Page 1

TieBreak magazin

Ano 6 Outubro de 2010 R$ 8,90

#57

Majestade

Isabela testoni é a rainha da münchenfest 2010 Tie Estilo: a versátil Maise D’Amaral

Melhor amigo: entre cavalos e cachorros

Maria Eugenia Rauh, rainha da edição 2009, e Isabela Testoni, rainha 2010 da Münchenfest

Vida saudável: hora de perder peso


Edemir Garcia

TieBREAK

SUMÁRIO

8 Tradições

SEÇÕES Nossa Opinião

Daniel Zimmermann

Münchenfest e desfiles oficiais da Oktoberfest mostram a cultura germânica do Tabajara

22 Tie Estilo

Daniel Zimmermann

A elegância versátil de Maíse D´Amaral

Divulgação

4

Claudio Eduardo Barbosa Domingues investe em moderno hospital veterinário

20

Recordar

24

Bastidores

26

Vida saudável

30

Festas

34

Casamento/Nascimento

48

Esportes

50

Portas Abertas

57

Tabasco

58

Conselho Editorial Alberto Stein, Carlos Hering, Cynthia Baumgarten, Marcello Rubineck Pereira e Rita Schürmann

Débora Zimmermann vive rodeada de cavalor e cães

32 Perfil

O que Pensam os Jovens

EXPEDIENTE

28 Melhor amigo

6

Editor-Executivo Sidnei dos Santos 1198JP (MTb/SC) sidnei@mundieditora.com.br Reportagem Beatriz Gaviolli e Mariana Tordivelli Projeto Gráfico Ferver Comunicação ferver@ferver.com.br GERENTE de Arte E DESENVOLVIMENTO Rui Rodolfo Stüpp rui@mundieditora.com.br Revisor Gervásio Tessaleno Luz 759JP (MTb/SC) foto de Capa Studio Paulo Zuanazzi EditorA-chefe Danielle Fuchs danielle@mundieditora.com.br Gerente Comercial Eduardo Bellidio eduardo.bellidio@mundieditora.com.br Diretor-Executivo Niclas Mund niclas@mundieditora.com.br


TieBREAK

EDITORIAL

Tradições de outubro

Tabajara Tênis Clube

Edemir Garcia

DIRETORIA

Em outubro, o Tabajara Tênis Clube celebra a tradição germânica. A Münchenfest e a participação nos desfiles da Oktoberfest trazem à tona a essência da origem desse clube sesquicentenário. Das crianças de colo aos mais experientes Fritz e Fridas, todos com seus trajes impecáveis, a família Tabajara presta uma sincera homenagem aos antepassados que ergueram os pilares da sólida sociedade blumenauense. Pela importância desses eventos de outubro, a edição 57 da Tie Break contempla na capa e em um generoso espaço interno fotografias que traduzem todo entusiasmo em manter vivas as tradições. Cao Hering aproveita o pano de fundo das tradições de outubro para fazer um bem-humorado exercício de futurologia, que pode ser conferido na coluna Tabasco dessa edição. E para os próximos dias e meses, o clube já prepara outros eventos importantes do calendário social. Em 30 de outubro será a abertura da temporada de Verão, com eventos para toda a família na área das piscinas. E, no réveillon, a festa será no salão principal do clube para recepcionar 2011. Então, aproveita a revista, prepare-se para os eventos que estão por vir e boa leitura! A Diretoria

Presidente ALBERTO STEIN • Vice-Presidente RENATO MEDINA PASQUALI • Diretor Administrativo Thomas Bueckmann • Secretário Jorge André Ritzmann de Oliveira • Tesoureiro Alcemir Karasinski • Vice-tesoureiro Carlos Roberto Dorigatti • Diretor do Patrimônio Felipe Avelar Ferreira • Vice-diretor do Patrimônio Maurício Carlos Kreibich • Diretoras Sociais Cynthia K. Baumgarten - Rita Schürmann - Lorna Stein • Diretor do Tênis André Germano Bürger • Vice-diretor do Tênis Edson Luiz Moser • Diretor de Esportes Clóvis Lenzi • Diretor do Futebol Ricardo Guedes Viotti • Diretor da Sauna Joaquim Teixeira Paulo Filho • Diretor do Tiro Carlos Péricas • Diretor da Bocha Valmor Cunha • Diretor do Bolão • Vice-diretor do Bolão Rubens Tadeu Varella Traugot Kaestner • Diretora da Ginástica Rúbia Cunha • Diretor de Marketing Cao Hering • Diretor da Piscina Lúcio Flávio V. Simões • Diretor de Esportes e Ouvidoria Clóvis Lenzi Conselho Deliberativo Após A.G.O 2010 presidente Jorge Luiz Buechler vice-presidente Theo K. Falce Secretário José Roberto A. Santos Membros Natos - OTÁVIO GUILHERME MARGARIDA, ADOLFO LUIZ ALTENBURG, JORGE LUIZ BUECHLER, JOSÉ ROBERTO A. SANTOS e EDSON PEDRO DA SILVA • Efetivos - Mandato até A.G.O. de 2011 - JOSÉ CARLOS MÜLLER, WALTER LUIZ PERSUHN, HILÁRIO TORRESANI, RONALDO REICHOW E DENIS MÁRIO LOCATELLI • Suplentes - Mandato até A.G.O de 2011 - Jean Prayon, Evelásio Paulo Vieira e Roberto Carneiro Bauer • Efetivos - Mandato até A.G.O de 2012 - Marcos S. Leyendecker, Sérgio I. Margarida, Jorge Luiz Rodacki, Marcio Milton Mafra e Gualberto José Guedes • Suplentes - Mandato até A.G.O de 2012 - Edmundo Wehmuth e Rolf D. Buhr • Efetivos - Mandato até A.G.O de 2013 - Theo K. Falce, Egon Alberto Stein, Valdir Righetto Filho, Hercílio Baumgarten e Otto Baier • Suplentes - Mandato até A.G.O de 2013 - Raphael Gomes Santhiago, Ronaldo Baumgarten Junior e Carlos Ivan Beduschi Conselho Fiscal Jaime Luiz Leite (Presidente) EFETIVOS - Giovani Mainhardt e Dario L. Agnoletto • SUPLENTES - Marco Aurélio Poffo, Juliano Daniel Scheefer e Fabricio A. Bogo

6

gerente Marcello Rubineck Pereira


RESERVA ESPECIAL Deixe-se conquistar Visitar as unidades finais do Costão da Barra é como apreciar o buquê antes de degustar um vinho raro: uma experiência irresistível. A Reserva Especial Procave traz uma das melhores safras de apartamentos já mobiliados e decorados, frutos de um projeto sofisticado e ousado.

