Issuu on Google+

50

Nov/Dez 2010

É proibido fumar


ÍNDICE Veículo de Divulgação da Unimed Blumenau - Cooperativa de Trabalho Médico.

CONSELHO EDITORIAL Dr. Alfredo Nagel Dr. Cleonildo de Oliveira Dr. Fernando Sanches Dr. Jauro Soares Dr. Odilon Ascoli Dr. Roberto A. Moreira Dr. Rodrigo Vanzelli Luiz Mund

04 ALÔ VOCÊ O canal de comunicação do leitor 05 EM FOCO Unimed Blumenau recebe cinco prêmios 08 PÁGINAS VERDES com o presidente da CDL de Blumenau, Paulo Cesar Lopes 16 COMUNICAÇÃO Revista Unimed completa 50 edições 18 SUSTENTABILIDADE Cooperativa disponibiliza relatório na internet 22 INFÂNCIA Escola de Pomerode aproxima pais 24 NOSSA GENTE com Heloísa Alves 28 RELACIONAMENTO Os

muitos

canais

de

comunicação

da

Unimed

Blumenau

30 RESPONSABILIDADE SOCIAL Cooperativa investe no esporte comunitário 32 ATIVIDADE FÍSICA Academia só para mulheres 34 ARTIGO Tremor essencial

EDITOR-EXECUTIVO

Banco de Imagens

Banco de Imagens

Daniel Zimmermann

Sidnei dos Santos - 1198 JP (MTb/SC) sidnei@mundieditora.com.br

REPÓRTERES Beatriz Alves Gaviolli e Mariana Tordivelli

GERENTE DE ARTE Rui Rodolfo Stüpp

FOTO DE CAPA Banco de Imagens

EDITORA-CHEFE Danielle Fuchs danielle@mundieditora.com.br

GERENTE COMERCIAL Eduardo Bellidio - 47 3035.5500 eduardo.bellidio@mundieditora.com.br

12

Proibição de cigarro em ambientes fechados traz benefícios à saúde.

20

O poder dos alimentos funcionais na prevenção de doenças graves.

26

Técnicas da Yoga ajudam a alcançar qualidade de vida.

DIRETOR-EXECUTIVO Niclas Mund niclas@mundieditora.com.br

UNIMED BLUMENAU Rua das Missões, 455 • Blumenau/SC Fone: 47 3331.8500 • Fax 47 3331.8570

HOSPITAIS UNIDADE CENTRO Neumarkt Trade & Financial Center, 5º andar • Blumenau/SC Rua Ingo Hering, 20 | Anexo ao Shopping Neumarkt Fone: 47 3037.8500 UNIDADE VILA NOVA Rua Almirante Barroso, 1159, Bairro Vila Nova • Blumenau/SC Fone: 47 3331.8700 UNIDADE TIMBÓ Rua Pomeranos, 3000, Bairro Pomeranos • Timbó/SC Fone: 47 3281.4000

Editorial

Os planos de saúde da Unimed Promover saúde integral. Com este objetivo, que integra inclusive a missão da Cooperativa, a Unimed Blumenau passa a oferecer aos seus mais de 3 mil clientes corporativos, a partir de novembro, uma relação de novos serviços: o plano odontológico da Uniodonto, os seguros de vida da Unimed Seguros e os novos modelos de Área e Eventos Protegidos do SOS Unimed. Nos próximos dias, a esta lista de novos produtos, a Unimed acrescentará os serviços de Medicina Ocupacional para as empresas da região. Com esta ação, a Cooperativa pretende ampliar a cobertura dos serviços de saúde para as pessoas que conhecem e confiam na qualidade dos serviços da Unimed e estar mais próxima de seus clientes e presente no mercado. Além do que, com mais acesso a soluções em saúde, todos ganham.

2,5 MILHÕES DE REVISTAS DITRIBUÍDAS Ao completar 39 anos de existência, a Unimed Blumenau está honrada em colocar em circulação a 50ª edição da premiada Revista Unimed. Em oito anos e oito meses já foram distribuídos 2,5 milhões de exemplares. E, considerando 36 páginas por edição, foram 1.800 páginas editadas ou 90 milhões de páginas distribuídas nos 11 municípios da região aos mais de 100 mil clientes. A revista é um case de sucesso editorial em Santa Catarina e no sistema nacional da Unimed, sendo bicampeã como melhor publicação no ranking da Unimed do Brasil. A revista, resultado de um trabalho de equipe, abre as portas para a interatividade e, nesta edição, mostra um pouco do processo de sua produção. Em cada página o destaque sempre é a prevenção da doença e atenção e promoção da saúde. Da sua saúde! Boa leitura!

3


ALÔ VOCÊ A alegria voltou

A vida vem primeiro

Temos um filho com um ano e sete meses. Há poucas semanas, ele apresentou um problema no tornozelo. No princípio, achamos que era uma simples torção, mas, em poucas horas, ele parou de andar. Nessas horas, começamos a ver a vida por outro ângulo, com outro foco, e vimos como ela é frágil. A alegria desfez-se de seu rostinho e também do nosso. Em poucas horas, o pediatra Hélio Campagnaro e o ortopedista Rodrigo Vanzelli detectaram o problema. Era uma infecção óssea no tornozelo, o que poderia levar ele para uma cirurgia urgente. Devido à competência dos profissionais envolvidos, foi detectada a doença a tempo, o que acarretou em um tratamento imediato. Ficamos ainda mais felizes com a qualidade e agilidade dos serviços da Unimed. Além da competência dos profissionais de saúde envolvidos, tivemos a oportunidade de conhecer o Home Care. Como o Henrique precisava de aplicações intravenosas de seis em seis horas, fomos atendidos no conforto do nosso lar e no mesmo dia. E como fomos bem atendidos! Profissionais competentes, prestativos, dedicados e de grande simpatia. Queríamos agradecer a todos os envolvidos, que trouxeram novamente a alegria a nossa casa, com o Henrique agora saudável e sorridente. Muito obrigado!

Manifestamos nossos agradecimentos à equipe que prestou socorro no dia 21 de setembro ao nosso filho Alain, que se acidentou na Rua Almirante Tamandaré, quando se dirigia ao trabalho. Tomamos conhecimento da feliz coincidência da passagem da equipe de socorristas do SOS Unimed pelo local do acidente. Graças ao atendimento e habilidade da equipe, conseguiram salvar a vida de nosso filho. Deus pôs no caminho de nosso filho vários anjos, a pessoa que viu o acidente e parou para auxiliar, a equipe da Unimed que não hesitou um instante para parar e prestar socorro. Embora já tenhamos procurado a equipe para agradecer, queremos trazer ao conhecimento da administração da Unimed o valoroso trabalho prestado pelos profissionais que, naquele momento, não se importaram em saber se o acidentado tinha ou não plano de saúde. Parabenizamos a equipe que pôs em primeiro lugar a vida. Temos plano de saúde Unimed há muitos anos. A Cooperativa faz parte da história de nossa família. À equipe da Dra. Maria Beatriz Silveira Schmitt Silva, mil vezes nossos sinceros agradecimentos e desejo de sucesso em todas suas ações.

Henrique, Marcelo e Aline Gonçalves da Luz Clientes Unimed

Roney e Marily Wuerges Pagel Clientes Unimed

Quando você falta à consulta, não é só o seu médico que fica esperando. Quando não puder comparecer à consulta que você agendou, avise com antecedência. Outras pessoas, que também precisam do seu médico, podem ser atendidas em seu lugar.

unimedblumenau.com.br | 3331 8500


EM FOCO Unicardio agora é Cardioprime Desde agosto, a Unicardio, clínica de cardiologia que atende beneficiários da Unimed Blumenau, tem novo nome: Cardioprime. Segundo a gestora Gesebel Schmitz, a nova logomarca e as cores transmitem os três pilares que norteiam os serviços da clínica: prevenção/reabilitação, diagnóstico e tratamento. Gesebel ressalta que os cuidados não são apenas direcionados ao coração, mas, sim, ao prolongamento, com qualidade, da vida do ser humano. Fundada em 1º de agosto de 1992, a Cardioprime conta com uma equipe multidisciplinar que contempla cardiologistas, psicóloga, fisioterapeuta, enfermeiras, educadores físicos, nutricionista e assessoria científica. A clínica, com 17 anos de existência, é considerada um dos mais completos e avançados centros de atendimento cardiológico do Sul do Brasil.

