Page 1

Roteiros Mensais para Grupos AGOSTO 2018 INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA Ajudar a aprofundar e rezar com a INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO PAPA de cada mês, para mobilizar os grupos e a vida pessoal diante dos grandes desafios da humanidade que nos apresenta o Papa.


Erro! Indicador não definido.

O ESPÍRITO SANTO NOS CAPACITA E AJUDA A SERVIR

OBJETIVO DO ENCONTRO Aprofundar o conhecimento e vivência dos carismas para serviço no MEJ e na Igreja. (Abordamos o tema em três passos: ver, analisar, sugerir. Sempre procurando ajudar os nossos jovens)


PREPARAÇÃO E ACOLHIDA Preparação do local: O dirigente, após a preparação do local faz uma acolhida calorosa dos mejistas. Pode-se pregar-lhes um adesivo que diga: carisma, dom para servir ao bem comum. Durante o Encontro poderá propor músicas conforme o tema.

MOMENTO VER O Espírito Santo é "o Princípio de toda ação vital e verdadeiramente salutar em cada uma das diversas partes do Corpo". Ele opera de múltiplas maneiras a edificação do Corpo inteiro na caridade: pela Palavra de Deus, "que tem o poder de edificar" (At 20,32); pelo Batismo, por meio do qual forma o Corpo de Cristo; pelos sacramentos, que proporcionam crescimento e cura aos membros de Cristo; pela "graça concedida aos apóstolos, que ocupa o primeiro lugar entre seus dons"; pelas virtudes, que fazem agir segundo o bem; e, enfim, pelas múltiplas graças especiais (chamadas de "carismas"), por meio das quais "torna os fiéis aptos e prontos a tomarem sobre si os vários trabalhos e ofícios que contribuem para a renovação e maior incremento da Igreja" (CIC n 798). O MEJ nos convida para escutar e sintonizar com o Espírito do Senhor, na meditação diária do Evangelho (Manual do MEJ 4,E) O dirigente convida os presentes a partilhar suas observações e experiências do que vimos na Igreja e na comunidade no que toca às pessoas dotadas de carismas e ao uso que deles fazem (ou não) para o bem comum.

MOMENTO DE ANALISAR Os carismas devem ser acolhidos com reconhecimento por aquele que os recebe, mas também por todos os membros da Igreja, pois são uma maravilhosa riqueza de graça para a vitalidade apostólica e para a santidade de todo o Corpo de Cristo, contanto que se trate de dons que provenham verdadeiramente do Espírito Santo e que sejam exercidos de maneira plenamente conforme aos impulsos

1


autênticos deste mesmo Espírito, isto é, segundo a caridade, verdadeira medida dos carismas (CIC 800). Os carismas, portanto, são dons do Espírito Santo. São dons de poder para o serviço da comunidade cristã (1Cor 12,7). É a força do Espírito Santo que se soma à fraqueza e boa vontade de um cristão, que se dispõe a servir. Os carismas não são sinais de santidade daquele que o recebeu. Sendo capacitações sobrenaturais para o serviço apostólico, o Espírito pode dá-los e os dá, efetivamente, também a fiéis que, embora imperfeitos, carregando a cruz da fraqueza, da miséria humana, de defeitos e pecados, se dispõem a servir com boa vontade aos irmãos de fé, na comunidade. Quando o Espírito Santo concede algum carisma a um cristão, está, na verdade, lhe confiando a responsabilidade de servir ainda mais e melhor. A concessão de um carisma é um envio, uma missão dada. A comparação do corpo humano permite entender mais facilmente a referência de todos os dons (carismas) divinos ao mesmo fim: são dados em vista do bem comum (1Cor 12,7); eles concorrem juntos para a utilidade da Igreja, Corpo de Cristo, assim como todos os membros concorrem para o bem do corpo humano, cada um conforme sua função (1Cor 12,12-27). A distribuição dos dons (carismas) é ao mesmo tempo obra do Espírito (1Cor 12,11) e de Cristo que dá como bem entende a graça divina (Ef.4,7-10). Mas no uso destes dons deve cada um pensar antes de tudo no bem comum. TEXTOS (que iluminam o tema e ajudam na análise tendo presente o objetivo): I Cor 12, 1-13: A respeito dos dons espirituais, irmãos, não quero que vivais na ignorância... 1Pe 4,10-11 Manual do MEJ, cap. 4,E,C. O dirigente, baseado nestes ou outros textos e em diálogo com os presentes, faz breve análise valorativa do tema e das tendências dos jovens a respeito.

2


AGIR O dirigente agora procura levar o jovem a refletir e descobrir com a luz do Espírito Santo que carisma possui para que possa cultiválo em sua vida e ajudar na Igreja e no MEJ. Levá-lo a aprender a reconhecer o Espírito de Deus que atua em nossa história (Manual do MEJ 4,C, desenvolvimento...3) COMPROMISSO DA SEMANA: O dirigente convida os presentes a intensificar as orações para descobrir em si e fazer florescer os carismas do Espírito Santo para servir ao MEJ e ao bem comum.

ORAÇÃO FINAL A critério do dirigente.

Bibliografia do Texto: Para distinguir carisma de dons e frutos do Espírito Santo: Catecismo da Igreja Católica, (CIC), Carisma: n 799-801; dons e frutos: CIC n 1830-1832 Youcat 119-120 http://ocaminho.org.br/carismas-dons-do-espirito-santo.html http://centrochiaralubich.org/pt/documentos/textos/146-scrittopt/1836-o-espirito-santo-e-os-carismas.html Manual do MEJ cap. 4, E, C.

3

roteiro_numero_06_padre_javier_agosto_2018  
roteiro_numero_06_padre_javier_agosto_2018  
Advertisement