Avenida Atlântica nº 4664 Balneário Camboriú - Santa Catarina

CRECI 249J

(47) 3367-4000 / 3361-0004 www.costaodabarra.com.br Em conformidade com a lei nº 4591/64 a incorporação está inscrita sob matrícula nº 33090, no 2º Ofício do Registro de Imóveis de Balneário Camboriú, Santa Catarina.

* Consulte os aptos desta condição especial

ggedesign.com.br

Visite. Ainda há tempo de reservar o seu lugar em um legítimo Procave.


TieBREAK

OKTOBERFEST

Magia na Rua XV Os desfiles da Oktoberfest deste ano deram aquele toque especial da festa além dos setores da Vila Germânica. Uma multidão ocupou a Rua XV de Novembro para prestigiar, seja na abertura ou nas quartas-feiras e domingos seguintes. Mais de 200 Fritz e Fridas do Tabajara estiveram presentes exibindo seus trajes típicos com muita descontração. Confira momentos da trupe do TTC nos dois primeiros desfiles oficiais da Oktoberfest 2010.

01 -Fernando Tiepo Filho, André Hofmann e Marcos Dalpra | 02 Carol, Bia e Camila Bauer Souza, Inaie Silva, Ana Paula e Gabriel Silva Bornhausen│ 03 - Carlos Tavares D’Amaral e Orlaf Otte │ 04 - Amanda Barni e Karol Stein 05 - Gabriela Chrispim e Jéssica Santos│ 06 - Leticia e Sofia Bauer 07 - Raquel e Rafael Hering , Raphael e Fabiana Bubek

01

03

02

06

04

07

8

05


08

09

11 10

13

12 15

14

9

08 - Crista, Stefania Sitonio e Pyetra Moss | 09 - Rafael Roncaglio e Vivian, Fabiano Odebrecht e Helouse│10 - Felipe Gomes, Maria Eduarda Rodacki, Luiz Fernando Scheid, Mariana Steinback, Bianca Otte e André Donning │ 11 - Leticia Haertel, Isabela Testoni e Ana Carolina Justino │12 - Debora Bergan, Adriana Buechler e Caroline Maia │ 13 - Leonardo, Luca e Patrícia Trainini │14 - Enrico Baumgarten Vieira│ 15 - Roberto Baier e Jorge Luiz Buechler


TieBREAK

OKTOBERFEST

17 16

16 - Camila Barouki e Andrea Michelluzzi │ 17 - Clarise Fallgatter e Isabela Almada │ 18 - Vitoria e Enrico com a mamãe Ticiana Baumgarten │19 - Lucas, Edemir, Camila e Marise Garcia 20 - Bruna e Cynthia Baumgarten │ 21 - Alessandro Dorow e Patrícia com os filhos Bernardo, Fernanda e Nicolas │22 - Rita Schürmann e Lorna Stein 23 - Luiz Dallacorte, Eloisa Hermann e o filho

18

20

21

19

23

10

22


TieBREAK

MüNCHENFEST

Ein Prosit, Tabajara! Nada mais propício para o início de outubro do que uma festa em clima da Oktoberfest. Os associados do clube puderam curtir no dia 1º, a Münchenfest. A festa, que é realizada desde 1988, contou com cerca de 600 associados. Isabela Testoni foi escolhida a rainha. Uma alegria contagiante tomou conta do salão principal do clube, onde os associados dançaram e se divertiram no ritmo de muita música germânica.

01

02

03

04

01 - As princesas Andressa Godoi Bach, Letícia Haertel e Ana Justino com a rainha Isabela Testoni (centro) │ 02 - Rainha e princesas da Oktoberfest estiveram presentes │03 - Isabela Cristina Testoni recebe a faixa de rainha de Maria Eugenia Rauh │ 04 - A rainha da Münchenfest 2010, Isabela Cristina Testoni │ 05 - Debutantes 2010 e seus pares dançam música típica

12

05


06 07

08

09

10

11

06 - Edneia Severino, Nathalia Silva e Ilone Volees │ 07 - André, Fernando e Vitor Moeller Gabel │ 08 - Augusta, Enrico Nasser Passold│ 09 - Frederico, Adriana, Alwin, Maria Eugenia Rauh │ 10 - Julimar e Sheila Michels │ 11 - Família Stein │ 12 - Belinha e Alana Baumgarten │ 13 - Antonia Nasser e Maria Luiza Amaral │ 14 - Ruy Diekmann e a esposa Katia 14

12

13

13


TieBREAK

MüNCHENFEST 16 15

18

17

19

20

15 - Adriana Rauh e Aliciana Stein │ 16 - Debutantes 2010 com a madrinha Adriana │ 17 - Crianças mantêm a tradição │ 18 - Gilberto Silva e Décio Severino │ 19 - Andreas, Sabrina e Vicente Kegel │ 20 - Vovô e Vovó Chopão estiveram na festa │ 21 - O casal Chopão com a rainha e princesas │ 22 - Grupo mostra animação na Münchenfest │ 23 - José, Marina e Tutti Anzani

22

14

21

23


TieBREAK

MüNCHENFEST

Fotos Edemir Garcia

25

24 26 27

24 - Grupo de amigas tipicamente trajadas para a festa │ 25 - Hugo Vogel, Ana Carolina, Katia e Otto Baier, Maria Eduarda Baier e Leonardo │ 26 - Carol Michels, Ana Julia Boehm e Vanessa Fantinato │ 27 - Elizabeth e Hernani Scoz │ 28 - Daniel Stein e Marina Sganzerla │ 29 - Marlene e Itamar de Miranda │ 30 - Vivian Pamplona Roncaglio e Lorenzo │ 31 - Sofia, Aline, Marcelo Mugnani, Sibeli, Bernardo e Arno Buerger Neto │ 32 - Tradição é mantida entre amigos e famíliares desde a infância │ 33 - Maristela e Nicoli Testoni │ 34 - Georgia, Mirian Roza e Nilma Raquel │ 35 - Maria Mazzafero e Joaquim 30

28

16

29


32 31

34

33

35


TieBREAK

MüNCHENFEST

Premiados do Festival do Tiro 36 - Mirela Moser, Eliana Abreu, Andreia Reichow e Thomas Bueckmann │ 37 - Luis Felipe Simões, Natan Reichow e Thomas Bueckmann │ 38 - Carlos Péricas, Renate Buechler, Ana Carolina Baier e Cintia Simões │ 39 - Carlos Péricas, Taiana Justino e Thomas Bueckmann │ 40 - Os vencedores do sorteio dos marrecos e dos melhores trajes típicos │ 41 - Lúcio Simões e Cirineu Moraes │ 42 - Rafael Trindade e Carlos Valim │ 43 - Vitor Tiepo, Thomas Bueckmann e Flávia Moser

36

37

38

39

40

41

42

18

43


TieBREAK

O que pensam os jovens

Festa, governo e Justiça Andressa Godói Bach, 15 anos, estuda no primeiro ano do Ensino Médio do Colégio Bom Jesus Santo Antônio - 1º Ano do Ensino Médio. Quer estudar moda associada ao jornalismo na Anhembi Morumbi.