Cooperativa sobe 24 posições A Unimed Blumenau está entre as Maiores Empresas do Sul do País da revista Amanhã, editada em Porto Alegre. No ranking, realizado há 20 anos com o respaldo técnico da PricewaterhouseCoopers (PwC), a Unimed Blumenau é a sétima empresa de Blumenau, a primeira da cidade do ramo de saúde e de serviços, 83ª do Estado e também a sétima cooperativa do Sistema Unimed no Sul do País. A Cooperativa subiu 24 posições em relação ao levantamento anterior e, atualmente, ocupa o 351º lugar entre as 500 Maiores do Sul do Brasil.


EM FOCO Dia Mundial do Diabetes Dia 14 de novembro é o Dia Mundial do Diabetes. Em todo o mundo, pelo menos 245 milhões de pessoas têm diabetes e um alto percentual vive em países em desenvolvimento, como o Brasil. Em 30 anos, esse número deve chegar a 380 milhões. Desde 1997, a Sociedade Brasileira de Diabetes, assim como 195 associações-membros da International Diabetes Federation (IDF), em 155 países, com o apoio da Organização Mundial de Saúde (OMS), concentra esforços na divulgação das causas, sintomas, complicações, tratamento e prevenção desta doença. Hoje, o diabetes já é considerado uma pandemia. O tema do Dia Mundial do Diabetes para o período de 2009-2013 é ‘Diabetes – Educar para Prevenir’. A campanha quer chamar a atenção de quem está envolvido direta ou indiretamente nos cuidados com a doença. Blumenau

Dia 28 de novembro será realizado o 3º Passeio Ciclístico do Diabetes em Blumenau, com concentração e saída do Parque Ramiro Ruediger, contorno da rótula em frente ao Galegão, Rua Humberto de Campos, Rua Sete de Setembro, contorno da Fonte Luminosa, Rua das Palmeiras, Avenida Beira Rio, Marthin Luther, Rua São Paulo, Rua Antonio da Veiga, contorno da Praça dos Estudantes, Rua Sete de Setembro, Humberto de Campos e chegada novamente ao parque. Nesse dia, também serão realizados exames de glicose, distribuição de materiais educativos, orientação nutricional, avaliação antropométrica, sorteios de brindes e distribuição de camisetas.

Dia Mundial sem Carro Dia 22 de setembro, foi o Dia Mundial Sem Carro, e por mais um ano a Unimed Blumenau aderiu ao movimento. Com o cancelamento da programação na Rua XV de Novembro, devido à chuva, foi organizada uma mostra interna dos trabalhos realizados pelas escolas Pedro II, Júlia Lopes de Almeida, Fernando Ostermann e Áurea Perpétua Gomes, participantes do Projeto Unimed Vida, em frente ao Auditório da Cooperativa. Funcionários e cooperados puderam conferir os trabalhos apresentados e refletir sobre o intuito deste dia. Divulgação

Um dos destaques da mostra foi a bicicleta confeccionada pelos alunos da 4ª série B da EEB Júlia Lopes de Almeida, sob responsabilidade da professora de artes Elis Cristina Day. A programação de atividades relacionadas ao Dia Sem Carro foi realizada através de uma proposta de interdisciplinaridade e com a visita à fábrica de bicicletas Nathor. Para confecção da bicicleta foram utilizados palitos de picolé, garrafa PET, antena de TV, canos de PVC, tampas de potes, tubos de papelão, cola quente e tinta spray.

Bicicleta feita com garrafa PET


Unimed tem plano odontológico A partir de novembro a Unimed Blumenau vai oferecer para os seus mais de três mil clientes corporativos o plano odontológico da Uniodonto. O contrato entre as duas cooperativas, que foi assinado (foto) no dia 13 de outubro, é o primeiro do País que segue o convênio formalizado pela Unimed e Uniodonto do Brasil na convenção nacional no final de setembro, em Goiânia. A Unimed Blumenau será responsável pela comercialização do produto e controle de pagamento, utilizando a rede de atendimento da Uniodonto no Estado. O presidente Jauro Soares adiantou que, ainda este ano, a Unimed Blumenau também vai passar a oferecer seguros de vida da Unimed Seguros aos beneficiários e serviços de Medicina Ocupacional para as empresas clientes. “A intenção da Unimed é dar saúde integral ao beneficiário da Unimed”, destacou.

Dr. Marco Bramorski, vice-presidente da Unimed, Dr. José Carlos Arenhardt, superintendente da Unimed, Fred Zimermmann, superintendente da Uniodonto, e Beato Stingelin, vice-presidente da Uniodonto

Unimed Blumenau recebe cinco prêmios na Convenção Nacional A Unimed Blumenau recebeu na 40ª Convenção Nacional do Sistema Unimed, realizado de 21 a 24 de setembro, em Goiânia, cinco prêmios: dois de Comunicação e um de Marketing, Responsabilidade Social e de Experiências de Sucesso. Com circulação de 50 mil exemplares, a maior de Santa Catarina, a Revista Unimed da Unimed Blumenau venceu pela segunda vez seguida o Prêmio Dr. Alberto Urquiza Wanderley de Comunicação. Além de receber o prêmio de melhor revista do Sistema, a Unimed Blumenau também ganhou o prêmio de melhor Newsletter. Ao todo são oito categorias.


PÁGINAS VERDES

com Paulo Cesar Lopes, presidente da CDL e do Conselho Municipal de Turismo de Blumenau

“Todos podem colaborar para um Natal a cada ano mais bonito” Divulgação

A

té a década de 80, o Natal de Blumenau era referência para outras regiões do País. Tanto que Gramado, na Serra Gaúcha, buscou inspiração aqui para tornar-se um dos principais destinos turísticos nessa época do ano. Crises econômicas e falta de planejamento fizeram Blumenau ficar para trás. Um movimento recente busca recuperar essa tradição. Capitaneado pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), o projeto Magia de Natal é a novidade para esse ano. Em entrevista à Revista Unimed, o empresário Paulo Cesar Lopes, presidente da CDL e do Conselho Municipal de Turismo de Blumenau, fala sobre o projeto, da vocação natural que a cidade tem para o turismo e dos investimentos necessários para alavancar definitivamente este importante setor da economia moderna na região.

8

Revista Unimed: Quais os planos da CDL para o Natal desse ano quanto à decoração das ruas, eventos na cidade, desfiles e promoções no comércio? Paulo Cesar Lopes: A CDL de Blumenau está trabalhando esse ano diretamente com dois projetos voltados para o Natal: a promoção Natal de Sorte em Blumenau, promovida em conjunto com os associados e que vai sortear grandes prêmios aos consumidores, e o projeto Magia de Natal, que contempla toda a decoração temática da cidade, bem como uma série de eventos. RU: Além da CDL, quem participa desse trabalho? Lopes: A CDL atua como entidade coordenadora do projeto Magia de Natal, que também tem o envolvimento de outras entidades empresariais, como Associação Empresarial de Blumenau (Acib), Sindicato Patronal do Comércio Varejista de Blumenau (Sindilojas), Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Blumenau (Sihorbs), além da Prefeitura, através da Secretaria de Turismo e do Parque Vila Germânica. O governo municipal participa ativamente com a organização e planejamento de toda a programação de eventos culturais, artísticos e religiosos. RU: Como serão levantados recursos para viabilizar estes projetos? Lopes: O levantamento de recursos está sendo feito em diversas frentes, principalmente junto aos governos estadual e municipal, também com a iniciativa privada, através dos patrocínios de empresas e ins-


tituições, além das contribuições voluntárias dos associados das entidades envolvidas, que contribuem mensalmente com o projeto. RU: No passado, o Natal de Blumenau serviu de exemplo para outras cidade, como Gramado. Hoje, a cidade da Serra Gaúcha é referência em todo o País e Blumenau ficou para trás. É possível recuperar esta tradição? Lopes: Com certeza. Blumenau teve períodos atípicos de crise, principalmente na indústria, que atrapalharam o desenvolvimento turístico do Município. Também, durante muito tempo, a cidade não teve um planejamento específico para essa área. Por outro lado, Blumenau tem a facilidade de ter uma verdadeira vocação natural turística, o que nos falta são investimentos e dedicação ao setor. Projetos como o Magia de Natal já são um início desta recuperação. RU: Como as pessoas, em casa ou nas empresas, podem ajudar a deixar a cidade mais bonita no Natal? Lopes: Todos podem colaborar para que tenhamos um Natal cada ano mais bonito e inesquecível. Nosso apelo, tanto nas casas como nas empresas, é para que façam uma decoração, por mais simples que seja, o que vai certamente colaborar com a propagação do espírito natalino e embelezamento de Blumenau. Com as empresas, também estamos desenvolvendo um trabalho específico de captação de patrocínio, pois estão à disposição inúmeros itens acessíveis a to-

dos, desde a decoração até eventos como o desfile temático. RU: O período de Natal é o melhor para o comércio varejista. Qual a expectativa dos lojistas para esse ano? Deve superar as vendas do ano passado? Lopes: Sim. Segundo estimativas da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina (FCDL/SC), devemos superar o volume de vendas em até 10%, mantendo o bom nível de crescimento do comércio varejista nesse ano. RU: Quantos empregos temporários são gerados no comércio varejista no fim do ano? Desses, quantos por cento acabam sendo contratados após o fim do contrato temporário? Lopes: Projeções também da FCDL/ SC apontam para 30 mil contratações em todo o Estado, sendo que a previsão de efetivação destes funcionários chega a até 40%.

