mortes em um protesto que reuniu en-

a segurança e reprimem qualquer inicio de protesto. Milhares de soldados ainda fecharam o centro da cidade durante as 11 horas em que o toque de recolher este em vigor. A cidade está sob forte vigilância, como se estivesse sob lei marcial, embora o governo ainda não tenha decretado este estado.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

4

Zelaya diz que pedirá saída de golpistas em 24 horas O Estado de S.Paulo O presidente deposto de Honduras, José Manuel Zelaya, chegou na noite desta quarta-feira, 8, à Costa Rica, para iniciar, na quinta, um diálogo junto ao líder de facto de seu país, Roberto Micheletti, mediado pelo presidente Oscar Arias, com o objetivo de pôr fim à crise política na nação. O líder destituído adiantou que pedirá a remoção do governo interino em 24 horas. Em sua chegada a San José, Zelaya afirmou disse esperar uma “resposta clara da contraparte golpista que rompeu o processo democrático”. Mais cedo, o presidente deposto chamou Micheletti, nomeado em seu lugar após o golpe do último dia 28, de “gorila” e assegurou que o novo chefe de Estado hondurenho deverá “pagar” por sua traição. “A traição é um crime que não prescreve”, afirmou Zelaya em declarações a um canal chileno de televisão, nas quais também reiterou que não negociará com os “golpistas” nas reuniões desta quinta. Segundo Zelaya, Roberto Micheletti represen-

Tomas Stargardter/Reuters

ta um regime que deu um golpe de Estado com armas e que cometeu crimes como “assassinatos, violações aos direitos humanos e especialmente a traição.” A missão de Arias será mediar um plano para que presidente deposto volte a seu posto, com o compromisso de não tentar se reeleger. A crise em Honduras começou no primeiro semestre, quando Zelaya desafiava o Congresso hondurenho, a Suprema Corte e o Exército do país ao pressionar por um plebiscito para obter apoio a uma mudança na Constituição que permitiria ao presidente se reeleger além do mandato único de quatro anos. Antes que ele pudesse realizar a votação, em 28 de junho o Exército de Honduras o prendeu quando o chefe de Estado ainda estava de pijamas e o levou à Costa Rica. O presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, chegou nesta quarta-feira à Costa Rica, para um diálogo nesta quinta-feira com o presidente interino de seu país, Roberto Micheletti, mediado

Zelaya (esq.) e os pares Ortega (Nicarágua), Chávez (Venezuela) e Correa (Equador)

pelo presidente Óscar Arias, com o objetivo de pôr fim à crise política na nação. Ele disse que pretende pedir que o governo de fato de Honduras seja dissolvido em 24 horas. Mas Micheletti, que assumiu no dia 28 de junho o cargo após a deposição de

G8 pede “solução diplomática” para programa nuclear iraniano Folha Online Os países membros do G8 querem “uma solução diplomática” para a questão do Irã”, suspeito de desenvolver um programa nuclear com objetivos militares, e estão “profundamente preocupados” com os distúrbios pós-eleitorais naquele país, destaca um comunicado emitido nesta quarta-feira, em Áquila (Itália), O G8, que reúne Estados Unidos, Rússia, Itália, Reino Unido, Alemanha, França, Canadá e Japão, deu a Teerã até o final de setembro para que responda à oferta de diálogo da comunidade internacional. “Estamos decididos de encontrar uma solução diplomática para a questão do programa nuclear iraniano, apesar do Irã não respeitar suas obrigações internacionais”, destaca o texto. Segundo o presidente francês, Nicolas Sarkozy, “a declaração do G8 [sobre o Irã] é inequívoca. Entre agosto e setembro [os iranianos] poderão escolher

Reuters

Integrantes do G8 estudam solução diplomática para o problema como evoluirão as coisas”. Sarkozy destacou que a reunião do G20 (países ricos e emergentes) em setembro, na cidade americana de Pittsburg, será de fato um encontro para examinar o expediente iraniano. “O regime iraniano rejeita todas as mãos que lhes estendem”, mas “é preciso esgotar todas as chances de negociação. Se isto der bons resulta-

dos, melhor; mas se não, haverá consequências”, advertiu o líder francês. O G8 também se disse “profundamente abalado” com a repressão contra as manifestações que denuciavam fraude na reeleição do presidente Mahmud Ahmadinejad, e lamentou os “métodos de chantagem” usados por Teerã após a prisão de funcionários da embaixada britânica na capital iraniana.

Zelaya, não confirmou nesta quarta-feira se fará parte da comissão que viajará amanhã para a Costa Rica, para participar da negociação. “A comissão que vai à Costa Rica já foi nomeada, os integrantes serão divulgados amanhã, quando eles

saírem”, disse Micheletti, em declarações a jornalistas, depois de um ato de juramento de cargos na Casa Presidencial. Micheletti não deu mais detalhes sobre a composição e o momento da viagem, por “razões de segurança”.

Cristina Kirchner empossa novo ministro da Economia Folha de S. Paulo A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, empossou nesta quarta-feira seu novo chefe de gabinete, Aníbal Fernández, e o novo ministro da Economia, Amado Boudou, em substituição aos titulares desses dois cargos, que renunciaram nesta terça-feira, nove dias depois de uma derrota governista na eleição parlamentar, que tirou do governo a,maioria no Parlamento. Também tomou posse o novo titular da Justiça, Julio Alak. A cerimônia foi simples e formal, e a presidente argentina preferiu não fazer discursos ou dar declarações durante a posse dos novos ministros. Aníbal Fernández deixou o ministério da Justiça, Segurança e Direitos Humanos para assumir a chefia de Gabinete. Sergio Massa, que ocupava o cargo, voltará a ser

prefeito da cidade de Tigre, na periferia norte de Buenos Aires. Boudou, por sua vez, saiu da Administração Nacional de Segurança Social (ANSES) para assumir o ministério da Economia, substituindo Carlos Fernández. A pasta da Justiça será assumida por Julio Alak, que presidia a reestatizada Aerolíneas Argentinas, que agora é coordenada pelo advogado trabalhista Mariano Recalde. Já a ANSES foi assumida por Diego Bossio, ex-diretor do Banco Hipotecário. Outras mudanças já haviam acontecido após as eleições. No dia seguinte à derrota, a ministra da Saúde do país, Graciela Ocaña, havia renunciado, em meio a sinais de divergência no governo em relação à forma de combate à gripe suína --A H1N1. Na última quarta-feira, renunciou o secretário dos Transportes, Ricardo Jaime.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

5

Gastos da Presidência dobram no 1º semestre Gastos da Presidência com cartão corporativo dobram e somam R$ 3,787 mi no 1º semestre Márcio Falcão Os gastos com cartão corporativo da Presidência somaram no primeiro semestre R$ 3,787 milhões. Se comparado com o mesmo período de 2008, quando os gastos foram de R$ 1,867 milhão, as despesas praticamente dobraram. Os dados constam no Siafi (sistema de acompanhamento dos gastos públicos). Segundo reportagem do jornal “O Globo”, a Presidência também aumentou os gastos sigilosos que não são detalhados no Siafi e não apresentam a indicação do responsável pela despesa. Do total de saques com cartão registrados no Siafi no primeiro semestre deste ano, 99% não têm identificação do responsável. A Folha Online procurou a Casa Civil para comentar o assunto e aguarda uma resposta. A nossa reportagem mostrou em abril que entre janeiro e março deste ano

Arquivo Folha

os gastos do governo federal com cartões corporativos cresceram 142% em relação ao mesmo período de 2008. O levantamento foi realizado por técnicos do PSDB com base em dados do Siafi. A pasta da Justiça, do ministro Tarso Genro, apresentou o maior aumento no uso do cartão. Os dados apontam que as despesas passaram de R$ 4.910.363 no primeiro trimestre do ano passado para R$ 11.898.160 em 2009. Os saques em dinheiro com os cartões também aumentaram, saltando de R$ 2.195.9390 para R$ 4.407.625 --um crescimento de 100%. De acordo com a pesquisa do primeiro trimestre, o Ministério da Justiça foi a pasta que apresentou maior aumento no uso do cartão. No início de 2008, gastou R$ 149,6 mil. De janeiro a março de 2009, usou R$ 2,2 milhões, um incremento de 1.397%. O que chama

Presidência também aumentou os gastos sigilosos que não são detalhados no Siafi atenção nas despesas do ministério é que 78% foram sacados em dinheiro. No ranking dos maiores gastadores, a Presidência da República ficava em segundo lugar. As despesas

com os cartões aumentaram 242% --passando de R$ 1.228.692 em 2008 para R$ 4.205,956 --de um ano para outro. Na época, o Ministério da Justiça informou que 90%

dos gastos eram relativos aos cartões da Polícia Federal. Segundo a pasta, esse aumento se explica porque a PF não tinha cartão corporativo em 2008 --o mecanismo foi adotado em 2009.

Agência Estado O deputado federal Jackson Barreto (PMDB-SE) desistiu da empreitada de tentar tornar viável um terceiro mandato para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O autor da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que propunha a possibilidade de duas reeleições para ocupantes de cargos executivos disse hoje que não entrará com recurso contra a decisão da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). “Não vou entrar com recurso. Não vou fazer papel de Dom Quixote. Isso não vai ter resultado”, lamentou. O deputado poderia entrar com recurso contra a decisão da CCJ diretamen-

te no plenário da Casa. “Até poderia entrar com recurso e, se fizesse, conseguiria todas as assinaturas para viabilizar a proposta novamente. Mas meu objetivo não é ficar na mídia. Não quero fazer sucesso.” Barreto culpou o PMDB pela proposta de um terceiro mandato não ter passado pela comissão. “Faltou o apoio do PMDB, que tanto me estimulou a levar a PEC adiante. Recebi apoio de praticamente todos os deputados do partido. Só não fui estimulado pelo presidente da Casa (Michel Temer - PMDB/SP)”, afirmou. O parlamentar ainda rebateu a tese do relator da proposta, o deputado José

Genoino (PT-SP), para quem a PEC de Barreto é “inconstitucional” e “fere o princípio federativo”. “São muito fracos os argumentos do Genoino. A proposta não fere democracia nenhuma. Se reeleição fere democracia, a maior parte dos deputados tem de voltar para casa”, ironizou. Sobre o motivo de ter se empenhado tanto para tentar tornar viável um terceiro mandato para o presidente Lula, Barreto disse que só atendeu à vontade do povo que o elegeu. “Uma pesquisa feita aqui em Sergipe mostrou que quase 80% da população quer o Lula por mais quatro anos. Só fiz o meu papel”, justificou.

Edson Santos/Agência Câmara

Autor da PEC do terceiro mandato desiste da proposta

O deputado Jackson Barreto é o autor da proposta


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

6

Senado ignora decisão do STF e mantém nepotismo Folha Online Onze meses após o STF (Supremo Tribunal Federal) proibir o nepotismo na administração pública, o empreguismo de parentes continua no Senado, revela reportagem de Fábio Zanini, publicada nesta quartafeira pela Folha (íntegra disponível para assinantes do UOL e do jornal). Em cinco gabinetes foram encontrados exemplos em que a regra é desrespeitada. Análise por amostragem feita pela Folha no novo Portal da Transparência da Casa constatou diversas burlas à súmula do STF, saudada em agosto passado, quando foi editada, como uma revolução moralizadora. A medida proíbe nomear parentes até o terceiro grau, o que, para o STF, inclui avós, netos, pais, filhos, cônjuges, irmãos, cunhados, tios e sobrinhos. Deve haver duas condições para isso: que em ambas as pontas da relação os servidores ocupem cargo comissionado (de livre nomeação) e que trabalhem na mesma pessoa jurídica de qualquer dos três Poderes

--ou seja, no mesmo órgão (o Senado, por exemplo). Entre os casos encontrados pela reportagem, há uma legião de sobrinhosnetos, concunhados e primos de senadores que permanecem trabalhando em gabinetes do Senado. No segundo semestre do ano passado, após resistência inicial de senadores e deputados, várias pessoas foram exoneradas com base nas novas regras --87 servidores do Senado em setembro e outubro. O advogado-geral do Senado, Luiz Fernando Bandeira de Mello, afirma que “a questão ainda está sub judice no STF, mas, por precaução, orientamos os senadores a evitarem nomear pessoas que são parentes entre si”. A FGV (Fundação Getúlio Vargas) vai sugerir ao Senado o corte de 2.400 funcionários comissionados e terceirizados. A informação é do diretor da FGV Bianor Cavalcanti, que coordena o estudo da FGV encomendado pelo Senado de reforma administrativa da Casa. O Senado emprega cerca de 3.000 comis-

Célio Azevedo

Onze meses após o STF proibir o nepotismo, o empreguismo de parentes continua no Senado

sionados, 3.500 terceirizados e 3.500 concursados. “Vamos cortar 2.400 pessoas o mais rápido possível, mas não será feito imediatamente. Isso será feito à medida em que os contratos de prestação de serviços forem revisados”, disse ele. Os detalhes finais da reforma administrativas estão sendo negociados

pelo Senado com a FGV. O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), e o primeiro-secretário do Senado, Heráclito Fortes (DEM-PI), receberam hoje um relatório com sugestões apresentadas por servidores. Eles tentam diminuir o corte nas gratificações. Segundo Heráclito, as posições divergentes são naturais. “É menor, mas

Ex-médico é condenado no DF por mortes em lipoaspirações Folha Online O Tribunal do Júri de Taguatinga (DF) condenou o ex-médico Marcelo Caron, acusado pelas mortes de Grasiele Murta Oliveira, 26, e de Adcélia Martins de Souza, 39, ocorridas em 2002 durante cirurgias plásticas em Brasília. Apesar da sentença, ele permanece em liberdade. Caron foi condenado a 14 anos e meio de prisão por morte, mais um ano devido ao exercício ilegal de medicina. Segundo a Justiça, ele deve cumprir 29 anos em regime fechado e um, em regime aberto. No entanto, o acusado poderá apelar da sentença em liberdade. Denúncia do Ministério Público acusava Caron por

Nehil Hamilton

O ex-médico Marcelo Carol foi condenado por 30 anos pela morte de mais duas pacientes homicídio qualificado (por motivo torpe), omissão e exercício ilegal da medicina --que poderiam render de

12 a 30 anos de prisão. A defesa diz que vai recorrer da condenação, divulgada após mais de 15 horas de

julgamento. Ao ser interrogado pelo juiz Germano de Holanda, ele negou erro médico e disse que nenhum dos procedimentos acarretou a morte das pacientes. “Eu nunca acreditei que o raio caía duas vezes no mesmo lugar, mas caiu duas, três, quatro vezes”, disse, sobre as mortes. Condenações Em abril, Caron foi condenado a oito anos de prisão em regime semiaberto pela morte de uma advogada em uma cirurgia de lipoescultura em Goiânia, em janeiro de 2001. Em maio deste ano, ele foi condenado por usar um falso diploma de especialização em cirurgia plástica.