Oktoberfest “Para mim, desde pequena, a Oktoberfest representa algo além de uma festa tradicional alemã; ela simboliza a força de uma população que se uniu para reconstruir o Município que, em 1984, fora devastado por uma enchente. Acredito que por mais que ela tenha sofrido algumas mudanças e melhorias, jamais perderá seu propósito inicial, por isso, apóio a festa procurando sempre participar.”

Prioridades do novo governo “As prioridades do novo governo do País devem estar voltadas para a população menos privilegiada. Por este motivo, a primeira prioridade deve estar relacionada à saúde, pois, por mais que tenha progredido de alguns anos para cá, ela ainda deixa a desejar, gerando inúmeras mortes por falta de assistência e atendimento. A segunda prioridade deve ser o ensino, pois, além de ser um dos principais fatores para o desenvolvimento de uma nação, auxilia no aumento da renda e na melhor qualidade de vida das pessoas.”

Confiança na Justiça Edemir Garcia

“Se nós, brasileiros, não confiarmos em nossa própria Justiça, quem confiará? Como em todos os ramos de atividade ocorrem problemas, na Justiça também é assim, porém, se ela realmente fosse decadente, o Brasil não teria desenvolvido o quanto já desenvolveu. Tenho certeza que algumas mudanças devem e estão sendo feitas, mas isso leva tempo.”

Luiz Ranuhy Buzzi, 14 anos, é estudantes do Colégio Energia e pretende fazer faculdade de Arquitetura e Urbanismo.

Oktoberfest “A ideia principal na criação da Oktoberfest era levantar a alegria blumenauense após as enchentes da década de 1980. Porém, esse pensamento já foi esquecido e substituído pela ideia de beber ao máximo, deixando de lado o espírito familiar da festa. Não deixo de ressaltar que, sempre que posso, compareço aos pavilhões para encontrar amigos e fugir um pouco da vida cotidiana, mas sem perder a consciência e sem beber, sabendo que posso aproveitar a festa muito bem estando sóbrio. Para a cidade, é muito importante, pois, além da divulgação, atrai turistas e provoca grande giro na economia.”

Prioridades do novo governo “O primeiro passo para ser um governo de orgulho é acabar com a corrupção, pois, não há como viver em um país justo se nem a política é justa com seu país. A criminalidade ainda domina nossas principais cidades, pelo fato de não haver punição para os principais envolvidos em crimes. Os temas que causam polêmica também devem ser priorizados, como a legalização das drogas, já que a proibição é responsável por grande percentual de crimes e de mortes. Nossos governantes não podem deixar de ouvir a opinião da população, pois a opinião do povo é relevante para a melhoria do País.”

Confiança na justiça

20

“Infelizmente, não temos um equilíbrio nesta área. Muitas vezes, um homem pobre é preso por tentar alimentar sua família que não possui condições, enquanto políticos desviam milhões de reais dos cofres público e continuam sendo adorados e respeitados. Cada ser humano deve ser tratado de maneira igual, não importa a classe ou o papel que desempenha na sociedade. Devemos ter todos os mesmos direitos, perdendo estes direitos apenas aqueles que faltarem com ética a outro ser humano. A pena de morte deveria ser aplicada para certos níveis de crimes, como assassinatos.”

Divulgação


Encontre a beleza do ver達o aqui. Alameda Rio Branco, 286 A I Centro I Blumenau I (47)33220733

Valorizando seu estilo


TieBREAK

TIE ESTILO

Daniel Zimmermann

Maise e sua mistura de estilos originais Maíse preza pela liberdade na hora de compor o look Dona de um estilo todo dela, que mistura o boho-chic com o casual, mesclando ainda o clássico, mistura com bom-gosto estampas e alfaiataria, lenços, echarpes, joias e outros acessórios cuidadosamente pensados, mas com aquele ar blasé e que dividem harmoniosamente espaço com braceletes artesanais, maxi-vestidos, calças jeans, além de peças bem cortadas e de tecidos nobres. Maíse Schippmann Tavares D’Amaral tem como base sua casa no Bom Retiro – casa não: “Castelo Cor-de-Rosa” – como aqueles de sonho de menina. Casada com Carlos Tavares D’Amaral e mãe da linda Maria Luiza, dedica-se em tempo integral à família. Amiga de seus amigos, divertida, simpática, com um coração maior que ela: estas são as marcas da sua personalidade Perfeccionista e criteriosa em suas escolhas, ama garimpar peças, principalmente acessórios diferentes que, segundo ela, são capazes de mudar a cara de qualquer produção, dando versatilidade aos looks. Maíse descreve seu estilo como despojado, dando preferência à dupla infalível jeans e camiseta. Para a noite, gosta de misturas, como Cocktail dress mais um colar exótico e moderno, ou um vestido mais simples com uma joia. Liberdade é a palavra-chave para composição do guarda-roupas, não sendo escrava de determinadas marcas ou da moda propriamente dita. Escolhe aquilo que lhe cai bem, de acordo com a vontade e com o dress code, que a ocasião pede.

Top List - Maise Schippmann Tavares D’Amaral Para mim, moda é: Estilo Melhor investimento de moda: Bolsa Never Full, Louis Vuitton Amo comprar acessórios: pingentes, colares, relógios... O que marca meu estilo A ausência de maquiagem, ou seja: “de cara lavada”

22

Como escolho um look para uma festa Primeiro escolho os acessórios, para depois escolher a roupa

Inspiração Fashion Editoriais de revistas como a Vogue e a Moda Joyce Pascowitch, e blogs de moda. Peças de investimento Calça jeans, camiseta branca, jaqueta jeans, vestido preto, lenços, calça de alfaiataria e máxi-vestidos. Peça que considera uma relíquia Um colar de pérola Peça de estimação Calça jeans da Zoomp que tenho há 10 anos. Já chegou a rasgar, mas continuo usando.


Aline

Referências

Aline Ritzmann de Oliveira Produtora de Moda e Personal Stylist www.reinventandomoda.com.br aline@reinventandomoda.com.br Maxi vestidos 1 - Karen Millen 2 - Matthew Williamson 3 - Top Shop

01

01 02 03

02

Um ombro só

Florais

03

Cat Eyes

23

We Love

Braceletes 1 - Karen Millen 2 - Schmidt 3 - Tiffany’s


TieBREAK

Recordar

Um veterano das quadras Praticando tênis desde 1967, Diether Dagobert Siebert recebe homenagem do Tabajara Poucos tenistas têm a oportunidade de ter um campeonato de tênis com seu nome. Pois o associado Diether Dagobert Siebert teve seu nome gravado no troféu do mais recente torneio interno do Tabajara Tênis Clube. Modesto, Siebert diz não saber se merece tal homenagem, mas ficou muito emocionado com a dedicatória. “Sou sócio do clube desde 1967 e jogo pelo clube desde então. Sou o segundo tenista mais velho do Tabajara, sendo Aldo Gonçalves o primeiro. Eis a razão da homenagem”, diz.