“Durante muito tempo, a cidade não teve um planejamento específico para essa área. Por outro lado, Blumenau tem a facilidade de ter uma verdadeira vocação natural turística, o que nos falta são investimentos e dedicação ao setor”


PÁGINAS VERDES

Divulgação

com Paulo Cesar Lopes, presidente da CDL e do Conselho Municipal de Turismo de Blumenau

Nos anos 80, o Natal de Blumenau era referência para outras cidades brasileiras

RU: O período de fim de ano costuma ter horários diferenciados no comércio. A partir de quando isso deve ocorrer? Lopes: Os horários diferenciados do comércio para o Natal iniciam em 1º de dezembro. RU: Além de presidente da CDL, o senhor preside o Conselho Municipal de Turismo (CMTUR). Em que frentes o órgão está trabalhando atualmente? Lopes: O Conselho Municipal de Turismo tem como objetivo valorizar e priorizar projetos e ações relacionadas ao turismo da cidade, sempre visando o seu desenvolvimento. No CMTUR, reúnem-se representantes de entidades e instituições que discutem os rumos do turismo no Município, além de analisarem projetos e ações que visem o seu desenvolvimento. Atual-

10

mente, o conselho tem focado as discussões em torno das principais dificuldades pelas quais o segmento passa em Blumenau, como as questões de infraestrutura e falta de investimentos. RU: Qual é sua avaliação do turismo em Blumenau? Qual a vocação da cidade? Lopes: Blumenau tem uma forte vocação natural para o turismo, o que é evidenciado pelo histórico de sucesso com a Oktoberfest, a cultura, os produtos de qualidade e o turismo de compras. O turismo é um segmento que necessita de investimentos constantes, tanto em preparação da cidade, nas questões de infraestrutura, bem como na criação de atrativos e na divulgação do destino. Acredito que a cidade tem muito a se desenvolver neste sentido para o fu-

turo, mas, para tanto, precisa de profissionais dedicados a este fim, desenvolvendo um planejamento consistente e conferindo ao assunto a importância que ele merece. RU: Quanto Blumenau pode crescer no setor turístico e quais as ações e obras de infraestrutura necessárias para isso? Lopes: Blumenau tem muito a oferecer, com suas belezas naturais, sua capacidade de organizar eventos e com sua cultura única e diferenciada. Temos um potencial imenso para ser desenvolvido. Em termos de infraestrutura para o turismo, sabemos das nossas carências no setor hoteleiro, na área de transportes – as vias de acesso precisam ser mais bem conservadas e sinalizadas –, também precisamos evoluir na questão dos espaços para eventos, com auditórios para congressos, entre outros.


RU: É possível ter um projeto regional para desenvolvimento do turismo, unindo todos os municípios do Médio Vale? Isso já é discutido? Existe alguma perspectiva? Lopes: Com certeza, é possível o desenvolvimento do turismo unindo a região. Apesar de cada município apresentar as suas particularidades, estamos em um vale com grande potencial a ser explorado, com características turísticas diferenciadas e extremamente atrativas. Já tivemos alguma sinalização neste sentido através do governo do Estado, com a criação do Plano Catarina. Este plano tem como objetivo promover o turismo de Santa Catarina durante todo o ano, procurando também desenvolver as características de cada região.

Kakau Santos/Arquivo Mundi Editora

“Blumenau tem muito a oferecer, com suas belezas naturais, sua capacidade de organizar eventos e com sua cultura única e diferenciada”

Lopes busca desenvolver o turismo


Reportagem de capa

cerco ao tabagismo Fotos Divulgação

Mariana Tordivelli mariana@mundieditora.com.br

A

velha premissa dos fumantes que diz “fumo mesmo e ninguém tem nada com isso” está obsoleta. O tabagismo submete aqueles que convivem com o fumante a concentrações de três vezes mais monóxido de carbono e nicotina e 50 vezes mais de substâncias cancerígenas.

12

O pneumologista Mauro Sérgio Kreibich afirma que a proibição de fumar em lugares públicos fechados veio em boa hora, uma vez que, a exemplo do que já ocorria em outros países, a medida beneficia a todos. Na Itália, foi comprovado que, um ano após a proibição pública ao fumo, eventos cardíacos agudos reduziram 11,2% em adultos com idade de 35 a 64 anos em relação aos

cinco anos anteriores à restrição instituída em janeiro de 2005. Houve também redução de 7,9% entre as pessoas com idade entre 65 e 74 nos anos. Durante o período do estudo, a venda de cigarros diminuiu 5,5%. Para o pneumologista, além de favorecer pessoas que trabalham em lugares públicos, a lei que proíbe fumar em lugares fechados é um reforço no combate ao tabagismo.


Legislação e educação

O presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Blumenau (Sihorbs), Emil Chartouni Neto, afirma que a maioria dos estabelecimentos estava de acordo com a legislação municipal. No entanto, o sindicato participou da decisão através de uma emenda que permitiu que fosse possível fumantes utilizarem terraços e varandas dos estabelecimentos.

www.procriar.med.br 47 3035.7674

Em Blumenau, a medida prevê multa de R$ 352,00 aos proprietários de comércios onde não se respeita a legislação, sendo que este valor é dobrado em caso de reincidência. Até os fumantes reconhecem que a Lei Antifumo é um bom negócio. Para o designer gráfico Tiago de Jesus, a qualidade do ar nos estabelecimentos públicos é bem melhor sem as baforadas de fumaça. Ele conta que, mesmo antes da legislação, já evitava fumar próximo a não fumantes, por educação. Por outro lado, o designer discorda da proibição em danceterias e admite que não diminuiu a quantidade de cigarros por causa da lei.

Concebendo

Tecnologia

“O projeto inicial era muito radical e forçava o fumante a sair do local onde estava. Aliviamos um pouco e liberamos os locais com circulação de ar dentro do próprio estabelecimento. Entretanto, ainda não é permitido fumar em lugares fechados como

hotéis e restaurantes”. Ele afirma que a medida beneficia principalmente os funcionários, como garçons e atendentes, que não fumam.

Espermograma Técnicas de Processamento Seminal Diagnóstico e Terapêutico Obtenção de Espermatozóide do Epidídimo ou do Testículo Técnicas de Processamento Seminal para Casais Sorodiscordantes

Vida

Em Santa Catarina, a Lei Antifumo entrou em vigor há um ano. Lanchonetes, terminais de ônibus, bares, danceterias, shoppings e lojas estão na mira da fiscalização da Vigilância Sanitária.

Inseminação Intra-uterina com Sêmen Próprio ou de Doador Injeção Intracitoplasmática de Espermatozóide Fertilização In Vitro Criopreservação de Óvulos Criopreservação de Embriões Criopreservação de Espermatozóides


Reportagem de capa

Via de contaminação Tirar o fumante do ambiente frequentado por outras pessoas não é suficiente. Dr. Mauro alerta para a terceira via, que são roupas e utensílios contaminados por pessoas que fumam. Ele explica que as toxinas do cigarro permanecem por muito tempo nestes itens e são responsáveis pela contaminação e efeitos danosos do sistema nervoso central, principalmente das crianças.

livrar-se de tudo que contaminou com o cigarro, o fumante precisa mesmo é deixar o vício. O pneumologista ressalta que há 4.720 substâncias no cigarro. Entre as mais nocivas estão a nicotina, responsável pela dependência química; os benzopirenos, que colaboram com o crescimento de células cancerígenas; e o monóxido de carbono, gás que compete com o oxigênio que respiramos.

