Page 1

UMA METテ:ORA EMPRESARIAL

Preparado por Milton R. Almeida Administrador de Empresas mra.almeida@yahoo.com.br


Dizem que os índios Dakota, dos Estados Unidos, têm um ditado, passado de geração em geração, que diz:

“Quando você descobrir que está montando um cavalo morto, desmonte”.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

2


Levando essa sabedoria para a área empresarial, vemos que o

é uma representação de algo que deixou de existir, de funcionar ou de produzir os resultados esperados, ... Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

3


como um produto obsoleto, um serviço ineficiente, um software inadequado, uma måquina defeituosa, um mercado em declínio ou mesmo pessoas que se tornaram desmotivadas, acomodadas ou desatualizadas.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

4


E rapidamente descobrimos que “desmontar de um cavalo morto” – abandonar velhas práticas ou recursos - numa empresa,

Mudanças, Inovações

RESISTÊNCIA

não é tarefa fácil!

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

5


Embora os dirigentes saibam que é necessário remover os “cavalos mortos”

que retardam ou impedem a evolução dos negócios, muitos preferem adotar estratégias para tentar fazer o cavalo morto cavalgar novamente, como estas: Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

6


1 . Comprar um chicote mais forte. 2. Substituir os cavaleiros por outros mais competentes e mais leves para melhorar o desempenho do cavalo morto. 3. Dizer coisas como: “esta é a forma como nós sempre montamos este cavalo”. Ou “esta é a forma como sempre fizemos as coisas nesta empresa”.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

7


4. Nomear um comitê ou Circulo de Qualidade para estudar o cavalo. Reclamar da qualidade dos cavalos de hoje. 5. Organizar visitas a outras empresas ou países para ver como eles cavalgam cavalos mortos. 6. Eliminar políticas e normas que digam que o cavalo está morto. Demitir quem disser que o cavalo está morto.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

8


7. Criar um programa de treinamento para aumentar a capacidade de cavalgar o cavalo morto. 8. Contratar uma agência de publicidade para relançar o cavalo morto. Fazer um website para o cavalo morto 9. Colocar vårios cavalos mortos juntos para aumentar a velocidade.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

9


10. Comprar produtos que façam o cavalo morto galopar mais rápido. 11. Reduzir os padrões de desempenho para que o cavalo morto seja considerado eficiente. 12. Promover o cavalo morto a uma posição de gerência.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

10


Com certeza todos nós conhecemos organizações que aplicam essas estratégias diante de situações críticas.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

11


Preparado por Milton Almeida mra.almeida@yahoo.com.br

12


Também é comum encontrar organizações comandadas por cavalos mortos.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

13


A dura lei dos negĂłcios diz que ĂŠ necessĂĄrio evoluir continuamente para sobreviver.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

14


O sucesso empresarial, para ser mantido, exige que sejam identificados e removidos, sem complacência e rapidamente, os obstáculos que retardam a evolução competitiva e financeira, sejam eles quais forem.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

15


Construir a empresa do futuro exige que se modifique a empresa de hoje.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

16


Para desmontar de um cavalo morto ĂŠ preciso, antes de mais nada,

ter a coragem de reconhecer que o cavalo morreu. Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

17


É preciso reconhecer quando um processo tornou-se ineficiente, quando um produto recentemente adquirido não atende nossas necessidades ou quando uma pessoa que muito estimamos causa problemas/riscos para os negócios. Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

18


Para dar continuidade à nossa jornada é preciso apear e

descartar o cavalo, os processos, os produtos ou as pessoas, por mais úteis e estimados que tenham sido.

É uma questão de evoluir ou fracassar. Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

19


O desenvolvimento empresarial exige inovação

contínua, novas políticas e o descarte de práticas profundamente arraigadas em sua cultura e sistemas de trabalho.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

20


Moral da história: Nenhuma organização atinge seus objetivos utilizando recursos inadequados.

Organizações competitivas são aquelas que não aceitam a negligência, a imprudência e a imperícia de seus dirigentes.

Preparado por Milton Almeida - mra.almeida@yahoo.com.br

21


Milton Roberto de Almeida Administrador de Empresas (FAPEI), especializado em Gestão da Administração Pública (UNISUL), História Militar (UNISUL), Planejamento Político-Estratégico (ESG/ADESG) e Gestão de Recursos de Defesa (ESG/FIESP). Atua, desde 1985, em treinamento e desenvolvimento profissional e gerencial junto a organizações multinacionais e nacionais de portes variados, nos setores INDUSTRIAIS (químico, farmacêutico, eletroeletrônico, metalúrgico), COMERCIAIS (foto, cine e vídeo) e SERVIÇOS (transporte rodoviário de cargas, refeição-convênio, consultoria e educação superior, associações e sindicatos industriais e comerciais). Consultor de Empresas nas áreas de Inteligência e Segurança de Negócios, Marketing, Vendas e Desenvolvimento Organizacional. Professor universitário nas áreas de Planejamento Estratégico, Jogos de Empresas e Técnicas de Vendas. Membro da ADESG – Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra, onde foi Diretor da Expressão Científica-Tecnológica do Poder Nacional e Pesquisador da Diretoria Estadual de Pesquisas e Estudos Estratégicos. Membro instituidor da FAEPE – Fundação de Altos Estudos de Política e Estratégia de Apoio à Escola Superior de Guerra. Oficial R/2 de Cavalaria do Exército Brasileiro. br.linkedin.com/in/miltonalmeida/ mra.almeida@yahoo.com.br 16/02/2013

Prof. Milton Roberto de Almeida - 2013

22

Cavalgando um Cavalo Morto (2013)  

Metáfora empresarial

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you