24

“Frequento o clube sempre que posso. Pratico tênis, revejo os amigos e vou muito ao restaurante. Posso dizer que o clube é a extensão da minha residência”. Diether Dagobert Siebert

Questão de talento

O Tabajara em minha vida

A paixão pelo esporte começou cedo, mas, somente quando completou 30 anos, Diether destacou-se dentro das quadras. Antes disso, não teve a oportunidade de praticar efetivamente o tênis. Isso porque iniciou cedo sua carreira profissional no Banco do Brasil. Aos 18 anos, após passar em concurso público para o banco estatal, já assumia muitas responsabilidades. Aos 23, casou-se e teve dois filhos logo em seguida: André e Marcel. Quando o mais novo cresceu, tornou-se seu parceiro de quadra e Diether pode dedicar-se com mais assiduidade ao esporte. Aos 45 anos, jogava tênis frequentemente e chegou a ganhar por sete vezes o Campeonato Estadual na categoria Veteranos.

Autodidata, o associado confessa que não precisou de professores para aprender a jogar, pois praticou tênis de mesa por muitos anos. “Evolui a partir da prática e da observação”, afirma. Semanalmente o veterano das quadras joga tênis em duplas. A inspiração é o tio Roland, que não abandonou a raquete mesmo com 88 anos. Dessa forma, Diether conta com a herança genética para rebater bolinhas enquanto puder. Ele recorda que, ainda pequeno, fitava com atenção as partidas do tio e ainda ajudava como boleiro.


TieBREAK

Bastidores

Em paz e realizado Pedreiro há 30 anos, nove deles no Tabajara, Orlando Vicki vive a expectativa da chegada do primeiro neto Fotos Daniel Zimmermann

Paz de espírito e um sorriso no rosto. É dessa maneira que o pedreiro Orlando Vicki recebe quem passa pelo Tabajara. Fazendo parte do quadro funcional do clube há nove anos, Vicki gosta do que faz. Desde cedo, ele precisou batalhar para conquistar uma vida tranquila. Quando saiu da casa dos pais, aos 18 anos, teve que aprender a se virar sozinho. Foi então que a construção civil entrou na vida dele. “Trabalho há 30 anos nessa profissão. Aprendi que precisamos crescer e nos firmar em uma atividade e não pular de galho em galho. Agradeço a Deus tudo o que conquistei”, afirma. O caminho até chegar à casa própria, imóveis alugados e uma casa na praia de Armação não foi fácil. Com força de vontade e persistência, Vicki conseguiu adquirir tudo que para ele é necessário para se viver bem e feliz. “Tinha como meta nunca comprar nada a prazo. Comprava tudo à vista. Se não tinha todo o dinheiro, guardava e depois adquiria. Dessa forma, por menor que seja o desconto, a vantagem é bem maior”, ensina. A batalha vem acompanhada de uma trilha sonora: o sertanejo. Fã assumido do estilo, o pedreiro não dispensa a música nem quando está no trabalho. “Chego ao clube e já começa o bailão. Trabalhar embalado é bem melhor e mais produtivo”, anima-se. Quando não está trabalhando, Vicki gosta de curtir a família e a casa da praia. Também não dispensa um bailão com a esposa, com quem é casado há 30 anos. “Sempre que posso levo ela aos bailes sertanejos. Dançar é muito bom”, diz. Realizado na vida e na profissão, ele se prepara para mais uma emoção: a chegada do primeiro neto. “Peço a Deus que me dê saúde para viver bastante e poder curtir mais essa alegria”, emociona-se o pedreiro.

26

Quanto ao clube, ele é enfático: “O Tabajara é nota 10. Adoro trabalhar aqui. Por ser aposentado, estou aqui porque gosto de verdade. O ambiente é agradável. É uma verdadeira família. Tenho o clube como minha casa. Não tem tempo ruim aqui. Fazemos nosso trabalho sem aquela tradicional pressão. O Tabajara é muito importante na minha vida”, finaliza.


TieBREAK

MELHOR AMIGO

Amor em quatro patas Cachorros e cavalos fazem os dias de Débora Zimmermann muito mais felizes fessora e em 2002 inaugurou o Centro Equestre União (CEU).

meio-dia, são recolhidos e alimentados novamente. À tarde, eles treinam com os alunos. E, à noite, são alimentados e preparam-se para dormir. No inverno, os animais são vestidos com uma capa para protegê-los do frio e evitar que fiquem com pelos grandes e sem brilho. A rotina também conta com banhos, escovações de pelos e troca de ferraduras.

Lá, a professora tem 18 cavalos, sete próprios e o restante de alunos. A rotina para cuidar dos equinos é trabalhosa, contudo, Débora ama o que faz. Ela conta que, pela manhã, os cavalos são alimentados e soltos em piquetes. Ao

Para Débora, o cavalo faz mais que o cavaleiro. Entretanto, ambos devem estar sintonizados. “O esporte é uma matemática. É preciso calcular o salto pelo tamanho da passada do animal. Um cálculo errado acarreta a derrubada do obstáculo, ocasionando pontos perdidos durante uma competição”, explica. O CEU tem 45 alunos. Com eles, a professora vai a competições e sempre volta com medalhas. Débora diz que a razão de tanto prestígio é por ter bons cavaleiros e ótimos cavalos.

Tabajara na minha vida

Fotos Daniel Zimmermann

Dupla sintonizada

A paixão por cavalos vem desde quando a professora de equitação Débora Zimmermann era pequena. A também nutricionista conta que tem fotos em que está montada em um cavalo com apenas cinco anos. Em 1990, Débora principiou na equitação por hobby e, não muito tempo depois, estava competindo e colecionando troféus. Em 1992, tornou-se pro-

“O clube faz parte da minha vida desde bem pequena. Meu pai associou-se no início dos anos 1970. Fiz aulas de natação e tênis, usava a sauna e a piscina. Recentemente, retomei às aulas de tênis com o professor Beleza por dois anos e adorei. Participava da academia de ginástica com a professora Giovana. Hoje, com meu tempo muito dedicado aos cavalos, o que frequento mais é o ótimo restaurante e lembro com saudade dos bailes de debutante dos anos 1980”

28

Débora Zimmermann


Caninos a parte

Outro bicho que mexe com o coração da professora de equitação e nutricionista é o cachorro. E, pelo visto, o sentimento é recíproco. Ela recorda que, quando ainda criança, andava de bicicleta pelo bairro e os cachorros a seguiam. Como voluntária da Associação de Proteção aos Animais de Blumenau (Aprablu), a professora cuida de 23 cachorros de rua no CEU. Enquanto não arruma um lar definitivo para a cachorrada, ela trata, dá carinho, abrigo e comida para todos eles. Não importa o tamanho, a cor, a raça ou a falta dela. No CEU, a diversidade impera entre os caninos e Débora cuida, inclusive, de caninos portadores de necessidades especiais, como a cadela Brenda, ou como cão Minhoca, que se recupera de um atropelamento.