Ao invés de fumar longe das pessoas e

Esta mistura de substâncias causa es-

trago por onde passa. No aparelho respiratório, por exemplo, o cigarro é agente causador de infecções, bronquite crônica, enfisema pulmonar e câncer. No sistema cardiocirculatório, é responsável pela hipertensão arterial, infarto e tromboses. Os males do fumo também provocam câncer desde a língua, boca, laringe, brônquios, pâncreas e até na bexiga.

Fotos Banco de imagem

Apoio antitabagista O Programa de Apoio ao Abandono do Tabagismo do Hospital Dia do Pulmão é gratuito e destinado às pessoas que desejam parar de fumar. Em ação há 10 anos, Dr. Mauro conta que a cada semana, aproximadamente 30 pessoas participam das reuniões e, ao final do programa, 70% dos participantes conseguem abandonar o vício. A abordagem do programa evidencia o que existe de mais importante para maioria das pessoas: a família. “Trabalhamos com uma equipe multiprofissional e, através da mudança de hábito e da informação, ajudamos os fumantes a largarem o vício”, acentua.

Programa de apoio Solicite informações sobre o Programa de Apoio ao Abandono do Tabagismo do Hospital Dia do Pulmão pelo telefone (47) 30377099 ou pelo email hpproaat@

O cigarro contém 4.720 substâncias nocivas à saúde

14

hospitaldopulmao.com.br


Daniel Zimmermann

Dicas para parar de fumar Beba muita água Mastigue balas, chicletes, cristal de gengibre, cravo da índia Faça caminhadas Faça exercícios de relaxamento Evite tomar café ou bebidas alcoólicas Escove os dentes imediatamente após as refeições Fique atento às situações de estresse, o cigarro não resolverá seus problemas Comece um novo esporte, dance, passeie de bicicleta Modifique hábitos antigos, procure novas atividades e alternativas para seu lazer Informe à família, amigos e colegas de trabalho que você está tentando parar de fumar para tê-los como apoio e estímulo

MAIS INFORMAÇÕES Dr. Mauro Sérgio Kreibich CRM 2367 (47) 3037.7099


Comunicação Revista Unimed completa 50 edições Daniel Zimmermann

Dr. Jauro e os troféus conquistados pela Revista Unimed Blumenau A Revista Unimed Blumenau chega à quinquagésima edição e firma o pé no cenário editorial da região ao trazer à tona temas importantes e livres de tabus. O presidente da Cooperativa, Dr. Jauro Soares, acompanha de perto os oito anos de edições e confirma que os assuntos abordados são os que a sociedade discute na atualidade. O conteúdo atualizado garantiu, por dois anos consecutivos, o Prêmio Dr. Alberto Urquiza Wanderley de Comunicação, da Unimed do Brasil. Os textos bem elaborados, a qualidade das fotos e do design gráfico também fo-

ram responsável pela premiação concedida pela Unimed do Brasil como a melhor revista de todo o sistema. O presidente conta que a Revista Unimed é tão bem conceituada que serve de inspiração para outras entidades. Para Dr. Jauro, o reconhecimento é consequência do espaço aberto à sociedade e a entidades. Ele acentua que o crescimento da publicação veio com consciência ambiental ao optar pelo uso de material reciclado. “Afinal, são 50 mil exemplares por edição, a maior tiragem de Santa Catarina”, completa.

Pesquisa e ciclovia Dr. Jauro acha difícil escolher a melhor reportagem das 50 edições, porém, recorda da capa estampada por funcionários da Unimed. O texto era sobre pesquisa que indicava a Cooperativa como

uma das 50 melhores empresas para a mulher trabalhar no Brasil. “A entrevista com o presidente da ONG ABC, Eldon Jung, sobre as polêmicas ciclovias de Blumenau, também foi ótima”, recorda.


Lendo, fazendo e aprendendo O Conselho Editorial, formado por médicos cooperados das cidades da região, desenvolve as pautas a partir de sugestões dos leitores, que participam ativamente por carta ou internet. “Não é uma publicação que fica de lado. Quando o cliente não recebe a Revista, liga para reclamar”, afirma. Outras sugestões de temas para a

revista partem dos próprios conselheiros ou colegas cooperados. O presidente busca assuntos na mídia e os sugere na reunião de pauta. Isso comprova que, até sair pronta da gráfica, muitas pessoas participaram da composição da Revista Unimed. Sendo assim, tanto quem lê como quem faz aprende algo novo em cada edição.

Saiba como é produzida sua revista 1 – Leitores (clientes, cooperados, colaboradores, sociedade em geral) encaminham sugestões para a Unimed Blumenau à Mundi Editora 2 – As sugestões passam pelo aval do Conselho Editorial, que também sugere temas para as reportagens 3 – A pauta é formatada pela equipe de Comunicação e Marketing da Cooperativa e encaminhada à Mundi Editora 4 – A equipe de jornalistas da editora sai a campo para entrevistas, pesquisas e produção de textos e fotos. A equipe de venda da editora comercializa os espaços publicitários da publicação 5 – O material passa então pelo trabalho de edição e diagramação (layout) 6 – Depois disso é encaminhado à Unimed para revisão e aprovação pelo Conselho Editorial 7 – Feitos os ajustes finais, o arquivo digital da revista é encaminhado à gráfica para impressão e posterior distribuição aos clientes e cooperados da Unimed Blumenau e publicada no site www.unimedblumenau.com.br.


Sustentabilidade

Muito mais que saúde Banco de Imagens

Cerca de 5 mil pessoas frequentam todo mês o Espaço Saúde Unimed no Parque Ramiro Ruediger

A

té na hora de apresentar o Relatório de Sustentabilidade, a Unimed Blumenau inova. Ao invés de gastar papel com impressões, a Cooperativa disponibilizou o resultado de seu trabalho em 2009 no site e o divulgou nas mídias sociais. Repleto de boas novas, o material está disponível para quem quiser ver na internet. A seguir, a Revista Unimed apresenta os principais indicadores do bom trabalho da Cooperativa blumenauense.

Pacto Global A Unimed Blumenau é signatária do Pacto Global, iniciativa que advoga 10 princípios universais. Estes princípios são derivados de protestos como da Declaração Universal de Direitos Humanos, Declaração da Organização Internacional do Trabalho sobre Princípios e Direitos Fundamentais no Trabalho, da Declaração do Rio sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento e da Convenção das Nações Unidas Contra a Corrupção. Além disso, a Unimed Blumenau apoia os Objetivos do Milênio, presentes na Declaração do Milênio, aprovada pelo ONU em 2000. O Brasil, em conjunto com outros 191 países, assinou o pacto e estabeleceu um compromisso compartilhado com a sustentabilidade do Planeta. Os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio são um conjunto de desígnios a serem atingidos pelos países até 2015, por meio de ações concretas dos governos e da sociedade.

Médicos integrados Assim como os funcionários, os cooperados da Unimed Blumenau também possuem benefícios, atividades educacionais, de saúde e de integração social. A comunicação com os cooperados é uma constante para que todos fiquem bem informados dos assuntos da Cooperativa. Para incentivar a participação dos médicos, em 2009, a Unimed organizou o Programa de Participação Premiada do Cooperado, em que o comparecimento em reuniões, assembleias e eventos da Cooperativa somava pontos. Ao final do ano, os cooperados participaram de sorteios de prêmios de acordo com a pontuação obtida.

18


SEU PLANO

SUA VIDA

Público interno As ações que tiram do papel tudo que é falado são comprovadas através de números. Como a mudança começa dentro de casa, o número de funcionários da Unimed Blumenau cresceu 195% no ano passado com a implantação da rede integrada de recursos próprios e a inauguração do Hospital Unimed Blumenau - Unidade Timbó e o Hospital Unimed Blumenau - Atendimento 24 horas (Vila Nova). O percentual de mulheres em relação ao de homens aumentou de 67% (134 mulheres e 65 homens), em 2008, para 71% (400 mulheres e 163 homens), em 2009. Isto demonstra a valorização das práticas e benefícios

para retenção de mulheres no quadro funcional da Unimed Blumenau. É importante destacar o aumento significativo de mulheres em cargos de liderança que, em 2009, passou de 52,63% para 84,38%. Em 2009, a Cooperativa esteve entre as 150 melhores empresas para se trabalhar no Brasil, tendo alcançado o índice de satisfação de 77,50%. O funcionário, além dos benefícios, conta com atividades como a Gincana da Sustentabilidade, Festa da Integração Cooperativista, Programa Jovem Aprendiz, Inclusão Social e Diversidade, programas de Voluntariado e de Consumo Consciente.