é bem próximo, é menos de 10% a diferença de um pro outro. O importante é que com essas sugestões a gente chegue ao número ideal para o Senado”, disse. A FGV pediu um prazo de 20 dias para analisar a proposta dos servidores e fechar o texto final das mudanças que serão implementadas.

Número de corpos resgatados do voo 447 sobe para 50 Folha Online O número de vítimas do voo 447 da Air France sofreu nova alteração. Representantes da Polícia Federal, Instituto de Medicina Legal (IML) e Secretaria de Defesa Social (SDS), que integraram a força-tarefa responsável pela identificação das vítimas do desastre aéreo, afirmaram que um exame de DNA comprovou que um despojo (fragmento de corpo) encontrado em alto-mar pertencia a uma vítima que já tinha sido recolhida. Com essa identificação, caiu de 51 para 50 o número de vítimas encontradas. Desse total, 43 corpos já foram identificados e sete corpos continuam no IML sem identificação - entre eles está o corpo ao qual o despojo pertence.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

7

Bancada do PT contraria Lula e pede licença de Sarney Senadores não recuaram, mas tentaram encontrar saída para a saia-justa ao contrariar o presidente Arquivo

Vera Rosa A bancada do PT no Senado decidiu nesta quartafeira, 8, manter o pedido de licença temporária do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). A decisão contraria pedido do presidente Luiz Inácio Lula da Silva a senadores petistas. O presidente queria o apoio do partido a Sarney por avaliar que a renúncia do peemedebista seria a pior solução. Os senadores concordam e não vão abandonar o senador, mas defendem que o afastamento é necessário até que as responsabilidades pelas irregularidades - atos secretos e envolvimento do neto em contratos de crédito consignado na Casa - sejam apuradas e os responsáveis, punidos. Em nota aprovada durante reunião que terminou nesta tarde, os senadores petistas afirmam que, durante toda a discussão sobre a crise no Senado, sugeriram que, “num gesto de grandeza e de garantia à credibilidade das investigações”, Sarney se licen-

ciasse temporariamente do cargo. Admitem, no entanto, que a licença é uma decisão a ser tomada somente pelo senador. Apesar dos apelos de Lula e da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, para que o PT declarasse apoio a Sarney, os senadores do partido não recuaram, mas tentaram encontrar uma saída honrosa para a saia-justa. Na nota divulgada, os senadores petistas defendem uma “reforma profunda” para corrigir as distorções na administração do Senado e a criação de uma comissão suprapartidária para debater mudanças na Casa - alvo de uma sequência de denúncias de irregularidades - por meio de uma lei de responsabilidade administrativa e financeira, a partir de um projeto da bancada. Esse projeto vem sendo discutido pelo PT, sob a coordenação do senador Tião Viana (AC). A bancada de senadores petistas propôs, ainda, a redução progressiva de até 60% do teto com des-

Padre é condenado por estuprar menina

“Brasil não pode mais ir na Governo brasileiro instala contramão”, diz ex ministra embaixada na Coreia Folha de S. Paulo Mais de um ano depois de deixar o cargo de ministra do Meio Ambiente para conter pressões contra o combate ao desmatamento na Amazônia, a senadora Marina Silva (PT-AC) diz que “o Brasil não pode ir na contramão da história”. Segundo ela, o país precisa estar pronto para “fazer a economia do século 21” e liderar o processo contra as

Arquivo

Brás Henrique O padre Juscelino de Oliveira, de 40 anos, foi condenado a 12 anos de reclusão, em regime fechado, por ter abusado sexualmente de uma menina que tinha 10 anos, no Jardim Aeroporto, em Franca, na região de Ribeirão Preto. O crime ocorreu em março, logo no início de 2006. O padre integrava o clero da Diocese de Santo Amaro, em São Paulo, e visitava a mãe algumas vezes, em Franca. Durante o processo, ele foi suspenso das suas funções na igreja e ficou preso durante quase seis meses. Um habeas corpus do Superior Tribunal de Justiça (STJ) permitirá que o pároco recorra da sentença em liberdade até o desfecho na segunda instância. O padre , surpreendentemente, é primo do pai da vítima.

Bancada do PT quer afastamento temporário de Sarney mesmo sem apoio de Lula pesas relativas a pessoal e sugeriu a extinção do Instituto Legislativo Brasileiro (Interlegis) e da Unilegis, orgnanismos do Senado, além de um enxugamento do serviço de atendimento médico da Casa. Da lista de propostas apresentadas pelos senadores do PT constam ainda a extinção do pagamento de adicional salarial a funcionários

mudanças climáticas. “O presidente não comentou a saída. A Marina é uma referência no Brasil e no mundo da causa ambiental. Foi uma decisão unilateral e pessoal que deve ser respeitada”, acredita Orlando Silva. “O Brasil tem 45% de matriz energética limpa e a Inglaterra tem 4% --mas são eles que estão liderando esse processo”, avalia.

Segundo ela, o país precisa estar pronto para “fazer a economia do século 21”

participantes de Conselhos ou comissões especiais do Congresso e a redistribuição das atribuições da Primeira Secretaria do Senado, que funciona como uma espécie de prefeitura da Casa, entre os demais integrantes da Mesa Diretora O líder do PT no Senado, Aloizio Mercadante (SP), afirmou que o partido

Sandra Manfrini A Embaixada do Brasil na Coreia do Norte já está funcionando desde a última sexta-feira, segundo informação do Ministério das Relações Exteriores. Localizada na capital Pyongyang, a embaixada foi criada pelo decreto 6587, de 29 de setembro de 2008, mas só agora, de fato, foi instalada. O embaixador, sabatinado em dezembro de 2008 pela Comissão de Relações Exteriores, é Arnaldo Carrilho, que anteriormente era chefe do escritório de representação do Brasil em Ramallah, na Palestina. Carrilho já foi cônsul do Brasil em Sidney, na Austrália; e embaixador brasileiro na Tailândia. Esse processo de abertura do diálogo entre Brasil e Coreia do Norte começou há alguns anos, desde o es-

nunca mudou de posição em relação às denúncias de irregularidades na Casa e a situação de Sarney na presidência: “Formalizamos por escrito o que já dissemos várias vezes: a posição da bancada é pelo afastamento temporário do presidente do Senado, mas esta é uma decisão que cabe única e exclusivamente a ele.”

tabelecimento das relações diplomáticas entre os dois países, em 2001. Em 2002, foi concedida autorização para a Coreia do Norte instalar representação no Brasil, o que ocorreu em 2005, com a abertura da embaixada coreana. Em 2008, o comércio bilateral do Brasil e Coreia do Norte alcançou US$ 380 milhões. O adiamento não poupou a missão de Carrilho de um início marcado pela tensão regional. Sem alarde, numa operação cercada de sensibilidade diplomática, o veterano diplomata Arnaldo Carrilho chegou na última sexta-feira à capital norte-coreana para assumir o posto inédito e o desafio de dialogar com um dos regimes mais fechados e isolados do mundo.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

8

Por aliança política em 2010, Lula e PT seguram Sarney Estadão Online Falta ainda a conversa oficial do presidente Luiz Inácio Lula da Silva com o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), mas o acerto entre o PT, o PMDB e o Palácio do Planalto está feito. Sarney permanecerá no cargo. Ao final de um dia marcado por protestos de petistas que se viam forçados a apoiar o peemedebista, o que prevaleceu foi a “ordem unida” disparada pelo Planalto, que priorizou as negociações com o PMDB em torno de uma aliança para a disputa presidencial de 2010. Sarney vive um momento delicado - o PSDB encaminhou denúncia ao Conselho de Ética da Casa, o PSOL protocolou representação na Mesa Diretora e o DEM, um de seus principais aliados, cobra seu afastamento. O motivo é uma série de irregularidades que começou a vir à tona em 10 de junho, quando o Estado revelou que o Senado utilizava atos secretos para criar cargos e nomear parentes de políti-

cos, alguns do próprio Sarney. Um mordomo de sua filha, a governadora Roseana Sarney (PMDB-MA, era pago pelo Senado e José Adriano Cordeiro Sarney, seu neto, opera crédito consignado na Casa. Ontem, da tribuna do Senado, o líder do PT, Aloizio Mercadante (SP), deixou claro que, entre a licença de Sarney e a governabilidade, fica com a segunda opção. O encontro com Lula foi adiado para hoje por iniciativa do próprio presidente, em conversa telefônica com Sarney na manhã de ontem. Assim como dissera aos petistas que o visitaram na véspera, o senador afirmou a Lula que só ficaria no cargo se tivesse o PT a seu lado. Jantar Responsável pela pacificação do partido, Lula se reuniu ontem com os 12 senadores do PT, no Palácio da Alvorada. Até o final da noite, ainda não se sabia do resultado do encontro. “Vamos aguardar que o PT decida”, disse o líder

do PMDB, Renan Calheiros (AL). “Precisamos esperar a posição do PT, que é um componente forte da crise.” Logo depois, porém, o líder do PMDB afirmou que a hipótese de renúncia estava descartada. “Aliás, Sarney nunca admitiu licença nem renúncia.” Àquela altura, a cúpula peemedebista já comemorava a vitória na queda de braço com o PT. O entendimento é o de que Sarney começou a se consolidar na cadeira quando Lula caracterizou o movimento pelo afastamento, mesmo que temporário, como jogo da oposição para tomar o comando do Congresso “no tapetão”. Ontem à noite, a avaliação geral era de que, a menos que surgisse uma denúncia nova e comprometedora envolvendo o presidente do Senado, sua permanência estava garantida. O grupo pró-Sarney contabiliza o apoio de pelo menos sete petistas, cinco senadores do DEM e mais quatro do PSDB que, somados aos aliados de sempre,

Reuters

totalizam 53 votos. Sobrou para Mercadante a tarefa de reunir a bancada para administrar a insatisfação geral. Depois de alardearem o pedido de licença de Sarney e ouvirem dele

a recusa enfática, os petistas tiveram de se preocupar com a repercussão do recuo sobre o eleitorado. Dos 12 petistas, 10 devem disputar um novo mandato no ano que vem.

‘Lula nada fez para evitar a perda de moral do Congresso’

...Opinião “O presidente da República esqueceu o princípio da independência dos Poderes. O Lula está tratando o Congresso como se fosse um ministério dele”. Cristovam Buarque, senador pelo PDT.

Fábio Pozzebom Folha de S.Paulo Num instante em que Lula cobra do petismo o apoio à presidência cambaleante de José Sarney (PMDB-AP), Tião Viana (PT-AC) aponta o dedo na direção do Planalto. Afirma: “Lula nada fez para evitar a desconstrução e a perda de autoridade moral do Congresso. Os partidos estão mais fracos e deteriorados do que antes de sua posse.”

Abandonado por Lula na disputa em que Sarney prevaleceu sobre ele, em fevereiro passado, Tião diz que o Senado “está em chamas”. Traduz o fogaréu em cifras: “Perde 80% do tempo em debates vazios e gasta os 20% restantes numa disputa entre governo e oposição que não leva a lugar nenhum”. Diz que, na Câmara, o governo tem vida fácil graças ao “fisiologismo”. Classifica de “tragédia” o fato de

o PMDB “dirigir as duas casas do Congresso”. Acha que o partido, sócio majoritárioo do consórcio político que dá suporte a Lula no Legislativo, é “a essência do fisiologismo”. Na contramão do que dissera Lula, Tião declara que Sarney deve ser tratado como “uma pessoa comum”. Ele é um dos senadores do PT que defendem o afastamento, por meio de licença, do presidente do Senado.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

9

Folha Online O MPF (Ministério Público Federal) no Distrito Federal pediu nesta terça-feira à Polícia Federal a instauração de inquérito policial para investigar os atos secretos do Senado. Nos últimos 15 anos foram editados 663 atos secretos no Senado --muitos foram usados para nomear e exonerar parentes de senadores. Também foi determinado que os atos não publicados sejam analisados individualmente para verificar quem foram os beneficiários e quais os motivos para que eles não fossem publicados. De acordo com o ofício encaminhado à PF, os envolvidos serão investigados pela prática dos seguintes crimes: peculato-desvio, peculato culposo, inserção de dados falsos em sistema de informações, corrupção passiva privilegiada e prevaricação. O pedido de inquérito se baseia nas informações e depoimentos colhidos no inquérito civil público instaurado pela Procuradoria no dia 16 de junho e na comissão de sindicância do Senado, que analisou a responsabilidade pela edição dos atos secre-

Divulgação

Ministério Público pede para PF investigar atos secretos

Senado abriu processo contra Agaciel Maia, Carlos Zoghbi (foto) e mais outros cinco servidores por atos secretos tos. Como os depoimentos e documentos juntados até o momento não indicam participação de senadores na proibição da divulgação dos atos, a investigação será conduzida na primeira instância da Procuradoria. Caso o inquérito aponte o envolvimento de qualquer autoridade com foro privilegiado, os trabalhos serão interrompidos e remetidos à Procuradoria da República

no Distrito Federal. Processo administrativo O primeiro-secretário do Senado, Heráclito Fortes (DEM-PI), autorizou nesta terça-feira abertura de processo administrativo contra sete servidores envolvidos na edição dos atos secretos. Heráclito acolheu o relatório da comissão de sindicância que pedia investigação dos funcionários. No entendimento da co-

PAC estaria lento se Brasil fosse a Suíça, diz Dilma Rousseff Correio Braziliense Em plena retomada de suas funções após a parte mais agressiva de seu tratamento contra um câncer, a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, defendeu hoje o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) ao assinar um convênio para um financiamento de R$ 587 milhões para investimentos em saneamento da Companhia Estadual de Águas e Esgoto (Cedae) em várias cidades da região metropolitana e interior do Estado do Rio. Para ela, os críticos cobram velocidade do programa como se o Brasil fosse a Suíça. “Se considerarmos o Brasil como a Suíça, (o PAC) está lento. Como não somos a Suíça, acho que conseguimos acelerar várias obras”, afirmou.

