Page 90

Pensão Flor Um Caso d’Amor

TEXTO Sara Quaresma Capitão com Tiago Curado de Almeida fotografia Henrique Patrício (HP) E Sara Quaresma Capitão (SQC)

Fim de tarde. A noite ainda não caía na Pensão. O Tiago, ainda era só Tiago. Ele, coração da Pensão. Uma mesa. Duas cadeiras. Um café, um cigarro. E os segredos contados.

As portas abriram-se há pouco, este ano. A pauta, inspirada na estética tradicional, respeitando os acordes de um traço tipo, tem nos acabamentos notas de gramática diversa. É composição tradicional que veste a rigor contemporaneidade do mundo. Porquê abrir as portas da Pensão Flor? Que vos é ela para vos ser nome? As portas foram abertas por uma circunstância tão simples, gosto de trabalhar em equipa e há sempre alguém que tem de dar o ímpeto, acabei por ser eu... Há 1 ano, ou dois, comecei a escrever e a compor. “Ganhei-lhe o bicho”, entendes? Com o tempo, formei um conjunto de canções, algumas completas, algumas esboços. Material

90

new

reunido, propus, sem mais nem menos, ao Manuel Portugal “Olha, queres gravar um álbum? – Está bem! “, nem hesitou. Foi assim, que tudo começou. Já tocávamos juntos há muito, ganhamos maturidade, aprendemos fazer síntese do que queríamos. Depois, conforme íamos trabalhando, percebemos que era melhor chamar mais alguém. Tinha de ser o Luís Garção porque... As portas, Tiago... Já estás a entrar na Pensão! Eu paro. Avisa-me que eu paro! (risos). Em suma, abrimos as portas pela vontade de fazermos algo nosso, de fazermos música. O porquê do nome... Porque, muito rapidamente, quando

Mutante 18  

/MOVE Saint-Étienne / Raia histórica / O sabão / Palácio Nacional de Sintra / Le Cordon Bleu /unique La Boulangerie by Stef / Dux Beer /TREN...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you