Clientes e comunidade Os clientes recebem benefícios e vantagens que vão além das obrigações contratuais. Entre os programas estão o Medicina Preventiva, SOS Unimed e Atenção Domiciliar. Os clientes ainda podem contar com cursos gratuitos, com Central de Autorizações, que tem horário ampliado das 7h às 19h. Também contam com a Ouvidoria e o Atendimento Online através do site www.unimedblumenau.com.br. A comunidade também está inclusa nas ações sustentáveis da Cooperativa pelos projetos sociais, como o Unimed Vida, Encontro Marcado, Esporte comunitário e projetos de inclusão produtiva. Eles estão presentes no dia a dia da comunidade, nas escolas, qua-

dras esportivas e, até mesmo, na vida das costureiras da região. A participação da Unimed Blumenau na vida da comunidade não para por aí. A Associação das Mulheres Unimedianas de Blumenau (Amub) atendeu aproximadamente 210 crianças de uma creche. A Cooperativa também disponibilizou equipamentos de atividades físicas no Parque Ramiro Ruediger, criando o Espaço Saúde, que é frequentado por cerca de 5 mil pessoas por mês e participou da Campanha de Arrecadação de Medicamentos em parceria com Rotary Clube e Secretaria Municipal de Saúde. Acesse o Relatório de Sustentabilidade 2009: www.unimedblumenau.com.br/ sustentabilidade 2009.

Serviços diretos Com a incorporação da Intermed (Hospital Dia) e inauguração das Unidades Timbó e Vila Nova, a Unimed Blumenau ampliou a prestação direta de serviços aos clientes. Dentre os serviços prestados nas Unidades Timbó e Vila Nova temos o Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI). A Unidade Timbó conta com ultrassonografia, raios-X, endoscopia e colonoscopia. Clientes da Unimed podem contar com este serviço na própria região de Timbó, sem necessidade de deslocamento. A Unidade Vila Nova, em Blumenau, oferece exames de ultrassonografia e raios-X. Os exames oferecidos pelas Unidades não estão restritos aos pacientes ali atendidos através do prontoatendimento ou internação, e sim a todo público externo. Os exames de raios-X são realizados em qualquer horário do dia ou da noite, de segunda a segunda, não sendo necessário agendamento prévio, salvo exames com preparo, o que pode ser consultado por telefone. Exames de ultrassonografia deverão ser agendados previamente para garantia de horários e realização dos preparos necessários. Desta forma, a Unimed Blumenau cumpre seu compromisso de bem atender as necessidades dos clientes, oferecendo atendimento de qualidade e segurança. Centro de Diagnóstico por Imagem (Unidade Timbó) – (47) 3281-4032 Centro de Diagnóstico por Imagem (Unidade Vila Nova - Blumenau) – (47) 3331-8738

Para o alto e avante O crescimento da Unimed Blumenau é constante e pode ser observado nos números que fecharam o ano de 2009 105.821 mil clientes / 680 médicos cooperados / 563 funcionários / 158 clínicas cooperadas / 31 clínicas de fisioterapia credenciadas / 11 hospitais credenciados / 23 laboratórios credenciados / 7 ambulâncias / 3 hospitais próprios

Jany Luz da Silva Gerente de Administração de Recursos Próprios

19


Alimentação

A prevenção começa na mesa Daniel Zimmermann

no álcool) passam a ser peça-chave na promoção de qualidade de vida, desde a infância até o envelhecimento. De acordo com a nutricionista Karine Kalvelage, os alimentos funcionais ou nutracêuticos são aqueles que colaboram para melhorar o metabolismo e prevenir problemas de saúde. Os alimentos funcionais são compostos por uma ampla variedade de nutrientes, atuando em diversas funções corporais. “Mais do que nutrir, eles fornecem ao organismo substâncias que auxiliam nas funções orgânicas e tratamento de doenças”, explica a nutricionista. De acordo com Karine, esses alimentos são potentes antioxidantes naturais, isso significa que têm capacidade para combater os temidos radicais livres, que, em excesso, comprometem o bom funcionamento do organismo e aceleram o envelhecimento. “Assim, com a ingestão regular dos alimentos funcionais, buscando qualidade nutricional, podemos promover redução do risco e manutenção de colesterol, pressão arterial, diabetes, problemas intestinais, entre outros.” afirma.

C

om o aumento da expectativa de vida dos brasileiros e, ao mesmo tempo, o crescente aparecimento de doenças crônicas, como obesidade, aterosclerose, hipertensão, osteoporose, diabetes e câncer, está havendo uma preocupação maior, por parte da população e dos órgãos públicos de saúde, com a alimentação.

Nutricionista Karine ressalta o valor de alimentos funcionais

20

Hábitos alimentares adequados como o consumo de alimentos pobres em gorduras saturadas e ricos em fibras presentes em frutas, legumes, verduras e cereais integrais, juntamente com um estilo de vida saudável (exercícios físicos regulares, ausência de fumo e moderação

Para chegar ao mercado, o produto deve obter registro no Ministério da Saúde e, para isso, precisa demonstrar eficácia e segurança de uso. “O fabricante deve apresentar provas científicas comprovando que a alegação das propriedades funcionais referidas no rótulo são verdadeiras e, se o consumo do produto em questão não implica em risco e, sim, em benefício à saúde do consumidor”, acrescenta Karine. Outra dica importante ressaltada pela nutricionista é que toda dieta seja acompanhada de um especialista. “Cada pessoa é única. Portanto, a dieta também precisa atender às necessidades individuais de cada um”, alerta.


Saiba mais Compostos presentes nos alimentos funcionais e respectivos benefícios à saúde: Compostos

Ações no organismo

Fontes alimentares

Betacaroteno

Antioxidante que diminui o risco de câncer e de doenças cardiovasculares

Abóbora, cenoura, mamão, manga, damasco, espinafre, couve

Licopeno

Antioxidante relacionado à diminuição do risco de câncer de próstata

Tomate

Fibras

Redução do risco de câncer do intestino e dos níveis de colesterol sanguíneo

Frutas, legumes e verduras em geral e cereais integrais

Flavonóides

Antioxidantes que diminuem o risco de câncer e de doenças cardiovasculares

Suco natural de uva, vinho tinto

Isoflavonas

Redução dos níveis de colesterol sanguíneo e do risco de doenças cardiovasculares

Soja

Ácido graxo ômega 3

Redução dos níveis de colesterol sanguíneo e do risco de doenças cardiovasculares

Peixes, óleo de peixes

Pró-bióticos

Ajudam no equilíbrio da flora intestinal e inibem o crescimento de microorganismos patogênicos

Iogurtes, leite fermentado


Infância e adolescência

Projeto aproxima pais da escola

O

Fotos Daniel Zimmermann

Colégio Sinodal Doutor Blumenau, de Pomerode, criou, em abril desse ano, um projeto fundamental para a educação dos alunos. O Pais Parceiros da Escola (Papae) foi desenvolvido para estreitar os laços entre as famílias e a escola. A diretora da escola, Margareth Butzke, e a psicóloga Débora Hoffmann encabeçam o projeto pioneiro na Rede Sinodal de Educação. De acordo com Margareth, os encontros do Papae são mensais e discutem temas relacionados com educação e comportamento. “O foco principal do projeto é a troca de ideias e experiências entre os pais e o colégio”, afirma. Durante os encontros realizados, os pais são convidados a relatar e refletir sobre experiências com os filhos. A intenção, segundo a psicóloga, é auxiliar e complementar a relação entre a família e a escola. “Não pretendemos criar regras ou padrões, mas agregar conhecimento tanto para nós educadores como para pais e alunos”, complementa a psicóloga. Com 14 pais inscritos, o Papae, como as mentoras definem, não é um grupo de ajuda, mas, sim, um grupo de estudos. Para Margareth, o Papae se apoia em assuntos relacionados à educação tendo o ensinamento como impulsionador. “Com a troca de experiências e informações é possível resolver melhor os conflitos do dia a dia”, assegura.