Esporte conhecido pela elegância, a equitação surgiu do costume de nobres europeus que, ao praticarem caça à raposa, precisavam saltar troncos, riachos, pequenos barrancos e outros obstáculos que encontravam pelas florestas. O desenvolvimento da atividade ocorreu no Século 20, com a criação das primeiras pistas com obstáculos exclusivamente para a prática de saltos. O esporte tem como linha básica a integração entre o conjunto cavaleiro e cavalo. Com o passar do tempo, o comportamento do cavaleiro foi mudando,

buscando facilitar o trabalho do animal. Inicialmente, o montador ficava com o corpo na vertical, forçando o equilíbrio nas rédeas e no estribo. Uma característica particular da equitação é que homens e mulheres podem competir juntos com as mesmas possibilidades de vitória, diferentemente de outros esportes, em que o desempenho masculino é superior devido à maior força física. Além do salto, os esportes equestres têm outras modalidades. Nos Jogos Olímpicos,

são disputados também o adestramento – em que o cavalo executa movimentos cadenciados em perfeita harmonia com o cavaleiro. Há também o concurso completo de equitação, disputado em três dias com provas de adestramento, corrida no campo com obstáculos naturais e artificiais, de resistência ao trote e salto; o enduro, entre outros. O Centro Equestre União, localizado no Bairro Ponta Aguda, em Blumenau, promoverá uma competição regional em outubro. Informações pelo telefone (47) 3340-8014.

29

Um pouco de equitação

Divulgação


TieBREAK

vida saudável

Época de livrar-se do excesso de peso Alimentação mais leve dos meses quentes facilita a perda de peso, mas é preciso assistência de especialista Daniel Zimmermann

Com a proximidade do Verão, a maioria das pessoas corre para as academias. Muitas buscam o corpo perfeito das capas de revistas. Em contrapartida, o excesso de peso transforma-se em problema cada vez mais comum. Nos Estados Unidos, cerca de 97 milhões de pessoas (35% da população daquele país) estão acima do peso. E, destas, 39 milhões (14% da população) pertencem à categoria dos obesos. No entanto, esse quadro não se restringe a países ricos. Com todas as carências, o Brasil vai pelo mesmo caminho: 40% da população (mais de 65 milhões de pessoas) estão com excesso de peso e, 10% dos adultos (cerca de 10 milhões) são obesos. A tendência é mais acentuada entre as mulheres (12% a 13%) do que entre os homens (7% a 8%).

30

O Tabajara em minha vida

De acordo com a nutróloga e homeopata Denise Mendonça Mattos Baspino Areas, o grande vilão do excesso de peso consiste em um modelo de comportamento que pode ser resumido em três palavras: sedentarismo, excessos alimentares e estresse. A pré-disposição genética completa o conjunto de fatores. “Estamos vivendo um modo de vida centrado na inatividade corporal frente às telas da TV e do computador. O consumo de alimentos industrializados, gordurosos e açucarados e um altíssimo grau de tensão psicológica estão cada vez maiores”, afirma.

“Vários aniversários, festas com amigos e meu casamento foram festejados no clube. Isto define o quanto o Tabajara tem sido especial na minha vida. A qualidade da academia, do restaurante, a piscina e a simpatia dos funcionários faz com que eu me sinta em casa” Denise Mattos

Para Denise, o ritmo acelerado do cotidiano faz com que as culinárias tradicionais sejam substituídas por comida rápida. “As consequências dessa alimentação são desastrosas. A obesidade associada à alta incidência de doenças crônicas, como, por exemplo, diabetes, hipertensão arterial e até mesmo câncer”, afirma. A médica diz que a Primavera e o Verão são as estações que mais contribuem para a mudança nesse comportamento. “A busca pela melhora da forma física e o apoio das alimentações mais leves (frutas, saladas e grelhados) destas estações auxiliam muito para a perda de peso e hábitos mais saudáveis”, afirma. Segundo Denise, as pessoas que querem deixar de fazer parte das estatísticas de sobrepeso devem ter acompanhamento médico para qualquer procedimento. “O especialista deve, primeiro, respeitar a individualidade de cada paciente. Ou seja, desmascarar o grande vilão do aumento de peso naquela pessoa. A partir disso, dar orientação clínica/nutricional com a redução alimentar e com o tratamento medicamentoso (alopáticos e fitoterápicos) nos casos necessários. Diminuindo a ingestão calórica e com estes auxílios, o paciente conseguirá atingir o peso ideal”, finaliza


TieBREAK

Perfil

Blumenauense volta com projeto inovador Após mais de 20 anos em São Paulo, veterinário Cláudio Domingues vai cuidar da saúdes de animais do Vale Daniel Zimmermann

O blumenauense Cláudio Eduardo Barbosa Domingues trocou a correria da cidade de São Paulo pela terra natal em prol de um projeto inovador. Trata-se do Hospital Veterinário Santa Catarina, inaugurado em 28 de setembro, um empreendimento de Cláudio e mais dois sócios. A mudança de ares trouxe qualidade de vida ao veterinário, que procurava distância da falta de segurança da capital paulista, lugar onde morou por 23 anos. Com ele, veio parte da família e a namorada Monica Burza, que também é sócia do hospital veterinário.

32

Mais bicho que gente

Por aqui, Cláudio pretende constituir família e realizar um sonho ao elevar o nível da medicina veterinária da região.

O pontapé inicial para o desenvolvimento do hospital veterinário foi o resultado da pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisas Sociais (IPS) da Furb. Dados apontaram que dos 2 mil entrevistados, 59% têm animal de estimação, sendo que 85,2% são cães e 22,4% gatos, números maiores que a média nacional. A pesquisa apontou ainda a necessidade de serviços veterinários diferenciados, já que mais da metade dos entrevistados leva o bicho de estimação ao médico quando se trata de uma emergência. Dessa forma, Domingues diz que pretende atender uma grande demanda de animais, porém, sem prejudicar as clínicas já existentes.