Pierre Lucena

Ela prometeu voltar ao Rio para um balanço do PAC e afirmou que os que dizem que ele não sai do papel deveriam lembrar que a maior parte dos projetos de infraestrutura que o País precisava não tinha nem projeto. “(O PAC) não estava nem no papel”. A ministra disse que os

projetos são uma exigência dos mecanismos de controle de obras e licitações. Embora reconheça a necessidade deles, repetiu a queixa do presidente Luiz Inácio Lula da Silva de que há distorção entre o aparato de auditorias e o de execução de obras no Brasil.

missão, o ex-diretor-geral Agaciel Maia e o ex-diretor de Recursos Humanos João Carlos Zoghbi foram os responsáveis por manter em sigilo as decisões administrativas nos últimos 14 anos. Se forem confirmadas as denúncias, eles podem pegar uma suspensão ou serem demitidos do serviço público. Os outros cinco servidores também serão alvo de investigação porque receberam ordens ilegais e não

denunciaram. Foram envolvidos o chefe do serviço de publicação do boletim de pessoal do Senado, Franklin Albuquerque Paes Landim, a chefe de gabinete da diretoria de Recursos Humanos, Ana Lúcia Melo, os servidores do setor de publicações, Jarbas Mamede, Washington Oliveira e o servidor da diretoria-geral Celso Menezes. No caso deles, a maior punição é uma suspensão de até 90 dias. Anulação A Mesa Diretora do Senado decidiu nesta terça-feira anular mais um dos 663 atos secretos que foram editados nos últimos 14 anos. Foi revogada a decisão administrativa que aumentou o salário de 40 servidores. O diretorgeral do Senado, Haroldo Tajra, afirmou que 99% dos atos não poderão ser anulados porque tratam de nomeação e exoneração dos servidores. Esse foi o segundo ato secreto que foi anulado. Em 2006, o ex-diretor-geral do Senado Agaciel Maia autorizou um reajuste para chefes de gabinetes das secretarias do Senado e manteve a decisão em sigilo.

CCJ da Câmara rejeita PEC do terceiro mandato Folha Online A CCJ (Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania) seguiu o parecer do relator José Genoino (PT-SP) e rejeitou a admissibilidade constitucional da PEC (proposta de emenda à Constituição) do terceiro mandato, de autoria do deputado Jackson Barreto(PMDB-SE). Na avaliação de Genoino, pelo menos três pontos são inconstitucionais. O primeiro seria o desrespeito ao princípio republicano e o outro o benefício dos atuais governantes. “Não se pode mudar as regras durante o jogo para favorecer quem está no poder. Isso sem dúvida é inconstitucional”, disse. Jackson Barreto criticou o relatório do petista e o acusou de ser parcial, ao analisar a PEC a partir de suas “ideologias” políticas. “Há

uma contradição forte nesse parecer. Ele está sendo incoerente com o que a própria Casa já decidiu antes, quando aprovou a reeleição. O que está em discussão é uma tese sobre duas reeleições continuadas e ele não avaliou isso. Ele deveria ter apresentado outro argumento”, afirmou. Antonio Carlos Biscaia (PT-RJ), que falou oficialmente pelo PT, afirmou que a oposição do partido ao 3º mandato não tem relação com a negativa do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em concorrer novamente em 2010 para a Presidência da República. De acordo com o deputado, o PT entende que, ainda que fosse diferente a posição do atual chefe de governo, a PEC não poderia ser aprovada, pois ofende cláusulas pétreas da Constituição.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

10

FolhaNews O ministro Paulo Vannuchi (Direitos Humanos) e o presidente da CEMDP (Comissão Especial sobre Mortos e Desaparecidos Políticos), Marco Antonio Rodrigues Barbosa, divulgaram nota hoje defendendo a abertura de todos os arquivos referentes à ditadura no país. Na nota, os dois dizem que é preciso que o governo “resgate mais essa dívida histórica ainda pendente”. “Quer seja, elucidação completa, com abertura de todas as informações, todos os arquivos e apresentação de uma narrativa oficial definitiva sobre todas as violações de Direitos Humanos --torturas, execuções e desaparecimentos, seus responsáveis, agentes, locais e datas no triste período 19641985”, diz a nota conjunta. Os dois defendem ainda a retomada das “buscas de todos os restos mortais de guerrilheiros mortos no Araguaia, bem como dos que morreram em outras regiões do país, naquele mesmo período, combatendo pela democracia”.

“Para que também seus familiares tenham respeitado o elementar direito conquistado, na data de hoje, pelos familiares de Bergson Gurjão Farias e por todos os que se irmanaram nessa causa histórica”, diz a nota. A nota foi divulgada para informar que exame de DNA permitiu a identificação dos restos mortais de Bergson Gurjão Farias, desaparecido da Guerrilha do Araguai entre 4 de maio e 4 de junho de 1972. Foi o segundo corpo identificado. O primeiro foi o de Maria Lúcia Petit, exumada em cova vizinha à do corpo que pode ser o de Jorge (codinome de Gurjão Farias). Os ministros informaram ainda que vão provicenciar novos exames de DNA nas ossadas encontradas no cemitério de Xambioá. Na nota, eles dizem que vão pedir exames com a mesma tecnologia que permitiu a identificação dos restos mortais de Bergson Gurjão Farias, desaparecido da Guerrilha do Araguai entre 4 de maio e 4 de junho de 1972.

Antonio Cruz/ABr

Vannuchi e Barbosa defendem abertura de arquivos da ditadura

Em nota, o ministro dos Direitos Humanos, Paulo Vanuchi reafirmou a decisão “ É reciso que o governo “resgate mais essa dívida histórica ainda pendente” “O laboratório Genomic informou, na data de hoje, que o resultado positivo foi obtido a partir de uma tecnologia inovadora para análise de DNA forense, denominada SNP (single nucleotide polymorphisms), o que levará a SEDH/PR e a CEMDP a providenciarem, imediatamente, a realização de novo exame, com essa mesma

tecnologia, em todas as demais ossadas mencionadas no item anterior, na esperança de que novos resultados sejam igualmente positivos”, diz a nota. Na nota, os dois dizem que é preciso que o governo “resgate mais essa dívida histórica ainda pendente”. “Quer seja, elucidação-

completa, com abertura de todas as informações, todos os arquivos e apresentação de uma narrativa oficial definitiva sobre todas as violações de Direitos Humanos --torturas, execuções e desaparecimentos, seus responsáveis, agentes, locais e datas no triste período 19641985”, diz a nota conjunta.

Agência Estado O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) apresentou hoje à mesa do Senado requerimento pedindo a substituição de todos os integrantes da CPI da Petrobras. Segundo Alvaro Dias, esses integrantes da CPI se recusam a comparecer às sessões, impedindo a instalação da Comissão. A CPI da Petrobras é composta por 11 senadores e apenas três deles são da oposição. Alvaro Dias informou também que o seu partido apresenta amanhã ao Supremo Tribunal Federal (STF) mandado de segurança para “garantir o direito das minorias”, determinando a instalação da CPI. O requerimento de instalação da CPI da Petrobras foi protocolado na Mesa Diretora do Senado há mais de 50 dias. A instalação da CPI já foi adiada por três

vezes. Ele disse, agora há pouco, na tribuna “Listamos aqui todos aqueles que não compareceram às sessões realizadas. Está entre suas [José Sarney, presidente do Senado] atribuições designar novos membros. As respectivas vagas devem recair sobre o mesmo bloco ou parlamentar, salvo se os senadores não queiram aceitar a designação. Pode, até mesmo, desconsiderar a proporcionalidade partidária a fim de dar funcionamento aos órgãos da casa”. “Estamos encaminhando este requerimento depois de frustradas todas as negociações com a base governista. Chegamos a acreditar nos compromissos que, lamentavelmente, não foram cumpridos. Me parece, senhor presidente, que há uma determinação de governo para

que essa CPI não seja instalada”. Não são irregularidades simples que ocorrem na administração da Petrobras, não são valores insignificantes. “Fico impressionado com o interesse que desperta a crise do Senado. Mas não temos o direito de alimentar a crise que vivemos e esquecer a crise que está do outro lado da rua: os desmandos e as irregularidades. É hora de olharmos o outro lado da rua também e tomarmos as providências necessárias para instalar a CPI da Petrobras. São visíveis a intereferência do Executivo para a não-instalação da CPI da Petrobras”. Se o requerimento for negado, Dias prometeu entrar com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal para conseguir o que quer.

Divulgação

Dias pede troca de todos os integrantes da CPI da Petrobras

Em discurso, o senador disse que se o requerimento for negado, entrará com um mandado de segurança no STF


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

11

Bovespa ascende 2,85% Bolsa de Valores foi o investimento mais rentável do País pelo terceiro mês seguido Folha Online O investidor ainda encontra ânimo para ir às compras mesmo após a valorização de 12,5% da Bolsa de Valores no mês passado e o ganho superior a 40% neste ano. Notícias positivas nos EUA e na Ásia, junto com o desenlace da GM formam o cenário para forte alta nos preços das ações no primeiro pregão de junho. A taxa de câmbio cai para R$ 1,94, o menor preço desde 1º de outubro de 2008. O Ibovespa, principal índice de ações da Bolsa paulista, ganha 2,85% e alcança os 54.714 pontos. O giro financeiro é de R$ 3,24 bilhões. Nos EUA, a Bolsa de Nova York valoriza 2,40%. O dólar comercial é negociado por R$ 1,945, em um decréscimo de 1,26% sobre a cotação de ontem. A taxa de risco-país marca 266 pon-

tos, número 10,13% abaixo da pontuação anterior. Entre as principais notícias do dia, a montadora americana General Motors, finalmente, recorreu à concordata no Tribunal de Falências de Nova York. A empresa, assim, está sob proteção do “Capítulo 11” da Lei de Falências americana --o equivalente à concordata (ou recuperação judicial, no Brasil). Ainda nos EUA, o Departamento de Comércio informou que o nível de consumo das famílias teve queda de 0,1% em abril, enquanto o nível de rendimento teve crescimento de 1,1% no mesmo período, o maior incremento desde maio de 2008. Ambos os números foram melhores do que o esperado por economistas. Na Ásia, a China voltou a dar sinais de aquecimento de sua economia: o chama-

do PMI (Índice de Atividade de Gerentes de Compras, na sigla em inglês) da indústria local fechou maio em 53,1 pontos, no terceiro mês consecutivo acima dos 50 pontos (o que indica expansão do setor). O boletim Focus, preparado pelo Banco Central, mostrou que a maioria dos economistas do setor financeiro revisaram para pior suas previsões para a economia do país: em vez de uma queda de 0,53%, agora a mediana das expectativas aponta para uma contração de 0,73%. O Ministério do Desenvolvimento informou que a balança comercial teve superávit de US$ 2,651 bilhões em maio. A comparação com maio de 2008 foi prejudicada por uma greve que afetou o comércio exterior até abril de 2008.

Após pedido de concordata, GM fecha unidades nos EUA Folha Online Após oficializar o pedido de concordata nos Estados Unidos, a GM (General Motors) identificou as nove fábricas que fecharão no país nos próximos meses e as outras três que estão ociosas para cortar custos trabalhistas, como parte de sua reorganização. Seis plantas estão em Michigan, que foi duramente atingido pelo corte de empregos na indústria automotiva. A planta de montagem em Wilmington (Delaware) será encerrada em julho, seguida pela planta de picapes da Pontiac, em outubro. As unidades de montagem as localizadas em Orion (Michigan), e Spring Hill (Tennessee) fecharão de forma temporária, à espera de que o aumento da demanda permita sua reabertura. Uma dessas plantas pode ser utilizada na produção de um veículo compacto que a GM previa produzir na China. Por outro lado, a General Motors também advertiu que os fechamentos podem acelerar,

Paul Sancya/AP

Com um prejuízo de US$ 88 bilhões desde 2004, GM já recebeu US$ 20 bilhões do governo para manter produção “dependendo da demanda do mercado”. Cinco plantas, de motores e transmissão, vão fechar em dezembro de 2010. Elas estão em Livonia, Flint e Ypsilanti Township, em Michigan; Parma (Ohio), e Fredericksburg (Virginia). Unidades de pintura em Indianápolis e Mansfield, em Ohio, também encerrar a atividade no início do próximo

ano. Além disso, uma planta de motores in Massena (Nova York) fechou em maio e a unidade de Gand Rapidis (Michigan) finaliza as atividades neste mês. A GM também disse que, em 31 de dezembro deste ano, fechará três centros de distribuição de peças em Boston (Massachusetts), Jacksonville (Flórida) e Columbus (Ohio)

Sebastião Moreira/Efe

Na foto, operadores da BM&F; Ibovespa registrou alta de 12,5% em maio


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

12

Expectativas desanimam comércio para o Dia dos Namorados Varejistas projetam para o Dia dos Namorados deste ano o pior desempenho desde 2006 Folha de S. Paulo Segundo pesquisa da Serasa Experian de Expectativa Empresarial divulgada nesta segunda-feira, O comércio projeta para o Dia dos Namorados deste ano o pior desempenho desde 2006, Para 70% dos empresários, o faturamento deverá recuar (28%) ou ficar estável (42%) em relação à mesma data no ano passado. Entre os presentes mais procurados neste Dia dos Namorados, os varejistas apostam em celulares (25%), roupas, cintos, sapatos, tênis e acessórios (24%), flores (18%) e perfumes e cosméticos (13%). “Apesar dos recentes sinais de recuperação da atividade econômica, no que diz respeito ao varejo nacional uma retomada mais firme somente deverá acontecer a partir do segundo semestre de 2009”, informou a entidade. Realizada com 1.010 executivos do varejo nacional, o levantamento aponta que para 30% as vendas deste ano devem superar a marca registrada em 2008. O índice é 4 pontos percentuais menor do que a pesquisa de expectativas em relação ao Dia das Mães (na ocasião, 34% esperavam alta do faturamento em

relação a 2008), segundo a Serasa. “O fraco desempenho registrado nas vendas do Dia das Mães deste ano afetou negativamente o grau de otimismo do setor varejista para o Dia dos Namorados.” Conforme a pesquisa, as expectativas de vendas mais mornas devem-se, basicamente, às pequenas empresas --somente 28% delas acreditam em alta do faturamento neste ano. Já para as médias e grandes empresas do varejo, as expectativas de alta são melhores: 38% no caso das médias e 39% para as grandes empresas. Entre os presentes mais procurados neste Dia dos Namorados, os varejistas apostam em celulares (25%), roupas, cintos, sapatos, tênis e acessórios (24%), flores (18%) e perfumes e cosméticos (13%). Regiões As regiões Nordeste, Norte e Sudeste são as mais otimistas para as venda do Dia dos Namorados de 2009. Pelo menos, 36% dos empresários varejistas do Nordeste projetam vendas maiores. No Norte e Sudeste estes percentuais são de 33% e 32%, respectivamente. Segundo a entidade, o peso da atividade