Margareth e Débora implantaram o projeto Papae

Firmando valores De acordo com Débora, o Papae busca firmar valores importantes para o desenvolvimento saudável das crianças. “Sempre pensamos em fazer alguma atividade diferente com os pais. Trazê-los para a escola faz com que criem vínculos mais fortes. Quem ganha com isso com certeza são os filhos, pois, sentem-se mais valorizados pelos pais, que vêm

22

até a escola em busca e conhecimento e aprendizado”, acredita. Para Margareth, a atitude dos pais deve ter como objetivo educar, formar, conduzir para uma forma de limite. “Se os responsáveis estiverem próximos, juntos, conversando, a relação se consolida com base no respeito e admiração. O proje-

to pretende firmar-se como mais uma ferramenta de educação”, explica a diretora. Os encontros são planejados e utilizam dinâmicas como meio para trabalhar o tema proposto. Segundo Débora, os assuntos em discussão são embasados de acordo com bibliografias especializadas.


Para a psicóloga, os pais que participam do Papae preocupam-se em ser melhores pais. “A criança e o adolescente estão em um universo de descobertas. Eles não estão com conceitos formados. É na medida do que eles experimentam e vivenciam que perceberão o que pode ou não. Quem gerencia esse processo são o pai e a mãe”, conclui. As diferenças no comportamento já podem ser notadas. “O resultado é percebido no cotidiano desses estudantes e isso é ótimo. Os pais já nos relataram mudanças que aconteceram em casa após as conversas e estudos do Papae e isso se reflete no desempenho do aluno nos estudos. Significa que estamos no caminho certo.”, anima-se Margareth. Os encontros acontecem uma vez por mês, sempre nas quartas-feiras, no Colégio Sinodal Doutor Blumenau, em Pomerode. As reuniões acontecem das 19h às 20h30min.

Trabalho se reflete no bom comportamento das crianças


Nossa gente

Liderança bem exercida Daniel Zimmermann

Ela recorda da preocupação com estrutura, equipamentos, materiais e, principalmente, em compor as equipes de trabalho da melhor maneira possível. “Quando entramos em um hospital que já está em funcionamento, nos adequamos a ele e, com o tempo, podemos sugerir melhorias. Na Unidade Timbó os processos foram desenvolvidos no dia a dia”, compara. A coordenadora conta que escolheu a enfermagem pela essência da profissão: o cuidado. Ela ressalta que poder ajudar o próximo é algo único. “Todas as profissões na área da saúde têm este objetivo, mas, na enfermagem, o cuidado torna-se um ato intrínseco e essencial na rotina”, completa.

Heloísa está concluindo a segunda especialização A busca pelo conhecimento e o instinto natural de liderança fazem da coordenadora de enfermagem Heloísa Alves peça chave do quadro de funcionários do Hospital Unimed Blumenau – Unidade Timbó. Formada há mais de três anos, Heloísa foi contratada pela Unimed assim que terminou a graduação, contudo, não deixou de estudar. Especializou-se em Enfermagem de Urgência e Emergência e, atualmente, finaliza a especialização em Gestão Hospitalar. Recém-contratada, Heloísa partiu para a coordenação do Prontoatendimento em Rio dos Cedros. Um ano depois, já estava dominando todos os setores daquela unidade. “Fui treinada para assumir a coordenação de enfermagem da Unidade Timbó. O trabalho começou muito antes da inauguração, pois todos os materiais e equipamentos foram provisionados e comprados previamente. Este trabalho ocorreu juntamente com o recrutamento de pessoal para compor as equipes de trabalho”, conta.

Como coordenadora de enfermagem, Heloísa lidera e capacita equipes formadas por enfermeiros e técnicos de enfermagem. Ela também coordena a equipe do serviço de nutrição e dietética e o serviço de higienização e limpeza. Por ser a única coordenadora na unidade, desempenha algumas funções administrativas que são repassadas aos coordenadores das respectivas áreas e à gerente administrativa Jany Luz da Silva. Heloísa avisa que para ser boa no que faz é preciso ter visão democrática de liderança. “No meu entendimento, uma boa equipe é aquela que funciona ainda melhor na ausência do líder e um bom líder deve saber exigir da equipe o melhor que ela tem a dar e, principalmente, deve valorizar quando consegue extrair isso dela”. O gosto pelos estudos impulsiona Heloísa a buscar sempre mais capacitação e, assim, transmitir às equipes de trabalho. Para o próximo ano, pensa em fazer mestrado, mas ainda não definiu a área específica. “Considero-me uma aprendiz em constante busca de aprimoramento; quanto mais conhecimento, melhor”, conclui.


Qualidade de vida

Os benefícios da Yoga

Y

Fotos Daniel Zimmermann

oga é a ferramenta, o meio mas não é o fim para quem busca bem-estar e qualidade de vida.Quando sai da sala de prática, o aluno leva consigo a experiência de bem-estar e plenitude. A prática é apenas um caminho como tantos – como a religião para alguns, o esporte para outros. A diferença é que a prática milenar é uma das escolas de filosofia hindu que utiliza um conjunto de técnicas com o intuito de alcançar a união corpo, mente e espiritualidade com a consciência. O caminho percorrido pelo praticante é repleto de benefícios. A professora de Yoga e proprietária do espaço Mitra Yoga, em Blumenau, Adelaide Hennemann Bertoncini afirma que ela própria teve a vida aprimorada depois que iniciou as práticas. “Sofro muito menos com a vida. Eu era muito ansiosa e sofria por antecipação”, conta a professora formada em Yoga Integrativa. A ansiedade também afetava a professora do Mitra Yoga, Priscila Soar. Ela afirma que a filosofia hindu mudou sua maneira de ver o mundo, pois trouxe à consciência o aprendizado de lidar com as situações impostas pela vida.

Além da Prática Através de posições que fortalecem o corpo físico e exercícios respiratórios é possível alcançar a plena qualidade de vida. Adelaide explica que se trata de uma prática de prevenção de inúmeras mazelas, entre elas, osteoporose, lesões por esforço repetitivo (LER), depressão, ansiedade, além de lidar com o gerenciamento de estresse, alinhar a postura e coordenar a respiração. Além do aspecto físico, o mental e o emocional são trabalhados, pois, na visão do yoga, um não existe separado do outro. O individuo leva junto disciplina ética e contentamento, direcionando melhor a energia vital para aquilo que é construtivo em sua vida, trazendo aos poucos mudanças de dentro para fora.

26

Professoras de Yoga Adelaide Hennemann Bertoncini e Priscila Soar

Espaço Mitra Yoga O Espaço Mitra Yoga oferece práticas de Yoga Integrativa, Hatha Yoga, Yoga para Gestantes, Yoga para a Melhor Idade e Yoga Personal. Contato: (47) 3237-6040 / contato_mitrayoga@hotmail.com


Além do Corpo A linha seguida pelo Mitra Yoga é chamada de Hatha Yoga. Nela, o corpo físico é trabalhado desde a postura (asana), respiração (pranayama), feixes de energia (bandha), gestos feitos com as mãos (Mudras), relaxamento e, por fim, a meditação. “É o cuidado do corpo sem violência, respeitando os limites de cada pessoa”, acentua Adelaide. Não existem pré-requisitos para a prática. A professora conta que faz um excelente trabalho com a terceira idade e com as gestantes, que aprendem a lidar com as mudanças no corpo, criam um elo com a criança e usam a respiração para se acalmarem e preparar-se para o parto. Outro grupo que tem buscado a Yoga como aprimoramento é o de atletas. Para Priscila, a prática previne lesões em esportes como surfe, natação e corrida. “O atleta também aprende a respirar melhor e aguentar um pouco mais, seja na água ou na corrida, graças ao autocontrole atingido na aula”, explica. Qualquer pessoa, desde o idoso ao atleta, pode sentir o reflexo da prática no dia a dia. Por trabalhar com energia, consciência de si mesmo e autocontrole, o praticante, naturalmente, vai mudar a forma de encarar as adversidades da vida moderna. Adelaide ressalta que o yoga é uma prática dinâmica que traz autoconhecimentoe permite que a pessoa pense duas vezes antes de estressar-se no dia a dia.