Divulgação

Com instalações modernas e uma proposta inovadora que oferece tratamentos preventivos e diagnósticos, o hospital funciona 24 horas, sempre com veterinário de plantão. Modernos recursos tecnológicos, clínica médica, cirurgia e internação de pequenos animais estão inclusos nos serviços do empreendimento, além de atendimento a animais silvestres. Exames como cardiologia, eletrocardiograma e diagnóstico por imagem são feitos no hospital veterinário, assim como fisioterapia e reabilitação de pequenos animais. O empreendimento também conta com laboratório de análises clínicas. Erros e acertos de cada lugar foram considerados na hora de conceber o projeto. Para Domingues, a empreitada tem o melhor de cada hospital veterinário que já trabalhou como especialista em cirurgia em pequenos animais. Daniel Zimmermann

Divulgação

Cão durante fisioterapia na esteira aquática

O Tabajara em minha vida

Diagnósticos e terapias

Os diretores veterinários do empreendimento Cláudio Eduardo Barbosa Domingues, Mônica Burza e Carlos Pantaléo Neto

“Adoro jogar tênis no Tabajara e gosto muito do restaurante. Sempre gostei de ir às festas de debutantes. Sinto falta da época em que participava de todas as edições.” Claudio Eduardo Barbosa Domingues


TieBREAK

festas

Jeito eclético Quem curte uma boa mixagem, independente do estilo de música, com certeza não fica sem prestigiar as festas Sócio DJ do Tabajara. A edição da sexta-feira, 10 de setembro, foi comandada pelos associados Alfredo Fantoni, André Lobe e Guilherme Boos, que proporcionaram uma noite de vários ritmos para a galera do clube.

01

03

02

04

34

01 - _Luciana Szpoganilz Wescherfelder e Kaká Lobe │ 02 - Betina Bechlel, Diva Buechler, Desirée John e Tamara Klenke │ 03 - Alfredo Fantoni │ 04 - Gisele Santiago, Sherlana Reis e Vanessa Girardi


TieBREAK

festas 05

06

05 - Jenifer Amaral e Junior Fantoni │ 06 - Maria Eduarda Cunha e Alberto S. Stein │ 07 - Jauro Soares, Walmore Siqueira, Mirella Siqueira e Mariza Soares │08 - Karin Hacklaenter e Claudia Trindade │ 09 - João Kasten Neto, Edemir Garcia, Marise Garcia

Fotos Edemir Garcia

07

08

36

09


TieBREAK

festas

10

Fotos Edemir Garcia

10 - Guilherme Boos, Manuela Fischer, Alfredo Fantoni e Luciana │ 11 - Roberto Holetz, Edson Moser e Jorge de Oliveira │ 12 - Sharlene Moser │ 13 - Sócios DJs que comandaram a festa: Guilherme, André e Alfredo

38

13

11

12


TieBREAK

Festas

Os Chefes no Die Kneipe 01

O Die Kneipe ficou agitado no dia 17 de setembro com o show de Os Chefes. A banda de rock’n’roll manezinha já é consagrada no Estado com mais de 10 anos de estrada. André, Fábio, Robson e Léo se apresentam com um estilo ousado, o que envolve o público e o faz interagir.

02

03

04

05

40

01 - Sócios e convidados dançaram ao som da banda Os Chefes │ 02 - Ana Karina Cunha, Rejane Lemke e Sharlene Moser │ 03 - Ana Paula Mortholst e Antonella Dalfovo │ 04 - Calinho Hering, Caroline, Barbara e Bruno Malburg │ 05 - Fernando e Angela Tiepo, com Valter Adão e Marcia Freitas │ 06 - Cesar Augusto Palhares e Viviane Minatti │ 07 - Graziela e Marco Werner, Helouse e Fabiano Odebrech, Rafael Romcaglio e Vivian │ 08 - Luiza Gonçalves, Andrigo Beber, Marcela Ferreira e Daivid │ 09 - Nivea Ferreira, Jussara Baumgarten e Nadia Ferreira


06 07

09

08


TieBREAK

Festas

10

10 - Gustavo Sponholz, Flavio Tiago, Daniel Ern, Jean Marck Cipriani e Edemir Garcia │ 11 - Eliana e José Hélio Abreu │ 12 - Aline Luneli e Jean Mark Cipriano │ 13 - Candi e Jeferson Tolardo │ 14 - Luiz, Vania, Maria Luiza e Carlos Augusto Schrader com Afonso Balsini Jr. e Rosana │ 15 - Marise Garcia, Mirelli Marquardt, Aline Luneli, Patrícia Teix e Cláudia Abreu Tiago Fotos Edemir Garcia

11

12

13

14

42

15


TieBREAK

Festas 16 17

18

16 - Fernando Maes e Ana Carolina Souza │ 17 - Marjorie Batschauer, Bruna Bertimes, Ana Flávia Soares e Alana Baumgarten │ 18 - Flavio Tiago e Caludia Abreu Tiago │ 19 - Nelson Santiago, Guilherme Simões de Barros e Fabio Cardoso │20 - Percy Borba, Thomas Bueckmann e Alberto Coelho │ 21 - Os Chefes │ 22 - Helena Cardoso e Sherlana Reis

20

21

44

22

Fotos Edemir Garcia

19


TieBREAK

Festas

23 24

23 - Marguit e Adilson Beer │ 24 - Mauro Dorigatti e Maria Cristina │ 25 - Mireli Marquardt e Daniel Ern │ 26 - Patrick e Ana Candenil, com Bernardo Knabben e Fernanda Marins │ 27 Percy Borba e Juliana │ 28 - Rafael Reichow e Luciana │ 29 - Raquel e Rafael Hering │ 30 - Rejane Huewes, Raquel Huewes Hering, Jucimara Garnteri e Mel │ 31 - Taiana e Junior Justino │ 32 - Die Kneipe ficou lotado │ 33 - Thomas Otte, Michaela Brandt, Daniel Knop, Adriana Knop, Stephan e Adriana Schneider

25

27

46

28

Fotos Edemir Garcia

26


29

31

30

33

32


Fotos Divulgação

TieBREAK

CASAMENTO

24 de julho Karin Elizabeth Schmidt e Samir Hacklaender, filhos de Maria Aparecida Mendonça Schmidt e Cláudio Antônio Schmidt (em memória) e de Doralice Hacklaender e Nicolau Hacklaender.

NASCIMENTO

25 de maio de 2010

48

Henrique da Silva Correia, filho de Julia Voltolini da Silva e Marlon Correia.


TieBREAK

esportes

Festival do Tiro Em 24 de setembro, o Tabajara Tênis Clube realizou o Festival do Tiro. O local foi o Clube Blumenauense de Caça e Tiro, onde está sediada a federação catarinense do esporte. Sócios do Tabajara deram um show de perícia e de paixão por este tradicional esporte. Confira a classificação em cada modalidade e as imagens que marcaram o evento.