Alexandre Moreira

Comerciantes apostam em promoções e inovam nas vitrines para chamar atenção dos clientes e aumentar as vendas no dia dos Namorados industrial nesta regiões em detrimento do setor de agronegócio (mais relevante para Sul e Centro-Oeste) explica a diferença regional. São melhores: 38% no caso das médias e 39% para as grandes empresas. Conforme a pesquisa, as expectativas de vendas mais

Valorização do real ajuda a reduzir dívida pública Eduardo Cucolo Folha de S.Paulo Brasília - A valorização do real e o vencimento de títulos públicos ajudaram a reduzir a dívida pública federal no mês de abril. De acordo com dados do Tesouro Nacional, a dívida caiu 1,02% em abril na comparação com março, para R$ 1,384 trilhão. A dívida pública federal externa, que representa 8,83% da dívida total, caiu 6,29%, devido à valorização de 5,9% do real em relação às moedas estrangeiras nas quais o país é devedor. Houve ainda um resgate líquido de R$ 2 bilhões. Com isso, o valor da dívida externa ficou em R$ 122,25 bilhões

(US$ 56,12 bilhões). No caso da dívida interna, houve um recuo de 0,47%, para R$ 1,261 trilhão. No mês passado houve um resgate líquido de R$ 15,65 bilhões (diferença entre resgates e emissões), compensado por um impacto de R$ 9,64 bilhões em juros. A dívida pública federal deve terminar o ano entre R$ 1,45 trilhão e R$ 1,60 trilhão, de acordo com o Plano Anual de Financiamento do Tesouro Nacional. Normalidade De acordo com o coordenador da dívida pública, Guilherme Pedras, o mês de abril foi marcado por uma estabilização do mercado financeiro em

relação ao pior momento da crise, no final do ano passado. “O mercado está consolidando uma estabilidade em relação àquilo que aconteceu durante o ano passado”, afirmou. Essa estabilização se refletiu na queda das taxas de juros e no aumento da procura por títulos prefixados e atrelados a índices de preços com prazos mais longos. Esses títulos atraíram, principalmente, fundos de pensão. “Os fundos de pensão têm passivos atuariais em índices de preços e hoje as taxas pagas pelas NTN-Bs [títulos atrelados à inflação] ainda são mais altas do que as pagas por eles.”

mornas devem-se, basicamente, às pequenas empresas --somente 28% delas acreditam em alta do faturamento neste ano. Já para as médias e grandes empresas do varejo, as expectativas de alta são melhores: 38% no caso das médias e 39% para as grandes empresas.

“Os primeiros sinais de recuperação econômica estão sendo emitidos pelo setor industrial (setor automotivo, eletrodomésticos etc.), ao contrário do que tem ocorrido com o agronegócio (quebras de safras por fatores climáticos e preços de commodities ainda depreciados)”, informou

PF investiga transações do banco Merrill Lynch Estadão A Polícia Federal investiga as operações brasileiras do banco Merrill Lynch em seu segmento voltado para a gestão de grandes fortunas, informa Mario Cesar Carvalho, em reportagem publicada na edição desta quarta-feira da Folha (a íntegra do texto está disponível somente para assinantes do jornal ou do Uol). Há suspeita de lavagem de dinheiro e também de que a instituição bancária americana realizava alguns negócios sem autorização do Banco Central. As suspeitas sobre a filial brasileira desse banco começaram quando a PF investigou a Sundown, empresa de bicicletas e motos, cujos donos foram presos

por formação de quadrilha, contrabando e lavagem de dinheiro. A Sundown usava a Merrill Lynch para fazer remessas ao exterior, mas a polícia descobriu que não havia registro dessas operações no escritório brasileiro do banco. O porta-voz da Merrill Lynch nos EUA, Bill Halldin, diz que a PF não fez acusações criminais contra a instituição. “Esse é um caso antigo envolvendo muitas instituições financeiras, e o importante é que nenhuma alegação criminal foi feita contra nós. Coerentes com a nossa política, continuaremos cooperando com todas as autoridades e respondendo a quaisquer perguntas”, escreveu o porta-voz


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

13

Inflação desacelera para 0,36% Estado de S.Paulo A inflação oficial usada pelo governo, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), desacelerou para 0,36% em junho, informou nesta quarta-feira (8/07) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em maio, o índice havia registrado alta de 0,47%. Em junho de 2008, a alta havia chegado a 0,74%. Nos últimos 12 meses, o IPCA acumula alta de 4,80%. No primeiro semestre, a inflação foi de 2,57%, ante 3,64% de janeiro a junho no ano passado. Os alimentos exerceram a maior pressão nos preços em maio e apresentaram alta de 0,70% em junho, depois de subirem 0,44% em maio. Entre os alimentos, os principais impactos vieram do leite pasteurizado, com alta de 12,10% - o que representou uma contribuição individual de 0,14 ponto percentual. Os produtos não-alimentícios tiveram desaceleração e registraram inflação de 0,26%, ante 0,48% em

Carlos Gomes

maio. As principais desacelerações vieram da Habitação (de 0,72% para 0,27%), Saúde e Cuidados Pessoais (de 0,68% para 0,49%) e Despesas Pessoais (de 1,57% para 0,49%). A inflação no Brasil caiu de 0,47% em maio para 0,36% em junho, informou nesta quarta-feira o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Os custos relacionados à habitação, que haviam subido 0,72% em maio, avançaram apenas 0,27% em junho, contribuindo para a queda da inflação. As regiões com maior alta de preços foram Curitiba e Fortaleza, enquanto Belo Horizonte praticamente não teve inflação. Os dados se referem ao IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), indicador oficial de preços, usado pelo governo para definir suas metas anuais de inflação. Para 2009, o objetivo do governo é uma inflação anual de 4,5% ao ano, com tolerância de dois pontos

Alimentos exerceram a maior pressão nos preços medisos pelo IPC-A em maio e apresentaram alta de 0,70% em junho percentuais para mais ou para menos. No primeiro semestre, a inflação acumulada foi de 2,57%, bem abaixo dos 3,64% verificados no mesmo período de 2008. Maior inflação: Curitiba A região em que houve maior inflação, entre as pes-

Audi segue tendência e tem alta de 11% nas vendas na China

FolhaNews A fabricante alemã de veículos Audi conseguiu venda recorde na China no primeiro semestre ao comercializar 67 mil veículos, um aumento de 11% na comparação com o mesmo período do ano anterior. O resultado chega sete dias depois de a General Motors (GM) anunciar que durante no mesmo período alcançou o maior resultado semestral de vendas de uma montadora no país asiático, com 814.442 unidades negociadas. A gigante também americana Ford seguiu a tendência e informou que suas vendas também foram recorde entre janeiro e junho de 2009, com 197.212 unidades (14% de aumento anualizado). O diário oficial “China Daily” apontou que os modelos da Audi que registraram melhores resultados de vendas foram o A4 e o A6, que a companhia alemã fabrica em Changchun, no nordeste do país.Com isso, a marca, que chegou a comercializar mais de 11 mil unidades. A Audi, marca de luxo da

Audi

Representantes da Audi na China seguem animados com alta de vendas no país Volkswagen, também superou em junho seu recorde particular, já que no mês passado vendeu 13.265 veículos, 28% mais que durante o mesmo período do ano anterior. Pela frente, Kakinoff enfrenta o desafio de recolocar a Audi entre as grifes preferidas nacionalmente no segmento premium, no qual concorre com MercedesBenz e BMW. Em 2006, a montadora

interrompeu a produção do único modelo feito por aqui, o A3. Com isso, a marca, que chegou a comercializar mais de 11 mil unidades em 2001, viu suas vendas minguarem para 2 mil em 2008. E como a matriz não pretende reativar a produção no Brasil, Kakinoff buscará expandir os 17 pontos de venda existentes hoje no país, colocando a rede de concessionários como “prioridade número 1”.

quisadas, foi a de Curitiba (PR), com alta de 0,83% no mês e 3,09% no semestre. Nesse local, a gasolina subiu 4,35% e o álcool disparou 7,47% no mês. Belo Horizonte teve a inflação mais branda, de 0,06% em junho, mas ainda assim acumula 2,95% no se-

mestre. O IPCA é calculado pelo IBGE desde 1980 e se refere às famílias com rendimento monetário de 1 a 40 salários mínimos, qualquer que seja a fonte. Abrange nove regiões metropolitanas do país, além do município de Goiânia e de Brasília.

Receita libera consulta ao 2º lote do IR de 2009 Folha Online A Receita Federal liberou nesta quarta-feira a consulta ao 2º lote de restituições do Imposto de Renda da Pessoa Física de 2009. Também será liberado hoje mais um lote da malha fina de 2008. O pagamento das restituições será feito no próximo dia 15. Para saber se terá a restituição liberada nesse lote, o contribuinte poderá acessar a página da Receita na internet ou ligar para o Receitafone no 146. O segundo lote de 2009 inclui 1,484 milhão de contribuintes, no valor total de R$ 1,83 bilhão em restituições. Desse total, 24.648 contribuintes foram priorizados com base no Estatuto do Idoso. Caso o valor não seja creditado, o contribuinte deverá se dirigir ou ligar para uma das agências do Banco do Brasil ou para o BB responde 4004-0001 (capitais) ou 0800-729-0001 (demais localidades). “Aqueles que venderam férias terão que fazer uma declaração retificadora, in-

formando como rendimento isento o valor das férias vendidas”, explicou o supervisor nacional do IR. As empresas não são obrigadas a repassar tais informações aos funcionários, mas a Receita acredita que não haverá má vontade por parte dos empregadores em auxiliar o trabalhador. Se houver algum problema neste sentido, Adir garante que o órgão poderá estudar alguma mudança. Na declaração do ano-base 2008, as férias vendidas já podiam ser informadas como rendimentos isentos. O segundo lote de 2009 inclui 1,484 milhão de contribuintes, no valor total de R$ 1,83 bilhão em restituições. Desse total, 24.648 contribuintes foram priorizados com base no Estatuto do Idoso. Em relação ao lote residual de 2008, serão creditadas restituições para 12.532 contribuintes, totalizando R$ 20,7 milhões. Quem ainda não teve a restituição liberada, pode consultar o extrato de processamento da declaração também na internet.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

14

Curitiba na Copa do Mundo

Flavio Condé Após a apresentação de Florianópolis, Curitiba defendeu a sua candidatura para receber os jogos da Copa de 2014. A comitiva paranaense exibiu aos cinco integrantes da Comissão de Inspeção da Fifa um vídeo de introdução da cidade, enaltecendo suas qualidades turísticas, um filme de apresentação do Estádio Arena da Baixada, além de maquete do estádio. Os responsáveis pelo projeto de Curitiba tiveram uma hora para apresentar a candidatura da cidade aos representantes da Fifa (Hugo Salcedo, Jaimme Yarza, Walter Gagg, Jorge Batista e Jaime Bayrom) e esclarecer dados de infra-estrutura como transporte, rede hoteleira, segurança e saúde pública, temas considerados importantes pela Fifa. A cidade tem 16 mil leitos, e a expectativa é que chegue a 20 mil

em 2014, ultrapassando os 18 mil exigidos pela entidade internacional. - A capacidade atual da Arena da Baixada será ampliada para 41.300 lugares. É um estado extremamente moderno, com grande enfoque em conforto, segurança e visibilidade. Ter um estádio como sede da Copa do Mundo é uma grande vitrine. Além de implementações de transportes coletivos e de redes comerciais. Segundo ele, os delegados da Fifa parecem ter gostado do que viram: Os responsáveis pelo projeto de Curitiba tiveram uma hora para apresentar a candidatura da cidade aos representantes da Fifa (Hugo Salcedo, Jaimme Yarza, Walter Gagg, Jorge Batista e Jaime Bayrom) e esclarecer dados de infra-estrutura como transporte, rede hoteleira, segurança e saúde pública,

Reprodução/CBFNews

Paranaenses dizem que inspetores da Fifa se impressionaram com estrutura da cidade

Os integrantes da Comissão de Inspeção da FIFA analisam a maquete da Arena da Baixada temas considerados importantes pela Fifa. A cidade tem 16 mil leitos, e a expectativa é que chegue a 20 mil em 2014, ultrapassando os 18 mil exigidos pela entidade

Teixeira diz que cidades que ficaram de fora serão utilizadas Allen Chahad Direto de Nassau O presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ricardo Teixeira, fez questão de consolar as cinco cidades que não foram escolhidas como sede da Copa do Mundo de 2014. De acordo com o dirigente, Belém, Campo Grande, Florianópolis, Goiânia e Rio Branco serão parte importante no Mundial. Durante a entrevista oficial, logo após o anúncio, Teixeira disse que não há perdedores ou vencedores neste processo. A afirmação recebeu o apoio do presidente da Fifa, Joseph Blatter. “O que todos têm de entender é que não teria condições das 17 cidades serem sedes do Mundial”. O presidente da CBF se mostrou irritado ao ser questionado sobre o que acontecerá se alguma das cidades não conseguir concretizar o

Allen Chahad/Terra

Ricardo Teixeira consolou as cidades derrotadas após o anúncio das sedes

seu projeto a tempo do início do Mundial. “Não trabalho com hipóteses. A expectativa que se apresentou é que as 12 cidades vão cumprir tudo que foi proposto, temos convicção

de tudo isso. A expectativa é que todas cumpram o que foi assinado”, disse Teixeira, que afirmou ainda que teve participação efetiva na escolha das cidades, dando opiniões aos membros da Fifa.

internacional. - Ficamos emocionados com a maneira como os delegados se comportaram. Eles não fizeram perguntas, apenas elogios. O mais im-

portante é o legado que a Fifa vai deixar ao estado e as melhorias para a cidade. Curitiba é uma cidade de Primeiro Mundo dentro de um país de terceiro – diz.