Benefícios para corpo e mente Diminui o estresse e a ansiedade Aumenta a flexibilidade e a força dos músculos Melhora a postura, diminuindo dores nas costas Estimula a circulação sanguínea Ajuda a desenvolver uma atitude positiva em relação à vida Aumenta a concentração e o equilíbrio emocional Melhora a capacidade imunológica Ajuda a melhorar quadros de insônia e depressão Melhora a coordenação motora


relacionamento

A Unimed quer ouvir você

A

Divulgação

Unimed Blumenau está aberta para atender e receber os clientes, médicos cooperados e público em geral da melhor forma possível, contando com um setor específico de relacionamento ligado à Diretoria de Marketing e Desenvolvimento. A comunicação é realizada com uso de diversas ferramentas, como e-mail, telefone, correspondências, informativo impresso Unidoutor (enviado a todos os cooperados), newsletter Uninews (enviado semanalmente para os cooperados e diariamente para os colaboradores), intranet do médico cooperado, site, blog e SMS, além da Revista Unimed, que atinge todo o público-alvo da Cooperativa.

“Buscamos cada vez mais a aproximação com nosso público e, para que esta comunicação seja eficiente, integramos diversas ferramentas de comunicação”, afirma a coordenadora de Comunicação e Marketing, Sabrina Roders Bornhofen. Para Sabrina, a comunicação dentro da Unimed é extremamente importante e necessária. “A comunicação deve ser ágil, eficaz e sempre alinhada com o público que vamos atingir. Redes sociais, mídia digital (site, twitter, blog, dentre outros) estão em evidência e a Unimed está nestas mídias, que permitem interatividade com nosso público”. Os meios de comunicação implantados na Unimed têm como principais objetivos atender, informar, solucionar e esclarecer. “Por isso, é necessário estarmos atentos e inseridos nas mais diversas formas de comunicação”, explica a coordenadora. Um dos principais veículos de comunicação da Unimed Blumenau, conforme argumenta Sabrina, é a Revista. Com circulação bimestral e com distribuição gratuita para todos os titulares dos planos de saúde da Unimed Blumenau, a Revista tem a maior tiragem de Santa Catarina – 50 mil exemplares . “O conteúdo é especialmente voltado para as novidades em tratamentos de saúde e orientações de práticas de uma vida mais saudável. Esse ano, a Revista recebeu, pela segunda vez consecutiva, o Prêmio de Comunicação do Sistema Unimed como melhor revista. São oito anos entregando muita saúde para nossos clientes”, completa.

28

comunique-se com a Unimed Blumenau Ouvidoria – É um canal democrático de comunicação entre clientes, cooperados, prestadores, colaboradores e sociedade em geral e a Cooperativa. Serve para acolher, registrar e dar respostas sobre reclamações, denúncias, elogios, sugestões e informações de forma imparcial, buscando as melhores alternativas para entender e atender a expectativa de maneira ágil e efetiva. O atendimento da Ouvidoria da Unimed Blumenau é informatizado, permitindo que todos os contatos fiquem registrados, facilitando o acompanhamento e a solução de problemas. Contatos: www.unimedblumenau.com.br/ouvidoria ouvidoria@unimedblumenau.com.br Aton - O Atendimento Online se dá através da ferramenta Aton, um chat no qual o cliente entra de forma rápida e prática para conversar com um atendente da Unimed Blumenau, para esclarecimento de dúvidas e orientações. Qualquer pessoa, cliente ou não, pode acessar o chat através do site da Unimed Blumenau. Aton – www.unimedblumenau.com.br Fale Conosco – Recebe chamados sobre diversas solicitações, dúvidas, sugestões, informações sobre Planos de Saúde e envio de currículo de pessoas interessadas em trabalhar na Cooperativa. O acesso também é feito através do site da Unimed Blumenau (www.unimedblumenau.com. br), clicando na opção FALE CONOSCO. Fale conosco – www.unimedblumenau.com.br


Revista Unimed – Trata-se da publicação com maior tiragem em Santa Catarina: 50 mil exemplares. A revista é distribuída gratuitamente a todos os titulares de planos de saúde da cooperativa e para os médicos cooperados, entre outros. Aborda temas importantes relacionados à prevenção, tratamentos e qualidade de vida. além da versão impressa em papel reciclado, a revista pode ser acessada no site www.unimedblumenau.com.br. Enquetes - Este item é um indicador importante, pois, nos apresenta a opinião dos clientes e sociedade sobre os assuntos abordados na Enquete. Com os resultados destas enquetes, inserimos matérias na Revista e site. Também indica como estão os recursos próprios, referente ao atendimento prestado, o que oportuniza melhorias e avaliação deste serviço. CAU - Central de Autorizações Unimed: tem a finalidade de prestar informações gerais tendo como foco principal as autorizações de exames e procedimentos. O setor dispõe de vários meios de comunicação e atendimento: presencial (balcão) e para o prestador e cooperado dispomos de autorização via telefone, fax e email. CAU: 3331.8686 Twitter - Importante rede social que permite interação com o público de interesse da Unimed– Siga-nos no twitter: @unimedblumenau e fique sabendo de todas as novidades da Unimed e muitas informações sobre qualidade de vida. Twitter: @unimedblumenau News / Blog - É direcionado para colaboradores e médicos cooperados da Unimed. O objetivo principal é manter o público interno informado sobre os assuntos relacionados à Cooperativa e temas atuais. Sempre com transparência e agilidade nas informações, buscando ainda a participação e integração dos colaboradores e cooperados, através da troca de ideias e experiências. Telefones: Clientes podem ligar diretamente ao setor desejado. Escritórios Regionais - A Cooperativa possui quatro escritórios regionais nas cidades de Indaial, Timbó, Pomerode e Gaspar com o objetivo de melhor atender os clientes nas áreas da região de abrangência da Unimed Blumenau, descentralizando assim os serviços. Recepção de hospitais: As recepções das Unidades são canais de comunicação especialmente com os usuários e clientes em geral. As recepcionistas detêm informações gerais sobre a Unidade e os atendimentos oferecidos. Opinião de clientes sobre filmes e livros – Em cada edição da Revisa Unimed são indicados filmes e livros pelos clientes da Cooperativa. O setor de Relacionamento com o Cliente e Cooperado entra em contato aleatoriamente com clientes que tenham interesse em comentar sobre filmes e livros que gostaram e a opinião sobre os mesmos.


responsabilidade social

a transformação pelo esporte

D

Banco de imagem

entro dos projetos de responsabilidade social desenvolvidos pela Unimed Blumenau, o Esporte Comunitário beneficia oito polos de iniciação ao atletismo da Fundação Municipal de Desportos (FMD) de Blumenau e a equipe de xadrez do Centro de Educação Infantil (CEI) Santa Terezinha. O projeto Esporte Comunitário atende atualmente cerca de 240 crianças e adolescentes com idades entre seis e 16 anos. A coordenadora de Responsabilidade Social da Unimed Blumenau, Jeane Pinheiro, diz que, em setembro, foram conveniadas duas escolinhas de futebol do Salto do Norte Esporte Clube e do Grêmio Esporte Clube da Itoupavazinha. “Nestes dois clubes, são atendidas crianças e adolescentes de sete a 17 anos, em situação de vulnerabilidade social”, afirma Jeane, acrescentando que o projeto é financiado com recursos próprios e com recur-

Jeane com o grupo de alunos-atletas da escola Alice Thiele

sos do Comitê Estadual de Marketing e Mercado (CEMM). Para 2011, além da CEMM, a coordenadora avisa que os projetos vão contar também com recurso aprovado pelo Programa das Nações

Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Blumenau foi uma das selecionadas e receberá aproximadamente R$ 22 mil para dar continuidade e aprimorar o projeto Esporte Comunitário”, explica.

ra, lazer e meio ambiente, além de contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos participantes.

com drogas, violência, criminalidade e doenças sexualmente transmissíveis.

Ações abrangentes Com o recurso do PNUD, o projeto Esporte Comunitário será fortalecido e proporcionará aos alunos de escolas públicas a prática de esportes como atletismo e xadrez. Todos com materiais específicos e adequados a este fim. Outro objetivo é desenvolver ações de promoção e prevenção à saúde, cultu-

Para formar alunos conscientes e prepará-los para os desafios do cotidiano, a informação é a chave. Através de palestras, o projeto visa informar o aluno para que ele não tenha contato

Boas notas também fazem parte do projeto. O incentivo através do esporte desperta o interesse das crianças pelos estudos, garantindo a conclusão do Ensino Fundamental e do Ensino Médio com boas notas.