Fotos Divulgação

Alvo pronto para começar a disputa entre os atiradores do Tabajara

50

A concentração de Alberto Stein

Atiradores se preparam para a competição

Natan Reichow é um jovem praticante do tiro


Fotos Divulgação

Eliana Abreu prepara a pontaria

Classificação | Pássaro Participantes: 57 Rainha: Taiana Justino | Tiro 25 metros (revólver) Participantes: 55 1º lugar masculino: Rafael Trindade – 50 pontos 2º lugar masculino: Carlos Valim – 49 pontos 3º lugar masculino: Carlos Péricas – 49 pontos 1º lugar feminino: Andréia Reichow – 33 pontos 2º lugar feminino: Mônica Burza – 29 pontos 3º lugar feminino: Cíntia Simões – 28 pontos | Tiro ao Rei / Rainha Participantes: 58 1º lugar masculino: Carlos Péricas 2º lugar masculino: Marlus Moraes 3º lugar masculino: Fernando Tiepo Filho 1º lugar feminino: Cíntia Simões 2º lugar feminino: Renate Buechler 3º lugar feminino: Ana Carolina Baier

| Ar-comprimido Participantes: 58 adultos / 17 crianças | Mirim 1º lugar: Daniel Bauer – 45 pontos 2º lugar: Luis Filipi Simões – 40 pontos 3º lugar: Natan Reichow – 39 pontos | Infantil 1º lugar: Leonardo Simões – 47 pontos 2º lugar: Vitor Tiepo – 46 pontos 3º lugar: Flávia Moser – 44 pontos | Adulto Feminino 1º lugar: Andréia Reichow – 48 pontos 2º lugar: Eliana Abreu – 47 pontos 3º lugar: Mirela Moser – 47 pontos | Adulto Masculino 1º lugar: Lucio Simões – 50 pontos 2º lugar: Carlos Pericas – 49 pontos 3º lugar: Cirineu Moraes – 48 pontos


TieBREAK

esportes

Aberto de Tênis terá reforço das quadras cobertas Fotos Divulgação

Em 2011, pelo terceiro ano consecutivo, o Tabajara Tênis Clube vai sediar o Aberto de Tênis de Santa Catarina, o principal evento desse esporte no estado e um dos mais importantes do País. A data ainda não foi definida pela Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), mas deve ser no mesmo período do torneio desse ano, realizado entre 9 e 17 de abril. A confirmação da data ocorrerá no início de janeiro. O Aberto de Tênis de Santa Catarina, que vai para a sexta edição, é um torneio da série Challenger da ATP, com premiação de US$ 70 mil. São 32 tenistas na chave principal e outros 32 disputam o qualifying, a chave de classificação. Enio Lopes Moreira, sócio da Protenis, empresa promotora do evento, disse que o clube continua como sede do Aberto de Santa Catarina devido ao sucesso alcançado nas duas edições anteriores (2009 e 2010). “O Tabajara tem todas as condições para realizar um torneio desse porte, além de tradição no tênis”. Moreira comemora o início das abras das duas quadras cobertas. “Ter quadras cobertas é um sonho para qualquer promotor, pois, se o tempo não colaborar, os jogos podem ser realizados nesses espaços sem prejudicar o calendário do torneio”.

52

A sexta edição do Aberto de Tênis de Santa Catarina deve reunir os principais tenistas do Brasil e nomes do exterior. As inscrições podem ser feitas até 21 dias antes do torneio, por isso, fica difícil prever quais tenistas estarão em Blumenau. Marcos Daniel, campeão de 2010, porém, é aguardado para defender o título nas quadras do Tabajara.

Marcos Daniel venceu o Aberto de Santa Catarina em abril desse ano

Franco Ferreiro e André Sá venceram o torneio de duplas


SUA NOVA OPORTUNIDADE DE ESTAR NO CENTRO DE TUDO. Sucesso de vendas na primeira fase, o Premier lança a Fase II com novos Studios integrados a uma área de lazer completa. Visite o plantão de vendas e conheça todos os diferenciais do Premier Fase II.

Registro de Incorporação No R - 11 - 8894 do 1º Ofício de Registro de Imóveis

Novos Studios Área de Lazer Completa Excelente Localização Valorização de mais de 30% desde o Lançamento da Fase I.

47

3331 0780 www.premierestilodeviver.com.br

CONHEÇA OS AMBIENTES TOTALMENTE PRONTOS E DECORADOS.

VISITE O STUDIO DECORADO. PLANTÃO DE VENDAS: Rua 7 de Setembro, 2014, Centro - Blumenau/SC


TieBREAK

esportes

Professor faz apresentação de Jiu-Jitsu

Tênis em duplas

Fotos Divulgação

Os interessados na prático do Jiu-Jitsu puderam acompanhar uma apresentação feita pelo professor Lucindo, em 5 de outubro. As aulas começaram dia 7. Há turmas nas terças e quintas-feiras, das 19h30min às 21h, na sala de ginástica. Interessados devem informar-se na secretaria esportiva.

Professor fez demonstração a interessados na prática do Jiu-Jitsu

Entre 7 e 21 de julho, foi realizado o 1º Campeonato de Tênis em duplas fixas em 2010. Veja a classificação:

Classificação | 1ª Classe Damas Campeãs: Cíntia Simões e Juliana Garbe Vice-campeãs: Mariza Spranger e Manuela Fischer | 1ª Classe A Campeões: Arno Buerger Neto e Marco Poffo Vice-campeões: Antônio Curbani e Célio Voelz Filho

Premiados da 1ª Classe A

Premiados da 1ª Classe B

Premiados da 1ª Classe C

Premiados da 2ª Classe

| 1ª Classe B Campeões: Osni Buss e Sergio Rodacki Vice-campeões: Cristiano Buerger e Cristiano Buerger Filho | 1ª Classe C Campeões: Alírio Cunha e Marcel Siebert Vice-campeões: Dario Agnoletto e Evelásio Paulo Vieira

54

| 2ª Classe Campeões: Richard Oliveira e Rodrigo Scoz Vice-campeões: Nelson Abujamra Jr. e Ademir Cristofolini


TieBREAK

esportes

Canastra em duplas Fotos Divulgação

Quarenta e oito adeptas da canastra se reuniram, em 28 de setembro, no Bar da Piscina, para o 8ª Festival Feminino de Canastra de 2010. A tarde transcorreu em ritmo de disputas sadias e muita descontração. Confira as vencedoras:

Classificação | 1º lugar: Carmen Germer/Maria Zange | 2º lugar: Deisy Rischbieter/Hariet Spranger | 3º lugar: Jussara Bruns/Jurandir Hoffmann

56

3º Festival individual

Rose Fiedler e Carolina Germer

As jogadoras premiadas no 8º Festival com as patrocinadoras

Dupla campeão com as patrocinadoras do 8º Festival

O 3º Festival Feminino de Canastra individual foi realizado em 14 de setembro. Destaque para a associada Rosangela Falce, que ficou com a primeira colacação.

