Issuu on Google+

teoria da atividade aula 6


• • • • •

pesquisadores marcelo stein dacex

Lev Vygostky Alexei Leont'ev Alexander Luria Evald Il'enkow Yrjö Engeström


• • • • •

áreas onde está sendo aplicada marcelo stein dacex

Psicologia Educação Filosofia Computação Design


modelo de Vygotsky para mediação marcelo stein dacex


artefato mediador

sujeito

marcelo stein dacex

objetivo


sobrevivência individual indivíduo

(‘fazer sózinho’)

membros de uma espécie

vida social

ambiente natural

sobrevivência coletiva

(‘estar junto’)

(‘fazer junto’)

população

atividade animal marcelo stein dacex

outros membros da espécie


(elaboração de ferramentas emergente)

indivíduo

ambiente natural

membros de uma espécie

transição da atividade animal para atividade humana marcelo stein dacex

(tradições, rituais e regras coletivas emergentes)

(divisão do trabalho emergente)

população outros membros da espécie


artefatos

produção

sujeito

objetivo consumo

distribuição

atividade humana marcelo stein dacex

regras

comunidade

troca

papéis

resultado


atividade central culturalmente mais avançada

atividadeprodutora de artefatos atividadeprodutora de sujeitos

contradiçþes marcelo stein dacex

atividadeprodutora de regras

atividade central

atividadeobjetivo


nível

orientado para...

realizado por...

atividade

objetivo ou motivo

comunidade

ação

meta

indivíduo ou grupo

operação

condições

rotinas (humanas ou não)

estrutura marcelo stein dacex


• Merkle & Santos (2001), “Design em transformação”, em http://www.dainf.cefetpr.br/ merkle/papers/2001C BGDP.pdf • Santos & Merkle (2001), “Repensando o escopo da ativiade de design”, em http://www.ppgte.cefetpr.br/semanatecnologia/co municacoes/repensando_o_escopo.pdf • Santos & Merkle (2004), “Design em contradição”, em http://www.dainf.cefetpr.br/ merkle/papers/2004P eD.pdf bibliografia marcelo stein dacex


Teoria da Atividade