Compromisso com a ONU O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e a Caixa Econômica Federal selecionaram 74 entidades que receberão até R$ 25 mil para desenvolver projetos socioambientais. A meta é contribuir com o avanço dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) – uma série de metas que os países participantes da ONU se comprometeram a atingir até 2015. A Unimed Blumenau, através do Instituto SC, foi a única cooperativa médica do País selecionada e uma das três entidades de Santa Catarina.

30


atividade física

Só para mulheres

Q

Fotos Daniel Zimmermann

ueimar calorias sem homem por perto já é realidade em Blumenau. A academia Viva Fitness propõe a perda de medidas e calorias em um curto espaço de tempo e de forma personalizada. A invenção americana reúne a praticidade e agilidade que a mulher moderna precisa no dia a dia. Trazida para a cidade pelas profissionais de Educação Física Elaine Silva, Franciele Barbosa da Silva e Silvana Serpa Souza, as academias só para mulheres inovam ao pensar no público. “Fizemos muita pesquisa e tivemos auxílio de um profissional para nos orientar. A mulher atual trabalha, cuida da casa, dos filhos, tudo ao mesmo tempo e precisava de um espaço dedicado a ela”, afirma Elaine. Além de não permitir que os homens frequentem, a novidade está nas aulas. Diferente de uma academia convencional ou mesmo de uma sala de musculação, o treinamento trazido pela rede americana é feito por meio de um circuito com duração de 30 minutos. Ao todo, são 14 estações que misturam exercícios aeróbicos com os anaeróbicos, levando em conta as características do corpo feminino. O circuito trabalha também com a ginástica localizada e algumas técnicas de alongamento. “A proposta se fundamenta em mesclar, em uma só atividade, exercícios que comportam uma gama de combinações físicas com atuação em todos os sistemas de nosso organismo, principalmente o muscular e o cardiovascular”, explica Elaine.

32

Ambiente foi todo pensado para satisfazer os gostos femininos

Personalidade feminina Por ser um ambiente exclusivo para mulheres, tudo na academia é adequado ao público-alvo. Mulheres de todas as idades e de diferentes características frequentam a academia. “A decoração, o banheiro, tudo é personalizado para nós mulheres. As mulheres sentem-se muito a vontade quando estão na academia”, afirma Elaine. Os equipamentos foram projetados especialmente para o corpo da mulher brasileira. “Aplicamos sobrecarga nos diversos grupos musculares, controlando a intensidade através da frequência cardíaca e adaptando, dentro das possíveis realidades, aos objetivos da praticante, respeitando sempre o grau de condicionamento e as reais potencialidades”, explica. Após oito meses de funcionamento, a Viva Fitness concentra cerca de 200 alunas que aderiram ao circuito americano. De acordo com Elaine, o circuito é recomendado para mulheres a partir de 15 anos e deve ser feito pelo menos três vezes por semana para obter resultados. “Se a aluna for disciplinada, em cerca de três meses é possível sentir algum resultado”, garante.


De bem com a balança Geruza de Melo Lima estava cansada das tradicionais academias. Após ter o bebê, queria perder medidas o mais rápido possível. Quando se deparou com a novidade trazida pela Viva Fitness não levou muita fé. Mas, com disciplina e motivação, Geruza alcançou o que antes parecia quase impossível: perdeu medidas consideráveis. “Há cinco meses pratico exercícios na academia. Antes estava desanimada e sem vontade. Essa experiência está sendo ótima. Perdi quatro quilos e 10 centímetros de abdômen. Estou muito feliz”, diz a educadora física. Para Geruza, voltar à academia normal está fora de cogitação. A aluna conta que, em academias convencionais, tinha a impressão de ser mais uma no meio da multidão. “O método utilizado pela academia é dinâmico. Divertimos-nos tanto durante o circuito que não percebemos a hora passar. Ao mesmo tempo em que queimamos calorias, fazemos novas amizades. Minha vida melhorou consideravelmente”, finaliza.

As sócias Elaine Silva, Silvana Serpa Souza e Franciele Barbosa da Silva


Artigo

Tremor essencial requerem tratamento. Há, sim, para os casos mais severos, tratamento farmacológico, geralmente eficaz, mas necessitando manutenção permanentemente. Na grande maioria dos casos, o tremor se limita aos membros superiores; mas o tremor essencial – este é o nome usual entre os neurologistas – pode comprometer a cabeça, a face, a voz e o tronco. O tremor heredofamilial, outra denominação como este tipo de tremor também é conhecido, pode aparecer inclusive na infância, mas os picos de maior incidência são na segunda década da vida ou a partir da sexta década, razão pela qual também é conhecido como “tremor senil”.

N

ão é raro jovens procurarem o neurologista com queixa de tremor. Geralmente nas mãos. Um tremor fino e rápido que se acentua em certas ocasiões, mormente quando sob tensão emocional. Há dias em que o tremor é intenso, outros em que ele quase desaparece. Alguns conhecem outros casos na família. Outros até já notaram que bebidas alcoólicas fazem o tremor diminuir ou desaparecer. Há histórias curiosas patrocinadas pelo tremor, como o jovem que foi pela primeira vez na casa da namorada e, sob os olhares de toda família, tremia como uma vara verde derramando café sobre a toalha branca da futura sogra. Quanto mais nervoso, mais tremor e mais olhares atravessados suscitava. Noutro caso, o paciente estava numa fila para ser entrevistado para um novo emprego quando notou que teria que preencher um formulário sob os olhares da funcionária de Recursos Humanos. Falar em público ou escrever diante de outros

sempre fora uma dificuldade desde os tempos de escola. Nestas situações, o tremor era inevitável. Mas o paciente já notara que o tremor desaparecia quando ele tomava uma simples cerveja; pediu licença para os companheiros de fila, foi num boteco tomar uma cerveja para “firmar a mão”. Quando chegou sua vez, transcorreu tudo bem, sem qualquer tremor ou deslize, exceto pelo fato que a entrevistadora sentiu o cheiro de sua cerveja, arrumou uma desculpa para reprová-lo sob suspeita de estar diante de um alcoólatra. A maioria procura o médico para saber se o tremor que experimenta não seria sintoma de alguma enfermidade mais grave, necessitando de cuidados. Muitos receiam que seu tremorzinho inocente culmine no mal de Parkinson. Uma vez esclarecidos que tal tremor é uma característica familiar, permanecendo inalterado durante toda a vida e só eventualmente piora na idade avançada, os pacientes se tranquilizam e raramente

Levantamentos estatísticos sobre a incidência deste tipo de tremor entre a população geral são um tanto desencontrados, pois, enquanto algumas pesquisas dão cinco casos por mil, outras chegam a mencionar quarenta casos. É um distúrbio que não é acompanhado de nenhum outro sintoma neurológico e permanece inalterado durante o decorrer de toda a vida. Embora considerada uma patologia benigna, em casos acentuados pode interferir com emprego e demais atividades diárias ou relacionamentos sociais. A duração da vida e a saúde em geral não são afetadas pelo tremor essencial. A etiologia, a causa deste tipo de tremor, é desconhecida, porém seu caráter genético, sua hereditariedade, é bem evidente. Tem-se, inclusive, verificado que o tremor costuma se antecipar de geração para geração: na primeira geração o tremor aparece só na terceira idade – como tremor senil –, na geração subsequente ele aparece na meia idade para, na terceira geração, surgir já na infância. Dr. Cezar Zillig CRM 2125 Neurologista e neurocirurgião


Diretor Técnico: Dr. Tarcísio Lins Arcoverde – CRM 5832

Não conte com a sorte. Conte com SOS Unimed Área Protegida. Com o SOS Unimed Área Protegida da Unimed Blumenau, você garante segurança e tranquilidade para seus clientes e funcionários e ainda atende à legislação. Recomendado para: escolas, creches, shoppings, restaurantes, academias, lojas, clínicas, associações, universidades e escolas técnicas, centros de eventos, clubes, hotéis e empresas de grande e médio porte. Serviço: atendimento pré-hospitalar de urgência e emergência para todos que se encontram no espaço físico da empresa, organização ou entidade contratante.

INFORMAÇÕES:

TEL:

47

3331-8669

ou areaprotegida@unimedblumenau.com.br

twitter @unimedblumenau unimedblumenau.com.br


Unimed Blumenu - Ed. 50