Classificação | 1º lugar: Rosangela Falce | 2ºlugar: Maise Amaral | 3º lugar: Taiana Justino | 4º lugar: Silvia Alcadeo

Rejane Passetti, Silvia Alcadeo, Rosangela Falce, Taiana Justino e Maria Cristina Dorigatti


portas abertas

Vem chegando o Verão Com programação especial, em 30 de outubro será aberta a temporada 2010/2011 do Tabajara Tênis Clube

Festa de réveillon

O sábado, 30 de outubro, já está reservado na agenda dos associados do Tabajara. O clube escolheu a data para promover a abertura da temporada de Verão 2010/2011. Os preparativos já começaram e a festa promete muitas atividades. Já pela manhã, a partir das 11h, o encontro será na área da piscina. Os sócios serão recepcionados por grupos musicais. Para as crianças, haverá várias atividades infantis. Quem estiver presente vai poder saborear um Oyster Bar. O buffet de almoço será servido com diversas saladas, grelhados e pratos

quentes. No mesmo dia, serão realizados os exames médicos dos associados para utilização da piscina.

Após o sucesso da festa de réveillon do ano passado, quando voltou a fazer parte do calendário de eventos do Tabajara, o clube já prepara a festa da virada de 2010 para 2011. Os detalhes estão sendo acertados pela diretoria, que já convida os sócios a prestigiarem mais este grande evento do clube. Então, anote na agenda: em 31 de dezembro a festa é no Tabajara.

Você sabia que... - o Restaurante Doktor Blumenau tem este cardápio? Entradas - Carpaccio de Hadock (com molho de alcaparras com mostarda djone e limão siciliano) - Salada Verona (camarão empanado com coco e salada de alface americana com manga) - Tartar de Salmão (com brusquetas perfumadas com ervas) - Salada Cítrica (folhas verdes, molho de tangerina e amêndoas) - Bouquet de folhas com palmito grelhado e presunto Parma Pratos Quentes - Vitela com molho de shitake e perfume de alecrim (farofa de castanha e purê gratinado) - Pernil de cordeiro com molho de gengibre e hortelã (polenta recheada com espinafre e queijo, brócolis e cenoura) - Confit de pato com molho de laranja e alecrim (purê de damasco e batata baroa, maçã caramelizada) - Filé ao molho de café (mix de legumes e ervas de Provence) - Filé com molho roté e kraeuterkraese (arroz com damasco e amêndoas, aspargos frescos) - Bacalhau imperial (com azeite trufado e alho poro) - Hadock (champignons frescos, regados ao vinho, batatas com mascarpone) - Robalo em cama de espinafre com crosta de amêndoas - Camarão com creme de aipim, leite de coco e molho champagne - Camarão com toque de curry e linguini negro - Risoto de polvo com brócolis

57

Sobremesas - Pettit gateau de chocolate branco (com calda de morango e sorvete de coco) - Duo de chocolate com calda de tangerina - Cassatta siciliana com calda de chocolate - Crème Brûlée


TieBREAK

TABASCO CAO HERING

2160 Observando a movimentação antes dos desfiles da Oktoberfest deste ano, tentei fazer uma projeção de como seria a aparência das varadas alegóricas, mais especificamente do Tabajara, daqui a 150 anos. Eu e minhas divagações... É um exercício meio maluco, por certo, pois não pertenço ao universo de George Orwell com seu “1984”, nem ao “Admirável Mundo Novo” de Aldous Huxley, dois craques da intuição. De qualquer maneira, me permito um improviso. 1. O Tabajara ainda estará no mesmo lugar? Hmmm... Bem, considerando estarmos protegidos por morros, não haverá uma explosão imobiliária forçando o clube a sair do centro. Com o avanço da engenharia, nossas encostas abrigarão outras áreas de lazer. E um ponto para pouso de jatos com decolagem vertical será imprescindível, pois, pelo visto, as cerimônias de casamento dificilmente serão extintas... Ok, em 2160 o Taba estará no mesmo lugar. 2. O carro alegórico terá novo design? O propulsor – hoje o jipe – provavelmente será algo movido à energia solar ou elétrica. Mas a plataforma para os bebuns, com aquelas palmeirinhas e florzinhas, não creio que sofra mudanças. O contato com a natureza, mesmo estilizado, é atávico. Esse pessoal que desfila, nunca vi gostarem tanto de um matinho... Assim, nada de carros com cúpulas transparentes. Os ecochatos, no entanto, por lei, imporão plantas decorativas sintéticas e biodegradáveis. Grosso modo, o carro também não muda. 3. E a roupa de caçador? Vocês já notaram como nossos “alemães” ficam felizes dentro daquela roupa? Fetiche puro. Podem se passar mil anos que sempre haverá uma fila de pavões pra vestir aquilo. A roupa em 2160 será a mesma. 4. E a carrocinha do abastecimento alcoólico? Mexer nisso, como? Mudar a fórmula “veículo com cerveja seguindo de perto os festeiros pavões-bebuns”, nem pensar. Imutável. 5. A fórmula da cerveja será a mesma em 2160? Não merece resposta.

58

Pois é, pensando bem, se nos deslocássemos para o futuro sem

atentar para detalhes, notaríamos pouquíssimas diferenças. Parece que estou vendo, em 2160, as Ritas, os Betos, os Jinhos, os Ottos, os Theos, as Rosângelas, as Alicianas, as Lornas, as Renates, os Orlafs, as Rosis, os Zélios, as Elianas, os Mauros, as Cristinas... todos de caçador, ou Fritz e Frida, em tecido inteligente se preparando pra subir no carro em frente ao esqueleto do Edifício América. Antes de subir, alguns limpam os sapatos ainda enlameados na descida do morro do Frohsin, onde almoçaram. O comboio do desfile parte, desde 2122 é pela Beira-Rio. Na margem esquerda - intocada por força dos ecochatos - ainda se veem as ruínas das casas e do hotel dentro do rio, cobertas pela vegetação há mais de 100 anos. Santinhos dos tataranetos de Kleinubing, Bornhausen, Décio e Lula emporcalham os canteiros e há um protesto da Comissão da Bacia do Rio Itajaí-Açu contra a ponte no Badenfurt. De longe se ouve a “duzentospéia” do tataraneto do Nerino: “Ein prrosit, Pluuuumenáááuuu...”. Na multidão um cara fala baixinho: “Lá vêm aqueles frescos do Tabajara”.

“Santinhos dos tataranetos de Kleinubing, Bornhausen, Décio e Lula emporcalham os canteiros e há um protesto da Comissão da Bacia do Rio Itajaí-Açu contra a ponte no Badenfurt”


Produtos não comestíveis. Mais de 2.800 lojas esperando por você • 0800 41 3011 • Visite nossa loja virtual: www.boticario.com.br

Se a alegria deixa as pessoas mais bonitas, por que não lançar produtos de beleza divertidos?

Coleção Fun Tropical. Uma linha de produtos de beleza que é pura diversão. Um jeito gostoso de se cuidar.

Tie Break - Ed. 57  

Revista do Tabajara Tênis Clube, de Blumenau. Produzida pela Mundi Editora, Blumenau / SC.