Copa do Mundo pode criar dois “elefantes-brancos” Redação Terra Das 12 cidades confirmadas pela Fifa (Federação Internacional de Futebol) para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil, duas delas podem render dois “elefantes-brancos”. As cidades de Manaus e Cuiabá não têm time grande na Série A desde 1986, quando contavam na primeira divisão nacional com clubes como NacionalAM e Operário-MT. Desde então, os dois Estados sofrem para se destacarem com os seus clubes. O Mato Gosso tem uma, leve, vantagem por ter Luverdense e Mixto na Série C. Já o Amazonas está restrito à Série D (criada em 2009) com o Nacional. Entre as outras dez sedes, apenas três - Natal, Brasília e Fortaleza - não têm representantes na Série A. No entanto, todas contam com times na segunda divisão. Por essa razão, houve surpresa para alguns a vi-

tória do Mato Gosso sobre Goiás no Centro-Oeste e do Amazonas sobre o Pará no Norte. Goiás tem um homônimo na elite e Atlético-GO e Vila Nova na Série B. O Pará, por sua vez, conta com dois dos clubes mais tradicionais e famosos da Região Norte - Remo e Paysandu. Para a Copa do Mundo, Manaus tem como projeto a reforma no Vivaldão, que passará a ter capacidade para 40,550 mil torcedores. Já o Verdão, em Cuiabá, poderá receber até 40 mil pessoas. Agora restam aos dois Estados conseguirem mais projeção com os seus clubes e poderem manter esses dois “novos palcos” na ativa depois da Copa do Mundo. O crescimento ajudaria a não ficarem restritos a lotações em jogos de clubes do eixo Rio-São Paulo ou a eventuais e, cada vez mais escassos, amistosos da Seleção Brasileira pelo País.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

15

Cruzeiro e Estudiantes iniciam batalha pela taça Nesta quarta, Cruzeiro e Estudiantes fazem o primeiro jogo da final da Libertadores, em La Plata Gazeta Esportiva Ao longo de mais de cinco meses, alguns dos principais clubes da América do Sul e do México se dedicaram à disputa da Taça Libertadores. Pelo caminho, 36 caíram. Na noite desta quarta-feira, na cidade argentina de La Plata, Estudiantes e Cruzeiro iniciam o último capítulo da disputa que determina o campeão continental de 2009. Os dois times já se enfrentaram nesta competição. O Cruzeiro era o cabeça de chave do Grupo 5, ao qual o Estudiantes se juntou depois de eliminar o Sporting Cristal, do Peru, na primeira fase. O time mineiro se classificou em primeiro na chave, com 13 pontos contra 10 do adversário. No confronto direto, a vantagem foi argentina, com uma vitória por 4 x 0 em La Plata, contra os 3 x 0 que a Raposa fez em Belo Horizonte. A partir das oitavas de final, as duas equipes cresceram de rendimento. Neste mata-mata, Cruzeiro e Estudiantes acumulam cinco vitórias e um empate cada, retrospecto que impressiona quando se considera o nível técnico dos rivais e a

O Cruzeiro, bicampeão, conta com os gols de Kléber(à direita). O Estudiantes aposta em Veron(esquerda) importância das partidas. Isto acontece porque a tendência é que, na final, os dois times naturalmente procurem o resultado. Para o Cruzeiro, o mais importante é não deixar que se repita a goleada de 8 de abril, que seria praticamente irreversível. Naquela ocasião, a

delegação teve problemas de deslocamento no trânsito da Região Metropolitana de Buenos Aires - La Plata fica a 56km da capital argentina, onde se hospedavam os celestes - e chegou atrasada ao estádio. "É uma final. A motivação é diferente. Não que

Corinthians volta ao Pacaembu contra Fluminense pelo Brasileirão Gazeta Esportiva O Corinthians volta a campo às 21h50 desta quarta-feira, no Pacaembu, sete dias depois da conquista da Copa do Brasil. O adversário será o Fluminense, e o foco também já é outro. Desta vez, o time do técnico Mano Menezes concentra-se na disputa do Campeonato Brasileiro, competição em que o treinador promete “não brincar”, ainda que o Corinthians já tenha garantida a vaga na Taça Libertadores do próximo ano. No ano passado, com boa campanha na disputa da Libertadores, o Fluminense

encontrava-se mal na tabela da competição nacional. Para o então técnico Renato Gaúcho, a equipe tricolor “brincaria” no Brasileirão depois de passado o torneio sul-americano. O resultado foi diferente: a formação carioca perdeu a decisão para a LDU e por pouco não foi rebaixada para a segunda divisão. Com o exemplo do adversário, o Timão trata o reencontro com sua torcida nesta quarta-feira como o primeiro passo para a conquista do Brasileiro e, consequentemente, da Tríplice Coroa. O foco na Libertadores é

por ora relegado a segundo plano, de acordo o elenco alvinegro, do qual apenas o recém-apresentado Edu já foi campeão brasileiro, nos anos de 1998 e 1999. Décimo colocado, com 11 pontos e a nove do líder Internacional, o time paulista busca sua quarta vitória para não se distanciar da ponta. Se depender do retrospecto recente com os cariocas, a motivação é ainda maior. Em 2009, o Corinthians enfrentou o Fluminense duas vezes: venceu em São Paulo e empatou no Rio de Janeiro, garantindo-se na semifinal da Copa do Brasil.

naquele jogo não tivesse, claro que teve. Mas na final o espírito vai ser diferente. Esperamos chegar lá e fazer um bom jogo, até porque o foco está todo voltado para a final. Queremos encaminhar nosso título no primeiro jogo. Se não der, é segurar lá para vencer o se-

gundo", declarou Ramires. A maior preocupação cruzeirense na Argentina, contudo, é com um adversário invisível a olho nu. É o vírus A H1N1, da gripe suína. Por precaução, o Cruzeiro se programou, ficando o mínimo de tempo possível no país vizinho.

Palmeiras faz proposta e aguarda “sim” de Muricy Thiago Tufano O tão aguardado encontro entre diretoria do Palmeiras e Muricy Ramalho aconteceu nesta quarta-feira. A cúpula alviverde, representada pelo vice-presidente Gilberto Cipullo, se reuniu com o procurador do treinador, Márcio Rivelino, e aguarda uma resposta positiva do ex-comandante do São Paulo. Luiz Gonzaga Belluzzo, presidente do Palmeiras, afirmou, em entrevista ao Terra, que Rivelino chegou à reunião com uma proposta e o clube fez uma outra oferta “parecida”. “Estamos discutindo ainda. O Márcio fez a proposta

do Muricy. Nós recebemos e fizemos a nossa. Não estamos nem otimistas e nem pessimistas. Estamos esperando entrar em uma proposta comum”, afirmou Belluzzo. O Palmeiras está sem técnico desde a saída de Vanderlei Luxemburgo, no fim do mês passado. O treinador foi demitido do clube por conta de uma polêmica envolvendo o atacante Keirrison, que negocia com o Barcelona e está afastado do Palmeiras. Caso a resposta de Muricy Ramalho seja negativa, o Palmeiras tem como “plano B” Dorival Júnior, que dirige o Vasco na segunda divisão do Campeonato Brasileiro.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

16

Dirigentes brigam de novo e F1 volta a ficar ameaçada Não durou nem 15 dias a trégua entre a FIA e a Associação das Equipes da Fórmula 1 Gazeta Press Não durou nem 15 dias a trégua entre a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e a Associação das Equipes da Fórmula 1 (Fota). Após reunião entre as partes realizada nesta quarta-feira, as escuderias alegam que não estão efetivamente inscritas no Mundial 2010, ao contrário do que havia prometido a entidade regida por Max Mosley. FIA e Fota encontraram-se em Nürburgring com o objetivo de estabelecer com exatidão as regras para o próximo campeonato, além de definir como será feita a redução de custos previstas para os próximos dois anos. Entretanto, não houve acordo e a guerra política que ameaça a principal categoria do automobilismo Mundial está reaberta. De um lado, a FIA informa em comunicado oficial que apenas a questão da diminuição de gastos e do peso mínimo dos carros não havia sido definida quando os oito times representados pela

Fota se retiraram da discussão - a entidade não especifica exatamente o motivo pelo qual isso ocorreu. Desta forma, não foi possível chegar a nenhum acordo. Por sua vez, as escuderias alegam que foram informadas pelo diretor de Fórmula 1 da FIA, Charlie Whiting, que apenas Williams, Force Índia, USF1, Manor e Campos estavam garantidas no próximo campeonato. “A Fota então não teria direito de voto em relação às regras técnicas e esportivas”, alega comunicado da Associação. Diante disto, as escuderias teriam pedido o adiamento do encontro, mas a proposta foi negada com o argumento de que não seria permitido um novo Pacto da Concórdia (documento que especifica os direitos e deveres de cada parte na Fórmula 1 especialmente na parte financeira) se as regras de 2010 não tivessem sido acordadas por unanimidade. Após reuniões e intensas trocas de farpas, as duas

Divulgação

Em comunicado, a Fia alega que a Fota não teria direito de decidir regras da F1.

partes chegaram a um acordo no final do mês passado: em troca da permanência das escuderias em 2010 e de uma redução gradual dos gastos aos limites do come-

Ronaldo na mira: torcida rubronegra planeja protesto pacífico Eduardo Peixoto O fim de semana dos dias 8 e 9 de agosto nunca foi tão aguardado por parte da torcida do Flamengo. Diante da rixa pessoal com Ronaldo há duas manifestações programadas para os dias em que o Corinthians estiver no Rio de Janeiro para jogar no Maracanã contra o RubroNegro. A primeira será no aeroporto em que o time paulista desembarcar na capital fluminense - Santos Dumont, o mais provável, ou Galeão . Com anuência do clube, as principais torcidas organizadas planejam um protesto pacífico para recepcioná-lo. Um mês antes do Jogo da Paz, o Maracanã vai se transformar em caldeirão para receber o atacante. “Já vi na tabela, o jogo cai no Dia dos Pais. Mas vou para

Leandro Canônico

Ronaldo será alvo de protesto de torcedores do Flamengo

o Maraca, não tem jeito. O Ronaldo vai sofrer. O Flamengo tem uma nação, não uma torcida. A do Corinthians nem se compara”, afirmou o auxiliar administrativo Wallace Santos, 23 anos, morador do Catumbi.

A expectativa é de que milhares de rubro-negros estejam no local, onde haverá faixas e carro de som protestando contra o jogador. A segunda ocorrerá no Maracanã e o plano de “ação” ainda não foi decidido.

ço dos anos 90, Max Mosley retirou o teto orçamentário da pauta.. Entretanto, Mosley irritouse com declarações do presidente da Ferrari e da Fota,

Luca di Montezemolo. Assim, passou a ameaçar continuar no cargo e, na reunião desta quarta, voltou a endurecer as negociações com as escuderias.

Rogério Ceni ‘quebra recorde’ e volta a treinar com bola Gazeta Press O goleiro Rogério Ceni está cada vez mais próximo de voltar aos jogos. Na tarde desta quarta-feira, o capitão são-paulino mostrou que está recuperado da cirurgia no tornozelo esquerdo e voltou a treinar com bola no CT da Barra Funda. O fisioterapeuta do Tricolor, Luiz Rosan, explicou que o atleta entrou na etapa final da recuperação em um período surpreendente. “Para um primeiro dia de trabalho com bola, está excelente. No começo, eu já dizia que tudo pode acontecer quando se trata do Rogério. Ele costuma se recuperar rápido, mas estou até surpreso. O Rogério quebra recordes também na fisioterapia.”, afirmou. O goleiro foi submetido à cirurgia no tornozelo esquerdo no dia 13 de abril, poucas

horas depois de sofrer uma fratura durante treino no CT. A previsão mínima era de que o arqueiro só voltaria aos gramados em meados de agosto, mas o prazo será abreviado. Existe a chance de o goleiro ficar à disposição de Ricardo Gomes em cerca de 20 dias. “Ele está participando das atividades e não me reportou dor, o que é importante para a sequência. Vamos ver amanhã (quinta) se o tornozelo estará inchado ou se ele terá alguma reclamação. Ele iniciou a última etapa da recuperação cerca de duas ou três semanas antes do previsto”, acrescentou Rosan. Nesta quarta, Rogério Ceni participou de um treino específico com o auxiliar de preparação física, Sérgio Rocha, observado pelo fisioterapeuta e pela professora de hidroginástica, Roberta Rosas.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná 17

Relatório aponta manutenção da tarifa de ônibus circular Bonde News Depois de quatro meses de trabalhos, a Comissão Especial de Inquérito (CEI), que investiga o aumento da tarifa do transporte coletivo, apresentou relatório parcial apontando pela manutenção da tarifa em Londrina (R$ 2,00). Os trabalhos foram conduzidos por cinco vereadores da Câmara Municipal. Durante o período, os parlamentares reuniram 10 mil páginas de documentos (notas fiscais e contratos de licitação). Foram avaliados gastos com combustível, manutenção da frota e folha de pagamento com funcionários. A CEI descobriu que o contrato firmado entre Município e empresas (TCGL e Francovig) prevê lucro de 7,5% ao ano, acima do praticado no mercado (2,5%). “Aquela reclamação que as empresas tinham prejuízo não é verdade. Estamos mostrando balanço patrimonial. Uma das empresas apurou desde 2006, lucro líquido a cada ano, supe-

Luciano Roncolato

CEI constata superfaturamento de 30% nas planilhas do transporte coletivo e indiciará responsáveis

rado em 100% - R$ 700 mil, R$ 1,4 milhão e R$ 2,5 milhões”, enfatizou Joel Garcia (PDT), presidente da CEI e coordenador dos trabalhos. A planilha que prevê a manutenção da tarifa já contempla reajuste salarial

dos trabalhadores - 6%. O relatório será repassado ao sindicato dos funcionários (Sinttrol). Uma reunião na Delegacia Regional do Trabalho (DRT) está agendada para quarta-feira (8). A CEI também aponta indícios de irregularidades na

planilha apresentada pela CMTU. Erros são elencados nos orçamentos de pneus, recapagens e manutenção da frota. “A planilha da própria CMTU lança produtos com 30% a mais daqueles praticados no mercado”, disse Garcia. A CEI pedirá

o indiciamento por improbidade administrativa de exgestores da CMTU. Em entrevista coletiva nessa segunda-feira (6), o prefeito Barbosa Neto (PDT) comentou o relatório. Para ele, não cabe à Câmara definir o preço para a tarifa do transporte coletivo: “Não é papel de vereador, deputado, senador determinar o valor de uma tarifa. Isso é um cálculo contábil, matemático, econômico que deve ser feito de acordo com as variantes”. De acordo com o prefeito, o custo da tarifa vai ser decidido de forma técnica baseada na planilha apresentada pela CMTU. Barbosa, que espera ter os números do relatório para poder discutir o assunto, considerou irresponsável qualquer possibilidade de rompimento de contrato com as empresas: “Nós vamos respeitar os contratos vigentes”. O relatório final da CEI será apresentado ao plenário no próximo dia 18

Tarifa de R$ 1,99 é deboche, diz sindicalista Jornal de Londrina O presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Transporte Rodoviário de Londrina (Sinttrol), João Batista da Silva, disse que a sugestão da Comissão Especial de Inquérito (CEI) de baixar de R$ 2 para R$ 1,99 o preço da tarifa é “uma jogada de marketing”. “Isso é um deboche que estão fazendo, parece que estão comparando o serviço de transporte, que é tão importante, com as lojinhas que vendem bugiganga na cidade”, lamentou. “É, no mínimo um desrespeito, uma falta de consideração com a categoria”. O Sinttrol começou a participar da polêmica dis-

cussão sobre o reajuste da tarifa do transporte porque entende que sem este aumento as empresas não teriam condições de conceder reposição salarial aos trabalhadores. Na semana passada, o sindicato não descartava a possibilidade de greve, já que uma assembleia será realizada nesta quarta-feira (8), mas dizia que esperaria a volta de Barbosa, já que o prefeito sempre defendeu o reajuste. CEI Após quatro meses de investigação a CEI concluiu que não é necessário reajustar a tarifa. O relatório parcial foi apresentado hoje pela manhã.

Segundo o presidente da CEI, Joel Garcia (PDT). foram constatados indícios de superfaturamento na maioria dos 200 itens que compõem a planilha, como pneus, óleo diesel e insumos. Notas fiscais revelam que o óleo diesel, por exemplo, era vendido a um custo bem inferior ao pago pelas empresas. Ainda segundo Joel Garcia, as duas empresas não registram prejuízos desde 2006: “Uma delas teve lucro de R$ 700 mil em 2006; de R$ 1,4 milhão em 2007 e de R$ 2,5 milhões em 2008”, afirmou O vereador disse que a CEI poderá encaminhar pedido de providências sobre as irregularidade ao Ministé-

rio Público. “Não sei se será possível pedir ressarcimento do que foi pago a mais porque a CMTU elaborou a planilha e sempre concordou com ela”. Prefeito Em entrevista coletiva nessa segunda-feira (6), o prefeito Barbosa Neto (PDT) comentou o relatório. Para ele, não cabe à Câmara definir o preço para a tarifa do transporte coletivo: “Não é papel de vereador, deputado, senador determinar o valor de uma tarifa. Isso é um cálculo contábil, matemático, econômico que deve ser feito de acordo com as variantes”. De acordo com o prefeito, o custo da tarifa vai ser

decidido de forma técnica baseada na planilha apresentada pela CMTU. Barbosa, que espera ter os números do relatório para poder discutir o assunto, considerou irresponsável qualquer possibilidade de rompimento de contrato com as empresas: “Nós vamos respeitar os contratos vigentes”. O presidente da CMTU disse ainda que entre as cláusulas discutidas está a que diz respeito ao lucro das empresas. “A gente entende que essa cláusula é onerosa para o sistema. Ela foi colocada de uma forma que não se pensou no impacto. Teríamos que excluí-la”, observou.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

18

UEL retoma atividades após de 10 dias de paralisação As aulas foram paralisadas em 25 de junho, após a visita de estudante que contraiu a gripe H1N1 Jornal de Londrina Os 14 mil alunos da Universidade Estadual de Londrina (UEL) retomaram as atividades, na manhã desta segunda-feira (6), depois de dez dias de suspensão em razão da gripe A. No dia 25 de junho, as aulas e as atividades dos departamentos da instituição com grande circulação de pessoas foram paralisadas. A medida foi tomada depois que 24 pessoas, entre professores, estudantes e servidores, tiveram contato com uma estudante da Universidade Estadual Paulista (Unesp), que contraiu a doença e participou de um curso na instituição. Segundo a assessoria de imprensa da UEL, às 6h o Restaurante Universitário (RU) reabriu depois de passar por uma desinfecção. O reitor da UEL, Wilmar Marçal, esteve presente ao local e tomou café com os alunos. Marçal afirmou estar convicto de que a suspensão das atividades foi acertada. “Fizemos a lição de casa. Nesses dez dias realizamos

Gilberto Abelha

Aulas na UEL foram normalizadas na manhã desta segunda-feira e alunos voltam a rotina

a barreira sanitária e esse período de paralisação não afetará as atividades acadêmicas”, disse. Durante os dias de suspensão das aulas, o calçadão central da universidade ficou completamente vazio. Nesta segunda-feira, os acadêmicos voltaram a circular e alguns aproveitaram

para estudar no local. A Biblioteca Central, que ficou fechada para desinfecção, também voltou a funcionar normalmente. Com a suspensão das aulas, o Conselho de Administração da Universidade Estadual de Londrina (UEL) precisou prorrogar as aulas na instituição até o dia

16 de julho. A readequação no calendário foi necessária para o cumprimento das 17 semanas letivas obrigatórias. Nesta segunda-feira, o novo calendário será analisado pela Câmara de Graduação, e na quintafeira (9) pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe). Para ser posta

em prática, a readequação precisa ser aprovada por esses dois órgãos administrativos. As férias da universidade que estavam programadas para ocorrem entre os dias 13 e 27 de julho, serão entre os dias 17 de julho e 3 de agosto. Segundo o reitor, os colegiados dos cursos de graduação terão autonomia para trabalharem o calendário antecipando datas e prazos, pois alguns cursos já cumpriram a carga horária obrigatória. A presidente da Aduel voltou a criticar a falta de acesso dos professores aos argumentos que levaram o Conselho de Administração a manter a suspensão das atividades no campus. “Ficamos dez dias paralisados e, em nenhum momento, os professores foram comunicados dos motivos que levaram a suspensão das aulas. Recebemos apenas comunicados. A comunidade docente obteve as informações pelo que foi divulgado pelos meios de

Americanos fazem trabalho Quatro presos fogem do 2º Distrito voluntário em Londrina Folha de Londrina Após perder o filho em um acidente de carro em 2005, o casal de norte-americanos Carolen e Jim Sadler encontrou no auxílio a comunidades carentes uma forma de amenizar a sua dor. Em razão da morte do filho, o casal recebeu diversas doações em dinheiro dos membros da Igreja Presbiteriana, da qual faz parte, e decidiu iniciar uma jornada pelo mundo para conhecer outras realidades. O grupo já passou pela Venezuela, Quênia, Camboja, México e, neste ano, optou pelo Brasil. Acompanhados de seis jovens, Carolen e Jim chegaram a Londrina na última quarta-feira. Eles “descobriram” a cidade por meio de um pastor londrinense que fez uma pregação na igreja

que frequentam, no estado da Califórnia. Durante quatro dias, o grupo deu assistência ao Centro de Educação Infantil Reverendo Jonas Dias Martins, que atende 138 crianças de 2 a 5 anos de idade, no Jardim Bancários (zona oeste). O CEI é mantido pela Associação Feminina Evangélica de Londrina e vem passando por reformas desde o ano passado. O espaço foi totalmente readequado, mas ainda há trabalho a ser feito. Os norte-americanos financiaram a construção de uma parte do muro e a pintura do prédio. Eles também doaram equipamentos de multimídia. “Nosso filho era muito envolvido com as atividades da igreja e, quando ele morreu, muitas pessoas do-

aram dinheiro para a família. Isso ajuda a cicatrizar a dor da perda do nosso filho e ele deve estar orgulhoso de nós. É muito bom ver a reação dos garotos”, disse Carolen. De Londrina, eles seguem para São Paulo e Rio de Janeiro. “Os garotos gostam de surfar”, explicou Jim. Um dos garotos que acompanham o grupo é Brooke, filho mais novo de Carolen e Jim, que tem aproveitado as viagens para conhecer outras culturas. “Todos os lugares são muito interessantes. Aqui, achei legal a escola e muito bonitas as crianças”, comentou. O pai, Jim, elogiou a comida e as pessoas. “Tivemos boa impressão da cidade. A comida é ótima e as pessoas são muito hospitaleiras.”

Bonde News Quatro presos fugiram da carceragem do 2º Distrito Policial durante a madrugada de ontem. Eles estavam em uma das celas quando conseguiram escapar pela grade de ventilação, chegaram ao pátio e pularam o muro. Além dos quatro, havia outros seis presos que não conseguiram fugir. “Quando os policiais perceberam a movimentação, quatro presos já tinham fugido”, disse o delegado do distrito, José Arnaldo Peron. O 2º DP tem capacidade para 122 presos, mas abriga 223. No momento da fuga, estavam na delegacia um auxiliar de carceragem e dois policiais militares. “O prédio também tem câmeras de segurança, mas por onde os presos fugiram há

um ponto cego e a câmera não pegou”, afirmou o delegado. A polícia procura os fugitivos Tiago Rodrigues da Silva, João Batista Guedes Rodrigues, Anderson Gonçalves Serafin e Wagner Andrade dos Santos. Silva estava detido por porte ilegal de arma, Rodrigues e Serafin por tentativa de furto e Santos era fugitivo da Colônia Penal Agrícola (CPA). De acordo com o tenente Ricardo Eguedis, porta-voz da Polícia Militar (PM), foi instaurado um inquérito para investigar as circunstâncias da fuga. O prédio também tem câmeras de segurança por toda os corredores. Quem tiver informações sobre os fugitivos pode ligar para os telefones 181 ou 197.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

19

Após 7 anos, prefeitura prepara revisão do IPTU Segundo o secretário da Fazenda, estudo será entregue ao prefeito Barbosa Neto em agosto Jornal de Londrina O valor do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) pode mudar no ano que vem na cidade, com aumentos ou reduções. Neste mês, a Secretaria Municipal de Fazenda iniciou um estudo de revisão da planta de valores. A última foi feita em 2002. Para o Sindicato dos Corretores de Imóveis (Sincil), o estudo preocupa, pois hoje já haveria distorções na cobrança, com alguns impostos mais altos que as avaliações de mercado. Conforme afirmou o secretário de Fazenda, Denílson Vieira Novaes, o estudo deve ficar pronto em agosto e será apresentado ao prefeito Barbosa Neto (PDT). Ele decidirá se acata as sugestões e envia à Câmara um projeto de lei alterando a atual planta de valores. “A revisão é sempre algo complexo, muitos contribuintes reclamam. Mas Londrina é

uma cidade dinâmica e algumas regiões ficaram mais valiosas e outras perderam”, disse. A última revisão foi feita por meio da lei 8.672, aprovada em 2001, na primeira gestão do prefeito Nedson Micheleti (PT), e entrou em vigor no ano seguinte. Na época, 51% dos imóveis tiveram aumentos que chegaram a até 500%. O restante teve redução que variou até 99%. O reajuste anterior tinha ocorrido em 1990. Hoje, Novaes não antecipa em quanto o valor do IPTU pode alterar, mas ressaltou que haverá mudanças. “Vão existir variações para mais e para menos. Mas ainda não é possível dizer em quanto será e quantos imóveis serão afetados”, disse. Além da valorização e desvalorização que há nos imóveis, o secretário afirmou que a alteração se justifica também pela necessidade

de melhorar a arrecadação de impostos. “O Município tem necessidade de aumentar receita. Não adianta só cortar os custos, pois as demandas aumentam, como educação, saúde, asfalto.” Essa necessidade aliás é reflexo da situação financeira deste ano. “A arrecadação está 2% a 3% maior que a de 2008, mas as despesas estão em torno de 12% maiores”, afirmou. Correção O secretário explicou que a reavaliação dos impostos é feita com base no valor de mercado dos imóveis. Segundo ele, técnicos da Fazenda fazem um levantamento em anúncios de venda de imóveis. “Acompanhamos vários anúncios de todas as regiões. Mas também verificamos o valor de venda, pois o valor anunciado pode ser maior que o da venda”, disse. Com base nessa avaliação é calculado o valor venal

de cada imóvel. “Dificilmente o valor venal é igual ao valor de mercado, representando cerca de 70% a 80% do valor real.” Para este ano, a previsão é arrecadar R$ 73,6 milhões com o tributo. Entre os impostos próprios do Município, o IPTU representa 23,4% do total, sendo menor apenas que o ICMS (R$ 95,2 milhões) e o ISS (R$ 74,7 milhões), segundo o orçamento de 2009. Sindicato dos Corretores critica avaliação dos imóveis O presidente do Sindicato dos Corretores de Imóveis (Sincil), Marco Antonio Bacarin, afirmou que vê com preocupação a revisão da planta do IPTU. Para ele, o problema é que a avaliação da Prefeitura é feita por região, mas lotes de uma mesma rua podem ter características diferentes e, consequentemente, valores

diferentes. Para acompanhar o estudo, foi montada no sindicato uma comissão de corretores. “Sabemos que é importante para o Município ter uma planta atualizada. Mas hoje temos de conviver com muitas distorções, porque o valor de um imposto é definido pela região em que o imóvel está”, afirmou. Segundo ele, um imóvel em determinado quarteirão pode ter declive, o que o deixa com valor diferente. “Outro problema é que temos ruas com zoneamento diferentes para cada lado, o que também resulta em valor diferente de mercado”, enfatizou. Bacarin disse que, para evitar essas distorções, o debate sobre a alteração da planta deve ser feito com a sociedade civil organizada antes de ir para votação na Câmara. “Isso é importante para que não haja distorções nem privilégios”, disse.

Acidente mata quatro CMTU surpreende ambulantes pessoas na PR-323 com fiscalização no domingo

Daniel Costa com a PRE, atrás da carreUm grave acidente en- ta trafegava um caminhão volvendo quatro veículos guincho. O motorista do cana PR-323, por volta das minhão ao ver o acidente 6h desta terça-feira (7), dei- teria freado e um Santana xou quatro pessoas mortas. que vinha logo depois não A colisão envolvendo uma conseguiu frear e bateu na Brasília, uma carreta, um traseira do guincho. Com a caminhão guincho e um força do impacto, um passaSantana ocorreu no Distrito geiro que estava no banco de da Warta, região norte de trás do carro e sem cinto de Londrina, em frente ao posto segurança acabou batendo de Serviço de a cabeça Atendimento Colisão envolvendo no paraao Usuário da quatro veículos brisa e Concessionámorreu ria de Pedá- ocorreu por volta das no local. gio Econorte. 6h desta terça-feira. A vítima Segundo a i n d a o tenente da Polícia Rodo- não foi identificada. viária Estadual (PRE) Pedro Outros dois passageiros Ramos, o condutor da Bra- do Santana ficaram gravesília trafegava no sentido mente feridos e encaminhaLondrina-Sertanópolis e te- dos para o Hospital Univerria tentado fazer um retorno, sitário de Londrina. A PRE cruzando na frente da car- informou que o motorista do reta. O motorista do veículo guincho não permaneceu no não conseguiu parar, bateu local do acidente. As vítimas na lateral da Brasília e pas- foram atendidas pelo Corpo sando por cima de parte da de Bombeiros e por equipes Brasília, matando na hora os da Concessionária Econortrês passageiros. De acordo te.

Jornal de Londrina A Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) apreendeu, na manhã de ontem (28), mercadorias de dois ambulantes que atuavam dentro do Terminal Urbano de Londrina. A ação, que foi realizada por 10 agentes da companhia e dois policiais militares, ocorreu entre 10h30 e 12 horas. Cerca de três quilos de produtos alimentícios foram apreendidos. De acordo com o assessor da CMTU, Agnaldo Rosa, esta foi apenas uma das ações que serão intensificadas tanto nos outros cinco terminais de ônibus da cidade como em outras áreas públicas. Em Londrina, é proibida a comercialização de produtos nestes locais. No momento da apreensão havia mais ambulantes no local, mas com a presença dos fiscais eles fugiram. Um dos ambulantes reagiu a ação dos agentes, mas não foi preso. “Não queremos fa-

zer alarde, apenas queremos manter a ordem na cidade, permitindo que as pessoas possam usufruir de maneira tranquila das áreas públicas”, afirmou Agnaldo Rosa. Ainda no final de semana, ações parecidas foram realizadas no sábado (27) nos Terminais do Conjunto Vivi Xavier e Acapulco. “Agora, durante os finais de semana, também vamos fiscalizar os terminais e a rodoviária”, destacou. De acordo com o assessor, estão na mira da CMTU caçambas colocadas em locais irregulares, tijolos, areia, pedras e restos de construção despejados em calçadas, além de peças de carros desmanchados por Ferros-Velhos em vias públicas. “As nossas ações vão atuar inclusive em cima de empreiteiras que realizam obras para o poder público”, destacou Rosa, que apontou uma escola municipal que passa por reformas na

região oeste e que teve a empresa responsável pela obra autuada, por causa da presença de pedras e areia na calçada que dá acesso aos alunos. Entre as outras medidas de fiscalização apontadas pelo assessor, estão a autuação de empresas que utilizam os canteiros públicos para anunciarem serviços, bem como áreas nas proximidades de outdoors, que devem estar, de acordo com as leis municipais, limpas e roçadas pela empresa que anuncia no local. Ontem ainda, funcionários da CMTU estiveram no estacionamento do Estádio do Café para assegurar que a feira de automóveis que era realizada de forma irregular no local, não voltasse a funcionar. No entanto, o comerciante mudou o local da feira para o interior do autódromo, com o pagamento ao município de R$ 1,5 mil para utilizar o local.


quartafeira, 8 de julho de 2009

O Paraná

20

Londrina registra mais um caso de criptococose Um homem de 31 anos é o quarto caso registrado e está internado na Santa Casa de Londrina Jornal de Londrina Um técnico de enfermagem, de 31 anos, está internado na Santa Casa de Londrina, desde o dia 30 de junho, com meningite causada pelo fungo Cryptococcus. Segundo a assessoria de imprensa do hospital, os exames que diagnosticaram a criptococose ficaram prontos na sexta-feira (3), mas os médicos tiveram acesso ao laudo somente nesta segunda-feira (6). O homem reside em Cambé, mas trabalha em Londrina. O quadro clínico dele é bom. A criptococose é transmitida por um fungo presente no meio ambiente, em frutas secas, em fezes de pombos e no solo, além de madeiras e que pode ser inalado pelas pessoas. A assessoria informou que os médicos estão investigando como o homem contraiu o fungo, uma vez que ele afirmou não frequentar a região do Bosque em Londrina, onde há a presença de muitos pombos, nem teve contato com madeiras.

No dia 30 de maio, o serralheiro Márcio Marcos Kovaleski, 40 anos, morreu em razão do comprometimento de todo o sistema neurológico. Kovaleski ficou internado na Santa Casa durante 97 dias. A família Kovaleski acredita que o serralheiro tenha contraído o fungo no início do ano, quando esteve com mais frequência na região do Bosque. De acordo com o irmão Vicente Kowaleski, Márcio era sadio, mas enfrentava uma crise de depressão que o deixou mais vulnerável a infecções. Segundo a gerente de epidemiologia da secretaria, Sandra Caldeira, os outros dois casos estavam relacionados a pacientes portadores do vírus HIV/AIDS. “Um veio a óbito e o outro se recuperou bem e recebeu alta do hospital”, comentou. De acordo com Sandra, mesmo com os quatro casos registrados não há motivo para preocupação. “A situação não preocupa de forma al-

guma”, afirmou. Segundo ele, o paciente internado na Santa Casa tem um quadro clínico geral bom e deve receber alta nos próximos dias. “Ele está evoluindo bem e está tudo sob controle. Logo será liberado.” Agajan reforçou que é improvável saber como o paciente foi infectado. “É humanamente impossível saber como ele pegou a doença”, disse. Ele considerou normal a ocorrência de pelo menos dois casos em menos de seis meses na cidade. “Está dentro das possibilidades de surgimento da doença numa população de mais de 600 mil pessoas na grande Londrina.” Medidas de controle das pombas A secretaria do Ambiente de Londrina realizou, na manhã desta terça-feira (7), uma avaliação da atuação de um aparelho sonoro, instalado em uma praça na região central da cidade, para espantar os pombos. De acordo com o secretá-

Anônimo usa óleo em calçadas para espantar traficantes Luiz Bartelli Poças de óleo queimado têm chamado a atenção de moradores dos arredores da esquina da Rua Espírito Santo com a São Paulo. Os imóveis têm sido diariamente “regados”, há cerca de 10 dias, com grandes quantidades de óleo queimado. Uma carta distribuída anonimamente na região por uma “comissão dos moradores do centro”, explica o motivo. O texto aponta o cruzamento como “crackolândia londrinense” e justifica o uso do óleo queimado como alternativa contra usuários de drogas e traficantes que se utilizam das muretas para praticar atos ilícitos. “A primeira providência foi ligar para a polícia, mas após várias tentativas ela não compareceu. Foi quando alguém teve a idéia de sujar para que nenhum drogado sente e use

drogas ali. Pensamos em ovos, tintas, até que alguém deu a ideia de sujar com óleo queimado”, relata a carta, endereçada ao proprietário de uma residência que tem as calçadas manchadas com o óleo diariamente. O proprietário não foi encontrado para comentar a sujeira feita em frente à casa dele, mas o porteiro Moacir Fonseca Magri, que trabalha num condomínio ao lado, afirmou que os moradores do prédio não aprovam a medida. “A gente tem que lavar a calçada todo dia, porque as pessoas pisam e espalham o óleo por toda a parte”, contou Magri, que embora desaprove a medida, disse que depois dela algumas “pessoas suspeitas” sumiram. O estudante Vinícius Amigoly é morador de um condomínio nas proximidades e afirmou desconhecer a exis-

tência de uma “comissão de moradores”. Ele contou que, principalmente à noite, desde que o óleo começou a ser jogado, a movimentação de usuários de drogas tem diminuído. Um morador, que não quis se identificar, afirmou já ter sido vítima inclusive de seqüestro-relâmpago e chamou a esquina de “delivery” da droga. Morador da região há mais de 30 anos, ele relatou que, no mesmo cruzamento, há alguns anos, não havia semáforo e que o equipamento só foi instalado depois que uma faixa, confeccionada por um morador, foi pendurada no local. “Vai ver o autor da sujeira se inspirou nessa ação, porque, se for esperar a polícia, além do óleo, vai continuar a droga, o tráfico e o pessoal que sai dos bares e urina no local”, afirmou.

SHX

O decreto deve diminuir o número de pombos na cidade, que sofre com a superpopulação rio, Carlos Levy, a coleta de informações foi prejudicada em razão das chuvas dos últimos dias, porém ele afirmou que já há sinais positivos do funcionamento do aparelho. “Ainda não é o que esperávamos. Estamos fazendo a medição pelo volume de fezes e como cho-

veu muito ele foi um pouco prejudicada. “Não é uma construção demorada e esperamos concluí-la ainda em julho. Nesses pombais, as aves serão monitoradas e castradas. Desta forma, conseguiremos controlar a superpopulação das pombas”, disse.

Adolescente é executado com 9 tiros em Londrina Jornal de Londrina Jeferson Emílio de Souza, de 17 anos, foi atingido ontem à tarde por nove tiros, no Jardim Sabará, zona oeste da cidade. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu antes de o Siate prestar o socorro. De acordo com informações da Polícia Militar (PM), Souza estava andando de bicicleta na esquina das Ruas Waldomiro Ferreira da Silva com Duarte Coelho, quando dois outros homens passaram em uma motocicleta de cor prata e dispararam contra o adolescente. Os autores do homicídio fugiram e a polícia não tem pistas. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, os tiros acertaram a região da cabeça, do tronco e braços. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Londrina. Os dados não levam

em conta os casos de latrocínio, quando há roubo seguido de morte: foram oito em todo o ano passado (quatro em cada semestre) e quatro nos seis primeiros meses deste ano. Número de homicídios cai 28% no semestre De janeiro a junho, 45 pessoas foram assassinadas em Londrina. O número é 28% menor que no mesmo período do ano passado, quando 63 pessoas foram vítimas de homicídios. Os dados não levam em conta os casos de latrocínio, quando há roubo seguido de morte: foram oito em todo o ano passado (quatro em cada semestre) e quatro nos seis primeiros meses deste ano. Para o delegado-chefe da Polícia Civil em Londrina, Sérgio Barroso, o número foi menor por conta do combate ao tráfico de drogas na cidade.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

...Cinema Jean Charles

O filme Jean Charles, acompanha as experiências de diversos brasileiros que, em busca do sonho de uma vida melhor, arriscam viver longe de seu país. Contando não apenas com seus próprios esforços, mas principalmente com a alegria e criatividade - características marcantes do povo brasileiro. Com Selton Melo, Vanessa Giácomo, Daniel Oliveira e Luis Miranda. CATUAÍ 1 - Hoje: 18:30, 20:30

Transformers 2- A vingança dos derrotados Dois anos se passaram desde que o jovem Sam Witwicky salvou o universo de uma batalha decisiva entre duas raças de alienígenas robóticos em guerra. Justamente quando a vida está quase normal na faculdade de Sam, ele repentinamente é perturbado por visões que brilham em seu cérebro. CATUAÍ 3 - Hoje: 14:30, 15:00, 17:30, 18:00, 20:30, 21:00

A mulher invisível

Após uma desilusão amorosa, Pedro acredita ter encontrado a mulher ideal: Amanda, sua bela e dedicada vizinha. Mas seu Carlos, pragmático, o desencoraja a investir numa relação com uma mulher que ninguém conhece. Mas Pedro está apaixonado.. E ela é maravilhosa. Pelo menos até Pedro começar a desconfiar de que ela tem um único mas terrível defeito – Amanda não existe. CATUAÍ 5 - Hoje: 19:00, 21:00

MAFALDA

O Paraná 21

...NOVELAS Uma noite no Museu 2

A noite caiu no Instituto Smithsonian, em Washington. Os guias já foram para casa, as luzes estão apagadas, as crianças estão em suas camas... Ainda assim, algo incrível está em atividade enquanto o ex-vigia noturno Larry Daley se descobre atraído por sua maior aventura, na qual a História verdadeiramente ganha vida. Com Ben Stiler, Amy Adams e Owen Wilson. CATUAÍ 1 - Hoje: 17:00.

A Era do Gelo 3

Nossos heróis estão de volta numa incrível aventura que vai agradar a toda a família. Scrat continua tentando agarrar a bolota fujona (e, no meio do caminho, pode encontrar seu grande amor) enquanto Manny e Ellie aguardam o nascimento de seu minimamute. CATUAÍ 4 - Hoje: 11:00, 13:00, 13:30, 14:30, 16:00, 16:30, 17:00, 17:30, 18:00, 19:00, 19:30, 20:00, 21:00 e 21:15.

Terra

No Ártico um urso polar e seus dois filhotes despertam com os raios solares, o que faz com que tenham que buscar comida antes que o gelo à sua volta derreta. O quanto sabemos sobre o nosso planeta? Utilizando os métodos mais avançados de filmagem já desenvolvidos, Terra nos conduz em uma viagem pelo nosso lar de uma maneira como nunca vimos antes. COM-TOUR UEL - Hoje: 16:00

...QUADRINHOS

Caminho das Índias Globo, 21h

Puja conta a Shankar que foi escolhida como candidata a representante dos intocáveis. Suellen percebe o plano que Castanho armou com Marcelo para levá-la à clínica e decide não se casar. Yvone liga para Mike, insinuando que Nanda pode ser seu próximo alvo. Castanho conta a Cadore que Suellen desistiu de casar. Raj conta a Maya que Bahuan vai para a Índia a trabalho e que vai se encontrar com o intocável. Yvone se aproxima de Nanda, que a apresenta a Ramiro.

Caras e Bocas Globo, 19h15

Denis se declara para Simone, mas ela o manda embora. Benjamin confirma sua decisão de sair de casa e o pai avisa que ele terá que largar a joalheria. Nicholas convence Milena de que ele a ama e os dois reatam o namoro. Xico invade a casa de Fabiano e pega mais um presente para Lili. Edgar chega de viagem e Simone avisa que ele terá que se apresentar à polícia. Simone decide aceitar a proposta para trabalhar na galeria e Judith lhe informa que Tatiana será sua chefe.

Poder Paralelo Record 22h30

GARFIELD

Tony diz que vai comprar o espaço para ele e Fernanda se encontrarem, sem compromisso. Santana, algemado e com uma camisa-de-força, está num quarto da clínica passando mal. Iago sugere que Santana entregue Guri para Tony. Tony sugere a Guri que o encontro entre eles seja no Hotel Diana. Felício diz a Téo onde será o encontro. Tony chega ao local do encontro e fica irritado com a ausência de Guri.


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná 22

Reprodução

Flip vive noite de Chico Buarque e Milton Hatoum Agência Brasil Na mesa mais concorrida da 7ª Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), dois escritores contemporâneos esmiuçaram as suas obras que têm em comum o resgate da história do Brasil a partir de memórias familiares. Chico Buarque e Milton Hatoum foram protagonistas de um encontro entre os que traduzem o Brasil por meio da literatura. Em Leite Derramado, Chico Buarque usa a falha memória do narrador, um homem centenário, para voltar ao Brasil Colônia e caminhar, por meio das gerações, até o presente. “O filtro é a memória do velho. E é escrito de forma desordenada, porque a memória dele é desordenada”, disse. Chico Buarque admitiu que a sua escrita depende da música. No caso de Leite Derramado, há uma forte influência de Velho Francisco, canção de sua autoria. “Se uma frase ou um parágrafo

não estiver cantável em algum lugar da minha cabeça, eu recuso. A literatura não precisa se alimentar só de literatura”, afirmou. A memória familiar também é recorrente nas obras de Milton Hatoum. O amazonense voltou mais uma vez à terra natal para ambientar Órfãos do Eldorado. Hatoum, aliás, não rejeitou o rótulo de escritor regionalista. “Sou o mais regionalista dos escritores. E quanto mais regionalista, maior a divulgação”, brincou. Chico descreveu, por exemplo, como chegou ao caso do parlamentar que conseguiu a concessão do Porto de Manaus por ser amigo do então presidente Campos Salles. Ao interlocutor que lhe relatava o fato, o escritor indagou: “Isso é mamata, não é?”. E arrematou: “Acontece até hoje”. Hatoum, por sua vez, contou que, atendendo a um pedido seu, uma sobri-

nha foi aos arquivos públicos pesquisar duas ou três eventuais “falcatruas” que poderiam ilustrar a sua obra. “Ela encontrou 26”, disse, às gargalhadas, Hatoum. Como não havia lugar para todos os que queriam ver e ouvir Chico Buarque e Milton Hatoum, os leitores e fãs aglomeraram-se nas grades que cercavam a tenda do telão, instalada na Praça da Matriz, centro histórico de Paraty, para reproduzir simultaneamente as mesas da tenda dos autores, palco principal da Flip. Ao final, uma voz informou que Chico Buarque autografaria um número limitado de livros e não tiraria fotos. A última informação, o escritor prontamente tratou de corrigir. Seria impossível impedir que o público o fotografasse tão logo caminhasse pelas ruas de pedras de Paraty. A reunião de dois gigantes da literatura brasileira, Chico Buarque e Milton Ha-

toum, na noite desta noite, na 7ª Festa Literária Internacional de Paraty, não foi exatamente um debate, como estava programado, mas um verdadeiro encontro, no sentido mais amplo da palavra. Nele, ambos reconheceram semelhanças extraordinárias em seus respectivos livros. Num caso único de simbiose na literatura contemporânea brasileira, dois livros, “Órfãos de Eldorado”, de Milton Hatoum, e “Leite Derramado”, de Chico Buarque, estavam sendo pensados ao mesmo tempo com um objetivo muito parecido: usar a memória centenária de um narrador para traçar um panorama histórico do País. Na velhice, como diz o velho narrador de Chico, “a gente dá para repetir casos antigos” e, na fosse tão falha a memória do carcomido aristocrata à beira do túmulo, ele não precisaria de 150 páginas para contar como mudou a história do Brasil neste

último século para que tudo permanecesse exatamente igual, do preconceito racial à corrupção. Mais de 800 pessoas disputaram um lugar na Tenda dos Autores, em Paraty, para ouvir Chico Buarque e Milton Hatoum num debate mediado pelo professor de literatura Samuel Titan Jr., que falou das semelhanças entre os livros e das referências adotadas por cada um deles, Hatoum enumerou algumas: Mario de Andrade, Manuel Bandeira, Kaváfis e Mário Sá-Carneiro. Chico teria demorado mais: só pelo navio criado por ele em “Leite Derramado” desfilam figuras históricas como Santos Dumont, Josephine Baker e o arquiteto da modernidade, Lê Corbusier. Resta ao leitores montar esse mosaico. Segundo estimativa dos organizadores da Flip, que terminou ontem, cerca 25 mil pessoas estiveram em Paraty.


quarta-feira, 8 de julho de 2009 Divulgação

O Paraná

23

Fãs e familiares dão último adeus a

Michael Jackson Ato público com artistas no Staples Center será precedido de velório privado em cemitério de Los Angeles France Presse A cerimônia privada com familiares e amigos íntimos de Michael Jackson será às 8 horas da manhã desta terçafeira, 7, (meio-dia no horário de Brasília), no cemitério Forest Lawn, em Los Angeles, duas horas antes do início da cerimônia pública no Staples Center. Não será permitida a presença de TVs ou imprensa no cemitério. A família não informou se após a cerimônia o corpo de Michael será sepultado ou se seguirá em procissão até o Staples Center. As autoridades locais não recomendam a procissão, pois temem haver comoção pública. APara essa cerimônia, mais de 1,6 milhão de pessoas se registraram para concorrer aos 8.750 ingressos. As chances de conseguir uma entrada eram poucas, mas Otavio Carvalho, de Florianópolis, conta que, “por curiosidade”, inscreveuse para o sorteio. E venceu. Impossibilitado de ir a Los Angeles, resolveu vender o ingresso em leilão online. Preço que propôs no eBay: US$ 500. “Um preço razoável, visto que será uma oportunidade única e limitada”, disse. Até ontem à tarde, não tinha recebido nenhuma oferta.

Divulgação

Charlie Riedel/AP

Fãs de Jackson fazem fila em frente ao Staples Center, onde acontecerá a cerimônia em homenagem ao cantor A atriz Elizabeth Taylor assegurou nesta segundafeira, 6, que não participará da homenagem pública a seu amigo íntimo Michael Jackson, por considerar o evento um “circo”. A vencedora de dois prêmios Oscar afirmou, no Twitter, que rejeitou o convite para fazer parte da grande cerimônia que acontece nesta terça-feira, 7, em Los Angeles. “Me pediram que falasse no Staples Center. Não posso ser parte de um circo público. E não posso garantir que diria algo coerente”, afirmou a artista, que era muito próxima do astro. “Não acho que Michael quisesse que compartilhasse minha dor com milhões

de pessoas. Como me sinto, é algo entre nós, não um evento público. Disse que não iria ao Staples Center e certamente não quero chegar a fazer parte de isso. Amava-o demais”, disse Elizabeth Taylor, de 77 anos. A homenagem pública a Michael Jackson começará às 10h em Los Angeles (14h de Brasília). Por decisão judicial que corrobora o testamento de Michael Jackson feito em 2002, John Branca, advogado do astro, e John McClain, executivo do ramo da música, seguirão como administradores de suas posses. Com a decisão, foi rejeitado o pedido da mãe do artista, Katherine, que queria obter esse controle.

Michael Jackson, que completou 50 anos em 2008, anunciou em maio o adiamento de alguns dos shows de uma extensa temporada que ele faria em Londres


quarta-feira, 8 de julho de 2009

O Paraná

24

Coyote tem entrevista inédita com Joâo Cabral de Melo Neto Revista literária publicada por escritores e poetas londrinenses chega ao sétimo ano Jornal de Londrina Está nas bancas a nova edição da revista literária Coyote, que chega ao seu sétimo ano de atividade. Publicada pelos poetas e escritores londrinenses Rodrigo Garcia Lopes, Marcos Losnak e o paulista Ademir Assunção, o novo exemplar traz entre seus destaques uma entrevista inédita do poeta João Cabral de Melo Neto (1920-1999), além de buscar as novas vozes e visões de artistas brasileiros, locais e estrangeiros. A entrevista foi feita pelo poeta gaúcho Thomaz Albarnoz Neves, que encontrou o autor de “Morte Vida Severina” no outono de 1993, em seu apartamento na praia do Flamengo, no Rio de Janeiro (RJ). Ele se recuperava de uma cirurgia na retina e enxergava pouco, além de estar sem escrever já há alguns anos. A entrevista é reveladora e

conta momentos importantes do grande poeta, que faz uma autoavaliação. “Me parece que apenas arranhei a poesia brasileira”. Há também fatos importantes, como os motivos de Cabral de Melo Neto que levaram a uma crise de criatividade após escrever Psicologia da Composição, em 1947. “Tinha a impressão que havia chegado a um extremo tal de intelectualismo...Não tinha a mínima idéia do que escrever depois”. Características e elementos da literatura do autor também são discutidas, como a importância das imagens das cidades por onde o poeta-embaixador passou. A Coyote procura sempre equilibrar dentro de cada edição a prosa e poesia, além da publicação de autores estrangeiros e nacionais. “Em termos de linguagem temos coisas bem sofistica-

Festival Cine Periferia promove edição especial Correio Brasiliense Até pouco tempo atrás, muitos jovens da periferia eram limitados a seguir o ciclo de vida “nascer, crescer, reproduzir, trabalhar demais, ganhar pouco e morrer”. E poucos conseguiam seguir rumos diferentes. Hoje, a realidade é outra: alguns desses jovens deixaram de lado o estereótipo de “pobre sem perspectiva de vida” e se lançaram em um mercado que antes era visto por eles apenas como sonho. O primeiro passo dessa mudança

de atitude pode ser conferido durante a edição de prélançamento do “Festival Cine Periferia Criativa 2009”, nesta terça-feira, 7, às 18h. A cúpula do Museu Nacional da República vai ser transformada em tela de cinema para a exibição dos melhores filmes da edição passada do festival. “É como se fosse um ‘Vale a pena ver de novo’, entre curtas e documentários”, explica uma das coordenadoras do projeto, Renata Neves.

Quarteirão do soul é um dos vídeos em exibição na edição

das, como a Montserrat, que exige mais da leitura”. Uma das características da revista também é dar vazão para autores locais pouco conhecidos, como o escritor Diego Navarro, que assina a poesia “Tempestade Elétrica”, na contracapa. Com sete anos de atividade e 19 edições, a revista Coyote é mantida pelo Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic) sem nenhum outro investimento privado ou outras fontes públicas. Losnak lembra que o financiamento através da lei está mantido por mais quatro edições, mas ainda não há previsões para 2010. Ele lamentou a dificuldade em conseguir recursos federais e a total falta de interesse da iniciativa privada, até mesmo das empresas ligadas à literatura. “Acho que nenhuma revista literária até hoje conseguiu um patrocínio de uma editora”.

Divulgação

Serviço – Revista Coyote nº 19, 52 páginas e publicado pela Kan Editora. R$ 5. Vendas nas bancas Correio

(centro), Aeroporto e Flamengo, no Mercado Shangri-la. Distribuição nacional pela editora Iluminuras.

Escritor espanhol alega que filme de Woody Allen é plágio de seu livro Folha de S. Paulo O escritor espanhol Alexis de Vilar foi à Justiça de seu país alegando que o filme “Vicky Cristina Barcelona”, do diretor americano Woody Allen, tem muitas semelhanças com um de seus livros. Ele entrou com o processo ainda em janeiro e reitera que a produção passada na cidade espanhola contém “numerosas coincidências e paralelismos” com o romance “Goodbye, Barcelona”, escrito e registrado em 1987. Segundo De Vilar, “Vicky Cristina Barcelona” --lançado em setembro de 2008-têm similaridades no roteiro, locações, personagens e até na época em que se passa. A juíza que conduz o caso chamou o escritor para prestar depoimento mês passado, segundo a firma de advogados que o representa. Não está descartada a presença do próprio Allen,

Divulgação

para que esclareça aspectos sobre a elaboração do roteiro. Segundo De Vilar, “Goodbye, Barcelona” foi finalista de prêmios na Espanha e passou por diversas editoras espanholas e estrangeiras, além de produtoras cinematográficas, mas só foi lançado em outubro de 2008 - depois do estreia da produção de Woody Allen. Ironia ou não, seis anos depois Allen está de volta

a Cannes com seu quarto filme realizado na Europa. Depois de três histórias situadas em Londres (“Match Point”, “Scoop” e “O Sonho de Cassandra”, em cartaz no Brasil), ele agora aponta a câmera para a arquitetura de Barcelona, onde encena um qüiproquó amoroso estrelado pela sua atual favorita, Scarlett Johansson, a novata Rebecca Hall e os atores espanhóis Javier Bardem e Penélope Cruz.

Berliner - Naiá Aiello  

Projeto apresentado na disciplina de Planejamento gráfico do segundo ano de jornalismo

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you